Unidade elétrica central. Unidade elétrica central

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Unidade elétrica central. Unidade elétrica central"

Transcrição

1 A unidade elétrica central se encontra no lado do passageiro, sob o porta-objetos no painel de instrumentos. Abra-a conforme as instruções: 1. Abra a tampa do porta-objetos no painel de instrumentos. A tampa fica em frente ao banco do passageiro. 2. Remova o tapete de borracha. 3. Desenrosque os dois parafusos. 4. Abra a tampa no fundo do porta-objetos. A unidade elétrica central é preparada para alguns equipamentos de carroceria. Dependendo dos diversos equipamentos instalados na fábrica, é possível que um pouco do espaço disponível já tenha sido ocupado Se os fusíveis da carroceria não forem suficientes, podem ser usadas as posições vagas projetadas para fusíveis. Use cabos com uma área transversal dimensionada de acordo com a corrente nominal no fusível em questão ou uma corrente mais alta. Quando tiver que remover terminais de cabo, a trava secundária nos soquetes de relés e porta-fusíveis tem que aberta primeiro. Os terminais de cabo para a conexão à unidade elétrica central podem ser encomendados isoladamente junto às concessionárias da Scania. Mais informações sobre cabos elétricos estão disponíveis no documento Cabos em Dimensionamento de cabos elétricos. Mais informações sobre instalação e remoção de terminais e cabos estão disponíveis no documento Informações gerais sobre o console e conectores da carroceria, em Sistema elétrico. 22: Edição 1 pt-br 1 (7)

2 Locais dos componentes preparados, pontos de aterramento e sinais Pontos para bases do minirrelé, 12x. Base do relé , 1 minirrelé por base 2. Pontos para bases do relé de alimentação, 3x. Base do relé , 1 relé de alimentação por base Pontos para bases do microrrelé e porta-fusíveis, 8x. Base do relé , 2 microrrelés por base Porta-fusível , 4 fusíveis por porta-fusível 4. Ponto de aterramento G4, 6 pinos no lado de baixo Sinais, 2 pinos por sinal no lado de baixo. Nenhuma outra posição de fusível pode ser usada além daquelas especificas na tabela para equipamento de carroceria. IMPORTANTE! A unidade elétrica central é capaz de fornecer em total um máximo de 125 A de corrente contínua, inclusive o equipamento normal instalado na fábrica. Se precisar de mais corrente, a conexão deverá ser feita na caixa de fusíveis no quadro do chassi para fornecimento de força. Posicione o cabo através do condutor de cabo no assoalho da cabina se precisar de mais corrente na cabina. 22: Edição 1 pt-br 2 (7)

3 Tabela de sinais Sinal Fusível Descrição Restrição Nº A Fornecimento de força via bloqueio de partida Máx. de 12 A (1,2 A) de corrente contínua a ra 61 2 Posição de rádio via bloqueio de partida Máx. 1,2 A de corrente contínua Fornecimento de força da bateria Máx. 18 A de corrente contínua Aterrado Máx. 10 A de corrente contínua Luzes de estacionamento Máx. 12 A de corrente contínua Carga do alternador Máx. de 6 A (3 A) de corrente contínua b a. Para obter mais informações, consulte Limitações para número do fusível 17. b. Para obter mais informações, consulte Limitações para número do fusível 48. Maiores informações a respeito do fornecimento de força se encontram no documento Aterramento e fornecimento de força. 22: Edição 1 pt-br 3 (7)

4 Limitações para número de fusível 17 Para veículos com BWS fabricados até inclusive a data abaixo, a corrente é limitada a 1,2 A. Período de produção do veículo Local de produção Número de série do chassi - 23/05/2006 Södertälje Zwolle Angers : Edição 1 pt-br 4 (7)

5 Limitações para número de fusível 48 Nota: Este limite se aplica somente ao período de fabricação informado abaixo. Período de produção do veículo Local de produção Número de série do chassi 30/10/ /09/2013 Södertälje Zwolle Angers São Bernardo do Campo Aplica-se a caminhões e tratores com direção do eixo de apoio onde a direção é desengatada quando o eixo é levantado. Para esses veículos fabricados entre as datas mencionadas acima, um máx. de 3 A de corrente contínua é aplicável. 6 A são aplicáveis a outros veículos. Válvula de corte para direção do eixo de apoio, incluindo suspensão e conexões O documento ICS (especificação de chassi individual) mostra se o veículo está equipado com essa função. Encomende o ICS do veículo na Scania Bodybuilder Homepage, ou verifique se o caminhão tem uma válvula com interruptor de controle localizada no lado externo do membro do chassi esquerdo, próximo ao eixo de apoio (veja a ilustração). 22: Edição 1 pt-br 5 (7)

6 Fusíveis Fusíveis Coloque os fusíveis na cabina em porta-fusíveis com posições preparadas na unidade elétrica central. Utilize os fusíveis que cumpram com DIN C (no máximo 30 A). Os fusíveis com uma corrente nominal maior que 15 A não podem ser posicionados lado a lado. Os fusíveis devem ser dimensionados de acordo com os requisitos de corrente do consumidor. A corrente pelo fusível não pode exceder cerca de 60% da corrente nominal do fusível na carga contínua. A seguinte tabela indica a quantidade de corrente que passa pelo fusível de forma contínua. Isso não vale para a conexão do equipamento de conforto, tal como uma cafeteira. Corrente nominal, Corrente contínua, A A 5 3,1 7,5 4,7 10 6, , ,7 IMPORTANTE! Use sempre o fusível correto. Um fusível com uma taxa mais alta que a especificada pode causar danos ou incêndio no sistema elétrico. Os sinais, as funções ou as saídas, que estão disponíveis nos pinos nos conectores relevantes no console da carroceria, já estão protegidos por um fusível ou uma proteção eletrônica contra sobrecarga. Maiores informações sobre conectores se encontram nos documentos em Conectores. 22: Edição 1 pt-br 6 (7)

7 Relés Relés Os relés na cabina devem ser posicionados nos pontos preparados na unidade elétrica central. Microrrelé , máx. de 10 A a 10 A de carga resistiva 1 OU 4 A de carga de iluminação OU 1 A de carga indutiva 2 Minirrelé , no máx. 15 A - 15 A de carga resistiva OU 7 A de carga de iluminação OU 1 A de carga indutiva Relé de alimentação , no máx. 40 A A de carga resistiva + 10 A de carga de iluminação. Apenas carga de iluminação, no máx. 18 A de corrente contínua Conexão de um relé extra Conecte um relé extra se a carga máx. especificada para uma função não for o suficiente. O fornecimento de força pode, por exemplo, ser obtido do fusível 30 na unidade elétrica central. Veja o esquema elétrico à direita A Função, sinal de tensão de, p. ex., fusível 17, fonte de alimentação via bloqueio de partida, ou interruptor 2. Fusível, combinando com o consumidor de corrente 3. Relé 4. Consumidores de corrente, tais como lâmpadas, válvulas solenoide 5. Fonte de alimentação de, p. ex., fusível 30, fonte de alimentação vinda da bateria. 1. Um exemplo de uma carga resistiva é um elemento de aquecimento. 2. Um exemplo de uma carga indutiva é a conexão de uma bobina (por exemplo, uma válvula solenoide). 22: Edição 1 pt-br 7 (7)

Funções para limitação de velocidade do veículo

Funções para limitação de velocidade do veículo Informações gerais sobre as funções Informações gerais sobre as funções A Scania oferece três funções para a limitação de velocidade. As funções são usadas para atender a requisitos de clientes e estatutários,

Leia mais

Tratores. Informações gerais sobre tratores. Recomendações. Distância do eixo

Tratores. Informações gerais sobre tratores. Recomendações. Distância do eixo Informações gerais sobre tratores Informações gerais sobre tratores Os tratores foram projetados para puxar semirreboques e são, portanto, equipados com uma quinta roda para possibilitar a fácil troca

Leia mais

Saída do líquido de arrefecimento para aquecimento externo

Saída do líquido de arrefecimento para aquecimento externo O líquido de arrefecimento do motor pode ser usado para aquecer elementos s. Exemplos são carrocerias baú, cabinas de comando do guindaste e baús de armazenamento. O calor é levado do fluxo no bloco de

Leia mais

reciclagem a frio KMA 220

reciclagem a frio KMA 220 Technische Especificação Daten Técnica Kaltfräse Usina misturadora W 200 móvel de reciclagem a frio KMA 220 Especificação Técnica Usina misturadora móvel de reciclagem a frio KMA 220 Capacidade da usina

Leia mais

Box POE / Patch Panel POE

Box POE / Patch Panel POE Box POE / Patch Panel POE (5 e 10 portas) MANUAL DO USUÁRIO Patch Panel POE CCN Telecom ideal para montar um sistema de alimentação para equipamentos wifi em caixas herméticas, acess points (AP), roteadores,

Leia mais

INSTRUÇÕES DE INSTALAÇÃO para a GOLD LP

INSTRUÇÕES DE INSTALAÇÃO para a GOLD LP INSTRUÇÕES DE INSTALAÇÃO para a GOLD LP O documento foi originalmente escrito em sueco. A Swegon reserva-se o direito de alterar as especificações. www.swegon.com 1 1. INSTALAÇÃO 1.4 Montar a unidade de

Leia mais

Preparação para guincho. Informações gerais sobre a preparação. Veículos fabricados a partir de setembro de 2015

Preparação para guincho. Informações gerais sobre a preparação. Veículos fabricados a partir de setembro de 2015 Informações gerais sobre a preparação Informações gerais sobre a preparação Para facilitar a conexão elétrica de um guincho, o pacote de preparação do chicote de cabos do guincho pode ser encomendado na

Leia mais

INSTALAÇÃO E OPERAÇÂO SENSORES DE PRESSÃO PARA MÁQUINA EXTRUSORA

INSTALAÇÃO E OPERAÇÂO SENSORES DE PRESSÃO PARA MÁQUINA EXTRUSORA M A N U A L T É C N I C O INSTALAÇÃO E OPERAÇÂO SENSORES DE PRESSÃO PARA MÁQUINA EXTRUSORA ä ä ä ä Apresentação Este manual é um guia para instalação e operação de Transdutores e Transmissores de Pressão

Leia mais

VIP X1600 XFM4 VIP-X1600-XFM4A/VIP-X1600-XFM4B. Guia de instalação rápida

VIP X1600 XFM4 VIP-X1600-XFM4A/VIP-X1600-XFM4B. Guia de instalação rápida VIP X1600 XFM4 VIP-X1600-XFM4A/VIP-X1600-XFM4B pt Guia de instalação rápida VIP X1600 XFM4 Informações gerais pt 2 1 Informações gerais Estas instruções "Guia de instalação rápida" referem-se aos módulos

Leia mais

Tecnologias de Acesso Plataforma Elevatória por Cremalheira Engº Rafael Thalheimer

Tecnologias de Acesso Plataforma Elevatória por Cremalheira Engº Rafael Thalheimer Tecnologias de Acesso Plataforma Elevatória por Cremalheira Engº Rafael Thalheimer 1) DESCRIÇÃO DO EQUIPAMENTO A plataforma elevatória por cremalheira está baseada no princípio de transmissão através de

Leia mais

Seu manual do usuário GIGABYTE GA-P43T-ES3G http://pt.yourpdfguides.com/dref/3037508

Seu manual do usuário GIGABYTE GA-P43T-ES3G http://pt.yourpdfguides.com/dref/3037508 Você pode ler as recomendações contidas no guia do usuário, no guia de técnico ou no guia de instalação para GIGABYTE GA- P43T-ES3G. Você vai encontrar as respostas a todas suas perguntas sobre a no manual

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES

MANUAL DE INSTRUÇÕES MANUAL DE INSTRUÇÕES TRANSFORMADOR A SECO ÍNDICE DESCRIÇÃO PÁGINA 1 Instruções para a instalação.................................... 02 2 Instruções para a manutenção..................................

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO - Basquete Duplo Instruções de Montagem

MANUAL DO USUÁRIO - Basquete Duplo Instruções de Montagem MANUAL DO USUÁRIO - Basquete Duplo Instruções de Montagem Por favor, contate-nos antes de retornar o produto à loja: (19) 3573-8999. Garantia Limite de 90 dias Este produto tem garantia de até 90 dias

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES REFRIGERADOR PARA ÔNIBUS MOD. CHANFRADO - RCMT

MANUAL DE INSTRUÇÕES REFRIGERADOR PARA ÔNIBUS MOD. CHANFRADO - RCMT MANUAL DE INSTRUÇÕES Compact Indústria de Produtos Termodinâmicos Ltda. Fábrica: Est. BR-116 KM 152,3, 21940 Pavilhão 1 Bairro Planalto Caxias do Sul - RS - CEP 95070-070 Fone (0XX) 54-2108-3838- Fax:

Leia mais

DEH-X8700DAB DEH-X8700BT

DEH-X8700DAB DEH-X8700BT RECETOR RDS COM LEITOR DE CD Português DEH-X8700DAB DEH-X8700BT Manual de instalação Ligações/ Instalação Ligações Importante Ao instalar a unidade em veículos sem a posição ACC (acessório) na ignição,

Leia mais

Guia de instalação VIP S4120

Guia de instalação VIP S4120 Guia de instalação VIP S4120 Modelo VIP S4120 Câmera IP VIP S4120 Parabéns, você acaba de adquirir um produto com a qualidade e segurança Intelbras. A câmera IP Intelbras VIP S4120 é uma câmera de segurança

Leia mais

EMPILHADEIRAS ELÉTRICAS HYUNDAI

EMPILHADEIRAS ELÉTRICAS HYUNDAI EMPILHADEIRAS ELÉTRICAS HYUNDAI Modelo (padrão) :HBF20C-7/HBF25C-7/HBF30C-7 Capacidade de carga, kg (lb) :2.000(4.000) / 2.500(5.000) / 3.000(6.000) Velocidade (Descarregada), km/h (mph) :17(10,5) / 15,9(9,8)

Leia mais

Caixa de passagem Ex e / Ex tb

Caixa de passagem Ex e / Ex tb Tomadas/Plugs Painéis Caixa de passagem Ex e / Ex tb Segurança aumentada, tempo e jatos potentes d água. Características Construtivas Caixa de passagem e ligação fabricada em liga de alumínio fundido copper

Leia mais

OBJETIVOS DA SEÇÃO. Após concluir com êxito o módulo sobre Área de Trabalho, o aluno deve estar apto a:

OBJETIVOS DA SEÇÃO. Após concluir com êxito o módulo sobre Área de Trabalho, o aluno deve estar apto a: OBJETIVOS DA SEÇÃO Após concluir com êxito o módulo sobre Área de Trabalho, o aluno deve estar apto a: I. Definir os critérios da Área de Trabalho para o Sistema de Cabeamento Siemon, tanto para interfaces

Leia mais

Dynatig 350 HF. Ignitor de alta frequência CÓDIGO : 0704123 MANUAL DO USUÁRIO / LISTA DE PARTES E PEÇAS

Dynatig 350 HF. Ignitor de alta frequência CÓDIGO : 0704123 MANUAL DO USUÁRIO / LISTA DE PARTES E PEÇAS Dynatig 350 HF CÓDIGO : 0704123 Ignitor de alta frequência MANUAL DO USUÁRIO / LISTA DE PARTES E PEÇAS 2 Dynatig 350 HF Página em branco Dynatig 350 HF Ignitor de alta frequência para tocha TIG MANUAL

Leia mais

Instruções para Implementadores

Instruções para Implementadores Volvo Truck Corporation Curitiba, Brazil Instruções para Implementadores Data Grupo Edição Pág. 8.2011 95 01 1( 6 ) Eletricidade Instalação de sistemas de rastreamento/monitoramento não instalados/desenvolvidos

Leia mais

GUIA GERAL DO PIX-DSX

GUIA GERAL DO PIX-DSX ADCP-80-354 GUIA GERAL DO PIX-DSX Sumário Página 1. TERMINAÇÕES COM WIRE WRAP...3 2. ENERGIA...4 3. ELEMENTO DE REDE (EQUIPAMENTO)...5 4. ROTEAMENTO DE JUMPER DE CONEXÃO CRUZADA...8 1390027 Rev A Página

Leia mais

CARACTERÍSTICAS E MODOS DE FUNCIONAMENTO MODOS DE OPERAÇÃO DOS BOTÕES PROTEÇÃO ANTIESMAGAMENTO MODO FAIL

CARACTERÍSTICAS E MODOS DE FUNCIONAMENTO MODOS DE OPERAÇÃO DOS BOTÕES PROTEÇÃO ANTIESMAGAMENTO MODO FAIL CARACTERÍSTICAS E MODOS DE FUNCIONAMENTO Os módulos da linha TOTALSAFE PRO foram desenvolvidos para agregar além de conforto, segurança total na automação dos vidros elétricos. Essa linha de produtos oferece

Leia mais

DESIDRATADOR E DEFUMADOR

DESIDRATADOR E DEFUMADOR DESIDRATADOR E DEFUMADOR Rodovia BR 116 km 153,2 Nª 22.581 Fone: (54) 3213-8000/3213-3122 Fax: (54) 3213-8021 Bairro São Leopoldo - Caxias do Sul -RS BRASIL http;//www.tomasi.com.br max@tomasiequipamentos.com.br

Leia mais

Informativo de Assistência Técnica

Informativo de Assistência Técnica Prezado Instalador, O Fiat Stilo é um veículo com um grande volume de tecnologia eletrônica e a utilização de ferramental inadequado pode causar sérios danos ao sistema elétrico. IMPORTANTE: Antes de começar

Leia mais

Módulo 8 Entradas Digitais 24 Vdc Monitorado. Os seguintes produtos devem ser adquiridos separadamente para possibilitar a utilização do produto:

Módulo 8 Entradas Digitais 24 Vdc Monitorado. Os seguintes produtos devem ser adquiridos separadamente para possibilitar a utilização do produto: Descrição do Produto O módulo, integrante da Série Ponto, possui 8 pontos de entrada digital +24 Vdc isolada e monitorada, é indicado para aplicações onde a situação de linha rompida necessita ser detectada

Leia mais

Manual de Instalação MXT-140

Manual de Instalação MXT-140 Manual de Instalação MXT-140 CARACTERÍSTICAS DO PRODUTO Os produtos da linha MXT-140 são dispositivos eletrônicos automotivos cuja principal funcionalidade é rastreamento. Eles proporcionam a leitura e

Leia mais

CATÁLOGO DE PÉÇAS DAYANG DY 125 SPRINT

CATÁLOGO DE PÉÇAS DAYANG DY 125 SPRINT CATÁLOGO DE PÉÇAS DAYANG DY 125 SPRINT F 1 FAROL 6001 1 Farol 6002 2 Soquete 6003 3 LÂmpada F 2 PAINÉL 6004 2 Painel Competo 6005 3 Mecanismo do painél 6006 4 Lente do painél 6007 6 Fiação do painél 6008

Leia mais

110,5 x 22,5 x 114 (term. mola)

110,5 x 22,5 x 114 (term. mola) Supervisão de parada de emergência e monitoramento de portas Supervisão de sensores de segurança magnéticos codificados Entrada para 1 ou 2 canais Categoria de Segurança até 4 conforme EN 954-1 Para aplicações

Leia mais

5. SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO

5. SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO NX-4 FALCON 5. SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO INFORMAÇÕES DE SERVIÇO 5-1 DIAGNOSE DE DEFEITOS 5-3 CARCAÇA DO FILTRO DE AR 5-4 CARCAÇA DO FILTRO DE AR SECUNDÁRIO 5-7 REMOÇÃO DO CARBURADOR 5-7 DESMONTAGEM DO CARBURADOR

Leia mais

電 動 車 輛 充 電 設 施 安 全 技 術 指 引

電 動 車 輛 充 電 設 施 安 全 技 術 指 引 電 動 車 輛 充 電 設 施 安 全 技 術 指 引 Directrizes Técnicas de Segurança de Instalações de Carregamento de Veículos Eléctricos 第 一 條 Artigo 1.º 標 的 Objecto 本 指 引 為 訂 定 安 裝 電 動 車 輛 充 電 設 施 應 遵 守 的 安 全 技 術 條 件 As presentes

Leia mais

Mixer KIKO Gerenciador de áudio MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO NLL-4C LEIA ESTE MANUAL ANTES DE USAR O MIXER.

Mixer KIKO Gerenciador de áudio MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO NLL-4C LEIA ESTE MANUAL ANTES DE USAR O MIXER. Mixer KIKO Gerenciador de áudio NLL-4C MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO LEIA ESTE MANUAL ANTES DE USAR O MIXER. O Mixer KIKO, fabricado pela Eletroleve, centraliza os controles de volumes dos áudios que

Leia mais

Clube Automovel de Lousada REGULAMENTO TÉCNICO. II Edição TROFÉU DE RESISTENCIAS CLUBE AUTOMOVEL DE LOUSADA

Clube Automovel de Lousada REGULAMENTO TÉCNICO. II Edição TROFÉU DE RESISTENCIAS CLUBE AUTOMOVEL DE LOUSADA Clube Automovel de Lousada REGULAMENTO TÉCNICO II Edição TROFÉU DE RESISTENCIAS CLUBE AUTOMOVEL DE LOUSADA Aprovado em 18/02/2015 1 Os concorrentes, que pretendam, participar nas provas do Troféu de resistência

Leia mais

Válvula de Pré-Ação Modelo: 400-NAC-VGPA Double Interlock

Válvula de Pré-Ação Modelo: 400-NAC-VGPA Double Interlock Válvula de Pré-Ação Modelo: 400-NAC-VGPA Double Interlock Terminologia: Non-Interlock - Utiliza uma válvula de canalização seca e um sistema de detecção pneumático ou elétrico suplementar. A válvula pode

Leia mais

Conexões bus estrutura de ligação CMS Estrutura de ligação CMS, B-Design. Catálogo impresso

Conexões bus estrutura de ligação CMS Estrutura de ligação CMS, B-Design. Catálogo impresso Estrutura de ligação CMS, B-Design Catálogo impresso 2 Estrutura de ligação CMS, B-Design Acoplador de bus com controlador Conexão por fieldbus com funcionalidade E/S opcional (CMS), Design B Acoplador

Leia mais

Potenciometer [Potenciômetro] - Ligado ao eixo de saída do servo, monitora a posição do mesmo.

Potenciometer [Potenciômetro] - Ligado ao eixo de saída do servo, monitora a posição do mesmo. Servomotores Este pequeno tutorial tem como finalidade auxiliar no entendimento de um dos componentes básico utilizados na construção de robôs móveis. www.sumoderobos.org Compilado por André Santos Agosto

Leia mais

Catálogo 2015. Plataformas Cubos Escadas. Acessórios para acesso à piscina

Catálogo 2015. Plataformas Cubos Escadas. Acessórios para acesso à piscina Catálogo 2015 Plataformas Cubos Escadas Acessórios para acesso à piscina Acessibilidade A Actual dedica-se ao desenvolvimento, fabricação e comercialização de plataformas para fundo de piscina e escadas

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO ELÉTRICO. COREN Subseção de Floriano

MEMORIAL DESCRITIVO ELÉTRICO. COREN Subseção de Floriano MEMORIAL DESCRITIVO ELÉTRICO COREN Subseção de Floriano ÍNDICE 1. OBJETIVO 2. NORMAS TÉCNICAS 3. DESCRIÇÃO DOS SITEMAS 3.1. Entradas de energia e telefone 3.2. Quadros de distribuição local 3.3. Dispositivos

Leia mais

PROPOSTA DE FORNECIMENTO

PROPOSTA DE FORNECIMENTO I.E.: 149.242.170.112 A São Paulo, 17 de Dezembro de 2010. Universidade Federal do Pampa Pregão Eletrônico Nº 86/2010 Processo Nº: 23100.001555/2010-26 PROPOSTA DE FORNECIMENTO Item Qt. Descrição R$/unid.

Leia mais

Medidor TKE-01. [1] Introdução. [2] Princípio de funcionamento. [5] Precisão. [6] Características Elétricas. [3] Aplicações. [4] Grandeza medida

Medidor TKE-01. [1] Introdução. [2] Princípio de funcionamento. [5] Precisão. [6] Características Elétricas. [3] Aplicações. [4] Grandeza medida [1] Introdução O TKE-01 é um instrumento para instalação em fundo de painel, que permite a medição do consumo de energia ativa (Wh) ou reativa (Varh) em sistema de corrente alternada (CA). A leitura do

Leia mais

Relatório de inspeção

Relatório de inspeção Relatório de inspeção Escavadeiras Tipo de máquina N. de série Tempo de operação Equipamento, Número Data de entrega Página Proprietário Distribuidor Data 1 (6) Contato, Nome Consultor / Técnico Ordem

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES DO MILIOHMÍMETRO MODELO MO-1200

MANUAL DE INSTRUÇÕES DO MILIOHMÍMETRO MODELO MO-1200 MANUAL DE INSTRUÇÕES DO MILIOHMÍMETRO MODELO MO-1200 julho 2009 Leia cuidadosamente as instruções contidas neste manual antes de iniciar o uso do medidor ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO... 1 2. REGRAS DE SEGURANÇA...

Leia mais

Tópicos sobre proteção do circuito para fontes de alimentação Proteção do circuito eletrônico Bulletin1692

Tópicos sobre proteção do circuito para fontes de alimentação Proteção do circuito eletrônico Bulletin1692 Tópicos sobre proteção do circuito para fontes de alimentação Proteção do circuito eletrônico Bulletin1692 2 Tópicos sobre proteção do circuito para fontes de alimentação Sumário Proteção do circuito eletrônico

Leia mais

Válvula Proporcional Limitadora de Pressão Pilotada Tipo DRE e ZDRE

Válvula Proporcional Limitadora de Pressão Pilotada Tipo DRE e ZDRE RP 29 175/11.2 Substitui: 1.99 Válvula Proporcional Limitadora de Pressão Pilotada Tipo DRE e ZDRE Tamanho Nominal 6 Série 1X Pressão máxima de operação 21 bar Vazão máxima L/min H/A 26/98 Tipo DRE 6-1X/...G2K...com

Leia mais

Manual de Instruções. C o n t r o l a d o r D i f e r e n c i a l para P i s c i n a. Rev. B

Manual de Instruções. C o n t r o l a d o r D i f e r e n c i a l para P i s c i n a. Rev. B Manual de Instruções C o n t r o l a d o r D i f e r e n c i a l para P i s c i n a Rev. B 1. Descrição Índice 1.Descrição... pág 1 2.Dados Técnicos... pág 2 3.Instalação... pág 3 4.Ajuste e Operação...

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO ST240

MANUAL DE INSTALAÇÃO ST240 MANUAL DE INSTALAÇÃO ST240 SUMÁRIO Descrição do Rastreador ST-240... 03 Descrição das entradas e saídas... 03 Led indicador GPS - Vermelho... 04 Led indicador GPRS - Azul... 04 Dicas de instalação... 05

Leia mais

1 Circuitos Pneumáticos

1 Circuitos Pneumáticos 1 Circuitos Pneumáticos Os circuitos pneumáticos são divididos em várias partes distintas e, em cada uma destas divisões, elementos pneumáticos específicos estão posicionados. Estes elementos estão agrupados

Leia mais

Descrição da base de encaixe Tipo de veículo Descrição de Inclinação e Rotação. Direção à direita. ou à esquerda. Direção à esquerda

Descrição da base de encaixe Tipo de veículo Descrição de Inclinação e Rotação. Direção à direita. ou à esquerda. Direção à esquerda Montagem de Inclinação e Rotação Swingaway Ready (direção à esquerda) Swingaway Ready (direção à direita) Guia de instalação Versão padrão Versão Pronta para Swingaway Ready 1 Descrição do produto A Montagem

Leia mais

KW-AV68BT Manual de Instalação/Conexão

KW-AV68BT Manual de Instalação/Conexão Manual de Instalação/Conexão LVT229-002A-PT [JW] PORTUGUÊS 2EHHMDWJEIN PT 20 JVC KENWOOD Corporation Este aparelho foi projetado para funcionar com sistemas elétricos conectados a terra NEGATIVA de CC

Leia mais

Segurança do usuário. Segurança elétrica. Copiadora e Impressora WorkCentre C2424

Segurança do usuário. Segurança elétrica. Copiadora e Impressora WorkCentre C2424 Segurança do usuário Seu sistema e os suprimentos recomendados foram projetados e testados para atender a exigências de segurança rígidas. A atenção às seguintes informações garantirá uma operação contínua

Leia mais

Sistemas de válvula Sistemas de válvulas conforme norma ISO 5599-1, tamanho 3, série 581. Catálogo impresso

Sistemas de válvula Sistemas de válvulas conforme norma ISO 5599-1, tamanho 3, série 581. Catálogo impresso ISO 5599-1, tamanho 3, série 581 Catálogo impresso 2 ISO 5599-1, tamanho 3, série 581 Acionamento elétrico Sistema de válvulas, Série 581, tamanho 3 Qn = 4100 l/min Largura da válvula piloto: 22 mm conexão

Leia mais

LINHA DOUBLE WAY TRIFÁSICO

LINHA DOUBLE WAY TRIFÁSICO Especificação Técnica LINHA DOUBLE WAY TRIFÁSICO 10 / 15 / 20 / 25 / 30 / 40 / 50 / 60 / 80 / 120 / 150 / 160 / 180/ 250kVA Engetron Engenharia Eletrônica Ind. e Com. Ltda Atendimento ao consumidor: (31)

Leia mais

SIMULADOR DE SINAIS DISCRETOS SID-16

SIMULADOR DE SINAIS DISCRETOS SID-16 SIMULADOR DE SINAIS DISCRETOS SID-16 Manual do usuário Série: H Simulador de Sinais Discretos MAN-DE-SID-16 Rev.: 2.00-08 Introdução Obrigado por ter escolhido nosso SID-16. Para garantir o uso correto

Leia mais

*Este tutorial foi feito para o Windows 7, mas pode ser usado em qualquer outro Windows, basta seguir o mesmo raciocínio.

*Este tutorial foi feito para o Windows 7, mas pode ser usado em qualquer outro Windows, basta seguir o mesmo raciocínio. Tutorial Sensores *Este tutorial foi feito para o Windows 7, mas pode ser usado em qualquer outro Windows, basta seguir o mesmo raciocínio. *É necessário ter o Microsoft Excel instalado no computador.

Leia mais

Bancada de Comandos Elétricos - XE 301 -

Bancada de Comandos Elétricos - XE 301 - T e c n o l o g i a Bancada de Comandos Elétricos - XE 301 - Os melhores e mais modernos MÓDULOS DIDÁTICOS para um ensino tecnológico de qualidade. Bancada de Comandos Elétricos - XE301 - INTRODUÇÃO Os

Leia mais

FONTE DE ENERGIA MIG/MAG

FONTE DE ENERGIA MIG/MAG TERRA FONTE DE ENERGIA MIG/MAG 400 Produtos Av. Industrial, 364 - Distrito Industrial de Ibirité CEP: 32400-000 - Ibirité - MG / Telefax: (31) 3533-3300 www.eletrodosstar.com.br / e-mail:contato@eletrodosstar.com.br

Leia mais

BOLETIM DE GARANTIA. (N o 05 / 2013) LED do TIMER pisca frequência de 1Hz / segundo. LED do TIMER pisca freqüência de 1Hz / segundo.

BOLETIM DE GARANTIA. (N o 05 / 2013) LED do TIMER pisca frequência de 1Hz / segundo. LED do TIMER pisca freqüência de 1Hz / segundo. BOLETIM DE GARANTIA (N o 05 / 2013) Código de erro do Cassete e Piso-Teto No. TIPO DESCRIÇÃO Flash Blink Código Nota 1 Falha 2 Falha 3 Falha 4 Falha 5 Falha 6 Falha Placa acusa erro no sensor de temperatura

Leia mais

RT1400. Display IRIG-B. Manual de Instruções

RT1400. Display IRIG-B. Manual de Instruções RT1400 Display IRIG-B Manual de Instruções Código do firmware: 07vrr Documento: rt1400.fw07-manual-pt-v02 Reason Tecnologia S.A. Todos os direitos reservados. Os produtos Reason são melhorados continuamente.

Leia mais

Versão 1.0 do documento Maio de 2014. Solução de Digitalização para Grandes Formatos Xerox 7742 Guia do Usuário

Versão 1.0 do documento Maio de 2014. Solução de Digitalização para Grandes Formatos Xerox 7742 Guia do Usuário Versão 1.0 do documento Maio de 2014 Solução de Digitalização para Grandes Formatos Xerox 7742 BR9918 Índice 1 Visão geral do produto...1-1 Visão geral das ferramentas do software do produto...1-1 Componentes

Leia mais

CATÁLOGO DE PEÇAS X050QTR11

CATÁLOGO DE PEÇAS X050QTR11 CHASSI 01 02 2 03 04 COMPONENTES DO CHASSI NÚMERO DESCRIÇÃO QT COR NÚMERO DA PEÇA PESO 01 AMORTECEDOR TRASEIRO 01 NEUTRO C024NN 843,54 g 02 CHASSI 01 NEUTRO C001NN 12500 g 03 BALANÇA TRASEIRA 01 NEUTRO

Leia mais

1 INSTRUÇÕES IMPORTANTES DE SEGURANÇA

1 INSTRUÇÕES IMPORTANTES DE SEGURANÇA [M03 11052010] 1 INSTRUÇÕES IMPORTANTES DE SEGURANÇA É muito importante que você leia atentamente todas as instruções contidas neste manual antes de utilizar o produto, pois elas garantirão sua segurança.

Leia mais

-DJ MOTOR DIRECT-DRIVE

-DJ MOTOR DIRECT-DRIVE -DJ MOTOR DIRECT-DRIVE Manual de operação e manutenção- motor direct-drive...11~14 Encaixe o cabeçote na base e instale os cabos corretamente na caixa de controle MANUAL DE OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO-

Leia mais

VRX928RVD 1. PREPARATIVOS 2. CONTEÚDO DA EMBALAGEM. Índice. Português. Manual de instalação e ligações eléctricas

VRX928RVD 1. PREPARATIVOS 2. CONTEÚDO DA EMBALAGEM. Índice. Português. Manual de instalação e ligações eléctricas VRX928RVD Manual de instalação e ligações eléctricas 1. PREPARATIVOS Índice 1. PREPARATIVOS... 647 2. CONTEÚDO DA EMBALAGEM... 647 3. CUIDADOS GERAIS... 648 4. CUIDADOS ACERCA DA INSTALAÇÃO... 648 5. INSTALAÇÃO

Leia mais

Certificado de Garantia

Certificado de Garantia MANUAL DE INSTRUÇÕES BANHO-MARIA A GÁS Leia atentamente este manual antes de utilizar o produto ALFATEC EQUIPAMENTO E SERVIÇOS LTDA Rua Gerson Ferreira, 31-A - Ramos - CEP: 21030-151 - RJ Tel/Fax: (0xx21)

Leia mais

CARACTERÍSTICAS E MODOS DE FUNCIONAMENTO MODOS DE OPERAÇÃO DOS BOTÕES PROTEÇÃO ANTIESMAGAMENTO ALÍVIO DE PRESSÃO INTERNA

CARACTERÍSTICAS E MODOS DE FUNCIONAMENTO MODOS DE OPERAÇÃO DOS BOTÕES PROTEÇÃO ANTIESMAGAMENTO ALÍVIO DE PRESSÃO INTERNA CARACTERÍSTICAS E MODOS DE FUNCIONAMENTO Os módulos da linha TOTALSAFE PRO foram desenvolvidos para agregar além de conforto, segurança total na automação dos vidros elétricos. Essa linha de produtos oferece

Leia mais

ALONGAMENTO DE CHASSI

ALONGAMENTO DE CHASSI ALONGAMENTO DE CHASSI N IZ 10.32/01 Tipo INSTRUÇÃO 1. INTRODUÇÃO Nos caminhões, o quadro do chassi é o elemento fundamental tanto para o desempenho do trabalho ao qual ele se destina como, também para

Leia mais

Manual de Montagem. Studio Modelo 415

Manual de Montagem. Studio Modelo 415 Manual de Montagem Studio Modelo 45 PREZADO CLIENTE Parabéns pela escolha! Você acaba de adquirir um equipamento EMBREEX, produzido dentro do mais rigoroso padrão de qualidade! O aparelho de musculação

Leia mais

Basic, Everest e Braille Box. Guia de Instalação

Basic, Everest e Braille Box. Guia de Instalação Basic, Everest e Braille Box Guia de Instalação 2 PUBLICADO POR Index Braille Hantverksvägen 20 954 23, Gammelstad Suécia Telefone: +46 920 2030 80 www.indexbraille.com E POR Tecassistiva Av. Dr. Altino

Leia mais

CARRETAS BASCULANTES HIDRÁULICAS

CARRETAS BASCULANTES HIDRÁULICAS Prezado Cliente, Ao optar pela CARRETA AGRÍCOLA CEMAG, esteja convicto de que realmente decidiu pelo melhor implemento em seu gênero. A CARRETA AGRÍCOLA CEMAG é produzida dentro de rigorosos padrões de

Leia mais

DRX caixa moldada Uma linha compacta, versátil e de alto desempenho

DRX caixa moldada Uma linha compacta, versátil e de alto desempenho [ PROTEÇÃO E COMANDO ] Produtos e sistemas DRX caixa moldada Uma linha compacta, versátil e de alto desempenho 1 VANTAGENS Permite a montagem frontal de acessórios elétricos por encaixe simples Fácil conexão

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES DO ACIONADOR DE PORTA CORREDIÇA

MANUAL DE INSTRUÇÕES DO ACIONADOR DE PORTA CORREDIÇA MANUAL DE INSTRUÇÕES DO ACIONADOR DE PORTA CORREDIÇA (MODELOS NUM. 1071.101 e 1071.102) Guarde este manual com cuidado para mantê-lo em boas condições para uso futuro. Cuidado Assegure-se de que o acionador

Leia mais

GUIA DE INSTALAÇÃO DO SUPORTE PARA VEÍCULO CRD TC7X CVCD1 01

GUIA DE INSTALAÇÃO DO SUPORTE PARA VEÍCULO CRD TC7X CVCD1 01 GUIA DE INSTALAÇÃO DO SUPORTE PARA VEÍCULO CRD TC7X CVCD1 01 2 Suporte para Veículo CRD-TC7X-CVCD1-01 A Zebra reserva o direito de fazer alterações em qualquer produto para melhorar a confiabilidade, as

Leia mais

Descrição Geral...4 Especificações Técnicas...5 2.1 Características Funcionais...5 2.2 Características Ambientais...5 3 Instalação...6 3.

Descrição Geral...4 Especificações Técnicas...5 2.1 Características Funcionais...5 2.2 Características Ambientais...5 3 Instalação...6 3. Manual do Equipamento ME-035_Rev02-AS-0001 AS-0001 Conversor de sinais FO TTL SUMÁRIO 1 2 Descrição Geral...4 Especificações Técnicas...5 2.1 Características Funcionais...5 2.2 Características Ambientais...5

Leia mais

CATALOGO TÉCNICO DE PAINÉIS ELÉTRICOS

CATALOGO TÉCNICO DE PAINÉIS ELÉTRICOS CATALOGO TÉCNICO DE PAINÉIS ELÉTRICOS Painéis Elétricos: São conjuntos construídos de acordo com um projeto elétrico e mecânico padrões, onde a performance do mesmo é assegurada por ensaios de tipo realizados

Leia mais

SUPERTEC2007 SINCRONISMO DETETOR DE MODOS MICRO

SUPERTEC2007 SINCRONISMO DETETOR DE MODOS MICRO XXVIII. SINCRONISMO DETETOR DE MODOS MICRO Os monitores analógicos usam um CI chamado Detetor de modos e configurador (às vezes é mais de um CI). Este CI recebe os sinais de sincronismo H e V vindos do

Leia mais

Catalogo VIC Controle Remoto e Monitoramento de Guindastes

Catalogo VIC Controle Remoto e Monitoramento de Guindastes Controle Remoto e Monitoramento de Guindastes O projeto: trata-se de um equipamento para controlar e monitorar as operações de guindastes à distancia. Controle: O conceito aplicado é o de comando via rádio

Leia mais

S i s t e m a N o r m a t i vo Corporativo

S i s t e m a N o r m a t i vo Corporativo S i s t e m a N o r m a t i vo Corporativo PADRÃO TÉCNICO VERSÃO Nº DELIBERAÇÃO Nº APROVAÇÃO DATA DATA DE PUBLICAÇÃO 01-22/07/2014 05/08/2014 APROVADO POR RODNEY PEREIRA MENDERICO JÚNIOR DTES-BD SUMÁRIO

Leia mais

LÍDER MUNDIAL EM ELETRODOMÉSTICOS MANUAL DE SERVIÇOS SERVICE MANUAL FORNOS MICROONDAS ME21S/ME21G/ME28S/ME28G/ME28X

LÍDER MUNDIAL EM ELETRODOMÉSTICOS MANUAL DE SERVIÇOS SERVICE MANUAL FORNOS MICROONDAS ME21S/ME21G/ME28S/ME28G/ME28X LÍDER MUNDIAL EM ELETRODOMÉSTICOS MANUAL DE SERVIÇOS SERVICE MANUAL FORNOS MICROONDAS ME21S/ME21G/ME28S/ME28G/ME28X ME21S/ME21G/ME28S/ME28G/ME28X MICROWAVE OVEN MÓDULO II GUIA DE INSTALAÇÃO/DESMONTAGEM

Leia mais

Índice. N.Documento: Categoria: Versão: Aprovado por: Data Publicação: Página: 11518 Instrução 1.1 Ronaldo Antônio Roncolatto 03/07/2008 1 de 13

Índice. N.Documento: Categoria: Versão: Aprovado por: Data Publicação: Página: 11518 Instrução 1.1 Ronaldo Antônio Roncolatto 03/07/2008 1 de 13 Índice 1. OBJETIVO...3 2. CAMPO DE APLICAÇÃO...3 3. TERMINOLOGIA...3 4. NORMAS E DOCUMENTOS COMPLEMENTARES...3 5. CONDIÇÕES GERAIS...4 6. TRANSFORMADOR...4 Condições Normais de Funcionamento... 4 Potências

Leia mais

Decibelímetro Modelo SL130

Decibelímetro Modelo SL130 Manual do Usuário Decibelímetro Modelo SL130 Introdução Parabéns pela sua compra do Decibelímetro SL130 Extech. Desenhado para montagem em parede, mesa, ou montagem em tripé, este medidor está de acordo

Leia mais

Número PE022/2015. Fornecedor. Pregão. Item Descrição do Material UF Quantidade Preço Unitário Preço Total Marca / Modelo Prazo Entrega

Número PE022/2015. Fornecedor. Pregão. Item Descrição do Material UF Quantidade Preço Unitário Preço Total Marca / Modelo Prazo Entrega Folha 1 UNIVERSIDADE DO SUDOESTE DA - CAMPUS VITORIA DA CO 1 ALICATE, universal, de 8 polegadas, em aco, cabo com isolacao para 1000 volts e em conformidade com norma ABNT NBR vigente no que diz respeito

Leia mais

Manual Do Usuário SHP-5000 SHP-5000 Nº. PLANATC Tecnologia Eletrônica Automotiva Ltda

Manual Do Usuário SHP-5000 SHP-5000 Nº. PLANATC Tecnologia Eletrônica Automotiva Ltda Certificado de Garantia. Modelo Controle SHP-5000 Nº A Planatc Tecnologia Eletrônica Automotiva Ltda garante o equipamento adquirido contra possíveis defeitos de fabricação pelo período de 6 meses, a partir

Leia mais

Locais Sugeridos de Instalação

Locais Sugeridos de Instalação Locais Sugeridos de Instalação 1 ÍNDICE Introdução... 2 Locais sugeridos para instalação do rastreador no veículo... 3 Instalação da antena GPS externa... 7 1 INTRODUÇÃO O Rastrear Light Quad Band é um

Leia mais

Motocicleta Elétrica para Crianças TF-840

Motocicleta Elétrica para Crianças TF-840 Motocicleta Elétrica para Crianças TF-840 Manual para Instalação e Operação Design de simulação de motocicleta Funções para frente e para trás Função de reprodução de música na parte frontal O produto

Leia mais

Instalações Elétricas de BT. Odailson Cavalcante de Oliveira

Instalações Elétricas de BT. Odailson Cavalcante de Oliveira Instalações Elétricas de BT Odailson Cavalcante de Oliveira Circuito Monofásico A tensão monofásica refere-se a tensão entre fase e neutro. v = 2Vsen ωt - valor instantâneo de tensão i = 2Isen ωt φ - valor

Leia mais

BOMBA DE VÁCUO MANUAL DE OPERAÇÃO MODELOS. VP-50D (1,8cfm) VP-140D ( 5cfm) VP-200D (7cfm) VP-340D (12cfm) I COMPONENTES

BOMBA DE VÁCUO MANUAL DE OPERAÇÃO MODELOS. VP-50D (1,8cfm) VP-140D ( 5cfm) VP-200D (7cfm) VP-340D (12cfm) I COMPONENTES BOMBA DE VÁCUO MANUAL DE OPERAÇÃO MODELOS VP-50D (1,8cfm) VP-140D ( 5cfm) VP-200D (7cfm) VP-340D (12cfm) I COMPONENTES II -MANUAL DE OPERAÇÃO 1 Leia atentamente antes de utilizar a bomba de Vácuo Todos

Leia mais

DECISÃO TÉCNICA DT-025/2013 R-00

DECISÃO TÉCNICA DT-025/2013 R-00 DIRETORIA TÉCNICA PLANEJAMENTO E ENGENHARIA DA REDE /2013 DECISÃO TÉCNICA /2013 R- PARA FORMAR UM BANCO TRIFÁSICO FOLHA DE CONTROLE I APRESENTAÇÃO A presente Decisão Técnica apresenta critérios para instalação

Leia mais

I-152A-PORB Acoplamento de Junta de Expansão

I-152A-PORB Acoplamento de Junta de Expansão ADVERTÊNCIA Leia e entenda todas as instruções antes de tentar instalar qualquer produto de tubulação Victaulic. Um profissional treinado deve instalar esses produtos de acordo com todas as instruções.

Leia mais

CSR/Instruções de inspeção para técnicos

CSR/Instruções de inspeção para técnicos INSTRUÇÕES DE INSPEÇÃO Escavadeiras CSR/Instruções de inspeção para técnicos Esta instrução é um recurso técnico informal. Para obter especificações e procedimentos corretos, refira-se sempre às instruções

Leia mais

ROTEIRO BÁSICO PARA VISTORIA

ROTEIRO BÁSICO PARA VISTORIA M I N I S T É R I O P Ú B L I C O F E D E R A L PROCURADORIA DA REPÚBLICA NO ESTADO DE SÃO PAULO PROCURADORIAS DA REPÚBLICA DO MUNICÍPIO DE SÃO PAULO Ações implementadas para a obtenção da acessibilidade

Leia mais

Manual das Biseladoras Externas ISD/ ISF/ SKD/ HYD

Manual das Biseladoras Externas ISD/ ISF/ SKD/ HYD Manual das Biseladoras Externas ISD/ ISF/ SKD/ HYD Antes de iniciar qualquer manutenção ou operação mantenha o equipamento desligado das fontes de energia, retire os bits da máquina, em seguida meça o

Leia mais

KVT-524DVD KVT-554DVD

KVT-524DVD KVT-554DVD KVT-524DVD KVT-554DVD KVT-54DVDR MONITEUR AVEC RÉCEPTEUR DVD MANUEL D'INSTALLATION MONITOR MIT DVD-RECEIVER INSTALLATION-HANDBUCH MONITOR MET DVD-ONTVANGER INSTALLATIE HANDLEIDING MONITOR CON RICEVITORE

Leia mais

Orientação ao operador: É fundamental que o operador tenha conhecimento dos materiais a serem perfurados, das ferramentas e a rotação a ser utilizada.

Orientação ao operador: É fundamental que o operador tenha conhecimento dos materiais a serem perfurados, das ferramentas e a rotação a ser utilizada. Manutenção Furadeira FE-45 Manutenção Preventiva Orientação ao operador: É fundamental que o operador tenha conhecimento dos materiais a serem perfurados, das ferramentas e a rotação a ser utilizada. Energia

Leia mais

Fundamentos De Hardware

Fundamentos De Hardware Fundamentos De Hardware Curso Técnico em Informática SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 3 O QUE É ELETRICIDADE?... 3 A TOMADA PARA COMPUTADOR... 3 ATERRAMENTO... 4 ESPECIFICAÇÕES DE UM ATERRAMENTO... 4 ELETRICIDADE

Leia mais

CARACTERÍSTICAS E MODOS DE FUNCIONAMENTO MODOS DE OPERAÇÃO DOS BOTÕES PROTEÇÃO ANTIESMAGAMENTO ALÍVIO DE PRESSÃO INTERNA

CARACTERÍSTICAS E MODOS DE FUNCIONAMENTO MODOS DE OPERAÇÃO DOS BOTÕES PROTEÇÃO ANTIESMAGAMENTO ALÍVIO DE PRESSÃO INTERNA CARACTERÍSTICAS E MODOS DE FUNCIONAMENTO Os módulos da linha TOTALSAFE PRO foram desenvolvidos para agregar além de conforto, segurança total na automação dos vidros elétricos. Essa linha de produtos oferece

Leia mais

A precisão que você precisa.

A precisão que você precisa. A precisão que você precisa. -30 Agronave 30 O Agronave 30 é um moderno sistema de navegação agrícola para auxiliar o produtor rural nos diversos processos de aplicação, plantio e colheita. Leia com cuidado

Leia mais

Empilhadeira Tracionária Elétrica LET15

Empilhadeira Tracionária Elétrica LET15 Empilhadeira Tracionária Elétrica LET15 Manual de peças Empilhadeira ÍNDICE 01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 Sistema do Comando Conjunto da Tração Sistema da Suspensão - Barra Estabilizadora

Leia mais

CONTROLADORES DE POTÊNCIA DIN-A-MITE ESTILOS A, B, C e D

CONTROLADORES DE POTÊNCIA DIN-A-MITE ESTILOS A, B, C e D CONTROLADORES DE POTÊNCIA DIN-A-MITE ESTILOS A, B, C e D Um dispositivo de controle de potência elétrica baseado em SCR (Retificador Controlado de Silício), também chamado de controlador de estado sólido

Leia mais

Soluções de ligação à rede Miniprodução

Soluções de ligação à rede Miniprodução 1 - Instalação de consumo BT monofásica ou trifásica Instalação de miniprodução monofásica 1A - Esquema de pormenor (multifilar) - Ligação à rede através dos terminais de entrada do contador de miniprodução

Leia mais

CATÁLOGO DE PEÇAS CHASSI ÍNDICE

CATÁLOGO DE PEÇAS CHASSI ÍNDICE CHASSI CATÁLOGO DE PEÇAS ÍNDICE Assento... 37 Carenagem lateral... 31 Cavaletes... 15 Chassi... 03 Chassi B... 05 Conjunto de Pedaleiras... 07 Escapamento... 29 Freio dianteiro... 21 Freio traseiro...

Leia mais