INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE"

Transcrição

1

2 Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva Ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão Paulo Bernardo Silva INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE Presidente Eduardo Pereira Nunes Diretor-Executivo Sérgio da Costa Côrtes ÓRGÃOS ESPECÍFICOS SINGULARES Diretoria de Pesquisas Wasmália Socorro Barata Bivar Diretoria de Geociências Luiz Paulo Souto Fortes Diretoria de Informática Paulo César Moraes Simões Centro de Documentação e Disseminação de Informações David Wu Tai Escola Nacional de Ciências Estatísticas Sérgio da Costa Côrtes (interino) UNIDADE RESPONSÁVEL Diretoria de Pesquisas Coordenação de Trabalho e Rendimento Marcia Maria Melo Quintslr

3 Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE Diretoria de Pesquisas Coordenação de Trabalho e Rendimento Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Características da vitimização e do acesso à justiça no Brasil 2009 Rio de Janeiro 2010

4 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE Av. Franklin Roosevelt, Centro Rio de Janeiro, RJ - Brasil ISBN (CD-ROM) ISBN (meio impresso) IBGE Elaboração do arquivo PDF Roberto Cavararo Produção de multimídia Marisa Sigolo Mendonça Márcia do Rosário Brauns Capa Helga Szpiz e Marcos Balster Fiore Correia - Coordenação de Marketing/Centro de Documentação e Disseminação de Informações - CDDI

5 Sumário Apresentação Introdução Notas técnicas Evolução histórica da pesquisa Principais alterações metodológica, conceitual e processual Alterações na operação de coleta e na apuração dos dados Comparabilidade dos resultados da série histórica Reponderação da série histórica Plano amostral Tamanho da amostra Vitimização e Justiça 2009 Aspectos sobre Vitimização e Justiça Vitimização Justiça Vitimização e Justiça 1988/2009 Tabelas de resultados 1 Vitimização e Justiça Dispositivos de segurança

6 Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Características da vitimização e do acesso à justiça no Brasil Domicílios particulares permanentes e distribuição dos domicílios particulares permanentes, por existência de dispositivo de segurança, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Domicílios particulares permanentes que tinham dispositivo de segurança, por tipo de dispositivo de segurança, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Percentual de domicílios com cada tipo de dispositivo de segurança, no total de domicílios particulares permanentes, por tipo de dispositivo de segurança, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Domicílios particulares permanentes, do tipo casa, e distribuição dos domicílios particulares permanentes, do tipo casa, por existência de dispositivo de segurança, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Domicílios particulares permanentes, do tipo casa, que tinham dispositivo de segurança, por tipo de dispositivo de segurança, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Percentual de domicílios com cada tipo de dispositivo de segurança, no total de domicílios particulares permanentes, do tipo casa, por tipo de dispositivo de segurança, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Domicílios particulares permanentes, do tipo apartamento, e distribuição dos domicílios particulares permanentes, do tipo apartamento, por existência de dispositivo de segurança, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Domicílios particulares permanentes, do tipo apartamento, que tinham dispositivo de segurança, por tipo de dispositivo de segurança, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Percentual de domicílios com cada tipo de dispositivo de segurança, no total de domicílios particulares permanentes, do tipo apartamento, por tipo de dispositivo de segurança, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação

7 Sumário Domicílios particulares permanentes e distribuição dos domicílios particulares permanentes, por existência de dispositivo de segurança, segundo a situação do domicílio, o tipo do domicílio, o número de moradores e as classes de rendimento mensal domiciliar per capita - Brasil Domicílios particulares permanentes que tinham dispositivo de segurança, por tipo de dispositivo de segurança, segundo a situação do domicílio, o tipo de domicílio, o número de moradores e as classes de rendimento mensal domiciliar per capita - Brasil Percentual de domicílios com cada tipo de dispositivo de segurança, no total de domicílios particulares permanentes, por tipo de dispositivo de segurança, segundo a situação do domicílio, o tipo de domicílio, o número de moradores e as classes de rendimento mensal domiciliar per capita - Brasil Vitimização Sensação de segurança Pessoas de 10 anos ou mais de idade, por sexo e cor ou raça, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade, por sexo e cor ou raça, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Pessoas de 10 anos ou mais de idade que se sentiam seguras na sua cidade, por sexo e cor ou raça, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que se sentiam seguras na sua cidade, por sexo e cor ou raça, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Percentual de pessoas que se sentiam seguras na sua cidade, na população de 10 anos ou mais de idade, por sexo e cor ou raça, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Pessoas de 10 anos ou mais de idade, por grupos de idade, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade, por grupos de idade, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação

8 Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Características da vitimização e do acesso à justiça no Brasil Pessoas de 10 anos ou mais de idade que se sentiam seguras na sua cidade, por grupos de idade, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que se sentiam seguras na sua cidade, por grupos de idade, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Percentual de pessoas que se sentiam seguras na sua cidade, na população de 10 anos ou mais de idade, por grupos de idade, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Pessoas de 10 anos ou mais de idade, por classes de rendimento mensal domiciliar per capita, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade, por classes de rendimento mensal domiciliar per capita, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Pessoas de 10 anos ou mais de idade que se sentiam seguras na sua cidade, por classes de rendimento mensal domiciliar per capita, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que se sentiam seguras na sua cidade, por classes de rendimento mensal domiciliar per capita, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Percentual de pessoas que se sentiam seguras na sua cidade, na população de 10 anos ou mais de idade, por classes de rendimento mensal domiciliar per capita, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Pessoas de 10 anos ou mais de idade que se sentiam seguras no seu domicílio, bairro e cidade, e percentual de pessoas que se sentiam seguras no seu domicílio, bairro e cidade, na população de 10 anos ou mais de idade, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Tentativa de roubo ou furto Pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de tentativa de roubo ou furto, no período de referência de 365 dias, por sexo e cor ou raça, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação

9 Sumário Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de tentativa de roubo ou furto, no período de referência de 365 dias, por sexo e cor ou raça, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Percentual de pessoas que foram vítimas de tentativa de roubo ou furto, no período de referência de 365 dias, na população de 10 anos ou mais de idade, por sexo e cor ou raça, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de tentativa de roubo ou furto, no período de referência de 365 dias, por grupos de idade, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de tentativa de roubo ou furto, no período de referência de 365 dias, por grupos de idade, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Percentual de pessoas que foram vítimas de tentativa de roubo ou furto, no período de referência de 365 dias, na população de 10 anos ou mais de idade, por grupos de idade, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de tentativa de roubo ou furto, no período de referência de 365 dias, por classes de rendimento mensal domiciliar per capita, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de tentativa de roubo ou furto, no período de referência de 365 dias, por classes de rendimento mensal domiciliar per capita, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Percentual de pessoas que foram vítimas de tentativa de roubo ou furto, no período de referência de 365 dias, na população de 10 anos ou mais de idade, por classes de rendimento per capita, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação

10 Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Características da vitimização e do acesso à justiça no Brasil Roubo ou furto Pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de roubo ou furto, no período de referência de 365 dias, por sexo e cor ou raça, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de roubo ou furto, no período de referência de 365 dias, por sexo e cor ou raça, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Percentual de pessoas que foram vítimas de roubo ou furto, no período de referência de 365 dias, na população de 10 anos ou mais de idade, por sexo e cor ou raça, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de roubo ou furto, no período de referência de 365 dias, por grupos de idade, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de roubo ou furto, no período de referência de 365 dias, por grupos de idade, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Percentual de pessoas que foram vítimas de roubo ou furto, no período de referência de 365 dias, na população de 10 anos ou mais de idade, por grupos de idade, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de roubo ou furto, no período de referência de 365 dias, por classes de rendimento mensal domiciliar per capita, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de roubo ou furto, no período de referência de 365 dias, por classes de rendimento mensal domiciliar per capita, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Percentual de pessoas que foram vítimas de roubo ou furto, no período de referência de 365 dias, na população de 10 anos ou mais de idade, por classes de rendimento mensal domiciliar per capita, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação

11 Sumário Roubo Pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de roubo, no período de referência de 365 dias, por sexo e cor ou raça, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de roubo, no período de referência de 365 dias, por sexo e cor ou raça, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Percentual de pessoas que foram vítimas de roubo, no período de referência de 365 dias, na população de 10 anos ou mais de idade, por sexo e cor ou raça, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de roubo, no período de referência de 365 dias, por grupos de idade, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de roubo, no período de referência de 365 dias, por grupos de idade, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Percentual de pessoas que foram vítimas de roubo, no período de referência de 365 dias, na população de 10 anos ou mais de idade, por grupos de idade, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de roubo, no período de referência de 365 dias, por classes de rendimento mensal domiciliar per capita, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de roubo, no período de referência de 365 dias, por classes de rendimento mensal domiciliar per capita, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Percentual de pessoas que foram vítimas de roubo, no período de referência de 365 dias, na população de 10 anos ou mais de idade, por classes de rendimento mensal domiciliar per capita, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação

12 Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Características da vitimização e do acesso à justiça no Brasil Pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de roubo, no período de referência de 365 dias, por tipo de bem roubado no último roubo, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Percentual de pessoas que foram roubadas de cada tipo de bem no último roubo, na população de 10 anos ou mais de idade que foi vítima de roubo, no período de referência de 365 dias, por tipo de bem roubado no último roubo, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de roubo, no período de referência de 365 dias, por local de ocorrência do último roubo, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de roubo, no período de referência de 365 dias, por local de ocorrência do último roubo, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de roubo, no período de referência de 365 dias, por procura pela polícia em decorrência do último roubo, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de roubo, no período de referência de 365 dias, por procura pela polícia em decorrência do último roubo, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Pessoas de 10 anos ou mais de idade que não procuraram a polícia em decorrência do último roubo que foram vítimas, no período de referência de 365 dias, por motivo de não terem procurado a polícia em decorrência do último roubo, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que não procuraram a polícia em decorrência do último roubo que foram vítimas, no período de referência de 365 dias, por motivo de não terem procurado a polícia em decorrência do último roubo, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Pessoas de 10 anos ou mais de idade que procuraram a polícia em decorrência do último roubo que foram vítimas, no período de referência de 365 dias, por realização do registro do último roubo na delegacia de polícia, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação

13 Sumário Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que procuraram a polícia em decorrência do último roubo que foram vítimas, no período de referência de 365 dias, por realização do registro do último roubo na delegacia de polícia, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de roubo, no período de referência de 365 dias, por tipo de bem roubado no último roubo, segundo o sexo, a cor ou raça, os grupos de idade, o nível de instrução e as classes de rendimento mensal domiciliar per capita - Brasil Percentual de pessoas que foram roubadas de cada tipo de bem no último roubo, na população de 10 anos ou mais de idade que foi vítima de roubo, no período de referência de 365 dias, por tipo de bem roubado no último roubo, segundo o sexo, a cor ou raça, os grupos de idade, o nível de instrução e as classes de rendimento mensal domiciliar per capita - Brasil Pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de roubo, no período de referência de 365 dias, por local de ocorrência do último roubo, segundo o sexo, a cor ou raça, os grupos de idade, o nível de instrução e as classes de rendimento mensal domiciliar per capita - Brasil Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de roubo, no período de referência de 365 dias, por local de ocorrência do último roubo, segundo o sexo, a cor ou raça, os grupos de idade, o nível de instrução e as classes de rendimento mensal domiciliar per capita - Brasil Pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de roubo, no período de referência de 365 dias, por motivo de não terem procurado a polícia em decorrência do último roubo, segundo o sexo, a cor ou raça, os grupos de idade, o nível de instrução e as classes de rendimento mensal domiciliar per capita - Brasil Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de roubo, no período de referência de 365 dias, por motivo de não terem procurado a polícia em decorrência do último roubo, segundo o sexo, a cor ou raça, os grupos de idade, o nível de instrução e as classes de rendimento mensal domiciliar per capita - Brasil Pessoas de 10 anos ou mais de idade que procuraram a polícia em decorrência do último roubo que foram vítimas, no período de referência de 365 dias, mas não fizeram registro do último roubo na delegacia de polícia, por motivo de não terem feito o registro do último roubo na delegacia de polícia, segundo o sexo, a cor ou raça, os grupos de idade e as classes de rendimento mensal domiciliar per capita - Brasil

14 Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Características da vitimização e do acesso à justiça no Brasil Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que procuraram a polícia em decorrência do último roubo que foram vítimas, no período de referência de 365 dias, mas não fizeram registro do último roubo na delegacia de polícia, por motivo de não terem feito o registro do último roubo na delegacia de polícia, segundo o sexo, a cor ou raça, os grupos de idade e as classes de rendimento mensal domiciliar per capita - Brasil Furto Pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de furto, no período de referência de 365 dias, por sexo e cor ou raça, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de furto, no período de referência de 365 dias, por sexo e cor ou raça, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Percentual de pessoas que foram vítimas de furto, no período de referência de 365 dias, na população de 10 anos ou mais de idade, por sexo e cor ou raça, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de furto, no período de referência de 365 dias, por grupos de idade, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de furto, no período de referência de 365 dias, por grupos de idade, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Percentual de pessoas que foram vítimas de furto, no período de referência de 365 dias, na população de 10 anos ou mais de idade, por grupos de idade, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de furto, no período de referência de 365 dias, por classes de rendimento mensal domiciliar per capita, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de furto, no período de referência de 365 dias, por classes de rendimento mensal domiciliar per capita, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação

15 Sumário Percentual de pessoas que foram vítimas de roubo, no período de referência de 365 dias, na população de 10 anos ou mais de idade, por classes de rendimento mensal domiciliar per capita, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de furto, no período de referência de 365 dias, por tipo de bem furtado no último furto, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Percentual de pessoas que foram furtadas de cada tipo de bem no último furto, na população de 10 anos ou mais de idade que foi vítima de furto, no período de referência de 365 dias, por tipo de bem furtado no último furto, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de furto, no período de referência de 365 dias, por local de ocorrência do último furto, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de furto, no período de referência de 365 dias, por local de ocorrência do último furto, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de furto, no período de referência de 365 dias, por procura pela polícia em decorrência do último furto, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de furto, no período de referência de 365 dias, por procura pela polícia em decorrência do último furto, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Pessoas de 10 anos ou mais de idade que não procuraram a polícia em decorrência do último furto que foram vítimas, no período de referência de 365 dias, por motivo de não terem procurado a polícia em decorrência do último furto, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que não procuraram a polícia em decorrência do último furto que foram vítimas, no período de referência de 365 dias, por motivo de não terem procurado a polícia em decorrência do último furto, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação

16 Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Características da vitimização e do acesso à justiça no Brasil Pessoas de 10 anos ou mais de idade que procuraram a polícia em decorrência do último furto que foram vítimas, no período de referência de 365 dias, por realização do registro do último furto na delegacia de polícia, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que procuraram a polícia em decorrência do último furto que foram vítimas, no período de referência de 365 dias, por realização do registro do último furto na delegacia de polícia, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de furto, no período de referência de 365 dias, por tipo de bem furtado no último furto, segundo o sexo, a cor ou raça, os grupos de idade, o nível de instrução e as classes de rendimento mensal domiciliar per capita - Brasil Percentual de pessoas que foram furtadas de cada tipo de bem no último furto, na população de 10 anos ou mais de idade que foi vítima de furto, no período de referência de 365 dias, por tipo de bem furtado no último furto, segundo o sexo, a cor ou raça, os grupos de idade, o nível de instrução e as classes de rendimento mensal domiciliar per capita - Brasil Pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de furto, no período de referência de 365 dias, por local de ocorrência do último furto, segundo o sexo, a cor ou raça, os grupos de idade, o nível de instrução e as classes de rendimento mensal domiciliar per capita - Brasil Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de furto, no período de referência de 365 dias, por local de ocorrência do último furto, segundo o sexo, a cor ou raça, os grupos de idade, o nível de instrução e as classes de rendimento mensal domiciliar per capita - Brasil Pessoas de 10 anos ou mais de idade que não procuraram a polícia em decorrência do último furto que foram vítimas, no período de referência de 365 dias, por motivo de não terem procurado a polícia em decorrência do último furto, segundo o sexo, a cor ou raça, os grupos de idade, o nível de instrução e as classes de rendimento mensal domiciliar per capita - Brasil Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que não procuraram a polícia em decorrência do último furto que foram vítimas,no período de referência de 365 dias, por motivo de não terem procurado a polícia em decorrência do último furto, segundo o sexo, a cor ou raça, os grupos de idade, o nível de instrução e as classes de rendimento mensal domiciliar per capita - Brasil

17 Sumário Pessoas de 10 anos ou mais de idade que procuraram a polícia em decorrência do último furto que foram vítimas, no período de referência de 365 dias, mas não fizeram registro do último furto na delegacia de polícia, por motivo de não terem feito o registro do último furto na delegacia de polícia, segundo o sexo, a cor ou raça, os grupos de idade e as classes de rendimento mensal domiciliar per capita - Brasil Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que procuraram a polícia em decorrência do último furto que foram vítimas, no período de referência de 365 dias, mas não fizeram registro do último furto na delegacia de polícia, por motivo de não terem feito o registro do último furto na delegacia de polícia, segundo o sexo, a cor ou raça, os grupos de idade e as classes de rendimento mensal domiciliar per capita - Brasil Agressão física Pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de agressão física, no período de referência de 365 dias, por sexo e cor ou raça, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de agressão física, no período de referência de 365 dias, por sexo e cor ou raça, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Percentual de pessoas que foram vítimas de agressão física, no período de referência de 365 dias, na população de 10 anos ou mais de idade, por sexo e cor ou raça, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de agressão física, no período de referência de 365 dias, por grupos de idade, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de agressão física, no período de referência de 365 dias, por grupos de idade, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Percentual de pessoas que foram vítimas de agressão física, no período de referência de 365 dias, na população de 10 anos ou mais de idade, por grupos de idade, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação

18 Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Características da vitimização e do acesso à justiça no Brasil Pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de agressão física, no período de referência de 365 dias, por classes de rendimento mensal domiciliar per capita, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de agressão física, no período de referência de 365 dias, por classes de rendimento mensal domiciliar per capita, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Percentual de pessoas que foram vítimas de agressão física, no período de referência de 365 dias, na população de 10 anos ou mais de idade, por classes de rendimento mensal domiciliar per capita, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de agressão física, no período de referência de 365 dias, por agressor na última agressão física, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de agressão física, no período de referência de 365 dias, por agressor na última agressão física, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de agressão física, no período de referência de 365 dias, por local de ocorrência da última agressão física, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de agressão física, no período de referência de 365 dias, por local de ocorrência da última agressão física, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de agressão física, no período de referência de 365 dias, por procura pela polícia em decorrência da última agressão física, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de agressão física, no período de referência de 365 dias, por procura pela polícia em decorrência da última agressão física, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação

19 Sumário Pessoas de 10 anos ou mais de idade que não procuraram a polícia em decorrência da última agressão física que foram vítimas, no período de referência de 365 dias, por motivo de não terem procurado a polícia em decorrência da última agressão física, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que não procuraram a polícia em decorrência da última agressão física que foram vítimas, no período de referência de 365 dias, por motivo de não terem procurado a polícia em decorrência da última agressão física, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Pessoas de 10 anos ou mais de idade que procuraram a polícia em decorrência da última agressão física que foram vítimas, no período de referência de 365 dias, por realização do registro da última agressão física na delegacia de polícia, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que procuraram a polícia em decorrência da última agressão física que foram vítimas, no período de referência de 365 dias, por realização do registro da última agressão física na delegacia de polícia, segundo a situação do domicílio, as Grandes Regiões e as Unidades da Federação Pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de agressão física, no período de referência de 365 dias, por agressor da última agressão física, segundo o sexo, a cor ou raça, os grupos de idade, o nível de instrução e as classes de rendimento mensal domiciliar per capita - Brasil Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de agressão física, no período de referência de 365 dias, por agressor da última agressão física, segundo o sexo, a cor ou raça, os grupos de idade, o nível de instrução e as classes de rendimento mensal domiciliar per capita - Brasil Pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de agressão física, no período de referência de 365 dias, por local de ocorrência da última agressão física, segundo o sexo, a cor ou raça, os grupos de idade, o nível de instrução e as classes de rendimento mensal domiciliar per capita - Brasil Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de agressão física, no período de referência de 365 dias, por local de ocorrência da última agressão física, segundo o sexo, a cor ou raça, os grupos de idade, o nível de instrução e as classes de rendimento mensal domiciliar per capita - Brasil

20 Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Características da vitimização e do acesso à justiça no Brasil Pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de agressão física, no período de referência de 365 dias, por motivo de não terem procurado a polícia em decorrência da última agressão física, segundo o sexo, a cor ou raça, os grupos de idade, o nível de instrução e as classes de rendimento mensal domiciliar per capita - Brasil Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que foram vítimas de agressão física, no período de referência de 365 dias, por motivo de não terem procurado a polícia em decorrência da última agressão física, segundo o sexo, a cor ou raça, os grupos de idade, o nível de instrução e as classes de rendimento mensal domiciliar per capita - Brasil Pessoas de 10 anos ou mais de idade que procuraram a polícia em decorrência da última agressão física que foram vítimas, no período de referência de 365 dias, mas não fizeram registro da última agressão física na delegacia de polícia, por motivo de não terem feito o registro da última agressão física na delegacia de polícia, segundo o sexo, a cor ou raça, os grupos de idade e as classes de rendimento mensal domiciliar per capita - Brasil Distribuição das pessoas de 10 anos ou mais de idade que procuraram a polícia em decorrência da última agressão física que foram vítimas, no período de referência de 365 dias, mas não fizeram registro da última agressão física na delegacia de polícia, por motivo de não terem feito o registro da última agressão física na delegacia de polícia, segundo o sexo, a cor ou raça, os grupos de idade e as classes de rendimento mensal domiciliar per capita - Brasil Justiça Pessoas de 18 anos ou mais de idade, por Grandes Regiões, segundo a situação do domicílio, o sexo, a cor ou raça, os grupos de idade, o nível de instrução e as classes de rendimento mensal domiciliar per capita Distribuição das pessoas de 18 anos ou mais de idade, por Grandes Regiões, segundo a situação do domicílio, o sexo, a cor ou raça, os grupos de idade, o nível de instrução e as classes de rendimento mensal domiciliar per capita Pessoas de 18 anos ou mais de idade que tiveram situação de conflito, no período de referência de 5 anos, por Grandes Regiões, segundo a situação do domicílio, o sexo, a cor ou raça, os grupos de idade, o nível de instrução e as classes de rendimento mensal domiciliar per capita

21 Sumário Distribuição das pessoas de 18 anos ou mais de idade que tiveram situação de conflito, no período de referência de 5 anos, por Grandes Regiões, segundo a situação do domicílio, o sexo, a cor ou raça, os grupos de idade, o nível de instrução e as classes de rendimento mensal domiciliar per capita Percentual de pessoas que tiveram situação de conflito, no período de referência de 5 anos, na população de 18 anos ou mais de idade, por Grandes Regiões, segundo a situação do domicílio, o sexo, a cor ou raça, os grupos de idade, o nível de instrução e as classes de rendimento mensal domiciliar per capita Pessoas de 18 anos ou mais de idade que tiveram situação de conflito, no período de referência de 5 anos, por Grandes Regiões, segundo a área da situação de conflito mais grave em que se envolveram Pessoas de 18 anos ou mais de idade que tiveram situação de conflito, no período de referência de 5 anos, por Grandes Regiões, segundo a busca de solução e a forma de buscar solução para a situação de conflito mais grave em que se envolveram Pessoas de 18 anos ou mais de idade que não procuraram a justiça para solucionar a situação de conflito mais grave em que se envolveram, no período de referência de 5 anos, por Grandes Regiões, segundo o principal motivo de não terem procurado a justiça Pessoas de 18 anos ou mais de idade que tiveram situação de conflito, no período de referência de 5 anos, por Grandes Regiões, segundo a existência de solução e o tempo decorrido desde o início até a solução da situação de conflito mais grave em que se envolveram Pessoas de 18 anos ou mais de idade que tiveram solução para a situação de conflito mais grave em que se envolveram, no período de referência de 5 anos, por Grandes Regiões, segundo o principal responsável pela solução do conflito Pessoas de 18 anos ou mais de idade que tiveram solução para a situação de conflito mais grave em que se envolveram, no período de referência de 5 anos, por principal responsável pela solução da situação de conflito, segundo a busca de solução e a forma de buscar solução para a situação de conflito mais grave em que se envolveram - Brasil Pessoas de 18 anos ou mais de idade que não tiveram solução para a situação de conflito mais grave em que se envolveram, no período de referência de 5 anos, por Grandes Regiões, segundo a busca de solução e a forma de buscar solução para a situação de conflito mais grave em que se envolveram

22 Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Características da vitimização e do acesso à justiça no Brasil Pessoas de 18 anos ou mais de idade que tiveram situação de conflito, no período de 5 anos, por existência de solução para a situação de conflito mais grave em que se envolveram, segundo a busca de solução e a forma de buscar solução para a situação de conflito mais grave em que se envolveram - Brasil Pessoas de 18 anos ou mais de idade que tiveram situação de conflito, no período de referência de 5 anos, por sexo, cor ou raça e grupos de idade, segundo as Unidades da Federação Distribuição das pessoas de 18 anos ou mais de idade que tiveram situação de conflito, no período de referência de 5 anos, por sexo, cor ou raça e grupos de idade, segundo as Unidades da Federação Percentual de pessoas que tiveram situação de conflito, no período de referência de 5 anos, na população de 18 anos ou mais de idade, por sexo, cor ou raça e grupos de idade, segundo as Unidades da Federação Pessoas de 18 anos ou mais de idade que tiveram situação de conflito, no período de referência de 5 anos, por classes de rendimento mensal domiciliar per capita, segundo as Unidades da Federação Distribuição das pessoas de 18 anos ou mais de idade que tiveram situação de conflito, no período de referência de 5 anos, por classes de rendimento mensal domiciliar per capita, segundo as Unidades da Federação Percentual de pessoas que tiveram situação de conflito, no período de referência de 5 anos, na população de 18 anos ou mais de idade, por classes de rendimento mensal domiciliar per capita, segundo as Unidades da Federação Pessoas de 18 anos ou mais de idade que tiveram situação de conflito, no período de referência de 5 anos, por área da situação de conflito mais grave em que se envolveram, segundo as Unidades da Federação Distribuição das pessoas de 18 anos ou mais de idade que tiveram situação de conflito, no período de referência de 5 anos, por área da situação de conflito mais grave em que se envolveram, segundo as Unidades da Federação Pessoas de 18 anos ou mais de idade que tiveram situação de conflito, no período de referência de 5 anos, por área da situação de conflito mais grave em que se envolveram, segundo a situação do domicílio, o sexo, a cor ou raça, os grupos de idade, o nível de instrução e as classes de rendimento mensal domiciliar per capita - Brasil

23 Sumário Distribuição das pessoas de 18 anos ou mais de idade que tiveram situação de conflito, no período de referência de 5 anos, por área da situação de conflito mais grave em que se envolveram, segundo a situação do domicílio, o sexo, a cor ou raça, os grupos de idade, o nível de instrução e as classes de rendimento mensal domiciliar per capita - Brasil Pessoas de 18 anos ou mais de idade que tiveram situação de conflito, no período de referência de 5 anos, por área da situação de conflito mais grave em que se envolveram, segundo a existência de solução e o tempo decorrido desde o início até a solução da situação de conflito mais grave em que se envolveram - Brasil Pessoas de 18 anos ou mais de idade que buscaram solução para a situação de conflito mais grave em que se envolveram, no período de referência de 5 anos, por forma de buscar solução para a situação de conflito mais grave em que se envolveram, segundo a situação do domicílio, o sexo, a cor ou raça, os grupos de idade, o nível de instrução e as classes de rendimento mensal domiciliar per capita - Brasil Distribuição das pessoas de 18 anos ou mais de idade que buscaram solução para a situação de conflito mais grave em que se envolveram, no período de referência de 5 anos, por forma de buscar solução para a situação de conflito mais grave em que se envolveram, segundo a situação do domicílio, o sexo, a cor ou raça, os grupos de idade, o nível de instrução e as classes de rendimento mensal domiciliar per capita - Brasil Pessoas de 18 anos ou mais de idade que buscaram solução para a situação de conflito mais grave em que se envolveram, no período de referência de 5 anos, por forma de buscar solução para a situação de conflito mais grave em que se envolveram, segundo a existência de solução e o tempo decorrido desde o início até a solução da situação de conflito mais grave em que se envolveram - Brasil Referências Anexo Grupamentos e divisões de atividade Glossário Convenções - Dado numérico igual a zero não resultante de arredondamento;.. Não se aplica dado numérico;... Dado numérico não disponível; x Dado numérico omitido a fim de evitar a individualização da informação; 0; 0,0; 0,00 Dado numérico igual a zero resultante de arredondamento de um dado numérico originalmente positivo; e -0; -0,0; -0,00 Dado numérico igual a zero resultante de arredondamento de um dado numérico originalmente negativo.

24 Apresentação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística IBGE, com a O presente publicação, divulga os resultados do levantamento suplementar Vitimização e Justiça, da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios PNAD 2009, que foi realizado por iniciativa do IBGE. Complementou essa ação Institucional, o convênio com o Conselho Nacional de Justiça CNJ que focalizou o tema justiça. Em 1988, o IBGE realizou também, em caráter suplementar, o levantamento Participação Político-Social, cujos resultados sobre os temas justiça e vitimização foram divulgados em um volume específico 1 e, desde então, não houve qualquer outra pesquisa sobre o tema com abrangência nacional. Assim, um aspecto importante do presente levantamento é se constituir em atualização de linha de base para dar suporte à compreensão desses fenômenos em nível nacional e da forma como afetam a vida da população brasileira. Em 2009, a pesquisa de vitimização buscou, com o maior detalhamento possível, traçar o perfil socioeconômico das vítimas de roubo, furto, agressão física e tentativa de furto ou roubo. Características relevantes dessas ocorrências criminais foram pesquisadas. Foram vistas, também, questões comportamentais, tais como a sensação de segurança e atitudes de prevenção da violência. No tema justiça, buscou-se conhecer os tipos de conflitos vivenciados pela população brasileira nos últimos cinco anos e como as pessoas tentaram resolvêlos. Nestes casos, buscou-se saber se houve acionamento do Poder Judiciário ou de instância alternativa. Além disso, foram objeto de 1 Os demais resultados desse levantamento suplementar foram divulgados em publicações distintas, organizadas segundo os temas: educação, meios de transporte, cadastro e associativismo; serviços domiciliares, mobilidade social, saúde, migração, religião e meios de comunicação.

25 Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Características da vitimização e do acesso à justiça no Brasil 2009 estudo os motivos que tenham desestimulado as pessoas a buscar a Justiça ou a procurar outros modos de solução. Apresenta-se, nesta publicação, a breve descrição da pesquisa, o plano de amostragem, a análise descritiva dos resultados, um conjunto de tabelas básicas e o glossário de termos e conceitos relacionados com informações obtidas em O CD-ROM que acompanha esta publicação contém todo o conteúdo do volume impresso e tabelas adicionais sobre todos os tópicos investigados nesta pesquisa suplementar, um conjunto de tabelas por região metropolitana e, também tabelas que apresentam resultados de Vitimização e Justiça, da Pesquisa Suplementar de Participação Político-Social da PNAD 1988, juntamente com resultados similares deste levantamento suplementar de Wasmália Bivar Diretora de Pesquisas

26 Introdução O sistema de pesquisas domiciliares, implantado progressivamente no Brasil a partir de 1967, com a criação da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios - PNAD, tem como finalidade a produção de informações básicas para o estudo do desenvolvimento socioeconômico do País. Trata-se de um sistema de pesquisas por amostra de domicílios que, por ter propósitos múltiplos, investiga diversas características socioeconômica e demográfica, umas de caráter permanente nas pesquisas, como as características gerais da população, de educação, trabalho, rendimento e habitação, e outras com periodicidade variável, como as características sobre migração, fecundidade, nupcialidade, saúde, segurança alimentar e outros temas que são incluídos no sistema de acordo com as necessidades de informação para o País. A PNAD 2009, cujos resultados básicos já foram divulgados, agregou duas investigações suplementares: Vitimização e Justiça, aqui divulgados, com os tópicos referentes à justiça definidos no âmbito da parceria com o Conselho Nacional de Justiça - CNJ e Segurança Alimentar, que foi, assim como a edição de 2004, realizada em parceria com o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome MDS. Esta última pesquisa suplementar também já foi divulgada. A PNAD teve início no segundo trimestre de 1967, sendo os seus resultados apresentados com periodicidade trimestral até o primeiro trimestre de A partir de 1971, os levantamentos passaram a ser anuais com realização no último trimestre. A PNAD foi interrompida para a realização dos Censos Demográficos 1970, 1980, 1991 e Em , foi levada a efeito

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva Ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão Paulo Bernardo Silva INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE Presidente Eduardo Pereira Nunes

Leia mais

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva Ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão Paulo Bernardo Silva INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE Presidente Eduardo Pereira Nunes

Leia mais

PESQUISA NACIONAL POR Amostra de domicílios IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

PESQUISA NACIONAL POR Amostra de domicílios IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística PESQUISA NACIONAL POR Amostra de domicílios T RABALHO I NFANTIL 2 0 0 1 IBGE Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva Ministro do Planejamento,

Leia mais

Acesso a Transferências de Renda de Programas Sociais

Acesso a Transferências de Renda de Programas Sociais Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE Diretoria de Pesquisas Coordenação detrabalho e Rendimento Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios

Leia mais

Acesso à internet e posse de telefone. óvel elular para so essoal

Acesso à internet e posse de telefone. óvel elular para so essoal p a esquisa n mostra de acional por d omicílios Acesso à internet e posse de telefone M C óvel elular para so essoal 2005 u p Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva Ministro do Planejamento,

Leia mais

Acesso à Internet e Posse de Telefone Móvel Celular para Uso Pessoal

Acesso à Internet e Posse de Telefone Móvel Celular para Uso Pessoal Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE Diretoria de Pesquisas Coordenação detrabalho e Rendimento Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios

Leia mais

Acesso à Internet e Posse de Telefone Móvel Celular para Uso Pessoal

Acesso à Internet e Posse de Telefone Móvel Celular para Uso Pessoal Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Instituto eiro de Geografia e Estatística - IBGE Diretoria de Pesquisas Coordenação de Trabalho e Rendimento Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Acesso

Leia mais

FUNDAÇÃO OSWALDO CRUZ - FIOCRUZ INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE. Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva

FUNDAÇÃO OSWALDO CRUZ - FIOCRUZ INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE. Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva Ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão Paulo Bernardo Silva Ministro da Saúde José Gomes Temporão Secretaria-Executiva Márcia Bassit Secretaria de

Leia mais

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva Ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão Paulo Bernardo Silva INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE Presidente Eduardo Pereira Nunes

Leia mais

Aspectos Complementares de Educação, Afazeres Domésticos e Trabalho Infantil

Aspectos Complementares de Educação, Afazeres Domésticos e Trabalho Infantil Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE Diretoria de Pesquisas Coordenação de Trabalho e Rendimento Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios

Leia mais

Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios - 2009

Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios - 2009 Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios - 2009 1 1 Rio de Janeiro, 15/12/2010 1 PNAD 2009 Segurança Alimentar Vitimização e Educação Trabalho Rendimento Fecundidade Tecnologia da Informação etc 2 153

Leia mais

Um Panorama da Saúde no Brasil

Um Panorama da Saúde no Brasil Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE Diretoria de Pesquisas Coordenação de Trabalho e Rendimento Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios

Leia mais

FUNDAÇÃO OSWALDO CRUZ - FIOCRUZ INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE. Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva

FUNDAÇÃO OSWALDO CRUZ - FIOCRUZ INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE. Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva Ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão Paulo Bernardo Silva Ministro da Saúde José Gomes Temporão Secretaria-Executiva Márcia Bassit Secretaria de

Leia mais

Acesso à Internet e à televisão e posse de telefone móvel celular para uso pessoal

Acesso à Internet e à televisão e posse de telefone móvel celular para uso pessoal Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Ministério das Comunicações Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios PNAD Suplementar 2013 Acesso à Internet e à televisão e posse de telefone móvel celular

Leia mais

Segurança Alimentar. Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome. Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão

Segurança Alimentar. Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome. Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão p a esquisa n mostra de acional por d omicílios Segurança Alimentar 2004 Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Presidente da República Luiz

Leia mais

IBGE. Ministério da Saúde. Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

IBGE. Ministério da Saúde. Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística p a esquisa n mostra de acional por d omicílios A cesso e u tilização de S erviços de s aúde 2003 Ministério da Saúde IBGE Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística Ministério do Planejamento, Orçamento

Leia mais

taxa Indicadores IBGE Pesquisa Mensal de Emprego Abril 2015 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE

taxa Indicadores IBGE Pesquisa Mensal de Emprego Abril 2015 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE taxa Indicadores IBGE Pesquisa Mensal de Emprego Abril 2015 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE Presidenta da República Dilma Rousseff Ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão Nelson

Leia mais

taxa Indicadores IBGE Pesquisa Mensal de Emprego Junho 2015 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE

taxa Indicadores IBGE Pesquisa Mensal de Emprego Junho 2015 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE taxa Indicadores IBGE Pesquisa Mensal de Emprego Junho 2015 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE Presidenta da República Dilma Rousseff Ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão Nelson

Leia mais

SÍNTESE DE INDICADORES SOCIAIS

SÍNTESE DE INDICADORES SOCIAIS ESTUDOS & pesquisas INFORMAÇÃO DEMOGRÁFICA E SOCIoeconômica 27 SÍNTESE DE INDICADORES SOCIAIS UMA ANÁLISE DAS condições de vida da população brasileira 2010 Presidente da República Luiz Inácio Lula da

Leia mais

Pnad: Um em cada cinco brasileiros é analfabeto funcional

Pnad: Um em cada cinco brasileiros é analfabeto funcional 08/09/2010-10h00 Pesquisa visitou mais de 150 mil domicílios em 2009 Do UOL Notícias A edição 2009 da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad), realizada pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia

Leia mais

As ações estratégicas relacionadas com a implementação do Sistema Integrado de Pesquisas Domiciliares - SIPD

As ações estratégicas relacionadas com a implementação do Sistema Integrado de Pesquisas Domiciliares - SIPD As ações estratégicas relacionadas com a implementação do Sistema Integrado de Pesquisas Domiciliares - SIPD 6o. Fórum do SIPD Rio de Janeiro, 10 de julho de 2009 SIPD - motivações O SIPD é a resposta

Leia mais

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva Ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão Paulo Bernardo Silva Ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome Márcia Helena Carvalho Lopes INSTITUTO

Leia mais

Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios

Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios IBGE Gustavo Leal Laboratório de Economia da UFJF Introdução O sistema de pesquisas domiciliares foi implantado progressivamente no Brasil, a partir de 1967,

Leia mais

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE Atlas de saneamento Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva Ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão Guido Mantega INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE Presidente Eduardo

Leia mais

Sistema Integrado de Pesquisas Domiciliares. 7o. Fórum do SIPD

Sistema Integrado de Pesquisas Domiciliares. 7o. Fórum do SIPD Informes gerais Sistema Integrado de Pesquisas Domiciliares SIPD 7o. Fórum do SIPD Rio de Janeiro, 14 de dezembro de 2009 SIPD resposta para as seguintes questões Como otimizar a aplicação dos recursos,

Leia mais

Sumário PNAD/SIMPOC 2001 Pontos importantes

Sumário PNAD/SIMPOC 2001 Pontos importantes Sumário PNAD/SIMPOC 2001 Pontos importantes Sistema de pesquisas domiciliares existe no Brasil desde 1967, com a criação da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios PNAD; Trata-se de um sistema de pesquisas

Leia mais

Pesquisa Mensal de Emprego Dezembro 2005

Pesquisa Mensal de Emprego Dezembro 2005 Indicadores IBGE Pesquisa Mensal de Emprego Dezembro 2005 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva Ministro de Estado do Planejamento, Orçamento

Leia mais

Sistema Integrado de Pesquisas Domiciliares SIPD. Oitavo fórum com usuários Rio de Janeiro, 09 de julho de 2010

Sistema Integrado de Pesquisas Domiciliares SIPD. Oitavo fórum com usuários Rio de Janeiro, 09 de julho de 2010 Sistema Integrado de Pesquisas Domiciliares SIPD Oitavo fórum com usuários Rio de Janeiro, 09 de julho de 2010 SIPD resposta para as seguintes questões Otimizar recursos frente à demanda crescente Assegurar

Leia mais

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva Ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão Paulo Bernardo Silva Ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome Márcia Helena Carvalho Lopes INSTITUTO

Leia mais

Indicadores IBGE Pesquisa Mensal de Emprego Março 2005

Indicadores IBGE Pesquisa Mensal de Emprego Março 2005 Indicadores IBGE Pesquisa Mensal de Emprego Março 2005 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva Ministro de Estado do Planejamento, Orçamento

Leia mais

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva Ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão Paulo Bernardo Silva INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE Presidente Eduardo Pereira Nunes

Leia mais

26/4/2012. Inquéritos Populacionais Informações em Saúde. Dados de Inquéritos Populacionais. Principais Características. Principais Características

26/4/2012. Inquéritos Populacionais Informações em Saúde. Dados de Inquéritos Populacionais. Principais Características. Principais Características Inquéritos Populacionais Informações em Saúde Dados de Inquéritos Populacionais Zilda Pereira da Silva Estudos de corte transversal, únicos ou periódicos, onde são coletadas informações das pessoas que

Leia mais

SÍNTESE DE INDICADORES SOCIAIS

SÍNTESE DE INDICADORES SOCIAIS ESTUDOS & pesquisas INFORMAÇÃO DEMOGRÁFICA E SOCIoeconômica 5 SÍNTESE DE INDICADORES SOCIAIS 2000 IBGE Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística Presidente da República Fernando Henrique Cardoso

Leia mais

Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios

Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE Diretoria de Pesquisas Coordenação de Trabalho e Rendimento Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios

Leia mais

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva Ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão Paulo Bernardo Silva INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE Presidente Eduardo Pereira Nunes

Leia mais

PNAD - Segurança Alimentar 2004 2009. Insegurança alimentar diminui, mas ainda atinge 30,2% dos domicílios brasileiros

PNAD - Segurança Alimentar 2004 2009. Insegurança alimentar diminui, mas ainda atinge 30,2% dos domicílios brasileiros 1 of 5 11/26/2010 2:57 PM Comunicação Social 26 de novembro de 2010 PNAD - Segurança Alimentar 2004 2009 Insegurança alimentar diminui, mas ainda atinge 30,2% dos domicílios brasileiros O número de domicílios

Leia mais

Censo Demográfico 2010. Trabalho e Rendimento Educação e Deslocamento

Censo Demográfico 2010. Trabalho e Rendimento Educação e Deslocamento Censo Demográfico 2010 Trabalho e Rendimento Educação e Deslocamento Rio de Janeiro, 19 de dezembro de 2012 As presentes publicações dão continuidade à divulgação dos resultados do Censo Demográfico 2010

Leia mais

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva Ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão Paulo Bernardo Silva INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE Presidente Eduardo Pereira Nunes

Leia mais

Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios PNAD 2011

Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios PNAD 2011 Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios PNAD 2011 Rio de Janeiro, 21/09/2012 1 Abrangência nacional Temas investigados: Características Características gerais dos moradores Educação Migração Trabalho

Leia mais

PROJEÇÃO DA POPULAÇÃO DO BRASIL PROJEÇÃO DA POPULAÇÃO DAS UNIDADES DA FEDERAÇÃO POR SEXO E IDADE PARA O PERÍODO 2000/2030

PROJEÇÃO DA POPULAÇÃO DO BRASIL PROJEÇÃO DA POPULAÇÃO DAS UNIDADES DA FEDERAÇÃO POR SEXO E IDADE PARA O PERÍODO 2000/2030 PROJEÇÃO DA POPULAÇÃO DO BRASIL POR SEXO E IDADE PARA O PERÍODO 2000/2060 PROJEÇÃO DA POPULAÇÃO DAS UNIDADES DA FEDERAÇÃO POR SEXO E IDADE PARA O PERÍODO 2000/2030 Agosto de 2013 1 Presidenta da República

Leia mais

Pesquisa de Orçamentos Familiares 2008-2009

Pesquisa de Orçamentos Familiares 2008-2009 Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE Diretoria de Pesquisas Coordenação detrabalho e Rendimento Pesquisa de Orçamentos Familiares 2008-2009

Leia mais

Censo Demográfico 2010. Características Gerais da População, Religião e Pessoas com Deficiência

Censo Demográfico 2010. Características Gerais da População, Religião e Pessoas com Deficiência Censo Demográfico 2010 Características Gerais da População, Religião e Pessoas com Deficiência Rio de Janeiro, 29 de junho de 2012 A presente publicação dá continuidade à divulgação dos resultados do Censo

Leia mais

IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística p esquisa n acional por a mostra de d omicílios s íntese de i ndicadores 2 0 0 9 IBGE Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva Ministro do Planejamento,

Leia mais

Tabagismo. Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios

Tabagismo. Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE Diretoria de Pesquisas Coordenação de Trabalho e Rendimento Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios

Leia mais

Esporte. Ministério do Esporte. Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão

Esporte. Ministério do Esporte. Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Esporte 2003 Ministério do Esporte Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva Ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão Paulo Bernardo Silva INSTITUTO

Leia mais

Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios

Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística IBGE Diretoria de Pesquisas Coordenação de Trabalho e Rendimento Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios

Leia mais

Pesquisa de 2002-2003. omiciliar. rasil e IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

Pesquisa de 2002-2003. omiciliar. rasil e IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística O Pesquisa de rçamentos F 2002-2003 amiliares a d quisição omiciliar a P limentar ER C APITA g b randes rasil e r egiões IBGE Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística Presidente da República Luiz

Leia mais

Tabagismo. Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios

Tabagismo. Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE Diretoria de Pesquisas Coordenação de Trabalho e Rendimento Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios

Leia mais

Pessoas com Deficiência nos Censos Demográficos Brasileiros

Pessoas com Deficiência nos Censos Demográficos Brasileiros Pessoas com Deficiência nos Censos Demográficos Brasileiros Alicia Bercovich IBGE VI Fórum Senado Debate Brasil Convenção da ONU sobre os direitos das pessoas com deficiência Painel 2: Quem são, onde estão,

Leia mais

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE Presidenta da República Dilma Rousseff Ministra do Planejamento, Orçamento e Gestão Miriam Belchior INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE Presidenta Wasmália Socorro Barata Bivar Diretor-Executivo

Leia mais

INCT Observatório das Metrópoles

INCT Observatório das Metrópoles INCT Observatório das Metrópoles INDICADORES SOCIAIS PARA AS REGIÕES METROPOLITANAS BRASILEIRAS: EXPLORANDO DADOS DE 2001 A 2009 Apresentação Equipe Responsável Luiz Cesar de Queiroz Ribeiro Marcelo Gomes

Leia mais

Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios: uma Análise de Indicadores de Educação e Rendimento no Brasil

Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios: uma Análise de Indicadores de Educação e Rendimento no Brasil Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios: uma Análise de Indicadores de Educação e Rendimento no Brasil Adriana Stankiewicz Juliana Ortigara INTRODUÇÃO A Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios

Leia mais

Censo Demográfico 2010. Resultados gerais da amostra

Censo Demográfico 2010. Resultados gerais da amostra Censo Demográfico 2010 Resultados gerais da amostra Rio de Janeiro, 27 de abril de 2012 População e distribuição relativa População e distribuição relativa (%) para o Brasil e as Grandes Regiões 2000/2010

Leia mais

Evolução demográfica 1950-2010

Evolução demográfica 1950-2010 Evolução demográfica 195-1 37 A estrutura etária da população brasileira em 1 reflete as mudanças ocorridas nos parâmetros demográficos a partir da segunda metade do século XX. Houve declínio rápido dos

Leia mais

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE Presidenta da República Dilma Rousseff Ministra do Planejamento, Orçamento e Gestão Miriam Belchior Ministro da Saúde Alexandre Padilha INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE Presidente

Leia mais

O Mercado de Trabalho nas Atividades Culturais no Brasil, 1992-2001

O Mercado de Trabalho nas Atividades Culturais no Brasil, 1992-2001 1 Ministério da Cultura Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA) Data de elaboração da ficha: Ago 2007 Dados das organizações: Nome: Ministério da Cultura (MinC) Endereço: Esplanada dos Ministérios,

Leia mais

Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios PNAD 2013. Lançamento da Coleta. Rio de Janeiro, 29/10/2013 1

Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios PNAD 2013. Lançamento da Coleta. Rio de Janeiro, 29/10/2013 1 Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios PNAD 2013 Lançamento da Coleta Rio de Janeiro, 29/10/2013 1 A Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios - PNAD investiga anualmente, de forma permanente: características

Leia mais

Pesquisa Mensal de Emprego

Pesquisa Mensal de Emprego Pesquisa Mensal de Emprego EVOLUÇÃO DO EMPREGO COM CARTEIRA DE TRABALHO ASSINADA 2003-2012 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE 2 Pesquisa Mensal de Emprego - PME I - Introdução A Pesquisa

Leia mais

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE Presidenta da República Dilma Rousseff Ministra do Planejamento, Orçamento e Gestão Miriam Belchior INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE Presidenta Wasmália Bivar Diretor-Executivo Fernando

Leia mais

Comentários. Programa saúde da família

Comentários. Programa saúde da família Comentários levantamento suplementar de saúde da Pesquisa Nacional por O Amostra de Domicílios PNAD 2008 trouxe informações detalhadas sobre a saúde da população residente em domicílios particulares no

Leia mais

O Policiamento Comunitário como Mecanismo de Promoção da Cidadania no Rio de Janeiro

O Policiamento Comunitário como Mecanismo de Promoção da Cidadania no Rio de Janeiro O Policiamento Comunitário como Mecanismo de Promoção da Cidadania no Rio de Janeiro Aluno: Gabriel Ferreira de Carvalho gabriel_fc.90@hotmail.com Orientador: Dr. Augusto César Pinheiro da Silva augustoc@puc-rio.br

Leia mais

Um país menos desigual: pobreza extrema cai a 2,8% da população Dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) foram divulgados pelo IBGE

Um país menos desigual: pobreza extrema cai a 2,8% da população Dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) foram divulgados pelo IBGE Um país menos desigual: pobreza extrema cai a 2,8% da população Dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) foram divulgados pelo IBGE Brasília, 7 A pobreza extrema no país caiu a 2,8%

Leia mais

Relatório da Pessoa Idosa

Relatório da Pessoa Idosa Relatório da Pessoa Idosa 2012 O Relatório da Pessoa Idosa 2012, com base nos dados de 2011, se destina à divulgação dos dados de criminalidade contra a pessoa idosa (idade igual ou superior a 60 anos),

Leia mais

Fernanda de Paula Ramos Conte Lílian Santos Marques Severino RESUMO:

Fernanda de Paula Ramos Conte Lílian Santos Marques Severino RESUMO: O Brasil e suas políticas sociais: características e consequências para com o desenvolvimento do país e para os agrupamentos sociais de nível de renda mais baixo nas duas últimas décadas RESUMO: Fernanda

Leia mais

pesquisa de esporte Ministério do Esporte Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão

pesquisa de esporte Ministério do Esporte Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão pesquisa de esporte 2003 Ministério do Esporte Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva Ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão Paulo Bernardo

Leia mais

Acesso à Internet e à televisão e posse de telefone móvel celular para uso pessoal

Acesso à Internet e à televisão e posse de telefone móvel celular para uso pessoal Diretoria de Pesquisas Departamento Acesso à Internet e à televisão e posse de telefone móvel celular para uso pessoal Data 06/04/16 Histórico INVESTIGAÇÃO DO TEMA TIC 2001... 2005 2008 2009 2011 2012

Leia mais

CECAD Consulta Extração Seleção de Informações do CADÚNICO. Caio Nakashima Março 2012

CECAD Consulta Extração Seleção de Informações do CADÚNICO. Caio Nakashima Março 2012 CECAD Consulta Extração Seleção de Informações do CADÚNICO Caio Nakashima Março 2012 Introdução O Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal é o principal instrumento de identificação e seleção

Leia mais

Histórico da transferência de renda com condicionalidades no Brasil

Histórico da transferência de renda com condicionalidades no Brasil Brasil População: 184 milhões habitantes Área: 8.514.215,3 km² República Federativa com 3 esferas de governo: Governo Federal, 26 estados, 1 Distrito Federal e 5.565 municípios População pobre: 11 milhões

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº, DE 2007. (Do Sr. José Guimarães)

PROJETO DE LEI Nº, DE 2007. (Do Sr. José Guimarães) PROJETO DE LEI Nº, DE 2007. (Do Sr. José Guimarães) Institui feriado nacional no dia 20 de novembro, Dia Nacional da Consciência Negra, data que lembra o dia em que foi assassinado, em 1695, o líder Zumbi,

Leia mais

Informes Gerais. e Comentários sobre a. PNAD Contínua Trabalho e Rendimento

Informes Gerais. e Comentários sobre a. PNAD Contínua Trabalho e Rendimento Informes Gerais e Comentários sobre a PNAD Contínua Trabalho e Rendimento 4º Fórum SIPD Rio de Janeiro 30 de junho de 2008 Informes gerais sobre as Pesquisas Domiciliares por Amostra Os fóruns do SIPD

Leia mais

2008-2009. Pesquisa de IBGE. ntropometria e. rianças, dolescentes e. Ministério da Saúde. Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão

2008-2009. Pesquisa de IBGE. ntropometria e. rianças, dolescentes e. Ministério da Saúde. Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão O Pesquisa de rçamentos F 2008-2009 amiliares a e a A ntropometria e stado de n c utricional rianças, dolescentes e dultos no B rasil Ministério da Saúde IBGE Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

Leia mais

RA Copacabana. Indicadores Rio Como Vamos

RA Copacabana. Indicadores Rio Como Vamos 3 RA Copacabana Indicadores Rio Como Vamos 1 CARACTERÍSTICAS DA POPULAÇÃO A Região Administrativa (RA) da Copacabana faz parte da Área de Planejamento 2. A Região Administrativa engloba os bairros Leme

Leia mais

São Paulo, 24 de novembro de 2005

São Paulo, 24 de novembro de 2005 São Paulo, 24 de novembro de 2005 CGI.br divulga indicadores inéditos sobre a internet no país Além de apresentar as pesquisas sobre penetração e uso da rede em domicílios e empresas, a entidade anuncia

Leia mais

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE Presidenta da República Dilma Rousseff Ministra do Planejamento, Orçamento e Gestão Miriam Belchior INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE Presidenta Wasmália Bivar Diretor-Executivo Nuno

Leia mais

PARÁ: O histórico do Ministério Público Paraense no enfrentamento à Violência contra a mulher

PARÁ: O histórico do Ministério Público Paraense no enfrentamento à Violência contra a mulher PARÁ: O histórico do Ministério Público Paraense no enfrentamento à Violência contra a mulher Lucinery Helena Resende Ferreira do Nascimento Túlio Carlos Souza Ortiz Desde o nascimento da Lei 11.340, em

Leia mais

TÓPICOS QUE ORIENTAM A JUSTIFICATIVA PARA A DEMANDA (PROINFÂNCIA, CONSTRUÇÃO DE QUADRA COBERTA E COBERTURA DE QUADRA EXISTENTE)

TÓPICOS QUE ORIENTAM A JUSTIFICATIVA PARA A DEMANDA (PROINFÂNCIA, CONSTRUÇÃO DE QUADRA COBERTA E COBERTURA DE QUADRA EXISTENTE) TÓPICOS QUE ORIENTAM A JUSTIFICATIVA PARA A DEMANDA (PROINFÂNCIA, CONSTRUÇÃO DE QUADRA COBERTA E COBERTURA DE QUADRA EXISTENTE) 1. Conceito Trata-se de elaboração de documento que busca demonstrar a necessidade

Leia mais

VOLUME 3. Projeção Demográfica; Projeção de Matrículas, Taxas de Atendimento e Taxas de Transição; Indicadores do Censo Escolar.

VOLUME 3. Projeção Demográfica; Projeção de Matrículas, Taxas de Atendimento e Taxas de Transição; Indicadores do Censo Escolar. VOLUME 3 Projeção Demográfica; Projeção de Matrículas, Taxas de Atendimento e Taxas de Transição; Indicadores do Censo Escolar. 69 PARTE I PROJEÇÃO DEMOGRÁFICA 70 1 Introdução A atualização de projeções

Leia mais

Informações em Saúde. Dados de Inquéritos. Zilda Pereira da Silva

Informações em Saúde. Dados de Inquéritos. Zilda Pereira da Silva Informações em Saúde Dados de Inquéritos Populacionais Zilda Pereira da Silva Inquéritos Populacionais Estudos de corte transversal, únicos ou periódicos, onde são coletadas informações das pessoas que

Leia mais

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE Presidenta da República Dilma Rousseff Ministra do Planejamento, Orçamento e Gestão Miriam Belchior INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE Presidenta Wasmália Bivar Diretor-Executivo Nuno

Leia mais

PNAD Contínua. Definições Conceituais

PNAD Contínua. Definições Conceituais PNAD Contínua Definições Conceituais 6º Fórum SIPD Rio de Janeiro 10 de julho de 2009 PNAD Contínua A PNAD Contínua é a Pesquisa que integra a PNAD e a PME Objetivos Produzir informações básicas para o

Leia mais

BOLETIM. Produto Interno Bruto paulista continua no patamar de um trilhão de reais

BOLETIM. Produto Interno Bruto paulista continua no patamar de um trilhão de reais patamar de um trilhão Em ano atípico, o PIB do Estado de São apresentou redução real em 2009, mas ampliou sua participação no PIB brasileiro. Em 2009, o PIB, calculado pela Fundação Seade em parceria com

Leia mais

Censo Demográfico 2010 Retratos do Brasil e do Piauí

Censo Demográfico 2010 Retratos do Brasil e do Piauí Censo Demográfico 2010 Retratos do Brasil e do Piauí Eduardo Pereira Nunes Presidente do IBGE Teresina, 12 de Agosto de 2011 Brasil Todos os domicílios residenciais particulares foram recenseados A coleta

Leia mais

PRINCIPAIS DESTAQUES DA EVOLUÇÃO DO MERCADO DE TRABALHO NAS SEIS REGIõES METROPOLITANAS ABRANGIDAS PELA PESQUISA MENSAL DE EMPREGO DO IBGE

PRINCIPAIS DESTAQUES DA EVOLUÇÃO DO MERCADO DE TRABALHO NAS SEIS REGIõES METROPOLITANAS ABRANGIDAS PELA PESQUISA MENSAL DE EMPREGO DO IBGE PRINCIPAIS DESTAQUES DA EVOLUÇÃO DO MERCADO DE TRABALHO NAS SEIS REGIõES METROPOLITANAS ABRANGIDAS PELA PESQUISA MENSAL DE EMPREGO DO IBGE (RECIFE, SALVADOR, BELO HORIZONTE, RIO DE JANEIRO, SÃO PAULO E

Leia mais

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva Ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão Paulo Bernardo Silva INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE Presidente Eduardo Pereira Nunes

Leia mais

Diretoria de Pesquisas. Pesquisa de Orçamentos Familiares 2008-2009. crianças, adolescentes e adultos no Brasil

Diretoria de Pesquisas. Pesquisa de Orçamentos Familiares 2008-2009. crianças, adolescentes e adultos no Brasil Diretoria de Pesquisas Coordenação de Trabalho e Rendimento Gerência da Pesquisa de Orçamentos Familiares Pesquisa de Orçamentos Familiares 2008-2009 Antropometria e estado nutricional de crianças, adolescentes

Leia mais

2ª Reunião da Comissão de Monitoramento Socioeconômico Fórum de Acompanhamento Social (FAS) da UHE Sinop. Sinop, 08 de Maio de 2015

2ª Reunião da Comissão de Monitoramento Socioeconômico Fórum de Acompanhamento Social (FAS) da UHE Sinop. Sinop, 08 de Maio de 2015 2ª Reunião da Comissão de Monitoramento Socioeconômico Fórum de Acompanhamento Social (FAS) da UHE Sinop Sinop, 08 de Maio de 2015 AGENDA 9h Boas vindas / Apresentação 9h15 - Exibição da Maquete Eletrônica

Leia mais

Pesquisa Mensal de Emprego PME. Algumas das principais características dos Trabalhadores Domésticos vis a vis a População Ocupada

Pesquisa Mensal de Emprego PME. Algumas das principais características dos Trabalhadores Domésticos vis a vis a População Ocupada Pesquisa Mensal de Emprego PME Algumas das principais características dos Trabalhadores Domésticos vis a vis a População Ocupada Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE Algumas das principais

Leia mais

Analise Preliminar do Teste da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua - 2009

Analise Preliminar do Teste da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua - 2009 Analise Preliminar do Teste da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua - 2009 Resultados sobre os temas: ü Próprio Consumo ü Trabalho Voluntário ü Afazeres Domésticos ü Cuidado de Pessoas

Leia mais

Pesquisa de Opinião Pública SEGURANÇA PÚBLICA. Janeiro/2015

Pesquisa de Opinião Pública SEGURANÇA PÚBLICA. Janeiro/2015 Pesquisa de Opinião Pública SEGURANÇA PÚBLICA Janeiro/2015 OBJETIVOS Objetivo Principal: Esta estudo teve como objetivo principal verificar e quantificar a opinião pública brasileira quanto ao tema Segurança

Leia mais

Sumário Executivo Pesquisa Quantitativa Regular. Edição n 05

Sumário Executivo Pesquisa Quantitativa Regular. Edição n 05 Sumário Executivo Pesquisa Quantitativa Regular Edição n 05 Junho de 2010 2 Sumário Executivo Pesquisa Quantitativa Regular Edição n 05 O objetivo geral deste estudo foi investigar as percepções gerais

Leia mais

A MULHER VÍTIMA DE VIOLÊNCIA DOMÉSTICA E FAMILIAR EM PONTA GROSSA: SUBSÍDIOS PARA O DEBATE

A MULHER VÍTIMA DE VIOLÊNCIA DOMÉSTICA E FAMILIAR EM PONTA GROSSA: SUBSÍDIOS PARA O DEBATE 11. CONEX Apresentação Oral Resumo Expandido 1 ÁREA TEMÁTICA: ( ) COMUNICAÇÃO ( ) CULTURA ( X ) DIREITOS HUMANOS E JUSTIÇA ( ) EDUCAÇÃO ( ) MEIO AMBIENTE ( ) SAÚDE ( ) TRABALHO ( ) TECNOLOGIA A MULHER

Leia mais

Economia do Turismo. Análise das atividades características do turismo 2003

Economia do Turismo. Análise das atividades características do turismo 2003 Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE Diretoria de Pesquisas Estudos e Pesquisas Informação Econômica número 5 Economia do Turismo Análise

Leia mais

rçamentos amiliares 2002-2003 nálise da isponibilidade omiciliar de limentos e do stado utricional no rasil IBGE

rçamentos amiliares 2002-2003 nálise da isponibilidade omiciliar de limentos e do stado utricional no rasil IBGE Pesquisa de O F rçamentos amiliares 2002-2003 a d d a e n b nálise da isponibilidade omiciliar de limentos e do stado utricional no rasil IBGE Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística Presidente

Leia mais

Sistema Integrado de Pesquisas Domiciliares SIPD

Sistema Integrado de Pesquisas Domiciliares SIPD Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística IBGE Diretoria de Pesquisas Coordenação de Trabalho e Rendimento Textos para discussão Diretoria de Pesquisas

Leia mais

MS divulga retrato do comportamento sexual do brasileiro

MS divulga retrato do comportamento sexual do brasileiro MS divulga retrato do comportamento sexual do brasileiro Notícias - 18/06/2009, às 13h08 Foram realizadas 8 mil entrevistas com homens e mulheres entre 15 e 64 anos. A análise das informações auxiliará

Leia mais

DIRETORIA DE PESQUISAS - DPE COORDENAÇÃO DE CONTAS NACIONAIS CONAC. Sistema de Contas Nacionais - Brasil Referência 2000. Nota Metodológica nº 18

DIRETORIA DE PESQUISAS - DPE COORDENAÇÃO DE CONTAS NACIONAIS CONAC. Sistema de Contas Nacionais - Brasil Referência 2000. Nota Metodológica nº 18 DIRETORIA DE PESQUISAS - DPE COORDENAÇÃO DE CONTAS NACIONAIS CONAC Sistema de Contas Nacionais - Brasil Referência 2000 Nota Metodológica nº 18 Aluguel de Imóveis (versão para informação e comentários)

Leia mais

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva Ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão Paulo Bernardo Silva INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE Presidente Eduardo Pereira Nunes

Leia mais

Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI)

Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI) Presidência da República Controladoria-Geral da União Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI) PROGRAMA DE ERRADICAÇÃO DO TRABALHO INFANTIL (PETI) O PETI é um programa do Governo Federal que

Leia mais

mhtml:file://e:\economia\ibge Síntese de Indicadores Sociais 2010.mht

mhtml:file://e:\economia\ibge Síntese de Indicadores Sociais 2010.mht Page 1 of 7 Comunicação Social 17 de setembro de 2010 Síntese de Indicadores Sociais 2010 SIS 2010: Mulheres mais escolarizadas são mães mais tarde e têm menos filhos Embora abaixo do nível de reposição

Leia mais

Quadro da desigualdade em São Paulo

Quadro da desigualdade em São Paulo Quadro da desigualdade em São Paulo CULTURA Acervo de livros infanto-juvenis das bibliotecas municipais per capita Número de livros infanto-juvenis disponíveis em acervos de bibliotecas e pontos de leitura

Leia mais