Mesa de centro com tabuleiro integrado

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Mesa de centro com tabuleiro integrado"

Transcrição

1 Mesa de centro com tabuleiro integrado Vamos para a mesa Mesa de centro com tabuleiro integrado Esta mesa de centro é genial: ela dispõe de um tabuleiro para que possa mimar as suas vistas com todo o tipo de petiscos. 1 Introdução Surpreenda os seus convidados com um tabuleiro cheio de iguarias e depois, faça-o desaparecer na sua nova mesa de centro. Assim, mostra discretamente que não é apenas um bom anfitrião, mas que também é original. Todas as ligações tanto do tabuleiro como também da mesa são aparafusadas à face, ficando, por isso, visíveis. O nosso modelo torna-se mais elaborado devido à construção da caixa para o tabuleiro. Para além disso, também é possível construir a mesa de centro sem a caixa para o tabuleiro; neste caso, a tupia deixa de ser necessária. As seguintes instruções de montagem foram redigidas para placas de madeira s, com uma espessura de 20 mm. Se utilizar outros materiais ou espessuras, adapte a lista de peças em conformidade. Mande cortar as placas necessárias na loja de materiais de construção local ou num carpinteiro de limpos. Ferramentas elétricas necessárias: > Serra vertical > Multi-lixadeira > Martelo perfurador > Aparafusadoras sem fio > Tupia > Sistema de atomização Auxiliares: > Conjunto de brocas para madeira > Broca Forstner de 28 mm > Escareador > Folha de lixa, grão , esponja, panos > Metro articulado, lápis macio, borracha, apara-lápis

2 > Placa residual de aprox. 600 x 600 mm (p. ex., MDF) Lista de materiais detalhada: Unid. Designação Comprimento Largura 1 Mesa Tampo da mesa mm 2 Mesa Placas laterais, compridas 2 Mesa Placas laterais curtas mm Espessura Material 400 mm 20 mm Madeira 127 mm 20 mm Madeira 360 mm 127 mm 20 mm Madeira 2 Mesa Placas base 260 mm 180 mm 20 mm Madeira 1 Mesa União transversal 660 mm 127 mm 20 mm Madeira 8 Mesa uniões para cama 8 Mesa Cantos 2 Caixa para o tabuleiro Placas laterais da caixa, compridas 2 Caixa para o tabuleiro Placas laterais da caixa, curtas 1 Caixa para o tabuleiro Base da caixa 2 Caixa para o tabuleiro Barras distanciadoras 1 Caixa para o tabuleiro barra distanciadora 493 mm 50 mm 20 mm Madeira 303 mm 50 mm 20 mm Madeira 493 mm 343 mm 20 mm Madeira 395 mm 30 mm 8 mm Barrote de madeira de abetodocanadá 300 mm 30 mm 8 mm Barrote de madeira de abeto-

3 docanadá 1 Tabuleiro Tampa 430 mm 280 mm 20 mm Madeira 2 Tabuleiro Placas laterais do tabuleiro, compridas 2 Tabuleiro Placas laterais do tabuleiro, curtas 36 Parafusos de cabeça redonda, 4 x 15 mm 44 Parafusos de cabeça escareada, 3,5 x 40 mm 6 Parafusos de cabeça escareada, 4 x 45 mm 4 Parafusos de cabeça escareada, 4 x 60 mm 8 Parafusos de cabeça escareada, 3 x 16 mm 2 Parafusos de cabeça escareada, 6 x 80 mm 430 mm 50 mm 20 mm Madeira 240 mm 50 mm 20 mm Madeira 2 Unir as placas laterais da mesa em uma estrutura As uniões para cama são cantos com rosca com comprimentos reduzidos (neste caso, 22 e 28 mm) e uma altura total elevada (neste caso, 127 mm). Graças a estas ferragens, as placas laterais compridas e curtas da mesa são montadas de modo a formar uma estrutura, encontrando-se as placas laterais curtas entre as compridas. As ferragens devem ser posicionadas de modo a que o respetivo lado comprido seja aparafusado à placa lateral curta da estrutura e o lado curto à placa lateral comprida. Estas garantem, neste caso, ligações extremamente estáveis; no entanto, também pode utilizar outros cantos com rosca para a montagem. Monte as peças com uma aparafusadora sem fio e parafusos de cabeça redonda 4 x 15 mm. 3 Abrir o recorte para o tabuleiro no tampo da mesa Com um lápis, desenhe no tampo da mesa o recorte retangular com as dimensões 280 x 430 mm para o tabuleiro, de acordo com as indicações do nosso desenho. Em cada um dos cantos, abra um furo com um berbequim e uma broca para madeira de 10 mm. A borda destes furos só pode tocar nas linhas traçadas com o lápis. Não as pode ultrapassar!

4 Introduza a lâmina de serra com a serra vertical desligada em um dos furos. Abra o recorte, unindo os furos. Dado que os cortes efetuados com serras verticais sem batente nunca ficam totalmente regulares, efetue os cortes sempre dentro das linhas traçadas com o lápis; desse modo, poderá a seguir corrigir as ondulações com uma grosa e uma folha de lixa. Os utilizadores mais avançados podem cortar 3 mm para dentro da linha e, a seguir, trabalhar o corte com a tupia na guia paralela, o que permite obter arestas extremamente regulares. Por fim, retifique ainda os cantos arredondados (resultantes dos furos efetuados) com a serra vertical. 4 Unir o tampo da mesa à estrutura Coloque o tampo da mesa sobre a superfície de trabalho, com o lado de cima virado para baixo. Alinhe a estrutura previamente montada de modo a que os rebordos fiquem rentes ao tampo. Agora, aparafuse as restantes quatro uniões para cama, ao centro, às quatro placas laterais da estrutura e ao tampo da mesa. Para tal, utilize a aparafusadora sem fio e parafusos de cabeça redonda 4 x 15 mm. 5 Preparar as partes interiores da caixa para o tabuleiro Visto termos unido o tampo da mesa e as placas laterais com uniões para cama e, ao mesmo tempo, a caixa para o tabuleiro se encontrar perto de um dos lados estreitos da mesa, temos de rebaixar a união para cama na aresta superior do lado curto da caixa (ver detalhe no nosso desenho). Isto significa que terá de fresar um entalhe largo em forma de U, com 2 mm de profundidade e 15 mm de largura, no rebordo superior do lado curto da caixa. Antes de iniciar os trabalhos de fresagem, defina as superfícies das placas laterais da caixa que devem estar viradas para dentro aquando do aparafusamento à estrutura, para que mais tarde estejam visíveis. A seguir, coloque a placa lateral curta direita da caixa, com a face exterior virada para baixo, sobre a placa residual que fixou previamente à superfície de trabalho com grampos. (se for o feliz proprietário de uma bancada de carpinteiro, fixe a placa residual com a ajuda dos gastalhos.) Agora, aperte bem a placa lateral curta da caixa à placa residual; enrosque cada um dos parafusos a 10 mm dos rebordos das placas laterais estreitas e a 2,6 mm dos rebordos das placas laterais grossas. Deste modo, os furos deixam de estar visíveis após a montagem. Para este passo, ajuste a tupia com a fresa de ranhurar de 12 mm para uma profundidade de fresagem de 15 mm (= largura necessária do entalhe). Abra o entalhe com uma profundidade de 5 mm com a ajuda da guia paralela. 6 Unir as partes da caixa para o tabuleiro Volte a colocar as placas laterais da caixa sobre a superfície de trabalho do modo como devem ser aparafusadas. Com um lápis, desenhe os contornos das placas laterais curtas da caixa nas superfícies internas das placas compridas, marque dois furos centrais em cada um, faça os furos e rebaixe-

5 os a partir de fora. Agora já pode montar as placas laterais da caixa para o tabuleiro com uma aparafusadora sem fio e parafusos 3,5 x 40 mm. 7 Montar a caixa para o tabuleiro sob o tampo da mesa Coloque o tampo da mesa sobre os cavaletes de trabalho, com o lado visível virado para baixo. Alinhe a caixa para o tabuleiro de acordo com a abertura. As barras distanciadoras com uma espessura de 8 mm têm de encaixar na perfeição nos interstícios entre as placas laterais da caixa e da mesa. Com os parafusos 4 x 45 mm, aparafuse agora a caixa para o tabuleiro às três placas laterais montadas através das barras distanciadoras. Para esta tarefa, pode utilizar os furos para parafusos necessários anteriormente para abrir o entalhe. Tenha novamente em mente as indicações que damos na nossa dica para aparafusar duas partes de madeira. 8 Montar o tabuleiro Neste primeiro passo, abra os orifícios para os dedos nas placas laterais curtas do tabuleiro com um berbequim e uma broca Forstner de 28 mm (broca para madeira com um diâmetro superior a 12 mm). Para tal, utilize um lápis para marcar os pontos centrais de perfuração onde deve colocar a ponta centradora da broca, respeitando as indicações do nosso desenho. Abra os furos se possível, na placa residual que já utilizou para abrir o entalhe na placa lateral da caixa para o tabuleiro. Agora, posicione as placas laterais do tabuleiro do modo como pretende montá-las. Com um lápis, desenhe os contornos das placas laterais curtas do tabuleiro nas superfícies internas das partes compridas, marque dois furos centrais em cada uma das linhas, abra-os e rebaixe-os a partir de fora. A seguir, monte as placas laterais do tabuleiro com uma aparafusadora sem fio e parafusos 3,5 x 40 mm. Tenha em mente as indicações que damos na dica para aparafusar duas partes de madeira no passo de trabalho 5. Para aparafusar a base do tabuleiro, coloque a estrutura montada sobre os rebordos superiores e alinhe a base de maneira a ficar à face de todas as arestas. Aperte a estrutura à base com uma aparafusadora sem fio e parafusos 3,5 x 40 mm, tendo em mente as indicações que damos na nossa dica para aparafusar duas partes de madeira. 9 Montar a armação base e aparafusá-la sob o tampo da mesa Antes de mais, encurte o comprimento de uma das placas base de 260 para 190 mm. (Se tiver montado a caixa para o tabuleiro com uma outra profundidade, adapte esta medida em conformidade). A seguir, abra recortes retangulares no rebordo superior da união transversal com a serra vertical de modo a que a caixa para o tabuleiro encaixe lá. Com um lápis, desenhe o contorno do recorte (500 x 70 mm) no canto superior direito da união transversal e corte o retângulo com a serra vertical. Para montar as placas base e a união transversal, coloque-as ao lado umas das outras, do modo que pretende aparafusá-las. Com um lápis, copie os contornos da união transversal para as superfícies interiores das placas base

6 e marque duas posições de perfuração centrais. Abra os furos e rebaixeos a partir de fora. A seguir, monte as placas laterais do tabuleiro com uma aparafusadora sem fio e parafusos 4 x 60 mm. Aparafuse primeiro os oito cantos à armação base, de modo a ficarem à face do rebordo superior. Por fim, fixe a armação à parte de baixo do tampo da mesa com uma aparafusadora sem fio e parafusos 3 x 16 mm. 10 Lixar as superfícies de madeira Para obter a melhor superfície possível, deverá prepará-la antes da montagem do móvel. Primeiro, elimine todas as arestas com uma folha de lixa de grão 120 ou 180, num ângulo de 45, de modo a criar um pequeno chanfro. Lixe as superfícies visíveis com a lixadeira, sempre no sentido dos veios da madeira, primeiro com a folha de lixa mais grossa (120, 180) e, a seguir, com a mais fina (até 240). A seguir, humedeça as superfícies com uma esponja para as limpar. Durante a secagem, as fibras da madeira individuais soltas levantam-se; concluído este processo, elimine-as cuidadosamente com uma folha de lixa de grão 180. Depois de removidas, a madeira encontra-se pronta para o tratamento da superfície. 11 Tratamento da superfície com óleo ou cera Antes de iniciar os trabalhos, leia atentamente os conselhos de processamento e de segurança do fabricante. Trabalhe num espaço com boa ventilação, evitando fumar, comer e beber nesse mesmo espaço. Aplique o óleo ou a cera em abundância com um sistema de pulverização e remova o excesso com um pano. Respeite os tempos de secagem indicados pelo fabricante. Se pretender aplicar uma segunda demão de cera, torna-se necessário efetuar um polimento com uma folha de lixa de grão 240. (Muitas vezes, é possível aplicar uma segunda demão de óleo sem ser necessário efetuar um novo polimento.) Desta vez, lixe também no sentido dos veios da madeira. A seguir, volte a aplicar verniz transparente tal como descrito no parágrafo anterior. Depois de a cera ter secado, pula a superfície com uma escova macia até esta começar a brilhar. 12 Pronto! A Bosch não assume qualquer responsabilidade pela completude e correção das instruções utilizadas. A Bosch também avisa que estas instruções são utilizadas por sua própria conta e risco. Tome todas as medidas de segurança necessárias.

Robert Bosch GmbH. Luminária lounge

Robert Bosch GmbH. Luminária lounge Luminária lounge Muito relaxante Luminária lounge A luz é importante para a ambiente. Esta caixa elegante é a luminária ideal para ambientes lounge confortáveis. 1 Introdução Esta caixa elegante é a luminária

Leia mais

Casa para pássaros para a varanda ou para o jardim

Casa para pássaros para a varanda ou para o jardim Casa para pássaros para a varanda ou para o jardim Expedição ao mundo animal. Casa para pássaros Pequenos e grandes zoólogos podem em breve observar e descobrir o mundo a partir da própria porta da varanda.

Leia mais

Abrigo para bicicletas Bikeport

Abrigo para bicicletas Bikeport Abrigo para bicicletas Bikeport Proteção contra sol, vento e chuva. Abrigo para bicicletas Bikeport Está cansado guardar sua bicicleta no porão? Este Bikeport montagem própria po ajudá-lo e além disso,

Leia mais

Carrinho de cozinha. Ajuda móvel Carrinho de cozinha Muito prático: um destes carrinhos de rodas dá imenso jeito em qualquer ocasião.

Carrinho de cozinha. Ajuda móvel Carrinho de cozinha Muito prático: um destes carrinhos de rodas dá imenso jeito em qualquer ocasião. Carrinho de cozinha Ajuda móvel Carrinho de cozinha Muito prático: um destes carrinhos de rodas dá imenso jeito em qualquer ocasião. 1 Introdução Faça magia na sua cozinha com este auxiliar perfeito sempre

Leia mais

FIXANDO AS CAVERNAS NO PICADEIRO 33

FIXANDO AS CAVERNAS NO PICADEIRO 33 2 1 100 1 132 1 000 FIXANDO AS CAVERNAS NO PICADEIRO 33 1. Coloque a caverna do meio sobre o picadeiro a frente da traverssa. Para o barco de 5,2 m a caverna 2, para os barcos maiores a caverna 3. 2. Alinhe

Leia mais

Aparador/estante divisória

Aparador/estante divisória Aparador/estante divisória Apenas o lado mais bonito Aparador/estante divisória É verdade que há sempre dois lados da mesma moeda. Mas nesta estante divisória um dos lados é mais bonito que o outro. Então

Leia mais

INSTRUÇÃO DE TRABALHO OPERACIONAL ITOPR 007- REV 01 Título: EMENDAS EM CORREIAS TRANSPORTADORAS CABO DE AÇO

INSTRUÇÃO DE TRABALHO OPERACIONAL ITOPR 007- REV 01 Título: EMENDAS EM CORREIAS TRANSPORTADORAS CABO DE AÇO 1- DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA: Catálogos Goodyear, Mercúrio, Contitech 2- MATERIAIS E FERRAMENTAS: 2.1) Materiais: IT Descrição 01 Borracha de ligação, cabos/cobertura 02 Borracha de cobertura inferior e

Leia mais

Lavatório de linhas minimalistas

Lavatório de linhas minimalistas Lavatório de linhas minimalistas Um trabalho limpo Lavatório de linhas minimalistas O design minimalista na casa de banho está na moda. Porque, tal como este lavatório comprova, o design minimalista traz

Leia mais

FICHAS DE INSTALAÇÃO - CPC COMO INSTALAR UMA FECHADURA

FICHAS DE INSTALAÇÃO - CPC COMO INSTALAR UMA FECHADURA 1. Constituintes de uma fechadura 2. Modelos de Fechadura Fechadura de embutir: Também designada por fechadura de encastrar, este tipo de fechadura é montada encastrada na espessura da porta. É sobretudo

Leia mais

GUIA DE INSTALAÇÃO DE COZINHAS

GUIA DE INSTALAÇÃO DE COZINHAS GUIA DE INSTALAÇÃO DE COZINHAS Guia passo-a-passo para instalar a sua nova cozinha Esta brochura é o seu guia de preparação e instalação da sua nova cozinha. No interior, vai encontrar sugestões e ideias,

Leia mais

PV-2200 MANUAL DE INSTRUÇÃO

PV-2200 MANUAL DE INSTRUÇÃO Pág.:1 MÁQUINA: MODELO: NÚMERO DE SÉRIE: ANO DE FABRICAÇÃO: O presente manual contém instruções para instalação e operação. Todas as instruções nele contidas devem ser rigorosamente seguidas do que dependem

Leia mais

Seção 9 Cilindros e protetores/reservatórios do cárter

Seção 9 Cilindros e protetores/reservatórios do cárter Seção 9 Cilindros e protetores/reservatórios do cárter Página CILINDROS... 150 Inspeção e medição... 150 Retificação de cilindros... 150 Acabamento... 151 Limpeza... 151 MANCAIS DE MOTOR... 152 Mancal

Leia mais

Montagem de Kit Loja de Bolos Passo a Passo

Montagem de Kit Loja de Bolos Passo a Passo Montagem de Kit Loja de Bolos Passo a Passo (o kit pode ser adquirido na www.pequenasartes.com.br) O kit é bem completo e vem com praticamente tudo o que você vai precisar para montar, inclusive cola e

Leia mais

Projecto de uma mini mini-hídrica

Projecto de uma mini mini-hídrica Projecto de uma mini mini-hídrica José Pinto da Cunha 1 Lista de material 1 tupperware cilíndrico em PVC transparente com 20 cm e altura 9 cm;(marca Canasta; Continente; Jumbo) (ref. 5601323101891); 1

Leia mais

Aparador. Há sempre espaço para o design. Aparador Elemento atrativo e prática arrumação num só: O aparador numa moderna mistura de materiais.

Aparador. Há sempre espaço para o design. Aparador Elemento atrativo e prática arrumação num só: O aparador numa moderna mistura de materiais. Aparador Há sempre espaço para o design. Aparador Elemento atrativo e prática arrumação num só: O aparador numa moderna mistura de materiais. 1 Introdução Mistura de materiais num só! Este aparador irá

Leia mais

Instruções de montagem de painel luminoso SMD da Kymco

Instruções de montagem de painel luminoso SMD da Kymco Instruções de montagem de painel luminoso SMD da Kymco Português Lista de Peças 1 X 1 Papel de registo 2 X 2 Painel principal 3 X 1 Painel luminoso 4 X 1 Suporte luminoso SMD 5 X 2 Faixas SMD, vermelha

Leia mais

GUIA DE INSTALAÇÃO DE CASAS DE BANHO

GUIA DE INSTALAÇÃO DE CASAS DE BANHO GUIA DE INSTALAÇÃO DE CASAS DE BANHO Guia passo a passo para instalar a sua nova casa de banho Esta brochura é o seu guia para preparar e instalar você mesmo a sua casa banho. No interior, vai encontrar

Leia mais

Manual Descritivo para Construção do ASBC

Manual Descritivo para Construção do ASBC Manual descritivo para construção do ASBC 1 Felipe Marques Santos Manual Descritivo para Construção do ASBC (Aquecedor Solar de Baixo Custo) Coordenador: Prof. Dr. Rogério Gomes de Oliveira 2 Manual descritivo

Leia mais

Yep. Nicho para Fogão 80/90-57cm. Partes do Produto. Componentes

Yep. Nicho para Fogão 80/90-57cm. Partes do Produto. Componentes Yep Partes do Produto Nicho para Fogão 80/90-57cm Tampo Vendido Separadamente - Lateral Direita/ Esquerda (x) - Fechamento Frontal (x) - Travessa Inferior (x) - Travessa Traseira (x) 5- Fechamento Lateral

Leia mais

MANUAL DE MONTAGEM - BERÇO ENCANTHUS

MANUAL DE MONTAGEM - BERÇO ENCANTHUS Móveis Qualidade para merecer você MANUAL DE MONTAGEM BERÇO ENCANTHUS De acordo com a Norma 15860/2010 da ABNT. BERÇO ENCANTHUS 173 O fabricante se reserva ao direito de introduzir modificações técnicas

Leia mais

STOL CH 701. 7R3-1 Rear Skin. Note: Tanto o lado superior como o lado inferior do revestimento estão perpendiculares a dobra longitudinal.

STOL CH 701. 7R3-1 Rear Skin. Note: Tanto o lado superior como o lado inferior do revestimento estão perpendiculares a dobra longitudinal. 7R3-1 Rear Skin Note: Tanto o lado superior como o lado inferior do revestimento estão perpendiculares a dobra longitudinal. Manuseia o revestimento Com muita atenção e delicadeza. desta forma você evitará

Leia mais

KIT Porta IPUMIRIM. Manual técnico e instruções de instalação

KIT Porta IPUMIRIM. Manual técnico e instruções de instalação Manual técnico e instruções de instalação KIT Porta IPUMIRIM Este manual de instalação do Kit Faqueadas Ipumirim vai auxiliar e orientar construtores e consumidores com as informações necessárias com relação

Leia mais

THERMOCUT 230/E. Instruções de Serviço

THERMOCUT 230/E. Instruções de Serviço Instruções de Serviço PT CARO CLIENTE! Para poder manusear o aparelho cortador de arame quente THERMOCUT da PROXXON em segurança e de acordo com as regras de funcionamento, solicitamos-lhe que leia atentamente

Leia mais

PROJETO DE CHOCADEIRA PARA 84 OVOS DE GALINHA CAIXA DE MADEIRA Autor: Randolfo Ribeiro

PROJETO DE CHOCADEIRA PARA 84 OVOS DE GALINHA CAIXA DE MADEIRA Autor: Randolfo Ribeiro PROJETO DE CHOCADEIRA PARA 84 OVOS DE GALINHA CAIXA DE MADEIRA Autor: Randolfo Ribeiro PROJETO DE CHOCADEIRA EM CAIXA DE MADEIRA Capacidade 84 ovos de galinha Autor: Randolfo Ribeiro Este projeto contém

Leia mais

AFIADOR ELÉTRICO 511 A Manual de Instruções

AFIADOR ELÉTRICO 511 A Manual de Instruções AFIADOR ELÉTRICO 511 A Manual de Instruções ESTE MANUAL CONTÉM INFORMAÇÕES IMPORTANTES SOBRE MONTAGEM, OPERAÇÃO, MANUTENÇÃO E SEGURANÇA REFERENTES AO AFIADOR ELÉTRICO DE BANCADA OREGON 511A. FAVOR LER

Leia mais

ESTRUTURA CONSTRUÇÃO COM TÁBUAS CONSTRUÇÃO EM COMPENSADO. 5 32 x 44. 4 32 x 68. 3 Serrado de. 6 Cavernas do meio do barco. 8 44 x 143 1.

ESTRUTURA CONSTRUÇÃO COM TÁBUAS CONSTRUÇÃO EM COMPENSADO. 5 32 x 44. 4 32 x 68. 3 Serrado de. 6 Cavernas do meio do barco. 8 44 x 143 1. ESTRUTURA 17 18 Serrado de 20 x 193 CONSTRUÇÃO COM TÁBUAS 5 32 x 44 14 16 x 143 4 32 x 68 3 Serrado de 32 x 143 3 Cavernas da popa ao meio do barco: 32 x 143 6 Cavernas do meio do barco até proa: 32 x

Leia mais

Instruções de instalação

Instruções de instalação Instruções de instalação Acessórios Cabos de ligação do acumulador da caldeira de aquecimento Para técnicos especializados Ler atentamente antes da montagem. Logano plus GB225-Logalux LT300 6 720 642 644

Leia mais

DICAS E ORIENTAÇÕES PARA REUTILIZAÇÃO DE GARRAFAS PET

DICAS E ORIENTAÇÕES PARA REUTILIZAÇÃO DE GARRAFAS PET DICAS E ORIENTAÇÕES PARA REUTILIZAÇÃO DE GARRAFAS PET ORGANIZAÇÃO: Antes de começar a trabalhar é necessário um mínimo de organização. Pode-se nomear uma comissão para coordenar os trabalhos, distribuir

Leia mais

GUIA DO USUÁRIO. Dome fixo AXIS T90C10 IR-LED. Dome fixo AXIS T90C20 IR-LED PORTUGUÊS

GUIA DO USUÁRIO. Dome fixo AXIS T90C10 IR-LED. Dome fixo AXIS T90C20 IR-LED PORTUGUÊS GUIA DO USUÁRIO Dome fixo AXIS T90C10 IR-LED Dome fixo AXIS T90C20 IR-LED PORTUGUÊS Medidas de segurança Leia com atenção este guia de instalação até o final antes de instalar o produto. Guarde o guia

Leia mais

Perspectiva isométrica de modelos com elementos diversos

Perspectiva isométrica de modelos com elementos diversos Perspectiva isométrica de modelos com elementos diversos Introdução Algumas peças apresentam partes arredondadas, elementos arredondados ou furos, como mostram os exemplos abaixo: parte arredondada furo

Leia mais

Instruções de montagem

Instruções de montagem Instruções de montagem Colectores planos Suporte de instalação 6 720 643 442 (2010/03) PT 6720616592.00-1.SD Indice Indice 1 Esclarecimento dos símbolos e indicações de segurança...............................

Leia mais

OS DIFERENTE SISTEMAS DE FECHO:

OS DIFERENTE SISTEMAS DE FECHO: OS ELEMENTOS DE UMA FECHADURA OS DIFERENTES MODELOS DE FECHADURAS - Fechadura de embutir:também designada por fechadura de encastrar, este tipo de fechadura é montada encastrada na espessura da porta.

Leia mais

Como fazer o seu próprio escudo medieval

Como fazer o seu próprio escudo medieval Dark Ages - idade média www.sec11.cjb.net goshinryukempo@hotmail.com Idade média Como fazer o seu próprio escudo medieval Existem dois métodos, um simples e o outro bem mais elaboro. 1. O método simples:

Leia mais

MANUAL DE MONTAGEM DA FECHADURA SYNTER EXECUÇÃO DO ALOJAMENTO DA FECHADURA:

MANUAL DE MONTAGEM DA FECHADURA SYNTER EXECUÇÃO DO ALOJAMENTO DA FECHADURA: MANUAL DE MONTAGEM DA FECHADURA SYNTER EXECUÇÃO DO ALOJAMENTO DA FECHADURA: Para fazer o alojamento da Máquina da Fechadura em uma porta, é necessário deixar 1,10m do centro do furo quadrado da maçaneta

Leia mais

Laboratório de Controle de

Laboratório de Controle de Laboratório de Controle de Qualidade - LCQ SENAI/CETEMO Eng. Maria Ballestrin Bertarello NBR 15860/2010 Está dividida em duas partes Parte 1 Requisitos de segurança Parte 2 Métodos de ensaios Escopo berços

Leia mais

Tutorial: Quenn Anne Game Table Passo-a-Passo elaborado por Marco Pepe (HobbyFun)

Tutorial: Quenn Anne Game Table Passo-a-Passo elaborado por Marco Pepe (HobbyFun) A mesa que vamos construir! Tutorial: Quenn Anne Game Table Projeto: Queen Anne Game Table Lista de Materiais Madeira de 1, 2 e 3 mm de espessura. Pode ser mogno, cedro, balsa, etc. No nosso modelo eu

Leia mais

Sistema de Esteira Porta Cabos igus Guia de Instalação

Sistema de Esteira Porta Cabos igus Guia de Instalação Sistema de Esteira Porta Cabos igus Guia de Instalação Cursos Longos (Deslizantes) Horizontais Atenção: Não seguir as instruções instalação pode resultar em falha séria Antes de iniciar o processo de instalação,

Leia mais

MANUAL DE MONTAGEM E INSTRUÇÕES DE USO BERÇO SONHO ENCANTADO / PREMIUM

MANUAL DE MONTAGEM E INSTRUÇÕES DE USO BERÇO SONHO ENCANTADO / PREMIUM WWW.FIORELLO.COM.BR SAC@FIORELLO.COM.BR ENTRADA PRINCIPAL S/N - DISTRITO IND. II - BAIRRO CARAMURU TEL: (46) 3547-3547 CEP: 85880-000 - ITAIPULÂNDIA - PR MANUAL DE MONTAGEM E INSTRUÇÕES DE USO BERÇO SONHO

Leia mais

Controle de Medidas - Instrumentos de Medição. Prof. Casteletti PAQUÍMETRO UNIVERSAL

Controle de Medidas - Instrumentos de Medição. Prof. Casteletti PAQUÍMETRO UNIVERSAL PAQUÍMETRO UNIVERSAL O paquímetro é um instrumento usado para medir dimensões lineares internas, externas e de profundidade. Consiste em uma régua graduada, com encosto fixo, na qual desliza um cursor.

Leia mais

ZJ20U93 Montagem e Operacional

ZJ20U93 Montagem e Operacional www.zoje.com.br ZJ20U93 Montagem e Operacional ÍNDICE 1. Aplicação...2 2. Operação segura...2 3. Cuidados antes da operação...2 4. Lubrificação...2 5. Seleção da agulha e do fio...3 6. A Inserção da agulha...3

Leia mais

MANUAL DE ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS E CONSERVAÇÃO LINHA TÉCNICA KIT PASSARELA TRILHAS ECOLÓGICAS

MANUAL DE ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS E CONSERVAÇÃO LINHA TÉCNICA KIT PASSARELA TRILHAS ECOLÓGICAS MANUAL DE ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS E CONSERVAÇÃO LINHA TÉCNICA KIT PASSARELA TRILHAS ECOLÓGICAS 1. Introdução... 2 1.1. O Kit Passarela... 2 1.2. Materiais... 3 1.2.1. Peças... 3 1.2.2. Acessórios... 4

Leia mais

www.zoje.com.br Manual ZJ8700 Montagem e Operacional

www.zoje.com.br Manual ZJ8700 Montagem e Operacional Manual ZJ8700 Montagem e Operacional MANUAL DE INSTRUÇÕES Para obter o máximo das muitas funções desta máquina e operá-la com segurança, é necessário usá-la corretamente. Leia este Manual de Instruções

Leia mais

Acesse: http://fuvestibular.com.br/

Acesse: http://fuvestibular.com.br/ Esse torno só dá furo! Na aula sobre furação, você aprendeu que os materiais são furados com o uso de furadeiras e brocas. Isso é produtivo e se aplica a peças planas. Quando é preciso furar peças cilíndricas,

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO DOS PISOS VINÍLICOS EM MANTAS FORTHFLEX, FORTHPISO, FORTHVINYL, CARAVAN E PASTILLE FLOOR

MANUAL DE INSTALAÇÃO DOS PISOS VINÍLICOS EM MANTAS FORTHFLEX, FORTHPISO, FORTHVINYL, CARAVAN E PASTILLE FLOOR MANUAL DE INSTALAÇÃO DOS PISOS VINÍLICOS EM MANTAS FORTHFLEX, FORTHPISO, FORTHVINYL, CARAVAN E PASTILLE FLOOR ANTES DA INSTALAÇÃO: Para podermos ter uma excelente apresentação da instalação não dependemos

Leia mais

Metro-light. toldos de fachada manual de instalação

Metro-light. toldos de fachada manual de instalação Metro-light toldos de fachada manual de instalação Metro-light toldos de fachada manual de instalação Instruções gerais e de segurança Leia as instruções de montagem Apesar dos produtos Stobag serem de

Leia mais

Casa de Bonecas. Faça a alegria de seus filhos construindo um brinquedo original e muito divertido!

Casa de Bonecas. Faça a alegria de seus filhos construindo um brinquedo original e muito divertido! Casa de Bonecas Faça a alegria de seus filhos construindo um brinquedo original e muito divertido! Materiais Martelo Serra tico-tico manual Esquadro Trena Régua Compasso Cola branca Lixas para madeira

Leia mais

Manual de Instalação de Sistemas Fotovoltaicos em Telhados - PHB

Manual de Instalação de Sistemas Fotovoltaicos em Telhados - PHB Manual de Instalação de Sistemas Fotovoltaicos em Telhados - PHB Índice Capítulo Título Página 1 Informações Gerais 3 2 Segurança 4 3 Especificações Técnicas 5 4 Ferramentas, Instrumentos e Materiais 6

Leia mais

Instruções de encastramento

Instruções de encastramento para aparelhos frigoríficos, BioFresh, congeladores, integrável com montagem fixa de porta P 708 45-00 IK/IKP/IKB/IG 006 a b max. 00 3 4 00 38 00 cm 560-570 550 (mm) 557 538 6 3mm 38 0 57 A (mm) B 00 cm

Leia mais

Guia Prático de Instalação SONEX illtec Skin e Pb / Bloc. Revisão: 1

Guia Prático de Instalação SONEX illtec Skin e Pb / Bloc. Revisão: 1 Revisão: 1 Cuidados iniciais: Atenção às bocas de saída de ar condicionado instaladas no teto, pois são grandes dispersores de ar. Assim como as luminárias, as grelhas de ar condicionado devem ser rebaixadas

Leia mais

ESQUADREJADORA. Princípios principais de utilização e precauções:

ESQUADREJADORA. Princípios principais de utilização e precauções: ESQUADREJADORA A esquadrejadora é uma máquina de serra circular que permite realizar cortes rectos de precisão, vazados ou interrompidos, de peças de grande dimensão. É constituída por um corpo com mesa

Leia mais

Relógio de Bolinhas Montagem de Flávio Machado Desenhos de Alex Sandro

Relógio de Bolinhas Montagem de Flávio Machado Desenhos de Alex Sandro Relógio de Bolinhas Montagem de Flávio Machado Desenhos de Alex Sandro Construir este relógio foi um desafio, pois não dispunha de nenhum projeto e o que tinha eram apenas fotos, por isso relutava em entrar

Leia mais

BARGOA. Conjunto de Emenda Aérea Selada Vertical - CEASV

BARGOA. Conjunto de Emenda Aérea Selada Vertical - CEASV O CEASV consiste de um conjunto para a acomodação e proteção de emendas de cabos de rede externa de telefonia, em montagem de topo, para instalações aéreas. Trata-se de um sistema versátil, de fácil instalação

Leia mais

Neste guia, você encontrará alguns exemplos de aplicações profissionais bem como informações sobre produtos indicados.

Neste guia, você encontrará alguns exemplos de aplicações profissionais bem como informações sobre produtos indicados. Guia de aplicações As ferramentas Dremel são o complemento perfeito para o kit de ferramentas dos profissionais, pois trabalham em situações em que as outras ferramentas (manuais ou elétricas) seriam

Leia mais

Fachadas Fichas de Aplicação

Fachadas Fichas de Aplicação Fichas de Aplicação Ventiladas - Sistema de s Ventiladas - Viroclin Ventiladas - Virocnail Ventiladas - Sistema Misto Consulte o Dossier Técnico Viroc disponível em www.viroc.pt, na página de Downloads.

Leia mais

Projeção ortográfica de modelos com elementos paralelos e oblíquos

Projeção ortográfica de modelos com elementos paralelos e oblíquos A U L A Projeção ortográfica de modelos com elementos paralelos e oblíquos Introdução Você já sabe que peças da área da Mecânica têm formas e elementos variados. Algumas apresentam rebaixos, outras rasgos,

Leia mais

MANUAL DE ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS E CONSERVAÇÃO LINHA TÉCNICA COLEÇÃO MARUBO MADEPLAST PERGOLADOS

MANUAL DE ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS E CONSERVAÇÃO LINHA TÉCNICA COLEÇÃO MARUBO MADEPLAST PERGOLADOS MANUAL DE ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS E CONSERVAÇÃO LINHA TÉCNICA COLEÇÃO MARUBO MADEPLAST PERGOLADOS 1. Coleção Marubo... 02 2. Considerações antes de iniciar.... 06 3. Peças e Ferramentas... 07 4. Especificações

Leia mais

Elementos Táteis de Alerta Linha Dome - Mozaik

Elementos Táteis de Alerta Linha Dome - Mozaik Elementos Táteis de Alerta Linha Dome - Mozaik APRESENTAÇÃO Os elementos táteis Mozaik foram projetados para a sinalização tátil de pisos executados em praticamente quaisquer tipos de materiais de revestimento,

Leia mais

Cavaletes de madeira de boa qualidade ou metal, medindo aproximadamente 85 cm de altura x 70 cm de base

Cavaletes de madeira de boa qualidade ou metal, medindo aproximadamente 85 cm de altura x 70 cm de base MATERIAIS NECESSÁRIOS PARA O TREINAMENTO DE PROCESSAMENTO DO CORIAN *Espaço mínimo de 30 m 2, com boa iluminação e ventilação IMAGEM QTD RECOMEND. CÓDIGO DESCRIÇÃO FORNECEDOR 4 Cavaletes de madeira de

Leia mais

SE245 Caster Gel Dupla

SE245 Caster Gel Dupla man ual usuário Português SE245 Caster Gel Dupla mu SE245-IM/Portuguese/Rev.I0/08-12 Conteúdo Caster função dupla Gel e descrição...1 Desempacotando...1 Prepare o rodízio gel...2 Construa a pilha sanduíche

Leia mais

Álbum Sanfonado. Técnica utilizada: cartonagem com utilização de papel reciclado com sisal

Álbum Sanfonado. Técnica utilizada: cartonagem com utilização de papel reciclado com sisal Álbum Sanfonado 1 Técnica utilizada: cartonagem com utilização de papel reciclado com sisal Materiais 2 Papel reciclado com sisal. Papelão Paraná. Papel color plus gramatura 180 g/m² ou cartolina. Lápis

Leia mais

Desenho Técnico. Desenho Projetivo e Perspectiva Isométrica

Desenho Técnico. Desenho Projetivo e Perspectiva Isométrica Desenho Técnico Assunto: Aula 3 - Desenho Projetivo e Perspectiva Isométrica Professor: Emerson Gonçalves Coelho Aluno(A): Data: / / Turma: Desenho Projetivo e Perspectiva Isométrica Quando olhamos para

Leia mais

Instruções de montagem

Instruções de montagem Instruções de montagem Indicações importantes relativas às instruções de montagem VOSS O desempenho e a segurança mais elevados possíveis no funcionamento dos produtos VOSS só serão obtidos se forem cumpridas

Leia mais

Sumário Serra Fita FAM

Sumário Serra Fita FAM Sumário Serra Fita FAM 1 Componentes... 1 Painel de controle... 1 Sensores de segurança... 2 Especificações... 2 Instalação... 3 Condições Gerais do Local... 3 Rede Elétrica... 3 Instalação da Tomada...

Leia mais

dimensão de força As ferramentas certas a geração Compact da Bosch Bricolage Uma nova O novo martelo perfurador universal PBH 2100 RE/SRE

dimensão de força As ferramentas certas a geração Compact da Bosch Bricolage Uma nova O novo martelo perfurador universal PBH 2100 RE/SRE As ferramentas certas a geração Compact da Bosch Bricolage Uma nova dimensão de força O novo martelo perfurador universal PBH 2100 RE/SRE NOVO! O martelo perfurador PBH 2100 RE/SRE Ergonomia perfeita graças

Leia mais

MIMO KIT LATERAIS DO BERÇO 1,30 x 0,70cm

MIMO KIT LATERAIS DO BERÇO 1,30 x 0,70cm 10180070004-24/01/14-REV.01 Parabéns, você acaba de adquirir um produto de excelente qualidade! Saiba mais sobre seu móvel de madeira: Além de atender a todos os requisitos de qualidade e bom gosto, este

Leia mais

Manual Técnico - OHRA E GAV. PLANO -

Manual Técnico - OHRA E GAV. PLANO - Manual Técnico - OHRA E GAV. PLANO - Material elaborado pelo departamento técnico da OfficeBrasil Desenvolvimento de Projetos e Produtos Última atualização: Março de 2013 Belo Horizonte, MG Linha Ohra

Leia mais

2 - Instalação dos Módulos e Rede de Irrigação

2 - Instalação dos Módulos e Rede de Irrigação - Instalação dos Módulos e Rede de Irrigação APRESENTAÇÃO DO PRODUTO O WallGreen consiste em um sistema desenvolvido para a instalação de Jardins Verticais. O sistema é m o n t a d o f o r m a n d o n

Leia mais

Pedus. Técnica Cirúrgica

Pedus. Técnica Cirúrgica Técnica Cirúrgica com cunha 1. Características do produto Estabilidade angular. Orifícios de combinação. Isto torna possível usar parafusos com e sem estabilidade angular. Parafusos e placas de titânio.

Leia mais

Apostila básica de Marcenaria

Apostila básica de Marcenaria 1 Apostila básica de Marcenaria 1. Folha de Madeira (Laminado) 1.1 Observar bem, para dar continuidade nos dos veios da folha. Após definir o sentido dos veios na superfície, frise os topos no mesmo sentido

Leia mais

apresenta Orientações para aplicação do Pastilhado de Casca de Coco

apresenta Orientações para aplicação do Pastilhado de Casca de Coco apresenta Orientações para aplicação do Pastilhado de Casca de Coco O pastilhado da CoconutArt é fabricado com a casca dura do coco, aproveitando os resíduos da indústria alimentícia. A fabricação das

Leia mais

Inspiron 23 Manual do proprietário

Inspiron 23 Manual do proprietário Inspiron 23 Manual do proprietário Modelo do computador: Inspiron 23 Modelo 5348 Modelo normativo: W10C Tipo normativo: W10C001 Notas, avisos e advertências NOTA: Uma NOTA indica informações importantes

Leia mais

Complementos para telhas Brasilit

Complementos para telhas Brasilit Complementos para telhas Brasilit A mais completa linha de cumeeiras, rufos, espigões, arestas, cantoneiras, terminais, pingadeiras, tampões, calços, venezianas, claraboias e placas de vedação. TECNOLOGIA

Leia mais

Brocas Escalonadas para Telhas Arcos de Pua Garra para Mandril de Arco de Pua Verrumas para Arco de Pua. Verrumas Manuais. Ferros de Pua Mathieson

Brocas Escalonadas para Telhas Arcos de Pua Garra para Mandril de Arco de Pua Verrumas para Arco de Pua. Verrumas Manuais. Ferros de Pua Mathieson Brocas para Madeira Brocas de 3 Pontas Brocas de 3 Pontas para Mourão Brocas para Fibrocimento e Mourão Brocas em Aço Cromo 46 47 48 48 Brocas Escalonadas para Telhas Arcos de Pua Garra para Mandril de

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES

MANUAL DE INSTRUÇÕES MANUAL DE INSTRUÇÕES INSTALAÇÃO, MANUSEIO E MANUTENÇÃO LEIA ANTES DE INSTALAR CONFORTO SEGURANÇA DURABILIDADE PORTÃO SOCIAL OU DE ABRIR Parabéns! Você acaba de adquirir um dos produtos da linha Celbra.

Leia mais

Retificação cilíndrica

Retificação cilíndrica A U A UL LA Retificação cilíndrica A retificadora cilíndrica universal é uma máquina utilizada na retificação de todas as superfícies cilíndricas, externas ou internas de peças. Em alguns casos, essa máquina

Leia mais

Essas duas questões serão estudadas nesta aula. Além delas, você vai ver quais erros podem ser cometidos na rebitagem e como poderá corrigi-los.

Essas duas questões serão estudadas nesta aula. Além delas, você vai ver quais erros podem ser cometidos na rebitagem e como poderá corrigi-los. A UU L AL A Rebites III Para rebitar peças, não basta você conhecer rebites e os processos de rebitagem. Se, por exemplo, você vai rebitar chapas é preciso saber que tipo de rebitagem vai ser usado - de

Leia mais

Porta-utensílios de parede

Porta-utensílios de parede Porta-utensílios de parede O rei da organização Porta-utensílios de parede Adeus à desorganização! O porta-utensílios de parede é a solução de armazenamento ideal para tudo o que costuma andar espalhado.

Leia mais

Galoneira Industrial série ZJ-W562

Galoneira Industrial série ZJ-W562 Galoneira Industrial série ZJ-W562 Instruções de Segurança IMPORTANTE Antes de utilizar sua máquina, leia atentamente todas as instruções desse manual. Ao utilizar a máquina, todos os procedimentos de

Leia mais

Escoamento. Escoamentos de água no solo para a impermeabilização conjunta

Escoamento. Escoamentos de água no solo para a impermeabilização conjunta Schlüter -KERDI-DRAIN Escoamento 8.2 Escoamentos de água no solo para a impermeabilização conjunta Aplicação e funcionamento Schlüter -KERDI-DRAIN é um sistema de escoamento de águas no solo destinado

Leia mais

Caderno de exercício. Desenho 1

Caderno de exercício. Desenho 1 Caderno de exercício Desenho 1 Prof: Viviane Dorneles SENAI Caderno de Exercícios Desenho Técnico 1 1 1.1 Criando um desenho técnico O desenho é uma forma de linguagem usada pelos artistas. Desenho técnico

Leia mais

C-EC/U. Porta Comercial de Encosto em caixilho "U

C-EC/U. Porta Comercial de Encosto em caixilho U C-EC/U Porta Comercial de Encosto em caixilho "U A Dânica Doors recomenda que as instruções de montagem contidas neste manual sejam seguidas rigorosamente para que as portas atendam em sua plena funcionalidade.

Leia mais

Desenho e Projeto de tubulação Industrial

Desenho e Projeto de tubulação Industrial Desenho e Projeto de tubulação Industrial Módulo I Aula 08 1. PROJEÇÃO ORTOGONAL Projeção ortogonal é a maneira que o profissional recebe o desenho em industrias, 1 onde irá reproduzi-lo em sua totalidade,

Leia mais

Bigfer + Hettich. Por que? Por que usar InnoTech em seus projetos?

Bigfer + Hettich. Por que? Por que usar InnoTech em seus projetos? InnoTech Bigfer + Hettich A Hettich é uma empresa alemã e líder mundial em ferragens e acessórios para móveis. No Brasil seus produtos são distribuídos pelo Grupo Bigfer, o maior fabricante de acessórios

Leia mais

TBM220. Instruções de Serviço

TBM220. Instruções de Serviço Instruções de Serviço PT CARO CLIENTE! O berbequim de mesa PROXXON TBM 220 é uma máquina precisa e potente. As presentes instruções contêm: instruções de segurança manuseamento e manutenção lista de peças

Leia mais

ESPECIFICAÇÕES : PEÇA FIXAÇÃO SUPERIOR/INFERIOR PIVOT COM EIXO A 67 MM MEDIDAS (MM) : 165X46 VIDRO (MM) : 10 ENTALHE : M 101

ESPECIFICAÇÕES : PEÇA FIXAÇÃO SUPERIOR/INFERIOR PIVOT COM EIXO A 67 MM MEDIDAS (MM) : 165X46 VIDRO (MM) : 10 ENTALHE : M 101 Ao longo de 26 anos de experiência e aprendizagem, a J.M.S.A. posiciona-se como líder de mercado, nas ferragens para vidro. Actualmente, somos os principais fabricantes e distribuidores de ferragens para

Leia mais

Soluções Recomendadas

Soluções Recomendadas Cement Wood Board Soluções Recomendadas Fachadas Fichas de Aplicação Fachadas Ventiladas Sistema de s Fachadas Aplicação: Exterior Estrutura de suporte: Madeira ou metal Fixação: s de cabeça externa Espessura:

Leia mais

Para se obter os melhores resultados, é essencial seguir exatamente as instruções de colocação.

Para se obter os melhores resultados, é essencial seguir exatamente as instruções de colocação. Para se obter os melhores resultados, é essencial seguir exatamente as instruções de colocação. PREPRÇÃO s réguas de piso devem permanecer e climatizar durante 48 horas dentro da embalagem fechada sob

Leia mais

COMO INSTALAR : MATERIAIS: IMPORTANTE. O contra piso deve estar:

COMO INSTALAR : MATERIAIS: IMPORTANTE. O contra piso deve estar: COMO INSTALAR : Importante para uma perfeita instalação, obter o resultado especificado pela Revitech Pisos e esperado pelo cliente, a utilização das ferramentas corretas. Ferramentas como a desempenadeira,

Leia mais

Sistemas de portas de elevação

Sistemas de portas de elevação Standard/SERVO-DRIVE Frentes em madeira, molduras largas e estreitas em alumínio Posição dos furos * Profundidade de furação 5 mm ** Furação alternativa min 261 Espaço ocupado 4&370 %3*7& SOB Espessura

Leia mais

Um variador de velocidade electrónico permite adaptar a velocidade de utilização aos diferentes tipos de materiais.

Um variador de velocidade electrónico permite adaptar a velocidade de utilização aos diferentes tipos de materiais. A LIXADEIRA A lixadeira elétrica serve para executar vários tipos de trabalhos de lixar e polir a seco materiais em bruto, envernizados ou pintados: madeira, metal, plástico, gesso, betume, etc. A escolha

Leia mais

Domus Profissional: programa para criação de móveis e ambientes sob medida. Apresenta uma foto realista dos móveis inseridos no ambiente.

Domus Profissional: programa para criação de móveis e ambientes sob medida. Apresenta uma foto realista dos móveis inseridos no ambiente. Os programas Domus são divididos em 4 aplicativos para atender às diferentes necessidades das pequenas e médias fábricas de móveis, ou de profissionais que se dedicam somente ao desenvolvimento de projetos

Leia mais

Instalação dos Forros Suspensos Armstrong

Instalação dos Forros Suspensos Armstrong Instalação dos Forros Suspensos Armstrong Instalação de forros suspensos Armstrong O sistema de forro modular de fibra mineral Armstrong é funcional, atrativo e proporciona fácil acesso ao plenum. Este

Leia mais

Def e in i i n ç i ã ç o S o ã o f er e ram a en e t n as a s rot o at a iva v s a s pa p r a a a us u i s na n g a e g m e d e d

Def e in i i n ç i ã ç o S o ã o f er e ram a en e t n as a s rot o at a iva v s a s pa p r a a a us u i s na n g a e g m e d e d Definição Fresas São ferramentas rotativas para usinagem de materiais, constituídas por uma série de dentes e gumes, geralmente dispostos simetricamente em torno de um eixo. Os dentes e gumes removem o

Leia mais

Mandrilamento. determinado pela operação a ser realizada. A figura a seguir mostra um exemplo de barra de mandrilar, também chamada de mandril.

Mandrilamento. determinado pela operação a ser realizada. A figura a seguir mostra um exemplo de barra de mandrilar, também chamada de mandril. A UU L AL A Mandrilamento Nesta aula, você vai tomar contato com o processo de mandrilamento. Conhecerá os tipos de mandrilamento, as ferramentas de mandrilar e as características e funções das mandriladoras.

Leia mais

PROCEDIMENTO DE MONTAGEM PASSO A PASSO

PROCEDIMENTO DE MONTAGEM PASSO A PASSO 3189P RETENTOR APLICADO NO CUBO DE RODA TRASEIRO DO EIXO MÉRITOR 1) Após desmontagem e limpeza do cubo, verificar o estado do alojamento do mesmo. 5) O retentor deverá ser aplicado até o encosto final

Leia mais

IFSC - Campus São José Área de Refrigeração e Ar Condicionado Prof. Gilson Desenvolvimento de Chapas

IFSC - Campus São José Área de Refrigeração e Ar Condicionado Prof. Gilson Desenvolvimento de Chapas DESENVOLVIMENTO DE CHAPAS É o processo empregado para transformar em superfície plana, peças, reservatórios, uniões de tubulações e de dutos, normalmente feitos em chapas, razão pela qual este processo

Leia mais

Palavras chaves: Transformador, material de baixo custo.

Palavras chaves: Transformador, material de baixo custo. TRANSFORMADOR * Santos Diez Arribas Departamento de Física UPF Passo Fundo RS Resumo 1 Neste trabalho, será apresentada a construção de um transformador de baixo custo, construído a partir de um transformador

Leia mais

Nesta aula, você vai estudar exatamente isso. E para acabar com o suspense, vamos a ela.

Nesta aula, você vai estudar exatamente isso. E para acabar com o suspense, vamos a ela. Mete broca! Nesta aula, vamos estudar uma operação muito antiga. Os arqueólogos garantem que ela era usada há mais de 4000 anos no antigo Egito, para recortar blocos de pedra. Ela é tão comum que você

Leia mais

Guia prático para a construção artesanal de um transformador de áudio para o projeto AX84-P1.

Guia prático para a construção artesanal de um transformador de áudio para o projeto AX84-P1. Guia prático para a construção artesanal de um transformador de áudio para o projeto AX84-P1. a) Observações. (Texto preliminar: Sérgio Trindade sergio@itazi.com.br) O texto abaixo não tem pretensão de

Leia mais

Índice. Caso 1 Estrutura para telhado duas águas... pag. 3. Caso 2 Estrutura para telhado três ou mais águas (espigão e água furtada)...pag.

Índice. Caso 1 Estrutura para telhado duas águas... pag. 3. Caso 2 Estrutura para telhado três ou mais águas (espigão e água furtada)...pag. Índice Caso 1 Estrutura para telhado duas águas... pag. 3 Caso 2 Estrutura para telhado três ou mais águas (espigão e água furtada)...pag. 11 Caso 3 Estrutura para telhas de fibrocimento e aço...pag. 15

Leia mais