Desenvolvimento Agrícola e Meio Ambiente

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Desenvolvimento Agrícola e Meio Ambiente"

Transcrição

1 p Relatório Consulta Bico do Papagaio Oficinas 279 pessoas se credenciaram para participar das oficinas na cidade de Tocantinópolis. Foi solicitado à elas que elencassem as demandas e problemas regionais. Após elencados os problemas, os próprios participantes votaram para priorizar as 5 demandas mais importantes da região, e sugerir, a solução em forma de ação para resolver o problema e demanda apresentada. Desenvolvimento Agrícola e Meio Ambiente Demandas Apresentadas Os participantes apresentaram as seguintes demandas para a região: Regularização ambiental rural (11 votos) Selo de inspeção (7 votos) Equipamentos agrícolas (-1 votos) Mecanização agrícola (equipamentos) (7 votos) Assistência técnica e extensão rural (8 votos) Desmatamento (5 votos) Irrigação e aquicultura (5 votos) Queimadas (1 votos) Destino final do lixo (3 votos) Caça (4 votos) Demandas Priorizadas Na oficina, os participantes após votação, priorizaram as seguintes demandas, sugerindo as respectivas soluções: 1 - Regularização ambiental rural (11 votos)

2 Descrição: INSUFICIÊNCIA DE INFRAESTRUTURA PARA O ATENDIMENTO DA ASSISTÊNCIA TÉCNICA E BUROCRACIA NO PROCESSO DE LICENCIAMENTO AMBIENTAL PARA A PEQUENA PROPRIEDADE Solução Proposta: Implantação de Programa de Regularização Ambiental (PRA) () 2 - Assistência técnica e extensão rural (8 votos) Descrição: Deficiência no acesso a assistência técnica e extensão rural pública Solução Proposta: Promoção do Fortalecimento e Modernização do RURALTINS () 3 - Selo de inspeção (7 votos) Descrição: Ausência da descentralização do selo de inspeção em nível estadual e municipal bem como a capacidade de sua implementação pelo poder público Solução Proposta: Selo de inspeção (Promoção da regularização da produção da agricultura familiar com vistas a comercialização junto aos programas oficiais de aquisição de alimentos.) 4 - Mecanização agrícola (equipamentos) (7 votos) Descrição: Má gestão pelos gestores municipais no uso dos equipamentos agrícolas recebidos de programas governamentais Solução Proposta: Mecanização agrícola (equipamentos) (Fortalecimento dos conselhos municipais e da gestão municipal para a utilização da patrulha mecanizada)

3 5 - Desmatamento (5 votos) Descrição: Desmatamento em áreas de preservação permanente, insuficiência no controle/fiscalização e orientação aos produtores rurais e população em geral. Solução Proposta: Apoio ao controle e combate às queimadas e desmatamentos () Ações Priorizadas: De acordo com as prioridades elencadas pela região, as ações ficaram assim priorizadas: 1 - Implantação de Programa de Regularização Ambiental (PRA) 2 - Selo de inspeção 3 - Promoção do Fortalecimento e Modernização do RURALTINS 4 - Mecanização agrícola (equipamentos) 5 - Apoio ao controle e combate às queimadas e desmatamentos Desenvolvimento Regional, Urbano, Industrial e Infraestrutura Demandas Apresentadas Os participantes apresentaram as seguintes demandas para a região: Gestão das Companhias de Águas Municipais (0 votos) Falta de estrutura predial da UNITINS (3 votos)

4 Regularização fundiária (1 votos) Deficit Habitacional (2 votos) Saneamento básico (12 votos) Resíduos sólidos (1 votos) Infraestrutura urbana (2 votos) Rodovias Estaduais não pavimentadas (1 votos) Rodovias Estaduais pavimentadas (3 votos) Insuficiência/Deficiência/Ausencia de infraestrutura urbana (6 votos) Mobilidade Urbana (1 votos) Acesso ao mercado (4 votos) Agroindustria (2 votos) Projeto Sampaio (0 votos) Demandas Priorizadas Na oficina, os participantes após votação, priorizaram as seguintes demandas, sugerindo as respectivas soluções: 1 - Saneamento básico (12 votos) Descrição: falta de tratamento de água e esgoto Solução Proposta: Saneamento básico (Operação do sistema de abastecimento de água e tratamento de esgoto) 2 - Insuficiência/Deficiência/Ausencia de infraestrutura urbana (6 votos) Descrição: Obras inacabadas, Insuficiência de recursos financeiros dos Municípios, falta de pavimentação urbana, Solução Proposta: Pavimentação de vias urbanas () 3 - Acesso ao mercado (4 votos) Descrição: Falta do selo de inspeção municipal, Agroindustrias sem as adequações físicas, legislação inadequada com a agricultura familiar,

5 deficiência na capacitação técnica, organização produtiva Solução Proposta: Apoio à implantação de centros logísticos () 4 - Falta de estrutura predial da UNITINS (3 votos) Descrição: Falta de estrutura predial e equipamentos da UNITINS Solução Proposta: Construção e reforma de edificações públicas () 5 - Rodovias Estaduais pavimentadas (3 votos) Descrição: Deficiência na Manutenção, (tapa buracos, drenagem, sinalização) Solução Proposta: Conservação das rodovias estaduais pavimentadas () Ações Priorizadas: De acordo com as prioridades elencadas pela região, as ações ficaram assim priorizadas: 1 - Saneamento básico 2 - Pavimentação de vias urbanas 3 - Apoio à implantação de centros logísticos 4 - Construção e reforma de edificações públicas 5 - Conservação das rodovias estaduais pavimentadas

6 Segurança, Assistência Social e Direitos Humanos Demandas Apresentadas Os participantes apresentaram as seguintes demandas para a região: Delegacias (-2 votos) Policiamento (0 votos) Delegacias Especializadas (0 votos) estrutura das delegacias, policiais civis,contingente de policiais (0 votos) Ausência dos serviços de proteção social especial (10 votos) Capacitação (0 votos) Co-financiamento (4 votos) Não há levamento da demanda de cursos (0 votos) Infraestrutura esportiva insuficiente (4 votos) Alto de nível desemprego entre os jovens (0 votos) Apoio financeiro insuficiente para Conselhos (0 votos) Alto índice de dependentes químicos (7 votos) Violência doméstica (5 votos) Descontinuidade dos programas Governamentais (0 votos) Unidades das Policia Civil, Técnica e Militar Precárias (3 votos) Efetivo Insuficiente nas Polícias (8 votos) Demandas Priorizadas Na oficina, os participantes após votação, priorizaram as seguintes demandas, sugerindo as respectivas soluções: 1 - Ausência dos serviços de proteção social especial (10 votos) Descrição: Ausência de casa de acolhimento regionalizado para atender crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade e risco social Solução Proposta: Regionalização dos Serviços da Proteção Especial de Média e Alta Complexidade ()

7 2 - Efetivo Insuficiente nas Polícias (8 votos) Descrição: Insuficiência de efetivo policial, delegacias funcionando sem regime de plantão, destacamento desativados Solução Proposta: Realização de Concurso Público () 3 - Alto índice de dependentes químicos (7 votos) Descrição: Falta de casa de apoio para tratamento de dependentes químicos Solução Proposta: Implantação de Núcleo de Atendimento para Dependentes Químicos (Casa de tratamento: programa de inclusão social do dependente químico.) 4 - Violência doméstica (5 votos) Descrição: Mulheres, crianças, idosos que sofrem violência domésticas constantemente Solução Proposta: Fortalecimento dos centros especializados em defesa e proteção dos direitos humanos; () 5 - Infraestrutura esportiva insuficiente (4 votos) Descrição: Atletas sem apoio e espaço físico para o desenvolvimento de esporte de médio e alto rendimento Solução Proposta: Construção, reforma e ampliação de equipamentos esportivos; ()

8 Ações Priorizadas: De acordo com as prioridades elencadas pela região, as ações ficaram assim priorizadas: 1 - Regionalização dos Serviços da Proteção Especial de Média e Alta Complexidade 2 - Realização de Concurso Público 3 - Implantação de Núcleo de Atendimento para Dependentes Químicos 4 - Fortalecimento dos centros especializados em defesa e proteção dos direitos humanos; 5 - Construção, reforma e ampliação de equipamentos esportivos; Saúde Demandas Apresentadas Os participantes apresentaram as seguintes demandas para a região: Descentralização de insumos (5 votos) Descentralização das capacitações (7 votos) Fincanciamento insuficiente da farmacia básica (9 votos) Acesso nas especialidades na região (14 votos) Acesso nas especialidades na região (1 votos) Falha no Fluxo e Contra Fluxo (7 votos) Demora na entrega de exame Citopatológico (5 votos) Não realização do teste do pezinho (1 votos) Falta de autonomia no recurso financeiro (6 votos) Demandas Priorizadas Na oficina, os participantes após votação, priorizaram as seguintes demandas, sugerindo as respectivas soluções:

9 1 - Acesso nas especialidades na região (14 votos) Descrição: Dificuldade de acesso nas consultas e exames na média e alta complexidade na região do Bico do Papagaio; Dificuldade na regulação de pacientes dos municípios nas referencias estabelecidas na PPI; Regulação fora sistema por parte das unidades de referências estadual, fora da lista de espera dos municípios, ficando os mesmo sem atendimento dos seu pacientes Solução Proposta: Oferta da assistência à saúde de média e alta complexidade () 2 - Fincanciamento insuficiente da farmacia básica (9 votos) Descrição: Recurso que os municípios recebem para a aquisição dos medicamentos da farmácia básica é insuficiente; falta de repasse da contra partida do estado na Assistência Farmacêutica. Solução Proposta: Viabilização ao incentivo do cofinancimento do sistema () 3 - Falha no Fluxo e Contra Fluxo (7 votos) Descrição: Falha na comunicação no fluxo e contra fluxo com os municípios e unidades de saúde das referencias, nos serviços de MAC. Solução Proposta: Viabilização do acesso aos serviços de saúde de forma regulada e oportuna () 4 - Descentralização das capacitações (7 votos) Descrição: Descentralização das capacitações para as regiões ( acolhimento, saúde bucal, saúde pública e outros)

10 Solução Proposta: Cooperação técnica com municípios na gestão em saúde (para elaboração e monitoramento dos instrumentos de planejamento e gestão, NEP, VISA, AB, Regulação, etc) () 5 - Falta de autonomia no recurso financeiro (6 votos) Descrição: Secretários são ordenadores de despesa, mas falta autonomia para gerir os recursos da saúde conforme legislação do SUS. Solução Proposta: Cooperação técnica com municípios na gestão em saúde (para elaboração e monitoramento dos instrumentos de planejamento e gestão, NEP, VISA, AB, Regulação, etc) () Ações Priorizadas: De acordo com as prioridades elencadas pela região, as ações ficaram assim priorizadas: 1 - Oferta da assistência à saúde de média e alta complexidade 2 - Viabilização ao incentivo do cofinancimento do sistema 3 - Viabilização do acesso aos serviços de saúde de forma regulada e oportuna 4 - Cooperação técnica com municípios na gestão em saúde (para elaboração e monitoramento dos instrumentos de planejamento e gestão, NEP, VISA, AB, Regulação, etc) Educação e Conhecimento Demandas Apresentadas

11 Os participantes apresentaram as seguintes demandas para a região: Infraestrutura (34 votos) Mobiliários e equipamentos pedagógicos (30 votos) Formação e Valorização (33 votos) Preparação para desenvolver projetos (2 votos) Conselhos de Cultura (0 votos) Transporte escolar (-1 votos) Transporte escolar (5 votos) Graduação (4 votos) Demandas Priorizadas Na oficina, os participantes após votação, priorizaram as seguintes demandas, sugerindo as respectivas soluções: 1 - Infraestrutura (34 votos) Descrição: Falta salas de aulas suficientes para acolher o número de alunos, bem como, climatização, informatização, acessibilidade para alunos deficientes, falta quadra e cobertura das quadras poliesportivas já existentes, laboratórios de ciências, rede elétrica inadequada, parques infantis, refeitórios, biblioteca, brinquedoteca e videoteca. Solução Proposta: Construção e adequação arquitetônica das unidades escolares (Construção e adequação arquitetônica, a acessibilidade a integração, a articulação dos ambientes físicos e arquitetõnicos adequados, que respeitem as identidades e especificidades da demanda nas instituições de ensino. ) 2 - Formação e Valorização (33 votos) Descrição: Falta curso de formação que atenda os professores de forma adequada: formadores preparados com competência e habilidades para ministrar. Licênça para especialização e doutorado. Falta política de valorização do servidor. Falta parcerias com universidades para aumento de oferta de cursos específicos para especialização, mestrado e doutorado para professores. Falta formação por área de conhecimento.

12 Solução Proposta: Oferta de cursos de formação inicial e continuada. (Garantia de formação inicial e continuada de todos os professores da educação básica em nível superior público, obtida em curso de licenciatura na área de atuação e implementação do programa de formação continuada para profissionais da Educação Básica. ) 3 - Mobiliários e equipamentos pedagógicos (30 votos) Descrição: Mobiliários e equipamentos pedagógicos, tecnológicos, laboratóriais, multimídia insuficientes e inadequados; (carteiras escolares, computadores, impressoras(tonner), datashow, caixa de som amplificada, copiadora. Mobiliários inadequados para atender os deficientes e a faixa etária. Solução Proposta: Garantia de Equipamentos e Mobiliários (Garantia de equipamentos e mobiliários a toda a Rede de Ensino, recursos tecnológicos digitais de qualidade e acessibilidade às pessoas com deficiências.) 4 - Transporte escolar (5 votos) Descrição: Número insuficiente de ônibus escolar para transportar os alunos. Que toda frota seja acessível e climatizada. Falta ou insuficência do repasse de recursos financeiros. Solução Proposta: Oferta e fiscalização de transporte acessível (Oferta de transporte escolar acessível, bem como fiscalização do repasse financeiro aos municípios, manutenção e reparação da frota. ) 5 - Graduação (4 votos) Descrição: Falta ampliação de oferta de cursos de graduação nas modalidades EAD e presencial. Solução Proposta: Garantia da ampliação de oferta de cursos de graduação. (Garantia de oferta de cursos de nível superior a comunidade, ofertando novos cursos de acordo com a demanda regional. )

13 Ações Priorizadas: De acordo com as prioridades elencadas pela região, as ações ficaram assim priorizadas: 1 - Construção e adequação arquitetônica das unidades escolares 2 - Oferta de cursos de formação inicial e continuada. 3 - Garantia de Equipamentos e Mobiliários 4 - Oferta e fiscalização de transporte acessível 5 - Garantia da ampliação de oferta de cursos de graduação. Gestão Pública Demandas Apresentadas Os participantes apresentaram as seguintes demandas para a região: Falta de Capacitação (17 votos) Paralisação dos Consórcios Intermunicipais (13 votos) Demandas Priorizadas Na oficina, os participantes após votação, priorizaram as seguintes demandas, sugerindo as respectivas soluções: 1 - Falta de Capacitação (17 votos) Descrição: Falta de capacitação de técnicos na rede siconv

14 Solução Proposta: Gestão de treinamento para captação de recursos - Redesiconv. () 2 - Paralisação dos Consórcios Intermunicipais (13 votos) Descrição: Paralisação dos Consórcios Intermunicipais Solução Proposta: Apoio aos municípios na estruturação dos consórcios () Ações Priorizadas: De acordo com as prioridades elencadas pela região, as ações ficaram assim priorizadas: 1 - Gestão de treinamento para captação de recursos - Redesiconv. 2 - Apoio aos municípios na estruturação dos consórcios

Desenvolvimento Agrícola e Meio Ambiente

Desenvolvimento Agrícola e Meio Ambiente p Relatório Consulta Pública Região Nordeste Oficinas 334 pessoas se credenciaram para participar das oficinas na cidade de Pedro Afonso. Foi solicitado à elas que elencassem as demandas e problemas regionais.

Leia mais

Desenvolvimento Agrícola e Meio Ambiente

Desenvolvimento Agrícola e Meio Ambiente p Relatório Consulta Pública Região Sudeste Oficinas 274 pessoas se credenciaram para participar das oficinas na cidade de Natividade. Foi solicitado à elas que elencassem as demandas e problemas regionais.

Leia mais

Desenvolvimento Agrícola e Meio Ambiente

Desenvolvimento Agrícola e Meio Ambiente p Relatório Consulta Pública Região Noroeste Oficinas 391 pessoas se credenciaram para participar das oficinas na cidade de Colinas. Foi solicitado à elas que elencassem as demandas e problemas regionais.

Leia mais

Prefeitura Municipal de AJURICABA LDO - Lei de Diretrizes Orçamentárias - 2016 Anexo V - Meta Fiscal da Despesa - Rol de Programas

Prefeitura Municipal de AJURICABA LDO - Lei de Diretrizes Orçamentárias - 2016 Anexo V - Meta Fiscal da Despesa - Rol de Programas Página: 1 0000 OPERAÇÕES ESPECIAIS 101 Restituição de Recursos 4.000,00 5.000,00 6.000,00 201 Contribuição PASEP 290.000,00 300.000,00 310.000,00 301 Sentenças Judiciais e Precatórios 6.000,00 8.000,00

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE CRUZEIRO DO SUL PPA 2010/2013 CLASSIFICAÇÃO DOS PROGRAMAS E AÇÕES POR FUNÇÃO E SUBFUNÇÃO SUBFUNÇÃO PROGRAMA AÇÃO

PREFEITURA MUNICIPAL DE CRUZEIRO DO SUL PPA 2010/2013 CLASSIFICAÇÃO DOS PROGRAMAS E AÇÕES POR FUNÇÃO E SUBFUNÇÃO SUBFUNÇÃO PROGRAMA AÇÃO FUNÇÃO: 01 - LEGISLATIVA 031 Ação Legislativa 0001 - Execução da Ação Legislativa Manutenção das Atividades Legislativas FUNÇÃO: 02 - JUDICIÁRIA 122 Administração Geral 0006 - Defesa Jurídica do Município

Leia mais

DIRETRIZES GERAIS PARA UM PLANO DE GOVERNO

DIRETRIZES GERAIS PARA UM PLANO DE GOVERNO DIRETRIZES GERAIS PARA UM PLANO DE GOVERNO Ações de Inclusão Social e de Combate à Pobreza Modelo Próprio de Desenvolvimento Infra-estrutura para o Desenvolvimento Descentralizado Transparência na Gestão

Leia mais

PLANO DE GOVERNO TULIO BANDEIRA PTC 36

PLANO DE GOVERNO TULIO BANDEIRA PTC 36 PLANO DE GOVERNO TULIO BANDEIRA PTC 36 GESTÃO PÚBLICA Garantir ampla participação popular na formulação e acompanhamento das políticas públicas; Criação do SOS Oprimidos, onde atenda desde pessoas carentes

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE CRUZEIRO DO SUL PPA 2010/2013 CLASSIFICAÇÃO DOS PROGRAMAS E AÇÕES POR FUNÇÃO E SUBFUNÇÃO SUBFUNÇÃO PROGRAMA AÇÃO

PREFEITURA MUNICIPAL DE CRUZEIRO DO SUL PPA 2010/2013 CLASSIFICAÇÃO DOS PROGRAMAS E AÇÕES POR FUNÇÃO E SUBFUNÇÃO SUBFUNÇÃO PROGRAMA AÇÃO FUNÇÃO: 01 - LEGISLATIVA 31 Ação Legislativa 0001- Execução da Ação Legislativa 2001 - Manutenção das Atividades Legislativas da Câmara Municipal FUNÇÃO: 02 - JUDICIÁRIA 122 Administração Geral 0006- Defesa

Leia mais

Ação Produto(Unidade) Metas 2015 Manutenção das Atividades da Câmara Municipal Câmara Mantida(unidade) 1

Ação Produto(Unidade) Metas 2015 Manutenção das Atividades da Câmara Municipal Câmara Mantida(unidade) 1 MUNICÍPIO DE CRUZEIRO DO SUL ACRE GABINETE DO PREFEITO ANEXO I (Lei Municipal n 704, de 07/10/2015) 0001 - EXECUÇÃO DA AÇÃO LEGISLATIVA Apreciar proposição em geral, apurar fatos determinados, exercer

Leia mais

MUNICÍPIO DE CARAPEBUS LDO 2015 ANEXO DE METAS E PRIORIDADES METAS E PRIORIDADES 2015

MUNICÍPIO DE CARAPEBUS LDO 2015 ANEXO DE METAS E PRIORIDADES METAS E PRIORIDADES 2015 - 1350 Página 1 PROGRAMA 0000 ENCARGOS ESPECIAIS OBJETIVO DAR SUPORTE A DIVIDA CONTRATADA ORIUNDA DE PARCELAMENTOS, SUBVENÇÕES E DEMAIS OPERAÇÕES ESPECIAIS. 0010 AMORTIZAÇÃO PARCELAMENTO/ENCARGOS SOBRE

Leia mais

1.2 - Implantação do programa de habitação rural (construção de casas de qualidade nas propriedades rurais).

1.2 - Implantação do programa de habitação rural (construção de casas de qualidade nas propriedades rurais). PLANO DE GOVERNO - ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA PARTICIPATIVA PARA 2013/2016 COLIGAÇÃO O PRESENTE NOS PERMITE SEGUIR EM FRENTE - CANDIDATO A PREFEITO PEDRINHO DA MATA 11 Ações a serem realizadas por Secretarias:

Leia mais

Código Especificação Fiscal Seg.Social Investimentos Total

Código Especificação Fiscal Seg.Social Investimentos Total 100 Fortalecimento da Atuação Legislativa 8.475.000 8.475.000 101 Fortalecimento do Controle Externo Estadual 80.649.880 80.649.880 102 Fortalecimento do Controle Externo Municipal 3.245.000 3.245.000

Leia mais

SÃO BERNARDO DO CAMPO

SÃO BERNARDO DO CAMPO 1 PPA Participativo 2014-2017 Prestação de Contas O PPA Participativo 2014-2017 em números 21 plenárias 13.471 participantes 200 grupos de trabalho 400 diretrizes 55 programas e ações R$ 18,6 bilhões 3

Leia mais

PLANO DE GOVERNO 2015-2018 EXPEDITO JÚNIOR....o futuro pode ser melhorado por uma intervenção ativa no presente. Russel Ackoff

PLANO DE GOVERNO 2015-2018 EXPEDITO JÚNIOR....o futuro pode ser melhorado por uma intervenção ativa no presente. Russel Ackoff PLANO DE GOVERNO 2015-2018 EXPEDITO JÚNIOR...o futuro pode ser melhorado por uma intervenção ativa no presente. Russel Ackoff Julho/2014 0 APRESENTAÇÃO Se fôssemos traduzir o Plano de Governo 2015-2018

Leia mais

Pauta do Grito da Terra Brasil GTB Estadual 2014 APRESENTAÇÃO

Pauta do Grito da Terra Brasil GTB Estadual 2014 APRESENTAÇÃO APRESENTAÇÃO O ano de 2014 foi eleito oficialmente pela FAO (Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura) como o Ano Internacional da Agricultura familiar. Tendo como objetivo aumentar

Leia mais

EIXO DE TRABALHO 01 DIREITO A CIDADANIA, PARTICIPAÇÃO SOCIAL E POLÍTICA E A REPRESENTAÇÃO JUVENIL

EIXO DE TRABALHO 01 DIREITO A CIDADANIA, PARTICIPAÇÃO SOCIAL E POLÍTICA E A REPRESENTAÇÃO JUVENIL EIXO DE TRABALHO 01 DIREITO A CIDADANIA, PARTICIPAÇÃO SOCIAL E POLÍTICA E A REPRESENTAÇÃO JUVENIL Proposta I Fomentar a criação de grêmios estudantis, fóruns de juventude, diretórios centrais de estudantes,

Leia mais

AUDIÊNCIA PÚBLICA ELABORAÇÃO LDO 2016 AVALIAÇÃO E PRIORIZAÇÃO DOS PROGRAMAS DE GOVERNO

AUDIÊNCIA PÚBLICA ELABORAÇÃO LDO 2016 AVALIAÇÃO E PRIORIZAÇÃO DOS PROGRAMAS DE GOVERNO Visando fazer gestão pública em sintonia com a sociedade, de modo democrático, a Prefeitura Municipal do Cabo de Santo Agostinho, através da Secretaria Municipal de Planejamento e Meio Ambiente, submete

Leia mais

Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior. Secretaria Especial de Políticas de Promoção da Igualdade Racial

Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior. Secretaria Especial de Políticas de Promoção da Igualdade Racial 0352 Abastecimento Agroalimentar 22000 1049 Acesso à Alimentação 0351 Agricultura Familiar - PRONAF 1215 Alimentação Saudável 1016 Artesanato Brasileiro 28000 0135 Assentamentos Sustentáveis para Trabalhadores

Leia mais

PLANO PLURIANUAL DE AÇÃO GOVERNAMENTAL 2012-2015 RELAÇÃO DE PROGRAMAS SOCIAIS (Inciso I do art. 12 da Lei n.º 20.024, de 9 de janeiro de 2012)

PLANO PLURIANUAL DE AÇÃO GOVERNAMENTAL 2012-2015 RELAÇÃO DE PROGRAMAS SOCIAIS (Inciso I do art. 12 da Lei n.º 20.024, de 9 de janeiro de 2012) ADMINISTRAÇÃO DE ESTÁDIOS DO ESTADO DE MINAS GERAIS 181 GERENCIAMENTO DE ESTÁDIOS E PROMOÇÃO DE EVENTOS ESPORTIVOS, RELIGIOSOS E SOCIO-CULTURAIS AGÊNCIA REGULADORA DE SERVIÇOS DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA

Leia mais

Implementação de Centro de Reabilitação para Dependentes Químicos; Criação de Consultório Odontológico no PSF de Itapema do Norte;

Implementação de Centro de Reabilitação para Dependentes Químicos; Criação de Consultório Odontológico no PSF de Itapema do Norte; PROPOSTA DE GOVERNO ITAPOÁ SC * 2013-2016 A presente proposta de governo é apresentada em linha gerais, com a finalidade de compor o acervo documental para o pedido de registro de candidatura aos cargos

Leia mais

Capacitação Gerencial PST

Capacitação Gerencial PST Capacitação Gerencial PST Secretaria Nacional de Esporte, Educação, Lazer e Inclusão Social SNELIS Ministério do Esporte Direito Social É dever do estado fomentar práticas desportivas formais e não formais:

Leia mais

CÂMARA TÉCNICA DE ARQUITETURA E URBANISMO HABITAÇÃO DE INTERESSE SOCIAL LEI ASSISTÊNCIA TÉCNICA PÚBLICA E GRATUITA

CÂMARA TÉCNICA DE ARQUITETURA E URBANISMO HABITAÇÃO DE INTERESSE SOCIAL LEI ASSISTÊNCIA TÉCNICA PÚBLICA E GRATUITA CÂMARA TÉCNICA DE ARQUITETURA E URBANISMO HABITAÇÃO DE INTERESSE SOCIAL LEI ASSISTÊNCIA TÉCNICA PÚBLICA E GRATUITA 2015 PROGRAMA Com base na car,lha elaborado em MG. 1. Contextualização 2. Legislação 3.

Leia mais

DIRETRIZES GERAIS PARA ELABORAÇÃO DE UM PLANO DE GOVERNO

DIRETRIZES GERAIS PARA ELABORAÇÃO DE UM PLANO DE GOVERNO DIRETRIZES GERAIS PARA ELABORAÇÃO DE UM PLANO DE GOVERNO POR UM CEARÁ MELHOR PRA TODOS A COLIGAÇÃO POR UM CEARA MELHOR PRA TODOS, com o objetivo de atender à Legislação Eleitoral e de expressar os compromissos

Leia mais

PARTICIPAÇÃO POPULAR E CIDADÃ ORÇAMENTO ESTADUAL 2012

PARTICIPAÇÃO POPULAR E CIDADÃ ORÇAMENTO ESTADUAL 2012 PARTICIPAÇÃO POPULAR E CIDADÃ ORÇAMENTO ESTADUAL 2012 Apoio Gabinete do Vice-Governador Secretaria-Executiva do Conselho Estadual de Desenvolvimento Econômico e Social Gabinete dos Prefeitos e Relações

Leia mais

PREFEITURA DE SÃO JOSÉ DO RIO PRETO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO, CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO

PREFEITURA DE SÃO JOSÉ DO RIO PRETO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO, CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO PROGRAMA DE METAS Gestão 2013/2016 APRESENTAÇÃO... 2 I - VISÃO DO MUNICÍPIO... 3 II COMPROMISSO... 3 III PRINCÍPIOS DE GESTÃO... 3 IV DIRETRIZES ESTRATÉGIAS... 4 PROGRAMA DE METAS DESENVOLVIMENTO URBANO...

Leia mais

Demonstrativo de Funções, Subfunções e Programas por Projetos e Atividades - Anexo VII

Demonstrativo de Funções, Subfunções e Programas por Projetos e Atividades - Anexo VII 01 Legislativa 3.000.000 52.200.000 55.200.000 01031 Ação Legislativa 7.834.000 7.834.000 010310028 ATUAÇÃO LEGISLATIVA DA CÂMARA MUNICIPAL DE 7.834.000 7.834.000 01122 Administração Geral 3.000.000 38.140.000

Leia mais

ANEXO IX - DEMONSTRATIVO VII METAS E PRIORIDADES - COMPATIBILIZAÇÃO DA LEI DE DIRETRIZES ORÇAMENTÁRIAS COM O PLANO PLURIANUAL

ANEXO IX - DEMONSTRATIVO VII METAS E PRIORIDADES - COMPATIBILIZAÇÃO DA LEI DE DIRETRIZES ORÇAMENTÁRIAS COM O PLANO PLURIANUAL METAS E PRIORIDADES - COMPATIBILIZ DA LEI DE DIRETRIZES ORÇAMENTÁRIAS COM O PLANO PLURIANUAL TÍTULO PRODUTO TIPO DE META 2013 2001 Administração Legislativa Serviços Realizados ORÇAMENTÁRIA 95% 0001 GESTÃO

Leia mais

PROPOSTAS DE CAMPANHA COLIGAÇÃO COLIGAÇÃO QUATRO MELHOR. SIRLEY JUNQUEIRA Prefeita e JOEL RAMOS Vice-Prefeito

PROPOSTAS DE CAMPANHA COLIGAÇÃO COLIGAÇÃO QUATRO MELHOR. SIRLEY JUNQUEIRA Prefeita e JOEL RAMOS Vice-Prefeito PROPOSTAS DE CAMPANHA COLIGAÇÃO COLIGAÇÃO QUATRO MELHOR SIRLEY JUNQUEIRA Prefeita e JOEL RAMOS Vice-Prefeito 1. PLANEJAMENTO - Planejar o desenvolvimento do município em todos os seguimentos. - Criar centro

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE MINISTRO ANDREAZZA Estado de Rondônia Exercício:

PREFEITURA MUNICIPAL DE MINISTRO ANDREAZZA Estado de Rondônia Exercício: Função 01 Legislativa 031 Legislativa 0001 APOIO ADMINISTRATIVO DO PODER LEGISLATIVO 2001 MANUTENÇÃO DOS SERVIÇOS ADMINISTRATIVOS DA CAMARA MUNICIPAL 0001 APOIO ADMINISTRATIVO DO PODER LEGISLATIVO 2002

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE BETÂNIA Estado de Pernambuco LEI Nº 636 /2012 DE DIRETRIZES ORÇAMENTÁRIAS 2013 Anexo de Prioridades e Metas ( Sintético )

PREFEITURA MUNICIPAL DE BETÂNIA Estado de Pernambuco LEI Nº 636 /2012 DE DIRETRIZES ORÇAMENTÁRIAS 2013 Anexo de Prioridades e Metas ( Sintético ) Anexo de Prioridades e s ( Sintético ) s Processo Legislativo Administração Legislativa Planejamento Governamental Gestão Política Administrativa Suporte Administrativo Garantir o exercício da função legislativa

Leia mais

EIXO 2 PROTEÇÃO E DEFESA DOS DIREITOS: PROPOSTAS APROVADAS OBTIVERAM ENTRE 80 e 100% DOS VOTOS

EIXO 2 PROTEÇÃO E DEFESA DOS DIREITOS: PROPOSTAS APROVADAS OBTIVERAM ENTRE 80 e 100% DOS VOTOS EIXO 2 PROTEÇÃO E DEFESA DOS DIREITOS: PROPOSTAS APROVADAS OBTIVERAM ENTRE 80 e 100% DOS VOTOS Garantir a elaboração e implementação da Política e do Plano Decenal de Direitos Humanos de Criança e Adolescente

Leia mais

PLANO DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL 2014-2018 PROPOSTAS DE METAS, AÇÕES E INDICADORES

PLANO DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL 2014-2018 PROPOSTAS DE METAS, AÇÕES E INDICADORES PLANO DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE MINAS GERAIS PROPOSTAS DE METAS, AÇÕES E INDICADORES CAMPUS CONGONHAS DEZEMBRO - 2013 INFRA-ESTRUTURA Objetivo

Leia mais

PLANO DE AÇÃO-DIREÇÃO DO CAMPUS TERESINA ZONA SUL GESTÃO 2013-2017

PLANO DE AÇÃO-DIREÇÃO DO CAMPUS TERESINA ZONA SUL GESTÃO 2013-2017 PLANO DE AÇÃO-DIREÇÃO DO CAMPUS TERESINA ZONA SUL GESTÃO 2013-2017 O ensino, como a justiça, como a administração, prospera e vive muito mais realmente da verdade e da moralidade, com que se pratica do

Leia mais

PODER EXECUTIVO - PROGRAMAS ESTRUTURADORES PLANO PLURIANUAL - 2010/2013 - Lei 6.716, de 22 de dezembro de 2010.

PODER EXECUTIVO - PROGRAMAS ESTRUTURADORES PLANO PLURIANUAL - 2010/2013 - Lei 6.716, de 22 de dezembro de 2010. 2001 Administração Legislativa Serviços Realizados Percentual 95% 0001 GESTÃO LEGISLATIVA E CIDADANIA 2002 Processamento Legislativo Ações Realizadas Percentual 95% 2003 Modernização Administrativa Gestão

Leia mais

b. Completar a implantação da Rede com a construção de hospitais regionais para atendimentos de alta complexidade.

b. Completar a implantação da Rede com a construção de hospitais regionais para atendimentos de alta complexidade. No programa de governo do senador Roberto Requião, candidato ao governo do estado pela coligação Paraná Com Governo (PMDB/PV/PPL), consta um capítulo destinado apenas à universalização do acesso à Saúde.

Leia mais

PROPOSTAS PARA A REDUÇÃO DA VIOLÊNCIA

PROPOSTAS PARA A REDUÇÃO DA VIOLÊNCIA PROPOSTAS PARA A REDUÇÃO DA VIOLÊNCIA 1. Criar o Fórum Metropolitano de Segurança Pública Reunir periodicamente os prefeitos dos 39 municípios da Região Metropolitana de São Paulo para discutir, propor,

Leia mais

PROPOSTA DE AÇÕES PARA ELABORAÇÃO DO PLANO ESTADUAL DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA

PROPOSTA DE AÇÕES PARA ELABORAÇÃO DO PLANO ESTADUAL DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA PROPOSTA DE AÇÕES PARA ELABORAÇÃO DO PLANO ESTADUAL DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA Proposta de ações para elaboração do Plano Estadual da Pessoa com Deficiência Objetivo Geral: Contribuir para a implementação

Leia mais

Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI)

Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI) Presidência da República Controladoria-Geral da União Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI) PROGRAMA DE ERRADICAÇÃO DO TRABALHO INFANTIL (PETI) O PETI é um programa do Governo Federal que

Leia mais

Plano de Gestão 2013-2016 IFSP Campus Caraguatatuba

Plano de Gestão 2013-2016 IFSP Campus Caraguatatuba Visão Institucional O Campus Caraguatatuba do IFSP desenvolveu-se nos últimos anos, ampliando os cursos oferecidos, desde a Formação Inicial e Continuada, passando pelos Cursos Técnicos, de Tecnologia,

Leia mais

PMS-MT Cartilha. Breve histórico e Abrangência Objetivos gerais e benefícios esperados Componentes. Governança Funcionamento do Programa

PMS-MT Cartilha. Breve histórico e Abrangência Objetivos gerais e benefícios esperados Componentes. Governança Funcionamento do Programa PMS-MT Cartilha Breve histórico e Abrangência Objetivos gerais e benefícios esperados Componentes Fortalecimento da gestão ambiental municipal Contexto e benefícios Tarefas Regularização ambiental e fundiária

Leia mais

MUNICÍPIO DE CRUZEIRO DO SUL - ACRE GABINETE DO PREFEITO. ANEXO I (Lei n 513, de 22/10/2009 - Diretrizes Orçamentárias 2010)

MUNICÍPIO DE CRUZEIRO DO SUL - ACRE GABINETE DO PREFEITO. ANEXO I (Lei n 513, de 22/10/2009 - Diretrizes Orçamentárias 2010) Pág. 1 de 7 ANEXO I (Lei n 513, de 22/10/2009 - Diretrizes Orçamentárias 2010) PRIORIDADES E METAS PARA 2010 PODER LEGISLATIVO AÇÃO LEGISLATIVA - Dar apoio administrativo e garantir a manutenção das ações,

Leia mais

CÂMARA DOS DEPUTADOS Gabinete do Deputado ODAIR CUNHA PT/MG

CÂMARA DOS DEPUTADOS Gabinete do Deputado ODAIR CUNHA PT/MG PROGRAMAS ABERTOS MINISTÉRIO DA PESCA Código do Programa 5800020130061 Administração Pública Estadual ou do Distrito Federal Programa 20.122.2113.2000.0001.0001 - Adminstração da Unidade - Nacional A atividade

Leia mais

PPAG 2012-2015 Monitoramento Janeiro a Junho de 2012. Rede de Educação e Desenvolvimento Humano PROGRAMA 003 MELHOR EMPREGO 003 MELHOR EMPREGO

PPAG 2012-2015 Monitoramento Janeiro a Junho de 2012. Rede de Educação e Desenvolvimento Humano PROGRAMA 003 MELHOR EMPREGO 003 MELHOR EMPREGO 003 MELHOR EMPREGO PROGRAMA 003 MELHOR EMPREGO (A) (F) REALIZADA % C/B REPROGRA % F/E JAN A JUN MADA IMPLEMENTAR E ARTICULAR AÇÕES VISANDO A DIMINUIÇÃO DO TEMPO DE DE DESEMPREGO DO ATENDIMENTO TRABALHADOR

Leia mais

Propostas da LDO 2013

Propostas da LDO 2013 Propostas da LDO 2013 Secretaria Municipal de Educação Complementação da Merenda Escolar; Reforma de Escolas; Construção de Escolas; Reparos em Escolas; Construção de Espaços para prática de Educação Física;

Leia mais

Objetivos Consolidar uma política garantidora de direitos Reduzir ainda mais a desigualdade social

Objetivos Consolidar uma política garantidora de direitos Reduzir ainda mais a desigualdade social AGENDA SOCIAL AGENDA SOCIAL Estamos lutando por um Brasil sem pobreza, sem privilégios, sem discriminações. Um país de oportunidades para todos. A melhor forma para um país crescer é fazer que cada vez

Leia mais

Conferência Municipal de Desenvolvimento Rural Sustentável e Solidário Por um Brasil Rural com Gente do Jeito que a Gente Quer

Conferência Municipal de Desenvolvimento Rural Sustentável e Solidário Por um Brasil Rural com Gente do Jeito que a Gente Quer Serviço Público Prefeitura de Ubatã Secretaria de Agricultura e Desenvolvimento Rural Coordenação da Conferência de Desenvolvimento Rural Sustentável e Solidário Conferência de Desenvolvimento Rural Sustentável

Leia mais

Secretarias, competências e horários de funcionamento. Secretaria de Administração, Planejamento e Gestão

Secretarias, competências e horários de funcionamento. Secretaria de Administração, Planejamento e Gestão Secretarias, competências e horários de funcionamento Secretaria de Administração, Planejamento e Gestão (Horário de funcionamento: das 07:00 as 13:00 horas) I - recebimento e processamento de reclamações,

Leia mais

Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos Secretaria Executiva de Desenvolvimento e Assistência Social Gerência de Planejamento,

Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos Secretaria Executiva de Desenvolvimento e Assistência Social Gerência de Planejamento, Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos Secretaria Executiva de Desenvolvimento e Assistência Social Gerência de Planejamento, Projetos e Capacitação Ministério do Desenvolvimento Social

Leia mais

Buscando trabalhar aspectos sociais e humanos, a coligação juntos por São Tomás apresenta a este órgão seu plano de trabalho para período 2013 2017.

Buscando trabalhar aspectos sociais e humanos, a coligação juntos por São Tomás apresenta a este órgão seu plano de trabalho para período 2013 2017. Plano de governo São Tomás de Aquino Coligação: juntos por São Tomás Buscando trabalhar aspectos sociais e humanos, a coligação juntos por São Tomás apresenta a este órgão seu plano de trabalho para período

Leia mais

CLASSIFICAÇÃO DOS PROGRAMAS E AÇÕES POR FUNÇÃO E SUBFUNÇÃO

CLASSIFICAÇÃO DOS PROGRAMAS E AÇÕES POR FUNÇÃO E SUBFUNÇÃO Função 04 Administração 061 Judiciária 0004 CUMPRIMENTO DAS SENTENÇAS JUDICIAIS 2055 CUMPRIMENTO DAS SENTENÇAS JUDICIAIS 121 Planejamento e Orçamento 0048 ORÇAMENTO PARTICIPATIVO 2125 APOIO AO EXERCÍCIO

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE MORRO REDONDO PLANO PLURIANUAL 2014/2017 ANEXO I - PROGRAMAS SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE E ASSISTÊNCIA SOCIAL

PREFEITURA MUNICIPAL DE MORRO REDONDO PLANO PLURIANUAL 2014/2017 ANEXO I - PROGRAMAS SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE E ASSISTÊNCIA SOCIAL PREFEITURA MUNICIPAL DE MORRO REDONDO PLANO PLURIANUAL 2014/2017 ANEXO I - PROGRAMAS SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE E ASSISTÊNCIA SOCIAL PROGRAMA: 0070- Gestão do SUS do Município OBJETIVO: Gerir e controlar

Leia mais

ESPORTE NÃO É SÓ PARA ALGUNS, É PARA TODOS! Esporte seguro e inclusivo. Nós queremos! Nós podemos!

ESPORTE NÃO É SÓ PARA ALGUNS, É PARA TODOS! Esporte seguro e inclusivo. Nós queremos! Nós podemos! ESPORTE NÃO É SÓ PARA ALGUNS, É PARA TODOS! Esporte seguro e inclusivo. Nós queremos! Nós podemos! Documento final aprovado por adolescentes dos Estados do Amazonas, da Bahia, do Ceará, do Mato Grosso,

Leia mais

Nova Lagoa Santa Ações de Governo

Nova Lagoa Santa Ações de Governo Nova Lagoa Santa Ações de Governo Objetivos de Desenvolvimento do Milênio ODM Visam tornar o mundo mais humano, eliminando a pobreza e a miséria até 2015, promovendo a melhoria da qualidade de vida da

Leia mais

RELATÓRIO DAS OFICINAS SOBRE LICENCIAMENTO AMBIENTAL DOS PROJETOS DE ASSENTAMENTO DO PROGRAMA NACIONAL DE REFORMA AGRÁRIA

RELATÓRIO DAS OFICINAS SOBRE LICENCIAMENTO AMBIENTAL DOS PROJETOS DE ASSENTAMENTO DO PROGRAMA NACIONAL DE REFORMA AGRÁRIA MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE MMA MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO MDA INSTITUTO NACIONAL DE COLONIZAÇÃO E REFORMA AGRÁRIA INCRA RELATÓRIO DAS OFICINAS SOBRE LICENCIAMENTO AMBIENTAL DOS PROJETOS DE

Leia mais

METAS DA EDUCAÇÃO INFANTIL

METAS DA EDUCAÇÃO INFANTIL METAS DA EDUCAÇÃO INFANTIL Meta 01. Universalizar, até 2016, o atendimento escolar da população de 04 a 5 anos de idade e ampliar, a oferta de educação infantil em creches de forma a atender a 50% da população

Leia mais

Inclusão Social - mudanças K A T I A C A V A L C A N T E 2 0 1 4

Inclusão Social - mudanças K A T I A C A V A L C A N T E 2 0 1 4 Inclusão Social - mudanças K A T I A C A V A L C A N T E 2 0 1 4 Sumário Assistência Social Saúde Educação Infraestrutura - Comunicação e Energia Moradia Bolsa Família Bolsa Verde Direitos Culturais A

Leia mais

Agendas Transversais

Agendas Transversais Reunião do Conselho Nacional de Direitos da Mulher - CNDM Agendas Transversais Maria do Rosário Cardoso Andrea Ricciardi 02/10/2013 Ministério do Planejamento 1 AGENDAS TRANSVERSAIS Igualdade Racial, Comunidades

Leia mais

ESTADO MATO GROSSO PREFEITURA MUNICIPAL DE VARZEA GRANDE

ESTADO MATO GROSSO PREFEITURA MUNICIPAL DE VARZEA GRANDE PREFEITURA MUNICIPAL DE VARZEA GRANDE 01 Legislativa 805.000,00 9.050.603,94 9.855.603,94 01.031 Ação Legislativa 01.031.0001 Gestão Legislativa 805.000,00 9.050.603,94 9.855.603,94 805.000,00 9.050.603,94

Leia mais

Foco: sustentabilidade com ações na área de educação.

Foco: sustentabilidade com ações na área de educação. GOVERNANÇA A Fundação Bunge é uma organização comprometida com o desenvolvimento sustentável. Foco: sustentabilidade com ações na área de educação. Missão: contribuir para o desenvolvimento sustentável

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL BAIANO CAMPUS URUÇUCA PLANO DE TRABALHO QUADRIÊNIO 2014-2018 EURO OLIVEIRA DE ARAÚJO

INSTITUTO FEDERAL BAIANO CAMPUS URUÇUCA PLANO DE TRABALHO QUADRIÊNIO 2014-2018 EURO OLIVEIRA DE ARAÚJO INSTITUTO FEDERAL BAIANO CAMPUS URUÇUCA PLANO DE TRABALHO QUADRIÊNIO 2014-2018 EURO OLIVEIRA DE ARAÚJO Euro Oliveira de Araújo, graduado em Licenciatura em Química pela Universidade Estadual da Bahia.

Leia mais

ROTEIRO DE AÇÕES ESTADUAIS E MUNICIPAIS TÓPICOS PARA O PROGRAMA DE GOVERNO DO PMDB

ROTEIRO DE AÇÕES ESTADUAIS E MUNICIPAIS TÓPICOS PARA O PROGRAMA DE GOVERNO DO PMDB ROTEIRO DE AÇÕES ESTADUAIS E MUNICIPAIS TÓPICOS PARA O PROGRAMA DE GOVERNO DO PMDB Orientações gerais Abaixo, foram elencados temas de destacada importância para a Gestão Pública. Dentro de cada um, foram

Leia mais

EIXO VI VALORIZAÇÃO DOS PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO: FORMAÇÃO, REMUNERAÇÃO, CARREIRA E CONDIÇÕES DE TRABALHO:

EIXO VI VALORIZAÇÃO DOS PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO: FORMAÇÃO, REMUNERAÇÃO, CARREIRA E CONDIÇÕES DE TRABALHO: EIXO VI VALORIZAÇÃO DOS PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO: FORMAÇÃO, REMUNERAÇÃO, CARREIRA E CONDIÇÕES DE TRABALHO: PROPOSIÇÕES E ESTRATÉGIAS 1. Profissionais da educação: formação inicial e continuada 1.1. Implantar

Leia mais

Faço saber que a Assembléia Legislativa do Estado do Tocantins decreta e eu sanciono a seguinte Lei:

Faço saber que a Assembléia Legislativa do Estado do Tocantins decreta e eu sanciono a seguinte Lei: LEI Nº 1.374, DE 08 DE ABRIL DE 2003. Publicado no Diário Oficial nº 1.425. Dispõe sobre a Política Estadual de Educação Ambiental e adota outras providências. O Governador do Estado do Tocantins Faço

Leia mais

PREFEITURA DE XINGUARA

PREFEITURA DE XINGUARA 50/000-20 Anexo IV - Programas, Metas e Ações - (PPA Inicial) Página de 5 Programa: 000 AÇÃO LEGISLATIVA Manutenção da CMX através do apoio financeiro às atividades legislativas, custeio de despesas administrativas,

Leia mais

A ESTRELA QUE QUEREMOS. Planejamento Estratégico de Estrela

A ESTRELA QUE QUEREMOS. Planejamento Estratégico de Estrela Planejamento Estratégico de Estrela 2015 2035 O planejamento não é uma tentativa de predizer o que vai acontecer. O planejamento é um instrumento para raciocinar agora, sobre que trabalhos e ações serão

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO DE MINAS GERAIS SUBSECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO BÁSICA SUPERINTENDÊNCIA DE MODALIDADES E TEMÁTICAS

SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO DE MINAS GERAIS SUBSECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO BÁSICA SUPERINTENDÊNCIA DE MODALIDADES E TEMÁTICAS SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO DE MINAS GERAIS SUBSECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO BÁSICA SUPERINTENDÊNCIA DE MODALIDADES E TEMÁTICAS ESPECIAIS DE ENSINO DIRETORIA DE EDUCAÇÃO ESPECIAL A Política

Leia mais

DETALHAMENTO DOS RECURSOS DO ORÇAMENTO GERAL DA UNIÃO

DETALHAMENTO DOS RECURSOS DO ORÇAMENTO GERAL DA UNIÃO DETALHAMENTO DOS RECURSOS DO ORÇAMENTO GERAL DA UNIÃO MODALIDADE NACIONAL (TODOS OS ESTADOS PODEM CAPTAR) EXERCÍCIO 2015 PORTO ALEGRE, 13 DE JULHO DE 2015 1 INTRODUÇÃO A seguir estão detalhadas as oportunidades

Leia mais

Reformular as estradas: - estradas prioritárias até 2014 - estradas secundárias até 2017. Manter 100% das estradas em boas. Elaborar um levantamento

Reformular as estradas: - estradas prioritárias até 2014 - estradas secundárias até 2017. Manter 100% das estradas em boas. Elaborar um levantamento PLANILHA DE OBJETIVOS E AÇÕES VIABILIZADORAS GT DA AGRICULTURA -"A SANTA MARIA QUE QUEREMOS" Visão: "Que rurais de Santa Maria e região tenham qualidade de vida; mantenham uma produção altamente tecnificada,

Leia mais

LEI Diretrizes Regime de colaboração articulação interfederativa Participação Fórum das Entidades Garantia do acesso Indicadores de acompanhamento

LEI Diretrizes Regime de colaboração articulação interfederativa Participação Fórum das Entidades Garantia do acesso Indicadores de acompanhamento PNE PME LEI Diretrizes Regime de colaboração articulação interfederativa Participação Fórum das Entidades Garantia do acesso Indicadores de acompanhamento locais e nacionais (prova Brasil e IDEB) 10% do

Leia mais

Núcleo Regional de Rio Branco do Sul

Núcleo Regional de Rio Branco do Sul Núcleo Regional de Rio Branco do Sul Municípios participantes Adrianópolis Bocaiúva do Sul Cerro Azul Doutor Ulysses Rio Branco do Sul Tunas do Paraná Itaperuçu Campo Magro Colombo Almirante Tamandaré

Leia mais

AÇÕES PARA DINAMIZAR O FUNCIONAMENTO DAS ASSOCIAÇÕES E COOPERATIVAS RURAIS

AÇÕES PARA DINAMIZAR O FUNCIONAMENTO DAS ASSOCIAÇÕES E COOPERATIVAS RURAIS AÇÕES PARA DINAMIZAR O FUNCIONAMENTO DAS ASSOCIAÇÕES E COOPERATIVAS RURAIS Objetivo Consolidar os resultados positivos alcançados pelas associações rurais, assistidas pela EMATER e dinamizar as suas ações,

Leia mais

BAIXO ARAGUAIA PORTAL DA AMAZÔNIA BAIXADA CUIABANA NOROESTE

BAIXO ARAGUAIA PORTAL DA AMAZÔNIA BAIXADA CUIABANA NOROESTE BAIXO ARAGUAIA PORTAL DA AMAZÔNIA BAIXADA CUIABANA NOROESTE APRESENTAÇÃO DO PROGRAMA TERRITÓRIOS RIOS DA CIDADANIA Objetivos Os Territórios TERRITÓRIOS RIOS Os Territórios Rurais se caracterizam por: conjunto

Leia mais

DIMENSÃO 2: - Política para o ensino, pesquisa, pós-graduação e extensão - Respectivas normas de operacionalização

DIMENSÃO 2: - Política para o ensino, pesquisa, pós-graduação e extensão - Respectivas normas de operacionalização DIMENSÃO 2: - Política para o ensino, pesquisa, pós-graduação e extensão - Respectivas normas de operacionalização 2.1 - GRADUAÇÃO 2.1.1. Descrição do Ensino de Graduação na UESC Cursos: 26 cursos regulares

Leia mais

LEI DE DIRETRIZES ORÇAMENTÁRIAS PARA O EXERCÍCIO DE 2015

LEI DE DIRETRIZES ORÇAMENTÁRIAS PARA O EXERCÍCIO DE 2015 CNPJ: 00.000.729/0001-68 LEI DE DIRETRIZES S PARA O EXERCÍCIO DE 2015 ANEXO I METAS E PRIORIDADES ESTRUTURA ORGÃO CAMARA MUNICIPAL 01 2.001 1.001 CÂMARA MUNICIPAL Atividades Administrativas e Planarias

Leia mais

AÇÃO INTERSECRETARIAL

AÇÃO INTERSECRETARIAL AÇÃO INTERSECRETARIAL Programas Ambientes Verdes e Saudáveis (PAVS) Fortalecimento da ação integrada entre os setores de meio ambiente, saúde e desenvolvimento social, com enfoque multidisciplinar em saúde

Leia mais

PPA 2014/2017 CLASSIFICAÇÃO DOS PROGRAMAS E AÇÕES POR FUNÇÃO E SUBFUNÇÃO

PPA 2014/2017 CLASSIFICAÇÃO DOS PROGRAMAS E AÇÕES POR FUNÇÃO E SUBFUNÇÃO Página: 1 Função: 01 LEGISLATIVA 031 AÇÃO LEGISLATIVA ATUAÇÃO LEGISLATIVA ATUAÇÃO LEGISLATIVA Aquisição de Equipamentos para a Camara Municipal Aquisição de Veiculos para a Camara Municipal Construção

Leia mais

Dossiê Ensino Fundamental no Brasil. Estudo para a construção do Plano Municipal de Educação de Palmas

Dossiê Ensino Fundamental no Brasil. Estudo para a construção do Plano Municipal de Educação de Palmas Estudo para a construção do Plano Municipal de Educação de Palmas Segundo substitutivo do PNE, apresentado pelo Deputado Angelo Vanhoni, Abril de 2012 Profa. Dra. Rosilene Lagares PPGE/PET PedPalmas Palmas,

Leia mais

Plano de Governo 2013/2016. Coligação: SIDERÓPOLIS QUER MUITO MAIS. Saúde

Plano de Governo 2013/2016. Coligação: SIDERÓPOLIS QUER MUITO MAIS. Saúde Plano de Governo 2013/2016 Coligação: SIDERÓPOLIS QUER MUITO MAIS Saúde Saúde da Família: promover a humanização do atendimento no SUS, ampliar o acesso aos exames preventivos, qualificar os atendimentos

Leia mais

DEMOCRACIA, ÉTICA E RENOVAÇÃO

DEMOCRACIA, ÉTICA E RENOVAÇÃO PLANO DE GESTÃO CANDIDATURA A DIREÇÃO GERAL DO IFSC CÂMPUS CHAPECÓ ROBERTA PASQUALLI DIRETORA GERAL LUIS FERNANDO POZAS DIRETOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO ELIANDRO LUIZ MINSKI DIRETOR DE ADMINISTRAÇÃO

Leia mais

COLIGAÇÃO OLHAR PARA FRENTE PROGRAMA DE GOVERNO REALIZAR UMA GESTÃO COM DESENVOLVIMENTO SOCIAL E ECONÔMICO SUSTENTÁVEIS.

COLIGAÇÃO OLHAR PARA FRENTE PROGRAMA DE GOVERNO REALIZAR UMA GESTÃO COM DESENVOLVIMENTO SOCIAL E ECONÔMICO SUSTENTÁVEIS. COLIGAÇÃO OLHAR PARA FRENTE PROGRAMA DE GOVERNO REALIZAR UMA GESTÃO COM DESENVOLVIMENTO SOCIAL E ECONÔMICO SUSTENTÁVEIS. EFICIÊNCIA NA GERAÇÃO E APLICAÇÃO DOS RECURSOS PÚBLICOS. Ênfase em três diretrizes:

Leia mais

Resoluções sobre Financiamento das três edições da Conferência Nacional do Esporte

Resoluções sobre Financiamento das três edições da Conferência Nacional do Esporte SEMINÁRIO NACIONAL DO ESPORTE EM CONSTRUÇÃO: SISTEMAS PÚBLICOS NACIONAIS E MODELOS ESPORTIVOS INTERNACIONAIS Resoluções sobre Financiamento das três edições da Conferência Nacional do Esporte Prof. Dr.

Leia mais

Secretaria de Turismo da Bahia Bahiatursa

Secretaria de Turismo da Bahia Bahiatursa Secretaria de Turismo da Bahia Bahiatursa Secretaria de Turismo da Bahia Bahiatursa Secretaria de Turismo da Bahia Bahiatursa 3 Secretaria de Turismo da Bahia Bahiatursa Secretaria de Turismo da Bahia

Leia mais

LEI Nº 310/2009, DE 15 DE JUNHO DE 2009.

LEI Nº 310/2009, DE 15 DE JUNHO DE 2009. LEI Nº 310/2009, DE 15 DE JUNHO DE 2009. DISPÕE SOBRE A REESTRUTURAÇÃO DO DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE SAÚDE, CRIAÇÃO DO DEPARTAMENTO DE ASSISTÊNCIA E DESENVOLVIMENTO SOCIAL, DA DIVISÃO DE MEIO-AMBIENTE E

Leia mais

COLIGAÇÃO INOVAR É PRECISO PROPOSTA DE GOVERNO 2013/2016

COLIGAÇÃO INOVAR É PRECISO PROPOSTA DE GOVERNO 2013/2016 COLIGAÇÃO INOVAR É PRECISO PROPOSTA DE GOVERNO 2013/2016 ADMINISTRAÇÃO MUNICIPAL Implantar o Plano Diretor. Implantar o Orçamento participativo. Valorização pessoal do funcionário público municipal. Implantação

Leia mais

III CONGRESSO BRASILEIRO DO CACAU: INOVAÇÃO TECNOLÓGICA E SUSTENTABILIDADE

III CONGRESSO BRASILEIRO DO CACAU: INOVAÇÃO TECNOLÓGICA E SUSTENTABILIDADE III CONGRESSO BRASILEIRO DO CACAU: INOVAÇÃO TECNOLÓGICA E SUSTENTABILIDADE Painel 8: O papel de Instituições Públicas para Desenvolvimento da Cacauicultura Brasileira O Cacau e a Agricultura Familiar Adriana

Leia mais

PLANO ESTADUAL DA CULTURA. Matriz Situacional da Cultura

PLANO ESTADUAL DA CULTURA. Matriz Situacional da Cultura PLANO ESTADUAL DA CULTURA Matriz Situacional da Cultura Fórum de Planejamento Regional Cidade Sede: Tubarão 27 e 28 de agosto de 2012 Priorização de Diretrizes e Ações Objetivo: Discussão da proposta de

Leia mais

SELO SÃO PAULO AMIGO DO IDOSO

SELO SÃO PAULO AMIGO DO IDOSO SELO SÃO PAULO AMIGO DO IDOSO CEPAM 12/11/2014 Comitê Intersecretarial / Desenvolvimento Social 1 Uma CIDADE AMIGA DO IDOSO estimula o envelhecimento ativo ao otimizar as oportunidades de saúde, participação

Leia mais

Ação Descrição 1001 - AQUISICAO DE EQUIPAMENTOS E MATERIAIS PERMANENTES 1059 - AMPLIAÇÃO E REFORMA DO PRÉDIO DA CAMARA MUNICIPAL

Ação Descrição 1001 - AQUISICAO DE EQUIPAMENTOS E MATERIAIS PERMANENTES 1059 - AMPLIAÇÃO E REFORMA DO PRÉDIO DA CAMARA MUNICIPAL Programa: 0001 - PROCESSO LEGISLATIVO 01 - CAMARA MUNICIPAL 001 - CAMARA MUNICIPAL 01 - Legislativa 031 - Legislativa Objetivo: PROCESSO LEGISLATIVO 1001 - AQUISICAO DE EQUIPAMENTOS E MATERIAIS PERMANENTES

Leia mais

Município de Cruzeiro do Iguaçu - PPA 2014 / 2017

Município de Cruzeiro do Iguaçu - PPA 2014 / 2017 Página: 1 0 - OPERAÇÕES ESPECIAIS OPERAÇÕES ESPECIAIS 1 Operação Especial ENCARGOS ESPECIAIS Outros Produtos 2 Operação Especial CONTRIBUIÇÃO AO PASEP Outros Produtos 1 - AÇÕES LEGISLATIVAS MANTER AS ATIVIDADES

Leia mais

http://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/gm/2008/prt1559_01_08_2008.html

http://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/gm/2008/prt1559_01_08_2008.html Página 1 de 5 ADVERTÊNCIA Este texto não substitui o publicado no Diário Oficial da União Ministério da Saúde Gabinete do Ministro PORTARIA Nº 1.559, DE 1º DE AGOSTO DE 2008 Institui a Política Nacional

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE CUIABÁ SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO E FINANÇAS LOA - LEI ORÇAMENTÁRIA ANUAL - 2014

PREFEITURA MUNICIPAL DE CUIABÁ SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO E FINANÇAS LOA - LEI ORÇAMENTÁRIA ANUAL - 2014 01101 - CÂMARA MUNICIPAL DE CUIABÁ 01 - LEGISLATIVA 031 - Ação Legislativa 0001 - ATUAÇÃO LEGISLATIVA DA CÂMARA MUNICIPAL 2001 - Manutenção e Conservação de Bens Imóveis 37.602.000 37.602.000 37.602.000

Leia mais

R$ 1,00 2012 2013 2014 2015 Total. VALORES PREVISTOS POR UNIDADE ORÇAMENTÁRIA R$ 1,00 2012 2013 2014 2015 Total Unidades Orçamentárias

R$ 1,00 2012 2013 2014 2015 Total. VALORES PREVISTOS POR UNIDADE ORÇAMENTÁRIA R$ 1,00 2012 2013 2014 2015 Total Unidades Orçamentárias PPA 212-215 PROGRAMA - 546 - Gestão, Manutenção e Serviços ao Estado Valor Global R$ 1, 2.888.542.769 2.993.951.96 3.133.467.663 3.281.47.521 12.297.369.859 ÓRGAO:1 - Assembleia Legislativa VALORES PREVISTOS

Leia mais

CADERNO DE PROPOSTAS PARA PLANO DE GOVERNO

CADERNO DE PROPOSTAS PARA PLANO DE GOVERNO ELEIÇÕES MUNICIPAIS 2012 PREFEITO JORGE LANGE VICE-PREFEITA MARLISE DA CRUZ CADERNO DE PROPOSTAS PARA PLANO DE GOVERNO CASCAVEL 2012 COLIGAÇÃO PSD PV PSB PSC - DEM ELEIÇÕES MUNICIPAIS 2012 PREFEITO JORGE

Leia mais

Políticas Públicas operadas pela EMATER/RS-ASCAR no RS

Políticas Públicas operadas pela EMATER/RS-ASCAR no RS Políticas Públicas operadas pela EMATER/RS-ASCAR no RS Crédito Rural - Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar - (Pronaf) Assessoria Técnica, Social e Ambiental (ATES) Assistência Técnica

Leia mais

8ª CONFERÊNCIA ESTADUAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE DE MINAS GERAIS

8ª CONFERÊNCIA ESTADUAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE DE MINAS GERAIS 8ª CONFERÊNCIA ESTADUAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE DE MINAS GERAIS DOCUMENTO FINAL EIXO 1 PROMOÇÃO DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE Ações de mobilização: 1. Ampla mobilização, por

Leia mais

Planos de Resíduos Sólidos: conteúdo mínimo, implantação e deficiências. Compatibilidade dos contratos. Porto Alegre, 21 de agosto de 2015.

Planos de Resíduos Sólidos: conteúdo mínimo, implantação e deficiências. Compatibilidade dos contratos. Porto Alegre, 21 de agosto de 2015. Planos de Resíduos Sólidos: conteúdo mínimo, implantação e deficiências. Compatibilidade dos contratos Porto Alegre, 21 de agosto de 2015. CONTEÚDO 1. Políticas e Planos de Saneamento Básico e de Resíduos

Leia mais

GASTRONOMIA SUSTENTÁVEL - PARATY. Oficina de Planejamento 2010-2012

GASTRONOMIA SUSTENTÁVEL - PARATY. Oficina de Planejamento 2010-2012 GASTRONOMIA SUSTENTÁVEL - PARATY Oficina de Planejamento 2010-2012 Paraty, agosto de 2010 Objetivo da oficina Elaborar o Direcionamento Estratégico da Gastronomia Sustentável de Paraty para os próximos

Leia mais

ESTADO DA PARAÍBA PREFEITURA MUNICIPAL DE MONTADAS

ESTADO DA PARAÍBA PREFEITURA MUNICIPAL DE MONTADAS ANEXO I METAS E PRIORIDADES ÓRGÃOS, PROGRAMAS, OBJETIVOS E METAS 01 PROGRAMA: ATUAÇÃO LEGISLATIVA CÂMARA MUNICIPAL DE MONTADAS Fortalecer a democracia e garantir as ações legislativas MUNICÍPIO Manutenção

Leia mais

Programa de Reabilitação de Áreas Urbanas Centrais. Secretaria Nacional de Programas Urbanos

Programa de Reabilitação de Áreas Urbanas Centrais. Secretaria Nacional de Programas Urbanos Programa de Reabilitação de Áreas Urbanas Centrais Secretaria Nacional de Programas Urbanos CONCEITOS Área Urbana Central Bairro ou um conjunto de bairros consolidados com significativo acervo edificado

Leia mais

Riscos de deslizamentos de encostas em áreas urbanas

Riscos de deslizamentos de encostas em áreas urbanas Riscos de deslizamentos de encostas em áreas urbanas Thiago Galvão Geógrafo Desenvolvimento Urbano MINISTÉRIO DAS CIDADES Celso Carvalho Frederico Seabra Leonardo Ferreira Thiago Galvão A resposta necessária

Leia mais