Considerando a pauta das reuniões do Comitê Transfusional do HSPE, apresentamos o protocolo de Reserva Cirúrgica de Sangue aprovado.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Considerando a pauta das reuniões do Comitê Transfusional do HSPE, apresentamos o protocolo de Reserva Cirúrgica de Sangue aprovado."

Transcrição

1 Considerando a pauta das reuniões do Comitê Transfusional do HSPE, apresentamos o protocolo de Reserva Cirúrgica de Sangue aprovado. O conhecimento e análise do consumo de hemocomponentes pelo paciente submetido a um procedimento cirúrgico são de fundamental importância para que o Banco de Sangue possa prover um serviço transfusional eficaz e seguro. Apresentamos uma lista de procedimentos cirúrgicos (tabela 1) publicada por outro Serviço*, atualizada para a rotina do HSPE, contendo a proposta de suas respectivas necessidades transfusionais. O cálculo foi baseado no índice de pacientes transfundidos (IPT) calculado para cada cirurgia (*Guia de Condutas Hemoterápicas do Hospital Sírio-Libanês 2 edição). IPT= nº de pacientes transfundidos x 100 nº de cirurgias realizadas tabela I Proposta de Reserva Cirúrgica de Sangue por procedimento Cirurgia Proposta Aneurisma Aorta Torácico 2 Aneurisma Aorta Abdominal 2 Aneurisma Aorta Abdominal Endoprótese 1 Aneurisma Aorta Abdominal Roto 4 Aneurisma Aorta Tóraco Abdominal 4 Aneurisma Aorta Tóraco Abdominal Roto 4 Aneurisma de subclávia (correção) Abdominoplastia 0 Adenoamidalectomia 0 Adrenalectomia Amputação de perna 1 Anastomose bileo digestiva Angioplastias (femural, ilíaca, poplítea, renal) Arteriografia Armada 0 Arteriografia cerebral 0 Artrodese de Coluna Artroplastia de Ombro 0 Artroplastia temporo mandibular 0 Artroplastia total joelho Atresia de Vias Biliares Biópsia de fêmur 0 Biópsia de mama com congelação 0 Biópsia de tumor cerebral 0 Biópsia Hepática por Vídeo Biópsia pulmonar a céu aberto Biópsia renal laparoscópica 0 Biópsia Vertebral 0 Broncoscopia rígida (com biópsia) 0 Cardíaca congênita 2 Cardíaca válvula 1 Cervicotomia exploradora

2 Cistectomia Parcial Cistectomia radical 1 Cistectomia radical + reservatório ileal 1 Cistolitotripsia aberta 0 Cistoprostatectomia 1 Cistoprostatectomia radical + neo bexiga ileal 1 Cistoscopia armada 0 Cistostomia 0 Colecistectomia Colectomia 1 Colectomia laparoscópica Colocação de duplo J 0 Colocação de perm-cath depende do paciente Colocação de porto-cath depende do paciente Colocação de Tenckhoff 0 Colpoperineorafia 0 Cordotomia 0 Correção de escoliose 0 Correção de eventração abdominal Correção de fistula anal 0 Correção de fístula vesico-vaginal 0 Correção de pectus escavado CPRE (colangiopancreatografia retrógrada endoscópica) 0 Cranioestenose 1 Cranioplastia Craniotomia para hematoma intra parenquimatoso 1 Craniotomia para hematoma subdural 1 Craniotomia para aneurisma 1 Craniotomia para tumor 1 Criptorquidia 0 Curetagem uterina 0 Decorticação pulmonar Derivação Ventricular Externa (DVE) 0 Desbridamento cutâneo com ou sem enxerto (queimados) 1 Descompressão de coluna cervical Descompressão de tunel do carpo 0 Divertículo uretral 0 Drenagem abscesso cerebral Drenagem pericárdio por vídeo 1 Duodenopancreatectomia 1 Derivação Ventrículo Peritoneal (DVP) 0 Embolectomia vascular/ Exploração arterial 1 Endarterectomia de carótida Enterectomia laparoscópica Enucleação de olho 0 Enucleação de tu renal Enxerto de pele 1 Enxerto ósseo 0

3 Enxerto vascular (femural, poplíteo, ilíaco) 1 Esofagectomia 1 Esofagogastrectomia 1 Esofagogastrofundoplicatura Esofagogastroplastia Esplenectomia Exerese de cisto de ovário 0 Exerese de nódulo de mama 0 Fechamento de ileostomia 0 Fístula arteriovenosa 0 Gastrectomia parcial Gastrectomia sub total 1 Gastrectomia total 1 Gastroenteroanastomose Gastroplastia 0 Gastroplastia com banda gástrica 0 Gastrostomia 0 Glossectomia Hemicolectomia 1 Hemipelvectomia 2 Hemorroidectomia 0 Hepatectomia 2 Hérnia abdominal incisional 0 Hérnia de hiato 0 Hérnia inguinal 0 Hipofisectomia transesfenoidal Histerectomia laparoscópica 0 Histerectomia Vaginal 0 Histerectomia Total Abdominal Implante de marcapasso 0 Laminectomia Laparoscopia diagnóstica Laparoscopia ginecológica 0 Laparotomia exploradora 1 Laparotomia ginecológica Laringectomia total Linfadectomia inguinal, ilíaca, pélvica 0 Linfadenectomia retroperitoneal Lipoaspiração 0 Lobectomia Lombotomia exploradora 0 Mamoplastia 0 Mandibulectomia Mastectomia Mastectomia radical Mastoidectomia 0 Mediastinoscopia 0 Miomectomia 0

4 Nefrectomia Nefrectomia radical Nefrolitotripsia 0 Nefrolitotomia percutânea 0 Nefrostomia percutânea 0 Nefroureterectomia Orquiectomia 0 Osteossíntese de acetábulo 1 Osteossíntese de fêmur 1 Osteossíntese de tíbia 1 Osteossínteses outras(úmero, coluna) 0 Osteotomia 0 Otoplastia 0 Pancreatectomia corpocaudal Paratireoidectomia 0 Parotidectomia 0 Pericardiectomia Perineoplastia 0 Pielografia percutânea 0 Pieloplastia 0 Piloroplastia laparoscópica 0 Pleuroscopia 0 Postectomia 0 Prostatectomia Prostatectomia radical Prótese de esôfago 0 Prótese de Thompson Prótese total de quadril 1 Quadrantectomia 0 Reimplante ureteral 0 Ressecção de costela Ressecção de nódulo hepático Ressecção de nódulo pulmonar Ressecção de nódulo de mama 0 Ressecção de tumor de mediastino Ressecção de tumor medular Ressecção de tumor de parede abdominal 0 Ressecção de tumor de pelve 1 Ressecção de tumor ósseo Ressecção de tumor de vagina e reto Ressecçao de tumor endobronquico Ressecção de tumor intra abdominal Ressecção de tumor nasal 0 Ressecção tumor vulva 0 Retirada extensa de tumor (qualquer sítio) 2 Retosigmoidectomia 2 Retosigmoidectomia laparoscópica Revascularização de miocárdio 2

5 Revisão de prótese total de joelho Revisão de prótese total de quadril 2 Rinoplastia 0 Ressecção transureteral de bexiga Ressecção transureteral de próstata Safenectomia 0 Segmentectomia pulmonar Setorectomia de mama 0 Simpatectomia torácica, lombar 0 Talamotomia Timectomia Tireodectomia Toracofrenolaparotomia 1 Toracotomia exploradora 1 Toracoscopia Transplante de fígado doador Transplante de fígado receptor 2 Transplante de rim doador Transplante de rim receptor 1 Tunel da próstata 0 Ureterolitotripsia 0 Uretrocistopexia 0 Uretroplastia 0 Uretrotomia interna 0 Vaginectomia Varizes bilateral 0 Vasectomia 0 Vertebroplastia 0 Vulvectomia 0 = sem necessidade de preparo hemoterápico = envio de pedido para a realização de tipagem sanguínea (testes pré-transfusionais) 1, 2 ou 4 = envio de pedido para a reserva da quantidade proposta de acordo com o procedimento OBS: OBRIGATORIAMENTE, todos os pedidos de reserva cirúrgica devem conter o nome, data e horário do procedimento, e o valor do hemograma pré-operatório do paciente; Independentemente da proposta de reserva apresentada na tabela, todos os pedidos enviados ao Banco de Sangue terão, no mínimo, os testes pré-transfusionais realizados; 1. A tabela apresentada é válida para os pacientes nas condições abaixo**: a. Hb 10g/dl b. Testes pré-transfusionais normais

6 2. Se a hemoglobina Pré/Perioperatória estiver abaixo de 10g/dl, a proposta de reserva aumentará conforme esquema abaixo**: a. Se HB 8,5 Hb< 9,9 reserva de +01CH b. Se Hb<8,5 reserva de +02CH 3. Se testes pré-transfusionais alterados: a. Avaliação do médico hemoterapêuta de acordo com o pedido do cirurgião. ATENÇÃO**: Até os anos 80, mesmo depois da publicação das diretrizes do Instituto Nacional de Saúde (National Institute of Health Consensus Conference on Perioperative Blood Transfusion) e das diretrizes do Colégio de Clínicos americanos (American College of Physicians Guideline) orientando a uma prática transfusional não-focada em limiares laboratoriais, mas direcionada às necessidades fisiológicas e clínicas individualizadas, a maioria dos anestesiologistas prescreviam transfusões para atingir um valor de hemoglobina pré-operatório 100g/l. (Ministério da Saúde - Guia para o uso de hemocomponentes 2008) O velho conceito de se transfundir hemácias para se atingir uma hemoglobina maior que 10g/dl e um hematócrito maior que 30% antes da cirurgia NÃO se aplica mais. A evidência atual sugere que um gatilho transfusional mais conservador pode ser usado na maioria dos pacientes. Guidelines atuais da Sociedade Americana de Anestesiologia recomendam transfusão com o nível de hemoglobina menor que 6g/dl e que a transfusão é raramente necessária quando esse nível for maior do que 10g/dl. Quando a hemoglobina estiver entre 6 e 10g/dl, os guidelines preconizam que a transfusão deve ser baseada em critérios clinico-laboratoriais como a presença de isquemia de órgão, risco de sangramento, estado do volume intravascular, susceptibilidade para complicações advindas da hipoxemia (Anesthesiology Clin 2009;27: )

PROTOCOLO DE RESERVAS CIRÚRGICAS

PROTOCOLO DE RESERVAS CIRÚRGICAS PROTOCOLO DE RESERVAS CIRÚRGICAS PROTOCOLO DE RESERVAS CIRÚRGICAS Protocolo de máxima utilização de sangue. Baseado no histórico transfusional de todos os procedimentos cirúrgicos realizados no HUWC de

Leia mais

ORIENTAÇÕES PARA RESERVA CIRÚRGICA DE HEMOCOMPONENTES

ORIENTAÇÕES PARA RESERVA CIRÚRGICA DE HEMOCOMPONENTES ORIENTAÇÕES PARA RESERVA CIRÚRGICA DE HEMOCOMPONENTES O conhecimento e análise do consumo de hemocomponentes pelo paciente submetido à intervenção cirúrgica são de fundamental importância para que o Hemocentro

Leia mais

RESOLUÇÃO CNRM N.º 07, 05 de setembro de 2006 (*)

RESOLUÇÃO CNRM N.º 07, 05 de setembro de 2006 (*) RESOLUÇÃO CNRM N.º 07, 05 de setembro de 2006 (*) Dispõe sobre a duração do programa de Residência Médica de Cancerologia/Cirúrgica e seu conteúdo programático O Presidente da Comissão Nacional de Residência

Leia mais

MANUAL DE ANTIBIOTICOPROFILAXIA CIRÚRGICA

MANUAL DE ANTIBIOTICOPROFILAXIA CIRÚRGICA MANUAL DE ANTIBIOTICOPROFILAXIA CIRÚRGICA manual.indd 1 Serviço de Controle de Infecção Hospitalar SCIH Índice Parâmetros para Antibióticoprofilaxia Cirúrgica... Cirurgia Cardíaca... Cirurgia de Cabeça

Leia mais

UNIMED COSTA DO SOL. Nº Cód.Tab Cód.UCS DESCRIÇÃO vlr tx video

UNIMED COSTA DO SOL. Nº Cód.Tab Cód.UCS DESCRIÇÃO vlr tx video UNIMED COSTA DO SOL Nº Cód.Tab Cód.UCS DESCRIÇÃO vlr tx video 1 31005454 88010001 ABSCESSO HEPÁTICO - DRENAGEM CIRÚRGICA POR 163,24 2 30735033 88010002 ACROMIOPLASTIA 194,35 3 30205271 88010003 ADENOIDECTOMIA

Leia mais

TABELA DE HONORÁRIOS CIRÚRGICOS

TABELA DE HONORÁRIOS CIRÚRGICOS 1 TABELA DE HONORÁRIOS CIRÚRGICOS Relação adotada entre peso e porte dos pacientes (P, M, G, Gigante). COD. PROCEDIMENTO VALOR (R$) 1. CIRURGIA 1 Caudectomia terapêutica adulto pequeno 200,00 2 Caudectomia

Leia mais

Tabela de Procedimentos. 1 de 65

Tabela de Procedimentos. 1 de 65 31000002 Cirurgia múltipla - - - - 0 0 0 99 N 31001017 Nefropexia 351,81 155,98 37,24 545,03 293 4 0 99 S 31001025 Tratamento cirúrgico de fistulas ureterais 331,42 145,25 31,02 507,69 274 5 0 99 S 31001033

Leia mais

ANEXO I. Quantidade Máxima: 1 Media Permanência: 5 Pontos: 275

ANEXO I. Quantidade Máxima: 1 Media Permanência: 5 Pontos: 275 ANEXO I PROCEDIMENTOS CIRÚRGICOS ONCOLÓGICOS INCLUÍDOS 0415020050 - PROCEDIMENTOS SEQUENCIAIS EM ONCOLOGIA Descrição São atos cirúrgicos com vínculo de continuidade, interdependência e complementaridade,

Leia mais

RESOLUÇÃO CREMERJ Nº 218/2006

RESOLUÇÃO CREMERJ Nº 218/2006 RESOLUÇÃO CREMERJ Nº 218/2006 Aprova os procedimentos urológicos em concordância com o disposto na Resolução CREMERJ nº 215/2006. O CONSELHO REGIONAL DE MEDICINA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO, no uso das

Leia mais

COMITÊ TRANSFUSIONAL MULTIDISCIPLINAR

COMITÊ TRANSFUSIONAL MULTIDISCIPLINAR COMITÊ TRANSFUSIONAL MULTIDISCIPLINAR PADRONIZAÇÃO PARA UTILIZAÇÃO DE SANGUE E HEMOCOMPONENTES NO HOSPITAL DAS CLÍNICAS DA FACULDADE DE MEDICINA DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO Comitê Transfusional - Presidente:

Leia mais

TERMINOLOGIA CIRÚRGICA. Prefixos da terminologia cirúrgica e seus significados

TERMINOLOGIA CIRÚRGICA. Prefixos da terminologia cirúrgica e seus significados TERMINOLOGIA CIRÚRGICA Essa terminologia é formada por prefixos, que designam a parte do corpo relacionada à cirurgia, e por sufixos, que indicam o ato cirúrgico referente. Prefixos da terminologia cirúrgica

Leia mais

PACIENTES AGUARDANDO CIRURGIA UROLOGIA

PACIENTES AGUARDANDO CIRURGIA UROLOGIA PACIENTES AGUARDANDO CIRURGIA UROLOGIA NA 1 24/03/2009 RTU DE PRÓSTATA 898-002-372-489-358 2 19/05/2009 RTU DE PRÓSTATA 201-020-664-630-007 3 06/07/2009 RTU DE PRÓSTATA 4 06/07/2009 RTU DE PRÓSTATA 206-277-959-480-001

Leia mais

8:00 Horas Sessão de Temas Livres concorrendo a Premiação. 8:30 8:45 INTERVALO VISITA AOS EXPOSITORES E PATROCINADORES.

8:00 Horas Sessão de Temas Livres concorrendo a Premiação. 8:30 8:45 INTERVALO VISITA AOS EXPOSITORES E PATROCINADORES. MAPA AUDITÓRIO ÓPERA DE ARAME (200 LUGARES) DOMINGO 02 DE AGOSTO DE 2015. 8:00 Horas Sessão de Temas Livres concorrendo a Premiação. 8:00 8:15 TEMA LIVRE SELECIONADO. 8:15 8:30 TEMA LIVRE SELECIONADO.

Leia mais

Procedimentos Novos no Rol em Consulta Pública - termos técnicos e traduções

Procedimentos Novos no Rol em Consulta Pública - termos técnicos e traduções Procedimentos Novos no Rol em Consulta Pública - termos técnicos e traduções 1 CONSULTA COM FISIOTERAPEUTA consulta realizada com fisioterapeuta para diagnosticar as alterações do desempenho funcional,

Leia mais

OBJETIVOS GERAIS OBJETIVOS ESPECÍFICOS

OBJETIVOS GERAIS OBJETIVOS ESPECÍFICOS OBJETIVOS GERAIS O Programa de Residência Médica opcional de Videolaparoscopia em Cirurgia do Aparelho Digestivo (PRMCAD) representa modalidade de ensino de Pós Graduação visando ao aperfeiçoamento ético,

Leia mais

RESOLUÇÃO CIB Nº 265/2012

RESOLUÇÃO CIB Nº 265/2012 RESOLUÇÃO CIB Nº 265/2012 Aprova a Tabela de Valores Diferenciados da Tabela Unificada do SUS para Procedimentos Cirúrgicos Eletivos referentes à Portaria GM/MS Nº 1.340 de 29 de junho de 2012, no âmbito

Leia mais

PROCEDIMENTOS MÉDICOS GERENCIADOS

PROCEDIMENTOS MÉDICOS GERENCIADOS PROCEDIMENTOS MÉDICOS GERENCIADOS Apresentação Índice Prezado (a) Doutor (a), A fim de padronizar o atendimento de seus pacientes particulares pelo Hospital Santa Catarina, apresentamos a tabela de Procedimentos

Leia mais

Capítulo 20 (ex-capítulo 2) PROCEDIMENTOS

Capítulo 20 (ex-capítulo 2) PROCEDIMENTOS 2.1. VOLUME 3 da CID-9-MC Capítulo 20 (ex-capítulo 2) PROCEDIMENTOS O Volume 3 da CID-9-MC está dividido em Lista Tabular e Índice Alfabético. Os capítulos da Lista Tabular encontram-se organizados por

Leia mais

UROLOGIA PROGRAMA DE RESIDÊNCIA MÉDICA CREDENCIADO PELA CNRM, PARECER DE CREDENCIAMENTO Nº 152/03 DE 02/10/2003

UROLOGIA PROGRAMA DE RESIDÊNCIA MÉDICA CREDENCIADO PELA CNRM, PARECER DE CREDENCIAMENTO Nº 152/03 DE 02/10/2003 UROLOGIA PROGRAMA DE RESIDÊNCIA MÉDICA CREDENCIADO PELA CNRM, PARECER DE CREDENCIAMENTO Nº 152/03 DE 02/10/2003 SEDE ADMINISTRATIVA: Disciplina de Urologia Faculdade de Ciências Médicas - UNICAMP Cidade

Leia mais

SOCIEDADE BRASILEIRA DE CIRURGIATORÁCICA PROCEDIMENTOS E HONORÁRIOS

SOCIEDADE BRASILEIRA DE CIRURGIATORÁCICA PROCEDIMENTOS E HONORÁRIOS SOCIEDADE BRASILEIRA DE CIRURGIATORÁCICA PROCEDIMENTOS E HONORÁRIOS ATIVIDADES CLÍNICAS Consulta em consultório 178,48 Acompanhamento enfermaria - diária 178,48 Acompanhamento UTI - diária 178,48 Consulta

Leia mais

JUSTIFICATIVA DA INCLUSÃO DA DISCIPLINA NA CONSTITUIÇÃO DO CURRÍCULO

JUSTIFICATIVA DA INCLUSÃO DA DISCIPLINA NA CONSTITUIÇÃO DO CURRÍCULO FACULDADES INTEGRADAS TERESA D ÁVILA LORENA - SP Curso: Enfermagem Disciplina: Enfermagem Cirurgica Ano letivo 2011 Série 3º Carga Horária Total 108 h/a T 54 h/a P 54 h/a Professora: Fabiola Vieira Cunha

Leia mais

GABARITO DE CIRURGIA GERAL

GABARITO DE CIRURGIA GERAL GABARITO DE CIRURGIA GERAL QUESTÃO 1 Paciente com febre, tosse e escarro purulento bastante fétido, apresenta os exames abaixo. Qual é a conduta mais adequada? A. Antibioticoterapia e fisioterapia. B.

Leia mais

PROCEDIMENTOS MÉDICOS GERENCIADOS

PROCEDIMENTOS MÉDICOS GERENCIADOS PROCEDIMENTOS MÉDICOS GERENCIADOS Apresentação Prezado (a) Doutor (a), A fim de padronizar o atendimento de seus pacientes particulares e agilizar a consulta aos preços praticados pelo Hospital Santa Catarina,

Leia mais

Parâmetros para profilaxia cirúrgica

Parâmetros para profilaxia cirúrgica Parâmetros para profilaxia cirúrgica O objetivo da profilaxia antimicrobiana em cirurgia é prevenir a infecção de sítio cirúrgico, atingindo níveis do antibiótico no sangue e nos tecidos que exceda, em

Leia mais

O SECRETÁRIO DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE. no uso de suas atribuições, RESOLVE:

O SECRETÁRIO DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE. no uso de suas atribuições, RESOLVE: PORTARIA N 42/MS/SAS DE 17 DE MARÇO DE 1994 O SECRETÁRIO DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE. no uso de suas atribuições, RESOLVE: 1. Estabelecer os procedimentos de Alta Complexidade da área de Ortopedia. constantes

Leia mais

Lista RNS de Cirurgias

Lista RNS de Cirurgias Lista RNS de Cirurgias Pele Anexos Partes Moles Incisão e drenagem de abcesso subcutâneo Incisão e drenagem de abcesso profundo Incisão e drenagem de quisto sebáceo, quisto pilonidal ou furúnculo Incisão

Leia mais

Atualizado em Março/2014.

Atualizado em Março/2014. ANEXO I PROCEDIMENTOS QUE DEVEM SER REGISTRADOS EM BPA INDIVIDUALIZADO DE ACORDO COM A PORTARIA Nº 380, DE 12 DE AGOSTO DE 2010 Atualizado em Março/2014. CÓDIGO NOME 0201010062 BIOPSIA DE BEXIGA 0201010216

Leia mais

Rede de Cardiologia de Alta Complexidade do Estado do Rio de Janeiro

Rede de Cardiologia de Alta Complexidade do Estado do Rio de Janeiro Parâmetros para quantitativos de habilitações por tipo de serviço Serviços Parâmetros Nº máximo de unidades Quantitativo atual Cirurgia 1:600.000/Portaria 210 26 20 Cardiovascular Cirurgia Pediátrica 1:800.000/Portaria

Leia mais

Oferecemos uma ampla gama de tratamentos entre os que podemos destacar:

Oferecemos uma ampla gama de tratamentos entre os que podemos destacar: A cirurgia endovascular agrupa uma variedade de técnicas minimamente invasivas mediante as quais CIRURGIA ENDOVASCULAR = CIRURGIA SEM CORTES! Técnicas Minimamente Invasivas As técnicas de cirurgia endovascular

Leia mais

PROTOCOLO CLÍNICO Antibioticoprofilaxia em Cirurgias Limpas, Potencialmente Contaminadas e Contaminadas

PROTOCOLO CLÍNICO Antibioticoprofilaxia em Cirurgias Limpas, Potencialmente Contaminadas e Contaminadas Antibioticoprofilaxia em Cirurgias Limpas, Potencialmente e Código: PC.CIH.001 Data: 08/06/2010 Versão: 1 Página: 1 de 5 RESULTADO ESPERADO/OBJETO: O objetivo da antibioticoprofilaxia (ATBp) em qualquer

Leia mais

1.1 Tratamento pré e pós-operatório 1. 1.1.1 Pré-operatório 1

1.1 Tratamento pré e pós-operatório 1. 1.1.1 Pré-operatório 1 1. Considerações iniciais 1.1 Tratamento pré e pós-operatório 1 1.1.1 Pré-operatório 1 No ambulatório/na internação 1 Esclarecimentos/perguntas de ordem legal 2 Anestesia 3 Exames laboratoriais e de imagem

Leia mais

DIÁRIO OFICIAL Nº. 31587 de 18/01/2010

DIÁRIO OFICIAL Nº. 31587 de 18/01/2010 DIÁRIO OFICIAL Nº. 31587 de 18/01/2010 SECRETARIA DE ESTADO DE ADMINISTRAÇÃO INSTITUTO DE ASSISTÊNCIA AOS SERVIDORES DO ESTADO Republicação da resolução n 04 de 21 de dezembro de 2009 Número de Publicação:

Leia mais

Programação Pactuada e Integrada Composição das especialidades e leitos hospitalares Alta Complexidade

Programação Pactuada e Integrada Composição das especialidades e leitos hospitalares Alta Complexidade Alta Complexidade AIDS / CLINICOS 0303180013 TRATAMENTO DE AFECÇÕES ASSOCIADAS AO HIV/AIDS 0303180030 TRATAMENTO DE AFECÇÕES DO APARELHO DIGESTIVO EM HIV/AIDS 0303180048 TRATAMENTO DE AFECÇÕES DO SISTEMA

Leia mais

SOCIEDADE BRASILEIRA DE ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA Procedimentos videoartroscópicos Procedimentos Porte

SOCIEDADE BRASILEIRA DE ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA Procedimentos videoartroscópicos Procedimentos Porte RESOLUÇÃO NORMATIVA CNHM Nº 003/2007 AOS MÉDICOS, HOSPITAIS E ENTIDADES CONTRATANTES A Comissão Nacional de Honorários Médicos e Sociedades Brasileiras de Especialidade comunicam as seguintes alterações,

Leia mais

PROCEDIMENTOS GERAIS PROCEDIMENTOS GERAIS SIM SIM PROCEDIMENTOS CLÍNICOS PROCEDIMENTOS CLÍNICOS AMBULATORIAIS E HOSPITALARES

PROCEDIMENTOS GERAIS PROCEDIMENTOS GERAIS SIM SIM PROCEDIMENTOS CLÍNICOS PROCEDIMENTOS CLÍNICOS AMBULATORIAIS E HOSPITALARES CONSULTA/SESSÃO COM PSICÓLOGO E/OU TERAPEUTA OCUPACIONAL (COM DIRETRIZ DE UTILIZAÇÃO) CONSULTA COM NUTRICIONISTA (COM DIRETRIZ DE UTILIZAÇÃO) CONSULTA/SESSÃO COM TERAPEUTA OCUPACIONAL (COM DIRETRIZ DE

Leia mais

Cirurgias do sistema urinário INDICAÇÕES. Traumatismos. Urolitíase. Neoplasias. Infecções do trato t urinário

Cirurgias do sistema urinário INDICAÇÕES. Traumatismos. Urolitíase. Neoplasias. Infecções do trato t urinário CIRURGIAS DO OSS SISTEMA URINÁRIO Prof. Dr. João Moreira da Costa Neto Departamento de Patologia e Clínicas Escola de Medicina Vetrinária -UFBA Cirurgias do sistema urinário INDICAÇÕES Traumatismos Urolitíase

Leia mais

30000006 EXCISÃO DE TUMORES BENIGNOS OU QUISTOS SUBCUTÂNEOS EXCEPTO REGIÃO FRONTAL E FACE 90 900.00 900.00 30000007

30000006 EXCISÃO DE TUMORES BENIGNOS OU QUISTOS SUBCUTÂNEOS EXCEPTO REGIÃO FRONTAL E FACE 90 900.00 900.00 30000007 Código PELE. ANEXOS E PARTES MOLES EM 30000001 INCISÃO E DRENAGEM DE ABCESSO SUBCUTÂNEO 90 900.00 900.00 30000002 INCISÃO E DRENAGEM DE ABCESSO PROFUNDO 90 900.00 900.00 30000003 INCISÃO E DRENAGEM DE

Leia mais

PADRONIZAÇÃO DE PROCEDIMENTOS EM RADIOLOGIA INTERVENCIONISTA E CIRURGIA ENDOVASCULAR

PADRONIZAÇÃO DE PROCEDIMENTOS EM RADIOLOGIA INTERVENCIONISTA E CIRURGIA ENDOVASCULAR PADRONIZAÇÃO DE PROCEDIMENTOS EM RADIOLOGIA INTERVENCIONISTA E CIRURGIA ENDOVASCULAR Sociedade Brasileira de Radiologia Intervencionista e Cirurgia Endovascular SoBRICE Colégio Brasileiro de Radiologia

Leia mais

GABINETE DO MINISTRO PORTARIA N X.XXX, DE XX DE XXXXXXX DE 30.06.2014

GABINETE DO MINISTRO PORTARIA N X.XXX, DE XX DE XXXXXXX DE 30.06.2014 GABINETE DO MINISTRO PORTARIA N X.XXX, DE XX DE XXXXXXX DE 30.06.2014 Cria a Linha de Cuidados da Cirurgia da Criança e atualiza, por exclusão, inclusão e alteração, procedimentos cirúrgicos pediátricos

Leia mais

CLÍNICA CIRURGICA DE ANIMAIS DE COMPANHIA

CLÍNICA CIRURGICA DE ANIMAIS DE COMPANHIA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação Comissão de Residência Multiprofissional e em Área Profissional da Saúde COREMU PROGRAMA DE RESIDÊNCIA MULTIPROFISSIONAL

Leia mais

DIAGNÓSTICO POR IMAGEM Relação dos POPs

DIAGNÓSTICO POR IMAGEM Relação dos POPs DIAGNÓSTICO POR IMAGEM Relação dos POPs PREPAROS DOS EXAMES E PROCEDIMENTOS DE ENFERMAGEM 08.01 Ablação por Cateter com Radiofrequência 08.02 Alergia aos Contrastes Iodados 08.03 Angio Ressonância Abdome

Leia mais

PROCEDIMENTOS HOSPITAL-DIA

PROCEDIMENTOS HOSPITAL-DIA PROCEDIMENTOS HOSPITAL-DIA PROCEDIMENTO PERM. DESCRIÇÃO PORTE 39.03.010-5 HD VARIZES - TRAT. CIRUR. UNIL. 1 MEMBRO 3 39.03.011-3 HD VARIZES - TRAT. CIRUR. BILAR. 2 MEMBRO 5 41.13.001-4 HD EXERESE CISTO

Leia mais

V. CONSIDERAÇÕES FINAIS

V. CONSIDERAÇÕES FINAIS AGENDA I. PERSPECTIVAS DA GESTÃO Trabalhando DA SAÚDE em Redes Cooperativas: Compartilhamento II. ABORDAGENS para DE CUSTEIO SUStentabilidade Case I Apresentação do III. EXPERIÊNCIA DAS SANTAS CASAS DE

Leia mais

RADIOLOGIA PESSOALMENTE COM O PEDIDO MÉDICO. PEDIDO MÉDICO COM INDICAÇÃO CLINICA.

RADIOLOGIA PESSOALMENTE COM O PEDIDO MÉDICO. PEDIDO MÉDICO COM INDICAÇÃO CLINICA. Nome do setor/especialidade: Horário de funcionamento: Meios de agendamento oferecidos ao usuário para utilização/acesso aos serviços: Requisitos necessários para a obtenção dos serviços: Serviços oferecidos:

Leia mais

02 DE AGOSTO DE 2015 (DOMINGO)

02 DE AGOSTO DE 2015 (DOMINGO) 02 DE AGOSTO DE 2015 (DOMINGO) Horário Programação 8:00: 08:30 Sessão de Temas Livres concorrendo a Premiação. Procedimentos Robóticos em Cirurgia abdominal 8:45-9:00 Cirurgia Robótica das afecções do

Leia mais

Módulo: Câncer de Rim Localizado

Módulo: Câncer de Rim Localizado Módulo: Câncer de Rim Localizado Caso 1 CAL, 56 anos, masculino Paciente médico, obeso (IMC = 41; peso 120 kg) Antecedentes clínicos: nefrolitíase Antecedentes cirúrgicos: Laparotomia mediana por divertículo

Leia mais

10101004 PROCEDIMENTOS GERAIS - CONSULTAS - CONSULTA 10102000 PROCEDIMENTOS GERAIS - CONSULTAS - VISITAS 10103007 PROCEDIMENTOS GERAIS - CONSULTAS -

10101004 PROCEDIMENTOS GERAIS - CONSULTAS - CONSULTA 10102000 PROCEDIMENTOS GERAIS - CONSULTAS - VISITAS 10103007 PROCEDIMENTOS GERAIS - CONSULTAS - Código SUGRUPO 10101004 PROCEDIMENTOS GERAIS - CONSULTAS - CONSULTA 10102000 PROCEDIMENTOS GERAIS - CONSULTAS - VISITAS 10103007 PROCEDIMENTOS GERAIS - CONSULTAS - RECÉM-NASCIDO 10104003 PROCEDIMENTOS

Leia mais

AMBULATORIAL - PROCEDIMENTOS REALIZADOS FEVEREIRO./2015.02 Proced com finalidade diagnóstica 10.814.02.01 Col de mat por meio de punção/biopsia

AMBULATORIAL - PROCEDIMENTOS REALIZADOS FEVEREIRO./2015.02 Proced com finalidade diagnóstica 10.814.02.01 Col de mat por meio de punção/biopsia AMBULATORIAL - PROCEDIMENTOS REALIZADOS.02 Proced com finalidade diagnóstica 10.814.02.01 Col de mat por meio de punção/biopsia 43.02.01.01 biópsia do colo uterino 1.02.01.01 biópsia de fígado por punção

Leia mais

TABELA DE PREÇOS REFERENCIAIS DE EXAMES LABORATORIAIS. Publicado na PORTARIA Nº. 110-S, DE 02 DE MARÇO DE 2015.

TABELA DE PREÇOS REFERENCIAIS DE EXAMES LABORATORIAIS. Publicado na PORTARIA Nº. 110-S, DE 02 DE MARÇO DE 2015. TABELA DE PREÇOS REFERENCIAIS DE 103203 SERVICO, TITULO: EXAME, SUBTITULO: ANGIOGRAFIA CEREBRAL (4 VASOS), COM 103204 SERVICO, TITULO: EXAME, SUBTITULO: ANGIOGRAFIA CEREBRAL (4 VASOS), SEM EXAME 2.525,0000

Leia mais

PADRONIZAÇÃO DE MATERIAIS INERENTES - SANTA CASA SAÚDE

PADRONIZAÇÃO DE MATERIAIS INERENTES - SANTA CASA SAÚDE 1 - Agulha Punção Biópsia de outros órgãos 01 1/3 2 - Agulha para punção de próstata * (pagar somente quando não cobrar agulha de CHIBA) 3 - Agulha de Chiba * (pagar somente quando não cobrar agulha de

Leia mais

30000006 EXCISÃO DE TUMORES BENIGNOS OU QUISTOS SUBCUTÂNEOS EXCEPTO REGIÃO FRONTAL E FACE 90 900.00 900.00 30000007

30000006 EXCISÃO DE TUMORES BENIGNOS OU QUISTOS SUBCUTÂNEOS EXCEPTO REGIÃO FRONTAL E FACE 90 900.00 900.00 30000007 Código PELE. ANEXOS E PARTES MOLES EM 30000001 INCISÃO E DRENAGEM DE ABCESSO SUBCUTÂNEO 90 900.00 900.00 30000002 INCISÃO E DRENAGEM DE ABCESSO PROFUNDO 90 900.00 900.00 30000003 INCISÃO E DRENAGEM DE

Leia mais

POSICIONAMENTO DO PACIENTE PARA CIRURGIA: ENFERMAGEM CIRÚRGICA

POSICIONAMENTO DO PACIENTE PARA CIRURGIA: ENFERMAGEM CIRÚRGICA POSICIONAMENTO DO PACIENTE PARA CIRURGIA: ENFERMAGEM CIRÚRGICA PROF. CRISTIANA COSTA LUCIANO POSICIONAMENTO CIRÚRGICO: - POSIÇÃO CIRÚRGICA É AQUELA EM QUE É COLOCADO O PACIENTE, APÓS ANESTESIADO, PARA

Leia mais

Glossário das tabelas de cirurgias

Glossário das tabelas de cirurgias Glossário das tabelas de cirurgias Geral Biópsia excisão realizada com a finalidade de exame histológico, para fins diagnósticos ou terapêuticos. Crioterapia - "Terapia com Frio", isto é, aplicação terapêutica

Leia mais

Procedimentos incluídos

Procedimentos incluídos s incluídos SEGMENTAÇÃO MÉDICO-HOSPITALAR PROCEDIMENTOS DIAGNÓSTICOS Procedimento exame 1. Capilaroscopia periungueal Exame clínico Reumatologia Avaliação e auxílio diagnóstico de síndromes vasculares

Leia mais

I FELLOWSHIP EM VIDEOCIRURGIA DO APARELHO DIGESTIVO

I FELLOWSHIP EM VIDEOCIRURGIA DO APARELHO DIGESTIVO I FELLOWSHIP EM VIDEOCIRURGIA DO APARELHO DIGESTIVO Carga horária Carga Horária Total: 420 horas Carga Horária Teórica: 120 horas Carga Horária Prática : 240 horas Monografia: 60 horas 1. COORDENAÇÃO Nome:

Leia mais

Procedimentos incluídos (RN nº 211) SEGMENTAÇÃO MÉDICO-HOSPITALAR

Procedimentos incluídos (RN nº 211) SEGMENTAÇÃO MÉDICO-HOSPITALAR Procedimentos incluídos (RN nº 211) SEGMENTAÇÃO MÉDICO-HOSPITALAR PROCEDIMENTOS DIAGNÓSTICOS PRESTADOR Procedimento Tipo de exame Especialidade Razão Social, CNPJ e CNES 1. Capilaroscopia periungueal Exame

Leia mais

MANUAL DO RESIDENTE PROGRAMA DE CIRURGIA GERAL

MANUAL DO RESIDENTE PROGRAMA DE CIRURGIA GERAL MANUAL DO RESIDENTE PROGRAMA DE CIRURGIA GERAL UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE MEDICINA - USP DEPARTAMENTO DE CIRURGIA Supervisor da Residência Médica Prof. Dr. JOSÉ PINHATA OTOCH Vice-Supervisor

Leia mais

CENTRO DE DIAGNÓSTICO POR IMAGEM Manual de Normas, Rotinas e Procedimentos Sumário

CENTRO DE DIAGNÓSTICO POR IMAGEM Manual de Normas, Rotinas e Procedimentos Sumário CENTRO DE DIAGNÓSTICO POR IMAGEM Sumário NORMAS OPERACIONAIS Atendimento ao Cliente Marcação de Exames Alteração no Programa de Atendimento Gestão de Demanda Admitida Ficha de Convênio Atendimento Prioritário

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DE SÃO PAULO PARECER COREN-SP GAB Nº 027 / 2011

CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DE SÃO PAULO PARECER COREN-SP GAB Nº 027 / 2011 PARECER COREN-SP GAB Nº 027 / 2011 Assunto: Autotransfusão intra-operatória. 1. Do fato Solicitado parecer por enfermeira sobre a atuação dos profissionais de Enfermagem na autotransfusão intra-operatória.

Leia mais

203 A. 16:30-17:20 Trauma cervical Clinica Cirúrgica Raphael 17:20-18:10 Queimaduras Clínica Cirúrgica Raphael

203 A. 16:30-17:20 Trauma cervical Clinica Cirúrgica Raphael 17:20-18:10 Queimaduras Clínica Cirúrgica Raphael CRONOGRAMA INTERNATO DE CIRURGIA 1º 2013 9º PERÍODO DATA/LOCAL HORÁRIO AULA PROGRAMADA Módulo PROFESSOR 24/5/2013 11:00-11:50 Lesões corporais Medicina Legal Andressa 11:50-12:40 Lesões corporais Medicina

Leia mais

PONTO-FINAL CURSO DE ATUALIZAÇÃO EM ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA

PONTO-FINAL CURSO DE ATUALIZAÇÃO EM ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA PONTO-FINAL CUO DE ATUALIZAÇÃO EM ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA DERIÇÃO: Cursos presenciais Vale 3,0 pontos para a Revalidação do TEOT PROGRAMAÇÃO: OSTEONECROSE DA CABEÇA BELÉM/ PA 18.05.2007 SEXTA-FEIRA 20:00-20:20

Leia mais

O PRESIDENTE DA FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CEARÁ - FUNECE, no uso de suas atribuições estatutárias,

O PRESIDENTE DA FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CEARÁ - FUNECE, no uso de suas atribuições estatutárias, Governo do Estado do Ceará Secretaria da Ciência Tecnologia e Educação Superior Fundação Universidade Estadual do Ceará FUNECE Secretaria dos Órgãos de Deliberação Coletiva - SODC RESOLUÇÃO Nº 424/2011

Leia mais

Relação de procedimentos que exigem senha de autorização CELOS Clínica

Relação de procedimentos que exigem senha de autorização CELOS Clínica ANEXO V Relação de procedimentos que exigem senha de autorização CELOS Clínica TISS PROCEDIMENTOS Código Dígito Descrição Acompanhamento clinico de transplante renal no periodo de 2020101 0 internacao

Leia mais

Câncer do pâncreas. Orlando Jorge Martins Torres Professor Livre-Docente UFMA

Câncer do pâncreas. Orlando Jorge Martins Torres Professor Livre-Docente UFMA Câncer do pâncreas Orlando Jorge Martins Torres Professor Livre-Docente UFMA Diagnóstico A tomografia helicoidal com dupla fase é o melhor exame de imagem para diagnosticar e estadiar uma suspeita de carcinoma

Leia mais

Pacientes crônicos: O Planserv adotou um conjunto de critérios com base na lista de patologias crônicas (selecionadas pela CID Classificação

Pacientes crônicos: O Planserv adotou um conjunto de critérios com base na lista de patologias crônicas (selecionadas pela CID Classificação Pacientes crônicos: O Planserv adotou um conjunto de critérios com base na lista de patologias crônicas (selecionadas pela CID Classificação Internacional de Doença) e pela necessidade de assistência médica

Leia mais

Portaria 024/2011. Art. 2º Esta Portaria entra em vigor em 1º de agosto de 2011.

Portaria 024/2011. Art. 2º Esta Portaria entra em vigor em 1º de agosto de 2011. Portaria 024/2011 Estabelece protocolos operacionais para a atividade de Regulação e Auditoria no âmbito do IPSEMG. A Presidente do Instituto de Previdência dos Servidores do Estado de Minas Gerais, no

Leia mais

MODELOS DE TERMOS DE CONSENTIMENTOS PÓS- INFORMADOS EM UROLOGIA

MODELOS DE TERMOS DE CONSENTIMENTOS PÓS- INFORMADOS EM UROLOGIA MODELOS DE TERMOS DE CONSENTIMENTOS PÓS- INFORMADOS EM UROLOGIA Prezado Colega, Há cerca de 30 anos nos principais países do mundo, têm sido implantado como rotina os Termos de ConsentimentoS Pós-Informados

Leia mais

PROVA DE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS Cód. 12

PROVA DE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS Cód. 12 8 PROVA DE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS Cód. 12 QUESTÃO 17 Na cirurgia eletiva de aneurisma de aorta, associada a rim em ferradura com o istmo funcionante e cobrindo grande parte da aorta abdominal, qual

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE ITAPOÁ Secretaria Municipal da Saúde

PREFEITURA MUNICIPAL DE ITAPOÁ Secretaria Municipal da Saúde Levantamento Quantitativo TFD consultas, exames e viagens. Itapoá, 17/12/2015 CONSULTAS E EXAMES NO MUNICÍPIO GINECOLOGIA Drº IVANILDO 410 GINECOLOGIA Drª GLADIS 375 DERMATOLOGIA 375 NEUROLOGIA 600 ORTOPEDIA

Leia mais

Estado Atual do Tratamento do AVCI Agudo: Literatura e Experiência Pessoal. Workshop de Intervenção em Ginecologia e Obstetrícia

Estado Atual do Tratamento do AVCI Agudo: Literatura e Experiência Pessoal. Workshop de Intervenção em Ginecologia e Obstetrícia AUDITÓRIO II PROGRAMA SIMPÓSIO SBNRDT 09h00-12h30 12h30-14h00 14h00-15h45 14h00-14h35 14h35-15h10 15h10-15h45 15h45-16h15 16h15-16h45 16h45-18h30 STROKE I Tratamento do AVCI Agudo - Indicações Clínicas

Leia mais

RESOLUÇÃO DA DIRETORIA Nº 001/2016

RESOLUÇÃO DA DIRETORIA Nº 001/2016 RESOLUÇÃO DA DIRETORIA Nº 001/2016 A Diretoria Administrativa do Consórcio Público Intermunicipal de Saúde do Norte Pioneiro - CISNORPI, no uso de suas atribuições legais, resolve: Regulamentar o Credenciamento

Leia mais

8:00 Horas Sessão de Temas Livres concorrendo a Premiação. 8:30-8:45 Abordagem nos múltiplos ferimentos abdominais penetrantes.

8:00 Horas Sessão de Temas Livres concorrendo a Premiação. 8:30-8:45 Abordagem nos múltiplos ferimentos abdominais penetrantes. MAPA AUDITÓRIO PARQUE TINGUI (280 LUGARES) DOMINGO 02 DE AGOSTO DE 2015. ESPACO DO TRAUMA (SBAIT) SEGUNDA FEIRA 03 DE AGOSTO DE 2015. 8:00 Horas Sessão de Temas Livres concorrendo a Premiação. 8:00 8:15

Leia mais

Infecções e inflamações do trato urinário, funçao sexual e reprodutiva Urologia Denny

Infecções e inflamações do trato urinário, funçao sexual e reprodutiva Urologia Denny DATA hora AULA PROGRAMADA Módulo PROFESSOR 25/10/2013 14:00-14:55 Abdome Agudo - inflamatório e obstrutivo Clínica Cirúrgica João Marcos 14:55-15:50 Abdome Agudo - perfurativo e vascular/hemorrágico Clínica

Leia mais

Tudo Exige Preparo. Para a guerra. Para o sexo. Para o banho

Tudo Exige Preparo. Para a guerra. Para o sexo. Para o banho Dr. Gustavo Santos Tudo Exige Preparo Para a guerra Para o sexo Para o banho Falhar em se preparar é preparar-se para falhar Benjamin Franklin Preparo Pré-Operatório: Por Quê? Identificar problemas não-conhecidos

Leia mais

ENFERMAGEM CIRÚRGICA CLASSIFICAÇÃO CIRÚRGICA

ENFERMAGEM CIRÚRGICA CLASSIFICAÇÃO CIRÚRGICA ENFERMAGEM CIRÚRGICA Profa. MsC. Valéria Aguiar CLASSIFICAÇÃO CIRÚRGICA 1 No conceito de cirurgia de urgência, tem-se que: A) O paciente deve ser operado de acordo com o agendamento prévio da sala de operação;

Leia mais

Portaria SAS/Nº 210 (publicada no Diário Oficial n 117, de 21 de junho de 2004, página 43, Seção 1) ANEXO III(*)

Portaria SAS/Nº 210 (publicada no Diário Oficial n 117, de 21 de junho de 2004, página 43, Seção 1) ANEXO III(*) Portaria SAS/Nº 210 (publicada no Diário Oficial n 117, de 21 de junho de 2004, página 43, Seção 1) ANEXO III(*) RELAÇÃO DE PROCEDIMENTOS INCLUÍDOS NAS TABELAS DO SIH E SIA/SUS PROCEDIMENTOS INCLUÍDOS

Leia mais

AMBULATORIAL - PROCEDIMENTOS REALIZADOS JULHO./2014.02 Proced com finalidade diagnóstica 15.985.02.01 Col de mat por meio de punção/biopsia

AMBULATORIAL - PROCEDIMENTOS REALIZADOS JULHO./2014.02 Proced com finalidade diagnóstica 15.985.02.01 Col de mat por meio de punção/biopsia AMBULATORIAL - PROCEDIMENTOS REALIZADOS JULHO./2014.02 Proced com finalidade diagnóstica 15.985.02.01 Col de mat por meio de punção/biopsia 107.02.01.01 biópsia de pele e partes moles 39.02.01.01 Biópsia

Leia mais

Tumor Desmoplásico de Pequenas Células Redondas: Relato de um caso.

Tumor Desmoplásico de Pequenas Células Redondas: Relato de um caso. Everton Pereira D. Lopes² Eduardo M Pracucho¹ Ricardo de Almeida Campos² Karla Thaiza Thomal¹ Celso Roberto Passeri¹ Renato Morato Zanatto¹ 1-Departamento de Cirurgia Oncológica Aparelho Digestivo Alto

Leia mais

O mesmo código de origem (Tabelas SIA ou SIH) gerando mais de um código novo.

O mesmo código de origem (Tabelas SIA ou SIH) gerando mais de um código novo. Procedimento Origem: H 10001042 TERMOMETRIA SUPERFICIAL, C/ FORNO DE BIER(P/APLIC) 0302050019 6068 ATENDIMENTO FISIOTERAPEUTICO PRE E POS-OPERATORIO NAS DISFUNCOES 0302050035 6069 ATENDIMENTO FISIOTERAPEUTICO

Leia mais