O Cinturão de Kuiper

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "O Cinturão de Kuiper"

Transcrição

1 O Cinturão de Kuiper NetProf Figura 1 O 1.º objecto descoberto do cinturão de Kuiper, 1992 QB1 Os corpos menores do cinturão de Kuiper O cinturão de Kuiper é uma região em forma de disco achatado para além da órbita de Neptuno, entendendo-se entre 30 e 50 UA do Sol. Contém corpos congelados de pequenas dimensões e é considerado a fonte dos cometas de pequeno período. A sua existência foi proposta por Gerard P. Kuiper em 1951 sendo, na época, sugerida como uma região que se estendia entre 30 e 50 UA do Sol, provavelmente como resquícios da nebulosa primordial de onde se formou o sistema solar. Já em 1950, Jan Hendrik Oort havia concluído que nenhum cometa observado tinha uma órbita que indicasse que este viesse do espaço interestelar, que havia uma forte tendência para o afélio dos cometas de longo período, ou seja, o ponto em que o objecto (no caso o cometa) se encontra mais afastado do Sol, estivesse a uma distância de UA, e que não havia direcção preferencial de onde os cometas vinham. Oort propôs que os cometas se formam numa vasta nuvem muito para além do sistema solar (cerca de UA de diâmetro), a partir de então denominada nuvem de Oort. Infelizmente não existe evidência directa da existência desta nuvem. Pelo contrário, o cinturão de Kuiper é uma realidade. Existem milhares de pequenos corpos neste cinturão, alguns de grandes dimensões. Por volta de 1988, David Jewitt, da Universidade do Havai, e Jane Luu, das universidades de Califórnia e de Berkeley, começaram a procurar objectos do cinturão de Kuiper, com uma câmara CCD acoplada ao telescópio de 2,2 m da Universidade do Havai, no monte Mauna Kea, neste estado dos EUA. Após 5 anos de sistemáticas investigações encontraram o primeiro objecto, que seria designado de 1992 QB1. No entanto, as suas observações sobre este objecto só foram confirmadas em Julho de Anteriormente, estes mesmos investigadores tinham já encontrado outro, o 1993 FW, que foi o primeiro objecto confirmado do cinturão de Kuiper. Página 1 de 7

2 Figura 2 - Gerard P. Kuiper( ) Estudou a superfície da Lua, descobriu Miranda, Nereida e a atmosfera de Titã Figura 3 -Jan Hendrik Oort ( ) Descobriu a rotação diferencial da Galáxia e propôs a existência de uma vasta nuvem muito para além de Plutão, onde se formariam os cometas de grande período. Podem existir objectos para além das 50 UA de distância ao Sol, mas não se encontram nos limites de detecção. Sabemos que há objectos que têm a sua órbita entre Júpiter e Neptuno, denominados de Centauros, que se acreditam ser resquícios do cinturão de Kuiper. Entre eles está Chiron, um enorme asteróide com cerca de 170 km de diâmetro, que se tiver sua órbita perturbada conforme se aproxima do Sol será um cometa impressionante. Este asteróide tem sido acompanhado por vários astrónomos amadores em todo o mundo e os seus trabalhos têm sido aproveitados por profissionais. Mas esta é apenas uma entre as várias actividades realizadas hoje em dia pelos amantes da Astronomia e utilizados por profissionais. O que é necessário? 1.º - Uma câmara CCD acoplada ao telescópio. 2.º - Software para astrometria e fotometria. 3º - Muita experiência para trabalhar com (1) e (2)! Para adquirir esta experiência, devemos começar com objectos já estudados e conferir os nossos resultados com estes. No caso de Chiron, há vários sítios onde podemos conferir sua posição e brilho. Página 2 de 7

3 Figura 4 - Chiron, pelo astrónomo amador Giovanni dal Lago, 14/03/ 1996 telescópio: Celestron 11", f/3, Software: PC with Meade Epoch Cd, CCD: Starlight Xpress SXF Figura 5 - Chiron por Denis Bergeron, Val-des-bois, Quebec, Canadá, 16/06/95 telescópio: Meade SCT LX '' usando redutor para f/5.2, CCD: SBIG ST-6 Há pelo menos cerca de objectos trans-neptunianos com diâmetros maiores do que 100 km entre 30 e 50 UA do Sol. Alguns, com órbitas semelhantes às de Plutão, são denominados plutinos; cerca de 35 % dos objectos do cinturão de Kuiper são deste tipo. Quando dizemos que suas órbitas são semelhantes, queremos dizer que têm por exemplo excentricidade da órbita, inclinação, perihélio (ponto mais próximo da órbita do objecto do Sol) e afélio semelhantes. O maior conhecido é o 1996 TO66 com cerca de 800 km de diâmetro. Alguns investigadores acreditam que Tritão, Plutão e seu satélite Caronte são os maiores objectos do cinturão de Kuiper. Página 3 de 7

4 Os objectos do cinturão de Kuiper são muito ténues em brilho. A equipa de David Jewitt conduziu um trabalho onde determinou como a luz se comporta ao reflectir nestes objectos. Em linguagem técnica, diz-se que obteve o espectro da luz reflectida. A análise destes espectros indica-nos, por exemplo, a composição química do objecto, sendo utilizada para determinar a composição química da atmosfera estelar, de nebulosas e outros objectos. Figura 6 - Projecção plana do cinturão de Kuiper mostrando os planetas Júpiter(J) e Neptuno (N). O ponto em verde no centro é a posição do Sol. Página 4 de 7

5 Figura 7 - Foto original da descoberta de 1992 QB1, gentilmente cedida por David Jewitt. Página 5 de 7

6 Figura 8 Observatório Keck 1 em Mauna Kea, no Havai (EUA) Figura 9 Cúpula do telescópio Keck 1. Compare suas dimensões com a do homem. Página 6 de 7

7 Algumas actividades NetProf 1. Utilizando um motor de busca (por exemplo, o Google), procure mais informação sobre os seguintes temas: - CCD - Astrometria - Fotometria -Espectros - Telescópios - O que significa a razão f/d (foco pelo diâmetro) nos telescópios 2. Visite as seguintes páginas na Internet: Crédito das imagens Figura1 : Figura 2: Figura 3: Figura 6: Figura 7: Figura 8: Figura 9: Página 7 de 7

O Sistema Solar, a Galáxia e o Universo. Prof Miriani G. Pastoriza Dep de Astronomia, IF

O Sistema Solar, a Galáxia e o Universo. Prof Miriani G. Pastoriza Dep de Astronomia, IF O Sistema Solar, a Galáxia e o Universo Prof Miriani G. Pastoriza Dep de Astronomia, IF O Sistema Solar Matéria do Sis. Solar (%) Sol 99.85 Planetas 0.135 Cometas:0.01 Satélites Meteoróides Meio Interplanetario

Leia mais

ASTEROIDES. Daniela Araldi 1 Tina Andreolla 2

ASTEROIDES. Daniela Araldi 1 Tina Andreolla 2 ASTEROIDES Daniela Araldi 1 Tina Andreolla 2 Asteroides são pequenos objetos rochosos e metálicos com movimento próprio que se transitam no espaço; a grande maioria possui uma órbita situada entre as órbitas

Leia mais

Escola E. B. 2º e 3º ciclos do Paul. Trabalho elaborado por: Diana Vicente nº 9-7ºB No âmbito da disciplina de Ciências Naturais

Escola E. B. 2º e 3º ciclos do Paul. Trabalho elaborado por: Diana Vicente nº 9-7ºB No âmbito da disciplina de Ciências Naturais Escola E. B. 2º e 3º ciclos do Paul Trabalho elaborado por: Diana Vicente nº 9-7ºB No âmbito da disciplina de Ciências Naturais Introdução Formação do sistema solar Constituição * Sol * Os planetas * Os

Leia mais

EXOPLANETAS EIXO PRINCIPAL

EXOPLANETAS EIXO PRINCIPAL EXOPLANETAS Antes mesmo de eles serem detectados, poucos astrônomos duvidavam da existência de outros sistemas planetários além do Solar. Mas como detectar planetas fora do Sistema Solar? Às suas grandes

Leia mais

Mini-Curso Livre de Sistema 3Solar

Mini-Curso Livre de Sistema 3Solar Mini-Curso Livre de Sistema 3Solar Nuno Peixinho Grupo de Astrofísica da Universidade de Coimbra Observatório Astronómico da Universidade de Coimbra Departamento de Matemática Faculdade de Ciências e Tecnologia

Leia mais

ESSMF. Constituição. Biologia Geologia Sistema Solar. Pleiades. Estrela - Massa luminosa de plasma (gás ionizado).

ESSMF. Constituição. Biologia Geologia Sistema Solar. Pleiades. Estrela - Massa luminosa de plasma (gás ionizado). ESSMF Biologia Geologia Sistema Solar 1 Constituição Estrela - Massa luminosa de plasma (gás ionizado). Sol Alfa centauro Pleiades 2 Constituição Planetas - Corpo celeste que orbita à volta de uma estrela,

Leia mais

Plutão era um planeta, mas...

Plutão era um planeta, mas... Sistema Solar Plutão era um planeta, mas... Em termos científicos, não existe uma verdade absoluta. Como demonstrou o filósofo Karl Popper (1902-1994), a ciência só produz teorias falseáveis ou refutáveis,

Leia mais

Boa tarde a todos!! Sejam bem vindos a aula de Física!! Professor Luiz Fernando

Boa tarde a todos!! Sejam bem vindos a aula de Física!! Professor Luiz Fernando Boa tarde a todos!! Sejam bem vindos a aula de Física!! Professor Luiz Fernando Minha História Nome: Luiz Fernando Casado 24 anos Naturalidade: São José dos Campos Professor de Física e Matemática Formação:

Leia mais

E Plutão já não é planeta.

E Plutão já não é planeta. E Plutão já não é planeta. Nuno Peixinho Grupo de Astrofísica da Universidade de Coimbra Observatório Astronómico da Universidade de Coimbra Um Pouco de História A Descoberta de Neptuno Devido a perturbações

Leia mais

Universidade da Madeira. Sistema Solar. Grupo de Astronomia. Laurindo Sobrinho. 7 de dezembro de 2015. Image Credit: NASA/CXC/SAO

Universidade da Madeira. Sistema Solar. Grupo de Astronomia. Laurindo Sobrinho. 7 de dezembro de 2015. Image Credit: NASA/CXC/SAO Sistema Solar Laurindo Sobrinho 7 de dezembro de 2015 Image Credit: NASA/CXC/SAO 1 Planetas principais do Sistema Solar (são 8): Planetas rochosos (planetas interiores): Mercúrio Vénus Terra Marte Planetas

Leia mais

CIÊNCIAS PROVA 2º BIMESTRE 6º ANO PROJETO CIENTISTAS DO AMANHÃ

CIÊNCIAS PROVA 2º BIMESTRE 6º ANO PROJETO CIENTISTAS DO AMANHÃ PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO SUBSECRETARIA DE ENSINO COORDENADORIA DE EDUCAÇÃO CIÊNCIAS PROVA 2º BIMESTRE 6º ANO PROJETO CIENTISTAS DO AMANHÃ Prova elaborada

Leia mais

Descobrindo o Sistema Solar Denis E. Peixoto NASE, Brasil

Descobrindo o Sistema Solar Denis E. Peixoto NASE, Brasil Introdução Descobrindo o Sistema Solar Denis E. Peixoto NASE, Brasil Comumente, quando estudamos o Sistema Solar, nos deparamos com questões interessantes, tais como: quais os limites do nosso sistema

Leia mais

Estrutura da Terra Contributos para o seu conhecimento

Estrutura da Terra Contributos para o seu conhecimento Estrutura da Terra Contributos para o seu conhecimento O Sistema Solar Generalidades Origem do Sistema Solar A Teoria mais aceite para explicar a origem do Sistema Solar é a Teoria Nebular. Segundo esta

Leia mais

Autor: (C) Ángel Franco García. Ptolomeu e Copérnico. Os planetas do Sistema Solar. Os satélites. Atividades

Autor: (C) Ángel Franco García. Ptolomeu e Copérnico. Os planetas do Sistema Solar. Os satélites. Atividades Nesta página eu apenas traduzi podendo ter introduzido, retirado ou não alguns tópicos, inclusive nas simulações. A página original, que considero muito boa é: Autor: (C) Ángel Franco García O Sistema

Leia mais

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 1ª PROVA PARCIAL DE GEOGRAFIA Aluno(a): Nº Ano: 6º Turma: Data: 26/03/2011 Nota: Professora: Élida Valor da Prova: 50 pontos Assinatura do responsável: Orientações

Leia mais

15 O sistema solar e seus planetas

15 O sistema solar e seus planetas A U A UL LA Atenção O sistema solar e seus planetas Leia com atenção as notícias abaixo, que apareceram em jornais de diferentes épocas. ANO DE 1781 CIENTISTAS DESCOBREM NOVO PLANETA De há quase 2.000

Leia mais

Universidade Federal Fluminense

Universidade Federal Fluminense Universidade Federal Fluminense Curso de Formação continuada em Astronomia Para professores de Educação Básica Prof. Dr. Tibério Borges Vale Projeto de Extensão O uso da Astronomia como elemento didático

Leia mais

NEOA-JBS Núcleo de Estudo e Observação Astronômica José Brazilício de Souza Coordenação de Observações

NEOA-JBS Núcleo de Estudo e Observação Astronômica José Brazilício de Souza Coordenação de Observações NEOA-JBS Núcleo de Estudo e Observação Astronômica José Brazilício de Souza Coordenação de Observações Assunto: Asteroide 2014 RC Está prevista para a tarde do próximo domingo, 7 de setembro de 2014, a

Leia mais

Introdução à Astrofísica. As Leis de Kepler. eclipse.txt. Rogemar A. Riffel

Introdução à Astrofísica. As Leis de Kepler. eclipse.txt. Rogemar A. Riffel Introdução à Astrofísica As Leis de Kepler Rogemar A. Riffel Teoria heliocêntrica A Teoria Heliocêntrica conseguiu dar explicações mais simples e naturais para os fenômenos observados Movimento retrógrado

Leia mais

O Sistema Solar Revisto Thais Mothé-Diniz (Observatório Nacional) thaismothe@on.br e Jaime F. Villas da Rocha (UERJ) (roch@dft.if.uerj.

O Sistema Solar Revisto Thais Mothé-Diniz (Observatório Nacional) thaismothe@on.br e Jaime F. Villas da Rocha (UERJ) (roch@dft.if.uerj. O Sistema Solar Revisto Thais Mothé-Diniz (Observatório Nacional) thaismothe@on.br e Jaime F. Villas da Rocha (UERJ) (roch@dft.if.uerj.br) Recentes descobertas têm modificado nossa compreensão dos sistemas

Leia mais

PROF. RICARDO TEIXEIRA O UNIVERSO E O SISTEMA SOLAR

PROF. RICARDO TEIXEIRA O UNIVERSO E O SISTEMA SOLAR PROF. RICARDO TEIXEIRA O UNIVERSO E O SISTEMA SOLAR Teorias da origem do Universo O Universo É tudo que existe; é o conjunto formado pelos planetas, cometas, estrelas, galáxias, etc. Existem várias teorias

Leia mais

UNIDADE 2 MOVIMENTOS NO SISTEMA SOLAR Texto 1 Notas de aula (M. F. Barroso)

UNIDADE 2 MOVIMENTOS NO SISTEMA SOLAR Texto 1 Notas de aula (M. F. Barroso) UNIDADE MOVIMENTOS NO SISTEMA SOLAR Texto 1 Notas de aula (M. F. Barroso) O Sistema Solar A observação do mundo ao nosso redor constitui uma das atividades mais antigas da humanidade. Os movimentos do

Leia mais

TELESCÓPIOS EIXO PRINCIPAL

TELESCÓPIOS EIXO PRINCIPAL TELESCÓPIOS O telescópio é um aparato que coleta a luz e é a principal ferramenta de trabalho em Astronomia. A evolução do telescópio ao longo destes 4 séculos foi extraordinária e se confunde com a própria

Leia mais

Uma viagem da Terra às Estrelas.

Uma viagem da Terra às Estrelas. Uma viagem da Terra às Estrelas. Luís Cunha Depº de Física Universidade do Minho Júpiter e Io vistos da sonda Cassini Tópicos para a sessão 1 Primeira parte da sessão 1 a) As escalas do Cosmos unidades

Leia mais

Universidade da Madeira Estudo do Meio Físico-Natural I Astronomia Problemas propostos

Universidade da Madeira Estudo do Meio Físico-Natural I Astronomia Problemas propostos Universidade da Madeira Estudo do Meio Físico-Natural I Astronomia Problemas propostos J. L. G. Sobrinho 1,2 1 Centro de Ciências Exactas e da Engenharia, Universidade da Madeira 2 Grupo de Astronomia

Leia mais

4ºano Turma Mista. Autora: Beatriz Rodrigues

4ºano Turma Mista. Autora: Beatriz Rodrigues 4ºano Turma Mista O ESPAÇO Autora: Beatriz Rodrigues O que é e como é o Espaço? Os seres humanos chamam Espaço a tudo o que está fora da superfície e atmosfera terrestre. A maioria dos peritos acredita

Leia mais

Astrofotografia do sistema solar e objetos de fundo de céu

Astrofotografia do sistema solar e objetos de fundo de céu Astrofotografia do sistema solar e objetos de fundo de céu Jackson Rodrigues ALVES¹, Fabiana Almeida PINTO¹, Kamyla Espíndola Gibram REIS 2, Mayler MARTINS³ ¹Estudante de Licenciatura em Física, Bolsista

Leia mais

Universidade da Madeira. Sistema Solar. Grupo de Astronomia. Laurindo Sobrinho. 15 de dezembro de 2014. Image Credit: NASA/CXC/SAO

Universidade da Madeira. Sistema Solar. Grupo de Astronomia. Laurindo Sobrinho. 15 de dezembro de 2014. Image Credit: NASA/CXC/SAO Sistema Solar Laurindo Sobrinho 15 de dezembro de 2014 Image Credit: NASA/CXC/SAO 1 Planetas principais do Sistema Solar: Planetas rochosos (planetas interiores): Mercúrio Vénus Terra Marte Planetas gasosos

Leia mais

Docente: Prof. Doutor Ricardo Cunha Teixeira Discentes: Carlos Silva Sara Teixeira Vera Pimentel

Docente: Prof. Doutor Ricardo Cunha Teixeira Discentes: Carlos Silva Sara Teixeira Vera Pimentel Docente: Prof. Doutor Ricardo Cunha Teixeira Discentes: Carlos Silva Sara Teixeira Vera Pimentel Sem a Matemática, não poderia haver Astronomia; sem os recursos maravilhosos da Astronomia, seria completamente

Leia mais

METEOROLOGIA. Disciplina: Ciências Série: 5ª - 4º BIMESTRE Professor: Ivone Fonseca Assunto: Meteorologia e Astronomia

METEOROLOGIA. Disciplina: Ciências Série: 5ª - 4º BIMESTRE Professor: Ivone Fonseca Assunto: Meteorologia e Astronomia METEOROLOGIA Disciplina: Ciências Série: 5ª - 4º BIMESTRE Professor: Ivone Fonseca Assunto: Meteorologia e Astronomia A meteorologia (do grego meteoros, que significa elevado no ar, e logos, que significa

Leia mais

Astrofísica Geral. Tema 08: O Sistema Solar, parte 2

Astrofísica Geral. Tema 08: O Sistema Solar, parte 2 ma 08: O Sistema Solar, parte 2 Outline 1 Pequenos corpos do Sistema Solar Satélites Aneis Asteroides Meteoros Cometas Frequência de queda 2 Formação do Sistema Solar 3 Bibliografia 2 / 25 Outline 1 Pequenos

Leia mais

GEOLOGIA. Prof. Dr. Adilson Soares E- mail: adilson.soares@unifesp.br Site: www.geologia.wiki.br

GEOLOGIA. Prof. Dr. Adilson Soares E- mail: adilson.soares@unifesp.br Site: www.geologia.wiki.br GEOLOGIA Prof. Dr. Adilson Soares E- mail: adilson.soares@unifesp.br Site: www.geologia.wiki.br Origem do Universo e Sistema Solar Origem do Universo e Sistema Solar Teoria do Big Bang - o universo surgiu

Leia mais

Maqueta do Sistema Solar

Maqueta do Sistema Solar Projecto Com a Cabeça na Lua OASA - Observatório Astronómico de Santana Açores Maqueta do Sistema Solar Fundamentos teóricos Já vimos que o Universo se encontra povoado por milhões de galáxias, estando

Leia mais

Uma Visão Geral do Sistema Solar

Uma Visão Geral do Sistema Solar Uma Visão Geral do Sistema Solar DESCOBRINDO O SISTEMA SOLAR Desde os gregos: Sol 5 planetas: Mercúrio Vênus Marte Júpiter Saturno Cometas (visíveis por algumas semanas) Meteoros ou estrelas cadentes Uma

Leia mais

Universidade Federal Fluminense

Universidade Federal Fluminense Universidade Federal Fluminense Curso de Formação continuada em Astronomia Para professores de Educação Básica Prof. Dr. Tibério Borges Vale Projeto de Extensão O uso da Astronomia como elemento didático

Leia mais

Ciências Naturais 7º ano

Ciências Naturais 7º ano Veículos colocados em órbita da Terra, ou de outros corpos celestes, que permitem a investigação de inúmeros fenómenos no âmbito da Ciência, das telecomunicações, da meteorologia, da luta contra a poluição,

Leia mais

História... Esta Teoria permaneceu Oficial durante 13 Séculos!!

História... Esta Teoria permaneceu Oficial durante 13 Séculos!! Astronomia História... O modelo grego para explicar o movimento dos corpos celestes foi estabelecido no século IV a.c. Neste modelo a Terra estava no centro do universo e os outros planetas, Sol e Lua

Leia mais

Novas Descobertas sobre o Sistema Solar

Novas Descobertas sobre o Sistema Solar FIS 2009 Explorando o Universo: dos Quarks aos Quasares Novas Descobertas sobre o Sistema Solar Jorge Ricardo Ducati Departamento de Astronomia Universidade Federal do Rio Grande do Sul Planeta Terra:

Leia mais

Feito pela Professora Elizabete Soares. Disponibilizado especialmente para Resumos.tk

Feito pela Professora Elizabete Soares. Disponibilizado especialmente para Resumos.tk Feito pela Professora Elizabete Soares Disponibilizado especialmente para Resumos.tk Formação do Universo Teoria aceite: Big Bang Toda a matéria e corpos celestes se formaram a partir de uma massa inicial

Leia mais

Sociedade de Astronomia do Maranhão SAMA. Semana Nacional de Ciência e Tecnologia. Por que Plutão não é mais um planeta?

Sociedade de Astronomia do Maranhão SAMA. Semana Nacional de Ciência e Tecnologia. Por que Plutão não é mais um planeta? Sociedade de Astronomia do Maranhão SAMA Semana Nacional de Ciência e Tecnologia Por que Plutão não é mais um planeta? Carlos Eduardo Portela Serra de Castro 2011 Definições Estrela: 1 um corpo celeste

Leia mais

Escola Estadual Jerônimo Gueiros Professor (a) Supervisor (a): Ary Pereira Bolsistas: Ana Moser e Débora Leyse

Escola Estadual Jerônimo Gueiros Professor (a) Supervisor (a): Ary Pereira Bolsistas: Ana Moser e Débora Leyse Universidade Federal do Rio Grande do Norte Centro de Ciências Humanas Letras e Artes Departamento de Geografia Programa Institucional de Iniciação à docência (PIBID) Escola Estadual Jerônimo Gueiros Professor

Leia mais

Sistema Solar. Composição artísticas dos tamanhos e das distâncias relativas dos planetas do Sistem Solar.

Sistema Solar. Composição artísticas dos tamanhos e das distâncias relativas dos planetas do Sistem Solar. Sistema Solar Extraído de http://pt.wikipedia.org/wiki/sistema_solar Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre. (Redirecionado de Sistema solar) Sistema Solar Composição artísticas dos tamanhos e das distâncias

Leia mais

O Sistema Solar 11/12/2014. Unidade 2 O SISTEMA SOLAR. 1. Astros do Sistema Solar 2. Os planetas do Sistema Solar

O Sistema Solar 11/12/2014. Unidade 2 O SISTEMA SOLAR. 1. Astros do Sistema Solar 2. Os planetas do Sistema Solar Ciências Físico-químicas - 7º ano de escolaridade Unidade 2 O SISTEMA SOLAR O Sistema Solar 1. Astros do Sistema Solar 2. Os planetas do Sistema Solar 2 1 Competências a desenvolver: Caracterização do

Leia mais

Leis e Modelos Científicos

Leis e Modelos Científicos Leis e Modelos Científicos Pág 2 Antes de existir meios para desenvolver pesquisas em relação à Ciência, a maior parte dos seres humanos tinham a ideia de que o mundo apareceu devido a uma obra divina.

Leia mais

Considera-se que o Sistema Solar teve origem há cerca de 5 mil milhões de anos.

Considera-se que o Sistema Solar teve origem há cerca de 5 mil milhões de anos. 19 e 20 17/11/2011 Sumário Correção do TPC. Como se formou o Sistema Solar? Constituição do Sistema Solar. Os planetas do Sistema Solar. Principais características dos planetas do Sistema Solar. Outros

Leia mais

I Olimpíada Brasileira de Astronomia Brasil, 22 de agosto de 1998. Nível 1 GABARITO OFICIAL

I Olimpíada Brasileira de Astronomia Brasil, 22 de agosto de 1998. Nível 1 GABARITO OFICIAL I Olimpíada Brasileira de Astronomia Brasil, 22 de agosto de 1998. Nível 1 GABARITO OFICIAL Questão 1 a) (VALOR: 0,2 pts) Quais os planetas do Sistema Solar que têm sistema de anéis? R: Saturno, Júpiter,

Leia mais

ASTEROIDES. Daniela Araldi 1 Tina Andreolla 2

ASTEROIDES. Daniela Araldi 1 Tina Andreolla 2 ASTEROIDES Daniela Araldi 1 Tina Andreolla 2 Asteroides são pequenos objetos rochosos e metálicos com movimento próprio que se transitam no espaço; a grande maioria possui uma órbita situada entre as órbitas

Leia mais

Leis de Newton e Forças Gravitacionais

Leis de Newton e Forças Gravitacionais Introdução à Astronomia Leis de Newton e Forças Gravitacionais Rogério Riffel Leis de Newton http://www.astro.ufrgs.br/bib/newton.htm Newton era adepto das ideias de Galileo. Galileo: Um corpo que se move,

Leia mais

SISTEMA SOLAR TERRA, SOL E LUA

SISTEMA SOLAR TERRA, SOL E LUA SISTEMA SOLAR TERRA, SOL E LUA Apresentado por Thays Barreto Março de 2014 TERRA TERRA Terceiro planeta do Sistema Solar, pela ordem de afastamento do Sol; Diâmetro equatorial: 12.756 Km; Diâmetro polar:

Leia mais

5 as Olimpíadas Nacionais de Astronomia

5 as Olimpíadas Nacionais de Astronomia 5 as Olimpíadas Nacionais de Astronomia Prova da eliminatória regional 14 de Abril de 2010 15:00 Duração máxima 120 minutos Nota: Ler atentamente todas as questões. Existe uma tabela com dados no final

Leia mais

ison: cometa sem destino traçadoque vaipassarpertodosol Foi descoberto há pouco mais de um ano e corre o risco de se desintegrar P3O/31

ison: cometa sem destino traçadoque vaipassarpertodosol Foi descoberto há pouco mais de um ano e corre o risco de se desintegrar P3O/31 ison: cometa sem destino traçadoque vaipassarpertodosol Foi descoberto há pouco mais de um ano e corre o risco de se desintegrar P3O/31 Um cometa sem destino traçado O C/2012 SI, mais conhecido por ISON,

Leia mais

Numa era em que se investe todo o orçamento

Numa era em que se investe todo o orçamento >>Boletim do IGeoE N.º 71 Novembro 2009 A importância dos pequenos observatórios astronómicos na produção científica: o caso concreto do Observatório do IGeoE Introdução Numa era em que se investe todo

Leia mais

UNIDADE 2: ASTRONOMIA

UNIDADE 2: ASTRONOMIA UNIDADE 2: ASTRONOMIA ARISTÓTELES (384-322 a.c.) Afirmou que a Terra era redonda devido à sombra esférica deixada por ela durante o eclipse lunar. ERATÓSTENES (273-194 a.c.) Mediu a circunferência da Terra

Leia mais

Sistema Solar. Sistema de Ensino CNEC. 4 o ano Ensino Fundamental Data: / / Atividades de Ciências Nome:

Sistema Solar. Sistema de Ensino CNEC. 4 o ano Ensino Fundamental Data: / / Atividades de Ciências Nome: 4 o ano Ensino Fundamental Data: / / Atividades de Ciências Nome: Sistema Solar 1 o Mercúrio 5 o Júpiter 2 o Vênus 6 o Saturno 3 o Terra 7 o Urano 4 o Marte 8 o Netuno Com certeza você já deve ter ouvido

Leia mais

SIMULADOR DO SISTEMA SOLAR HU F 200/ NT4091

SIMULADOR DO SISTEMA SOLAR HU F 200/ NT4091 SIMULADOR DO SISTEMA SOLAR HU F 200/ NT4091 INTRODUÇÃO O simulador do Sistema Solar trata-se de um modelo tridimensional do nosso Sol e dos nove planetas. Foi concebido para dar ao aluno uma melhor compreensão

Leia mais

Sistema Solar: Planetas Externos. Emerson Penedo emersonpenedo42@gmail.com

Sistema Solar: Planetas Externos. Emerson Penedo emersonpenedo42@gmail.com Sistema Solar: Planetas Externos Emerson Penedo emersonpenedo42@gmail.com Planetas externos, planetas Jovianos ou ainda gigantes gasosos, são os planetas do Sistema Solar com órbitas mais externas que

Leia mais

INTRODUÇÃO À ASTRONOMIA SANDRO FERNANDES

INTRODUÇÃO À ASTRONOMIA SANDRO FERNANDES INTRODUÇÃO À ASTRONOMIA SANDRO FERNANDES O que é a Astronomia? É a ciência que estuda o universo, numa tentativa de perceber a sua estrutura e evolução. Histórico É a ciência mais antiga. Os registros

Leia mais

Introdução à Astrofísica. Telescópios. Rogemar A. Riffel

Introdução à Astrofísica. Telescópios. Rogemar A. Riffel Introdução à Astrofísica Telescópios Rogemar A. Riffel Telescópios Função: coletar a luz dos objetos, tornando possível o estudo de fontes muito fracas. Parâmetros fundamentais: Abertura da superfície

Leia mais

Expansão além. do Sistema Solar. Herschel, Laplace e Halley. Karenn Liège

Expansão além. do Sistema Solar. Herschel, Laplace e Halley. Karenn Liège Expansão além do Sistema Solar Herschel, Laplace e Halley Karenn Liège William Herschel Por volta de 1766, começou a estudar seriamente astronomia e matemática. Em 1781, mais precisamente no dia 13 de

Leia mais

Fundamentos de Astronomia e Astrofísica. Galáxias. Tibério B. Vale. http://astro.if.ufrgs.br/

Fundamentos de Astronomia e Astrofísica. Galáxias. Tibério B. Vale. http://astro.if.ufrgs.br/ Fundamentos de Astronomia e Astrofísica Galáxias Tibério B. Vale http://astro.if.ufrgs.br/ A descoberta das galáxias Kant (1755): hipótese dos "universos-ilha": a Via Láctea é apenas uma galáxia a mais

Leia mais

Procura de Planetas Extra-Solares

Procura de Planetas Extra-Solares Objectivos* Observação através do método de fotometria, planetas extra-solares. Público-alvo * Alunos do 12º Ano do ramo Científico-Natural. Introdução Este projecto foi levado a cabo por um grupo de 6

Leia mais

INSTITUTO DO EMPREGO E FORMAÇÃO PROFISSIONAL, I.P. Centro de Emprego e Formação Profissional da Guarda Curso: Técnico de Informática Sistemas

INSTITUTO DO EMPREGO E FORMAÇÃO PROFISSIONAL, I.P. Centro de Emprego e Formação Profissional da Guarda Curso: Técnico de Informática Sistemas INSTITUTO DO EMPREGO E FORMAÇÃO PROFISSIONAL, I.P. Centro de Emprego e Formação Profissional da Guarda Curso: Técnico de Informática Sistemas (EFA-S4A)-NS Formando: Igor Daniel Santos Saraiva Covilhã,

Leia mais

Aula Inaugural. Introdução à Astrofísica. Reinaldo R. de Carvalho (rrdecarvalho2008@gmail.com)

Aula Inaugural. Introdução à Astrofísica. Reinaldo R. de Carvalho (rrdecarvalho2008@gmail.com) Aula Inaugural Introdução à Astrofísica Reinaldo R. de Carvalho (rrdecarvalho2008@gmail.com) Livros recomendados:!! 1 - An Introduction to Modern Astrophysics, Bradley W. Carroll & Dale A. Ostlie, Second

Leia mais

Aula 10 - Sistema Solar: Corpos Menores.

Aula 10 - Sistema Solar: Corpos Menores. Aula 10 - Sistema Solar: Corpos Menores. Maria de Fátima Oliveira Saraiva, Kepler de Souza Oliveira Filho & Alexei Machado Müller Cometa NEAT (C/2001 Q4). Crédito: NASA Introdução Na aula passada fizemos

Leia mais

2.1 Astros do Sistema Solar

2.1 Astros do Sistema Solar 2.1 Astros do Sistema Solar 2.1 Astros do Sistema Solar Constituição do Sistema Solar Sol Planetas (e respetivos satélites) Asteroides Cometas Planetas anões Sol 2.1 Astros do Sistema Solar Constituição

Leia mais

Astronomia/Kepler. As hipóteses de Kepler [editar] Colaborações com Tycho Brahe [editar]

Astronomia/Kepler. As hipóteses de Kepler [editar] Colaborações com Tycho Brahe [editar] Astronomia/Kepler < Astronomia Astronomia Uma das importantes personagens da Astronomia foi Johannes Kepler.. Como muitos astrônomos de sua época, Kepler era também um astrólogo e uma de suas crenças fundamentais

Leia mais

Podemos considerar a elipse como uma circunferência achatada. Para indicar o maior ou menor achatamento, definimos a excentricidade:

Podemos considerar a elipse como uma circunferência achatada. Para indicar o maior ou menor achatamento, definimos a excentricidade: Leis de Kepler Considerando um referencial fixo no Sol, por efeito da lei da gravitação universal, o movimento dos planetas ao redor do Sol acontece segundo as três leis de Kepler. Na verdade, as leis

Leia mais

Planetas do Sistema Solar

Planetas do Sistema Solar Planetas do Sistema Solar Paulo Roberto - http://laboratoriodopaulo.blogspot.com A astronomia é uma experiência de humildade e formação de caráter. [Carl Sagan em O pálido ponto azul.] Planetas Internos

Leia mais

Planetas anões, asteroides e cometas

Planetas anões, asteroides e cometas Planetas anões, asteroides e cometas J. L. G. Sobrinho 1,2 1 Centro de Ciências Exactas e da Engenharia, Universidade da Madeira 2 Grupo de Astronomia da Universidade da Madeira Resumo Para além do Sol

Leia mais

Os Espantosos Planetas

Os Espantosos Planetas Grupo de Astronomia da Universidade da Madeira Os Espantosos Planetas Angelino Gonçalves Semana da Astronomia 23 de Julho de 2001 O Sistema Solar. O Sistema Solar é constituído pelo Sol, os nove planetas,

Leia mais

5 as Olimpíadas Nacionais de Astronomia

5 as Olimpíadas Nacionais de Astronomia 5 as Olimpíadas Nacionais de Astronomia Prova da eliminatória regional 14 de Abril de 2009 15:00 Duração máxima 120 minutos Nota: Ler atentamente todas as questões. Existe uma tabela com dados no final

Leia mais

As estações do ano acontecem por causa da inclinação do eixo da Terra em relação ao Sol. O movimento do nosso planeta em torno do Sol, dura um ano.

As estações do ano acontecem por causa da inclinação do eixo da Terra em relação ao Sol. O movimento do nosso planeta em torno do Sol, dura um ano. PROFESSORA NAIANE As estações do ano acontecem por causa da inclinação do eixo da Terra em relação ao Sol. O movimento do nosso planeta em torno do Sol, dura um ano. A este movimento dá-se o nome de movimento

Leia mais

Sistema Solar. Magda Stavinschi International Astronomical Union, Instituto Astronômico da Academia Romena (Bucarest, Romênia)

Sistema Solar. Magda Stavinschi International Astronomical Union, Instituto Astronômico da Academia Romena (Bucarest, Romênia) Magda Stavinschi International Astronomical Union, Instituto Astronômico da Academia Romena (Bucarest, Romênia) Resumo Sem dúvida, de tudo o que explanamos sobre o Universo, sistemas estelares, solares,

Leia mais

ENSINO FUNDAMENTAL - CIÊNCIAS 9ºANO- UNIDADE 3 - CAPÍTULO 1

ENSINO FUNDAMENTAL - CIÊNCIAS 9ºANO- UNIDADE 3 - CAPÍTULO 1 ENSINO FUNDAMENTAL - CIÊNCIAS 9ºANO- UNIDADE 3 - CAPÍTULO 1 questão 01. O que é Astrofísica? questão 02. O que são constelações? questão 03. Como era o calendário Lunar? questão 04. Qual era diferença

Leia mais

Sistema Solar. Uma introdução

Sistema Solar. Uma introdução Sistema Solar Uma introdução Via Láctea Recebeu este nome devido à sua aparência, que lembrava aos povos antigos um caminho esbranquiçado como leite. Sua parte mais brilhante fica na direção da constelação

Leia mais

Aula 04: Leis de Newton e Gravitação Tópico 05: Gravitação

Aula 04: Leis de Newton e Gravitação Tópico 05: Gravitação Aula 04: Leis de Newton e Gravitação Tópico 05: Gravitação Lei da Gravitação http://www.geocities.com/capecanaveral/hangar/6777/newton.html Era um tarde quente, no final do verão de 1666. Um homem jovem,

Leia mais

Astrofotografia do sistema solar

Astrofotografia do sistema solar Astrofotografia do sistema solar Jéssica de SOUZA ALVES 1 ; Mayler MARTINS 2 1 Estudante do curso Técnico em Informática Integrado ao Ensino Médio, Bolsista de Iniciação Científica Júnior (PIBICJr) FAPEMIG.

Leia mais

Planetas anões, asteroides e cometas

Planetas anões, asteroides e cometas Planetas anões, asteroides e cometas J. L. G. Sobrinho 1,2 1 Centro de Ciências Exactas e da Engenharia, Universidade da Madeira 2 Grupo de Astronomia da Universidade da Madeira 16 de Abril de 2013 Resumo

Leia mais

O novo Sistema Solar. Daniela Lazzaro Observatório Nacional

O novo Sistema Solar. Daniela Lazzaro Observatório Nacional O novo Sistema Solar Daniela Lazzaro Observatório Nacional Março - 2016 Em toda a história da humanidade existirá apenas uma geração que será a primeira a explorar o Sistema Solar. Uma geração para a qual

Leia mais

Atividade: Uma Viagem pelo Céu Autores: Laerte Sodré Jr., Raquel Y. Shida, Jane Gregorio-Hetem (IAG/USP)

Atividade: Uma Viagem pelo Céu Autores: Laerte Sodré Jr., Raquel Y. Shida, Jane Gregorio-Hetem (IAG/USP) Autores: Laerte Sodré Jr., Raquel Y. Shida, Jane Gregorio-Hetem (IAG/USP) Objetivo: Esta atividade, elaborada para o programa "Telescópios na Escola", é indicada para quem nunca observou antes com um telescópio

Leia mais

Elementos de Astronomia

Elementos de Astronomia Elementos de Astronomia Planetas Terrestres, Jovianos e Asteróides Rogemar A. Riffel O Sistema Solar Planetas SOL Planetas Anões Asteróides, cometas, satélites, anéis Planetas Terrestres: Mercúrio, Vênus

Leia mais

O tamanho, idade e conteúdo do Universo.

O tamanho, idade e conteúdo do Universo. O tamanho, idade e conteúdo do Universo. Sumário Nosso endereço cósmico Distâncias e tamanhos no universo: Sistema Solar Estrelas Galáxias Aglomerados de Galáxias Universo Tamanho e idade do Universo Conteúdo

Leia mais

Movimento Annual do Sol, Fases da Lua e Eclipses

Movimento Annual do Sol, Fases da Lua e Eclipses Movimento Annual do Sol, Fases da Lua e Eclipses FIS02010 Professora Ana Chies Santos IF/UFRGS https://anachiessantos.wordpress.com/ensino/fis02010/ Facebook #AstroUFRGS Relembrando... Sistemas de Coordenadas

Leia mais

Observações na antiguidade

Observações na antiguidade Júpiter Tunç Tezel (from The World at Night ) Observações na antiguidade Sendo um dos objectos mais brilhantes no céu à noite, Júpiter tem sido observado desde a antiguidade e esteve ligado às crenças

Leia mais

José Otávio e Adriano 2º ano A

José Otávio e Adriano 2º ano A José Otávio e Adriano 2º ano A Vênus é um planeta que faz parte do Sistema Solar. Está localizado entre os planetas Mercúrio e Terra. Tem esse nome em homenagem a Vênus (deusa do amor da mitologia romana).

Leia mais

Universidade Federal do Rio Grande do Sul Instituto de Física. Ensino de Astronomia Prof. Tibério Vale Roberta Collet

Universidade Federal do Rio Grande do Sul Instituto de Física. Ensino de Astronomia Prof. Tibério Vale Roberta Collet Universidade Federal do Rio Grande do Sul Instituto de Física Ensino de Astronomia Prof. Tibério Vale Roberta Collet O sistema solar De acordo com as observações astronômicas: órbitas dos planetas: coplanares,

Leia mais

Propriedades Planetas Sol Mercúrio Vênus Terra. O Sistema Solar. Introdução à Astronomia Fundamental. O Sistema Solar

Propriedades Planetas Sol Mercúrio Vênus Terra. O Sistema Solar. Introdução à Astronomia Fundamental. O Sistema Solar Introdução à Astronomia Fundamental Distribuição de Massa Sol: 99.85% Planetas: 0.135% Cometas: 0.01%? Satélites: 0.00005% Asteroides e Planetas Menores: 0.0000002%? Meteoróides: 0.0000001%? Meio Interplanetário:

Leia mais

O SISTEMA SOLAR REVISTO

O SISTEMA SOLAR REVISTO MAIS CIÊNCIA O SISTEMA SOLAR REVISTO Thais Mothé-Diniz Jaime F. Villas. da Rocha Recentes descobertas têm modificado nossa compreensão dos sistemas planetários, e a União Astronômica Internacional (UAI)

Leia mais

Unidades de distância

Unidades de distância Unidades de distância Terra 384.000 km ~1 s.l. 300.000 km/s Lua 150.000.000 km = 1 UA ~8,25 min.l. 9,5 trilhões de km 1 ano-luz = 1 a.l. = 63.240 UA Roberto Boczko Concepção artística que coloca cada figura

Leia mais

Aula 08 Sistema Solar

Aula 08 Sistema Solar Aula 08 Sistema Solar Hipótese de Laplace: como surgiu o sistema solar a partir da Nebulosa primordial. (1), (2) A conservação do momento angular requer que uma nuvem em rotação e em contração, deve girar

Leia mais

Andrei Olak Alves. Descrição de três tipos de sistemas ambientais

Andrei Olak Alves. Descrição de três tipos de sistemas ambientais Universidade do Estado do Rio de Janeiro Programa de Pós-Graduação em Meio Ambiente Doutorado Multidisciplinar Andrei Olak Alves Descrição de três tipos de sistemas ambientais Linha de Pesquisa: Construção

Leia mais

Astronomia à luz do dia

Astronomia à luz do dia Astronomia à luz do dia (Expresso: 16-05-1998) O Sol revela-nos as suas manchas e a Lua mostra-nos as suas crateras. Vénus e Júpiter estão ao nosso alcance. QUEM nunca observou o Sol através de um telescópio

Leia mais

TECNOLOGIAS DE MONITORAMENTO DE ASTERÓIDES

TECNOLOGIAS DE MONITORAMENTO DE ASTERÓIDES TECNOLOGIAS DE MONITORAMENTO DE ASTERÓIDES Tina Andreolla 1 Já era de se imaginar que o homem não descansaria. A NASA e a ESA são exemplos de agências espaciais financiadas por seus respectivos Estados

Leia mais

ESCOLA SALESIANA DE MANIQUE TESTE DE AVALIAÇÃO DE CIÊNCIAS FÍSICO-QUÍMICAS ANO LECTIVO 2010/2011

ESCOLA SALESIANA DE MANIQUE TESTE DE AVALIAÇÃO DE CIÊNCIAS FÍSICO-QUÍMICAS ANO LECTIVO 2010/2011 ESCOLA SALESIANA DE MANIQUE TESTE DE AVALIAÇÃO DE CIÊNCIAS FÍSICO-QUÍMICAS ANO LECTIVO 2010/2011 Nome: 7.º Ano Turma Nº: Encarregado de Educação: Classificação: Professor: 1. Observe a figura seguinte,

Leia mais

À procura de padrões

À procura de padrões Universidade dos Açores Departamento de Ciências da Educação Licenciatura de Educação Básica Aplicações da Matemática Ano letivo 2013/14 À procura de padrões Uma viagem pelo Universo Docente: Professor

Leia mais

OBSERVAÇÕES VISUAIS DO COMETA LEE (C/1999 H1)

OBSERVAÇÕES VISUAIS DO COMETA LEE (C/1999 H1) OBSERVAÇÕES VISUAIS DO COMETA LEE (C/1999 H1) Abstract: Visual observations on the Comet C/1999H1 (Lee) and general descriptions, including photometric parameters and physical characteristics. 1. Descoberta:

Leia mais

ESCOLA SALESIANA DE MANIQUE MATRIZ DO 5.º TESTE 2010/2011 CIÊNCIAS FÍSICO-QUÍMICAS 7.º ANO

ESCOLA SALESIANA DE MANIQUE MATRIZ DO 5.º TESTE 2010/2011 CIÊNCIAS FÍSICO-QUÍMICAS 7.º ANO ESCOLA SALESIANA DE MANIQUE MATRIZ DO 5.º TESTE 2010/2011 CIÊNCIAS FÍSICO-QUÍMICAS 7.º ANO TEMAS OBJECTIVOS DE APRENDIZAGEM COTAÇÃO ESTRUTURA CRITÉRIOS DE CORRECÇÃO Questão 1 Questão 1: 8% Tipo de questões:

Leia mais

XI CURSO DE INTRODUÇÃO À ASTRONOMIA

XI CURSO DE INTRODUÇÃO À ASTRONOMIA Plutão SAR - SOCIEDADE ASTRONÔMICA DO RECIFE XI CURSO DE INTRODUÇÃO À ASTRONOMIA INTRODUÇÃO TEÓRICA E OBSERVACIONAL R 1 Introdução Este curso destina-se a todas as pessoas interessadas por observações

Leia mais

ENSINANDO FÍSICA POR MEIO DE IMAGENS ASTRONÔMICAS André de Castro Milone (Divisão de Astrofísica, INPE) email: acmilone@das.inpe.

ENSINANDO FÍSICA POR MEIO DE IMAGENS ASTRONÔMICAS André de Castro Milone (Divisão de Astrofísica, INPE) email: acmilone@das.inpe. 1 ENSINANDO FÍSICA POR MEIO DE IMAGENS ASTRONÔMICAS André de Castro Milone (Divisão de Astrofísica, INPE) email: acmilone@das.inpe.br RESUMO O uso de recursos multimídia tem sido uma das alavancas motivadoras

Leia mais

Estrelas EIXO PRINCIPAL O SOL

Estrelas EIXO PRINCIPAL O SOL Estrelas EIXO PRINCIPAL O SOL O Sol, nossa fonte de luz e de vida, é a estrela mais próxima de nós e a que melhor conhecemos. O Sol é uma estrela comum. Basicamente, é uma enorme esfera de gás incandescente,

Leia mais