INSTITUTO FEDERAL DE MINAS GERAIS. Plano Diretor de Tecnologia da Informação PRESIDENTE DA REPÚBLICA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "INSTITUTO FEDERAL DE MINAS GERAIS. Plano Diretor de Tecnologia da Informação PRESIDENTE DA REPÚBLICA"

Transcrição

1 INSTITUTO FEDERAL DE MINAS GERAIS Plano Diretor de Tecnologia da Informação 2014 PRESIDENTE DA REPÚBLICA

2 Dilma Vana Rousseff MINISTRO DA EDUCAÇÃO José Henrique Paim Fernandes SECRETÁRIO DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA Aléssio Trindade de Barros ESTRUTURA ADMINISTRATIVA DO IFMG 2014 Reitor Caio Mário Bueno Silva Chefe de Gabinete Marilícia Brandão Mól Gonçalves Diretor de Tecnologia da Informação Renato Machado de Godoy Diretora de Gestão de Pessoas Cláudia Maria Teixeira Alves Diretor de Articulação e Políticas Especiais Josiler Magno Macedo Reis Pró-Reitor de Administração Edmar Geraldo de Oliveira Pró-Reitor de Ensino Washington Santos Silva Pró-Reitor de Extensão Lucas Carlúcio Magalhães Pró-Reitora de Pesquisa, Inovação e Pós-Graduação Lydia Armond Muzzi Pró-Reitor de Planejamento e Orçamento Rainer de Paula Diretor-Geral - Câmpus Bambuí Flávio Vasconcelos Godinho Diretor-Geral - Câmpus Betim Helbert Ribeiro de Sá Diretor-Geral - Câmpus Congonhas Joel Donizete Martins Diretor-Geral - Câmpus Formiga Robson de Castro Ferreira Diretor-Geral - Câmpus Governador Valadares Rodrigo Marques de Oliveira Diretor-Geral - Câmpus Ouro Branco Luiz Roque Ferreira Diretor-Geral - Câmpus Ouro Preto Arthur Versiani Machado Diretor-Geral - Câmpus Ribeirão das Neves João Bosco de Oliveira Perdigão Diretora-Geral - Câmpus Sabará Wanderci Alves Bitencourt Diretor-Geral - Câmpus Santa Luzia Hércules José Procópio Diretor-Geral - Câmpus São João Evangelista Nildimar Gonçalves Madeira

3 Comissão de Elaboração do PDTI Constituída na reunião 32ª reunião do Colégio de Dirigentes do dia 05 de junho de Renato Machado de Godoy Carlos Eduardo Paulino Silva Chirlando Weliton de Souza Rocha Cássio Alves de Oliveira Filho Diego de Araújo São Pedro Gerson Gabriel Moura Gomes Natália Fernanda Chaves Rodrigues Rafael Bernardino Cardoso Santiago Silva Pereira Thiago Galvão Wanderci Alves Bitencourt Gestor Wederson Almeida Seifert Welber Silva Fernando Ribeiro Rocha Hunilson Luiz de Souza Luiz Otávio Rujner Guimarães Oberdan Morais Ricardo Lopes de Sousa

4 LISTA DE ABREVIATURAS E SIGLAS PDTI Plano Diretor de Tecnologia da Informação SLTI Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação MPOG Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão SISPLAN Sistema de Planejamento Participativo PROPLAN - Pró Reitoria de Planejamento DTI - Diretoria de Tecnologia da Informação TI - Tecnologia da Informação IFMG - Instituto Federal de Minas Gerais PPA - Plano Plurianual PDI - Plano Diretor de Informática e-gov - O E-GOV pode ser entendido como uma das principais formas de modernização do estado e está fortemente apoiado no uso das novas tecnologias para a prestação de serviços públicos, mudando a maneira com que o governo interage com os cidadãos, empresas e outros governos. Fonte: ERP - Enterprise Resource Planning ou Sistemas Integrados de Gestão Empresarial SWOT - Strengths (Forças), Weaknesses (Fraquezas), Opportunities (OPORTUNIDADES) e Threats (AMEAÇAS).

5 Sumário 1 INTRODUÇÃO METODOLOGIA DOCUMENTOS DE REFERENCIA PRINCIPIOS E DIRETRIZES Missão do IFMG Visão do IFMG Princípios do IFMG: ORGANIZAÇÃO DA TI REFERENCIAL ESTRATÉGICO Missão Visão Valores Objetivos Estratégicos Análise SWOT Reitoria Campus Betim Campus Ouro Branco Campus Ouro Preto Campus Bambuí Campus Formiga Campus Santa Luzia Campus Congonhas Campus São João Evangelista Campus Governador Valadares Campus Sabará Campus Ribeirão das Neves INVENTÁRIO DE NECESSIDADES Reitoria Campus Ouro Preto Campus Sabará Campus Ouro Branco Campus Bambuí... 34

6 7.6 Campus Congonhas Campus Formiga Campus Governador Valadares Campus Ribeirão das Neves Campus Santa Luzia Campus São João Evangelista Campus Betim Demais Câmpus do IFMG DIRETRIZES DE EXECUÇÃO E PLANEJAMENTO INTRODUÇÃO Visando atender a Instrução Normativa nº 04 SLTI/MPOG de 12 de novembro de 2010 este Plano Diretor de Tecnologia da Informação (PDTI) tem como objetivo apresentar as políticas e metas que deverão ser executados pela Diretoria de Tecnologia da Informação para o biênio , em sintonia com o Plano de Diretor Institucional elaborado para o IFMG. Todas das metas propostas neste PDTI estão em conformidade com as políticas institucionais praticadas pela atual gestão em aderência aos aspectos sociais que norteiam as atividades do IFMG como instituição de ensino federal, estando em conformidade com as leis que definem os limites orçamentários e as despesas para execução do projeto apresentado. Este PDTI foi concebido de modo a atender as demandas tanto administrativas quanto pedagógicas da instituição, tendo como foco principal o atendimento da missão do IFMG, tanto por parte da Reitoria como também dos campi, buscando a excelência nos serviços prestados pela DTI. Atualmente, em função do aumento do emprego da tecnologia em todas as áreas do labor humano, grande parte das metas está associada ao PDI institucional contemplando a aquisição de equipamentos visando atender as metas intrínsecas a área de TI, sem ignorar, contudo, a capacitação do pessoal interno para possibilitar o aporte de conhecimento necessário à implantação dos projetos descritos neste documento. Naturalmente, por mais cautela que se tenha ao executar um planejamento dessa magnitude, sempre existirão alguns pontos que deverão ser revistos e reavaliados durante a execução do PDTI, em se tratando de um planejamento

7 estratégico para a DTI, mas que abarca também a instituição, o PDTI deverá ser periodicamente confrontado ao PDI, de maneira que ambos mantenham sua consistência durante o desenvolvimento das atividades planejadas buscando garantir o sucesso na implantação dos projetos e o fortalecimento institucional do IFMG. 2 METODOLOGIA O PDTI está intimamente relacionado ao Plano de Desenvolvimento Institucional e ao Planejamento Anual, pois ele é o Plano para execução das compras de itens relacionados à Tecnologia da Informação, que são previstos no Planejamento Anual e permitem a realização das ações e metas previstas no PDI. Assim, faz-se necessário esclarecer que o Planejamento Anual do IFMG é realizado de forma participativa, iniciando sempre no ano que precede a execução do orçamento. Em 2012, a título de exemplo, foi iniciado o Planejamento Anual com execução prevista em As atividades do planejamento deste período foi iniciada no dia seis de março de 2012, quando em reunião do Comitê de Administração e Planejamento foram definidos os prazos e procedimentos para realização dos trabalhos, que se estenderam até o mês de outubro. Durante este período foram criados centros de custos e realizadas reuniões da equipe da PROPLAN com os responsáveis destes centros de custos, no âmbito de todos os Campi e com o objetivo de orientar e estimular a participação de todos os servidores. Para ano de 2013, o recurso orçamentário detalhado no SISPLAN foi de R$ (quarenta e cinco milhões, oitocentos e sessenta e um mil e trezentos e cinquenta e seis reais), para o qual teve uma participação direta de 464 servidores e acessos, resultando em planilha detalhada com itens. Também foram definidos para o ano de 2013 quatro datas destinadas a possíveis reprogramações do planejamento, nas quais os solicitantes podem: realizar ajustes relativos à quantidade; realizar a inserção de itens não planejados, mas que são de extrema utilidade; e realizar exclusões. Como neste período não existia um planejamento específico para aquisição de itens de tecnologia de informação, estes itens e detalhamentos fizeram parte do planejamento anual de forma conjunta. Desta maneira a equipe de desenvolvimento do PDTI utilizou esses dados coletados para balizar as metas e ações do PDTI de

8 A partir da aprovação deste documento a aquisição dos itens de tecnologia da informação continuarão a seguir as orientações do planejamento anual, mas com diretrizes específicas que serão determinadas e descritas nos capítulos que se seguem. Para criação destas diretrizes o presente instrumento foi elaborado tendo como base a metodologia sugerida pelo Guia de Elaboração de PDTI do SLTI/MPOG, ressalvadas algumas adaptações que se fizeram necessárias para a adequação à realidade do IFMG. Uma das adaptações mais significativas diz respeito às ações que garantiriam o apoio a realização de um planejamento participativo. As metas e ações descritas a seguir foram estruturados com base nos dados do planejamento participativo de 2014 e Para tanto foram mapeados os itens de tecnologia da informação, sendo estes correlacionados ao Plano de Desenvolvimento e com as metas e objetivos que se pretende atingir a partir desses itens. 3 DOCUMENTOS DE REFERENCIA Os documentos norteadores deste documento foram: Lei número , de 18 de Janeiro de 2012, que Institui o Plano Plurianual da União para o período de 2012 a 2015, e suas alterações; Lei número , de 24 de Dezembro de 2013, que Dispõe sobre as diretrizes para a elaboração e execução da Lei Orçamentária de 2014 e dá outras providências, e seus anexos; Estratégia Geral de Tecnologia da Informação 2013/2015; emag - Modelo de Acessibilidade em Governo Eletrônico; epwd - Padrões Web em Governo Eletrônico; e-ping - Padrões de Interoperabilidade de Governo Eletrônico; PDI - Plano de Desenvolvimento Institucional IFMG ; Planejamento Participativo 2014 e 2015 do IFMG; 4 PRINCIPIOS E DIRETRIZES 4.1 Missão do IFMG Promover educação básica, profissional e superior, nos diferentes níveis e modalidades, em benefício da sociedade. 3

9 4.2 Visão do IFMG Ser reconhecida nacionalmente como instituição promotora de educação de excelência, integrando ensino, pesquisa e extensão. 4.3 Princípios do IFMG: I. Gestão democrática e transparente; II. Compromisso com a justiça social e ética; III. Compromisso com a preservação do meio ambiente e patrimônio cultural; IV. Compromisso com a educação inclusiva e respeito à diversidade; V. Verticalização do ensino; VI. Difusão do conhecimento científico e tecnológico; VII. Suporte às demandas regionais; VIII. Educação pública e gratuita; IX. Universalidade do acesso e do conhecimento; X. Indissociabilidade entre ensino, pesquisa e extensão; XI. Compromisso com a melhoria da qualidade de vida dos servidores e estudantes; XII. Fomento à cultura da inovação e do empreendedorismo; XIII. Compromisso no atendimento aos princípios da administração pública. 5 ORGANIZAÇÃO DA TI O Instituto Federal de Minas Gerais (IFMG), autarquia federal vinculada ao Ministério da Educação (MEC), criada pela Lei nº , de 29 de dezembro de A Diretoria de Tecnologia da Informação (DTI) está subordinada ao Gabinete do Reitoria e é responsável por, desenvolver as atividades de gestão da Tecnologia de Informação da instituição. Cabe a DTI o planejamento, coordenação, organização, em nível central, da tecnologia da informação alinhada aos objetivos da instituição, ações e metas estratégicas, definidas no Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI). A DTI é formada por: a) Diretoria: formada pelo Diretor; b) Coordenação de Sistemas de Informação: composta por um coordenador e demais funcionários, tem como responsabilidade a definição, análise, programação, implantação, manutenção, documentação de sistemas de informação utilizados pela comunidade acadêmica e administrativa da instituição, bem como promover a utilização destes sistemas para os demais funcionários da instituição; c) Coordenação de Infraestrutura e Suporte: composta por um coordenador e demais funcionários, tem como responsabilidade projetar, implantar e manter serviços de rede, gerenciar redes de computadores, manter a 4

10 infraestrutura da rede de dados e voz, realizar manutenção de hardware, implantação de software e suporte ao usuário. d) Gestão local de tecnologia da informação, feita em cada câmpus, formada pelo gestor de tecnologia da informação indicado pelo diretor geral do campus e a equipe, quando for o caso. Compete à Diretoria de Tecnologia da Informação: I. Realizar o planejamento estratégico de Tecnologia da Informação e Comunicação; II. Identificar as necessidades do IFMG quanto às demandas de Tecnologia da Informação e Comunicação; III. Definir políticas de Tecnologia da Informação e Comunicação para o IFMG; IV. Compatibilizar projetos com o Planejamento Institucional; V. Assegurar o alinhamento de Tecnologia da Informação e Comunicação com os requerimentos externos; VI. Contratar serviços de Tecnologia da Informação e Comunicação no âmbito do IFMG e dos Campi; VII. Definir o plano estratégico de Tecnologia da Informação e Comunicação; VIII. Definir a arquitetura da informação; IX. Determinar a orientação tecnológica; X. Definir a organização de Tecnologia da Informação e Comunicação e seus relacionamentos; XI. Gerenciar os investimentos de Tecnologia da Informação e Comunicação; XII. Gerenciar os recursos humanos e tecnológicos de Tecnologia da Informação e Comunicação; XIII. Avaliar os riscos nos projetos de Tecnologia da Informação e Comunicação; XIV. Gerenciar os projetos de Tecnologia da Informação e Comunicação; XV. Gerenciar a qualidade de serviços de Tecnologia da Informação e Comunicação; XVI. Gerenciar os incidentes de segurança da informação; XVII. Prospectar novas tecnologias visando a sua aplicação para o desenvolvimento administrativo e educacional do Instituto; XVIII. Manter intercâmbio com as demais instituições de ensino; 5

11 XIX. Propor diretrizes, normas e critérios para a utilização dos recursos computacionais de todo o Instituto; XX. Executar outras funções que, por sua natureza, lhe estejam correlatas ou lhe tenham sido atribuídas. 6 REFERENCIAL ESTRATÉGICO 6.1 Missão "Planejar, gerir e orientar soluções de Tecnologia da Informação com qualidade e eficiência apoiando o IFMG em sua missão institucional.". 6.2 Visão "Consolidar-se como setor estratégico na instituição, sendo reconhecido como área de excelência em provimento de soluções de tecnologia da informação. 6.3 Valores Ética; Integração; Inovação; Transparência; Responsabilidade socioambiental. 6.4 Objetivos Estratégicos Implantação de sistemas de apoio à gestão sistêmica; Auxiliar todas as áreas do IFMG na padronização e otimização dos processos internos das mesmas; Aprimorar todos os processos da área de Tecnologia da Informação com conformidade às legislações vigentes; Implantar políticas de governança de Tecnologia da Informação em conformidade às legislações vigentes; Consolidar a politica de segurança da informação e sua implantação; Adequar a estrutura de tecnologia da informação de forma coerente ao funcionamento do IFMG. 6.5 Análise SWOT A Análise SWOT é uma ferramenta utilizada para fazer análise de cenário (ou análise de ambiente), sendo usado como base para gestão e planejamento estratégico de uma corporação ou empresa. Trata-se de um sistema simples para posicionar ou verificar a posição estratégica da empresa no ambiente em questão. Em uma análise do grupo de desenvolvimento do PDTI foi averiguado os seguintes pontos por localidade Reitoria FORÇAS OPORTUNIDADES 6

12 Equipe motivada com bom ambiente de trabalho; Integração entre as coordenadorias da DTI; Sistema de atendimento a chamados já implantado. gestão de Projetos e Tarefas implantado Sistema de Controle de Chamados implantado Implantação de ERP em andamento Plano de capacitação da equipe em andamento Ações integradas da CSI no ERP Planos de recuperação da Informação em andamento FRAQUEZAS Centro de processamento de dados inadequado; Equipe de desenvolvimento pequena diante da demanda de sistemas; Ausência de documentação, processos e meios para compartilhamento de informação em todas as coordenadorias; Necessidade de melhorar o marketing e a divulgação dos serviços oferecidos pela DTI; Carência de um plano de contingência e um ambiente de alta disponibilidade; Política de backup em amadurecimento; Desenvolvimento dos atuais projetos de TI. Barreiras de comunicação e interação entre os diversos campi e reitoria. Necessidade de reestruturação Equipe CSI Proximidade do encerramento do período de implantação ERP Ausência padronização de processos CSI Adequação as mudança na gestão de TI; Expansão da instituição implica novas demandas para DTI; Interação com outras instituições; Integração com sistemas do governo; Criação de equipes como ponto focal para tratamento de incidentes de segurança da informação AMEAÇAS Falta de planejamentos e integração de processos dos demais departamentos da instituição; Falta de capacitação nos sistemas desenvolvidos pela DTI Carência de informações sobre projetos desenvolvidos nos campi e na reitoria; Falta de capacitação em algumas áreas da TI Fortalecer o Hábito de criar Procedimentos Operacionais Padrão e incentivar a adoção bases de conhecimento para difusão das informações dentro do setor; Baixa Segurança física do CPD;. Mudanças legislação impactando em alterações necessárias no ambiente e na gestão de TI; 7

13 Ausência de padronização de processos de infra-estrutura de TI Inexistência de estrutura de governança Falta de equipe adequada Campus Betim FORÇAS Boa Relação com a gerência/ti Qualidade de estação de trabalho Equipe motivada OPORTUNIDADES FRAQUEZAS Rede wifi Baixos recursos para expansão Equipe de TI insuficiente Dificuldade acesso a link de Internet Falta de um espaço adequado para CPD Falta de equipamentos Backup de arquivos AMEAÇAS Espaço para planejamento Falta de perspectiva de criação de CPD Legislação favorável para servidores Falta de perspectiva na contração de pessoal de TI Implantação de novos cursos Falta de capacitação em áreas especificas Rede elétrica instável Campus Ouro Branco FORÇAS Boa relação com a DTI Qualidade das estações de trabalho Excelente ponto de acesso a internet através da RNP Bom andamento na implantação de ERP Equipamentos de rede disponíveis em boas condições de uso Consciência geral do setor da necessidade de melhorias nos OPORTUNIDADES Expansão da instituição implica em novas demandas para o setor de TI Investimento do MEC em recursos de TI direcionados para o ensino Criação de um pólo de cursos EaD no campus Construção em andamento do novo prédio do campus 8

14 processos internos FRAQUEZAS Inexistência de sistema de controle de chamados de usuários Infraestrutura de TI precária Inexistência de plano de capacitação de equipe Equipe deficitária para atender as demandas do campus Melhorar a relação com outros setores administrativos e acadêmicos do campus Inexistência de política de backup AMEAÇAS Falta de planejamento e integração de processos dos demais setores do campus com o setor de TI Falta de perspectiva na contração de pessoal de TI Falta de capacitação em áreas especificas Carência de informações sobre projetos desenvolvidos nos campi e na reitoria Rotatividade de profissionais que saem por melhores OPORTUNIDADES Dificuldade da área de compras em licitar recursos de TI nos prazos necessários Rede wifi extremamente limitada Dificuldades da instituição em entender os potenciais e as dificuldades do setor de TI Falta de um local adequado para o setor de TI Falta de equipamentos Não há domínio de rede implantado Situação precária do cabeamento administrativo e acadêmico Dificuldades no relacionamento com o setor de compras para a aquisição de novos equipamentos Ausência de licenciamento de softwares utilizados no campus Não há processos internos definidos no setor O setor não é incluído nas decisões estratégicas que impactam nos serviços de TI no campus Não há estrutura de telefonia que atenda a demanda Risco de invasão da rede interna Mudança na lei Ausência de um centro de custo de TI Ausência de planejamento de disponibilidade de recursos de TI no novo prédio do campus Campus Ouro Preto FORÇAS Recente investimento em capacitação OPORTUNIDADES Investimento do MEC em recursos de TI direcionados para o ensino 9

15 Reconhecimento da direção da necessidade de investimento em TI Investimento em novos equipamentos de TI Profissionais autodidatas FRAQUEZAS Dificuldades em conciliar as atividades de planejamento e gestão com as solicitações e incidentes Falta de padronização de processos Quantidade de profissionais muito abaixo da minima para atender o volume de demandas Dificuldades de engajamento de membros da equipe em alguns projetos Dificuldade na produção de termos de referências para compras nos prazos necessários Situação do cabeamento estruturado precário Equipamentos de conectividade defasados Inexistência de projetos de refrigeração e de prevenção contra incêndios no data center. Inexistência de contrato de manutenção, ou solução alternativa para equipamentos que não possuem profissionais no campus Pressão dos órgãos reguladores pela adequação de processos AMEAÇAS Rotatividade de profissionais que saem por melhores OPORTUNIDADES Problemas na infraestrutura elétrica dos prédios Dificuldade da área de licitações em licitar recursos de TI nos prazos necessários Dificuldades da instituição em entender os potenciais e as dificuldades do setor de TI Descargas elétricas que queimam eventualmente equipamentos Campus Bambuí FORÇAS OPORTUNIDADES Estrutura do backbone Estrutura para implantação de sistemas em rede intranet Relacionamento estratégico EAD Equipe de trabalho unida e bem Cursos novos definida Infraestrutura física do data center Mudança na lei Prédio de TI Projetos governamentais Veículo para manutenção FRAQUEZAS AMEAÇAS Rede Wifi Link de internet Equipamentos sobressalentes Cabeamento Horizontal Equipamentos sem garantia Falta de profissional capacitado em 10

16 Equipamentos desatualizados Qualificação em tecnologias específicas telecomunicações Rede elétrica Mudança na lei Rotatividade de profissionais Licitação dentro do prazo do orçamento Campus Formiga FORÇAS Equipe motivada Sistema de registro e acompanhamento dos atendimentos implantado Equipe com número de pessoas satisfatório para a demanda atual OPORTUNIDADES Estrutura para implantação de sistemas em rede intranet EAD Cursos novos Mudança na lei Projetos governamentais FRAQUEZAS Não há estrutura elétrica adequada na sala de TI e datacenter Não há cabeamento lógico estruturado no prédio Bloco A Não há equipamento necessário para montar sistema de backup de dados no datacenter Falta de equipamentos de redundância no datacenter Não há ambiente físico exclusivo e adequado para o datacenter Não há refrigeração adequada no datacenter Não há equipamento de segurança de rede de dados que atenda a necessidade. O ambiente de manutenção de equipamentos de TI é junto com o da TI Não há processos internos definidos no setor O setor não é incluído nas decisões estratégicas que impactam nos serviços de TI AMEAÇAS Interrupção dos serviços de TI no campus Risco de danos nos equipamentos Risco de perda de dados Risco de invasão da rede interna Risco de acesso não autorizado ao datacenter Maior probabilidade de erro induzido pela perturbação dentro do ambiente Indisponibilidade de serviços de TI pela falta de planejamento estratégico. Furto de equipamentos 11

17 Não há redundância de equipamentos essenciais ao fornecimentos dos serviços de TI O conhecimento técnico da equipe de TI não é suficiente para prover serviços que atendam à demanda do campus Falta de marketing e divulgação dos serviços de TI Rede wireless não atende a demanda Falta qualificação em tecnologias específicas Não há estrutura de telefonia que atenda a demanda Não há domínio de rede implantado Não há sistema de vigilância e monitoramento de vídeo Campus Santa Luzia FORÇAS OPORTUNIDADES Relacionamento estratégico Estrutura para implantação de sistemas em rede intranet Rede wifi EAD Cursos novos Mudança na lei Projetos governamentais Campus novo FRAQUEZAS AMEAÇAS Equipamentos e sistemas apropriados Link de internet para data center Estrutura de backbone Cabeamento Horizontal e Vertical Qualificação em tecnologias Falta de equipamento específicas Falta de equipe de TI Mudança na lei Prédio/Sala de TI com data center que contemple a estrutura exigida e ambiência Link não atende a demanda do campus Campus Congonhas FORÇAS Equipamentos de rede em boas condições de uso FRAQUEZAS Baixo número de servidores efetivos 12

18 Equipe atual com bom conhecimento Técnico Infra Estrutura de cabeamento internos aos prédios em boas condições de uso. Equipe bem capacitada para operar sistema acadêmico atual 50% da equipe terceirizada Burocracia em aquisições dificulta prazos e qualidade Parque de computadores atualizado OPORTUNIDADES Buscar maior integração com Fornecedores Maior integração entre sistema acadêmico em todo IFMG Possibilidade de expansão dos serviços oferecidos AMEAÇAS Sem perspectiva de contratação de servidores Possibilidade de contratação de empresa com Pouca experiência, devido a processo licitatório Dificuldade em novas capacitações devido ao baixo número de servidores Diminuição do quadro atual devido a 50% ser terceirizado Campus São João Evangelista FORÇAS OPORTUNIDADES Consciência da necessidade de Percepção da infraestrutura de TI melhorias nos processos adequada Iniciativas de busca de novas soluções Contratação de Consultorias para o negócio especializadas Ferramenta de registro e Inclusão de novas tecnologias acompanhamento dos atendimentos Catálogo de Serviços claro e detalhado Aumento do orçamento no setor de TI Utilização de virtualização Disposição para contratação de capacitação de profissional de TI Integração da Equipe de TI FRAQUEZAS AMEAÇAS Falta de Pessoal Orçamento para treinamento Treinamento Processo de contratação de empregado público Dimensionamento de empregados Processo de autorização para permanente capacitação e participação em eventos Falta de conhecimento de boas Restrição de Prazo 13

19 práticas de mercado Processos internos indefinidos Processo de solicitação de manutenção (corretiva e evolutiva) Padrão de engenharia de Preocupação da Instituição com o desenvolvimento indefinido Espaço físico para armazenamento de recursos de infraestrutura de TI assunto de TI Politica de acesso às dependências da instituição Qualidade do ambiente e instalações prediais Falta de CFTV adequada Falta de rede Wireless profissional Falta de profissional de telecomunicação Fornecimento de Energia Elétrica Campus Governador Valadares FORÇAS Parque tecnológico em sua maioria atualizado. OPORTUNIDADES Maior comprometimento da alta administração com a TI. Bom relacionamento com o público da instituição. Aumento na conectividade com a RNP. Integração da equipe de TI. Contratação de serviço de telefonia fixa convencional com recursos avançados de gerenciamento de ligações. Investimento em solução de rede sem fio (Equipamentos e tecnologias). Ofertas de capacitações da equipe de TI pela ESR. Capacitar os servidores em tecnologias e ferramentas que podem ser utilizadas para melhorar e aprimorar a prestação de serviços de tecnologia da informação. Utilização de Virtualização. Contratação de projeto para reestruturação da rede física do campus. Criação do cargo de Coordenador de TI no campus. Reestruturação da sala de TI. Data Center Aprovação de portfólio de serviços de TI. FRAQUEZAS Espaço físico para desenvolvimento das atividades inadequado; Ambiente físico de trabalho inadequado para a TI em determinados câmpus; Infraestrutura de rede deficitária. AMEAÇAS Rotatividade dos profissionais de TI. Indisponibilidade dos serviços de internet e telefonia. Constantes problemas com a energia elétrica. 14

20 Rede sem fio. Uso limitado. Política de capacitação dos servidores que atuam na área de TI. Falta de documentação, processos e compartilhamento de informações. Funcionários exercendo cargos de supervisão sem receberem remuneração por cargos de confiança. Necessidade de implementação de sistema de registro e acompanhamento atendimento a chamados. Equipamento sobressalente Equipamento sem garantia Inexistência de CFTV Constantes problemas na telefonia fixa do campus Campus Sabará FRAQUEZAS Falta de pessoal na área de TI Impossibilidade de propor ações de melhoria efetivas no âmbito da tecnologia da informação devido a falta de um campus definitivo Inexistência de padronização nas soluções de TI FORÇAS Oportunidade de propor soluções de um ponto inicial, sem a necessidade de ficar realizando adequações a estruturas préexistentes. AMEAÇAS Dificuldade com empresas prestadoras de serviço (falta de competição do mercado, prazo para prestação de serviço, qualidade da prestação de serviço, entre outros aspectos). Legislação que normatiza o processo de compras Recursos disponibilizados para equipar o campus OPORTUNIDADES Elaboração de planos de trabalho para equipar o campus Existência de um projeto de TI que contempla as futuras instalações do 15

21 campus Campus Ribeirão das Neves FORÇAS Relação TI/Direção Qualidade de estação de trabalho Link de Internet Equipamentos de rede existentes em boas condições de uso Incentivo a capacitação Relação TI/Direção OPORTUNIDADES FRAQUEZAS Rede sem fios Equipe de TI insuficiente Serviço de Impressão Projetos de infraestrutura Backup de arquivos Falta de equipamentos AMEAÇAS Politica de acesso às dependências da instituição Espaço para planejamento Burocracia em aquisições de soluções de TI dificulta prazos e qualidade Implantação de novos cursos Falta de capacitação em áreas especificas Nova sede do campus Legislação de capacitação institucional favorável aos servidores Mudança na legislação Falta de planejamento para projetos de infraestrutura de TI para novas obras de expansão 16

22 7 INVENTÁRIO DE NECESSIDADES 7.1 Reitoria Objetivo Estratégico PDI Estruturar soluções de TI que viabilizem o alcance da visão institucional Meta Ação Compras relacionadas Otimizar a utilização dos recursos de TI Manter e expandir cabeamento estruturado Disponibilizar acesso à rede sem fio em todo perímetro interno do IFMG. Conector RJ45 macho Cat 5e Conectores RJ45 fêmea. Patch Cord Cat6 0,5 metros Patch Cord Cat6 1,5 metros cabo de rede categoria 5e (UTP). Conector RJ45 fêmea Cat6A Patch Cord Cat6 1,5 metros Conector RJ45 macho Cat 5e Conectores RJ45 fêmea. Patch Cord Cat6 0,5 metros Placa de rede wireless Placa de rede wireless USB Aprimorar prestação de serviços de impressão Impressão/Cópias Colorida IFMG Impressão/Cópias preto e branco Locação de impressoras 18

Inventário de Necessidades de TI - PDTI 2016 2017

Inventário de Necessidades de TI - PDTI 2016 2017 Inventário de Necessidades de TI - PDTI 2016 2017 1. Comunicação Institucional a. Portal UFABC b. Aplicativos para Smartfone c. Eventos d. WEB TV e. Portal do Aluno f. Portal do Professor g. Páginas de

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇAO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA 1. DESCRIÇÃO DA SOLUÇÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇAO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA 1. DESCRIÇÃO DA SOLUÇÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO ESTUDO TÉCNICO PRELIMINAR DA CONTRATAÇÃO 1. DESCRIÇÃO DA SOLUÇÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Aquisição de equipamentos para infraestrutura de redes de todo o IFRO 2. DEFINIÇÃO E ESPECIFICAÇÃO DE REQUISITOS

Leia mais

O relacionamento direto com o cliente, respeito mútuo, responsabilidade, flexibilidade e adaptabilidade são os principais valores da Infolux.

O relacionamento direto com o cliente, respeito mútuo, responsabilidade, flexibilidade e adaptabilidade são os principais valores da Infolux. A NOSSA HISTÓRIA A Infolux Informática possui seu foco de atuação voltado para o mercado corporativo, auxiliando micro, pequenas e médias empresas na tarefa de extrair o máximo de benefícios com investimentos

Leia mais

PDTI - Definição. Instrumento de diagnóstico, planejamento e

PDTI - Definição. Instrumento de diagnóstico, planejamento e PDTI - Definição Instrumento de diagnóstico, planejamento e gestão dos recursos e processos de Tecnologia da Informação que visa atender às necessidades tecnológicas e de informação de um órgão ou entidade

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇAO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA 1. DESCRIÇÃO DA SOLUÇÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇAO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA 1. DESCRIÇÃO DA SOLUÇÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO ESTUDO TÉCNICO PRELIMINAR DA CONTRATAÇÃO 1. DESCRIÇÃO DA SOLUÇÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Aquisição de equipamentos para atendimento das demandas de usuários de todo o IFRO 2. DEFINIÇÃO E ESPECIFICAÇÃO

Leia mais

CTI Coordenadoria de Tecnologia da Informação

CTI Coordenadoria de Tecnologia da Informação Coordenadoria de Tecnologia da Informação Estrutura CTI Infraestrutura e Telecomunicações Suporte Técnico CTI Contratos Desenvolvimento de Sistemas 2 0 0 7 equipe técnica insuficiente. equipamentos obsoletos.

Leia mais

PADRÃO DE INFRAESTRUTURA DE TECNOLOGIA PARA PRESTADORES DA UNIMED RIO VERDE

PADRÃO DE INFRAESTRUTURA DE TECNOLOGIA PARA PRESTADORES DA UNIMED RIO VERDE PADRÃO DE INFRAESTRUTURA DE TECNOLOGIA PARA PRESTADORES DA UNIMED RIO VERDE Versão 1.0 Data: 09/12/2013 Desenvolvido por: - TI Unimed Rio Verde 1 ÍNDICE 1. Objetivo... 4 2. Requsitos de Infraestrutura

Leia mais

Empresa GÊNIO INFORMÁTICA

Empresa GÊNIO INFORMÁTICA 0 Empresa Com mais de 15 anos de experiência no mercado, GÊNIO INFORMÁTICA é líder em seu segmento e se destaca na prestação de serviços em redes de computadores e instalação de CFTV (Câmeras de segurança).

Leia mais

NOTA DE ALTERAÇÃO/PRORROGAÇÃO

NOTA DE ALTERAÇÃO/PRORROGAÇÃO NOTA DE ALTERAÇÃO/PRORROGAÇÃO O MUNICÍPIO DE MARINGÁ informa aos interessados em participar do procedimento licitatório denominado PROCESSO nº. 2310/14-PMM, cujo objeto é o REGISTRO DE PREÇOS para futuras

Leia mais

2 computadores de mesa (desktop):

2 computadores de mesa (desktop): Levantamento dos ativos de infraestrutura de TI utilizados em uma empresa. Especificação técnica e localização dos equipamentos que podem ser patrimoniados. As empresas dependem da infraestrutura de TI

Leia mais

TRIBUNAL DE CONTAS DOS MUNICÍPIOS ESTADO DO PARÁ

TRIBUNAL DE CONTAS DOS MUNICÍPIOS ESTADO DO PARÁ 1. Dados Gerais da Licitação Número do Processo Licitatório 1469450 Status Exercício 2016 Modalidade Registro de Preços Originário de Pregão Eletrônico Tipo Menor Preço Objeto AQUISIÇÃO DE MATERIAIS DE

Leia mais

Planejamento Estratégico da Tecnologia da Informação (PETI)

Planejamento Estratégico da Tecnologia da Informação (PETI) 00 dd/mm/aaaa 1/15 ORIGEM Instituto Federal da Bahia Comitê de Tecnologia da Informação ABRANGÊNCIA Este da Informação abrange todo o IFBA. SUMÁRIO 1. Escopo 2. Documentos de referência 3. Metodologia

Leia mais

Planejamento Estratégico de Tecnologia da Informação PETI 2014-2016

Planejamento Estratégico de Tecnologia da Informação PETI 2014-2016 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SUDESTE DE MINAS GERAIS Planejamento Estratégico de Tecnologia da Informação PETI 2014-2016 Versão 1.0 1 APRESENTAÇÃO O Planejamento

Leia mais

PORTARIA Nº 7.596, DE 11 DE DEZEMBRO DE 2014.

PORTARIA Nº 7.596, DE 11 DE DEZEMBRO DE 2014. PORTARIA Nº 7.596, DE 11 DE DEZEMBRO DE 2014. Regulamenta as atribuições e responsabilidades da Secretaria de Tecnologia da Informação e Comunicações do Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região e dá

Leia mais

Catálogo de Serviços Coordenação Técnica CTE Superintendência de Tecnologia da Informação - STI

Catálogo de Serviços Coordenação Técnica CTE Superintendência de Tecnologia da Informação - STI Catálogo de Serviços Coordenação Técnica CTE Superintendência de Tecnologia da Informação - STI Pág. 1/10 1. ATENDIMENTO TÉCNICO O objetivo do setor de atendimento técnico é atender solicitações de usuários

Leia mais

1. Descrição Física. O tampo deverá ser vazado para passagem dos cabos, para cada computador.

1. Descrição Física. O tampo deverá ser vazado para passagem dos cabos, para cada computador. LABORATÓRIO DE REDES DE COMPUTADORES (REDE FÍSICA E REDE LÓGICA) 1. Descrição Física Este laboratório é o ambiente ideal para aulas práticas e teóricas visando capacitar o aluno para o planejamento de

Leia mais

Coordenadoria de Tecnologia da Informação Documentos Formais. Governança de Catálogo de Ativos de TI com AGIL-GPR

Coordenadoria de Tecnologia da Informação Documentos Formais. Governança de Catálogo de Ativos de TI com AGIL-GPR Coordenadoria de Tecnologia da Informação Documentos Formais Governança de Catálogo de Ativos de TI com AGIL-GPR 1 Sumário 1 Introdução... 03 2 Políticas de Governança de Ativos de TI... 04 3 Área de Governança

Leia mais

A Secretaria de Tecnologias da Informação e da Comunicação (STI) foi criada a partir da Resolução do Conselho Diretor nº 44, de 31 de outubro de 2008.

A Secretaria de Tecnologias da Informação e da Comunicação (STI) foi criada a partir da Resolução do Conselho Diretor nº 44, de 31 de outubro de 2008. 1 PLANO ESTRATÉGICO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO 001/2009 1.0 Introdução A Secretaria de Tecnologias da Informação e da Comunicação (STI) foi criada a partir da Resolução do Conselho Diretor nº 44, de 31

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA N. 16, DE 04 DE ABRIL DE 2013

INSTRUÇÃO NORMATIVA N. 16, DE 04 DE ABRIL DE 2013 INSTRUÇÃO NORMATIVA N. 16, DE 04 DE ABRIL DE 2013 * Publicado no DOE em 10/04/2013 Altera a Instrução Normativa n.º 04, de 31 de janeiro de 2013, que lista os produtos de informática de que tratam a alínea

Leia mais

RELATÓRIO DE ANÁLISE. Edital Nº 04/2012 PROGRAMA RS TECNÓPOLE DE APOIO À INCUBADORAS DE BASE TECNOLÓGICA E DE INDÚSTRIA CRIATIVA APRESENTAÇÃO

RELATÓRIO DE ANÁLISE. Edital Nº 04/2012 PROGRAMA RS TECNÓPOLE DE APOIO À INCUBADORAS DE BASE TECNOLÓGICA E DE INDÚSTRIA CRIATIVA APRESENTAÇÃO RELATÓRIO DE ANÁLISE Edital Nº 04/2012 PROGRAMA RS TECNÓPOLE DE APOIO À INCUBADORAS DE BASE TECNOLÓGICA E DE INDÚSTRIA CRIATIVA APRESENTAÇÃO Gestor do Projeto Susana Maria Kakuta COREDE Conselho Regional

Leia mais

AURINA SANTANA Reitora Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia

AURINA SANTANA Reitora Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia 00 dd/mm/aaaa 1/19 ORIGEM Instituto Federal da Bahia Comitê de Tecnologia da Informação CAMPO DE APLICAÇÃO Este Plano Diretor de Tecnologia da Informação se aplica no âmbito do IFBA. SUMÁRIO 01. Introdução

Leia mais

Regimento da Superintendência de Tecnologia da Informação

Regimento da Superintendência de Tecnologia da Informação SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA Regimento da Superintendência de Tecnologia da Informação DOS OBJETIVOS E ORGANIZAÇÃO DA SUPERINTENDÊNCIA Capítulo I - DA

Leia mais

Instruções para o preenchimento da planilha de desfazimento Sumário

Instruções para o preenchimento da planilha de desfazimento Sumário Instruções para o preenchimento da planilha de desfazimento Sumário 1 - Introdução...3 2 Como preencher a planilha de desfazimento...3 3 Aba Informações do órgão...4 4 Aba CPU...5 4.1 Item (CPU)...5 4.2

Leia mais

OBJETIVOS 1 INFORMAÇÕES ADICIONAIS 1 DISPOSIÇÃO ORGANIZACIONAL 2 PLANTA A 5 PLANTA B 6 DISTRIBUIÇÃO E CONFIGURAÇÃO DOS RACKS 7

OBJETIVOS 1 INFORMAÇÕES ADICIONAIS 1 DISPOSIÇÃO ORGANIZACIONAL 2 PLANTA A 5 PLANTA B 6 DISTRIBUIÇÃO E CONFIGURAÇÃO DOS RACKS 7 ÍNDICES OBJETIVOS 1 JUSTIFICATIVAS 1 INFORMAÇÕES ADICIONAIS 1 SEGURANÇA - INTERNET 1 SISTEMA OPERACIONAL 2 PROTOCOLO TCP/IP 2 INTRANET 2 DISPOSIÇÃO ORGANIZACIONAL 2 ESTAÇÕES 2 MICROS 3 IMPRESSORAS 3 PLANTA

Leia mais

Nome do questionário (ID): Levantamento de Governança de TI 2014 (566727)

Nome do questionário (ID): Levantamento de Governança de TI 2014 (566727) Nome do questionário (ID): Levantamento de Governança de TI 2014 (566727) Pergunta: Sua resposta Data de envio: 13/06/2014 14:08:02 Endereço IP: 177.1.81.29 1. Liderança da alta administração 1.1. Com

Leia mais

REGIMENTO INTERNO COORDENAÇÃO DE TECNOLOGIA E INFORMÁTICA EM SAÚDE (CTIS)

REGIMENTO INTERNO COORDENAÇÃO DE TECNOLOGIA E INFORMÁTICA EM SAÚDE (CTIS) Página 1 de 12 GOVERNO DO ESTADO DO PARÁ SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE SECRETARIA DE ESTADO DE SAÚDE PÚBLICA COORDENAÇÃO DE TECNOLOGIA E INFORMÁTICA EM SAÚDE REGIMENTO INTERNO COORDENAÇÃO DE TECNOLOGIA E INFORMÁTICA

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇAO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA 1. DESCRIÇÃO DA SOLUÇÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇAO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA 1. DESCRIÇÃO DA SOLUÇÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO ESTUDO TÉCNICO PRELIMINAR DA CONTRATAÇÃO 1. DESCRIÇÃO DA SOLUÇÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Aquisição de equipamentos para atendimento das demandas de usuários de todo o IFRO 2. DEFINIÇÃO E ESPECIFICAÇÃO

Leia mais

Item Especificação Unid Med. Marca Fornecedor Preço Máx. Preço cotado ACOSTA QUADRI & CIA LTDA 45,75 24,00

Item Especificação Unid Med. Marca Fornecedor Preço Máx. Preço cotado ACOSTA QUADRI & CIA LTDA 45,75 24,00 Prefeitura Municipal de Pinhalão Estado do Paraná C.N.P.J/M.F. 76.167.71/0001-94 Rua Domingos Calixto, 483 - Fone: 43 3569-1179 prefeitura@pinhalao.pr.gov.br http://www.pinhalao.com.br PINHALÃO - CEP 84.925-000

Leia mais

Departamento de Tecnologia da Informação

Departamento de Tecnologia da Informação Departamento de Tecnologia da Informação Objetivos O DTI é o departamento responsável por toda a arquitetura tecnológica do CRF- SP, ou seja, compreende todo o conjunto de hardware/software necessário

Leia mais

Planejamento estratégico

Planejamento estratégico Planejamento estratégico Coordenadoria de Tecnologia da Informação 2015-2018 1. Estrutura atual da Coordenadoria de Tecnologia da Informação A coordenadoria é hoje responsável pelos setores de Informática

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 81, DE 26 DE MARÇO DE 2009

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 81, DE 26 DE MARÇO DE 2009 Publicada no Boletim de Serviço Nº 4, em 7/4/2009. INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 81, DE 26 DE MARÇO DE 2009 Disciplina o uso dos recursos de tecnologia da informação do Supremo Tribunal Federal e dá outras providências.

Leia mais

QUALIFICAÇÃO TÉCNICA EM HARDWARE

QUALIFICAÇÃO TÉCNICA EM HARDWARE OPORTUNIDADE Estamos diante de um fato: o computador está presente em estabelecimentos dos mais diversos ramos e em muitos lares brasileiros. Sem dúvida este dado revela uma grande oportunidade no mercado

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE MINAS GERAIS. Plano Diretor de Tecnologia da Informação

INSTITUTO FEDERAL DE MINAS GERAIS. Plano Diretor de Tecnologia da Informação INSTITUTO FEDERAL DE MINAS GERAIS Plano Diretor de Tecnologia da Informação 2013 PRESIDENTE DA REPÚBLICA Dilma Vana Rousseff MINISTRO DA EDUCAÇÃO Aloizio Mercadante SECRETÁRIO DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL

Leia mais

PORTARIA Nº 076 DE 21 DE JANEIRO DE 2014.

PORTARIA Nº 076 DE 21 DE JANEIRO DE 2014. PORTARIA Nº 076 DE 21 DE JANEIRO DE 2014. Dispõe sobre aprovação da Política de Segurança da Informação do IFMG. O REITOR DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE MINAS GERAIS, no uso

Leia mais

Nome do questionário (ID): Levantamento de Governança de TI 2014 (566727)

Nome do questionário (ID): Levantamento de Governança de TI 2014 (566727) Nome do questionário (ID): Levantamento de Governança de TI 2014 (566727) Pergunta: Sua resposta Data de envio: 08/08/2014 19:53:40 Endereço IP: 150.164.72.183 1. Liderança da alta administração 1.1. Com

Leia mais

Diagnóstico organizacional: um estudo tecnológico na cooperativa-escola do IFMG-campus Bambuí.

Diagnóstico organizacional: um estudo tecnológico na cooperativa-escola do IFMG-campus Bambuí. Diagnóstico organizacional: um estudo tecnológico na cooperativa-escola do IFMG-campus Bambuí. RESUMO Andressa Lima da CUNHA ; Aline Martins CHAVES ; Gabriel da SILVA 2 Pós-Graduada em Administração de

Leia mais

Aprovar Regulamento de Gestão de Utilização de Recursos de TI junto ao COUNI Março 2012

Aprovar Regulamento de Gestão de Utilização de Recursos de TI junto ao COUNI Março 2012 Planejamento 2012 Diretoria de TI DIMENSÃO 01: GESTÃO UNIVERSITÁRIA Objetivo Estratégico 1.3: Aprimorar os mecanismos de gestão da tecnologia de informação Aprovar o Regimento do Comitê Gestor de TI Março

Leia mais

GOVBR- UEM-MARINGA PREFEITURA MUNICIPAL DE PEROLA

GOVBR- UEM-MARINGA PREFEITURA MUNICIPAL DE PEROLA GERENCIAMENTO DE PROJETOS PRONIM, IMPLANTAÇÃO SQL SERVER GOVBR- UEM-MARINGA PREFEITURA MUNICIPAL DE PEROLA Cliente GOVBR, UEM-MARINGA / Prefeitura Municipal de PEROLA Data 10/09/2015 Versão 1.0 Objeto:

Leia mais

RETIFICAÇÃO À CARTA CONVITE Nº 01/2010

RETIFICAÇÃO À CARTA CONVITE Nº 01/2010 RETIFICAÇÃO À CARTA CONVITE Nº 01/2010 A Comissão Permanente de Licitação, no uso de suas atribuições legais, resolve RETIFICAR os ANEXOS I e II da Carta Convite nº 01/2010, passando a integrar o referido

Leia mais

ESPECIFICANDO ITENS DO SUPORTE

ESPECIFICANDO ITENS DO SUPORTE ESPECIFICANDO ITENS DO SUPORTE RUA DO BOM PASTOR, 47; Sala 202; IPUTINGA RECIFE - PE CEP: 50670-260 - CNPJ: 14.668.041/0001-65 Fone: +55 (81) 3048-5649 / +55 (81) 4102-0316 Fax: +55 (81) 3048-5649 Email:

Leia mais

Capítulo XIII SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO

Capítulo XIII SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO Capítulo XIII SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO FINALIDADE A Secretaria de Tecnologia da Informação e Comunicação, órgão de direção especializada, subordinada ao diretor-geral da Secretaria

Leia mais

Diário Oficial Nº 833/2015 Segunda-feira, 27 de Julho de 2015 - Prefeitura Municipal De Camamu - Governo do Estado da Bahia

Diário Oficial Nº 833/2015 Segunda-feira, 27 de Julho de 2015 - Prefeitura Municipal De Camamu - Governo do Estado da Bahia Diário Oficial O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) vai realizar concurso para 600 novas vagas em todo o país. A seleção foi autorizada pelo Ministério do Planejamento Orçamento e Gestão

Leia mais

Câmara Municipal de Guarapuava - 2016

Câmara Municipal de Guarapuava - 2016 Página:1 36 - ALMOXARIFADO 23 - LEITE UHT INTEGRAL 41 2,5500 1.060,80 (16) (415,65) 25 2,5500 645,15 24 - CAFÉ TORRADO E MOÍDO 500 GR 17 8,9000 1.557,50 (4) (382,70) 13 8,9000 1.174,80 25 - AÇÚCAR REFINADO

Leia mais

SEPLAN. Secretaria de Estado de Planejamento e Desenvolvimento Econômico. RESOLUÇÃO Nº 003/2006 - CEPINF de 15 de agosto de 2006.

SEPLAN. Secretaria de Estado de Planejamento e Desenvolvimento Econômico. RESOLUÇÃO Nº 003/2006 - CEPINF de 15 de agosto de 2006. RESOLUÇÃO Nº 003/2006 - CEPINF de 15 de agosto de 2006. DEFINE a Política de Informática do Estado do Amazonas. O PRESIDENTE DO COMITÊ ESTADUAL DE POLÍTICA DE INFORMÁTICA, no uso de suas atribuições legais,

Leia mais

Escolher sempre os itens Monitor, Microcomputador e Proteção de Energia. Monitores:

Escolher sempre os itens Monitor, Microcomputador e Proteção de Energia. Monitores: Escolher sempre os itens Monitor, Microcomputador e Proteção de Energia Monitores: 24 polegadas LCD, FULL HD, Widescreen: BEM 5027799 23 polegadas LCD, FULL HD, Widescreen: BEM 5291780 21.5 polegadas LCD,

Leia mais

BOLETIM DE SERVIÇO EXTRAORDINÁRIO. Publicado em 24 03 2015. Lei nº 4965 de 05 05 1966 Março 2015 Nº 1

BOLETIM DE SERVIÇO EXTRAORDINÁRIO. Publicado em 24 03 2015. Lei nº 4965 de 05 05 1966 Março 2015 Nº 1 BOLETIM DE SERVIÇO EXTRAORDINÁRIO Publicado em 24 03 2015 Lei nº 4965 de 05 05 1966 Março 2015 Nº 1 Ministério da Educação Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica Instituto Federal de Minas Gerais

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO TRIÂNGULO MINEIRO ATA RESUMO DA 4ª REUNIÃO DE FECHAMENTO REALIZADA EM 20 DE SETEMBRO DE 2012 REFERENTE AO PDI 2012-2016

UNIVERSIDADE FEDERAL DO TRIÂNGULO MINEIRO ATA RESUMO DA 4ª REUNIÃO DE FECHAMENTO REALIZADA EM 20 DE SETEMBRO DE 2012 REFERENTE AO PDI 2012-2016 UNIVERSIDADE FEDERAL DO TRIÂNGULO MINEIRO ATA RESUMO DA 4ª REUNIÃO DE FECHAMENTO REALIZADA EM 20 DE SETEMBRO DE 2012 REFERENTE AO PDI 2012-2016 Dando continuidade aos trabalhos de fechamento do PDI 2012-2016,

Leia mais

Plano Diretor de Tecnologia

Plano Diretor de Tecnologia Governo Federal Ministério da Cultura Fundação Cultural Palmares Plano Diretor de Tecnologia da Informação e Comunicação 2013 2015 Brasília DF 2013 Presidenta da República Dilma Vana Rousseff Ministério

Leia mais

ANEXO I. Pará Pag.: 1 Governo Municipal de Tomé-Açu. Preço Unit (R$) Código

ANEXO I. Pará Pag.: 1 Governo Municipal de Tomé-Açu. Preço Unit (R$) Código Pará Pag.: 1 003489 Mouse USB 436,0000 UNIDADE Especificação: Optico com 3 botoes 003496 Bateria p/nobreak 12v 744,0000 UNIDADE Especificação: 7,2 amperes. altura c/ terminal 10cm.altura s/ terminal 9,5cm

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA SEMGESP Nº 004/2013 01, de 12.06.13

INSTRUÇÃO NORMATIVA SEMGESP Nº 004/2013 01, de 12.06.13 INSTRUÇÃO NORMATIVA SEMGESP Nº 004/2013 01, de 12.06.13 Dispõe sobre os procedimentos de gestão da Tecnologia da Informação. O Prefeito Municipal e o Secretário Municipal de Gestão e Planejamento, no exercício

Leia mais

INFORMÁTICA. Master tam.: 6,5x3cm

INFORMÁTICA. Master tam.: 6,5x3cm INFORMÁTICA Master tam.: 6,5x3cm Cabos página 01 Cabo Conversor Cabo para Monitor Cód. 72340 - Cabo conversor USB para 2 portas PS2 - unidade Cabo de Força Cód. 72153 - Cabo para monitor LCD HD 15MXHD15M

Leia mais

DTI - DEPARTAMENTO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

DTI - DEPARTAMENTO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Índice 1. APRESENTAÇÃO...: 2 2. OBJETIVOS...: 2 3. INFRAESTRUTURA OPERACIONAL...: 3 3.1. Sala dos Professores...: 3 3.2. Secretaria das Coordenações...: 3 3.3. Secretaria Geral...: 3 3.4. Biblioteca...:

Leia mais

Nome do questionário (ID): Levantamento de Governança de TI 2014 (566727)

Nome do questionário (ID): Levantamento de Governança de TI 2014 (566727) Nome do questionário (ID): Levantamento de Governança de TI 2014 (566727) Pergunta: Sua resposta Data de envio: 12/06/2014 13:58:56 Endereço IP: 200.252.42.196 1. Liderança da alta administração 1.1. Com

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA KIT TELESSAÚDE

TERMO DE REFERÊNCIA KIT TELESSAÚDE TERMO DE REFERÊNCIA KIT TELESSAÚDE Quantidade Especificação Técnica Valor Estimado 01 Microcomputador multimídia R$ 2.200,00 Core I5, memória de 4Gb, disco rígido de 500GB SATA, gravador e leitor de DVD,

Leia mais

PROJETO DE ATUALIZAÇÃO DAS SALAS DE AULA DOS ATs PARA ACESSO À WWW (Inclui Implantação de Rede Sem Fio nos ATs, Área de Eventos da BCo, Reitoria e

PROJETO DE ATUALIZAÇÃO DAS SALAS DE AULA DOS ATs PARA ACESSO À WWW (Inclui Implantação de Rede Sem Fio nos ATs, Área de Eventos da BCo, Reitoria e PROJETO DE ATUALIZAÇÃO DAS SALAS DE AULA DOS ATs PARA ACESSO À WWW (Inclui Implantação de Rede Sem Fio nos ATs, Área de Eventos da BCo, Reitoria e SIn) SIn/Junho-2005 PROJETO DE ATUALIZAÇÃO DAS SALAS DE

Leia mais

RESPOSTAS DE QUESTIONAMENTOS IV

RESPOSTAS DE QUESTIONAMENTOS IV RESPOSTAS DE QUESTIONAMENTOS IV PREGÃO ELETRÔNICO Nº 21/2013 O Conselho Federal de Contabilidade torna pública a resposta ao questionamento formulado por empresa interessada em participar do certame em

Leia mais

PROJETO LÓGICO DA REDE LOCAL DE COMPUTADORES DA REITORIA

PROJETO LÓGICO DA REDE LOCAL DE COMPUTADORES DA REITORIA PROJETO LÓGICO DA REDE LOCAL DE COMPUTADORES DA REITORIA COORDENAÇÃO DE TECNOLOGIA (COTEC) JUNHO/2011 Rua do Rouxinol, N 115 / Salvador Bahia CEP: 41.720-052 Telefone: (71) 3186-0001. Email: cotec@ifbaiano.edu.br

Leia mais

Pode Judiciário Justiça do Trabalho Tribunal Regional do Trabalho da 11ª Região ATRIBUIÇÕES DOS CARGOS DE DIREÇÃO E CHEFIAS DA SETIC

Pode Judiciário Justiça do Trabalho Tribunal Regional do Trabalho da 11ª Região ATRIBUIÇÕES DOS CARGOS DE DIREÇÃO E CHEFIAS DA SETIC Pode Judiciário Justiça do Trabalho Tribunal Regional do Trabalho da 11ª Região ATRIBUIÇÕES DOS CARGOS DE DIREÇÃO E CHEFIAS DA SETIC 1. Diretor da Secretaria de Tecnologia da Informação e Comunicação Coordenar

Leia mais

PORTARIA Nº 7876. O PREFEITO DE JUIZ DE FORA, no uso das atribuições que lhe confere a Legislação vigente,

PORTARIA Nº 7876. O PREFEITO DE JUIZ DE FORA, no uso das atribuições que lhe confere a Legislação vigente, PORTARIA Nº 7876 Dispõe sobre a Norma PSI/N.0001 - Utilização da Estação de Trabalho, nos termos dos arts. 20 e 24, da Resolução nº 041/2010-SPDE. O PREFEITO DE JUIZ DE FORA, no uso das atribuições que

Leia mais

Incentivar a inovação em processos funcionais. Aprimorar a gestão de pessoas de TIC

Incentivar a inovação em processos funcionais. Aprimorar a gestão de pessoas de TIC Incentivar a inovação em processos funcionais Aprendizagem e conhecimento Adotar práticas de gestão participativa para garantir maior envolvimento e adoção de soluções de TI e processos funcionais. Promover

Leia mais

Sexta-feira, 15 de Abril de 2016 Edição N 153 Caderno I. ESTADO DA BAHIA Câmara Municipal de Catu

Sexta-feira, 15 de Abril de 2016 Edição N 153 Caderno I. ESTADO DA BAHIA Câmara Municipal de Catu Onde lê-se: LOTE III Aviso aos interessados em participar do Pregão Presencial Nº 08/2016 do termo de referencia do referido edital 3. Estabilizador 3.1. Configuração única 5 unidades Leia-se: LOTE III

Leia mais

Ministério da Educação Universidade Federal de Pelotas Tecnologia da Informação

Ministério da Educação Universidade Federal de Pelotas Tecnologia da Informação Ministério da Educação Universidade Federal de Pelotas Tecnologia da Informação Relatório de Gestão 2011/2012 Centro de Gerenciamento de Informações e Concursos - CGIC Introdução A principal finalidade

Leia mais

Necessidade: Readequação do data Center do bloco B Campus Santo André:

Necessidade: Readequação do data Center do bloco B Campus Santo André: Relatório de Resultados do Planejamento de TI 2012/2013 Introdução O objetivo deste relatório é avaliar os resultados alcançados a partir da realização dos projetos e ações do PDTI anterior (2012 2013).

Leia mais

PLANO DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL 2014-2018 PROPOSTAS DE METAS, AÇÕES E INDICADORES

PLANO DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL 2014-2018 PROPOSTAS DE METAS, AÇÕES E INDICADORES PLANO DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE MINAS GERAIS PROPOSTAS DE METAS, AÇÕES E INDICADORES CAMPUS CONGONHAS DEZEMBRO - 2013 INFRA-ESTRUTURA Objetivo

Leia mais

CATÁLOGO DE PRODUTOS

CATÁLOGO DE PRODUTOS CATÁLOGO DE PRODUTOS 2015 Apresentação A PONTO DA REDE iniciou suas atividades em setembro de 1997, com sede em Salvador-Bahia, onde dispomos de um grande estoque para pronta entrega. Atuamos nos mercados

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA ANEXO I - PLANILHA DE QUANTIDADES E S 1 un 150,00 2 un 25,00 Microcomputador com a seguinte configuração mínima: Placa mãe Asus P5K-seProcessador socket 775 C2D E67502 pentes de memória DDR2 800 Mhz de

Leia mais

INFRAESTRUTURA 1. ESPAÇO FÍSICO 1.1. Gabinetes de Trabalho para Professores Tempo Integral - TI

INFRAESTRUTURA 1. ESPAÇO FÍSICO 1.1. Gabinetes de Trabalho para Professores Tempo Integral - TI INFRAESTRUTURA 1. ESPAÇO FÍSICO Atualmente a FIBRA encontra-se em novas instalações contando com 33 salas de aula climatizadas, com instalações de equipamentos de multimídia, auditório climatizado com

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA COORDENADORIA DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA COORDENADORIA DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA COORDENADORIA DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO Edital UNIPAMPA de Adesão à Jornada UNIPAMPA em Tecnologia de Informação e Comunicação

Leia mais

Produtos, Outsourcing de TI, Outsourcing de Impressão, Térmicas,

Produtos, Outsourcing de TI, Outsourcing de Impressão, Térmicas, 2012 É uma das maiores empresas integradoras de tecnologia do mercado nacional, tornando-se referência no Segmento de Produtos, Outsourcing de TI, Outsourcing de Impressão, Térmicas, Telecom e soluções

Leia mais

COMUNICADO PREGÃO Nº 048/2007

COMUNICADO PREGÃO Nº 048/2007 COMUNICADO PREGÃO Nº 048/2007 OBJETO: Fornecimento, configuração, testes e assistência técnica, durante período de garantia, de 28 (vinte e oito) microcomputadores portáteis (notebooks) de alta mobilidade,

Leia mais

Entrada de Material - Analítico - Por Entrada (Nota Fiscal)

Entrada de Material - Analítico - Por Entrada (Nota Fiscal) Entrada de - Analítico - Por Entrada (Nota Fiscal) Entrada: 2010/000194 Data: 30/09/2010 CNPJ - 00.429.605/0001-00 / IVO ELETRICA E FERRAGENS LTDA Documentos: PROCESSO DE ENTRADA 1161552201008 EMPENHO

Leia mais

ATA DA CONSULTA PÚBLICA N

ATA DA CONSULTA PÚBLICA N ((TITULO))ATA DA CONSULTA PÚBLICA N.º 002/2013 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS PARA EVENTUAL CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE IMPRESSÃO DEPARTAMENTAL (QUESTIONAMENTOS e RESPOSTAS) ((TEXTO))Aos

Leia mais

Relatório de Gestão DGTI

Relatório de Gestão DGTI Relatório de Gestão DGTI 1.Contextualização Histórico Administrativa Com o projeto de expansão do Governo Federal que criou os Institutos Federais em todo o Brasil, o antigo Centro Federal de Educação

Leia mais

..: FormSus :.. http://formsus.datasus.gov.br/site/popup_unidade_detalhe.php?id_aplica...

..: FormSus :.. http://formsus.datasus.gov.br/site/popup_unidade_detalhe.php?id_aplica... 1 de 1 19/4/212 17:17 EGTI 211/212 - Autodiagnostico 21 Imprimir Identificação 1. Qual a identificação do órgão? AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS 2. Qual o âmbito de preenchimento do formulário?

Leia mais

Contratação, configuração e distribuição do acesso à internet, com velocidade mínima de 1Mbps, compartilhada por todos os computadores.

Contratação, configuração e distribuição do acesso à internet, com velocidade mínima de 1Mbps, compartilhada por todos os computadores. PERÍODO: 3 a 6 de outubro de 2009 Equipamentos e facilidades Notebooks com tela de 5 polegadas, resolução mínima de 024x768 pontos e placa de vídeo com memória de 28Mb dedicada ou até 28Mb alocada dinamicamente,

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO I LOTE 01. 01 10 Pendrive 8GB. R$ 25,99 R$ 259,00. 02 10 Pendrive 16GB. R$ 51,50 R$ 515,00

TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO I LOTE 01. 01 10 Pendrive 8GB. R$ 25,99 R$ 259,00. 02 10 Pendrive 16GB. R$ 51,50 R$ 515,00 TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO I ÍTEM QT Especificação LOTE 01 Valor unitário Valor máximo estimado 01 10 Pendrive 8GB. R$ 25,99 R$ 259,00 02 10 Pendrive 16GB. R$ 51,50 R$ 515,00 03 20 04 10 Adaptadores para

Leia mais

2015 2015 RM TDL OBJETO REFERÊNCIA HOMOLOGADO % OBSERVAÇÕES OC MÊS TDL 4226 001/15 FITA MÁGICA R$ 3.744,00 R$ 5.100,00-26,59% NÃO ADJUDICADO JANEIRO

2015 2015 RM TDL OBJETO REFERÊNCIA HOMOLOGADO % OBSERVAÇÕES OC MÊS TDL 4226 001/15 FITA MÁGICA R$ 3.744,00 R$ 5.100,00-26,59% NÃO ADJUDICADO JANEIRO 2015 2015 RM TDL OBJETO REFERÊNCIA HOMOLOGADO % OBSERVAÇÕES OC MÊS TDL 4226 001/15 FITA MÁGICA R$ 3.744,00 R$ 5.100,00-26,59% NÃO ADJUDICADO JANEIRO 4217 002/15 FITA P/ ROTULADORA R$ 1.275,00 R$ 1.790,00-28,77%

Leia mais

Módulo de Gestão aplicada à TIC Curso Técnico de Informática Aulas 05 e 06. Prof. Amadeu Campos

Módulo de Gestão aplicada à TIC Curso Técnico de Informática Aulas 05 e 06. Prof. Amadeu Campos Módulo de Gestão aplicada à TIC Curso Técnico de Informática Aulas 05 e 06 Prof. Amadeu Campos FTIN FORMAÇÃO TÉCNICA EM INFORMÁTICA GESTÃO DA INFORMATIZAÇÃO EMPRESARIAL Competências a serem trabalhadas

Leia mais

Documentação Técnica Empresa SA. PR049_10

Documentação Técnica Empresa SA. PR049_10 AS BUILT Documentação Técnica Documentação Técnica serviço de cabeamento lógico, realizado na Empresa SA. Serviço realizado após aprovação da proposta PR049_10, sendo todo projeto acompanhado pelo Sr.

Leia mais

Fundação Municipal de Tecnologia da Informação e Comunicação de Canoas Diretoria Executiva PLANO DIRETOR DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

Fundação Municipal de Tecnologia da Informação e Comunicação de Canoas Diretoria Executiva PLANO DIRETOR DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Fundação Municipal de Tecnologia da Informação e Comunicação de Canoas Diretoria Executiva PLANO DIRETOR DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO 2012 2015 Controle de Revisão Ver. Natureza Data Elaborador Revisor

Leia mais

FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC GOIÁS

FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC GOIÁS FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC GOIÁS PROJETO INTEGRADOR GERENCIA DE REDES DE COMPUTADORES 4º PERÍODO Gestão da Tecnologia da Informação Alunos: Erik de Oliveira, Douglas Ferreira, Raphael Beghelli, João

Leia mais

ANEXO À RESOLUÇÃO Nº /2010 REGIMENTO DA DIRETORIA DE TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO

ANEXO À RESOLUÇÃO Nº /2010 REGIMENTO DA DIRETORIA DE TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO ANEXO À RESOLUÇÃO Nº /2010 REGIMENTO DA DIRETORIA DE TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO Art. 1º - A Diretoria de Tecnologia de Informação e Comunicação DTIC da Universidade FEDERAL DO ESTADO DO RIO

Leia mais

LINHA CRIATIVA, Informática & Soluções PORTFOLIO

LINHA CRIATIVA, Informática & Soluções PORTFOLIO LINHA CRIATIVA, Informática & Soluções PORTFOLIO 2015 A LINHA CRIATIVA é uma solução de TI focada em produtos inteligentes e simples, actuando no sector de empresas de médio e pequeno porte, nas áreas

Leia mais

TERCEIRIZAÇÃO, OUTSOURCING, INFRAESTRUTURA DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS E SITES, AUDITORIAS E SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO.

TERCEIRIZAÇÃO, OUTSOURCING, INFRAESTRUTURA DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS E SITES, AUDITORIAS E SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO. TERCEIRIZAÇÃO, OUTSOURCING, INFRAESTRUTURA DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS E SITES, AUDITORIAS E SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO. OneIT A gente trabalha para o seu crescimento. Rua Bento Barbosa, n 155, Chácara Santo

Leia mais

Catálogo de Equipamentos Vivo Soluciona TI

Catálogo de Equipamentos Vivo Soluciona TI Catálogo de Equipamentos Vivo Soluciona TI Vivo Soluciona TI Equipamento Desktop, Notebook ou Tablet Manutenção Local ou Remota Segurança Antivírus e seguro contra roubo e furto Solução de informática

Leia mais

Relatório de Consultoria PD.33.10.83A.0080A/RT-05-AA. Levantamento da Gestão de TIC

Relatório de Consultoria PD.33.10.83A.0080A/RT-05-AA. Levantamento da Gestão de TIC Relatório de Consultoria PD.33.10.83A.0080A/RT-05-AA Levantamento da Gestão de TIC Cotação: 23424/09 Cliente: PRODABEL Contato: Carlos Bizzoto E-mail: cbizz@pbh.gov.br Endereço: Avenida Presidente Carlos

Leia mais

TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO PRESIDÊNCIA ATO Nº 345/SETIN.SEGP.GP, DE 16 DE JUNHO DE 2015

TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO PRESIDÊNCIA ATO Nº 345/SETIN.SEGP.GP, DE 16 DE JUNHO DE 2015 TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO PRESIDÊNCIA ATO Nº 345/SETIN.SEGP.GP, DE 16 DE JUNHO DE 2015 Reestrutura as unidades vinculadas à Secretaria de Tecnologia da Informação SETIN do Tribunal Superior do Trabalho.

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES DE PREENCHIMENTO DOS ANEXOS

MANUAL DE INSTRUÇÕES DE PREENCHIMENTO DOS ANEXOS Prefeitura Municipal de João Pessoa Fundação Cultural de João Pessoa PROGRAMA MAIS CULTURA PONTO DE CULTURA PONTOS DE CULTURA DO MUNICIPIO DE JOÃO PESSOA MANUAL DE INSTRUÇÕES DE PREENCHIMENTO DOS ANEXOS

Leia mais

Avaliação dos Resultados do Planejamento de TI anterior

Avaliação dos Resultados do Planejamento de TI anterior Avaliação dos Resultados do Planejamento de TI anterior O PDTI 2014 / 2015 contém um conjunto de necessidades, que se desdobram em metas e ações. As necessidades elencadas naquele documento foram agrupadas

Leia mais

FACULDADE ERNESTO RISCALI

FACULDADE ERNESTO RISCALI PLANO DE ATUALIZAÇÃO E MANUTENÇÃO DE EQUIPAMENTOS OLÍMPIA 2015 Rua Bruno Riscali Vila Hípica Olímpia (SP) - (17) 3281-1231 CEP: 15400-000 2 PLANO DE ATUALIZAÇÃO E MANUTENÇÃO DOS EQUIPAMENTOS. 1. INTRODUÇÃO

Leia mais

GRADE CURRICULAR. www.cursosenap.com.br

GRADE CURRICULAR. www.cursosenap.com.br INTRODUÇÃO AO HARDWARE DO COMPUTADOR O QUE É UM HARDWARE? O QUE É UM SOFTWARE? O QUE É UM PROGRAMA? O QUE É UM APLICATIVO? CONHECENDO O HARDWARE DO COMPUTADOR VISÃO GERAL DAS PEÇAS FONTE DE ALIMENTAÇÃO

Leia mais

APOSTILA DE REDES DE COMPUTADORES RESUMO 1º BIMESTRE - 2º SEMESTRE

APOSTILA DE REDES DE COMPUTADORES RESUMO 1º BIMESTRE - 2º SEMESTRE APOSTILA DE REDES DE COMPUTADORES RESUMO 1º BIMESTRE - 2º SEMESTRE 1 1. CABEAMENTO ESTRUTURADO Cabeamento estruturado é a disciplina que estuda a disposição organizada e padronizada de conectores e meios

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DA SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO SETIC CAPÍTULO I CATEGORIA

REGIMENTO INTERNO DA SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO SETIC CAPÍTULO I CATEGORIA REGIMENTO INTERNO DA SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO SETIC CAPÍTULO I CATEGORIA Art. 1º. A Secretaria de Tecnologia de Informação e Comunicação SETIC é um Órgão Suplementar Superior

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Universidade Federal da Integração Latino-Americana. Termo de Adjudicação do Pregão Eletrônico Nº 00010/2013

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Universidade Federal da Integração Latino-Americana. Termo de Adjudicação do Pregão Eletrônico Nº 00010/2013 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Universidade Federal da Integração Latino-Americana Termo de Adjudicação do Pregão Eletrônico Nº 00010/2013 Às 10:25 horas do dia 22 de maio de 2013, após analisado o resultado do

Leia mais

Especial Online RESUMO DOS TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO. Redes de Computadores 2011-2 ISSN 1982-1816. www.unifoa.edu.br/cadernos/especiais.

Especial Online RESUMO DOS TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO. Redes de Computadores 2011-2 ISSN 1982-1816. www.unifoa.edu.br/cadernos/especiais. Especial Online ISSN 1982-1816 www.unifoa.edu.br/cadernos/especiais.html DOS TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO Redes de Computadores 2011-2 EXPANSÃO E MELHORIA NA REDE DE COMPUTADORES DO INSTITUTO FEDERAL

Leia mais

Soluções em Vendas Corporativas

Soluções em Vendas Corporativas Soluções em Vendas Corporativas Soluções em Vendas Corporativas Apresentação A Rastek trabalha na venda de toda a linha de produtos de informática, garantindo o atendimento às necessidades do cliente Trabalhamos

Leia mais

Jornal Oficial do Município - Sousa, Edição Especial 15 de Abril de 2014.

Jornal Oficial do Município - Sousa, Edição Especial 15 de Abril de 2014. LICITAÇÕES ESTADO DA PARAÍBA PREFEITURA MUNICIPAL DE SOUSA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº: RP 00021/2014 Aos 15 dias do mês de Abril de 2014, na sede da Comissão Permanente de Licitação da Prefeitura Municipal

Leia mais

ESTADO DO PARÁ MAPA DEMONSTRATIVO P. P. Nº 074/2015 (SUPRIMEN. E EQUIP. DE INFORMATICA)

ESTADO DO PARÁ MAPA DEMONSTRATIVO P. P. Nº 074/2015 (SUPRIMEN. E EQUIP. DE INFORMATICA) ESTADO DO PARÁ PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTANA DO ARAGUAIA MAPA DEMONSTRATIVO P. P. Nº 074/2015 (SUPRIMEN. E EQUIP. DE INFORMATICA) ITEM QNT. UND. DISCRIMINAÇÃO DOS PRODUTO/SERVIÇOS EMPRESA UNIT. VALOR

Leia mais

Fundação de Apoio à Tecnologia e Ciência

Fundação de Apoio à Tecnologia e Ciência Santa Maria, 11 de março de 2014. RETIFICAÇÃO DE EDITAL CONCORRENCIA Nº 2015/5040001- A Comissão de Licitações, no uso de suas atribuições legais, torna publico a seguinte retificação ao edital supracitado,

Leia mais