TECNOLOGIA DA CONSTRUÇÃO

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "TECNOLOGIA DA CONSTRUÇÃO"

Transcrição

1 INSTITUTO SUPERIOR TÉCNICO MESTRADO INTEGRADO EM ARQUITECTURA TECNOLOGIA DA CONSTRUÇÃO 2º Semestre 2014/2015

2 A CONSTRUÇÃO DE EDIFÍCIOS

3 Construção de Obras Públicas - Obras de Arte, Viadutos, Túneis, Ferrovias, Estradas, Realojamento, Hospitais, Bibliotecas, etc. Construção Civil - Edifícios de Habitação e Escritórios, Obras de Reabilitação (Reparação e/ou Reforço), Obras de Pequena Monta.

4 Construção de Edifícios de Habitação e Escritórios: - Levantamento das Infra-estruturas; - Localização do Estaleiro; - Preparação / Planeamento da Obra; - Construção; - Entrega Provisória; - Entrega Definitiva.

5 Índice temático Capítulo 1 - Aspectos gerais da construção Capítulo 2 - Técnicas de demolição Capítulo 3 - Contenções periféricas Capítulo 4 - Fundações directas Capítulo 5 - Fundações profundas Capítulo 6 - Drenagens e impermeabilizações Capítulo 7 - Estruturas de edifícios de betão Capítulo 8 - Soluções não tradicionais de pavimentos e escadas Capítulo 9 - Paredes divisórias Capítulo 10 - Coberturas de edifícios Capítulo 11 - Revestimentos de paredes Capítulo 12 - Revestimentos de pisos APRESENTAÇÃO

6 DEMOLIÇÃO: - Betão Armado Acessórios (tesouras, ripper, pinças, triturador, martelo, etc.) Retroescavadoras e giratórias Uso controlado de explosivos

7 DEMOLIÇÃO: - Betão Armado - Alvenaria Corte com serra de disco diamantado Martelo pneumático Estrutura de contenção de fachada (demolição elemento a elemento )

8 ESCAVAÇÃO, CONTENÇÕES PERIFÉRICAS E FUNDAÇÕES: - Fundações: Sapatas, ensoleiramentos gerais, pegões, estacas - Contenções Periféricas: Paredes moldadas, Berlim, Munique, cortinas de estacas, cortinas de estacas-prancha. Escavação

9 ESCAVAÇÃO, CONTENÇÕES PERIFÉRICAS E FUNDAÇÕES: - Fundações: Sapatas, ensoleiramentos gerais, pegões, estacas - Contenções Periféricas: Paredes moldadas, Berlim, Munique, cortinas de estacas, cortinas de estacas-prancha. Parede de contenção periférica

10 ESCAVAÇÃO, CONTENÇÕES PERIFÉRICAS E FUNDAÇÕES: - Fundações: Sapatas, ensoleiramentos gerais, pegões, estacas - Contenções Periféricas: Paredes moldadas, Berlim, Munique, cortinas de estacas, cortinas de estacas-prancha. Parede de contenção periférica Muro de Berlim

11 ESCAVAÇÃO, CONTENÇÕES PERIFÉRICAS E FUNDAÇÕES: - Fundações: Sapatas, ensoleiramentos gerais, pegões, estacas - Contenções Periféricas: Paredes moldadas, Berlim, Munique, cortinas de estacas, cortinas de estacas-prancha. Parede de contenção periférica Muro de Munique

12 ESCAVAÇÃO, CONTENÇÕES PERIFÉRICAS E FUNDAÇÕES: - Fundações: Sapatas, ensoleiramentos gerais, pegões, estacas - Contenções Periféricas: Paredes moldadas, Berlim, Munique, cortinas de estacas, cortinas de estacas-prancha. Parede de contenção periférica parede moldada

13 ESCAVAÇÃO, CONTENÇÕES PERIFÉRICAS E FUNDAÇÕES: - Fundações: Sapatas, ensoleiramentos gerais, pegões, estacas - Contenções Periféricas: Paredes moldadas, Berlim, Munique, cortinas de estacas, cortinas de estacas-prancha. Parede de contenção periférica Cortina de estacas

14 ESCAVAÇÃO, CONTENÇÕES PERIFÉRICAS E FUNDAÇÕES: - Fundações: Sapatas, ensoleiramentos gerais, pegões, estacas - Contenções Periféricas: Paredes moldadas, Berlim, Munique, cortinas de estacas, cortinas de estacas-prancha. Fundações directas por sapatas (isoladas) Fundações directas por sapatas (ligadas por vigas de fundação)

15 ESCAVAÇÃO, CONTENÇÕES PERIFÉRICAS E FUNDAÇÕES: - Fundações: Sapatas, ensoleiramentos gerais, pegões, estacas - Contenções Periféricas: Paredes moldadas, Berlim, Munique, cortinas de estacas, cortinas de estacas-prancha. Fundações directas por sapatas

16 ESCAVAÇÃO, CONTENÇÕES PERIFÉRICAS E FUNDAÇÕES: - Fundações: Sapatas, ensoleiramentos gerais, pegões, estacas - Contenções Periféricas: Paredes moldadas, Berlim, Munique, cortinas de estacas, cortinas de estacas-prancha. Ensoleiramento geral

17 ESCAVAÇÃO, CONTENÇÕES PERIFÉRICAS E FUNDAÇÕES: - Fundações: Sapatas, ensoleiramentos gerais, pegões, estacas - Contenções Periféricas: Paredes moldadas, Berlim, Munique, cortinas de estacas, cortinas de estacas-prancha. Poços ou pegões

18 ESCAVAÇÃO, CONTENÇÕES PERIFÉRICAS E FUNDAÇÕES: - Fundações: Sapatas, ensoleiramentos gerais, pegões, estacas - Contenções Periféricas: Paredes moldadas, Berlim, Munique, cortinas de estacas, cortinas de estacas-prancha. Trado contínuo Trado curto Tubo moldador

19 ESCAVAÇÃO, CONTENÇÕES PERIFÉRICAS E FUNDAÇÕES: - Fundações: Sapatas, ensoleiramentos gerais, pegões, estacas - Contenções Periféricas: Paredes moldadas, Berlim, Munique, cortinas de estacas, cortinas de estacas-prancha. Fundações indirectas por estacas

20 DRENAGENS E IMPERMEABILIZAÇÃO DE CAVES: - Materiais utilizados - Concepção dos sistemas Colocação de mantas drenantes sobre telas asfálticas Tubo drenante (nível freático abaixo da laje de fundo)

21 ESTRUTURAS DE BETÃO ARMADO: - Estruturas betonadas in situ Pilar Viga Laje Estrutura em pórtico de betão armado

22 ESTRUTURAS DE BETÃO ARMADO: - Estruturas betonadas in situ

23 ESTRUTURAS DE BETÃO ARMADO: - Pavimentos pré-fabricados Vigotas pré-esforçadas e abobadilhas cerâmicas Pré-laje com blocos de aligeiramento em poliuretano Pranchas alveolares

24 PAREDES EXTERIORES Paredes de alvenaria de tijolo de barro vermelho Paredes exteriores

25 PAREDES INTERIORES -Tijolo de barro vermelho - Blocos de betão Paredes de blocos de betão Paredes de alvenaria de tijolo de barro vermelho

26 ACABAMENTOS

27 REDES DE ÁGUAS E ESGOTOS

28 INSTALAÇÕES ELÉCTRICAS

29 INSTALAÇÕES ELÉCTRICAS

30 AQUECIMENTO CENTRAL / AR CONDICIONADO

31 ACABAMENTOS: - Betonilhas

32 ACABAMENTOS: - Rebocos Interiores

33 ACABAMENTOS: - Revestimentos Interiores

34 ACABAMENTOS: - Tectos Falsos

35 ELEVADORES

36 ACABAMENTOS: - Revestimentos exteriores Revestimento cerâmico Pintura

37 ACABAMENTOS: - Cobertura Telas de impermeabilização Revestimento da cobertura

38 ACABAMENTOS: - Janelas

39 ACABAMENTOS: - Portas / Roupeiros

40 ACABAMENTOS: - Revestimentos de Pisos

41 ACABAMENTOS: - Casas de Banho

42 ACABAMENTOS: - Cozinhas

43 ARRANJOS EXTERIORES

44 Trabalho realizado com o apoio do Programa Operacional Sociedade da Informação - POSI APRESENTAÇÃO

Imagens relativas à Fracção A Rua das Escolas Gerais nº 13 1100-218 Lisboa

Imagens relativas à Fracção A Rua das Escolas Gerais nº 13 1100-218 Lisboa Tecto falso parcialmente destruído Lareira (à direita) existente dentro da parede mestra Interior do espaço, degradação avançada das paredes Mau estado de conservação e ruína do armazém exterior Mau estado

Leia mais

Quantitativo de Revestimento de Parede (3 unidades) Tipo Material: Nome Material: Descrição Material: Área

Quantitativo de Revestimento de Parede (3 unidades) Tipo Material: Nome Material: Descrição Material: Área Quantitativo de Revestimento de Parede (3 unidades) Tipo Nome Descrição Parede Exterior Bloco 14 - Pintura externa e Cerâmica interna Parede Exterior Bloco 14 - Pintura externa e Cerâmica interna Alvenaria

Leia mais

CONSTRUÍMOS A CASA DOS SEUS SONHOS Desenvolvemos qualquer projecto à sua medida

CONSTRUÍMOS A CASA DOS SEUS SONHOS Desenvolvemos qualquer projecto à sua medida CONSTRUÍMOS A CASA DOS SEUS SONHOS Desenvolvemos qualquer projecto à sua medida STORY HOUSE PREÇO DESDE: 130.000 + IVA RIVER HOUSE PREÇO DESDE: 250.000 + IVA SEA HOUSE PREÇO DESDE: 350.000 + IVA COUNTRY

Leia mais

FLEX. 1.2 INSTALAÇÕES PROVISÓRIAS Será implantado canteiro de obras dimensionado de acordo com o porte e as necessidades da obra.

FLEX. 1.2 INSTALAÇÕES PROVISÓRIAS Será implantado canteiro de obras dimensionado de acordo com o porte e as necessidades da obra. MEMORIAL DESCRITIVO 1 HABITAÇÃO 1 EQUIPAMENTO COMUNITÁRIO IDENTIFICAÇÃO: Proponente : Favoritto Incorporações SPE LTDA. Construtora : Magis Incorporações e Participações Ltda. Empreendimento : Residencial

Leia mais

Planilha Orçamentária

Planilha Orçamentária Ministério da Educação Obra: Proinfância - Espaço Educativo Infantil Tipo C BDI adotado Município: Endereço: Planilha Orçamentária ITEM DESCRIÇÃO DOS SERVIÇOS UNID. QUANT. PR. UNIT.(R$) VALOR (R$) 1.0

Leia mais

TOTAL DO ITEM 1 4.326,42

TOTAL DO ITEM 1 4.326,42 OBRA - CONSTRUÇÃO DE 40 BLOCOS RESIDENCIAIS PAGINA: 1 / 10 1 SERVIÇOS PRELIMINARES (Habitacao) 1.1 Locação da obra sem instrumento topográfico, considerada a projeção horizontal da área envolvente 349,19

Leia mais

RELATÓRIO FOTOGRÁFICO 9ª MEDIÇÃO

RELATÓRIO FOTOGRÁFICO 9ª MEDIÇÃO RELATÓRIO FOTOGRÁFICO 9ª MEDIÇÃO OBRA: Execução de obras complementares à construção do Fórum Trabalhista de Londrina CONTRATADA: RAC ENGENHARIA E COMERCIO LTDA Vistorias realizadas entre os dias 10 de

Leia mais

Listagem de Erros e Omissões

Listagem de Erros e Omissões Listagem de Erros e Omissões - No ponto 13 do caderno de encargos - Critérios de adjudicação, factor preço, uma fórmula matemática, em que uma das parcelas, nomeadamente a PREm - o menor preço proposto,

Leia mais

Rua Colombia nº 50 Boqueirão Santos / S.P. MEMORIAL DESCRITIVO

Rua Colombia nº 50 Boqueirão Santos / S.P. MEMORIAL DESCRITIVO Rua Colombia nº 50 Boqueirão Santos / S.P. MEMORIAL DESCRITIVO 1 CONSIDERAÇÕES INICIAIS 1.1 Projeto Será um edifício residencial contendo subsolo, térreo, mezanino, 13 pavimentos tipo com 04 (quatro) apartamentos

Leia mais

Empreendimento: Edifício Residencial Panambi Endereço: Rua Caetana Alves Leite - Floresta São José - SC CEP:

Empreendimento: Edifício Residencial Panambi Endereço: Rua Caetana Alves Leite - Floresta São José - SC CEP: MEMORIAL DESCRITIVO FLORIANÓPOLIS, FEVEREIRO DE 2008. Empreendimento: Edifício Residencial Panambi Endereço: Rua Caetana Alves Leite - Floresta São José - SC CEP: INFORMAÇÕES GERAIS: Construção e Vendas

Leia mais

ED PORTOFINO Memorial descritivo dos acabamentos:

ED PORTOFINO Memorial descritivo dos acabamentos: ED PORTOFINO Memorial descritivo dos acabamentos: 01 Fachada Fachada em vidros laminados 8 mm na cor azul, esquadria em alumínio branco, lateral revestida de cerâmica ou pastilha de porcelana. 02 Pavimento

Leia mais

Planilha de Orçamento - GLOBAL Obra: 091107 - CONSTRUÇÃO NOVA SUBESTAÇÃO 300kVA Endereço: Av. Ildefonso simões Lopes, 2791

Planilha de Orçamento - GLOBAL Obra: 091107 - CONSTRUÇÃO NOVA SUBESTAÇÃO 300kVA Endereço: Av. Ildefonso simões Lopes, 2791 Página 1 de 5 1. PROJETOS 1. 3. APROVAÇÃO DE PROJETO EM ORGÃO PUBLICO 1. 3. 4. PROJETO ELÉTRICO (subestação).1 APROVAÇÃO DE PROJETO NA CONCESSIONÁRIA LOCAL 1,00 UN 1.800,00 1.800,00 200,00 200,00 2.000,00

Leia mais

Características técnicas:

Características técnicas: Características técnicas: 1-BASE: 1.1-Habitação/Varanda: A base da Habitação/Varanda será construída em Alvenaria conforme o projecto, com placa pré-esforçado, construída sobre muros de blocos assentes

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE PASSO FUNDO SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE PASSO FUNDO SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE PASSO FUNDO SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO Obra: E. M. IRMÃ MARIA CATARINA Endereço: R. ESTEIO - PASSO FUNDO Empresa: PLANILHA DE PREÇOS Data:

Leia mais

REABILITAÇÃO DA COBERTURA DE EDIFÍCIO NO RIO DE JANEIRO - SUBSTITUIÇÃO DE TELHADO DANIFICADO POR SISTEMA DE IMPERMEABILIZAÇÃO

REABILITAÇÃO DA COBERTURA DE EDIFÍCIO NO RIO DE JANEIRO - SUBSTITUIÇÃO DE TELHADO DANIFICADO POR SISTEMA DE IMPERMEABILIZAÇÃO REABILITAÇÃO DA COBERTURA DE EDIFÍCIO NO RIO DE JANEIRO - SUBSTITUIÇÃO DE TELHADO DANIFICADO POR SISTEMA DE IMPERMEABILIZAÇÃO 1) Jordy, J. C. / 2) Mendes, L. C. 1) Universidade Federal Fluminense (UFF),

Leia mais

Soluções de isolamento acústico: - Obra nova - Reabilitação - Estabelecimentos

Soluções de isolamento acústico: - Obra nova - Reabilitação - Estabelecimentos Soluções de isolamento acústico: - Obra nova - Reabilitação - Estabelecimentos Impermeabilização Isolamento Drenagens - Geotêxteis Clarabóias Índice OBRA NOVA... N. Pavimentos...... N.. Abaixo da betonilha

Leia mais

Se esse material chegou até você, é porque poderemos fazer bons negócios.

Se esse material chegou até você, é porque poderemos fazer bons negócios. INTRODUÇÃO Caro leitor, Se esse material chegou até você, é porque poderemos fazer bons negócios. A NOVA.EG é uma empresa que poderá fornecer Projetos, Gerenciamento, Construção e Soluções em pré moldados

Leia mais

RECUPERAÇÃO DO PALÁCIO SOTTO MAYOR ESCAVAÇÃO, CONTENÇÃO E RECALÇAMENTO. Recuperação do Palácio Sotto Mayor em Lisboa

RECUPERAÇÃO DO PALÁCIO SOTTO MAYOR ESCAVAÇÃO, CONTENÇÃO E RECALÇAMENTO. Recuperação do Palácio Sotto Mayor em Lisboa RECUPERAÇÃO DO PALÁCIO SOTTO MAYOR ESCAVAÇÃO, CONTENÇÃO E RECALÇAMENTO ÍNDICE Introdução Principais Condicionamentos Soluções Adoptadas Plano de Instrumentação e Observação Considerações Finais Palácio

Leia mais

Será de acordo com o projecto aprovado por as entidades competentes e seus respectivos desenhos.

Será de acordo com o projecto aprovado por as entidades competentes e seus respectivos desenhos. Especificações gerais de construção Arquitectura Será de acordo com o projecto aprovado por as entidades competentes e seus respectivos desenhos. 1. Estrutura 1.1. A estrutura será em betão armado conforme

Leia mais

CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS MEMORIAL DESCRITIVO

CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS MEMORIAL DESCRITIVO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS MEMORIAL DESCRITIVO CONSTRUÇÃO DO PRÉDIO ADMINSTRATIVO, PRÉDIO DE SOCIABILIDADE, PRÉDIO DE LABORATÓRIOS E SALAS DE AULA E PRÉDIO DA PORTARIA DO CAMPUS

Leia mais

Universidade Estadual de Campinas Faculdade de Engenharia Civil Departamento de Estruturas. Elementos estruturais. Prof. MSc. Luiz Carlos de Almeida

Universidade Estadual de Campinas Faculdade de Engenharia Civil Departamento de Estruturas. Elementos estruturais. Prof. MSc. Luiz Carlos de Almeida Universidade Estadual de Campinas Faculdade de Engenharia Civil Departamento de Estruturas Elementos estruturais Notas de aula da disciplina AU405 Concreto Prof. MSc. Luiz Carlos de Almeida Agosto/2006

Leia mais

CONSTRUÇÃO MODULAR. Rev A 1-7-2011

CONSTRUÇÃO MODULAR. Rev A 1-7-2011 CONSTRUÇÃO MODULAR SM Rev A 1-7-2011 1 A U.E.M. Unidade de Estruturas Metálicas, SA com 15 anos de actividade, inicialmente direccionada para a fabricação e comercialização dos módulos pré-fabricados que,

Leia mais

Projetos na construção civil. Projetos na construção civil. Projeto Arquitetônico. Projeto Arquitetônico Planta Baixa. Projeto Arquitetônico

Projetos na construção civil. Projetos na construção civil. Projeto Arquitetônico. Projeto Arquitetônico Planta Baixa. Projeto Arquitetônico Universidade Federal do Espírito Santo Centro Tecnológico Departamento de Engenharia Civil Tecnologia da Construção Civil I Elementos constitutivos de um projeto interpretação, exame e análise Projeto

Leia mais

CADERNO DE ESPECIFICAÇÕES

CADERNO DE ESPECIFICAÇÕES ANEXO - I CADERNO DE ESPECIFICAÇÕES 1 - OBJETIVO: Tem este o objetivo de esclarecer e orientar os diversos serviços para a construção de um abrigo para o grupo gerador de 380/220 V, 55 KVA e interligações

Leia mais

ANEXO À ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 032/09 PROCESSO DE COMPRA Nº 107/09 Campinas SGVO Eng, Constr. e Empreend. Imob. Ltda

ANEXO À ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 032/09 PROCESSO DE COMPRA Nº 107/09 Campinas SGVO Eng, Constr. e Empreend. Imob. Ltda ANEXO À ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 032/09 PROCESSO DE COMPRA Nº 107/09 Campinas SGVO Eng, Constr. e Empreend. Imob. Ltda CÓDIGO DESCRIÇÃO UNIDADE QUANT. PREÇO(R$) PREÇO TOTAL (R$) 1 Requisitos gerais

Leia mais

Bairro das Olaias. Largo Roque Laia, Lotes 1 a 6. Setembro de 2014

Bairro das Olaias. Largo Roque Laia, Lotes 1 a 6. Setembro de 2014 Bairro das Olaias Largo Roque Laia, Lotes 1 a 6 Setembro de 2014 OBJETIVO Com o objetivo de dar continuidade às ações desenvolvidas no âmbito do PIPARU - Programa de Investimento Prioritário em Ações de

Leia mais

Reabilitação de Edifícios de Serviços ANEXOS

Reabilitação de Edifícios de Serviços ANEXOS Novembro de 2012 ANEXOS ANEXO I EDIFÍCIO SEDE DE ESCRITÓRIOS EM COIMBRA REGISTO FOTOGRÁFICO DO EDIFÍCIO I.1. Fachada Norte Figura I.1.1 Edifício Sede de Escritórios em Coimbra Fachada Norte Figura I.1.2

Leia mais

DEPARTAMENTO DE OBRAS E GESTÃO DE INFRA-ESTRUTURAS MUNICIPAIS FICHA TÉCNICA

DEPARTAMENTO DE OBRAS E GESTÃO DE INFRA-ESTRUTURAS MUNICIPAIS FICHA TÉCNICA PARTAMENTO OBRAS E GESTÃO FICHA TÉCNICA 1. INTIFICAÇÃO Casa Museu Miguel Torga 2. LOCALIZAÇÃO Praça Sá de Miranda. Freguesia de Santo António dos Olivais 3. SCRIÇÃO GERAL A Câmara Municipal deliberou em

Leia mais

PLANILHA CONTRATUAL VIGENTE - RECOPA

PLANILHA CONTRATUAL VIGENTE - RECOPA 1. MOBILIZAÇÃO E DESMOBILIZAÇÃO 8.550.312,46 1.1 MOBILIZAÇÃO E DESMOBILIZAÇÃO DE PESSOAL PESS 70,000 1.778,00 124.460,00 1.2 MOBILIZAÇÃO E DESMOBILIZAÇÃO DE EQUIPAMENTOS VG 40,000 22.225,00 889.000,00

Leia mais

PREFEITURA DE SÃO LUIS SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE - SEMUS COORDENAÇÃO DE ENGENHARIA E MANUTENÇÃO DE PRÉDIOS MEMÓRIA DE CALCULO

PREFEITURA DE SÃO LUIS SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE - SEMUS COORDENAÇÃO DE ENGENHARIA E MANUTENÇÃO DE PRÉDIOS MEMÓRIA DE CALCULO 1.00 SERVIÇOS PRELIMINARES 1.01 TAXA DA PREFEITURA 1.954,70 m² a) Área de Reforma e Ampliação = 1.954,70 m Área de Taxa de Prefeitura = a x b = 1.954,70 m² 1.02 TAXA DO CREA OBRAS ACIMA DE 700M2 1,00 und

Leia mais

Memorial Descritivo. Prédio Residencial: Villa Dei Fiori Rua Cândido Silveira 160

Memorial Descritivo. Prédio Residencial: Villa Dei Fiori Rua Cândido Silveira 160 Memorial Descritivo Prédio Residencial: Villa Dei Fiori Rua Cândido Silveira 160 1. Descrição do prédio O prédio a ser construído compõe-se de 16 pavimentos, incluindo um subsolo, constituído de 42 (quarenta

Leia mais

Prefeitura Muncipal de Porto Alegre Escola Municipal Nossa Senhora do Carmo ANEXO XII - MODELO DE ORÇAMENTO

Prefeitura Muncipal de Porto Alegre Escola Municipal Nossa Senhora do Carmo ANEXO XII - MODELO DE ORÇAMENTO BLOCO JARDIM 1. SERVIÇOS INICIAIS 1.1 LOCACAO DE OBRA POR m2 CONSTRUIDO M2 358,85 2,99 1.072,05 1.072,05 2. MOVIMENTOS DE TERRA 2.1 BALDRAME 2.1.1 ESCAVACAO MANUAL DE VALAS EM MAT.1a CAT.,ATE 2m M3 35,28

Leia mais

PROGRAMA HABITACIONAL DO ESTADO DE SÃO PAULO E SUSTENTABILIDADE

PROGRAMA HABITACIONAL DO ESTADO DE SÃO PAULO E SUSTENTABILIDADE PROGRAMA HABITACIONAL DO ESTADO DE SÃO PAULO E SUSTENTABILIDADE LAIR ALBERTO SOARES KRÄHENBÜHL Secretário de Estado da Habitação SEMINÁRIO HIS SUSTENTÁVEL PROJETO DA HABITAÇÃO DE INTERESSE SOCIAL SUSTENTÁVEL

Leia mais

SUMÁRIO. 2 Fundações 29. 1 Construindo Edifícios 3. 3 Madeira 85

SUMÁRIO. 2 Fundações 29. 1 Construindo Edifícios 3. 3 Madeira 85 SUMÁRIO 2 Fundações 29 1 Construindo Edifícios 3 Aprendendo a construir 4 Sustentabilidade 4 O trabalho do projetista: a escolha de sistemas construtivos 8 Normas para construção e fontes de informação

Leia mais

Prefeitura Municipal de Porto Alegre Escola Municipal Nossa Senhora do Carmo

Prefeitura Municipal de Porto Alegre Escola Municipal Nossa Senhora do Carmo BLOCO A 1. SERVIÇOS INICIAIS 1.1 LOCACAO DE OBRA POR m2 CONSTRUIDO M2 380,00 2,99 1135,25 1.135,25 2. MOVIMENTOS DE TERRA 2.1 BALDRAME 2.1.1 ESCAVACAO MANUAL DE VALAS EM MAT.1a CAT.,ATE 2m M3 56,00 22,49

Leia mais

LINHA BRICOLAGE BRICOLAGE LINHA

LINHA BRICOLAGE BRICOLAGE LINHA CONSTRUÇÃO Bricocem Cimento Rápido Bricocem Argamassa Cinza Bricocem Argamassa Rápida Bricocem Argamassa Refractária Bricocem Pasta Niveladora Bricocem Cimento Cola Flexível Bricocem Junta Impermeável

Leia mais

Coeficientes de transmissão térmica de elementos opacos da envolvente dos edifícios

Coeficientes de transmissão térmica de elementos opacos da envolvente dos edifícios Coeficientes de transmissão térmica de elementos opacos da envolvente dos edifícios Valores por defeito para aplicação do previsto no Despacho n.º 15793-E/2013 relativo às regras de simplificação a utilizar

Leia mais

Obra 409. Ponte sobre a Ribeira do Jamor ao Km 1+550

Obra 409. Ponte sobre a Ribeira do Jamor ao Km 1+550 Designação: Ponte sobre a Ribeira do Jamor ao Km 1+550, do Muro de Contenção da Plataforma Rodoviária da Zona da Gibalta, da PS ao CF ao Km 3+600, da PI ao Km 8+700, da PP ao Km 10+660 e da PI ao Km 11+280

Leia mais

Edificação de uma moradia unifamiliar de traça típica portuguesa num terreno em Sesimbra.

Edificação de uma moradia unifamiliar de traça típica portuguesa num terreno em Sesimbra. MEMÓRIA DESCRITIVA E JUSTIFICATIVA DO MODO DE EXECUÇÃO DA OBRA 1 Obra Edificação de uma moradia unifamiliar de traça típica portuguesa num terreno em Sesimbra. Esta moradia foi construída de raiz num terreno

Leia mais

AÇO PARA CONSTRUÇÃO CIVIL

AÇO PARA CONSTRUÇÃO CIVIL AÇO PARA CONSTRUÇÃO CIVIL GG 0 O vergalhão que está por dentro das melhores obras. VERGALHÃO GERDAU GG 0 Para o seu projeto sair do papel com segurança e qualidade, use o Vergalhão Gerdau GG 0. Produzido

Leia mais

PLANILHA DE FORMAÇÃO DE PREÇOS

PLANILHA DE FORMAÇÃO DE PREÇOS P.UNIT.S/ P.UNIT.C/ ITEM DISCRIMINAÇÃO UNID QUANT ITEM S/ BDI ITEM C/BDI BDI BDI 1 SERVIÇOS PRELIMINARES 1.1 Terreno 1.1.1 Limpeza do terreno m2 24,99 1.1.2 Locação da obra m2 24,99 1.2 Ligações provisórias

Leia mais

Profª. Angela A. de Souza DESENHO DE ESTRUTURAS

Profª. Angela A. de Souza DESENHO DE ESTRUTURAS DESENHO DE ESTRUTURAS INTRODUÇÃO A estrutura de concreto armado é resultado da combinação entre o concreto e o aço. Porém, para a sua execução, não é suficiente apenas a presença desses dois materiais;

Leia mais

São constituídas por fenómenos que afectam a função estrutural de elementos da. desempenharem ou não outras funções.

São constituídas por fenómenos que afectam a função estrutural de elementos da. desempenharem ou não outras funções. UNIVERSIDADE DO ALGARVE ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA CONSTRUÇÃO E PROCESSOS Tema 11 Patologias na Construção Patologias na Construção Tipos de Patologias: Estruturais; Não-Estruturais. Patologias Estruturais

Leia mais

envolvente Excepcional localização, a 500 mt do Largo do Chiado Dentro do Bairro Histórico de Santa Catarina, o mais emblemático de Lisboa

envolvente Excepcional localização, a 500 mt do Largo do Chiado Dentro do Bairro Histórico de Santa Catarina, o mais emblemático de Lisboa santa catarina, 3 Excepcional localização, a 500 mt do Largo do Chiado Dentro do Bairro Histórico de Santa Catarina, o mais emblemático de Lisboa Integrado no conjunto edificado do Pátio do Lencastre,

Leia mais

MINISTÉRIO DA ECONOMIA

MINISTÉRIO DA ECONOMIA 19646 Diário da República, 2.ª série N.º 146 31 de julho de 2014 2 A subdelegação de competências a que se refere este despacho entende -se sem prejuízo do poder de avocação e superintendência. 3 O presente

Leia mais

Técnicas de Demolições. Construções Antigas. Construções com Estrutura de Betão Armado

Técnicas de Demolições. Construções Antigas. Construções com Estrutura de Betão Armado UNIVERSIDADE DO ALGARVE INSTITUTO SUPERIOR DE ENGENHARIA CONSTRUÇÃO E PROCESSOS Tema 4 Demolições de Edifícios Técnicas de Demolições Construções Antigas Construções com Estrutura de Betão Armado 1 Construções

Leia mais

MATERIAIS e SOLUÇÕES de CONSTRUÇÃO. Catálogo de Produtos

MATERIAIS e SOLUÇÕES de CONSTRUÇÃO. Catálogo de Produtos MATERIAIS e SOLUÇÕES de CONSTRUÇÃO Catálogo de Produtos ÍNDICE 03 CASAS DE BANHO COZINHAS 09 JARDINS CANALIZAÇÃO TUBAGEM 05 TINTAS 11 MADEIRAS DE ACABAMENTO DROGARIA MADEIRAS TOSCAS 07 AQUECIMENTO 13 EQUIPAMENTOS

Leia mais

Caixilharias exteriores em alumínio cor cinza, com acabamento mate e com vidros duplos.

Caixilharias exteriores em alumínio cor cinza, com acabamento mate e com vidros duplos. MAPA DE ACABAMENTOS ACABAMENTOS GERAIS: Estrutura em betão armado anti-sísmica. Caixilharias exteriores em alumínio cor cinza, com acabamento mate e com vidros duplos. APARTAMENTOS HALL: Pintura sobre

Leia mais

ANEXO 02 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS OBRA: SUBST PISO RESIDEN 01 CONDOM SOBRAL LOCALIZAÇÃO: CONDOMINIO SOBRAL

ANEXO 02 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS OBRA: SUBST PISO RESIDEN 01 CONDOM SOBRAL LOCALIZAÇÃO: CONDOMINIO SOBRAL OBRA: SUBST PISO RESIDEN 01 CONDOM SOBRAL LOCALIZAÇÃO: CONDOMINIO SOBRAL ANEXO 02 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS O reboco será demolido com ferramentas adequadas, tendo todo o cuidado para não causar nenhum dano

Leia mais

PLANILHA ORÇAMENTÁRIA

PLANILHA ORÇAMENTÁRIA PLANILHA ORÇAMENTÁRIA 1.0 SERVIÇOS PRELIMINARES 7.992,27 1.1 74209/001 PLACA DE OBRA EM CHAPA DE ACO GALVANIZADO m2 3,91 289,92 1.133,59 1.2 73899/002 DEMOLICAO DE ALVENARIA DE TIJOLOS FURADOS S/REAPROVEITAMENTO

Leia mais

Fundações Diretas Rasas

Fundações Diretas Rasas Fundações Diretas Rasas Grupo: Anderson Martens Daniel Pereira Ricardo N. Lima Ronaldo Guedes Vitor A. Teruya Vivian R. Pestana Professor Manoel Vitor O que são fundações? Elementos estruturais cuja função

Leia mais

Distribuição de Cargas Verticais

Distribuição de Cargas Verticais Distribuição de Cargas Verticais Disponível em http://www.chasqueweb.ufrgs.br/~jeanmarie/eng01208/eng01208.html jean.marie@ufrgs.br Funções das paredes de alvenaria Compressão axial Transmite as cargas

Leia mais

Seminário Integrado sobre Direito do Urbanismo Centro de Estudos Judiciários 26-01-2012

Seminário Integrado sobre Direito do Urbanismo Centro de Estudos Judiciários 26-01-2012 Seminário Integrado sobre Direito do Urbanismo Centro de Estudos Judiciários 26-01-2012 Construção civil Execução de obras, tais como moradias, edifícios, pontes, barragens, estradas, aeroportos e outras

Leia mais

RELATÓRIO FOTOGRÁFICO 8ª MEDIÇÃO

RELATÓRIO FOTOGRÁFICO 8ª MEDIÇÃO RELATÓRIO FOTOGRÁFICO 8ª MEDIÇÃO OBRA: Execução de obras complementares à construção do Fórum Trabalhista de Londrina CONTRATADA: RAC ENGENHARIA E COMERCIO LTDA Vistorias realizadas entre os dias 10 de

Leia mais

Residência Austregésilo Freitas Alanna Maria Ribeiro Eduardo Pinto Nathalia Nishida

Residência Austregésilo Freitas Alanna Maria Ribeiro Eduardo Pinto Nathalia Nishida Um registro da arquitetura moderna Residência Austregésilo Freitas Alanna Maria Ribeiro Eduardo Pinto Nathalia Nishida Residência Austregésilo Freitas, 1958. Av. Cabo Branco 2332, Tambaú, João Pessoa-PB.

Leia mais

ITEM DISCRIMINAÇÃO DOS SERVIÇOS UNID. 1.00 SERVIÇOS PRELIMINARES 1.01 PLACA DE OBRA EM CHAPA DE ACO GALVANIZADO M2 6,00

ITEM DISCRIMINAÇÃO DOS SERVIÇOS UNID. 1.00 SERVIÇOS PRELIMINARES 1.01 PLACA DE OBRA EM CHAPA DE ACO GALVANIZADO M2 6,00 MEMORIAL DE CÁLCULO OBRA: AMPLIAÇÃO DA UNIDADE DE ATENDIMENTO NO DISTRITO DE RIO BRANCO LOCAL: ZONA RURAL, DISTRITO DE RIO BRANCO ÁREA: 77,05M² ITEM DISCRIMINAÇÃO DOS SERVIÇOS UNID. QUANT. 1.00 SERVIÇOS

Leia mais

TABELA DE PREÇOS DE SERVIÇOS DATA BASE: JANEIRO / 2015

TABELA DE PREÇOS DE SERVIÇOS DATA BASE: JANEIRO / 2015 GRUPO - 201.010 - CANTEIRO DE OBRAS 2010100010 2010100020 2010100040 2010100041 2010100042 FORNECIMENTO, MONTAGEM E ASSENTAMENTO DE BARRACAO DE MADEIRA PARA ESCRITORIO, COBERTO COM TELHAS DE FIBRO-CIMENTO

Leia mais

MATERIAIS E PROCESSOS DE CONSTRUÇÃO

MATERIAIS E PROCESSOS DE CONSTRUÇÃO Instituto Superior Técnico Departamento de Engenharia Civil e Arquitectura MATERIAIS E PROCESSOS DE CONSTRUÇÃO - GUIÃO 2008/2009 - Prof. José M.Gaspar Nero Eng.ª Inês Flores-Colen Nota Introdutória Este

Leia mais

Município de Leiria Câmara Municipal

Município de Leiria Câmara Municipal Município de Leiria Câmara Municipal Divisão Jurídica e Administrativa (DIJA) DELIBERAÇÃO DA REUNIÃO DA CÂMARA MUNICIPAL DE 6 DE FEVEREIRO DE 206 Serviço responsável pela execução da deliberação Gabinete

Leia mais

MEMÓRIA DESCRITIVA E JUSTIFICATIVA

MEMÓRIA DESCRITIVA E JUSTIFICATIVA MEMÓRIA DESCRITIVA E JUSTIFICATIVA Refere-se a presente Memória Descritiva e Justificativa ao Projecto de Arquitectura relativo á obra de Construção do Quartel/Sede da Associação Humanitária dos Bombeiros

Leia mais

PRIDE IPIRANGA RELATÓRIO DE ANDAMENTO DAS OBRAS CIVIS PERÍODO OUTUBRO DE 2015

PRIDE IPIRANGA RELATÓRIO DE ANDAMENTO DAS OBRAS CIVIS PERÍODO OUTUBRO DE 2015 PERÍODO OUTUBRO DE 2015 Andamento das Obras Execução dos barracões e Mobilização de canteiro de obras quantidade a executar 70% - quantidade acumulada ao final do período 70%; Durante o período executaremos

Leia mais

PLANILHA ORÇAMENTÁRIA

PLANILHA ORÇAMENTÁRIA 1 PROJETOS 1.1 As Built de todos os projetos 0,23% m2 2,00 1.694,10 3.388,20 MERCADO Subtotal 0,23% 3.388,20 do item 0,23% 3.388,20 2 SERVIÇOS PRELIMINARES/TÉCNICOS 2.1 SERVIÇOS TÉCNICOS - PROFISSIONAIS

Leia mais

Índice Geral. 1. Índice Geral. 2. Manual do Utilizador. 2.1. Quem Somos? 2.2. Vantagens do CD-ROM 2.3. Requisitos do Sistema 2.4.

Índice Geral. 1. Índice Geral. 2. Manual do Utilizador. 2.1. Quem Somos? 2.2. Vantagens do CD-ROM 2.3. Requisitos do Sistema 2.4. Índice Geral 1. Índice Geral 2. Manual do Utilizador 2.1. Quem Somos? 2.2. Vantagens do CD-ROM 2.3. Requisitos do Sistema 2.4. Instalação 2.5. Trabalhar com o Programa 2.5.1. Capítulos 2.5.2. Símbolos

Leia mais

SITUAÇÃO FÍSICA PARA CONCESSÃO DE ESPAÇOS COMERCIAIS

SITUAÇÃO FÍSICA PARA CONCESSÃO DE ESPAÇOS COMERCIAIS 1 ANEXO I ITUAÇÃO FÍICA PARA CONCEÃO DE EPAÇO COMERCIAI Instruções de preenchimento: Para preenchimento desta ficha sugere-se a participação das equipes Comercial, Manutenção, TI, Meio ambiente, Operações

Leia mais

Avaliação dos equipamentos a serem utilizados; Análise de riscos para execução das atividades; Análise da qualificação dos líderes operacionais;

Avaliação dos equipamentos a serem utilizados; Análise de riscos para execução das atividades; Análise da qualificação dos líderes operacionais; 2014 Avaliação dos equipamentos a serem utilizados; Análise de riscos para execução das atividades; Análise da qualificação dos líderes operacionais; Relatório diário das atividades executadas; Caracterização

Leia mais

CAPÍTULO 4 4. ELEMENTOS ESTRUTURAIS. 4.1 Classificação Geométrica dos Elementos Estruturais

CAPÍTULO 4 4. ELEMENTOS ESTRUTURAIS. 4.1 Classificação Geométrica dos Elementos Estruturais Elementos Estruturais 64 CAPÍTULO 4 4. ELEMENTOS ESTRUTURAIS 4.1 Classificação Geométrica dos Elementos Estruturais Neste item apresenta-se uma classificação dos elementos estruturais com base na geometria

Leia mais

EDIFICAÇÕES. Técnicas construtivas Memória de aula 04 FUNDAÇÕES

EDIFICAÇÕES. Técnicas construtivas Memória de aula 04 FUNDAÇÕES Professora Carolina Barros EDIFICAÇÕES Técnicas construtivas Memória de aula 04 FUNDAÇÕES 1. INTRODUÇÃO Fundações são elementos estruturais destinados a transmitir ao terreno as cargas da estrutura. Devem

Leia mais

Decoração de Interiores

Decoração de Interiores Novas moradias com 3 e 4 quartos, com excelentes acabamentos, inseridas num condomínio privado com apenas 23 fracções. Condomínio fechado com área de jardim comum, que permite uma relação saudável entre

Leia mais

Disciplina: Engenharia Civil Integrada

Disciplina: Engenharia Civil Integrada Disciplina: Engenharia Civil Integrada Aula 01 Indústria da Construção Civil Professora: Engª Civil Moema Castro, MSc. Notas de aula (bibliografia consultada) do Prof. Dr. Marcelo Medeiros UFPR 2016. É

Leia mais

MEMORIA DESCRITIVA E JUSTIFICATIVA!

MEMORIA DESCRITIVA E JUSTIFICATIVA! MEMORIA DESCRITIVA E JUSTIFICATIVA A presente memória descritiva e justificativa refere-se, ao Projecto de um Complexo Habitacional denominado Condomínio Kutolola que contem mais de 210 Residências e áreas

Leia mais

CONTACTOS. > Sítio: www.estig.ipbeja.pt/~pdnl > E-mail: pedro.lanca@estig.ipbeja.pt. Pré-dimensionamento. Processos de Construção Docente: Pedro Lança

CONTACTOS. > Sítio: www.estig.ipbeja.pt/~pdnl > E-mail: pedro.lanca@estig.ipbeja.pt. Pré-dimensionamento. Processos de Construção Docente: Pedro Lança PROCESSOS DE CONSTRUÇÃO PRÉ-DIMENSIONAMENTO DE ELEMENTOS ESTRUTURAIS EM BETÃO ARMADO E l S i d T l i Tecnologia e Gestão de Beja CONTACTOS > Sítio: www.estig.ipbeja.pt/~pdnl > E-mail: pedro.lanca@estig.ipbeja.pt

Leia mais

built build to ANDAIMES MP

built build to ANDAIMES MP uilt build to ANDAIMES ANDAIMES MP Andaime_Multidirecional MP 150 Empresa Projetos Produtos Andaimes e coberturas ANDAIME Multidirecional MP O sistema multidirecional MP é a solução moderna que reflete

Leia mais

Ficha de identificação da entidade participante

Ficha de identificação da entidade participante Ficha de identificação da entidade participante Designação ECT-UTAD Escola de Ciências e Tecnologia da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro Professor responsável José Boaventura Ribeiro da Cunha

Leia mais

Resistência mecânica Isolamento térmico e acústico Resistência ao fogo Estanqueidade Durabilidade

Resistência mecânica Isolamento térmico e acústico Resistência ao fogo Estanqueidade Durabilidade APÓS ESTUDAR ESTE CAPÍTULO; VOCÊ DEVERÁ SER CAPAZ DE: Escolher a alvenaria adequada; Orientar a elevação das paredes (primeira fiada, cantos, prumo, nível); Especificar o tipo de argamassa de assentamento;

Leia mais

MEMÓRIA DESCRITIVA E JUSTIFICATIVA DO MODO DE EXECUÇÃO DA OBRA

MEMÓRIA DESCRITIVA E JUSTIFICATIVA DO MODO DE EXECUÇÃO DA OBRA MEMÓRIA DESCRITIVA E JUSTIFICATIVA DO MODO DE EXECUÇÃO DA OBRA 1 Obra O presente trabalho refere-se à reabilitação de um aglomerado de habitações em adiantado estado de degradação numa herdade do Alentejo

Leia mais

POSTO TERRITORIAL DA G.N.R. RESENDE

POSTO TERRITORIAL DA G.N.R. RESENDE D.G.I.E.- DIRECÇÃO GERAL DE INFRA-ESTRUTURAS E EQUIPAMENTOS POSTO TERRITORIAL DA G.N.R. RESENDE VOLUME 1 - ARQUITECTURA MEMÓRIA DESCRITIVA E JUSTIFICATIVA PROJECTO DE EXECUÇÃO DOCUMENTO Nº : 30165 PE AR

Leia mais

2013 2014 2015 2016 2017 J J A S O N D J F M A M J J A S O N D J F M A M J J A S O N D J F M A M J J A S O N D J F M A M J J 01/07

2013 2014 2015 2016 2017 J J A S O N D J F M A M J J A S O N D J F M A M J J A S O N D J F M A M J J A S O N D J F M A M J J 01/07 ESTALEIRO EISA ALAGOAS S.A. - CRONOGRMA DE CONSTRUÇÃO 45,96 meses 1 LICENÇA AMBIENTAL 29,51 meses 1.1 LICENÇA PRÉVIA 0 meses 1.2 LICENÇA DE INSTALAÇÃO 5,33 meses 1.2.1 PROJETOS EXECUTIVOS 4 meses 1.2.2

Leia mais

RESIDENCIAL MIRANTE DO PARQUE

RESIDENCIAL MIRANTE DO PARQUE RESIDENCIAL MIRANTE DO PARQUE 1 Estrutura Acabamento externo SUMÁRIO DO PROJETO TORRE 5: 100% executado 95% executado - Revestimento fachada; - 100% concluído - Aplicação de textura; - 95% concluído -

Leia mais

Isolamento Térmico Protecção Solar Ventilação Natural QUALIDADE TÉRMICA DOS EDIFÍCIOS...E QUALIDADE DE VIDA

Isolamento Térmico Protecção Solar Ventilação Natural QUALIDADE TÉRMICA DOS EDIFÍCIOS...E QUALIDADE DE VIDA Isolamento Térmico Protecção Solar Ventilação Natural QUALIDADE TÉRMICA DOS EDIFÍCIOS...E QUALIDADE DE VIDA Qualidade térmica dos edifícios... e qualidade de vida O quadro legislativo sobre o comportamento

Leia mais

Prof. Wendell Diniz Varela, D.Sc.

Prof. Wendell Diniz Varela, D.Sc. Universidade Federal do Rio de Janeiro Curso: Arquitetura e Urbanismo Disciplina: Estruturas de Concreto Armado II Prof. Wendell Diniz Varela, D.Sc. Contatos Prof. Wendell Diniz Varela Departamento de

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO. 2.0 - Calçadas Externas/rampa/escada:

MEMORIAL DESCRITIVO. 2.0 - Calçadas Externas/rampa/escada: PROJETO Nº 051/2013 Solicitação: Memorial Descritivo Tipo da Obra: Reforma, ampliação e adequação acesso Posto de Saúde Santa Rita Área existente: 146,95 m² Área ampliar: 7,00 m² Área calçadas e passeio:

Leia mais

Tecnologia da Construção Civil - I Fundações. Roberto dos Santos Monteiro

Tecnologia da Construção Civil - I Fundações. Roberto dos Santos Monteiro Tecnologia da Construção Civil - I Fundações Após a execução da sondagem, iremos definir qual o tipo de fundação mais adequada a ser utilizado no nosso empreendimento. As Fundações são elementos estruturais

Leia mais

AULA INTRODUTÓRIA Gerson Moacyr Sisniegas Alva

AULA INTRODUTÓRIA Gerson Moacyr Sisniegas Alva UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA Departamento de Estruturas e Construção Civil ECC 1008 Estruturas de Concreto AULA INTRODUTÓRIA Gerson Moacyr Sisniegas Alva Elementos estruturais em edifícios de concreto

Leia mais

COMPOSIÇÃO DE CUSTO UNITÁRIO UNID. QUANTIDADE SUBTOTAL 11139 MAO-DE-OBRA M 20065 UNID. SUBTOTAL 11139 MAO-DE-OBRA M20065

COMPOSIÇÃO DE CUSTO UNITÁRIO UNID. QUANTIDADE SUBTOTAL 11139 MAO-DE-OBRA M 20065 UNID. SUBTOTAL 11139 MAO-DE-OBRA M20065 420 sba COMPOSIÇÃO DE CUSTO PÁGINA: 138 OBRA: CONSTRUÇÃO DO FÓRUM DO MUNICÍPIO DE AUTAZES/AM Portão de Ferro Tipo Grade de Correr ou Abrir 1 Folha ITEM: 30.10.. COMPOSIÇÃO: 40667 8000 0,30 A10230 Cimento

Leia mais

Especificação de materiais de construção no âmbito do ProNIC. 23 de Outubro 2009

Especificação de materiais de construção no âmbito do ProNIC. 23 de Outubro 2009 Especificação de materiais de construção no âmbito do ProNIC 23 de Outubro 2009 INDÍCE Apresentação geral do projecto ProNIC Objectivos, conteúdos, funcionalidades Contributos do ProNIC para a correcta

Leia mais

LEITURA E INTERPRETAÇÃO DE ELEMENTOS ESTRUTURAIS. Prof. Janine Gomes da Silva

LEITURA E INTERPRETAÇÃO DE ELEMENTOS ESTRUTURAIS. Prof. Janine Gomes da Silva LEITURA E INTERPRETAÇÃO DE PROJETOS ELEMENTOS ESTRUTURAIS ELEMENTOS ESTRUTURAIS - LAJES Elementos estruturais Elementos Lajes Elemento plano bidimensional Duas dimensões são da mesma ordem de grandeza

Leia mais

Casa Santista. Memorial Descritivo

Casa Santista. Memorial Descritivo Casa Santista Memorial Descritivo 1-FUNDAÇÕES: Serão executadas brocas com até 1,50 metros de profundidade, e vigas baldrame de concreto armado sob alvenaria de nivelamento chapiscada, contra piso em concreto,

Leia mais

Sublime max condominium

Sublime max condominium Incorporação e construção: Vendas: Sublime max condominium Estrada Benvindo de Novais, 2.205 Próximo à Recreio Veículos, Recreio dos Bandeirantes Ligue: 3539-5011 3387-9700 pdg.com.br/sublime Todas as

Leia mais

EDIFÍCIO LUBANGO CENTER

EDIFÍCIO LUBANGO CENTER : 1 piso : 4 pisos : 5 pisos Descrição do Projeto O Edifício Lubango Center está localizado no centro da cidade do Lubango, perto da Sé, na esquina da Avenida 14 de Agosto com a Rua Patrice Lumunba. Projetado

Leia mais

ALVENARIA ESTRUTURAL. - projeto - LUIS ALBERTO CARVALHO 85-3244-3939 9982-4969. la99824969@yahoo.com.br

ALVENARIA ESTRUTURAL. - projeto - LUIS ALBERTO CARVALHO 85-3244-3939 9982-4969. la99824969@yahoo.com.br ALVENARIA ESTRUTURAL - projeto - Engenheiro Civil - Ph.D. 85-3244-3939 9982-4969 la99824969@yahoo.com.br aspectos estruturais do PROJETO DE ARQUITETURA evitar-se, a todo custo, a arquitetura tipo caixão,

Leia mais

AVISO DE PREÇOS UNITÁRIOS REGISTRADOS

AVISO DE PREÇOS UNITÁRIOS REGISTRADOS AVISO DE PREÇOS UNITÁRIOS REGISTRADOS Divulgamos os preços registrados pelo Banco do Brasil, em conformidade com o art. 15 da Lei nº 8.666/93 CONCORRÊNCIA n.º 2013/07343 (7421); OBJETO: Registro de Preços

Leia mais

RELATÓRIO FOTOGRÁFICO 2ª MEDIÇÃO

RELATÓRIO FOTOGRÁFICO 2ª MEDIÇÃO RELATÓRIO FOTOGRÁFICO 2ª MEDIÇÃO OBRA: INTERVENÇÕES CORRETIVAS NO EDIFÍCIO RIO BRANCO (anexo casarão) CONTRATADA: N.S. SANTA RITA CONSTRUTORA DE OBRAS EIRELI Considerando a instituição da Comissão de Recebimento

Leia mais

soluções +eficientes de reabilitação de edifícios sistemas de renovação +sustentáveis sistemas energéticos +verdes Um edifício +sustentável.

soluções +eficientes de reabilitação de edifícios sistemas de renovação +sustentáveis sistemas energéticos +verdes Um edifício +sustentável. APRESENTAÇÃO A Reabilitação Sustentável é um serviço que agrega o know-how, os recursos, e a experiência das diversas áreas de atividade da Sotecnisol. A Sotecisol apresenta ao mercado uma oferta inovadora

Leia mais

PLANILHA ORÇAMENTÁRIA

PLANILHA ORÇAMENTÁRIA 1 1.1 IIO-PLA-005 FORNECIMENTO E COLOCAÇÃO DE PLACA DE OBRA EM CHAPA GALVANIZADA (3,00 X 1,50 M) - EM CHAPA GALVANIZADA 0,26 AFIXADAS COM REBITES 540 E PARAFUSOS 3/8, EM ESTRUTURA METÁLICA VIGA U 2" ENRIJECIDA

Leia mais

ANEXO VI-OBJETO. Quant Unid Material Serviços Valor Global. Item

ANEXO VI-OBJETO. Quant Unid Material Serviços Valor Global. Item ANEXO VI-OBJETO Item Quant Unid Material Serviços Valor Global 1 RETROESCAVADEIRA 5000 H 2 ESCAVADEIRA HIDRAÚLICA 3000 H 3 CAMINHÃO CAÇAMBA BASCULANTE -EQUIPAMENTO OPERANTE 5000 H 4 ALVENARIA DE PEDRA

Leia mais

Lista de Exercícios Aula 04 Propagação do Calor

Lista de Exercícios Aula 04 Propagação do Calor Lista de Exercícios Aula 04 Propagação do Calor 1. (Halliday) Suponha que a barra da figura seja de cobre e que L = 25 cm e A = 1,0 cm 2. Após ter sido alcançado o regime estacionário, T2 = 125 0 C e T1

Leia mais

Picagem de parede para remoção de azulejo 6 /m2. Picagem de pavimento para remoção de mosaico e betonilha 6 /m2. Abertura e tapamento de roços 7 /m2

Picagem de parede para remoção de azulejo 6 /m2. Picagem de pavimento para remoção de mosaico e betonilha 6 /m2. Abertura e tapamento de roços 7 /m2 Demolições Picagem de parede para remoção de azulejo 6 /m2 Picagem de pavimento para remoção de mosaico e betonilha 6 /m2 Abertura e tapamento de roços 7 /m2 Forneçimento de contentor de lixo 150 /un 1

Leia mais

Silicones, Adesivos, Selantes Vedantes, Selantes MS, Estrutural, Altas Cargas e Temperatura, Junta de Dilatação.

Silicones, Adesivos, Selantes Vedantes, Selantes MS, Estrutural, Altas Cargas e Temperatura, Junta de Dilatação. Silicones, Adesivos, Selantes Vedantes, Selantes MS, Estrutural, Altas Cargas e Temperatura, Junta de Dilatação. REPRESENTANTE AUTORIZADO - CONSTRUTORAS, INSTALADORAS, INDÚSTRIAS, REVENDAS E DISTRIBUIDORES.

Leia mais

M/100 PRODUTOS PREFABRICADOS DE BETÃO NÃO DEIXE DE LER

M/100 PRODUTOS PREFABRICADOS DE BETÃO NÃO DEIXE DE LER NÃO DEIXE DE LER Não obstante o cuidado posto na recolha de informação, o LNEC declina qualquer responsabilidade por erros e omissões que possam ocorrer na lista de normas que se apresenta seguidamente.

Leia mais

MEMORIAL DE CÁLCULO. 10201 Demolição de piso cimentado inclusive lastro de concreto 5,58X2,98=16,62 10,73+10,70+19,98=41,41 m² TOTAL=58,03m²

MEMORIAL DE CÁLCULO. 10201 Demolição de piso cimentado inclusive lastro de concreto 5,58X2,98=16,62 10,73+10,70+19,98=41,41 m² TOTAL=58,03m² MEMORIAL DE CÁLCULO 10201 Demolição de piso cimentado inclusive lastro de concreto 5,58X2,98=16,62 10,73+10,70+19,98=41,41 m² TOTAL=58,03m² 10214 Retirada de portas e janelas de madeira, inclusive batentes

Leia mais