Aparelhos de comando e sinalização

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Aparelhos de comando e sinalização"

Transcrição

1 Aparelhos de comando e Série ConSig 8040 Manual de instruções Additional languages

2 Informações Gerais Índice 1 Informações Gerais Fabricante Informações relativas ao manual de instruções Objetivo destas instruções Explicação dos símbolos Indicações de segurança Conformidade com as normas Função Montagem Instalação Prensa cabos Colocação em funcionamento Conservação, manutenção e reparos Acessórios e peças de reposição Descarte Informações Gerais 1.1 Fabricante R. STAHL Schaltgeräte GmbH Am Bahnhof Waldenburg Germany Tel.: Fax: Internet: Informações relativas ao manual de instruções Nº de identificação: Código de publicação: BA III de 03 Reserva-se o direito a alterações técnicas. 1.3 Objetivo destas instruções No caso de realizar trabalhos em áreas potencialmente explosivas, a segurança de pessoas e instalações depende do cumprimento de todas as normas e regulamentos de segurança pertinentes. Por isso, o pessoal de montagem e manutenção trabalhando nessas instalações tem uma grande responsabilidade. O conhecimento exato das normas e regulamentos em vigor é obrigatório. Este manual resume as medidas de segurança mais importantes. Ele serve de complemento às normas correspondentes e deve ser obrigatoriamente consultado pelo pessoal responsável. 2 Aparelhos de comando e BA III de 03

3 2 Explicação dos símbolos Explicação dos símbolos Solicita uma ação: Descreve as ações que devem ser realizadas pelo usuário. X Símbolo de enumeração Símbolo de indicação: Descreve indicações e recomendações. As indicações de aviso deste manual de instruções estão estruturadas da seguinte maneira: Tipo e fonte do perigo! Possíveis consequências. Medidas para evitar o perigo. AVISO Estas estão sempre identificadas com a palavra-sinal "AVISO" e por parte com um símbolo específico de perigo BA III de 03 Aparelhos de comando e 3

4 Indicações de segurança 3 Indicações de segurança Utilize o aparelho somente para a finalidade prevista. A utilização incorreta ou não autorizada e a inobservância das notas deste manual de instruções provocarão a rescisão da nossa garantia. São proibidas quaisquer alterações e modificações no aparelho que prejudiquem a proteção contra explosões. O aparelho pode ser operado somente se estiver limpo e livre de danos. Caso se aplique, é necessário observar o seguinte: - às normas e regulamentos nacionais de segurança - às normas e regulamentos nacionais de prevenção contra acidentes - Normas e regulamentos nacionais de montagem e instalação (e.g. IEC/EN/ABNT N IEC ) - Normas técnicas reconhecidamente válidas - Instruções de segurança deste manual de instruções - Valores característicos e condições nominais de operação das placas de características e de identificação - Informações complementares nas placas expostas no aparelho 4 Conformidade com as normas As normas relevantes estão listadas na declaração de conformidade CE e no IECEx Certificate of Conformity. Estes documentos podem ser consultados em nossa homepage na área de download. 5 Função Os aparelhos de comando e de da série 8040 são equipamentos protegidos contra explosões, destinados a montagem fixa no local, permitidos para a utilização em áreas potencialmente explosivas das zonas 1, 2 e 21, 22. Destinam-se a distribuir a controlar e ligar em áreas potencialmente explosivas. 4 Aparelhos de comando e BA III de 03

5 6 Proteção contra explosões Versão 8040 Global (IECEx) Gás e poeira IECEx PTB Ex d e ia ib [ia Ga] mb q IIA, IIB, IIC, T6, T5, T4 Gb Ex tb IIIC T80 C, T95 C, T130 C Db Brasil (INMETRO) Gás e poeira UL X Ex d e ia ib [ia Ga] mb q IIA, IIB, IIC T6, T5, T4 Gb Ex tb IIIC T80 C, T95 C, T130 C Db Comprovativos e Certificados Certificados IECEx, ATEX, Brasil (INMETRO), China (China-Ex), Índia (PESO), Canadá (cul), Cazaquistão (TR), Coreia (KCs), Rússia (TR), Taiwan (ITRI), Ucrânia (TR), EUA (UL), Bielorússia (TR) Versão 8040 Condições ambientais Variação de temperatura de ver placa de características serviço Tensão operacional Corrente operacional Entrada de linhas seção transversal de conexão Torque de aperto Construção Padrão máx. 690 V AC dependente dos componentes de montagem Padrão: 1 x M25 x 1,5; entradas de cabos 8161; lado inferior (D); montado diretamente na parede de carcaça Especial: no lado C (em cima) e/ou D (em baixo); 1 x M20 x 1,5; 1 x M25 x 1,5 São possíveis uniões roscadas metálicas; montagem das uniões roscadas metálicas em flange metálico ou através de placa adaptadora em máx. 2,5 mm 2 t l máx. 1,4 Nm fechamento da tampa sem flange BA III de 03 Aparelhos de comando e 5

6 Opção com flange constituído por resina de poliéster ou latão, podendo ser montado no lado C e D Tipo de proteção IP65 conforme IEC/EN (outros sob pedido) Material Seção resina de poliéster, reforçada com fibra de vidro transversal para conexão Vedação Fechamento da tampa silicone, em espuma com parafusos prisioneiros com cabeça cilíndrica em aço inoxidável M4 AVISO Com temperaturas ambiente < -20 C devem ser utilizadas entradas de cabos e de linhas especiais, adequadas "para baixas temperaturas" ou o aparelho deve ser concebido de forma que as entradas de cabos e de linhas e os atuadores de acionamento sejam mecanicamente protegidos. Os dados elétricos são determinados pelas peças montadas utilizadas. Observe as placas de características e de tipo das peças montadas. No caso de utilização de entradas de cabos e de linhas diferentes das da R. STAHL Schaltgeräte GmbH, deve ser considerado o respectivo tipo de proteção. das possíveis peças montadas da R. STAHL Schaltgeräte GmbH: Versão Tipo 8010 Sinal luminoso Certificados Global (IECEx) IECEx PTB U Brasil (INMETRO) UL U Temperatura ambiente 8010/ C com U = V C com U > 120 V 8010/ C com U < 24 V C com U = V Tensão operacional Corrente operacional I e Gama de frequência Ex e: V, AC / DC (± 10%) Ex i: 10, V DC Ex e: Ex i: Hz máx. 15 ma máx. 150 ma 6 Aparelhos de comando e BA III de 03

7 Versão Tipo 8208 Dispositivo de controle Certificados Global (IECEx) IECEx PTB U Brasil (INMETRO) UL U Tensão operacional Temperatura ambiente em caso de classe de temperatura Potência máx. máx. 550 V ao ligar circuitos MSR: V DC C ver tabela "Potência máx." Distribuição interior máxima do calor (Ligação com secção de condutor 1,5 mm 2 e máximo de 5 A) Versão Tipo 8082 Elemento de contato Certificados Global (IECEx) IECEx PTB U Brasil (INMETRO) UL U Tensão operacional máx. 500 V Condições ambientais Temperatura ambiente em caso de classe de temperatura Variação de temperatura de serviço Tipo T6: C T4: C C sob pedido C Temperatura ambiente máx. 40 C T Superfície = máx. 80 C T Superfície = máx. 95 C Temperatura ambiente máx. 60 C T Superfície = máx. 80 C T Superfície = máx. 95 C 8208/1 3,0 W 4,75 W 1,5 W 2,0 W 8208/2 2,0 W 1,0 W BA III de 03 Aparelhos de comando e 7

8 Valores limites do funcionamento normal com relação às categorias de utilização Versão Certificados Global (IECEx) Brasil (INMET- RO) Tensão operacional Corrente operacional Temperatura ambiente em caso de classe de temperatura Categoria de utilização AC-15 Tensão operacional Corrente operacional Capacidade de chaveamento Categoria de utilização DC-13 Tensão operacional Corrente operacional Capacidade de chaveamento Tipo 8008 Interruptor de controle UL U T6 com 16 A: C T5 com 16 A: C T4 com 16 A: C 400 V máx. 6 A máx VA 110 V máx. 6 A máx. 110 W 8 Aparelhos de comando e BA III de 03

9 Montagem Versão Global (IECEx) Brasil (INMETRO) Tensão de isolamento Temperatura ambiente em caso de classe de temperatura Tipo 8453 Elemento de comando IECEx PTB U UL U máx. 550 V T6: C T4: C 7 Montagem Desenhos dimensionais (todas as medidas em mm [polegadas]) - Sujeito a alterações 80 [3,15] 70 [2,76] C 72 [2,83] 11 [0,43] 80 [3,15] 70 [2,76] C 72 [2,83] 11 [0,43] A B 48 [1,89] 93 [3,66] ø 5,50 [ø 0,22] A B 94 [3,70] 139 [5,47] ø 5,50 [ø 0,22] D D 04582E00 ConSig 8040/11 ConSig 8040/ E00 80 [3,15] 80 [3,15] 70 [2,76] 72 [2,83] 11 [0,43] 80 [3,15] 97 [3,82] 70 [2,76] 11 [0,43] C C 139 [5,47] A B 140 [5,51] 185 [7,28] ø 5,50 [ø 0,22] A B 140 [5,51] 185 [7,28] ø 5,50 [ø 0,22] 93 [3,66] 1,50 [0,06] D D 04580E E E BA III de 03 Aparelhos de comando e 9

10 Montagem Desenhos dimensionais (todas as medidas em mm [polegadas]) - Sujeito a alterações ConSig 8040/13 ConSig 8040/23 ConSig 8040/11 e ConSig 8040/12 Combinação de aparelhos Medida a mín. máx E00 Medida adicional para entradas de cabos e de linhas 8161 Dimensão adicional para flange a b 04585E00 M20 25 [0,98] M25 27 [1,06] Flange Medida b Latão 16 [0,63] Plástico 16 [0,63] moldado 31 [1,22] 33 [1,30] Na montagem em locais expostos às intempéries climáticas, é recomendado instalar uma cobertura ou parede de proteção no equipamento elétrico com proteção contra explosão. O transporte e armazenamento são autorizados somente na embalagem original. 10 Aparelhos de comando e BA III de 03

11 8 Instalação Instalação Para evitar uma acumulação de sujeira no interior dos aparelhos, deve ser efetuada uma instalação elétrica sob condições ambiente limpas e secas. Os aparelhos só devem ser abertos para realizar os trabalhos de instalação e devem ser cuidadosamente fechados novamente após concluir os trabalhos. 8.1 Prensa cabos Para a introdução de cabos e linhas, podem ser utilizados prensa-cabos X de plástico ou metal para linhas fixas ou X Entradas de cabos com alívio de tensão de plástico ou metal utilizadas para condutores não fixos. Para fechar as aberturas de entrada não utilizadas, pode-se utilizar X tampões de fechamento em plástico (série 8290). Deve-se observar que, para estes componentes, existe um "Certificado CE de tipo" e um "IECEx Certificate of Conformity". O tipo de proteção IP, segundo a placa de identificação, deve ser respeitado. Manuseio da conexão do condutor em caso de elementos de montagem com bornes roscados: No caso de elementos de montagem com bornes roscados, podem ser instalados 1 e 2 condutores sob um borne de conexão. Em caso de condutores rígidos, ambos os condutores devem apresentar a mesma secção transversal, bem como serem feitos do mesmo material. Os condutores podem ser conectados sem medidas preparatórias especiais. Manuseio da conexão de condutores em caso de elementos de montagem com bornes desenroscados (representado no exemplo do elemento de contato): 05565E00 Circuitos elétricos de segurança intrínseca: 05886E BA III de 03 Aparelhos de comando e 11

12 Colocação em funcionamento Nos circuitos elétricos de segurança intrínseca só podem ser utilizados cabos e linhas isoladas, cuja tensão de controle seja de, no mínimo, AC 500 V e cuja qualidade mínima corresponda a H05. O diâmetro dos condutores individuais não pode ser inferior a 0,1 mm; o mesmo se aplica para os arames individuais de condutores flexíveis. Em relação ao isolamento e à separação de terminais e condutores, deve-se assegurar que a tensão de ensaio de isolamento resulta da soma das tensões operacionais nominais dos circuitos elétricos de segurança intrínseca e não intrínseca. No caso de "Segurança intrínseca contra terra" se obtém um valor de tensão de isolamento de no mínimo 500 V (caso contrário, o dobro de valor das tensões operacionais nominais de circuitos elétricos de segurança intrínseca). No caso de "Segurança intrínseca contra segurança não intrínseca", é obtido um valor de tensão de isolamento de, no mínimo, 1500 V (caso contrário, o dobro da soma acima mencionada mais 1000 V). Os condutores para os circuitos elétricos Ex-i devem ser instalados a uma distância de, no mínimo, 8mm dos condutores de outros circuitos de segurança intrínseca. Uma exceção à esta regra é um cabeamento em que os fios do circuito de segurança intrínseca ou de segurança não intrínseca estejam envolvidos em uma blindagem conectada à terra. Indicação para a distância entre peças de conexão para circuitos de segurança intrínseca e não intrínseca é: - 50 mm de distância ou distância mínima à volta de uma placa separadora isoladora () 1 mm de espessura) ou uma placa separadora metálica com aterramento ( ) 0,45 mm dick) ou - uma placa separadora que chegue à parede de carcaça até ( 1,5 mm. 9 Colocação em funcionamento AVISO Garanta a integridade do aparelho apenas do funcionamento. Antes de utilizar o aparelho, certifique-se de que - o aparelho está instalado conforme as instruções - o aparelho está livre de danos - não existam corpos estranhos nos dispositivos - a conexão foi realizada corretamente - os cabos estão introduzidos corretamente - todos os parafusos e porcas estão bem apertados - as entradas de linhas e os tampões de fechamento estão bem apertados - as entradas de linha não utilizadas estão fechadas com tampões homologados conforme a Portaria e as perfurações não utilizadas vedadas com tampões de fechamento conforme a Portaria AVISO O aperto excessivo das entradas de cabos e dos tampões de fechamento pode prejudicar o tipo de proteção. Para furos na carcaça não usados, devem ser utilizados tampões de fechamento R. STAHL, por ex. da série 8290, para prensa-cabos não usados, devem ser utilizados tampões R. STAHL, por ex. da série Aparelhos de comando e BA III de 03

13 10 Conservação, manutenção e reparos Conservação, manutenção e reparos AVISO Não abrir quando energizado! Não abrir se o circuito elétrico de segurança não intrínseca estiver energizado! Exceção: os aparelhos com circuitos elétricos de segurança intrínseca e não intrínseca com a nota "CIRCUITOS ELÉTRICOS DE SEGURANÇA NÃO INTRÍNSECA PROTEGIDOS POR COBERTURA IP30" podem ser abertos também energizados. Em caso de danos em elementos de montagem em cápsulas à prova de pressão, não são permitidos quaisquer trabalhos de reparo e conservação. Nesse caso, substitua o elemento de montagem. Em caso de trabalhos de conservação, os prazos das verificações periódicas devem ser medidos, de modo que as falhas que surjam na instalação, com as quais se pode contar, sejam constatadas a tempo. Os intervalos entre as verificações devem, no entanto, ser de três anos, no máximo. Para determinação dos intervalos de verificação, deve-se observar os pontos seguintes: - Condições ambientais (instalação ao ar livre, ao vento, à chuva, exposição à luz solar, etc.) - Condições de funcionamento (grau de capacidade máxima das instalações, operações incorretas) - Informações do fabricante na documentação técnica (vida útil mecânica e elétrica dos dispositivos de comando) - alterações maiores em toda a instalação (por ex. alteração da divisão de zonas) AVISO Dependendo das especificidades locais, as verificações devem ser efetuadas como inspeção visual, inspeção rigorosa ou detalhada. Caso se constatem falhas durante estas verificações, que tenham efeitos sobre a proteção contra explosões, a instalação deve ser colocada fora de serviço até à resolução das falhas. Durante a manutenção, verifique os seguintes pontos: - Posicionamento fixo das linhas nos bornes - Cumprimento das temperaturas permitidas (sacc. to IEC/EN/ABNT N IEC ff.) - Danos na carcaça, nos encaixes do atuador e nas vedações BA III de 03 Aparelhos de comando e 13

14 Acessórios e peças de reposição 11 Acessórios e peças de reposição AVISO Utilize unicamente acessórios e peças de reposição originais da empresa R. STAHL Schaltgeräte GmbH. Você pode consultar os acessórios e as peças de reposição na ficha de dados na nossa homepage: 12 Descarte Observe os regulamentos nacionais para o descarte de resíduos. 14 Aparelhos de comando e BA III de 03

15

Painel de Controle e distribuição

Painel de Controle e distribuição Painel de Controle e distribuição Manual de instruções Additional languages www.stahl-ex.com Informações Gerais Índice 1 Informações Gerais...2 1.1 Fabricante...2 1.2 Informações relativas ao manual de

Leia mais

Atuador rotativo. Série 8604/1. Manual de instruções BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR

Atuador rotativo. Série 8604/1. Manual de instruções BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR Atuador rotativo Manual de instruções Additional languages www.stahl-ex.com Índice 1 Informações Gerais...3 1.1 Fabricante...3 1.2 Informações relativas ao manual de instruções...3 1.3 Outros documentos...3

Leia mais

Terminador de barramento de campo

Terminador de barramento de campo Terminador de barramento de campo Manual de instruções Additional languages www.stahl-ex.com Índice 1 Informações Gerais...3 1.1 Fabricante...3 1.2 Informações relativas ao manual de instruções...3 1.3

Leia mais

Caixa de controle e distribuição

Caixa de controle e distribuição Caixa de controle e distribuição Manual de instruções Additional languages www.stahl-ex.com Informações Gerais Índice 1 Informações Gerais...2 1.1 Fabricante...2 1.2 Informações relativas ao manual de

Leia mais

Sinalizador óptico à prova de explosão em GRP, 5 joule

Sinalizador óptico à prova de explosão em GRP, 5 joule Sinalizador óptico à prova de explosão em Manual de instruções Additional languages www.stahl-ex.com Informações Gerais Índice 1 Informações Gerais...2 1.1 Fabricante...2 1.2 Informações relativas ao manual

Leia mais

Instruções de segurança VEGAPULS PS61.D****D/H/K/ L/P/F/G/M/B/I****

Instruções de segurança VEGAPULS PS61.D****D/H/K/ L/P/F/G/M/B/I**** Instruções de segurança VEGAPULS PS61.D****D/H/K/ L/P/F/G/M/B/I**** NCC 15.0167 X Ex d ia IIC T6 T1 Ga/Gb, Gb 0044 Document ID: 50548 Índice 1 Validade... 3 2 Geral... 3 3 Dados técnicos... 3 4 Condições

Leia mais

Manual de instruções. Luminária LED série 6039 > 6039

Manual de instruções. Luminária LED série 6039 > 6039 Manual de instruções Luminária LED série > Informações Gerais Índice 1 Informações Gerais...2 2 Explicação dos símbolos...3 3 Instruções gerais de segurança...3 4 Utilização prevista...4 5 Dados técnicos...4

Leia mais

Marcação máxima. Observar as informações na placa de características. II 1/2 G. Ex d + e/d IIC Ga/Gb I M 1. Ex d + e I Ma. Certificado Conformidade

Marcação máxima. Observar as informações na placa de características. II 1/2 G. Ex d + e/d IIC Ga/Gb I M 1. Ex d + e I Ma. Certificado Conformidade s relativas às instruções Ao trabalhar em zonas com risco de explosão, a segurança de pessoas e equipamentos depende do cumprimento dos regulamentos de segurança relevantes. As pessoas que são responsáveis

Leia mais

Manual de instruções. Luminárias para lâmpadas fluorescentes, série ECOLUX 6600 > 6600

Manual de instruções. Luminárias para lâmpadas fluorescentes, série ECOLUX 6600 > 6600 Manual de instruções Luminárias para lâmpadas fluorescentes, > Informações Gerais Índice 1 Informações Gerais...2 2 Explicação dos símbolos...3 3 Instruções gerais de segurança...3 4 Utilização prevista...3

Leia mais

Manual de instruções. Luminárias para lâmpadas fluorescentes, série ECOLUX 6600 > 6600

Manual de instruções. Luminárias para lâmpadas fluorescentes, série ECOLUX 6600 > 6600 Manual de instruções Luminárias para lâmpadas fluorescentes, > Conteúdo 1 Conteúdo 1 Conteúdo...2 2 Informações Gerais...2 3 Explicação dos símbolos...3 4 Indicações gerais de segurança...3 5 Utilização

Leia mais

CERTIFICADO DE CONFORMIDADE. N : 11-IEx-0009X

CERTIFICADO DE CONFORMIDADE. N : 11-IEx-0009X Pagina 1/6 Solicitante / Endereço: Applicant / Address Solicitante / Dirección WIKA do Brasil Indústria e Comércio Ltda. Av. Ursula Wiegand, 03 18560-000 - Iperó - SP - Brasil 61.128.500/0001-06 Produto

Leia mais

Manual de Instalação. Sensor HUB-40Ex

Manual de Instalação. Sensor HUB-40Ex _ Manual de Instalação Sensor HUB-40Ex SAC: Tel.: +55 (19) 2127-9400 E-mail: assistenciatecnica@metroval.com.br Instalação, Manutenção e Reparos Revisão 01, Maio/2013 Manual de Instalação Sensor HUB-40Ex

Leia mais

Dados técnicos. Polaridade de saída Intervalo seguro de comutação s a 0... 1,62 mm Factor de redução r Cu 0,2

Dados técnicos. Polaridade de saída Intervalo seguro de comutação s a 0... 1,62 mm Factor de redução r Cu 0,2 0102 Designação para encomenda Características 2 mm nivelado Pode ser aplicado até SIL 2 conforme IEC 61508 Dados técnicos Dados gerais Função do elemento de comutação Contacto de ruptura NAMUR Intervalo

Leia mais

Caixa de passagem Ex e / Ex tb

Caixa de passagem Ex e / Ex tb Tomadas/Plugs Painéis Caixa de passagem Ex e / Ex tb Segurança aumentada, tempo e jatos potentes d água. Características Construtivas Caixa de passagem e ligação fabricada em liga de alumínio fundido copper

Leia mais

Manual de Operação 1

Manual de Operação 1 1 Índice Ambiente operacional...03 Instalação...03 Precauções na instalação...04 Utilizando o controle da Cortina de Ar...05 Dados técnicos...06 Manutenção...06 Termo de garantia...07 2 As cortinas de

Leia mais

CENTRAIS ELÉTRICAS DE RONDÔNIA S.A. CERON PREGÃO MINISTÉRIO DE MINAS E ENERGIA ANEXO XIII DO EDITAL

CENTRAIS ELÉTRICAS DE RONDÔNIA S.A. CERON PREGÃO MINISTÉRIO DE MINAS E ENERGIA ANEXO XIII DO EDITAL Eletrobrás MINISTÉRIO DE MINAS E ENERGIA ANEXO XIII DO EDITAL Anexo XIII do Pregão Eletrônico n 029/2009 Página 1 de 11 ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA TRANSFORMADORES DE CORRENTE AUXILIARES 0,6 KV USO INTERIOR

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES

MANUAL DE INSTRUÇÕES MANUAL DE INSTRUÇÕES TRANSFORMADOR A SECO ÍNDICE DESCRIÇÃO PÁGINA 1 Instruções para a instalação.................................... 02 2 Instruções para a manutenção..................................

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES DE FUN- CIONAMENTO (Tradução) Plataforma elevadora Tipo 1097.0,75 1097.1,25 8718.0,2

MANUAL DE INSTRUÇÕES DE FUN- CIONAMENTO (Tradução) Plataforma elevadora Tipo 1097.0,75 1097.1,25 8718.0,2 MANUAL DE INSTRUÇÕES DE FUN- CIONAMENTO (Tradução) Plataforma elevadora Tipo 1097.0,75 1097.1,25 8718.0,2 PT 1. Grupos de utilizadores Tarefas Qualificação Operador Operação, verificação visual Instrução

Leia mais

Kit de conexão EMK padrão

Kit de conexão EMK padrão EMK Kits de conexão Kit de conexão EMK padrão Vantagens Todos os componentes de conexão necessários em um kit Seleção simples dos componentes necessários Grande diversidade Economia de tempo; manuseio

Leia mais

Especi cação Técnica Cabo OPGW

Especi cação Técnica Cabo OPGW Especi cação Técnica Cabo OPGW No Especificação.: ZTT 15-48656 Revisão: DS_V.00-15/02/2016 Escrito por: Fabricante: ZTT Cable - Jiangsu Zhongtian Technology Co.,td. Gerencia Técnica Escritório Comercial

Leia mais

Medidor TKE-01. [1] Introdução. [2] Princípio de funcionamento. [5] Precisão. [6] Características Elétricas. [3] Aplicações. [4] Grandeza medida

Medidor TKE-01. [1] Introdução. [2] Princípio de funcionamento. [5] Precisão. [6] Características Elétricas. [3] Aplicações. [4] Grandeza medida [1] Introdução O TKE-01 é um instrumento para instalação em fundo de painel, que permite a medição do consumo de energia ativa (Wh) ou reativa (Varh) em sistema de corrente alternada (CA). A leitura do

Leia mais

電 動 車 輛 充 電 設 施 安 全 技 術 指 引

電 動 車 輛 充 電 設 施 安 全 技 術 指 引 電 動 車 輛 充 電 設 施 安 全 技 術 指 引 Directrizes Técnicas de Segurança de Instalações de Carregamento de Veículos Eléctricos 第 一 條 Artigo 1.º 標 的 Objecto 本 指 引 為 訂 定 安 裝 電 動 車 輛 充 電 設 施 應 遵 守 的 安 全 技 術 條 件 As presentes

Leia mais

Dados Técnicos. DADOS DE ENTRADA Fronius Galvo 2.0-5. Potência CC máxima para cos φ=1. Máx. corrente de entrada. Min.

Dados Técnicos. DADOS DE ENTRADA Fronius Galvo 2.0-5. Potência CC máxima para cos φ=1. Máx. corrente de entrada. Min. Dados Técnicos DADOS DE ENTRADA Fronius Galvo 2.0-5 Potência CC máxima para cos φ=1 2,650 W Máx. corrente de entrada 16.6 A Máx. tensão de entrada 24.8 A Faixa de tensão MPP 165 V Min. tensão de entrada

Leia mais

INSTRUÇÕES DE INSTALAÇÃO, OPERAÇÃO & MANUTENÇÃO PARA O RANGE DE CAIXAS ABTECH BPG SIRA99ATEX3173

INSTRUÇÕES DE INSTALAÇÃO, OPERAÇÃO & MANUTENÇÃO PARA O RANGE DE CAIXAS ABTECH BPG SIRA99ATEX3173 ABTQ-34 rev 05 Última Revisão 22nd March 2010: INSTRUÇÕES DE INSTALAÇÃO, OPERAÇÃO & MANUTENÇÃO PARA O RANGE DE CAIXAS ABTECH BPG SIRA99ATEX3173 A marcação mostrada é para uma caixa de terminação certificada.

Leia mais

1 INSTRUÇÕES IMPORTANTES DE SEGURANÇA

1 INSTRUÇÕES IMPORTANTES DE SEGURANÇA Obrigado por adquirir o Ventilador, modelos VTR500 503 505, um produto de alta tecnologia, seguro, eficiente, barato e econômico. É muito importante ler atentamente este manual de instruções, as informações

Leia mais

GTMMI, Lda. Condições Gerais de Venda

GTMMI, Lda. Condições Gerais de Venda GTMMI, Lda. Condições Gerais de Venda Estas Condições Gerais de Venda anulam automaticamente todas as anteriores. EXCEPTO QUANDO EXPRESSAMENTE ACORDADO EM CONTRÁRIO POR ESCRITO, TODAS AS VENDAS ESTÃO SUJEITAS

Leia mais

VF2. Medidor de nível tipo radar de onda guiada (TDR) de 2 fios. Informações suplementares

VF2. Medidor de nível tipo radar de onda guiada (TDR) de 2 fios. Informações suplementares VF2 Informações suplementares Medidor de nível tipo radar de onda guiada (TDR) de 2 fios Instruções Suplementares para aplicações em áreas classificadas HYCONTROL ÍNDICE DE VF2 1 Informações gerais de

Leia mais

Instruções de segurança para os comandos WAREMA

Instruções de segurança para os comandos WAREMA Instruções de segurança para os comandos WAREMA Válido a partir de 01 Outubro de 2015 2014280_0 pt Instruções de segurança para os comandos WAREMA 1 Informações básicas Este documento é uma coleção importante

Leia mais

Projetor AlphaLED Ex nc / Ex tb (com alojamento para driver)

Projetor AlphaLED Ex nc / Ex tb (com alojamento para driver) Projetor AlphaLED Ex nc / Ex tb (com alojamento para driver) ALEDZnC Não centelhante e à prova de jatos potentes d água. Características Construtivas Projetor para área explosiva, com corpo e tampa fabricado

Leia mais

1 INSTRUÇÕES IMPORTANTES DE SEGURANÇA

1 INSTRUÇÕES IMPORTANTES DE SEGURANÇA [M03 11052010] 1 INSTRUÇÕES IMPORTANTES DE SEGURANÇA É muito importante que você leia atentamente todas as instruções contidas neste manual antes de utilizar o produto, pois elas garantirão sua segurança.

Leia mais

Simplicidade aliada à competência

Simplicidade aliada à competência Simplicidade aliada à competência Operação simples, fácil instalação e baixo custo SINAMICS G110 Answers for industry. 1 SINAMICS G110 Simples instalação e fácil comissionamento Compacto por fora... Fácil

Leia mais

GERADORES DE EMERGÊNCIA ACCIONADOS POR MOTORES DE COMBUSTÃO

GERADORES DE EMERGÊNCIA ACCIONADOS POR MOTORES DE COMBUSTÃO República de Angola Ministério da Energia e Águas GERADORES DE EMERGÊNCIA ACCIONADOS POR MOTORES DE COMBUSTÃO Emissão: MINEA/DNEE Dezembro 2010 Av. Cónego Manuel das Neves, 234 1º - Luanda ÍNDICE 1 OBJECTIVO...

Leia mais

Versão à prova de explosão do telefone resistente às intempéries FernTel IP. FernTel IP Z2. Manual de instruções FHF BA 9620-25 07/11

Versão à prova de explosão do telefone resistente às intempéries FernTel IP. FernTel IP Z2. Manual de instruções FHF BA 9620-25 07/11 Versão à prova de explosão do telefone resistente às intempéries FernTel IP FernTel IP Z2 Manual de instruções FHF BA 9620-25 07/11 O telefone FernTel IP Z2 é uma versão à prova de explosão do telefone

Leia mais

Electroválvulas Tipo 3963

Electroválvulas Tipo 3963 Instruções de Montagem e Operação Electroválvulas Tipo 3963 Fig. 1 Geral A montagem, colocação em funcionamento e operação destes equipamentos só podem ser efectuadas por pessoal experimentado. São assumidos

Leia mais

Telefone para atmosferas explosivas tipo ExResistTel IP2

Telefone para atmosferas explosivas tipo ExResistTel IP2 Extrato para o manual de instruções OCP 0007 Telefone para atmosferas explosivas tipo ExResistTel IP2 Visão externa da parte superior do telefone Normas aplicadas (extrato) ABNT NBR IEC 60079-0 ABNT NBR

Leia mais

Instruções de segurança VEGADIF DF65.D******- Z/H/P/F*****

Instruções de segurança VEGADIF DF65.D******- Z/H/P/F***** Instruções de segurança VEGADIF DF65.D******- Z/H/P/F***** NCC 13.02323 X Ex d ia IIC T6...T1 Ga/Gb 0044 Document ID: 47487 Índice 1 Validade... 3 2 Geral... 3 3 Dados técnicos... 3 4 Condições de utilização...

Leia mais

Terminal de Operação Cimrex 69

Terminal de Operação Cimrex 69 Descrição do Produto O Cimrex 69 agrega as mais novas tecnologias e a mais completa funcionalidade de terminais de operação. Possui visor de cristal líquido gráfico colorido de 5,7 sensível ao toque (

Leia mais

Dados técnicos. Polaridade de saída Intervalo seguro de comutação s a 0... 7 mm Dados característicos Condições de montagem B. 5 mm C.

Dados técnicos. Polaridade de saída Intervalo seguro de comutação s a 0... 7 mm Dados característicos Condições de montagem B. 5 mm C. 0102 Designação para encomenda Características 10 mm não nivelado forma plana Entalhe de montagem para agrupador de cabos Dados técnicos Dados gerais Função do elemento de comutação Contacto de trabalho

Leia mais

Dados técnicos. necessário. Consumo de corrente Placa de medição não abrangida 3 ma Placa de medição abrangida

Dados técnicos. necessário. Consumo de corrente Placa de medição não abrangida 3 ma Placa de medição abrangida 0102 Designação para encomenda Características Para montagem na caixa Montagem directa em accionamentos normais Directivas europeias para máquinas cumpridas Certificado de verificação de modelos TÜV99

Leia mais

Instruções de segurança VEGADIS DIS81.MEIA/V****

Instruções de segurança VEGADIS DIS81.MEIA/V**** Instruções de segurança VEGADIS DIS81.MEIA/V**** NCC 14.02856 Ex d IIC T6 Gb (-40 C Tamb +60 C) 0044 Document ID: 47913 Índice 1 Validade... 3 2 Geral... 3 3 Dados técnicos... 3 4 Condições de utilização...

Leia mais

Guia Rápido de Instalação

Guia Rápido de Instalação Guia Rápido de Instalação Caro Usuário, Queremos parabenizá-lo por escolher o PlugData MG100T e dar-lhe as boas vindas a um conjunto de facilidades que serão conseguidas com o uso deste equipamento. Apresentação

Leia mais

Manual de Instalação, Operação e Manutenção. Chave Eletrônica de Nível LIDEC 91-92

Manual de Instalação, Operação e Manutenção. Chave Eletrônica de Nível LIDEC 91-92 Chave Eletrônica de Nível LIDEC 91-92 Manual de Instalação, Operação e Manutenção INFORMAÇÕES DE DIREITOS AUTORAIS Este documento não pode ser reproduzido, no todo ou em parte e por quaisquer meios, sem

Leia mais

NR 35 SEMINÁRIO Um Ano de Vigência da Norma de Trabalho em Altura

NR 35 SEMINÁRIO Um Ano de Vigência da Norma de Trabalho em Altura NR 35 SEMINÁRIO Um Ano de Vigência da Norma de Trabalho em Altura 26 de setembro do 2013 Projeto de norma Dispositivos de ancoragem Objetivo da apresentação: Apresentar o projeto de norma de dispositivos

Leia mais

OBJETIVOS DA SEÇÃO. Após concluir com êxito o módulo sobre Área de Trabalho, o aluno deve estar apto a:

OBJETIVOS DA SEÇÃO. Após concluir com êxito o módulo sobre Área de Trabalho, o aluno deve estar apto a: OBJETIVOS DA SEÇÃO Após concluir com êxito o módulo sobre Área de Trabalho, o aluno deve estar apto a: I. Definir os critérios da Área de Trabalho para o Sistema de Cabeamento Siemon, tanto para interfaces

Leia mais

Terminal de Operação Cimrex 12

Terminal de Operação Cimrex 12 Descrição do Produto O terminal de operação Cimrex 12 apresenta excelente desempenho em tamanho compacto. Possui visor de cristal líquido alfanumérico de duas linhas e 20 colunas. O teclado de membrana

Leia mais

Sistemas de válvula Sistemas de válvulas conforme norma ISO 5599-1, tamanho 3, série 581. Catálogo impresso

Sistemas de válvula Sistemas de válvulas conforme norma ISO 5599-1, tamanho 3, série 581. Catálogo impresso ISO 5599-1, tamanho 3, série 581 Catálogo impresso 2 ISO 5599-1, tamanho 3, série 581 Acionamento elétrico Sistema de válvulas, Série 581, tamanho 3 Qn = 4100 l/min Largura da válvula piloto: 22 mm conexão

Leia mais

MANUTENÇÃO DE EQUIPAMENTOS CONFORME ABNT NBR 15594-3

MANUTENÇÃO DE EQUIPAMENTOS CONFORME ABNT NBR 15594-3 MANUTENÇÃO DE EQUIPAMENTOS CONFORME ABNT NBR 15594-3 MANUTENÇÃO DE EQUIPAMENTOS CONFORME ABNT NBR 15594-3 Periodicidade Tipos de manutenção Equipamentos MANUTENÇÃO DE EQUIPAMENTOS CONFORME ABNT NBR 15594-3

Leia mais

SITRANS LVL200H.ME****A****

SITRANS LVL200H.ME****A**** Vibrating Switches SITRANS LVL200H.ME****A**** NCC 14.03368 X Ex d IIC T6 Ga/Gb, Gb Instruções de segurança 0044 Índice 1 Validade... 3 2 Geral... 3 3 Dados técnicos... 4 4 Condições de utilização... 4

Leia mais

Apresentação dos Requisitos Do Edital Inmetro nº 01/2011

Apresentação dos Requisitos Do Edital Inmetro nº 01/2011 Apresentação dos Requisitos Do Edital Inmetro nº 01/2011 Anexo B Especificações do simulador Eduardo Lopes Pesquisador-Tecnologista em Metrologia e Qualidade Objetivos Apresentar o simulador de pista com

Leia mais

1 Circuitos Pneumáticos

1 Circuitos Pneumáticos 1 Circuitos Pneumáticos Os circuitos pneumáticos são divididos em várias partes distintas e, em cada uma destas divisões, elementos pneumáticos específicos estão posicionados. Estes elementos estão agrupados

Leia mais

Leitor MaxProx-PC. O leitor de cartões de proximidade MaxProx-PC é destinado aos Integradores de Controle de Acesso.

Leitor MaxProx-PC. O leitor de cartões de proximidade MaxProx-PC é destinado aos Integradores de Controle de Acesso. Leitor MaxProx-PC O leitor de cartões de proximidade MaxProx-PC é destinado aos Integradores de Controle de Acesso. Ele foi especialmente projetado para controle de acesso, para ser usado no modo de operação

Leia mais

Instrução MI 020-531 Janeiro de 2014

Instrução MI 020-531 Janeiro de 2014 Instrução MI 020-531 Janeiro de 2014 Modelo RTT30 Transmissor de temperatura I/A Series com protocolo Fieldbus HART ou FOUNDATION Informações sobre segurança Índice 1. RTT30, HART, ATEX/INMETRO II 1 G...

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES DO MILIOHMÍMETRO MODELO MO-1200

MANUAL DE INSTRUÇÕES DO MILIOHMÍMETRO MODELO MO-1200 MANUAL DE INSTRUÇÕES DO MILIOHMÍMETRO MODELO MO-1200 julho 2009 Leia cuidadosamente as instruções contidas neste manual antes de iniciar o uso do medidor ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO... 1 2. REGRAS DE SEGURANÇA...

Leia mais

Índice. N.Documento: Categoria: Versão: Aprovado por: Data Publicação: Página: 11518 Instrução 1.1 Ronaldo Antônio Roncolatto 03/07/2008 1 de 13

Índice. N.Documento: Categoria: Versão: Aprovado por: Data Publicação: Página: 11518 Instrução 1.1 Ronaldo Antônio Roncolatto 03/07/2008 1 de 13 Índice 1. OBJETIVO...3 2. CAMPO DE APLICAÇÃO...3 3. TERMINOLOGIA...3 4. NORMAS E DOCUMENTOS COMPLEMENTARES...3 5. CONDIÇÕES GERAIS...4 6. TRANSFORMADOR...4 Condições Normais de Funcionamento... 4 Potências

Leia mais

Instruções de segurança VEGAPULS PS66. CI****P/F****

Instruções de segurança VEGAPULS PS66. CI****P/F**** Instruções de segurança VEGAPULS PS66. CI****P/F**** TÜV 13.0533 X Ex ia IIC T* Ga * Ver tabela de temperatura 0044 Document ID: 43431 Índice 1 Validade... 4 2 Geral... 4 2.2 Instrumento EPL-Ga... 4 2.3

Leia mais

Vanessa Válvulas de Tripla Excentricidade, Série 30-RS*

Vanessa Válvulas de Tripla Excentricidade, Série 30-RS* Vanessa Válvulas de Tripla Excentricidade, Série 30-RS* As válvulas Vanessa Série 30-RS garantem o isolamento com segurança melhorada, quando comparadas com outras válvulas de borboleta de tripla excentricidade,

Leia mais

Instruções de segurança VEGAFLEX FX61/62/65/66/67.CI****H**** VEGAFLEX FX63.CI***H**** AEX-12064-X

Instruções de segurança VEGAFLEX FX61/62/65/66/67.CI****H**** VEGAFLEX FX63.CI***H**** AEX-12064-X Instruções de segurança VEGAFLEX FX61/62/65/66/67.CI****H**** VEGAFLEX FX63.CI***H**** AEX-12064-X BR-Ex ia IIC T6 0044 38674 Índice 1 Validade 3 2 Geral 3 2.1 Instrumentos da zona 0 3 2.2 Instrumentos

Leia mais

Manual de Instruções

Manual de Instruções Manual de Instruções INTRODUÇÃO Parabéns pela escolha de mais um produto de nossa linha. Para garantir o melhor desempenho de seu produto, o usuário deve ler atentamente as instruções a seguir. Recomenda-se

Leia mais

Conexões bus estrutura de ligação CMS Estrutura de ligação CMS, B-Design. Catálogo impresso

Conexões bus estrutura de ligação CMS Estrutura de ligação CMS, B-Design. Catálogo impresso Estrutura de ligação CMS, B-Design Catálogo impresso 2 Estrutura de ligação CMS, B-Design Acoplador de bus com controlador Conexão por fieldbus com funcionalidade E/S opcional (CMS), Design B Acoplador

Leia mais

Módulo 8 Entradas Digitais 24 Vdc Monitorado. Os seguintes produtos devem ser adquiridos separadamente para possibilitar a utilização do produto:

Módulo 8 Entradas Digitais 24 Vdc Monitorado. Os seguintes produtos devem ser adquiridos separadamente para possibilitar a utilização do produto: Descrição do Produto O módulo, integrante da Série Ponto, possui 8 pontos de entrada digital +24 Vdc isolada e monitorada, é indicado para aplicações onde a situação de linha rompida necessita ser detectada

Leia mais

Caixas de junção de poliéster reforçado com fibra de vidro vazias, pré-furadas e não furadas Série NJBEP Segurança Aumentada.

Caixas de junção de poliéster reforçado com fibra de vidro vazias, pré-furadas e não furadas Série NJBEP Segurança Aumentada. não furadas Série NJEP Segurança umentada. Para customização NR IEC: plicações Projetadas para áreas de Zona 1 ou 2, onde gases ou vapores in amáveis estão presentes de forma contínua, frequente ou acidental,

Leia mais

Solenoid Instruções para instalação e funcionamento Declaração de Conformidade da CE

Solenoid Instruções para instalação e funcionamento Declaração de Conformidade da CE Deutsch Solenoid Instruções para instalação e funcionamento Declaração de Conformidade da CE Tipo: MKY45/18x60-..-L../IM Wandfluh AG Frutigen 2014 Wandfluh AG E-mail: sales@wandfluh.com Página 1/12 Vista

Leia mais

Manual de Instalação e Manutenção. Torniquete Hexa. revisão: 6 data de atualização:16/01/09

Manual de Instalação e Manutenção. Torniquete Hexa. revisão: 6 data de atualização:16/01/09 Manual de Instalação e Manutenção Torniquete Hexa revisão: 6 data de atualização:16/01/09 Índice 1 - Apresentação pg.03 2 - Dimensões principais e vão livre para manutenção pg.04 3.1. Identificação dos

Leia mais

Aristo Mig 4004i Pulse

Aristo Mig 4004i Pulse TM Origo Mig 5004i TM Aristo Mig 4004i Pulse Manual de peças de reposição TM Origo Mig 5004i 0404369 TM Aristo Mig 4004i Pulse 0786 ESAB se reserva o direito de alterar as características técnicas de seus

Leia mais

Coleções. manual de montagem. Kit com 3 Nichos. ou... tempo 20 minutos. montagem 2 pessoas. ferramenta martelo de borracha. ferramenta chave philips

Coleções. manual de montagem. Kit com 3 Nichos. ou... tempo 20 minutos. montagem 2 pessoas. ferramenta martelo de borracha. ferramenta chave philips manual de montagem montagem 2 pessoas Coleções ferramenta martelo de borracha Kit com 3 Nichos ferramenta chave philips tempo 30 minutos ou... ferramenta parafusadeira tempo 20 minutos DICAS DE CONSERVAÇÃO

Leia mais

VNT. Manual de Instruções. VISOR DE NÍVEL Tipo Transparente TECNOFLUID

VNT. Manual de Instruções. VISOR DE NÍVEL Tipo Transparente TECNOFLUID Português VNT VISOR DE NÍVEL Tipo Transparente Manual de Instruções Leia este manual atentamente antes de iniciar a operação do seu aparelho. Guarde-o para futuras consultas. Anote o modelo e número de

Leia mais

7as JORNADAS DE CLIMATIZAÇÃO Lisboa, 8 de Novembro de 2007

7as JORNADAS DE CLIMATIZAÇÃO Lisboa, 8 de Novembro de 2007 7as JORNADAS DE CLIMATIZAÇÃO Lisboa, 8 de Novembro de 2007 1 Se se fecham cozinhas e restaurantes por falta de limpeza, como nos podemos permitir essa falta de limpeza no ar que respiramos todos os dias

Leia mais

Manual de Serviço. Transmissões Eaton. Desmontagem/Montagem Retarder. Julho 2010 FSBO 9406

Manual de Serviço. Transmissões Eaton. Desmontagem/Montagem Retarder. Julho 2010 FSBO 9406 Manual de Serviço Transmissões Eaton Desmontagem/Montagem Retarder Julho 2010 FSBO 9406 Índice Introdução... 3 Objetivo e escopo do manual... 3 Como usar o manual... 3 Precauções na desmontagem... 3 Precauções

Leia mais

Balança Digital BEL - 00237

Balança Digital BEL - 00237 Balança Digital BEL - 00237 l l! Instrumento não submetido a aprovação de modelo/verifi cação. Não legal para uso no comércio. Não legal para prática médica. Conforme portaria INMETRO 236/94 Plebal Plenna

Leia mais

STUDIO MONITOR HEADPHONES

STUDIO MONITOR HEADPHONES English STUDIO MONITOR HEADPHONES Owner s Manual Bedienungsanleitung Mode d emploi Manual de instrucciones Manual do Proprietário Manuale di istruzioni Руководство пользователя 사용설명서 取 扱 説 明 書 Русский

Leia mais

M053 V02. comercialipec@gmail.com

M053 V02. comercialipec@gmail.com M053 V02 comercialipec@gmail.com PARABÉNS Você acaba de adquirir um produto com alta tecnologia IPEC. Fabricado dentro dos mais rígidos padrões de qualidade, os produtos IPEC primam pela facilidade de

Leia mais

SIMULADOR DE SINAIS DISCRETOS SID-16

SIMULADOR DE SINAIS DISCRETOS SID-16 SIMULADOR DE SINAIS DISCRETOS SID-16 Manual do usuário Série: H Simulador de Sinais Discretos MAN-DE-SID-16 Rev.: 2.00-08 Introdução Obrigado por ter escolhido nosso SID-16. Para garantir o uso correto

Leia mais

Guia de instalação rápida do switch HP 1820

Guia de instalação rápida do switch HP 1820 Guia de instalação rápida do switch HP 1820 Os desenhos neste documento são apenas para fins ilustrativos e podem não corresponder ao seu switch em particular. Para instruções e informações mais detalhadas

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO ELÉTRICO. COREN Subseção de Floriano

MEMORIAL DESCRITIVO ELÉTRICO. COREN Subseção de Floriano MEMORIAL DESCRITIVO ELÉTRICO COREN Subseção de Floriano ÍNDICE 1. OBJETIVO 2. NORMAS TÉCNICAS 3. DESCRIÇÃO DOS SITEMAS 3.1. Entradas de energia e telefone 3.2. Quadros de distribuição local 3.3. Dispositivos

Leia mais

INSTALAÇÃO E OPERAÇÂO SENSORES DE PRESSÃO PARA MÁQUINA EXTRUSORA

INSTALAÇÃO E OPERAÇÂO SENSORES DE PRESSÃO PARA MÁQUINA EXTRUSORA M A N U A L T É C N I C O INSTALAÇÃO E OPERAÇÂO SENSORES DE PRESSÃO PARA MÁQUINA EXTRUSORA ä ä ä ä Apresentação Este manual é um guia para instalação e operação de Transdutores e Transmissores de Pressão

Leia mais

DK32 DK34. Medidor de vazão de área variável com acessórios elétricos. Categoria de equipamento II 2 G. Informações suplementares

DK32 DK34. Medidor de vazão de área variável com acessórios elétricos. Categoria de equipamento II 2 G. Informações suplementares DK32 DK34 Informações suplementares Medidor de vazão de área variável com acessórios elétricos Categoria de equipamento II 2 G KROHNE 07/2012 -- MA DK32 34-Ex-II2G-AD R02 INMETRO ÍNDICE DK32 DK34 1 Instruções

Leia mais

Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas. Bornes Linha BTW

Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas. Bornes Linha BTW Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas Bornes Linha BTW Índice - Linha BTWP Bornes Terminais com Conexão Tipo Parafuso BTWP 2,5 pág. 11 BTWP 4 pág. 11 BTWP 6 pág. 11 BTWP 10 pág. 12

Leia mais

COMANDO E SINALIZAÇÃO 22,5mm - LINHA LAY5

COMANDO E SINALIZAÇÃO 22,5mm - LINHA LAY5 COMANDO E SINALIZAÇÃO 22,5mm - LINHA LAY5 Conformidade IEC60947-5-1 VDE0660 CENELEC EN50007 Tensão nominal de isolação UI 600V Frontal IP65 Grau de proteção IEC60529 Frontal c/ capa protetora IP66 Terminais

Leia mais

2 Workshop processamento de artigos em serviços de saúde Recolhimento de artigos esterilizados: é possível evitar?

2 Workshop processamento de artigos em serviços de saúde Recolhimento de artigos esterilizados: é possível evitar? 2 Workshop processamento de artigos em serviços de saúde Recolhimento de artigos esterilizados: é possível evitar? 3 Farm. André Cabral Contagem, 19 de Maio de 2010 Rastreabilidade É definida como a habilidade

Leia mais

Série: FBIA MANUAL TÉCNICO BOMBA CENTRÍFUGA AUTO-ESCORVANTE FBIA. Aplicação

Série: FBIA MANUAL TÉCNICO BOMBA CENTRÍFUGA AUTO-ESCORVANTE FBIA. Aplicação BOMBA CENTRÍFUGA AUTO-ESCORVANTE FBIA MANUAL TÉCNICO Série: FBIA Aplicação Desenvolvida para trabalhar com líquidos limpos ou turvos, em inúmeras aplicações, tais como indústrias químicas, petroquímicas

Leia mais

Certificado de Conformidade Ex Ex Certificate of Conformity

Certificado de Conformidade Ex Ex Certificate of Conformity Certificado emitido conforme requisitos da avaliação da conformidade de equipamentos elétricos para atmosferas explosivas anexo à Portaria Inmetro nº. 79 de 8 de maio de 200 Certificate issued in according

Leia mais

Espremedor de suco FreshMix

Espremedor de suco FreshMix Espremedor de suco FreshMix LEIA ANTES DE USAR Visite o site www.hamiltonbeach.com,br para conhecer a nossa linha de produtos completa. Dúvidas? Por Favor, ligue - nossos associados estão prontos para

Leia mais

Manual das Biseladoras Externas ISD/ ISF/ SKD/ HYD

Manual das Biseladoras Externas ISD/ ISF/ SKD/ HYD Manual das Biseladoras Externas ISD/ ISF/ SKD/ HYD Antes de iniciar qualquer manutenção ou operação mantenha o equipamento desligado das fontes de energia, retire os bits da máquina, em seguida meça o

Leia mais

Iniciar. Antes de utilizar o comando à distância. Instalação. Efectuar a ligação a uma fonte de vídeo. Efectuar a ligação a um computador

Iniciar. Antes de utilizar o comando à distância. Instalação. Efectuar a ligação a uma fonte de vídeo. Efectuar a ligação a um computador Iniciar 1 Antes de utilizar o comando à distância Inserir as pilhas Período de substituição das pilhas e Utilizar o comando à distância Alcance de funcionamento do comando à distância 2 Instalação Tamanho

Leia mais

FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA Edição revista (*) Nº : 4. 2.2 : Gás não inflamável e não tóxico.

FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA Edição revista (*) Nº : 4. 2.2 : Gás não inflamável e não tóxico. Página : 1 2.2 : Gás não inflamável e não tóxico. Atenção 1 Identificação da substância/ preparação e da sociedade/ empresa Identificador do produto Designação Comercial : Azoto / Azoto Apsa / Azoto Floxal

Leia mais

Manual de Instruções Lavadora Tanquinho Premium 3.0

Manual de Instruções Lavadora Tanquinho Premium 3.0 Manual de Instruções Lavadora Tanquinho Premium 3.0 Imagem meramente ilustrativa. Peso Liquido: 9,6 Kg Peso Bruto: 10 Kg Lavadora Tanquinho Premium 3.0 LIBELL 1 MANUAL DE USUÁRIO Parabéns por ter escolhido

Leia mais

Segurança do Trabalho com Máquinas e Equipamentos. Thiago Freitas Engº Segurança do Trabalho

Segurança do Trabalho com Máquinas e Equipamentos. Thiago Freitas Engº Segurança do Trabalho Segurança do Trabalho com Máquinas e Equipamentos Thiago Freitas Engº Segurança do Trabalho Tem o objetivo de evitar que o trabalhador entre em contato com partes móveis da máquina. Definições Maquinas

Leia mais

Nota Técnica sobre centrais de GLP, com operação de sistema Pit Stop

Nota Técnica sobre centrais de GLP, com operação de sistema Pit Stop Nota Técnica sobre centrais de GLP, com operação de sistema Pit Stop Sumário Executivo Esta Nota Técnica tem por finalidade comprovar a existência de sustentação técnica e motivação econômica para estabelecer

Leia mais

VIP X1600 XFM4 VIP-X1600-XFM4A/VIP-X1600-XFM4B. Guia de instalação rápida

VIP X1600 XFM4 VIP-X1600-XFM4A/VIP-X1600-XFM4B. Guia de instalação rápida VIP X1600 XFM4 VIP-X1600-XFM4A/VIP-X1600-XFM4B pt Guia de instalação rápida VIP X1600 XFM4 Informações gerais pt 2 1 Informações gerais Estas instruções "Guia de instalação rápida" referem-se aos módulos

Leia mais

TERMOACUMULADORES ELÉCTRICOS

TERMOACUMULADORES ELÉCTRICOS TERMOACUMULADORES ELÉCTRICOS S O L UÇÕE S DE ÁGUA QUE N T E Índice Conforto garantido 03 Compatibilidade solar e selecção de capacidade 04 Gama EasyAqua 05 Gama NaturaAqua 06 Dados técnicos 07 02 SOLUÇÕES

Leia mais

Botoeiras pré-furadas da série Unicode 2 Segurança aumentada Poliamida, poliéster reforçado com fibra de vidro, aço inoxidável 316L, alumínio

Botoeiras pré-furadas da série Unicode 2 Segurança aumentada Poliamida, poliéster reforçado com fibra de vidro, aço inoxidável 316L, alumínio Botoeiras pré-furadas da série Unicode 2 Poliamida, poliéster reforçado com fibra de vidro, aço inoxidável 316L, alumínio II 2 GD IK09 (Poliamida), IK10 (FRP, aço inoxidável) NBR IEC (Poliamida): NBR IEC

Leia mais

Aula 03. Processadores. Prof. Ricardo Palma

Aula 03. Processadores. Prof. Ricardo Palma Aula 03 Processadores Prof. Ricardo Palma Definição O processador é a parte mais fundamental para o funcionamento de um computador. Processadores são circuitos digitais que realizam operações como: cópia

Leia mais

AutoFilt Type RF3 Exemplos de aplicação.

AutoFilt Type RF3 Exemplos de aplicação. Filtro de retrolavagem automático AutoFilt RF3 para a tecnologia de processos Filtro de retrolavagem automático AutoFilt RF3 para a tecnologia de processos. Para a operação de filtração contínua sem manutenção

Leia mais

FC724 Central de detecção de incêndios

FC724 Central de detecção de incêndios FC74 Central de detecção de incêndios Série FS70 (MP3.0) Cerberus PRO Central de detecção de incêndios compacta, prefabricada, controlada por microprocessador para a ligação de até 504 endereços A central

Leia mais

GUIA DE ORIENTAÇÕES E BOAS PRÁTICAS PARA PARCEIROS E EVENTOS DO DW!

GUIA DE ORIENTAÇÕES E BOAS PRÁTICAS PARA PARCEIROS E EVENTOS DO DW! GUIA DE ORIENTAÇÕES E BOAS PRÁTICAS PARA PARCEIROS E EVENTOS DO DW! Prezado(a) Parceiro(a) do Design Weekend, É com grande prazer que comunicamos que o Design Weekend-DW! está em sua terceira edição, sendo

Leia mais

INSTRUÇÕES DE INSTALAÇÃO para a GOLD LP

INSTRUÇÕES DE INSTALAÇÃO para a GOLD LP INSTRUÇÕES DE INSTALAÇÃO para a GOLD LP O documento foi originalmente escrito em sueco. A Swegon reserva-se o direito de alterar as especificações. www.swegon.com 1 1. INSTALAÇÃO 1.4 Montar a unidade de

Leia mais

XCKJ10541H29 fim-de-curso XCKJ alavanc. termoplástica comp. variável - 1NO + 1NC - M20

XCKJ10541H29 fim-de-curso XCKJ alavanc. termoplástica comp. variável - 1NO + 1NC - M20 Ficha de produto Características Completar XCKJ10541H29 fim-de-curso XCKJ alavanc. termoplástica comp. variável - 1NO + 1NC - M20 Principal Linha de PRODUTO Nome da série OsiSense XC Formato Padrão Tipo

Leia mais

PROPOSTA DE TEXTO-BASE MARMITA DE ALUMÍNIO

PROPOSTA DE TEXTO-BASE MARMITA DE ALUMÍNIO MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO DEPARTAMENTO LOGÍSTICO DIRETORIA DE SUPRIMENTO Seção de Suprimento Classe II 84/04 PROPOSTA DE TEXTO-BASE SUMÁRIO 1. OBJETIVO... 1 2. CARACTERÍSTICAS GERAIS...

Leia mais

Guia de conformidade e segurança do Sistema MiSeq

Guia de conformidade e segurança do Sistema MiSeq Guia de conformidade e segurança do Sistema MiSeq Somente para pesquisa. Não autorizado para uso em procedimentos de diagnóstico. Histórico das revisões 2 Introdução 3 Considerações de segurança e marcações

Leia mais