Regulamento do TCC APRESENTAÇÃO ORAL DE TRABALHOS CIENTÍFICOS. Resolução TCC. Apresentação oral de trabalhos 03/11/2011 FALAR EM PUBLICO É UM DESAFIO?

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Regulamento do TCC APRESENTAÇÃO ORAL DE TRABALHOS CIENTÍFICOS. Resolução TCC. Apresentação oral de trabalhos 03/11/2011 FALAR EM PUBLICO É UM DESAFIO?"

Transcrição

1 Regulamento do TCC Para a defesa do TCC, o trabalho deverá ser apresentado oralmente perante comissão julgadora em sessão pública. Para a apresentação, o aluno terá mínimo de 15 e APRESENTAÇÃO ORAL DE TRABALHOS CIENTÍFICOS Profa. Raquel Simões máximo de 20 minutos, abordando todos os aspectos tratados no trabalho de conclusão de curso, RELEVÂNCIA DO TEMA, RESULTADOS e DISCUSSÃO CONCLUSÃO Resolução TCC Tenho que fazer uma apresentação oral? 2º A defesa do trabalho será avaliada levando-se em consideração: I. pontualidade; II. apresentação pessoal; III. qualidade do material de exposição apresentado; IV. didática; V. conhecimento geral sobre o assunto; VI. adequação ao tempo, e, VII. capacidade de discussão durante a argüição. FALAR EM PUBLICO É UM DESAFIO? FALAR EM ENCONTROS CIENTÍFICOS É SOMENTE PARA ALGUNS? Falar em público é, para a maioria das pessoas, muito mais difícil do que escrever um artigo. Muitos consideram, estar diante de uma platéia, uma batalha emocional das mais tensas, com um gasto de adrenalina além do normal. Falar em público em público, especialmente para um grupo acadêmico, é para todos os que fazem a academia: professores e alunos. Os dois maiores inimigos são a TIMIDEZ e DESPREPARO, que podem ser combatidos. 1

2 PASSOS A SEGUIR CONTEÚDO Elaborar um bom resumo Criar o material visual Desenvolver a apresentação Faça com antecedência Escreva a apresentação Treinar a apresentação ELABORAÇÃO DO MATERIAL VISUAL ELABORAÇÃO DO MATERIAL VISUAL Faça o material visual após escrever a apresentação Calcule 1 slide por minuto Em uma fala científica vários elementos são avaliados; dois porém, são cruciais: A maneira de FALAR A maneira de APRESENTAR A comunicação é a chave Interprete sua apresentação como um diálogo com a audiência, não como um monólogo. Pergunte-se: o que eles esperam aprender de a partir de minha apresentação? Como minha apresentação pode ser útil a eles? 2

3 Estruture e organize seu material Conhecimento do assunto Toda apresentação consiste de três partes bem definidas: (1) a INTRODUÇÃO oferece as bases e as perspectivas necessárias à apreciação do restante da apresentação; (2) o CORPO DA APRESENTAÇÃO, que normalmente corresponde à maior parte, comunica novas informações ao público e (3) a CONCLUSÃO faz um sumário da apresentação e deixa a platéia com uma mensagem para levar com ela. Uma regra empírica pode ser: numa apresentação de 20 minutos, reserve 5 minutos para a introdução e objetivos, 10 minutos para metodologia, resultados e discussão e 5 minutos para a conclusão Tome cuidado com afirmações sobre as quais nem mesmo você tem total convicção. Em vez de dizer isto é assim, diga presume-se ou cogita-se que isto seja assim. A descrição de dados científicos de forma precisa, completa e bem elaborada coloca o apresentador como uma fonte confiável e fundamentada de informação. Ao contrário, frases imprecisas e abertas a uma multiplicidade de interpretações gradualmente fazem aflorar o ceticismo de desinteresse da platéia Revisão e ensaio TREINAMENTO PRÉVIO Não importa quão experiente você seja, é sempre uma boa idéia revisar e ensaiar uma apresentação Não deixe a revisão para a última hora. Isto pode levar a uma apresentação aceitável, mas dificilmente levará a uma apresentação memorável. Uma apresentação científica é uma expressão de criatividade; e criação toma tempo! TREINAMENTO PRÉVIO Treine primeiro sozinho, depois com outros Prepare sua apresentação - depois relaxe Tenha a consciência de que as etapas preliminares foram seguidas com cautela. Você deve estar confiante sobre o perfil de sua audiência, sobre seus conhecimentos, sobre os dados, informações e contribuições que irá apresentar e sobre a organização e qualidade de apresentação do material de apoio. Agora somente resta relaxar! 3

4 A vestimenta Na hora H, para que o apresentador menos calmo possa ir passo-apasso se familiarizando com o momento, aconselha-se antecipar umas poucas sentenças de abertura (saudações, se apresente, agradeça a participação dos presentes) O modo adequado de se vestir para uma apresentação científica revela ao menos duas mensagens: respeito pela platéia e aceitação dos padrões vigentes APRESENTAÇÃO ORAL EM 15 MINUTOS A estrutura de uma apresentação científica CARACTERÍSTICAS: 15 minutos de apresentação 30 segundos 1 minuto por slide. Slides mais complexos, 1 ½ minutos. Máximode20slides 5 a 15 minutos para perguntas e respostas. DICAS: Apresentação termina rapidamente Mensagem transmitida tem que ter foco e clareza Praticar muito para não ultrapassar o tempo Título: 1 slide Autor do apresentador Instituição Data Introdução: 1 a 2 slides O que me fez pensar no assunto? Marco teórico Convencer a audiência da relevância do problema Apresentar dados da literatura 4

5 Objetivos (Hipótese): 1 slide Por que eu fiz a pesquisa? Material e Métodos: 1 a 3 slides Como eu fiz a pesquisa? Delineamento Descrição da população: seleção, critérios de inclusão e exclusão Métodos Resultados: 3 a 4 slides O que eu encontrei? Procure uniformizar a apresentação dos resultados Conclusões: 1 a 2 slides O que eu aprendi? Devem estar relacionadas aos objetivos Concluir apenas o que apresentou Tópicos Opcionais Significância do estudo: 1 slide Recomendações: 1 slide Inclua o título Use letras minúsculas, exceto o TÍTULO Não use letras pequenas demais Não polua o slide. Utilize no máximo 7 linhas e 7 palavras por linha Máximo de 4 cores por slide 5

6 Tabela 3. Nível de conhecimento em nutrição segundo a renda familiar entre 18 a 59 anos praticantes de atividade física (n=172), Aracaju SE, Evite abreviações Em tabelas de 2 colunas, use no máximo 8 linhas Destaque os principais resultados e discuta *Foi realizado o teste ANOVA para comparação entre os grupos de renda familiar. Hábitos Alimentares de Crianças em Diferentes Locais do Brasil Em gráficos de barra, use no máximo 8 barras por slide A importância do Aleitamento Materno Se for mostrar dados de outros autores, coloque a referência 6

7 Cuidado com a animação! E também com as cores e estilo da fonte % livre de mortalidade, infarto e AVC 0 escolhida 1 2 Autoria: Flávio Fucks Anos de seguimento Vitamina E Placebo Chegue cedo Apresente-se ao coordenador Teste o material visual no local Chefie o Data-show Controle a luz Posicione-se Vestimenta Postura Movimento do corpo, tronco Movimento dos membros Use vocabulário correto Seja claro, objetivo Entonação da voz Seja positivo, firme Fale com motivação Mas não exagere!!! 7

8 Fale olhando para a platéia Fale devagar Aponte para os slides para orientar a platéia Use as mesmas palavras dos slides Nos slides de gráficos, sempre indique o que significam Não distraia a platéia Tente responder as perguntas 8

9 Boa Sorte! 9

FACULDADE DE MEDICINA DE JUNDIAÍ

FACULDADE DE MEDICINA DE JUNDIAÍ FACULDADE DE MEDICINA DE JUNDIAÍ TUTORIAL: COMO FAZER UMA APRESENTAÇÃO EM DEZ MINUTOS COMO DEVO ME ORGANIZAR???? Elaborar um bom resumo Criar os diapositivos Desenvolver a apresentação Treinar a apresentação

Leia mais

COMO FAZER UMA APRESENTAÇÃO DE DEZ MINUTOS

COMO FAZER UMA APRESENTAÇÃO DE DEZ MINUTOS COMO FAZER UMA APRESENTAÇÃO DE DEZ MINUTOS Passos a seguir Elaborar um bom resumo Criar os diapositivos ou retrotransparências Desenvolver a apresentação Treinar a apresentação Elaboração do Resumo Uma

Leia mais

COMO FAZER UMA APRESENTAÇÃO EM DEZ MINUTOS. Esther Arnold Nani Arnold

COMO FAZER UMA APRESENTAÇÃO EM DEZ MINUTOS. Esther Arnold Nani Arnold COMO FAZER UMA APRESENTAÇÃO EM DEZ MINUTOS Esther Arnold Nani Arnold Os PASSOS: 1 ELABORE UM BOM RESUMO 2 ELABORE os SLIDES 3 TREINE PREVIAMENTE 4 CUIDE DE SUA IMAGEM 5 CUIDE DOS DETALHES 1 ELABORE UM

Leia mais

Como fazer uma apresentação. Prof. Jorge Nhambiu Faculdade de Engenharia UEM

Como fazer uma apresentação. Prof. Jorge Nhambiu Faculdade de Engenharia UEM Como fazer uma apresentação Prof. Jorge Nhambiu Faculdade de Engenharia UEM 2012 Baseado em: Garson Jr A et al. The 10-minute talk: Organizatin, slides, writing, and delivery American Heart Journal 1986;

Leia mais

ELABORAR UMA APRESENTAÇÃO EM POWERPOINT BIBLIOTECA ESCOLAR "JÚLIO DINIS"

ELABORAR UMA APRESENTAÇÃO EM POWERPOINT BIBLIOTECA ESCOLAR JÚLIO DINIS ELABORAR UMA APRESENTAÇÃO EM POWERPOINT Esquematize o trabalho nas seguintes fases: 1. Elaboração de um resumo 2. Elaboração dos diapositivos 3. Desenvolvimento da apresentação 4. Treino / Ensaio da apresentação

Leia mais

Como Fazer uma Apresentação em 10 Minutos

Como Fazer uma Apresentação em 10 Minutos Como Fazer uma Apresentação em 10 Minutos... e algumas notas sobre escrita e organização de relatórios. Passar informação... Como? oralmente... por escrito... Regra 1 Keep It Simple! Regra 2 não Como

Leia mais

APRESENTANDO TRABALHOS NA JORNADA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA Unifebe. Profª Heloisa Helena

APRESENTANDO TRABALHOS NA JORNADA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA Unifebe. Profª Heloisa Helena APRESENTANDO TRABALHOS NA JORNADA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA Unifebe Profª Heloisa Helena SOBRE A JORNADA A Jornada de Iniciação Científica é um evento permanente da Unifebe e se constitui em uma ação

Leia mais

DICAS DE COMO FAZER UMA APRESENTAÇÃO

DICAS DE COMO FAZER UMA APRESENTAÇÃO DICAS DE COMO FAZER UMA APRESENTAÇÃO PREPARAÇÃO PASSOS A SEGUIR Estudar e elaborar um bom roteiro Criar os slides Desenvolver os tópicos da apresentação Treinar a apresentação ELABORAÇÃO DO ROTEIRO Uma

Leia mais

Cursos: Administração / Ciências Contábeis Disciplina: Metodologia e Técnicas de Pesquisa - METEP. Prof. Msc. Marco Aurélio

Cursos: Administração / Ciências Contábeis Disciplina: Metodologia e Técnicas de Pesquisa - METEP. Prof. Msc. Marco Aurélio Cursos: Administração / Ciências Contábeis Disciplina: Metodologia e Técnicas de Pesquisa - METEP Como desenvolver apresentações para Seminários Prof. Msc. Marco Aurélio Data: 28/03/2011 Tenho que fazer

Leia mais

COMO FAZER UMA APRESENTAÇÃO ORAL

COMO FAZER UMA APRESENTAÇÃO ORAL COMO FAZER UMA APRESENTAÇÃO ORAL Introdução à Engenharia Civil Profª Mayara Moraes Custódio Passos a seguir: Elaborar um bom resumo O que for impoprtante para o resumo, será importante para a apresentação.

Leia mais

08/11/2012. Palestrante: Jéssica Pereira Costa Mais frequente na população universitária

08/11/2012. Palestrante: Jéssica Pereira Costa Mais frequente na população universitária A arte da apresentação oral de trabalhos científicos Como se comportar durante a apresentação de um pôster em um evento científico? Fobia Social ou Timidez??? (Medo excessivo contato ou exposição social)

Leia mais

TÉCNICAS DE APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS PROF. ISABELLA V. F. MARTINS DISCIPLINA TCC1

TÉCNICAS DE APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS PROF. ISABELLA V. F. MARTINS DISCIPLINA TCC1 TÉCNICAS DE APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS PROF. ISABELLA V. F. MARTINS DISCIPLINA TCC1 OBJETIVO TRANSMITIR A MENSAGEM! APRESENTAÇÃO Apresentação oral: Narração Início, meio e fim. Didática Tom de voz / ênfases

Leia mais

16/05/2013. Apresentação de artigo científico Como e o que fazer? Artigo Científico

16/05/2013. Apresentação de artigo científico Como e o que fazer? Artigo Científico UNIVERSIDADE FEDERAL DO PIAUÍ PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOTECNOLOGIA Desafios em Comunicação da Ciência II O que tenho que abordar? Apresentação de artigo científico Como e o que fazer? Profª M.Sc

Leia mais

Fundamentos da Pesquisa III IBB212

Fundamentos da Pesquisa III IBB212 Fundamentos da Pesquisa III IBB212 Aula 4 Lógica do Texto Científico (cont.) Por que são importantes as apresentações orais Para que apresentar oralmente nosso trabalho Como fazer uma boa apresentação

Leia mais

COMO FAZER UMA APRESENTAÇÃO. Curso: Segurança da Informação Disciplina:TEORIA E PRÁTICA EM PESQUISA Profa. : Kátia Lopes Silva

COMO FAZER UMA APRESENTAÇÃO. Curso: Segurança da Informação Disciplina:TEORIA E PRÁTICA EM PESQUISA Profa. : Kátia Lopes Silva COMO FAZER UMA APRESENTAÇÃO Curso: Segurança da Informação Disciplina:TEORIA E PRÁTICA EM PESQUISA Profa. : Kátia Lopes Silva Tipos de Apresentação Tipos de apresentação de trabalho acadêmico/técnico/científico:

Leia mais

Como fazer uma boa apresentação em slides

Como fazer uma boa apresentação em slides Como fazer uma boa apresentação em slides Sobre o conteúdo Faça um planejamento antecipado de sua apresentação. Faça o texto que vai ser colocado em slides no word antes e avalie. Primeiro decida quais

Leia mais

Dicas para apresentação de TCC em Power Point. Profª Drª Stael Silvana B. E da Silva Faculdade de Ciências Sociais e Agrárias de Itapeva - FAIT

Dicas para apresentação de TCC em Power Point. Profª Drª Stael Silvana B. E da Silva Faculdade de Ciências Sociais e Agrárias de Itapeva - FAIT Dicas para apresentação de TCC em Power Point Profª Drª Stael Silvana B. E da Silva Faculdade de Ciências Sociais e Agrárias de Itapeva - FAIT Atenção! Este modelo de apresentação foi produzido com a única

Leia mais

Como Preparar Apresentações. Tipos de apresentação Cuidados com o apresentador Cuidados com o conteúdo

Como Preparar Apresentações. Tipos de apresentação Cuidados com o apresentador Cuidados com o conteúdo Como Preparar Apresentações Tipos de apresentação Cuidados com o apresentador Cuidados com o conteúdo Tipos de Apresentação Tipos de apresentação de trabalho acadêmico/técnico/científico: Aula Palestra

Leia mais

Fundamentos de Informática. Técnicas de apresentação

Fundamentos de Informática. Técnicas de apresentação Fundamentos de Informática Técnicas de apresentação 1º Semestre Prof. Nataniel Vieira - nataniel.vieira@gmail.com Estrutura Básica Capa Índice (Não Obrigatório) Introdução Abertura para Perguntas Conclusão

Leia mais

CAPÍTULO 3. Primeiros passos: preparando o discurso. A linguagem deve exprimir com clareza o pensamento. Isso é tudo. Confúcio

CAPÍTULO 3. Primeiros passos: preparando o discurso. A linguagem deve exprimir com clareza o pensamento. Isso é tudo. Confúcio CAPÍTULO 3 Primeiros passos: preparando o discurso A linguagem deve exprimir com clareza o pensamento. Isso é tudo. Confúcio Antes da apresentação Organize e classifique as fontes de todo o material que

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE INSTITUTO DE CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS COORDENAÇÃO DO BACHARELADO EM ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE INSTITUTO DE CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS COORDENAÇÃO DO BACHARELADO EM ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE INSTITUTO DE CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS COORDENAÇÃO DO BACHARELADO EM ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA OFICINA DE PRODUÇÃO ACADÊMICA Material de apoio à construção do TCC Prezados,

Leia mais

COMO FAZER UMA APRESENTAÇÃO DE DEZ MINUTOS

COMO FAZER UMA APRESENTAÇÃO DE DEZ MINUTOS COMO FAZER UMA APRESENTAÇÃO DE DEZ MINUTOS Passos a seguir Elaborar um bom resumo Criar os slides Desenvolver a apresentação Treinar a apresentação Elaboração do Resumo Uma boa apresentação começa com

Leia mais

Como fazer uma apresentação

Como fazer uma apresentação Como fazer uma apresentação Etapas para fazer uma apresentação Definição dos 1 objectivos da apresentação de acordo com as necessidades e o perfil da audiência Preparação de uma linha de trabalho de um

Leia mais

NO ABRIR DA MINHA BOCA (EFÉSIOS 6:19) USO DO POWERPOINT

NO ABRIR DA MINHA BOCA (EFÉSIOS 6:19) USO DO POWERPOINT NO ABRIR DA MINHA BOCA (EFÉSIOS 6:19) USO DO POWERPOINT ACRESCENTANDO IMAGENS A APRESENTAÇÃO Algumas igrejas preferem o uso do multimídia para suas apresentações. Oferecendo a esses pastores uma apresentação

Leia mais

How To. Introdução. Volume 3 - Número 3 Dezembro 2010 SBC HORIZONTES 21

How To. Introdução. Volume 3 - Número 3 Dezembro 2010 SBC HORIZONTES 21 Como se preparar para uma apresentação de sucesso Com seus slides prontos, veja como apresentá-los de maneira eficiente Luciana Alvim Santos Romani, alvim@icmc.usp.br, ICMC-USP São Carlos Agma Juci Machado

Leia mais

Aula No 11 - Apresentação

Aula No 11 - Apresentação Aula No 11 - Apresentação Universidade de Pernambuco - UPE Escola Politécnica de Pernambuco POLI Disciplina: MEPT Professora: Emilia Rahnemay Kohlman Rabbani Dicas de como se preparar para uma apresentação

Leia mais

APÊNDICE A FICHA DE ACOMPANHAMENTO DO TCC

APÊNDICE A FICHA DE ACOMPANHAMENTO DO TCC APÊNDICE A FICHA DE ACOMPANHAMENTO DO TCC MÉDIA PARCIAL: ( ) M1 ( ) M2 ( ) M3 ACADÊMICO: CÓDIGO DE MATRÍCULA: PROF. ORIENTADOR: Nº ENC. DATA DA ORIENTAÇÃO INÍCIO HORÁRIO ASSUNTOS ABORDADOS DURANTE AS REALIZOU

Leia mais

COMO SE PREPARAR (E FAZER) UMA DEFESA DE SUCESSO

COMO SE PREPARAR (E FAZER) UMA DEFESA DE SUCESSO COMO SE PREPARAR (E FAZER) UMA DEFESA DE SUCESSO António V. Bento Centro de Investigação em Educação Antes da defesa Após ter submetido os vários exemplares da sua dissertação, relatório ou tese (normalmente,

Leia mais

Competências em Literacia da Informação. Saber comunicar a informação Apresentações orais

Competências em Literacia da Informação. Saber comunicar a informação Apresentações orais Competências em Literacia da Informação Saber comunicar a informação Apresentações orais Ana Isabel Roxo 2009 Apresentações orais Em algum momento da tua vida terás de fazer uma apresentação oral que poderá

Leia mais

UNICAP Universidade Católica de Pernambuco Prof. Glauber Carvalho Costa COMO FAZER UMA APRESENTAÇÃO

UNICAP Universidade Católica de Pernambuco Prof. Glauber Carvalho Costa COMO FAZER UMA APRESENTAÇÃO UNICAP Universidade Católica de Pernambuco Prof. Glauber Carvalho Costa COMO FAZER UMA APRESENTAÇÃO 1 Passos a seguir Elaborar um bom resumo Criar os Slides ou retrotransparências Desenvolver a apresentação

Leia mais

MEDIA TRAINING. Manual para TREINAMENTO

MEDIA TRAINING. Manual para TREINAMENTO MEDIA TRAINING Manual para TREINAMENTO Parabéns! Você foi escolhido por sua empresa para seu porta-voz oficial. Ser um porta-voz é uma grande responsabilidade, pois todas as vezes em que a empresa tiver

Leia mais

COMO FAZER UMA BOA APRESENTAÇÃO ORAL. Disciplina: TC0600 - Projeto de Graduação I Turma C Profa. Denyse de Araújo

COMO FAZER UMA BOA APRESENTAÇÃO ORAL. Disciplina: TC0600 - Projeto de Graduação I Turma C Profa. Denyse de Araújo COMO FAZER UMA BOA APRESENTAÇÃO ORAL Disciplina: TC0600 - Projeto de Graduação I Turma C Profa. Denyse de Araújo 2 Passos a seguir: 3 Elaborar um bom resumo Criar os slides Desenvolver a apresentação Treinar

Leia mais

COMO MELHORAR SUAS APRESENTAÇÕES

COMO MELHORAR SUAS APRESENTAÇÕES Conceitos e Dicas Por: Paulo Kazuo Kato +55-81-34453505 / 87412841 paulo@dotk.com.br 1. O Desafio (02/18) Quer ser bem sucedido em suas apresentações? 1. O Desafio (03/18) ( Ivan Teorilang ) 2. O que fazer

Leia mais

Apresentações. Comunicações técnico-científicas. Transformando trabalhos acadêmicos em apresentações. Dr. Eng. Milton Pires Ramos

Apresentações. Comunicações técnico-científicas. Transformando trabalhos acadêmicos em apresentações. Dr. Eng. Milton Pires Ramos Apresentações Comunicações técnico-científicas Transformando trabalhos acadêmicos em apresentações Dr. Eng. Milton Pires Ramos Centro de Engenharia de Sistemas Inteligentes Palestrante Apresentação - Engenheiro/pesquisador

Leia mais

ELABORAÇÃO DE SEMINÁRIO

ELABORAÇÃO DE SEMINÁRIO ELABORAÇÃO DE SEMINÁRIO Metodologia Científica Seminário: Definição?... Seminarium = sementeira, dá idéia de disseminar (semear idéias, podem germinar e gerar novos conhecimentos); LAKATOS (1996): seminário

Leia mais

Objetivo desta Aula. Um tópico a cada vez. Roteiro apresentar tópicos gerais

Objetivo desta Aula. Um tópico a cada vez. Roteiro apresentar tópicos gerais Objetivo desta Aula Apresentar dicas de como preparar apresentações Ronaldo Lopes Oliveira Especialização em Produção de Bovinos DPA/MEV/UFBA 2007 Apresentar dicas de como fazer a apresentação Apresentar

Leia mais

UNIVERSIDADE DO CONTESTADO-UnC Curso de Psicologia REGULAMENTO PARA ELABORAÇÃO DA MONOGRAFIA/TCC (TRABALHO DE CONCLUSÃO DO CURSO DE PSICOLOGIA)

UNIVERSIDADE DO CONTESTADO-UnC Curso de Psicologia REGULAMENTO PARA ELABORAÇÃO DA MONOGRAFIA/TCC (TRABALHO DE CONCLUSÃO DO CURSO DE PSICOLOGIA) UNIVERSIDADE DO CONTESTADO-UnC Curso de Psicologia REGULAMENTO PARA ELABORAÇÃO DA MONOGRAFIA/TCC (TRABALHO DE CONCLUSÃO DO CURSO DE PSICOLOGIA) 2004 S U M Á R I O 1 CONCEITO, OBJETIVOS E ETAPAS....3 2

Leia mais

Demonstração de uma idéia, assunto, produto, serviço e etc; Podendo ser uma palestra, reunião, workshop entre outros eventos.

Demonstração de uma idéia, assunto, produto, serviço e etc; Podendo ser uma palestra, reunião, workshop entre outros eventos. Demonstração de uma idéia, assunto, produto, serviço e etc; Para duas ou mais pessoas; Podendo ser uma palestra, reunião, workshop entre outros eventos. Planejar Sempre! Para transmitir segurança você

Leia mais

Um seminário sobre como preparar um seminário

Um seminário sobre como preparar um seminário Um seminário sobre como preparar um seminário Siang Wun Song Universidade Federal do ABC 6 de junho de 2011 Agenda O primeiro slide, para palestras longas, pode ser uma Agenda ou Esboço (em inglês Outline

Leia mais

Comunicação Integrada em Vendas

Comunicação Integrada em Vendas Comunicação Integrada em Vendas Hélio Azevedo helio.azevedo@salestalent.com.br Agenda Percepção Objetivos de uma apresentação O orador Os tipos de público Os tipos de discurso O medo de falar Preparando

Leia mais

Apresentação de Trabalhos em Congressos (Oral e Pôster) Prof. Dr. Emerson Martins Arruda

Apresentação de Trabalhos em Congressos (Oral e Pôster) Prof. Dr. Emerson Martins Arruda Apresentação de Trabalhos em Congressos (Oral e Pôster) Prof. Dr. Emerson Martins Arruda Aspectos principais Comunicação Apresentação Protocolos e modelos Sugestões Bases A comunicação não significa apenas

Leia mais

MONOGRAFIA : COMO FAZER

MONOGRAFIA : COMO FAZER Alguns sites que tratam sobre monografias http://www.admbrasil.com.br/abnt.htm http://planeta.terra.com.br/servicos/monografiaabnt/ http://www.sinescontabil.com.br/trabs_profissionais/fazendo_uma_monografia.htm

Leia mais

Relacionamento professor-aluno e os procedimentos de ensino

Relacionamento professor-aluno e os procedimentos de ensino Relacionamento professor-aluno e os procedimentos de ensino Curso de Atualização Pedagógica Julho de 2010 Mediador: Adelardo Adelino Dantas de Medeiros (DCA/UFRN) Relacionamento professor-aluno Professor:

Leia mais

Rubricas e guias de pontuação

Rubricas e guias de pontuação Avaliação de Projetos O ensino a partir de projetos exibe meios mais avançados de avaliação, nos quais os alunos podem ver a aprendizagem como um processo e usam estratégias de resolução de problemas para

Leia mais

CONGRESSO EMPRESARIAL COMO FALAR EM PÚBLICO

CONGRESSO EMPRESARIAL COMO FALAR EM PÚBLICO CONGRESSO EMPRESARIAL COMO FALAR EM PÚBLICO Romulo Gutierrez www.rgtreinamentos.com.br www.romulogutierrez.com.br 1 2 ENTREVISTOU TRÊS MIL PESSOAS EM 2012 3 19% - MEDO DA MORTE 4 32% - MEDO DE ALTURA 5

Leia mais

Profa. Ma. Andrea Morás. Unidade I

Profa. Ma. Andrea Morás. Unidade I Profa. Ma. Andrea Morás Unidade I COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL Comunicação empresarial Definição: Compreende um conjunto complexo de atividades, ações, estratégias, produtos e processos desenvolvidos para reforçar

Leia mais

Técnicas de Apresentação e Negociação

Técnicas de Apresentação e Negociação Curso: Logística Profa. Ms. Edilene Garcia Técnicas de Apresentação e Negociação Roteiro da teleaula APRESENTAÇÕES ORAIS Importância; Técnicas para planejar e executar uma apresentação. NEGOCIAÇÕES EMPRESARIAIS

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS FACULDADE DE AGRONOMIA ELISEU MACIEL DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA RURAL COMO PREPARAR UMA APRESENTAÇÃO

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS FACULDADE DE AGRONOMIA ELISEU MACIEL DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA RURAL COMO PREPARAR UMA APRESENTAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS FACULDADE DE AGRONOMIA ELISEU MACIEL DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA RURAL COMO PREPARAR UMA APRESENTAÇÃO Prof. Dr. Antônio Lilles Tavares Machado Pelotas, agosto de 2005 COMO

Leia mais

OBJEÇÕES INSTRUMENTO DE SUCESSO O LADO POSITIVIO DAS OBJEÇÕES PARA APRIMORAR O PROFISSIONAL DE VENDAS. Vista a camisa do 0800 E SEJA UM VENCEDOR!!!

OBJEÇÕES INSTRUMENTO DE SUCESSO O LADO POSITIVIO DAS OBJEÇÕES PARA APRIMORAR O PROFISSIONAL DE VENDAS. Vista a camisa do 0800 E SEJA UM VENCEDOR!!! OBJEÇÕES INSTRUMENTO DE SUCESSO O LADO POSITIVIO DAS OBJEÇÕES PARA APRIMORAR O PROFISSIONAL DE VENDAS. OBJEÇÕES VILÃS OU OPORTUNIDADES? A VISÃO ORIENTAL SOBRE Um para CRISE PERIGO (JI) A VISÃO ORIENTAL

Leia mais

Como preparar um seminário. Prof. Dr. Guanis de Barros Vilela Junior

Como preparar um seminário. Prof. Dr. Guanis de Barros Vilela Junior Como preparar um seminário Prof. Dr. Guanis de Barros Vilela Junior O que é um seminário? Dinâmica de estudo em grupo que visa o estudo em profundidade de um tema. Pressupõe a participação ativa de todos

Leia mais

Pesquisas e seminários Como fazer?

Pesquisas e seminários Como fazer? +++ + COLÉGIO DOS SANTOS ANJOS Avenida Iraí, 1330 - Planalto Paulista - Telefax: 5055.0744 04082-003 - São Paulo - e-mail: colsantosanjos@colegiosantosanjos.g12.br Site: www.colegiosantosanjos.g12.br Q

Leia mais

Regulamento do Trabalho de Conclusão de Curso. Faculdade da Cidade de Santa Luzia - FACSAL

Regulamento do Trabalho de Conclusão de Curso. Faculdade da Cidade de Santa Luzia - FACSAL Regulamento do Trabalho de Conclusão de Curso Faculdade da Cidade de Santa Luzia - 2014 REGULAMENTO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO Art. 1º -O Trabalho de Conclusão de Curso tem por objetivos contribuir

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOS CURSO DE GRADUAÇÃO EM GERONTOLOGIA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOS CURSO DE GRADUAÇÃO EM GERONTOLOGIA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOS CURSO DE GRADUAÇÃO EM GERONTOLOGIA REGULAMENTO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO (TCC) São Carlos 2012 SUMÁRIO Capitulo I Da definição e objetivos... 03 Capítulo II Da

Leia mais

MARKETING PESSOAL. Professor Victor Sotero

MARKETING PESSOAL. Professor Victor Sotero MARKETING PESSOAL Professor Victor Sotero Você esta fazendo o que gosta? O que estará fazendo daqui a 5,10 ou 15 anos? Você esta preparado para fazer o que quer e gosta? Como fazer para estar preparado

Leia mais

Inspirados pelo Autismo

Inspirados pelo Autismo INSPIRADOS PELO AUTISMO Inspirados pelo Autismo Folheto Informativo Recrutando Voluntários no Programa Son-Rise As seguintes informações foram retiradas de um resumo do manual do Start-Up, o curso de introdução

Leia mais

:: Cuidados na Elaboração de uma Redação Científica

:: Cuidados na Elaboração de uma Redação Científica :: Cuidados na Elaboração de uma Redação Científica José Mauricio Santos Pinheiro em 21/04/2005 Os princípios indispensáveis à redação científica podem ser resumidos em quatro pontos fundamentais: clareza,

Leia mais

Ensino ativo para uma aprendizagem ativa: Eu quero saber fazer. Karina Grace Ferreira de Oliveira CREFITO 25367-F FADBA

Ensino ativo para uma aprendizagem ativa: Eu quero saber fazer. Karina Grace Ferreira de Oliveira CREFITO 25367-F FADBA Ensino ativo para uma aprendizagem ativa: Eu quero saber fazer. Karina Grace Ferreira de Oliveira CREFITO 25367-F FADBA Em ação! PARTE 1: (5 minutos) Procure alguém que você não conhece ou que conhece

Leia mais

Como fazer uma apresentação científica

Como fazer uma apresentação científica Como fazer uma apresentação científica Pedro Vasconcelos DCC/FCUP 2011 Pedro Vasconcelos (DCC/FCUP) Como fazer uma apresentação científica 2011 1 / 61 Baseado nos slides de Olivier Danvy, BRICS, University

Leia mais

Richard Uchôa C. Vasconcelos CEO LEO Brasil. leolearning.com

Richard Uchôa C. Vasconcelos CEO LEO Brasil. leolearning.com Richard Uchôa C. Vasconcelos CEO LEO Brasil leolearning.com O tema hoje é engajamento, vamos falar de dez maneiras de engajar o público em treinamentos a distância. Como vocês podem ver, toda a minha apresentação

Leia mais

www.marketingparafotografos.com.br

www.marketingparafotografos.com.br www.marketingparafotografos.com.br Todos os direitos reservados sobre o material 2014 Fica proibida distribuição, cópia integral ou parcial sem a permissão do autor DICA 1 Sobre o que escrever Antes de

Leia mais

ANEXO II METODOLOGIA DA PESQUISA RELATÓRIO TÉCNICO CIENTÍFICO NBR 10719

ANEXO II METODOLOGIA DA PESQUISA RELATÓRIO TÉCNICO CIENTÍFICO NBR 10719 ANEXO II METODOLOGIA DA PESQUISA RELATÓRIO TÉCNICO CIENTÍFICO NBR 10719 Documento que relata formalmente os resultados ou progressos obtidos em investigação de pesquisa e desenvolvimento ou que descreve

Leia mais

Saiba como tirar partido de. Ana Leitão

Saiba como tirar partido de. Ana Leitão Saiba como tirar partido de Ana Leitão O que pode correr mal numa apresentação? Descubra o que mais o assusta, conheça as suas fragilidades para as superar. Prévios Definição de metas/objectivos Selecção

Leia mais

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO - TCC -

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO - TCC - Sociedade de Medicina Veterinária da Bahia União Metropolitana para o Desenvolvimento da Educação e Cultura CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO - TCC - Lauro de Freitas Bahia Brasil

Leia mais

Pré-texto. Texto. Pós-texto. Estrutura do Trabalho Final de Curso. A estrutura do Trabalho Final de Curso compreende: pré-texto, texto e pós-texto.

Pré-texto. Texto. Pós-texto. Estrutura do Trabalho Final de Curso. A estrutura do Trabalho Final de Curso compreende: pré-texto, texto e pós-texto. Estrutura do Trabalho Final de Curso A estrutura do Trabalho Final de Curso compreende: pré-texto, texto e pós-texto. Pré-texto Capa Folha de Rosto Dedicatória Agradecimentos Epígrafe Resumo Sumário Texto

Leia mais

Como tornar sua apresentação atrativa e interessante

Como tornar sua apresentação atrativa e interessante Como tornar sua apresentação atrativa e interessante Luciana Alvim Santos Romani, alvim@icmc.usp.br, ICMC-USP São Carlos Agma Juci Machado Traina, agma@icmc.usp.br, ICMC-USP São Carlos Por onde começar

Leia mais

PÉ DE MOLEQUE, CANJICA, E OUTRAS RECEITAS JUNINAS: UM JEITO GOSTOSO DE APRENDER A LER E ESCREVER

PÉ DE MOLEQUE, CANJICA, E OUTRAS RECEITAS JUNINAS: UM JEITO GOSTOSO DE APRENDER A LER E ESCREVER PÉ DE MOLEQUE, CANJICA, E OUTRAS RECEITAS JUNINAS: UM JEITO GOSTOSO DE APRENDER A LER E ESCREVER C.E.I Prof.ª DULCE DE FARIA MARTINS MIGLIORINI Sala 4 2ª Sessão Professora Apresentadora: Iriana Aparecida

Leia mais

METODOLOGIA DO TRABALHO CIENTÍFICO RESUMOS, FICHAMENTOS E RESENHA

METODOLOGIA DO TRABALHO CIENTÍFICO RESUMOS, FICHAMENTOS E RESENHA METODOLOGIA DO TRABALHO CIENTÍFICO RESUMOS, FICHAMENTOS E RESENHA RESUMOS Definição: é a apresentação concisa e freqüentemente seletiva do texto, destacando-se os elementos de maior interesse e importância,

Leia mais

FACULDADE CAMPO REAL CURSO DE NUTRIÇÃO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO

FACULDADE CAMPO REAL CURSO DE NUTRIÇÃO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO FACULDADE CAMPO REAL CURSO DE NUTRIÇÃO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO Caracterização A elaboração do Trabalho de Curso fundamenta-se nas Diretrizes Curriculares Nacionais do Curso de Graduação em Nutrição,

Leia mais

Curso Técnicas de Apresentação

Curso Técnicas de Apresentação Curso Técnicas de Apresentação Autor Marcos Sêmola marcos@semola.com.br 2003 1 Agenda Visão Geral Dicas de Postura Dicas de Planejamento Dicas de Material Dicas de Exploração Dicas de Diferenciação Dica

Leia mais

MANUAL DO TCC TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO PEDAGOGIA. Belo Horizonte 2013

MANUAL DO TCC TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO PEDAGOGIA. Belo Horizonte 2013 1 MANUAL DO TCC TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO PEDAGOGIA Belo Horizonte 2013 2 1 APRESENTAÇÃO Com o objetivo de facilitar o entendimento quanto ao Trabalho de Conclusão de Curso TCC, a Coordenação do Curso

Leia mais

CURSOS DE ENFERMAGEM, FONOAUDIOLOGIA E NUTRIÇÃO FACULDADE FÁTIMA MANUAL ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS (APS)

CURSOS DE ENFERMAGEM, FONOAUDIOLOGIA E NUTRIÇÃO FACULDADE FÁTIMA MANUAL ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS (APS) CURSOS DE ENFERMAGEM, FONOAUDIOLOGIA E NUTRIÇÃO FACULDADE FÁTIMA MANUAL ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS (APS) APRESENTAÇÃO Este Manual tem como objetivo fornecer orientações para a realização das Atividades

Leia mais

Introdução. O que é um survey? Projeto de Surveys. Tópicos Especiais em E.S.: Surveys. Cleidson de Souza. representatividade de amostras;

Introdução. O que é um survey? Projeto de Surveys. Tópicos Especiais em E.S.: Surveys. Cleidson de Souza. representatividade de amostras; Introdução Tópicos Especiais em E.S.: Surveys Cleidson de Souza LABES - DI - UFPA cdesouza@ufpa.br! Um dos principais exemplos de pesquisa empírica:! Pesquisas de votos;! Pesquisas de opinião pública;!

Leia mais

ÍNDICE... 1 DICAS DE INSTAGRAM... 4 QUEM É ANA TEX?... 5 CONTEÚDO DE ALTA QUALIDADE... 6 CONSISTÊNCIA NAS POSTAGENS... 7

ÍNDICE... 1 DICAS DE INSTAGRAM... 4 QUEM É ANA TEX?... 5 CONTEÚDO DE ALTA QUALIDADE... 6 CONSISTÊNCIA NAS POSTAGENS... 7 1 Índice ÍNDICE... 1 DICAS DE INSTAGRAM... 4 QUEM É ANA TEX?... 5 CONTEÚDO DE ALTA QUALIDADE... 6 QUAL É O VALOR QUE VOCÊ PODE OFERECER PARA A SUA AUDIÊNCIA?... 6 CONSISTÊNCIA NAS POSTAGENS... 7 VOCÊ PRECISA

Leia mais

REGULAMENTAÇÃO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO (TCC) DO CURSO DE BIOTECNOLOGIA

REGULAMENTAÇÃO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO (TCC) DO CURSO DE BIOTECNOLOGIA Rua Gabriel Monteiro da Silva, 700. Alfenas MG. CEP 37130-000 REGULAMENTAÇÃO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO (TCC) DO CURSO DE BIOTECNOLOGIA Resolução nº 024/2011 da Pró-Reitoria de Graduação Em atendimento

Leia mais

Guia de Orientação na Procura de Emprego

Guia de Orientação na Procura de Emprego Guia de Orientação na Procura de Emprego Prepare-se para procurar emprego A procura de emprego é um trabalho que exige planeamento, esforço e análise. Onde quero trabalhar? Que tipo de empregos me interessam?

Leia mais

ALUNO: TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO

ALUNO: TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO 3cm ESCOLAS E FACULDADES QI CURSO TÉCNICO EM INFORMÁTICA UNIDADE: 12 - Viamão 6cm 12cm ALUNO: 15cm TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO Porto Alegre 2015 2cm 3cm ESCOLAS E FACULDADES QI CURSO TÉCNICO EM INFORMÁTICA

Leia mais

Relatório de Palestra Técnica

Relatório de Palestra Técnica Relatório de Palestra Técnica Ewaldo Luiz de Mattos Mehl Universidade Federal do Paraná Departamento de Engenharia Elétrica mehl@ufpr.br Relatório de Palestra Técnica Atividade prática Definição Objetivos

Leia mais

Imagens Mentais Por Alexandre Afonso

Imagens Mentais Por Alexandre Afonso 2 Imagens Mentais Por Alexandre Afonso 1ª Edição, 08/04/2016 As novas edições serão sempre disponibilizadas no link: http://alexandreafonso.com.br/e book imagens mentais 2016 alexandreafonso.com.br. Todos

Leia mais

Boas Práticas para Procurar e Conseguir Emprego. Porto, 22 de novembro de 2013

Boas Práticas para Procurar e Conseguir Emprego. Porto, 22 de novembro de 2013 Boas Práticas para Procurar e Conseguir Emprego Porto, 22 de novembro de 2013 Uma carreira, múltiplos caminhos 2 Procura emprego? 3 4 As cinco piores formas de encontrar emprego 1) a procura de emprego

Leia mais

Instituto de Economia. Curso de Graduação Bacharelado em Relações Internacionais. Regulamento para Monografia

Instituto de Economia. Curso de Graduação Bacharelado em Relações Internacionais. Regulamento para Monografia CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º O presente regulamento visa normatizar as atividades relacionadas a Trabalho de Conclusão do Curso (TCC) de Graduação - Bacharelado em Relações Internacionais

Leia mais

Richard Uchôa C. Vasconcelos. CEO LEO Brasil

Richard Uchôa C. Vasconcelos. CEO LEO Brasil Richard Uchôa C. Vasconcelos CEO LEO Brasil O tema hoje é engajamento, vamos falar de dez maneiras de engajar o público em treinamentos a distância. Como vocês podem ver, toda a minha apresentação está

Leia mais

Conteúdo. Como ler artigos científicos... 2

Conteúdo. Como ler artigos científicos... 2 Comol era r t i gos c i ent íc os Conteúdo Como ler artigos científicos... 2 Dicas de como ler o artigo... 4 Guia de como ler um artigo:... 5 Atividade 1... 7 Etapa 1... 7 Etapa 2... 8 Etapa 3... 8 Etapa

Leia mais

INSTITUTO DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL BRAVA GENTE REGIMENTO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO

INSTITUTO DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL BRAVA GENTE REGIMENTO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO INSTITUTO DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL BRAVA GENTE REGIMENTO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO Porto Alegre, 2011 1 Sede Pão dos Pobres Rua da República 801, Bloco P2, Sala 16 Porto Alegre

Leia mais

Dominando os Meios de Comunicação

Dominando os Meios de Comunicação Dominando os Meios de Comunicação CORTESIA DE Save the Children Young People s Press Prep. para os Meios de Comunicação Conhecendo os Meios de Comunicação Você deve saber que tipo de entrevista vai dar:

Leia mais

Aula 3 30/03/15. Plano da aula. Burocracias. O texto da oficina! Burocracias Formação de bancas Defesa do TCC. Entrega dos sumários

Aula 3 30/03/15. Plano da aula. Burocracias. O texto da oficina! Burocracias Formação de bancas Defesa do TCC. Entrega dos sumários Aula 3 Ritual de defesa Plano da aula O texto da oficina! Burocracias Formação de bancas Burocracias Entrega dos sumários Entrega dos documentos de aceite dos orientadores 1 Do ponto de vista da estrutura

Leia mais

SEU INGLÊS ESTÁ PRONTO PARA O CANADÁ?

SEU INGLÊS ESTÁ PRONTO PARA O CANADÁ? SEU INGLÊS ESTÁ PRONTO PARA O CANADÁ? Se você quer aplicar para conseguir o visto de residência permanente no Canadá, vai precisar, antes de mais nada, de um certificado que ateste a sua proficiência na

Leia mais

Buscamos compreender como ocorrem os processos de desenvolvimento humano, organizacional e social

Buscamos compreender como ocorrem os processos de desenvolvimento humano, organizacional e social instituto fonte... Buscamos compreender como ocorrem os processos de desenvolvimento humano, organizacional e social e a arte de neles intervir. Buscamos potencializar a atuação de iniciativas sociais,

Leia mais

TÉCNICAS DE APRESENTAÇÃO

TÉCNICAS DE APRESENTAÇÃO TÉCNICAS DE APRESENTAÇÃO Objectivos Enfatizar a utilidade das Técnicas de Apresentação Identificar os principais erros e técnicas para os corrigir Reforçar a importância da preparação Apresentações Os

Leia mais

Copiright de todos artigos, textos, desenhos e lições. A reprodução parcial ou total desta aula só é permitida através de autorização por escrito de

Copiright de todos artigos, textos, desenhos e lições. A reprodução parcial ou total desta aula só é permitida através de autorização por escrito de 1 Nesta aula você aprenderá a diferenciar um desenhista de um ilustrador e ainda iniciará com os primeiros exercícios de desenho. (Mateus Machado) O DESENHISTA E O ILUSTRADOR Ainda que não sejam profissionais

Leia mais

O PROJETO DE PESQUISA. Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. http://about.me/tilfrozza

O PROJETO DE PESQUISA. Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. http://about.me/tilfrozza O PROJETO DE PESQUISA Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. http://about.me/tilfrozza ROTEIRO Escolher um tema de pesquisa Por onde começar? Ler para aprender Estrutura do Projeto de Pesquisa A Definição

Leia mais

Reunião TCC 2010 - I

Reunião TCC 2010 - I Reunião TCC 2010 - I Conteúdo Descrição Geral TCC I TCC II Descrição A disciplina de TCC se divide em dois módulos TCC I (150h) e TCC II (190h). Estes módulos deverão ser executados pelo aluno em semestres

Leia mais

Este e-book é um presente para você, que assistiu à palestra no Congresso de Acessibilidade.

Este e-book é um presente para você, que assistiu à palestra no Congresso de Acessibilidade. Sou Patrícia Arantes, diretora da agência RZT Comunicação e psicanalista. Este e-book é um presente para você, que assistiu à palestra no Congresso de Acessibilidade. A comunicação eficaz se dá por uma

Leia mais

PRINCÍPIOS DE APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS COM AUXÍLIO DO POWERPOINT

PRINCÍPIOS DE APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS COM AUXÍLIO DO POWERPOINT Universidade do Estado da Bahia Monitoria de Física Geral e Experimental I PRINCÍPIOS DE APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS COM AUXÍLIO DO POWERPOINT Victor Mendes Lopes 1.0 Design Simples, moderno ou

Leia mais

Treinamento de Líderes Ministério da Mulher

Treinamento de Líderes Ministério da Mulher 1 Treinamento de Líderes Ministério da Mulher Introdução A liderança feminina sempre encontra barreiras impostas pelas tradições; é necessário que a mulher vença o seu interior, disponha-se a liderar e

Leia mais

Como Eu Começo meu A3?

Como Eu Começo meu A3? Como Eu Começo meu A3? David Verble O pensamento A3 é um pensamento lento. Você está tendo problemas para começar seu A3? Quando ministro treinamentos sobre o pensamento, criação e uso do A3, este assunto

Leia mais

SAP Forum Brasil 2015 Conteúdo de Parceiros

SAP Forum Brasil 2015 Conteúdo de Parceiros SAP Forum Brasil 2015 Conteúdo de Parceiros Marketing Outubro, 2014 Agenda Sobre o SAP Forum Tema do evento Imagem oficial Principais pontos Posicionamento / entendimento desejável Abordagem geral de conteúdo

Leia mais

C A R R E I R A H O G A N D E S E N V O L V E R DICAS DE DESENVOLVIMENTO PARA GESTÃO DE CARREIRA. Relatório para: Tal Fulano ID: HC748264

C A R R E I R A H O G A N D E S E N V O L V E R DICAS DE DESENVOLVIMENTO PARA GESTÃO DE CARREIRA. Relatório para: Tal Fulano ID: HC748264 S E L E C I O N A R D E S E N V O L V E R L I D E R A R H O G A N D E S E N V O L V E R C A R R E I R A DICAS DE DESENVOLVIMENTO PARA GESTÃO DE CARREIRA Relatório para: Tal Fulano ID: HC748264 Data: 12,

Leia mais

APRESENTAÇÃO: SLIDE. 2. Conte uma história

APRESENTAÇÃO: SLIDE. 2. Conte uma história APRESENTAÇÃO: SLIDE 1. Apresentação primeiro, PowerPoint segundo O maior erro que as pessoas cometem ao criar uma apresentação em PowerPoint é quefazem dela o foco da apresentação. O foco deveria ser a

Leia mais

consultoria de imagem executiva e corporativa ILANA BERENHOLC & PATRICIA DALPRA TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

consultoria de imagem executiva e corporativa ILANA BERENHOLC & PATRICIA DALPRA TODOS OS DIREITOS RESERVADOS consultoria de imagem executiva e corporativa Sobre NOSSO CURSO A atuação no mercado corporativo requer, além dos conhecimentos técnicos relacionados à consultoria de imagem, o conhecimento das expectativas

Leia mais

PRIMEIRA COISA QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE RELATÓRIOS:

PRIMEIRA COISA QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE RELATÓRIOS: RELATÓRIOS RELATÓRIOS RELATÓRIOS PRIMEIRA COISA QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE RELATÓRIOS: EXISTEM CERTAS COISAS QUE SÓ APRENDENDEMOS FAZENDO, TESTANDO E FAZENDO DE NOVO. POR SORTE, NÃO APRENDEMOS NUNCA

Leia mais