Projetos de Inovações Sustentáveis

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Projetos de Inovações Sustentáveis"

Transcrição

1 UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO ESCOLA POLITÉCNICA ENGENHARIA DE PRODUÇÃO Projetos de Inovações Sustentáveis Dr Breno Nunes Aston Business School Aston University, UK

2 SOBRE A ASTON BUSINESS SCHOOL Situada em Birmingham, West Midlands, Reino Unido Aston pertence ao seleto grupo (1% no mundo) das escolas de negócios com acreditação tripla: AMBA, AACSB and EQUIS. Escola está dividida em 6 grupos acadêmicos: Direito (comercial, contratual, internacional, etc) Economia e Estratégia (inovação, produtividade, etc) Finanças Contabilidade Marketing Gestão de Operações e da Informação (Tecnologia, Conhecimento, PO) Psicologia organizacional e do trabalho (RH, Ética, etc) Dr Breno Nunes / Dezembro 2014 Copyright

3 SOBRE A ASTON BUSINESS SCHOOL Dr Breno Nunes / Dezembro 2014 Copyright

4 Aston Business School & FEA/USP Acordo de cooperação assinado em 2005 Inclue: Intercâmbio de alunos de graduação e pós-graduação Cooperação em Pesquisa Newton Fund - British Council & FAPESP Workshop Tópico: Research Excellence & International Collaboration in corporate response to Climate Change Inscrições até 23 de Dezembro Participantes: Jovens doutores do Estado de São Paulo (até 10 anos da data de doutoramento) Local e data: 9 a 12 de Março de 2015 / USP TODAS DESPESAS PAGAS! Dr Breno Nunes / Dezembro 2014 Copyright

5 SOBRE BIRMINGHAM Dr Breno Nunes / Dezembro 2014 Copyright

6 Aston Servitization Centre Dr Breno Nunes / Dezembro 2014 Copyright All rights Reserved

7 The Spring Servitization Conference Servitization: the theory and impact 18 & 19 May 2015, Aston Business School, Aston University, UK Call for Papers Abstracts of 300 words should be submitted for review no later than 24th January 2015 to Accepted abstracts should be developed into full papers and submitted by 3rd March 2015, when they will undergo a blind review. Abstracts are invited on all aspects of servitization. Relevance to practice is important, and contributions from doctoral students are welcomed. Prizes will be awarded in the following categories: Best paper about Information Technology enablement of servitization Best paper bridging theory and practice on servitization Best industrial project describing a servitization transformation Best paper describing a novel business model in servitization Dr Breno Nunes / Dezembro 2014 Copyright

8 AGENDA Por que precisamos inovar? O que é inovação O que é inovação sustentável? O que são projetos de inovação sustentável? Casos de projetos de inovação sustentável Exemplos de inovação não-sustentável Desafios e Oportunidades da inovação sustentável Implicações teóricas nos projetos de inovação sustentável Considerações Finais Dr Breno Nunes / Dezembro 2014 Copyright 2014

9 Por que precisamos inovar? CLIENTES Dr Breno Nunes / Dezembro 2014 Copyright 2014 foto: Jutice.design foto: itv Imagem: Domici

10 O que é inovação? Dr Breno Nunes / Dezembro 2014 Copyright 2014 Manual de Oslo, 2005 Produto Processo Marketing Organizacional VALORES CENTRAIS DA SUSTENTABILIDADE: Conservação dos recursos naturais, equilíbrio econômico-social-ambiental, atendimento das necessidades e aspirações humanas, melhoria da qualidade de vida, etc

11 O que é inovação sustentável? Dr Breno Nunes / Dezembro 2014 Copyright 2014 Inovações em produtos, processos, marketing, organização ou nos modelos de negócios que incorporem os valores da sustentabilidade e que levem a empresa a possuir uma maior vantagem competitiva de longo prazo. O que é o gerenciamento da inovação sustentável? É o processo de identificação, implementação e monitoramento de novas idéias para melhorar o desempenho de sustentabilidade das organizações. Definições adaptadas de Nunes, B & Bennett, D and Shaw, D. "Eight Steps for Managing Green Innovation in the Automotive Industry." The European Financial Review(2013): 3-6.

12 Dr Breno Nunes / Dezembro 2014 Copyright 2014 Projetos de Inovação Sustentável

13 O contexto organizacional dos Projetos de inovação sustentável Pressões para investimento em: Produtos verdes Processos verdes Modelos de negócios sustentáveis Environmental Pressures Cidades & Economias verdes Logística global: rotas e modais verdes Green Behaviours Comportamento Ético Work-life balance Aumento da transparência nas organizações Social Pressures Leis anti-corrupção para grandes projetos Inclusão de externalidades para tornar projetos de sustentabilidade economicamente viáveis Dr Breno Nunes / Dezembro 2014 Copyright 2014

14 Projeto de inovação sustentável: The Fun Theory The Fun Theory Projeto de coleta para reciclagem Limpeza pública Dr Breno Nunes / Dezembro 2014 Copyright 2014

15 Projetos de sustentabilidade TIPO 1: Sustentabilidade como objetivo central! As práticas de gestão de projetos tradicionais irão auxiliar a implementação do projto Sustainability Projects Project Management Philosophy Dr Breno Nunes / Dezembro 2014 Copyright 2014

16 Filosofia de Gestão de Projetos para inovação sustentável (With Thanks to Dr Joana Geraldi) Clareza nos objetivos Qual o real objetivo a ser alcançado Especificação do Projeto: Justificativa (racional) do projeto Abordagem através de fatores críticos de sucesso Ciclo de vida do projeto Gestão de stakeholders Gestão de risco e incertezas Dr Breno Nunes / Dezembro 2014 Copyright 2014

17 Dr Breno Nunes / Dezembro 2014 Copyright 2014 Processos sustentáveis em projetos tradicionais TIPO 2 de projeto de inovação sustentável: Um projeto normal almejando maior crescimento econômico, lucro ou redução de custos A introdução dos VALORES de sustentabilidade aumentam a chance de sucesso do projeto A maioria dos grandes projetos, em especial de infra-estrutura, não serão aprovados sem EIA/RIMA contudo, pequenos projetos já começam a discutir contribuição ambiental e social Sustainability Values Project Processes

18 Dr Breno Nunes / Dezembro 2014 Copyright 2014 Sustainable Project Processes Objetivos? Há como ligar os objetivos do projeto ao desenvolvimento sustentável? Como o projeto afeta comunidades vizinhas? Success Criteria? Há como incluir formalmente critérios ambientais e sociais na avaliação de desempenho do projeto? Ciclo de vida do projeto EIA x Análise de Risco Ambiental x Análise de atores Avaliação dos projetos e seus outputs Instalações prediais e automóveis consomem 80% da energia no ciclo de vida durante o uso do output e não durante a implementação do projeto.

19 Dr Breno Nunes / Dezembro 2014 Copyright 2014 Principais Motivação para inovações sustentáveis Escassez de materias primas Foto: professionalshooter Alto nível de impacto ambiental Foto: UNEP Disaster & conflicts Pressão de stakeholders humanos Imagem: ec.europa.eu Legislation Internal Policy Customers Investors Competitors Image, etc Soluções de alinhamento estratégico

20 Dr Breno Nunes / Dezembro 2014 Copyright 2014 Planetary Boundaries Limites ou Fronteiras Planetárias Stratospheric ozone layer Biodiversity Chemicals dispersion Climate Change Ocean acidification Freshwater consumption and the global hydrological cycle Land system change Nitrogen and phosphorus inputs to the biosphere and ocean Atmospheric aerosol loading

21 Dr Breno Nunes / Dezembro 2014 Copyright 2014 Global Grand Engineering Challenges

22 Dr Breno Nunes / Dezembro 2014 Copyright Casos de Projetos de inovação sustentável Produto Imagem: Deka R&D, evetech, vetrix Processo Imagem: epa.gov & energybible.com Slingshot filtro de água Scooter Elétrica da Evetech

23 Dr Breno Nunes / Dezembro 2014 Copyright 2014 Casos de Projetos inovação sustentável Marketing Organizacional / Modelo de Negócios Imagem: nestle.in Rolls-Royce

24 Dr Breno Nunes / Dezembro 2014 Copyright 2014 Exemplos de inovação não-sustentável Indústria Pesqueira (processo) Imagem: rareconservation.org Indústria Automobilística (Produto) Imagem: BBC

25 Dr Breno Nunes / Dezembro 2014 Copyright 2014 DESAFIOS & OPORTUNIDADES Ir além da eco-eficiência Entender e influenciar as regras do jogo Gerenciar o risco de negócios e compreender o gosto do cliente liderança do mercado, sobrevivência de longo prazo, imagem Mudanças culturais, alinhamento dos fatores internos e externos, posicionamento da marca, liderança technológica Desenvolvimento gradual da capacidade de inovação sustentável

26 Considerações Finais Dr Breno Nunes / Dezembro 2014 Copyright 2014 Inovações incrementais versus inovações radicais A construção de uma cultura de inovação sustentável Prioridades locais versus pressões globais Óxido de Enxofre versus CO 2 Incertezas tecnológicas, políticas, econômicas, etc. Velocidade das mudanças tecnológicas Quem será a próxima Síria? A volatilidade e vulnerabilidade das políticas econômicas Como classificar e mensurar sucesso de um projeto de inovação? caso do GPS, internet, etc

27 Implicações Teóricas Dr Breno Nunes / Dezembro 2014 Copyright 2014 Alinhamento estratégico Organizacional ou contextual Fatores Críticos de Sucesso Gestão de Riscos LESSONS LEARNT DECISÕES Iniciação Planejamento Execução Fechamento Projetos de Inovação Sustentável Avaliação de Ciclo de vida Gestão de Stakeholders Internos e Externos

28 OBRIGADO! Dr Breno Nunes / Dezembro 2014 Copyright 2014 Dr Breno Nunes Aston Business School Aston University, UK

Inovação e Empreendedorismo

Inovação e Empreendedorismo Inovação e Empreendedorismo Kami Saidi Diretor de Operações & Sustentabilidade HP Brasil 09-maio-13 HP Commitment Many assume, wrongly, that a company exists simply to make money... the real reason HP

Leia mais

Asseguração de Relatórios de Sustentabilidade Denise Saboya 23 de setembro de 2009

Asseguração de Relatórios de Sustentabilidade Denise Saboya 23 de setembro de 2009 Asseguração de Relatórios de Sustentabilidade Denise Saboya 23 de setembro de 2009 Relembrando conceitos de sustentabilidade Desenvolvimento Econômico Responsabilidade Social Maximização do retorno do

Leia mais

Empresas e as mudanças climáticas

Empresas e as mudanças climáticas Empresas e as mudanças climáticas O setor empresarial brasileiro, por meio de empresas inovadoras, vem se movimentando rumo à economia de baixo carbono, avaliando seus riscos e oportunidades e discutindo

Leia mais

www.pwc.com Os Avanços da Gestão Pública no Brasil Os Desafios para a Gestão de Pessoas Novembro de 2011

www.pwc.com Os Avanços da Gestão Pública no Brasil Os Desafios para a Gestão de Pessoas Novembro de 2011 www.pwc.com Os Avanços da Gestão Pública no Brasil Os Desafios para a Gestão de Pessoas Novembro de 2011 Agenda 1. Demanda por profissionais e a estratégia de gestão de pessoas 2. Gestão de pessoas tendências

Leia mais

MBA Marketing de Serviços

MBA Marketing de Serviços MBA Marketing de Serviços Informações - Turma de Agosto 2014 Início das Aulas: 04/08/2014 Dias e horários das aulas: Segunda a sexta-feira das 19h00 às 22h50 (apenas na 1º semana) Quartas e quintas das

Leia mais

MBA Gestão da Tecnologia de Informação

MBA Gestão da Tecnologia de Informação MBA Gestão da Tecnologia de Informação Informações: Dias e horários das aulas: Segundas e Terças-feiras das 18h00 às 22h00 aulas semanais; Sábados das 08h00 às 12h00 aulas quinzenais. Carga horária: 600

Leia mais

Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu em CONSULTORIA EMPRESARIAL

Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu em CONSULTORIA EMPRESARIAL Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu em CONSULTORIA EMPRESARIAL Inscrições Abertas: Início das aulas: 24/08/2015 Término das aulas: 14/08/2016 Dias e horários das aulas: Segunda-Feira 18h30 às

Leia mais

PÓS - GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO MBA EXECUTIVO EM SAÚDE COM ÊNFASE NA GESTÃO DE CLÍNICAS E HOSPITAIS

PÓS - GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO MBA EXECUTIVO EM SAÚDE COM ÊNFASE NA GESTÃO DE CLÍNICAS E HOSPITAIS PÓS - GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO MBA EXECUTIVO EM SAÚDE COM ÊNFASE NA GESTÃO DE CLÍNICAS E HOSPITAIS 2014 19010-080 -Presidente Prudente - SP 1. COORDENAÇÃO ACADÊMICA Prof.ª Adriana Maria André,

Leia mais

MBA EM GESTÃO EMPRESARIAL. com ênfase em DESENVOLVIMENTO E GESTÃO DE PESSOAS

MBA EM GESTÃO EMPRESARIAL. com ênfase em DESENVOLVIMENTO E GESTÃO DE PESSOAS PÓS - GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO MBA EM GESTÃO EMPRESARIAL com ênfase em DESENVOLVIMENTO E GESTÃO DE PESSOAS SIGA: TMBAGE Av. Conselheiro Nébias, 159 Bairro Paquetá Santos SP - CEP 11015-001 -

Leia mais

O papel do MBA na carreira do executivo

O papel do MBA na carreira do executivo O papel do MBA na carreira do executivo Renata Fabrini 09.03.2010 CONFERÊNCIA ANAMBA E ENCONTRO REGIONAL LATINO AMERICANO DO EMBA COUNCIL 2010 sobre a Fesa maior empresa consultoria especializada com atuação

Leia mais

MBA EM GESTÃO EMPRESARIAL. com ênfase em MARKETING

MBA EM GESTÃO EMPRESARIAL. com ênfase em MARKETING PÓS - GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO MBA EM GESTÃO EMPRESARIAL com ênfase em MARKETING SIGA: TMBAGE Av. Conselheiro Nébias, 159 Bairro Paquetá Santos SP - CEP 11015-001 - Fone: (13) 3228 6000 Rua

Leia mais

1. Centros de Competência de BI

1. Centros de Competência de BI Pagina: 1 1. Centros de Competência de BI Originalmente, o termo Centro de competência de BI (conhecido também como BICC Business Intelligence Competence Center) foi utilizado pelo instituto de pesquisa

Leia mais

Construção Sustentável

Construção Sustentável Formação de recursos humanos: Desafio para Construção Sustentável Vanderley M. John Prof. Dr., Depto. Eng. Construção Civil Diretor do CBCS Conteúdo Implicações do desenvolvimento sustentável na engenharia

Leia mais

ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE NEGÓCIOS

ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE NEGÓCIOS ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE NEGÓCIOS São Paulo Presença nacional, reconhecimento mundial. Conheça a Fundação Dom Cabral Uma das melhores escolas de negócios do mundo, pelo ranking de educação executiva

Leia mais

Prof. Me. Maico Roris Severino Curso Engenharia de Produção Universidade Federal de Goiás (UFG) Campus Catalão

Prof. Me. Maico Roris Severino Curso Engenharia de Produção Universidade Federal de Goiás (UFG) Campus Catalão Prof. Me. Maico Roris Severino Curso Engenharia de Produção Universidade Federal de Goiás (UFG) Campus Catalão 1 Roteiro da Apresentação Definições Cadeia de Suprimentos Logística Gestão da Cadeia de Suprimentos

Leia mais

A RESPONSABILIDADE SOCIAL INTEGRADA ÀS PRÁTICAS DA GESTÃO

A RESPONSABILIDADE SOCIAL INTEGRADA ÀS PRÁTICAS DA GESTÃO A RESPONSABILIDADE SOCIAL INTEGRADA ÀS PRÁTICAS DA GESTÃO O que isto tem a ver com o modelo de gestão da minha Instituição de Ensino? PROF. LÍVIO GIOSA Sócio-Diretor da G, LM Assessoria Empresarial Coordenador

Leia mais

Ecoinovação e Gestão do Conhecimento: Como estas práticas estão relacionadas?

Ecoinovação e Gestão do Conhecimento: Como estas práticas estão relacionadas? Ecoinovação e Gestão do Conhecimento: Como estas práticas estão relacionadas? Ligia Maria Moura Madeira Thais Elaine Vick Marcelo Seido Nagano EESC/USP Contexto As empresas vêm adotando estratégias e práticas

Leia mais

Investigando aspectos da geração de novos produtos de software. Daniel Arcoverde (dfa@cin.ufpe.br)

Investigando aspectos da geração de novos produtos de software. Daniel Arcoverde (dfa@cin.ufpe.br) Investigando aspectos da geração de novos produtos de software Daniel Arcoverde (dfa@cin.ufpe.br) Estrutura Parte1. Inovação é igual em software? Parte 2. Processo de Desenvolvimento de Novos Produtos

Leia mais

MBA EXECUTIVO EM SAÚDE

MBA EXECUTIVO EM SAÚDE PÓS - GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO MBA EXECUTIVO EM SAÚDE SIGA: TMBAES*06/26 Av. Conselheiro Nébias, 159 Bairro Paquetá Santos SP - CEP 11015-001 - Fone: (13) 3228 6000 Rua Almirante Protógenes,

Leia mais

PÓS - GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO MBA EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS

PÓS - GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO MBA EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS PÓS - GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO MBA EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS 2014 1. COORDENAÇÃO ACADÊMICA Prof.º André Bittencourt do Valle 2. FUNDAÇÃO GETULIO VARGAS É uma instituição de direito privado,

Leia mais

Inovação 2.0. John C. Timmerman, Ph.D. Presidente do Conselho, ASQ. Estrategista Sênior, Experiência do Cliente e Inovação Gallup.

Inovação 2.0. John C. Timmerman, Ph.D. Presidente do Conselho, ASQ. Estrategista Sênior, Experiência do Cliente e Inovação Gallup. Inovação 2.0 John C. Timmerman, Ph.D. Presidente do Conselho, ASQ Estrategista Sênior, Experiência do Cliente e Inovação Gallup 15 de julho, 2013 Objetivos 1. Compreender a importância da economia comportamental

Leia mais

1 INTRODUÇÃO 2 PERSPECTIVAS SOBRE O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL: DIFÍCIL CONCEITUAÇÃO A NECESSIDADE DE UM MARCO DE GOVERNANÇA ADEQUADO

1 INTRODUÇÃO 2 PERSPECTIVAS SOBRE O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL: DIFÍCIL CONCEITUAÇÃO A NECESSIDADE DE UM MARCO DE GOVERNANÇA ADEQUADO O Desenvolvimento Sustentável A NECESSIDADE DE UM MARCO DE GOVERNANÇA ADEQUADO Maria Bernadete Sarmiento Gutierrez* 1 INTRODUÇÃO Este artigo tem como objetivo principal sugerir como os conceitos de desenvolvimento

Leia mais

Auditoria e Gestão de Riscos no Conceito da Sustentabilidade das Organizações

Auditoria e Gestão de Riscos no Conceito da Sustentabilidade das Organizações Auditoria e Gestão de Riscos no Conceito da Sustentabilidade das Organizações Paulo Vanca Diretor do AUDIBRA / IIA Brasil Consultor da Junho de 2009 PwC Agenda Sustentabilidade Verdades e mitos Os 3 Pilares

Leia mais

MBA EM GESTÃO EMPRESARIAL. com ênfase em TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

MBA EM GESTÃO EMPRESARIAL. com ênfase em TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO PÓS - GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO MBA EM GESTÃO EMPRESARIAL com ênfase em TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO SIGA: TMBAGE Av. Conselheiro Nébias, 159 Bairro Paquetá Santos SP - CEP 11015-001 - Fone: (13)

Leia mais

Institutional Skills. Sessão informativa INSTITUTIONAL SKILLS. Passo a passo. www.britishcouncil.org.br

Institutional Skills. Sessão informativa INSTITUTIONAL SKILLS. Passo a passo. www.britishcouncil.org.br Institutional Skills Sessão informativa INSTITUTIONAL SKILLS Passo a passo 2 2 British Council e Newton Fund O British Council é a organização internacional do Reino Unido para relações culturais e oportunidades

Leia mais

PÓS - GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO MBA EXECUTIVO EM SAÚDE COM ÊNFASE NA GESTÃO DE CLÍNICA E HOSPITAIS

PÓS - GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO MBA EXECUTIVO EM SAÚDE COM ÊNFASE NA GESTÃO DE CLÍNICA E HOSPITAIS PÓS - GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO MBA EXECUTIVO EM SAÚDE COM ÊNFASE NA GESTÃO DE CLÍNICA E HOSPITAIS 2014 SIGA: TMBAES*0627-2 Avenida dos Autonomistas, 1400 Shopping União - Osasco SP CEP 06020-010

Leia mais

CARACTERÍSTICAS DE UM PROJETO

CARACTERÍSTICAS DE UM PROJETO CARACTERÍSTICAS DE UM PROJETO Temporário: significa que cada projeto tem um início e um fim muito bem definidos. Um projeto é fundamentalmente diferente: porque ele termina quando seus objetivos propostos

Leia mais

MBA EM GESTÃO ESTRATÉGICA DE ESPORTES

MBA EM GESTÃO ESTRATÉGICA DE ESPORTES PÓS - GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO MBA EM GESTÃO ESTRATÉGICA DE ESPORTES SIGA ZMBAEESP11/00 Rua Almirante Protógenes, 290 Bairro Jardim Santo André SP - CEP 09090-760 - Fone: (11) 4433 3222 Av.

Leia mais

Desafio de garantir o crescimento e a relevância do Lean Seis Sigma nas organizações após anos da implantação.

Desafio de garantir o crescimento e a relevância do Lean Seis Sigma nas organizações após anos da implantação. de garantir o crescimento e a relevância do Lean Seis Sigma nas organizações após anos da implantação. Tópicos: Como o tema contribui para empresas que estão em diferentes estágios do Lean Seis Sigma;

Leia mais

Rodrigo B. Neves, PMP Diretor Gerência de Projetos - Flag IntelliWan rbneves@flag.com.br MSN: rodrigo_neves@hotmail.com

Rodrigo B. Neves, PMP Diretor Gerência de Projetos - Flag IntelliWan rbneves@flag.com.br MSN: rodrigo_neves@hotmail.com Infocon 2004 Rodrigo B. Neves, PMP Diretor Gerência de Projetos - Flag IntelliWan rbneves@flag.com.br MSN: rodrigo_neves@hotmail.com Agenda Definição; Histórico; Governança Coorporativa de TI; O Modelo

Leia mais

O Desenvolvimento do Corporate Governance em Portugal

O Desenvolvimento do Corporate Governance em Portugal 10 ANOS DO IPCG O GOVERNO SOCIETÁRIO EM PORTUGAL O Desenvolvimento do Corporate Governance em Portugal Lisboa, 09 de Julho de 2013 SUMÁRIO 1. Acontecimentos empresariais e governance 2. Fatores normativos

Leia mais

SUPPLY CHAIN MANAGEMENT: UMA INTRODUÇÃO À UM MODELO DE GESTÃO DA CADEIA DE SUPRIMENTOS PARA OBTENÇÃO DE DIFERENCIAL COMPETITIVO

SUPPLY CHAIN MANAGEMENT: UMA INTRODUÇÃO À UM MODELO DE GESTÃO DA CADEIA DE SUPRIMENTOS PARA OBTENÇÃO DE DIFERENCIAL COMPETITIVO SUPPLY CHAIN MANAGEMENT: UMA INTRODUÇÃO À UM MODELO DE GESTÃO DA CADEIA DE SUPRIMENTOS PARA OBTENÇÃO DE DIFERENCIAL COMPETITIVO BURGO, Rodrigo Navarro Sanches, RIBEIRO, Talita Cristina dos Santos, RODRIGUES,

Leia mais

Conjunto de diretrizes e ferramentas para empresas que visam contribuir efetivamente

Conjunto de diretrizes e ferramentas para empresas que visam contribuir efetivamente PROJETO SIGMA País Grã-Bretanha O que é Conjunto de diretrizes e ferramentas para empresas que visam contribuir efetivamente para o DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL (DS). Origem O Projeto SIGMA foi lançado

Leia mais

Gestão e Teoria da Decisão

Gestão e Teoria da Decisão Gestão e Teoria da Decisão e Gestão de Stocks Licenciatura em Engenharia Civil Licenciatura em Engenharia do Território 1 Agenda 1. Introdução 2. Definição de 3. Evolução Histórica da 4. Integração - Aproximação

Leia mais

MBA EM GESTÃO DE PESSOAS

MBA EM GESTÃO DE PESSOAS PÓS - GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO MBA EM GESTÃO DE PESSOAS SIGA: TMBAGP*11/02 Av. Conselheiro Nébias, 159 Bairro Paquetá Santos SP - CEP 11015-001 - Fone: (13) 3228 6000 Rua Almirante Protógenes,

Leia mais

www.pwc.com AMCHAM Visão integrada das áreas de Marketing e Finanças Abril de 2013

www.pwc.com AMCHAM Visão integrada das áreas de Marketing e Finanças Abril de 2013 www.pwc.com Visão integrada das áreas de Marketing e Finanças Agenda Introdução Como abordar o problema Discussões Conclusão PwC 2 Introdução PwC 3 Introdução Visões do Marketing Marketing tem que fazer

Leia mais

MBA em Gestão de Pessoas e Comportamento Organizacional -Matutino e Noturno

MBA em Gestão de Pessoas e Comportamento Organizacional -Matutino e Noturno MBA em Gestão de Pessoas e Comportamento Organizacional -Matutino e Noturno Apresentação CAMPUS STIEP Inscrições Abertas Turma 12 (Noturno) -->Últimas Vagas até o dia 27/05/2013 CAMPUS IGUATEMI Turma 13

Leia mais

Relatórios de Sustentabilidade: Ferramenta de Excelência para a Comunicação da RSO

Relatórios de Sustentabilidade: Ferramenta de Excelência para a Comunicação da RSO Relatórios de Sustentabilidade: Ferramenta de Excelência para a Comunicação da RSO 1º Fórum Português de Responsabilidade das Organizações (RSO) Plataforma de Debate Multistakeholder AIP - Centro de Congressos

Leia mais

REGULAMENTO 2ª BBR CONFERENCE 2014

REGULAMENTO 2ª BBR CONFERENCE 2014 REGULAMENTO 2ª BBR CONFERENCE 2014 1. Dados gerais do evento: Sobre a BBR Conference: Nos dias 10, 11 e 12 de dezembro de 2014, a FUCAPE Business School sediará a 2ª Brazilian Business Review Conference

Leia mais

1. COORDENAÇÃO ACADÊMICA. Profª. SUSANA ARCANGELA QUACCHIA FEICHAS MSc. - Universidade Federal Fluminense 2. FUNDAÇÃO GETULIO VARGAS

1. COORDENAÇÃO ACADÊMICA. Profª. SUSANA ARCANGELA QUACCHIA FEICHAS MSc. - Universidade Federal Fluminense 2. FUNDAÇÃO GETULIO VARGAS 1. COORDENAÇÃO ACADÊMICA SIGA: TMBAGAS*11/03 Profª. SUSANA ARCANGELA QUACCHIA FEICHAS MSc. - Universidade Federal Fluminense 2. FUNDAÇÃO GETULIO VARGAS É uma instituição de direito privado, sem fins lucrativos,

Leia mais

Sustentabilidade nos Negócios

Sustentabilidade nos Negócios Sustentabilidade nos Negócios Apresentação O programa Gestão Estratégica para a Sustentabilidade foi oferecido pelo Uniethos por nove anos. Neste período os temas ligados à sustentabilidade começam a provocar

Leia mais

ANNUAL REPORT 2011-12-13

ANNUAL REPORT 2011-12-13 ANNUAL REPORT 2011-12-13 Member organizationʼs name: Beraca Sabará Quimicos e Ingredientes - Divisão HPC Main address: Rua Emilia Marengo, 682 segundo andar Jardim Analia Franco, São Paulo SP Brasil CEP

Leia mais

CURRICULUM VITÆ. Licenciatura em Economia da Faculdade de Economia da Universidade do Porto, concluída em Julho de 1996.

CURRICULUM VITÆ. Licenciatura em Economia da Faculdade de Economia da Universidade do Porto, concluída em Julho de 1996. CURRICULUM VITÆ DADOS PESSOAIS Nome: Nascimento: Nacionalidade: Morada: Manuel Emílio Mota de Almeida Delgado Castelo Branco 30 de Dezembro de 1971, Porto (Portugal) Portuguesa Faculdade de Economia do

Leia mais

PÓS - GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO MBA EXECUTIVO EM ADMINISTRAÇÃO: GESTÃO DE SAÚDE PROGRAMA LÍDER NA FORMAÇÃO DE LÍDERES

PÓS - GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO MBA EXECUTIVO EM ADMINISTRAÇÃO: GESTÃO DE SAÚDE PROGRAMA LÍDER NA FORMAÇÃO DE LÍDERES PÓS - GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO MBA EXECUTIVO EM ADMINISTRAÇÃO: GESTÃO DE SAÚDE 2016 PROGRAMA LÍDER NA FORMAÇÃO DE LÍDERES SIGA: TMBAES*06_38 Al. Tocantins, 125 Alphaville Barueri SP CEP 06455-020

Leia mais

Universidade*Nove*de*Julho*1*UNINOVE* Programa*de*Mestrado*Profissional*em*Administração* *Gestão*em*Sistemas*de*Saúde*

Universidade*Nove*de*Julho*1*UNINOVE* Programa*de*Mestrado*Profissional*em*Administração* *Gestão*em*Sistemas*de*Saúde* UniversidadeNovedeJulho1UNINOVE ProgramadeMestradoProfissionalemAdministração GestãoemSistemasdeSaúde Disciplina ProjetosComplexoseEstratégicosAplicadosàSaúde Códigodadisciplina GSEL04 Linhadepesquisa

Leia mais

O marketing entre as organizações

O marketing entre as organizações O marketing entre as organizações Alex Carneiro Preparado especialmente para a Coppead/UFRJ Definições Marketing Industrial Marketing Empresarial Gestão de Mercado Business to Business Marketing B2B Business

Leia mais

7 Referências bibliográficas

7 Referências bibliográficas 7 Referências bibliográficas ACS, Z. J.; AUDRETSCH, D. B. Innovation in large and small firms: an empirical analysis. The American Economic Review, v. 78, n. 4, p. 678-690, 1988. ANTONCIC, B.; HISRICH,

Leia mais

Gerência de Projetos e o Processo de Certificação

Gerência de Projetos e o Processo de Certificação Gerência de Projetos e o Processo de Certificação André B. Barcaui, PMP B&B Brothers www.bbbrothers.com.br Copyright B&B Brothers, 2002 1 In the organization of the future most of what gets done will be

Leia mais

ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE NEGÓCIOS São Paulo

ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE NEGÓCIOS São Paulo Av. Princesa Diana, 760 34000-000 Nova Lima MG Campus Aloysio Faria Av. Princesa Diana, 760 Alphaville Lagoa dos Ingleses 34000-000 Nova Lima MG Brasil Campus BH Rua Bernardo Guimarães, 3.071 Santo Agostinho

Leia mais

TÍTULO DA APRESENTAÇÃO

TÍTULO DA APRESENTAÇÃO UniversityofMinho 1974 (39 years) 2 Campi Campus de Gualtar (380.000 m 2 ) Braga Campus de Azurém (270.000 m 2 ) Guimarães Teaching 53 graduate courses 130 masters courses 22 PhD courses 18.500 students

Leia mais

Universidade do Minho. Escola de Engenharia. UC transversais Programas Doutorais 1º semestre 2012-13. 11 de outubro 2012

Universidade do Minho. Escola de Engenharia. UC transversais Programas Doutorais 1º semestre 2012-13. 11 de outubro 2012 Universidade do Minho Escola de Engenharia UC transversais Programas Doutorais 1º semestre 2012-13 11 de outubro 2012 1 2 2 courses offered in the first semestre: Métodos de Investigação em Engenharia

Leia mais

O Compromisso Crescimento Verde e a Sustentabilidade na Secil

O Compromisso Crescimento Verde e a Sustentabilidade na Secil O Compromisso Crescimento e a Sustentabilidade na Secil GONÇALO SALAZAR LEITE CEO GRACE - Encontro Temático Crescimento 1 Ponto de Partida O cimento é um bem essencial ao conforto, segurança e património

Leia mais

NORMAS PARA AUTORES. As normas a seguir descritas não dispensam a leitura do Regulamento da Revista Portuguesa de Marketing, disponível em www.rpm.pt.

NORMAS PARA AUTORES. As normas a seguir descritas não dispensam a leitura do Regulamento da Revista Portuguesa de Marketing, disponível em www.rpm.pt. NORMAS PARA AUTORES As normas a seguir descritas não dispensam a leitura do Regulamento da Revista Portuguesa de Marketing, disponível em www.rpm.pt. COPYRIGHT Um artigo submetido à Revista Portuguesa

Leia mais

REGULAMENTO 2ª BBR CONFERENCE 2014

REGULAMENTO 2ª BBR CONFERENCE 2014 1. Dados gerais: Sobre a BBR Conference: REGULAMENTO 2ª BBR CONFERENCE 2014 Nos dias 10, 11 e 12 de dezembro de 2014, a FUCAPE Business School sediará a 2ª Brazilian Business Review Conference (BBR Conference),

Leia mais

Resumo expandido ANPPAS 2010

Resumo expandido ANPPAS 2010 Resumo expandido ANPPAS 2010 Projetos de Mecanismo de Desenvolvimento Limpo (MDL) em aterros sanitários e a gestão de resíduos sólidos na cidade de São Paulo Tema Mercado de carbono e inovação em serviços

Leia mais

DESEMPENHO AMBIENTAL DE EDIFÍCIOS METODOLOGIAS E TENDÊNCIAS. Porto, 29 de Abril, 2008 Dia Mundial da Energia

DESEMPENHO AMBIENTAL DE EDIFÍCIOS METODOLOGIAS E TENDÊNCIAS. Porto, 29 de Abril, 2008 Dia Mundial da Energia DESEMPENHO AMBIENTAL DE EDIFÍCIOS METODOLOGIAS E TENDÊNCIAS Porto, 29 de Abril, 2008 Dia Mundial da Energia 1 INTRODUÇÃO INTRODUÇÃO 2 INTRODUÇÃO Também no parque edificado sustentabilidade é um assunto

Leia mais

Master in Management for Human Resources Professionals

Master in Management for Human Resources Professionals Master in Management for Human Resources Professionals Em colaboração com: Master in Management for Human Resources Professionals Em colaboração com APG Um dos principais objectivos da Associação Portuguesa

Leia mais

MASTER EXECUTIVO GESTÃO ESTRATÉGICA

MASTER EXECUTIVO GESTÃO ESTRATÉGICA MASTER EXECUTIVO GESTÃO ESTRATÉGICA MASTER EXECUTIVO GESTÃO ESTRATÉGICA OBJETIVOS: promover competências pessoais específicas; disponibilizar ferramentas práticas de gestão de competências pessoais e profissionais;

Leia mais

UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA Centro Regional das Beiras Departamento de Economia, Gestão e Ciências Sociais

UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA Centro Regional das Beiras Departamento de Economia, Gestão e Ciências Sociais UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA Centro Regional das Beiras Departamento de Economia, Gestão e Ciências Sociais UNIDADE CURRICULAR Qualidade Total e Gestão das Operações MESTRADO Gestão Negócios ANO E

Leia mais

Sistemas de Informação Gerenciais

Sistemas de Informação Gerenciais Faculdade Pitágoras de Uberlândia Pós-graduação Sistemas de Informação Gerenciais Terceira aula Prof. Me. Walteno Martins Parreira Júnior www.waltenomartins.com.br waltenomartins@yahoo.com Maio -2013 Governança

Leia mais

MBA EM GESTÃO EMPRESARIAL. com ênfase em LOGÍSTICA EMPRESARIAL

MBA EM GESTÃO EMPRESARIAL. com ênfase em LOGÍSTICA EMPRESARIAL PÓS - GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO MBA EM GESTÃO EMPRESARIAL com ênfase em LOGÍSTICA EMPRESARIAL SIGA: TMBAGE Av. Conselheiro Nébias, 159 Bairro Paquetá Santos SP - CEP 11015-001 - Fone: (13) 3228

Leia mais

Oficina de Gestão de Portifólio

Oficina de Gestão de Portifólio Oficina de Gestão de Portifólio Alinhando ESTRATÉGIAS com PROJETOS através da GESTÃO DE PORTFÓLIO Gestão de portfólio de projetos pode ser definida como a arte e a ciência de aplicar um conjunto de conhecimentos,

Leia mais

CURSO DE GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO - BACHARELADO DATAS DOS EXAMES * 1º SEMESTRE CURRICULAR - NOTURNO

CURSO DE GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO - BACHARELADO DATAS DOS EXAMES * 1º SEMESTRE CURRICULAR - NOTURNO 1º SEMESTRE CURRICULAR - NOTURNO SALA 301 Contabilidade I Matemática Geral Fundamentos da Administração Estatística Leitura e Produção de Textos Contabilidade I Matemática Geral Fundamentos da Administração

Leia mais

PÓS - GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO MBA EXECUTIVO EM SAÚDE COM ÊNFASE NA GESTÃO DE CLÍNICAS E HOSPITAIS

PÓS - GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO MBA EXECUTIVO EM SAÚDE COM ÊNFASE NA GESTÃO DE CLÍNICAS E HOSPITAIS PÓS - GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO MBA EXECUTIVO EM SAÚDE COM ÊNFASE NA GESTÃO DE CLÍNICAS E HOSPITAIS 2016 SIGA: TMBAES*06/21 Al. Tocantins, 125 Alphaville Barueri SP CEP 06455-020 - Fone: (11)

Leia mais

O futuro da área de finanças Simplificação, eficiência e produtividade. Othon de Almeida 1 de julho de 2015

O futuro da área de finanças Simplificação, eficiência e produtividade. Othon de Almeida 1 de julho de 2015 O futuro da área de finanças Simplificação, eficiência e produtividade Othon de Almeida 1 de julho de 2015 Os desafios da área de finanças Os desafios da área de finanças em um ambiente competitivo Acompanhamento

Leia mais

Quando o assunto for pesquisa, inovação, educação e parcerias. Pense no Canadá Pense nas universidades canadenses

Quando o assunto for pesquisa, inovação, educação e parcerias. Pense no Canadá Pense nas universidades canadenses Pense no Canadá Pense nas universidades canadenses Quando o assunto for pesquisa, inovação, educação e parcerias Association of Universities and Colleges of Canada Pense no Canadá / Pense nas universidades

Leia mais

M B A P Ó S - G R A D U A Ç Ã O E S P E C I A L I Z A Ç Ã O E M G E S T Ã O E M P R E S A R I A L

M B A P Ó S - G R A D U A Ç Ã O E S P E C I A L I Z A Ç Ã O E M G E S T Ã O E M P R E S A R I A L depto. mkt. IBS FGV management CONVENIADA RESOLUÇÃO DO MEC Os cursos MBA Pós-Graduação Especialização da Fundação Getulio Vargas atendem aos requisitos da Resolução CNE / CES nº 01, de 08/06/07. Ascensão

Leia mais

PRODUTIVIDADE E INOVAÇÃO UMA QUESTÃO DE CAPACIDADE ORGANIZACIONAL

PRODUTIVIDADE E INOVAÇÃO UMA QUESTÃO DE CAPACIDADE ORGANIZACIONAL PRODUTIVIDADE E UMA QUESTÃO DE CAPACIDADE ORGANIZACIONAL 03/2014 Vários podem ser os geradores de necessidade de inovação e aumento de eficiência SOBREVIVÊNCIA VALORIZAÇÃO DA MARCA AUMENTO DE COMPETITIVIDADE

Leia mais

MBA EM GESTÃO DE SERVIÇOS E HOSPITALIDADE EM EMPREENDIMENTOS TURÍSTICOS E EVENTOS

MBA EM GESTÃO DE SERVIÇOS E HOSPITALIDADE EM EMPREENDIMENTOS TURÍSTICOS E EVENTOS MBA EM GESTÃO DE SERVIÇOS E HOSPITALIDADE EM EMPREENDIMENTOS TURÍSTICOS E EVENTOS O programa foi desenvolvido para capacitar o aluno a atuar no segmento Business de Turismo e Eventos, dando-lhe competências

Leia mais

CRONOGRAMA DE APRESENTAÇÃO DOS TRABALHOS CR3+2015 11.11.15

CRONOGRAMA DE APRESENTAÇÃO DOS TRABALHOS CR3+2015 11.11.15 Horários 13h30 às 15h30 11.11.15 13h30 às 15h30 SESSÃO 1: APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS Sala 1 Painel Estratégias e Horários Sala 2 - Painel Políticas Públicas e Práticas Sustentáveis P1 Consumo e Produção

Leia mais

Pós-Graduação Governança dos Negócios: Direito, Economia e Gestão

Pós-Graduação Governança dos Negócios: Direito, Economia e Gestão Pós-Graduação Governança dos Negócios: Direito, Economia e Gestão Turmas de Agosto de 2014 Início das Aulas: 18/08/2014 Termino das Aulas: 31/08/2015 Dias e horários das aulas: Segunda-Feira 18h30 às 22h30

Leia mais

O papel do CFO na estratégia corporativa

O papel do CFO na estratégia corporativa O papel do CFO na estratégia corporativa Paola Sardi Madueño, Diretora de Estratégia da Monitor Deloitte Dezembro 2014 Tendências globais (1/2) Embora com pesos diferentes, existem algumas tendências globais

Leia mais

PORTIFÓLIO DE CONSULTORIA E ASSESSORIA

PORTIFÓLIO DE CONSULTORIA E ASSESSORIA PORTIFÓLIO DE CONSULTORIA E ASSESSORIA SUMÁRIO DE PROJETOS WORKFLOW... 03 ALINHAMENTO ESTRATÉGICO... 04 IDENTIDADE CORPORATIVA... 04 GESTÃO DE COMPETÊNCIAS... 05 TREINAMENTO E DESENVOLVIMENTO... 05 REMUNERAÇÃO...

Leia mais

Dinâmicas de sustentabilidade organizacional através do mapeamento de valores: uma abordagem estratégica

Dinâmicas de sustentabilidade organizacional através do mapeamento de valores: uma abordagem estratégica Dinâmicas de sustentabilidade organizacional através do mapeamento de valores: uma abordagem estratégica Leonor Gaspar Pinto Comissão para a Cidadania e a Igualdade de Género Paula Ochôa Universidade Nova

Leia mais

UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA Centro Regional das Beiras Departamento de Economia, Gestão e Ciências Sociais

UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA Centro Regional das Beiras Departamento de Economia, Gestão e Ciências Sociais UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA Centro Regional das Beiras Departamento de Economia, Gestão e Ciências Sociais UNIDADE CURRICULAR Competitividade, Planeamento e Controlo nos Serviços de Saúde MESTRADO

Leia mais

Conceitos Básicos de Gestão de Projetos

Conceitos Básicos de Gestão de Projetos Administração Conceitos Básicos de Gestão de Projetos Luciano Venelli Costa Objetivos Diferenciar um de um processo. Compreender o ambiente que cerca os s. Identificar as fases do ciclo de vida de um.

Leia mais

Ferramentas para a Gestão da Sustentabilidade na Indústria da Mineração Mª Sulema Pioli ERM Brasil Ltda Setembro 2009

Ferramentas para a Gestão da Sustentabilidade na Indústria da Mineração Mª Sulema Pioli ERM Brasil Ltda Setembro 2009 Ferramentas para a Gestão da Sustentabilidade na Indústria da Mineração Mª Sulema Pioli ERM Brasil Ltda Setembro 2009 Conteúdo da apresentação Breve contexto Indutores da Gestão da Sustentabilidade Gestão

Leia mais

Ementas e bibliografia básica das disciplinas

Ementas e bibliografia básica das disciplinas Ementas e bibliografia básica das disciplinas Gestão do Conhecimento e Inteligência Competitiva (10h) Conceitos gerais de gestão do conhecimento Conceitos gerais de inteligência competitiva Ferramentas

Leia mais

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO MBA em Gestão Estratégica de Esportes

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO MBA em Gestão Estratégica de Esportes CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO MBA em Gestão Estratégica de Esportes Coordenação Acadêmica: Ana Ligia Nunes Finamor CÓDIGO: 1 OBJETIVO Desenvolver visão estratégica, possibilitando ao

Leia mais

Mais valias dos Relatórios de Sustentabilidade Um contributo da PT

Mais valias dos Relatórios de Sustentabilidade Um contributo da PT Mais valias dos Relatórios de Sustentabilidade Um contributo da PT A Responsabilidade Social Corporativa no Contexto da Internacionalização Abril, 2014 AGENDA QUEM SOMOS SUSTENTABILIDADE A IMPORTÂNCIA

Leia mais

PESQUISA EM GESTÃO, COMUNICAÇÃO E MARKETING NO ESPORTE. Ary José Rocco Jr. - GEPECOM Flávia da Cunha Bastos GEPAE

PESQUISA EM GESTÃO, COMUNICAÇÃO E MARKETING NO ESPORTE. Ary José Rocco Jr. - GEPECOM Flávia da Cunha Bastos GEPAE PESQUISA EM GESTÃO, COMUNICAÇÃO E MARKETING NO ESPORTE Ary José Rocco Jr. - GEPECOM Flávia da Cunha Bastos GEPAE maio 2015 Escola de Educação Física e Esporte Universidade de São Paulo AGENDA * A ÁREA

Leia mais

Competitividade Sustentável. Pesquisa e Desenvolvimento da Gestão e Inovação para a Sustentabilidade das Organizações

Competitividade Sustentável. Pesquisa e Desenvolvimento da Gestão e Inovação para a Sustentabilidade das Organizações Competitividade Sustentável Pesquisa e Desenvolvimento da Gestão e Inovação para a Sustentabilidade das Organizações A Origem do LACOS PGQP e PUCRS assinaram em 21 de novembro de 2011 um Protocolo de Intenções

Leia mais

a eficácia do ensino superior agrário português: realidade ou ficção?

a eficácia do ensino superior agrário português: realidade ou ficção? a eficácia do ensino superior agrário português: realidade ou ficção? António José Gonçalves Fernandes resumo: abstract: Keywords 9 A EFICÁCIA DO ENSINO SUPERIOR AGRÁRIO PORTUGUÊS: REALIDADE OU FICÇÃO?

Leia mais

Elementos das Organizações

Elementos das Organizações Elementos das Organizações > Teoria das Organizações > Teoria dos Sistemas (TGS) > Componentes das Organizações / Ambiente Recursos Estratégia Objectivos Estrutura Processos Regras Cultura Politica Pessoas

Leia mais

O desafio de aumentar o impacto da ciência brasileira

O desafio de aumentar o impacto da ciência brasileira O desafio de aumentar o impacto da ciência brasileira Carlos Henrique de Brito Cruz Diretor Científico FAPESP 23/05/2013 desafio-impacto-confap-20130522.pptx; C.H. Brito Cruz e Fapesp 1 Desafios para a

Leia mais

1º SEMESTRE 2º SEMESTRE

1º SEMESTRE 2º SEMESTRE 1º SEMESTRE 7ECO003 ECONOMIA DE EMPRESAS I Organização econômica e problemas econômicos. Demanda, oferta e elasticidade. Teoria do consumidor. Teoria da produção e da firma, estruturas e regulamento de

Leia mais

Eixo Temático: Estratégia e Internacionalização de Empresas SUSTENTABILIDADE E CADEIAS DE SUPRIMENTOS: QUAL A CONFIGURAÇÃO ATUAL?

Eixo Temático: Estratégia e Internacionalização de Empresas SUSTENTABILIDADE E CADEIAS DE SUPRIMENTOS: QUAL A CONFIGURAÇÃO ATUAL? Eixo Temático: Estratégia e Internacionalização de Empresas RESUMO SUSTENTABILIDADE E CADEIAS DE SUPRIMENTOS: QUAL A CONFIGURAÇÃO ATUAL? SUSTAINABILITY AND SUPPLY CHAIN: WHICH THE CURRENT CONFIGURATION?

Leia mais

2. As Empresas. Conteúdo

2. As Empresas. Conteúdo 2. As Empresas Conteúdo 1. Empresas 2. Características das Empresas 3. Rápida História das Organizações 4. Categoria de Empresas 5. Empresas Como Sistema Abertos 6. O Alinhamento Organizacional 7. Os Recursos

Leia mais

Como Garantir. o Retorno do Investimento. em Eventos Chave para a Empresa

Como Garantir. o Retorno do Investimento. em Eventos Chave para a Empresa A corporate guide to "live", Como Garantir "be alive" and o Retorno do Investimento "making a living" em Eventos Chave para a Empresa in The 21th Century Global World Índice global 1. Introdução Objectivo

Leia mais

Economia Verde: Redefinindo Desenvolvimento. Walter Figueiredo De Simoni Superintendente de Economia Verde Secretaria Estadual do Ambiente

Economia Verde: Redefinindo Desenvolvimento. Walter Figueiredo De Simoni Superintendente de Economia Verde Secretaria Estadual do Ambiente Economia Verde: Redefinindo Desenvolvimento Walter Figueiredo De Simoni Superintendente de Economia Verde Secretaria Estadual do Ambiente Houston, we have a problem Atual modelo de crescimento econômico

Leia mais

MÓDULO INTERNACIONAL

MÓDULO INTERNACIONAL MÓDULO INTERNACIONAL LONDON SCHOOL OF BUSINESS AND FINANCE WINTER BUSINESS SCHOOL ESTRUTURA DO CURSO Este curso é composto por quatro módulos Cada módulo pode ser cursado individualmente, ou em seqüência;

Leia mais

Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu em CONTROLADORIA DE MARKETING

Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu em CONTROLADORIA DE MARKETING Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu em CONTROLADORIA DE MARKETING Inscrições Abertas: Início das aulas: 24/08/2015 Término das aulas: 14/08/2016 Dias e horários das aulas: Segunda-Feira 18h30

Leia mais

M B A P Ó S - G R A D U A Ç Ã O E S P E C I A L I Z A Ç Ã O E M G E S T Ã O E M P R E S A R I A L * Programa sujeito a alterações

M B A P Ó S - G R A D U A Ç Ã O E S P E C I A L I Z A Ç Ã O E M G E S T Ã O E M P R E S A R I A L * Programa sujeito a alterações depto. mkt. IBE FGV * Programa sujeito a alterações RESOLUÇÃO DO MEC Os cursos MBA Pós-Graduação Especialização da Fundação Getulio Vargas atendem aos requisitos da Resolução CNE / CES nº 01, de 08/06/07.

Leia mais

Criando Processos de Negócio com Sucesso

Criando Processos de Negócio com Sucesso Criando de Negócio com Sucesso Professor Michael Rosemann, PhD, MBA Roger Tregear, Leonardo Consulting Business Process Management Group Disciplina de Sistemas da Informação Faculdade de Ciência e Tecnologa

Leia mais

01/12/2012 MEIO AMBIENTE E RESPONSABILIDADE SOCIAL. Guarantã do Norte/MT A SOCIEDADE ESTÁ EM TRANSFORMAÇÃO

01/12/2012 MEIO AMBIENTE E RESPONSABILIDADE SOCIAL. Guarantã do Norte/MT A SOCIEDADE ESTÁ EM TRANSFORMAÇÃO MEIO AMBIENTE E RESPONSABILIDADE SOCIAL Guarantã do Norte/MT A SOCIEDADE ESTÁ EM TRANSFORMAÇÃO TAREFAS ESTRUTURA PESSOAS AMBIENTE TECNOLOGIA ÊNFASE NAS TAREFAS Novos mercados e novos conhecimentos ÊNFASE

Leia mais

ACOMPANHAMENTO DE ALUNOS EGRESSOS DE ENGENHARIA DE MATERIAIS DA UPM

ACOMPANHAMENTO DE ALUNOS EGRESSOS DE ENGENHARIA DE MATERIAIS DA UPM Anais do XXXIV COBENGE. Passo Fundo: Ed. Universidade de Passo Fundo, Setembro de 2006. ISBN 85-7515-371-4 ACOMPANHAMENTO DE ALUNOS EGRESSOS DE ENGENHARIA DE MATERIAIS DA UPM Leila Figueiredo de Miranda

Leia mais

FACULDADE DE CIÊNCIAS HUMANA- ESUDA PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA E CONTROLADORIA

FACULDADE DE CIÊNCIAS HUMANA- ESUDA PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA E CONTROLADORIA FACULDADE DE CIÊNCIAS HUMANA- ESUDA PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA E CONTROLADORIA BALANCED SCORECARD: Uma ferramenta de gestão estratégica para empresa do ramo de consultoria contábil com foco

Leia mais

Color variant: Siemens White

Color variant: Siemens White 2º Forum da Responsabilidade Social das Organizações A Glocal Company Color variant: Siemens White Key Figures - Siemens Global Dados Gerais Americas 25% 22% 33% 101 19.1 96 Europe (excl. Germany) 27%

Leia mais

A Maturidade Organizacional em Gerenciamento de Projetos (OPM3 ) de Informática em Saúde

A Maturidade Organizacional em Gerenciamento de Projetos (OPM3 ) de Informática em Saúde A Maturidade Organizacional em Gerenciamento de Projetos (OPM3 ) de Informática em Saúde Luis Augusto dos Santos 1, Heimar de Fátima Marin 2 1 Engenheiro Eletricista, membro do NIEn e pós-graduando pela

Leia mais

José Galizia Tundisi tundisi@iie.com.br www.iie.com.br São Paulo, 25 de Março, 2015

José Galizia Tundisi tundisi@iie.com.br www.iie.com.br São Paulo, 25 de Março, 2015 José Galizia Tundisi tundisi@iie.com.br www.iie.com.br São Paulo, 25 de Março, 2015 SEGURANÇA HÍDRICA NÚMEROS GLOBAIS ACESSIBILIDADE UNESCO / JULHO 2014 Extensão de serviço à todos ainda inexistente.

Leia mais