CARTÓRIO DE REGISTRO DE IMÓVEIS

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CARTÓRIO DE REGISTRO DE IMÓVEIS"

Transcrição

1 CARTÓRIO DE REGISTRO DE IMÓVEIS Rua Marechal Floriano Peixoto, 147- Fone: (0xx37) PALMIRA FERREIRA DE SOUZA GUALBERTO (OFICIALA) CLAITON GUALBERTO DE SOUZA (OFICIAL SUBSTITUTO) ESTADO DE MINAS GERAIS - COMARCA DE SÃO ROQUE DE MINAS CERTIDÃO CERTIFICO a pedido verbal da pessoa interessada e para os devidos fins que revendo, neste cartório, no LIVRO 2 - REGISTRO GERAL, a matricula n de 31/01/2011 verifiquei constar: /01/ Protocolo: /01/2011 IMÓVEL: Um lote de terreno, situado neste município e comarca de São Roque de Minas/MG, na Avenida Moisés de Faria Costa, no loteamento denominado "CONDOMÍNIO RESIDENCIAL JARDIM DAS ACÁCIAS", na quadra 02, lote este de n. 071 com a área total de 1.538,50 m2, dentro das seguintes dimensões e confrontações: Frente: 30,00 metros - Avenida Moisés de Faria Costa; Fundo: 27,60 metros - Mário Luiz de Faria e 2,33 metros - Lote 09; Lateral Direita: 51,50 metros - Lote 08; Lateral Esquerda: 51,30 metros - Lote 06. REGISTRO ANTERIOR: Havida por Parcêlamento de Área, conforme matricula n. 9377, Livro 2 - Registro Geral, feita em 26/10/2010, deste cartório. ORIGEM DO IMÓVEL: Resultante de projeto de Tateamento, conforme Decreto Municipal n. 30/2010, de 03/12/2010. CLASSIFICACAO DO IMÓVEL: Residencial. Foi apresentada todas as certidões e quitações exigidas pela Lei do Registro Público n , de 31/12/1.973,, inclusive 03 publicações de um edital em um Jornal Regional (Folha da Manhã), da cidade e comarca de Passos/MG, feitas nos dias 13, 14 e 15/01/2011 respectivamente. PROPRIETÁRIOS: JOSÉ MOISÉS DE FARIA, brasileiro, maior, comerciante, RG: MG , órgão expedidbr: SSP/MG, CPF: e FÁTIMA MARIA DE MELO FARIA, brasileira, professora, RG: MG , órgão expedidor: SSP/MG, CPF: , casados sob Õ regime de comunhão universal de bens, na vigência da Lei n. 6515/77, residentes na Rua Adilson!Faria Costa, n. 38, Bairro Sagrado Coração de Jesus, CEP: , São Roque de Minas/MG. Emolumentos: R$ 12,34. Recompe: R$ 0,74. Taxa Fiscalização: R$ 4,11. Total: R$ 17,19. R /11/ Protocolo: /10/2014 DEVEDORA FIDUCIANTE/EMITENTE: JOSÉ MOISÉS DE FARIA CPF ME, CNPJ: / , sediada na Estrada São Roque de Minas/Parque Nacional, n. 80; Zona Rural, CEP: , São Roque de Minas/MG. CREDOR FIDUCIÁRIO: BANCO BRADESCO S.A., CNPJ: / , sediado na Cidade de Deus, sin., Osasco/SP, por sua agência local. TERCEIROS GARANTIDORES: JOSÉ MOISÉS DE FARIA, brasileiro, maior, comerciante, RG: MG , órgão expedidor: SSP/MG, CPF: , e s/mulher FÁTIMA MARIA DE MELO FARIA, brasileira, maior, professora, RG: MG , órgão expedidor: SSP/MG, CPF: , casados sob o regime de comunhão universal de bens, na vigênéia da Lei n /77, residentes na Rua Adilson Faria Costa, n. 38, Bairro Sagrado Coração de' Jesus, CEP: , São Roque de Minas/MG. ALIENAÇÃO FIDUCIÁRIA - Por força da Cédula de Crédito Bancário - Empréstimo - Capital de Giro, n. 237/00836/5121, datada de 25/08/2014, o CREDOR FIDUCIÁRIO concede a DEVEDORA FIDUCIANTE um crédito no valor de R$ ,00, com taxa de juros efetiva de 1,20% a.m., e taxa de juros efetiva de 15,38% a.a., que será! pago em 10 parcelas, nos seguintes valores e datas: 1.a Parcela: R$ ,52, vencimento: 01/05/2015; 2.a Parcela: R$ ,29, vencimento: 01/11/2015; 3.a Parcela: R$ ,81, vencimentb: 01/05/2016; 4.a Parcela: R$ ,26, vencimento: 01/11/2016; 5.2 Parcela: R$ ,35. vencimento: 01/05/2017; 6.a Parcela: R$ ,98, vencimento: 01/11/2017; 7.a Parcela: R$ ,94, vencimento: 01/05/2018; 8. Parcela: R$ ,77, vencimento: 01/11/ Parcela: R$ ,74, vencimento: 01/05/2019; 10.2 Parcela: R$ ,65, vencimento: 01/11/2019; sendo o vencimento da última parcela em 01/11/2019, cdm a seguinte garantia real: (II) ALIENAÇÃO FIDUCIÁRIA DE BENS IMÓVEIS - A Emitente e os Terceiros Garantidores, ern garantia do pagamento da divida decorrente desta Cédula, bem como o fiel cumprimento de todas' as obrigações aqui entabuladas alienam ao CREDOR, em caráter fiduciário, o imóvel objeto desta matricula, porém melhor descrito e caracterizado nesta matricula. (II. 1) A Emitente e/ou os TerceiroS Garantidores declaram ser, a justo título, titulares do domínio e da posse do imóvel objeto desta matrícula, de 1, Página I de 3

2 forma livre e desembaraçado de quaisquer ônus real, pessoal ou fiscal, judicial ou extrajudicial, dúvidas, dívidas, arrestos, sequestros, penhoras, impostos ou taxas em atraso, ou ainda, restrições de qualquer natureza. (II. 2) A Emitente.e os Terceiros Garantidores declaram sob as penas das leis civis e penais, que não existem contra eles distribuição de ações reais e/ou pessoais reipersecutórias relativas ao imóvel ora cedido fiduciariaménte, bem como não foi constituído sobre o mesmo nenhum outro ônus real. (II. 3) Por força desta Cédula, a Emitente e/ou os Terceiros Garantidores cedem e transferem ao Credor a propriedade fiduciária e a posse indireta do imóvel desta matrícula, reservando-lhes, somente, a posse direta na forma da lei e obrigam-se, ainda por si e seus herdeiros e sucessores, a fazer a alienação fiduciária aqui prevista, bem como todos os termos desta Cédula, sempre bons, firmes e valiosos, respondendo pela evicção, na forma da lei. (II. 4) A garantia fiduciária contratada abrange este imóvel e todas as acessões, melhoramentos, construções, instalações, benfeitorias e pertenças existentes e que lhe forem eventualmente acrescidas. (II. 5).Mediante este registro, estará constituída a propriedade fiduciária em nome do CREDOR e efetivarse-á o desdobramento da posse, tornando-se a Emitente e/ou os Terceiros Garantidores possuidores diretos e o Credor possuidor indireto é proprietário fiduciário deste imóvel ora oferecido em garantia. (II. 6) A Emitente e/ou os Terceiros Garantidores conservarão a posse direta deste imóvel ora oferecido em garantia, da qual ficam investidos, e poderão fazer livre utilização, por sua conta e risco, enquanto se mantiverem adimplentes, obrigando-se a manter, conservar e guardar este imóvel, pagar pontualmente todos os tributos, despesas, taxas e quaisquer outras contribuições ou encargos que incidam ou venham a incidir sobre o mesmo ou que sejam inerentes à presente garantia. (II. 7) Se o Credor tiver conhecimento do descumprimento das obrigações aqui assumidas, tais como, mas sem limitar; o pagamento de tributos, taxas condominiais ou qualquer outra despesa, terá a faculdade de substituir a Emitente e/ou os Terceiros Garantidores no respectivo pagamento, ficando subrogado, de pleno direito, no 'respectivo crédito. Configurada essa hipótese, a Emitente e/ou os Terceiros Garantidores deverão reembolsar o Credor de tais despesas no prazo de 30 dias, em valores acrescidos de correção monetária de acordo com os índices que remuneram as cadernetas de poupança, mais juros de mora de 1% ao mês ou fração e multa de 2% sobre o montante apurado, iniciando-se a contagem daquele prazo na data do recebimento da notificação enviada pelo Credor; sem prejuízo da dívida resultante desta Cédula ser considerada vencida por antecipação. (II. 8) A Emitente e/ou os Terceiros Garantidores poderão transmitir os direitos de que sejam titulares sobre o imóvel aqui cedido fiduciariamente, desde que haja prévia e expressa anuência do Credor, por escrito, e que o(s) eventual(is) adquirente(s) assuma(m) integralmente as obrigações previstas nesta Cédula, mantendo intacta a garantia outorgada. (II. 9) No prazo de trinta dias, a contar da data da liquidação da divida, o Credor fornecerá, a requerimento da parte interessada, ou encaminhará para o endereço de correspondência da Emitente e/ou Terceiros Garantidores o respectivo termo de quitação. E as demais cláusulas e condições constam da referida Cédula, arquivada neste cartório e ficam fazendo parte integrante deste registro. Emolumentos cobrados sob o valor de R$ ,33, devido ser três imóveis dados em garantia. Dou fé. Ato: 4515, quantidade de atos: 1. Valor Total dos Emolumentos: R$ 597,44. Valor do Recompe: R$ 35,84. Taxa de Fiscalização Judiciária: R$ 244,02. Valor Final ao Usuário: R$ 877,30. AV /04/ Protocolo: /03/2016 CONSOLIDAÇÃO DA PROPRIEDADE IMÓVEL - Procede-se esta averbação de acordo com o artigo 27 da Lei n /97, para constar que os Devedores/Fiduciantes do contrato de alienação fiduciária registrado sob o n. R-1 supra, foram intimados em 03/02/2016 para purga da mora das obrigações contratuais e mesmo após decorrido o prazo previsto em Lei, não quitaram o débito, razão pela qual a propriedade do imóvel objeto desta matricula fica consolidada em nome do Credor Fiduciário BANCO BRADESCO S.A. CNPJ: / , sediado na Cidade de Deus, s/n, Bairro Vila Yara, CEP: , Osasco/SP, que passa a ser titular da propriedade plena do imóvel. Foram apresentados: o requerimento, a certidão de intimação, comprovante do recolhimento do ITBI, no valor de R$ 1.140,00, do Banco Bradesco, S/A, conforme guia n , datada de 26/02/2016, sobre o valor de R$ ,00 e Certidão Negativa de Débitos Municipais. Dou fé. Ato: 4110, quantidade Ato: 1. Emolumentos: R$ 823,90. Recompe: R$ 49,43. Taxa de Fiscalização Judiciária: R$ 336,52. Total: R$ 1.209,85Ato: 8101, quantidade Ato: 7. Emolumentos: R$ 35,07. Recompe: R$ 2,10. Taxa de Fiscalização Judiciária: R$ 11,69. Total: R$ 48,86. O referido é verdade e dou fé. São Roque de Minas/MG, 04 de abril de rcl almira Ferreira de Souza Gualberto - Titular Claiton Gualberto de Souza - Substituto Ato: 8401, quantidade Ato: 1. Emolumentos: R$ 14,89. Recompe: R$ 0,89. Taxa de Fiscalização Judiciária: R$ 5,57. Total: Página 2 de 3

3 R$ 21,35. Poder Judiciário - TJMG - Corregedoria-Geral de Justiça, ofício: , atribuição: Imóveis, localidade: SÃO ROQUE DE MINAS. N selo de consulta: A , código de segurança: Valor Total dos Emolumentos: R$ 245,64. Valor Total do Recompe: R$ 14,70. Valor Total da Tax Fiscalização Judiciária: R$ 66,84. Valor Total Finai ao.t.ldtário: R$ 327,18. "Consulte a validade deste Selo no site https://selos.tjmg.jus.br" CARTORIO DE REGISTRO DE IMOVEI;; S Palrnira Ferreira de Souza Gualberto = OFICIALA. Bei. Claiton Gualberto de Souza = OFICIAL SUBSTITUTO = ; Rua marechal Floriano Peixoto :entro São Roque de MinasIMG - CEP FoneiFax :(37) Phgiria 3 de 3

4 1) CARTÓRIO DE REGISTRO DE IMÓVEIS Rua Marechal Floriano Peixoto, 147- Fone: (0xx37) PALM1RA FERREIRA DE SOUZA GUALBERTO (OFICIALA) CLAITON GUALBERTO DE SOUZA (OFICIAL SUBSTITUTO) ESTADO DE MINAS GERAIS - COMARCA DE SÃO ROQUE DE MINAS CERTIDÃO CERTIFICO a pedido verbal da pessoa interessada e para os devidos fins que revendo, neste cartório, no LIVRO 2 - REGISTRO GERAL, a matricula n de 31/01/2011 verifiquei constar: /01/ Protocolo: /01/2011 IMÓVEL: Um lote de terreno, situado neste município e comarca de São Roque de Minas/MG, na Avenida Moisés de Faria Costa, no loteamento denominado "CONDOMÍNIO RESIDENCIAL JARDIM DAS ACÁCIAS", na quadra 02, lote este de n. 08, com a área total de 1.684,40 m2, dentro das seguintes dimensões e confrontações: Frente: 72,50 metros - Avenida Moisés de Faria Costa; Lateral Direita: 47,00 metros - Lote 09; Lateral Esquerda: 51,50 metros - Lote 07. REGISTRO ANTERIOR: Havida por Parcelamento de Área, conforme matricula n Livro 2 - Registro Geral, feita em 26/10/2010, deste cartório. ORIGEM DO IMÓV EL: Resultante de projeto de loteamenio, conforme Decreto Municipal n. 30/2010, de 03/12/2010. CLASSIFICACÃO DO IMÓVEL: Residencial. Foi apresentada todas as certidões e quitações exigidas pela Lei do Registro Público n , de 31/12/1.973, inclusive 03 publicações de um edital em um Jornal Regional (Folha da Manhã), da cidade e comarca de Passos/MG, feitas nos dias 13, 14 e 15/01/2011 respectivamente. PROPRIETÁRIOS: JOSÉ MOISÉS DE FARIA, brasileiro, maior, comerciante, RG: MG , órgão expedidor: SSP/MG, CPF: e FÁTIMA MARIA DE MELO FARIA, brasileira, professora, RG: MG , órgão expedidor SSP/MG, CPF: , casados sob o regime de comunhão universal de bens, na vigência da Lei n. 6515/77, residentes na Rua Adilson Faria Costa, n. 38, Bairro Sagrado Coração de Jesus, CEP: , São Roque de Minas/MG. Emolumentos: R$ 12,34. Recompe: R$ 0,74. Taxa Fiscalização: R$ 4,11. Total: R$ 17,19. R /11/ Protocolo: /10/2014 DEVEDORA FIDUCIANTE/EMITENTE: JOSÉ MOISÉS DE FARIA CPF ME, CNPJ: / , sediada na Estrada São Roque de Minas/Parque Nacional, n. 80, Zona Rural, CEP: , São Roque de Minas/MG. CREDOR FIDUCIÁRIO: BANCO BRADESCO S.A., CNPJ: / , sediado na Cidade de Deus, s/n., Osasco/SP, por sua agência local. TERCEIROS GARANTIDORES: JOSÉ MOISÉS DE FARIA, brasileiro, maior, comerciante, RG: MG , órgão expedidor: SSP/MG, CPF: , e s/mulher FÁTIMA MARIA DE MELO FARIA, brasileira, maior, professora, RG: MG , órgão expedidor: SSP/MG, CPF: , casados sob o regime de comunhão universal de bens, na vigêndia da Lei n /77, residentes na Rua Adilson Faria Costa, n. 38, Bairro Sagrado Coração da Jesus, CEP: , São Roque de Minas/MG. ALIENAÇÃO FIDUCIÁRIA - Por força da Cédula de Crédito Bancário - Empréstimo - Capital de Giro, n. 237/00836/5121, datada de 25/08/2014, o CREDOR FIDUCIÁRIO concede a DEVEDORA FIDUCIANTE um crédito no valor de R$ ,00, com taxa. de juros efetiva de 1,20% a.m., e taxa de juros efetiva de 15,38% a.a., que será pago em 10 parcelas, nos seguintes valores e datas: 1.a Parcela: R$ ,52, vencimento: 01/05/2015; 2.a Parcela: R$ ,29, vencimento: 01/11/2015; 3.3 Parcela: R$ ,81, vencimento: 01/05/2016; t a Parcela: R$ ,26, vencimento: 01/11/2016; 5.2 Parcela: R$ ,35; vencimento: 01/05/2017; 6.1 Parcela: R$ ,98, vencimento: 01/11/2017; 7.8 Parcela: R$ ,94, vencimento: 01/05/2018; 8.8 Parcela: R$ ,77, vencimento: 01/11/ Parcela: R$ ,74, vencimento: 01/05/2019; 10.2 Parcela: R$ ,65, vencimento: 01/11/2019; sendo o vencimento da última parcela em 01/11/2019, com a seguinte garantia real: (II) -, ALIENAÇÃO FIDUCIÁRIA DE BENS IMÓVEIS - A Emitente e os Terceiros Garantidores, em garantia do pagamento da divida decorrente desta Cédula, bem como o fiel cumprimento de todas,as obrigações aqui entabuladas, alienam ao CREDOR, em caráter fiduciário, o imóvel objeto desta matrícula, porém melhor descrito e caracterizado nesta matrícula. (II. 1) A Emitente e/ou os TerceiroS Garantidores declaram ser, a justo titulo, titulares do domínio e da posse do imóvel objeto desta matrícula, de forma livre e desembaraçado de quaisquer ônus real, pessoal ou fiscal, judicial o'u extrajudicial, Página 1 de 3

5 dúvidas, dívidas, arrestos, sequestros, penhoras, impostos ou taxas em atraso, ou ainda, restrições de qualquer natureza. (II. 2) A Emitente e os Terceiros Garantidores declaram sob as penas das leis civis e penais, que não existem contra eles distribuição de ações reais e/ou pessoais reipersecutórias relativas ao imóvel ora cedido fiduciariamente, bem como não foi constituído sobre o mesmo nenhum outro ônus real. (II. 3) Por força desta Cédula, a Emitente e/ou os Terceiros Garantidores cedem e transferem ao Credor a propriedade fiduciária e a posse indireta do imóvel desta matrícula, reservando-lhes, somente, a posse direta na forma da lei e obrigam-se, ainda por si e seus herdeiros e sucessores, a fazer a alienação fiduciária aqui prevista, bem como todos os termos desta Cédula, sempre bons, firmes e valiosos, respondendo pela evicção, na forma da lei. (II. 4) A garantia fiduciária contratada abrange este imóvel e todas as acessões, melhoramentos, construções, instalações, benfeitorias e pertenças existentes e que lhe forem eventualmente acrescidas. (II. 5) Mediante este registro, estará constituída a propriedade'fiduciária em nome do CREDOR e efetivarse-á o desdobramento da posse, tomando-ses Emitente e/ou os Terceiros Garantidores possuidores diretos e o Credor possuidor indireto e proprietírio fiduciário deste imóvel ora oferecido em garantia: (II. 6) A Emitente e/ou os Terceiros Garantidores conservarão a posse direta deste imóvel ora oferecido em garantia, da qual ficam investidos, e poderão fazer livre utilização, por sua conta e risco, enquanto se mantiverem adimplentes, obrigando-se a manter, conservar e guardar este imóvel, pagar pontualmente todos os tributos, despesas, taxas.e quaisquer outras contribuições ou encargos que incidam ou venham a incidir sobre.o mesmo ou que sejam inerentes à presente garantia. (II. 7) Se o Credor tiver conhecimento do descurnprimento das obrigações aqui assumidas, tais como, mas sem limitar; o pagamento de tributos, taxas condominiais ou qualquer outra despesa, terá a faculdade de substituir a Emitente e/ou os Terceiros Garantidores no respectivo pagamento, ficando subrogado, de pleno direito, no respectivo crédito. Configurada essa hipótese, a Emitente e/ou os Terceiros Garantidores deverão reembolsar o Credor de tais despesas no prazo de 30 dias, em valores acrescidos de correção monetária de acordo com os índices que remuneram as cadernetas de poupança, mais juros de mora de 1% ao mês ou fração e multa de 2% sobre o montante apurado, iniciando-se a contagem daquele prazo na data do recebimento da notificação enviada pelo Credor; sem prejuízo da dívida resultante desta Cédula ser considerada vencida por antecipação. (II. 8) A Emitente e/ou os Terceiros Garantidores poderão transmitir os direitos de que sejam titulares sobre o imóvel aqui cedido fiduciariamente, desde que haja prévia e expressa anuência do Credor, por escrito, e que o(s) eventual(is) adquirente(s) assuma(m) integralmente as obrigações previstas nesta Cédula, mantendo intacta a garantia outorgada. (II. 9) No prazo de trinta dias, a contar da data da liquidação da dívida, o Credor fornecerá, a requerimento da parte interessada, ou encaminhará para o endereço de correspondência da Emitente e/ou Terceiros Garantidores o respectivo termo de quitação. E as demais cláusulas e condições constam da referida Cédula, arquivada neste cartório e ficam fazendo parte integrante deste registro. Emolumentos cobrados sob o valor de R$ ,33, devido ser três imóveis dados em garantia. Dou fé. Ato: 4515, quantidade de atos: 1. Valor Total dos Emolumentos: R$ 597,44. Valor do Recompe: R$ 35,84. Taxa de Fiscalização Judiciária: R$ 244,02. Valor Final ao Usuário: R$ 877,30. AV /04/ Protocolo: /03/2016 CONSOLIDAÇÃO DA PROPRIEDADE IMÓVEL - Procede-se esta averbação de acordo com o artigo 27 da Lei n /97, para constar que os Devedores/Fiduciantes do contrato de alienação fiduciária registrado sob o n. R-1 supra, foram intimados em 03/02/2016 para purga da mora das obrigações contratuais e, mesmo após decorrido o prazo previsto em Lei, não quitaram o débito, razão pela qual a propriedade do imóvel objeto desta matrícula fica consolidada em nome do Credor Fiduciário BANCO BFtADESCO S.A. CNPJ: / , sediado na Cidade de Deus, s/n, Bairro Vila Yara, CEP: , Osasco/SP, que passa a ser titular da propriedade plena do imóvel. Foram apresentados: o requerimento, a certidão de intimação, comprovante do recolhimento do ITBI, no valor de R$ 1.020,00, do Banco Bradesco, S/A, conforme guia n , datada de 26/02/2016, sobre o valor de R$ ,00 e Certidão Negativa de Débitos Municipais. Dou fé. Ato: 4109, quantidade Ato: 1. Emolumentos: R$ 681,83. Recompe: R$ 40,91. Taxa de Fiscalização Judiciária: R$ 278,48. Total: R$ 1.001,22Ato: 8101, quantidade Ato: 6. Emolumentos: R$ 30,06. Recompe: R$ 1,80. Taxa de Fiscalização Judiciária: R$ 10,02. Total: R$ 41,88. O referido é verdade e dou fé. São Roque de Minas/MG, 04 de abril de Palmira Ferreira de Souza Gualberto - Titular Claiton Gualberto de Souza - Substituto Ato: 8401, quantidade Ato: 1. Emolumentos: R$ 14,89. Recompe: R$ 0,89. Taxa de Fiscalização Judiciária: R$ 5,57. Total: R$ 21,35, Poder Judiciário - TJMG - Corregedoria-Geral de Justiça, ofício: , atribuição: Imóveis, localidade: SÃO ROQUE DE MINAS. N selo de consulta: A , código de segurança: Valor Página 2 de 3

6 Total dos Emolumentos: R$ 245,64. Valor Total darecompe: R$ 14,70, Valor Total da Taxa de Fiscalização Judiciária: R$ 66,84. Valor Total Final ao Usuário: R$ 327,18. "Consulte a validade deste Selo no site https://selos.tjmg.jus.br" CARTÓRIO DE REGISTRO DE IMOVEI,; ) Palmira Ferreira de Souza Gualberto = OFIC IA LA = Bel. Claiton Gualbeno de Souza = OFICIAL SUBSTITUTO = Rua marechal Floriano Peixoto :entro São Roque de Minas/MG - CEP FonefFax. (37) E Página 3 de 3 I

7 CARTÓRIO DE REGISTRO DE IMÓVEIS Rua Marechal Floriano Peixoto, Fone: (0xx37) PALM IRA FERREIRA DE SOUZA GUALBERTO (OFICIALA) CLAITON GUALBERTO DE SOUZA (OFICIAL SUBSTITUTO) ESTADO DE MINAS GERAIS - COMARCA DE SÃO ROQUE DE MINAS CERTIDÃO CERTIFICO a pedido verbal da pessoa interessada e para os devidos fins que revendo, neste cartório, no LIVRO 2 - REGISTRO GERAL, a matricula n de 31/01/2011 verifiquei constar: /01/ Protocolo: /01/2011 IMÓVEL: Um lote de terreno, situado neste município e comarca de São Roque de Minas/MG, na Avenida Moisés de Faria Costa, no loteamento denominado "CONDOMÍNIO RESIDENCIAL JARDIM DAS ACÁCIAS", na quadra 02, lote este de n. 09, com a área total de 1.533,40 m2, dentro das seguintes dimensões e confrontações: Frente: 30,00 metros - Avenida Moisés de Faria Costa; Fundo: 30,00 metros - Mário Luiz de Faria; Lateral Direita: 52,90 metros - José Moisés de Faria; Lateral Esquerda: 47,00 metros - Lote 08 e 2,33 metros - Lote 07. REGISTRO ANTERIOR: Havida por Parcelamento de Área, conforme matricula n. 9377, Livro 2 - Registro' Geral, feita em 26/10/2010, deste cartório. ORIGEM DO IMÓVEL: Resultante de projeto de loteamento, conforme Decreto Municipal n. 30/2010, de 03/12/2010. CLASSIFICAÇÃO DO IMÓVEL: Residencial. Foi àpresentada todas as certidões e quitações exigidas pela Lei do Registro Público n , de 31/12/1.973, inclusive 03 publicações de um edital em um Jornal Regional (Folha da Manhã), da cidade e comarca de Passos/MG, feitas nos dias 13, 14 e 15/01/2011 respectivamente. PROPRIETÁRIOS: JOSÉ MOISÉS DE FARIA, brasileiro, maior, comerciante, RG: MG , órgão expedidor: SSP/MG, CPF: e FÁTIMA MARIA DE MELO FARIA, brasileira, professora, RG: MG , órgão expedidor: SSP/MG, CPF: , casados sob o! regime de comunhão universal de bens, na vigência da Lei n. 6515/77, residentes na Rua Adilson Faria Costa, n. 38, Bairro Sagrado Coração de Jesus, CEP: , São Roque de Minas/MG. Emolumentos: R$ 12,34. Recompe: R$ 0,74. Taxa Fiscalização: R$ 4,11. Total: R$ 17,191. R /11/ Protocolo: /10/2014 DEVEDORA FIDUCIANTEJEMITENTE: JOSÉ MOISÉS DE FARIA CPF ME, CNPJ: / , sediada na Estrada São Roque de Minas/Parque Nacional, n. 80,.Zona Rural, CEP: , São Roque de Minas/MG. CREDOR FIDUCIÁRIO: BANCO BRADESCO S.A., CNPJ: / , sediado na Cidade de Deus, s/n., Osasdo/SP, por sua agência local. TERCEIROS GARANTIDORES: JOSÉ MOISÉS DE FARIA, brasileiro, maior, comerciante, RG: MG , órgão expedidor: SSP/MG, CPF: , e s/mulher FÁTIMA MARIA DE MELO FARIA, brasileira, maior, professora, RG: MG , órgão expedidor: SSP/MG, CPF: , casados sob o regime de comunhão universal de bens, na vigência da Lei n /77, residentes na Rua Adilson Faria Costa, n. 38, Bairro Sagrado Coração de!jesus, CEP: , São Roque de Minas/MG. ALIENAÇÃO FIDUCIÁRIA - Por força da Cédula de Crédito Bancário - Empréstimo - Capital de Giro, n. 237/00836/5121, datada de 25/08/2014, o CREDOR FIDUCIÁRIO concede a DEVEDORA FIDUCIANTE um crédito no valor de R$ ,00, com taxa de juros efetiva de 1,20% a.m., e taxa de juros efetiva de 15,38% a.a., que será pago em 10 parcelas, nos seguintes valores e datas: 1.8 Parcela: R$ ,52, vencimento: 01/05/2015; 2.a Parcela: R$ ,29, vencimento: 01/11/2015; 3.8 Parcela: R$ ,81, vencimento: 01/05/2016; 4.8 Parcela: R$ ,26, vencimento: 01/11/2016; 5.8 Parcela: R$ ,35,! vencimento: 01/05/2017; 6.8 Parcela: R$ ,98, vencimento: 01/11/2017; 7.8 Parcela: R$ ,94, vencimento: 01/05/2018; 8.8 Parcela: R$ ,77, vencimento: 01/11/ : Parcela: R$ ,74, vencimento: 01/05/2019; 10.8 Parcela: R$ ,65, vencimento: 01/11/2019; sendo o vencimento da última parcela em 01/11/2019, com a seguinte garantia real: III) - ALIENAÇÃO FIDUCIÁRIA DE BENS IMÓVEIS - A Emitente e os Terceiros Garantidores, em. garantia do pagamento da divida decorrente desta Cédula, bem como o fiel cumprimento de todas ás obrigações aqui entabuladas alienam ao CREDOR, em caráter fiduciário, o imóvel objeto desta matricula, porém melhor descrito e caracterizado nesta matricula. (II. 1) A Emitente e/ou os Terceiros Garantidores declaram ser, a justo título, titulares do domínio e da posse do imóvel objeto desta matrícula, de Página 1 de 3

8 forma livre e desembaraçado de quaisquer ônus real, pessoal ou fiscal, judicial ou extrajudicial, dúvidas, dívidas, arrestos, sequestros, penhoras, impostos ou taxas em atraso, ou ainda, restrições de qualquer natureza. (II. 2) A Emitente e os Terceiros Garantidores declaram sob as penas das leis civis e penais, que não existem contra eles 'distribuição de ações reais e/ou pessoais reipersecutórias relativas ao imóvel ora cedido fiduciariamente, bem como não foi constituído sobre o mesmo nenhum outro ônus real. (II. 3) Por força desta Cédula, a Emitente e/ou os Terceiros Garantidores cedem e transferem ao Credor a propriedade fiduciária e a posse indireta do imóvel desta matrícula, reservando-lhes, somente, a posse direta na forma da lei e obrigam-se, ainda por si e seus herdeiros e sucessores, a fazer a alienação fiduciária aqui prevista, bem como todos os termos desta Cédula, sempre bons, firmes e valiosos, respondendo pela evicção, na forma da lei. (II. 4) A garantia fiduciária contratada abrange 'este imóvel e todas. as acessões, melhoramentos, construções, instalações, benfeitorias e pertenças 'existentes e que lhe forem eventualmente acrescidas. (II. 5) Mediante este registro, estará constituída a propriedade fiduciária em nome do CREDOR e efetivarse-á o desdobramento da posse, tornando-se a Emitente e/ou os Terceiros Garantidores possuidores diretos e o Credor possuidor indireto e proprietário fiduciário deste imóvel ora oferecido em garantia. (II. 6) A Emitente e/ou os Terceiros Garantidores conservarão a posse direta deste imóvel ora oferecido em garantia, da qual ficam investidos, e poderão fazer livre utilização, por sua conta e risco, enquanto se mantiverem adimplentes, obrigando-se á manter, conservar e guardar este imóvel, pagar pontualmente todos os tributos, despesas, taxas e quaisquer outras contribuições ou encargos que incidam ou venham a incidir sobre o mesmo ou que sejam inerentes à presente garantia. (II. 7) Se o Credor tiver conhecimento do descumprimento das obrigações aqui assumidas, tais como, mas sem limitar; o pagamento de tributos, taxas condominiais ou qualquer outra despesa, terá a faculdade de substituir a Emitente e/ou os Terceiros Garantidores no respectivo pagamento, ficando subrogado, de pleno direito, no respectivo crédito. Configurada essa hipótese, a Emitente e/ou os Terceiros Garantidores deverão reembolsar o Credor de tais despesas no prazo de 30 dias, em valores acrescidos de correção monetária de acordo com os índices que remuneram as cadernetas de poupança, mais juros de mora de 1% ao mês ou fração e multa de 2% sobre o montante apurado, iniciando-se a contagem daquele prazo na data do recebimento da notificação enviada pelo Credor; sem prejuízo da dívida resultante desta Cédula ser considerada vencida por antecipação. (II. 8) A Emitente e/ou os Terceiros Garantidores poderão transmitir os direitos de que sejam titulares sobre o imóvel aqui cedido fiduciariamente, desde que haja prévia e expressa anuência do Credor, por escrito, e que o(s) eventual(is) adquirente(s) assuma(m) integralmente as obrigações previstas nesta Cédula, mantendo intacta a garantia outorgada. (II. 9) No prazo de trinta dias, a contar da data da liquidação da dívida, o Credor fornecerá, a requerimento da parte interessada, ou encaminhará para o endereço de correspondência da Emitente e/ou Terceiros Garantidores o respectivo termo de quitação. E as demais cláusulas e condições constam da referida Cédula, arquivada neste cartório e ficam fazendo parte integrante deste registro. Emolumentos cobrados sob o valor de R$ ,33, devido ser três imóveis dados em garantia. Dou fé. Ato: 4515, quantidade de atos: 1. Valor Total dos Emolumentos: R$ 597,44. Valor do Recompe: R$ 35,84. Taxa de Fiscalização Judiciária: R$ 244,02. Valor Final ao Usuário: R$ 877,30. AV /04/ Protocolo: 34942: 30/03/2016 CONSOLIDAÇÃO DA PROPRIEDADE IMÓVEL - Procede-se esta averbação de acordo com o artigo 27 da Lei n /97, para constar que os Devedores/Fiduciantes do contrato de alienação fiduciária registrado sob o n. R-1 supra, foram intimados em 05/02/2016 para purga da mora das obrigações contratuais e, mesmo após decorrido o prazo previsto em Lei, não quitaram o débito, razão pela qual a propriedade do imóvel obieto desta matricula fica consolidada em nome do Credor Fiduciário BANCO BRADESCO S.A. CNPJ: / , sediado na Cidade de Deus, s/n, Bairro Vila Yara, CEP: , Osasco/SP, que passa a ser titular da propriedade plena do imóvel. Foram apresentados: o requerimento, a certidão de intimação, comprovante do recolhimento do ITBI, no valor de R$ 1.140,00, do Banco Bradesco, S/A, conforme guia n , datada de 26/02/2016, sobre o valor de R$ ,00 e Certidão Negativa de Débitos Municipais. Dou fé. Ato: 4110, quantidade Ato: 1. Emolumentos: R$ 823,90. Recompe: R$ 49,43. Taxa de Fiscalização Judiciária: R$ 336,52. Total: R$ 1.209,85Ato: 8101, quantidade Ato: 7. Emolumentos: R$ 35,07. Recompe: R$ 2,10. Taxa de Fiscalização Judiciária: R$ 11,69. Total: R$ 48,86. O referido é verdade e dou fé. São Roque de Minas/MG, 04 de abril de Iti Á Pal ira Ferreira de Souza Gualberto - Titular Claiton Gualberto de Souza - Substituto Ato: 8401, quantidade Ato: 1. Emolumentos: R$ 14,89. Recompe: R$ 0,89. Taxa de Fiscalização Judiciária: R$ 5,57. Total: Página 2 de 3

9 *e s., 'MC ,4 Á-443, R$ 21,35. Poder Judiciário - TJMG - Corregedoria-Géral de Justiça, oficio: , atribuição: Imóveis, localidade: SÃO ROQUE DE MINAS. N selo de consulta: A , código de segurança: Valor Total dos Emolumentos: R$ 245,64. Valor Total do Recompe: R$ 14,70. Valor Total Lida Taxa Fiscalização Judiciária: R$ 66,84. Valor Total Final ao Usuário: R$ 327,18. "Consulte a validade deste Selo nia.site https:/fselos.tjmg.jus.br". -zatof'çnrià CARTÓRIO DE REGISTRO DE IMÓVEP; / ' Palmira Ferreira'de Souza Gualberto = OFICIALA = Bel. C laiton Gualbeno de Souza = OFICIAL SUBSTITUTO = Rua Marechal Eloriano Peixoto Centro São Roque de MmasIMG CEP Fone/Fax: (37) I Página 3 de 3

T A B E L A 4 ATOS DO OFICIAL DE REGISTRO DE IMÓVEIS. Liquidos. Valor - R$ Valor - R$ até 1.400,00 72,54 4,11 68,43 27,96 100,

T A B E L A 4 ATOS DO OFICIAL DE REGISTRO DE IMÓVEIS. Liquidos. Valor - R$ Valor - R$ até 1.400,00 72,54 4,11 68,43 27,96 100, T A B E L A 4 ATOS DO OFICIAL DE REGISTRO DE IMÓVEIS Emolumentos Recompe-MG Emolumentos Liquidos Taxa Valor Final Código Brutos (B/C do (Fundo (Recompe-MG já Fiscalização Recompe-MG) Compensação) duzidos)

Leia mais

TABELA II ATOS DO OFICIAL DO REGISTRO DE IMÓVEIS

TABELA II ATOS DO OFICIAL DO REGISTRO DE IMÓVEIS TABELA II ATOS DO OFICIAL DO REGISTRO DE IMÓVEIS 1 - Registro, por todos os atos: I - com valor, inclusive certidão: de acordo com o ANEXO 3; centavos); II - sem valor (pactos antenupciais, citação, etc.):

Leia mais

2 Registro de Imóveis Matricula

2 Registro de Imóveis Matricula 'QUALQUER ADULTERAÇÃO, RASURA OU EMENDA, INVALIDA ESTE DOCUMENT _ 398942 24/09/2015 11:20:43 1/4 2 Registro de Imóveis Matricula de Ribeirão Preto IMÓVEL: Lote de terreno número 24 (vinte e quatro) da

Leia mais

2 OFÍCIO DO REGISTRO DE IMÓVEIS COMARCA DE BALNEÁRIO CAMBORIÚ LUCIA DAL PONT- REGISTRADORA TITULAR

2 OFÍCIO DO REGISTRO DE IMÓVEIS COMARCA DE BALNEÁRIO CAMBORIÚ LUCIA DAL PONT- REGISTRADORA TITULAR REGISTRO DE IMÓVEIS LIVRON 2 REGISTRO GERAL Fls.! Matrícula n 40031. Balneário Camboriú, 24 de setembro de 201 O. Imóvel: Vaga de Garagem n 20 do Edifício Villa Foscari Residenze, Rua 3140, n 211, Centro,

Leia mais

REGISTRO DE IMÓVEIS DO 9 OFICIO A V. NILO PEÇANHA, 12-6 ANDAR /0017. o~ de maio de 2014.

REGISTRO DE IMÓVEIS DO 9 OFICIO A V. NILO PEÇANHA, 12-6 ANDAR /0017. o~ de maio de 2014. A V. NILO PEÇANHA, 12-6 ANDAR 9 OFÍCIO DE REGISTRO DE IMÓVEIS. CAPITAL DO ESTADO DO RIO DE.JANEIRO o~ de maio de 2014. Apartamento 2201 do Bloco 2 do prédio em construção situado na Av. Henfil n 25, na

Leia mais

INSTRUMENTO PARTICULAR DE PROMESSA DE COMPRA E VENDA DE IMÓVEL

INSTRUMENTO PARTICULAR DE PROMESSA DE COMPRA E VENDA DE IMÓVEL INSTRUMENTO PARTICULAR DE PROMESSA DE COMPRA E VENDA DE IMÓVEL Pelo presente Contrato e, na melhor forma de direito, de um lado, na qualidade de PROMITENTE VENDEDORA, doravante denominada simplesmente

Leia mais

LOTEAMENTO. O requerimento foi firmado pelos proprietários, com firma reconhecida por autenticidade?

LOTEAMENTO. O requerimento foi firmado pelos proprietários, com firma reconhecida por autenticidade? LOTEAMENTO DOCUMENTOS O requerimento foi firmado pelos proprietários, com firma reconhecida por autenticidade? Se ambos os cônjuges não assinarem o requerimento, deverá ser apresentada declaração de anuência

Leia mais

Documentos do vendedor Pessoa Física. Cópia da Carteira de Identidade com o nome correto, conforme comprovante de estado civil atualizado;

Documentos do vendedor Pessoa Física. Cópia da Carteira de Identidade com o nome correto, conforme comprovante de estado civil atualizado; Documentos do vendedor Pessoa Física Cópia da Carteira de Identidade com o nome correto, conforme comprovante de estado civil atualizado; Nota: caso o proponente for casado(a), enviar também os documentos/certidões

Leia mais

identificados como os próprios de que trato, face a apresentação

identificados como os próprios de que trato, face a apresentação São Bernardo do Campo, neste Estado; os presentes foram identificados como os próprios de que trato, face a apresentação dos documentos de identificação supra mencionados, do que dou fé. Então, pelas partes

Leia mais

1) do termo final do período de apuração;

1) do termo final do período de apuração; RESOLUÇÃO NO 2.554, DE 17 DE AGOSTO DE 1994 (MG de 18 e ret. em 25) REVOGADA PELA RESOLUÇÃO Nº 2.880/97 Trata da atualização monetária dos créditos tributários do Estado, da cobrança de juros de mora,

Leia mais

N o 8.949, DE 26 DE AGOSTO DE D E C R E T A: Seção I Das Disposições Gerais

N o 8.949, DE 26 DE AGOSTO DE D E C R E T A: Seção I Das Disposições Gerais D E C R E T O N o 8.949, DE 26 DE AGOSTO DE 2013 DISCIPLINA O PARCELAMENTO DOS CRÉDITOS TRIBUTÁRIOS E NÃO TRIBUTÁRIOS, INSCRITOS OU NÃO EM DÍVIDA ATIVA, DO MUNICÍPIO DE ANGRA DOS REIS, DE SUAS AUTARQUIAS

Leia mais

TABELA I - ATOS DOS TABELIÃES DE NOTAS

TABELA I - ATOS DOS TABELIÃES DE NOTAS TABELA I - ATOS DOS TABELIÃES DE NOTAS I - ESCRITURAS PÚBLICAS COM VALOR DECLARADO: de 17.595,01 a 35.190,00 R$ 480,68 R$ 7,53 R$ 24,41 R$ 14,65 R$ 24,41 R$ 29,30 R$ 48,83 R$ 2,00 R$631,80 de 234.600,01

Leia mais

PROVIMENTO Nº 12/2015

PROVIMENTO Nº 12/2015 PROVIMENTO Nº 12/2015 Dispõe sobre o protesto de Certidões de Dívidas Judiciais e dá outras providências. A Corregedora-Geral da Justiça, Desembargadora Regina Ferrari, no uso de suas atribuições legais

Leia mais

TABELA II DOS OFÍCIOS DE REGISTRO DE IMÓVEIS

TABELA II DOS OFÍCIOS DE REGISTRO DE IMÓVEIS TABELA II DOS OFÍCIOS DE REGISTRO DE IMÓVEIS Tabela elaborada sob responsabilidade da Associação dos Registradores Imobiliários de São Paulo ARISP. Em vigor a partir de 7 de janeiro de 2011. Lei 11.331,

Leia mais

RELAÇÃO DE DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA ANALISE DE CRÉDITO IMÓVEL IMÓVEL URBANO 1ª ETAPA - DOCUMENTOS CONSORCIADO PESSOA JURÍDICA

RELAÇÃO DE DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA ANALISE DE CRÉDITO IMÓVEL IMÓVEL URBANO 1ª ETAPA - DOCUMENTOS CONSORCIADO PESSOA JURÍDICA do Cartão de CNPJ Inscrição Estadual ou Municipal IMÓVEL URBANO 1ª ETAPA - DOCUMENTOS CONSORCIADO PESSOA JURÍDICA Contrato Social e sua última alteração ou Estatuto de Constituição Comprovante de renda

Leia mais

O FICHA :a... REGISTRO GERAL FLS. MATRÍCULA

O FICHA :a... REGISTRO GERAL FLS. MATRÍCULA O FICHA 2 -... :a... REGISTRO GERAL FLS. MATRÍCULA São Domingos do Araguaia 20 de julho de 2010 1 Imóvel: URBANO. Logradouro: AVENIDA 15- S/N. Bairro: CIDADE NOVA. Cidade: São Domingos do Araguaia-PA.

Leia mais

TERMO DE ADESÃO CARTÃO DE CRÉDITO BONSUCESSO*

TERMO DE ADESÃO CARTÃO DE CRÉDITO BONSUCESSO* TERMO DE ADESÃO CARTÃO DE CRÉDITO BONSUCESSO* Nº da Proposta: Nº Regulamento: Local e Data: A - DADOS DO CLIENTE Data de Nascimento: Benefício/Matrícula: Convênio: Identidade: Data de Emissão: Órgão Emissor:

Leia mais

Lei Complementar nº 4.284, de 22 de setembro de 2015.

Lei Complementar nº 4.284, de 22 de setembro de 2015. Lei Complementar nº 4.284, de 22 de setembro de 2015. Institui o Programa de Recuperação Fiscal REFIS do Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Taquaritinga SAAET, e dá outras providências. O PREFEITO MUNICIPAL

Leia mais

CONTRATO DE CRÉDITO PESSOAL PRÉ-APROVADO

CONTRATO DE CRÉDITO PESSOAL PRÉ-APROVADO CONTRATO DE CRÉDITO PESSOAL PRÉ-APROVADO Por este instrumento e na melhor forma de direito, a COOPERATIVA, doravante designada simplesmente COOPERATIVA, neste ato devidamente representada na forma de seu

Leia mais

REFORMA OU CONSTRUÇÃO

REFORMA OU CONSTRUÇÃO Ficha Cadastral Cópia simples do Cartão de CNPJ Inscrição Estadual ou Municipal REFORMA OU CONSTRUÇÃO 1ª ETAPA - DOCUMENTOS CONSORCIADO PESSOA JURÍDICA Contrato Social e sua última alteração ou Estatuto

Leia mais

PROVIMENTO Nº 26/2013-CGJ

PROVIMENTO Nº 26/2013-CGJ PROVIMENTO Nº 26/2013-CGJ O CORREGEDOR-GERAL DA JUSTIÇA no uso das atribuições legais, previstas nos artigos 31 e 39, alínea c, do Código de Organização e Divisão Judiciárias do Estado de Mato Grosso COJE;

Leia mais

Tabela II. Registro de Imóveis

Tabela II. Registro de Imóveis G~~ Tabela II Registro de Imóveis Em vigor a partir de 6 de janeiro de 2006. Lei 11.331, de 26 de dezembro de 2002, publicada no DOE-SP em 27 de dezembro de 2002. Decreto 47.589, de 14 de janeiro de 2003,

Leia mais

Curso Resultado. Decreto-Lei 911, de 01 de outubro de Lei 9.514, de 20 de novembro de 1997 Não foram ressaltadas as alterações anteriores a 2016

Curso Resultado. Decreto-Lei 911, de 01 de outubro de Lei 9.514, de 20 de novembro de 1997 Não foram ressaltadas as alterações anteriores a 2016 ALIENAÇÃO FIDUCIÁRIA Lei 4.728, de 14 de julho de 1965 Art. 66-B. O contrato de alienação fiduciária celebrado no âmbito do mercado financeiro e de capitais, bem como em garantia de créditos fiscais e

Leia mais

TABELA 2008 Registro de Imóveis

TABELA 2008 Registro de Imóveis TABELA 2008 Registro de Imóveis Lei Estadual 11.331/02 2008 - Ufesp = R$ 14,88 1. Registro com valor declarado a Mais de até 893,00 60,44 17,19 12,72 3,18 3,18 96,71 b 893,00 até 2.231,00 96,99 27,58 20,42

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE TERESINA DECRETA:

PREFEITURA MUNICIPAL DE TERESINA DECRETA: 1 DECRETO Nº 11.333, DE 30 DE JUNHO DE 2011. Dispõe sobre a regulamentação da emissão de certidões e declarações no âmbito da Fazenda Pública Municipal. O PREFEITO MUNICIPAL DE TERESINA, Estado do Piauí,

Leia mais

PREVALÊNCIA DA ALIENAÇÃO FIDUCIÁRIA EM GARANTIA SOBRE O CÓDIGO DE DEFESA DO CONSUMIDOR

PREVALÊNCIA DA ALIENAÇÃO FIDUCIÁRIA EM GARANTIA SOBRE O CÓDIGO DE DEFESA DO CONSUMIDOR PREVALÊNCIA DA ALIENAÇÃO FIDUCIÁRIA EM GARANTIA SOBRE O CÓDIGO DE DEFESA DO CONSUMIDOR Ultimamente tem-se discutido judicialmente, a aplicação do art. 53 do CDC, mesmo que o contrato tenha sido celebrado

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE OSÓRIO SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO SETOR DE LICITAÇÕES

PREFEITURA MUNICIPAL DE OSÓRIO SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO SETOR DE LICITAÇÕES PREFEITURA MUNICIPAL DE OSÓRIO SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO SETOR DE LICITAÇÕES EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO 009/2011 Secretaria Municipal de Administração Processos: 100094/2011 ROMILDO BOLZAN

Leia mais

CONTRATO DE RENEGOCIAÇÃO DE DÍVIDAS E OUTRAS AVENÇAS. Meios eletrônicos e/ou de comunicação à distância

CONTRATO DE RENEGOCIAÇÃO DE DÍVIDAS E OUTRAS AVENÇAS. Meios eletrônicos e/ou de comunicação à distância CONTRATO DE RENEGOCIAÇÃO DE DÍVIDAS E OUTRAS AVENÇAS Meios eletrônicos e/ou de comunicação à distância Por este contrato e melhor forma de direito: 1. PARTES 1.1 CREDOR: BANCO BRADESCO S.A., inscrito no

Leia mais

CÉDULA DE CRÉDITO BANCÁRIO CCB EMPRÉSTIMO

CÉDULA DE CRÉDITO BANCÁRIO CCB EMPRÉSTIMO I - DADOS DA CÉDULA: Nº DA CÉDULA: VALOR: R$ DATA EMISSÃO: DATA VENCIMENTO: LOCAL DE EMISSÃO: BELO HORIZONTE - MG PREÂMBULO II - DADOS DO (S) EMITENTE (S): NOME: CPF/CNPJ: CARTEIRA DE IDENTIDADE: nº Orgão

Leia mais

7 - Efetuei o pagamento de uma parcela em duplicidade. Como devo proceder?

7 - Efetuei o pagamento de uma parcela em duplicidade. Como devo proceder? 1 - Quero quitar o contrato, como faço para saber o saldo devedor? Para saber o saldo devedor do contrato de financiamento, entre em contato com a nossa Central de Atendimento. Regiões Metropolitanas:

Leia mais

CLEIDIMAR CASTRO DE ALMEIDA Juiz Titular de Vara do Trabalho

CLEIDIMAR CASTRO DE ALMEIDA Juiz Titular de Vara do Trabalho PODER JUDICIÁRIO AVENIDA EGIDIO FRANCISCO RODRIGUES, 14, QD 40 LT 140, BAIRRO SAMPAIO, PIRES DO RIO - GO - CEP: 75200-000 RTOrd - 0010343-41.2013.5.18.0271 AUTOR: VALDEON NOGUEIRA DE SOUZA RÉU: UMBERTO

Leia mais

CLÁUSULAS E CONDIÇÕES GERAIS DO EMPRÉSTIMO PESSOAL LOSANGO

CLÁUSULAS E CONDIÇÕES GERAIS DO EMPRÉSTIMO PESSOAL LOSANGO CLÁUSULAS E CONDIÇÕES GERAIS DO EMPRÉSTIMO PESSOAL LOSANGO Abaixo estão as Cláusulas e Condições Gerais do Empréstimo Pessoal Losango solicitado pelo Cliente à Losango e serão efetivadas após a aceitação

Leia mais

ESTADO DE ALAGOAS GABINETE DO GOVERNADOR

ESTADO DE ALAGOAS GABINETE DO GOVERNADOR LEI Nº 6.674, DE 04 DE JANEIRO DE 2006. Revogada pela Lei nº 7.114, de 05 de novembro de 2009. AUTORIZA OS PODERES DO ESTADO, O TRIBUNAL DE CONTAS E O MINISTÉRIO PÚBLICO, AS AUTARQUIAS E FUNDAÇÕES ESTADUAIS

Leia mais

A Câmara Municipal de Nepomuceno por seus representantes e no uso de suas atribuições legais aprovou:

A Câmara Municipal de Nepomuceno por seus representantes e no uso de suas atribuições legais aprovou: PROJETO DE LEI Nº 589, DE 11 DE MAIO DE 2015 AUTORIZA A DESAFETAÇÃO E DOAÇÃO DE BEM IMÓVEL PERTENCENTE AO PATRIMÔNIO PÚBLICO E DÁ OUTRAS PROVIDENCIAS. A Câmara Municipal de Nepomuceno por seus representantes

Leia mais

CÉDULA DE CRÉDITO BANCÁRIO CONVÊNIO COMPROR

CÉDULA DE CRÉDITO BANCÁRIO CONVÊNIO COMPROR CCB Nº VIA: Negociável (CREDOR) Não Negociável (EMITENTE) I - EMITENTE Nome/Razão Social CPF /CNPJ Banco Agência Conta Corrente nº II TERCEIROS GARANTIDORES também denominados DEVEDORES/GARANTIDORES SOLIDÁRIOS

Leia mais

Documentos e/ou Declarações Necessárias para a efetivação do Registro da Escritura Pública ou do Contrato Particular com força de Escritura Pública.

Documentos e/ou Declarações Necessárias para a efetivação do Registro da Escritura Pública ou do Contrato Particular com força de Escritura Pública. Documentos e/ou Declarações Necessárias para a efetivação do Registro da Escritura Pública ou do Contrato Particular com força de Escritura Pública. Para a regularidade da escritura ou contrato com força

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE ALTO PARANÁ

PREFEITURA MUNICIPAL DE ALTO PARANÁ LEI Nº 2.389/2012 EMENTA: Institui o Programa Municipal de Recuperação Fiscal (REFIS) ampliando sua abrangência. A CÂMARA MUNICIPAL DE ALTO PARANÁ, ESTADO DO PARANÁ, APROVOU E EU, PREFEITO MUNICIPAL, SANCIONO

Leia mais

ARTIGO 65 DA LEI Nº , DE 11 DE JUNHO DE Este texto não substitui o publicado no Diário Oficial ARTIGO 65

ARTIGO 65 DA LEI Nº , DE 11 DE JUNHO DE Este texto não substitui o publicado no Diário Oficial ARTIGO 65 ARTIGO 65 LEI Nº 12.249, DE 11 DE JUNHO DE 2010 Art. 65. Poderão ser pagos ou parcelados, em até 180 (cento e oitenta) meses, nas condições desta Lei, os débitos administrados pelas autarquias e fundações

Leia mais

Pela VENDEDORA/CREDORA FIDUCIÁRIA foi dito na presença das testemunhas abaixo relacionadas:

Pela VENDEDORA/CREDORA FIDUCIÁRIA foi dito na presença das testemunhas abaixo relacionadas: Grau de sigilo #00 Por este instrumento particular de compra e venda de imóvel, com força de escritura pública, na forma do inciso II do artigo 16 da Lei nº. 11.483, de 31 de maio de 2007 e em conformidade

Leia mais

CONTRATO DE COMPRA E VENDA COM CESSÃO E TRANSFERÊNCIA DE QUOTAS DE SOCIEDADE POR QUOTAS DE RESPONSABILIDADE LIMITADA

CONTRATO DE COMPRA E VENDA COM CESSÃO E TRANSFERÊNCIA DE QUOTAS DE SOCIEDADE POR QUOTAS DE RESPONSABILIDADE LIMITADA 1 CONTRATO DE COMPRA E VENDA COM CESSÃO E TRANSFERÊNCIA DE QUOTAS DE SOCIEDADE POR QUOTAS DE RESPONSABILIDADE LIMITADA I PARTES: a) Sócia 2, doravante denominada simplesmente PROMITENTE VENDEDOR CEDENTE;

Leia mais

III ENCONTRO REGIONAL DO CORI/MG UBERLÂNDIA

III ENCONTRO REGIONAL DO CORI/MG UBERLÂNDIA III ENCONTRO REGIONAL DO CORI/MG UBERLÂNDIA DESMEMBRAMENTO CÉDULA DE CRÉDITO RUAL HUMBERTO GOMES DO AMARAL RI MUZAMBINHO rimuzambinho@yahoo.com.br Telefone: 035-3571-5041 DESMEMBRAMENTO Requisitos: 1-

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE NEPOMUCENO

PREFEITURA MUNICIPAL DE NEPOMUCENO LEI Nº 478, 13 DE JUNHO DE 2014. Autoriza o pagamento de dívida ativa municipal através da dação em pagamento de bens imóveis e dá outras providências. A Câmara Municipal de Nepomuceno, por seus representantes

Leia mais

CONTRATO ADMINISTRATIVO 192/2016 FORNECIMENTO DE EQUIPAMENTOS PARA A SECRETARIA MUNICIPAL DA SAÚDE, DO MUNICÍPIO DE SEBERI/RS

CONTRATO ADMINISTRATIVO 192/2016 FORNECIMENTO DE EQUIPAMENTOS PARA A SECRETARIA MUNICIPAL DA SAÚDE, DO MUNICÍPIO DE SEBERI/RS CONTRATO ADMINISTRATIVO 192/2016 FORNECIMENTO DE EQUIPAMENTOS PARA A SECRETARIA MUNICIPAL DA SAÚDE, DO MUNICÍPIO DE SEBERI/RS Que entre si realizam, de um lado o Município de Seberi, Estado do Rio Grande

Leia mais

MARTA SUPLICY, Prefeita do Município de São Paulo, no uso das atribuições que lhe são conferidas por lei,

MARTA SUPLICY, Prefeita do Município de São Paulo, no uso das atribuições que lhe são conferidas por lei, DECRETO No. 41.724, 26 DE FEVEREIRO DE 2002 Ano 47 - Número 37 - São Paulo, quarta-feira, 27 de fevereiro de 2002 Diário Oficial do Município de São Paulo Regulamenta a Lei no. 13.283, de 9 de janeiro

Leia mais

O protesto é um direito do credor decorrente do descumprimento, pelo devedor, da obrigação de lhe pagar determinada quantia em dinheiro.

O protesto é um direito do credor decorrente do descumprimento, pelo devedor, da obrigação de lhe pagar determinada quantia em dinheiro. O protesto é um direito do credor decorrente do descumprimento, pelo devedor, da obrigação de lhe pagar determinada quantia em dinheiro. O que é o protesto? É o ato pelo qual se prova a inadimplência

Leia mais

DECRETO Nº , DE 28 DE DEZEMBRO DE 2015.

DECRETO Nº , DE 28 DE DEZEMBRO DE 2015. DECRETO Nº 19.269, DE 28 DE DEZEMBRO DE 2015. Estabelece o Calendário Fiscal de Arrecadação dos Tributos Municipais, o valor da Unidade Financeira Municipal (UFM) e os preços do metro quadrado de terrenos

Leia mais

REGULAMENTO DA LETRA DE CRÉDITO DO AGRONEGÓCIO ( LCA ) DE EMISSÃO DO BANCO ALFA DE INVESTIMENTO S.A.

REGULAMENTO DA LETRA DE CRÉDITO DO AGRONEGÓCIO ( LCA ) DE EMISSÃO DO BANCO ALFA DE INVESTIMENTO S.A. REGULAMENTO DA LETRA DE CRÉDITO DO AGRONEGÓCIO ( LCA ) DE EMISSÃO DO BANCO ALFA DE INVESTIMENTO S.A. O BANCO ALFA DE INVESTIMENTO S.A, inscrito no CNPJ/MF sob nº 60.770.336/0001-65, com sede na Cidade

Leia mais

Relação de documentos para o consorciado contemplado em consórcio de imóveis (Pessoa Física)

Relação de documentos para o consorciado contemplado em consórcio de imóveis (Pessoa Física) Relação de documentos para o consorciado contemplado em consórcio de imóveis (Pessoa Física) Para dar continuidade ao seu processo de aquisição de imóvel pelo Consórcio Itaú, é importante que você siga

Leia mais

DECRETO Nº , DE 10 DE MARÇO DE 2016.

DECRETO Nº , DE 10 DE MARÇO DE 2016. DECRETO Nº 19.332, DE 10 DE MARÇO DE 2016. Regulamenta a Lei nº 12.005, de 11 de fevereiro de 2016, que permite às instituições conveniadas com o Município ou mantidas pelo Estado e cadastradas como beneficiárias

Leia mais

CERTIDÃO DE INTEIRO TEOR

CERTIDÃO DE INTEIRO TEOR dfiorio ae Registro oe Imóveis e Hipoteca; ítuios e Documentos e P essoas Jurídica; fiaria Leny Batista Barros de Freitas CERTIDÃO DE INTEIRO TEOR Certifico por solicitação verbal da parte interessada,

Leia mais

DECISÃO do Plenário do CFA na 19ª reunião, realizada em 11/12/2003,

DECISÃO do Plenário do CFA na 19ª reunião, realizada em 11/12/2003, RESOLUÇÃO NORMATIVA CFA N.º 287, DE 14 DE JANEIRO DE 2004 (Revogada pela Resolução Normativa CFA n.º 339, de 5 de junho de 2007) Dispõe sobre o parcelamento de anuidades e outros débitos de exercícios

Leia mais

EDITAL DE HASTAS PÚBLICAS PARA CONHECIMENTO DE INTERESSADOS E INTIMAÇÃO DO REQUERIDO

EDITAL DE HASTAS PÚBLICAS PARA CONHECIMENTO DE INTERESSADOS E INTIMAÇÃO DO REQUERIDO EDITAL de 1ª E 2ª Hastas do bem abaixo descrito e para INTIMAÇÃO do requerido Renata Bonaquista Ramos Me, por seu representante legal, na pessoa do seu representante legal, expedido nos autos da Execução

Leia mais

PEDIDO DE CERTIDÃO N Data: 12/07/2016

PEDIDO DE CERTIDÃO N Data: 12/07/2016 Cartorio de Registro de Imóveis da Comarca de A v. Apolonio Sales, 1059 - Sala 06 - Centro C E P : 48601-195Tel : (075) 3282-1641 - Fax : (075) 3282-1641 PEDIDO DE CERTIDÃO N 11930 Data: 12/07/2016 Natureza

Leia mais

PROVIMENTO Nº CGJ-05/ O DESEMBARGADOR JOÃO PINHEIRO, CORREGEDOR GERAL DA JUSTIÇA DO ESTADO DA BAHIA, no uso de suas atribuições,

PROVIMENTO Nº CGJ-05/ O DESEMBARGADOR JOÃO PINHEIRO, CORREGEDOR GERAL DA JUSTIÇA DO ESTADO DA BAHIA, no uso de suas atribuições, PROVIMENTO Nº CGJ-05/ 2007 Autoriza o apontamento dos títulos que indica, no âmbito da Central de Protesto de Títulos e Documentos da capital e dos Tabelionatos de Protesto de Títulos e Documentos de todo

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO COMARCA DE SÃO BERNARDO DO CAMPO FORO DE SÃO BERNARDO DO CAMPO 8ª VARA CÍVEL Rua 23 de Maio, 107, Sala 108, Vila Teresa - CEP 09606-000, Fone: (11) 4330-1011,

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARÁ CORREGEDORIA DA JUSTIÇA DA REGIÃO METROPOLITANA DE BELÉM

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARÁ CORREGEDORIA DA JUSTIÇA DA REGIÃO METROPOLITANA DE BELÉM PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARÁ CORREGEDORIA DA JUSTIÇA DA REGIÃO METROPOLITANA DE BELÉM PROVIMENTO Nº 002/2009 Estabelece normas para a distribuição de títulos de crédito apresentados

Leia mais

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONSTITUIÇÃO DE GARANTIA DE PENHOR MERCANTIL. Quadro Resumo

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONSTITUIÇÃO DE GARANTIA DE PENHOR MERCANTIL. Quadro Resumo INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONSTITUIÇÃO DE GARANTIA DE PENHOR MERCANTIL Quadro Resumo BANCO CNPJ/MF Banco Bradesco S.A. 60.746.948/0001 12 Sede Cidade de Deus, Município e Comarca de Osasco, Estado de São

Leia mais

AUTOMÓVEIS A SEREM ALIENADOS. 3ª Vara Federal - João Pessoa-PB PROCESSO(S) EXECUÇÃO DE TÍTULO EXTRAJUDICIAL

AUTOMÓVEIS A SEREM ALIENADOS. 3ª Vara Federal - João Pessoa-PB PROCESSO(S) EXECUÇÃO DE TÍTULO EXTRAJUDICIAL PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DA PARAÍBA 3ª Vara Rua João Teixeira de Carvalho, 480 Pedro Gondim João Pessoa-PB CEP: 58.031-220 Fone: 2108-4099 EDITAL DE VENDA EM LEILÃO

Leia mais

INSTRUMENTO PARTICULAR DE COMPROMISSO DE PERMUTA DE IMÓVEIS E OUTRAS AVENÇAS

INSTRUMENTO PARTICULAR DE COMPROMISSO DE PERMUTA DE IMÓVEIS E OUTRAS AVENÇAS INSTRUMENTO PARTICULAR DE COMPROMISSO DE PERMUTA DE IMÓVEIS E OUTRAS AVENÇAS Pelo presente Instrumento Particular de Compromisso de Permuta de Imóveis e outras Avenças, que entre si fazem: de um lado,

Leia mais

1 - A MUTUANTE concede ao MUTUÁRIO um empréstimo no valor, prazo e demais condições indicadas no Termo de Requerimento de Refinanciamento de Mútuo.

1 - A MUTUANTE concede ao MUTUÁRIO um empréstimo no valor, prazo e demais condições indicadas no Termo de Requerimento de Refinanciamento de Mútuo. Folha 1 DE 6 Cláusulas e Condições Gerais do Contrato de refinanciamento de mútuo que entre si fazem a Fundação Vale do Rio Doce de Seguridade Social - VALIA e seus participantes na forma do seu Regulamento

Leia mais

M O D E L O 12 CONTRATO DE LOCAÇÃO QUADRO RESUMO

M O D E L O 12 CONTRATO DE LOCAÇÃO QUADRO RESUMO M O D E L O 12 CONTRATO DE LOCAÇÃO QUADRO RESUMO LOCADOR: Nome, qualificação e endereço completo. LOCATÁRIO: Nome, qualificação e endereço completo IMÓVEL OBJETO DESTA LOCAÇÃO: Tipo (casa, apartamento,

Leia mais

CONTRATO DE RENEGOCIAÇÃO DE DÍVIDAS E OUTRAS AVENÇAS. Meios eletrônicos e/ou de comunicação à distância

CONTRATO DE RENEGOCIAÇÃO DE DÍVIDAS E OUTRAS AVENÇAS. Meios eletrônicos e/ou de comunicação à distância CONTRATO DE RENEGOCIAÇÃO DE DÍVIDAS E OUTRAS AVENÇAS Meios eletrônicos e/ou de comunicação à distância Por este contrato e melhor forma de direito: 1. PARTES 1.1 CREDOR: BANCO BRADESCO CARTÕES S.A., inscrito

Leia mais

Pedro, na qualidade de locatário, contratou com Antônio, locador, menor púbere, assistido por seu genitor, Fernando, a locação do imóvel residencial

Pedro, na qualidade de locatário, contratou com Antônio, locador, menor púbere, assistido por seu genitor, Fernando, a locação do imóvel residencial Pedro, na qualidade de locatário, contratou com Antônio, locador, menor púbere, assistido por seu genitor, Fernando, a locação do imóvel residencial de sua propriedade, unidade autônoma e integrante do

Leia mais

LEILÃO JUDICIAL PODER JUDICIÁRIO - COMARCA DE SÃO JOSÉ DE RIBAMAR-MA 2ª VARA CÍVEL DA COMARCA DE SÃO JOSÉ DE RIBAMAR-MA Dia

LEILÃO JUDICIAL PODER JUDICIÁRIO - COMARCA DE SÃO JOSÉ DE RIBAMAR-MA 2ª VARA CÍVEL DA COMARCA DE SÃO JOSÉ DE RIBAMAR-MA Dia LEILÃO JUDICIAL - COMARCA DE SÃO JOSÉ DE RIBAMAR-MA 2ª VARA CÍVEL DA COMARCA DE SÃO JOSÉ DE RIBAMAR-MA Dia 14.03.16 às 11:00h CONDIÇÕES GERAIS DE ARREMATAÇÃO - LEILÃO VIP 140316J A Drª. Ticiany Gedeon

Leia mais

Documentos e/ou Declarações Necessárias para a efetivação do Registro da Escritura Pública ou do Contrato Particular com força de Escritura Pública.

Documentos e/ou Declarações Necessárias para a efetivação do Registro da Escritura Pública ou do Contrato Particular com força de Escritura Pública. Documentos e/ou Declarações Necessárias para a efetivação do Registro da Escritura Pública ou do Contrato Particular com força de Escritura Pública. Para a regularidade da escritura ou contrato com força

Leia mais

DÉBITOS VINCULADOS AO VEÍCULO Data / hora da consulta: 10/06/2016 10:03 Esta pesquisa tem caráter apenas informativo. Não é válida como certidão OBSERVAÇÕES IMPORTANTES 1) Proprietário, caso algum dado

Leia mais

Portaria BANCO CENTRAL DO BRASIL - BACEN nº de

Portaria BANCO CENTRAL DO BRASIL - BACEN nº de Portaria BANCO CENTRAL DO BRASIL - BACEN nº 36.372 de 12.09.2006 D.O.U.: 10.10.2006 Institui o modelo-padrão dos "termos de acordo" de parcelamento de créditos do Banco Central do Brasil provenientes da

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS PARA A CONCESSÃO DE LIMITE DE CRÉDITO PARA EMPRÉSTIMO - CITICRÉDITO AUTOMÁTICO

CONDIÇÕES GERAIS PARA A CONCESSÃO DE LIMITE DE CRÉDITO PARA EMPRÉSTIMO - CITICRÉDITO AUTOMÁTICO CONDIÇÕES GERAIS PARA A CONCESSÃO DE LIMITE DE CRÉDITO PARA EMPRÉSTIMO - CITICRÉDITO AUTOMÁTICO Pelo presente, BANCO CITIBANK S.A., inscrito no CNPJ sob o nº 33.479.023/0001-80, com sede na Capital do

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS PARA A CONCESSÃO DE LIMITE DE CRÉDITO ROTATIVO PARA CONTA DE DEPÓSITO À VISTA INDIVIDUAL OU CONJUNTA ( CHEQUE ESPECIAL )

CONDIÇÕES GERAIS PARA A CONCESSÃO DE LIMITE DE CRÉDITO ROTATIVO PARA CONTA DE DEPÓSITO À VISTA INDIVIDUAL OU CONJUNTA ( CHEQUE ESPECIAL ) CONDIÇÕES GERAIS PARA A CONCESSÃO DE LIMITE DE CRÉDITO ROTATIVO PARA CONTA DE DEPÓSITO À VISTA INDIVIDUAL OU CONJUNTA ( CHEQUE ESPECIAL ) 1. DEFINIÇÕES 1.1. Para perfeito entendimento e interpretação deste

Leia mais

I OFICIAL DE REGISTRO DE IMÓVEIS DE OSASCO

I OFICIAL DE REGISTRO DE IMÓVEIS DE OSASCO I OFICIAL DE REGISTRO DE IMÓVEIS DE OSASCO MATRÍCULA, FOLHA LIVRO N 2 - REGISTRO GERAL 113.143 OFI Data: 20 de maio de 2015 1. CNS 11.152-6 IMOVEL: Apartamento n 76, situado no 7 pavimento da Torre 1 do

Leia mais

deflete a esquerda e segue na distância de 49,36 metros confrontando com a rua 01, daí deflete a esquerda e segue na distância de 596,98 metros,

deflete a esquerda e segue na distância de 49,36 metros confrontando com a rua 01, daí deflete a esquerda e segue na distância de 596,98 metros, Leilão Público de Imóvel, originário de Alienação Fiduciária realizado de modo online e presencial simultâneo, sendo que o 1º leilão se dará no dia 09 de abril de 2015, 5ª feira às 10h00 e o 2º leilão

Leia mais

CONTRATO DE MATRÍCULA. Academia de Musculação Campus I e Campus II. Complexo Aquático Campus I

CONTRATO DE MATRÍCULA. Academia de Musculação Campus I e Campus II. Complexo Aquático Campus I CONTRATO DE MATRÍCULA Academia de Musculação Campus I e Campus II Complexo Aquático Campus I Ao solicitar matrícula na atividade, declaro estar ciente das cláusulas e condições que regem a Prestação de

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SERGIPE CORREGEDORIA-GERAL DA JUSTIÇA. Ofício circular n. 0234/2011-CGJ Aracaju, 27 de janeiro de 2011,

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SERGIPE CORREGEDORIA-GERAL DA JUSTIÇA. Ofício circular n. 0234/2011-CGJ Aracaju, 27 de janeiro de 2011, Ofício circular n. 0234/2011-CGJ Aracaju, 27 de janeiro de 2011, Senhor(es) Notário(s), Com o intuito de uniformizar e divulgar o procedimento para PROTESTOS DE TÍTULOS JUDICIAIS, a Corregedoria-Geral

Leia mais

CONTRATO PARTICULAR DE MÚTUO PARA CONCESSÃO FAAI - FUNDO DE APOIO AO ACADÊMICO INGRESSANTE

CONTRATO PARTICULAR DE MÚTUO PARA CONCESSÃO FAAI - FUNDO DE APOIO AO ACADÊMICO INGRESSANTE MUTUANTE: CONTRATO PARTICULAR DE MÚTUO PARA CONCESSÃO FAAI - FUNDO DE APOIO AO ACADÊMICO INGRESSANTE CONTRATO (2015/1) FACULDADE DE CIÊNCIAS SOCIAIS DE, inscrita no CNPJ sob o nº 01.330.273/0002-48, com

Leia mais

RELAÇÃO DE DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA ANALISE DE CRÉDITO IMÓVEL IMÓVEL URBANO 1ª ETAPA - DOCUMENTOS CONSORCIADO PESSOA FÍSICA

RELAÇÃO DE DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA ANALISE DE CRÉDITO IMÓVEL IMÓVEL URBANO 1ª ETAPA - DOCUMENTOS CONSORCIADO PESSOA FÍSICA IMÓVEL URBANO 1ª ETAPA - DOCUMENTOS CONSORCIADO PESSOA FÍSICA R.G. e CPF do consorciado e cônjuge Certidão de estado civil Comprovante de residência atualizado Comprovante de renda Ficha Cadastral Declaração

Leia mais

ESCRITURA PÚBLICA DE COMPRA E VENDA (TERRENO VAZIO)

ESCRITURA PÚBLICA DE COMPRA E VENDA (TERRENO VAZIO) ESCRITURA PÚBLICA DE COMPRA E VENDA (TERRENO VAZIO) SAIBAM quantos etc., compareceram partes entre si justas e contratadas, a saber: de um lado como OUTORGANTE VENDEDORA: COMPANHIA DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO

Leia mais

Cartório Fácil - Sistema de informação e apoio ao cidadão

Cartório Fácil - Sistema de informação e apoio ao cidadão Página 1 de 5. O Cartório de Registro de Imóveis realiza serviços importantes, que garantem o direito à propriedade das pessoas, bem como outros direitos referentes a imóveis. Somente quem registra uma

Leia mais

KIT BANCO DAYCOVAL CONSIGNADO

KIT BANCO DAYCOVAL CONSIGNADO KIT BANCO DAYCOVAL CONSIGNADO Documentos básicos para Formalização: - Carteira de Identidade - RG (do TITULAR e das Testemunhas) - CPF (do TITULAR e das Testemunhas) - Comprovante de Renda ATUAL - Comprovante

Leia mais

2ª Vara Cível da Comarca de São Gabriel do Oeste/MS

2ª Vara Cível da Comarca de São Gabriel do Oeste/MS 2ª Vara Cível da Comarca de São Gabriel do Oeste/MS EDITAL DE PRAÇA e de intimação do(a)(s) executado(a)(s) Osvaldo Gois Figueiredo e Clenúbia Costa Gois de Figueiredo. O MM. Juiz de Direito Eduardo Eugênio

Leia mais

ANEXO 3- MINUTA DE ESCRITURA PÚBLICA

ANEXO 3- MINUTA DE ESCRITURA PÚBLICA ANEXO 3- MINUTA DE ESCRITURA PÚBLICA ESCRITURA PÚBLICA DE COMPRA E VENDA QUE ENTRE SI FAZEM O MUNICÍPIO DE NITERÓI E, NA FORMA ABAIXO: SAIBAM quantos este público instrumento de escritura virem, que aos

Leia mais

de Imóveis Joinville

de Imóveis Joinville nregistro Livro N» 2 Ficha N». 01 Ano 1.997. Matrícula N«- 85.305 - Data: 30 de Junho de 1.997.- IMÓVEL:- Um terreno situado nesta cidade, distando pelo lado esquerdo 116,60 metros para a rua Blumenau,

Leia mais

Art. 1º O Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana - IPTU, a Taxa de Limpeza Pública - TLP,

Art. 1º O Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana - IPTU, a Taxa de Limpeza Pública - TLP, DECRETO nº 311, de 03 de fevereiro de 2006 Dispõe sobre o lançamento e a cobrança do Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana IPTU, da Taxa de Limpeza Pública TLP, da Taxa de Conservação

Leia mais

PROPRIEDADE FIDUCIÁRIA EM GARANTIA. MELHIM NAMEM CHALHUB

PROPRIEDADE FIDUCIÁRIA EM GARANTIA. MELHIM NAMEM CHALHUB PROPRIEDADE FIDUCIÁRIA EM GARANTIA MELHIM NAMEM CHALHUB www.melhimchalhub.com PROPRIEDADE FIDUCIÁRIA Propriedade resolúvel com características peculiares, conforme a função para a qual é constituída Administração

Leia mais

FICHA CADASTRAL E QUALIFICAÇÃO DO MICROEMPREENDEDOR

FICHA CADASTRAL E QUALIFICAÇÃO DO MICROEMPREENDEDOR FICHA CADASTRAL E QUALIFICAÇÃO DO MICROEMPREENDEDOR / / INFORMAÇÕES PESSOAIS Nome Completo: CPF/CNPJ: RG: Órgão Emissor : Naturalidade: Dt. Nascimento: Sexo: Estado Civil: Filiação: Pai: Mãe: Endereço:

Leia mais

Manual de Uso. Intimação/Consolidação - SEIC. Solicitação manual. v.1

Manual de Uso. Intimação/Consolidação - SEIC. Solicitação manual. v.1 Manual de Uso Intimação/Consolidação - SEIC Solicitação manual v.1 Serviço Eletrônico de Intimações e Consolidação da Propriedade Fiduciária SEIC Este serviço consiste em submódulo do Protocolo Eletrônico

Leia mais

RITO SUMARÍSSIMO EDITAL DE PRAÇA/LEILÃO E INTIMAÇÃO

RITO SUMARÍSSIMO EDITAL DE PRAÇA/LEILÃO E INTIMAÇÃO PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO - 24 ª REGIÃO VARA DO TRABALHO DE CORUMBÁ ALAMEDA JOAQUIM ALCIDES PEREIRA, N. 16 CEP. 79.303-060 FONE: (0**67) 3231-3977 - E-MAIL: corumba@trt24.jus.br

Leia mais

PRESIDENTE FIGUEIREDO CARTORIO

PRESIDENTE FIGUEIREDO CARTORIO CARTA CONTRATO N 168/2015 FIRMADA ENTRE A PREFEITURA MUNICIPAL DE PRESIDENTE FIGUEIREDO E A EMPRESA CARTORIO DO JUDICIAL E ANEXOS OBJETIVANDO A CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE EMISSÃO DE SEGUNDA VIA DE DOCUMENTOS

Leia mais

Regulamento do Bradesco Fundo de Investimento em Quotas de Fundo de Investimento em Ações 157

Regulamento do Bradesco Fundo de Investimento em Quotas de Fundo de Investimento em Ações 157 Regulamento do Bradesco Fundo de Investimento em Quotas de Fundo de Investimento em Ações 157 1- Denominação do Fundo: O Bradesco Fundo de Investimento em Quotas de Fundo de Investimento em Ações 157,

Leia mais

RESOLUÇÃO NORMATIVA CFA N.º 346, DE 23 DE NOVEMBRO DE 2007 (Prazo de vigência expirado em 31 de dezembro de 2008)

RESOLUÇÃO NORMATIVA CFA N.º 346, DE 23 DE NOVEMBRO DE 2007 (Prazo de vigência expirado em 31 de dezembro de 2008) Publicada no D.O.U. nº 239, de 13/12/2007 Seção 1 Página 154 RESOLUÇÃO NORMATIVA CFA N.º 346, DE 23 DE NOVEMBRO DE 2007 (Prazo de vigência expirado em 31 de dezembro de 2008) Dispõe sobre o Programa de

Leia mais

DECRETO Nº. 922 DE 07DE MAIO DE A PREFEITA DO MUNICÍPIO DE SAQUAREMA, no uso de suas atribuições legais, nos termos da Lei, e

DECRETO Nº. 922 DE 07DE MAIO DE A PREFEITA DO MUNICÍPIO DE SAQUAREMA, no uso de suas atribuições legais, nos termos da Lei, e DECRETO Nº. 922 DE 07DE MAIO DE 2010. Dispõe sobre os critérios para o parcelamento dos créditos tributários ou não, inscritos ou não em Dívida Ativa, e dá outras providências. A PREFEITA DO MUNICÍPIO

Leia mais

Prezado (a) Consorciado (a), Parabéns pela contemplação!

Prezado (a) Consorciado (a), Parabéns pela contemplação! Prezado (a) Consorciado (a), Parabéns pela contemplação! Para realizar sua contemplação providenciar a documentação solicitada abaixo e levar até uma loja do Magazine Luiza ou representação autorizada

Leia mais

DECRETA: Disposição Preliminar

DECRETA: Disposição Preliminar Decreto nº 058, de 05 de junho de 2012. Estabelece o Sistema de Preços Públicos do Município de Euclides da Cunha, aprova tabelas de cobrança e dá outras providências. A PREFEITA MUNICIPAL DE EUCLIDES

Leia mais

Nome da Construtora Nome do Empreendimento

Nome da Construtora Nome do Empreendimento i. Quadro Resumo Instrumento Particular de Promessa de Compra e Venda de Bem Imóvel e Outras Avenças 1. : 2. Imóvel: 3. Nº de vagas 4.1. Promitente Comprador (Adquirente): 4.2. Promitente vendedor (Alienante):

Leia mais

Cédula de Crédito Bancário Abertura de Crédito - Pessoa Física

Cédula de Crédito Bancário Abertura de Crédito - Pessoa Física Cédula nº: Valor: Data da emissão: Data do vencimento: 1. EMITENTE(S): 1.1 Nome: 1.2 RG: 1.3 CPF/MF - 1.4 Nome Segundo Titular: 1.5 RG Segundo Titular: 1.6 CPF/MF Segundo Titular: E os co-emitentes, demais

Leia mais

22/02/2016 IPTU - Certidão de Situação Fiscal e Enfitêutica do Imóvel NÚMERO DA CERTIDÃO 00-6.792.093/2016-2 PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO SECRETÁRIO MUNICIPAL DE FAZENDA SECRETARIA MUNICIPAL

Leia mais

PORTARIA ANP Nº 202, DE DOU REPUBLICADA DOU

PORTARIA ANP Nº 202, DE DOU REPUBLICADA DOU PORTARIA ANP Nº 202, DE 30.12.1999 - DOU 31.12.1999 - REPUBLICADA DOU 3.5.2004 Estabelece os requisitos a serem cumpridos para acesso a atividade de distribuição de combustíveis líquidos derivados de petróleo,

Leia mais

O QUE PODE SER PARCELADO? (art. 1º, 1º e 2º)

O QUE PODE SER PARCELADO? (art. 1º, 1º e 2º) O QUE PODE SER PARCELADO? (art. 1º, 1º e 2º) Débitos na Fazenda Estadual e suas autarquias, tributários ou não, vencidos até 31/12/2008, constituídos ou não; inscritos ou não em dívida ativa; ajuizados

Leia mais

ATA DA REUNIÃO DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO REALIZADA EM 10 DE AGOSTO DE 2016

ATA DA REUNIÃO DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO REALIZADA EM 10 DE AGOSTO DE 2016 EQUATORIAL ENERGIA S/A CNPJ/MF nº 03.220.438/0001-73 NIRE 2130000938-8 Companhia Aberta ATA DA REUNIÃO DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO REALIZADA EM 10 DE AGOSTO DE 2016 1. DATA, LOCAL E HORA: Em 10 de agosto

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE RIO BOM Estado do Paraná

PREFEITURA MUNICIPAL DE RIO BOM Estado do Paraná CONTRATO Nº 49/2014 CONTRATO, QUE ENTRE SI CELEBRAM O MUNICÍPIO DE RIO BOM E A EMPRESA A P DE OLIVEIRA SERVIÇOS, NA FORMA ABAIXO: Pelo presente instrumento particular de contrato, de um lado, a PREFEITURA

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DE FAZENDA Subsecretaria da Receita Estadual PROGRAMA DE PARCELAMENTO ESPECIAL II

SECRETARIA DE ESTADO DE FAZENDA Subsecretaria da Receita Estadual PROGRAMA DE PARCELAMENTO ESPECIAL II SECRETARIA DE ESTADO DE FAZENDA Subsecretaria da Receita Estadual PROGRAMA DE PARCELAMENTO ESPECIAL II PPE II CONDIÇÕES DO DÉBITOD O débito pode estar: Formalizado ou não; Inscrito ou não em dívida ativa;

Leia mais