Sistema de Controle Ambiental do Amazonas SCAAM - VERSÃO 1.0

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Sistema de Controle Ambiental do Amazonas SCAAM - VERSÃO 1.0"

Transcrição

1 Sistema de Controle Ambiental do Amazonas SCAAM - VERSÃO 1.0 Manaus Agosto 2012

2 2 MANUAL OPERACIONAL DO MÓDULO - CAR

3 3 SOLICITAÇÃO DO PRODUTO A metodologia foi desenvolvida de acordo com o contrato de Prestação de serviço entre a Mineração Taboca S.A. e C&R Consultoria, Ambiental e Informática Ltda. ELABORAÇÃO C & R Consultoria, Ambiental e Informática Ltda. Rosemeire Freitas Vieira

4 4 SUMÁRIO ACESSO 1. REGRAS PARA DIGITAÇÃO LEMBRETES ACESSO AO SISTEMA ACESSO USUÁRIO ACESSO EMPREENDEDOR ACESSO CTPS CADASTRO TÉCNICO PRESTADOR SERVIÇO CAR CADASTRO AMBIENTAL RURAL VALIDAÇÃO DE SEGURANÇA CENTRAL DE ATENDIMENTO CADASTRO PROPRIETÁRIO: PROPRIEDADE RURAL PROGRAMA DE REGULARIZAÇÃO CADASTRO UPLOAD DOCTOS:... 37

5 5 INFORMAÇÕES BÁSICAS PARA CADASTRAMENTO 1. REGRAS PARA DIGITAÇÃO 1.1 Não realizar o cadastramento em caixa alto; 1.2 Todos os campos com asterisco * são OBRIGATÓRIOS 1.3 Não utilizar aspas simples ou dupla (, ) exemplo: curso d água; 1.4 Nos campos numéricos como tamanho de área, área desmatada e área de APP só colocar vírgula nas casas decimais Ex.: 17,6804 hectares; 1.5 Nas informações georeferrenciadas; Na digitação não é necessário colocar o sinal de menos (-) só escolher Norte ou Sul Escolher polígono se no mínimo tiver 3 (três) ponto onde se fecha uma figura; 1.6 Só preencher os dados de Representante Legal quando o Proprietário for Pessoa Jurídica; 2. LEMBRETES 2.1 Para cada Proprietário e/ou Possuidor pode-se cadastrar mais que uma propriedade, sendo que cada uma deve ser caracterizada e emitida o Formulário de Cadastro e o Termo de Compromisso e Adesão em 03(três) vias. Quando passivo em Reserva Legal ou Área de Preservação Permanente - APP o Termo de Referencia do Plano de Recuperação Ambiental TR_PRAD e o Termo de Referência para apresentação da proposta de delimitação da Área de Reserva Legal TR_ARL em 01 (um) via. 2.2 Sempre colocar qual o tipo de documento que o proprietário tem do seu imóvel rural; 2.3 O município da propriedade rural é a informação que serve de base para o calculo de quantidades de módulos fiscais; 2.4 Só colocar para cópia do endereço do proprietário quando o mesmo residir no imóvel rural; 2.5 Escala de visualização quanto maior o Número menor o desenho; 2.6 Só realizar o fechamento da digitação da propriedade e/ou imóvel rural depois de impresso e conferido os dados do Formulário do CAR,o TCA, TR_PRAD (quando necessário) e o TR_ARL.

6 6 ACESSO O SISTEMA SERÁ MELHOR VISUALIZADO COM PADRÃO DE MONITOR 1024X768 PARA UTILIZAÇÃO DO SISTEMA É NECESSÁRIO A INSTALAÇÃO MOZILLA (FIREFOX) OU GOOGLE CHROME 3. ACESSO AO SISTEMA O acesso ao SCAAM se dará através do site do /seiam acesso interno acesso externo. Ao acessar o endereço, a seguinte tela será exibida: O SCAAM esta preparado para acesso: Usuários de órgãos de todas as esferas governamentais e parceiros ambientais; Empreendedores; Cadastro Técnico Prestador de Serviço CTPS; Cadastro Ambiental Rural; Validação de segurança de documentos emitidos pelo sistema Para que o usuário tenha acesso ao sistema é necessário que ele ACEITE o Termo de Uso do Sistema de Controle Ambiental do Amazonas SCAAM que ocorrerá uma única vez. Para cada funcionalidade tem o Manual do Usuário em.pdf iniciar o preenchimento das informações leia com atenção.,antes de

7 7 1.1 ACESSO USUÁRIO Após clicar no ícone digite o CPF (campo já editado). Se o usuário já esta cadastrado informar a senha e clicar em Login sistema; para ter acesso ao Se o usuário já esta cadastrada e esqueceu a senha clicar em Esqueci Senha, o sistema gera automaticamente uma senha aleatória e encaminha para o do usuário já cadastrado. 1.2 ACESSO EMPREENDEDOR Após clicar no ícone digite o CPF (campo já editado) ou o CNPJ (campo já editado) Clicar em para buscar na base de dados

8 8 Se o empreendedor já esta cadastrado informar a senha e clicar em Login ao sistema; para ter acesso Se o usuário já esta cadastrado e esqueceu a senha clicar em Esqueci Senha, o sistema gera automaticamente uma senha aleatória e encaminha para o do usuário já cadastrado. Se o empreendedor não esta cadastrado o sistema abre a seguinte tela Para que o usuário tenha acesso ao sistema é necessário que ele ACEITE o Termo de Uso do Sistema de Controle Ambiental do Amazonas SCAAM que ocorrerá uma única vez.

9 9 No formulário Dados Básico, deve ser preenchido com as informações dependendo do tipo de Requerente Requerente Pessoa Física ou Jurídica. Campos Pessoa Física o Nome o Apelido o CPF o RG o Todos os campos com asterisco * são OBRIGATÓRIOS. Campos Pessoa Jurídica o Razão Social o Nome Fantasia o CNPJ o Inscrição Estadual o Inscrição Municipal o Todos os campos com asterisco * são OBRIGATÓRIOS. Digitar todas as informações solicitadas e clicar no botão Gravar.

10 10 No formulário Endereço, deve ser preenchido com o endereço do Empreendedor/Proprietário. Digitar todas as informações solicitadas e clicar no botão Gravar. Após de selecionar o Estado clicar no ícone é será montado os municípios pertencentes ao Estado. 1.3 ACESSO CTPS CADASTRO TÉCNICO PRESTADOR SERVIÇO Após clicar no ícone digite o CPF (campo já editado) ou o CNPJ (campo já editado) Clicar em para buscar na base de dados Se o usuário já esta cadastrado informar a senha e clicar em Login sistema; para ter acesso ao

11 11 Se o usuário já esta cadastrado e esqueceu a senha clicar em Esqueci Senha, o sistema gera automaticamente uma senha aleatória e encaminha para o do usuário já cadastrado. 1.4 CAR CADASTRO AMBIENTAL RURAL No ícone é para acesso do EMPREENDEDOR ou PRESTADOR DE SERVIÇO AMBIENTAL, já cadastrado no sistema, sendo que, o PRESTADOR DE SERVIÇO AMBIENTAL necessita da aprovação do Cadastro junto ao IPAAM Após digite o CPF (campo já editado) ou o CNPJ (campo já editado) clicar em 1.5 VALIDAÇÃO DE SEGURANÇA Após clicar no ícone digite o Código de Segurança impresso no Termo de Adesão e Compromisso - TAC para validação A senha cadastrada não tem limites de caracteres, porém no login e senha não pode conter caracteres especiais. Ex: ç,,, ^,&.

12 PAUTA DE TRABALHO Após efetuar o Login o usuário visualizará a tela contendo a Pauta de Trabalho do usuário de acordo com o seu perfil pré-estabelecido (lista de todas as tarefas executadas): A pauta de trabalho consiste nas abas: CAE Cadastro Ambiental do Empreendimento (n o de processo), CAR Cadastro Ambiental Rural, CEPS Cadastro Estadual de Prestador de Serviço, Monitoramento, Fiscalização e Impressão Despacho. Para cada perfil de usuário será apresentado uma Pauta de Trabalho. A ordem de apresentação da tabela mostra do primeiro processo encaminhado ao último. Esse encaminhamento é realizado através da movimentação de processo. Para verificar a movimentação do processo, basta clicar no item Selecionar na tabela. A seguir será exibido o processo desejado constando a data da movimentação, status do processo, despacho, destinatário, tempo da movimentação e o tempo total do processo.

13 13 CADASTRO AMBIENTAL RURAL 4. CENTRAL DE ATENDIMENTO 4.1 CADASTRO O cadastramento realiza-se para Proprietário e Propriedade Rural. PROPRIETÁRIO: Na tela inicial do SCAAM do lado esquerdo, clicar no módulo Cadastro Ambiental Rural, submodelo Programa Regularização / Cadastro e clicar no item Proprietário. Na mesma tela realiza-se o cadastramento e/ou consulta através da digitação do CPF ou CNPJ em pesquisar. Caso o mesmo já esteja cadastrado as informações vêem preenchidas. Para o cadastro de um novo Proprietário digita o CPF ou CNPJ e abre a tela de cadastramento. Requerente Pessoa Física ou Jurídica. Campos Pessoa Física o Nome o Apelido o CPF o RG o Profissão o Nacionalidade o Todos os campos com asterisco * são OBRIGATÓRIOS.

14 14 Digitar todas as informações solicitadas e clicar no botão Gravar. Campos Pessoa Jurídica o Razão Social o Nome Fantasia o CNPJ o Inscrição Estadual o Inscrição Municipal o Todos os campos com asterisco * são OBRIGATÓRIOS. Digitar todas as informações solicitadas e clicar no botão Gravar. Após inserir as informações no formulário Proprietário, os formulários do Endereço e Contato devem ser preenchidos. No formulário Endereço, deve ser preenchido com o endereço do Proprietário mesmo que este resida na Propriedade Rural. Escolher o Logradouro pode ser: No campo Localização pode ser preenchido com informações do endereço. Ex: nome do edifício, ramal, ponto de referencia, etc.. Após de selecionar o Estado clicar no ícone é será montado os municípios pertencentes ao Estado.

15 15 Após a digitação das informações do endereço clicar no botão Gravar. No formulário Contato se o tipo de requerente for pessoa jurídica é necessário cadastrar um representante legal e digitar os dados que serão preenchidos na Certidão Ambiental Rural. Se o tipo de requerente for pessoa física podemos usar o contato para facilitar a comunicação com o Proprietário clicar no botão Gravar. No formulário Histórico tem objetivo de mostrar todas as ações no cadastro do Proprietário.

16 16 PROPRIEDADE RURAL Na tela inicial do SCAAM do lado esquerdo, clicar no módulo Cadastro Ambiental Rural, submodelo Programa Regularização / Cadastro e clicar no item Propriedade. Digitar o CPF ou CNPJ do Proprietário já cadastrado e clicar em pesquisar. Se o Proprietário tiver propriedade já cadastradas é só selecionar e os campos serão preenchidos. Para cadastrar uma nova propriedade clicar em Novo Imóvel Rural No formulário Propriedade, preencher campo Nome do Imóvel, escolhendo o Tipo de Documento do Imóvel que o Proprietário apresentou para o cadastramento. Após preencher as informações solicitadas clicar no botão Gravar De acordo com o Tipo de Documento Preencher os campos de numero da documentação.

17 17 Preencher com a informação solicitada. Tipo de Documento: Auto de Declaração de Posse preencher Tempo de Posse (campo obrigatório); Autorização de Ocupação preencher Número do Documento (campo não obrigatório); Concessão de Direito Real de Uso preencher Número do Documento (campo não obrigatório); Contrato de Alienação de Terras Publica preencher Número do Documento (campo não obrigatório); Contrato de Assentamento do INCRA preencher Número do Documento (campo não obrigatório); Contrato de Compra e Venda Contrato de Concessão de Domínio de Terras Publica preencher Número do Documento (campo não obrigatório); Contrato de Concessão de Terras Publica preencher Número do Documento (campo não obrigatório); Contrato de Promessa de Compra e Venda Contrato de Transferência de Aforamento preencher Número do Documento (campo não obrigatório); Licença de Ocupação preencher Número do Documento (campo não obrigatório); Recibo de Compra e Venda Requerimento do Terra Legal/ MDA Termo de Doação; Termo de Reserva de Área (SUFRAMA) preencher Número do Documento (campo obrigatório); Titulo de Domínio preencher Número do Documento (campo obrigatório); Titulo Definitivo COM Registro em Cartório preencher Número da Matricula / Folha / Livro / Município da Comarca (campos obrigatórios);

18 18 Titulo Definitivo SEM Registro em Cartório preencher Número do Documento (campos não obrigatórios); Titulo Definitivo sujeito Re-Ratificação preencher Número do Documento (campos não obrigatórios); Titulo Definitivo, Transferido com Anuência do INCRA preencher Número da Matricula / Folha / Livro / Município da Comarca (campos não obrigatórios); Titulo de Propriedade sob Condição Resolutiva preencher Número do Documento (campo obrigatório); Titulo de Ratificação preencher Número da Matricula / Folha / Livro / Município da Comarca (campos não obrigatórios); Titulo de Reconhecimento de Domínio preencher Número da Matricula / Folha / Livro / Município da Comarca (campos não obrigatórios); Titulo Provisório de Posse preencher Número do Documento (campo não obrigatório); O formulário Localização, esta dividido em dois novos formulários: Endereço e Confrontantes. No sub-formulário Endereço, escolhe o Projeto de Assentamento (quando necessário) previamente cadastrado. No campo Ponto de Referência informações do endereço. Ex: ramal próximo, margem do rio, comunidade, etc.. Escolher o Município, esse campo é a base de calculo para a Quantidade de Módulos Fiscais. Após a digitação das informações do endereço clicar no botão Gravar.

19 19 No sub-formulário Confrontantes, temos as informações de vizinhos à propriedade. Após a digitação das informações do endereço clicar no botão Gravar. No formulário GEO, escolher se será digitado PONTO ou POLIGONO. No campo Descrição do Ponto nome curto como exemplo.: Casa ou sede. Caso esteja com o memorial descritivo do imóvel rural na mão colocar como descrito do documento exemplo: P1,P2... ou M1,M2...Na Latitude escolher (N) Norte (S) Sul informar a coordenada geográfica e clicar no botão Gravar.. Para digitar novo ponto clicar em Novo. O ponto digitado aparecerá na área abaixo da tela

20 20 Se o ponto foi digitado errado Selecionar o mesmo na tabela que aparecerá no final da pagiana e clicar em Apagar Escala de Visualização quanto maior a numeração menor o desenho, mais longe do desenho. Escolher a Escala da visualização e clicar em O Gera Camada só será utilizado quando a escolha for polígono, poderá visualizar o desenho.

21 21 No formulário Bioma / Área da Propriedade, caracteriza a propriedade quanto ao: Averbação de Reserva Legal junto a matricula do imóvel bioma, área total da propriedade área de preservação permanente - APP perímetro da propriedade módulos fiscais área desmatada da propriedade área desmatada em APP São estas informações que definem se a propriedade tem ou não passivo que necessite de um Plano de Recuperação de Área Degradada PRAD e qual será o Termo de Compromisso e Adesão TCA que o proprietário emite no final do cadastro Informar se o imóvel rural tem Reserva Legal averbada a margem da matricula e clica em SE NÃO Escolher o Tipo de Bioma FLORESTA CERRADO MISTO FLORESTA E CERRADO e clicar em. De acordo com a escolha abrirá os campos para preenchimento Os cálculos do passivo de Área de Reserva Legal ARL estão separados para propriedade até 4 (quatro) módulos fiscais e acima de 4 (quatro) módulos fiscais.

22 22 SE SIM Escolher o Percentual de Reserva Legal Averbada e se possui Memorial Descritivo da Reserva Legal Averbada e clicar no botão Gravar.. Somente neste caso não se escolhe o Tipo de Bioma. TIPO DE BIOMA FLORESTA ATÉ 4 (QUATRO) MÓDULOS FISCAIS Propriedade localizada na Amazônia Legal 80% (oitenta por cento), no imóvel situado em área florestal conforme Art. 12 da Lei nº de 25 de maio de Preencha os campos área Total do Imóvel (ha), Total de Área de Proteção Ambiental APP (ha) existente na propriedade, e o Perímetro (m). Clicar no botão Calcular.

23 23 Quando propriedade ATÉ que 4 (quatro) Módulos Fiscais informar a quantidade de Área Desmatada ANTERIOR A 22 DE JULHO DE 2008 (conforme Lei ), quantidade de Área de Proteção Ambiental APP Desmatada e quantidade de área desmatada na Atualidade Clicar no botão Calcular. O sistema automaticamente preenche Quantidade de Módulos Fiscais da propriedade. O sistema calculará a Área de Reserva Lega ARL, como a propriedade tem menos de 4 (quatro) módulos fiscais não será caracterizado passivo ate a data de 22 de Julho de Se alguns dos valores foi digitado errado clicar novamente em Tipo de Bioma FLORESTA CERRADO MISTO FLORESTA E CERRADO e clicar em. Todos os campos serão liberados para nova digitação.

24 24 TIPO DE BIOMA CERRADO ATÉ 4 (QUATRO) MÓDULOS FISCAIS Propriedade localizada na Amazônia Legal 35% (trinta e cinco por cento), no imóvel situado em área florestal conforme Art. 12 da Lei nº de 25 de maio de Preencha os campos área Total do Imóvel (ha), Total de Área de Proteção Ambiental APP (ha) existente na propriedade, e o Perímetro (m). Clicar no botão Calcular. Quando propriedade ATÉ que 4 (quatro) Módulos Fiscais informar a quantidade de Área Desmatada ANTERIOR A 22 DE JULHO DE 2008 (conforme Lei ), quantidade de Área de Proteção Ambiental APP Desmatada e quantidade de área desmatada na Atualidade Clicar no botão Calcular. O sistema automaticamente preenche Quantidade de Módulos Fiscais da propriedade. O sistema calculará a Área de Reserva Lega ARL, como a propriedade tem menos de 4 (quatro) módulos fiscais não será caracterizado passivo ate a data de 22 de Julho de 2008.

25 25 Se alguns dos valores foi digitado errado clicar novamente em Tipo de Bioma FLORESTA CERRADO MISTO FLORESTA E CERRADO e clicar em. Todos os campos serão liberados para nova digitação. TIPO DE BIOMA MISTO FLORESTA E CERRADO ATÉ 4 (QUATRO) MÓDULOS FISCAIS Propriedade localizada na Amazônia Legal 80% (oitenta por cento), no imóvel situado em área florestal conforme Art. 12 da Lei nº de 25 de maio de 2012 Propriedade localizada na Amazônia Legal 35% (trinta e cinco por cento), no imóvel situado em área florestal conforme Art. 12 da Lei nº de 25 de maio de Preencha os campos área Total do Imóvel (ha) em FLORESTA e CERRADO, Total de Área de Proteção Ambiental APP (ha) existente na propriedade em FLORESTA e CERRADO e o Perímetro (m). Clicar no botão Calcular.

26 26 Quando propriedade ATÉ que 4 (quatro) Módulos Fiscais informar a quantidade de Área Desmatada ANTERIOR A 22 DE JULHO DE 2008 (conforme Lei ) em FLORESTA e CERRADO, quantidade de Área de Proteção Ambiental APP Desmatada em FLORESTA e CERRADO e quantidade de área desmatada na Atualidade em FLORESTA e CERRADO. Clicar no botão Calcular. O sistema automaticamente preenche Quantidade de Módulos Fiscais da propriedade. O sistema calculará a Área de Reserva Lega ARL, como a propriedade tem menos de 4 (quatro) módulos fiscais não será caracterizado passivo ate a data de 22 de Julho de Se alguns dos valores foi digitado errado clicar novamente em Tipo de Bioma FLORESTA CERRADO MISTO FLORESTA E CERRADO e clicar em. Todos os campos serão liberados para nova digitação.

27 27 TIPO DE BIOMA FLORESTA ACIMA DE 4 (QUATRO) MÓDULOS FISCAIS Propriedade localizada na Amazônia Legal 80% (oitenta por cento), no imóvel situado em área florestal conforme Art. 12 da Lei nº de 25 de maio de Preencha os campos área Total do Imóvel (ha), Total de Área de Proteção Ambiental APP (ha) existente na propriedade, e o Perímetro (m). Clicar no botão Calcular. Quando propriedade MAIOR que 4 (quatro) Módulos Fiscais informar a quantidade de Área Desmatada, quando houver e Quantidade de Área de Proteção Ambiental APP Desmatada,quanto houver. Clicar no botão Calcular. O sistema automaticamente preenche Quantidade de Módulos Fiscais da propriedade. O sistema calculará a Área de Reserva Lega ARL(h), Área de Uso Permitida e Área do Passivo(h), em Reserva Legal e Área de Proteção Ambiental APP, quando houver.

28 28 Se alguns dos valores foi digitado errado clicar novamente em Tipo de Bioma FLORESTA CERRADO MISTO FLORESTA E CERRADO e clicar em. Todos os campos serão liberados para nova digitação. TIPO DE BIOMA CERRADO ACIMA 4 (QUATRO) MÓDULOS FISCAIS Propriedade localizada na Amazônia Legal 35% (trinta e cinco por cento), no imóvel situado em área florestal conforme Art. 12 da Lei nº de 25 de maio de Preencha os campos área Total do Imóvel (ha), Total de Área de Proteção Ambiental APP (ha) existente na propriedade, e o Perímetro (m). Clicar no botão Calcular. Quando propriedade MAIOR que 4 (quatro) Módulos Fiscais informar a quantidade de Área Desmatada, quando houver e Quantidade de Área de Proteção Ambiental APP Desmatada,quanto houver. Clicar no botão Calcular. O sistema automaticamente preenche Quantidade de Módulos Fiscais da propriedade.

29 29 TIPO DE BIOMA MISTO FLORESTA E CERRADO ACIMA 4 (QUATRO) MÓDULOS FISCAIS Propriedade localizada na Amazônia Legal 80% (oitenta por cento), no imóvel situado em área florestal conforme Art. 12 da Lei nº de 25 de maio de 2012 Propriedade localizada na Amazônia Legal 35% (trinta e cinco por cento), no imóvel situado em área florestal conforme Art. 12 da Lei nº de 25 de maio de Preencha os campos área Total do Imóvel (ha) em FLORESTA e CERRADO, Total de Área de Proteção Ambiental APP (ha) existente na propriedade em FLORESTA e CERRADO e o Perímetro (m). Clicar no botão Calcular. Quando propriedade ACIMA que 4 (quatro) Módulos Fiscais informar a quantidade de Área Desmatada em FLORESTA e CERRADO e quantidade de Área de Proteção Ambiental APP Desmatada em FLORESTA e CERRADO. Clicar no botão Calcular. O sistema automaticamente preenche Quantidade de Módulos Fiscais da propriedade.

30 30 O sistema calculará a Área de Reserva Lega ARL(h) em FLORESTA e CERRADO, Área de Uso Permitida em FLORESTA e CERRADO e Área do Passivo(h) em FLORESTA e CERRADO, em Reserva Legal e Área de Proteção Ambiental APP, quando houver. Se alguns dos valores foi digitado errado clicar novamente em Tipo de Bioma FLORESTA CERRADO MISTO FLORESTA E CERRADO e clicar em. Todos os campos serão liberados para nova digitação. O formulário Declaratório, esta dividida em 3 (três) novos formulários: Enquadramento, Processos Ambientais e Produção. No sub-formulário Enquadramento, quando a propriedade é MENOR de 4 módulos fiscais o proprietário terá que responder as questões para a verificação de enquadramento de agricultor familiar. Informar os dados e clicar no botão Gravar..

31 31 Se o interessado informar SIM a DAP enquadra em agricultor familiar. Preencher o numero e a data de validade. Se não possui DAP informar os dados e clicar no botão Gravar.. No sub-formulário Enquadramento, quando a propriedade é MAIOR de 4 módulos fiscais o proprietário e tem passivo ambiental e Área de Reserva Legal ou Área de Proteção Permanente informar o período do desmatamento para a geração do TCA. No sub-formulário Processos Ambientais, só preencher se a propriedade tiver alguma Licença Ambiental do IPAAM, Auto de Infração ou Embargo.

32 32 Licenciamento IPAAM escolher a Tipologia LP, LI LO.Informar Atividade, Número da Licença, Expedição e Validade, clicar no botão Gravar. Pode-se gravar mais que um processo. Auto de Infração escolher o Órgão, informar o motivo e a data da mesma, clicar no botão Gravar. Pode-se gravar mais que um processo. Embargo escolher o Órgão, informar o motivo e a data da mesma. O par de coordenada geográfica do embargo e clicar no botão Gravar. Pode-se gravar mais que um processo. Informar o par de coordenadas geográficas da área embargada No sub-formulário Produção, selecionar o grupo e descrever a atividade executada, clicar em Gravar. Pode selecionar mais que um Grupo.

33 33 No formulário Finalizar clicando no botão o sistema realiza a checagem se todos os campos obrigatórios ao preenchimento estão completos para que possa ser liberada a impressão dos documentos. Ocorrendo alguma inconsistência é gerado um relatório de critica.. No FECHAMENTO se os campos obrigatórios não foram preenchidos o sistema emite um aviso de critica

34 34 As informações estão armazenadas no sistema, com a confirmação dos dados é liberado a impressão dos seguintes documentos: Formulário do CAR, imprimir em 3 (três) vias; TCA de acordo com as informações prestadas contendo os seguintes tipos de TCA: Passivo anterior a 10/12/2009; Passivo posterior a 10/12/2009; Passivo anterior e posterior a 10/12/2009 e Sem Passivo imprimir em 3 (três) vias; Termo de Referencia da Manutenção da Área da Reserva Legal, imprimir em uma via; Quando Passivo o Termo de Referencia do Plano de Recuperação da Área Degradada PRAD, imprimir em uma via. Impressão do Formulário do CAR o sistema gera em.pdf onde o usuário poderá salvar na sua máquina e deverá imprimir em 03 (três) vias.

35 35 Impressão do Termo Compromisso e Adesão TCA o sistema gera em.pdf onde o usuário poderá salvar na sua máquina e deverá imprimir em 03 (três) vias. Todos os documentos gerados em PDF pelo sistema têm no rodapé da pagina um código de segurança para a Validação do mesmo. Só executar a função de Fechar depois de impresso todos os documento e conferi-los. Gera o processo e fica aguardando a entrega digital de todos os documentos para a próxima fase do CAR.

36 36 No formulário Histórico tem objetivo demonstrar todas as alterações realizadas no cadastro da Propriedade Rural.

37 37 5. PROGRAMA DE REGULARIZAÇÃO 5.1 CADASTRO O cadastramento realiza-se para Proprietário e Propriedade Rural. UPLOAD DOCTOS: Na tela inicial do SCAAM do lado esquerdo, clicar no módulo Cadastro Ambiental Rural, submodelo Programa Regularização / Cadastro e clicar no item Upload Doctos. Após a geração do processo de CAR no fechamento da Propriedade Rural, o processo fica aguardando o anexo digital de todos os documentos para que se inicie a 2ª Fase, que é a analise dos documentos pelo IPAAM No formulário Pauta de Trabalho, aparecem todos os processos para realizar o Upload dos Documentos, clicar em Selecionar. No formulário Histórico aparecem todas as informações cadastradas do Proprietário, Propriedade, Processo, Processos Vinculados, Movimentação do Processo, Requerimento Termo de Compromisso e Adesão.Para ter acesso a informação clicar nos ícones.

38 38 No formulário Upload aparecem os documentos que devem ser anexados ao Processo de CAR. Documentos que podem ser anexados ao Processo de CAR Os documentos podem ser scaneados ou mesmo arquivos gerados. Selecionar o documento que deseja realizar o upload. Selecionar o arquivo e clicar Enviar (Arquivo/Documento) O arquivo a ser anexado poderá ter a tamanho de 8Mb e os formados descritos no formulário. Depois de selecionado o arquivo desejado clicar em Enviar=>(Arquivo/Documento). Cada Arquivo anexado deve ter no máximo 8Mb, com nomes curtos e sem caracteres especiais. Ex: ç,,, ^,&.º - Dar preferência para auquivos.pdf,.doc.,.jpg

39 39 No formulário Fecha Processo só será permitido o fechamento do Processo de CAR após o upload de todos os documentos obrigatórios. Após o Upload de todos os documentos clicar em Fechar. O sistema solicita a confirmação

Sistema de Controle Ambiental do Amazonas SEIAM - VERSÃO 1.0

Sistema de Controle Ambiental do Amazonas SEIAM - VERSÃO 1.0 Sistema de Controle Ambiental do Amazonas SEIAM - VERSÃO 1.0 Manaus - AM Agosto 2012 2 MANUAL OPERACIONAL DO MÓDULO - CADASTRO DE USUÁRIO 3 SOLICITAÇÃO DO PRODUTO A metodologia foi desenvolvida de acordo

Leia mais

CHECK LIST DE PRÉ CADASTRO AMBIENTAL RURAL PRÉ CAR

CHECK LIST DE PRÉ CADASTRO AMBIENTAL RURAL PRÉ CAR CHECK LIST DE PRÉ CADASTRO AMBIENTAL RURAL PRÉ CAR 1. MÓDULO DE IDENTIFICAÇÃO DO IMÓVEL Nome do Imóvel: Município: Imóvel em Zona: [ ] Rural [ ] Expansão Urbana [ ] Urbana Referência de acesso: Endereço

Leia mais

Dados do Cadastrante: Nome: CPF: Data de Nascimento: / / Nome da mãe: Meios de contato: E-mail: Telefone residencial:

Dados do Cadastrante: Nome: CPF: Data de Nascimento: / / Nome da mãe: Meios de contato: E-mail: Telefone residencial: 1. ETAPA CADASTRANTE Dados do Cadastrante: Nome: CPF: Data de Nascimento: / / Nome da mãe: Meios de contato: E-mail: Telefone residencial: Endereço do Cadastrante: Logradouro Número: Complemento: Bairro:

Leia mais

Manual do usuário. Acesso ao GEFAU

Manual do usuário. Acesso ao GEFAU Manual do usuário Acesso ao GEFAU Fev/2015 GEFAU PORTAL DO EMPREENDEDOR Conteúdo Introdução... 2 1. Acesso ao GEFAU... 3 2. Cadastro de empreendimentos... 5 2.1. Consulta aos empreendimentos do usuário...

Leia mais

Antes de começar, o Solicitante e outros envolvidos dentro do projeto (Orientador, Coordenador ou outro Responsável Técnico) devem verificar:

Antes de começar, o Solicitante e outros envolvidos dentro do projeto (Orientador, Coordenador ou outro Responsável Técnico) devem verificar: SOLICITAÇÃO DE FOMENTO on-line MANUAL DO USUÁRIO 1 CONTATOS... 2 2 ANTES DE COMEÇAR... 2 3 ENTRAR NO SISTEMA INFAPERJ... 3 3.1 ACESSO AO SISTEMA...3 3.2 LOGIN...4 4 APRESENTAÇÃO GERAL DA INTERFACE... 5

Leia mais

SISTEMA DE GESTÃO DE CREDENCIADOS - SGC MANUAL DO CANDIDATO CREDENCIADOS. 0800 570 0800 / www.sebrae.com.br

SISTEMA DE GESTÃO DE CREDENCIADOS - SGC MANUAL DO CANDIDATO CREDENCIADOS. 0800 570 0800 / www.sebrae.com.br SISTEMA DE GESTÃO DE - SGC MANUAL DO CANDIDATO SISTEMA DE GESTÃO DE - SGC PESSOA JURÍDICA SISTEMA DE GESTÃO DE - SGC Identificação do Edital Para fazer a inscrição, o candidato (Representante Legada da

Leia mais

1 Cadastre-se Mozilla Firefox. AQUI Esqueci a senha Login Senha. Esqueci a senha E-mail Login Enviar Solicitação OBS: Nome: Login: E-mail:

1 Cadastre-se Mozilla Firefox. AQUI Esqueci a senha Login Senha. Esqueci a senha E-mail Login Enviar Solicitação OBS: Nome: Login: E-mail: 1 Essa é a tela de login do Sistema de Atendimento, siga o passo a passo abaixo. Se esse é o seu primeiro cadastro, clique em Cadastre-se. O sistema só irá funcionar perfeitamente se for acessado pelo

Leia mais

NFE Nota Fiscal eletrônica. Versão 2.0 (07/2012)

NFE Nota Fiscal eletrônica. Versão 2.0 (07/2012) NFE Nota Fiscal eletrônica Versão 2.0 (07/2012) Sumário INTRODUÇÃO... 2 COMO OBTER AUTORIZAÇÃO PARA EMISSÃO DA NOTA FISCAL ELETRÔNICA... 3 2º VIA DE SOLICITAÇÃO/AUTORIZAÇÃO DE IMPRESSÃO DE DOCUMENTOS FISCAIS...

Leia mais

1 Essa é a tela de login do Sistema de Atendimento Online, siga o passo a passo abaixo.

1 Essa é a tela de login do Sistema de Atendimento Online, siga o passo a passo abaixo. 1 Essa é a tela de login do Sistema de Atendimento Online, siga o passo a passo abaixo. 2 - Se esse é o seu primeiro cadastro, clique em Cadastre-se. Em seguida preencha os dados solicitados com Nome,

Leia mais

SISTEMA DE GESTÃO DE CREDENCIADOS - SGC

SISTEMA DE GESTÃO DE CREDENCIADOS - SGC MANUAL DO CANDIDATO Para realizar a inscrição o candidato deve: 1º - Ler o Edital disponível no site do SEBRAE; Passo a passo: Acesse o site: http://www.sebrae.com.br/ Clique naseção SobreoSEBRAE Nabarraesquerdadapágina,cliquenoitem

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO CORPO DE BOMBEIROS MILITAR SISTEMA INTEGRADO DE ATIVIDADES TÉCNICAS MANUAL DO USUÁRIO - CLIENTE

GOVERNO DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO CORPO DE BOMBEIROS MILITAR SISTEMA INTEGRADO DE ATIVIDADES TÉCNICAS MANUAL DO USUÁRIO - CLIENTE 1 GOVERNO DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO CORPO DE BOMBEIROS MILITAR SISTEMA INTEGRADO DE ATIVIDADES TÉCNICAS MANUAL DO USUÁRIO - CLIENTE 1º PASSO CADASTRO DE PROPRIETÁRIO E/OU RESPONSÁVEL Prezado cliente,

Leia mais

SILIAWEB. Sistema Integrado de Licenciamento Ambiental. Manual do usuário - Versão 1.1

SILIAWEB. Sistema Integrado de Licenciamento Ambiental. Manual do usuário - Versão 1.1 SILIAWEB Sistema Integrado de Licenciamento Ambiental Manual do usuário - Versão 1.1 Dezembro - 2013 Todos os direitos reservados por Agência Estadual de Meio Ambiente de Pernambuco CPRH/PE www.cprh.pe.gov.br

Leia mais

Secretaria do Meio Ambiente e Recursos Hídricos. Instituto Ambiental do Paraná. Funções do Módulo Requerimento de Mudas Nativas

Secretaria do Meio Ambiente e Recursos Hídricos. Instituto Ambiental do Paraná. Funções do Módulo Requerimento de Mudas Nativas Secretaria do Meio Ambiente e Recursos Hídricos Instituto Ambiental do Paraná SGA Sistema de Gestão Ambiental Manual do Usuário Funções do Módulo Requerimento de Mudas Nativas Outubro 2014 Equipe: CELEPAR

Leia mais

Ministério da Cultura

Ministério da Cultura Ministério da Cultura MANUAL DO PROPONENTE: PROPOSTAS VERSÃO 1.1 HISTÓRICO DE REVISÃO Data Versão Descrição Autor 10/11/2011 1.0 Criação do documento. Aline Oliveira - MINC 07/01/2013 1.1 Atualização do

Leia mais

Manual do Usuário. Sistema Estadual de Informações Ambientais e de Recursos Hídricos VERSÃO 2.0

Manual do Usuário. Sistema Estadual de Informações Ambientais e de Recursos Hídricos VERSÃO 2.0 Manual do Usuário Sistema Estadual de Informações Ambientais e de Recursos Hídricos VERSÃO 2.0 3 Cadastro 3.1 Consulta de Imóveis Rurais Para consultar os imóveis rurais cadastrados pelo requerente ou

Leia mais

SISTEMA DE GESTÃO DE CREDENCIADOS - SGC MANUAL DO CANDIDATO

SISTEMA DE GESTÃO DE CREDENCIADOS - SGC MANUAL DO CANDIDATO MANUAL DO CANDIDATO Para participar do processo de credenciamento, acesse o site do Sebrae/SC em www.sebrae-sc.com.br, clique em Soluções deste Estado e depois clique em Seja consultor e/ou instrutor.

Leia mais

SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO AMBIENTAL SIGAM

SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO AMBIENTAL SIGAM SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO AMBIENTAL SIGAM MANUAL REQUERIMENTO ONLINE 2010 Coordenadoria de Biodiversidade e Recursos Naturais Página Inicial Ao acessar a tela inicial, clique sobre: Requerimento de Serviços

Leia mais

PASSO A PASSO do Certificado de Cadastro do Imóvel Rural - CCIR

PASSO A PASSO do Certificado de Cadastro do Imóvel Rural - CCIR PASSO A PASSO do Certificado de Cadastro do Imóvel Rural - CCIR 2015 1. Acesse o site 1. 1 - Acesse o site www.incra.gov.br; 1.2 - Clique do lado esquerdo da tela na parte EMISSÃO DE CCIR; 1.3 Leia todas

Leia mais

Copyright 2004/2014 - VLC

Copyright 2004/2014 - VLC Escrituração Fiscal Manual do Usuário Versão 7.2 Copyright 2004/2014 - VLC As informações contidas neste manual são de propriedade da VLC Soluções Empresariais Ltda., e não poderão ser usadas, reproduzidas

Leia mais

Manual do Usuário - Processo Certificado de Registro Pessoa Física Manual Operacional Certificado de Registro Pessoa Física CRPF

Manual do Usuário - Processo Certificado de Registro Pessoa Física Manual Operacional Certificado de Registro Pessoa Física CRPF Manual Operacional Certificado CRPF Abril Curitiba - PR 1 Sumário 1 OBJETIVO 6 2 ACESSO INICIAL PARA TODOS OS USUÁRIOS (CAC S) 7 2.1 REALIZANDO O PRIMEIRO CADASTRO. 8 2.1.1 CPF 8 2.1.2 TAPE 8 2.1.3 CÓDIGO

Leia mais

Manual Sistema Proac Editais. Dúvidas Frequentes

Manual Sistema Proac Editais. Dúvidas Frequentes Manual Sistema Proac Editais Dúvidas Frequentes Conteúdo 1. Acesso ao sistema... 3 1.1. Como efetuar Login... 3 1.2. Como recuperar a Senha... 3 1.3. Como fazer um Novo Cadastro de Proponente... 4 1.4.

Leia mais

CERTIDÕES UNIFICADAS

CERTIDÕES UNIFICADAS CERTIDÕES UNIFICADAS Manual de operação Perfil Cartório CERTUNI Versão 1.0.0 MINISTÉRIO DA JUSTIÇA Departamento de Inovação Tecnológica Divisão de Tecnologia da Informação Sumário LISTA DE FIGURAS... 2

Leia mais

Guia Rápido para Acesso, Preenchimento e Envio Formulário de Cadastro da Empresa e Formulário de Projeto

Guia Rápido para Acesso, Preenchimento e Envio Formulário de Cadastro da Empresa e Formulário de Projeto EDITAL DE SELEÇÃO PÚBLICA MCTI/AEB/FINEP/FNDCT Subvenção Econômica à Inovação Transferência de Tecnologia do SGDC 01/2015 Transferência de Tecnologia Espacial no Âmbito do Decreto nº 7.769 de 28/06/2012

Leia mais

SISTEMA DE GESTÃO DE CREDENCIADOS - SGC

SISTEMA DE GESTÃO DE CREDENCIADOS - SGC SISTEMA DE GESTÃO DE - SGC MANUAL DO CANDIDATO SISTEMA DE GESTÃO DE - SGC Para realizar a inscrição o candidato deve: 1º-LeroEditaldisponívelnositedo Sebrae; Passo a passo: Acesse o site: http://www.sebrae.com.br/

Leia mais

MANUAL ARRECADANET. Nota Fiscal Eletrônica

MANUAL ARRECADANET. Nota Fiscal Eletrônica MANUAL ARRECADANET Nota Fiscal Eletrônica 1 Introdução O Sistema ArrecadaNet, desenvolvido pela empresa Megasoft Informática, tem como objetivo otimizar a declaração dos serviços prestados e / ou contratados,

Leia mais

Sistema de Gestão do Programa Bolsa Família

Sistema de Gestão do Programa Bolsa Família Sistema de Gestão do Programa Bolsa Família Desde o dia 01 de dezembro, o novo sistema de Gestão do Programa Bolsa Família (SIGPBF) do Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) está disponível para os

Leia mais

Manual de Utilização Portal de Serviços do Inmetro nos Estados - PSIE

Manual de Utilização Portal de Serviços do Inmetro nos Estados - PSIE Manual de Utilização Portal de Serviços do Inmetro nos Estados - PSIE Sumário PRESTAÇÃO DE CONTAS DE ETIQUETAS DE REPARO...3 Figura 1.0...3 Figura 2.0...4 Figura 3.0...5 Figura 4.0...5 1. Proprietário

Leia mais

cartórios as funcionalidades disponíveis em todas as três Centrais de Informação (RCTO, CEP e CESDI) e servir como apoio nas ações diárias.

cartórios as funcionalidades disponíveis em todas as três Centrais de Informação (RCTO, CEP e CESDI) e servir como apoio nas ações diárias. MANUAL DO USUÁRIO - CARTÓRIOS VERSÃO 1.0 Objetivo: Este documento tem como objetivo apresentar aos usuários dos cartórios as funcionalidades disponíveis em todas as três Centrais de Informação (RCTO, CEP

Leia mais

Guia do Usuário PRONAVTECH GUIA DO USUÁRIO ARMAZENADOR

Guia do Usuário PRONAVTECH GUIA DO USUÁRIO ARMAZENADOR GUIA DO USUÁRIO ARMAZENADOR 1 Índice INTRODUÇÃO... 3 ACESSANDO O PRONAVTECH... 4 Primeiro Acesso... 5 Demais Acessos... 6 Esqueci Minha Senha... 7 Esqueci o usuário principal... 7 ÁREA DE TRABALHO DO PRONAVTECH...

Leia mais

Cadastro de Pessoa Jurídica

Cadastro de Pessoa Jurídica Fundação de Apoio à Universidade de São Paulo Cadastro de Pessoa Jurídica CADASTRAMENTO NO NOVO SISTEMA Novembro/2012 2 Índice 1 Introdução 03 2 Entrando no sistema de cadastro 03 3 Cadastramento eletrônico

Leia mais

Assessoria Técnica de Tecnologia da Informação - ATTI. Projeto de Informatização da. Secretaria Municipal de Saúde do. Município de São Paulo

Assessoria Técnica de Tecnologia da Informação - ATTI. Projeto de Informatização da. Secretaria Municipal de Saúde do. Município de São Paulo Assessoria Técnica de Tecnologia da Informação - ATTI Projeto de Informatização da Secretaria Municipal de Saúde do Município de São Paulo Manual Cartão SUS Manual de Operação Julho/2011 Conteúdo Sumário...

Leia mais

SIPESQ Sistema de Pesquisas da PUCRS

SIPESQ Sistema de Pesquisas da PUCRS SIPESQ Sistema de Pesquisas da PUCRS Abril de 2014 Versão 1 Página 1 de 17 Apresentação O Sistema de Pesquisas da PUCRS (SIPESQ) tem por objetivo fazer o mapeamento das estruturas e projetos de pesquisa

Leia mais

Ministério da Cultura

Ministério da Cultura Ministério da Cultura MANUAL DO PROPONENTE: ADMINISTRATIVO VERSÃO 1.0 HISTÓRICO DE REVISÃO Data Versão Descrição Autor 08/01/2013 1.0 Criação do documento. Aline Oliveira - MINC 3 ÍNDICE 1. APRESENTAÇÃO...

Leia mais

UTILIZAÇÃO DO SISTEMA EXTRACRED

UTILIZAÇÃO DO SISTEMA EXTRACRED UTILIZAÇÃO DO SISTEMA EXTRACRED Esta parte do sistema como descrito anteriormente neste manual permite que seus agentes tenham acesso á uma área exclusiva para acessar informações pessoais como: Meu Extrato

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO SISTEMA DE CADASTRO INTRANET

MANUAL DE UTILIZAÇÃO SISTEMA DE CADASTRO INTRANET MANUAL DE UTILIZAÇÃO SISTEMA DE CADASTRO INTRANET I Sumário 1. Objetivo do Documento... 1 2. Início... 1 3. Cadastro de Pessoa Física... 3 3.1. Preenchimentos Obrigatórios.... 4 3.2. Acesso aos Campos

Leia mais

PAINEL GERENCIADOR DE E-MAILS

PAINEL GERENCIADOR DE E-MAILS Este manual foi criado com o objetivo de facilitar o gerenciamento de suas contas de e-mail. Com ele, o administrador poderá criar e excluir e-mails, alterar senha, configurar redirecionamento de contas,

Leia mais

SIGECORS. Sistema de Gerenciamento de Resíduos Sólidos Industriais

SIGECORS. Sistema de Gerenciamento de Resíduos Sólidos Industriais SIGECORS Sistema de Gerenciamento de Resíduos Sólidos Industriais Outubro 2008 Índice 1. Registrando Usuários 2. Acesso ao Sistema 3. Logar no Sistema 4. Esquecimento de Senha 5. Alteração de Senha 6.

Leia mais

Manual da Nota Fiscal Eletrônica

Manual da Nota Fiscal Eletrônica Manual da Nota Fiscal Eletrônica Memory Informática Tabela de Conteúdos Meu Usuário Meu Perfil --------------------------------------------------------- 4 Minha Empresa Configurar Minha Empresa -------------------------------------

Leia mais

Manual de liberação de Guias on-line para o Prestador Credenciado

Manual de liberação de Guias on-line para o Prestador Credenciado Manual de liberação de Guias on-line para o Prestador Credenciado 1 SUMÁRIO 1. Objetivo... 3 2. Acesso ao Sistema... 3 3. Descrição das Funcionalidades Menu Guias Liberação On-line.... 4 3.1 Liberação

Leia mais

Atualizado em 22/07/2015 PROCEDIMENTO PARA CADASTRO DE GERADOR DE MATERIAL SECUNDÁRIO

Atualizado em 22/07/2015 PROCEDIMENTO PARA CADASTRO DE GERADOR DE MATERIAL SECUNDÁRIO Atualizado em 22/07/2015 PROCEDIMENTO PARA CADASTRO DE GERADOR DE MATERIAL SECUNDÁRIO CADASTRO DA SOLICITAÇÃO 1. Acessar www.agricultura.gov.br => Serviços e Sistemas => Sistemas => Sistemas Integrado

Leia mais

Guia do Usuário PRONAVTECH GUIA DO USUÁRIO VALIDADOR

Guia do Usuário PRONAVTECH GUIA DO USUÁRIO VALIDADOR GUIA DO USUÁRIO VALIDADOR 1 Índice INTRODUÇÃO... 3 ACESSANDO O PRONAVTECH... 4 Primeiro Acesso... 5 Demais Acessos... 6 Esqueci Minha Senha... 6 Esqueci o usuário principal... 7 ÁREA DE TRABALHO DO PRONAVTECH...

Leia mais

MANUAL DE ATENDIMENTO A OFÍCIOS ÓRGÃOS DE REGISTRO ÍNDICE. Tela inicial...05 VISUALIZAR OFÍCIO...07 RESPONDER OFÍCIO...09

MANUAL DE ATENDIMENTO A OFÍCIOS ÓRGÃOS DE REGISTRO ÍNDICE. Tela inicial...05 VISUALIZAR OFÍCIO...07 RESPONDER OFÍCIO...09 MANUAL DE ATENDIMENTO A OFÍCIOS ÓRGÃOS DE REGISTRO ÍNDICE INTRODUÇÃO...02 ACESSAR O SISTEMA...03 Tela inicial...05 VISUALIZAR OFÍCIO...07 RESPONDER OFÍCIO...09 Circularização...09 Arrolamento/Cancelamento...11

Leia mais

Sistema de Registro de Contratos e Financiamentos

Sistema de Registro de Contratos e Financiamentos Sistema de Registro de Contratos e Financiamentos Manual de Utilização Financeiras Versão 1.2 Manual de utilização do software para os usuários do Sistema de Registro de Contratos e Financiamentos, com

Leia mais

Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços.

Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços. Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços. 1 Apresentação: O Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços ou SIG-ISS é um sistema para gerenciamento do Imposto sobre

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA DE REFERÊNCIA DE CUSTOS Orientações para cadastro de fornecedores

MANUAL DO SISTEMA DE REFERÊNCIA DE CUSTOS Orientações para cadastro de fornecedores SECRETARIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL DA PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA MANUAL DO SISTEMA DE REFERÊNCIA DE CUSTOS Orientações para cadastro de fornecedores Secretaria de Gestão, Controles e Normas Departamento de

Leia mais

Manual para Envio de Petição Inicial

Manual para Envio de Petição Inicial Manual para Envio de Petição Inicial 1. Após abrir a página do PROJUDI, digite seu usuário e senha 1.1. Para advogados o usuário é o cpf.adv (ex: 12345678900.adv) 1.2. Após digitar os dados (login e senha),

Leia mais

Coordenação de Estágio Integrado. Instruções para o cadastro da contratação de estágio pelo Aluno

Coordenação de Estágio Integrado. Instruções para o cadastro da contratação de estágio pelo Aluno Coordenação de Estágio Integrado Instruções para o cadastro da contratação de estágio pelo Aluno 7 de Novembro de 04 Acesso ao SGE Ao efetuar o login no Sistema de Gestão Acadêmico (SGA), acesse a aba

Leia mais

Sistema Integrado de Gerenciamento ARTESP MANUAL DO USUÁRIO SIGA EXTRANET - FRETAMENTO

Sistema Integrado de Gerenciamento ARTESP MANUAL DO USUÁRIO SIGA EXTRANET - FRETAMENTO Sistema Integrado de Gerenciamento ARTESP MANUAL DO USUÁRIO SIGA EXTRANET - FRETAMENTO Versão 1.0 Julho/2012 ÍNDICE 1 REQUISITOS MÍNIMOS PARA INSTALAÇÃO... 4 1.1 Equipamento e Sistemas Operacionais 4 1.1.1

Leia mais

CeC. Cadastro eletrônico de Contribuintes. Usuário Anônimo

CeC. Cadastro eletrônico de Contribuintes. Usuário Anônimo CeC Cadastro eletrônico de Contribuintes Usuário Anônimo Versão 1.3 11/02/2011 SUMÁRIO Apresentação... 3 Objetivos... 3 1. Solicitação de CeC... 4 1.1. Cadastro de Pessoas Físicas... 6 1.1.1 Cadastro de

Leia mais

INSTRUÇÕES PARA EMISSÃO DE GUIAS AVULSAS

INSTRUÇÕES PARA EMISSÃO DE GUIAS AVULSAS INSTRUÇÕES PARA EMISSÃO DE GUIAS AVULSAS O sistema de emissão de guias avulsas é destinado aos departamentos de pessoal ou recursos humanos dos empregadores rurais, muitas vezes escritórios de contabilidade.

Leia mais

Manual de utilização do Relatório de Viagens

Manual de utilização do Relatório de Viagens Manual de utilização do Relatório de Viagens Os Módulos do Sistema de Relatório de Viagens foram criados tendo com base a Regulamentação de Viagem da MGS - Minas Gerais Administração e Serviços S/A (RG/AD/02/10ª).

Leia mais

RPS Recibo Provisório de Serviços Formato para envio do arquivo com os dados

RPS Recibo Provisório de Serviços Formato para envio do arquivo com os dados Manual de envio das remessas de RPS para UPLOAD, V1.00 P a g e 1 NFWeb RPS Recibo Provisório de Serviços Formato para envio do arquivo com os dados Conteúdo do arquivo com os dados do RPS Um ou mais RPS

Leia mais

SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO AMBIENTAL SIGAM

SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO AMBIENTAL SIGAM SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO AMBIENTAL SIGAM MANUAL REQUERIMENTO ON LINE 2009 Fundação Instituto de Administração FIA Página Inicial Ao acessar a tela inicial, clique sobre a frase: Inicie o Requerimento

Leia mais

Sistema de Registro das Atividades do RT - Tutorial de utilização

Sistema de Registro das Atividades do RT - Tutorial de utilização Sistema de Registro das Atividades do RT - Tutorial de utilização Acesso WEB 1. Primeiro acesso Para acessar o sistema, abra seu navegador de internet e vá até o site http://sistemart.crmv pr.org.br. Você

Leia mais

Escritório Virtual Administrativo

Escritório Virtual Administrativo 1 Treinamento Módulos Escritório Virtual Administrativo Sistema Office Instruções para configuração e utilização do módulo Escritório Virtual e módulo Administrativo do sistema Office 2 3 1. Escritório

Leia mais

1 Natuur Online Cadastre-se Nome, Login E-mail Cadastrar.

1 Natuur Online Cadastre-se Nome, Login E-mail Cadastrar. 1 Essa é a tela de acesso do Natuur Online, clique aqui para acessar o site e siga o passo-apasso abaixo. Se esse é o seu primeiro acesso, clique em Cadastre-se. 2 - Preencha os dados solicitados com Nome,

Leia mais

Manual de Utilização. Sistema. Recibo Provisório de Serviço

Manual de Utilização. Sistema. Recibo Provisório de Serviço Manual de Utilização Sistema Recibo Provisório de Serviço Versão 1.0 17/08/2011 Sumário Introdução... 5 1. Primeiro Acesso... 7 2. Funções do e-rps... 8 2.1 Menu Superior... 8 2.1.1 Arquivo......8 2.1.2

Leia mais

Material de apoio. Disponível no site: : www.justica.gov.br, no link: Entidades Sociais >> CNES.

Material de apoio. Disponível no site: : www.justica.gov.br, no link: Entidades Sociais >> CNES. Material de apoio Disponível no site: : www.justica.gov.br, no link: Entidades Sociais >> CNES. Material de apoio Disponível no site: : www.justica.gov.br, no link: Entidades Sociais >> CNES. Portaria

Leia mais

Poder Judiciário Tribunal de Justiça do Estado de Roraima. AGIS Gerenciamento Eletrônico de Documentos

Poder Judiciário Tribunal de Justiça do Estado de Roraima. AGIS Gerenciamento Eletrônico de Documentos AGIS Gerenciamento Eletrônico de Documentos 1 SUMÁRIO 1. Definições 3 1.1 Apresentação 3 1.2 Disposição do Sistema 3 2. Acessando o Sistema 4 2.1 Procedimento para regularizar o primeiro acesso 4 2.2 Procedimento

Leia mais

SISTEMA DE CADASTRO AMBINETAL RURAL - SICAR MÓDULO DE CADASTRO AMBIENTAL RURAL INTERFACE DE INSCRIÇÃO NO CAR

SISTEMA DE CADASTRO AMBINETAL RURAL - SICAR MÓDULO DE CADASTRO AMBIENTAL RURAL INTERFACE DE INSCRIÇÃO NO CAR SISTEMA DE CADASTRO AMBINETAL RURAL - SICAR MÓDULO DE CADASTRO AMBIENTAL RURAL INTERFACE DE INSCRIÇÃO NO CAR Tutorial 1.0 Versão do CAR 1.0 10/06/2013 Introdução O Sistema de Cadastro Ambiental Rural SICAR

Leia mais

Tutorial do Sistema de Requerimentos On-line

Tutorial do Sistema de Requerimentos On-line Tutorial do Sistema de Requerimentos On-line Atenção: Os requerimentos de segunda oportunidade, matrícula em disciplina, rematrícula, matrícula em dependência e trabalhos orientados só poderão ser abertos

Leia mais

MANUAL DO CANDIDATO AGENTE DE ORIENTAÇÃO EMPRESARIAL

MANUAL DO CANDIDATO AGENTE DE ORIENTAÇÃO EMPRESARIAL MANUAL DO CANDIDATO AGENTE DE ORIENTAÇÃO EMPRESARIAL Ficha Técnica Presidente do Conselho Deliberativo Nacional Roberto Simões Diretor-Presidente Luiz Barretto Diretor de Administração e Finanças José

Leia mais

http://www.portalinovacao.mct.gov.br/sapi/

http://www.portalinovacao.mct.gov.br/sapi/ http://www.portalinovacao.mct.gov.br/sapi/ 1. Para registrar-se, na página principal do Portal SAPI clique no banner Registre-se, posicionado logo abaixo dos dados de login. O Sistema pergunta se a instituição

Leia mais

Manual do Sistema ISS.net Online

Manual do Sistema ISS.net Online Manual do Sistema Sistema de Gestão de ISSQN Índice 3 Índice Analítico Parte I Introdução 4 Parte II Página Inicial 4 1 Nota Eletrônica... 5 Verificar a autenticidade... de Nota Eletrônica 5 Consultar

Leia mais

MANUAL OPERACIONAL DO SISTEMA ESTADUAL DE CONTROLE DE PESCA

MANUAL OPERACIONAL DO SISTEMA ESTADUAL DE CONTROLE DE PESCA SISTEMA IMASUL DE REGISTROS E INFORMAÇÕES ESTRATÉGICAS DO MEIO AMBIENTE MANUAL OPERACIONAL DO SISTEMA ESTADUAL DE CONTROLE DE PESCA Manual Operacional para uso exclusivo do módulo do Sistema Estadual de

Leia mais

Nota Fiscal de Serviços eletrônica NFS-e. Introdução. Apresentação

Nota Fiscal de Serviços eletrônica NFS-e. Introdução. Apresentação Nota Fiscal de Serviços eletrônica NFS-e Manual do Usuário Prestador Introdução Este manual tem como objetivo apresentar a Nota Fiscal de Serviços Eletrônica (NFS-e) que será utilizado pelos contribuintes

Leia mais

MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE DEPARTAMENTO DE ATENÇÃO BÁSICA COORDENAÇÃO DE ATENÇÃO DOMICILIAR

MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE DEPARTAMENTO DE ATENÇÃO BÁSICA COORDENAÇÃO DE ATENÇÃO DOMICILIAR MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE DEPARTAMENTO DE ATENÇÃO BÁSICA COORDENAÇÃO DE ATENÇÃO DOMICILIAR SAF SUL Qd. 02, Bl. E/F, Ed. Premium Torre II Auditório Sala 05 Telefone: (61) 3315 9052

Leia mais

MANUAL 2ª CAMADA DE SEGURANÇA E NOVAS REGRAS DE CADASTRAMENTO

MANUAL 2ª CAMADA DE SEGURANÇA E NOVAS REGRAS DE CADASTRAMENTO Ministério da Justiça Secretaria Nacional de Segurança Pública Rede INFOSEG MANUAL 2ª CAMADA DE SEGURANÇA E NOVAS REGRAS DE CADASTRAMENTO REDE INFOSEG AGOSTO/2013 Ministério da Justiça, 2013 Página 1 de

Leia mais

MANUAL ITCMD - DOAÇÃO

MANUAL ITCMD - DOAÇÃO MANUAL ITCMD - DOAÇÃO ACESSO AO SISTEMA ITCMD 2 CRIAÇÃO E PREENCHIMENTO DA DECLARAÇÃO 2 1º PASSO: ESCOLHA DO TIPO DE DECLARAÇÃO 2 2º PASSO: AJUDA INICIAL 3 3º PASSO: CADASTRAMENTO DE SENHA 3 4º PASSO:

Leia mais

Manual do Usuário DENATRAN

Manual do Usuário DENATRAN Manual do Usuário DENATRAN Confidencial Portal SISCSV - 2007 Página 1 Índice Analítico 1. INTRODUÇÃO 5 2. ACESSANDO O SISCSV 2.0 6 2.1 Configurando o Bloqueador de Pop-Ups 6 3. AUTENTICAÇÃO DO USUÁRIO

Leia mais

GUIA DE REFERÊNCIA DO PORTAL DE SERVIÇOS DO INMETRO NOS ESTADOS PSIE

GUIA DE REFERÊNCIA DO PORTAL DE SERVIÇOS DO INMETRO NOS ESTADOS PSIE GUIA DE REFERÊNCIA DO PORTAL DE SERVIÇOS DO INMETRO NOS ESTADOS PSIE Para iniciar o uso do Portal, selecione o estado referente ao domicílio do proprietário. Figura 1.0. Figura 1.0 O Portal é dividido

Leia mais

ÍNDICE. ISS Online. Guia do Usuário ÍNDICE

ÍNDICE. ISS Online. Guia do Usuário ÍNDICE Guia do Usuário ÍNDICE ÍNDICE Setembro /2009 www.4rsistemas.com.br 15 3262 8444 IDENTIFICAÇÃO E SENHA... 3 Sou localizado no município... 4 Não sou localizado no município... 4 ACESSO AO SISTEMA... 5 Tela

Leia mais

Está apto a utilizar o sistema, o usuário que tenha conhecimentos básicos de informática e navegação na internet.

Está apto a utilizar o sistema, o usuário que tenha conhecimentos básicos de informática e navegação na internet. Conteúdo 1. Descrição geral 2 2. Resumo das funcionalidades 3 3. Efetuar cadastro no sistema 4 4. Acessar o sistema 6 5. Funcionalidades do menu 7 5.1 Dados cadastrais 7 5.2 Grupos de usuários 7 5.3 Funcionários

Leia mais

Certidão Online Manual do Usuário

Certidão Online Manual do Usuário JUNTA COMERCIAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO Certidão Online Manual do Usuário Versão 3.1 Lista de Tópicos - Navegação Rápida CADASTRANDO O USUÁRIO... 3 ACESSANDO O SISTEMA... 5 CERTIDAO SIMPLIFICADA NADA

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE EMISSÃO DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE EMISSÃO DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE EMISSÃO DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA Apresentação Este sistema faz parte do Portal NFS Digital e tem o intuito de ser utilizado por emissores de Nota Fiscal de Serviços

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA e-nota

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA e-nota EBM ASSESSORIA E CONSULTORIA EM INFORMÁTICA LTDA MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA e-nota PRESTADOR / CONTADOR Versão 2.0 Índice 1. Acessar o sistema 2. Notas Eletrônicas 2.1. Emitir

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO RECAM ONLINE

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO RECAM ONLINE MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO RECAM ONLINE Tefefone: (16)37119000 email: recam@franca.sp.gov. Sumário 1. Endereço para acessar o sistema... 3 2. Tipos de acesso ao sistema... 3 3. Termo de acesso cadastrado

Leia mais

WebEDI - Tumelero Manual de Utilização

WebEDI - Tumelero Manual de Utilização WebEDI - Tumelero Manual de Utilização Pedidos de Compra Notas Fiscais Relação de Produtos 1. INTRODUÇÃO Esse documento descreve o novo processo de comunicação e troca de arquivos entre a TUMELERO e seus

Leia mais

Material de apoio. Portaria SNJ nº 252, de 27/ 12/ 12, publicada no D.O.U. de 31/ 12 /12. Manual do usuário. Manual da nova comprovação de vínculo.

Material de apoio. Portaria SNJ nº 252, de 27/ 12/ 12, publicada no D.O.U. de 31/ 12 /12. Manual do usuário. Manual da nova comprovação de vínculo. Material de apoio Material de apoio Portaria SNJ nº 252, de 27/ 12/ 12, publicada no D.O.U. de 31/ 12 /12. Manual do usuário. Manual da nova comprovação de vínculo. Informações Gerais O sistema CNES/MJ

Leia mais

Manual de Utilização do Sistema

Manual de Utilização do Sistema Manual de Utilização do Sistema 2015 Nota Control Nota Premiada Índice Parte I Informações Iniciais 1 Sobre o documento Parte II Apresentação 1 Menu Home 2 Menu Cadastro 3 Menu Entrar 4 Menu Sorteio Realizados

Leia mais

PEDIDO DE VIABILIDADE. Pedido de Viabilidade. Página 1 / 42

PEDIDO DE VIABILIDADE. Pedido de Viabilidade. Página 1 / 42 Pedido de Viabilidade Página 1 / 42 ÍNDICE Apresentação... 3 Pedido de Viabilidade para Inscrição de Primeiro Estabelecimento... 4 Solicitante e Pessoa Jurídica... 4 Quadro Societário... 8 Nome Empresarial,

Leia mais

Consultório On-line. Tudo o que você precisa em um só lugar.

Consultório On-line. Tudo o que você precisa em um só lugar. Índice 1) Acesso ao sistema 2) Recepção do paciente 3) Envio do atendimento para faturamento: consulta médica ou procedimentos simples 4) Envio do atendimento para faturamento: procedimentos previamente

Leia mais

MANUAL PASSO-A-PASSO DO SISTEMA ONLINE

MANUAL PASSO-A-PASSO DO SISTEMA ONLINE MANUAL PASSO-A-PASSO DO SISTEMA ONLINE Junho 2015 Editor, ler com atenção as orientações informadas neste manual. Informamos que documentação preenchida incompleta e/ou que não atenda as normas da Agência

Leia mais

Projeto Manual utilização Protocolo Online

Projeto Manual utilização Protocolo Online Projeto Manual utilização Protocolo Online Site- CREA-ES Protocolo Online Página 1 Sumário Introdução... 3 Cadastrar Usuário não registrado no CREA-ES (Pessoa Jurídica / Pessoa Física)... 4 Recuperar senha

Leia mais

INSTRUÇÕES DO PORTAL PÓS-VENDAS MUELLER

INSTRUÇÕES DO PORTAL PÓS-VENDAS MUELLER INSTRUÇÕES DO PORTAL PÓS-VENDAS MUELLER O acesso ao Portal deve ser feito através do site da Mueller sendo www.mueller.ind.br. Logo abaixo, o posto deverá clicar no rodapé da página em Intranet/Extranet.

Leia mais

Autorização de Empreendimentos de Fauna Silvestre Etapa 1.1(b) Cadastro da Pessoa Jurídica e Cadastro da Atividade.

Autorização de Empreendimentos de Fauna Silvestre Etapa 1.1(b) Cadastro da Pessoa Jurídica e Cadastro da Atividade. Autorização de Empreendimentos de Fauna Silvestre Etapa 1.1(b) Cadastro da Pessoa Jurídica e Cadastro da Atividade. a) O acesso à página de Cadastro de Atividades do CTF é feito por meio do menu de Serviços

Leia mais

VIA FÁCIL - BOMBEIROS

VIA FÁCIL - BOMBEIROS SECRETARIA DO ESTADO DOS NEGÓCIOS DA SEGURANÇA PÚBLICA POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE SÃO PAULO CORPO DE BOMBEIROS VIA FÁCIL - BOMBEIROS MANUAL DO USUÁRIO Versão V1.0 1 Índice A INTRODUÇÃO 4 B USUÁRIO NÃO

Leia mais

Manual de Instruções ISS WEB SISTEMA ISS WEB. Sil Tecnologia LTDA

Manual de Instruções ISS WEB SISTEMA ISS WEB. Sil Tecnologia LTDA SISTEMA ISS WEB Sil Tecnologia LTDA Sumário INTRODUÇÃO 3 1. ACESSO AO SISTEMA 4 2. AUTORIZAR USUÁRIO 5 3. TELA PRINCIPAL 6 4. ALTERAR SENHA 7 5. TOMADORES DE SERVIÇO 7 5.1 Lista de Declarações de Serviços

Leia mais

SERVIÇOS REQUERIMENTO

SERVIÇOS REQUERIMENTO 1 / 15 todos os direitos reservados. ÍNDICE Introdução... 3 Acesso Restrito... 4 Cadastro... 4 Serviços Requerimento... 6 Certidão Web... 7 Certidão Simplificada... 8 Certidão Específica... 10 Certidão

Leia mais

Sistema de Chamados Protega

Sistema de Chamados Protega SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 3 2. REALIZANDO ACESSO AO SISTEMA DE CHAMADOS... 4 2.1 DETALHES DA PÁGINA INICIAL... 5 3. ABERTURA DE CHAMADO... 6 3.1 DESTACANDO CAMPOS DO FORMULÁRIO... 6 3.2 CAMPOS OBRIGATÓRIOS:...

Leia mais

Manual do Sistema de Almoxarifado P á g i n a 2. Manual do Sistema de Almoxarifado Módulo Requisição. Núcleo de Tecnologia da Informação

Manual do Sistema de Almoxarifado P á g i n a 2. Manual do Sistema de Almoxarifado Módulo Requisição. Núcleo de Tecnologia da Informação Divisão de Almoxarifado DIAX/CGM/PRAD Manual do Sistema de Almoxarifado Módulo Requisição Versão On-Line Núcleo de Tecnologia da Informação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul Manual do Sistema

Leia mais

Questões mais freqüentes

Questões mais freqüentes CNH DIGITAL VENDA DIGITAL CONFIGURAÇÕES MINIMAS EQUIPAMENTOS - MODELOS HOMOLOGADOS AUTORIZAÇÃO DE ACESSO CONEXÕES SINCRONIZAÇÃO IHS PROPOSTAS RECIBOS VIA DA PROPOSTA DO CONSORCIADO FECHAMENTO DO BORDERÔ

Leia mais

OBJETIVO 1 ACESSANDO O SISTEMA 2 - TELA PRINCIPAL 3 MÓDULO ETIQUETAS 4 - CADASTRAR DOCUMENTOS 5 ANEXAR DOCUMENTOS 6 MENU TRÂMITE 6.

OBJETIVO 1 ACESSANDO O SISTEMA 2 - TELA PRINCIPAL 3 MÓDULO ETIQUETAS 4 - CADASTRAR DOCUMENTOS 5 ANEXAR DOCUMENTOS 6 MENU TRÂMITE 6. Sumário OBJETIVO... 2 1 ACESSANDO O SISTEMA... 3 2 - TELA PRINCIPAL (Painel de Controle)... 4 3 MÓDULO ETIQUETAS... 4 4 - CADASTRAR DOCUMENTOS... 7 5 ANEXAR DOCUMENTOS... 15 6 MENU TRÂMITE... 18 6.1 RECEBER

Leia mais

Sistema de Eventos - Usuário

Sistema de Eventos - Usuário 2013 Sistema de Eventos - Usuário Coordenação de Tecnologia da Informação e Comunicação FUNDEPAG 06/06/2013 Sumário 1- Sistema de eventos... 3 1.1 Eventos... 3 1.2 Eventos que participo... 4 1.3 Trabalhos...

Leia mais

Help de NFSe. 2011 E&L Produções de Software LTDA. Contador

Help de NFSe. 2011 E&L Produções de Software LTDA. Contador Contador 2 1 Credenciamento Se for prestador do município, substituto ou empresas de outros municípios clique na opção credenciar Para acessar a tela de credenciamento do contador, clique na opção Contador

Leia mais

MANUAL DO PRESTADOR FATURAMENTO WEB

MANUAL DO PRESTADOR FATURAMENTO WEB MANUAL DO PRESTADOR FATURAMENTO WEB 0 Sumário Introdução... 2 Funcionalidades... 2 Requisitos Necessários... 2 Faturamento Web... 3 Faturamento Simplificado... 4 Faturamento Detalhado... 9 Faturamento

Leia mais

- Nota Fiscal Eletrônica -

- Nota Fiscal Eletrônica - Manual Portal de Clientes e Transportadores - Nota Fiscal Eletrônica - ÍNDICE. INTRODUÇÃO 3. OBJETIVO 3.2 ABRANGÊNCIA 3 2. FUNCIONALIDADES 3 2. CADASTRO DE CLIENTES NO PORTAL 3 2.2 CONSULTA NOTAS FISCAIS

Leia mais

VIAÇÃO SÃO BENTO LTDA.

VIAÇÃO SÃO BENTO LTDA. VIAÇÃO SÃO BENTO LTDA. SISTEMA AUTOMÁTICO DE BILHETAGEM ELETRÔNICA MANUAL DO VTWEB CLIENT CADASTROS /PEDIDOS E PROCEDIMENTOS Resumo Esse manual tem como o seu objetivo principal a orientação de uso do

Leia mais

Inscrição do Titular Telas do Sistema e orientações gerais

Inscrição do Titular Telas do Sistema e orientações gerais Inscrição do Titular Telas do Sistema e orientações gerais Para realizar a inscrição do Segurado Especial, as Entidades Representativas, deverão acessar a Internet, Portal da Previdência no endereço www.mps.gov.br

Leia mais

Registro 1º PASSO DIGITALIZE SEUS DOCUMENTOS

Registro 1º PASSO DIGITALIZE SEUS DOCUMENTOS Registro 1º PASSO DIGITALIZE SEUS DOCUMENTOS Digitalize todos os documentos necessários para solicitar seu registro, salvando no formato PDF, JPG, PNG ou GIF (tamanho máximo de 1MB por arquivo), com o

Leia mais