1.1. O consórcio AABP apresentou razões de recurso à habilitação do consórcio Brisa Alfapeople.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "1.1. O consórcio AABP apresentou razões de recurso à habilitação do consórcio Brisa Alfapeople."

Transcrição

1 GOVERNO DO ESTADO DE MINAS GERAIS Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão Superintendência Central de Governança Eletrônica Diretoria Central dos Canais de Atendimento Eletrônico NOTA TÉCNICA DCGCAE/SCGE nº. 16/2013 Em 20 de Setembro de 2013 REFERÊNCIA: Parecer sobre as razões de Recurso Administrativo apresentado pelos consórcios AABP e Brisa Alfapeople na Concorrência Nº /2013 para contratação de serviços de implementação de uma solução informatizada capaz de realizar as funções típicas de relacionamento com clientes (CRM), integração com sistemas legados e com os diferentes canais de atendimento (portal MG.gov.br, Lig-Minas, Unidade de Atendimento Integrado - UAI), e preparação para integração com a base integrada do cidadão, configurando um novo modelo de gestão de relacionamento com os cidadãos de Minas Gerais. 1. FUNDAMENTOS 1.1. O consórcio AABP apresentou razões de recurso à habilitação do consórcio Brisa Alfapeople. Segundo a Recorrente, o consórcio Brisa Alfapeople não atende aos requisitos exigidos em Edital. A Recorrida, por sua vez, apresentou contrarrazões em que argumenta que a decisão da Comissão Especial de Licitação deve ser mantida. Os argumentos da Recorrente serão, a seguir, contrapostos ao da Recorrida para melhor embasamento deste parecer RAZÃO:...a empresa ALFAPEOPLE, uma das empresas integrantes do consórcio BRISA ALFAPEOPLE, não apresentou a certidão estadual referente a débitos não inscritos em dívida ativa. CONTRARRAZÃO: "...a ALFAPEOPLE apresentou: (...) 2. Certificado de Registro Cadastral..." PARECER: Conforme item do Edital, a empresa poderia apresentar o CRC em substituição aos documentos de regularidade fiscal. No prazo dado pela Comissão Especial de Licitação, a empresa Alfapeople apresentou o referido documento com toda a regularidade aceita e válida (anexo I) RAZÃO:...a empresa ALFAPEOPLE também não apresentou a certidão de regularidade municipal referente a débitos inscritos em dívida ativa, emitida pela Procuradoria do Municipio... CONTRARRAZÃO: No que tange à certidão negativa referente a débitos inscritos no município foram apresentados os seguintes documentos: 1) Certidão de Tributos Mobiliários, válida até 11/12/2013; 2) Certidão sobre Tributos Imobiliários, válida até 07/01/2014; 3) Certificado de Registro Cadastral (...). Cabe ressaltar o imperativo de que, sendo tais documentos aceitos pelo CRC, apresentados pela ALFAPEOPLE quando da habilitação e aceitos pela Comissão Especial de Licitação, não cabe a inabilitação do referido Consórcio." PARECER: Conforme item do Edital, a empresa poderia apresentar o CRC em substituição aos documentos de regularidade fiscal. No prazo dado pela Comissão Especial de Licitação, a empresa Alfapeople apresentou o referido documento com toda a regularidade aceita e válida (anexo I). Além disso,

2 o Decreto Municipal de São Paulo nº /09 esclarece que são necessárias Certidão Negativa de Débitos de Tributos Mobiliários e Certidão Negativa de Débitos de Tributos Imobiliários. Ambas foram apresentadas pela empresa Alfapeople RAZÃO:...segundo informações disponibilizadas no site da própria empresa ALFAPEOPLE, o projeto realizado para a CPFL Energia, emissora do atestado em questão, teve a finalidade de "integrar as áreas de Recursos Humanos, Suprimentos, TI e infraestrutura onde os colaboradores de toda a empresa fazem solicitações que podem ou não ser aprovadas pelos seus superiores. Ou seja, para o projeto em questão foi elaborada uma ferramenta de uso exclusivamente interno e não pera clientes ou cidadãos como exigido pelo edital em seu item CONTRARRAZÃO: "cabe a execução de diligência por parte da Comissão Especial de Licitação junto à CPFL Energia..." "...a informação apresentada pela Accenture, cujos dados foram extraídos do site da ALFAPEOPLE, são objeto de um projeto realizado em 2009, ainda na versão do Microsoft Dynamics CRM 4.0 (...) sendo que o atestado apresentado é referente a um projeto, datado de " PARECER: O texto extraído do site não possui referência ao período de realização do projeto ou ao nome do mesmo. Esta Comissão se ateve ao atestado apresentado e realizou diligência para verificar sua veracidade, o que foi confirmado pela empresa CPFL Energia, conforme abaixo (anexo II): RAZÃO:...não nos parece factível que o projeto descrito no atestado apresentado possua o número mínimo de atendimentos exigido no item 10.4 do Edital. Isso porque, para cumprir com o número mínimo de atendimentos no período de 01 ano, todos os (sete mil) funcionários da empresa CPFL Energia, emissora do atestado em tela, precisariam ter realizado 04 (Quatro) chamados TODOS OS DIAS do ano. Isso significa o mesmo que 71 (setenta e um) chamados por mês, ou 857 (oitocentos e cinquenta e sete) chamados por ano realizados por todos os funcionários da empresa todos os dias do ano, o que é inviável. CONTRARRAZÃO: "cabe a execução de diligência por parte da Comissão Especial de Licitação junto à CPFL Energia..." "...não é aceitável que a Comissão aceite tal argumento, pois os dados não se referem ao mesmo período e nem ao mesmo projeto." PARECER: A conta apresentada não é determinante para se desconsiderar o atestado apresentado. Além de o resultado não ter um parâmetro de comparação para determinar se é ou não factível, o número de funcionários não tem relação objetiva com o número de atendimentos, que podem ser abertos e realizados por terceiros. Esta Comissão se ateve ao atestado apresentado e realizou diligência para verificar sua veracidade, o que foi confirmado pela assinante do atestado apresentado, conforme

3 exibido anteriormente, e pela seção (Canais de Atendimento) do Relatório Anual de 2012 extraído do site da CPFL Energia 1 (anexo III), em que se evidencia que a empresa atende, anualmente, mais do que o requerido para o atestado de Habilitação. Assim, considera-se o atestado apresentado válido O consórcio AABP apresentou razões de recurso à habilitação da empresa Plusoft. Segundo a Recorrente, a empresa Plusoft não atende aos requisitos exigidos em Edital. A Recorrida, por sua vez, apresentou contrarrazões em que argumenta que a decisão da Comissão Especial de Licitação deve ser mantida. Os argumentos da Recorrente serão, a seguir, contrapostos ao da Recorrida para melhor embasamento deste parecer RAZÃO:...a empresa Plusoft não reapresentou os documentos que não estavam autenticados, continuando os mesmos sem a devida autenticação. CONTRARRAZÃO: todos os documentos necessários e citados pelo Consórcio AABP foram devidamente autenticados e apresentados dentro do prazo concedido. PARECER: A empresa Plusoft apresentou, de fato, os documentos autenticados no prazo concedido. Estes não foram divulgados na internet, pois os mesmos documentos, sem a autenticação, já estavam disponíveis para consulta. De qualquer forma, os documentos autenticados constam do processo desta Concorrência. Cabe ressaltar ainda que a apresentação dos documentos referidos pelo Consórcio AABP (Balanço Patrimonial e Demonstrações do Resultado do Exercício) não necessitavam autenticação em cartório e esta não foi razão de inabilitação da empresa. A Nota Técnica 14/2013, que acompanha a ata de habilitação, menciona como os documentos foram apresentados e solicita a apresentação da autenticação em cartório como forma complementar de garantir sua autenticidade, mas a autenticação de tais documentos se dá digitalmente no caso do SPED e, portanto, não cabe autenticação em cartório. Vale lembrar, ainda, que a Ata de Habilitação, documento que informa a decisão da Comissão Especial de Licitação, não menciona a autenticação em cartório e exige a apresentação apenas do Termo de Autenticação, emitido pela Junta Comercial, que foi devidamente apresentado O consórcio Brisa Alfapeople apresentou razões de recurso à habilitação do consórcio AABP. Segundo a Recorrente, o consórcio AABP não atende aos requisitos exigidos em Edital. A Recorrida, por sua vez, apresentou contrarrazões em que argumenta que a decisão da Comissão Especial de Licitação deve ser mantida. Os argumentos da Recorrente serão, a seguir, contrapostos ao da Recorrida para melhor embasamento deste parecer RAZÃO: Quanto ao nome comercial da solução, constante no atestado dado por Itaú Unibanco, tem o consorcio BRISA-AlfaPeople a afirmar que: o software CCF (Customer Core Framework), o qual, segundo a declaração da Microsoft (já citada), teve sua denominação alterada para CCA (Customer Core Accelerator) não é uma solução CRM ou CzRM como exigem as cláusulas editalícias. Tratando-se de componente de software que pode ou não ser utilizado com a solução Microsoft Dynamics CRM, contradizendo a solução 1

4 ofertada pelo consórcio em questão e divulgada pela Comissão Especial de Licitação (Microsoft Dynamics CRM) CONTRARRAZÃO: "o Consórcio AABP apresentou uma declaração da própria Microsoft (fabricante do software), a qual afirma que, para implantação do CCA (Customer Care Accelerator), é peremptória a utilização do CRM Dynamics." "o CCA é parte do Microsoft CRM Cynamics e que o mesmo é sucessor o CCF" "a implementação do produto Microsoft CCA (Customer Care Accelerator), nome atualizado do produto CCF (Customer Care Framework), implica automaticamente na implantação do Microsoft Dynamics CRM, que é a solução proposta pelo Consórcio AABP." PARECER: Após diligências com a fabricante Microsoft e com o Itaú-Unibanco (constantes no processo desta Concorrência), ficou claro que a solução proposta pelo Consórcio AABP não é a mesma do atestado apresentado. Embora a solução CCF tenha sido renomeada para CCA, este é apenas um complemento da solução ofertada e pode não ser utilizado. Corroborando este raciocínio, cabe ressaltar que a solução CCF, na época de sua implementação, não requeria a Solução Microsoft CRM Dynamics, sendo soluções completamente distintas, conforme resposta fornecida pelo Sr. Antônio Carlos G. Nogueira, datadas de 17 de setembro de 2013 (anexo IV): Destaca-se, ainda, do acima, que a solução ofertada pelo Consórcio AABP, apesar de existente na empresa fornecedora do atestado, não foi implementada por nenhuma empresa participante do Consórcio. Em resposta a questionamento, esclareceu-se que a carta da fabricante seria aceita para comprovar a mera mudança de nome de um produto (anexo V): [QUESTIONAMENTO] (...) Caso o fabricante tenham tornado disponíveis produtos sob novo nome comercial que sejam o objeto da proposta ofertada e estes novos produtos tenham sucedido as linhas de produtos cujo nome comercial sejam os constantes nos atestados, os referidos atestados serão aceitos para fins de pontuação. Está correto o entendimento? [RESPOSTA] O entendimento está correto, desde que seja apresentada uma carta do Fabricante da solução informando a mudança do nome. Não é o caso em questão. Confirmando a resposta anterior, dada pelo Itaú-Unibanco, a fabricante Microsoft esclarece que a solução implementada no Itaú-Unibanco NÃO é a solução ofertada pelo Consórcio AABP, conforme abaixo (anexo VI), datado de 17 de setembro de Por fim, mesmo que o CCA tenha sucedido o CCF, a solução Microsoft CRM Dynamics não sucedeu o CCA, invalidando o atestado apresentado para Habilitação do Consórcio AABP nesta Concorrência.

5 RAZÃO: 'o projeto CCF constituiu na implantação da ferramenta Microsoft CCF para atendimento do Call Center com o objetivo de otimizar o processo de atendimento', ou seja, não se trata de solução CRM ou CzRM, conforme determinam as cláusulas editalícias. CONTRARRAZÃO: "...Call Center é um atendimento CRM. Um atendimento CRM mono canal. E o Edital é claríssimo, ao prever que não é necessário um atestado de CRM multicanal para a qualificação técnica dos licitantes." PARECER: Para fins de Habilitação não é exigido que a ferramenta tivesse sido implementada em multicanal. Este requisito se apresenta apenas para julgamento da proposta técnica, quando da implementação de ferramenta diferente da proposta RAZÃO: Cabe levantar o fato de que a mesma Comissão, em sua nota técnica, não faz menção ao segundo atestado apresentado pelo consórcio AABP, supondo-se, assim, que desconheceu tal documento. CONTRARRAZÃO: "...a Comissão entendeu, corretamente, que o primeiro atestado (emitido pelo Itaú- Unibanco) já continha todos os elementos para a habilitação do Consórcio..." PARECER: No primeiro momento de análise para Habilitação, esta Comissão entendeu que apenas o atestado do Itaú-Unibanco seria suficiente para Habilitação do Consórcio AABP, considerando que este apresentou carta da fabricante justificando o referido atestado, no qual constava nome de Solução diferente daquela proposta pelo Consórcio para ser implementada no Governo de Minas Gerais. Além disso, cabe ressaltar que o segundo atestado não atende aos requisitos do Edital para fins de Habilitação, já que se trata de comprovação de experiência em ferramenta diferente da proposta RAZÃO:...o texto presente no atestado de capacidade técnica do consórcio AABP não atende os requisitos não funcionais e apresentados no Anexo IX - Planilha de requisitos do referido Edital.

6 CONTRARRAZÃO: "...os argumentos trazidos pelo Consórcio Brisa Alfapeople nesses trechos específicos foram retirados da planilha de requerimentos que fazem parte da proposta técnica, que sequer foi aberta" PARECER: Na fase de Habilitação são julgados apenas os itens explicitados pelo Edital. A qualidade técnica da Solução, portanto, não cabe nesta fase, sendo objeto de análise na Proposta Técnica. 2. PARECER FINAL Considerando os termos do Edital, em especial do item , que exige, para fins de Habilitação: Implantação e suporte da Solução de Atendimento a Clientes ou Cidadãos (Customer Relationship Management CRM ou Citizen Relationship Management - CzRM), do mesmo fabricante e nome comercial de mercado que o software ofertado pela LICITANTE. O escopo de implantação deve ter abrangido no mínimo as seguintes atividades: configuração, parametrização, criação de interfaces, treinamento, testes, implantação em ambiente de produção e operação assistida. A Solução deve ter sido utilizada para controlar no mínimo 6 milhões de atendimentos, ocorridos em um período de no máximo 1 (um) ano. (grifo nosso) E diante do exposto, julga-se: 2.1. parcialmente procedente as razões de recurso apresentadas pelo Consórcio Brisa Alfapeople e considera-se o consórcio AABP inabilitado por não atender aos requisitos do item do Edital de Licitação improcedente as razões de recurso apresentadas pelo Consórcio AABP, mantendo-se habilitados a empresa Plusoft Informática S/A e o Consórcio Brisa Alfapeople. Encaminha-se esta nota técnica para decisão da autoridade competente. Gustavo Henrique Campos dos Santos Presidente da Comissão Especial de Licitação Damião José Rodrigues da Rocha Membro da Comissão Especial de Licitação Frederico Afonso Maximiano Membro da Comissão Especial de Licitação

7 ANEXO I CRC ALFAPEOPLE

8

9

10 ANEXO II CPFL

11 ANEXO III RELATÓRIO ANUAL 2012 CPFL ENERGIA

12 ANEXO IV ITAÚ-UNIBANCO

13 ANEXO V RESPOSTA A QUESTIONAMENTOS

14 ANEXO VI MICROSOSFT

RESPOSTAS DOS QUESTIONAMENTOS DA CONCORRÊNCIA Nº002/2014-INCRA

RESPOSTAS DOS QUESTIONAMENTOS DA CONCORRÊNCIA Nº002/2014-INCRA RESPOSTAS DOS QUESTIONAMENTOS DA CONCORRÊNCIA Nº002/2014-INCRA Acumulado até 03/02/2015 1 Pergunta Para a solução a ser apresentada para atendimento ao briefing deve ser utilizada a identidade digital

Leia mais

Pergunta: 4- No RF_39 e RF_$1 fala-se em carta de pagamento e carta de apresentação, o que seriam tais documentos?

Pergunta: 4- No RF_39 e RF_$1 fala-se em carta de pagamento e carta de apresentação, o que seriam tais documentos? RESPOSTA AOS PEDIDOS DE ESCLARECIMENTOS Nº 01/2014 Licitação: Concorrência nº 0047/2014 Objeto: Aquisição de licença permanente de um sistema para gestão hoteleira para a realização de reservas, definição

Leia mais

INSTRUÇÕES AOS PROPONENTES CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE SEGURANÇA E VIGILÂNCIA ARMADA PARA AS INSTALAÇÕES DO ONS EM BRASÍLIA/DF

INSTRUÇÕES AOS PROPONENTES CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE SEGURANÇA E VIGILÂNCIA ARMADA PARA AS INSTALAÇÕES DO ONS EM BRASÍLIA/DF INSTRUÇÕES AOS PROPONENTES CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE SEGURANÇA E VIGILÂNCIA ARMADA PARA AS INSTALAÇÕES DO ONS EM BRASÍLIA/DF Ref: Aviso de Edital ADG nº 003/2014 publicado em 28/10/2014. 1 1. OBJETO A

Leia mais

PREFEITURA DE PALMAS SECRETARIA MUNICIPAL EXTRAORDINÁRIA DOS JOGOS INDÍGENAS EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2015/SEJI

PREFEITURA DE PALMAS SECRETARIA MUNICIPAL EXTRAORDINÁRIA DOS JOGOS INDÍGENAS EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2015/SEJI PREFEITURA DE PALMAS SECRETARIA MUNICIPAL EXTRAORDINÁRIA DOS JOGOS INDÍGENAS EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2015/SEJI EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO PARA SELEÇÃO DE INTERESSADOS NA OPERAÇÃO E GESTÃO

Leia mais

Dos fornecedores credenciados, 03 (três) incluíram propostas comerciais, conforme abaixo:

Dos fornecedores credenciados, 03 (três) incluíram propostas comerciais, conforme abaixo: ATA DA SESSÃO PÚBLICA DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 055/7068-2014, PARA O REGISTRO DE PREÇOS, PELO PRAZO DE 12 (DOZE) MESES, PARA A PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ORGANIZAÇÃO DE BUFÊ COM FORNECIMENTO DE ALIMENTOS,

Leia mais

REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL CONSELHO REGIONAL DE ADMINISTRAÇÃO DO ESPÍRITO SANTO

REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL CONSELHO REGIONAL DE ADMINISTRAÇÃO DO ESPÍRITO SANTO DECISÃO DE RECURSOS ADMINISTRATIVOS TOMADA DE PREÇOS Nº 002/2013 PROCESSO Nº 021/2013 FASE: QUALIFICAÇÃO TÉCNICA RECURSO INTERPOSTO POR ADVOCACIA LUCIANO CEOTTO RELATÓRIO Cuida-se de recurso administrativo

Leia mais

INFORMAÇÕES AOS FORNECEDORES SEJA NOSSO FORNECEDOR REGULAMENTO PARA EMISSÃO DO CRC COCEL (parte integrante do site www.cocel.com.

INFORMAÇÕES AOS FORNECEDORES SEJA NOSSO FORNECEDOR REGULAMENTO PARA EMISSÃO DO CRC COCEL (parte integrante do site www.cocel.com. 1/7 INFORMAÇÕES AOS FORNECEDORES SEJA NOSSO FORNECEDOR REGULAMENTO PARA EMISSÃO DO CRC COCEL (parte integrante do site www.cocel.com.br) INFORMAÇÕES I. O interessado na inscrição no Cadastro de Fornecedores

Leia mais

Circ.Demap/Dilic-571/2013 Brasília, 4 de dezembro de 2013 Pt. 1301581740

Circ.Demap/Dilic-571/2013 Brasília, 4 de dezembro de 2013 Pt. 1301581740 1 Circ.Demap/Dilic-571/2013 Brasília, 4 de dezembro de 2013 Pt. 1301581740 Às Licitantes da Concorrência Internacional Demap nº 133/2013 Prezados Senhores: Referimo-nos ao Edital da Concorrência Internacional

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE MATO RICO ESTADO DO PARANÁ CNPJ - 95.684.510/0001-31 COMISSÃO MUNICIPAL DE LICITAÇÃO

PREFEITURA MUNICIPAL DE MATO RICO ESTADO DO PARANÁ CNPJ - 95.684.510/0001-31 COMISSÃO MUNICIPAL DE LICITAÇÃO DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA PARA REGISTRO CADASTRAL (Conf. Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993) I - Para a habilitação jurídica: a) Cédula de identidade e registro comercial na repartição competente, para

Leia mais

INSCRIÇÃO OU RENOVAÇÃO CADASTRAL

INSCRIÇÃO OU RENOVAÇÃO CADASTRAL INSCRIÇÃO OU RENOVAÇÃO CADASTRAL 1. DA ENTREGA DA DOCUMENTAÇÃO 1.1. Os interessados em se inscrever e/ou renovar o Registro Cadastral junto ao GRB deverão encaminhar a documentação a seguir estabelecida,

Leia mais

Quais são as 4 principais certidões indispensável para participar em uma licitação?

Quais são as 4 principais certidões indispensável para participar em uma licitação? Quais são as 4 principais certidões indispensável para participar em uma licitação? As certidões indispensáveis à participação nas licitações, conforme previsto no artigo 27 da Lei 8.666/93, são: certidão

Leia mais

EMPRESA MUNICIPAL DE INFORMÁTICA S/A IPLANRIO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO ESCLARECIMENTO PROCESSO 01.300.180/2012 PE 0266/2012

EMPRESA MUNICIPAL DE INFORMÁTICA S/A IPLANRIO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO ESCLARECIMENTO PROCESSO 01.300.180/2012 PE 0266/2012 EMPRESA MUNICIPAL DE INFORMÁTICA S/A IPLANRIO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO ESCLARECIMENTO PROCESSO 01.300.180/2012 PE 0266/2012 Trata-se de impugnações interpostas pelas licitantes abaixo relacionadas,

Leia mais

AVISO DE CADASTRAMENTO DE INTERESSADOS EM PARTICIPAR DE PESQUISAS DE SATISFAÇÃO JUNTO AOS PROFISSIONAIS INSCRITOS NO COREN/SP

AVISO DE CADASTRAMENTO DE INTERESSADOS EM PARTICIPAR DE PESQUISAS DE SATISFAÇÃO JUNTO AOS PROFISSIONAIS INSCRITOS NO COREN/SP AVISO DE CADASTRAMENTO DE INTERESSADOS EM PARTICIPAR DE PESQUISAS DE SATISFAÇÃO JUNTO AOS PROFISSIONAIS INSCRITOS NO COREN/SP 1. PREÂMBULO 1.1. O Conselho Regional de Enfermagem de São Paulo, doravante

Leia mais

O que é o Cadastro Unificado de Fornecedores do Estado - CADFOR? Como posso emitir meu Certificado de Registro Cadastral CRC homologado?

O que é o Cadastro Unificado de Fornecedores do Estado - CADFOR? Como posso emitir meu Certificado de Registro Cadastral CRC homologado? O que é o Cadastro Unificado de Fornecedores do Estado - CADFOR? O Cadastro Unificado de Fornecedores do Estado CADFOR é o registro cadastral de interessados em fornecer produtos, serviço e/ou obras para

Leia mais

((NG))EMPRESA VERT((CL))

((NG))EMPRESA VERT((CL)) ((TITULO))ATA DA CONSULTA PÚBLICA Nº 04/2015 (PERGUNTAS E RESPOSTAS) CONTRATAÇÃO DA ATUALIZAÇÃO TECNOLÓGICA DO ATUAL AMBIENTE VMWARE VSPHERE PARA A SOLUÇÃO VMWARE VCLOUD SUITE, SENDO COMPOSTA PELA ATUALIZAÇÃO

Leia mais

ATA DA SESSÃO DE JULGAMENTO DAS IMPUGNAÇÕES AOS DOCUMENTOS APRESENTADOS PELAS CONCORRENTES E DA HABILITAÇÃO

ATA DA SESSÃO DE JULGAMENTO DAS IMPUGNAÇÕES AOS DOCUMENTOS APRESENTADOS PELAS CONCORRENTES E DA HABILITAÇÃO PROCESSO Nº 0185/2009 CONCORRÊNCIA Nº 010/2009 LICITAÇÃO DO TIPO MENOR VALOR DE TARIFA TÉCNICA COM OUTORGA PRÉ-FIXADA, PARA OPERAÇÃO DO SERVIÇO DE TRANSPORTE COLETIVO URBANO, NO MUNICÍPIO DE SOROCABA/SP.

Leia mais

Objeto: Aquisição de gêneros alimentícios para IF Sudeste MG Campus Barbacena (SAN, Laboratório de nutrição, aulas práticas e PRONATEC).

Objeto: Aquisição de gêneros alimentícios para IF Sudeste MG Campus Barbacena (SAN, Laboratório de nutrição, aulas práticas e PRONATEC). Pregão Eletrônico 07/2014 Processo: 23355.000130/2014-31 Objeto: Aquisição de gêneros alimentícios para IF Sudeste MG Campus Barbacena (SAN, Laboratório de nutrição, aulas práticas e PRONATEC). JULGAMENTO

Leia mais

Processo nº 72000.002655/2009-70 Assunto: Pregão Eletrônico nº 08/2009 - Recurso Administrativo interposto pela empresa: MINDWARE SISTEMAS LTDA.

Processo nº 72000.002655/2009-70 Assunto: Pregão Eletrônico nº 08/2009 - Recurso Administrativo interposto pela empresa: MINDWARE SISTEMAS LTDA. Ministério do Turismo Secretaria Executiva Diretoria de Gestão Interna Coordenação Geral de Recursos Logísticos EMI Bloco U - 2º Andar Sala 232 CEP: 70065-900 Telefone: (61) 321-8202 Processo nº 72000.002655/2009-70

Leia mais

CADASTRO DE FORNECEDORES E RENOVAÇÃO CADASTRAL DME DISTRIBUIÇÃO S/A - DMED DOS PROCEDIMENTOS

CADASTRO DE FORNECEDORES E RENOVAÇÃO CADASTRAL DME DISTRIBUIÇÃO S/A - DMED DOS PROCEDIMENTOS CADASTRO DE FORNECEDORES E RENOVAÇÃO CADASTRAL DME DISTRIBUIÇÃO S/A - DMED DOS PROCEDIMENTOS A Supervisão de Suprimentos é a responsável pelo cadastramento dos fornecedores, bem como pela renovação cadastral

Leia mais

ILUSTRÍSSIMO PREGOEIRA E DOUTA COMISSÃO DE LICITAÇÃO DO CONSELHO DE CONTABILIDADE DO ESTADO DA BAHIA

ILUSTRÍSSIMO PREGOEIRA E DOUTA COMISSÃO DE LICITAÇÃO DO CONSELHO DE CONTABILIDADE DO ESTADO DA BAHIA ILUSTRÍSSIMO PREGOEIRA E DOUTA COMISSÃO DE LICITAÇÃO DO CONSELHO DE CONTABILIDADE DO ESTADO DA BAHIA CONTRA RAZÔES AO RECURSO DA ART DIGITAL A CARTA CONVITE Nº 005/2010 Tipo Menor Preço. PROCESSO ADMINSTRATIVO

Leia mais

O Banco do Nordeste do Brasil S.A. deseja conhecer as opções de solução fiscal e de gestão tributária existentes no mercado.

O Banco do Nordeste do Brasil S.A. deseja conhecer as opções de solução fiscal e de gestão tributária existentes no mercado. O., situado à Avenida Pedro Ramalho, 5700, Bairro Passaré Fortaleza-CE, através do Projeto Estratégico Sistema Integrado de Gestão Empresarial Aquisição e Implantação de ERP (Enterprise Resources Planning)

Leia mais

Consórcio Intermunicipal de Saúde do Médio Paranapanema

Consórcio Intermunicipal de Saúde do Médio Paranapanema Licitação: Processo administrativo 073/13 Edital - Convite 002/13 Assunto: Resposta ao recurso apresentado contra o julgamento da habilitação. Senhor Presidente do CISMEPAR, A empresa Carvalho Projetos

Leia mais

Apreciação de Recurso Administrativo Pregão Eletrônico nº. 24/2008

Apreciação de Recurso Administrativo Pregão Eletrônico nº. 24/2008 Processo: A 08/376 Interessado: Gerência de Recursos Humanos Assunto: Contratação de Empresa Especializada em administração, gerenciamento, emissão, distribuição e fornecimento de documentos de legitimação,

Leia mais

Memorial Técnico para Elaboração de Proposta Comercial

Memorial Técnico para Elaboração de Proposta Comercial I MEMORIAL TÉCNICO DO XXVII CBP: 1. Objeto da Concorrência: 1.1. Selecionar a(s) Montadora(s) prestadora(s) de serviços de montagem para as diversas fases BLOCOS para a implantação do XXVII CBP no Transamérica

Leia mais

PARECER Nº 02/2008 Em 29.02.2008

PARECER Nº 02/2008 Em 29.02.2008 PARECER Nº 02/2008 Em 29.02.2008 DE: Comissão Técnica da Concorrência AA 03/2007 PARA: Ana Paula Roma Moura Martins Chefe de Departamento AA/DEJUR ASSUNTO: Concorrência AA 03/2007 CONSIDERAÇÕES INICIAIS:

Leia mais

Processo nº 50608.002622/2012-53

Processo nº 50608.002622/2012-53 Processo nº 50608.002622/2012-53 EXAME DA HABILITAÇÃO JURÍDICA, FISCAL E ECONÔMICO-FINANCEIRA EDITAL Nº 0336/2014-08. Objeto: Elaboração de Projeto Executivo Detalhado para a Reforma e Ampliação da Unidade

Leia mais

Ref: Edital da Concorrência nº. 01/2009. termos do edital, pelas razões a seguir: 1º PEDIDO DE ESCLARECIMENTO:

Ref: Edital da Concorrência nº. 01/2009. termos do edital, pelas razões a seguir: 1º PEDIDO DE ESCLARECIMENTO: Ref: Edital da Concorrência nº. 01/2009 Empresa interessada no certame solicitou PEDIDO DE ESCLLARECI IMENTTO,, aos termos do edital, pelas razões a seguir: 1º PEDIDO DE ESCLARECIMENTO: 1) Com relação

Leia mais

TECHNUM CONSULTORIA SS

TECHNUM CONSULTORIA SS ILUSTRÍSSIMO SENHOR PRESIDENTE DA COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO V DA SECRETARIA MUNICIPAL DE GOVERNO, MUNICÍPIO DE VILA VELHA DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO Edital da Concorrência Pública nº. 006/2014

Leia mais

1. RECEBIMENTO DOS RECURSOS

1. RECEBIMENTO DOS RECURSOS Rio de Janeiro, 01 de julho de 2011 PREGÃO ELETRÔNICO AA 25/2011 ATA DE APRECIAÇÃO DE RECURSOS 1. RECEBIMENTO DOS RECURSOS Foram apresentados recursos pelas licitantes ALLEN RIO SERVIÇO E COMÉRCIO DE PRODUTOS

Leia mais

NOTA TECNICA JULGAMENTO DE RECURSO ADMINISTRATIVO FASE COMPLEMENTAR. Aguiar Feres Auditores Independentes S/S - EPP RECORRIDA:

NOTA TECNICA JULGAMENTO DE RECURSO ADMINISTRATIVO FASE COMPLEMENTAR. Aguiar Feres Auditores Independentes S/S - EPP RECORRIDA: NOTA TECNICA JULGAMENTO DE RECURSO ADMINISTRATIVO FASE COMPLEMENTAR TERMO: Decisório FEITO: Recurso Administrativo REFERENCIA: Pregão Eletrônico nº 39/2015 Contratação de empresa especializada em prestação

Leia mais

Chamamento Público para o Programa Educação e Cultura nas Escolas Públicas/ Pesquisa-ação em iniciativas educacionais

Chamamento Público para o Programa Educação e Cultura nas Escolas Públicas/ Pesquisa-ação em iniciativas educacionais MINISTÉRIO DA CULTURA SECRETARIA DE POLÍTICAS CULTURAIS - SPC DIRETORIA DE EDUCAÇÃO E COMUNICAÇÃO - DEC CHAMAMENTO PUBLICO N 01/2011 Chamamento Público para o Programa Educação e Cultura nas Escolas Públicas/

Leia mais

CONVITE N.º 01/2015 BNDES ATA DE JULGAMENTO DE HABILITAÇÃO

CONVITE N.º 01/2015 BNDES ATA DE JULGAMENTO DE HABILITAÇÃO CONVITE N.º 01/2015 BNDES ATA DE JULGAMENTO DE HABILITAÇÃO Aos vinte e quatro dias do mês de março do ano de dois mil e quinze (24/03/2015), reuniram-se os membros da Comissão Especial de Licitação do

Leia mais

CENTRAIS ELÉTRICAS DE RONDÔNIA S/A CERON

CENTRAIS ELÉTRICAS DE RONDÔNIA S/A CERON Processo: CONCORRÊNCIA N.º 006/2006 Assunto: JULGAMENTO RECURSO ADMINISTRATIVO - HABILITAÇÃO Recorrente: ATLAS CONSTRUÇÕES ELÉTRICOS LTDA - EPP. A Comissão Permanente de Licitação - CPL da Centrais Elétricas

Leia mais

Consulta Pública Contratação de Serviços de TI STI - Superintendência de Tecnologia da Informação

Consulta Pública Contratação de Serviços de TI STI - Superintendência de Tecnologia da Informação Consulta Pública Contratação de Serviços de TI STI - Superintendência de Tecnologia da Informação Diretoria de Soluções Tecnológicas Superintendência de Tecnologia da Informação Objeto Objeto: Prestação

Leia mais

EMPRESA MUNICIPAL DE OBRAS E URBANIZAÇÃO

EMPRESA MUNICIPAL DE OBRAS E URBANIZAÇÃO 1 FUNDAMENTAÇÃO Este Manual contem regras para Cadastramento com fins de Licitação, nos termos da Lei 8.666/93 e alterações posteriores. e está disponível no site www.aracaju.se.gov.br/emurb. REGRAS PARA

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COPASA MG CNPJ/MF 17.281.106/0001 03 Rua Mar de Espanha, 453 / Sto. Antônio Belo Horizonte (MG)

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COPASA MG CNPJ/MF 17.281.106/0001 03 Rua Mar de Espanha, 453 / Sto. Antônio Belo Horizonte (MG) COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COPASA MG CNPJ/MF 17.281.106/0001 03 Rua Mar de Espanha, 453 / Sto. Antônio Belo Horizonte (MG) NORMAS DE CREDENCIAMENTO PARA INSTITUIÇÕES BANCÁRIAS 1. DA FINALIDADE

Leia mais

Comissão Especial de Licitação Concorrência nº 397/2010 Verificador Independente RESPOSTA AOS QUESTIONAMENTOS REALIZADOS EM 08/02/2011

Comissão Especial de Licitação Concorrência nº 397/2010 Verificador Independente RESPOSTA AOS QUESTIONAMENTOS REALIZADOS EM 08/02/2011 RESPOSTA AOS QUESTIONAMENTOS REALIZADOS EM 08/02/2011 EDITAL DE LICITAÇÃO 1. É dito no item 9.6.3 que os atestados de capacitação técnica a que se refere o item 9.6.1 (I a III) deverão ser fornecidos por

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS PARA REGISTRO CADASTRAL DE FORNECEDORES. 1.2. Aprovado o pedido será concedido o CERTIFICADO DE REGISTRO CADASTRAL- Anexo A-4.

CONDIÇÕES GERAIS PARA REGISTRO CADASTRAL DE FORNECEDORES. 1.2. Aprovado o pedido será concedido o CERTIFICADO DE REGISTRO CADASTRAL- Anexo A-4. 1/9 CONDIÇÕES GERAIS PARA REGISTRO CADASTRAL DE FORNECEDORES A inscrição no Cadastro de Fornecedores da CET é regulada pelas presentes Condições Gerais, nos termos da Seção III - DOS REGISTROS CADASTRAIS

Leia mais

PROGRAMA BRASIL ARTE CONTEMPORÂNEA Primeira edição do Prêmio "Publicações em língua estrangeira de Arte Contemporânea"

PROGRAMA BRASIL ARTE CONTEMPORÂNEA Primeira edição do Prêmio Publicações em língua estrangeira de Arte Contemporânea PROGRAMA BRASIL ARTE CONTEMPORÂNEA Primeira edição do Prêmio "Publicações em língua estrangeira de Arte Contemporânea" EDITAL DE SELEÇÃO PÚBLICA PREÂMBULO A Fundação Bienal de São Paulo convoca interessados

Leia mais

Apreciação de Recurso Administrativo Pregão Presencial nº. 18/2007

Apreciação de Recurso Administrativo Pregão Presencial nº. 18/2007 Processo: A 07/204 Interessado: Assunto: Gerência Administrativa Contratação de empresa especializada para a prestação de serviços em implementação de windows server 2003 enterprise, active directory,

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS DO FORNECEDOR PARA PARTICIPAÇÃO EM

MANUAL DE PROCEDIMENTOS DO FORNECEDOR PARA PARTICIPAÇÃO EM MANUAL DE PROCEDIMENTOS DO FORNECEDOR PARA PARTICIPAÇÃO EM COTAÇÕES E PREGÕES ELETRÔNICOS Sumário 1. Introdução... 2 2. Procedimento para cadastro... 2 3. Conhecendo o Sistema de Compras Eletrônicas da

Leia mais

REVISÃO 21 RELAÇÃO DE DOCUMENTOS - RENOVAÇÃO QUALIFICAÇÃO TÉCNICA PASTA AMARELA

REVISÃO 21 RELAÇÃO DE DOCUMENTOS - RENOVAÇÃO QUALIFICAÇÃO TÉCNICA PASTA AMARELA REVISÃO 21 RELAÇÃO DE DOCUMENTOS - RENOVAÇÃO QUALIFICAÇÃO TÉCNICA PASTA AMARELA 1. Na renovação a empresa deverá informar, por escrito, se houve ou não alteração dos documentos de Qualificação Técnica

Leia mais

SECRETARIA DA FAZENDA SUPERVISÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DIVISÃO DE SISTEMAS E TECNOLOGIA

SECRETARIA DA FAZENDA SUPERVISÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DIVISÃO DE SISTEMAS E TECNOLOGIA LICITAÇÃO PÚBLICA INTERNACIONAL - LPI N 0 001/CELIC/2014 PROCESSO ADMINISTRATIVO N 0 0122073-14.00/12-0 RESPOSTAS DO CONTRATANTE Respostas aos questionamentos enviados pela empresa STEFANINI ASSESSORIA

Leia mais

SUPERINTENDÊNCIA DE ÁGUA E ESGOTO AV. HUGO ALESSI Nº 50 B. NDUSTRIAL - FONE: (0**34) 3242-3579/3242-5026 ARAGUARI MG

SUPERINTENDÊNCIA DE ÁGUA E ESGOTO AV. HUGO ALESSI Nº 50 B. NDUSTRIAL - FONE: (0**34) 3242-3579/3242-5026 ARAGUARI MG SUPERINTENDENCIA DE AGUA E ESGOTO DE ARAGUARI DEPARTAMENTO DE LICITAÇÕES E CONTRATOS COMISSÃO ESPECIAL DE CADASTRO/SETOR DE CADASTRO INSTRUÇÕES GERAIS 1. OBJETIVO Estabelecer normas e procedimentos para

Leia mais

AO SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM INDUSTRIAL SENAI.

AO SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM INDUSTRIAL SENAI. Camanducaia/MG, 23 de Janeiro de 2013 AO SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM INDUSTRIAL SENAI. Departamento Regional / BA. Gerência de Suprimentos. Rua Edístio Pondé, n. 342, STIEP, Salvador/BA, CEP. 41.770-395.

Leia mais

PERGUNTAS E RESPOSTAS

PERGUNTAS E RESPOSTAS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS PERGUNTAS E RESPOSTAS 1. O microempreendedor individual pode participar de compras públicas? Sim, o Microempreendedor (MEI), pode participar de licitações. A Administração deverá

Leia mais

PREGÃO PRESENCIAL EDITAL 239/2009/DNIT 1º CADERNO DE PERGUNTAS E RESPOSTAS

PREGÃO PRESENCIAL EDITAL 239/2009/DNIT 1º CADERNO DE PERGUNTAS E RESPOSTAS PREGÃO PRESENCIAL EDITAL 239/2009/DNIT 1º CADERNO DE PERGUNTAS E RESPOSTAS 1ª PERGUNTA: Pelo que entendemos no edital o sistema será implantado em cada unidade do DNIT, com banco de dados descentralizados

Leia mais

PERGUNTAS E RESPOSTAS CRA

PERGUNTAS E RESPOSTAS CRA PERGUNTAS E RESPOSTAS CRA 1. O que é a CRA? A CRA é a Central de Relacionamento com o Aluno. Um departamento criado para atender às solicitações acadêmicas e financeiras, através de diversificados canais

Leia mais

ATA DE JULGAMENTO DE DOCUMENTOS DE HABILITAÇÃO TP 07/2013 CORINGA COM.E REPRES. DE EQUI.ELETR.DE SEGURANCA LTDA:

ATA DE JULGAMENTO DE DOCUMENTOS DE HABILITAÇÃO TP 07/2013 CORINGA COM.E REPRES. DE EQUI.ELETR.DE SEGURANCA LTDA: ATA DE JULGAMENTO DE DOCUMENTOS DE HABILITAÇÃO TP 07/2013 Esclarecimentos gerais: 1. Conforme SEÇÃO III do edital, item 7, poderão participar desta Tomada de Preços quaisquer licitantes que comprovarem

Leia mais

RESOLUÇÃO CONJUNTA CGM/SMAS/SMA Nº 019 DE 29 ABRIL DE 2005

RESOLUÇÃO CONJUNTA CGM/SMAS/SMA Nº 019 DE 29 ABRIL DE 2005 RESOLUÇÃO CONJUNTA CGM/SMAS/SMA Nº 019 DE 29 ABRIL DE 2005 Dispõe sobre os procedimentos para cadastramento de Fundações Privadas ou Associações pela Comissão de Cadastramento de ONGs e Associações, de

Leia mais

1.3. Poderá(rão) ser escolhida(s) uma ou mais empresas para a prestação do serviço(s).

1.3. Poderá(rão) ser escolhida(s) uma ou mais empresas para a prestação do serviço(s). I MEMORIAL TÉCNICO DO XXXII CBP: 1. Objeto da Concorrência: 1.1. O objeto da presente concorrência é a contratação de empresa Prestadora de serviços para secretaria e pessoal de apoio para o XXXII Congresso

Leia mais

CONCORRÊNCIA AA 03/2010-BNDES ATA DA REUNIÃO DE JULGAMENTO DO RECURSO DA PROPOSTA TÉCNICA

CONCORRÊNCIA AA 03/2010-BNDES ATA DA REUNIÃO DE JULGAMENTO DO RECURSO DA PROPOSTA TÉCNICA CONCORRÊNCIA AA 03/2010-BNDES ATA DA REUNIÃO DE JULGAMENTO DO RECURSO DA PROPOSTA TÉCNICA Aos quinze dias do mês de fevereiro do ano de dois mil e onze (15/02/2011), nas dependências do BNDES, reuniram-se

Leia mais

3. Repasse de benefícios para a Associação Brasileira de Psiquiatria, Organizadora e Promotora do XXXI CBP:

3. Repasse de benefícios para a Associação Brasileira de Psiquiatria, Organizadora e Promotora do XXXI CBP: I MEMORIAL TÉCNICO DO XXXI CBP: 1. Objeto da Concorrência: EDITAL DE CONCORRÊNCIA PARA APRESENTAÇÃO DE 4 1.1. O objeto da presente concorrência é a contratação da empresa de Prestadora de Serviços de Locação

Leia mais

Solicitando o Cartão BNDES no Portal de Operações do BNDES

Solicitando o Cartão BNDES no Portal de Operações do BNDES SOLICITANDO O CARTO BNDES NO PORTAL DE OPERAÇÕES DO BNDES CARTO Solicitando o Cartão BNDES no Portal de Operações do BNDES - Cartão BNDES Formatados: Marcadores e numeração C:\BNDES - SOLICITACAO DE CARTAO.doc

Leia mais

ANEXO 7 MODELOS DE ATESTADOS E DECLARAÇÕES

ANEXO 7 MODELOS DE ATESTADOS E DECLARAÇÕES 77 ANEXO 7 MODELOS DE ATESTADOS E DECLARAÇÕES 1. Disposições Gerais A) As declarações devem estar em papel timbrado da licitante, contendo o nome, cargo ou função, dados de identificação (CPF e identidade),

Leia mais

MINISTÉRIO DA CULTURA INSTITUTO BRASILEIRO DE MUSEUS

MINISTÉRIO DA CULTURA INSTITUTO BRASILEIRO DE MUSEUS MINISTÉRIO DA CULTURA INSTITUTO BRASILEIRO DE MUSEUS EDITAL SELEÇÃO DE PROJETOS Nº /2012 O Instituto Brasileiro de Museus - IBRAM autarquia federal vinculada ao Ministério da Cultura, criada pela Lei n.º

Leia mais

DIRETORIA DE ADMINISTRAÇÃO - DAD COORDENAÇÃO GERAL DE ADMINISTRAÇÃO E FINANÇAS CGADM COORDENAÇÃO DE INFRAESTRUTURA COINF SERVIÇO DE LICITAÇÃO - SELIC

DIRETORIA DE ADMINISTRAÇÃO - DAD COORDENAÇÃO GERAL DE ADMINISTRAÇÃO E FINANÇAS CGADM COORDENAÇÃO DE INFRAESTRUTURA COINF SERVIÇO DE LICITAÇÃO - SELIC DIRETORIA DE ADMINISTRAÇÃO - DAD COORDENAÇÃO GERAL DE ADMINISTRAÇÃO E FINANÇAS CGADM COORDENAÇÃO DE INFRAESTRUTURA COINF SERVIÇO DE LICITAÇÃO - SELIC Brasília, 20 de fevereiro de 2009. Ref.: Processo n

Leia mais

CONCORRÊNCIA Nº 06/2015 PERGUNTAS E RESPOSTAS

CONCORRÊNCIA Nº 06/2015 PERGUNTAS E RESPOSTAS CONCORRÊNCIA Nº 06/2015 PERGUNTAS E RESPOSTAS Pergunta 1: Com relação a qualificação econômico-financeira, o item 3.8.3.2 requer um capital social integralizado não inferior a R$ 800.000,00. Esse valor

Leia mais

VALEC: Desenvolvimento Sustentável para o Cerrado Brasileiro 1ª ERRATA EDITAL DE CONCORRÊNCIA Nº 008/2008

VALEC: Desenvolvimento Sustentável para o Cerrado Brasileiro 1ª ERRATA EDITAL DE CONCORRÊNCIA Nº 008/2008 1ª ERRATA EDITAL DE CONCORRÊNCIA Nº 008/2008 1) INSTRUÇÕES ÀS LICITANTES ITEM 6.2.4 QUALIFICAÇÃO TÉCNICA Onde se lê: 6.2.4 Qualificação Técnica a) Registro/Certidão de inscrição no CREA e/ou CRA, da empresa

Leia mais

PARECER 068/2015 PROCESSO DE LICITAÇÃO 004/2015 1 DO BREVE RESUMO FÁTICO

PARECER 068/2015 PROCESSO DE LICITAÇÃO 004/2015 1 DO BREVE RESUMO FÁTICO PARECER 068/2015 PROCESSO DE LICITAÇÃO 004/2015 1 DO BREVE RESUMO FÁTICO Cuida-se de processo de licitação na modalidade Pregão Presencial 04/2015, tipo Menor Preço por Item, para aquisição de 05 (cinco)

Leia mais

Solicitando o Cartão BNDES

Solicitando o Cartão BNDES Solicitando o Cartão BNDES Atualizado em 30/06/2014 Pág.: 1/12 Introdução Este manual destina-se a orientar as micro, pequenas e médias empresas (MPMEs) na solicitação do Cartão BNDES no site do Cartão

Leia mais

MANUAL DA EMPRESA DESENVOLVEDORA DE PROGRAMA APLICATIVO FISCAL - PAF-ECF (RESPONSÁVEL TÉCNICO)

MANUAL DA EMPRESA DESENVOLVEDORA DE PROGRAMA APLICATIVO FISCAL - PAF-ECF (RESPONSÁVEL TÉCNICO) SECRETARIA DA FAZENDA DE GOIÁS SUPERINTENDÊNCIA DA RECEITA ESTADUAL GEAF - GERÊNCIA DE ARRECADAÇÃO E FISCALIZAÇÃO COAF - COORDENAÇÃO DE AUTOMAÇÃO FISCAL MANUAL DA EMPRESA DESENVOLVEDORA DE PROGRAMA APLICATIVO

Leia mais

IMPORTANTE!!! OBJETO: CREDENCIAMENTO DE EMPRESAS PARA A PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE CORRESPONDENTE NÃO BANCÁRIO DO BRB.

IMPORTANTE!!! OBJETO: CREDENCIAMENTO DE EMPRESAS PARA A PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE CORRESPONDENTE NÃO BANCÁRIO DO BRB. EDITAL DE CREDENCIAMENTO BRB - 2007/001 IMPORTANTE!!! É de responsabilidade do licitante o acompanhamento das alterações do Edital. O BRB não se responsabiliza pelo problemas de conexão e/ou falha na comunicação

Leia mais

REQUISIÇÃO DE PROPOSTA. 1.1 Desenvolver o Plano de Continuidade de Negócios - PCN com base na ISO 22301.

REQUISIÇÃO DE PROPOSTA. 1.1 Desenvolver o Plano de Continuidade de Negócios - PCN com base na ISO 22301. REQUISIÇÃO DE PROPOSTA Esta Requisição de Proposta foi elaborada pela Gerência de Segurança Empresarial - GESEM da Cartão BRB e tem como objetivo fornecer aos interessados as especificações do objeto abaixo,

Leia mais

JULGAMENTO DE RECURSO ADMINISTRATIVO

JULGAMENTO DE RECURSO ADMINISTRATIVO JULGAMENTO DE RECURSO ADMINISTRATIVO EMENTA: Edital 0259/2013-08, seleção de empresa especializada para prestação de serviços na área de condução de veículos oficiais da frota da Superintendência Regional

Leia mais

FICHA DE REGISTRO CADASTRAL DE FORNECEDORES. Endereço da Matriz : Rua/Av.:... N.º...

FICHA DE REGISTRO CADASTRAL DE FORNECEDORES. Endereço da Matriz : Rua/Av.:... N.º... FICHA DE REGISTRO CADASTRAL DE FORNECEDORES SETOR DE COMPRAS E LICITAÇÕES Requeremos por meio desta, junto ao Setor de Compras e Licitações Registro n.º EMPRESA Inscrição ( ) Revalidação ( ) Razão Social:...

Leia mais

Sarmento Concursos Ltda.

Sarmento Concursos Ltda. JULGAMENTO DE RECURSOS REFERENTE ÁS PROVAS PRÁTICAS CONCURSO PÚBLICO - EDITAL Nº 01/2011 A Comissão Examinadora do Concurso Público Edital nº 01/2011, da Companhia de Informática de Jundiaí CIJUN-SP, no

Leia mais

ÍNDICE. Manual do COMPRASNET Versão 1 Jan/2002 2

ÍNDICE. Manual do COMPRASNET Versão 1 Jan/2002 2 ÍNDICE ÍNDICE...2 1. Introdução...3 2. Navegando pela área de livre acesso...4 3. Navegando pela área de ACESSO SEGURO...6 A. Instalando o Certificado de Segurança...6 B. Fazendo Cadastramento nos Serviços

Leia mais

Solicitando o Cartão BNDES

Solicitando o Cartão BNDES Solicitando o Cartão BNDES Atualizado em 13/09/2013 Pág.: 1/15 Introdução Este manual destina-se a orientar as micro, pequenas e médias empresas (MPMEs) na solicitação do Cartão BNDES no Portal de Operações

Leia mais

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União DESPACHO

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União DESPACHO PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União DESPACHO Referência: Processo n. 99901.000350/2013-11 Assunto: Recurso contra decisão denegatória ao pedido de acesso à informação

Leia mais

TERCEIRA ATA DE DIVULGAÇÃO DE RESPOSTAS AOS QUESTIONAMENTOS FORMULADOS POR EMPRESA INTERESSADA NA CONCORRÊNCIA Nº 1/2014 DA SAC/PR

TERCEIRA ATA DE DIVULGAÇÃO DE RESPOSTAS AOS QUESTIONAMENTOS FORMULADOS POR EMPRESA INTERESSADA NA CONCORRÊNCIA Nº 1/2014 DA SAC/PR PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA SECRETARIA DE AVIAÇÃO CIVIL TERCEIRA ATA DE DIVULGAÇÃO DE RESPOSTAS AOS QUESTIONAMENTOS FORMULADOS POR EMPRESA INTERESSADA NA CONCORRÊNCIA Nº 1/2014 DA SAC/PR Objeto da Concorrência

Leia mais

ISO 9001:2008. Alterações e Adições da nova versão

ISO 9001:2008. Alterações e Adições da nova versão ISO 9001:2008 Alterações e Adições da nova versão Notas sobe esta apresentação Esta apresentação contém as principais alterações e adições promovidas pela edição 2008 da norma de sistema de gestão mais

Leia mais

Manaus, 14 de agosto de 2015. RECURSO ADMINISTRATIVO. Pregão Eletrônico SRP Nº 06/2015. Protocolos nº 4681/2015 e 4701/2015 Recurso e

Manaus, 14 de agosto de 2015. RECURSO ADMINISTRATIVO. Pregão Eletrônico SRP Nº 06/2015. Protocolos nº 4681/2015 e 4701/2015 Recurso e Manaus, 14 de agosto de 2015. RECURSO ADMINISTRATIVO. Pregão Eletrônico SRP Nº 06/2015. Protocolos nº 4681/2015 e 4701/2015 Recurso e Protocolo nº 4835/2015 - Contrarrazões À Autoridade competente da PRODAM

Leia mais

OFÍCIO-CIRCULAR/CVM/SMI/Nº 1/2015 São Paulo, 8 de janeiro de 2015

OFÍCIO-CIRCULAR/CVM/SMI/Nº 1/2015 São Paulo, 8 de janeiro de 2015 OFÍCIO-CIRCULAR/CVM/SMI/Nº 1/2015 São Paulo, 8 de janeiro de 2015 Aos Custodiantes de Valores Mobiliários ( custodiantes ) Assunto: Adaptação à Instrução CVM Nº 542/2013 Prezados Senhores, 1. Nos termos

Leia mais

Venho através deste, responder os questionamentos referentes ao pregão presencial 003/2015.

Venho através deste, responder os questionamentos referentes ao pregão presencial 003/2015. Para: Mariana A. Dominguez Diretora Comercial Coringa Net De: Marcio Rodrigues Data: 10/02/2015 Prezada Sra. Venho através deste, responder os questionamentos referentes ao pregão presencial 003/2015.

Leia mais

I - LOCAL DE ENTREGA DOS ENVELOPES:

I - LOCAL DE ENTREGA DOS ENVELOPES: EDITAL de LICITAÇÃO MODALIDADE: CARTA CONVITE N.º 17/2013 Data da abertura dos envelopes: Dia: 25/10/2013 Horário: 13:00 horas Data limite para entrega dos envelopes: Dia: 25/10/2013 Horário: 13:00 horas

Leia mais

CAPÍTULO I DEFINIÇÕES. Art. 2º Para os fins desta portaria, considera-se:

CAPÍTULO I DEFINIÇÕES. Art. 2º Para os fins desta portaria, considera-se: Estabelece regras e procedimentos para a transferência de controle societário ou de titularidade e para a alteração do nome empresarial de contrato de concessão de porto organizado ou de arrendamento de

Leia mais

EDITAL PARA LICITAÇAO PARA A GESTÃO DE CURSOS DE LINGUA E CULTURA ITALIANA DO ISTITUTO ITALIANO DI CULTURA DI SAN PAOLO

EDITAL PARA LICITAÇAO PARA A GESTÃO DE CURSOS DE LINGUA E CULTURA ITALIANA DO ISTITUTO ITALIANO DI CULTURA DI SAN PAOLO EDITAL PARA LICITAÇAO PARA A GESTÃO DE CURSOS DE LINGUA E CULTURA ITALIANA DO ISTITUTO ITALIANO DI CULTURA DI SAN PAOLO 1) Ente Ofertante Istituto Italiano di Cultura di San Paolo Av. Higienópolis, 436

Leia mais

Manual para emissão do CPF na CRC Nacional versão 1.1

Manual para emissão do CPF na CRC Nacional versão 1.1 Normatização: Manual para emissão do CPF na CRC Nacional versão 1.1 Instrução Normativa Receita Federal Brasileira nº 1548/2015 Art. 3º Estão obrigadas a inscrever-se no CPF as pessoas físicas: V - registradas

Leia mais

Terminada a fase de lances, o item 04 do pregão eletrônico apresentou a seguinte classificação:

Terminada a fase de lances, o item 04 do pregão eletrônico apresentou a seguinte classificação: São João del-rei, 23 de outubro de 2014. Processo: 23122.103528/2014-62 Pregão Eletrônico: 104/2014 Assunto: Decisão Recurso Administrativo 1 PRELIMINARMENTE Vistos e examinados os autos do processo licitatório

Leia mais

Código ANBIMA de. Regulação e Melhores Práticas. para o Programa de Certificação Continuada

Código ANBIMA de. Regulação e Melhores Práticas. para o Programa de Certificação Continuada Código ANBIMA de Regulação e Melhores Práticas para o Programa de Certificação Continuada CAPÍTULO I PROPÓSITO E ABRANGÊNCIA Art. 1. O objetivo do presente Código de Regulação e Melhores Práticas ( Código

Leia mais

Solicitando o Cartão BNDES

Solicitando o Cartão BNDES Solicitando o Cartão BNDES Atualizado em 03/03/2010 Pág.: 1/18 Introdução Este manual destina-se a orientar as micro, pequenas e médias empresas (MPMEs) na solicitação do Cartão BNDES no Portal de Operações

Leia mais

RELATÓRIO DE INSTRUÇÃO DE RECURSOS RECURSO CONTRA DECISÃO DA PREGOEIRA E EQUIPE DE APOIO

RELATÓRIO DE INSTRUÇÃO DE RECURSOS RECURSO CONTRA DECISÃO DA PREGOEIRA E EQUIPE DE APOIO RELATÓRIO DE INSTRUÇÃO DE RECURSOS ASSUNTO: RECURSO CONTRA DECISÃO DA PREGOEIRA E EQUIPE DE APOIO RECORRENTE: AGÊNCIA DE REVISTAS AEROPORTO DA PAMPULHA COMERCIAL LTDA - ME REF.: PREGÃO PRESENCIAL Nº 131/ADSU/SBNF/2013

Leia mais

DÚVIDAS SOBRE O CREDENCIAMENTO - EDITAL Nº 001/06 e EDITAL 002/06

DÚVIDAS SOBRE O CREDENCIAMENTO - EDITAL Nº 001/06 e EDITAL 002/06 DÚVIDAS SOBRE O CREDENCIAMENTO - EDITAL Nº 001/06 e EDITAL 002/06 1 - Qual a data limite para o pedido de credenciamento? Em acordo com a Lei Estadual nº 9.433/05, a Administração Pública deve garantir

Leia mais

EMPRESAS PRESTADORAS DE SERVIÇO

EMPRESAS PRESTADORAS DE SERVIÇO O cadastro de fornecedores na CELESC é unificado, sendo válido para Centrais Elétricas de Santa Catarina S/A, Celesc Distribuição S/A e Celesc Geração S/A. Poderão se inscrever no cadastro de fornecedores

Leia mais

CONSELHO FEDERAL DE NUTRICIONISTAS CONSELHO REGIONAL DE NUTRICIONISTAS - 3ª Região (SP, MS)

CONSELHO FEDERAL DE NUTRICIONISTAS CONSELHO REGIONAL DE NUTRICIONISTAS - 3ª Região (SP, MS) CARTA CONVITE Nº: 008/2013. São Paulo, 04 de junho de 2.013. Processo n.º 042-05/2013 Tipo: MENOR PREÇO Firma: A/C: E-mail: Convidamos a referida empresa a apresentar proposta para atendimento do objeto

Leia mais

Referência: 52750.000176/2012-24

Referência: 52750.000176/2012-24 NOTA TÉCNICA /2012/OGU/CGU-PR Referência: 52750.000176/2012-24 Assunto: Recurso contra decisão denegatória ao pedido de acesso à informação requerido ao Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE ESTÂNCIA VELHA

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE ESTÂNCIA VELHA DECRETO MUNICIPAL N.º 102/2014, de 11 de dezembro de 2014. REGULAMENTA PROCEDIMENTOS, RELATIVOS A AIDOF, NOTAS FISCAIS DE SERVIÇO, ESCRITURAÇÃO FISCAL E REQUERIMENTOS E APRESENTAÇÃO DE DOCUMENTOS FISCAIS

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria de Planejamento e Gestão Econômica Divisão de Licitações e Compras Convite nº 081/2007 Fls.

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria de Planejamento e Gestão Econômica Divisão de Licitações e Compras Convite nº 081/2007 Fls. Convite nº 081/2007 Fls. 1 CARTA CONVITE Processo nº 11784/05 Convite nº 081/2007 Entrega Envelopes até o dia: 15 de junho de 2007, às 14h00. Abertura Envelopes dia: 15 de junho de 2007, às 14h30. A COMISSÃO

Leia mais

Objeto: Aquisição de um Mamógrafo e um Digitalizador de Imagens, conforme especificações descritas no Anexo II Termo de Referência.

Objeto: Aquisição de um Mamógrafo e um Digitalizador de Imagens, conforme especificações descritas no Anexo II Termo de Referência. SOCORRO, 18 DE JUNHO DE 2015. À Exmo. Sr. Prefeito Municipal PROCESSO Nº 030/2015/PMES PREGÃO PRESENCIAL Nº 011/2015 Objeto: Aquisição de um Mamógrafo e um Digitalizador de Imagens, conforme especificações

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SUBSECRETARIA DE ASSUNTOS ADMINISTRATIVOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SUBSECRETARIA DE ASSUNTOS ADMINISTRATIVOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SUBSECRETARIA DE ASSUNTOS ADMINISTRATIVOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO Ofício nº 077/2005/CPL/SAA/SE/MEC Brasília, 04 de maio de 2005. Aos interessados REFERÊNCIA: Concorrência

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO Tribunal Superior Eleitoral Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro. Ata de Realização do Pregão Eletrônico Nº 00034/2014

PODER JUDICIÁRIO Tribunal Superior Eleitoral Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro. Ata de Realização do Pregão Eletrônico Nº 00034/2014 1 de 7 13/07/2014 12:00 Pregão Eletrônico 70017.342014.7428.4375.1578609040.485 PODER JUDICIÁRIO Tribunal Superior Eleitoral Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro Ata de Realização do Pregão Eletrônico

Leia mais

Certificado Digital Usos e Aplicações

Certificado Digital Usos e Aplicações Certificado Digital Usos e Aplicações Certificado Digital: Onde usar? O certificado digital é um documento eletrônico que proporciona agilidade em muitas das atividades realizadas atualmente por seu titular.

Leia mais

PODER EXECUTIVO. Publicado no D.O de 18.02.2010 DECRETO Nº 42.301 DE 12 DE FEVEREIRO DE 2010

PODER EXECUTIVO. Publicado no D.O de 18.02.2010 DECRETO Nº 42.301 DE 12 DE FEVEREIRO DE 2010 Publicado no D.O de 18.02.2010 DECRETO Nº 42.301 DE 12 DE FEVEREIRO DE 2010 REGULAMENTA O SISTEMA DE SUPRIMENTOS NO ÂMBITO DO PODER EXECUTIVO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. O GOVERNADOR

Leia mais

Ministério da Ciência e Tecnologia COMUNICADO CONCORRÊNCIA 003/2004

Ministério da Ciência e Tecnologia COMUNICADO CONCORRÊNCIA 003/2004 COMUNICADO CONCORRÊNCIA 003/2004 OBJETO: contratação de empresa especializada para a prestação de serviços de modelagem, implementação física, implantação de procedimentos, técnicas, operação e gestão

Leia mais

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE CONSULTORIA POR PRODUTO PESSOA FÍSICA

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE CONSULTORIA POR PRODUTO PESSOA FÍSICA Ministério das Relações Exteriores Comitê Nacional de Organização Rio+20 EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE CONSULTORIA POR PRODUTO PESSOA FÍSICA EDITAL Nº 011/2011 CONTRATAÇÃO

Leia mais

Estado de Goiás PREFEITURA MUNICIPAL DE ANICUNS Adm. 2013 / 2016 EDITAL 009-2015 CHAMAMENTO PÚBLICO QUALIFICAÇÃO DE ORGANIZAÇÕES SOCIAIS

Estado de Goiás PREFEITURA MUNICIPAL DE ANICUNS Adm. 2013 / 2016 EDITAL 009-2015 CHAMAMENTO PÚBLICO QUALIFICAÇÃO DE ORGANIZAÇÕES SOCIAIS EDITAL 009-2015 CHAMAMENTO PÚBLICO QUALIFICAÇÃO DE ORGANIZAÇÕES SOCIAIS A Secretaria Municipal de Educação de Anicuns, pessoa jurídica de direito público, inscrita no CNPJ: 02.262.368/0001-53, por intermédio

Leia mais

CONVÊNIO: PROJETO PARA REALIZAÇÃO DA MARCHA DAS MULHERES NEGRAS, CONTRA A VIOLENCIA E PELO BEM VIVER SICONV 804898/2014.

CONVÊNIO: PROJETO PARA REALIZAÇÃO DA MARCHA DAS MULHERES NEGRAS, CONTRA A VIOLENCIA E PELO BEM VIVER SICONV 804898/2014. CONVÊNIO: PROJETO PARA REALIZAÇÃO DA MARCHA DAS MULHERES NEGRAS, CONTRA A VIOLENCIA E PELO BEM VIVER SICONV 804898/2014. Licitação Cotação Prévia 001/2015 1) Preâmbulo A ASSOCIAÇÃO CULTURAL DE MULHERES

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DE SANTA CATARINA. Ata de Realização do Pregão Eletrônico Nº 00004/2015

CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DE SANTA CATARINA. Ata de Realização do Pregão Eletrônico Nº 00004/2015 Pregão Eletrônico 926208.42015.9513.5048.433328720.188 CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DE SANTA CATARINA Ata de Realização do Pregão Eletrônico Nº 00004/2015 Às 09:00 horas do dia 10 de setembro de 2015,

Leia mais

DIVERSOS QUESTIONAMENTOS COM AS RESPECTIVAS RESPOSTAS ACERCA DA CONCORRÊNCIA N.º 001/2011

DIVERSOS QUESTIONAMENTOS COM AS RESPECTIVAS RESPOSTAS ACERCA DA CONCORRÊNCIA N.º 001/2011 DIVERSOS QUESTIONAMENTOS COM AS RESPECTIVAS RESPOSTAS ACERCA DA CONCORRÊNCIA N.º 001/2011... RESPOSTAS AOS QUESTIONAMENTOS FEITOS PELA EMPRESA AVANSYS TECNOLOGIA LTDA, CNPJ MF sob nº 04.181.950/0001-10,

Leia mais