Redes de computadores

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Redes de computadores"

Transcrição

1 Redes de computadores Atividade realizada: Identificar serviços de portas aberta tanto na rede cabeada quanto wi-fi: Ferramenta utilizada para identificar serviços e portas abertas na rede foi o Nmap: O Nmap é um scanner open source, uma ferramenta livre, de código aberto, utilizada para mapeamento de redes e inclui diversas funcionalidades como: varredura de portas, detecção de serviços, identificação remota de sistemas operacionais etc. Esta ferramenta foi criada por Gordon Fyodor Lyon, que ainda hoje participa ativamente do desenvolvimento do mesmo. O nmap é uma ferramenta muito utilizada, entre outros, em auditorias teste de invasão, teste em firewalls e testes de conformidade. O nmap, em geral, opera nas camadas de rede e transporte. Entretanto, também é capaz de manipular dados da camada de enlace (endereças MAC e requisições ARP, por exemplo) e de interpretar dados da camada de aplicação para inferir informações interessantes a respeito de seu alvo (versões de serviços e sistemas operacionais). Comandos NMAP -sp Ping scan: As vezes é necessário saber se um determinado dispositivo está ativo na rede, o Nmap envia pacotes ICMP para verificar se determinado IP está ativo na rede. -ss TCP Syn scan: este comando não faz uma conexão TCP completa. É enviado um pacote Syn, como se fosse uma conexão verdadeira e ele fica aguardando uma resposta, caso a resposta seja recebida SYN-ACK você já sabe que a porta está aberta. A vantagem desse método é que poucos irão detectar esse scan de portas. -st TCP connect scan: Esta é a técnica mais básica de fazer o scan TCP. Ele envia um sinal para as portas ativas na rede, caso a porta esteja aberta ele recebe uma resposta. Esta técnica é a mais rápida porém é fácil de ser detectado. -su UDP scan: Este é o comando utilizado para identificar qual porta UDP está aberta em alguma máquina. A técnica consiste em enviar um pacote UDP de 0 byte para cada porta da máquina se for recebido uma mensagem de ICMP(porta inacessível) então a porta esta fechada, ou pode estar aberta também

2 Os estados de portas conhecidos pelo Nmap Aberto(open) Uma aplicação está ativamente aceitando conexões TCP ou pacotes UDP nesta porta. encontrar esta condição (open), é o objetivo principal de um escaneamento de portas. Nós sabemos que cada porta aberta é um convite para um ataque. Invasores e profissionais de avaliação de segurança querem explorar as portas abertas, enquanto os administradores tentam fechar ou proteger com firewalls. Fechado(closed) Uma porta fechada está acessível (ela recebe e responde a pacotes de sondagens do Nmap), mas não há nenhuma aplicação ouvindo nela. Elas podem ser úteis para mostrar se um host está ativo a um determinado endereço IP (descoberta de hosts, ou scan usando ping), é como parte de uma detecção de SO. Pelo fato de portas fechadas serem alcançáveis, pode valer a pena escanear mais tarde no caso de alguma delas abrir. Os administradores deveriam considerar o bloqueio dessas portas com um firewall. Então elas apareceriam no estado filtrado. Filtrado(Filtered) O Nmap não consegue determinar se uma porta está aberta porque uma filtragem de pacotes impede que as sondagens do nmap alcancem a porta. A filtragem pode ser de um FIREWALL dedicado, regras de ROTEADOR, ou um software de firewall baseado em host. não-filtrado(unfiltered) O estado não filtrado significa que uma porta está acessível, mas que o Nmap é incapaz de determinar se ela está aberta ou fechada. open(filterede) O nmap coloca portas neste estado quando é incapaz de determinar se uma porta está aberta ou filtrada. closed(filtered) Este estado é usado quando o Nmap é incapaz de determinar se uma porta está fechada ou filtrada. Um dos comandos utilizados para o escaneamento: nmap -script oracle-sid-brute IP

3 Scan Wi-ffi Starting Nmap 6.40 ( ) at :21 BRST Nmap scan report for Host is up (0.0030s latency). MAC Address: B4:B5:2F:4F:BA:90 (Hewlett Packard) Starting Nmap 6.40 ( ) at :21 BRST Nmap scan report for Host is up (0.0031s latency). MAC Address: B4:B5:2F:4F:BA:95 (Hewlett Packard) Starting Nmap 6.40 ( ) at :21 BRST Nmap scan report for Host is up (0.0075s latency). MAC Address: B4:B5:2F:4F:BA:83 (Hewlett Packard) Starting Nmap 6.40 ( ) at :21 BRST Nmap scan report for Host is up (0.010s latency). All 1000 scanned ports on are closed MAC Address: 88:9B:39:A6:97:0D (Samsung Electronics Co.) Starting Nmap 6.40 ( ) at :21 BRST Nmap scan report for Host is up (0.025s latency). 23/tcp open telnet 80/tcp open http MAC Address: D0:7E:28:C5:BE:85 (Hewlett Packard) Starting Nmap 6.40 ( ) at :26 BRST Nmap scan report for Host is up (0.083s latency). 23/tcp open telnet 80/tcp open http MAC Address: D0:67:E5:6F:7D:7A (Dell)

4 Starting Nmap 6.40 ( ) at :26 BRST Nmap scan report for H3s latency). Not shown: 989 ost is up (0.004closed ports 22/tcp open ssh 53/tcp open domain 80/tcp open http 443/tcp open https 1056/tcp filtered vfo 5432/tcp open postgresql 8080/tcp open http-proxy 8081/tcp open blackice-icecap 8082/tcp open blackice-alerts 8090/tcp open unknown MAC Address: 44:1E:A1:C2:34:13 (Hewlett-Packard Company) Starting Nmap 6.40 ( ) at :27 BRST Nmap scan report for Host is up (0.015s latency). Not shown: 990 closed ports 8081/tcp open blackice-icecap 49152/tcp open unknown 49153/tcp open unknown 49154/tcp open unknown 49157/tcp open unknown 49160/tcp open unknown MAC Address: E0:06:E6:DC:82:37 (Hon Hai Precision Ind. Co.) Starting Nmap 6.40 ( ) at :27 BRST Nmap scan report for Host is up (0.0024s latency). MAC Address: B4:B5:2F:4F:BA:90 (Hewlett Packard) Starting Nmap 6.40 ( ) at :27 BRST Nmap scan report for Host is up (0.0019s latency).

5 MAC Address: B4:B5:2F:4F:BA:95 (Hewlett Packard) Starting Nmap 6.40 ( ) at :28 BRST Nmap scan report for Host is up (0.011s latency). All 1000 scanned ports on are closed MAC Address: 88:9B:39:A6:97:0D (Samsung Electronics Co.) Starting Nmap 6.40 ( ) at :28 BRST Nmap scan report for Host is up (0.018s latency). 23/tcp open telnet 80/tcp open http MAC Address: D0:7E:28:C5:BE:85 (Hewlett Packard) Starting Nmap 6.40 ( ) at :28 BRST Nmap scan report for Host is up (0.011s latency). All 1000 scanned ports on are closed MAC Address: 84:38:38:76:2B:2E (Unknown) Starting Nmap 6.40 ( ) at :28 BRST Nmap scan report for Host is up (0.0048s latency). Not shown: 999 closed ports 62078/tcp open iphone-sync MAC Address: 78:6C:1C:A0:53:45 (Apple) Starting Nmap 6.40 ( ) at :29 BRST Nmap scan report for Host is up (0.049s latency). Not shown: 999 closed ports 7000/tcp open afs3-fileserver MAC Address: E0:75:7D:F7:36:FE (Motorola Mobility) Starting Nmap 6.40 ( ) at :29 BRST Nmap scan report for Host is up (0.050s latency). Not shown: 999 closed ports 62078/tcp open iphone-sync MAC Address: A4:C3:61:93:8E:59 (Apple) Starting Nmap 6.40 ( ) at :32 BRST Nmap scan report for Host is up (0.052s latency). All 1000 scanned ports on are closed MAC Address: E0:75:7D:87:D8:30 (Motorola Mobility)

6 Starting Nmap 6.40 ( ) at :32 BRST Nmap scan report for Host is up (0.017s latency). All 1000 scanned ports on are closed MAC Address: 34:BB:26:87:59:8B (Unknown) Starting Nmap 6.40 ( ) at :32 BRST Nmap scan report for Host is up (0.0044s latency). MAC Address: B4:B5:2F:4F:2B:A8 (Hewlett Packard) Starting Nmap 6.40 ( ) at :34 BRST Nmap scan report for Host is up (0.062s latency). Not shown: 999 filtered ports MAC Address: 70:18:8B:FB:53:D3 (Hon Hai Precision Ind. Co.) Starting Nmap 6.40 ( ) at :35 BRST Nmap scan report for Host is up (0.062s latency). MAC Address: B4:B5:2F:4F:BA:92 (Hewlett Packard) Starting Nmap 6.40 ( ) at :39 BRST Nmap scan report for Host is up (0.030s latency). Not shown: 991 filtered ports 49152/tcp open unknown 49153/tcp open unknown 49154/tcp open unknown 49156/tcp open unknown 49157/tcp open unknown MAC Address: 70:18:8B:FD:F9:81 (Hon Hai Precision Ind. Co.)

7 Starting Nmap 6.40 ( ) at :40 BRST Nmap scan report for Host is up (0.024s latency). Not shown: 997 filtered ports MAC Address: EC:55:F9:AF:6D:5E (Hon Hai Precision Ind. Co.) Starting Nmap 6.40 ( ) at :40 BRST Nmap scan report for Host is up (0.014s latency). Not shown: 985 closed ports 135/tcp filtered msrpc 139/tcp filtered netbios-ssn 445/tcp filtered microsoft-ds 1110/tcp filtered nfsd-status 2869/tcp filtered icslap 3389/tcp filtered ms-wbt-server 19780/tcp filtered unknown 49152/tcp open unknown 49153/tcp open unknown 49154/tcp open unknown 49156/tcp open unknown MAC Address: E8:11:32:B4:DA:72 (Samsung Electronics CO.) ing)

8 Nmap scan report for Host is up (0.051s latency). Not shown: 985 closed ports 135/tcp filtered msrpc 139/tcp filtered netbios-ssn 445/tcp filtered microsoft-ds 1110/tcp filtered nfsd-status 2869/tcp filtered icslap 3389/tcp filtered ms-wbt-server 19780/tcp filtered unknown 49152/tcp open unknown 49153/tcp open unknown 49154/tcp open unknown 49156/tcp open unknown MAC Address: E8:11:32:B4:DA:72 (Samsung Electronics CO.) Starting Nmap 6.40 ( ) at :45 BRST Nmap scan report for Host is up (0.029s latency). Not shown: 989 closed ports 49152/tcp open unknown 49153/tcp open unknown 49154/tcp open unknown 49156/tcp open unknown 49163/tcp open unknown MAC Address: 24:F5:AA:54:73:9C (Samsung Electronics Co.)

9 Nmap scan report for Host is up (0.0062s latency). Not shown: 977 closed ports 85/tcp filtered mit-ml-dev 259/tcp filtered esro-gen 1038/tcp filtered mtqp 1064/tcp filtered jstel 1067/tcp filtered instl_boots 1123/tcp filtered murray 1138/tcp filtered encrypted_admin 2030/tcp filtered device2 2366/tcp filtered qip-login 2394/tcp filtered ms-olap2 2869/tcp filtered icslap 3945/tcp filtered emcads 4998/tcp filtered maybe-veritas 5000/tcp filtered upnp 5961/tcp filtered unknown 8400/tcp filtered cvd 9290/tcp filtered unknown 13783/tcp filtered netbackup 20005/tcp filtered btx 21571/tcp filtered unknown 27356/tcp filtered unknown 40193/tcp filtered unknown 62078/tcp open iphone-sync MAC Address: 78:6C:1C:A0:53:45 (Apple Scan Cabeado Starting Nmap 6.47 ( ) at :51 BRST Nmap scan report for Host is up (0.027s latency). 23/tcp open telnet 80/tcp open http MAC Address: D0:67:E5:6F:7D:7A (Dell) Nmap scan report for Host is up (0.0011s latency).

10 MAC Address: 00:17:F2:D6:1D:97 (Apple) Nmap scan report for Host is up (0.0011s latency). MAC Address: 00:17:F2:D8:DC:F2 (Apple) Nmap scan report for Host is up (0.0012s latency). MAC Address: 00:17:F2:D6:16:25 (Apple) Nmap scan report for Host is up (0.0011s latency) /tcp open unknown MAC Address: 00:17:F2:D6:BB:F8 (Apple)

11 Nmap scan report for Host is up (0.0012s latency). MAC Address: 00:17:F2:D6:19:C4 (Apple) Nmap scan report for Host is up (0.0013s latency). MAC Address: 00:17:F2:D8:44:01 (Apple) Nmap scan report for Host is up ( s latency). All 1000 scanned ports on are filtered MAC Address: 78:2B:CB:EE:08:B6 (Dell) Nmap scan report for Host is up (0.0012s latency).

12 MAC Address: 00:17:F2:D6:19:F2 (Apple) Nmap scan report for Host is up ( s latency). Not shown: 986 closed ports 3306/tcp open mysql 5432/tcp open postgresql 49152/tcp open unknown 49153/tcp open unknown 49154/tcp open unknown 49156/tcp open unknown 49159/tcp open unknown MAC Address: 00:17:F2:D6:1B:50 (Apple)

Infra-Estrutura de Redes de Computadores

Infra-Estrutura de Redes de Computadores Infra-Estrutura de Redes de Computadores Atividade realizada: Identificar endereços ethernet das estações de trabalho e servidores. Método de uso: O Nmap ( Network Mapper ) uma ferramenta de código aberto

Leia mais

Princípios em Segurança da Informação

Princípios em Segurança da Informação Atividade realizada: Princípios em Segurança da Informação Produzir Um relatório com todos os dados gerados a partir da identificação de serviços e portas abertas na rede. Método de uso: O Nmap ( Network

Leia mais

O Nmap - Network Mapper é uma ferramenta de código aberto para exploração de rede e auditoria de segurança.

O Nmap - Network Mapper é uma ferramenta de código aberto para exploração de rede e auditoria de segurança. O Nmap - Network Mapper é uma ferramenta de código aberto para exploração de rede e auditoria de segurança. Ela foi desenvolvida para escanear rapidamente redes amplas, embora também funcione muito bem

Leia mais

Nmap Diferenças entre estados de porta (Parte 1)

Nmap Diferenças entre estados de porta (Parte 1) Autor: ryuuu Contato: ryuuu @hotmail.com Nmap Diferenças entre estados de porta (Parte 1) Embora o Nmap tenha crescido em funcionalidade ao longo dos anos, ele começou como um eficiente scanner de portas,

Leia mais

Usando o Nmap. A instalação do Nmap é bem simples. Após obter o código fonte execute os comandos abaixo: tar xjvpf nmap-3.48.tar.bz2 cd nmap-3.

Usando o Nmap. A instalação do Nmap é bem simples. Após obter o código fonte execute os comandos abaixo: tar xjvpf nmap-3.48.tar.bz2 cd nmap-3. Usando o Nmap Este artigo irá explicar como instalar e utilizar algumas funções do Nmap. Todos os comandos foram testados com a versão 3.48 do Nmap. É bem provável que alguns comandos não funcionem em

Leia mais

(In)segurança Utilizando Software Livre. Maycon Maia Vitali mayconmaia@yahoo.com.br

(In)segurança Utilizando Software Livre. Maycon Maia Vitali mayconmaia@yahoo.com.br (In)segurança Utilizando Software Livre Maycon Maia Vitali mayconmaia@yahoo.com.br Agenda Introdução Quem sou eu? Porque aprender sobre (in)segurança? Ferramentas nmap Scanner de rede iptables Firewall

Leia mais

Faculdade de Tecnologia SENAC Goiás Segurança da Informação. Aldo Brito da Costa Filho Levi Souza Matheus Marçal Matheus Oliveira

Faculdade de Tecnologia SENAC Goiás Segurança da Informação. Aldo Brito da Costa Filho Levi Souza Matheus Marçal Matheus Oliveira Faculdade de Tecnologia SENAC Goiás Segurança da Informação Aldo Brito da Costa Filho Levi Souza Matheus Marçal Matheus Oliveira Relatório estatístico sobre o ataque MITM Goiânia 2015 1 Aldo Brito Levi

Leia mais

---------------------------------------------------- Numero de Portas Abertas na Rede no momento = 34

---------------------------------------------------- Numero de Portas Abertas na Rede no momento = 34 ------------ Numero de Portas Abertas na Rede no momento = 34 ---------------- 1º Porta 2º Porta 3º Porta 4º Porta 5º Porta 6º Porta 7º Porta 8º Porta 9º Porta Numero da Porta Aberta = 135 Serviço da Porta

Leia mais

Firewall. Professor: João Paulo de Brito Gonçalves Disciplina: Serviços de Redes. Campus Cachoeiro Curso Técnico em Informática

Firewall. Professor: João Paulo de Brito Gonçalves Disciplina: Serviços de Redes. Campus Cachoeiro Curso Técnico em Informática Firewall Professor: João Paulo de Brito Gonçalves Disciplina: Serviços de Redes Campus Cachoeiro Curso Técnico em Informática Firewall (definições) Por que do nome firewall? Antigamente, quando as casas

Leia mais

CCNA 2 Conceitos Básicos de Roteadores e Roteamento

CCNA 2 Conceitos Básicos de Roteadores e Roteamento CCNA 2 Conceitos Básicos de Roteadores e Roteamento Capítulo 10 - TCP/IP Intermediário 1 Objetivos do Capítulo Descrever o TCP e sua função; Descrever a sincronização e o controle de fluxo do TCP; Descrever

Leia mais

Segurança de Redes de Computadores

Segurança de Redes de Computadores Segurança de Redes de Computadores Aula 8 Segurança nas Camadas de Rede, Transporte e Aplicação Firewall (Filtro de Pacotes) Prof. Ricardo M. Marcacini ricardo.marcacini@ufms.br Curso: Sistemas de Informação

Leia mais

Ataques e Intrusões. Invasões Trashing e Engenharia Social. Classificação de Hackers

Ataques e Intrusões. Invasões Trashing e Engenharia Social. Classificação de Hackers Ataques e Intrusões Professor André Cardia andre@andrecardia.pro.br msn: andre.cardia@gmail.com Ataques e Intrusões O termo genérico para quem realiza um ataque é Hacker. Essa generalização, tem, porém,

Leia mais

TCP/IP TCP UDP IP HTTP HTTPS FTP TFTP TELNET POP3 IMAP SMTP SNMP DHCP

TCP/IP TCP UDP IP HTTP HTTPS FTP TFTP TELNET POP3 IMAP SMTP SNMP DHCP TCP/IP TCP UDP IP HTTP HTTPS FTP TFTP TELNET POP3 IMAP SMTP SNMP DHCP HTTP (Hypertext Transfer Protocol ) Protocolo usado na Internet para transferir as páginas da WWW (WEB). HTTPS (HyperText Transfer

Leia mais

Políticas de Segurança de Sistemas

Políticas de Segurança de Sistemas Políticas de Segurança de Sistemas Profs. Hederson Velasco Ramos Henrique Jesus Quintino de Oliveira Estudo de Boletins de Segurança O que é um boletim de segurança? São notificações emitidas pelos fabricantes

Leia mais

IPTABLES. Helder Nunes Haanunes@gmail.com

IPTABLES. Helder Nunes Haanunes@gmail.com IPTABLES Helder Nunes Haanunes@gmail.com Firewall Hoje em dia uma máquina sem conexão com a internet praticamente tem o mesmo valor que uma máquina de escrever. É certo que os micros precisam se conectar

Leia mais

Manobras Evasivas: Técnicas de Evasão para Varreduras com o Nmap. Rafael Ferreira Sócio Diretor Técnico rafael@clavis.com.br

Manobras Evasivas: Técnicas de Evasão para Varreduras com o Nmap. Rafael Ferreira Sócio Diretor Técnico rafael@clavis.com.br Manobras Evasivas: Técnicas de Evasão para Varreduras com o Nmap Rafael Ferreira Sócio Diretor Técnico rafael@clavis.com.br $ whoami rafael@clavis.com.br @rafaelsferreira rafaelsoaresferreira Grupo Clavis

Leia mais

Prof. Roberto Franciscatto 4º Semestre - TSI - CAFW. Free Powerpoint Templates Page 1

Prof. Roberto Franciscatto 4º Semestre - TSI - CAFW. Free Powerpoint Templates Page 1 Segurança na Web Capítulo 6: Firewall Prof. Roberto Franciscatto 4º Semestre - TSI - CAFW Page 1 Introdução Qual a função básica de um firewall? Page 2 Introdução Qual a função básica de um firewall? Bloquear

Leia mais

Utilização da técnica de Port Knocking para negação de acesso indevido e. ocultação de portas TCP / UPD em servidores Linux.

Utilização da técnica de Port Knocking para negação de acesso indevido e. ocultação de portas TCP / UPD em servidores Linux. Utilização da técnica de Port Knocking para negação de acesso indevido e ocultação de portas TCP / UPD em servidores Linux Diego Pereira do Nascimento Curso de Especialização em Redes e Segurança de Sistemas

Leia mais

Hackers. Seus dados podem ser inúteis, mas seu computador em si pode ainda ser um recurso valioso.

Hackers. Seus dados podem ser inúteis, mas seu computador em si pode ainda ser um recurso valioso. Firewalls Hackers Gostam de alvos fáceis. Podem não estar interessados nas suas informações. Podem invadir seu computador apenas por diversão. Para treinar um ataque a uma máquina relativamente segura.

Leia mais

Segurança de Redes. Funcionamento de um ataque. Varreduras Analisadores de vulnerabilidades. Levantamento de informações.

Segurança de Redes. Funcionamento de um ataque. Varreduras Analisadores de vulnerabilidades. Levantamento de informações. Segurança de Redes Varreduras Analisadores de vulnerabilidades Prof. Rodrigo Rocha Prof.rodrigorocha@yahoo.com Funcionamento de um ataque Levantamento de informações footprint fingerprint varreduras Explorações

Leia mais

Nome do Curso: Técnico em Informática. Nome da Disciplina: Redes de Computadores. Número da Semana: 2. Nome do Professor: Dailson Fernandes

Nome do Curso: Técnico em Informática. Nome da Disciplina: Redes de Computadores. Número da Semana: 2. Nome do Professor: Dailson Fernandes Nome do Curso: Técnico em Informática Nome da Disciplina: Redes de Computadores Número da Semana: 2 Nome do Professor: Dailson Fernandes Elementos da Comunicação Protocolos Regras Padrões Controle Possibilitam

Leia mais

Disciplina: Segurança de Redes. Professor: Roitier Campos

Disciplina: Segurança de Redes. Professor: Roitier Campos Disciplina: Segurança de Redes Professor: Roitier Campos NMAP O Nmap ( Network Mapper ) é uma ferramenta de código aberto para exploração de rede e auditoria de segurança. Ela foi desenhada para escanear

Leia mais

Projeto e Instalação de Servidores Servidores Linux Aula 6 Firewall e Proxy

Projeto e Instalação de Servidores Servidores Linux Aula 6 Firewall e Proxy Projeto e Instalação de Servidores Servidores Linux Aula 6 Firewall e Proxy Prof.: Roberto Franciscatto Introdução FIREWALL Introdução Firewall Tem o objetivo de proteger um computador ou uma rede de computadores,

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores 8. Segurança de Rede DIN/CTC/UEM 2008 : o que é? Dispositivo que permite conectividade segura entre redes (interna e externa) com vários graus de confiabilidade Utilizado para implementar e impor as regras

Leia mais

TCP/IP TCP UDP IP HTTP HTTPS FTP TFTP TELNET POP3 IMAP SMTP SNMP DHCP

TCP/IP TCP UDP IP HTTP HTTPS FTP TFTP TELNET POP3 IMAP SMTP SNMP DHCP TCP/IP TCP UDP IP HTTP HTTPS FTP TFTP TELNET POP3 IMAP SMTP SNMP DHCP HTTP (Hypertext Transfer Protocol ) Protocolo usado na Internet para transferir as páginas da WWW (WEB). HTTPS (HyperText Transfer

Leia mais

Redes. Pablo Rodriguez de Almeida Gross

Redes. Pablo Rodriguez de Almeida Gross Redes Pablo Rodriguez de Almeida Gross Conceitos A seguir serão vistos conceitos básicos relacionados a redes de computadores. O que é uma rede? Uma rede é um conjunto de computadores interligados permitindo

Leia mais

Levantamento de informação (Fingerprint)

Levantamento de informação (Fingerprint) Levantamento de informação (Fingerprint) Continuação... Prof. Pedro Filho Objetivos Mapear hosts ativos na rede Obter versões dos sistemas operacionais Entender aquisição de banners Identificar os serviços

Leia mais

Tutorial de TCP/IP Parte 21 Roteiro Para Resolução de Problemas

Tutorial de TCP/IP Parte 21 Roteiro Para Resolução de Problemas Introdução: Tutorial de TCP/IP Parte 21 Roteiro Para Resolução de Problemas Prezados leitores, esta é a primeira parte, desta segunda etapa dos tutoriais de TCP/IP. As partes de 01 a 20, constituem o módulo

Leia mais

Execícios de Revisão Redes de Computadores Edgard Jamhour. Proxy, NAT Filtros de Pacotes

Execícios de Revisão Redes de Computadores Edgard Jamhour. Proxy, NAT Filtros de Pacotes Execícios de Revisão Redes de Computadores Edgard Jamhour Proxy, NAT Filtros de Pacotes Exercício 1 Configure as regras do filtro de pacotes "E" para permitir que os computadores da rede interna tenham

Leia mais

Planejando uma política de segurança da informação

Planejando uma política de segurança da informação Planejando uma política de segurança da informação Para que se possa planejar uma política de segurança da informação em uma empresa é necessário levantar os Riscos, as Ameaças e as Vulnerabilidades de

Leia mais

Professor(es): Fernando Pirkel. Descrição da(s) atividade(s):

Professor(es): Fernando Pirkel. Descrição da(s) atividade(s): Professor(es): Fernando Pirkel Descrição da(s) atividade(s): Definir as tecnologias de redes necessárias e adequadas para conexão e compartilhamento dos dados que fazem parte da automatização dos procedimentos

Leia mais

Falaremos um pouco das tecnologias e métodos utilizados pelas empresas e usuários domésticos para deixar a sua rede segura.

Falaremos um pouco das tecnologias e métodos utilizados pelas empresas e usuários domésticos para deixar a sua rede segura. Módulo 14 Segurança em redes Firewall, Criptografia e autenticação Falaremos um pouco das tecnologias e métodos utilizados pelas empresas e usuários domésticos para deixar a sua rede segura. 14.1 Sistemas

Leia mais

Guia de Conectividade Worldspan Go Res! A V A N Ç A D O

Guia de Conectividade Worldspan Go Res! A V A N Ç A D O Guia de Conectividade Worldspan Go Res! A V A N Ç A D O Í n d i c e Considerações Iniciais...2 Rede TCP/IP...3 Produtos para conectividade...5 Diagnosticando problemas na Rede...8 Firewall...10 Proxy...12

Leia mais

SEG. EM SISTEMAS E REDES. 03. Vulnerabilidades em redes. Prof. Ulisses Cotta Cavalca <ulisses.cotta@gmail.com>

SEG. EM SISTEMAS E REDES. 03. Vulnerabilidades em redes. Prof. Ulisses Cotta Cavalca <ulisses.cotta@gmail.com> SEG. EM SISTEMAS E REDES 03. Vulnerabilidades em redes Prof. Ulisses Cotta Cavalca Belo Horizonte/MG 2015 SUMÁRIO 1) Vulnerabilidades em redes 2) Dicionário de vulnerabilidades

Leia mais

Segurança de Redes. Firewall. Filipe Raulino filipe.raulino@ifrn.edu.br

Segurança de Redes. Firewall. Filipe Raulino filipe.raulino@ifrn.edu.br Segurança de Redes Firewall Filipe Raulino filipe.raulino@ifrn.edu.br Introdução! O firewall é uma combinação de hardware e software que isola a rede local de uma organização da internet; Com ele é possível

Leia mais

Ferramentas Livres para Monitoramento de Redes

Ferramentas Livres para Monitoramento de Redes Ferramentas Livres para Monitoramento de Redes SOBRE A AUTORA Estudante de graduação do curso de Bacharelado em Informática Biomédica da Universidade Federal do Paraná (UFPR). Atualmente participa do grupo

Leia mais

Segurança em Sistemas de Informação Tecnologias associadas a Firewall

Segurança em Sistemas de Informação Tecnologias associadas a Firewall Algumas definições Firewall Um componente ou conjunto de componentes que restringe acessos entre redes; Host Um computador ou um dispositivo conectado à rede; Bastion Host Um dispositivo que deve ser extremamente

Leia mais

Segurança da Informação

Segurança da Informação INF-108 Segurança da Informação Firewalls Prof. João Henrique Kleinschmidt Middleboxes RFC 3234: Middleboxes: Taxonomy and Issues Middlebox Dispositivo (box) intermediário que está no meio do caminho dos

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES Prof. Ricardo Rodrigues Barcelar http://www.ricardobarcelar.com.br

REDES DE COMPUTADORES Prof. Ricardo Rodrigues Barcelar http://www.ricardobarcelar.com.br - Aula 2 - MODELO DE REFERÊNCIA TCP (RM TCP) 1. INTRODUÇÃO O modelo de referência TCP, foi muito usado pela rede ARPANET, e atualmente usado pela sua sucessora, a Internet Mundial. A ARPANET é de grande

Leia mais

Teleprocessamento e Redes

Teleprocessamento e Redes Teleprocessamento e Redes Aula 23: (laboratório) 13 de julho de 2010 1 2 3 ICMP HTTP DNS TCP 4 nslookup Sumário Permite fazer requisições a um servidor DNS O nslookup envia uma requisição para o servidor,

Leia mais

MÓDULO 8 Modelo de Referência TCP/IP

MÓDULO 8 Modelo de Referência TCP/IP MÓDULO 8 Modelo de Referência TCP/IP A internet é conhecida como uma rede pública de comunicação de dados com o controle totalmente descentralizado, utiliza para isso um conjunto de protocolos TCP e IP,

Leia mais

TCP é um protocolo de TRANSMISSÃO, responsável pela confiabilidade da entrega da informação.

TCP é um protocolo de TRANSMISSÃO, responsável pela confiabilidade da entrega da informação. Protocolo TCP/IP PROTOCOLO é um padrão que especifica o formato de dados e as regras a serem seguidas para uma comunicação a língua comum a ser utilizada na comunicação. TCP é um protocolo de TRANSMISSÃO,

Leia mais

IP significa Internet Protocol. A Internet é uma rede, e assim como ocorre em qualquer tipo de rede, os seus nós (computadores, impressoras, etc.

IP significa Internet Protocol. A Internet é uma rede, e assim como ocorre em qualquer tipo de rede, os seus nós (computadores, impressoras, etc. Endereços IP Endereços IP IP significa Internet Protocol. A Internet é uma rede, e assim como ocorre em qualquer tipo de rede, os seus nós (computadores, impressoras, etc.) precisam ter endereços. Graças

Leia mais

L A B O RATÓRIO DE REDES

L A B O RATÓRIO DE REDES L A B O RATÓRIO DE REDES TRÁFEGO, ENQUADRAMEN TO, DEFAU LT G A TEWA Y E ARP. VALE 2,0 P ONT OS. INTRODUÇÃO AO LABORATÓRIO Nosso laboratório é composto de três hosts Linux, representados pelo símbolo de

Leia mais

Firewalls. Firewalls

Firewalls. Firewalls Firewalls Firewalls Paredes Corta-Fogo Regula o Fluxo de Tráfego entre as redes Pacote1 INTERNET Pacote2 INTERNET Pacote3 Firewalls Firewalls Barreira de Comunicação entre duas redes Host, roteador, PC

Leia mais

genérico proteção de rede filtragem dos pacotes Sem estado (stateless) no próprio pacote. Com estado (stateful) outros pacotes

genérico proteção de rede filtragem dos pacotes Sem estado (stateless) no próprio pacote. Com estado (stateful) outros pacotes FIREWALLS Firewalls Definição: Termo genérico utilizado para designar um tipo de proteção de rede que restringe o acesso a certos serviços de um computador ou rede de computadores pela filtragem dos pacotes

Leia mais

Ferramentas Livres para Monitoramento de Redes

Ferramentas Livres para Monitoramento de Redes Ferramentas Livres para Monitoramento de Redes Sobre os autores Marjorie Roberta dos Santos Rosa Estudante de graduação do curso de Bacharelado em Informática Biomédica da Universidade Federal do Paraná

Leia mais

Segurança da Informação

Segurança da Informação Segurança da Informação 1 Agenda Sistemas de Firewall 2 1 SISTEMAS DE FIREWALL 3 Sistemas de Firewall Dispositivo que combina software e hardware para segmentar e controlar o acesso entre redes de computadores

Leia mais

Firewall. Alunos: Hélio Cândido Andersson Sales

Firewall. Alunos: Hélio Cândido Andersson Sales Firewall Alunos: Hélio Cândido Andersson Sales O que é Firewall? Firewall pode ser definido como uma barreira de proteção, que controla o tráfego de dados entre seu computador e a Internet (ou entre a

Leia mais

DickRips Informatica e Atualidade

DickRips Informatica e Atualidade DickRips Informatica e Atualidade Pagina dedicada ao Linux, Tecnologias e diversidades Início Curriculum Sobre Mim Categorias Carreira Jogos Linux Pessoal Programação Redes Segurança Servidores Tecnico

Leia mais

Faculdade de Tecnologia Senac Goiás Segurança da Informação. Guilherme Pereira Carvalho Neto. Portas e Serviços

Faculdade de Tecnologia Senac Goiás Segurança da Informação. Guilherme Pereira Carvalho Neto. Portas e Serviços Faculdade de Tecnologia Senac Goiás Segurança da Informação Guilherme Pereira Carvalho Neto Portas e Serviços Goiânia 2015 Relatório de portas e serviços na rede Relatório produzido com base em dados colhidos

Leia mais

Revisão. Karine Peralta karine.peralta@pucrs.br

Revisão. Karine Peralta karine.peralta@pucrs.br Revisão Karine Peralta Agenda Revisão Evolução Conceitos Básicos Modelos de Comunicação Cliente/Servidor Peer-to-peer Arquitetura em Camadas Modelo OSI Modelo TCP/IP Equipamentos Evolução... 50 60 1969-70

Leia mais

Camada de Transporte, protocolos TCP e UDP

Camada de Transporte, protocolos TCP e UDP Camada de Transporte, protocolos TCP e UDP Conhecer o conceito da camada de transporte e seus principais protocolos: TCP e UDP. O principal objetivo da camada de transporte é oferecer um serviço confiável,

Leia mais

Segurança de redes com Linux. Everson Scherrer Borges Willen Borges de Deus

Segurança de redes com Linux. Everson Scherrer Borges Willen Borges de Deus Segurança de redes com Linux Everson Scherrer Borges Willen Borges de Deus Segurança de Redes com Linux Protocolo TCP/UDP Portas Endereçamento IP Firewall Objetivos Firewall Tipos de Firewall Iptables

Leia mais

Componentes de um sistema de firewall - I

Componentes de um sistema de firewall - I Componentes de um sistema de firewall - I O que são Firewalls? Os firewalls são sistemas de segurança que podem ser baseados em: um único elemento de hardware; um único elemento de software instalado num

Leia mais

Hardening de Servidores O que é Mitm? Hardening

Hardening de Servidores O que é Mitm? Hardening Hardening de Servidores O que é Mitm? O man-in-the-middle (pt: Homem no meio, em referência ao atacante que intercepta os dados) é uma forma de ataque em que os dados trocados entre duas partes, por exemplo

Leia mais

Modelos de Camadas. Professor Leonardo Larback

Modelos de Camadas. Professor Leonardo Larback Modelos de Camadas Professor Leonardo Larback Modelo OSI Quando surgiram, as redes de computadores eram, em sua totalidade, proprietárias, isto é, uma determinada tecnologia era suportada apenas por seu

Leia mais

Aula pratica 4 Testar Conexões TCP/IP em Redes Industrias Usando os comandos Ping e Net View (1.a Parte)

Aula pratica 4 Testar Conexões TCP/IP em Redes Industrias Usando os comandos Ping e Net View (1.a Parte) 1 Aula pratica 4 Testar Conexões TCP/IP em Redes Industrias Usando os comandos Ping e Net View (1.a Parte) Objetivo: Esta aula tem como objetivo apresentar aos alunos como testar a conectividade de uma

Leia mais

Curso de extensão em Administração de sistemas GNU/Linux: redes e serviços

Curso de extensão em Administração de sistemas GNU/Linux: redes e serviços Curso de extensão em Administração de sistemas GNU/Linux: redes e serviços Italo Valcy - italo@dcc.ufba.br Gestores da Rede Acadêmica de Computação Departamento de Ciência da Computação Universidade Federal

Leia mais

Fundamentos dos protocolos internet

Fundamentos dos protocolos internet Fundamentos dos protocolos internet - 2 Sumário Capítulo 1 Fundamentos dos protocolos internet...3 1.1. Objetivos... 3 1.2. Mãos a obra...4 Capítulo 2 Gerenciando... 14 2.1. Objetivos... 14 2.2. Troubleshooting...

Leia mais

ALTERNATIVAS AO PROTOCOLO ICMP PARA DIAGNÓSTICO DE ESTADOS DE HOSTS E VERIFICAÇÃO DE ROTAS UTILIZANDO SOFTWARE LIVRE

ALTERNATIVAS AO PROTOCOLO ICMP PARA DIAGNÓSTICO DE ESTADOS DE HOSTS E VERIFICAÇÃO DE ROTAS UTILIZANDO SOFTWARE LIVRE UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANA DEPARTAMENTO ACADÊMICO DE ELETRÔNICA CURSO DE ESPECIALIZACÃO SOFTWARE LIVRE APLICADO A TELEMÁTICA DANIEL GUGELMIN ALTERNATIVAS AO PROTOCOLO ICMP PARA DIAGNÓSTICO

Leia mais

Ferramentas de varredura de segurança para GNU/Linux

Ferramentas de varredura de segurança para GNU/Linux Ferramentas de varredura de segurança para GNU/Linux José Ricardo Simões Rodrigues Dezembro de 2003. Resumo Este breve texto procura falar acerca da experiência do autor no uso de ferrametas de varredura

Leia mais

Técnico de Informática. Modulo II Segurança de Redes. Profª. Vanessa Rodrigues. Firewall

Técnico de Informática. Modulo II Segurança de Redes. Profª. Vanessa Rodrigues. Firewall Técnico de Informática Modulo II Segurança de Redes Profª. Vanessa Rodrigues Firewall Introdução Mesmo as pessoas menos familiarizadas com a tecnologia sabem que a internet não é um "território" livre

Leia mais

www.projetoderedes.com.br Gestão da Segurança da Informação Professor: Maurício AULA 09 Firewall

www.projetoderedes.com.br Gestão da Segurança da Informação Professor: Maurício AULA 09 Firewall www.projetoderedes.com.br Gestão da Segurança da Informação Professor: Maurício O que é Firewall Um Firewall é um sistema para controlar o aceso às redes de computadores, desenvolvido para evitar acessos

Leia mais

Redes de Computadores. 1 Questões de múltipla escolha. TE090 - Prof. Pedroso. 17 de junho de 2015

Redes de Computadores. 1 Questões de múltipla escolha. TE090 - Prof. Pedroso. 17 de junho de 2015 TE090 - Prof. Pedroso 17 de junho de 2015 1 Questões de múltipla escolha Exercício 1: Suponha que um roteador foi configurado para descobrir rotas utilizando o protocolo RIP (Routing Information Protocol),

Leia mais

Interconexão de Redes Parte 2. Prof. Dr. S. Motoyama

Interconexão de Redes Parte 2. Prof. Dr. S. Motoyama Interconexão de Redes Parte 2 Prof. Dr. S. Motoyama 1 Software IP nos hosts finais O software IP nos hosts finais consiste principalmente dos seguintes módulos: Camada Aplicação; DNS (Domain name system)

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO DE REDES I LINUX. Firewall. Frederico Madeira LPIC 1, CCNA fred@madeira.eng.br www.madeira.eng.br

ADMINISTRAÇÃO DE REDES I LINUX. Firewall. Frederico Madeira LPIC 1, CCNA fred@madeira.eng.br www.madeira.eng.br ADMINISTRAÇÃO DE REDES I LINUX Firewall Frederico Madeira LPIC 1, CCNA fred@madeira.eng.br www.madeira.eng.br São dispositivos que têm com função regular o tráfego entre redes distintas restringindo o

Leia mais

DHCP - ESAF. 1- Prova: ESAF - 2005 - SET- RN - Auditor Fiscal do Tesouro Estadual - Prova 2

DHCP - ESAF. 1- Prova: ESAF - 2005 - SET- RN - Auditor Fiscal do Tesouro Estadual - Prova 2 DHCP - ESAF 1- Prova: ESAF - 2005 - SET- RN - Auditor Fiscal do Tesouro Estadual - Prova 2 Um protocolo é um conjunto de regras e convenções para envio de informações em uma rede. Essas regras regem, além

Leia mais

Curso Técnico em Informática. Informática Aplicada Instrutor Rafael Barros Sales

Curso Técnico em Informática. Informática Aplicada Instrutor Rafael Barros Sales Curso Técnico em Informática Informática Aplicada Instrutor Rafael Barros Sales Serviços de Rede Windows Apesar do prompt de comando ser muitas vezes marginalizado e relegado a segundo plano, o Windows

Leia mais

Segurança em Sistemas de Informação

Segurança em Sistemas de Informação Roteiro com a filtragem de pacotes; Configuração de um roteador de filtragem de pacotes; O que o roteador faz com os pacotes; Dicas para a filtragem de pacotes; Convenções para regras de filtragem de pacotes;

Leia mais

Atividade PT 5.3.4: Configurando ACLs estendidas Diagrama de topologia

Atividade PT 5.3.4: Configurando ACLs estendidas Diagrama de topologia Diagrama de topologia All contents are Copyright 2007-2009 Cisco Systems, Inc. All rights reserved. This document is Cisco Public Information. Página 1 de 8 Tabela de endereçamento Dispositivo Interface

Leia mais

Negação de Serviço, Negação de Serviço Distribuída e Botnets

Negação de Serviço, Negação de Serviço Distribuída e Botnets Negação de Serviço, Negação de Serviço Distribuída e Botnets Gabriel Augusto Amim Sab, Rafael Cardoso Ferreira e Rafael Gonsalves Rozendo Engenharia de Computação e Informação - UFRJ EEL878 Redes de Computadores

Leia mais

Procedimento para configuração de Redirecionamento de Portas

Procedimento para configuração de Redirecionamento de Portas 1 Procedimento para configuração de Redirecionamento de Portas 1- Para realizar a configuração de redirecionamento de portas o computador deve estar conectado via cabo Ethernet em uma das portas LAN do

Leia mais

Rede d s d e d Com o pu p t u ado d r o es Conceitos Básicos M d o e d los o de d Re R de d s:

Rede d s d e d Com o pu p t u ado d r o es Conceitos Básicos M d o e d los o de d Re R de d s: Tecnologia em Redes de Computadores Redes de Computadores Professor: André Sobral e-mail: alsobral@gmail.com Conceitos Básicos Modelos de Redes: O O conceito de camada é utilizado para descrever como ocorre

Leia mais

Segurança Básica. Grupo de Comunicações por Computador. 27 de Maio de 2004. Departamento de Informática Universidade do Minho

Segurança Básica. Grupo de Comunicações por Computador. 27 de Maio de 2004. Departamento de Informática Universidade do Minho Departamento de Informática Universidade do Minho 27 de Maio de 2004 (Conteúdo) 1 Vulnerabilidade Ataques 2 Firewalls 3 Sistemas de Vulnerabilidade Ataques sobre os sistemas informáticos Figura: Crescimento

Leia mais

Troubleshooting em rede básica

Troubleshooting em rede básica Troubleshooting em rede básica - 2 Sumário Capítulo 1 Troubleshooting em rede básica... 3 1.1. Objetivos... 3 1.2. Mãos a obra...4 Capítulo 2 Gerenciando... 14 2.1. Objetivos... 14 2.1. Troubleshooting...

Leia mais

SEG. EM SISTEMAS E REDES. Firewall

SEG. EM SISTEMAS E REDES. Firewall SEG. EM SISTEMAS E REDES Firewall Prof. Ulisses Cotta Cavalca Belo Horizonte/MG 2014 SUMÁRIO 1) Firewall 2) Sistema de detecção/prevenção de intrusão (IDS) 3) Implementação de

Leia mais

O projeto Metasploit é um framework que foi criado em 2003 por HD Moore e é uma plataforma que permite a verificação do estado da segurança dos

O projeto Metasploit é um framework que foi criado em 2003 por HD Moore e é uma plataforma que permite a verificação do estado da segurança dos O projeto Metasploit é um framework que foi criado em 2003 por HD Moore e é uma plataforma que permite a verificação do estado da segurança dos computadores existentes numa determinada rede, permitindo

Leia mais

1. DHCP a. Reserva de IP

1. DHCP a. Reserva de IP Configuração de recursos do roteador wireless Tenda 1. DHCP a. Reserva de IP Ao se conectar uma rede que possua servidor DHCP, o host recebe um IP dentro da faixa de distribuição. A cada conexão, o host

Leia mais

Trabalho realizado no âmbito da disciplina de Comunicação de Dados Por: José Gonçalves, n.º 7830 Nuno Oliveira, n.º 7836 Paulo Lopes, n.

Trabalho realizado no âmbito da disciplina de Comunicação de Dados Por: José Gonçalves, n.º 7830 Nuno Oliveira, n.º 7836 Paulo Lopes, n. Maio de 2013 Trabalho realizado no âmbito da disciplina de Comunicação de Dados Por: José Gonçalves, n.º 7830 Nuno Oliveira, n.º 7836 Paulo Lopes, n.º 6510 3 I. INTRODUÇAO... 5 II. HISTÓRIA... 5 III.

Leia mais

ALTERNATIVA PARA CONEXÃO VIA INTERNET DE IP MASCARADO A IP REAL

ALTERNATIVA PARA CONEXÃO VIA INTERNET DE IP MASCARADO A IP REAL Documento: Tutorial Autor: Iuri Sonego Cardoso Data: 27/05/2005 E-mail: iuri@scripthome.cjb.net Home Page: http://www.scripthome.cjb.net ALTERNATIVA PARA CONEXÃO VIA INTERNET DE IP MASCARADO A IP REAL

Leia mais

FIREWALL. Prof. Fabio de Jesus Souza. fabiojsouza@gmail.com. Professor Fabio Souza

FIREWALL. Prof. Fabio de Jesus Souza. fabiojsouza@gmail.com. Professor Fabio Souza FIREWALL Prof. Fabio de Jesus Souza fabiojsouza@gmail.com Professor Fabio Souza O que são Firewalls? Os firewalls são sistemas de segurança que podem ser baseados em: um único elemento de hardware; um

Leia mais

Características de Firewalls

Características de Firewalls Firewall Firewall é um sistema de proteção de redes internas contra acessos não autorizados originados de uma rede não confiável (Internet), ao mesmo tempo que permite o acesso controlado da rede interna

Leia mais

Capítulo 5 Métodos de Defesa

Capítulo 5 Métodos de Defesa Capítulo 5 Métodos de Defesa Ricardo Antunes Vieira 29/05/2012 Neste trabalho serão apresentadas técnicas que podem proporcionar uma maior segurança em redes Wi-Fi. O concentrador se trata de um ponto

Leia mais

Modelo de referência OSI. Modelo TCP/IP e Internet de cinco camadas

Modelo de referência OSI. Modelo TCP/IP e Internet de cinco camadas Modelo de referência OSI. Modelo TCP/IP e Internet de cinco camadas Conhecer os modelo OSI, e TCP/IP de cinco camadas. É importante ter um padrão para a interoperabilidade entre os sistemas para não ficarmos

Leia mais

Oficina de ferramentas de Gerência para Redes em Linux

Oficina de ferramentas de Gerência para Redes em Linux Oficina de ferramentas de Gerência para Redes em Linux Introdução Mesmo as pessoas menos familiarizadas com a tecnologia sabem que a internet não é um "território" livre de perigos. É por esta razão que

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores s de Computadores s de Computadores s de Computadores 2 1 Roteamento como visto cada gateway / host roteia mensagens não há coordenação com outras máquinas Funciona bem para sistemas estáveis e sem erros

Leia mais

Redes de Dados e Comunicações. Prof.: Fernando Ascani

Redes de Dados e Comunicações. Prof.: Fernando Ascani Redes de Dados e Comunicações Prof.: Fernando Ascani Camada de Aplicação A camada de Aplicação é a que fornece os serviços Reais para os usuários: E-mail, Acesso a Internet, troca de arquivos, etc. Portas

Leia mais

Câmera IP Sem/Com Fio. Manual de Instalação Rápida. (Para Windows OS)

Câmera IP Sem/Com Fio. Manual de Instalação Rápida. (Para Windows OS) Câmera IP Sem/Com Fio Manual de Instalação Rápida (Para Windows OS) Modelo:FI8904W Modelo:FI8905W ShenZhen Foscam Intelligent Technology Co., Ltd Manual de Instalação Rápida Conteúdo da Embalagem 1) Câmera

Leia mais

Tópicos. Firewall. Terminologia. História - continuação. Primeiros Casos. História. História Conceitos Básicos Hardware Software Híbrido

Tópicos. Firewall. Terminologia. História - continuação. Primeiros Casos. História. História Conceitos Básicos Hardware Software Híbrido Tópicos Firewall Prof. Alexandre Beletti Ferreira História Conceitos Básicos Hardware Software Híbrido Terminologia O termo firewall,, no sentido original, é a conhecida porta corta-fogo, ou seja, um dispositivo

Leia mais

Lista de Exercício: PARTE 1

Lista de Exercício: PARTE 1 Lista de Exercício: PARTE 1 1. Questão (Cód.:10750) (sem.:2a) de 0,50 O protocolo da camada de aplicação, responsável pelo recebimento de mensagens eletrônicas é: ( ) IP ( ) TCP ( ) POP Cadastrada por:

Leia mais

Laboratório. Assunto: endereçamento IP e roteamento.

Laboratório. Assunto: endereçamento IP e roteamento. Assunto: endereçamento IP e roteamento. Laboratório Objetivo: verificar conectivade básica com a rede, atribuir (estaticamente) endereços IP, adicionar rotas (manualmente) e verificar o caminho seguido

Leia mais

Ferramentas e Diferentes tipos de Ataques Objetivo: Fundamentar as diferentes técnicas de ataques hackers e suas ferramentas.

Ferramentas e Diferentes tipos de Ataques Objetivo: Fundamentar as diferentes técnicas de ataques hackers e suas ferramentas. 02/12/2014 Tipos de Ataque Segurança em Redes de Computadores Emanuel Rebouças, MBA Disciplina: SEGURANÇA EM REDES DE COMPUTADORES / Módulo: INTRODUÇÃO À SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO Copyright 2014 AGENDA Ferramentas

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES

REDES DE COMPUTADORES Sumário 1. Fundamentos e Infraestrutura de Redes de Computadores... 5 1.1. Laboratório 01 IP... 6 1.2. Laboratório 02 IP... 8 1.3. Laboratório 03 DHCP... 10 1.4. Laboratório 04 NAT... 13 1.5. Laboratório

Leia mais

Prof. Roberto Franciscatto 4º Semestre - TSI - CAFW. Free Powerpoint Templates Page 1

Prof. Roberto Franciscatto 4º Semestre - TSI - CAFW. Free Powerpoint Templates Page 1 Segurança na Web Capítulo 7: IDS e Honeypots Prof. Roberto Franciscatto 4º Semestre - TSI - CAFW Page 1 Introdução IDS = Intrusion Detection Systems (Sistema de Detecção de Invasão) O IDS funciona sobre

Leia mais

Roteador de Perímetro DMZ Hosts de Segurança Gateway de Aplicativo

Roteador de Perímetro DMZ Hosts de Segurança Gateway de Aplicativo Roteador de Perímetro DMZ Hosts de Segurança Gateway de Aplicativo Conectando-se à Internet com Segurança Soluções mais simples. Sistemas de Segurança de Perímetro Zona Desmilitarizada (DMZ) Roteador de

Leia mais

Ataques para obtenção de informações

Ataques para obtenção de informações Ataques para obtenção de informações Técnicas: Dumpster diving ou Trashing Engenharia Social Eavesdropping ou Packet Sniffing Scanning War dialing Firewalking Ataques para obtenção de informações Dumpster

Leia mais

INTERNET = ARQUITETURA TCP/IP

INTERNET = ARQUITETURA TCP/IP Arquitetura TCP/IP Arquitetura TCP/IP INTERNET = ARQUITETURA TCP/IP gatewa y internet internet REDE REDE REDE REDE Arquitetura TCP/IP (Resumo) É útil conhecer os dois modelos de rede TCP/IP e OSI. Cada

Leia mais

Trabalho de laboratório sobre ARP

Trabalho de laboratório sobre ARP Trabalho de laboratório sobre ARP Redes de Computadores I - 2007/2008 LEIC - Tagus Park Semana de 3 a 7 de Dezembro 1 Introdução O objectivo desta aula é a familiarização com conceitos básicos do protocolo

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores Redes de Computadores Aluno: Samuel Fontes da Silva Curso: Segurança da Informação - módulo I Professor: Fernando Pirkel Tsukahara Disciplina: Redes de Computadores Ferramenta utilizada no scan: Nmap Descrição

Leia mais