Trabalhador com carteira assinada tem benefícios perto da aposentadori...

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Trabalhador com carteira assinada tem benefícios perto da aposentadori..."

Transcrição

1 Trabalhador com carteira assinada tem benefícios perto da aposentadoria DO "AGORA" 08/04/ h00 O trabalhador com carteira assinada tem benefícios quando está perto de se aposentar pelo INSS. Entre as vantagens, há a garantia de que receberá todos os salários que faltam até se aposentar, caso seja demitido a poucos meses da data da aposentadoria, além da manutenção do plano de saúde. A garantia de emprego não está registrada em lei, mas está em acordos entre sindicatos e patrões. Por isso, para saber se tem esse direito, é preciso consultar a convenção coletiva da sua categoria, diz o advogado Rômulo Saraiva. "O direito está previsto na maioria das convenções." O funcionário deve mostrar à empresa o Cnis (extrato de contribuições) para provar que completará o tempo para a aposentadoria. O empregador que dispensar o funcionário indevidamente deverá pagar os salários integrais do profissional pelo período, explica o advogado trabalhista Alan Balaban. Essa vantagem termina quando ele completa o tempo para se aposentar. Outro direito de quem está prestes a pedir a aposentadoria é a manutenção do convênio médico. Quem trabalha e paga parte do plano de saúde da empresa pode manter o convênio depois de se aposentar. Antes de sair do emprego, o funcionário deve procurar o departamento de recursos humanos e perguntar qual o valor pago pela empresa ao convênio, pois terá de pagar tudo. O trabalhador que exerce funções insalubres deve pedir o formulário que descreve as atividades que darão o tempo especial, o PPP (Perfil Profissiográfico Previdenciário). COMO GARANTIR TODO O PERÍODO TRABALHADO Para evitar dor de cabeça, o empregado deverá conferir o Cnis (cadastro de contribuições do INSS) para certificar-se de que a empresa efetuou todos os pagamentos devidos. O ideal é conferir as contribuições de todos os empregos bem antes de completar os requisitos para se aposentar, pois o INSS pode demorar para acertar os valores. Quanto maiores as contribuições a partir de julho de 1994, maior o benefício final. O tempo total de contribuição também ajuda a aumentar o valor que será pago pelo INSS. VEJA AS GARANTIAS ANTES DE PEDIR O BENEFÍCIO: MANUTENÇÃO DO EMPREGO

2 Trabalhadores de várias categorias têm o direito de receber os salários que faltam até a aposentadoria se forem demitidos e estiverem próximos de completar as condições para se aposentar Para isso, a convenção coletiva de sua profissão precisa garantir a chamada estabilidade pré-aposentadoria O que fazer Atenção Verifique se a garantia está prevista na convenção coletiva e quais as regras Consulte a convenção no site do seu sindicato ou peça os dados pessoalmente ao órgão Na maioria das profissões, o trabalhador precisa avisar o patrão de que ele está próximo de se aposentar, apresentando o extrato de contribuições pagas ao INSS Se o patrão não garantir o emprego, trabalhador ganha indenização com: os salários que deixaram de ser pagos até ele ter o direito de se aposentar, com correção as contribuições ao INSS o FGTS o 13º do período as férias Editoria de Arte/Folhapress

3 COMO MANTER PLANO DE SAÚDE DA EMPRESA O que fazer antes de se aposentar Procure o RH da empresa para verificar quanto terá que pagar de mensalidade se decidir se aposentar e parar de trabalhar Quando o aposentado fica com o convênio empresarial ele passa a pagar a parte dele, que era descontada no salário, mais a parcela que o patrão pagava Para ter uma ideia dos aumentos, peça ao RH os valores da tabela de reajustes de preços aplicados atualmente para outros beneficiários Atenção às explicações A empresa tem a obrigação de explicar ao aposentado o que ele precisa fazer para manter o convênio médico Todas as explicações devem ser dadas no dia da rescisão do contrato de trabalho Cuidado com os prazos Depois de se aposentar, o trabalhador tem até 30 dias para solicitar a manutenção do plano para a operadora Se dentro desses 30 dias, ele quiser trocar de operadora, não precisará cumprir a carência (período em que há limitação na cobertura)

4 A lei não garante os mesmos preços e condições na nova operadora para quem optar pela troca Regras para a manutenção Os aposentados que pagaram o convênio por mais de dez anos podem manter o plano pelo tempo que quiserem Quem pagou o plano de saúde por menos tempo mantém o convênio pela mesma quantidade de anos em que teve o desconto no salário Se pagou o convênio por dois anos, por exemplo, poderá manter o plano empresarial por dois anos após a aposentadoria Dependentes O aposentado tem o direito de manter no plano a sua mulher, os filhos e outros parentes que já eram seus dependentes INCLUSÃO DE TODAS AS CONTRIBUIÇÕES NO CÁLCULO Quem está prestes a se aposentar deve verificar o Cnis (cadastro de contribuições do INSS) Compare todas as contribuições que estão lá com os valores dos holerites Verifique também se as datas de entrada e de saída das empresas em que trabalhou são as mesmas que estão em sua carteira de trabalho O que fazer antes de se aposentar Confira se todas as contribuições foram pagas corretamente Quem tem senha cadastrada no INSS pode conferir se há alguma pendência pela internet, no site: A consulta deve ser feita no item "Pendências" do Cnis. Os erros aparecem em forma de códigos Se necessário, procure um posto do INSS para pedir os acertos nas contribuições Contribuições do emprego atual Aproveite para verificar as contribuições do emprego atual antes de se aposentar Como o funcionário ainda está trabalhando na empresa, fica mais fácil pedir a alteração dos dados diretamente no RH Antecipe-se Para todas as contribuições, o ideal é corrigir as pendências antes de pedir a aposentadoria A correção pode levar tempo, pois o INSS pedirá para analisar documentos como

5 contratos e carteira de trabalho RECONHECIMENTO DE TEMPO ESPECIAL Quem trabalha atualmente em atividade prejudicial à saúde deve solicitar o documento que comprova a insalubridade O PPP (Perfil Profissiográfico Previdenciário) é o formulário que garantirá o tempo especial na aposentadoria O que fazer antes de se aposentar Peça com antecedência o PPP ao setor de recursos humanos da empresa O funcionário precisará de tempo para conferir se o laudo está correto Quando a empresa não descreve a insalubridade no formulário, o tempo especial é negado pelo INSS Como aumentar as chances de o formulário ser aceito pelo INSS Dica O documento deve descrever as funções e por quanto tempo elas foram desempenhadas na empresa Todos os riscos à saúde e o tempo de exposição a eles devem ser descritos A exposição aos agentes prejudiciais à saúde deve ser permanente na jornada de trabalho O documento deve ter uma data recente, pois a empresa deve atualizá-lo todos os anos O PPP deve estar assinado por um médico ou engenheiro do trabalho Peça ajuda ao sindicato ou a um especialista particular para analisar o PPP Quem trabalha em atividade especial pode perder dinheiro se o tempo especial for negado Peça a correção Em caso de erro no PPP, peça para a empresa fazer a correção e entregar um novo formulário Se a empresa não colaborar, o trabalho pode procurar a Justiça do Trabalho depois que pedir demissão Fontes: Sindicato dos Comerciários de São Paulo, Sinprosp (Sindicato dos Professores de São Paulo), SMABC (Sindicato dos Metalúrgicos do ABC), Sindicato dos Bancários e Financiários de São Paulo, Osasco e Região, Sindifícios (Sindicato dos Funcionários de Edifícios de São Paulo), Sintracon-SP (Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção Civil de São Paulo), Sinduscon-SP (Sindicato da Indústria da Construção

6 6 Civil de Grandes Estruturas no Estado de São Paulo), Sinsudesp (Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Serviços de Saúde de São Paulo), ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar), INSS, advogados Julius Conforti, Alan Balaban, Rômulo Saraiva e Magadar Briguet Endereço da página: Links no texto: Copyright Folha de S. Paulo. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicaçao, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Folha de S. Paulo.

Sendo assim, saiba quais são os tipos de aposentadoria e quais as condições que o trabalhador deve observar para cada um deles:

Sendo assim, saiba quais são os tipos de aposentadoria e quais as condições que o trabalhador deve observar para cada um deles: O trabalhador brasileiro pode ter acesso à aposentadoria de várias formas, dependendo das condições de saúde, idade, tempo em que o empregado trabalhou com carteira assinada, bem como se o cidadão trabalhou

Leia mais

Plano de saúde. aposentados e demitidos

Plano de saúde. aposentados e demitidos Plano de saúde aposentados e demitidos A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) foi criada em 2000 com a finalidade de regular o setor de planos privados de assistência à saúde. Essa cartilha tem

Leia mais

Aposentadoria Especial: O que é e quem tem direito a receber As Vantagens da Aposentadoria Especial...09

Aposentadoria Especial: O que é e quem tem direito a receber As Vantagens da Aposentadoria Especial...09 Sumário Aposentadoria Especial: O que é e quem tem direito a receber...03 As Vantagens da Aposentadoria Especial...09 Comprovação do Tempo De Serviço Especial...15 1. Em caso de profissional trabalhando

Leia mais

Disposições Gerais CARTILHA DE ORIENTAÇÃO MANUTENÇÃO DE DEMITIDOS E APOSENTADOS INTERODONTO

Disposições Gerais CARTILHA DE ORIENTAÇÃO MANUTENÇÃO DE DEMITIDOS E APOSENTADOS INTERODONTO Disposições Gerais CARTILHA DE ORIENTAÇÃO MANUTENÇÃO DE DEMITIDOS E APOSENTADOS INTERODONTO 2 O aposentado e o ex-empregado, exonerado ou demitido sem justa causa, que contribuíam para o custeio do seu

Leia mais

27/10/2015 GPII - 1. Tópicos

27/10/2015 GPII - 1. Tópicos Tópicos pg 1. 13 Salário 2 2. Pagamento 3 3. 13 na Rescisão do Contrato 4 4. Encargos 5 5. Adiantamento do 13 Salário 6 6. 2ª parcela do 13 Salário 7 7. Rescisão do Contrato de Trabalho 8 8. Causas da

Leia mais

GESTÃO E FISCALIZAÇÃO DE CONTRATOS DE TERCEIRIZAÇÃO (rotinas sugeridas)

GESTÃO E FISCALIZAÇÃO DE CONTRATOS DE TERCEIRIZAÇÃO (rotinas sugeridas) GESTÃO E FISCALIZAÇÃO DE CONTRATOS DE TERCEIRIZAÇÃO (rotinas sugeridas) (8) FISCALIZAÇÃO TRABALHISTA Os contratos de terceirização envolvem sério risco para a Administração, que é a possibilidade de responsabilização

Leia mais

PREVIDÊNCIA SOCIAL NO BRASIL

PREVIDÊNCIA SOCIAL NO BRASIL 66 SISTEMA PREVIDENCIÁRIO DO BRASIL No Brasil, há benefícios devidos ao segurado e àqueles que dependem do segurado. Para ter direito aos benefícios, é preciso estar inscrito no INSS e manter suas contribuições

Leia mais

principais pontos da CLT que mudarão com a nova lei trabalhista

principais pontos da CLT que mudarão com a nova lei trabalhista principais pontos da CLT que mudarão com a nova lei trabalhista Acordo coletivo Convenções e acordos coletivos prevalecerão sobre a legislação em pontos como jornada de trabalho, intervalo, plano de carreira,

Leia mais

Reforma Trabalhista - sancionada em 13/07/2017 Início da vigência: novembro 2017

Reforma Trabalhista - sancionada em 13/07/2017 Início da vigência: novembro 2017 FÉRIAS As férias de 30 dias podem ser fracionadas em até dois períodos, sendo que um deles não pode ser inferior a 10 dias. Há possibilidade de 1/3 do período ser pago em forma de abono. As férias poderão

Leia mais

APOSENTADOS E DEMITIDOS CARTILHA COM ORIENTAÇÕES

APOSENTADOS E DEMITIDOS CARTILHA COM ORIENTAÇÕES APOSENTADOS E DEMITIDOS CARTILHA COM ORIENTAÇÕES A BIOVIDA SAÚDE com o intuito de informar e orientar seus beneficiários quanto ao PLANO CONTINUIDADE, resolveu criar e divulgar essa cartilha com explicações

Leia mais

Agências da Caixa abrem neste sábado para saques do FGTS Sáb, 11 de Março de :57 - Última atualização Sáb, 11 de Março de :03

Agências da Caixa abrem neste sábado para saques do FGTS Sáb, 11 de Março de :57 - Última atualização Sáb, 11 de Março de :03 Para atender a população interessada em sacar as contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), a Caixa Econômica Federal (CEF) realizará um plantão de atendimento em mais de 1.800 agências

Leia mais

PERGUNTAS E RESPOSTAS ACIDENTE DE TRABALHO:

PERGUNTAS E RESPOSTAS ACIDENTE DE TRABALHO: PERGUNTAS E RESPOSTAS ACIDENTE DE TRABALHO: 1- Como se dá o Acidente de Trabalho? R- Trata-se, evidentemente, de um acidente ocorrido em razão do trabalho exercido pelo trabalhador, que pode causar uma

Leia mais

Suspensão, interrupção e rescisão do contrato de trabalho

Suspensão, interrupção e rescisão do contrato de trabalho Suspensão, interrupção e rescisão do contrato de trabalho E OUTROS TEMAS Suspensão Não há pagamento de salário Exemplo: Acidente de trabalho e serviço militar: suspenso o contrato de trabalho. Paga-se

Leia mais

Caderno de Exercícios - Departamento Pessoal - Aluno

Caderno de Exercícios - Departamento Pessoal - Aluno 1. O empregado na função de pizzaiolo foi contratado a tempo parcial com jornada de trabalho de 24 horas semanais. Os empregados na mesma função, com jornada normal de 220 horas, ganhavam o piso salarial

Leia mais

Reforma trabalhista é aprovada no Senado

Reforma trabalhista é aprovada no Senado Reforma trabalhista é aprovada no Senado Confira o que muda na lei: O Senado aprovou nesta terça-feira (11) o texto da reforma trabalhista. Para virar lei, as novas regras ainda dependem da sanção do presidente

Leia mais

09/10/2015 GPII - 1. Tópicos

09/10/2015 GPII - 1. Tópicos Tópicos pg 1. Introdução 2 2. Salário Família 3 3. Principais Proventos 4 4. Principais Descontos 5 5. Tabela do INSS 6 6. Tabela do IRRF 7 7. FGTS 8 8. Holerite 9 9. Exercícios 10 10. Referências Bibliográficas

Leia mais

lipping Jurídico Extraordinário

lipping Jurídico Extraordinário C lipping Jurídico Extraordinário 13 de julho de 2017. Reforma Trabalhista: Confira as mudanças! O Senado aprovou nesta terça-feira (11) o texto da reforma trabalhista. Para virar lei, as novas regras

Leia mais

A RECEITA FEDERAL VAI TORNAR OBRIGATÓRIA, A PARTIR DO ANO QUE VEM, A UTILIZAÇÃO DO ESOCIAL POR TODAS AS EMPRESAS.

A RECEITA FEDERAL VAI TORNAR OBRIGATÓRIA, A PARTIR DO ANO QUE VEM, A UTILIZAÇÃO DO ESOCIAL POR TODAS AS EMPRESAS. C 19 de junho de 2017. lipping Jurídico A RECEITA FEDERAL VAI TORNAR OBRIGATÓRIA, A PARTIR DO ANO QUE VEM, A UTILIZAÇÃO DO ESOCIAL POR TODAS AS EMPRESAS. O sistema vai seguir o mesmo modelo do esocial

Leia mais

DOCUMENTOS PARA FAZER HOMOLOGAÇÃO

DOCUMENTOS PARA FAZER HOMOLOGAÇÃO DOCUMENTOS PARA FAZER HOMOLOGAÇÃO Conforme Instrução Normativa SRT/MTE nº 15 de 14/07/2010 1 APRESENTAR CARTA DE PREPOSTO SE FOR FUNIONÁRIO DO CARTÓRIO, COM CTPS, CRACHÁ OU FICHA DE FUNCIONÁRIO (TRAZER

Leia mais

ÍNDICE CURSO DE DEPARTAMENTO PESSOAL. DEPARTAMENTO PESSOAL ONLINE

ÍNDICE CURSO DE DEPARTAMENTO PESSOAL. DEPARTAMENTO PESSOAL ONLINE ÍNDICE INTRODUÇÃO... 008 DISPOSIÇÕES GERAIS... 009 Conceito de empregador... 009 Conceito de empregado... 009 Direitos do empregado... 010 ASSÉDIO MORAL E SEXUAL NO TRABALHO... 014 Assédio moral no trabalho...

Leia mais

DIREITO PREVIDENCIÁRIO

DIREITO PREVIDENCIÁRIO DIREITO PREVIDENCIÁRIO Dicas importantes para um melhor benefício www.ndmadvogados.com.br Índice Introdução Aposentadoria: 4 dicas para evitar prejuízos financeiros Aposentadoria Especial: 3 dicas para

Leia mais

Para isso, é preciso saber o tipo de contratação do seu plano de saúde:

Para isso, é preciso saber o tipo de contratação do seu plano de saúde: A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) elaborou esta cartilha para explicar como você deve proceder para solicitar o cancelamento do plano de saúde individual ou familiar ou a exclusão do contrato

Leia mais

Falha da firma pode impedir acesso ao seguro-desemprego

Falha da firma pode impedir acesso ao seguro-desemprego O Brasil registrou 12,9 milhões de desempregados no ano de 2016. Ao mesmo tempo, 7,1 milhões de brasileiros receberam seguro-desemprego ao longo do ano. Nos dois primeiros meses de 2017, 1.017.334 conseguiram

Leia mais

VOCÊ JÁ LUTOU PELOS SEUS DIREITOS HOJE? SINDICATO NACIONAL DOS MOEDEIROS CARTEIRA DE TRABALHO E PREVIDÊNCIA SOCIAL

VOCÊ JÁ LUTOU PELOS SEUS DIREITOS HOJE? SINDICATO NACIONAL DOS MOEDEIROS CARTEIRA DE TRABALHO E PREVIDÊNCIA SOCIAL VOCÊ JÁ LUTOU PELOS SEUS DIREITOS HOJE? SINDICATO NACIONAL DOS MOEDEIROS CARTEIRA DE TRABALHO E PREVIDÊNCIA SOCIAL A Reforma Trabalhista, aprovada em julho de 2017 e sancionada pelo Temer, é um desastre

Leia mais

REMUNERAÇÃO E ADICIONAIS LEGAIS

REMUNERAÇÃO E ADICIONAIS LEGAIS REMUNERAÇÃO E ADICIONAIS LEGAIS 1 Conceito Salário complessivo corresponde aos pagamentos efetuados diretamente pelo empregador em favor do empregado, em virtude da vigência do contrato de trabalho, bem

Leia mais

Confira os principais pontos da proposta de reforma trabalhista

Confira os principais pontos da proposta de reforma trabalhista Confira os principais pontos da proposta de reforma trabalhista Comissão especial da Câmara dos Deputados aprovou nesta terça-feira (25) o Projeto de Lei 6787/16 na versão apresentada pelo relator, deputado

Leia mais

ACORDO COLETIVO SANTANDER E REAL /2010. Versão 3: 30/03/2009 ESTABILIDADE DE ATÉ 24 MESES PRÉ-APOSENTADORIA PROPORCIONAL

ACORDO COLETIVO SANTANDER E REAL /2010. Versão 3: 30/03/2009 ESTABILIDADE DE ATÉ 24 MESES PRÉ-APOSENTADORIA PROPORCIONAL ACORDO COLETIVO SANTANDER E REAL - 2009/2010 Versão 3: 30/03/2009 ESTABILIDADE DE ATÉ 24 MESES PRÉ-APOSENTADORIA PROPORCIONAL Trabalhadores originários do Conglomerado Banespa admitidos antes de 20/11/2000

Leia mais

Jornada de trabalho LEGISLAÇÃO SOCIAL E TRABALHISTA

Jornada de trabalho LEGISLAÇÃO SOCIAL E TRABALHISTA Jornada de trabalho 1 A jornada de trabalho normal será o espaço de tempo durante o qual o empregado deverá prestar serviço ou permanecer à disposição do empregador, com habitualidade, executadas as horas

Leia mais

A MODERNIZAÇÃO DAS LEIS TRABALHISTAS TROCANDO EM MIÚDOS

A MODERNIZAÇÃO DAS LEIS TRABALHISTAS TROCANDO EM MIÚDOS A MODERNIZAÇÃO DAS LEIS TRABALHISTAS Está todo mundo falando sobre a Modernização Trabalhista! É tanta informação, que você pode até estar confuso. Por isso, trocamos em miúdos as principais mudanças para

Leia mais

MANUAL DE ATENDIMENTO

MANUAL DE ATENDIMENTO MANUAL DE ATENDIMENTO DA RADIOLÓGICA CREDENCIADA ARM Odontologia - Fones: São Paulo (011) 3515-5400 e demais localidades 0800 704-4945 - site: www.armodonto.com.br - Versão Julho/12 1 COMO IDENTIFICAR

Leia mais

1. VIDA FINANCEIRA 1.1 PAGAMENTO DE TRIBUTOS. Documento Prazo de Guarda Prazo de Precaução Observações

1. VIDA FINANCEIRA 1.1 PAGAMENTO DE TRIBUTOS. Documento Prazo de Guarda Prazo de Precaução Observações 1. VIDA FINANCEIRA 1.1 PAGAMENTO DE TRIBUTOS 1.1.1 Imposto de Renda de Pessoa Física (IRPF) e seu respectivo DARF. 5 anos, contados a partir do exercício seguinte àquele em que o lançamento poderia ter

Leia mais

fim do acerto informal novos tipos de jornadas mudanças nas jornadas que já existem fim do imposto sindical obrigatório negociado X LEGISLADO

fim do acerto informal novos tipos de jornadas mudanças nas jornadas que já existem fim do imposto sindical obrigatório negociado X LEGISLADO 2 índice 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 fim do acerto informal novos tipos de jornadas mudanças nas jornadas que já existem fim do imposto sindical obrigatório negociado X LEGISLADO Pausa

Leia mais

CARTILHA DO TRABALHADOR

CARTILHA DO TRABALHADOR Estamos aqui para ajudar! Entre em contato pelos telefones (19) 3862.2784 e 3841.3788 Ou acesse o nosso site Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Alimentação e Afins de Mogi Mirim e Região 2 Apresentação

Leia mais

Reforma Trabalhista: o que muda na vida do trabalhador?

Reforma Trabalhista: o que muda na vida do trabalhador? Reforma Trabalhista: o que muda na vida do trabalhador? O presidente Michel Temer sancionou nessa quinta feira, 13.07, a proposta de reforma trabalhista que havia sido aprovada pelas duas casas do Congresso

Leia mais

Tabela de Temporalidade de Documentos de Pessoa Física

Tabela de Temporalidade de Documentos de Pessoa Física Tabela de Temporalidade de Documentos de Pessoa Física 1. VIDA FINANCEIRA 1.1 PAGAMENTOS DE TRIBUTOS 1.1.1 Imposto de Renda de Pessoa Física (IRPF) e seu respectivo DARF 1.1.2 Imposto Predial e Territorial

Leia mais

RH 09 DESLIGAMENTO DE FUNCIONÁRIOS CÓPIA CONTROLADA Nº: 02

RH 09 DESLIGAMENTO DE FUNCIONÁRIOS CÓPIA CONTROLADA Nº: 02 ESCALA CONSTRUÇÕES E EMPREENDIMENTOS LTDA. PROCEDIMENTO OPERACIONAL DE RECURSOS HUMANOS RH 09 DESLIGAMENTO DE FUNCIONÁRIOS NBR ISO 9001:2008 e PBQP-H PROCEDIMENTOS OPERACIONAIS DESLIGAMENTO DE FUNCIONÁRIOS

Leia mais

ENTENDA SEUS DIREITOS. O SINDEMED reservou este espaço para esclarecer seus direitos trabalhistas.

ENTENDA SEUS DIREITOS. O SINDEMED reservou este espaço para esclarecer seus direitos trabalhistas. ENTENDA SEUS DIREITOS O SINDEMED reservou este espaço para esclarecer seus direitos trabalhistas. As contribuições cobradas pelos Sindicatos são motivos de muitas dúvidas pelos empregados. Assim, a fim

Leia mais

Principais Alterações da Reforma Trabalhista

Principais Alterações da Reforma Trabalhista Principais Alterações da Reforma Trabalhista Tema Trabalhista Banco de Horas Contribuição Sindical Convenções e Acordos Coletivos de Trabalho Danos Morais CLT Vigente NOVAS REGRAS - Mudanças com a Lei

Leia mais

Brasil, governo e eleições. Pesquisa quantitativa Junho de 2017

Brasil, governo e eleições. Pesquisa quantitativa Junho de 2017 1 Brasil, governo e eleições Pesquisa quantitativa Junho de 2017 2 Data de campo Método Público-alvo Amostra 2 a 4 de junho de 2017 Survey face-a-face População brasileira com mais de 16 anos, residente

Leia mais

A MODERNIZAÇÃO DAS LEIS TRABALHISTAS TROCANDO EM MIÚDOS

A MODERNIZAÇÃO DAS LEIS TRABALHISTAS TROCANDO EM MIÚDOS A MODERNIZAÇÃO DAS LEIS TRABALHISTAS Está todo mundo falando sobre a Modernização Trabalhista! É tanta informação, que você pode até estar confuso. Por isso, trocamos em miúdos as principais mudanças para

Leia mais

INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL DIRETORIA DE ATENDIMENTO. Programa de Educação Previdenciária

INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL DIRETORIA DE ATENDIMENTO. Programa de Educação Previdenciária Ministério da Previdência Social INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL DIRETORIA DE ATENDIMENTO Todos que se inscrevem na Previdência Social podem escolher como vão contribuir. Isso permite que o segurado

Leia mais

O que vai mudar na nossa relação trabalhista e previdenciária?

O que vai mudar na nossa relação trabalhista e previdenciária? O que vai mudar na nossa relação trabalhista e previdenciária? Cartilha esocial 2 O que é o esocial? Nova forma de enviar ao Governo (Ministério do Trabalho, Receita Federal, Previdência Social e Caixa

Leia mais

MANUAL. Objetivo. monitoramento das obrigações trabalhistas SUZANO PAPEL E CELULOSE S/A

MANUAL. Objetivo. monitoramento das obrigações trabalhistas SUZANO PAPEL E CELULOSE S/A MANUAL monitoramento das obrigações trabalhistas SUZANO PAPEL E CELULOSE S/A Objetivo Esse manual tem como objetivo esclarecer as dúvidas em relação ao processo do monitoramento de obrigações trabalhistas

Leia mais

PLENÁRIA DO BANCO DO BRASIL. Sindicato dos Bancários do ABC Novembro/2016

PLENÁRIA DO BANCO DO BRASIL. Sindicato dos Bancários do ABC Novembro/2016 PLENÁRIA DO BANCO DO BRASIL Sindicato dos Bancários do ABC Novembro/2016 REESTRUTURAÇÃO DO BANCO DO BRASIL Período do PEAI: até 09/12/2016 Meta: 18 mil empregados (16% dos atuais 109 mil empregados diretos)

Leia mais

MUDANÇAS NAS REGRAS DO SEGURO-DESEMPREGO, ABONO SALARIAL ANUAL, AUXILIO-DOENÇA E PENSÃO POR MORTE

MUDANÇAS NAS REGRAS DO SEGURO-DESEMPREGO, ABONO SALARIAL ANUAL, AUXILIO-DOENÇA E PENSÃO POR MORTE MUDANÇAS NAS REGRAS DO SEGURO-DESEMPREGO, ABONO SALARIAL ANUAL, AUXILIO-DOENÇA E PENSÃO POR MORTE Em 30/12/2014, por meio das Medidas Provisórias 664 e 665, publicadas no Diário Oficial da União, as normas

Leia mais

O que é Adicional de Insalubridade. Quem tem direito. Como Calcular Adicional de Insalubridade

O que é Adicional de Insalubridade. Quem tem direito. Como Calcular Adicional de Insalubridade Este conteúdo faz parte da série: Folha de Pagamento Ver 10 posts dessa série O que é Adicional de Insalubridade O adicional de insalubridade é uma compensação financeira dada para trabalhadores que estão

Leia mais

Cartilha de Extensão de Benefício do Plano De Saúde Empresarial aos Beneficiários Contributários Demitidos ou Exonerados Sem Justa Causa e Aposentados

Cartilha de Extensão de Benefício do Plano De Saúde Empresarial aos Beneficiários Contributários Demitidos ou Exonerados Sem Justa Causa e Aposentados Cartilha de Extensão de Benefício do Plano De Saúde Empresarial aos Beneficiários Contributários Demitidos ou Exonerados Sem Justa Causa e Aposentados JUNHO DE 2012 JUNHO / 2.012 1 ÍNDICE POR ASSUNTO ASSUNTO

Leia mais

MUD U A D NÇA DE D E REGIME

MUD U A D NÇA DE D E REGIME MUDANÇA DE REGIME PRAZO Após a aprovação no CONSU, haverá um prazo fixado (provavelmente 180 dias) para os interessados fazerem a opção pela mudança de regime. CONTRATO Não haverá rescisão contratual,

Leia mais

Aquisição. Férias dos Funcionários: O que Pode e não Pode. Este conteúdo faz parte da série: Folha de Pagamento Ver 10 posts dessa série

Aquisição. Férias dos Funcionários: O que Pode e não Pode. Este conteúdo faz parte da série: Folha de Pagamento Ver 10 posts dessa série Este conteúdo faz parte da série: Folha de Pagamento Ver 10 posts dessa série As férias dos funcionários é um dos temas mais corriqueiros do mundo do trabalho, mas também dos mais complexos. Tentaremos

Leia mais

RECURSO DE DIREITO PREVIDENCIÁRIO TRF 2ªregião Técnico Judiciário Administrativa Sem especialidade Prova tipo 1

RECURSO DE DIREITO PREVIDENCIÁRIO TRF 2ªregião Técnico Judiciário Administrativa Sem especialidade Prova tipo 1 RECURSO DE DIREITO PREVIDENCIÁRIO TRF 2ªregião Técnico Judiciário Administrativa Sem especialidade Prova tipo 1 1) Sandra conseguiu o seu primeiro emprego na empresa Calçados Perfeitos Ltda., lá permanecendo

Leia mais

Lisa Gunn Coordenadora Executiva

Lisa Gunn Coordenadora Executiva Carta Coex 119/2011 São Paulo, 18 de maio de 2011. À Agência Nacional de Saúde Suplementar Aos Senhores Dr. Mauricio Ceschin Diretor Presidente Dra. Stael Riani Ouvidora Assunto: CP41 Contribuições do

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2013

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2013 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2013 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: RS000560/2012 DATA DE REGISTRO NO MTE: 25/04/2012 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR017751/2012 NÚMERO DO PROCESSO: 46218.004817/2012-54 DATA

Leia mais

DEPOIS DO NASCIMENTO ANTES DO NASCIMENTO RETORNANDO AO TRABALHO

DEPOIS DO NASCIMENTO ANTES DO NASCIMENTO RETORNANDO AO TRABALHO LICENÇA-MATERNIDADE A gestação e o nascimento do bebê são fases muito significativas na vida da mulher, com muitas novidades a cada mês. Para garantir que o seu período de afastamento e retorno ao trabalho

Leia mais

70 anos da CLT: Uma história de lutas e conquistas

70 anos da CLT: Uma história de lutas e conquistas Boletim Econômico Edição nº 03 Setembro de 2013 Organização: Maurício José Nunes Oliveira Assessor econômico 70 anos da CLT: Uma história de lutas e conquistas 1 A Carteira de Trabalho Em 21 de março de

Leia mais

Confira a autenticidade no endereço

Confira a autenticidade no endereço ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2017/2018 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: MG003424/2017 DATA DE REGISTRO NO MTE: 09/08/2017 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR045925/2017 NÚMERO DO PROCESSO: 46211.004125/2017-81 DATA DO

Leia mais

Contratar um plano de saúde é uma decisão que vai além da pesquisa de preços. Antes de

Contratar um plano de saúde é uma decisão que vai além da pesquisa de preços. Antes de Planos de saúde: Sete perguntas para fazer antes de contratar Antes de aderir a um plano de saúde, o consumidor precisa se informar sobre todas as condições do contrato, para não correr o risco de ser

Leia mais

MANUTENÇÃO DO PLANO DE SAÚDE APÓS O DESLIGAMENTO DO EMPREGADO

MANUTENÇÃO DO PLANO DE SAÚDE APÓS O DESLIGAMENTO DO EMPREGADO MANUTENÇÃO DO PLANO DE SAÚDE APÓS O DESLIGAMENTO DO EMPREGADO 1 O beneficiário de plano de saúde coletivo empresarial demitido ou exonerado sem justa causa e o aposentado pelo INSS tem direito a manter

Leia mais

Sumário. Introdução, 1

Sumário. Introdução, 1 S Sumário Introdução, 1 1 Folha de Pagamento, 7 1 Salário, 8 1.1 Salário-hora para 40 horas semanais: divisor 200 (duzentos), 9 1.2 Depósito de salários em conta bancária, 9 2 Horas extras, 10 2.1 Integração

Leia mais

1) O que caracteriza a utilidade com natureza salarial e a utilidade com natureza indenizatória?

1) O que caracteriza a utilidade com natureza salarial e a utilidade com natureza indenizatória? CADERNO DE EXERCÍCIOS 1) O que caracteriza a utilidade com natureza salarial e a utilidade com natureza indenizatória? 2) Vale transporte pago em dinheiro, vale refeição pago em dinheiro, concessão de

Leia mais

Como Cobrar Dinheiro de Pessoas que lhe Devem Criado por Sabrina L. Furtado, Cassio Dinelli, Revisões wikihow

Como Cobrar Dinheiro de Pessoas que lhe Devem Criado por Sabrina L. Furtado, Cassio Dinelli, Revisões wikihow Como Cobrar Dinheiro de Pessoas que lhe Devem Criado por Sabrina L. Furtado, Cassio Dinelli, Revisões wikihow 1 Métodos: Recolhendo o Dinheiro Este artigo oferece dicas sobre como cobrar dinheiro de pessoas

Leia mais

BuscaLegis.ccj.ufsc.br

BuscaLegis.ccj.ufsc.br BuscaLegis.ccj.ufsc.br Cálculo das verbas rescosórias *Adriano Martins Pinheiro Este artigo apontará quais são as verbas rescisórias a serem recebidas após a rescisão. Enumeramos as possibilidades de rescisão:

Leia mais

O que é banco de horas?

O que é banco de horas? Este conteúdo faz parte da série: Controle de Horas Extras Ver 4 posts dessa série O que é banco de horas? O banco de horas é um sistema que serve para flexibilizar a jornada de trabalho de funcionários,

Leia mais

Aqui mostraremos passo a passo para que cada dentista concretize esse direito.

Aqui mostraremos passo a passo para que cada dentista concretize esse direito. A Aposentadoria Especial do Dentista é um direito que a classe deve fazer valer, tendo em vista que sua profissão deve ser mais valorizada. Isso começa com a busca coletiva de direitos para a categoria,

Leia mais

Relação trabalhista e previdenciária DOMÉSTICAS. Cartilha esocial

Relação trabalhista e previdenciária DOMÉSTICAS. Cartilha esocial Relação trabalhista e previdenciária DOMÉSTICAS Cartilha esocial 2 O que é o esocial? ESOCIAL DOMÉSTICO / SIMPLES DOMÉSTICO O recolhimento obrigatório a partir da competência OUTUBRO/2015. Por intermédio

Leia mais

13º salário deve injetar R$ 3,1 bilhões na economia do Grande ABC em 2016

13º salário deve injetar R$ 3,1 bilhões na economia do Grande ABC em 2016 Grande ABC, 31 de outubro de 2016. NOTA À IMPRENSA 13º salário deve injetar R$ 3,1 bilhões na economia do Grande ABC em 2016 Até o final de dezembro de 2016, estima-se que será injetado na economia do

Leia mais

Folha de Pagamento. Folha de Pagamento. Sistemas de Pagamentos. Folha de Pagamento. Sistemas de Pagamentos. Folha de Pagamento 20/05/2011

Folha de Pagamento. Folha de Pagamento. Sistemas de Pagamentos. Folha de Pagamento. Sistemas de Pagamentos. Folha de Pagamento 20/05/2011 O inc. I do Art 225 do Decreto 3.048 de 6 de maio de 1999, aprovou: Art.225. A empresa é também obrigada a: Preparar folha de pagamento da remuneração paga, devida ou creditada a todos os segurados a seu

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2015/2016. Confira a autenticidade no endereço

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2015/2016. Confira a autenticidade no endereço ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2015/2016 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: PR001404/2015 DATA DE REGISTRO NO MTE: 20/04/2015 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR019141/2015 NÚMERO DO PROCESSO: 46212.005615/2015-22 DATA DO

Leia mais

Confira a autenticidade no endereço

Confira a autenticidade no endereço ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2017/2018 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: RS002117/2017 DATA DE REGISTRO NO MTE: 25/08/2017 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR051464/2017 NÚMERO DO PROCESSO: 46218.012583/2017-23 DATA DO

Leia mais

Suspensão e Interrupção do Contrato de Trabalho*

Suspensão e Interrupção do Contrato de Trabalho* 55 Capítulo 3 Suspensão e Interrupção do Contrato de Trabalho* 3.1 APRESENTAÇÃO Suponhamos o caso de uma pessoa que se afasta do emprego por motivo de doença. Seu contrato de trabalho continua em vigor,

Leia mais

REFORMA TRABALHISTA REFLEXOS NA RELAÇÃO DE EMPREGO

REFORMA TRABALHISTA REFLEXOS NA RELAÇÃO DE EMPREGO LUCIANO DOS SANTOS NUNES - CONSULTORIA TRABALHISTA - PERÍCIA CONTÁBIL REFORMA TRABALHISTA REFLEXOS NA RELAÇÃO DE EMPREGO TERESINA-PI 13-9-2017 LEIS Nºs 13.134/2015 e 13.135/2015 NOVAS REGRAS DO SEGURO-

Leia mais

Previdência social LEGISLAÇÃO SOCIAL E TRABALHISTA. Os beneficiários

Previdência social LEGISLAÇÃO SOCIAL E TRABALHISTA. Os beneficiários 1 Previdência social Conceito Previdência Social é um seguro que garante a renda do contribuinte e de sua família, em casos de doença, acidente, gravidez, prisão, morte e velhice. Oferece vários benefícios

Leia mais

SOLICITAÇÃO DE CANCELAMENTO DO CONTRATO OU EXCLUSÃO MOTIVADA PELO BENEFICIÁRIO TITULAR/RESPONSÁVEL NOS TERMOS DA RN 412/2016/ANS

SOLICITAÇÃO DE CANCELAMENTO DO CONTRATO OU EXCLUSÃO MOTIVADA PELO BENEFICIÁRIO TITULAR/RESPONSÁVEL NOS TERMOS DA RN 412/2016/ANS SOLICITAÇÃO DE CANCELAMENTO DO CONTRATO OU EXCLUSÃO MOTIVADA PELO BENEFICIÁRIO TITULAR/RESPONSÁVEL NOS TERMOS DA RN 412/2016/ANS Prezado(a) beneficiário(a), conforme determina o artigo 17 da RN 412, cumpre-nos

Leia mais

Renovação - ProUni para o 1º semestre de 2017 UNIFIEO - Centro Universitário FIEO

Renovação - ProUni para o 1º semestre de 2017 UNIFIEO - Centro Universitário FIEO Renovação - ProUni para o 1º semestre de 2017 UNIFIEO - Centro Universitário FIEO Renovação - ProUni para o 1º semestre de 2017 UNIFIEO - Centro Universitário FIEO Renovação ProUni para o 1º semestre de

Leia mais

Boletim Informativo da Contabilidade

Boletim Informativo da Contabilidade ESTA EDIÇÃO Reforma Trabalhista. 1 Nesta edição : Alguns pontos da Reforma trabalhista que entra em vigor em 11/11/2017; Pelas novas regras surge nova relação entre patrão e empregados; Acordos que podem

Leia mais

Como Calcular o 13º Salário - Antecipação

Como Calcular o 13º Salário - Antecipação Como Calcular o 13º Salário - Antecipação Número do Artigo: 3246 Classificação: Não classificado Última Atualização: Tue, Oct 10, 2017 3:08 PM Para proceder com o pagamento da primeira parcela do 13º salário,

Leia mais

Renovação - ProUni - para o 2º semestre de 2016 UNIFIEO - Centro Universitário FIEO

Renovação - ProUni - para o 2º semestre de 2016 UNIFIEO - Centro Universitário FIEO Renovação - ProUni - para o 2º semestre de 2016 UNIFIEO - Centro Universitário FIEO Renovação - ProUni - para o 2º semestre de 2016 UNIFIEO - Centro Universitário FIEO Renovação - ProUni - para o 2º semestre

Leia mais

2. Regras do INSS...11 Concessão de Aposentadoria...12

2. Regras do INSS...11 Concessão de Aposentadoria...12 1 Sumário 1. Aposentadoria do Professor Concursado...04 2. Regras do INSS...11 Concessão de Aposentadoria...12 3. Requisitos da Concessão de Aposentadoria...24 Aposentadoria com Integralidade e Paridade...23

Leia mais

FICHA DE ENTREVISTA COM O CLIENTE

FICHA DE ENTREVISTA COM O CLIENTE youcalc.com.br 1-5 ENTREVISTA PARA AÇÃO TRABALHISTA EM: / / AUTOR / RECLAMANTE Nome Mãe Conjugue Nacionalidade Nº Pis Estado Civil Profissão Nascimento RG CPF CTPS Nº Serie 1ª RECLAMADA - EMPRESA QUE CONTRATOU

Leia mais

JORNADA FLEXÍVEL DE TRABALHO 2009/2010

JORNADA FLEXÍVEL DE TRABALHO 2009/2010 JORNADA FLEXÍVEL DE TRABALHO 2009/2010 Olá! Estamos aqui para falar com você a respeito de algo muito importante no seu dia a dia: sua jornada de trabalho. Você sabia que, graças a um acordo firmado entre

Leia mais

NOVO CENÁRIO NAS RELAÇÕES TRABALHISTAS

NOVO CENÁRIO NAS RELAÇÕES TRABALHISTAS Publicado por ADVOCACIA Rondineli Varela NOVO CENÁRIO NAS RELAÇÕES TRABALHISTAS Reforma trabalhista: entenda o que pode mudar na sua vida com as propostas apresentadas: Após passar pela comissão especial

Leia mais

Compreender e aplicar os cálculos trabalhistas necessários à elaboração da folha de pagamento.

Compreender e aplicar os cálculos trabalhistas necessários à elaboração da folha de pagamento. ROTINAS DE ADM. DE PESSOAL - GST1141 Título Cálculos trabalhistas - execícios propostos Objetivo Ao final da realização das atividade o aluno será capaz de: Compreender e aplicar os cálculos trabalhistas

Leia mais

Planejamento Previdenciário

Planejamento Previdenciário Planejamento Previdenciário I. Identificar o que o Cliente precisa e o que você pode oferecer Regime Previdenciário; Contagem do TC; Cálculo; Concessão de Benefício Adm.; Concessão Judicial; Revisão da

Leia mais

REFORMA TRABALHISTA Panorama Atual. Luiz Fernando Alouche julho/2017

REFORMA TRABALHISTA Panorama Atual. Luiz Fernando Alouche julho/2017 REFORMA TRABALHISTA Panorama Atual Luiz Fernando Alouche julho/2017 SUMÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO ALGUNSNÚMEROS COMPARATIVO ANTES E DEPOIS DA REFORMA ALTERAÇÕES NA QUESTÃO PROCESSUAL POSSÍVEIS MODIFICAÇÕES

Leia mais

(Fonte: Valor Econômico dia ). Boletim 818/2015 Ano VII 24/08/2015

(Fonte: Valor Econômico dia ). Boletim 818/2015 Ano VII 24/08/2015 (Fonte: Valor Econômico dia 24-08-2015). Boletim 818/2015 Ano VII 24/08/2015 Demissão é oportunidade para sacar o FGTS e buscar mais rendimento Inflação se aproxima de 10%, enquanto fundo rende apenas

Leia mais

SINDICATO DOS TRABALHADORES NO SERVIÇO PÚBLICO MUNICIPAL DE ITU FILIADO A FESSP-MESP

SINDICATO DOS TRABALHADORES NO SERVIÇO PÚBLICO MUNICIPAL DE ITU FILIADO A FESSP-MESP ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2014/2015 REGIME DE TRABALHO CELETISTA Cláusula 1ª. REPOSIÇÃO SALARIAL. Os empregadores concederão a título de reposição salarial, o percentual correspondente a 5.62% (cinco

Leia mais

FGTS: saque começa hoje para 85,5 mil cearenses

FGTS: saque começa hoje para 85,5 mil cearenses FGTS: saque começa hoje para 85,5 mil cearenses 1 / 5 Fortaleza/Brasília. Começa hoje (10) o pagamento das contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para trabalhadores nascidos nos

Leia mais

GERANDO O ARQUIVO HOMOLOGNET DENTRO DO ATHENAS 1º Passo: Após a rescisão de contrato ter sido calculada e efetivada o usuário deverá verificar quais

GERANDO O ARQUIVO HOMOLOGNET DENTRO DO ATHENAS 1º Passo: Após a rescisão de contrato ter sido calculada e efetivada o usuário deverá verificar quais GERANDO O ARQUIVO HOMOLOGNET DENTRO DO ATHENAS 1º Passo: Após a rescisão de contrato ter sido calculada e efetivada o usuário deverá verificar quais as verbas que compõe o seu cálculo, lembrando que deve

Leia mais

formação desemprego Emprego e Formação Santé autorização de trabalho direitos salário contrato de trabalho procura de emprego equivalência de diplomas

formação desemprego Emprego e Formação Santé autorização de trabalho direitos salário contrato de trabalho procura de emprego equivalência de diplomas direitos autorização de trabalho formação autônomo contrato de trabalho procura de emprego equivalência de diplomas desemprego sindicatos salário Emprego e Formação Santé Trabalhar permite de sustentar

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO, que firmam SINDICATO DAS INDÚSTRIAS. METALÚRGICAS, MECÂNICAS E DE MATERIAL ELÉTRICO DE LAGES, com sede na

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO, que firmam SINDICATO DAS INDÚSTRIAS. METALÚRGICAS, MECÂNICAS E DE MATERIAL ELÉTRICO DE LAGES, com sede na CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2002. CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO, que firmam SINDICATO DAS INDÚSTRIAS METALÚRGICAS, MECÂNICAS E DE MATERIAL ELÉTRICO DE LAGES com sede na Av. Belizário Ramos nº 2.276

Leia mais

Política de Desligamento de Pessoal

Política de Desligamento de Pessoal Objetivo A política de Desligamento de Pessoal da tem por objetivo definir um conjunto de procedimentos para assegurar o desligamento do colaborador de maneira que não cause danos materiais, de imagem

Leia mais

Como organizar a folha de pagamento

Como organizar a folha de pagamento Este conteúdo faz parte da série: Folha de Pagamento Ver 10 posts dessa série O que é: A folha de pagamento é uma lista mensal, semanal ou diária referente à remuneração dos trabalhadores de uma instituição.

Leia mais

FORMULÁRIO DEMITIDO OU APOSENTADO (RN 279)

FORMULÁRIO DEMITIDO OU APOSENTADO (RN 279) FORMULÁRIO DEMITIDO OU APOSENTADO (RN 279) I EXCLUSÃO COM CIÊNCIA DO DIREITO DE MANUTENÇÃO DO PLANO COMO EX-EMPREGADO 1. DADOS DA OPERADORA OPERADORA Unimed Chapecó Coop. de Trab. Méd. da Reg. Oeste Catarinense

Leia mais

Programa de Proteção ao Emprego PPE

Programa de Proteção ao Emprego PPE Programa de Proteção ao Emprego PPE Ministério de Trabalho e Emprego MTE Grupo Técnico da Secretaria Executiva do Comitê do PPE Previsão Legal Medida Provisória n 680, de 6 de julho de 2015; Decreto n

Leia mais

REFORMA TRABALHISTA E REGISTRO DE PONTO

REFORMA TRABALHISTA E REGISTRO DE PONTO A Lei 13.467, conhecida como Reforma Trabalhista, sancionada em 13/07/17, entrará, efetivamente em vigor no próximo mês de novembro. Há diversos pontos nesta Lei que influenciam direta ou indiretamente

Leia mais

CONHEÇA O JURÍDICO DO SECRJ

CONHEÇA O JURÍDICO DO SECRJ CONHEÇA O JURÍDICO DO SECRJ Abril 2015 E saiba mais sobre assédio moral, horas extras, justa causa e outras situações em que você pode contar com o Sindicato para defender seus direitos A CARTILHA É SEU

Leia mais

Plano de Vantagens Itaú

Plano de Vantagens Itaú Plano de Vantagens Itaú Conheça o Plano de Vantagens Itaú para conta poupança. O Plano de Vantagens Itaú oferece benefícios de acordo com o seu relacionamento com o banco e conforme sua utilização de serviços.

Leia mais

POLÍTICA DE VALORIZAÇÃO DA DIVERSIDADE E NÃO DISCRIMINAÇÃO

POLÍTICA DE VALORIZAÇÃO DA DIVERSIDADE E NÃO DISCRIMINAÇÃO POLÍTICA DE VALORIZAÇÃO DA DIVERSIDADE E NÃO DISCRIMINAÇÃO A Petrol Industrial S/A está entre aquelas empresas que estão preocupadas com as questões trabalhistas, procurando adotar os Princípios de Direito

Leia mais

ETEC SÃO MATEUS

ETEC SÃO MATEUS AULA 5 GESTÃO DE PESSOAS I PROF. PROCÓPIO ETEC SÃO MATEUS - 11-03-2016 Não fique sem o conteúdo, acesse: www.professorprocopio.com Processo de Admissão A área de Recursos Humanos (RH) / Departamento Pessoal

Leia mais

MANUTENÇÃO DO PLANO DE SAÚDE APÓS O DESLIGAMENTO DO EMPREGADO

MANUTENÇÃO DO PLANO DE SAÚDE APÓS O DESLIGAMENTO DO EMPREGADO MANUTENÇÃO DO PLANO DE SAÚDE APÓS O DESLIGAMENTO DO EMPREGADO PDVP 2017 Cemig D Cemig GT Cemig H EMPREGADOS APOSENTADOS PELO INSS QUE ADERIRAM AO PDVP 2017 1 O empregado aposentado pelo INSS que aderiu

Leia mais

Veja o que muda para empresários e empregados com a reforma trabalhista

Veja o que muda para empresários e empregados com a reforma trabalhista Veja o que muda para empresários e empregados com a reforma trabalhista Fonte: Folha de São Paulo - Mercado, por Fernanda Perrin, 12/07/2017 O Senado aprovou nesta terça-feira (11) a reforma trabalhista

Leia mais