ISOLAMENTOS TÉRMICOS / ACÚSTICOS

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ISOLAMENTOS TÉRMICOS / ACÚSTICOS"

Transcrição

1 ISOLAMENTOS TÉRMICOS / ACÚSTICOS Lã DE ROCHA A Lã de Rocha é um produto de excelência para o isolamento ao nível térmico e acústico. O silêncio é um bem precioso que convém manter no interior das nossas habitações. Conscientes desta realidade, os governos europeus legislaram sobre o conforto acústico e a lã de rocha apresenta-se como um material com uma elevada eficácia perante os desafios mais exigentes no que diz respeito à absorção acústica, cumprindo simultaneamente as exigências térmicas mais rigorosas. CARACTERÍSTICAS PRINCIPAIS VANTAGENS - Excelente desempenho acústico; - É incombustível e tem estabilidade mecânica até à temperatura de 800ºC; - Não liberta gases tóxicos e não provoca alergias; - Excelente comportamento térmico; - Temperaturas de serviço de -00ºC a +800ºC. - Não retém água devido à sua estrutura não capilar; - Não altera com o passar dos anos; - Permite a passagem do ar; - Recupera sempre a espessura original após retirada a força deformadora; - Protege o ambiente, não tendo substâncias agressivas ou contaminates; - Produto inofensivo para a saúde. UTILIZAÇÃO / - Paredes interiores, fachadas, pavimentos, coberturas inclinadas; - Protecção anti-incêndios (isolamento de condutas de ar condicionado); - Barreiras corta - fogo; - Construção de arcas frigoríficas; - Correcções acústicas, estúdios de gravação, salas de espetáculo, auditórios, etc.; - Indústria automóvel. MODO DE Isolamento de Caixa-de-Ar Construção do pano interior de alvenaria; Fixação da barreira pára-vapor; Fixação das placas de lã de rocha através de buchas plásticas; Execução de meia cana na base do pano interior para recolha de águas provenientes da humidade; Construção do pano exterior de alvenaria, com aberturas para ventilação no topo e base e um dreno da meia cana; Finalização com um revestimento final da fachada. Isolamento de Cobertura Construção da estrutura resistente; Aplicação de uma película de polietileno páravapor (facultativo); Aplicação de lã de rocha; Colocação da subtelha de protecção FIBROTE- LHA; Colocação do ripado em PVC, deixando um espaço de ar ventilado; Colocação da telha cerâmica

2 ISOLAMENTOS TÉRMICOS / ACÚSTICOS Lã de rocha MODO DE Isolamento de Laje de Esteira (sótão não aproveitado) Aplicação de uma manta de polietileno páravapor (facultativo); Colocação da lã de rocha sobre a laje de esteira. Isolamento de Piso com Pavimento Flutuante Construção da estrutura contínua ou suporte; Colocação das placas de lã de rocha; Aplicação da manta resiliente em polietileno FIBROESPUMA até ao rodapé; Aplicação de betonilha armada com cm; Isolamento de Paredes Divisórias Interiores Fixação da estrutura metálica da parede divisória; Colocação de placas de gesso cartonado; Aplicação de lã de rocha em painel; Colocação da segunda placa de gesso cartonado; Isolamento de Fachadas pelo Exterior Limpeza e nivelamento da fachada existente; Aplicar perfis de arranque; Aplicação da camada de cola; Fixação mecânica dos painéis de lã de rocha ao suporte com buchas plásticas; Aplicação da camada de cola; Colocação de uma armadura de fibra de vidro (cola ainda fresca); Aplicar os perfis de cantoneira e pingadeira; Aplicação da segunda camada de cola (envolver totalmente a rede);

3 MANTA INFORMAÇÃO DO PRODUTO aplicado na horizontal em lajes de esteira, tectos falsos, coberturas inclinadas, coberturas de naves industriais... e protecção ao fogo em aplicações de superfícies curvas, em isol. industriais, navais, caldeiras... pelo exterior de conduta de ar condicionado. Na posição vertical como isol. térmico (contínuo) e acústico em fachadas de naves industriais. Em posição vertical como isol. térmico (contínuo) e acústico em fachadas ventiladas. (m.k/w) Manta de lã de rocha não revestida de a 8 0 a 00 MN a.70 de 7 a 8 0 a 0 MN a..0 de a 8 0 a 0 MN a.70 de a 8 0 a 0 MN a.7 Manta de lã de rocha revestida com alumínio de a 8 0 a 00 MA a.70 de 7 a 8 0 a 0 MA a..0 de a 8 0 a 0 MA a.70 de a 8 0 a 0 MA a.7 Manta de lã de rocha revestida c/ papel Kraft de a 8 0 a00 MK a.70 de 7 a 8 0 a 0 MK a..0 F de a 8 0 a 0 MK a.70 de a 8 0 a 0 MK a.7 Manta de lã de rocha armada c/suporte de rede metálica galvanizada de. a 0 a 00 R 70 de. a.00 0 a 00 R 00 de. a 8 0 a 80 R Manta de lã de rocha revestida c/ alumínio reforçado de 8 a a 0 AC 0/ a. Manta de lã de rocha revestida c/ véu reforçado em Fibra Natural de. a a 00 VF a.70 manta de lã de rocha c/ véu tecido em fibra natural de. a a 00 Venticlad a.70 Sob Consulta

4 INFORMAÇÃO DO PRODUTO Aplicações diversas. ISOLAMENTOS TÉRMICOS / ACÚSTICOS Lã de rocha placa Placa semi-regida de lã de rocha sem revestimento (m.k/w) a 7 ISOLE a.0 para soluções de elevada exigência. para ruídos de impacto em pisos e pavimentos. para complementar com gesso cartonado. e protecção do fogo. para exterior de fachadas (ETICS). Placa de lã de rocha sem revestimento 0 a 0 PN a.0 PN a.. 0 a PN a.70 PN a.90 0 a 00.0 PN a.90 Placa rígida de lã de rocha sem revestimento 0.0 LF a a.0.00 LF 0 Placa rígida de lã de rocha sem revestimento GC a a 0 GC a.0 Placa rígida de lã de rocha REVESTIDA COM ALUMÍNIO a 0 CHAMINÉ re coat (sistema etics) /0 Kg /m a 00 Re - Coat a.0 Sob Consulta LEGENDAS Habitação Indústria Hipermercados

5 placa INFORMAÇÃO DO PRODUTO e protecção do fogo. para construção civil e indústria. para elevado grau de ruído. para tectos falsos perfurados..00 Placa de lã de rocha de elevada densidade sem revestimento PI 0 PI a 00 PI 70 PI 00 PI ou.0 0 a 00 PI a 00 PI 80 Placa de lã de rocha com revestimento em papel Kraft (m.k/w) a 0 PK F.0 a Placa de lã de rocha com véu em fibra natural cor negra 0 a 0 T 0 VF a. 0 a 0 T VF a.70 0 a 00 T 70 VF a.90 placa de lã de rocha com VÉU tecido de fibra natural 0 a 0 WIND ACOUSTIC a. 0 a 00 WIND ACOUSTIC a.90 em painéis concebidos para funcionarem como suporte de impermeab. de coberturas com inclinações muito reduzidas tipo Deck ou Laje de betão. para coberturas. para coberturas invertidas. para aplicação vertical. Placa de lã de rocha de dupla densidade 00/0 Kg/m a 00 COBERLAN D a.0 Placa com elevada densidade sem revestimento a 00 COBERLAN N 0.0 a a 00 COBERLAN N7 0.7 a.0 Placa com elevada densidade revestida com betume oxidado a 00 COBERLAN B a.0 F 0 a 00 COBERLAN B a.0 Placa de Lã de rocha com revestimento em alumínio a 0 PA a. para locais de difícil acesso. para locais de difícil acesso. Lã de rocha em flocos para diversas aplicações G (FLOCOS) Lã de rocha em CAMADAS para diversas aplicações G0 (CAMADAS) Sob Consulta LEGENDAS Habitação Indústria Hipermercados

LÃ DE ROCHA. Produtos para a Construção Civil

LÃ DE ROCHA. Produtos para a Construção Civil LÃ DE ROCHA Produtos para a Construção Civil Mantas MN 230- MK 230 - MA 230 (25/30 Kg/m3) Espessura Paletes MN 230 (Não Revestido) MK 230 (c/papel Kraft) MA 230 (c/aluminio) 8 000 x 1 200 60 6 000 x 1

Leia mais

TABELA DE PREÇOS DE VENDA. Produtos para a Construção Civil

TABELA DE PREÇOS DE VENDA. Produtos para a Construção Civil TABELA DE PREÇOS DE VENDA Produtos para a Construção Civil Mantas MN 230- MK 230 - MA 230 (25/30 Kg/m3) Paletes MN 230 (Não Revestido) MK 230 (c/papel Kraft) MA 230 (c/aluminio) 8 000 x 1 200 60 18 2,65

Leia mais

Palete. Rolos/ Palete. / m não revestido. Rolos/ Palete. c/ véu reforçado em fibra natural 6, Palete. Nº/ Painéis

Palete. Rolos/ Palete. / m não revestido. Rolos/ Palete. c/ véu reforçado em fibra natural 6, Palete. Nº/ Painéis Lãs de rocha TEMOLAN para a Construção Civil olos/ 000 x 0 1 0 00 x 0 1 0 0 x 0 1 MK MA MN,,,,, c/ alumínio c/ papel kraft Mantas Kg/ m,,1,, : olos em plástico retráctil sobre paletes. Manta VF e Manta

Leia mais

TABELA DE PREÇOS DE VENDA. Produtos para a Construção Civil

TABELA DE PREÇOS DE VENDA. Produtos para a Construção Civil TABELA DE PREÇOS DE VENDA Produtos para a Construção Civil Mantas MN 230- MK 230 - MA 230 (25/30 Kg/m3) Espessura Paletes MN 230 (Não Revestido) MK 230 (c/papel Kraft) MA 230 (c/aluminio) 8 000 x 1 200

Leia mais

Lã de Rocha. Produtos para a Construção Civil

Lã de Rocha. Produtos para a Construção Civil Produtos para a Construção Civil Mantas MN 2- MK 2 - MA 2 (25/ Kg/m3) Paletes MN 2 (Não Revestido) MK 2 (c/papel Kraft) MA 2 (c/aluminio) 8 000 x 1 200 60 6 000 x 1 200 80 4 500 x 1 200 100 Manta VF C/

Leia mais

isolamento térmico Lãs de rocha -TERMOLAN Produtos para a Construção Civil Mantas 30 Kg/ m3 Manta VF e Manta Venticlad Painéis ISOLE + Produtos

isolamento térmico Lãs de rocha -TERMOLAN Produtos para a Construção Civil Mantas 30 Kg/ m3 Manta VF e Manta Venticlad Painéis ISOLE + Produtos Lãs de rocha TEMOLAN para a Construção Civil Mantas Kg/ m olos/ 000 x 0 1 0 00 x 0 1 0 0 x 0 1 MK MA,,,,, c/ alumínio MN c/ papel kraft,,1,, : olos em plástico retráctil sobre paletes. Manta VF e Manta

Leia mais

reablitz reabilitação eficiente e sustentável

reablitz reabilitação eficiente e sustentável MEMBRANAS BETUMINOSAS EMULSÕES BETUMINOSAS Sede e Fábrica Zona Industrial - Pau Queimado 80-00 Montijo - Portugal Tel.: 00 - Fax: 0 Delegação Comercial do Norte Vilar do Senhor Vila Nova da Telha 0-8 Maia

Leia mais

PATOLOGIA DA CONSTRUÇÃO ESTUDO DE CASOS

PATOLOGIA DA CONSTRUÇÃO ESTUDO DE CASOS PATOLOGIA DA CONSTRUÇÃO ESTUDO DE CASOS Vasco Peixoto de Freitas Vasco Peixoto de Freitas FC_FEUP Novembro de 2007-1 www.patorreb.com Estrutura do Site Vasco Peixoto de Freitas FC_FEUP Novembro de 2007-2

Leia mais

Catálogo Geral

Catálogo Geral Catálogo Geral www.cfdoors.pt Painel de Frio Painel de Cobertura Painel Fachada Painel Fachada em Lã Rocha Painel Acústico Painel Cobertura Telha 2 Simbologia Simbologia dos revestimentos CF Doors identificando

Leia mais

(72) Inventor(es): (74) Mandatário: (54) Epígrafe: SISTEMA DE CONSTRUÇÃO LEVE EM AÇO ENFORMADO A FRIO

(72) Inventor(es): (74) Mandatário: (54) Epígrafe: SISTEMA DE CONSTRUÇÃO LEVE EM AÇO ENFORMADO A FRIO (11) Número de Publicação: PT 10542 T (51) Classificação Internacional: E04C 2/08 (2006.01) E04B 1/80 (2006.01) E04B 1/86 (2006.01) (12) FASCÍCULO DE MODELO DE UTILIDADE (22) Data de pedido: 2010.03.06

Leia mais

Baixa densidade Produto económico

Baixa densidade Produto económico R PN 0 PK 0 PA 0 EFINIÇÃO: Paineis semi-rígidos (0 kg/m ) de espessura uniforme, constituídos de fibras de lã de rocha aglutinadas com resina sintética termo-endurecida, - PN 0 sem revestimento. - PK 0

Leia mais

1.- SISTEMA ENVOLVENTE...

1.- SISTEMA ENVOLVENTE... ÍNDICE.- SISTEMA ENVOLVENTE.....- Pavimentos em contacto com o terreno......- Lajes térreas.....- Fachadas......- Parte opaca das fachadas......- Aberturas em fachada.....- Paredes meeiras... 5..- Coberturas...

Leia mais

1.1 Montagem de estaleiro, compreendendo instalações e equipamentos necessários á execução da obra.

1.1 Montagem de estaleiro, compreendendo instalações e equipamentos necessários á execução da obra. ORÇAMENTO OBRA: CONSTRUÇÃO HABITAÇÃO UNIFAMILIAR Dono de obra: Local da obra: 1 Estaleiro 1.1 Montagem de estaleiro, compreendendo instalações e equipamentos necessários á execução da obra. 2 Movimentos

Leia mais

Soluções de isolamento acústico: - Obra nova - Reabilitação - Estabelecimentos

Soluções de isolamento acústico: - Obra nova - Reabilitação - Estabelecimentos Soluções de isolamento acústico: - Obra nova - Reabilitação - Estabelecimentos Impermeabilização Isolamento Drenagens - Geotêxteis Clarabóias Índice OBRA NOVA... N. Pavimentos...... N.. Abaixo da betonilha

Leia mais

Un.1 - Vila das Aves Un.2 - Santo Tirso Un.3 - Vilar Formoso

Un.1 - Vila das Aves Un.2 - Santo Tirso Un.3 - Vilar Formoso Un.1 - Vila das Aves Un.2 - Santo Tirso Un.3 - Vilar Formoso A Termolan é uma empresa Portuguesa fundada em 1975 que tem por missão fabricar lã de rocha para isolamento térmico, acústico e de protecção

Leia mais

ETICS GF ETICS BT FABRIC. poliestireno extrudido. Aplicações recomendadas de placas de isolamento FIBRANxps MAESTRO INCLINE L 300 C I

ETICS GF ETICS BT FABRIC. poliestireno extrudido. Aplicações recomendadas de placas de isolamento FIBRANxps MAESTRO INCLINE L 300 C I poliestireno extrudido Aplicações recomendadas de placas de - L C - I 0 - L 00 - L 00 - L MAESTRO ETICS GF ETICS BT SB FABRIC INCLINE COBERTURAS Coberturas planas invertidas Coberturas planas invertidas

Leia mais

O que é o ICF? Vantagens

O que é o ICF? Vantagens O que é o ICF? É um sistema de construção constituído por blocos isolantes em EPS, poliestireno expandido (conhecido em Portugal como esferovite), que após montagem, são preenchidos com betão armado, formando

Leia mais

1.- SISTEMA ENVOLVENTE...

1.- SISTEMA ENVOLVENTE... ÍNDICE.- SISTEMA ENVOLVENTE.....- Envolvente exterior......- Fachadas.....- Muros abaixo da rasante.....- Pavimentos......- Lajes térreas.....- Coberturas......- Coberturas planas....5.- Aberturas verticais....-

Leia mais

FLEX HILLS LISTA DE ACABAMENTOS E EQUIPAMENTO

FLEX HILLS LISTA DE ACABAMENTOS E EQUIPAMENTO FLEX HILLS Banda G - Rua de Breias Gualtar Braga LISTA DE ACABAMENTOS E EQUIPAMENTO Índice 1. Sistema Estrutural 2. Acabamentos exteriores 3. Acabamentos interiores Cozinha Sala Quartos Quartos de banho

Leia mais

PLACAS DE GESSO E MASSAS PERFIS E ACESSÓRIOS

PLACAS DE GESSO E MASSAS PERFIS E ACESSÓRIOS PLACAS DE GESSO E MASSAS PERFIS E ACESSÓRIOS PLACAS PLACAS A STANDARD PLACAS H HIDRÓFUGA PLACAS F ANTI-FOGO PLACAS D ALTA-DUREZA PLACAS PROTECT PLACAS COMPOSTAS Isolamento EPS Isolamento XPS Isolamento

Leia mais

Evento PROMOÇÃO DA EFICIÊNCIA ENERGÉTICA DE EDIFÍCIOS, SUSTENTABILIDADE E CONFORTO INTERIOR OPTIMIZAÇÃO DE SOLUÇÕES CONSTRUTIVAS AVALIAÇÕES ACÚSTICAS

Evento PROMOÇÃO DA EFICIÊNCIA ENERGÉTICA DE EDIFÍCIOS, SUSTENTABILIDADE E CONFORTO INTERIOR OPTIMIZAÇÃO DE SOLUÇÕES CONSTRUTIVAS AVALIAÇÕES ACÚSTICAS Evento PROMOÇÃO DA EFICIÊNCIA ENERGÉTICA DE EDIFÍCIOS, SUSTENTABILIDADE E CONFORTO INTERIOR OPTIMIZAÇÃO DE SOLUÇÕES CONSTRUTIVAS Técnicas de Inspecção e Avaliação do Desempenho de Edifícios Paulo Amado

Leia mais

Tecnologia de construção para uma habitação unifamiliar

Tecnologia de construção para uma habitação unifamiliar Tecnologia de construção para uma habitação unifamiliar Módulo Processos de construção LABORATÓRIO DE CONSTRUÇÃO A68262 Sara Cardoso A68222 Ana Catarina Silva Guimarães, 07 de fevereiro de 2014 Índice

Leia mais

ÍNDICE 1. EMPRESA BREVES NOÇÕES PRINCIPAIS VANTAGENS ÂMBITO DE APLICAÇÃO INSTRUÇÕES SIMPLIFICADAS DE APLICAÇÃO...

ÍNDICE 1. EMPRESA BREVES NOÇÕES PRINCIPAIS VANTAGENS ÂMBITO DE APLICAÇÃO INSTRUÇÕES SIMPLIFICADAS DE APLICAÇÃO... DOSSIER INFORMATIVO ÍNDICE 1. EMPRESA... 3 2. BREVES NOÇÕES... 4 3. PRINCIPAIS VANTAGENS... 5 4. ÂMBITO DE APLICAÇÃO... 7 5. INSTRUÇÕES SIMPLIFICADAS DE APLICAÇÃO... 8 2 1. EMPRESA A FLEX2000 é uma empresa

Leia mais

Sistemas de Paredes. Parede Segurança

Sistemas de Paredes. Parede Segurança Parede Segurança CATÁLOGO TÉCNICO 2014 Parede composta por duas linhas de perfis guias e montantes em aço galvanizado intercaladas por tela metálica, com duas camadas de chapa de gesso sobrepostas em cada

Leia mais

SISTEMA DE ISOLAMENTO TÉRMICO PELO EXTERIOR

SISTEMA DE ISOLAMENTO TÉRMICO PELO EXTERIOR SISTEMA DE ISOLAMENTO TÉRMICO PELO EXTERIOR Características Sistema de isolamento térmico pelo exterior é um sistema de isolamento de paredes pelo exterior de edifícios existentes e construção nova, composto

Leia mais

GUIÃO TÉCNICO CORRECÇÃO DE PONTES TÉRMICAS PAREDES SIMPLES. FICHA TÉCNICA DOW Nº 14 Nº de pág.: 5 16 de Setembro de

GUIÃO TÉCNICO CORRECÇÃO DE PONTES TÉRMICAS PAREDES SIMPLES. FICHA TÉCNICA DOW Nº 14 Nº de pág.: 5 16 de Setembro de GUIÃO TÉCNICO CORRECÇÃO DE PONTES TÉRMICAS PAREDES SIMPLES FICHA TÉCNICA DOW Nº 14 Nº de pág.: 5 16 de Setembro de 2005 www.construlink.com CORRECÇÃO DE PONTES TÉRMICAS - PAREDES SIMPLES A necessidade

Leia mais

LINHA OPTIMA 4+ Tratamento térmico e acústico de ambientes

LINHA OPTIMA 4+ Tratamento térmico e acústico de ambientes LINHA OPTIMA 4 Tratamento térmico e acústico de ambientes LINHA OPTIMA A LINHA OPTIMA 4 é composta por painéis e feltros em uma nova geração de lã de vidro. Sua cor remete ao tom natural da terra e reforça

Leia mais

A Planivis incorpora nas suas construções modulares materiais sustentáveis, nomeadamente*:

A Planivis incorpora nas suas construções modulares materiais sustentáveis, nomeadamente*: Princípio construtivo: O conceito de construção modular, assenta na execução de módulos com uma estrutura metálica mista, 100% reciclável, de aço laminado a quente (aço pesado ) e aço leve galvanizado.

Leia mais

Mapesilent System. Sistema para o isolamento acústico contra o ruído de passos

Mapesilent System. Sistema para o isolamento acústico contra o ruído de passos Mapesilent System Sistema para o isolamento acústico contra o ruído de passos O sistema Mapesilent Ao longo dos últimos anos, o conhecimento do conceito de conforto habitacional, combinado com a utilização

Leia mais

DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA CIVIL ÁREA DE CONSTRUÇÃO

DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA CIVIL ÁREA DE CONSTRUÇÃO DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA CIVIL ÁREA DE CONSTRUÇÃO 1. Para determinar a porosidade aberta de uma pedra calcária, utilizou-se um provete com as dimensões de 7.1 7.1 7.1 cm 3. Determinou-se a massa no estado

Leia mais

FICHA TÉCNICA. Meias canas para isolamento de tubagens, com diâmetros variáveis.

FICHA TÉCNICA. Meias canas para isolamento de tubagens, com diâmetros variáveis. FICHA TÉCNICA 1. APRESENTAÇÃO DO PRODUTO Aglomex Acoustic é um produto resultante da aglomeração de espuma flexível de poliuretano de diferentes densidades, que evidencia uma composição homogénea e estável.

Leia mais

LINHA INDUSTRIAL Economia de energia e alta performance

LINHA INDUSTRIAL Economia de energia e alta performance LINHA INDUSTRIAL Economia de energia e alta performance INTRODUÇÃO A Isover foi fundada no Brasil em 1951, mas desde 1937 produz na Europa sistemas para isolação térmica e acústica, bem como para proteção

Leia mais

Desempenho Térmico de edificações

Desempenho Térmico de edificações Desempenho Térmico de edificações PROFESSOR Roberto Lamberts ALEJANDRO NARANJO Unidade deportiva Atanasio Girardot - Medellín ECV 5161 UFSC FLORIANÓPOLIS estrutura introdução isolantes cálculos exemplos

Leia mais

FICHAS DE PATOLOGIAS DOS SISTEMAS ETICS

FICHAS DE PATOLOGIAS DOS SISTEMAS ETICS FICHAS DE PATOLOGIAS DOS SISTEMAS ETICS Vasco Peixoto de Freitas Andreia Mota Miranda Laboratório de Física das Construções FACULDADE DE ENGENHARIA UNIVERSIDADE DO PORTO Vasco Peixoto de Freitas e Andreia

Leia mais

K-FLEX K-FLEX K-FONIK SYSTEM 58 UMA NOVA GERAÇÃO DE MATERIAIS DE ISOLAMENTO

K-FLEX K-FLEX K-FONIK SYSTEM 58 UMA NOVA GERAÇÃO DE MATERIAIS DE ISOLAMENTO 58 UMA NOVA GERAÇÃO DE MATERIAIS DE ISOLAMENTO K-FONIK SYSTEM Aplicações: - Canalizações e sistemas de drenagem - Tubulação industrial, maquinaria civil e industrial - Isolamento acústico para paredes

Leia mais

LISTAGEM DE ACABAMENTOS 1

LISTAGEM DE ACABAMENTOS 1 LISTAGEM DE ACABAMENTOS 1 APARTAMENTOS GERAIS SALAS, QUARTOS E CIRC. Paredes estucadas e pintadas a branco Pavimento em Soalho de madeira de Afizélia com base acústica em lâmina de cortiça Rodapés em MDF

Leia mais

FICHA TÉCNICA. Isolamento Térmico de fachadas pelo exterior. nº 17. Nº Pág.s: Fevereiro 2007

FICHA TÉCNICA. Isolamento Térmico de fachadas pelo exterior. nº 17. Nº Pág.s: Fevereiro 2007 nº 17 FICHA TÉCNICA Isolamento Térmico de fachadas pelo exterior Nº Pág.s: 07 17 12 Fevereiro 2007 Isolamento Térmico de fachadas pelo exterior 01 Para responder às crescentes exigências de conforto higrotérmico,

Leia mais

CONSTRUÇÃO COM PAINÉIS DE MADEIRA CLT UMA NOVA GERAÇÃO DE EDIFÍCIOS

CONSTRUÇÃO COM PAINÉIS DE MADEIRA CLT UMA NOVA GERAÇÃO DE EDIFÍCIOS CONSTRUÇÃO COM PAINÉIS DE MADEIRA CLT UMA NOVA GERAÇÃO DE EDIFÍCIOS LISBOA, JULHO 2016 SISTEMA CONSTRUTIVO CLT - CONCEITO CARACTERÍSTICAS GERAIS ESTRATOS ORTOGONAIS ESPÉCIES RESINOSAS COLA EM POLIURETANO

Leia mais

A CLASSIFICAÇÃO EUROPEIA DE REACÇÃO AO FOGO DOS PRODUTOS DE CONSTRUÇÃO

A CLASSIFICAÇÃO EUROPEIA DE REACÇÃO AO FOGO DOS PRODUTOS DE CONSTRUÇÃO A CLASSIFICAÇÃO EUROPEIA DE REACÇÃO AO FOGO DOS PRODUTOS DE CONSTRUÇÃO QUADROS ADICIONAIS da Edição revista e actualizada (Janeiro de 2011) Lisboa 2011 Carlos A. Pina dos Santos Engenheiro Civil, Investigador

Leia mais

Argamassas Térmicas, uma solução

Argamassas Térmicas, uma solução Argamassas Térmicas, uma solução na melhoria do Desempenho Térmico dos Edifícios André Correia Associação Portuguesa de Fabricantes de Argamassas e ETICS Fachadas Energeticamente Eficientes TEKtónica,

Leia mais

PLACA DE GESSO + ICB SOLUÇÃO GYPCORK ICB ICB , /2500 9,2 550/210 0,55 52, / ,3 550/210 1,05

PLACA DE GESSO + ICB SOLUÇÃO GYPCORK ICB ICB , /2500 9,2 550/210 0,55 52, / ,3 550/210 1,05 Solução Sustentável CONSTRUÇÃO SUSTENTÁVEL Placa Gypcork A placa GYPCORK reúne dois produtos portugueses de excelência: as placas de gesso Gyptec produzidas na Figueira da Foz, utilizando matérias primas

Leia mais

Parafuso autoperfurante TA 3,5x25mm. Massa para tratamento de juntas com fita de papel microperfurado. Fita de isolamento Montante

Parafuso autoperfurante TA 3,5x25mm. Massa para tratamento de juntas com fita de papel microperfurado. Fita de isolamento Montante Parede Knauf W111 - Detalhes Técnicos Corte Vertical Detalhe - Junta de chapas estrutura simples TA 3,5x25mm TA 3,5x25mm com fita de com fita de Detalhe - Encontro com parede TA 3,5x25mm Parafuso com bucha

Leia mais

Placa Cimento-Madeira

Placa Cimento-Madeira Placa Cimento-Madeira INFORMAÇÃO GERAL: Painel de superfície lisa ou rugosa para diferentes aplicações. COMPOSIÇÃO: 75% Cimento 25% Madeira APRESENTADA COMO: B1 / A2 Bruto / Lixado Lisa / Bordo Maquinado

Leia mais

MATERIAIS DE REVESTIMENTO EM COBERTURAS INCLINADAS

MATERIAIS DE REVESTIMENTO EM COBERTURAS INCLINADAS MATERIAIS DE REVESTIMENTO EM COBERTURAS INCLINADAS Jorge de Brito, Professor Associado IST 1. Introdução Neste início da coluna Elementos de construção não estruturais, inserido no número da revista dedicado

Leia mais

TRANSMISSÃO DO SOM TRANSMISSÃO DO SOM TRANSMISSÃO DO SOM 1º MODO DE VIBRAÇÃO ESTRUTURAL ÍNDICE DE REDUÇÃO SONORA DE ELEMENTOS DE CONSTRUÇÃO

TRANSMISSÃO DO SOM TRANSMISSÃO DO SOM TRANSMISSÃO DO SOM 1º MODO DE VIBRAÇÃO ESTRUTURAL ÍNDICE DE REDUÇÃO SONORA DE ELEMENTOS DE CONSTRUÇÃO A transmissão do som entre locais pode efectuar-se: por via aérea: quando a vibração do elemento é provocada pelo campo sonoro criado pela fonte no ar; por percussão: quando a vibração do elemento é provocada

Leia mais

ASPECTOS CONSTRUTIVOS DA REABILITAÇÃO ENERGÉTICA DOS EDIFÍCIOS

ASPECTOS CONSTRUTIVOS DA REABILITAÇÃO ENERGÉTICA DOS EDIFÍCIOS Auditório José Silvestre do Instituto Superior de Engenharia da Universidade do Algarve continuação ASPECTOS CONSTRUTIVOS DA REABILITAÇÃO ENERGÉTICA DOS EDIFÍCIOS Susana Fernandes Oz, Lda. A reabilitação

Leia mais

A Modiko apresenta um sistema de construção modular patenteado.

A Modiko apresenta um sistema de construção modular patenteado. A Modiko apresenta um sistema de construção modular patenteado. Produzimos os elementos construtivos que comercializamos com o auxílio de equipamento tecnologicamente avançado, melhorando continuamente

Leia mais

vila mar (t2+1) Proposta de Orçamento Preparado por: Eng. Miguel Jorge, Dir. Técnico

vila mar (t2+1) Proposta de Orçamento Preparado por: Eng. Miguel Jorge, Dir. Técnico vila mar (t2+1) Proposta de Orçamento Preparado por: Eng. Miguel Jorge, Dir. Técnico 2017 1-10 descrição da proposta A presente proposta diz respeito a uma unidade móvel de habitação, designada por Vila

Leia mais

PAINEIS MÓVEIS ACÚSTICOS TYPE 100

PAINEIS MÓVEIS ACÚSTICOS TYPE 100 Documentação Índice Documentação Geral... 2 Especificações Type 100... 4 Painéis de Parede e de Porta... 5 Sistema de Parqueamento dos Painéis... 6 Calhas dos Painéis... 7 Detalhes dos Painéis... 8 Tipos

Leia mais

Gestão da Construção - Anexo 7A1 - Mapa de quantidades Página 1

Gestão da Construção - Anexo 7A1 - Mapa de quantidades Página 1 DIMENSÕES QUANTIDADES comp. larg. alt. UN elemento parciais CAP. art. DESCRIÇÃO DOS TRABALHOS ELEMENTO 0 ESTALEIRO 0.1 Montagem e desmontagem de estaleiro 1 vg 1 ALVENARIAS 1.1 Tijolo Cerâmico 1.1.1 Paredes

Leia mais

vila monte (t1+1) Proposta de Orçamento Preparado por: Eng. Miguel Jorge, Dir. Técnico

vila monte (t1+1) Proposta de Orçamento Preparado por: Eng. Miguel Jorge, Dir. Técnico vila monte (t1+1) Proposta de Orçamento Preparado por: Eng. Miguel Jorge, Dir. Técnico 2017 1-10 descrição da proposta A presente proposta diz respeito a uma unidade móvel de habitação, designada por Vila

Leia mais

CONTRIBUTO DAS ARGAMASSAS NA SUSTENTABILIDADE. Roca Lisboa Gallery LISBOA

CONTRIBUTO DAS ARGAMASSAS NA SUSTENTABILIDADE. Roca Lisboa Gallery LISBOA CONTRIBUTO DAS ARGAMASSAS NA SUSTENTABILIDADE Roca Lisboa Gallery LISBOA 01.04.2016 ÍNDICE Sobre a Secil Argamassas Perspectiva de melhoramento do conforto O contributo das Argamassas Térmicas na Sustentabilidade

Leia mais

Sistema de Isolamento Térmico pelo Exterior. Reboco Delgado Armado sobre Poliestireno Expandido - ETICS

Sistema de Isolamento Térmico pelo Exterior. Reboco Delgado Armado sobre Poliestireno Expandido - ETICS Sistema de Isolamento Térmico pelo Exterior Reboco Delgado Armado sobre Poliestireno Expandido - ETICS Sistema TEPROTERM 2 / 19 1. INTRODUÇÃO I Cerca de 1/3 do consumo mundial de energia destina-se a habitações

Leia mais

Painéis de garrafas PET e argamassa armada FICHA CATALOGRÁFICA NOVEMBRO/2014

Painéis de garrafas PET e argamassa armada FICHA CATALOGRÁFICA NOVEMBRO/2014 Tecnologias, Sistemas Construtivos e Tipologias para Habitações de Interesse Social Painéis de garrafas PET e argamassa armada FICHA CATALOGRÁFICA NOVEMBRO/2014 Tecnologias, Sistemas Construtivos e Tipologias

Leia mais

FITAS ADESIVAS HOTMELT

FITAS ADESIVAS HOTMELT HOTMELT DE DUPLA FACE MATERIAL DE SUPORTE EM TECIDO DE GAZE DE POLIÉSTER 2310 Hotmelt branco Habana 0.165 20-10 +60 9.1500 Colocação de alcatifas em chão ou superfícies irregulares. Suporte de rasgamento

Leia mais

FICHA TÉCNICA DO PRODUTO

FICHA TÉCNICA DO PRODUTO FICHA TÉCNICA DO PRODUTO TOPECA, Lda Rua do Mosqueiro 2490 115 Cercal Ourém PORTUGAL Tel.: 00 351 249 580 070 Fax.: 00 351 249 580 079 geral@topeca.pt www.topeca.pt Pág. 2 rebetop decor raiada areada utilização

Leia mais

MEMBRANAS BETUMINOSAS EMULSÕES BETUMINOSAS

MEMBRANAS BETUMINOSAS EMULSÕES BETUMINOSAS Índice Membranas Betuminosas Betume Modificado APP Betume Oxidado Imper. de Obras de Engenharia Civil 7 Emulsões e Solutos Betuminosos Imperkote 7 Membranas Autoadesivas e Bandas de Reforço Imperself 8

Leia mais

Acústica em Reabilitação de Edifícios

Acústica em Reabilitação de Edifícios Reabilitação 009- Parte 5 - Reabilitação 009- Protecção contra o ruído de equipamentos colocados no exterior Silenciadores circulares p/ condutas de ventilação Grelhas atenuadoras (5 a 1 db) Atenuadores

Leia mais

A MC31 é uma manta natural para isolamento acústico e proteção de fungos. É composta por cortiça aglomerada prensada para isolamento acústico e térmic

A MC31 é uma manta natural para isolamento acústico e proteção de fungos. É composta por cortiça aglomerada prensada para isolamento acústico e térmic Mantas de Cortiça A MC11 é uma manta natural para redução de ruído de impacto. É composta por cortiça aglomerada para isolamento acústico e térmico de pavimentos flutuantes. Elimina contato com laje ou

Leia mais

MONTAGE MONTAGE MONTAGE AGARRE IMEDIATO TRANSPARENTE PROFISSIONAL

MONTAGE MONTAGE MONTAGE AGARRE IMEDIATO TRANSPARENTE PROFISSIONAL MONTAGE MONTAGE MONTAGE AGARRE IMEDIATO TRANSPARENTE PROFISSIONAL MONTAGE AGARRE IMEDIATO FIXE CARGAS PESADAS NO INTERIOR OU EXTERIOR INTERIOR E EXTERIOR REFORÇADO COM FIBRAS MATERIAIS POROSOS EXTERIOR

Leia mais

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário:

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário: (11) Número de Publicação: PT 105894 (51) Classificação Internacional: E04C 2/284 (2006) E04C 2/292 (2006) E04C 2/296 (2006) (12) FASCÍCULO DE PATENTE DE INVENÇÃO (22) Data de pedido: 2011.09.22 (30) Prioridade(s):

Leia mais

Isolamento Sustentável. Soluções Ideais para Reabilitação

Isolamento Sustentável. Soluções Ideais para Reabilitação Isolamento Sustentável A Gyptec Ibérica de capital nacional e inserida no Grupo Preceram, dedica-se à produção de placas de gesso laminado, através de métodos não poluentes e ambientalmente sustentáveis

Leia mais

GET GESTÃO DE ENERGIA TÉRMICA Lda.

GET GESTÃO DE ENERGIA TÉRMICA Lda. 1 Dados climáticos de referência para a região do Porto: Inverno: Região climática I1, número de graus dias = 1610 (º dias), duração da estação de aquecimento = 6,7 meses. Verão: Região climática V1, Temperatura

Leia mais

Projetos Salas de Múltiplo uso. MSc. Keliane Castro

Projetos Salas de Múltiplo uso. MSc. Keliane Castro Projetos Salas de Múltiplo uso MSc. Keliane Castro Há dois critérios básicos a serem atendidos pelo projeto acústico: o isolamento e o condicionamento interno do ambiente. O primeiro, em síntese, bloqueia

Leia mais

FICHA TÉCNICA DO PRODUTO

FICHA TÉCNICA DO PRODUTO FICHA TÉCNICA DO PRODUTO TOPECA, Lda Rua do Mosqueiro 2490 115 Cercal Ourém PORTUGAL Tel.: 00 351 249 580 070 Fax.: 00 351 249 580 079 geral@topeca.pt www.topeca.pt rebetop color Pág. 2 utilização Revestimento

Leia mais

Técnicas de construção. Vedações Verticais. Profa. Keila Bento

Técnicas de construção. Vedações Verticais. Profa. Keila Bento Técnicas de construção Vedações Verticais Profa. Keila Bento Vedações verticais Definição UM SUBSISTEMA DOS EDIFÍCIOS CONSTITUÍDO PELOS ELEMENTOS QUE: DEFINEM E LIMITAM VERTICALMENTE O EDIFÍCIO E SEUS

Leia mais

AVALIAÇÃO DA EFICIÊNCIA ACÚSTICA DE UM EDIFÍCIO MBT

AVALIAÇÃO DA EFICIÊNCIA ACÚSTICA DE UM EDIFÍCIO MBT AVALIAÇÃO DA EFICIÊNCIA ACÚSTICA DE UM EDIFÍCIO MBT PACS REFERENCE: 43.55 Bragança 1, Luís; Almeida 1, Manuela; Silva 1, Sandra; Patricio 2, Jorge 1 Department of Civil Engineering University of Minho,

Leia mais

Lusomembrana, Lda. Tabela de preços Etics, Reboco e Gesso Cartonado Abril de 2014

Lusomembrana, Lda. Tabela de preços Etics, Reboco e Gesso Cartonado Abril de 2014 REDE DE REBOCO - CAPOTTO/ETICS - CERTIFICADA ETAG 004 Material:alcalino-resistente malha de fibra de vidro Aplicabilidade: Sistema de isolamento térmico externo e reforço interno de reboco e revestimentos

Leia mais

Pavimentos e revestimentos de pavimentos, isolamento a sons de percussão ÍNDICE

Pavimentos e revestimentos de pavimentos, isolamento a sons de percussão ÍNDICE Pavimentos e revestimentos de pavimentos, isolamento a sons de percussão ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO... 1 2 TERMINOLOGIA... 2 2.1 Considerações gerais... 2 2.2 Definições... 2 2.2.1 Índice de isolamento sonoro,

Leia mais

Os Painéis Cimentício são compostos de Cimento Portland, partículas de madeira, água, aditivos e pigmentos. Muito

Os Painéis Cimentício são compostos de Cimento Portland, partículas de madeira, água, aditivos e pigmentos. Muito Os Painéis Cimentício são compostos de Cimento Portland, partículas de madeira, água, aditivos e pigmentos. Muito utilizados em fechamentos de edifícios comerciais e residências, estes painéis são uma

Leia mais

LSF. É mais do que um método construtivo... É um conceito de habitação totalmente novo! Convidamo-lo a conhecer todas as vantagens.

LSF. É mais do que um método construtivo... É um conceito de habitação totalmente novo! Convidamo-lo a conhecer todas as vantagens. LSF É mais do que um método construtivo... É um conceito de habitação totalmente novo! Convidamo-lo a conhecer todas as vantagens. Segurança Segurança Segurança Segurança Conforto Conforto Conforto Conforto

Leia mais

CONSTRUÇÃO. Isolamentos, Tetos Falsos e Divisórias GESSO CARTONADO E ACESSÓRIOS CATÁLOGO ARMAZENS REIS

CONSTRUÇÃO. Isolamentos, Tetos Falsos e Divisórias GESSO CARTONADO E ACESSÓRIOS CATÁLOGO ARMAZENS REIS CATÁLOGO ARMAZENS REIS WWW.ARMAZENSREIS.PT Isolamentos, Tetos Falsos e Divisórias GESSO CARTONADO E ACESSÓRIOS 60 Morada: E.N. 235 - km Mamodeiro, 38-728 Aveiro Telefone: (+351) 234 941 194 E-mail: geral@armazensreis.pt

Leia mais

01 FERRAMENTAS ELÉTRICAS 02 AGRO-JARDIM 03 FERRAMENTAS MANUAIS 04 CONSTRUÇÃO 05 MEDIÇÃO 06 CORTE 07 AUTO 08 PROTEÇÃO 09 PINTURA

01 FERRAMENTAS ELÉTRICAS 02 AGRO-JARDIM 03 FERRAMENTAS MANUAIS 04 CONSTRUÇÃO 05 MEDIÇÃO 06 CORTE 07 AUTO 08 PROTEÇÃO 09 PINTURA 01 FERRAMENTAS ELÉTRICAS 02 AGRO-JARDIM 03 FERRAMENTAS MANUAIS 04 CONSTRUÇÃO 05 MEDIÇÃO 06 CORTE 10 07 AUTO 08 PROTEÇÃO 09 PINTURA 10 11 MATERIAL ELÉTRICO E ILUMINAÇÃO 12 CASA 13 TELAS E ARAMES Visite-nos

Leia mais

SILICONES E ISOLAMENTOS

SILICONES E ISOLAMENTOS S I L I C O N ES E I S O L A M EN TO S 110 01 ESPUMA POLIURETANO MANUAL PREGO LÍQUIDO FEPM750PT 750 ml 12 FLUX FIX EPRO100 é monocomponente, de longa duração para preenchimento, isolamento e colagem, com

Leia mais

LINHA MBI Isolação para coberturas

LINHA MBI Isolação para coberturas LINHA MBI Isolação para coberturas FACEFELT Isolação para coberturas Feltro constituído por lã de vidro aglomerada com resina vegetal e possui características termoacústicas. Revestido em uma das faces

Leia mais

Fichas de Verificação

Fichas de Verificação Anexo 2 Fichas de Verificação 143 144 Sistemas de Isolamento Térmico pelo Exterior FICHA 1 ELEMENTOS DE PROJETO E CONTRATO 1. IDENTIFICAÇÃO Obra: REF. ª Local: PC 2. TÍTULO ELEMENTOS DE PROJETO E CONTRATO

Leia mais

Maio 2017 SEDE E FÁBRICA

Maio 2017 SEDE E FÁBRICA Maio 017 Índice Impermeabilização Membranas Betuminosas SBS Flex Emulsões e Mastiques IMPERKOTE Emulsões Betuminosas IMPERMASTIC Mastiques Betuminosos Mastiques de PU Complementares 7 9 Cimentos e Pinturas

Leia mais

CONSTRUÇÃO INDUSTRIALIZADA PLACAS CIMENTÍCIAS, PAINÉIS E ACESSÓRIOS BRASILIT PARA A EXECUÇÃO DA SUA OBRA

CONSTRUÇÃO INDUSTRIALIZADA PLACAS CIMENTÍCIAS, PAINÉIS E ACESSÓRIOS BRASILIT PARA A EXECUÇÃO DA SUA OBRA CONSTRUÇÃO INDUSTRIALIZADA PLACAS CIMENTÍCIAS, PAINÉIS E ACESSÓRIOS BRASILIT PARA A EXECUÇÃO DA SUA OBRA Facilite com Brasilit PLACAS E PAINÉIS BRASILIT. A RAPIDEZ E A PRATICIDADE ALIADAS À ELEGÂNCIA E

Leia mais

Com foco em acústica a OWA Sonex atua no mercado desde 1988 oferecendo produtos inovadores de alta performance e design diferenciado.

Com foco em acústica a OWA Sonex atua no mercado desde 1988 oferecendo produtos inovadores de alta performance e design diferenciado. Com foco em acústica a OWA Sonex atua no mercado desde 1988 oferecendo produtos inovadores de alta performance e design diferenciado. Com uma variedade de linhas de produtos, apresentamos o Nexacustic,

Leia mais

Placa Cimentícia Impermeabilizada

Placa Cimentícia Impermeabilizada Impermeabilizada A solução da Brasilit para a construção de paredes e fachadas. Impermeabilizada Praticidade, conforto e resistência para as mais variadas aplicações. Fachada com junta aparente Fachada

Leia mais

Materiais. Conceitos para acústica arquitetônica. Marcelo Portela LVA/UFSC

Materiais. Conceitos para acústica arquitetônica. Marcelo Portela LVA/UFSC Materiais Acústicos Conceitos para acústica arquitetônica Marcelo Portela LVA/UFSC LEMBRANDO... ISOLAMENTO ACÚSTICO Capacidade de certos materiais formarem uma barreira, impedindo que a onda sonora passe

Leia mais

CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS COBERTURAS Imitação Telha (1/2/4 águas) -Aço galvanizado na qualidade S250GD+Z, segundo EN 10346:2009 + EN 10169, revestida com poliéster regular modificado, e tolerâncias de espessura

Leia mais

ENTREPISOS DE MADEIRA REABILITAÇÃO ACÚSTICA

ENTREPISOS DE MADEIRA REABILITAÇÃO ACÚSTICA ENTREPISOS DE MADEIRA REABILITAÇÃO ACÚSTICA ENTREPISO DE MADEIRA DE ELEVADAS PRESTAÇÕES : Membrana de polietileno reticulado e lã mineral RHFM 7 8 IMPACTODAN Lã mineral VANTAGENS Isolamento a ruido aéreo

Leia mais

COMPARAÇÃO ENTRE MODELOS DE PREVISÃO DE ISOLAMENTO SONORO A SONS DE CONDUÇÃO AÉREA DE ELEMENTOS CONSTRUTIVOS

COMPARAÇÃO ENTRE MODELOS DE PREVISÃO DE ISOLAMENTO SONORO A SONS DE CONDUÇÃO AÉREA DE ELEMENTOS CONSTRUTIVOS COMPARAÇÃO ENTRE MODELOS DE PREVISÃO DE ISOLAMENTO SONORO A SONS DE CONDUÇÃO AÉREA DE ELEMENTOS CONSTRUTIVOS Luís Bragança, Francisco Correia da Silva Departamento de Engenharia Civil, Universidade do

Leia mais

PRECON GOIÁS É CERTEZA DE QUALIDADE.

PRECON GOIÁS É CERTEZA DE QUALIDADE. 1 PRECON GOIÁS É CERTEZA DE QUALIDADE. Na hora de construir ou reformar, o Brasil pode contar com a experiência, a qualidade e o respeito ao seu bolso que a Precon Goiás demonstra em cada produto. São

Leia mais

FICHA TÉCNICA Nº5. AGLOMERADO NEGRO ( ou AGLOMERADO PURO EXPANDIDO) AN STANDARD

FICHA TÉCNICA Nº5. AGLOMERADO NEGRO ( ou AGLOMERADO PURO EXPANDIDO) AN STANDARD FICHA TÉCNICA Nº5 AGLOMERADO NEGRO ( ou AGLOMERADO PURO EXPANDIDO) Referências: AN STANDARD Para Isolamento Térmico Regranulados Calibre 2 / 9 e 4,5 / 15 mm Nota: Por encomenda, fabricam-se ainda outros

Leia mais

SÉRIE INVICTA S 1 FOLHA BATENTE

SÉRIE INVICTA S 1 FOLHA BATENTE SÉRIE INVICTA S 1 FOLHA BATENTE ' P O R S E G, S I S T E M A S D E S E G U R A N Ç A, S. A. P R O D U T O S A N T I - I N T R U S Ã O S É R I E I N V I C T A S SÉRIE INVICTA S 82 83 84 85 Fotografias

Leia mais

Conforto Ambiental I I Aula 04 Tratamento Acústico

Conforto Ambiental I I Aula 04 Tratamento Acústico Conforto Ambiental I I Aula 04 Tratamento Acústico Professores: Ana Cristina Hillesheim Karina Colet Marcela Cebalho Michelle de Almeida Costa TRATAMENTO ACÚSTICO Os sons classificam-se, segundo sua origem,

Leia mais

FLEXÍVEIS Suportam deformações de amplitude variável, dependendo de seu reforço à tração.

FLEXÍVEIS Suportam deformações de amplitude variável, dependendo de seu reforço à tração. IMPERMEABILIZAÇÃO Têm a função de proteger a edificação contra patologias que poderão surgir como possível infiltração de água. Classificação RÍGIDAS Baixa capacidade de deformação FLEXÍVEIS Suportam deformações

Leia mais

REDE DE REBOCO - CAPOTTO/ETICS - CERTIFICADA ETAG 004 REDE DE REBOCO REDE PARA PINTURA REDE REBOCO REDE REBOCO - ROLOS CORTADOS

REDE DE REBOCO - CAPOTTO/ETICS - CERTIFICADA ETAG 004 REDE DE REBOCO REDE PARA PINTURA REDE REBOCO REDE REBOCO - ROLOS CORTADOS REDE DE REBOCO - CAPOTTO/ETICS - CERTIFICADA ETAG 004 Material: alcalino-resistente malha de fibra de vidro Aplicabilidade: Sistema de isolamento térmico externo e reforço interno de reboco e revestimentos

Leia mais

Paredes Fichas de Aplicação

Paredes Fichas de Aplicação Fichas de Aplicação e Revestimento Painel Perfurado Painel Sandwich Consulte o Dossier Técnico Viroc disponível em www.viroc.pt, na página de Downloads. Outros Suplementos de Soluções Recomendadas Viroc

Leia mais

Composite Placas compostas em zinco para fachadas ventiladas ou paredes cortina.

Composite Placas compostas em zinco para fachadas ventiladas ou paredes cortina. FACHADA Composite Placas compostas em zinco para fachadas ventiladas ou paredes cortina. Vantagens Estética dos acabamentos em VMZINC Planimetria e robustez excepcionais Grande dimensão dos painéis e estabilidade

Leia mais

ISOLANTE NATURAL EDIFÍCIO CONSTRUÇÃO

ISOLANTE NATURAL EDIFÍCIO CONSTRUÇÃO ISOLANTE NATURAL EDIFÍCIO CONSTRUÇÃO Produtos naturais para edifícios energicamente eficientes Para a CELENIT, um ótimo isolamento é dos critérios essenciais numa construção. Devido às inúmeras vantagens

Leia mais

CASA DO PADRÃO - LEIRIA (2002) Principios bioclimáticos na arquitectura corrente

CASA DO PADRÃO - LEIRIA (2002) Principios bioclimáticos na arquitectura corrente CASA DO PADRÃO - LEIRIA (2002) Principios bioclimáticos na arquitectura corrente A localização em questão: as primeiras impressões são contrariadas pela análise geo- climática do terreno: uma encosta muito

Leia mais

ISO... Sistema ETICS. therm

ISO... Sistema ETICS. therm ISO... Sistema ETICS therm By O Isolamento térmico de qualidade O sistema ETICS ISOtherm tem na sua composição diferentes soluções de acordo com as distintas necessidades das habitações/edifícios. Propomos

Leia mais

As membranas, são constituídas por Policloreto de Vinilo Flexível (PVC-P) e integram armaduras de poliéster.

As membranas, são constituídas por Policloreto de Vinilo Flexível (PVC-P) e integram armaduras de poliéster. DOCUMENTO TÉCNICO DE APLICAÇÃO 1 SISTEMA SOTECNISOL ECOPVC PY 1,5 COBERTURAS DE ACESSIBILIDADE LIMITADA DTA 21.2 Impermeabilização de coberturas AGOSTO DE 2012 1. DESCRIÇÃO. As membranas ECOPVC PY 1,5

Leia mais

CONSTRUÇÃO CIVIL II ENG 2333 (2016/1)

CONSTRUÇÃO CIVIL II ENG 2333 (2016/1) ENG 2333 (2016/1) Aula 12 Forros FORROS Definição: Revestimento da face inferior da laje ou de telhados de modo a constituir a superfície superior de um ambiente fechado FORROS FORROS Critérios de escolha:

Leia mais

SÉRIE PLANO 1 FOLHA / 2 FOLHAS BATENTE 1 FOLHA / 2 FOLHAS BATENTE

SÉRIE PLANO 1 FOLHA / 2 FOLHAS BATENTE 1 FOLHA / 2 FOLHAS BATENTE SÉRIE PLANO SÉRIE PLANO 1 FOLHA / 2 FOLHAS BATENTE 1 FOLHA / 2 FOLHAS BATENTE Produto vencedor do Red Dot Design Award 2013 Produto patenteado registo nº. 002200311 1 FOLHA / 2 FOLHAS BATENTE Caracterização

Leia mais

ifelt Introdução Ibérica Feltros A IbéricaFeltros Feltros Industriais, Lda., é uma empresa que iniciou a sua actividade em Maio de 2000.

ifelt Introdução Ibérica Feltros A IbéricaFeltros Feltros Industriais, Lda., é uma empresa que iniciou a sua actividade em Maio de 2000. Introdução A IbéricaFeltros Feltros Industriais, Lda., é uma empresa que iniciou a sua actividade em Maio de 2000. Esta Empresa tem a sua origem na Jomafil, e com os conhecimentos adquiridos ao longo de

Leia mais