Raciocínio Lógico (Professor Uendel)

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Raciocínio Lógico (Professor Uendel)"

Transcrição

1 Raciocínio Lógico (Professor Uendel) Material (02); SEFAZ; JULHO DE 2017 (Álgebra das Proposições) PROPOSIÇÕES EQUIVALENTES P Q Lê se: P é LOGICAMENTE equivalent e a Q São proposições cujas tabelas-verdade são idênticas. Uma conseqüência prática da equivalência lógica é que, ao trocar uma dada proposição por qualquer outra que lhe seja equivalente, estamos apenas mudando a maneira de dizê-la. Observação: Não devemos confundir o símbolo da equivalência de proposições com o símbolo da bicondicional. Regras de equivalência Da definição de equivalência lógica podemos demonstrar as seguintes equivalências: a) Leis associativas: 1º- P Q R P Q R 2º- P Q R P Q R b) Leis distributivas: 1º- P Q R P Q P R 2º- P Q R P Q P R c) Leis comutativas 1º- P Q Q P 2º- P Q Q P 3º- P Q Q P 4º- P Q Q P d) Lei da dupla negação: 1º- P P e) Lei da absorção 1º- P Q P P 2º- P Q P P f) Equivalências da Condicional: 1º- P Q P Q 2º- P Q Q P Contra positiva EXERCÍCIOS 01- (FCC) Uma afirmação equivalente à afirmação Se bebo, então não dirijo é (A) Se não bebo, então não dirijo. (B) Se não dirijo, então não bebo. (C) Se não dirijo, então bebo. (D) Se não bebo, então dirijo. (E) Se dirijo, então não bebo. 02- (FCC) Durante uma sessão no plenário da Assembléia Legislativa, o presidente da mesa fez a seguinte declaração, dirigindo-se às galerias da casa: Se as manifestações desrespeitosas não forem interrompidas, então eu não darei início à votação. Esta declaração é logicamente equivalente à afirmação, (A) se o presidente da mesa deu início à votação, então as manifestações desrespeitosas foram interrompidas. (B) se o presidente da mesa não deu início à votação, então as manifestações desrespeitosas não foram interrompidas. 1

2 (C) se as manifestações desrespeitosas forem interrompidas, então o presidente da mesa dará início à votação. (D) se as manifestações desrespeitosas continuarem, então o presidente da mesa começará a votação. (E) se as manifestações desrespeitosas não continuarem, então o presidente da mesa não começará a votação. 03- (FUNDAÇÃO UNIVERSA) Em relação à proposição Se 2 é ímpar, então gatos voam., é correto afirmar que a) a proposição é falsa ou é equivalente a Se 2 não é ímpar, então gatos não voam. b) a proposição é falsa ou é equivalente a 2 é par e gatos não voam. c) a proposição é verdadeira e é equivalente a Se 2 é par, então gatos voam. d) a proposição é verdadeira e equivalente a 2 é par ou gatos voam. e) a proposição é verdadeira e é equivalente a 2 é par e gatos voam. 04- (CESGRANRIO) Em Belém do Pará, durante o período chamado Verão Amazônico, é comum ouvirmos falar da hora da chuva, em torno das 16 horas, por meio da seguinte proposição: Se são 16 horas, então está chovendo. A contrapositiva da proposição acima é a) Se não são 16 horas, então pode chover. b) Se ainda não são 16 horas, então não pode chover. c) Se não está chovendo, então não são 16 horas. d) Para ser 16 horas, é suficiente estar chovendo. e) Para chover, é necessário ser 16 horas. 05- (FCC) Do ponto de vista lógico, se for verdadeira a proposição condicional se eu ganhar na loteria, então comprarei uma casa, necessariamente será verdadeira a proposição: a) se eu não ganhar na loteria, então não comprarei uma casa. b) se eu não comprar uma casa, então não ganhei na loteria. c) se eu comprar uma casa, então terei ganho na loteria. d) só comprarei uma casa se ganhar na loteria. e) só ganharei na loteria quando decidir comprar uma casa. Utilize as informações abaixo para resolver as duas próximas questões Proposição é uma sentença declarativa que pode ser classificada, unicamente, como VERDADEIRA ou FALSA. Proposições compostas são sentenças formadas por proposições simples relacionadas por conectivos. Se p e q são proposições simples, então e são, respectivamente, as suas negações. Os conectivos e e ou são ~ p ~ q representados, respectivamente, por e A condicional (implicação) também é um conectivo e é representada por. 06- (CESGRANRIO) Qual, dentre as proposições abaixo, é uma proposição logicamente equivalente a ~ p ~ q? a) p q b) p ~ q c) q ~ p d) q p e) q ~ p ~ ~q ~p 07- (CESGRANRIO) Abaixo são apresentadas 3 proposições compostas. I. p ~ p II. p ~ p III. p p É(São) tautologia(s) APENAS a) I b) II. c) I e II d) I e III 2

3 e) II e III 08- Dizer que Beto é paulista ou Paulo não é é do ponto de vista lógico, o mesmo que dizer que: a) Se Beto é paulista, então Paulo não é b) Se Beto não é paulista, então Paulo é c) Se Paulo não é, então Beto é paulista d) Se Paulo é, então Beto é paulista e) Se Beto é paulista, então Paulo não é 09- Dizer que Antônio é ou José não é baiano é do ponto vista lógico, o mesmo que dizer que: a) Se Antônio é, então José não é baiano b) Se Antônio não é, então José é baiano c) Se José não é baiano, então Antônio é d) Se José é baiano, então Antônio é e) Antônio é e José não é baiano 10- (ESAF) Dizer que Andre é artista ou Bernardo não é engenheiro é logicamente equivalente a dizer que: a) André é artista se e somente se Bernardo não é engenheiro; b) Se André é artista, então Bernardo não é engenheiro; c) Se André não é pedreiro, então Paulo é pedreiro; d) Se Bernardo é engenheiro, então André é artista; e) André não é artista e Bernardo é engenheiro. 11- (CESPE) Com relação à lógica sentencial e de primeira ordem, julgue os itens que se seguem. 1º- ( ) As proposições Se Mário é assessor de Pedro, então Carlos é cunhado de Mário e Se Carlos não é cunhado de Mário, então Mário não é assessor de Pedro são equivalentes. 2º- ( ) Se A, B, C e D são proposições, em que B é falsa e D é verdadeira, então, independentemente das valorações falsa ou verdadeira de A e C, a proposição A B C D será sempre verdadeira. GABARITO 01- E 02- A 03- D 04- C 05- B 06- D 07- E 08- D 09- D 10- D 11- Certo, Errado NEGAÇÃO DE PROPOSIÇÕES COMPOSTAS Como vimos anteriormente, a negação de uma proposição deve ter sempre valor lógico oposto ao da proposição dada. A tabela a seguir mostra as equivalências mais comuns para as negações de algumas proposições compostas: Observação: ~ p q ~ p ~ q As equivalências ~ p q ~ p ~ q são chamadas de Lei de Augustus De Morgan. 3

4 Justificando que a negação de A B. é NEGAÇÃO DE UMA SENTENÇA EXERCÍCIOS A B 01- De a negação das seguintes proposições: a) O flamengo não é um bom time. b) Os s são chatos e os baianos são preguiçosos. c) As morenas não são convencidas ou os brancos são almofadinhas. d) Se for flamenguista, então é cardíaco. e) Eu estudo e aprendo f) O Brasil é um país ou a Bahia é um estado. g) Se eu estudo, então eu aprendo. 02- (FCC) Considere as proposições simples: p: Maly é usuária do Metrô q: Maly gosta de dirigir automóvel A negação da proposição composta p ~ q é: (A) Maly não é usuária do Metrô ou gosta de dirigir automóvel. (B) Maly não é usuária do Metrô e não gosta de dirigir automóvel. (C) Não é verdade que Maly não é usuária do Metrô e não gosta de dirigir automóvel. (D) Não é verdade que, se Maly não é usuária do Metrô, então ela gosta de dirigir automóvel. (E) Se Maly não é usuária do Metrô, então ela não gosta de dirigir automóvel. 03- (FUNRIO) A negação da afirmação a onça é pintada ou a zebra não é listrada é: a) a onça não é pintada ou a zebra é listrada. b) a onça não é pintada ou a zebra não é listrada. c) a onça não é pintada e a zebra é listrada. d) a onça não é pintada e a zebra não é listrada. e) a onça não é pintada ou a zebra pode ser listrada. 04- (Instituto Cidades) A negação da proposição: É inteligente e estuda, é equivalente a: a) É inteligente e não estuda. b) É inteligente ou não estuda. c) Não é inteligente e não estuda. d) Não é inteligente ou não estuda. 05- (Cesgranrio) A negação da proposição x é positivo e y é ímpar é a) x é negativo e y é par. b) x é negativo ou y é par. c) x é negativo ou y não é ímpar. d) x não é positivo e y é par. e) x não é positivo ou y é par. 06- A negação da afirmação condicional se estiver chovendo, eu levo o guarda-chuva é: a) Se não estiver chovendo, eu levo o guardachuva b) Não está chovendo e eu levo o guardachuva c) Não está chovendo e eu não levo o guardachuva d) Se estiver chovendo, eu não levo o guardachuva e) Está chovendo e eu não levo o guardachuva 07- (Cesgranrio) A negação de p ~ q a) p q b) ~ p q c) p q d) p ~ q e) p q é 4

5 08- Assinale a opção que corresponde logicamente a. a) b) c) d) e) ~p ~q ~p ~q ~p q ~p q p q ~ p q 09- (FUNRIO) A negação da afirmação se o cachorro late então o gato mia é: a) se o gato não mia então o cachorro não late. b) o cachorro não late e o gato não mia. c) o cachorro late e o gato não mia. d) se o cachorro não late então o gato não mia. e) o cachorro não late ou gato não mia. 10- A negação de se hoje chove então fico em casa é: a) Hoje não chove e fico em casa. b) Hoje chove e não fico em casa. c) Hoje chove ou não fico em casa. d) Hoje não chove ou fico em casa. e) Se hoje chove então não fico em casa. 11- Sejam p e q proposições simples e ~p e, respectivamente, as suas negações. Os conectivos e são representados, respectivamente, por. A negação da proposição composta p ~q é a) ~p q b) ~p ~q c) p ~q d) ~p q e) ~p ~q ~q e ou e 12- (Instituto Cidades) Sendo A e B proposições simples, são dadas as seguintes proposições compostas: I. A B II. ~ A B III. ~ A ~ B IV. ~ A B Podemos afirmar que as proposições equivalentes a negação de A B, são: a) Somente I e II b) Somente II e III c) Somente III e IV d) Somente I e IV 13- Sejam as proposições: p : Bruna foi ao cinema q : Caio foi jogar tênis A proposição composta Caio foi jogar tênis ou Bruna não foi ao cinema pode ser escrita na linguagem simbólica como a) p q b) c) p q p q d) p q p q e) 14- A afirmação Não é verdade que, se Pedro está em Roma, então Paulo está em Paris é logicamente equivalente à afirmação: a) É verdade que Pedro está em Roma e Paulo está em Paris. b) Não é verdade que Pedro está em Roma ou Paulo não está em Paris. c) Não e verdade que Pedro não está em Roma ou Paulo não está em Paris. d) Não é verdade que Pedro não está em Roma ou Paulo está em Paris. e) É verdade que Pedro está em Roma ou Paulo está em Paris. 15- (CESPE) Considere que a proposição O Ministério da Saúde cuida das políticas públicas de saúde do Brasil e a educação fica a cargo do Ministério da Educação seja escrita simbolicamente na forma P Q. Nesse caso, a negação da referida proposição é simbolizada corretamente na forma P Q, ou seja: O Ministério da Saúde não cuida das políticas públicas de saúde do Brasil nem a educação fica a cargo do Ministério da Educação. 16- (CESPE) Os conectivos e, ou, não e o condicional se,... então são, simbolicamente, representados por,, e, respectivamente. As letras maiúsculas do alfabeto, como P, Q e R, representam proposições. As indicações V e F são usadas para valores lógicos verdadeiro e falso, respectivamente, das proposições. Com base nessas informações, julgue os itens seguintes. 5

6 1º- ( ) a proposição proposição P Q. P Q é equivalente à 2º- ( ) uma expressão da forma P Q é uma proposição que tem exatamente as mesmas valorações lógicas V ou F da proposição. P Q 17- (ESAF) A negação de Maria comprou uma blusa nova e foi ao cinema com José é: a) Maria não comprou uma blusa nova ou não foi ao cinema com José. b) Maria não comprou uma blusa nova e foi ao cinema sozinha. c) Maria não comprou uma blusa nova e não foi ao cinema com José. d) Maria não comprou uma blusa nova e não foi ao cinema. e) Maria comprou uma blusa nova, mas não foi ao cinema com José. 18- (ESAF) Maria foi informada por João que Ana é prima de Beatriz e Carina é prima de Denise. Como Maria sabe que João sempre mente, Maria tem certeza que a afirmação é falsa. Desse modo, e do ponto de vista lógico, Maria pode concluir que é verdade que: a) Ana é prima de Beatriz ou Carina não é prima de Denise. b) Ana não é prima de Beatriz e Carina não é prima de Denise. c) Ana não é prima de Beatriz ou Carina não é prima de Denise. d) se Ana não é prima de Beatriz, então Carina é prima de Denise. e) se Ana não é prima de Beatriz, então Carina não é prima de Denise. 19- (CESPE) Julgue os itens que se seguem, acerca de proposições e seus valores lógicos. 1º- ( ) A negação da proposição O concurso será regido por este edital e executado pelo CESPE/UnB estará corretamente simbolizada na forma A B, isto é, O concurso não será regido por este edital nem será executado pelo CESPE/UnB. 2º- ( ) A proposição A B A B tautologia. é uma 20- (CESPE) Com relação à lógica formal, julgue o item subsequente ( ) A negação da proposição é a proposição (FUNRIO) A afirmação se a onça é pintada e o urso é pardo, então o macaco é preto é logicamente equivalente a: a) Se o macaco é preto, então a onça não é pintada e ou o urso não é pardo. b) Se o macaco não é preto, então a onça não é pintada e o urso não é pardo. c) Se o macaco não é preto, então a onça não é pintada ou o urso não é pardo. d) Se o macaco não é preto, então a onça é pintada ou o urso não é pardo. e) Se o macaco não é preto, então a onça não é pintada ou o urso é pardo. 22- (FUNDAÇÃO UNIVERSA) Considere as seguinte proposições p: Breno é eletricista; q: Nestor passou no concurso; r: Ana se casou. A melhor tradução para a linguagem corrente da proposição p q r é a) Se Breno não é eletricista, então Nestor não passou no concurso e Ana se casou b) Se Breno não é eletricista, então Nestor não passou no concurso ou Ana se casou c) Não é verdade que se Breno não é eletricista, então Nestor não passou no concurso e Ana se casou d) Se Breno não é eletricista, então nem Nestor passou no concurso nem Ana se casou e) Se não é verdade que Breno é eletricista, então não é verdade que Nestor passou no concurso e não é verdade que Ana se casou 23- Considere verdadeira a declaração: Nenhum dos alunos que fizeram uma determinada prova tirou mais do que 7. Diante disso, qual a conclusão correta? 6

7 a) Todos os alunos tiraram menos do que 7 na prova. b) Todos os alunos tiraram 7 na prova. c) Algum aluno tirou 7 na prova. d) Algum aluno tirou menos de 7 na prova. e) Algum aluno tirou 7 ou menos na prova. GABARITO 01- a) O flamengo é um bom time. b) Os s não são chatos ou os baianos não são preguiçosos. c) As morenas são convencidas e os brancos não são almofadinhas. d) É flamenguista e não é cardíaco. e) Eu não estudo ou não aprendo f) O Brasil não é um país e a Bahia não é um estado. g) Eu estudo e não aprendo. 02- A 03- C 04- D 05- E 06- E 07- E 08- A 09- C 10- B 11- D 12- C 13- E 14- D 15- Errado 16- Certo, Certo 17- A 18- C 19- Errado, Certo 20- Errado 21- C 22- A 23- E 7

Aula demonstrativa Apresentação... 2 Negação de Proposições e Leis de De Morgan... 3 Relação das questões comentadas... 9 Gabaritos...

Aula demonstrativa Apresentação... 2 Negação de Proposições e Leis de De Morgan... 3 Relação das questões comentadas... 9 Gabaritos... Aula demonstrativa Apresentação... 2 Negação de Proposições e Leis de De Morgan... 3 Relação das questões comentadas... 9 Gabaritos... 11 1 Apresentação Olá, pessoal! Tudo bem com vocês? Vamos sair na

Leia mais

CEDERJ MÉTODOS DETERMINÍSTICOS 1 - EP4. Prezado Aluno,

CEDERJ MÉTODOS DETERMINÍSTICOS 1 - EP4. Prezado Aluno, CEDERJ MÉTODOS DETERMINÍSTICOS 1 - EP4 Prezado Aluno, Neste EP daremos sequência ao nosso estudo da linguagem da lógica matemática. Aqui veremos o conectivo que causa mais dificuldades para os alunos e

Leia mais

p: Breno é eletricista; q: Nestor passou no concurso; r: Ana se casou.

p: Breno é eletricista; q: Nestor passou no concurso; r: Ana se casou. EXERCÍCIOS EQUIVALÊNCIAS E DIAGRAMAS Prof. Walter Sousa 1) (Esaf) Maria foi informada por João que Ana é prima de Beatriz e Carina é prima de Denise. Como Maria sabe que João sempre mente, Maria tem certeza

Leia mais

TESTES RESOLVIDOS. É uma sentença aberta. Nada podemos afirmar, não conhecemos o conteúdo da frase. Não é uma proposição.

TESTES RESOLVIDOS. É uma sentença aberta. Nada podemos afirmar, não conhecemos o conteúdo da frase. Não é uma proposição. LÓGICA PROPOSICIONAL 1. PROPOSIÇÃO CONCEITO DE PROPOSIÇÃO Uma proposição é toda a oração que pode ser classificada como verdadeira ou falsa, não ambas. Por exemplo: 2 é um número primo. Resposta: É uma

Leia mais

Lógica Sentencial de 1ª ordem

Lógica Sentencial de 1ª ordem Lógica Sentencial de 1ª ordem Estudo das proposições 01. (CESPE/UnB) Considere as seguintes sentenças: O Acre é um estado da Região Nordeste. Você viu o cometa Halley? Há vida no planeta Marte. Se x

Leia mais

Raciocínio Lógico para o INSS Resolução de questões Prof. Adeilson de Melo Revisão 3 Lógica das Proposições

Raciocínio Lógico para o INSS Resolução de questões Prof. Adeilson de Melo Revisão 3 Lógica das Proposições Professor Adeilson de Melo www.profranciscojunior.com.br p. 1 de 7 Olá galera! Estou de volta! Agora iniciaremos o estudo de lógica das proposições. Esse assunto é muito importante para seu concurso. Pois,

Leia mais

Análise e Resolução da prova de Agente de Polícia Federal Disciplina: Raciocínio Lógico Professor: Custódio Nascimento

Análise e Resolução da prova de Agente de Polícia Federal Disciplina: Raciocínio Lógico Professor: Custódio Nascimento Análise e Resolução da prova de Agente de Polícia Federal Disciplina: Professor: Custódio Nascimento 1- Análise da prova Análise e Resolução da prova de Agente / PF Neste artigo, farei a análise das questões

Leia mais

Noções de Lógica - Teoria e Exercícios

Noções de Lógica - Teoria e Exercícios ALUNO(A) C O L É G I O PROFESSOR (A) Alan Jefferson Série 1º ano Noções de Lógica - Teoria e Exercícios PROPOSIÇÃO Chama-se proposição ou sentença toda oração declarativa que pode ser classificada em verdadeira

Leia mais

Raciocínio Lógico Matemático Modulo Geral

Raciocínio Lógico Matemático Modulo Geral Raciocínio Lógico Matemático Modulo Geral CONCURSO: Ministério do Trabalho e Emprego CARGO: Auditor-Fiscal do Trabalho PROFESSOR: Alex Lira Este curso é protegido por direitos autorais (copyright), nos

Leia mais

RACIOCÍNIO LÓGICO INSS. Condições de existência:

RACIOCÍNIO LÓGICO INSS. Condições de existência: RACIOCÍNIO LÓGICO Sentenças: Na linguagem natural utilizamos vários tipos de sentenças em nossa comunicação: - Afirmativas Curitiba é a capital do Paraná. O dia está ensolarado. - Interrogativas Qual time

Leia mais

ACADEMIA DO CONCURSO

ACADEMIA DO CONCURSO ACADEMIA DO CONCURSO Aulão de Lógica - 2015 Prof. Quilelli ( TCU Auditor Federal - CESPE ) As cidades Alfa e Beta estão com suas contas de obras sob análise. Sabe-se que algumas dessas obras são de responsabilidade

Leia mais

LÓGICA DAS PROPOSIÇÕES... 02 OPERAÇÕES ENTRE CONJUNTOS... 11 PORCENTAGEM... 31

LÓGICA DAS PROPOSIÇÕES... 02 OPERAÇÕES ENTRE CONJUNTOS... 11 PORCENTAGEM... 31 AULA 6: REVISÃO GERAL Prof. Adeilson de Melo SUMÁRIO LÓGICA DAS PROPOSIÇÕES... 02 OPERAÇÕES ENTRE CONJUNTOS... 11 PORCENTAGEM... 31 Olá pessoal! Esta é a nossa última aula deste curso preparatório para

Leia mais

Lógica para computação Professor Marlon Marcon

Lógica para computação Professor Marlon Marcon Lógica para computação Professor Marlon Marcon INTRODUÇÃO O objetivo geral da logica formal é a mecanização do raciocnio, ou seja, A obtenção de informação a partir de informações prévias por meio de recursos

Leia mais

Raciocínio Lógico. Raciocínio Lógico. Sumário EDITORA APROVAÇÃO V Q (INCLUSIVA OU NÃO EX- 13. RELAÇÃO DE IMPLICAÇÃO TABELA VERDADE

Raciocínio Lógico. Raciocínio Lógico. Sumário EDITORA APROVAÇÃO V Q (INCLUSIVA OU NÃO EX- 13. RELAÇÃO DE IMPLICAÇÃO TABELA VERDADE Raciocínio Lógico Raciocínio Lógico Sumário 7. RELAÇÃO DE IMPLICAÇÃO TABELA VERDADE 7. RELAÇÕES ENTRE IMPLICAÇÕES PREPOSIÇÕES 8. RELAÇÃO DE EQUIVALÊNCIA CONECTIVOS LÓGICOS 8 EXERCÍCIOS E PRÁTICA PROPRIEDADE

Leia mais

COMENTÁRIO DA PROVA DO BANCO DO BRASIL

COMENTÁRIO DA PROVA DO BANCO DO BRASIL COMENTÁRIO DA PROVA DO BANCO DO BRASIL Prezados concurseiros, segue abaixo os comentários das questões de matemática propostas pela CESPE no último concurso para o cargo de escriturário do Banco do Brasil

Leia mais

Raciocínio Lógico Matemático

Raciocínio Lógico Matemático Raciocínio Lógico Matemático Cap. 5 - Equivalência Lógica Equivalência Lógica Caro aluno, no último capítulo estudamos as implicações lógicas e foi enfatizado que o ponto fundamental da implicação lógica

Leia mais

(Equivalência e Implicação lógica aula 10

(Equivalência e Implicação lógica aula 10 Aula 2 (Equivalência e Implicação lógica aula 10 Professor: Renê Furtado Felix - Faculdade: UNIP E-mail: rffelix70@yahoo.com.br - Site: renecomputer.net Equivalência em Lógica Logica - Professor Renê F

Leia mais

José Luiz de Morais. RACiOCÍNIO LÓGICO

José Luiz de Morais. RACiOCÍNIO LÓGICO RACIOCÍNIO LÓGICO José Luiz de Morais RACiOCÍNIO LÓGICO RACIOCÍNIO LÓGICO Prof José Luiz de Morais PROPOSIÇÕES Proposições Simples Proposições Simples Proposição simples átomo ou partícula atômica É a

Leia mais

Resolução da Prova de Raciocínio Lógico do STJ de 2015, aplicada em 27/09/2015.

Resolução da Prova de Raciocínio Lógico do STJ de 2015, aplicada em 27/09/2015. de Raciocínio Lógico do STJ de 20, aplicada em 27/09/20. Raciocínio Lógico p/ STJ Mariana é uma estudante que tem grande apreço pela matemática, apesar de achar essa uma área muito difícil. Sempre que

Leia mais

NÚCLEO PREPARATÓRIO PARA CONCURSOS CURSO DELEGADO FEDERAL

NÚCLEO PREPARATÓRIO PARA CONCURSOS CURSO DELEGADO FEDERAL RACIOCÍNIO LÓGICO II Professor Ademir Bispo AULAS 3 e 4 PROPOSIÇÕES CONDICIONAIS As proposições condicionais relacionam causa com efeito ou hipótese com tese. p: O mês de maio tem 31 dias. q: O sol é uma

Leia mais

Aula 00. Raciocínio Lógico Quantitativo para IBGE. Raciocínio Lógico Quantitativo Professor: Guilherme Neves

Aula 00. Raciocínio Lógico Quantitativo para IBGE. Raciocínio Lógico Quantitativo Professor: Guilherme Neves Aula 00 Raciocínio Lógico Quantitativo Professor: Guilherme Neves www.pontodosconcursos.com.br 1 Aula 00 Aula Demonstrativa Raciocínio Lógico Quantitativo Apresentação... 3 Modelos de questões resolvidas

Leia mais

* Lógica Proposicional Formas de Argumento

* Lógica Proposicional Formas de Argumento * Lógica Proposicional Formas de Argumento Hoje é segunda-feira ou sexta-feira. Hoje não é segunda-feira. Hoje é sexta-feira. Lógica, Informática e Comunicação Elthon Allex da Silva Oliveira e-mail: el7hon@gmail.com

Leia mais

Olimpíada Brasileira de Raciocínio Lógico Nível III Fase II 2014

Olimpíada Brasileira de Raciocínio Lógico Nível III Fase II 2014 1 2 Questão 1 Um dado é feito com pontos colocados nas faces de um cubo, em correspondência com os números de 1 a 6, de tal maneira que somados os pontos que ficam em cada par de faces opostas é sempre

Leia mais

LÓGICA FORMAL Tabelas Verdade

LÓGICA FORMAL Tabelas Verdade LÓGICA FORMAL Tabelas Verdade Prof. Evanivaldo C. Silva Jr. Seção 1 Expressões: exclamações, interrogações, afirmações... Aquele aluno deve ser inteligente. Você já almoçou hoje? Um elefante é maior do

Leia mais

S U M Á R I O. Raciocínio Lógico para o INSS Resolução de questões Prof. Adeilson de melo Revisão 4 Bateria de questões CONTEÚDO DA AULA 01

S U M Á R I O. Raciocínio Lógico para o INSS Resolução de questões Prof. Adeilson de melo Revisão 4 Bateria de questões CONTEÚDO DA AULA 01 Olá pessoal! Este é o nosso quarto encontro. Nele faremos uma abordagem das mais variadas questões de Raciocínio Lógico. Assunto muito querido pela banca FCC. Aqui fiz uma seleção de muitas questões de

Leia mais

O erro dessa questão foi traduzir o nem como ou não, quando na verdade o correto é traduzir o nem como e não :

O erro dessa questão foi traduzir o nem como ou não, quando na verdade o correto é traduzir o nem como e não : Resolução da Prova de Raciocínio Lógico da DPU (Nível Superior) de 2016, aplicada em 24/01/2016. Um estudante de direito, com o objetivo de sistematizar o seu estudo, criou sua própria legenda, na qual

Leia mais

Aula 05 Operações Lógicas sobre Proposições. Disciplina: Fundamentos de Lógica e Algoritmos Prof. Bruno Gomes

Aula 05 Operações Lógicas sobre Proposições. Disciplina: Fundamentos de Lógica e Algoritmos Prof. Bruno Gomes Aula 05 Operações Lógicas sobre Proposições Disciplina: Fundamentos de Lógica e Algoritmos Prof. Bruno Gomes Agenda da Aula Outras Traduções; Valor Lógico de Operações sobre proposições. Tabela da Verdade

Leia mais

Aula 05 Raciocínio Lógico p/ INSS - Técnico do Seguro Social - Com Videoaulas

Aula 05 Raciocínio Lógico p/ INSS - Técnico do Seguro Social - Com Videoaulas Aula 05 Raciocínio Lógico p/ INSS - Técnico do Seguro Social - Com Videoaulas Professor: Arthur Lima AULA 05: RESUMO Caro aluno, Para finalizar nosso curso, preparei um resumo de toda a teoria vista nas

Leia mais

Resolução da Prova de Raciocínio Lógico do TRE/MT, aplicada em 13/12/2015.

Resolução da Prova de Raciocínio Lógico do TRE/MT, aplicada em 13/12/2015. de Raciocínio Lógico do TRE/MT, aplicada em 13/12/2015. Raciocínio Lógico p/ TRE-MT Analista Judiciário QUESTÃO 19 Um grupo de 300 soldados deve ser vacinado contra febre amarela e malária. Sabendo-se

Leia mais

3º Ano do Ensino Médio. Aula nº06

3º Ano do Ensino Médio. Aula nº06 Nome: Ano: º Ano do E.M. Escola: Data: / / 3º Ano do Ensino Médio Aula nº06 Assunto: Noções de Estatística 1. Conceitos básicos Definição: A estatística é a ciência que recolhe, organiza, classifica, apresenta

Leia mais

Matemática - Módulo 1

Matemática - Módulo 1 1. Considerações iniciais Matemática - Módulo 1 TEORIA DOS CONJUNTOS O capítulo que se inicia trata de um assunto que, via-de-regra, é abordado em um plano secundário dentro dos temas que norteiam o ensino

Leia mais

Conclusões sobre Proposições

Conclusões sobre Proposições Lógica Programação Proposições Conclusões sobre Proposições 1 Duas proposições universais contrárias não podem ser verdadeiras ao mesmo tempo, mas podem ser falsas ao mesmo tempo. 2 Duas proposições particulares

Leia mais

Resolução da Prova de Raciocínio Lógico do MPOG/ENAP de 2015, aplicada em 30/08/2015.

Resolução da Prova de Raciocínio Lógico do MPOG/ENAP de 2015, aplicada em 30/08/2015. de Raciocínio Lógico do MPOG/ENAP de 2015, aplicada em 30/08/2015. Considerando a proposição P: Se João se esforçar o bastante, então João conseguirá o que desejar, julgue os itens a seguir. 43 A proposição

Leia mais

> A frase dentro destas aspas é uma mentira. É uma sentença aberta. Nada podemos afirmar, não conhecemos o conteúdo da frase. Não é uma proposição.

> A frase dentro destas aspas é uma mentira. É uma sentença aberta. Nada podemos afirmar, não conhecemos o conteúdo da frase. Não é uma proposição. LÓGICA PROPOSICIONAL 1. PROPOSIÇÃO CONCEITO DE PROPOSIÇÃO Uma proposição é toda a oração que pode ser classificada como verdadeira ou falsa, não ambas. Por exemplo: 2 é um número primo. Resposta: É uma

Leia mais

RACIOCÍNIO LÓGICO PROF PEDRÃO TABELA-VERDADE

RACIOCÍNIO LÓGICO PROF PEDRÃO TABELA-VERDADE TABELA-VERDADE 01) A negação da afirmação se o cachorro late então o gato mia é: A) se o gato não mia então o cachorro não late. B) o cachorro não late e o gato não mia. C) o cachorro late e o gato não

Leia mais

Ló gica. Para Concursos Públicos. Professor Luiz Guilherme

Ló gica. Para Concursos Públicos. Professor Luiz Guilherme Ló gica Para Concursos Públicos Professor Luiz Guilherme 2014 1 Lógica Para Concursos Públicos Proposição... 2 Valor Lógico das Proposições... 2 Axiomas da Lógica... 2 Tabela Verdade:... 3 Conectivos:...

Leia mais

Módulo de Equações do Segundo Grau. Equações do Segundo Grau: Resultados Básicos. Nono Ano

Módulo de Equações do Segundo Grau. Equações do Segundo Grau: Resultados Básicos. Nono Ano Módulo de Equações do Segundo Grau Equações do Segundo Grau: Resultados Básicos. Nono Ano Equações do o grau: Resultados Básicos. 1 Exercícios Introdutórios Exercício 1. A equação ax + bx + c = 0, com

Leia mais

FÍSICA - 2 o ANO MÓDULO 17 ELETRODINÂMICA: CORRENTE ELÉTRICA, RESISTORES E LEI DE OHM

FÍSICA - 2 o ANO MÓDULO 17 ELETRODINÂMICA: CORRENTE ELÉTRICA, RESISTORES E LEI DE OHM FÍSICA - 2 o ANO MÓDULO 17 ELETRODINÂMICA: CORRENTE ELÉTRICA, RESISTORES E LEI DE OHM A B FALTA DE CARGAS NEGATIVAS EXCESSO DE CARGAS NEGATIVAS A V A + - B V B U = V A - V B E A B U = V A - V B A + - B

Leia mais

LFG MAPS. 2 - ( Prova: CESPE - 2012 - Polícia Federal - Agente da Polícia Federal / Contabilidade Geral / Contabilidade -

LFG MAPS. 2 - ( Prova: CESPE - 2012 - Polícia Federal - Agente da Polícia Federal / Contabilidade Geral / Contabilidade - Escrituração Contábil 05 questões Noções Gerais; Escrituração Contábil ) Considere os eventos de I a V listados abaixo. I aquisição de veículo à vista para uso na atividade operacional II baixa de bem

Leia mais

Lógica Sentencial de 1ª ordem

Lógica Sentencial de 1ª ordem Lógica Sentencial de 1ª ordem Estudo das proposições 01. (FCC) Considere as seguintes frases: I. Amar o próximo. II. 2x 5 0, para qualquer x inteiro. III. Lula foi eleito em 1989. IV. 3 + 4 + 7 + 2 É verdade

Leia mais

Questões de raciocínio lógico Aula 2

Questões de raciocínio lógico Aula 2 Questões de raciocínio lógico Aula 2 Tópicos abordados: Lógica da argumentação Diagramas lógicos Emerson Marcos Furtado* 1. (ESAF-adap.) Pedro toca piano se e somente se Vítor toca violino. Ora, Vítor

Leia mais

PONTO DOS CONCURSOS CURSO DE DIREITO ELEITORAL TRE/AP 4º Simulado de Direito Eleitoral p/ TRE-AMAPÁ! PROFESSOR: RICARDO GOMES AVISOS:

PONTO DOS CONCURSOS CURSO DE DIREITO ELEITORAL TRE/AP 4º Simulado de Direito Eleitoral p/ TRE-AMAPÁ! PROFESSOR: RICARDO GOMES AVISOS: AVISOS: Estamos ministrando os seguintes CURSOS: DIREITO ELEITORAL P/ O TSE - ANALISTA JUDICIÁRIO ÁREA JUDICIÁRIA (TEORIA E EXERCÍCIOS) DIREITO ELEITORAL P/ O TSE - ANALISTA E TÉCNICO ÁREA ADMINISTRATIVA

Leia mais

RACIOCÍNIO LÓGICO SEMANA 04

RACIOCÍNIO LÓGICO SEMANA 04 1) (FCC/TRT-PR) Considere a seguinte proposição: Na eleição para a prefeitura, o candidato A será eleito ou não será eleito. Do ponto de vista lógico, a afirmação da proposição caracteriza: (A) um silogismo;

Leia mais

I. Conjunto Elemento Pertinência

I. Conjunto Elemento Pertinência TEORI DOS CONJUNTOS I. Conjunto Elemento Pertinência Conjunto, elemento e pertinência são três noções aceitas sem definição, ou seja, são noções primitivas. idéia de conjunto é praticamente a mesma que

Leia mais

PESQUISA OPERACIONAL -PROGRAMAÇÃO LINEAR. Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc.

PESQUISA OPERACIONAL -PROGRAMAÇÃO LINEAR. Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. PESQUISA OPERACIONAL -PROGRAMAÇÃO LINEAR Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. ROTEIRO Esta aula tem por base o Capítulo 2 do livro de Taha (2008): Introdução O modelo de PL de duas variáveis Propriedades

Leia mais

Questões de raciocínio lógico Aula 1

Questões de raciocínio lógico Aula 1 Questões de raciocínio lógico Aula 1 Tópicos abordados: Lógica proposicional Verdades e mentiras Emerson Marcos Furtado* 1. (ESAF) Sócrates encontra-se em viagem por um distante e estranho país, formado

Leia mais

EDITAL Nº 48/2011. Para inscrever-se nesse curso o candidato deve ter concluído o ensino médio até julho de 2011.

EDITAL Nº 48/2011. Para inscrever-se nesse curso o candidato deve ter concluído o ensino médio até julho de 2011. EDITAL Nº 48/2011 O Instituto Federal do Paraná - IFPR torna públicas as normas a seguir, que regem o Processo Seletivo para ingresso no curso Técnico Subsequente (pós-médio) em Aquicultura do Campus Foz

Leia mais

AULA 07 Distribuições Discretas de Probabilidade

AULA 07 Distribuições Discretas de Probabilidade 1 AULA 07 Distribuições Discretas de Probabilidade Ernesto F. L. Amaral 31 de agosto de 2010 Metodologia de Pesquisa (DCP 854B) Fonte: Triola, Mario F. 2008. Introdução à estatística. 10 ª ed. Rio de Janeiro:

Leia mais

http://rogerioaraujo.wordpress.com Série Rações Semanais Xpath e XSLT Rogério Araújo

http://rogerioaraujo.wordpress.com Série Rações Semanais Xpath e XSLT Rogério Araújo http://rogerioaraujo.wordpress.com Série Rações Semanais Xpath e XSLT Rogério Araújo http://rogerioaraujo.wordpress.com Série Rações Semanais Xpath e XSLT Rogério Araújo Questões A persistência é o menor

Leia mais

Comandos de Eletropneumática Exercícios Comentados para Elaboração, Montagem e Ensaios

Comandos de Eletropneumática Exercícios Comentados para Elaboração, Montagem e Ensaios Comandos de Eletropneumática Exercícios Comentados para Elaboração, Montagem e Ensaios O Método Intuitivo de elaboração de circuitos: As técnicas de elaboração de circuitos eletropneumáticos fazem parte

Leia mais

RACIOCÍNIO LÓGICO MATEMÁTICO ATIVIDADE DO BLOCO 1 20 QUESTÕES

RACIOCÍNIO LÓGICO MATEMÁTICO ATIVIDADE DO BLOCO 1 20 QUESTÕES RACIOCÍNIO LÓGICO MATEMÁTICO ATIVIDADE DO BLOCO 1 20 QUESTÕES As questões foram elaboradas pelo prof. Sérgio Faro e valerão apenas como exercício para o seu conhecimento. São 20 questões de múltipla escolha.

Leia mais

Matrizes. matriz de 2 linhas e 2 colunas. matriz de 3 linhas e 3 colunas. matriz de 3 linhas e 1 coluna. matriz de 1 linha e 4 colunas.

Matrizes. matriz de 2 linhas e 2 colunas. matriz de 3 linhas e 3 colunas. matriz de 3 linhas e 1 coluna. matriz de 1 linha e 4 colunas. Definição Uma matriz do tipo m n (lê-se m por n), com m e n, sendo m e n números inteiros, é uma tabela formada por m n elementos dispostos em m linhas e n colunas. Estes elementos podem estar entre parênteses

Leia mais

Lógica de Predicados

Lógica de Predicados Lógica de Predicados Conteúdo Correção dos Exercícios (Rosen 47) Prioridade dos Quantificadores (Rosen 38) Ligando Variáveis (Rosen 38) Predicados com duas variáveis. Equivalências lógicas (Rosen 39) Negando

Leia mais

Noções básicas de Lógica

Noções básicas de Lógica Noções básicas de Lógica Consideremos uma linguagem, com certos símbolos. Chamamos expressão a uma sequências de símbolos. uma expressão com significado Uma expressão pode ser expressão sem significado

Leia mais

Técnicas de Contagem I II III IV V VI

Técnicas de Contagem I II III IV V VI Técnicas de Contagem Exemplo Para a Copa do Mundo 24 países são divididos em seis grupos, com 4 países cada um. Supondo que a escolha do grupo de cada país é feita ao acaso, calcular a probabilidade de

Leia mais

Fundamentos de Lógica Matemática

Fundamentos de Lógica Matemática Webconferência 4-08/03/2012 Técnicas dedutivas Prof. L. M. Levada http://www.dc.ufscar.br/ alexandre Departamento de Computação (DC) Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) 2012/1 Objetivos Maneiras

Leia mais

Treinamento sobre Progress Report.

Treinamento sobre Progress Report. Treinamento sobre Progress Report. Objetivo O foco aqui é trabalhar o desenvolvimento pessoal de cada aluno. O instrutor irá analisar cada um e pensar em suas dificuldades e barreiras de aprendizado e,

Leia mais

Resoluções de questões- Tropa de Elite Raciocínio Lógico Questões Pedro Evaristo

Resoluções de questões- Tropa de Elite Raciocínio Lógico Questões Pedro Evaristo Resoluções de questões- Tropa de Elite Raciocínio Lógico Questões Pedro Evaristo 2012 Copyright. Curso Agora eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor. ESTRUTURA LÓGICA (CESPE) Na última corrida

Leia mais

A pesquisa foi feita dentro de um período de 09/05/2016 até 26/05/2016.

A pesquisa foi feita dentro de um período de 09/05/2016 até 26/05/2016. G18 AS MAIORES TORCIDAS DO BRASIL POR BRUNO MARTINELI No futebol números são essenciais, seja o número da camisa dos jogadores, o placar da partida, a colocação na tabela, o número de pontos no campeonato

Leia mais

PROPOSIÇÕES (SIMPLES E COMPOSTAS)/ CONECTIVOS/TAUTOLOGIA/TABELA VERDADE

PROPOSIÇÕES (SIMPLES E COMPOSTAS)/ CONECTIVOS/TAUTOLOGIA/TABELA VERDADE PROPOSIÇÕES (SIMPLES E COMPOSTAS)/ CONECTIVOS/TAUTOLOGIA/TABELA VERDADE Ser síndico não é fácil. Além das cobranças de uns e da inadimplência de outros, ele está sujeito a passar por desonesto. A esse

Leia mais

Aula 8 21/09/2009 - Microeconomia. Demanda Individual e Demanda de Mercado. Bibliografia: PINDYCK (2007) Capítulo 4

Aula 8 21/09/2009 - Microeconomia. Demanda Individual e Demanda de Mercado. Bibliografia: PINDYCK (2007) Capítulo 4 Aula 8 21/09/2009 - Microeconomia. Demanda Individual e Demanda de Mercado. Bibliografia: PINDYCK (2007) Capítulo 4 Efeito de modificações no preço: Caso ocorram modificações no preço de determinada mercadoria

Leia mais

6 - PROVAS CESGRANRIO(CONCURSOS BANCO CENTRAL E OUROS)

6 - PROVAS CESGRANRIO(CONCURSOS BANCO CENTRAL E OUROS) 1 6 - PROVAS CESGRANRIO(CONCURSOS BANCO CENTRAL E OUROS) 01 - Em uma rua há 10 casas do lado direito e outras 10 do lado esquerdo. Todas as casas são numeradas de tal forma que, de um lado da rua, ficam

Leia mais

Nome: N.º: endereço: data: telefone: E-mail: PARA QUEM CURSA A 1 ạ SÉRIE DO ENSINO MÉDIO EM 2012. Disciplina: matemática

Nome: N.º: endereço: data: telefone: E-mail: PARA QUEM CURSA A 1 ạ SÉRIE DO ENSINO MÉDIO EM 2012. Disciplina: matemática Nome: N.º: endereço: data: telefone: E-mail: Colégio PARA QUEM CURSA A 1 ạ SÉRIE DO ENSINO MÉDIO EM 01 Disciplina: matemática Prova: desafio nota: QUESTÃO 16 (UNESP) O gráfico a seguir apresenta dados

Leia mais

Fundamentos de Programação. Diagrama de blocos

Fundamentos de Programação. Diagrama de blocos Fundamentos de Programação Diagrama de blocos Prof. M.Sc.: João Paulo Q. dos Santos E-mail: joao.queiroz@ifrn.edu.br Página: http://docente.ifrn.edu.br/joaoqueiroz/ O processo de desenvolvimento (programação),

Leia mais

Matemática. Resolução das atividades complementares. M3 Conjuntos

Matemática. Resolução das atividades complementares. M3 Conjuntos Resolução das atividades complementares Matemática M Conjuntos p. (UEMG) Numa escola infantil foram entrevistadas 8 crianças, com faia etária entre e anos, sobre dois filmes, e. Verificou-se que 4 delas

Leia mais

RACIOCÍNIO LÓGICO MATEMÁTICO. Ana Paula Gargano

RACIOCÍNIO LÓGICO MATEMÁTICO. Ana Paula Gargano RACIOCÍNIO LÓGICO MATEMÁTICO Ana Paula Gargano ESTRUTURAS LÓGICAS Sentenças São frases que apresentam significado. As sentenças podem ser abertas ou fechadas. 1. Sentença aberta: apresentam variáveis.

Leia mais

Usando potências de 10

Usando potências de 10 Usando potências de 10 A UUL AL A Nesta aula, vamos ver que todo número positivo pode ser escrito como uma potência de base 10. Por exemplo, vamos aprender que o número 15 pode ser escrito como 10 1,176.

Leia mais

Resolução da Prova de Contabilidade Geral Professor Luciano Moura

Resolução da Prova de Contabilidade Geral Professor Luciano Moura Resolução da Prova de Contabilidade Geral Professor Luciano Moura 1 de 6 Olá queridos alunos, Hoje faremos alguns comentários acerca da prova para o cargo de Auditor Interno da Prefeitura de Salvador,

Leia mais

Disciplina: Economia & Negócios Líder da Disciplina: Ivy Jundensnaider Professora: Rosely Gaeta / /

Disciplina: Economia & Negócios Líder da Disciplina: Ivy Jundensnaider Professora: Rosely Gaeta / / Disciplina: Economia & Negócios Líder da Disciplina: Ivy Jundensnaider Professora: Rosely Gaeta NOTA DE AULA 03 MICROECONOMIA DEMANDA E OFERTA SEMANA E DATA / / 3.1. A curva de demanda Em uma economia

Leia mais

- CPF: AULA DEMONSTRATIVA

- CPF: AULA DEMONSTRATIVA AULA DEMONSTRATIVA 1. PROPOSIÇÕES... 2 1.1 LÓGICA... 2 1.2 PROPOSIÇÃO... 2 1.3 CONECTIVOS LÓGICOS... 5 1.4 NEGAÇÃO (NÃO-P)... 7 1.5 CONJUNÇÃO (P E Q)... 7 1.6 DISJUNÇÃO (P OU Q)... 8 1.7 COMO NEGAR CONJUNÇÕES

Leia mais

Se inicialmente, o tanque estava com 100 litros, pode-se afirmar que ao final do dia o mesmo conterá.

Se inicialmente, o tanque estava com 100 litros, pode-se afirmar que ao final do dia o mesmo conterá. ANÁLISE GRÁFICA QUANDO y. CORRESPONDE A ÁREA DA FIGURA Resposta: Sempre quando o eio y corresponde a uma taa de variação, então a área compreendida entre a curva e o eio do será o produto y. Isto é y =

Leia mais

Quantificadores. Quantificador Universal. Quantificador Existencial. Seja um conjunto não vazio e ) uma propriedade associada aos elementos.

Quantificadores. Quantificador Universal. Quantificador Existencial. Seja um conjunto não vazio e ) uma propriedade associada aos elementos. Quantificadores Seja um conjunto não vazio e ) uma propriedade associada aos elementos. Quantificador Universal Se é verdade que todos os elementos de possuem tal propriedade, podemos afirmar que: Todo

Leia mais

Cap. II EVENTOS MUTUAMENTE EXCLUSIVOS E EVENTOS NÃO- EXCLUSIVOS

Cap. II EVENTOS MUTUAMENTE EXCLUSIVOS E EVENTOS NÃO- EXCLUSIVOS Cap. II EVENTOS MUTUAMENTE EXCLUSIVOS E EVENTOS NÃO- EXCLUSIVOS Dois ou mais eventos são mutuamente exclusivos, ou disjuntos, se os mesmos não podem ocorrer simultaneamente. Isto é, a ocorrência de um

Leia mais

Bases Matemáticas. Daniel Miranda 1. 23 de maio de 2011. sala 819 - Bloco B página: daniel.miranda

Bases Matemáticas. Daniel Miranda 1. 23 de maio de 2011. sala 819 - Bloco B página:  daniel.miranda Daniel 1 1 email: daniel.miranda@ufabc.edu.br sala 819 - Bloco B página: http://hostel.ufabc.edu.br/ daniel.miranda 23 de maio de 2011 Elementos de Lógica e Linguagem Matemática Definição Uma proposição

Leia mais

MATRIZ - FORMAÇÃO E IGUALDADE

MATRIZ - FORMAÇÃO E IGUALDADE MATRIZ - FORMAÇÃO E IGUALDADE 1. Seja X = (x ij ) uma matriz quadrada de ordem 2, onde i + j para i = j ;1 - j para i > j e 1 se i < j. A soma dos seus elementos é igual a: 2. Se M = ( a ij ) 3x2 é uma

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS JOSÉ MARIA DOS SANTOS

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS JOSÉ MARIA DOS SANTOS AGRUPAMENTO DE ESCOLAS JOSÉ MARIA DOS SANTOS INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA INGLÊS LE I ---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Leia mais

MODÚLO 1. INTRODUÇÃO A LÓGICA MATEMÁTICA 1.1 SENTENÇA X PROPOSIÇÃO 1.2 NEGAÇÃO SIMPLES

MODÚLO 1. INTRODUÇÃO A LÓGICA MATEMÁTICA 1.1 SENTENÇA X PROPOSIÇÃO 1.2 NEGAÇÃO SIMPLES MODÚLO 1. INTRODUÇÃO A LÓGICA MATEMÁTICA 1.1 SENTENÇA X PROPOSIÇÃO Proposição: Permite ser julgado verdadeiro ou falso. Possui um valor lógico. Exemplos: Morro do Alemão só tem bandido A presidenta anulou

Leia mais

Projeto Jovem Nota 10 Conjuntos Numéricos Lista 3 Professor Marco Costa 1. Represente geometricamente os números racionais:

Projeto Jovem Nota 10 Conjuntos Numéricos Lista 3 Professor Marco Costa 1. Represente geometricamente os números racionais: 1 Projeto Jovem Nota 10 1. Represente geometricamente os números racionais: 2/3, -4/5, 5/4, -7/4 e -12/4 2. A fração irredutível 7/64 pode ser transformada em um decimal exato? Justifique sua resposta.

Leia mais

Canguru sem fronteiras 2005

Canguru sem fronteiras 2005 Duração: 1h30mn Destinatários: alunos dos 7 e 8 anos de Escolaridade Não podes usar calculadora. Há apenas uma resposta correcta em cada questão. Inicialmente tens 30 pontos. Por cada questão errada, és

Leia mais

Como utilizar a tecnologia a favor da sua central de atendimento

Como utilizar a tecnologia a favor da sua central de atendimento Como utilizar a tecnologia a favor da sua central de atendimento Conheça algumas tecnologias que podem melhorar a sua central de atendimento. URA: Como utilizar a tecnologia a favor da sua central de atendimento

Leia mais

a) 2 b) 3 c) 4 d) 5 e) 6

a) 2 b) 3 c) 4 d) 5 e) 6 Recordando operações básicas 01. Calcule as expressões abaixo: a) 2254 + 1258 = b) 300+590 = c) 210+460= d) 104+23 = e) 239 54 = f) 655-340 = g) 216-56= h) 35 x 15 = i) 50 x 210 = j) 366 x 23 = k) 355

Leia mais

SISTEMAS DE EQUAÇÕES DO 1º GRAU

SISTEMAS DE EQUAÇÕES DO 1º GRAU SISTEMAS DE EQUAÇÕES DO 1º GRAU I INTRODUÇÃO: Os sistemas de equação são ferramentas muito comuns na resolução de problemas em várias áreas ( matemática, química, física, engenharia,...) e aparecem sempre

Leia mais

Matriz de Referência de Matemática da 8ª série do Ensino Fundamental Comentários sobre os Temas e seus Descritores Exemplos de Itens

Matriz de Referência de Matemática da 8ª série do Ensino Fundamental Comentários sobre os Temas e seus Descritores Exemplos de Itens Matriz de Referência de Matemática da 8ª série do Ensino Fundamental Comentários sobre os Temas e seus Descritores Exemplos de Itens TEMA III NÚMEROS E OPERAÇÕES/ÁLGEBRA E FUNÇÕES Esse é o tema de maior

Leia mais

Professor (a): William Alves. Disciplina: Matemática

Professor (a): William Alves. Disciplina: Matemática J+C Roteiro de Recuperação ª Etapa Professor (a) William Alves Disciplina Matemática º Ano Ensino Fundamental Objetivo Resolver problemas que envolvam caracterização, a representação e operações com números

Leia mais

QUESTIONAMENTO ACERCA DO EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO AA Nº 03/2014 - BNDES

QUESTIONAMENTO ACERCA DO EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO AA Nº 03/2014 - BNDES QUESTIONAMENTO ACERCA DO EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO AA Nº 03/2014 - BNDES Item 1.2 Grupo 1 do termo de referencia No grupo 1 o órgão solicita protocolo ISDN. Solicitamos que seja permitido o protocolo

Leia mais

Exercícios cinemática Conceitos básicos e Velocidade média

Exercícios cinemática Conceitos básicos e Velocidade média Física II Professor Alexandre De Maria Exercícios cinemática Conceitos básicos e Velocidade média COMPETÊNCIA 1 Compreender as Ciências Naturais e as tecnologias a elas associadas como construções humanas,

Leia mais

[RESOLUÇÃO] Economia I; 2012/2013 (2º semestre) Prova da Época Recurso 3 de Julho de 2013

[RESOLUÇÃO] Economia I; 2012/2013 (2º semestre) Prova da Época Recurso 3 de Julho de 2013 Economia I; 01/013 (º semestre) Prova da Época Recurso 3 de Julho de 013 [RESOLUÇÃO] Distribuição das respostas correctas às perguntas da Parte A (6 valores) nas suas três variantes: ER A B C P1 P P3 P4

Leia mais

Inteligência Artificial

Inteligência Artificial Inteligência Artificial Aula 7 Programação Genética M.e Guylerme Velasco Programação Genética De que modo computadores podem resolver problemas, sem que tenham que ser explicitamente programados para isso?

Leia mais

Considerando que trouxe (1ª quadro) é um VTD, destaque e classifique o complemento desse verbo:. b)

Considerando que trouxe (1ª quadro) é um VTD, destaque e classifique o complemento desse verbo:. b) ATIVIDADES DE RECUPERAÇÃO PARALELA - PORTUGUÊS PROFESSOR: Renan Andrade TURMA: 7 ano Vespertino REVISÃO 1) Leia os fragmentos abaixos, alguns extraídos da crônica em estudo, e classifique os verbos quanto

Leia mais

RACIOCÍNIO LÓGICO PROFESSOR: LUCIANO PACHECO

RACIOCÍNIO LÓGICO PROFESSOR: LUCIANO PACHECO RACIOCÍNIO LÓGICO PROFESSOR: LUCIANO PACHECO EXERCÍCIOS DE FIXAÇÃO 1 - (Engenheiro do Trabalho-1998) Dizer que Pedro não é pedreiro ou Paulo é paulista é do ponto de vista lógico, o mesmo que dizer : A)

Leia mais

Jogo da memória dos meios de transporte

Jogo da memória dos meios de transporte A atividade proposta visa desenvolver no aluno a capacidade de identificar os diferentes meios, compreendendo a importância deles em nosso cotidiano, e, além disso, para as relações sociais e econômicas

Leia mais

RACIOCÍNIO LÓGICO Simplif icado

RACIOCÍNIO LÓGICO Simplif icado Sérgio Carvalho Weber Campos RACIOCÍNIO LÓGICO Simplif icado Volume 1 2ª edição Revista, atualizada e ampliada Inclui Gráficos, tabelas e outros elementos visuais para melhor aprendizado Exercícios resolvidos

Leia mais

0.1 Introdução Conceitos básicos

0.1 Introdução Conceitos básicos Laboratório de Eletricidade S.J.Troise Exp. 0 - Laboratório de eletricidade 0.1 Introdução Conceitos básicos O modelo aceito modernamente para o átomo apresenta o aspecto de uma esfera central chamada

Leia mais

2. Qual dos gráficos abaixo corresponde à função y= x? a) y b) y c) y d) y

2. Qual dos gráficos abaixo corresponde à função y= x? a) y b) y c) y d) y EEJMO TRABALHO DE DP 01 : 1 COL MANHÃ MATEMÁTICA 1. Na locadora A, o aluguel de uma fita de vídeo é de R$, 50, por dia. A sentença matemática que traduz essa função é y =,5.. Se eu ficar 5 dias com a fita,

Leia mais

PROPOSIÇÕES. Proposições Simples e Proposições Compostas. Conceito de Proposição

PROPOSIÇÕES. Proposições Simples e Proposições Compostas. Conceito de Proposição PROPOSIÇÕES Conceito de Proposição Definição: chama-se proposição todo o conjunto de palavras ou símbolos que exprimem um pensamento de sentido completo. As proposições transmitem pensamentos, isto é,

Leia mais

Equação e Inequação do 2 Grau Teoria

Equação e Inequação do 2 Grau Teoria Equação e Inequação do Grau Teoria Candidato segue um resumo sobre resolução e discussão de equações e inequações do grau. Bons Estudos! Equação do Grau Onde Uma Equação do Grau é sentença aberta do tipo

Leia mais

Universidade Federal de Goiás Campus Catalão Departamento de Matemática

Universidade Federal de Goiás Campus Catalão Departamento de Matemática Universidade Federal de Goiás Campus Catalão Departamento de Matemática Disciplina: Álgebra Linear Professor: André Luiz Galdino Aluno(a): 4 a Lista de Exercícios 1. Podemos entender transformações lineares

Leia mais

Pesquisa. Setembro 2014

Pesquisa. Setembro 2014 Pesquisa Setembro 2014 Perfil Quem é o nosso time? 66% está conosco há mais de 1 ano 69% são casadas 68% tem Filhos, 42% desses adolescentes Média de Idade 32 anos (20 a 56) 93% são mulheres 61% cursando

Leia mais

OPERAÇÕES COM FRAÇÕES

OPERAÇÕES COM FRAÇÕES OPERAÇÕES COM FRAÇÕES Adição A soma ou adição de frações requer que todas as frações envolvidas possuam o mesmo denominador. Se inicialmente todas as frações já possuírem um denominador comum, basta que

Leia mais

Matemática. Divisão Proporcional. Professor: Dudan. www.acasadoconcurseiro.com.br

Matemática. Divisão Proporcional. Professor: Dudan. www.acasadoconcurseiro.com.br Matemática Divisão Proporcional Professor: Dudan www.acasadoconcurseiro.com.br Matemática DIVISÃO PROPORCIONAL Existem problemas que solicitam a divisão de um número em partes diretamente proporcionais

Leia mais