Educação Integral Relatório em Junho/2013

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Educação Integral Relatório em Junho/2013"

Transcrição

1 Comunidade Escola Família Educação Integral Relatório em Junho/2013

2 Objetivo 3 O principal objetivo desta pesquisa é avaliar o conhecimento da população brasileira sobre educação integral.

3 Metodologia 4 Técnica Universo Data de campo Pesquisa quantitativa, com abordagem pessoal em pontos de fluxo populacional. As entrevistas foram realizadas mediante aplicação de questionário estruturado. A checagem cobriu, no mínimo, 20% do material de cada pesquisador. Universo População brasileira com16 anos ou mais Amostra entrevistas Margem de Erro * 2 p.p. (*) Margem de erro máxima, para mais ou para menos, dentro de um nível de confiança de 95% A coleta de dados foi realizada nos dias 18 e 19 de abril de 2013.

4 Metodologia Amostra (continuação) 5 As entrevistas foram distribuídas em 132 municípios brasileiros. O processo amostral foi realizado por meio de cotas de sexo e idade, de acordo com a população brasileira. N+CO: 16% SUL: 14% SE: 42% NE: 28% 38% Regiões Metropolitanas (Capital + Outras Cidades) 62% Interior Por ser uma amostra representativa, os dados podem ser projetados para o universo dos brasileiros com 16 anos ou mais. População, 16 anos ou mais: habitantes (Fonte: IBGE - Censo 2010/ Estimativa 2013).

5 Metodologia 6 Desenho Amostral O desenho amostral contempla os seguintes estágios: - Estratificação por Unidade Federativa e porte dos municípios; - Sorteio dos municípios; - Sorteio do ponto onde foi realizada a pesquisa, - Seleção do entrevistado utilizando cotas de sexo e idade.

6 Índice 9 Objetivo Metodologia Perfil da amostra Ambientes de aprendizado para crianças e adolescentes Educação Integral Educação Integral na prática Principais resultados

7 Perfil da amostra Em % 12 Sexo Idade Média: 40 anos Masculino Feminino 16 a 24 anos 25 a 34 anos 35 a 44 anos 45 a 59 anos 60 anos ou mais Escolaridade Maioria da população tem nível de 13 escolaridade Fundamental ou Médio. Ensino Fundamental Ensino Médio Ensino Superior Base: População 16 anos ou mais entrevistas

8 Perfil da amostra Em % 13 Classificação econômica - Critério Brasil Pouco mais da metade dos Brasileiros com16 anos ou mais pertencem à Classe C. Classes A/B Classe C Classes D/E 46 Renda familiar mensal 46% recebem até 2 S.M. e cerca de um terço, mais de 2 a 5 S.M. 35 Média: R$ 2.005, Até 2 S.M. Mais de 2 a 5 S.M. Mais de 5 a 10 S.M. Mais de 10 S.M. Não sabe/ não respondeu Base: População 16 anos ou mais entrevistas Salário Mínimo 2013= R$ 678,00

9 Perfil da amostra Em % 15 Ocupação PEA * 66% Assalariado registrado 25% NÃO PEA * 34% Free-lance/ bico 14% Só aposentado 12% Assalariado sem registro 7% Funcionário público 6% Só dona de casa 12% Autônomo regular (Paga ISS) 3% Só estudante 8% Empresário 2% Profissional liberal (autônomo universitário) 1% Desempregado (Não procura emprego) 1% Estagiário/ aprendiz (remunerado) Desempregado (procura emprego) 1% 5% Dois terços da população é economicamente ativa (PEA). Destaque para os assalariados registrados, seguido do Free-Lance/ bico. Base: População 16 anos ou mais entrevistas * População Economicamente Ativa

10 Perfil da amostra Em % 17 Filhos até 18 anos Cerca de 4 entre 10 brasileiros têm filhos com idade até 18 anos. Resposta múltipla 42% Até 11 anos 29% 58% Não tem filhos Tem filhos De 12 a 18 anos 21% Base: População 16 anos ou mais entrevistas

11 Perfil da amostra Em % 18 Onde estudou a maior parte da vida Onde os filhos estudam/ estudaram Pública 85 Pública 71 Particular 7 Cerca de oito em cada dez Particular 16 Ambas 6 entrevistados com 16 anos ou mais, estudaram boa parte de sua vida em escola pública. Ambas 5 71% têm filho que estuda ou estudou em escola pública. Não estudou 2 Não respondeu: 1% Não estuda 8 Não respondeu: 1% Base: População 16 anos ou mais entrevistas Base: População que tem filhos até 18 anos entrevistas Fonte: A maior parte dos seus estudos foi ou está sendo realizada em escola pública ou particular? / Seus filhos estudam ou estudaram em escola pública ou particular?

12 Masculino Feminino 16 a 24 anos 25 a 34 anos 35 a 44 anos 45 a 59 anos 60 anos ou mais Ensino Fundamental Ensino Médio Ensino Superior Classes A/B Classe C Classes D/E Perfil da amostra Em % 19 Onde estudou a maior parte da vida Total Pública Particular Ambas Não estudou Não Respondeu Base total da amostra Fonte: A maior parte dos seus estudos foi ou está sendo realizada em escola pública ou particular?

13 Masculino Feminino 16 a 24 anos 25 a 34 anos 35 a 44 anos 45 a 59 anos 60 anos ou mais Ensino Fundamental Ensino Médio Ensino Superior Classes A/B Classe C Classes D/E Perfil da amostra Em % Onde os filhos estudam/ estudaram 21 Total Pública Particular Ambas Não estuda População que tem filhos até 18 anos Fonte: Seus filhos estudam ou estudaram em escola pública ou particular?

14 Índice 23 Objetivo Metodologia Perfil da amostra Ambientes de aprendizagem para crianças e adolescentes Educação Integral Educação Integral na prática Principais resultados

15 Ambientes de aprendizagem para crianças e adolescentes (Espontânea e múltipla, em %) 24 Ambientes em que crianças e adolescentes podem aprender coisas importantes para vida Escola 90 Casa (pais/ família) Igreja Quase a totalidade dos brasileiros com 16 anos ou mais, acredita que a Escola é o ambiente onde crianças e adolescentes podem aprender coisas importantes para a vida. Centros comunitários Clubes ONGs - Organizações Não Governamentais No segundo patamar, um pouco mais distante, mencionam Casa (pais/ família). Vale notar que a Igreja também ocupa papel de destaque como local de aprendizado. Citações até 2% Base: População 16 anos ou mais entrevistas Fonte: Pelo que você sabe ou ouviu falar, em quais ambientes as crianças e adolescentes podem aprender coisas importantes para a vida? Em média 2 ambientes

16 Masculino Feminino 16 a 24 anos 25 a 34 anos 35 a 44 anos 45 a 59 anos 60 anos ou mais Ensino Fundamental Ensino Médio Ensino Superior Classes A/B Classe C Classes D/E Ambientes de aprendizagem para crianças e adolescentes (Espontânea e múltipla, em %) Ambientes em que crianças e adolescentes podem aprender 25 Casa (pais/ família) tem maior destaque entre o público feminino, entre os que possuem maior nível de escolaridade e entre os que pertencem às classes A/B. Igreja é mais lembrada entre as mulheres, entre os pertencentes às classes C/D/E, e entre os que realizam ou realizaram a maior parte dos estudos, em escola Pública. Pública Particular Igreja Total Escola Casa (pais/ família) Igreja Centros comunitários Clubes ONGs - Organizações Não Governamentais Base total da amostra Citações até 2% Fonte: Pelo que você sabe ou ouviu falar, em quais ambientes as crianças e adolescentes podem aprender coisas importantes para a vida?

17 Índice 27 Objetivo Metodologia Perfil da amostra Ambientes de aprendizado para crianças e adolescentes Educação Integral Educação Integral na prática Principais resultados

18 Educação Integral Espontânea e múltipla, em % 28 63% dos brasileiros com 16 anos ou mais, declaram já ter ouvido falar em Educação Integral. São aproximadamente¹ 94 milhões de brasileiros. Nunca ouviram falar em educação Integral 36,3% 63,4% Já ouviram falar em educação Integral 0,4% Não respondeu Base: População 16 anos ou mais entrevistas Fonte: Você já ouviu falar em educação integral? (¹) População, 16 anos ou mais: habitantes ( Fonte: IBGE - Censo 2010/ Estimativa 2013).

19 Educação Integral Espontânea e múltipla, em % 29 Dentre as percepções, 40% associaram Educação Integral ao aumento da Carga Horária da criança e do adolescente na escola e 22%, a Atividades Extracurriculares que o aluno tem na escola. Maior conhecimento sobre Educação Integral entre os pertencentes às classes AB e entre os mais escolarizados. Aumento do tempo na escola 40% Passar o dia inteiro na escola 21% Passar mais tempo na escola e menos em casa 11% Atividades extracurriculares 22% Passar mais tempo na escola com atividades, oficinas, cursos extracurriculares 8% Passar o dia, ficar mais tempo na escola fazendo atividades esportivas 6% NUNCA OUVIRAM FALAR EM EDUCAÇÃO INTEGRAL 33% Base: População 16 anos ou mais entrevistas Fonte: Pelo que você ouviu falar, o que é educação integral? O desafio de comunicar o que significa Educação Integral é maior para os menos escolarizados e com menor nível econômico.

20 Educação Integral Alguns textuais 63% 63% ouviram falar em ouviram falar em Educação Integral Educação Integral É quando o aluno fica um tempo a mais na escola. 30 Criança fica dois turnos na escola, por aproximadamente oito horas. Passar o dia inteiro na escola. Aquela que a criança fica mais tempo na escola. É levado pela manhã, em torno de sete e meia e os pais só buscam às cinco da tarde. Acho que tem aula de capoeira, também! É o semi-internato do aluno dois períodos na escola, acompanhamento com psicólogos, pedagogos, professores de Educação Física e Artes para ampliar o conteúdo do programa educativo. Tempo que a criança fica depois da escola. Atividades como: futebol, desenho, grafite. É uma escola adaptada para receber os alunos desde uma certa hora da manhã, não sei se sete ou oito, e lá eles permanecem até o final da tarde. Recebem alimentação, tem atividades como futebol e outros jogos de quadras e tatame. Quando acaba a escola e os alunos têm atividades depois desse horário, como Artes, Educação Física, etc.

21 Educação Integral 36 Nesta etapa da pesquisa, foi entregue ao entrevistado um cartão com uma breve explicação sobre Educação Integral: Algumas secretarias estaduais e municipais de educação, de diferentes cidades brasileiras, começaram a implantar Escolas de Educação Integral. São escolas em que os alunos ficam mais horas por dia, com atividades diversificadas, dentro e fora da escola.

22 Educação Integral 37 A seguir, os entrevistados foram questionados sobre a importância da Educação Integral para o futuro das novas gerações: Não é necessária 10% Cerca de nove em cada dez entrevistados acreditam que Educação Integral é necessária. São aproximadamente¹ 134 milhões de brasileiros. 90% É necessária (¹) População, 16 anos ou mais: habitantes ( Fonte: IBGE - Censo 2010/ Estimativa 2013). Base: População 16 anos ou mais entrevistas //Fonte: Na sua opinião, Educação Integral é necessária ou não para o futuro das novas gerações?

23 Educação Integral Espontânea e múltipla, em % A Educação Integral é necessária 90% 39 50% MELHORA O NÍVEL DA EDUCAÇÃO Ajuda, melhora a educação, aumenta o nível de educação, aumenta o nível de conhecimento, ficam mais tempo envolvidos com estudos 30% OCUPAÇÃO DO TEMPO LIVRE (+ feminino) Tira as crianças, os jovens da rua, ficam ocupadas com atividades, adquirem conhecimento, ficam menos tempo na internet, TV 23% EVITA A CRIMINALIDADE/VIOLÊNCIA/USO DE DROGAS (+ classes CDE) Não fica na rua e aprende o que não presta, não faz coisas erradas, afasta as crianças das drogas 12% INVESTIMENTO NO FUTURO Prepara o jovem para o mercado de trabalho, melhores oportunidades no futuro 12% CRIANÇA SEGURA, DESPREOCUPAÇÃO DOS PAIS (+ Ensino Superior) Ajuda as mães que trabalham, podem trabalhar mais sossegadas Porque os alunos têm oportunidade de aprender melhor, com mais tempo e ter menos dificuldade de passar de ano. Base: População 16 anos ou mais entrevistas //Fonte: Na sua opinião, Educação Integral é necessária ou não para o futuro das novas gerações? / Por quais razões você acha que a educação integral é: para o futuro das novas gerações?

24 Educação Integral Alguns textuais 40 90% É necessária Devido à indisponibilidade dos pais, em termos financeiros, para dar acesso aos filhos a aprendizados como, por exemplo, Inglês ou outras línguas importantes para o mercado de trabalho como o espanhol. É uma forma de oferecer melhor qualidade de ensino, através de monitores que podem auxiliar o aluno a compreender com mais exatidão as matérias que ele está estudando. Para os pais trabalharem com menos preocupação em deixarem os filhos na rua. Menor chance dos meninos terem contato com drogas. Porque os alunos têm oportunidade de aprender melhor, com mais tempo e ter menos dificuldade de passar de ano. Porque podem aprender coisas novas pelo convívio em grupo e não ficar em casa à toa. Ajuda a tirar as crianças das drogas e do crime, ajuda no futuro a ter um bom emprego e saber escolher a profissão. Porque o aluno tem mais matérias e fica mais ocupado. Diminui o tempo que fica sem fazer nada, ou seja, afasta o menino das más companhias na rua ou na internet.

25 Educação Integral Espontânea e múltipla, em % 41 A Educação Integral Não é necessária 10% 4% FALTA DE EMPENHO DOS ALUNOS Não precisam ficar mais tempo na escola, é cansativo,para aprender é só se empenhar mais Porque as crianças precisam da atenção dos pais. Ficando o dia todo na escola, perdem a referência da família. 3% NECESSITA DE TEMPO COM A FAMÍLIA Educação está em casa, devem ficar um tempo em casa com os pais, precisam da educação familiar Classes AB 2% BAIXO NÍVEL DO ENSINO PÚBLICO Base: População 16 anos ou mais entrevistas //Fonte: Na sua opinião, Educação Integral é necessária ou não para o futuro das novas gerações? / Por quais razões você acha que a educação integral é: para o futuro das novas gerações?

26 Educação Integral Alguns textuais 10% Não é necessária O mais importante seria melhorar a qualificação dos professores, o tempo que eles passam na escola já é adequado. Se ficarem na escola no período integral, não sobra tempo para conviver com a família 42 Acho que não adianta ficar mais tempo na escola se o aluno não tem vontade de aprender. Porque as crianças precisam da atenção dos pais. Ficando o dia todo na escola, perdem a referência da família. A criança tem que ter um tempo com a família É muito cansativo para os alunos ficarem o dia todo na escola. As escolas não estão preparadas para ficarem com as crianças o dia todo.

27 Educação Integral Estimulada, em % Ações e investimentos que o governo deve fazer na área da educação lugares (múltipla) 1 lugar (única) Investimentos em Educação Integral* Melhorar a qualidade dos professores Melhorar a infraestrutura da escola 71% 63% 88% 25% 28% 37% Ensino Superior Ensino Superior Entre os jovens destacam-se ações ligadas à Educação Integral: diversificação nos tipos de aulas e atividades, e a realização de atividades fora da escola. Distribuir material escolar e uniforme 35% 10% Classes DE (*) Agrupamento de três itens Base: População 16 anos ou mais entrevistas Fonte: Pensando nas ações e investimentos que o governo deve fazer na área de educação, na sua opinião, das alternativas que estão neste cartão, qual é a mais importante? E em segundo lugar? E em terceiro lugar?

28 Masculino Feminino 16 a 24 anos 25 a 34 anos 35 a 44 anos 45 a 59 anos 60 anos ou mais Ensino Fundamental Ensino Médio Ensino Superior Classes A/B Classe C Classes D/E Educação Integral Estimulada e múltipla, em % Ações e investimentos que o governo deve fazer na área da educação 1º+2º+3º lugares 54 Distribuir material escolar e uniforme é uma demanda maior dos pertencentes às classes D/E e de quem estuda/estudou em escola pública. Pública Particular Total Investimento em Educação Integral Diversificar os tipos de aulas e atividades das crianças e adolescentes na escola Aumentar o tempo que as crianças e adolescentes ficam na escola Ter atividades fora da escola Melhorar a qualidade dos professores Melhorar a infraestrutura da escola Distribuir material escolar e uniforme Nenhum Base total da amostra Fonte: Pensando nas ações e investimentos que o governo deve fazer na área de educação, na sua opinião, das alternativas que estão neste cartão, qual é a mais importante? E em segundo lugar? E em terceiro lugar?

29 Sudeste Sul Nordeste Norte/ Centro Oeste Tem Filho até 18 anos Filho de 0 a 6 anos Filho de 7 a 12 anos Filho de 13 a 18 anos Não tem Filhos até 18 anos Educação Integral Estimulada e múltipla, em % 55 Ações e investimentos que o governo deve fazer na área da educação 1º+2º+3º lugares Entre os residentes no Sudeste, há ligeiro destaque para o aumento da permanência na escola, ao passo que no Sul, há maior valorização da distribuição de uniforme. Total Investimentos em Educação Integral Diversificar os tipos de aulas e atividades das crianças e adolescentes na escola Aumentar o tempo que as crianças e adolescentes ficam na escola Ter atividades fora da escola Melhorar a qualidade dos professores Melhorar a infraestrutura da escola Distribuir material escolar e uniforme Nenhum Fonte: Pensando nas ações e investimentos que o governo deve fazer na área de educação, na sua opinião, das alternativas que estão neste cartão, qual é a mais importante? E em segundo lugar? E em terceiro lugar?

30 Educação Integral Estimulada, em % Vantagens da Educação Integral lugares (múltipla) 1 lugar (única) 58 O aluno aprende mais* Melhora o relacionamento na escola* Permite que os pais ou responsáveis trabalhem mais tranquilamente 66% 40% 11% 38% 12% 39% > Classes DE > 16 a 24 anos > Classes AB O Aluno aprender mais é o ponto forte do projeto de Educação Integral (66%). As crianças e adolescentes ficarão mais preparadas para o mercado de trabalho 38% 11% > 16 a 44 anos As crianças e adolescentes ficam mais seguras na escola 26% 8% As crianças e adolescentes aproveitam melhor o tempo na escola, do que em casa Melhora no relacionamento familiar As crianças e adolescentes fazem as refeições na escola 25% 19% 15% 4% 5% 8% > Classes DE > Classes DE (*) O aluno aprende mais: O aluno aprende mais Tem mais tempo para as aulas de Português, Matemática, Ciências, Inglês Tem mais tempo para as atividades de Teatro, Música e Esportes (*) Melhora relacionamento na escola: Desenvolve a capacidade de relacionamento, e de trabalhar em grupo As crianças e adolescentes tem maior oportunidade de fazer amigos na escola Nenhuma vantagem: 1% Base: População 16 anos ou mais entrevistas Fonte: Na sua opinião e de acordo com este cartão, qual é o principal vantagem da educação integral? E em segundo lugar? E em terceiro lugar?

31 Masculino Feminino 16 a 24 anos 25 a 34 anos 35 a 44 anos 45 a 59 anos 60 anos ou mais Ensino Fundamental Ensino Médio Ensino Superior Classes A/B Classe C Classes D/E Educação Integral Estimulada e múltipla, em % Vantagens da Educação Integral 1º+2º+3º lugares Total ALUNO APRENDE MAIS O aluno aprende mais Tem mais tempo para atividades de Teatro, Música e Esportes Tem mais tempo para aulas de Português, Matemática, Ciências, Inglês MELHORA RELACIONAMENTO NA ESCOLA Desenvolve a capacidade de relacionamento, e de trabalhar em grupo As crianças e adolescentes têm maior oportunidade de fazer amigos na escola Permite que os pais ou responsáveis trabalhem mais tranquilamente As crianças e adolescentes ficarão mais preparadas para o mercado de trabalho As crianças e adolescentes ficam mais seguras na escola As crianças e adolescentes aproveitam melhor o tempo na escola, do que em casa Melhora no relacionamento familiar As crianças e adolescentes fazem as refeições na escola Nenhum Base total da amostra Fonte: Na sua opinião e de acordo com este cartão, qual é o principal vantagem da educação integral? E em segundo lugar? E em terceiro lugar?

32 Sudeste Sul Nordeste Norte/ Centro Oeste Tem Filho até 18 anos Filho de 0 a 6 anos Filho de 7 a 12 anos Filho de 13 a 18 anos Não tem Filhos até 18 anos Educação Integral Estimulada e múltipla, em % Vantagens da Educação Integral 60 1º+2º+3º lugares Total ALUNO APRENDE MAIS O aluno aprende mais Tem mais tempo para atividades de Teatro, Música e Esportes Tem mais tempo para aulas de Português, Matemática, Ciências, Inglês MELHORA RELACIONAMENTO NA ESCOLA Desenvolve a capacidade de relacionamento, e de trabalhar em grupo As crianças e adolescentes têm maior oportunidade de fazer amigos na escola Permite que os pais ou responsáveis trabalhem mais tranquilamente As crianças e adolescentes ficarão mais preparadas para o mercado de trabalho As crianças e adolescentes ficam mais seguras na escola As crianças e adolescentes aproveitam melhor o tempo na escola, do que em casa Melhora no relacionamento familiar As crianças e adolescentes fazem as refeições na escola Nenhum Base total da amostra Fonte: Na sua opinião e de acordo com este cartão, qual é o principal vantagem da educação integral? E em segundo lugar? E em terceiro lugar?

33 Educação Integral Estimulada, em % Desvantagens da Educação Integral lugares (múltipla) 1 lugar (única) 63 Nenhuma 68% Foram estimulados nove alternativas e 68% dos entrevistados não percebem desvantagens na Educação Integral. Destaque entre os menos escolarizados, e entre os pertencentes às classes DE. Não adianta deixar mais tempo na escola se as crianças e adolescentes não possuem estrutura familiar O governo não tem dinheiro para manter um projeto como este. Mais tempo na escola tira o tempo das crianças e adolescentes para brincarem e conviverem com família e amigos As crianças e os adolescentes cansam com muito tempo de aula Não há diferença na qualidade do ensino A escola não é segura o suficiente para as crianças e adolescentes passarem muito tempo A alimentação não tem qualidade Mais tempo da criança e do adolescente na escola tira o tempo em que elas poderiam ajudar com tarefas em casa 12% 5% 11% 5% 10% 5% 9% 5% 7% 3% 6% 2% 6% 3% 5% 2% Tendencialmente criticam a Falta de estrutura familiar, Falta de dinheiro do governo para investimento e Afastamento da convivência familiar e o Cansaço das crianças com muito tempo de aula. Atividades de Teatro, Música e Esportes não ajudam no aprendizado 2% 1% Base: População 16 anos ou mais entrevistas Fonte: Na sua opinião existe alguma desvantagem na educação integral, isto é, alguma coisa que você considera negativa? De acordo com esse cartão, qual é o principal ponto negativo da educação integral? E em segundo lugar? E em terceiro lugar?

34 Masculino Feminino 16 a 24 anos 25 a 34 anos 35 a 44 anos 45 a 59 anos 60 anos ou mais Ensino Fundamental Ensino Médio Ensino Superior Classes A/B Classe C Classes D/E Educação Integral Estimulada e múltipla, em % Desvantagens da Educação Integral 1º+2º+3º lugares Total 64 Não adianta deixar mais tempo na escola se as crianças e adolescentes não possuem estrutura familiar O governo não tem dinheiro para manter um projeto como este Mais tempo na escola tira o tempo das crianças e adolescentes para brincarem e conviverem com família e amigos As crianças e os adolescentes cansam com muito tempo de aula Não há diferença na qualidade do ensino A escola não é segura o suficiente para as crianças e adolescentes passarem muito tempo A alimentação não tem qualidade Mais tempo da criança e do adolescente na escola tira o tempo em que elas poderiam ajudar com tarefas em casa (limpeza, cuidar dos irmãos etc.) Atividades de Teatro, Música e Esportes não ajudam no aprendizado Outros (espontâneo) Não considera nada negativo na Educação Integral Base total da amostra Fonte: Na sua opinião existe alguma desvantagem na educação integral, isto é, alguma coisa que você considera negativa? De acordo com esse cartão, qual é o principal ponto negativo da educação integral? E em segundo lugar? E em terceiro lugar?

35 Educação Integral Estimulada e múltipla, em % 68 Responsáveis por oferecer Educação Integral para crianças e adolescentes Governo/ Prefeitura/ Prefeito 72 > Ensino Superior Pais Escola/ Professores De modo geral, a responsabilidade de oferecer Educação Integral para crianças e adolescentes é vista pela população como função do Governo (72%). Comunidade em que vive 14 Em um patamar não muito distante mencionam os Pais (62%) e a Escola (51%). ONGs - Organizações Não Governamentais 10 Citações até 2% Base: População 16 anos ou mais entrevistas Fonte: De acordo com este cartão, quem são os responsáveis por oferecer uma educação integral para as crianças e adolescentes? De quem mais? Em média 2 responsáveis

36 Índice 69 Objetivo Metodologia Perfil da amostra Ambientes de aprendizado para crianças e adolescentes Educação Integral Educação Integral na prática Principais resultados

37 Educação Integral na prática 70 Foram apresentadas três iniciativas de Educação Integral para os entrevistados, com o objetivo de conhecer o grau de importância atribuído a cada uma delas. (Houve alternância na apresentação dos conceitos para evitar viés).

38 Educação Integral na prática Estimulada e única, em % (Escala de 0 a 10 pontos) 71 Iniciativa ESCOLA Uma Secretaria de Educação de uma cidade brasileira começou a implantar Escolas de Educação Integral da seguinte forma: são escolas em que os alunos ficam pelo menos 7 horas por dia, com aulas básicas como língua portuguesa, matemática e ciências, mas também com aulas de outras áreas, como artes, inglês, atividades esportivas, música, teatro, etc. Grau da importância da iniciativa: (para formação das crianças) Pouco importante 0 a 6 Importante 7 e 8 Muito importante 9 e 10 6% 25% 70% > Ensino Fundamental > Classes D/E Média 9,0 Essa iniciativa de Educação Integral apresentada foi muito bem avaliada entre os brasileiros com 16 anos ou mais. Em média, a nota para importância desse projeto foi 9,0. Cerca de sete em cada dez entrevistados classificam o projeto como muito importante (notas 9 e 10). Base: População 16 anos ou mais entrevistas Fonte: Em uma escala de 0 a 10, em que 0 significa nada importante e 10, muito importante, o quanto você acha importante esta iniciativa para formação das crianças?

39 Educação Integral na prática Espontânea e múltipla, em % Razões para avaliar a iniciativa com notas entre 0 e 6 73 Iniciativa ESCOLA - Notas de 0 a 6-6% 28% Carga horária As crianças/adolescentes cansam com muito tempo de aula/atrapalha o aprendizado (27%) 16% Convivência Social/ Familiar Mais tempo na escola tira o tempo das crianças e adolescentes para conviverem com a família/amigos/sociedade (13%) 14% Qualidade de ensino Não há diferença na qualidade de ensino 13% Falta infraestrutura/ Qualificação da escola Professores não estão bem preparados/qualificados/ganham pouco/faltam professores (6%) Escolas não estão preparadas para ter as crianças o dia todo (5%) 6% Atividades extracurriculares não são importantes 5% Necessidade de lazer/esporte Mais tempo na escola tira o tempo das crianças/adolescentes para brincarem (3%) A principal justificativa para a nota abaixo de sete, é a Carga Horária, pois acreditam que a criança ficará cansada com tanto tempo de aula, atrapalhando o aprendizado. É muito cansativo para a criança ficar o dia inteiro na escola Citações até 5% Base: Entrevistados que deram notas entre 0 e entrevistas Fonte: Por quais razões você deu nota?

40 Educação Integral na prática Alguns textuais 74 6% Notas de 0 a 6 É muito cansativo para a criança ficar o dia inteiro na escola Ficando muito tempo na escola, não tem tempo de ficar com a família Não vejo importância em deixar um aluno o dia inteiro na aula, acho que a criança vai ficar cansada e tomar raiva da escola Não adianta ter tempo integral se os professores não têm preparação para isso Não sei se tem segurança suficiente. Minha preocupação é saber se as crianças estarão seguras na escola A questão da importância deve-se à qualidade do ensino e a forma de busca dessa qualidade, é isso que deve ser demonstrado pelo governo. Se o aluno está na escola por mais tempo, então o principal foco é a educação regular, as outras atividades devem ser de acordo com o desenvolvimento intelectual do aluno e, de preferência, fora da escola, em museus, teatros, etc...

41 Educação Integral na prática Estimulada e única, em % (Escala de 0 a 10 pontos) 79 Iniciativa ONGs Uma Secretaria de Educação de uma cidade brasileira fez parceria com várias ONGs que desenvolvem atividades com crianças. Em um período as crianças ficam na escola e no outro participam de atividades educativas nas ONGs. Grau da importância da iniciativa: (para formação das crianças) Pouco importante 0 a 6 Importante 7 e 8 Muito importante 9 e 10 7% 25% 68% > Feminino > Ensino Fundamental > Classes C/D/E Média 8,8 Seguindo a mesma tendência, a iniciativa que mescla o trabalho da escola com o de ONGs também foi muito bem avaliada entre os brasileiros. Em média, a nota para importância desse projeto foi 8,8. Cerca de sete em cada dez entrevistados classificaram o projeto como muito importante (notas 9 e 10). Base: População 16 anos ou mais entrevistas Fonte: Em uma escala de 0 a 10, em que 0 significa nada importante e 10, muito importante, o quanto você acha importante esta iniciativa para formação das crianças?

42 Educação Integral na prática Espontânea e múltipla, em % Razões para avaliar a iniciativa com notas entre 0 e 6 81 Iniciativa ONGs - Notas de 0 a 6-7% 29% Falta de confiança/ corrupção/ desvio de verbas Falta seriedade das ONGs/ muitas só visam o próprio bem estar/ não há transparência na aplicação dos recursos (15%) Existem casos de corrupção/ desvio de verbas (11%) 14% Carga horária Ficar na escola muito tempo é cansativo/ a criança cansa mentalmente (6%) 10% ONGs não estão preparadas 8% Insegurança dos alunos/ pais Sair da escola causa insegurança ao aluno e pais/ não tem boas referências dessas ações (6%) 5% É responsabilidade do governo Esta estrutura deveria ser do governo, não das ONGs Algumas pessoas não associam positivamente essa relação pela Falta de confiança nas ONGs. Depende do trabalho desenvolvido pela ONG. Como não é do governo federal nem estadual, fico preocupado com a finalidade do serviço que prestarão Citações até 5% Base: Entrevistados que deram notas entre 0 e entrevistas Fonte: Por quais razões você deu nota?

43 Educação Integral na prática Alguns textuais 7% Notas de 0 a 6 Depende do trabalho desenvolvido pela ONG. Como não é do governo federal nem estadual, fico preocupado com a finalidade do serviço que prestarão Porque não acredito no trabalho das ONGs, não acho que nenhuma seja séria. Estão interessadas somente no dinheiro As ONGs se aproveitam dos projetos e não cumprem o que se propuseram a fazer Porque a ONG não tem nada a ver com escola, eles não se envolvem muito nessas atividades Não sei como as crianças vão ser tratadas, se elas serão obrigadas a ficar o dia inteiro ou se podem sair se quiserem

44 Educação Integral na prática Estimulada e única, em % (Escala de 0 a 10 pontos) 87 Iniciativa CLUBES, IGREJAS, EMPRESAS, ESPAÇOS PÚBLICOS Uma Secretaria de Educação de uma cidade brasileira fez parcerias com clubes, igrejas, empresas, espaços públicos, usando diferentes espaços da cidade para ações educativas com as crianças. Cada escola desta Secretaria, durante 7 horas de atendimento, utiliza estes locais com seus alunos. Grau da importância da iniciativa: (para formação das crianças) Pouco importante 0 a 6 Importante 7 e 8 Muito importante 9 e 10 5% 25% 69% > Feminino > Ensino Fundamental > Classes C/D/E Média 8,9 A iniciativa de Educação Integral que envolve clubes, igrejas, empresas, espaços públicos, obteve boa avaliação entre os brasileiros com 16 anos ou mais. Em média, a nota para importância desse projeto foi de 8,9. Cerca de 7 em cada dez entrevistados classificam o projeto como muito importante (notas 9 e 10). Base: População 16 anos ou mais entrevistas Fonte: Em uma escala de 0 a 10, em que 0 significa nada importante e 10, muito importante, o quanto você acha importante esta iniciativa para formação das crianças?

45 Educação Integral na prática Espontânea e múltipla, em % Razões para avaliar a iniciativa com notas entre 0 e 6 Iniciativa CLUBES, IGREJAS, EMPRESAS, ESPAÇOS PÚBLICOS - Notas de 0 a 6-5% 27% Igrejas/ religião Não gosta do envolvimento da religião e a escola, diferentes crenças deixam as crianças confusas (21%) 17% Qualidade de ensino Não vê proveito nas parcerias/deveriam focar mais na educação/essas parcerias servem apenas para o lazer (6%) Não vê muita vantagem nessas ações/acha que a criança não aprende tanto como na escola (5%) 13% Falta estrutura física Não tem estrutura física para os alunos/espaço tem que ser apropriado/tem que ter toda a estrutura necessária (7%) 11% Falta de segurança Não ter garantias de segurança/monitoramento policial como nas escolas 10% Convivência social/ familiar Mais tempo na escola tira o tempo das crianças/adolescentes conviverem com a família/amigos (9%) 6% É responsabilidade do governo O governo deveria melhorar as escolas/investir em cursos na própria escola e não fazer parcerias As maiores críticas partem dos entrevistados que não gostam do envolvimento entre religião e escola, pois alegam que diferentes crenças podem deixar as crianças confusas. 89 Porque cada um tem sua crença, a igreja pode não ser a mesma da família Citações até 6% Base: Entrevistados que deram notas entre 0 e entrevistas Fonte: Por quais razões você deu nota?

46 Educação Integral na prática Alguns textuais 90 5% Notas de 0 a 6 Porque eles colocam a igreja no meio e não traz benefício nenhum, só estão interessados em dinheiro Porque cada um tem sua crença, a igreja pode não ser a mesma da família A escola já possui espaços suficientes, não precisa disso. Porque as atividades externas são ruins devido à violência. Sou contra atividade fora da escola Porque não é seguro sair da escola

47 Índice 95 Objetivo Metodologia Perfil da amostra Ambientes de aprendizado para crianças e adolescentes Educação Integral Educação Integral na prática Principais resultados Anexos

48 Principais resultados 63% dos brasileiros com 16 anos ou mais, declaram que já ouviram falar em Educação Integral, sendo que 40% associam o tema ao Aumento da permanência do aluno na escola e 22%, às Atividades Extracurriculares % Os entrevistados com maior formação educacional e os que possuem maior nível econômico estão mais familiarizados com o assunto. É maior o desafio de comunicar o tema para o grupo menos favorecido economicamente e com menor tempo de estudo. Após leitura do conceito, para 90% a EDUCAÇÃO INTEGRAL É NECESSÁRIA para o futuro das novas gerações ADERÊNCIA expressiva ao conceito de EDUCAÇÃO INTEGRAL

49 Principais resultados Quase a totalidade dos brasileiros com 16 anos ou mais, acredita que a Escola é o ambiente onde crianças e adolescentes podem aprender coisas importantes para a vida. Em segundo lugar, mencionam a Casa, o ambiente familiar. 97 Mas é importante notar que a Igreja ocupa papel de destaque como local de aprendizado, na opinião de 27% dos brasileiros. 90% Escola 57% Casa (pais, família) 27% Igreja Taxas elevadas em todos os segmentos Maiores citações entre: Mulheres Ensino superior Classes AB Maiores citações entre: Mulheres 25 a 44 anos Classes CDE

50 Principais resultados A grande maioria da população brasileira valoriza a Educação Integral, percebendo como maiores vantagens a Melhora no Aprendizado, a Melhora no relacionamento na escola, Maior tranquilidade para os pais trabalharem e a Preparação para o mercado de trabalho. 98 Os poucos aspectos de fragilidade destacados são a Incapacidade da escola em melhorar o aprendizado, quando há falta de estrutura familiar, a Falta de verba do governo, o Afastamento da convivência familiar e o Cansaço que o ensino integral pode causar nas crianças, dificultando o aprendizado. Maiores Vantagens Maiores Desvantagens 68% NÃO percebem desvantagem na Educação Integral. Espontaneamente também destacam que a Educação Integral é necessária pela Ocupação do tempo livre e Afastamento da criminalidade e das drogas. O aluno aprende mais (destaque: Classes DE) Melhora o relacionamento na escola Maior tranquilidade para os pais trabalharem Preparação para o mercado de trabalho (destaque: 16 a 44 anos) Incapacidade da escola em melhorar o aprendizado, quando há falta de estrutura familiar Falta de dinheiro do governo para investimento Afastamento da convivência familiar É cansativo muito tempo de aula

51 Principais resultados 99 As três iniciativas de Educação Integral apresentadas aos entrevistados foram muito valorizadas, cabendo destacar o cuidado ao fazer parcerias com ONGs (alguns não confiam) e Igreja (não gostariam de ver educação misturada com religião). Também é importante ficar atento à Infraestrutura, ao nível de ensino e à Segurança Consideram que para haver Educação Integral, o Governo deve ter participação ativa, assim como a Família e a própria Escola. Importância das políticas públicas (governo) e também da participação efetiva dos Pais e da Escola o projeto. (taxas espontâneas em torno de 10%, cada).

52 Comunidade Escola Família Educação Integral

População brasileira Música - Internet Propaganda. Outubro/ 2007

População brasileira Música - Internet Propaganda. Outubro/ 2007 População brasileira Música - Internet Propaganda Outubro/ 00 Objetivo Este estudo têm como objetivo identificar entre a população brasileira os seguintes aspectos: Música estilo musical mais ouvido; Internet

Leia mais

Junho / 2014. Reformas políticas

Junho / 2014. Reformas políticas Junho / 2014 Reformas políticas Metodologia Metodologia AMOSTRA ABRANGÊNCIA PERÍODO MARGEM DE ERRO 2.125 pessoas foram entrevistadas, a partir de 16, de todos os níveis econômicos em todas as regiões do

Leia mais

Opinião do. brasileiro sobre Voluntariado. Fundação Itaú Social Resultados em outubro de 2014

Opinião do. brasileiro sobre Voluntariado. Fundação Itaú Social Resultados em outubro de 2014 Opinião do brasileiro sobre Voluntariado Fundação Itaú Social Resultados em outubro de 2014 Índice 2 Objetivo e Metodologia Perfil demográfico da população brasileira Exercício da Atividade Voluntária

Leia mais

Fidelização dos consumidores aos planos de saúde e grau de interesse por quem não possui o benefício

Fidelização dos consumidores aos planos de saúde e grau de interesse por quem não possui o benefício 1 Fidelização dos consumidores aos planos de saúde e grau de interesse por quem não possui o benefício 2013 Índice 2 OBJETIVO E PÚBLICO ALVO METODOLOGIA PLANO DE SAÚDE O MERCADO DE PLANO DE SAÚDE PERFIL

Leia mais

METODOLOGIA AMOSTRA ABRANGÊNCIA PERÍODO MARGEM DE ERRO. A margem de erro máxima para o total da amostra é 2,0 pontos percentuais.

METODOLOGIA AMOSTRA ABRANGÊNCIA PERÍODO MARGEM DE ERRO. A margem de erro máxima para o total da amostra é 2,0 pontos percentuais. METODOLOGIA METODOLOGIA AMOSTRA ABRANGÊNCIA PERÍODO MARGEM DE ERRO 2.085 pessoas foram entrevistadas, a partir de 16 anos, de todos os níveis econômicos em todas as regiões do país. As entrevistas foram

Leia mais

CONSELHO DE CLASSE. A visão dos professores sobre educação no Brasil

CONSELHO DE CLASSE. A visão dos professores sobre educação no Brasil CONSELHO DE CLASSE A visão dos professores sobre educação no Brasil INTRODUÇÃO Especificações Técnicas Data do Campo 19/06 a 14/10 de 2014 Metodologia Técnica de coleta de dados Abrangência geográfica

Leia mais

Opinião da População Sobre a Cobrança das Sacolas Plásticas Reutilizáveis. Agosto de 2015

Opinião da População Sobre a Cobrança das Sacolas Plásticas Reutilizáveis. Agosto de 2015 Opinião da População Sobre a Cobrança das Sacolas Plásticas Reutilizáveis Agosto de 2015 2 A Lei nº 15.374 de 2011 proíbe a disponibilização de sacolas plásticas descartáveis nos estabelecimentos comerciais

Leia mais

PESQUISADORES. Pesquisadores

PESQUISADORES. Pesquisadores Pesquisadores Objetivos 2 Conhecer a opinião dos pesquisadores apoiados pela FAPESP sobre o tema Ciência e Tecnologia. 3 Principais resultados Principais resultados 4 Melhores recursos financeiros e credibilidade

Leia mais

Jus>fica>va. Obje>vos

Jus>fica>va. Obje>vos Jus>fica>va O Brasil está entre os dez maiores emissores de gases de efeito estufa do mundo e a cada ano os brasileiros de Norte a Sul do país são mais afetados pelas consequências das mudanças climá>cas

Leia mais

AVALIAÇÃO DOS PLANOS DE SAÚDE PELOS USUÁRIOS ANO II SÃO PAULO 2013

AVALIAÇÃO DOS PLANOS DE SAÚDE PELOS USUÁRIOS ANO II SÃO PAULO 2013 1 AVALIAÇÃO DOS PLANOS DE SAÚDE PELOS USUÁRIOS ANO II SÃO PAULO Temas 2 Objetivo e metodologia Utilização dos serviços do plano de saúde e ocorrência de problemas Reclamação ou recurso contra o plano de

Leia mais

Objetivos. Essa pesquisa buscou identificar o grau de conhecimento dos paulistas a respeito da FAPESP e sobre Ciência e Tecnologia.

Objetivos. Essa pesquisa buscou identificar o grau de conhecimento dos paulistas a respeito da FAPESP e sobre Ciência e Tecnologia. População Objetivos Essa pesquisa buscou identificar o grau de conhecimento dos paulistas a respeito da FAPESP e sobre Ciência e Tecnologia. 3 POPULAÇÃO Principais resultados Principais resultados 4 *

Leia mais

cesop OPINIÃO PÚBLICA, Campinas, Vol. 19, nº 2, novembro, 2013, Encarte Tendências. p.475-485

cesop OPINIÃO PÚBLICA, Campinas, Vol. 19, nº 2, novembro, 2013, Encarte Tendências. p.475-485 cesop OPINIÃO PÚBLICA, Campinas, Vol. 19, nº 2, novembro, 2013, Encarte Tendências. p.475-485 Este encarte Tendências aborda as manifestações populares que tomaram as grandes cidades brasileiras em junho

Leia mais

Relacionamento dos médicos associados à SOGESP com os Planos de saúde. Apresentação em Agosto de 2012

Relacionamento dos médicos associados à SOGESP com os Planos de saúde. Apresentação em Agosto de 2012 1 Relacionamento dos médicos associados à SOGESP com os Planos de saúde Apresentação em Agosto de 2012 Índice 2 Objetivo Metodologia Perfil do médico associado Avaliação das operadoras de planos de saúde

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS MARÇO DE 2014 JOB0402 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO LOCAL Avaliar a atual administração do município de Acopiara. Acopiara

Leia mais

Intenção de voto para presidente 2014 PO813734. www.datafolha.com.br

Intenção de voto para presidente 2014 PO813734. www.datafolha.com.br Intenção de voto para presidente 2014 PO813734 19 e 20/02/2014 INTENÇÃO DE VOTO PARA PRESIDENTE FEVEREIRO DE 2014 MESMO COM DESEJO DE MUDANÇA, DILMA MANTÉM LIDERANÇA NA CORRIDA ELEITORAL 67% preferem ações

Leia mais

Seguros de Vida no Mercado Brasileiro

Seguros de Vida no Mercado Brasileiro Seguros de Vida no Mercado Brasileiro São Paulo, /06/0 Job -034743 Nobody s Unpredictable Objetivos e metodologia Metodologia Quantitativa, por meio de pesquisa amostral com questionário estruturado a

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE PERCEPÇÕES SOBRE SANEAMENTO BÁSICO

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE PERCEPÇÕES SOBRE SANEAMENTO BÁSICO PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE PERCEPÇÕES SOBRE SANEAMENTO BÁSICO MARÇO DE 2012 JOB2178 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO LOCAL Entender como a população brasileira percebe questões relacionadas

Leia mais

Objetivo construção de um cenário

Objetivo construção de um cenário Objetivo Levantar informações junto aos professores de Educação Física e aos diretores / vice diretores das escolas públicas brasileiras, de modo a permitir o mapeamento e a construção de um cenário sobre

Leia mais

Atitudes pela Educação Novembro de 2014

Atitudes pela Educação Novembro de 2014 Atitudes pela Educação Novembro de 2014 Realização: Instituto Paulo Montenegro IBOPE Inteligência Parceiros da pesquisa: Todos Pela Educação Fundação Itaú Social Fundação Maria Cecília Souto Vidigal Fundação

Leia mais

PERÍODO AMOSTRA ABRANGÊNCIA MARGEM DE ERRO METODOLOGIA. População adulta: 148,9 milhões

PERÍODO AMOSTRA ABRANGÊNCIA MARGEM DE ERRO METODOLOGIA. População adulta: 148,9 milhões OBJETIVOS CONSULTAR A OPINIÃO DOS BRASILEIROS SOBRE A SAÚDE NO PAÍS, INVESTIGANDO A SATISFAÇÃO COM SERVIÇOS PÚBLICO E PRIVADO, ASSIM COMO HÁBITOS DE SAÚDE PESSOAL E DE CONSUMO DE MEDICAMENTOS METODOLOGIA

Leia mais

Pesquisa Quantitativa Plastivida. Setembro de 2012

Pesquisa Quantitativa Plastivida. Setembro de 2012 Pesquisa Quantitativa Plastivida Setembro de 2012 objetivo geral Verificar a opinião da população de Belo Horizonte acerca da retirada das sacolas plásticas dos estabelecimentos comerciais da cidade e

Leia mais

Intenção de voto para presidente da República PO813749. www.datafolha.com.br

Intenção de voto para presidente da República PO813749. www.datafolha.com.br Intenção de voto para presidente da República PO813749 01 e 02/07/2014 INTENÇÃO DE VOTO PARA PRESIDENTE JULHO DE 2014 EM MÊS MARCADO POR COPA, DILMA RECUPERA PREFERÊNCIA DE ELEITORES Queda nos votos em

Leia mais

www.senado.leg.br/datasenado

www.senado.leg.br/datasenado www.senado.leg.br/datasenado Lei Maria da Penha completa 9 Promulgada em 2006, a Lei Maria da Penha busca garantir direitos da mulher, além da prevenção e punição de casos de violência doméstica e familiar.

Leia mais

ESPORTE NÃO É SÓ PARA ALGUNS, É PARA TODOS! Esporte seguro e inclusivo. Nós queremos! Nós podemos!

ESPORTE NÃO É SÓ PARA ALGUNS, É PARA TODOS! Esporte seguro e inclusivo. Nós queremos! Nós podemos! ESPORTE NÃO É SÓ PARA ALGUNS, É PARA TODOS! Esporte seguro e inclusivo. Nós queremos! Nós podemos! Documento final aprovado por adolescentes dos Estados do Amazonas, da Bahia, do Ceará, do Mato Grosso,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE LORENA

PREFEITURA MUNICIPAL DE LORENA PREFEITURA MUNICIPAL DE LORENA SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROJETO JUDÔ NA ESCOLA: A SALA DE AULA E O TATAME Projeto: Domingos Sávio Aquino Fortes Professor da Rede Municipal de Lorena Semeie um pensamento,

Leia mais

Enquete para Pais ou Responsáveis

Enquete para Pais ou Responsáveis MEXT Ministério da Educação, Cultura, Esportes, Ciência e Tecnologia do Japão Avaliação Nacional do Desempenho Escolar e Condições do Aprendizado em 2013 Pesquisa detalhada Enquete para Pais ou Responsáveis

Leia mais

consulta participativa de opinião

consulta participativa de opinião consulta participativa de opinião Interesses e perspectivas dos jovens da Brasilândia, Cachoeirinha e Freguesia do Ó CONSULTA PARTICIPATIVA DE OPINIÃO: INTERESSES E PERSPECTIVAS DOS JOVENS DA BRASILÂNDIA,

Leia mais

Pesquisa de opinião pública. sobre. Energia elétrica. Brasil

Pesquisa de opinião pública. sobre. Energia elétrica. Brasil 2ª Pesquisa de opinião pública sobre Energia Elétrica Brasil Julho de 2015 Pesquisa de opinião pública sobre Energia elétrica Brasil Junho de 2014 IBOPE Metodologia Pesquisa quantitativa com aplicação

Leia mais

O brasileiro e sua relação com o dinheiro III. Módulo 1 - População

O brasileiro e sua relação com o dinheiro III. Módulo 1 - População O brasileiro e sua relação com o dinheiro III Módulo - 200 Metodologia 2 Técnica Pesquisa quantitativa, com abordagem pessoal e domiciliar, nas capitais brasileiras e em cidades do interior e região metropolitana

Leia mais

Metodologia AMOSTRA ABRANGÊNCIA PERÍODO MARGEM DE ERRO. A margem de erro máxima para o total da amostra é 2,0 pontos percentuais.

Metodologia AMOSTRA ABRANGÊNCIA PERÍODO MARGEM DE ERRO. A margem de erro máxima para o total da amostra é 2,0 pontos percentuais. Junho / 2014 Metodologia Metodologia AMOSTRA ABRANGÊNCIA PERÍODO MARGEM DE ERRO 2.126 pessoas foram entrevistadas, a partir de 16 anos, de todos os níveis econômicos em todas as regiões do país. As entrevistas

Leia mais

Metodologia e Amostra

Metodologia e Amostra Metodologia e Amostra Pesquisa quantitativa, com aplicação de questionário estruturado através de entrevistas pessoais. Objetivo Geral Levantar o nível de satisfação dos estudantes com relação às FATECs

Leia mais

Índice. Introdução. Fase 1 - Participação da população brasileira. Fase 2 - Perfil do voluntário Características do serviço voluntário

Índice. Introdução. Fase 1 - Participação da população brasileira. Fase 2 - Perfil do voluntário Características do serviço voluntário Pesquisa Voluntariado no Brasil - 2011 Índice 1 2 3 4 Introdução Fase 1 - Participação da população brasileira Fase 2 - Perfil do voluntário Características do serviço voluntário Fase 3 - Segmentação 5

Leia mais

PESQUISA DIA DAS CRIANÇAS - NATAL

PESQUISA DIA DAS CRIANÇAS - NATAL PESQUISA DIA DAS CRIANÇAS - NATAL Natal, setembro de 2015 1 Sumário 1. Aspectos Metodológicos... 3 2. Descrição dos Resultados... 4 Itens de comemoração... 4 Gastos com presente... 4 Local e quando compra...

Leia mais

METODOLOGIA & PERFIL

METODOLOGIA & PERFIL Maio2010 JOB 100283 METODOLOGIA & PERFIL Metodologia e Amostra Pesquisa quantitativa, com aplicação de questionário estruturado através de entrevistas pessoais. Objetivo Geral Levantar um conjunto de informações

Leia mais

RETRATOS DA SOCIEDADE BRASILEIRA

RETRATOS DA SOCIEDADE BRASILEIRA Indicadores CNI RETRATOS DA SOCIEDADE BRASILEIRA 0 EDUCAÇÃO BÁSICA Brasileiros reconhecem que baixa qualidade da educação prejudica o país A maior parte dos brasileiros reconhece que uma educação de baixa

Leia mais

DataSenado. Secretaria de Transparência DataSenado. Março de 2013

DataSenado. Secretaria de Transparência DataSenado. Março de 2013 Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher DataSenado Março de 2013 Mulheres conhecem a Lei Maria da Penha, mas 700 mil ainda sofrem agressões no Brasil Passados quase 7 desde sua sanção, a Lei 11.340

Leia mais

Condições de vida das pessoas com deficiência no Brasil

Condições de vida das pessoas com deficiência no Brasil Condições de vida das pessoas com deficiência no Brasil Relatório de Pesquisa de Opinião Pública Nacional Metodologia Pesquisa de opinião pública tipo quantitativa Universo: Cadastro de pessoas do IBDD

Leia mais

Pesquisa de opinião pública. sobre. Energia elétrica. Brasil

Pesquisa de opinião pública. sobre. Energia elétrica. Brasil 2ª Pesquisa de opinião pública sobre Energia Elétrica Brasil Outubro/ 2015 Pesquisa de opinião pública sobre Energia elétrica Brasil Junho de 2014 IBOPE Metodologia Pesquisa quantitativa com aplicação

Leia mais

Investimento para Mulheres

Investimento para Mulheres Investimento para Mulheres Sophia Mind A Sophia Mind Pesquisa e Inteligência de Mercado é a empresa do grupo de comunicação feminina Bolsa de Mulher voltada para pesquisa e inteligência de mercado. Cem

Leia mais

Como aconteceu essa escuta?

Como aconteceu essa escuta? No mês de aniversário do ECA - Estatuto da Criança e do Adolescente, nada melhor que ouvir o que acham as crianças sobre a atuação em Educação Integral realizada pela Fundação Gol de Letra!! Conheça um

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ENSINO BÁSICO JULHO DE 2006 OPP165 OBJETIVO LOCAL ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA Levantar junto à população da área em estudo opiniões relacionadas ao ensino básico.

Leia mais

PESQUISA DATAPOPULAR: PERCEPÇÃO SOBRE A QUALIDADE DA EDUCAÇÃO NAS ESCOLAS ESTADUAIS DE SÃO PAULO

PESQUISA DATAPOPULAR: PERCEPÇÃO SOBRE A QUALIDADE DA EDUCAÇÃO NAS ESCOLAS ESTADUAIS DE SÃO PAULO PESQUISA DATAPOPULAR: PERCEPÇÃO SOBRE A QUALIDADE DA EDUCAÇÃO NAS ESCOLAS ESTADUAIS DE SÃO PAULO OBJETIVOS QUALIDADE NAS ESCOLAS Mapear percepções de Professores, Pais e Alunos de São Paulo sobre o que

Leia mais

Os brasileiros diante da microgeração de energia renovável

Os brasileiros diante da microgeração de energia renovável Os brasileiros diante da microgeração de energia renovável Contexto Em abril de 2012, o governo através da diretoria da agência reguladora de energia elétrica (ANEEL) aprovou regras destinadas a reduzir

Leia mais

Metodologia e Amostra

Metodologia e Amostra Metodologia e Amostra 1. Estimativa de Investidores Pessoas Físicas 1.000 entrevistas telefônicas com população brasileira de 18 anos ou mais das classes ABC Margem de erro amostral máxima estimada para

Leia mais

A Aposentadoria Mercado e Seguro o Papel da Auto Previdência

A Aposentadoria Mercado e Seguro o Papel da Auto Previdência A Aposentadoria Mercado e Seguro o Papel da Auto Previdência Agenda Prioridades Financeiras 1 Presença da Aposentadoria Hoje Quando Parar Definitivamente A Previdência Social Composição Estimada da Renda

Leia mais

Programas de Aulas de Língua Inglesa para Adolescentes de Baixa Renda e a Possível Influência na Qualidade de Vida

Programas de Aulas de Língua Inglesa para Adolescentes de Baixa Renda e a Possível Influência na Qualidade de Vida 3 Programas de Aulas de Língua Inglesa para Adolescentes de Baixa Renda e a Possível Influência na Qualidade de Vida Ana Paula Cavallaro Pedagoga Especialista em Gestão da Qualidade de Vida - UNICAMP INTRODUÇÃO

Leia mais

Previdência Privada no Mercado Brasileiro. Nobody s Unpredictable

Previdência Privada no Mercado Brasileiro. Nobody s Unpredictable Previdência Privada no Mercado Brasileiro Nobody s Unpredictable Objetivos e Características 2 Objetivos e metodologia Metodologia Quantitativa, por meio de pesquisa amostral com questionário estruturado

Leia mais

PROGRAMA TEMPO DE ESCOLAO

PROGRAMA TEMPO DE ESCOLAO PROGRAMA TEMPO DE ESCOLAO O Programa Tempo de Escola foi iniciado em junho de 2010, com a participação de Escolas Municipais e ONGs executoras. O Programa Tempo de Escola, que inclui o Programa Mais Educação

Leia mais

Pesquisa de Opinião Pública Nacional. Associação dos Magistrados Brasileiros AMB Voto, Eleições e Corrupção Eleitoral

Pesquisa de Opinião Pública Nacional. Associação dos Magistrados Brasileiros AMB Voto, Eleições e Corrupção Eleitoral Pesquisa de Opinião Pública Nacional Associação dos Magistrados Brasileiros AMB Voto, Eleições e Corrupção Eleitoral Julho de 2008 Roteiro I. Metodologia II. III. IV. Eleições e Política Corrupção eleitoral

Leia mais

Metodologia. Entrevistas com amostra de usuárias brasileiras de internet via questionário online.

Metodologia. Entrevistas com amostra de usuárias brasileiras de internet via questionário online. Assunto E-commerce Metodologia Entrevistas com amostra de usuárias brasileiras de internet via questionário online. Quantidade de entrevistas realizadas: 1.652 mulheres Perfil: 18 a 50 anos Mercado: Brasil

Leia mais

Seminario internacional: 2025: juventudes con una mirada estratégica Claves para un sistema de formación en perspectiva comparada - Uruguay

Seminario internacional: 2025: juventudes con una mirada estratégica Claves para un sistema de formación en perspectiva comparada - Uruguay Seminario internacional: 2025: juventudes con una mirada estratégica Claves para un sistema de formación en perspectiva comparada - Uruguay Experiência Brasil Eliane Ribeiro UNIRIO/UERJ/ Secretaria Nacional

Leia mais

FUNDEP. Pesquisa de Opinião Pública Nacional

FUNDEP. Pesquisa de Opinião Pública Nacional FUNDEP Pesquisa de Opinião Pública P Nacional Junho de 2008 ROTEIRO I. METODOLOGIA II. PERFIL DOS ENTREVISTADOS III. PERCEPÇÃO DA CORRUPÇÃO IV. INTERESSE PÚBLICO E CORRUPÇÃO V. COMBATE À CORRUPÇÃO: POLÍCIA

Leia mais

Sumário Executivo Pesquisa Quantitativa Regular. Edição n 05

Sumário Executivo Pesquisa Quantitativa Regular. Edição n 05 Sumário Executivo Pesquisa Quantitativa Regular Edição n 05 Junho de 2010 2 Sumário Executivo Pesquisa Quantitativa Regular Edição n 05 O objetivo geral deste estudo foi investigar as percepções gerais

Leia mais

Pesquisa IBOPE Ambiental. Setembro de 2011

Pesquisa IBOPE Ambiental. Setembro de 2011 Pesquisa IBOPE Ambiental Setembro de 2011 Com quem falamos? Metodologia & Amostra Pesquisa quantitativa, com aplicação de questionário estruturado através de entrevistas telefônicas. Objetivo geral Identificar

Leia mais

RADIOGRAFIA DO INVESTIDOR DE FUNDOS NO BRASIL. IBOPE Opinião

RADIOGRAFIA DO INVESTIDOR DE FUNDOS NO BRASIL. IBOPE Opinião RADIOGRAFIA DO INVESTIDOR DE FUNDOS NO BRASIL METODOLOGIA 1. Estimativa de Investidores Pessoas Físicas 1.000 entrevistas telefônicas com população brasileira de 18 anos ou mais das classes ABC. Margem

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO SOBRE A REDE PARTICULAR DE ENSINO FEDERAÇÃO NACIONAL DAS ESCOLAS PARTICULARES DEZEMBRO - 2005 DIVULGAÇÃO JANEIRO

PESQUISA DE OPINIÃO SOBRE A REDE PARTICULAR DE ENSINO FEDERAÇÃO NACIONAL DAS ESCOLAS PARTICULARES DEZEMBRO - 2005 DIVULGAÇÃO JANEIRO IBOPE PESQUISA DE OPINIÃO SOBRE A REDE PARTICULAR DE ENSINO FEDERAÇÃO NACIONAL DAS ESCOLAS PARTICULARES DEZEMBRO - 2005 DIVULGAÇÃO JANEIRO - 2006 Proibida reprodução total ou parcial sem autorização expressa

Leia mais

Pesquisa sobre o Uso das Tecnologias de Informação e Comunicação nas Escolas Brasileiras TIC Educação

Pesquisa sobre o Uso das Tecnologias de Informação e Comunicação nas Escolas Brasileiras TIC Educação Pesquisa TIC Educação 2010 Coletiva de Imprensa Pesquisa sobre o Uso das Tecnologias de Informação e Comunicação nas Escolas Brasileiras TIC Educação São Paulo, 09 de Agosto de 2011 CGI.br Comitê Gestor

Leia mais

CURSOS PRECISAM PREPARAR PARA A DOCÊNCIA

CURSOS PRECISAM PREPARAR PARA A DOCÊNCIA Fundação Carlos Chagas Difusão de Idéias novembro/2011 página 1 CURSOS PRECISAM PREPARAR PARA A DOCÊNCIA Elba Siqueira de Sá Barretto: Os cursos de Pedagogia costumam ser muito genéricos e falta-lhes um

Leia mais

Apresentação. Soluções para resolv. Legislação penal. Conclusão

Apresentação. Soluções para resolv. Legislação penal. Conclusão SUMÁRIO Apresentação Introdução Soluções para resolv esolver er a violência e a criminalidade Popularidade de possíveis soluções Políticas sociais x políticas de segurança Redução da maioridade penal Legislação

Leia mais

Pesquisa de Orçamento Doméstico

Pesquisa de Orçamento Doméstico Fonte: Sistema Fecomércio MG EE A Pesquisa de Orçamento Doméstico de Belo Horizonte é um balizador do comportamento das famílias, relativo aos seus compromissos correntes e financeiros. A falta de planejamento,

Leia mais

Reforma Política. Pesquisa telefônica realizada pelo IBOPE Inteligência a pedido do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil

Reforma Política. Pesquisa telefônica realizada pelo IBOPE Inteligência a pedido do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil Reforma Política Pesquisa telefônica realizada pelo IBOPE Inteligência a pedido do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil Introdução 2 Objetivos Abrangência Geográfica Método de coleta Datas

Leia mais

O CONSUMO VIRTUAL NO BRASIL

O CONSUMO VIRTUAL NO BRASIL O CONSUMO VIRTUAL NO BRASIL Março 2015 1. PANORAMA DO CONSUMO VIRTUAL NO BRASIL Eletroeletrônicos, livros e calçados foram os itens mais comprados em 2014. Índice de satisfação do consumidor virtual brasileiro

Leia mais

FORMULÁRIO PARA A CONSOLIDAÇÃO DAS QUESTÕES ABERTAS

FORMULÁRIO PARA A CONSOLIDAÇÃO DAS QUESTÕES ABERTAS 1 FORMULÁRIO PARA A CONSOLIDAÇÃO DAS ABERTAS COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇAO INSTITUCIONAL CPA FACULDADE DE FILOSOFIA, CIÊNCIAS E LETRAS DE CONGONHAS Responderam a este primeiro grupo de questões abertas

Leia mais

13ª EDIÇÃO OUT 2013 F/RADAR PANORAMA DO BRASIL NA INTERNET

13ª EDIÇÃO OUT 2013 F/RADAR PANORAMA DO BRASIL NA INTERNET 13ª EDIÇÃO OUT 2013 F/RADAR PANORAMA DO BRASIL NA INTERNET AGENDA METODOLOGIA PANORAMA GERAL GRANDES APRENDIZADOS F/RADAR METODOLOGIA TÉCNICA Pesquisa quantitativa, com abordagem pessoal em pontos de fluxo

Leia mais

na região metropolitana do Rio de Janeiro

na região metropolitana do Rio de Janeiro O PERFIL DOS JOVENS EMPREENDEDORES na região metropolitana do Rio de Janeiro NOTA CONJUNTURAL MARÇO DE 2013 Nº21 PANORAMA GERAL Segundo a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD/IBGE) de 2011,

Leia mais

MODELO DE QUESTIONÁRIO PROPOSTO PARA A PESQUISA DE CLIMA PESQUISA DE CLIMA ORGANIZACIONAL-FHA. Apresentação

MODELO DE QUESTIONÁRIO PROPOSTO PARA A PESQUISA DE CLIMA PESQUISA DE CLIMA ORGANIZACIONAL-FHA. Apresentação Av. São Paulo 3996 Vila Rosário Ibirité MG CEP:32400-000 Telefone: (31) 3521-9540- Fax: (31) 3521-9534 www.fundacaohantipoff.mg.gov.br MODELO DE QUESTIONÁRIO PROPOSTO PARA A PESQUISA DE CLIMA PESQUISA

Leia mais

Esta é a pesquisa de satisfação

Esta é a pesquisa de satisfação Esta é a pesquisa de satisfação dos usuários de saneamento básico realizada entre a categoria residencial dos serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário regulados pela Agência em 244 municípios

Leia mais

Pesquisa. A participação dos pais na Educação de seus filhos

Pesquisa. A participação dos pais na Educação de seus filhos Pesquisa A participação dos pais na Educação de seus filhos 1 Objetivos do movimento Todos Pela Educação Ampliar os conhecimentos do Todos Pela Educação, da Fundação SM, de nossos parceiros e da sociedade

Leia mais

Primeiro Segmento equivalente à alfabetização e às quatro primeiras séries do Ensino Fundamental (1ª à 4ª série).

Primeiro Segmento equivalente à alfabetização e às quatro primeiras séries do Ensino Fundamental (1ª à 4ª série). INFORMAÇÕES GERAIS SOBRE A EJA 1- Você se matriculou em um CURSO DE EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS (EJA). Esse curso tem a equivalência do Ensino Fundamental. As pessoas que estudam na EJA procuram um curso

Leia mais

PESQUISA MAIORIDADE PENAL

PESQUISA MAIORIDADE PENAL PESQUISA MAIORIDADE PENAL OBJETIVOS Entender o pensamento da população do Rio sobre a redução da maioridade penal; Saber se ela é favorável a mudança das penalidades aplicadas ao menor infrator; Buscar

Leia mais

UM RETRATO DAS MUITAS DIFICULDADES DO COTIDIANO DOS EDUCADORES

UM RETRATO DAS MUITAS DIFICULDADES DO COTIDIANO DOS EDUCADORES Fundação Carlos Chagas Difusão de Idéias novembro/2011 página 1 UM RETRATO DAS MUITAS DIFICULDADES DO COTIDIANO DOS EDUCADORES Claudia Davis: É preciso valorizar e manter ativas equipes bem preparadas

Leia mais

INTERNET E EDUCAÇÃO. Tâmara Barros. Tâmara Barros é estatística e analista de pesquisas da Futura 3235-5440 tamara@futuranet.ws

INTERNET E EDUCAÇÃO. Tâmara Barros. Tâmara Barros é estatística e analista de pesquisas da Futura 3235-5440 tamara@futuranet.ws INTERNET E EDUCAÇÃO Tâmara Barros A internet propiciou um novo ambiente de comunicação online e instantâneo, eliminando distâncias e permitindo trocas de informações a um custo acessível. Com a popularização

Leia mais

N : PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA. Entrevistador: Nome do entrevistado: (xx)xxxxxxxx. Endereço: Cidade: Situação do domicílio: 1.Urbano 2.

N : PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA. Entrevistador: Nome do entrevistado: (xx)xxxxxxxx. Endereço: Cidade: Situação do domicílio: 1.Urbano 2. Entrevistador: Nome do entrevistado: Telefone: (xx)xxxxxxxx N : Endereço: Cidade: Situação do domicílio: 1.Urbano 2.Rural Estado: AC AP DF MA MT PE RJ RR SE AL BA ES MG PA PI RN RS SP AM CE GO MS PB PR

Leia mais

Mais da metade dos brasileiros pagam compras com o cartão de crédito, principalmente roupas, calçados e eletrodomésticos

Mais da metade dos brasileiros pagam compras com o cartão de crédito, principalmente roupas, calçados e eletrodomésticos USO DO CARTÃO DE CRÉDITO Mais da metade dos brasileiros pagam compras com o cartão de crédito, principalmente roupas, calçados e eletrodomésticos Mais da metade dos brasileiros (53%) faz uso do cartão

Leia mais

MERCADO DE MEIOS ELETRÔNICOS DE PAGAMENTO POPULAÇÃO E COMÉRCIO - ANO V. Indicador de atividade da micro e pequena indústria de São Paulo.

MERCADO DE MEIOS ELETRÔNICOS DE PAGAMENTO POPULAÇÃO E COMÉRCIO - ANO V. Indicador de atividade da micro e pequena indústria de São Paulo. 1 MERCADO DE MEIOS ELETRÔNICOS DE PAGAMENTO POPULAÇÃO E COMÉRCIO - ANO V Indicador de atividade da micro e pequena indústria de São Paulo Maio/ 2014 Metodologia 2 Metodologia 3 Técnica Pesquisa quantitativa,

Leia mais

Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo Conselho Regional de Medicina rayer@usp.br

Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo Conselho Regional de Medicina rayer@usp.br Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo Conselho Regional de Medicina rayer@usp.br RELAÇÃO DOS MÉDICOS COM A INDÚSTRIA DE MEDICAMENTOS, ÓRTESES/ PRÓTESE E EQUIPAMENTOS MÉDICO-HOSPITALARES Conhecer

Leia mais

Avaliação do Programa Cidadania em Trânsito ALUNOS Novembro / 2013

Avaliação do Programa Cidadania em Trânsito ALUNOS Novembro / 2013 Avaliação do Programa Cidadania em Trânsito ALUNOS Novembro / 2013 1 INDICE: METODOLOGIA:... 3 PERFIL DOS RESPONDENTES:... 4 CIDADANIA EM TRÂNSITO... 5 A Gidion é uma empresa que:...5 Você sabe se tem

Leia mais

Avaliação Econômica. Programa Escola Integrada. Secretaria Municipal de Educação de Belo Horizonte

Avaliação Econômica. Programa Escola Integrada. Secretaria Municipal de Educação de Belo Horizonte Avaliação Econômica Programa Escola Integrada Secretaria Municipal de Educação de Belo Horizonte Criado em 2004, o Programa de Avaliação Econômica de Projetos Sociais, da Fundação Itaú Social, atua em

Leia mais

Apresentação. SUPERINTEDÊNCIA GERAL Magda Fonseca Coutinho. COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA Mércia Corrêa de Oliveira

Apresentação. SUPERINTEDÊNCIA GERAL Magda Fonseca Coutinho. COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA Mércia Corrêa de Oliveira Apresentação SUPERINTEDÊNCIA GERAL Magda Fonseca Coutinho COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA Mércia Corrêa de Oliveira Descritivo: "A educação deve possibilitar ao corpo e à alma toda a perfeição e a beleza que podem

Leia mais

AVALIAÇÃO ECONÔMICA DO PROGRAMA ESCOLAS EM TEMPO INTEGRAL RIO DE JANEIRO Junho de 2015

AVALIAÇÃO ECONÔMICA DO PROGRAMA ESCOLAS EM TEMPO INTEGRAL RIO DE JANEIRO Junho de 2015 AVALIAÇÃO ECONÔMICA DO PROGRAMA ESCOLAS EM TEMPO INTEGRAL RIO DE JANEIRO Junho de 2015 Ampliação da carga horária diária para 7 horas Três eixos de organização: excelência acadêmica, autonomia e educação

Leia mais

Enquete. Dia dos Professores

Enquete. Dia dos Professores Enquete Dia dos Professores No dia 15 de outubro será comemorado o dia do professor. Muito se fala que a profissão, apesar de muito importante, perdeu seu glamour e prestígio, sendo incapaz de atrair a

Leia mais

Será uma carta entregue em mãos após uma marcha que terá início em São Paulo logo após a eleição e terminará no Palácio do Planalto em Brasília.

Será uma carta entregue em mãos após uma marcha que terá início em São Paulo logo após a eleição e terminará no Palácio do Planalto em Brasília. Pesquisa de Opinião CONTEXTO Carta de um Brasileiro é um movimento de mobilização social com objetivo de entregar à Presidente da República eleita em outubro de 2010 os principais desejos e necessidades

Leia mais

Projeto. Avaliação do Programa Escola Integrada de Belo Horizonte

Projeto. Avaliação do Programa Escola Integrada de Belo Horizonte Projeto Avaliação do Programa Escola Integrada de Belo Horizonte Objetivo apresentar uma série de resultados da avaliação do Programa Escola Integrada, por intermédio da análise de indicadores de diferenciais

Leia mais

DISCRIMINAÇÃO RACIAL PRECONCEITO DE COR NO BRASIL

DISCRIMINAÇÃO RACIAL PRECONCEITO DE COR NO BRASIL DISCRIMINAÇÃO RACIAL E PRECONCEITO DE COR NO BRASIL Fundação Perseu Abramo Fundação Rosa Luxemburgo DISCRIMINAÇÃO RACIAL E PRECONCEITO DE COR NO BRASIL TRABALHO REMUNERADO PARTICIPAÇÃO NA PEA POSIÇÃO NA

Leia mais

Sumário PNAD/SIMPOC 2001 Pontos importantes

Sumário PNAD/SIMPOC 2001 Pontos importantes Sumário PNAD/SIMPOC 2001 Pontos importantes Sistema de pesquisas domiciliares existe no Brasil desde 1967, com a criação da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios PNAD; Trata-se de um sistema de pesquisas

Leia mais

Pesquisa de Opinião Pública SEGURANÇA PÚBLICA. Janeiro/2015

Pesquisa de Opinião Pública SEGURANÇA PÚBLICA. Janeiro/2015 Pesquisa de Opinião Pública SEGURANÇA PÚBLICA Janeiro/2015 OBJETIVOS Objetivo Principal: Esta estudo teve como objetivo principal verificar e quantificar a opinião pública brasileira quanto ao tema Segurança

Leia mais

Assunto Investimentos femininos

Assunto Investimentos femininos Assunto Investimentos femininos SOPHIA MIND A Sophia Mind Pesquisa e Inteligência de Mercado é a empresa do grupo de comunicação feminina Bolsa de Mulher voltada para pesquisa e inteligência de mercado.

Leia mais

cultura em nova iguaçu

cultura em nova iguaçu cultura em nova iguaçu metodologia campo: 11 de abril a 30 de maio de 2014 margem de erro 6pp 299 pessoas com mais de 12 anos foram entrevistadas em Nova Iguaçu entrevistados foram abordados em pontos

Leia mais

Eixo 1 - Autonomia econômica e igualdade no mundo do trabalho, com inclusão social.

Eixo 1 - Autonomia econômica e igualdade no mundo do trabalho, com inclusão social. Eixo 1 - Autonomia econômica e igualdade no mundo do trabalho, com inclusão social. Estes dados são resultado de um processo participativo sem desenho amostral e cumprimento de cotas, cuja margem de erro

Leia mais

A Contribuição da Educação para o Desenvolvimento Social

A Contribuição da Educação para o Desenvolvimento Social A Contribuição da Educação para o Desenvolvimento Social Setembro 2010 Wanda Engel Superintendente Executiva Desenvolvimento Humano Sujeito Sujeito Objeto Desenvolvimento Social Desenvolvimento Econômico

Leia mais

Comunidade Solidária: parcerias contra a pobreza

Comunidade Solidária: parcerias contra a pobreza Comunidade Solidária: parcerias contra a pobreza OConselho da Comunidade Solidária foi criado em 1995 com base na constatação de que a sociedade civil contemporânea se apresenta como parceira indispensável

Leia mais

ICS. Índice de Confiança Social 2015

ICS. Índice de Confiança Social 2015 ICS Índice de Confiança Social 2015 Introdução Metodologia Pesquisa quantitativa com aplicação de questionário estruturado, por meio de entrevistas face-a-face. Local da pesquisa Brasil. Universo A pesquisa

Leia mais

IMAGEM DO TRANSPORTE RODOVIÁRIO DE CARGAS NO BRASIL

IMAGEM DO TRANSPORTE RODOVIÁRIO DE CARGAS NO BRASIL IMAGEM DO TRANSPORTE RODOVIÁRIO DE CARGAS NO BRASIL PESQUISA QUANTITATIVA APRESENTAÇÃO DE RESULTADOS PÚBLICOS-ALVO: POPULAÇÃO e FORMADORES DE OPINIÃO FÓRUM VOLVO DE SEGURANÇA NO TRÂNSITO 24 DE SETEMBRO

Leia mais

Família. Escola. Trabalho e vida econômica. Vida Comunitária e Religião

Família. Escola. Trabalho e vida econômica. Vida Comunitária e Religião Família Qual era a profissão dos seus pais? Como eles conciliavam trabalho e família? Como era a vida de vocês: muito apertada, mais ou menos, ou viviam com folga? Fale mais sobre isso. Seus pais estudaram

Leia mais

PROJETO Manifestações de Março/2015

PROJETO Manifestações de Março/2015 PROJETO Manifestações de Março/2015 NOTA METODOLÓGICA Tipo de pesquisa: Quantitativa, realizada face a face, com aplicação de questionário estruturado, de cerca de 10 minutos de duração, composto por questões

Leia mais

www.fecomercio-rj.org.br [ 1 ]

www.fecomercio-rj.org.br [ 1 ] www.fecomercio-rj.org.br [ 1 ] A SEGURANÇA PÚBLICA NO BRASIL 16 de abril de 2008 [ 2 ] (1 MENÇÃO) - SG1) Na sua opinião, quem tem mais responsabilidade pelo combate à criminalidade e violência contra as

Leia mais

Pesquisa Semesp. A Força do Ensino Superior no Mercado de Trabalho

Pesquisa Semesp. A Força do Ensino Superior no Mercado de Trabalho Pesquisa Semesp A Força do Ensino Superior no Mercado de Trabalho 2008 Ensino superior é um forte alavancador da carreira profissional A terceira Pesquisa Semesp sobre a formação acadêmica dos profissionais

Leia mais

PESQUISA SOBRE LEITURA: Bibliotecas, Escolas, Instituições e leitores com deficiência visual 2012

PESQUISA SOBRE LEITURA: Bibliotecas, Escolas, Instituições e leitores com deficiência visual 2012 PESQUISA SOBRE LEITURA: Bibliotecas, Escolas, Instituições e leitores com deficiência visual 2012 Objetivos Examinar o impacto dos livros acessíveis junto às bibliotecas, escolas, instituições e leitores

Leia mais

TÍTULO: ALUNOS DE MEDICINA CAPACITAM AGENTES COMUNITÁRIOS NO OBAS CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E SAÚDE

TÍTULO: ALUNOS DE MEDICINA CAPACITAM AGENTES COMUNITÁRIOS NO OBAS CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E SAÚDE TÍTULO: ALUNOS DE MEDICINA CAPACITAM AGENTES COMUNITÁRIOS NO OBAS CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E SAÚDE SUBÁREA: MEDICINA INSTITUIÇÃO: UNIVERSIDADE CIDADE DE SÃO PAULO AUTOR(ES): THAIS

Leia mais