Datacenter Infrastructure Management (DCIM) e o futuro: novas oportunidades para o Canal

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Datacenter Infrastructure Management (DCIM) e o futuro: novas oportunidades para o Canal"

Transcrição

1 especial Datacenter Infrastructure Management Datacenter Infrastructure Management (DCIM) e o futuro: novas oportunidades para o Canal A gestão de infraestruturas de centros de dados (ou DCIM, do inglês Datacenter Infrastruture Management) não é propriamente um conceito novo, e tem vindo a ser falada e debatida pela indústria das TI pelo menos desde Contudo, algumas das tendências mais recentes entre as quais o crescente recurso à virtualização e aos diferentes serviços na Cloud têm vindo a aumentar a sua importância Ricardo Pinto 18 A IDC refere nas suas dez previsões tecnológicas para este ano que os serviços PaaS, SaaS e IaaS continuarão a ser um viveiro de atividade ao longo de todo o ano, com investimentos na ordem dos 118 mil milhões de dólares, e que o IaaS verá um crescimento da sua adoção de 36%, causado sobretudo pela resposta da concorrência aos Amazon Web Services (AWS), da multinacional Amazon: a articulação entre os típicos centros de dados locais de empresas e de outras instituições e as cada vez mais recorrentes soluções de cloud storage/computing vão continuar a impulsionar o mercado dos sistemas de datacenters. O recém-publicado relatório da IHS, chamado Datacenter Infrastructure Management (DCIM) Report 2014, refere que as suites de produtos deste tipo geravam 280 milhões de dólares de receitas no final do ano passado e estima que o mercado cresça 30,5% em O desenho e a gestão adequados das diferentes infraestruturas de centros de dados estão pois a tornar-se cada vez mais críticos para uma gestão eficaz dos respetivos recursos, o que constitui uma oportunidade de crescimento e de diversificação do portfólio para muitos integradores. O que é a DCIM? A DCIM é basicamente uma categoria de soluções que foram criadas de modo a ampliar as convencionais funções de gestão de centros de dados incluindo todos os componentes físicos e recursos presentes em infraestruturas e domínios das TI: visa congregar as áreas das tecnologias da informação e da gestão de infraestruturas com o objetivo de centralizar a monitorização, o controlo e o planeamento dos sistemas críticos dos centros de dados. A sua adoção requer um conjunto especializado de software, de hardware e de sensores. A crescente importância da área tem contribuído para o

2 especial surgimento e a evolução de várias métricas de desempenho relevantes para a indústria entre elas a Power Usage Effectiveness (PUE) e a Datacenter Energy Productivity (DCeP). Embora em 2014 mais de 75 empresas em todo o mundo tenham identificado a sua oferta de produtos e serviços como fazendo parte do segmento de mercado DCIM, somente um terço destas oferecem soluções realmente abrangentes e integradoras. A maior parte dos profissionais do setor das TI estão familiarizados com os convencionais métodos de monitorização de infraestruturas entre os quais os alertas de falha do sistema (downtime), a avaliação dos componentes dos servidores e/ou dos recursos, e as análises de latência da rede. Diversos produtos cumprem estas funções básicas de verificação da qualidade do ambiente, do software e dos sistemas físicos dos centros de dados. As soluções DCIM possibilitam, contudo, uma abrangência e uma capacidade de ação muito maior, tornando-se particularmente prementes aquelas que num país como Portugal, onde as perspetivas de construção de datacenters de raiz não são muito auspiciosas permitem tiram o melhor partido de um parque instalado. Para o Vice-Presidente do IT Business da Schneider Electric, João Rodrigues, o mercado diz-nos que reestruturações/modernizações emergentes de centros de dados são urgentes - haverá necessidade de datacenters de 10 anos avançarem com a sua modernização. Assim, encontramos oportunidades existentes ao nível dos datacenters, graças a auditorias energéticas, de expertise e de melhoria de condições tecnológicas. João Rodrigues adianta que o software DCIM acaba por proporcionar uma visão completa da saúde de um centro de dados e uma das suas áreas de funcionalidade consiste na proteção das máquinas virtuais. A sua habilidade de correlacionar potência, arrefecimento e recursos de espaço para servidores individuais significa que as ferramentas DCIM podem, de uma forma proativa, identificar e resolver problemas na infraestrutura física com o mínimo de intervenção humana. É sobre a rentabilização destes investimentos realizados em DCIM, sobretudo no que diz respeito aos datacentes existentes, que é necessário os parceiros de Canal calcularem objetivamente como parte fundamental da argumentação junto dos seus clientes. O Cubo da Portugal Telecom na Covilhã é certificado com o nível de Tier III. Num estudo realizado o ano passado pela consultora independente Forrester, para a Emerson Network Power, ficou demonstrado que o retorno de 100% do investimento numa solução DCIM poderia ocorrer num período tão curto como 13 meses. A análise decorreu sobre os investimentos realizados em três datacenters pertencentes ao mesmo cliente, depois deste adotar uma solução integrada da Emerson. Num ambiente económico ainda não muito propício a investimentos de longo-prazo é preciso trazer vantagens imediatas aos clientes e curvas de retorno rápidas, frequentemente sobre o que já existe. Muitas vezes, o desafio é ter uma arquitetura técnica adequada para apoiar as integrações necessárias para implementar DCIM, afirma Tiago Caneiras, responsável da Eaton pelo negócio dos datacenters em Portugal. A Eaton tem como ponto de partida alcançar a maior disponibilidade e rentabilidade no datacenter para a redução dos encargos financeiros e ambientais do centro de dados. É importante que os integradores e os clientes finais procurem produtos e serviços DCIM que se adequem tanto à disponibilidade financeira dos proprietários dos datacenters como às necessidades reais destes últimos, que são classificados por meio do sistema de quatro Tiers ( níveis ), especialmente criado pelo Uptime Institute e validado pelo Owner Advisory Committee. Esta classificação, já aceite em mais de 40 países tem, como referido, quatro patamares. Tier I ou nível básico, onde não existem preocupações de redundância com os vários sistemas, e os trabalhos de manutenção obrigam à suspensão temporária dos serviços prestados; por exemplo, os sites hospedados pelos servidores: estes são também afetados pelas falhas de distribuição e de capacidade. Tier II têm já algumas preocupações com elementos redundantes, embora ainda obriguem a períodos de downtime para as operações de manutenção. Tier III é o primeiro a permitir a remoção de componentes de um modo planeado sem afetar as operações. Obriga a dupla alimentação de todo o harware (paralela), assim como a caminhos alternativos para todas as ligações dos equipamentos. Tier IV são os únicos com a capacidade para tolerar falhas de equipamento individual ou a interrupção dos caminhos de distribuição sem afetar as operações sendo os mais robustos e impérvios a problemas de diversos tipos, graças aos seus subsistemas totalmente redundantes (de energia elétrica, arrefecimento, redes de dados, armazenamento, etc.) e às suas zonas de segurança compartimentadas e controladas por formas de controlo de acesso biométrico. A disponibilidade dos dados a partir do hardware varia de 99,671% no caso do Tier I até 99,995% no caso do Tier IV. É claro que a remodelação dos espaços, nomeadamente com a ajuda de soluções de DCIM, pode permitir o seu upgrade ajudando-os a alcançar não só níveis superiores de redundância, modularidade, compartimentação e automação, mas também uma monitorização mais fácil e intuitiva de todos os subsistemas através de interfaces gráficas em 3D. Em última análise, a diminuição dos custos com a manutenção e a correção de problemas dos centros de dados permite às empresas canalizarem maiores fatias do seu orçamento de IT para investimento em inovação noutras áreas. 19

3 especial Datacenter Infrastructure Management As grandes diferenças das soluções DCIM face a tradicionais sistemas de monitorização A Datacenter Infrastructure Management pode ser comparada a um puzzle cujas diversas peças formam um todo coeso. A monitorização convencional de infraestruturas centra-se maioritariamente em somente uma ou num número reduzido dessas peças, estando outras em falta ou não conseguindo suprir necessidades expostas pelo surgimento de tecnologias mais recentes: pode, por exemplo, pode informar que os servidores estão operacionais, mas não tem capacidade para saber quantas unidades virtualizadas são necessárias em cada momento e assim organizar num determinado espaço e, simultaneamente, arrefecê-las de forma segura. As 10 Principais Trends do DCIM 20 A indústria dos datacenters tem assistido recentemente à emergência de tendências que, se bem analisadas, podem ajudar tanto os integradores como os seus clientes a tirarem o melhor partido das soluções DCIM. As mais importantes são: 1. A divisão do mercado em dois segmentos. a) O primeiro é a gestão dos ativos IT dentro dos bastidores para uma otimização ao longo de grandes períodos de tempo. b) O segundo a gestão e otimização das infraestruturas de fornecimento de energia elétrica, água, climatização e segurança física. A maioria dos fabricantes está agora a reconhecer a divisão entre ambos os campos, embora não existam ainda no mercado ofertas de soluções realmente convergentes. 2. O reconhecimento da DCIM como ferramenta estratégica. Em vez de um conjunto de soluções díspares e desconectadas que solucionam problemas de forma reativa, as suites DCIM são vez mais encaradas como aquisições obrigatórias e capazes de planear a operação de datacenters a longo prazo e com reduções substanciais de custos. 3. O estatuto de System of Record (SOR). A evolução das ferramentas DCIM está a conduzir a uma cada vez menor duplicação de registos, de tal forma que, nos casos das implementações mais bem-sucedidas, a integridade dos dados operacionais se tornou muitíssimo elevada levando aqueles sistemas a serem reconhecidos como a verdadeira representação do desempenho de datacenters. 4. A evolução de datacenters como re-engenharia. A DCIM é uma base importante para o crescimento otimizado dos centros de dados, impedindo que se tornem num repositório altamente ineficiente, e, muitas vezes mal documentado, de alterações privilegiando o correto planeamento de todos os processos. 5. O aumento da popularidade do SaaS. O já referido Software-as-a-Service (SaaS) está a ser cada vez mais disponibilizado pelas empresas em alternativa às típicas soluções implementadas on-premise, e a sua capacidade de resposta aproxima-se cada vez mais destas últimas. As ofertas SaaS têm a enorme vantagem de poderem ser financiadas como despesas operacionais, em vez de como despesas de capital, o que permite uma maior flexibilidade na construção e gestão do datacenter. 6. A DCIM perde a imagem de ilha. Correntemente, a capacidade de integração de atividades de IT Service Management (ITSM) é muito importante no processo de seleção de um novo fornecedor de suites DCIM pelo que as capacidades stand-alone destas têm de ser complementadas com outras soluções de gestão crítica. 7. A integração próxima com soluções de virtualização. Mais de 50% dos servidores atuais estão virtualizados, razão pela qual as ofertas DCIM com o maior potencial são aquelas que permitem uma intensa interligação com soluções de virtualização. Entre os elementos mais cruciais nesta área estão, por exemplo, a representação em tempo real da existência e do estado dos servidores virtuais nos equipamentos de hardware de base. 8. O reforço do uso de sensores integrados. A inclusão, por parte dos fabricantes, de sensores de origem nos vários tipos de componentes fornecidos é uma tendência cada vez mais presente no setor dos datacenters e está a ajudar a reduzir os custos financeiros e a complexidade a que aqueles obrigavam possibilitando um rápido acesso a métricas como o consumo de energia ou a segurança física. 9. A exatidão do estado de CIs/equipamentos por diferentes formas. É cada vez mais habitual a adoção de processos de checks and balances dentro do próprio centro de dados com o objetivo de assegurar que os modelos DCIM refletem realmente as condições no local. Tais processos incluem auditorias manuais com folhas de cálculo, leitores manuais de códigos de barras, ou automáticos, à base de tecnologia RFID, ou mesmo a combinação de informação por conectores CMDB. 10. A adoção da DCIM a um nível abragente a toda a empresa. As atuais ofertas de suites têm capacidade para monitorizar e para controlar dezenas de milhares de racks espalhados por diferentes localizações físicas ao contrário do que acontecia no seu período inicial de desenvolvimento.

4 especial A DCIM é capaz de colmatar tais pontos através da introdução de conceitos como: Rastreamento de ativos. Gestão de alterações. Análise de sistemas virtuais lógicos, e da forma como interagem com o hardware físico. Gestão das operações de serviços de base (utilities) como a energia elétrica e o HVAC de uma perspetiva de consumo, de eficiência e de redução de custos. Maximização da utilização do sistema para a melhoria da sua eficiência. Consolidação de recursos/localizações. Otimização da infraestrutura física (incluindo a gestão dos próprios espaços), de modo a obter uma maior capacidade. Monitorização com várias camadas. Planeamento futuro através da simulação de diferentes cenários. Existem diversas suites de software e produtos que dão resposta a vários destes pontos, mas o objetivo da DCIM é unificá-los através de um ponto de administração centralizado que não só acomode dinamicamente as alterações provocadas pelos diferentes componentes, mas também que possa ser independente de uma determinado espaço físico, permitindo, por exemplo, a gestão conjunta de múltiplos centros de dados. Pontos a considerar no planeamento e remodelação das infraestruturas Tal como tem acontecido até ao momento, as organizações continuam a encarar a DCIM como uma forma de otimizar a disponibilidade, a eficiência e a sustentabilidade dos centros de dados. Contudo, o previsto crescimento do recurso a ambientes de hosting e na cloud, durante 2015, deverá aumentar a pressão das empresas sobre os providers externos para alcançarem os mesmos níveis de redução de custos que elas conseguiriam com essas soluções. A DCIM será encarada não tanto como uma ferramenta operacional, mas muito mais como um possibilitador estratégico: os responsáveis pelos datacenters deverão não só usar os dados recolhidos nestes últimos para otimizar o seu desempenho, mas também para tentar evitar potenciais problemas e planear ações futuras Por outro lado, a melhoria da capacidade de gestão vai alcançar uma posição de primazia, pois terá de ser unificada de forma transversal a todos os recursos para prevenir falhas ou quebras de desempenho na sequência do aumento de densidade dos centros de dados. As organizações tenderão a adotar a chamada Converged Capacity Management, na qual as soluções DCIM fornecerão uma perspetiva crítica de elementos-chave (como o consumo de energia elétrica, a utilização dos racks ou a distribuição da refrigeração), relativamente à capacidade de armazenamento ou de computação dos centros de dados. A agilidade das redes manter-se-á como uma prioridade na indústria dos datacenters para Embora os DevOps sejam vitais para acelerar a parte front- -end do desenvolvimento de aplicações, a DCIM tem a tarefa crucial de salvaguardar os bastidores por exemplo, através do alerta de equipas de IT e de infraestruturas para potenciais hotspots dos centros de dados, que podem criar interrupções nos ambientes de produção e desenvolvimento. As organizações vão aumentar fortemente a capacidade de automação das DCIM durante 2015, efetuando a transição das cargas de trabalho de desenvolvimento e de produção entre diferentes recursos das infraestruturas Por fim, as empresas deverão continuar a interligar os seus recursos de centros de dados a serviços por si prestados, de maneira a alcançar um melhor desempenho: em 2015, a DCIM terá um papel importante na ligação entre as TI e os negócios propriamente ditos, estimando-se que ajude as empresas a tomarem decisões de investimento mais informadas. Os primeiros centros de dados em Portugal A história dos centros de dados em Portugal ficou intimamente ligada à IBM portuguesa. Poderá algum leitor ainda se lembrar da conta da luz em Lisboa, que na verdade até à década de 60 era um cartão perfurado emitido pela Companhias Reunidas de Gás e Electricidade (CRGE), o primeiro cliente IBM em Portugal. Aqui a antecessora da EDP foi verdadeiramente pioneira, como nota o professor Eduardo Beira em Protagonistas da informática em Portugal, porque a IBM só contava em toda a Europa com 17 clientes em 1938, sendo a nossa CRGE uma delas. A transição da mecanografia para a informática ocorreu em Portugal quase a par do que acontecia lá fora na passagem para a década de 60 com o IBM 650 (1959 na Hidroelétrica do Cávado) os UNIVAC (I.N.E.), os Elliot, em 1961 no Banco Pinto de Magalhães, e também no L.N.E.C., onde a partir de 1963 foi parte importante no cálculo de grandes estruturas como os projetos hídricos. A primeira Universidade a dispor de um computador e de um centro de dados foi a Universidade do Porto, em 1967, com o NCR Elliott 4100 de 16 O Elliott 4100 (NCR) de 16 KB, instalado na Faculdade de Ciências da Universidade do Porto, em Dezembro de KB, cujo custo foi de contos ( euros a preços da altura) Mas são os primeiros IBM da família S/360, em meados da década de 60, que acabaram por marcar o caminho do Mainframe e do centro de dados. A venda mais importante da IBM na altura foi a instalação de três unidades IBM S/370 e cerca de 300 terminais na TAP, em 1971, um negócio de relevo mundial para o fabricante. O centro de dados do IBM S/360, nas antigas instalações na praça de Alvalade, no início dos anos 70. Fotos do colaborador da IBM Fernando Penim Redondo. 21

5 especial Datacenter Infrastructure Management Implementação rápida do data center modular estratégico da T-Systems Um estudo de caso da Emerson Network Power A base do programa de consolidação de data centers da T-Systems A construção do data center de Cerdanyola del Vallès em Barcelona é a base do programa de consolidação e transformação da T-Systems e permite-nos fornecer serviços em cloud pela Europa fora, afirmou Raúl Saura, Diretor da divisão de Serviços Dinâmicos de Plataformas na T-Systems Iberia. Para alcançar objetivos estratégicos, foi fundamental implementar de forma rápida um data center de núcleo duplo Tier III topo de gama. Tradicional ou Modular? Advertorial 22 A Emerson Network Power foi a empresa selecionada pela T-Systems para disponibilizar um data center modular Tier III topo de gama. Empresa de consultoria e serviços de TI globais fundada no ano 2000 como filial da Deutsche Telekom, a T-Systems é uma das maiores empresas de serviços de TI na Europa com capacidade de fornecimento global. Com sede em Frankfurt, a T-Systems disponibiliza soluções integradas para organizações multinacionais e instituições do setor público. Com soluções de telecomunicações e TI ponta-a-ponta e a sua dedicada equipa na gestão de inovações, a T-Systems apresenta-se como líder inovadora no campo das TI. Seguindo a sua nova visão estratégica de fornecimento de serviços em cloud, a necessidade de expansão da empresa no que diz respeito a data centers ganhou contornos de verdadeira importância. Para cumprir com as expetativas da T-Systems e de forma a cumprir os planos de negócio dos clientes, foi necessário conceber uma combinação de requisitos para obter disponibilidade, fiabilidade, segurança, escalabilidade, transparência, eficácia e sustentabilidade - tudo isto aliado a uma implementação rápida. Expandir ou construir um data center tradicional num curto espaço de tempo pode ser um grande desafio que exige recursos significativos. Depois de uma análise rigorosa, uma construção modular em contentor provou ser a opção ideal para obter de forma bem-sucedida uma rápida disponibilidade e elevados níveis de escalabilidade, permitindo mais facilmente futuras fases de expansão, além de proporcionar um investimento faseado. Avaliámos várias opções, desde a colocação à construção em tijolo e argamassa e construção em contentor modular. Depois de pesar factos e números, concluímos que a construção modular seria a solução mais eficaz para Barcelona em todos os aspetos, desde o tempo de produção e custos globais aos parâmetros de infraestrutura específicos, explicou Sven Meyer, Administrador de grupo para a Deutsche Telekom. As construções de data centers tradicionais podem demorar anos a serem concebidas, construídas e a entrarem em funcionamento. A rapidez é, definitivamente, uma das vantagens da construção modular, atendendo que podem ser obtidas taxas de poupança de tempo de até 50%. Portanto, quanto mais rapidamente estiver preparada uma nova infraestrutura, mais rápido será o retorno do investimento. O tempo de produção médio para um data center Tier III como o de Cerdanyola é de meses e conseguimos construir estas instalações com requisitos semelhantes em apenas 9 meses, afirmou Raúl. Isto traduz-se diretamente nas poupanças de custos e também num lucro mais elevado. Outra das palavras-chave é flexibilidade. Os módulos concebidos podem ser adaptados aos requisitos mais rigorosos e facilmente adicionados a uma infraestrutura existente, podendo também ser desmontados e novamente montados num local diferente de forma a satisfazer as necessidades empresariais em alteração. Além disso, as despesas operacionais e de capital podem ser adaptadas às necessidades empresariais reais. O design modular proporciona um aumento de flexibilidade e escalabilidade para futuros investimentos, ao mesmo tempo que proporciona várias vantagens para os nossos clientes, afirmou Núria Berché, Gestora de Programas na T-Systems Iberia. A Emerson Network Power colaborou connosco ao disponibilizar especialização e conhecimentos de indústria valiosos e orientando-nos no fornecimento de uma forte plataforma em cloud disponível para clientes regionais e domésticos na Europa.

6 especial Mais que um mero jogo de blocos de construção Especialmente concebido e construído nas instalações de soluções modulares integradas da Emerson Network Power na Croácia e posteriormente transferido para a sua localização em Barcelona, Espanha, o data center da T-Systems consiste em 38 módulos integrados, contendo cerca de 300 bastidores Knürr, mais de 60 unidades de thermal management Liebert e vários sistemas de alimentação de CA Chloride. A infraestrutura modular inclui isolamento, proteção contra incêndios, monitorização e controlo de acesso de segurança. Durante a construção na fábrica, foram iniciadas obras de preparação no solo para a instalação final no local. Os módulos integrados foram então entregues em conformidade com um cronograma preciso e montados e ligados a todos os sistemas de canalização, mecânicos e elétricos. Depois de finalizadas, as instalações adquiriram o aspeto de um edifício tradicional no exterior e no interior, incluindo por exemplo salas de reuniões, galerias e passagens para aceder a todas as áreas da infraestrutura. A Emerson desempenhou um trabalho excecional, não só na construção e fornecimento dos módulos do data center como também na integração e montagem no local, explicou Raúl Saura. Não se trata apenas de colocar os módulos próximos uns dos outros. É necessário construir uma infraestrutura de arrefecimento, estabelecer a rede de alimentação e tratar de uma série de outras coisas. Não é apenas um jogo de LEGO onde podemos colocar as peças num local sem que seja necessária qualquer outra ação. Essa complexidade foi abordada pela Emerson e fizeram-no de forma sublime. Além disso, estamos bastante agradados com o excelente trabalho de equipa durante a montagem, instalação e colocação em funcionamento final do data center, que foi um enorme sucesso. Ao longo da tarefa, a Emerson provou ser um fornecedor extremamente eficaz e fiável, disse ainda Sven Meyer. A maior vantagem foi a de concluir um portfolio e um ponto de referência único: o elevado grau de integração vertical provou ser decisivo ao conceber uma solução específica com ótimos tempos de produção. Um passo em direção ao futuro O data center de Cerdanyola é atualmente um dos maiores data centers modulares para a T-Systems em Espanha, com uma capacidade de carga de TI modulares de 1,1 MW, com escalabilidade até 5 MW em fases futuras. Consequentemente, a T-Systems beneficia de custos operacionais mínimos. As instalações receberam também o prémio Data Centre Market para projeto mais inovador em Espanha e foram reconhecidas pelo Uptime Institute pela sua taxa de disponibilidade de 99,98%. O design de elevada eficácia das novas instalações proporciona uma utilização eficiente da energia ( Power Usage Effectiveness - PUE) de 1,3 e permite à T-Systems reduzir o seu consumo elétrico global em 30%. Se considerarmos que 30 a 40% dos custos operacionais de um data center estão relacionados com a energia, é possível compreender o impacto nos nossos custos de produção. disse ainda Raúl. Estamos agora a transferir dados das infraestruturas existentes para este novo data center com o objetivo de obter uma consolidação em Foi absolutamente estratégico implementar este data center de forma rápida e bem-sucedida para tornar realidade a visão da T-Systems para os próximos anos. Factos e números do data center modular estratégico da T-Systems para a Europa do Sul Carga de TI de 1,1 MW; escalabilidade até 5 MW Topologia elétrica de 2 N 1,3 de PUE Implementação em 9 meses Certificação Uptime Institute Tier III para design e construção Assista ao vídeo sobre a construção do data center no canal de YouTube da Emerson Network Power. YouTube.com/EmersonNetworkPower EmersonNetworkPower.eu Siga-nos nas redes sociais: Emerson, Emerson Network Power, Chloride, Knürr, Liebert e Consider it Solved são marcas comerciais da Emerson Electric Co. ou empresas afiliadas Emerson Electric Co. Todos os outros nomes e logótipos mencionados são nomes comerciais, marcas comerciais ou marcas registadas dos respetivos proprietários. EMERSON. CONSIDER IT SOLVED. 23

7 especial Datacenter Infrastructure Management DCIM e a gestão eficiente de Centro de dados Datacenter Infrastructure Management (DCIM) é basicamente o casamento das Tecnologias de Informação (TI) com a gestão tradicional das infra-estruturas de centros de dados. Basicamente significa trazer para o âmbito da gestão das TI, o que dantes era gerido pelas plataformas dos edifícios, tipicamente a gestão da energia, do AVAC, da detecção e extinção de incêndios, do controle de acessos, da monitorização dos espaços e da Vídeo-vigilância Advertorial O conceito de DCIM revoluciona profundamente a forma como são geridos os centros de dados, correlacionando o que dantes era independente. Se do ponto de vista da disponibilidade esta abordagem faz todo o sentido, uma vez que, a maioria dos tempos de paragem eram provocados por falhas na infra-estrutura de suporte ao centro de dados, é no capítulo da eficiência energética que as técnicas de DCIM, mais imediatamente, vão impactar o funcionamento dos centros de dados. As tecnologias de DCIM permitem, hoje em dia, a percepção imediata do PUE (Power Usage Efectivness), de funcionamento de um centro de dados. Trata-se de medir a relação entre a carga IT e a carga total consumida pelo centro de dados para assegurar o funcionamento dessa carga. Trata-se, pois, de aferir a eficiência energética da infra-estrutura, sendo que esta questão, num meio crescentemente competitivo, ditado pelas alterações induzidas pela 3ª Plataforma IT, é absolutamente fundamental. Se tivermos em consideração a boa prática de dimensionar um centro de dados para uma potência média IT de 2 kw/m2, então uma sala de 50 m2, consome 100 kw de carga IT. Com um PUE tradicional que com frequência é de 2.4, o custo anual de energia eléctrica a valores de 0.11 Euros por kw/h com 23% de IVA, é de cerca de 285 k. Se com melhores soluções de eficiência reduzirmos o PUE para 1.3, banal com as soluções de arrefecimento nas filas então o custos anual será de apenas de cerca de 155 k. O que significa uma poupança anual de 130 k. Importa ainda referir duas questões muito importantes. A primeira é de que 50 m2 é um pequeno centro de dados. A segunda é que a reconversão total de um centro de dados, desta dimensão, para uma filosofia de nova geração tem um custo normalmente inferior a 150, Euros, resultando num ROI (Return Of Investement), de cerca de um ano. É, efectivamente, um desafio a que nenhuma entidade detentora de um centro de dados, deve ficar indiferente. Numa análise a 10 anos, os custos referentes ao consumo de energia eléctrica, podem superar, o que acontece frequentemente, os investimentos efectuados em TI e em toda a infra-estrutura de suporte. Infelizmente, para as entidades envolvidas, a eficiência energética de um centro de dados não é, ainda hoje, um critério frequente de desenho de um centro de dados. Isto porque, tradicionalmente, a gestão da infra-estrutura não era da responsabilidade do CIO, mas da gestão de edifícios, que se limitava a imputar os custos respeitantes à sua gestão. Esta realidade é ainda vigente na concepção e construção da maioria dos centros dados. Numa altura em que a grande preocupação dos centros de dados era serem disponíveis, esta abordagem era suficiente. Hoje, quando se pretende, que os centros de dados sejam, igualmente disponíveis, mas simultaneamente eficientes e ágeis, a abordagem tradicional começa a comprometer a competitividade dos centros de dados, situação que tende a agravar-se no futuro. A construção de um centro de dados, moderno e eficiente, assente em dois conceitos fundamentais: A eficiência dos equipamentos de TI e a eficiência da infra-estrutura de suporte. A primeira é da responsabilidade do CIO e tem que ver com aquilo que denominamos de Green-Grid, ou seja a aposta em sistema de TI modulares, eficientes e na virtualização dos sistemas, com ou sem recurso à utilização de Cloud. A segunda é da responsabilidade da gestão das infra-estruturas e tem que ver com a escolha de soluções modulares e escaláveis, com UPS eficientes e com soluções de AVAC de alto desempenho. O problema para os CIO é que, a primeira vertente está a ser executada por todos, pelo que deixa de representar uma vantagem competitiva. A segunda, na maioria dos casos não depende deles, e não está a ser efectuada de todo. Isto compromete dramaticamente a competitividade do centro de dados, por cuja gestão, são os responsáveis máximos. A realidade actual, é uma mescla de diferentes estágios. Existem CIO que não estão sequer sensibilizados para a gravidade da questão e que vivem pacificamente a aguardar um desastre que não percebem. Outros existem, que percebem a gravidade, mas não lhes compete resolver o problema, os quais vivem na ansiedade de saberem que têm um problema, mas não os meios para o resolver. Por fim, existem algumas, poucas, organizações totalmente conscientes do problema e que entregam ao CIO a gestão integral do centro de dados incluindo a sua infra-estrutura. Dentro desta pequena minoria ainda se podem distinguir os que sabem o que fazer com essa responsabilidade e aqueles, para quem, essa responsabilidade constitui um fardo que não sabem como endereçar. Importa deixar alguns dados que são relevantes para este tipo de análise: Que o consumo Médio de um Bastidor de um centro de dados é 4 KW Que o custo anual do consumo de energia de um bastidor são 3, Que para um PUE de 2.4 o consumo total é de 9, Que se reduzir o PUE para 1.3 a poupança é de 4, Que se tiver 100 bastidores a poupança pode chegar aos 425, /Ano Que conseguir um PUE de 1.3 é, hoje, um requisito fácil de atingir Acima de tudo é necessário percepcionar que a remodelação total de um centro de dados, destas dimensões, tem um ROI (Retorno de Investimento) inferior a um ano. Pedro Magalhães Enterprise System Engineer Schneider Electric Portugal Divisão ITB 24

DOSSIER DE IMPRENSA 2015

DOSSIER DE IMPRENSA 2015 DOSSIER DE IMPRENSA 2015 A Empresa A Empresa A 2VG é uma empresa tecnológica portuguesa criada em 2009, que surgiu para colmatar uma necessidade detetada no mercado das tecnologias de informação e comunicação

Leia mais

Soluções OLIRACK DATA CENTER

Soluções OLIRACK DATA CENTER Fabricante Certificado OLIVETEL SA Newsletter 3º Trimestre 2014 www.olivetel.com olivetel@comercial.pt Soluções OLIRACK DATA CENTER CONCEITO ANYRACK & PARCERIA ESTRATÉGICA Estamos convictos que a contínua

Leia mais

APRESENTAÇÃO CORPORATIVA

APRESENTAÇÃO CORPORATIVA APRESENTAÇÃO CORPORATIVA 2015 Quem é a 2VG? A Empresa A 2VG Soluções Informáticas SA., é uma empresa tecnológica portuguesa, fundada em 2009, que surgiu para colmatar uma necessidade detetada no mercado

Leia mais

PÚBLICA, PRIVADA OU HÍBRIDA: QUAL É A MELHOR CLOUD PARA AS SUAS APLICAÇÕES?

PÚBLICA, PRIVADA OU HÍBRIDA: QUAL É A MELHOR CLOUD PARA AS SUAS APLICAÇÕES? PÚBLICA, PRIVADA OU HÍBRIDA: QUAL É A MELHOR CLOUD PARA AS SUAS APLICAÇÕES? As ofertas de cloud pública proliferaram e a cloud privada popularizou-se. Agora, é uma questão de como aproveitar o potencial

Leia mais

Aumente o seu negócio e faça crescer o seu lucro com o Programa de Parceiros APC

Aumente o seu negócio e faça crescer o seu lucro com o Programa de Parceiros APC Aumente o seu negócio e faça crescer o seu lucro com o Programa de Parceiros APC Desenhado em função do seu negócio e concebido para ajudá-lo a ser competitivo num mercado em transformação De que necessita

Leia mais

Solução CA Technologies Garante Entrega de Novo Serviço de Notícias do Jornal Valor Econômico

Solução CA Technologies Garante Entrega de Novo Serviço de Notícias do Jornal Valor Econômico CUSTOMER SUCCESS STORY Abril 2014 Solução CA Technologies Garante Entrega de Novo Serviço de Notícias do Jornal Valor Econômico PERFIL DO CLIENTE Indústria: Mídia Companhia: Valor Econômico Funcionários:

Leia mais

Como a Cisco TI virtualizou os Servidores de Aplicações dos Centros de Dados

Como a Cisco TI virtualizou os Servidores de Aplicações dos Centros de Dados Case Study da Cisco TI Como a Cisco TI virtualizou os Servidores de Aplicações dos Centros de Dados A implementação de servidores virtualizados proporciona economias significativas de custos, diminui a

Leia mais

ITIL v3 melhora Gestão de Serviço de TI no CHVNG/Espinho

ITIL v3 melhora Gestão de Serviço de TI no CHVNG/Espinho Centro Hospitalar Vila Nova de Gaia/Espinho ITIL v3 melhora Gestão de Serviço de TI no CHVNG/Espinho Sumário País Portugal Sector Saúde Perfil do Cliente O Centro Hospitalar Vila Nova de Gaia/Espinho envolve

Leia mais

SUMÁRIO. Sistemas a serem considerados na construção de data centers. A gestão do projeto e a integração dos fornecedores

SUMÁRIO. Sistemas a serem considerados na construção de data centers. A gestão do projeto e a integração dos fornecedores REPORT 04 e fevereiro de 2013 INFRAESTRUTURA FÍSICA E DATA CENTERS SUMÁRIO Introdução O que são data centers Padrões construtivos para data centers Sistemas a serem considerados na construção de data centers

Leia mais

Você está fornecendo valor a seus clientes para ajudálos a superar a Paralisação virtual e acelerar a maturidade virtual?

Você está fornecendo valor a seus clientes para ajudálos a superar a Paralisação virtual e acelerar a maturidade virtual? RESUMO DO PARCEIRO: CA VIRTUAL FOUNDATION SUITE Você está fornecendo valor a seus clientes para ajudálos a superar a Paralisação virtual e acelerar a maturidade virtual? O CA Virtual Foundation Suite permite

Leia mais

SAM GERENCIAMENTO DE ATIVOS DE SOFTWARE

SAM GERENCIAMENTO DE ATIVOS DE SOFTWARE SAM GERENCIAMENTO DE ATIVOS DE SOFTWARE Modelo de Otimização de SAM Controle, otimize, cresça Em um mercado internacional em constante mudança, as empresas buscam oportunidades de ganhar vantagem competitiva

Leia mais

Maio. Soluções para Centro de Dados Rexel Solutions

Maio. Soluções para Centro de Dados Rexel Solutions Maio Rexel Solutions 2 Indíce 1_Centro de Dados 2_Conceitos 3_Soluções para CD 4_Segurança dos CD 5_A nossa Missão 6_Proximidade com o Cliente 7_Marcas 8_ExpoRexel - Fabricantes 1_Centro de Dados 3 O coração

Leia mais

A excelência ao serviço do cliente

A excelência ao serviço do cliente A ENGIMAGNE A excelência ao serviço do cliente A ENGIMAGNE é uma resposta de excelência para as necessidades de empresas, instituições e particulares em tecnologias e soluções de engenharia, energia e

Leia mais

A Virtualização A virtualização e a Infra-estrutura em Cloud Computing Rumo ao Green Datacenter. pedro.magalhaes@schneider-electric.

A Virtualização A virtualização e a Infra-estrutura em Cloud Computing Rumo ao Green Datacenter. pedro.magalhaes@schneider-electric. A Virtualização A virtualização e a Infra-estrutura em Cloud Computing Rumo ao Green Datacenter pedro.magalhaes@schneider-electric.com A Virtualização Virtualização - Simples e Elegante SERVIDORES TRADICIONAIS

Leia mais

A ARTSOFT é uma empresa especializada no desenvolvimento e comercialização de soluções tecnológicas de apoio à gestão empresarial.

A ARTSOFT é uma empresa especializada no desenvolvimento e comercialização de soluções tecnológicas de apoio à gestão empresarial. POWERING BUSINESS QUEM SOMOS A ARTSOFT é uma empresa especializada no desenvolvimento e comercialização de soluções tecnológicas de apoio à gestão empresarial. Desde 1987 que desenvolvemos um trabalho

Leia mais

Atenção! Atendendo à dimensão da apresentação foram retiradas quase todas as imagens. Por favor contacte o autor para mais informação.

Atenção! Atendendo à dimensão da apresentação foram retiradas quase todas as imagens. Por favor contacte o autor para mais informação. Inovação e Produtividade em Centros de Dados Pedro Magalhães Atenção! Atendendo à dimensão da apresentação foram retiradas quase todas as imagens. Por favor contacte o autor para mais informação. APC by

Leia mais

PÚBLICA, PRIVADA OU HÍBRIDA: QUAL É A MELHOR NUVEM PARA SEUS APLICATIVOS?

PÚBLICA, PRIVADA OU HÍBRIDA: QUAL É A MELHOR NUVEM PARA SEUS APLICATIVOS? PÚBLICA, PRIVADA OU HÍBRIDA: QUAL É A MELHOR NUVEM PARA SEUS APLICATIVOS? As ofertas de nuvem pública proliferaram, e a nuvem privada se popularizou. Agora, é uma questão de como aproveitar o potencial

Leia mais

Os principais sistemas de automação de data centers DCIM: uma visão técnica e metodologias de escolha. Moacyr Franco Neto

Os principais sistemas de automação de data centers DCIM: uma visão técnica e metodologias de escolha. Moacyr Franco Neto Os principais sistemas de automação de data centers DCIM: uma visão técnica e metodologias de escolha Moacyr Franco Neto Agenda 1 Definição de DCIM. 2 Modelos de DCIM. 3 Benefícios e funcionalidades. 4-

Leia mais

Núcleo de Pós Graduação Pitágoras. A Tecnologia da Informação no contexto Organizacional. Tecnologia. Tecnologia. Tecnologia 29/07/2009

Núcleo de Pós Graduação Pitágoras. A Tecnologia da Informação no contexto Organizacional. Tecnologia. Tecnologia. Tecnologia 29/07/2009 Núcleo de Pós Graduação Pitágoras A Tecnologia da Informação no contexto Organizacional MBA Gestão em TI Disciplina: Administração de Suporte e Automação Professor: Fernando Zaidan Agosto - 2009 Tecnologia

Leia mais

AR TELECOM CLOUD SERVICES

AR TELECOM CLOUD SERVICES AR TELECOM SERVICES NACIONAL E ESCALA GLOBAL Ar Telecom - Acessos e Redes de Telecomunicações, S.A. Doca de Alcântara, Edifício Diogo Cão 1350-352 Lisboa Tel: 800 300 400 corporatebusiness@artelecom.pt

Leia mais

Soluções CommScope para Data Centers Multi-tenant : Uma vantagem real por parte dos especialistas em infraestrutura crítica

Soluções CommScope para Data Centers Multi-tenant : Uma vantagem real por parte dos especialistas em infraestrutura crítica Soluções CommScope para Data Centers Multi-tenant : Uma vantagem real por parte dos especialistas em infraestrutura crítica Soluções para Data Centers Os data centers multi-tenant estão transformando as

Leia mais

Dez fatos inteligentes que você deve saber sobre storage

Dez fatos inteligentes que você deve saber sobre storage Dez fatos inteligentes que você deve saber sobre storage Tendências, desenvolvimentos e dicas para tornar o seu ambiente de storage mais eficiente Smart decisions are built on Storage é muito mais do que

Leia mais

A economia em nuvem da AWS em comparação com o da infraestrutura de TI proprietária

A economia em nuvem da AWS em comparação com o da infraestrutura de TI proprietária A economia em nuvem da AWS em comparação com o da infraestrutura de TI proprietária Publicação: 7 de dezembro de 2009 A Amazon Web Services (AWS) oferece a empresas de todos os tamanhos serviços de rede

Leia mais

agility made possible

agility made possible RESUMO DA SOLUÇÃO Gerenciamento da infraestrutura convergente da CA Technologies Como posso fornecer serviços inovadores ao cliente com uma infraestrutura cada vez mais complexa e convergente? E com gerenciamento

Leia mais

FERRAMENTAS? a alterar, em muitas organizações, um. instrumento tão abrangente como um orçamento

FERRAMENTAS? a alterar, em muitas organizações, um. instrumento tão abrangente como um orçamento O QUE É IMPRESCINDÍVEL NUMA SOLUÇÃO DE ORÇAMENTAÇÃO E PREVISÃO? Flexibilidade para acomodar mudanças rápidas; Usabilidade; Capacidade de integração com as aplicações a montante e a jusante; Garantir acesso

Leia mais

Otimização do Gerenciamento de Datacenters com o Microsoft System Center

Otimização do Gerenciamento de Datacenters com o Microsoft System Center Otimização do Gerenciamento de Datacenters com o Microsoft System Center Aviso de Isenção de Responsabilidade e Direitos Autorais As informações contidas neste documento representam a visão atual da Microsoft

Leia mais

Infraestrutura Critica Hospitalar Rumo ao Green Datacenter

Infraestrutura Critica Hospitalar Rumo ao Green Datacenter 11ª Edição Infraestrutura Critica Hospitalar Rumo ao Green Datacenter pedro.magalhaes@apcc.com Infra-estrutura Crítica Hospitalar Alargamento das TI a aplicações médicas Criação de Intranet hospitalar

Leia mais

SOLUÇÕES DATA CENTER GROUP

SOLUÇÕES DATA CENTER GROUP SOLUÇÕES DATA CENTER SOLUÇÕES EFICIENTES - PROJECTOS COMPETITIVOS Na SENSYS todos os esforços estão concentrados num elevado grau de qualidade e especialização. Aliada a vários parceiros tecnológicos,

Leia mais

SYSTIMAX Solutions. imvisiontm. Gestão de Infraestrutura. Simplificada.

SYSTIMAX Solutions. imvisiontm. Gestão de Infraestrutura. Simplificada. SYSTIMAX Solutions imvisiontm. Gestão de Infraestrutura. Simplificada. 1 Toda rede deve ser administrada. A questão é COMO? A visão: Conseguir o sucesso comercial a partir de uma melhor administração de

Leia mais

BPO para Empresas de Energia e Concessionárias de Serviços Públicos

BPO para Empresas de Energia e Concessionárias de Serviços Públicos BPO para Empresas de Energia e Concessionárias de Serviços Públicos Terceirização de Processos Empresariais da Capgemini Um componente da área de Serviços Públicos da Capgemini As concessionárias de serviços

Leia mais

IP Communications Platform

IP Communications Platform IP Communications Platform A Promessa de Convergência, Cumprida As comunicações são essenciais para os negócios mas, em última análise, estas são conduzidas a nível pessoal no ambiente de trabalho e por

Leia mais

agility made possible

agility made possible RESUMO DA SOLUÇÃO DO PARCEIRO Soluções de garantia do serviço da CA Technologies você está ajudando seus clientes a desenvolver soluções de gerenciamento da TI para garantir a qualidade do serviço e a

Leia mais

Simplifique: consolidando a gestão do ambiente de trabalho do usuário final

Simplifique: consolidando a gestão do ambiente de trabalho do usuário final Simplifique: consolidando a gestão do ambiente de trabalho do usuário final Para muitas organizações, a rápida proliferação das tecnologias para o usuário final tem demonstrado uma ambigüidade em seus

Leia mais

qual é o segredo para obter PPM de forma fácil e econômica em quatro semanas?

qual é o segredo para obter PPM de forma fácil e econômica em quatro semanas? RESUMO DA SOLUÇÃO Pacote CA Clarity PPM on Demand Essentials for 50 Users qual é o segredo para obter PPM de forma fácil e econômica em quatro semanas? agility made possible Agora a CA Technologies oferece

Leia mais

EMC Consulting. Estratégia visionária, resultados práticos. Quando a informação se reúne, seu mundo avança.

EMC Consulting. Estratégia visionária, resultados práticos. Quando a informação se reúne, seu mundo avança. EMC Consulting Estratégia visionária, resultados práticos Quando a informação se reúne, seu mundo avança. Alinhando TI aos objetivos de negócios. As decisões de TI de hoje devem basear-se em critérios

Leia mais

SPEKTRUM SOLUÇÕES DE GRANDE PORTE PARA PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS SPEKTRUM SAP Partner 1

SPEKTRUM SOLUÇÕES DE GRANDE PORTE PARA PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS SPEKTRUM SAP Partner 1 SPEKTRUM SOLUÇÕES DE GRANDE PORTE PARA PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS SPEKTRUM SAP Partner 1 PROSPERE NA NOVA ECONOMIA A SPEKTRUM SUPORTA A EXECUÇÃO DA SUA ESTRATÉGIA Para as empresas que buscam crescimento

Leia mais

Globalweb otimiza oferta e entrega de serviços a clientes com CA AppLogic

Globalweb otimiza oferta e entrega de serviços a clientes com CA AppLogic CUSTOMER SUCCESS STORY Globalweb otimiza oferta e entrega de serviços a clientes com CA AppLogic PERFIL DO CLIENTE Indústria: Serviços de TI Companhia: Globalweb Outsourcing Empregados: 600 EMPRESA A Globalweb

Leia mais

www.under.com.br 4007.1432 / 0800.886.1432 / 51 3301.1432

www.under.com.br 4007.1432 / 0800.886.1432 / 51 3301.1432 www.under.com.br 4007.1432 / 0800.886.1432 / 51 3301.1432 Sua Infra na Nuvem Quem somos A Under é uma empresa de tecnologia e infraestrutura para internet, fundada em 2002. Figuramos entre as maiores empresas

Leia mais

RESUMO DA SOLUÇÃO Aperfeiçoando o planejamento de capacidade com o uso do gerenciamento de desempenho de aplicativos

RESUMO DA SOLUÇÃO Aperfeiçoando o planejamento de capacidade com o uso do gerenciamento de desempenho de aplicativos RESUMO DA SOLUÇÃO Aperfeiçoando o planejamento de capacidade com o uso do gerenciamento de desempenho de aplicativos como posso assegurar uma experiência excepcional para o usuário final com aplicativos

Leia mais

A Gestão da experiência do consumidor é essencial

A Gestão da experiência do consumidor é essencial A Gestão da experiência do consumidor é essencial Sempre que um cliente interage com a sua empresa, independentemente do canal escolhido para efetuar esse contacto, é seu dever garantir uma experiência

Leia mais

Oracle Financing: A Maneira Mais Rápida e Acessível de Adquirir Soluções de TI

Oracle Financing: A Maneira Mais Rápida e Acessível de Adquirir Soluções de TI Oracle Financing: A Maneira Mais Rápida e Acessível de Adquirir Soluções de TI Para competir com eficácia, as empresas da atualidade precisam se adaptar a um ambiente tecnológico que sofre rápidas mudanças.

Leia mais

USE O PODER DA NUVEM. VEJA COMO A NUVEM PODE TRANSFORMAR SEUS NEGÓCIOS.

USE O PODER DA NUVEM. VEJA COMO A NUVEM PODE TRANSFORMAR SEUS NEGÓCIOS. USE O PODER DA NUVEM. VEJA COMO A NUVEM PODE TRANSFORMAR SEUS NEGÓCIOS. A computação em nuvem é uma mudança de paradigma no gerenciamento de TI e de datacenters, além de representar a capacidade da TI

Leia mais

Aumente sua velocidade e flexibilidade com a implantação da nuvem gerenciada de software da SAP

Aumente sua velocidade e flexibilidade com a implantação da nuvem gerenciada de software da SAP Parceiros de serviços em nuvem gerenciada Aumente sua velocidade e flexibilidade com a implantação da nuvem gerenciada de software da SAP Implemente a versão mais recente do software da SAP de classe mundial,

Leia mais

Como a nuvem mudará as operações de liberação de aplicativos

Como a nuvem mudará as operações de liberação de aplicativos DOCUMENTAÇÃO TÉCNICA Junho de 2013 Como a nuvem mudará as operações de liberação de aplicativos Jacob Ukelson Entrega de aplicativos Sumário Resumo executivo 3 Seção 1: 4 Mudando o cenário de automação

Leia mais

Sucesu RS A Tecnologia a Favor da Inovação. Serviços de Cloud Computing para operações de missão crítica

Sucesu RS A Tecnologia a Favor da Inovação. Serviços de Cloud Computing para operações de missão crítica Sucesu RS A Tecnologia a Favor da Inovação Serviços de Cloud Computing para operações de missão crítica Fernando Bittar Diretor de Novos Negócios ITM IT Management Contexto do Mercado de Cloud Computing

Leia mais

CA Infrastructure Management Resolvendo os problemas mais complexos de TI

CA Infrastructure Management Resolvendo os problemas mais complexos de TI CA Infrastructure Management Resolvendo os problemas mais complexos de TI As empresas são confrontadas com iniciativas críticas de TI 1. Transformação das Atividades de TI Reestruturar e consolidar os

Leia mais

Folheto Acelere sua jornada rumo à nuvem. Serviços HP Cloud Professional

Folheto Acelere sua jornada rumo à nuvem. Serviços HP Cloud Professional Folheto Acelere sua jornada rumo à nuvem Professional Folheto Professional A HP oferece um portfólio abrangente de serviços profissionais em nuvem para aconselhar, transformar e gerenciar sua jornada rumo

Leia mais

AT&S Ganha Eficiência e Agilidade de Negócio com Melhor Gestão de TI

AT&S Ganha Eficiência e Agilidade de Negócio com Melhor Gestão de TI CUSTOMER SUCCESS STORY Março 2014 AT&S Ganha Eficiência e Agilidade de Negócio com Melhor Gestão de TI PERFIL DO CLIENTE Indústria: Manufatura Empresa: AT&S Funcionários: 7.500 Faturamento: 542 milhões

Leia mais

As ações de formação ação no âmbito do presente Aviso têm, obrigatoriamente, de ser desenvolvidas com a estrutura a seguir indicada.

As ações de formação ação no âmbito do presente Aviso têm, obrigatoriamente, de ser desenvolvidas com a estrutura a seguir indicada. Anexo A Estrutura de intervenção As ações de formação ação no âmbito do presente Aviso têm, obrigatoriamente, de ser desenvolvidas com a estrutura a seguir indicada. 1. Plano de ação para o período 2016

Leia mais

Novo conceito de Data Center: um dos maiores da Europa, um dos mais sustentáveis do Mundo

Novo conceito de Data Center: um dos maiores da Europa, um dos mais sustentáveis do Mundo : um dos maiores da Europa, um dos mais sustentáveis do Mundo This document is intellectual property of PT and its use or dissemination is forbidden without explicit written consent. Enquadramento da ação

Leia mais

Transforme. Transforme a TI. a empresa. Três imperativos da TI para a transformação da empresa realizada pelo CIO em um mundo dinâmico.

Transforme. Transforme a TI. a empresa. Três imperativos da TI para a transformação da empresa realizada pelo CIO em um mundo dinâmico. TECH DOSSIER Transforme a TI Transforme a empresa Três imperativos da TI para a transformação da empresa realizada pelo CIO em um mundo dinâmico. Consolidar para conduzir a visibilidade da empresa e a

Leia mais

Universidade Utiliza Virtualização para Criar Data Center Com Melhor Custo-Benefício e Desempenho

Universidade Utiliza Virtualização para Criar Data Center Com Melhor Custo-Benefício e Desempenho Virtualização Microsoft: Data Center a Estação de Trabalho Estudo de Caso de Solução para Cliente Universidade Utiliza Virtualização para Criar Data Center Com Melhor Custo-Benefício e Desempenho Visão

Leia mais

Soluções inteligentes em energia. Energia para a vida

Soluções inteligentes em energia. Energia para a vida Soluções inteligentes em energia Energia para a vida O Brasil e o mundo contam com a nossa energia. A Prátil é uma empresa de soluções inteligentes em energia, que atua nos segmentos de infraestrutura

Leia mais

THE NEXT GENERATION IS NOW MANAGEMENT & CONSULTING GROUP

THE NEXT GENERATION IS NOW MANAGEMENT & CONSULTING GROUP Soluções integradas para a Indústria do turismo empresarial THE NEXT GENERATION IS NOW MANAGEMENT & CONSULTING GROUP A equipa da XYM Hospitality e os seus parceiros possuem vastos conhecimentos sobre a

Leia mais

CPM Braxis Capgemini reduz custos em 18% com CA Business Service Insight

CPM Braxis Capgemini reduz custos em 18% com CA Business Service Insight CUSTOMER SUCCESS STORY CPM Braxis Capgemini reduz custos em 18% com CA Business Service Insight PERFIL DO CLIENTE Indústria: Serviços de TI Companhia: CPM Braxis Capgemini Empregados: 6500+ Faturamento:

Leia mais

Levando os benefícios do IP aberto ao controle de acesso físico. Controlador de porta em rede AXIS A1001

Levando os benefícios do IP aberto ao controle de acesso físico. Controlador de porta em rede AXIS A1001 Levando os benefícios do IP aberto ao controle de acesso físico. Controlador de porta em rede AXIS A1001 Abra as portas para o futuro. Com o Controlador de porta em rede AXIS A1001, estamos introduzindo

Leia mais

PLANEAMENTO ESTRATÉGICO DE SI/TI

PLANEAMENTO ESTRATÉGICO DE SI/TI (1) PLANEAMENTO ESTRATÉGICO DE SI/TI Docente: Turma: T15 Grupo 5 Mestre António Cardão Pito João Curinha; Rui Pratas; Susana Rosa; Tomás Cruz Tópicos (2) Planeamento Estratégico de SI/TI Evolução dos SI

Leia mais

System Center Essentials permite à Cintra gerir a sua infra-estrutura de TI com um mínimo de custos e de recursos

System Center Essentials permite à Cintra gerir a sua infra-estrutura de TI com um mínimo de custos e de recursos Microsoft System Center Essentials 2007 Caso de Sucesso Cintra System Center Essentials permite à Cintra gerir a sua infra-estrutura de TI com um mínimo de custos e de recursos Sumário País Portugal Sector

Leia mais

Sistemas de Informação I

Sistemas de Informação I + Sistemas de Informação I Tipos de SI Ricardo de Sousa Britto rbritto@ufpi.edu.br + Introdução 2 n As organizações modernas competem entre si para satisfazer as necessidades dos seus clientes de um modo

Leia mais

PLAYBOOK. Criando uma Infraestrutura de TI que se Adapta ao Seu Negócio

PLAYBOOK. Criando uma Infraestrutura de TI que se Adapta ao Seu Negócio PLAYBOOK P A R A M U D A N Ç A Criando uma Infraestrutura de TI que se Adapta ao Seu Negócio Durante décadas, os data centers foram sobre provisionados de duas à três vezes em uma tentativa de planejar

Leia mais

Dream Energis. Sistema de Eficiência Energética A forma inteligente de medir e controlar a sua energia. Dream Code

Dream Energis. Sistema de Eficiência Energética A forma inteligente de medir e controlar a sua energia. Dream Code Dream Energis Sistema de Eficiência Energética A forma inteligente de medir e controlar a sua energia Dream Code Como podemos ajudá-lo a poupar energia? Estimativa de18% de poupança de energia todos os

Leia mais

adaptados às características e expectativas dos nossos Clientes, de modo a oferecer soluções adequadas às suas necessidades.

adaptados às características e expectativas dos nossos Clientes, de modo a oferecer soluções adequadas às suas necessidades. A Protteja Seguros surge da vontade de contribuir para o crescimento do mercado segurador nacional, através da inovação, da melhoria da qualidade de serviço e de uma política de crescimento sustentável.

Leia mais

Procifisc Engenharia e Consultadoria, Lda.

Procifisc Engenharia e Consultadoria, Lda. 01. APRESENTAÇÃO DA EMPRESA 2 01. Apresentação da empresa, com sede em Castelo Branco, é uma empresa criada em 2007 que atua nos domínios da engenharia civil e da arquitetura. Atualmente, é uma empresa

Leia mais

Rumo à Integração de Segurança. IDC FutureScape IT Security Products and Services 2015 Predictions

Rumo à Integração de Segurança. IDC FutureScape IT Security Products and Services 2015 Predictions Rumo à Integração de IDC FutureScape IT Security Products and Services 0 Predictions ª Plataforma Processo de Decisão Evolução da ª Plataforma focalizada no risco do acesso a servidores centralizados e

Leia mais

Infrascale Partnership: Your Online Cloud Storage Business

Infrascale Partnership: Your Online Cloud Storage Business 1 2 Cloud Backup info@bms.com.pt Tel.: 252 094 344 www.bms.com.pt Quem é a Infrascale? Um Pioneiro Global em Cloud Storage A Infrascale é uma empresa de Platform-as-a- Service (PaaS) (Plataforma como um

Leia mais

SECTOR DA FABRICAÇÃO DE ARTIGOS DE BORRACHA E MATÉRIAS PLÁSTICAS

SECTOR DA FABRICAÇÃO DE ARTIGOS DE BORRACHA E MATÉRIAS PLÁSTICAS #3 SECTOR DA FABRICAÇÃO DE ARTIGOS DE BORRACHA E MATÉRIAS PLÁSTICAS INTERVENÇÕES E CASOS DE SUCESSO Intervenções Durante o período de intervenção do projeto efinerg II, constatou-se que as empresas do

Leia mais

Migração de sistemas antigos. Avançando para um futuro competitivo

Migração de sistemas antigos. Avançando para um futuro competitivo Migração de sistemas antigos Avançando para um futuro competitivo A automação e controle é um dos mais importantes investimentos para garantir o sucesso da manufatura de qualquer indústria. Porém, por

Leia mais

IDC TECHNOLOGY SPOTLIGHT

IDC TECHNOLOGY SPOTLIGHT IDC TECHNOLOGY SPOTLIGHT A importância da inovação em fornecedores de sistemas, serviços e soluções para criar ofertas holísticas Julho de 2014 Adaptado de Suporte a ambientes de datacenter: aplicando

Leia mais

Data Center da PT Portugal

Data Center da PT Portugal Data Center da PT Portugal 1 Data Center da PT Portugal Nos últimos anos, a crescente utilização das tecnologias de informação e comunicação (TIC) por parte de particulares e empresas, tem levado a um

Leia mais

ARMÁRIOS PARA SERVIDORES E DE REDE ARMÁRIOS PARTICIONADOS COM SECÇÕES INDEPENDENTES SALAS E CORREDORES FECHADOS DATA CENTER OLIVETEL SA

ARMÁRIOS PARA SERVIDORES E DE REDE ARMÁRIOS PARTICIONADOS COM SECÇÕES INDEPENDENTES SALAS E CORREDORES FECHADOS DATA CENTER OLIVETEL SA ARMÁRIOS PARA SERVIDORES E DE REDE ARMÁRIOS PARTICIONADOS COM SECÇÕES INDEPENDENTES SALAS E CORREDORES FECHADOS DATA CENTER ÍNDICE Contents Informação geral, normas e conformidade CE 1 Apresentação 1 Normas

Leia mais

like a Boss mandic Um GUIA para você escolher bem, e se tornar uma Autoridade em Serviços de Compartilhamento de Arquivos na Nuvem.

like a Boss mandic Um GUIA para você escolher bem, e se tornar uma Autoridade em Serviços de Compartilhamento de Arquivos na Nuvem. BOX like a Boss Um GUIA para você escolher bem, e se tornar uma Autoridade em Serviços de Compartilhamento de Arquivos na Nuvem. mandic CLOUD SOLUTIONS Mais e mais empresas buscam soluções para dar suporte

Leia mais

GRUPO ROLEAR. Porque há coisas que não podem parar!

GRUPO ROLEAR. Porque há coisas que não podem parar! GRUPO ROLEAR Porque há coisas que não podem parar! INOVAÇÃO COMO CHAVE DO SUCESSO Desde 1979, com sede no Algarve, a Rolear resulta da oportunidade identificada pelo espírito empreendedor do nosso fundador

Leia mais

CASO DE SUCESSO. Processando Grandes Metas. A Microware atendeu nossas expectativas MICROWARE

CASO DE SUCESSO. Processando Grandes Metas. A Microware atendeu nossas expectativas MICROWARE CASO DE SUCESSO MICROWARE CLIENTE: FD DO BRASIL PROCESSAMENTO DE DADOS - FIRST DATA SEGMENTO: Tecnologia da Informação e Telecomunicação. Processando Grandes Metas Para tornar o Brasil um de seus destinos

Leia mais

A mudança na aquisição de soluções de tecnologia da informação. O que significa para a TI e a linha de negócios (LOB)

A mudança na aquisição de soluções de tecnologia da informação. O que significa para a TI e a linha de negócios (LOB) A mudança na aquisição de soluções de tecnologia da informação Maio de 2014 O novo comprador de tecnologia e a mentalidade de aquisição Existe hoje um novo comprador de tecnologia da informação Esse comprador

Leia mais

APRESENTAÇÃO DO GRUPO INCENTEA

APRESENTAÇÃO DO GRUPO INCENTEA APRESENTAÇÃO DO GRUPO INCENTEA Quem Somos Somos um grupo de empresas de prestação de serviços profissionais nas áreas das Tecnologias de Informação, Comunicação e Gestão. Estamos presente em Portugal,

Leia mais

Preparando a Infraestrutura Física de Data Centers de Recebimento para Consolidação

Preparando a Infraestrutura Física de Data Centers de Recebimento para Consolidação Preparando a Infraestrutura Física de Data Centers de Recebimento para Consolidação White Paper 175 Revisão 1 Por Neil Rasmussen > Sumário Executivo A consolidação de um ou mais data centers em um data

Leia mais

Soluções Empresariais. Business Remote Monitoring Solutions

Soluções Empresariais. Business Remote Monitoring Solutions Soluções Empresariais Business Remote Monitoring Solutions «A energia é hoje um bem escasso e dispendioso. Utilizá-la com rigor, de forma eficiente e sem desperdício, é o nosso desafio todos os dias» Isa

Leia mais

Maio 2013 PE2020. O papel da Engenharia como fator de competitividade. Iniciativa

Maio 2013 PE2020. O papel da Engenharia como fator de competitividade. Iniciativa Maio 2013 PE2020 O papel da Engenharia como fator de competitividade Iniciativa Agenda 1. Apresentação da Proforum e do PE2020 como plataforma colaborativa relevante e integradora 2. Contributo do PE2020

Leia mais

FAZER MAIS COM MENOS Maio 2012 White Paper

FAZER MAIS COM MENOS Maio 2012 White Paper CLOUD COMPUTING FAZER MAIS COM MENOS Maio 2012 CLOUD COMPUTING FAZER MAIS COM MENOS Cloud Computing é a denominação adotada para a mais recente arquitetura de sistemas informáticos. Cada vez mais empresas

Leia mais

CEO Briefing Portugal 2015 The Economist. A Internet das Coisas como impulsionador da estratégia das empresas portuguesas

CEO Briefing Portugal 2015 The Economist. A Internet das Coisas como impulsionador da estratégia das empresas portuguesas CEO Briefing Portugal 2015 The Economist A Internet das Coisas como impulsionador da estratégia das empresas portuguesas 92% dos executivos portugueses acreditam que as suas empresas dispõem de capacidades

Leia mais

Sobre a Claranet. Hosting Networks Applications. www.claranet.pt Email info@claranet.pt Tel 707 50 51 52. A Nossa Experiência. Presença Internacional

Sobre a Claranet. Hosting Networks Applications. www.claranet.pt Email info@claranet.pt Tel 707 50 51 52. A Nossa Experiência. Presença Internacional MANAGED NETWORKS_PORT_nv:bpack2005.qxd 13-10-2011 8:24 Page 1 Sobre a Claranet Fundada em 1996, a Claranet Evoluiu de Internet Service Provider, tendo sido o primeiro operador privado a surgir em Portugal,

Leia mais

Sem o recurso às tecnologias disponibilizadas pela Microsoft, a solução criada seria difícil de obter num tão curto espaço de tempo.

Sem o recurso às tecnologias disponibilizadas pela Microsoft, a solução criada seria difícil de obter num tão curto espaço de tempo. Caso de Sucesso Microsoft Finsolutia cria solução completa de suporte ao negócio com.net Framework 3.5 Sumário País: Portugal Indústria: Banking&Finance Perfil do Cliente A Finsolutia é uma joint venture

Leia mais

Symantec NetBackup for VMware

Symantec NetBackup for VMware Visão geral A virtualização de servidor é a maior tendência modificadora na área de TI atual. Os departamentos de TI, que dependem do orçamento, estão se apressando para aderir à virtualização por vários

Leia mais

Mensagem da Administração

Mensagem da Administração Mensagem da Administração Quanto à área das Comunicações Wireless, o projeto Wavesys é o resultado de 3 anos de investigação e desenvolvimento e de 12 anos de experiência acumulada com a implementação

Leia mais

Relatório de Progresso

Relatório de Progresso Luís Filipe Félix Martins Relatório de Progresso Mestrado Integrado em Engenharia Electrotécnica e de Computadores Preparação para a Dissertação Índice Introdução... 2 Motivação... 2 Cloud Computing (Computação

Leia mais

Ativas otimiza serviços de cloud com soluções CA Technologies

Ativas otimiza serviços de cloud com soluções CA Technologies CUSTOMER SUCCESS STORY Ativas otimiza serviços de cloud com soluções CA Technologies PERFIL DO CLIENTE Indústria: Serviços gerenciados de TI Empresa: Ativas Empregados: 200+ Faturamento (2011): R$ 30 milhões

Leia mais

SAÚDEGLOBAL. AON Portugal

SAÚDEGLOBAL. AON Portugal SAÚDEGLOBAL AON Portugal Breve Apresentação do Negócio DADOS DE CARACTERIZAÇÃO Designação Comercial Saúdeglobal N.º Colaboradores N.º de Estabelecimentos Dispersão Geográfica Nacional Facturação em 2010

Leia mais

INFRAESTRUTURA DE TI DA TEKSID PASSA POR ATUALIZAÇÃO COMPLETA, OBTENDO REDUÇÃO DE GASTOS E MELHORIAS NO AMBIENTE

INFRAESTRUTURA DE TI DA TEKSID PASSA POR ATUALIZAÇÃO COMPLETA, OBTENDO REDUÇÃO DE GASTOS E MELHORIAS NO AMBIENTE INFRAESTRUTURA DE TI DA TEKSID PASSA POR ATUALIZAÇÃO COMPLETA, OBTENDO REDUÇÃO DE GASTOS E MELHORIAS NO AMBIENTE Perfil O Grupo Teksid é o maior em fundição de autopeças do mundo, com capacidade produtiva

Leia mais

Eficiência operacional no setor público. Dez recomendações para cortar custos

Eficiência operacional no setor público. Dez recomendações para cortar custos Eficiência operacional no setor público Dez recomendações para cortar custos 2 de 8 Introdução Com grandes cortes no orçamento e uma pressão reguladora cada vez maior, o setor público agora precisa aumentar

Leia mais

Provedores Serviços Gerenciados da IBM. Jennifer Ammermann

Provedores Serviços Gerenciados da IBM. Jennifer Ammermann Provedores Serviços Gerenciados da IBM Jennifer Ammermann Vamos entender o que é um MSP! Um Provedor de Serviços Gerenciados (MSP) é uma empresa que clientes contratam para executar certas funções de TI,

Leia mais

agility made possible

agility made possible RESUMO DA SOLUÇÃO CA IT Asset Manager como gerenciar o ciclo de vida de ativos, maximizar o valor dos investimentos em TI e obter uma exibição do portfólio de todos os meus ativos? agility made possible

Leia mais

Por dentro do mercado de médio porte: Uma perspectiva para 2011

Por dentro do mercado de médio porte: Uma perspectiva para 2011 Janeiro 2011 Exclusivamente para empresas de médio porte Por dentro do mercado de médio porte: Uma perspectiva para 2011 Relatório para o Brasil Panorama global: Pesquisa com 2.112 líderes do mercado de

Leia mais

2.1. COMPETINDO COM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

2.1. COMPETINDO COM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO 1 2.1. COMPETINDO COM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Fundamentos da Vantagem Estratégica ou competitiva Os sistemas de informação devem ser vistos como algo mais do que um conjunto de tecnologias que apoiam

Leia mais

Mensagem da Administração

Mensagem da Administração Mensagem da Administração Quanto à área das Comunicações Wireless, o projeto Wavesys é o resultado de 3 anos de investigação e desenvolvimento e de 12 anos de experiência acumulada com a implementação

Leia mais

Consolidação inteligente de servidores com o System Center

Consolidação inteligente de servidores com o System Center Consolidação de servidores por meio da virtualização Determinação do local dos sistemas convidados: a necessidade de determinar o melhor host de virtualização que possa lidar com os requisitos do sistema

Leia mais

SOLUÇÕES DE INFRAESTRUTURA

SOLUÇÕES DE INFRAESTRUTURA DE INFRAESTRUTURA www.alidata.pt geral@alidata.pt +351 244 850 030 A Alidata conta com uma equipa experiente e especializada nas mais diversas áreas, desde a configuração de um simples terminal de trabalho

Leia mais

CPD Informática otimiza gestão de serviços de TI com soluções CA Technologies

CPD Informática otimiza gestão de serviços de TI com soluções CA Technologies CUSTOMER SUCCESS STORY CPD Informática otimiza gestão de serviços de TI com soluções CA Technologies EMPRESA A CPD Informática atua com a venda de soluções, serviços, planejamento e gestão de TI, contribuindo

Leia mais

Contêiner como alternativa para redução de custos com energia. Mauro Faccioni Filho, Dr.Eng

Contêiner como alternativa para redução de custos com energia. Mauro Faccioni Filho, Dr.Eng Contêiner como alternativa para redução de custos com energia Mauro Faccioni Filho, Dr.Eng TEMAS Mercado de DC e de Contêiner Eficiência Energética DC em contêiner Vantagens / Desvantagens Data Center

Leia mais

Sistemas IBM Flex & PureFlex

Sistemas IBM Flex & PureFlex Eduardo (Edu) Pacini Líder Plataforma PureFlex Brasil IBM Systems & Technology Group Sistemas IBM Flex & PureFlex A Tecnologia está liderando as mudanças que impactam os negócios 1 Fatores de impacto:

Leia mais

O SECTOR A SOLUÇÃO Y.make Num mundo cada vez mais exigente, cada vez mais rápido e cada vez mais competitivo, o papel dos sistemas de informação deixa de ser de obrigação para passar a ser de prioridade.

Leia mais