Caracterização da Obra

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Caracterização da Obra"

Transcrição

1 Caracterização da Obra Versão Polo: Construtora: Obra: Data: VITÓRIA - ES SAN JUAN Edifício Isla Bonita 1/dez/05 Dados Gerais Razão social da obra Endereço Telefone Fax San Juan Empreendimentos Imobiliários Ltda. Isla Bonita Rua Constante Sodré, No. 11, Praia do Canto, Vitória-ES Importante: Equipe Coordenação Técnico Residente Eng. Coordenador Diretor Produção Mestre Enc. Fôrmas Enc. Armação Enc. Concreto Tipo de Empreendimento Residencial Comercial Institucional Outro (descrever) Padrão de Acabamento Alto Médio Popular Dados Técnicos da obra Número de Torres 1 Número de Lajes Subsolos Térreo 1 Pré-tipo 4 (ex.: mezanino, intermediário, etc.) Tipo 15 Pós-tipo 4 (ex.: barrilete, caixa d'água, cobertura, etc.) Total de Lajes = 24 Anexar plantas baixas, elevações, catálogos, etc., que permitam a visuallização do empreendimento. Se em formato eletrônico, anexar arquivo de imagem (ex.: "jpg", "tif", "bmp", etc.). Nos desenhos em CAD, anexar arquivo tipo "wmf". Carlos Fraga Bento Vivacqua Leal Pessoa Bento Vivacqua Leal Pessoa Página 1 de 22

2 Caracterização da Obra Versão Alturas 2,98 = Piso-a-piso do pavimento tipo 1,30 = Cota do térreo em relação ao nível médio da calçada 71,86 = Altura total do edifício em relação ao nível médio da calçada Áreas de lajes 275,38 m 2 por pavimento tipo 15 número de pavimentos tipo m 2 subsolos 668,82 m 2 térreo 1.983,13 m 2 pré-tipo 4.130,70 m 2 total dos pavimentos tipo 361,12 m 2 pós-tipo 7.143,77 Área total de estrutura (lajes) Quantitavos da Estrutura (obs.: caso a obra encontre-se na fase de concepção do projeto estrutural, indique inicialmente as quantidades estimadas. Após a conclusão do projeto executivo, indique os valores efetivamente atingidos). Concreto 73,70 m 3 de concreto do pavimento tipo 1.105,50 m 3 de concreto total dos pavimentos tipo 1.501,60 m 3 de concreto total da obra Alvenaria 493,59 m 2 de alvenaria do pavimento tipo 7.647,61 m 2 de alvenaria total dos pavimentos tipo 9.363,51 m 2 de alvenaria total da obra Tipo de Fundação Hélice contínua Estaca Strauss Estaca Franki Estaca Ômega Estaca Raiz Tubulão Sapata (direta) Sapata trilho Tipologia da Estrutura Reticulada vigada Plana com vigas de bordo Plana sem vigas de bordo Plana nervurada com vigas de bordo Plana nervurada sem vigas de bordo Plana protendida com vigas de bordo Plana protendida sem vigas de bordo Pré-moldada Página 2 de 22

3 Caracterização da Obra Versão Sistema de Vedações Externas Alvenaria de blocos cerâmicos Alvenaria de blocos de concreto Blocos de concreto celular autoclavado Outro (descrever) => Internas Alvenaria de blocos cerâmicos Alvenaria de blocos de concreto Blocos de concreto celular autoclavado Gesso acartonado (dry-wall ) Outro (descrever) => Encunhamento lateral Ferro "cabelo" no pilar Telas chumbadas no pilar Chapisco na face do pilar Outro (descrever) => Encunhamento superior Tijolos cerâmicos maciços Cunhas de concreto pré-moldadas Argamassa expansiva Argamassa plástica Espuma PU Outro (descrever) => Argamassa Podre Aberturas Vergas e contravergas em canaletas Vergas e contravergas pré-moldadas Contramarcos pré-moldados Outro (descrever) => Fase do Empreendimento Projeto Concepção Projeto Legal Pré-executivo Executivo Obra Implantação Fundação Início Estrutura Comentários Necessários Atualmente estamos desmontando Rocha; o inicio da estrutura se dará em janeiro de 26. Página 3 de 22

4 Caracterização da Obra Versão Tipo de Contratação Incorporação própria Própria com financiamento Condomínio Terceiros por administração Terceiros por empreitada Pública Mão-de-Obra Alvenaria Própria Terceirizada Instalações Própria Terceirizada Revestimento Própria Terceirizada Datas ago/03 jan/05 mai/05 dez/05 jan/06 nov/06 abr/06 dez/07 Lançamento da obra Início da obra Início das fundações Término das fundações Início da estrutura Término da estrutura Início da alvenaria Entrega da obra Incorporação San Juan Empreendimentos Imobiliários Ltda Rua Misael Pedreira da Silva No. 48/305 - Santa Lucia, Vitória-ES / Projetistas Projeto Arquitetônico Projeto de Fundações Regina Morandi Av. Américo Buaiz 501 /913 - Ed. Vitória Office Power, Torre Norte, Vitória-ES / / MCA R. Aleixo Neto, 1054, sala 202, Praia do Canto, Vitória-ES / Página 4 de 22

5 Caracterização da Obra Versão Projeto Estrutural Projeto de Instalações Projeto de Alvenaria MCA R. Aleixo Neto, 1054, sala 202, Praia do Canto / Of. Caran - Projetos, Consultoria e Planejamento Av. Getúlio Vargas 269, Ibiraçu -Vitória-ES (27) / Arq. Nanci Cruz - Pro Engenharia e Arquitetura ltda. Rua Prof. Jones, 1.525, Linhares - ES (27) / Subempreiteiros Empreiteiro de Alvenaria Fornecedores Blocos Argamassa Aço e telas Belgo Mineira Av. Leopoldina, 9 Vasco da Gama, Cariacica-ES Pré-moldados Controle tecnológico Brascontec -Eng. E Tecnologia Ltda Rua Eduardo ible, n.15, Bairro de Fátima, Vitória-Es (27) / Página 5 de 22

6 Caracterização da Obra Versão Consultores Aditivos Consultor de Consultor de Outras Informações Dados Gerais Informações Data Lia Pompéia Faria Gaede 30/nov/05 Página 6 de 22

7 Versão AV Ficha Técnica (Esta ficha é preenchida automaticamente com as informações do documento "Caracterização da Obra"). Obra da obra Endereço Isla Bonita Rua Constante Sodré, No. 11, Praia do Canto, Vitória-ES Tipo de Empreendimento Residencial Comercial Institucional Outro (descrever) Padrão de Acabamento Alto Médio Popular Dados Número de Torres 1 Número de Pavimentos Tipo 15 Total 24 Áreas 275,38 m 2 por pavimento tipo 7.143,77 m 2 total de lajes 9.363,51 m 2 total de alvenaria Tipo de Fundação Tipologia da Estrutura Sistema de Vedações Externa Outro (descrever) Hélice contínua Estaca Strauss Estaca Franki Estaca Ômega Estaca Raiz Tubulão Sapata (direta) Reticulada vigada Plana com vigas de bordo Plana sem vigas de bordo Plana nervurada com vigas de bordo Plana nervurada sem vigas de bordo Plana protendida com vigas de bordo Plana protendida sem vigas de bordo Pré-moldada Alvenaria de blocos cerâmicos Alvenaria de blocos de concreto Blocos de concreto celular autoclavado Interna Alvenaria de blocos cerâmicos Alvenaria de blocos de concreto Página 13 de 22

8 Versão AV Outro (descrever) Ficha Técnica Blocos de concreto celular autoclavado Gesso acartonado (dry-wall ) Encunhamento lateral Outro (descrever) Ferro "cabelo" no pilar Telas chumbadas no pilar Chapisco na face do pilar Encunhamento superior Tijolos cerâmicos maciços Cunhas de concreto pré-moldadas Argamassa expansiva Argamassa plástica Espuma PU Outro (descrever) Argamassa Podre Construção Incorporação Aberturas Outro (descrever) Projetistas Projeto Arquitetônico Projeto de Fundações Projeto Estrutural Projeto de Instalações Projeto de Alvenaria Subempreiteiros Empreiteiro de Alvenaria Fornecedores Blocos Argamassa Aço e telas Pré-moldados Controle tecnológico Aditivos Consultores Vergas e contravergas em canaletas Vergas e contravergas pré-moldadas Contramarcos pré-moldados San Juan Empreendimentos Imobiliários Ltda. San Juan Empreendimentos Imobiliários Ltda Regina Morandi MCA MCA Of. Caran - Projetos, Consultoria e Planejamento Arq. Nanci Cruz - Pro Engenharia e Arquitetura ltda. Belgo Mineira Brascontec -Eng. E Tecnologia Ltda Página 14 de 22

9 Versão Polo: Obra: Construtora: Data: VITÓRIA - ES Edifício Isla Bonita SAN JUAN 1/dez/05 Matriz de Avaliação Critérios para notas: 0 a 2 atividade não executada ou executada sem critério 2,1 a 4 atende razoavelmente os parâmetros 4,1 a 5 supera os parâmetros QUALITATIVOS Atividade controlada Indicadores Nota 0 a 5 Total PROJETO 1. Compatibilização de projeto Atual SIM 3 24 Indicador de referência SIM ou NÃO Meta SIM 4,5 36 Peso 8 Realizado 0 2. Racionalização do projeto Atual NÃO 2,5 20 Indicador de referência SIM ou NÃO Meta SIM 4,5 36 Peso 8 Realizado 0 3. Projetos de alvenaria Atual NÃO 2 20 Indicador de referência SIM ou NÃO Meta SIM 4 40 Peso 10 Realizado 0 PLANEJAMENTO 4. Cronograma da obra Atual SIM 2,1 8,4 Indicador de referência SIM ou NÃO Meta SIM 4,1 16,4 Peso 4 Realizado 0 EECUÇÃO 5. Análise das condições de início dos serviços Atual SIM 4 20 Indicador de referência SIM ou NÃO Meta SIM 4,5 22,5 Peso 5 Realizado 0 6. Encunhamento lateral Atual SIM 4 16 Indicador de referência SIM ou NÃO Meta SIM 4,5 18 Peso 4 Realizado 0 7. Prumo da alvenaria Atual SIM 4 20 Indicador de referência VIDE MANUAL Meta SIM 4,5 22,5 Peso 5 Realizado 0 QUALIDADE 8. Controle dos materiais Atual SIM 4 12 Indicador de referência SIM ou NÃO Meta SIM 4,5 13,5 Peso 3 Realizado 0 9. Rastreabilidade Atual NÃO 3,5 10,5 Indicador de referência SIM ou NÃO Meta NÃO 3,5 10,5 Peso 3 Realizado 0 Página 15 de 22

10 Versão Polo: Obra: Construtora: Data: VITÓRIA - ES Edifício Isla Bonita SAN JUAN 1/dez/05 Matriz de Avaliação Critérios para notas: 0 a 2 atividade não executada ou executada sem critério 2,1 a 4 atende razoavelmente os parâmetros 4,1 a 5 supera os parâmetros QUANTITATIVOS Atividade controlada Indicadores Nota 0 a 5 Nota CUSTO 10. Custo da alvenaria Atual 2,5 25 Indicador de referência VIDE MANUAL Meta 3,5 35 Peso 10 Realizado Custo do material básico - blocos Atual 2,5 20 Indicador de referência VIDE MANUAL Meta 3,5 28 Peso 8 Realizado 0 PRODUTIVIDADE 12. Alvenaria (hh trabalhada) Atual 2,5 25 Indicador de referência VIDE MANUAL Meta 4,5 45 Peso 10 Realizado 0 CONSUMO 13. Consumo de materiais Atual 2,5 20 Indicador de referência VIDE MANUAL Meta 4,5 36 Peso 8 Realizado Consumo de argamassa Atual 2,5 20 Indicador de referência VIDE MANUAL Meta 4,5 36 Peso 8 Realizado 0 DURABILIDADE 15. Ensaios tecnológicos Atual 4 24 Indicador de referência SIM ou NÃO Meta 4 24 Peso 6 Realizado 0 DESEMPENHO GERAL Indicadores Máximo Atual Meta Realizado QUALITATIVOS 50 30,2 43,1 0 QUANTITATIVOS 50 22,8 33,6 0 TOTAIS 1 52,98 76,68 0 Página 16 de 22

11 Polo: Obra: Construtora: Data: VITÓRIA - ES Edifício Isla Bonita SAN JUAN 1/dez/05 ANÁLISE DA MATRIZ DE AVALIAÇÃO GRUPO MÁ. ATUAL META INCREMENTO Qualitativos Projeto 130,0 64,0 112,0 75,0% Planejamento 20,0 8,4 16,4 95,2% Execução 70,0 56,0 63,0 12,5% Qualidade 30,0 22,5 24,0 6,7% Sub Total 50,0 30,2 43,1 42,7% Quantitativos Custo 90,0 45,0 63,0 40,0% Produtividade 50,0 25,0 45,0 80,0% Consumo 80,0 40,0 72,0 80,0% Durabilidade 30,0 24,0 24,0 Sub Total 50,0 26,8 40,8 52,2% TOTAL 1,0 57,0 83,9 47,2% Incremento de Desempenho por Grupo Projeto Planejamento Execução Grupo Qualidade Custo Produtividade Consumo Durabilidade 0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 1% Incremento Incremento Médio = 47,2%

12 Programa de Melhoria de Desempenho - Alvenaria de Vedação Pontos de Melhorias Pólo VITÓRIA - ES Obra Edifício Isla Bonita Construtora SAN JUAN Data 1/dez/05 Pontos de Pontos de Avaliação Melhorias (assinalar) A Projeto 1 Compatibilização de projeto 2 Racionalização de projeto 3 Projetos de Alvenaria B Planejamento 4 Cronograma de obra C Execução 5 Análise das condições de início dos serviços 6 Encunhamento lateral 7 Prumo de alvenaria 8 Encunhamento superior D Qualidade 9 Controle dos materiais 10 Rastreabilidade E Custos 11 Custo da Alvenaria 12 Custo do material básico - blocos F Produtividade 13 Alvenaria (hh trabalhada) G Consumo 14 Consumo de materiais 15 Consumo de argamassa H Durabilidade 16 Ensaios tecnológicos

PROJETOS EM ALVENARIA ESTRUTURAL: MODULAÇÃO E COMPATIBILIZAÇÃO

PROJETOS EM ALVENARIA ESTRUTURAL: MODULAÇÃO E COMPATIBILIZAÇÃO PROJETOS EM ALVENARIA ESTRUTURAL: MODULAÇÃO E COMPATIBILIZAÇÃO PRINCIPÍOS BÁSICOS PARA PROJETOS/ MODULAÇÃO E COMPATIBILIZAÇÃO EM ALVENARIA ESTRUTURAL EM BLOCOS DE CONCRETO ARQUITETA NANCI CRUZ MODULAÇÃO

Leia mais

Ganhos na Implantação de Projeto de Revestimento de Fachadas. São Paulo, 29/08/12

Ganhos na Implantação de Projeto de Revestimento de Fachadas. São Paulo, 29/08/12 Ganhos na Implantação de Projeto de Revestimento de Fachadas São Paulo, 29/08/12 HISTÓRICO DA LORENGE S.A. A Empresa fez 32 anos de existência em Janeiro/12; Empresa familiar com 6 sócios; Missão Empreender

Leia mais

KEPLER ROCHA PASCOAL Engenheiro Civil 98-8833-6064 - kepler@franere.com.br

KEPLER ROCHA PASCOAL Engenheiro Civil 98-8833-6064 - kepler@franere.com.br VIABILIDADE TÉCNICA E ECONÔMICA DA ALVENARIA ESTRUTURAL COM BLOCOS DE CONCRETO 2a. parte: ECONÔMICA-ESTUDO DE CASO KEPLER ROCHA PASCOAL Engenheiro Civil 98-8833-6064 - kepler@franere.com.br UNIVERSIDADE

Leia mais

VIABILIDADE E RESULTADOS OBTIDOS COM O USO DO BLOCO DE CONCRETO EM ALVENARIA DE VEDAÇÃO - Construtora Dacaza. Elaine Valentim

VIABILIDADE E RESULTADOS OBTIDOS COM O USO DO BLOCO DE CONCRETO EM ALVENARIA DE VEDAÇÃO - Construtora Dacaza. Elaine Valentim VIABILIDADE E RESULTADOS OBTIDOS COM O USO DO BLOCO DE CONCRETO EM ALVENARIA DE VEDAÇÃO - Construtora Dacaza Elaine Valentim CONSTRUTORA DACAZA CENÁRIO - 2005 Mais de 20 anos no mercado; Focada na qualidade

Leia mais

Estudo de caso. Revestimento de fachada. Edifício Royal Light. Lorenge Empreendimentos Imobiliários Ltda

Estudo de caso. Revestimento de fachada. Edifício Royal Light. Lorenge Empreendimentos Imobiliários Ltda Estudo de caso Revestimento de fachada Edifício Royal Light Lorenge Empreendimentos Imobiliários Ltda 2004 /2005 APRESENTAÇÃO O Edifício Royal Light, obra da construtora Lorenge, integra o Programa de

Leia mais

MELHORES PRÁTICAS DE EXECUÇÃO DA ALVENARIA DE VEDAÇÃO. Prof. Dr. Alberto Casado Lordsleem Jr. acasado@poli.br

MELHORES PRÁTICAS DE EXECUÇÃO DA ALVENARIA DE VEDAÇÃO. Prof. Dr. Alberto Casado Lordsleem Jr. acasado@poli.br MELHORES PRÁTICAS DE EXECUÇÃO DA ALVENARIA DE VEDAÇÃO Prof. Dr. Alberto Casado Lordsleem Jr. acasado@poli.br HABILIDADE? SORTE? ou... BIZARRO? IMPENSÁVEL? Importância Econômica DÁ PARA ACREDITAR QUE UMA

Leia mais

TEC 159 TECNOLOGIA DAS CONSTRUÇÕES I

TEC 159 TECNOLOGIA DAS CONSTRUÇÕES I TEC 159 TECNOLOGIA DAS CONSTRUÇÕES I Aula 9 Fundações Parte 1 Cristóvão C. C. Cordeiro O que são? São elementos estruturais cuja função é a transferência de cargas da estrutura para a camada resistente

Leia mais

PATOLOGIA DAS CONSTRUÇÕES: ALVENARIAS

PATOLOGIA DAS CONSTRUÇÕES: ALVENARIAS PATOLOGIA DAS CONSTRUÇÕES: ALVENARIAS IV SEASC: Semana da Engenharia,Arquitetura e Agronomia de São Carlos. Arq. Carlos Alberto Tauil Métrica Consultoria Outubro /2010 FUNÇÃO DAS ALVENARIAS NOS EDIFÍCIOS:

Leia mais

Aula 4 : Desenho de Estruturas

Aula 4 : Desenho de Estruturas Aula 4 : Desenho de Estruturas Índice: UNIDADE 4 DESENHO DE ESTRUTURAS 4.1 Introdução; Fundações: - São elementos estruturais cuja função é a transferência de cargas da estrutura para a camada resistente

Leia mais

VIABILIDADE TÉCNICA E ECONÔMICA DA ALVENARIA ESTRUTURAL COM BLOCOS DE CONCRETO

VIABILIDADE TÉCNICA E ECONÔMICA DA ALVENARIA ESTRUTURAL COM BLOCOS DE CONCRETO VIABILIDADE TÉCNICA E ECONÔMICA DA ALVENARIA ESTRUTURAL COM BLOCOS DE CONCRETO 1a. parte: TÉCNICA Engenheiro Civil - Ph.D. 85-3244-3939 9982-4969 la99824969@yahoo.com.br skipe: la99824969 de que alvenaria

Leia mais

Paredes Maciças as de Concreto

Paredes Maciças as de Concreto Escola Politécnica Universidade Federal da Bahia Tecnologia da Construção Civil AULA 4B Paredes Maciças as de Concreto Prof. Dr. Luiz Sergio Franco Escola Politécnica da USP Dep. de Engenharia de Construção

Leia mais

NOÇÕES DE ESTRUTURAS. Prof. Roberto Monteiro de Barros Filho. jul. 2014

NOÇÕES DE ESTRUTURAS. Prof. Roberto Monteiro de Barros Filho. jul. 2014 NOÇÕES DE ESTRUTURAS jul. 2014 Carregamento Estruturas - Princípio laje viga pilar fundação Os esforço sobre as lajes são distribuídos nas vigas, que descarregam nos pilares e consequentemente na fundação.

Leia mais

ALVENARIA EXECUÇÃO. Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 7º Período Turma A01 Disc. Construção Civil I

ALVENARIA EXECUÇÃO. Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 7º Período Turma A01 Disc. Construção Civil I ALVENARIA EXECUÇÃO Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 7º Período Turma A01 Disc. Construção Civil I ALVENARIA CONDIÇÕES DE INÍCIO Vigas baldrames impermeabilizadas e niveladas,

Leia mais

200888 Técnicas das Construções I FUNDAÇÕES. Prof. Carlos Eduardo Troccoli Pastana pastana@projeta.com.br (14) 3422-4244 AULA 3

200888 Técnicas das Construções I FUNDAÇÕES. Prof. Carlos Eduardo Troccoli Pastana pastana@projeta.com.br (14) 3422-4244 AULA 3 200888 Técnicas das Construções I FUNDAÇÕES Prof. Carlos Eduardo Troccoli Pastana pastana@projeta.com.br (14) 3422-4244 AULA 3 O que são?: São elementos estruturais cuja função é a transferência de cargas

Leia mais

Profª. Angela A. de Souza DESENHO DE ESTRUTURAS

Profª. Angela A. de Souza DESENHO DE ESTRUTURAS DESENHO DE ESTRUTURAS INTRODUÇÃO A estrutura de concreto armado é resultado da combinação entre o concreto e o aço. Porém, para a sua execução, não é suficiente apenas a presença desses dois materiais;

Leia mais

Eng. Paulo Sanchez Diretor da Sinco Engenharia Ltda. Caso Sinco na Implantação do BIM

Eng. Paulo Sanchez Diretor da Sinco Engenharia Ltda. Caso Sinco na Implantação do BIM Eng. Paulo Sanchez Diretor da Sinco Engenharia Ltda. Caso Sinco na Implantação do BIM BIM SINCO IMPLANTAÇÃO BIM CASOS DE SUCESSO SINCO BIM PROCESSO INTEGRADO Sinco Empresa 26 Anos no mercado da construção

Leia mais

Contato: tel.: (11) 3456-9505 / (11) 97682-8675 arquitetacristina.mb@gmail.com

Contato: tel.: (11) 3456-9505 / (11) 97682-8675 arquitetacristina.mb@gmail.com Contato: tel.: (11) 3456-9505 / (11) 97682-8675 arquitetacristina.mb@gmail.com DADOS PESSOAIS: Nacionalidade: Brasileira Nascida em: 05/03/1990 Estado Civil: Casada Endereço: Rua Rubens Coelho de Godói

Leia mais

poder de compra x custo da construção poder de compra:

poder de compra x custo da construção poder de compra: w ALVENARIA ESTRUTURAL COM BLOCOS DE CONCRETO poder de compra x custo da construção poder de compra: - Conceito Geral - Engenheiro Civil - Ph.D. (85)3244-3939 (85)9982-4969 luisalberto1@terra.com.br custo

Leia mais

ANALISE DA INFLUÊNCIA DE DIFERENTES SISTEMAS DE VEDAÇÃO VERTICAL NO CUSTO FINAL DE UMA ESTRUTURA EM CONCRETO ARMADO

ANALISE DA INFLUÊNCIA DE DIFERENTES SISTEMAS DE VEDAÇÃO VERTICAL NO CUSTO FINAL DE UMA ESTRUTURA EM CONCRETO ARMADO Artigo submetido ao Curso de Engenharia Civil da UNESC - Como requisito parcial para obtenção do Título de Engenheiro Civil ANALISE DA INFLUÊNCIA DE DIFERENTES SISTEMAS DE VEDAÇÃO VERTICAL NO CUSTO FINAL

Leia mais

IMPLEMENTAÇÃO DE INDICADORES DE PRODUTIVIDADE E PERDAS PARA PROCESSOS CONSTRUTIVOS À BASE DE CIMENTO EM SALVADOR. Prof. Dayana Bastos Costa, UFBA

IMPLEMENTAÇÃO DE INDICADORES DE PRODUTIVIDADE E PERDAS PARA PROCESSOS CONSTRUTIVOS À BASE DE CIMENTO EM SALVADOR. Prof. Dayana Bastos Costa, UFBA IMPLEMENTAÇÃO DE INDICADORES DE PRODUTIVIDADE E PERDAS PARA PROCESSOS CONSTRUTIVOS À BASE DE CIMENTO EM SALVADOR Prof. Dayana Bastos Costa, UFBA Por que medir produtividade e perdas? Brasil vive descasamento

Leia mais

Projeto Arquitetônico: AUTORA: Arq. Eneida Aparecida da Silva AUTOR: Arq. Ronaldo José da Silva CREA-GO 14923/D

Projeto Arquitetônico: AUTORA: Arq. Eneida Aparecida da Silva AUTOR: Arq. Ronaldo José da Silva CREA-GO 14923/D MEMORIAL DESCRITIVO INFORMAÇÕES GERAIS Nome do empreendimento: Residencial Villaggio Amazonas Realização, Construção e Incorporação: SERCA CONSTRUTORA LTDA. Endereço do empreendimento: Rua Uirapuru, quadra

Leia mais

DESENHO E ARQUITETURA COBERTURA E NOÇÕES DE ESTRUTURA

DESENHO E ARQUITETURA COBERTURA E NOÇÕES DE ESTRUTURA CURSO TÉCNICO EM TRANSAÇÕES IMOBILIÁRIAS DESENHO E ARQUITETURA COBERTURA E NOÇÕES DE ESTRUTURA Elisa Furian elisafurian@outlook.com COBERTURAS Constituem estruturas de múltipla função que tem por objetivo:

Leia mais

Projeto Arquitetônico: AUTOR: Arq. Lilian Camargo Ferreira de Godoy CREA GO 1352/D

Projeto Arquitetônico: AUTOR: Arq. Lilian Camargo Ferreira de Godoy CREA GO 1352/D MEMORIAL DESCRITIVO INFORMAÇÕES GERAIS Nome do empreendimento: Residencial Jardim das Tulipas Incorporação: SC Parque Oeste Industrial Residence SPE LTDA. Realização e Construção: SERCA CONSTRUTORA LTDA.

Leia mais

MÁXIME CONSULTORIA E ENGENHARIA LTDA PORTFÓLIO

MÁXIME CONSULTORIA E ENGENHARIA LTDA PORTFÓLIO MÁXIME CONSULTORIA E ENGENHARIA LTDA PORTFÓLIO PORTFÓLIO Prefácio A Máxime Consultoria e Engenharia foi fundada em 2004 pelos engenheiros e mestres em construção civil pela POLI/USP, Maurício Marques Resende

Leia mais

PRÉ-MOLD RM PRÉ-MOLD RM PRÉ-MOLD RM PRÉ-MOLD RM

PRÉ-MOLD RM PRÉ-MOLD RM PRÉ-MOLD RM PRÉ-MOLD RM Com mais de 20 anos de experiência na fabricação de pré-moldados em concreto, a PRÉ-MOLD RM oferece uma completa linha de produtos para a dinamização de sua obra. Laje Treliçada Bidirecional; Laje Treliçada

Leia mais

RELATÓRIO GERENCIAL TRIMESTRAL 004 JUNHO/15

RELATÓRIO GERENCIAL TRIMESTRAL 004 JUNHO/15 RELATÓRIO GERENCIAL TRIMESTRAL 004 JUNHO/15 Relatório Gerencial Trimestral elaborado por: Leandro Toré de Castro Diretor de Contrato 61 3878 4718 ltcastro@odebrecht.com Thiago Galvão Diretor de Contrato

Leia mais

A concepção estrutural deve levar em conta a finalidade da edificação e atender, tanto quanto possível, às condições impostas pela arquitetura.

A concepção estrutural deve levar em conta a finalidade da edificação e atender, tanto quanto possível, às condições impostas pela arquitetura. ESTRUTURAS DE CONCRETO CAPÍTULO 4 Libânio M. Pinheiro, Cassiane D. Muzardo, Sandro P. Santos 2 de abril, 2003. CONCEPÇÃO ESTRUTURAL A concepção estrutural, ou simplesmente estruturação, também chamada

Leia mais

TIPOS DE ESTRUTURAS. Prof. Marco Pádua

TIPOS DE ESTRUTURAS. Prof. Marco Pádua TIPOS DE ESTRUTURAS Prof. Marco Pádua A função da estrutura é transmitir para o solo a carga da edificação. Esta carga compõe-se de: peso próprio da estrutura, cobertura, paredes, esquadrias, revestimentos,

Leia mais

EXERCÍCIO PROJETO DO CANTEIRO DE OBRAS DE EDIFÍCIOS

EXERCÍCIO PROJETO DO CANTEIRO DE OBRAS DE EDIFÍCIOS EXERCÍCIO PROJETO DO CANTEIRO DE OBRAS DE EDIFÍCIOS Você foi incumbido do planejamento da execução do edifício habitacional, constituído por um subsolo, um pavimento térreo e oito pavimentos tipo, com

Leia mais

Execução de Alvenaria - Elevação

Execução de Alvenaria - Elevação PRÁTICA RECOMENDADA PR - 5 Execução de Alvenaria - Elevação A metodologia proposta para a execução da alvenaria alterou significativamente a seqüência do serviço na etapa de marcação das paredes. Nenhum

Leia mais

DE PROJETOS. Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 7º Período Turma A01 Disc. Construção Civil I

DE PROJETOS. Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 7º Período Turma A01 Disc. Construção Civil I DE PROJETOS Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 7º Período Turma A01 Disc. Construção Civil I PROJETO Atividade ou serviço integrante do processo de produção, responsável pelo desenvolvimento,

Leia mais

ESTADO DE MATO GROSSO SECRETARIA DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MATO GROSSO CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE SINOP DEPARTAMENTO DE

ESTADO DE MATO GROSSO SECRETARIA DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MATO GROSSO CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE SINOP DEPARTAMENTO DE ESTADO DE MATO GROSSO SECRETARIA DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MATO GROSSO CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE SINOP DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA CIVIL PROJETO DE FUNDAÇÕES Todo projeto de fundações

Leia mais

PROGRAMA MINHA CASA MINHA VIDA

PROGRAMA MINHA CASA MINHA VIDA Parede de Concreto 29/04/2015 1 PROGRAMA MINHA CASA MINHA VIDA OBJETIVO - reduzir o déficit habitacional 2009 MCMV Início do Programa 2010 MCMV I 1.000.000 de unid. contratadas 2011/14 MCMV II 2.400.000

Leia mais

Bairro Novo: Sistema Construtivo em Paredes de Concreto.

Bairro Novo: Sistema Construtivo em Paredes de Concreto. Bairro Novo: Sistema Construtivo em Paredes de Concreto. 1 Escolha do Sistema Construtivo Sistema construtivo com foco nas seguintes características: Alta produtividade Baixo custo de construção Redução

Leia mais

SONDAGENS Escolha de solução para fundação e contenção FUNDAÇÕES Palestrantes

SONDAGENS Escolha de solução para fundação e contenção FUNDAÇÕES Palestrantes SONDAGENS Escolha de solução para fundação e contenção FUNDAÇÕES Palestrantes Engº José Luiz de Paula Eduardo Engº Roberto Nahas I - ESCOLHA DO TIPO DE FUNDAÇÃO I - ESCOLHA DO TIPO DE FUNDAÇÃO 1.Elementos

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO O

MEMORIAL DESCRITIVO O MEMORIAL DESCRITIVO O presente memorial tem por objetivo estabelecer requisitos técnicos, definir materiais e padronizar os projetos e execuções da obra localizada na Rua Jorge Marcelino Coelho, s/n, Bairro

Leia mais

Relatório de Estágio Curricular. Rafael Menezes Albuquerque

Relatório de Estágio Curricular. Rafael Menezes Albuquerque Instituto Tecnológico de Aeronáutica Divisão de Engenharia de Infra-Estrutura Aeronáutica Relatório de Estágio Curricular Rafael Menezes Albuquerque São José dos Campos Novembro2005 Relatório de Estágio

Leia mais

Alvenaria racionalizada

Alvenaria racionalizada Como construir Alvenaria racionalizada A alvenaria de vedação pode ser definida como a alvenaria que não é dimensionada para resistir a ações além de seu próprio peso. O subsistema vedação vertical é responsável

Leia mais

ÍNDICE DO LIVRO CÁLCULO E DESENHO DE CONCRETO ARMADO autoria de Roberto Magnani SUMÁRIO LAJES

ÍNDICE DO LIVRO CÁLCULO E DESENHO DE CONCRETO ARMADO autoria de Roberto Magnani SUMÁRIO LAJES ÍNDICE DO LIVRO CÁLCULO E DESENHO DE CONCRETO ARMADO autoria de Roberto Magnani SUMÁRIO LAJES 2. VINCULAÇÕES DAS LAJES 3. CARREGAMENTOS DAS LAJES 3.1- Classificação das lajes retangulares 3.2- Cargas acidentais

Leia mais

NBR 15.575 - UMA NOVA FERRAMENTA PARA A QUALIDADE ACÚSTICA NAS EDIFICAÇÕES.

NBR 15.575 - UMA NOVA FERRAMENTA PARA A QUALIDADE ACÚSTICA NAS EDIFICAÇÕES. NBR 15.575 - UMA NOVA FERRAMENTA PARA A QUALIDADE ACÚSTICA NAS EDIFICAÇÕES. Arq. Cândida Maciel Síntese Arquitetura 61-34685613 candida@sintesearquitetura.com.br NBR 15575- EDIFÍCIOS HABITACIONAIS DE ATÉ

Leia mais

ENGENHEIRO CIVIL COORDENADOR DE OBRAS - ENGENHEIRO DE SEGURANÇA DO TRABALHO

ENGENHEIRO CIVIL COORDENADOR DE OBRAS - ENGENHEIRO DE SEGURANÇA DO TRABALHO ALEX SANDRO BORGES RODRIGUES ZAPAROLLI Brasileiro 35 anos Casado - Natural: Rio Grande Rio Grande do Sul Rua Capitão Tenente Maris de Barros, nº 313, torre: B, apto 202 Portão - Curitiba - PR Fones: (41)

Leia mais

PAULUZZI BLOCOS CERÂMICOS

PAULUZZI BLOCOS CERÂMICOS Conheça a PAULUZZI BLOCOS CERÂMICOS Mais de 80 anos de experiência O imigrante italiano Giovanni Pauluzzi e seus filhos Theo e Ferrucio construíram a primeira unidade da empresa em 1928, especializada

Leia mais

Alvenaria de Blocos de Concreto

Alvenaria de Blocos de Concreto Alvenaria de Blocos de Concreto Recomendações Gerais Av. Verbo Divino Nº 331 Bairro: Chácara Da Cotia Contagem - MG Tel.: 3394-6104 Conceitos Gerais O que é Alvenaria Estrutural? Alvenaria estrutural é

Leia mais

PAINÉIS DE MADEIRA REVESTIDOS COM ARGAMASSA EPÓXICA FICHA CATALOGRÁFICA-9 DATA: MAIO/2011.

PAINÉIS DE MADEIRA REVESTIDOS COM ARGAMASSA EPÓXICA FICHA CATALOGRÁFICA-9 DATA: MAIO/2011. Tecnologias, sistemas construtivos e tipologias para habitações de interesse social em reassentamentos. PAINÉIS DE MADEIRA REVESTIDOS COM ARGAMASSA EPÓXICA FICHA CATALOGRÁFICA-9 DATA: MAIO/2011. Tecnologias,

Leia mais

PASTA DO ENGENHEIRO 2009 VOLUME I

PASTA DO ENGENHEIRO 2009 VOLUME I PASTA DO ENGENHEIRO 2009 VOLUME I Nota: dependendo da definição de vídeo do usuário, as telas poderão se apresentar ligeiramente diferentes (altura e largura) das aqui apresentadas que foram capturadas

Leia mais

Produtividade da mão de obra do setor de construção no Brasil 100

Produtividade da mão de obra do setor de construção no Brasil 100 O QUE O EXECUTIVO DEVE PERSEGUIR NO SISTEMA CONSTRUTIVO INTERVENÇÕES PARA RESULTADOS DE CURTO PRAZO Produtividade da mão de obra do setor de construção no Brasil 1 32 EUA (Houston) BR (São Paulo) Fonte:Entrevistas,

Leia mais

2 DESCRIÇÃO DO LOCAL. Figura 1 Edifício Philadélphia

2 DESCRIÇÃO DO LOCAL. Figura 1 Edifício Philadélphia 4 1 INTRODUÇÃO Esse relatório tem como objetivo apresentar as atividades desenvolvidas pelo acadêmico Joel Rubens da Silva Filho no período do estágio obrigatório para conclusão do curso de Engenharia

Leia mais

ALVENARIA ESTRUTURAL

ALVENARIA ESTRUTURAL Alvenaria Ministério Estruturalda Educação 17:52 Universidade Federal do Paraná Setor de Tecnologia Construção Civil II ( TC-025) Prof. José de Almendra Freitas Jr. freitasjose@terra.com.br Versão 2013

Leia mais

PROBLEMAS ENCONTRADOS EM OBRAS DEVIDO ÀS FALHAS NO PROCESSO DE PROJETO: VISÃO DO ENGENHEIRO DE OBRA.

PROBLEMAS ENCONTRADOS EM OBRAS DEVIDO ÀS FALHAS NO PROCESSO DE PROJETO: VISÃO DO ENGENHEIRO DE OBRA. PROBLEMAS ENCONTRADOS EM OBRAS DEVIDO ÀS FALHAS NO PROCESSO DE PROJETO: VISÃO DO ENGENHEIRO DE OBRA. Jacson Carlos da SILVEIRA Graduando de Engenharia Civil, Universidade Federal do Ceará, Rua Braz de

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO. 2.0 - Calçadas Externas/rampa/escada:

MEMORIAL DESCRITIVO. 2.0 - Calçadas Externas/rampa/escada: PROJETO Nº 051/2013 Solicitação: Memorial Descritivo Tipo da Obra: Reforma, ampliação e adequação acesso Posto de Saúde Santa Rita Área existente: 146,95 m² Área ampliar: 7,00 m² Área calçadas e passeio:

Leia mais

Oferece soluções de engenharia viáveis tecnicamente que proporcionam maior economia e flexibilidade no cronograma.

Oferece soluções de engenharia viáveis tecnicamente que proporcionam maior economia e flexibilidade no cronograma. A mais de 20 anos no mercado, a Econômica Engenharia atua no mercado da construção com PROJETOS, PLANEJAMENTOS E GERENCIAMENTOS de obras residenciais, comerciais e industriais. Tem como principal objetivo

Leia mais

CURRICULUM VITAE. Engenheiro Civil, formado pela Escola de Engenharia da Universidade Mackenzie ano 1962.

CURRICULUM VITAE. Engenheiro Civil, formado pela Escola de Engenharia da Universidade Mackenzie ano 1962. CURRICULUM VITAE DADOS PESSOAIS Franco Pagani CREA: 0600.159.020 FORMAÇÃO ACADÊMICA: Engenheiro Civil, formado pela Escola de Engenharia da Universidade Mackenzie ano 1962. Engenheiro Segurança do Trabalho

Leia mais

TUPER ESTRUTURAS PLANAS

TUPER ESTRUTURAS PLANAS TUPER ESTRUTURAS PLANAS LAJES MISTAS NERVURADAS Soluções estruturais e arquitetônicas em aço, traduzidas em estética, conforto, segurança e versatilidade. Catálogo destinado ao pré-lançamento do produto.

Leia mais

O QUE É ALVENARIA ESTRUTURAL? ALVENARIA ESTRUTURAL O QUE É ALVENARIA ESTRUTURAL? Conceituação: O QUE É ALVENARIA ESTRUTURAL?

O QUE É ALVENARIA ESTRUTURAL? ALVENARIA ESTRUTURAL O QUE É ALVENARIA ESTRUTURAL? Conceituação: O QUE É ALVENARIA ESTRUTURAL? Escola Politécnica Universidade Federal da Bahia Tecnologia da Construção Civil O QUE É ALVENARIA ESTRUTURAL? AULA 5 ALVENARIA ESTRUTURAL Prof. Dr. Luiz Sérgio Franco PREDIO COM BLOCO DE VEDAÇÃO MACEIO

Leia mais

ES015 - Projeto de Estruturas Assistido por Computador: Cálculo e Detalhamento

ES015 - Projeto de Estruturas Assistido por Computador: Cálculo e Detalhamento Escola Politécnica da Universidade de São Paulo Departamento de Engenharia de Estruturas e Fundações ES015 - Projeto de Estruturas Assistido por Computador: Cálculo e Detalhamento Prof. Túlio Nogueira

Leia mais

Residencial Recanto do Horizonte

Residencial Recanto do Horizonte MEMORIAL DESCRITIVO Residencial Recanto do Horizonte FUNDAÇÃO E ESTRUTURA As Fundações serão executadas de acordo com o projeto estrutural, elaborado de acordo com as normas técnicas pertinentes e baseadas

Leia mais

LOGÍSTICA DE OBRAS. Eng. GUILHERME COELHO DE ANDRADE

LOGÍSTICA DE OBRAS. Eng. GUILHERME COELHO DE ANDRADE LOGÍSTICA DE OBRAS Eng. GUILHERME COELHO DE ANDRADE Integração Sistêmica GESTÃO DA IMPLANTAÇÃO DO PROCESSO CONSTRUTIVO NA EMPRESA Parede Controles, Indicadores de desempenho Laje Organização lay-out, fluxo

Leia mais

PRIDE IPIRANGA RELATÓRIO DE ANDAMENTO DAS OBRAS CIVIS PERÍODO OUTUBRO DE 2015

PRIDE IPIRANGA RELATÓRIO DE ANDAMENTO DAS OBRAS CIVIS PERÍODO OUTUBRO DE 2015 PERÍODO OUTUBRO DE 2015 Andamento das Obras Execução dos barracões e Mobilização de canteiro de obras quantidade a executar 70% - quantidade acumulada ao final do período 70%; Durante o período executaremos

Leia mais

RESIDENCIAL MIRANTE DO PARQUE

RESIDENCIAL MIRANTE DO PARQUE RESIDENCIAL MIRANTE DO PARQUE 1 Estrutura Acabamento externo SUMÁRIO DO PROJETO TORRE 5: 100% executado 95% executado - Revestimento fachada; - 100% concluído - Aplicação de textura; - 95% concluído -

Leia mais

Portfólio CONSTRUTORA CASANOVA EMPREENDIMENTOS LTDA TELEFONE: 031 3473-5626 / 031 8368-1050 EMAIL: CASANOVA.EMPREENDIMENTOS@HOTMAIL.

Portfólio CONSTRUTORA CASANOVA EMPREENDIMENTOS LTDA TELEFONE: 031 3473-5626 / 031 8368-1050 EMAIL: CASANOVA.EMPREENDIMENTOS@HOTMAIL. Portfólio CONSTRUTORA CASANOVA EMPREENDIMENTOS LTDA Índice 2 Empresa... 03 Serviços...... 05 Projetos realizados... 07 Nossos Clientes... 13 Empresa QUEM SOMOS 3 A CONSTRUTORA CASA NOVA É UMA PRESTADORA

Leia mais

Autorizado pela Portaria nº 1.205 de 27/08/10 DOU Nº 166 de 30/08/10

Autorizado pela Portaria nº 1.205 de 27/08/10 DOU Nº 166 de 30/08/10 C U R S O D E A R Q U I T E T U R A E U R B A N I S M O Autorizado pela Portaria nº 1.205 de 27/08/10 DOU Nº 166 de 30/08/10 Componente Curricular: TÉCNICAS DE EDIFICAÇÕES II Código: ARQ 055 Pré-requisito:

Leia mais

TQSN EWS. Integração: Projeto Estrutural, Arquitetura, Geotecnia, Construção e Centrais de C&D com os Sistemas CAD/TQS - V12

TQSN EWS. Integração: Projeto Estrutural, Arquitetura, Geotecnia, Construção e Centrais de C&D com os Sistemas CAD/TQS - V12 Edição especial Dezembro de 2006 Integração: Projeto Estrutural, Arquitetura, Geotecnia, Construção e Centrais de C&D com os Sistemas CAD/TQS - V12 Prezados clientes, Com o processo acelerado da globalização

Leia mais

Curso: Gestão de Estruturas Racionalizadas de Concreto

Curso: Gestão de Estruturas Racionalizadas de Concreto COMUNIDADE DA CONSTRUÇÃO - SALVADOR Curso: Gestão de Estruturas Racionalizadas de Concreto Trabalho Final: Marcações e Execuções Racionalizadas em Estruturas de Concreto. COMUNIDADE DA CONSTRUÇÃO - SALVADOR

Leia mais

AULA INTRODUTÓRIA Gerson Moacyr Sisniegas Alva

AULA INTRODUTÓRIA Gerson Moacyr Sisniegas Alva UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA Departamento de Estruturas e Construção Civil ECC 1008 Estruturas de Concreto AULA INTRODUTÓRIA Gerson Moacyr Sisniegas Alva Elementos estruturais em edifícios de concreto

Leia mais

Elementos Estruturais de Concreto Armado

Elementos Estruturais de Concreto Armado UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO Escola de Minas DECIV Técnicas Construtivas Elementos Estruturais de Concreto Armado Prof. Guilherme Brigolini Elementos Estruturais de Concreto Armado Produção de

Leia mais

PADRONIZAÇÃO DE PAINÉIS EM LIGHT STEEL FRAME

PADRONIZAÇÃO DE PAINÉIS EM LIGHT STEEL FRAME PADRONIZAÇÃO DE PAINÉIS EM LIGHT STEEL FRAME ANITA OLIVEIRA LACERDA - anitalic@terra.com.br PEDRO AUGUSTO CESAR DE OLIVEIRA SÁ - pedrosa@npd.ufes.br 1. INTRODUÇÃO O Light Steel Frame (LSF) é um sistema

Leia mais

Integração entre PCP e Gestão de Custos: Curvas de Agregação de Recursos

Integração entre PCP e Gestão de Custos: Curvas de Agregação de Recursos Integração entre PCP e Gestão de Custos: Curvas de Agregação de Recursos Carlos T. Formoso Apresentação Técnica de planejamento e controle de obras: Reúne dados de orçamento e planejamento Utiliza dados

Leia mais

IGDITCC Importância da Gestão, do Desempenho e da Inovação Tecnológica na Construção Civil. Subsistema vedação vertical

IGDITCC Importância da Gestão, do Desempenho e da Inovação Tecnológica na Construção Civil. Subsistema vedação vertical PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA CIVIL Universidade de Pernambuco Escola Politécnica de Pernambuco IGDITCC Importância da Gestão, do Desempenho e da Inovação Tecnológica na Construção Civil Aula

Leia mais

Aços Longos. Soluções Lajes

Aços Longos. Soluções Lajes Aços Longos Soluções Lajes Soluções Lajes Dentre os desafios da engenharia civil, o sistema construtivo de lajes deve atender à eficiência estrutural, visando a soluções seguras, economicamente viáveis

Leia mais

RESIDENCIAL MIRANTE DO PARQUE

RESIDENCIAL MIRANTE DO PARQUE RESIDENCIAL MIRANTE DO PARQUE 1 Estrutura Acabamento externo: TORRE 5 100% executado 98% executado - Revestimento fachada; 100% concluído - Aplicação de textura; 100% concluído - Execução do telhado; 100%

Leia mais

TEC 159 TECNOLOGIA DAS CONSTRUÇÕES I

TEC 159 TECNOLOGIA DAS CONSTRUÇÕES I TEC 159 TECNOLOGIA DAS CONSTRUÇÕES I Aula 9 Fundações Cristóvão C. C. Cordeiro Fundações usuais em relação ao porte dos edifícios Pequenos edifícios (casas e sobrados) pequenas cargas Rasas Blocos e alicerces,

Leia mais

Belo Horizonte - MG Interface com Outros Subsistemas

Belo Horizonte - MG Interface com Outros Subsistemas Belo Horizonte - MG Interface com Outros Subsistemas 10/11/2009 Carlos Chaves LOG Gestão de Obras Subsistemas Deus está nos detalhes Mies van der Rohe (1886-1969) Pavilhão alemão na Feira Mundial de Barcelona

Leia mais

FATEC - SP Faculdade de Tecnologia de São Paulo. ESTACAS DE CONCRETO PARA FUNDAÇÕES - carga de trabalho e comprimento

FATEC - SP Faculdade de Tecnologia de São Paulo. ESTACAS DE CONCRETO PARA FUNDAÇÕES - carga de trabalho e comprimento FATEC - SP Faculdade de Tecnologia de São Paulo ESTACAS DE CONCRETO PARA FUNDAÇÕES - carga de trabalho e comprimento Prof. Manuel Vitor Curso - Edifícios ESTACAS PRÉ-MOLDADAS DE CONCRETO NBR 6122/1996

Leia mais

CIRURGIA DE CASAS. Guilherme Felipe. Nathali Padovani Pflex. Profª. Silke Kapp. dezembro 2010

CIRURGIA DE CASAS. Guilherme Felipe. Nathali Padovani Pflex. Profª. Silke Kapp. dezembro 2010 CIRURGIA DE CASAS Guilherme Felipe. Nathali Padovani Pflex. Profª. Silke Kapp. dezembro 2010 Entrevista com o cliente Quatro moradores: Cândida : 45 anos Petra: 22 anos Bárbara : 16 anos Gabriel: 2 anos,

Leia mais

Escola de Engenharia de São Carlos - Universidade de São Paulo Departamento de Engenharia de Estruturas. Alvenaria Estrutural.

Escola de Engenharia de São Carlos - Universidade de São Paulo Departamento de Engenharia de Estruturas. Alvenaria Estrutural. Alvenaria Estrutural Introdução CONCEITO ESTRUTURAL BÁSICO Tensões de compressão Alternativas para execução de vãos Peças em madeira ou pedra Arcos Arco simples Arco contraventado ASPECTOS HISTÓRICOS Sistema

Leia mais

! Locação precisa de todas as paredes; ! Abrir frente para grande produtividade. ! Preparar uma ligação adequada com a

! Locação precisa de todas as paredes; ! Abrir frente para grande produtividade. ! Preparar uma ligação adequada com a Escola Politécnica Universidade Federal da Bahia Tecnologia da Construção Civil AULA 3 ALVENARIAS: EXECUÇÃO, Prof. Dr. Luiz Sergio Franco Escola Politécnica da USP Dep. de Engenharia de Construção Civil

Leia mais

Execuções de Obras e Segurança no Trabalho

Execuções de Obras e Segurança no Trabalho Execuções de Obras e Segurança no Trabalho Revestimento cerâmico em Integrantes do Grupo: Domingos M. da S. Vicente Filho RA 086833 Rômulo Braga Salvador RA 089759 Danilo Nunes Cardoso RA 084401 Santos

Leia mais

TECNICAS CONSTRUTIVAS I

TECNICAS CONSTRUTIVAS I Curso Superior de Tecnologia em Construção de Edifícios TECNICAS CONSTRUTIVAS I Prof. Leandro Candido de Lemos Pinheiro leandro.pinheiro@riogrande.ifrs.edu.br FUNDAÇÕES Fundações em superfície: Rasa, Direta

Leia mais

O www.romanio.com.br

O www.romanio.com.br O www.romanio.com.br VANTAGENS Dispensa usos de compensados Simplifica armação Otimiza vãos de maior envergadura Racionaliza a construção de lajes nervuradas Nervuras tecnicamente dimensionadas, de modo

Leia mais

Concebendo para ser viável Arq a. Renata Semin

Concebendo para ser viável Arq a. Renata Semin Concebendo para ser viável Arq a. Renata Semin Agosto / Setembro / Outubro 2014 PROJETOS EM AÇO Linha do tempo de alguns dos projetos em estrutura metálica desenvolvido pelo escritório PROJETOS EM AÇO

Leia mais

Projeto estrutural de edifícios de alvenaria: decisões, desafios e impactos da nova norma de projeto

Projeto estrutural de edifícios de alvenaria: decisões, desafios e impactos da nova norma de projeto Projeto estrutural de edifícios de alvenaria: decisões, desafios e impactos da nova norma de projeto Prof. Associado Márcio Roberto Silva Corrêa Escola de Engenharia de São Carlos Universidade de São Paulo

Leia mais

O QUE SIGNIFICA RACIONALIZAR?

O QUE SIGNIFICA RACIONALIZAR? Escola Politécnica Universidade Federal da Bahia Tecnologia da Construção Civil AULA 3 ALVENARIAS: EXECUÇÃO, Prof. Dr. Luiz Sergio Franco Escola Politécnica da USP Dep. de Engenharia de Construção Civil

Leia mais

RECOMENDADA PRÁTICA PR - 4

RECOMENDADA PRÁTICA PR - 4 PRÁTICA RECOMENDADA PR - 4 Execução de Alvenaria - Marcação Sair do discurso e implantar mudanças efetivas nos procedimentos habituais tem sido uma ação cada vez mais constante nas empresas que atuam no

Leia mais

Relatório de Acompanhamento de obra

Relatório de Acompanhamento de obra Prezado(a) Sr. Daniel e Maria Carolina, Relatório de Acompanhamento de obra Na etapa que segue, a conclusão da alvenaria do térreo foi o foco dos trabalhos. Toda a parte de estrutura da alvenaria mais

Leia mais

COORDENAÇÃO MODULAR. Arq.EST Consultoria & Projetos CLAUDIA PRATES FARIA ARQUITETA

COORDENAÇÃO MODULAR. Arq.EST Consultoria & Projetos CLAUDIA PRATES FARIA ARQUITETA PROJETO COMPATIBILIZADO E MODULADO PARA ALVENARIAS DE VEDAÇÃO EM BLOCOS DE CONCRETO - GANHOS NA EXECUÇÃO INTRODUÇÃO Cada vez mais, no mercado da construção civil, um bom projeto deve reunir informações

Leia mais

A seguir são apresentadas figuras ilustrando as atividades executadas ao longo do quarto mês de atividades.

A seguir são apresentadas figuras ilustrando as atividades executadas ao longo do quarto mês de atividades. São José, 27 de agosto de 2015. Relatório de Acompanhamento de Obra. Referência: mês 04 medição 08 Conforme contrato firmado com a Ponte Engenharia e Construção Ltda para fornecimento de mão de obra para

Leia mais

RACIONALIZAÇÃO CONSTRUTIVA

RACIONALIZAÇÃO CONSTRUTIVA RACIONALIZAÇÃO CONSTRUTIVA Prof. Dr. Luiz Sérgio Franco Depto. Eng. Construção Civil da EPUSP ARCO Assessoria em Racionalização Construtiva S/C ltda. arco@uol.com.br A busca de soluções para o aumento

Leia mais

UniVap - FEAU CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO Prof. Minoru Takatori ESTUDO PRELIMINAR

UniVap - FEAU CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO Prof. Minoru Takatori ESTUDO PRELIMINAR 1 ESTUDO PRELIMINAR OBJETIVOS Analise e avaliação de todas as informações recebidas para seleção e recomendação do partido arquitetônico, podendo eventualmente, apresentar soluções alternativas. Tem como

Leia mais

A Empresa. Mais de 6,0 mil unidades habitacionais entregues. Hoje em construção são mais de 4100 unidades

A Empresa. Mais de 6,0 mil unidades habitacionais entregues. Hoje em construção são mais de 4100 unidades A Empresa Completou 20 anos em Março 2015 Aproximadamente 500 mil m² de área construída Experiência em obras habitacionais, comerciais e industriais 01 A Empresa Atuação regional no interior do estado

Leia mais

Compatibilização de Projetos. Eng Mário Ribeiro da Silva Filho ProCAD Projetos e Consultoria SS

Compatibilização de Projetos. Eng Mário Ribeiro da Silva Filho ProCAD Projetos e Consultoria SS Compatibilização de Projetos Eng Mário Ribeiro da Silva Filho ProCAD Projetos e Consultoria SS Porque Compatibilizar Projetos? 2 Porque Compatibilizar Projetos? 3 Porque Compatibilizar Projetos? 4 Porque

Leia mais

O QUE SIGNIFICA RACIONALIZAR?

O QUE SIGNIFICA RACIONALIZAR? Escola Politécnica Universidade Federal da Bahia Tecnologia da Construção Civil AULA 3 ALVENARIAS: EXECUÇÃO, Prof. Dr. Luiz Sergio Franco Escola Politécnica da USP Dep. de Engenharia de Construção Civil

Leia mais

Transformando aço, conduzindo soluções. Lajes Mistas Nervuradas

Transformando aço, conduzindo soluções. Lajes Mistas Nervuradas Transformando aço, conduzindo soluções. Lajes Mistas Nervuradas TUPER Mais de 40 anos transformando aço e conduzindo soluções. A Tuper tem alta capacidade de transformar o aço em soluções para inúmeras

Leia mais

TABELA DE VENDAS março-15

TABELA DE VENDAS março-15 TABELA DE VENDAS março-15 Empreendimento: Airport Office Endereço: Rua Vieira de Morais, 2110 Previsão Lançamento: Março de 2011 Ficha Técnica Construção e Incorporação: Projeto de Arquitetura: Projeto

Leia mais

ALVENARIA DE BLOCOS DE CONCRETO Recomendações gerais

ALVENARIA DE BLOCOS DE CONCRETO Recomendações gerais ALVENARIA DE BLOCOS DE CONCRETO Recomendações gerais LA-J ARTEFATOS DE CIMENTO LUCAS LTDA Av. Cônsul Assaf Trad 6977 Em frente ao Shopping Bosque dos Ipês / Campo Grande MS 0800 647 1121 www.lajlucas.com.br

Leia mais

FCH Consultoria e Projetos de Engenharia Escritório: São Paulo Atuação: Nacional

FCH Consultoria e Projetos de Engenharia Escritório: São Paulo Atuação: Nacional Projeto de Revestimento de Fachada em Argamassa Engª MSc Fabiana Andrade Ribeiro www.fchconsultoria.com.br Projeto de Revestimento de Fachada Enfoque na Racionalização FCH Consultoria e Projetos de Engenharia

Leia mais

ALVENARIA ESTRUTURAL DE CONCRETO COM BLOCOS CURSO DE FORMAÇÃO DE EQUIPES DE PRODUÇÃO PASSO A PASSO

ALVENARIA ESTRUTURAL DE CONCRETO COM BLOCOS CURSO DE FORMAÇÃO DE EQUIPES DE PRODUÇÃO PASSO A PASSO ALVENARIA ESTRUTURAL COM BLOCOS DE CONCRETO CURSO DE FORMAÇÃO DE EQUIPES DE PRODUÇÃO PASSO A PASSO ALVENARIA ESTRUTURAL EQUIPAMENTOS DE SEGURANÇA 2 SEGURANÇA COLETIVA 3 SEGURANÇA COLETIVA ANDAIME COM GUARDA

Leia mais

PANTHEON - ROMA. Construído em 118 128 d.c. (1887 anos atrás) Cúpula de 5.000 toneladas Altura e o diâmetro do interior do Óculo é de 43,3 metros.

PANTHEON - ROMA. Construído em 118 128 d.c. (1887 anos atrás) Cúpula de 5.000 toneladas Altura e o diâmetro do interior do Óculo é de 43,3 metros. EMPREENDIMENTOS PANTHEON - ROMA Construído em 118 128 d.c. (1887 anos atrás) Cúpula de 5.000 toneladas Altura e o diâmetro do interior do Óculo é de 43,3 metros. CHRONOS RESIDENCIAL CARACTERIZAÇÃO DO

Leia mais

Aspectos práticos da implantação de sistemas de aquecimento solar em edifícios de múltiplos pavimentos.

Aspectos práticos da implantação de sistemas de aquecimento solar em edifícios de múltiplos pavimentos. Realização: Parceiro: Aspectos práticos da implantação de sistemas de aquecimento solar em edifícios de múltiplos pavimentos. José Jorge Chaguri Jr. Diretor da Chaguri Consultoria e Engenharia de Projetos.

Leia mais

AUBR-83 Dicas e Truques. Objetivos:

AUBR-83 Dicas e Truques. Objetivos: [AUBR-83] BIM na Prática: Implementação de Revit em Escritórios de Arquitetura e Engenharia Paulo Henrique Giungi Galvão Revenda TECGRAF Consultor técnico Revit da Revenda TECGRAF AUBR-83 Dicas e Truques

Leia mais

11 - PROJETO ESTRUTURAL DO EDIFÍCIO DA ENGENHARIA CIVIL

11 - PROJETO ESTRUTURAL DO EDIFÍCIO DA ENGENHARIA CIVIL 11 - PROJETO ESTRUTURAL DO EDIFÍCIO DA ENGENHARIA CIVIL Fernando Musso Junior musso@npd.ufes.br Estruturas de Concreto Armado 216 11.1 - ARQUITETURA DO EDIFÍCIO Fernando Musso Junior musso@npd.ufes.br

Leia mais