RELAÇÃO DE CREDENCIADAS E SOLUÇÕES HABILITADAS

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "RELAÇÃO DE CREDENCIADAS E SOLUÇÕES HABILITADAS"

Transcrição

1 CREDENCIADA TEMÁTICA ESTADO SITUAÇÃO A3 CONSULTORIA E PROJETOS DE ENGENHARIA LTDA ABJ SERVIÇOS E CONSULTORIA LTDA Gestão de Resíduos Líquidos Serviços de Análises de Efluentes, Resíduos e Emissões Aéreas Sergipe Goiás ADC ASSESSORIA E CONSULTORIA EM GESTÃO EMPRESARIAL LTDA AGENDA CONSULTORIA E TREINAMENTO LTDA - EPP Qualidade - ISO AMBIO ENGENHARIA AMBIENTAL LTDA Qualidade - ISO 9001 Santa Catarina AMX CONSULTORIA E PROJETOS LTDA - ME ANDRÉ CARDOSO LOIOLA ME Sustentabilidade rural Design de ambientes ASSOCIACAO NACIONAL DA INDUSTRIA CERAMICA Qualidade - PBQP-H Rio de Janeiro CERLEV PROJETOS E INOVAÇÃO NA BIOTECNOLOGIA DA FERMENTAÇÃO Desenvolvimento de novos produtos ou processos Minas Gerais CENTRO DE TECNOLOGIA DA INDUSTRIA QUIMICA E TEXTIL Rio de Janeiro CIDADE PROPAGANDA COMUNICAÇÃO INTEGRADA CLIDAY CENTRO MÉDICO LTDA - EPP

2 CONSEST SERVIÇOS E TREINAMENTOS LTDA Programa Alimentos Seguros - Distribuição D AB ENGENHARIA E CONSULTORIA LTDA - ME DO DESIGNS DESIGN E MARKETING LTDA Minas Gerais DONA PROPAGANDA DOSSIER DIGITAL Implantação de sistemas de automação comercial ECOCERT BRASIL CERTIFICADORA Certificação em produtos orgânicos Santa Catarina EMBRAPA / CTAA - AGROINDUSTRIA DE ALIMENTOS Desenvolvimento de novos produtos e processos - Alimentos Rio de Janeiro EUROFINS DO BRASIL ANALISES DE ALIMENTOS LTDA Serviços de análise microbiológica São Paulo Serviços de Análises de Efluentes, Resíduos e Emissões Aéreas F F GESTAO, INOVACAO E SUSTENTABILIDADE LTDA - ME Produtividade para Salão de Beleza - Método Hairsize Rio Grande do Norte FLORA NATIVA PROJETOS LTDA EPP FOLIUS CONSULTORIA E SOLUÇÕES AMBIENTAIS Sustentabilidade rural Gestão de resíduos sólidos FUNDAÇÃO PARA DESENVOLVIMENTO DA PESQUISA DO AGRONEGÓCIO Desenvolvimento de Novos Produtos e Processos São Paulo Implantação de E-commerce GESTÃO ATIVA SOLUÇÕES WEB LTDA Mato Grosso do Sul Meios eletrônicos de pagamento GIBSON THOMAS COMPUTAÇÃO GRÁFICA GROW COMUNICACAO LTDA Clínica Tecnológica - Design Consultoria Design de Moda Paraná Design de Produto Design de Serviços HOLANTEC COMÉRCIO, CONSULTORIA E SERVIÇOS Otimização de processos de produção em agronegócios São Paulo

3 I9A3 COMUNICAÇÃO E SERVIÇOS Consultoria Design de Moda IBD CERTIFICACOES Certificação em produtos orgânicos São Paulo IBS INSTITUTO BIOSISTEMICO São Paulo IGEMAN ENGENHARIA DE MANUTENÇÃO IN VITRO BRASIL S/A Otimização de processos de produção em agronegócios Melhoramento genético de rebanho - fertilização in vitro São Paulo INFO RIO SISTEMAS LTDA EPP Implantação de sistemas de automação comercial Pernambuco Depósito de Patente de Modelo de Utilidade INN.CORE - INOVAÇÃO E TECNOLOGIA LTDA - ME Registro de Marca INSTITUTO AEQUITAS PARA O DESENVOLVIMENTO LOCAL INSTITUTO DE INOVACAO E TECNOLOGIAS SUSTENTAVEIS São Paulo Espírito Santo INSTITUTO TECNOLÓGICO DA PANIFICAÇÃO E CONFEITARIA - ITPC Minas Gerais INSTITUTO EUVALDO LODI - NUCLEO REGIONAL BAHIA Desenvolvimento de Novos Produtos e Processos

4 Cadeia de suprimentos JULIA CRISTINA ANTUNES ROMA - ME LUCAS AGUIAR CAIRES M21 MARCELO LUIS BERVIAN ME MARKA PROJETOS PARA PUBLICIDADE E DESIGN EIRELI - ME Design de Ambientes MERCATUS TOTUM METTA COMUNICAÇÃO NÚCLEO DE EMPREENDIMENTOS EM CIÊNCIA, TECNOLOGIA E ARTES - NECTAR Pernambuco Qualidade - ISO 9001 OAPO ESTÚDIO DE DESIGN Meios eletrônicos de pagamento Parána Implantação de E-commerce ON CONSULTORIA Meios eletrônicos de pagamento Implantação de E-commerce Normalização QUALITY AMBIENTAL Plano de emegência

5 RAFAEL DAMASCENO DOS SANTOS MELO Programa Alimentos Seguros - Indústria REBOUÇAS & DÓREA CONSULTORIA EM SAÚDE S/S LTDA Saúde e Segurança do Trabalho para a área de Saúde Saúde e Segurança no Trabalho - PPRA e PCMSO RICARDO DA SILVA MAYER - ME Rio de Janeiro ROGÉRIO GUSMÃO DO CARMO - ME RURAL CONSULTORIA LTDA ME Espírito Santo Programa Alimentos Seguros - Ambulante Programa Alimentos Seguros - Distribuição S2 CONSULTORIA Programa Alimentos Seguros - Indústria Programa Alimentos Seguros - Mesa Rotulagem de alimentos e bebidas Minas Gerais SANTEC REPRESENTAÇÃO E SERVIÇOS Certificação em produtos orgânicos Pernambuco Consultoria Design de Moda PAS com requisitos da norma ABNT NBR SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM COMERCIAL -SENAC Programa Alimentos Seguros - Ambulante Programa Alimentos Seguros - Distribuição Programa Alimentos Seguros - Mesa Gestão de Resíduos Líquidos SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM INDUSTRIAL - SENAI/BA

6 SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM INDUSTRIAL PETROLINA Qualidade - ISO Otimização de processos de produção em agronegócios Pernambuco SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM RURAL - SENAR Tecnologia agropecuária básica SERVICO SOCIAL DA INDUSTRIA -SESI SEST ASSESSORIA E CONSULTORIA PREVENCIONISTA LTDA ME SWQUALITY CONSULTORIA E SISTEMAS Melhoria de processos de software Pernambuco Clínica Tecnológica -Propriedade intelectual VILLAGE MARCAS E PATENTES S/A LTDA Depósito de Patente de Modelo de Utilidade Registro de Marca

RELAÇÃO DE CREDENCIADAS E SOLUÇÕES HABILITADAS

RELAÇÃO DE CREDENCIADAS E SOLUÇÕES HABILITADAS CREDENCIADA E-MAIL TEMÁTICA ESTADO SITUAÇÃO A3 CONSULTORIA E PROJETOS DE ENGENHARIA LTDA ABJ SERVIÇOS E CONSULTORIA LTDA patricia@a3ambiental.com.br ksevaristo@assiagro.com.br Gestão de Resíduos Líquidos

Leia mais

RELAÇÃO DE CREDENCIADAS E SOLUÇÕES HABILITADAS

RELAÇÃO DE CREDENCIADAS E SOLUÇÕES HABILITADAS CREDENCIADA E-MAIL TEMÁTICA ESTADO SITUAÇÃO 2N Marketing Consultoria noeljr@atarde.com.br Design de Identidade Corporativa A3 CONSULTORIA E PROJETOS DE ENGENHARIA LTDA ABJ SERVIÇOS E CONSULTORIA LTDA patricia@a3ambiental.com.br

Leia mais

CREDENCIADA E-MAIL TEMÁTICA ESTADO SITUAÇÃO. 2N Marketing Consultoria noeljr@atarde.com.br Design de Identidade Corporativa Bahia Ativa

CREDENCIADA E-MAIL TEMÁTICA ESTADO SITUAÇÃO. 2N Marketing Consultoria noeljr@atarde.com.br Design de Identidade Corporativa Bahia Ativa CREDENCIADA E-MAIL TEMÁTICA ESTADO SITUAÇÃO 2N Marketing Consultoria noeljr@atarde.com.br Design de Identidade Corporativa Gestão de Resíduos Líquidos Programa de Adequação a NR 12 6 a 10 máquinas A3 CONSULTORIA

Leia mais

A3 CONSULTORIA E PROJETOS DE ENGENHARIA LTDA. Programa de Adequação a NR 12 acima de 11 máquinas

A3 CONSULTORIA E PROJETOS DE ENGENHARIA LTDA. Programa de Adequação a NR 12 acima de 11 máquinas CREDENCIADA A3 CONSULTORIA E PROJETOS DE ENGENHARIA LTDA ABJ SERVIÇOS E CONSULTORIA LTDA ADC ASSESSORIA E CONSULTORIA EM GESTÃO EMPRESARIAL LTDA Agenda Consultoria E treinamento LTDA - EPP Amx Consultoria

Leia mais

RELAÇÃO DE CREDENCIADAS

RELAÇÃO DE CREDENCIADAS RELAÇÃO DE CREDENCIADAS A3 CONSULTORIA E PROJETOS DE ENGENHARIA LTDA patricia@a3ambiental.com.br 79 4102-0215 Aracaju SE ABJ SERVIÇOS E CONSULTORIA LTDA ksevaristo@assiagro.com.br (62) 3246-4646 Aparecida

Leia mais

ERRATA. No ANEXO II SOLICITAÇÃO DE CADASTRAMENTO DA PESSOA JURÍDICA

ERRATA. No ANEXO II SOLICITAÇÃO DE CADASTRAMENTO DA PESSOA JURÍDICA ERRATA No Edital de Cadastramento 001/SEBRAE-PE/16: Onde se lê: 3.2.2.1.1.10. Comprovação da acreditação pelo INMETRO ou da homologação pelas Redes Metrológicas estaduais, como comprovação da capacidade

Leia mais

Conhecer o cenário de atuação de micro e pequenas empresas é fundamental para subsidiar estratégias de atuação do Sebrae junto a esses negócios.

Conhecer o cenário de atuação de micro e pequenas empresas é fundamental para subsidiar estratégias de atuação do Sebrae junto a esses negócios. Conhecer o cenário de atuação de micro e pequenas empresas é fundamental para subsidiar estratégias de atuação do Sebrae junto a esses negócios. Só assim é possível identificar oportunidades de melhorias

Leia mais

GT INDUSTRIAL Proposta Minas Biotec

GT INDUSTRIAL Proposta Minas Biotec GT INDUSTRIAL Proposta Minas Biotec de temas para a agenda do GT Industrial 2010 27 de Novembro de 2009 MDIC - Brasília SINDUSFARQ Base sindical 750 empresas dos setores representados: Indústria Farmacêutica

Leia mais

Tabelas anexas Capítulo 5

Tabelas anexas Capítulo 5 Tabelas anexas Capítulo 5 Tabela anexa 5.1 Patentes concedidas pelo USPTO para residentes nos Estados Unidos, segundo subdomínios tecnológicos do OST 1974-2006 (anos selecionados) 5-3 Tabela anexa 5.2

Leia mais

FLUXO ATIVIDADES DE SEDES DE EMPRESAS E DE CONSULTORIA EM GESTÃO EMPRESARIAL POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO DO ESTADO DA PARAÍBA 2009

FLUXO ATIVIDADES DE SEDES DE EMPRESAS E DE CONSULTORIA EM GESTÃO EMPRESARIAL POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO DO ESTADO DA PARAÍBA 2009 FLUXO ATIVIDADES DE SEDES DE EMPRESAS E DE CONSULTORIA EM GESTÃO EMPRESARIAL POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO DO ESTADO DA PARAÍBA 2009 Entradas e Saídas de Mercadorias Base 2009 FLUXO ATIVIDADES DE SEDES DE EMPRESAS

Leia mais

RESULTADO DA ANÁLISE DAS EMPRESAS INSCRITAS PARA CADASTRAMENTO NO EDITAL SEBRAETEC N 01/2015

RESULTADO DA ANÁLISE DAS EMPRESAS INSCRITAS PARA CADASTRAMENTO NO EDITAL SEBRAETEC N 01/2015 RESULTADO DA ANÁLISE DAS EMPRESAS INSCRITAS PARA CADASTRAMENTO NO EDITAL SEBRAETEC N 01/2015 Nº Empresa (Razão social/nome Fantasia) CNPJ Área de atuação Subárea Cadastrada PARECER Não Cadastrada Condições

Leia mais

SENAI Paraná Alimentos e Bebidas. Eng. Ma. Amanda Peregrine Primo Coordenação Alimentos e Bebidas SENAI Toledo

SENAI Paraná Alimentos e Bebidas. Eng. Ma. Amanda Peregrine Primo Coordenação Alimentos e Bebidas SENAI Toledo SENAI Paraná Alimentos e Bebidas Eng. Ma. Amanda Peregrine Primo Coordenação Alimentos e Bebidas SENAI Toledo Áreas de atuação Automação Alimentos e Bebidas Celulose e Papel Gestão Mineração / Minerais

Leia mais

RESULTADO PARCIAL DA ETAPA DE HABILITAÇÃO

RESULTADO PARCIAL DA ETAPA DE HABILITAÇÃO CREDENCIAMENTO DE PESSOAS JURÍDICAS para integrar o CADASTRO DE PRESTADORES DE SERVIÇOS DE INSTRUTORIA E CONSULTORIA DO SEBRAE/AC EDITAL SGC nº 01/2015 O SEBRAE- Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas,

Leia mais

e renda Superintendência Nacional Estratégia Competitividade das MPE Associação e a cooperação Micro e Pequeno Empreendedorismo

e renda Superintendência Nacional Estratégia Competitividade das MPE Associação e a cooperação Micro e Pequeno Empreendedorismo e renda Superintendência Nacional Estratégia Competitividade das MPE Micro e Pequeno Empreendedorismo e renda Superintendência Nacional Estratégia Competitividade das MPE Micro e Pequeno Empreendedorismo

Leia mais

DESAFIO DA INOVAÇÃO PARA PEQUENAS EMPRESAS. 0800 570 0800 / www.sebrae.com.br

DESAFIO DA INOVAÇÃO PARA PEQUENAS EMPRESAS. 0800 570 0800 / www.sebrae.com.br DESAFIO DA INOVAÇÃO PARA PEQUENAS EMPRESAS Inovação é... Fonte : Manual de Oslo Tipos de Inovação Tipos de Inovação Inovação deve ter simplicidade e objetividade Inovação deve ser percebida como conceito

Leia mais

Fostering the culture of innovation in the Brazilian Science and Technology Institutions and its ability to transfer knowledge to the business sector

Fostering the culture of innovation in the Brazilian Science and Technology Institutions and its ability to transfer knowledge to the business sector Promovendo a cultura de inovação nas Instituições Brasileiras de Ciência e Tecnologia e a sua capacidade de transferir conhecimento para o setor empresarial Fostering the culture of innovation in the Brazilian

Leia mais

(Publicado em 18/03/2014)

(Publicado em 18/03/2014) SEBRAE BA Edital 01/ 2012 Comunicado 02 Credenciamento de Pessoas Jurídicas para Prestação de Serviços de e RESULTADO DO PROCESSO DE CREDENCIAMENTO (Publicado em 18/03/2014) INFORMAÇÕES IMPORTANTES: 1-

Leia mais

NÚMERO DE ACIDENTES POR DIA DA SEMANA

NÚMERO DE ACIDENTES POR DIA DA SEMANA RODOVIÁRIAS Quadro 13 - UF: ACRE Ano de 211 82 5 6 8 9 5 3 14 4 11 9 4 4 63 2 4 7 6 6 9 4 8 4 4 3 6 68 4 2 8 3 1 8 4 9 2 6 7 5 63 3 6 3 2 13 9 8 7 5 1 5 1 67 4 2 9 6 8 5 5 7 6 6 4 5 85 3 7 1 1 4 7 9 6

Leia mais

Arranjo Produtivo Local

Arranjo Produtivo Local Arranjo Produtivo Local GN CAPTAÇÃO MICRO E PEQUENA EMPRESA SN Micro e Pequena Empresa Atuação em APL da CAIXA tem o objetivo de promover: Principais setores apoiados Aeroespacial Biotecnologia Couro e

Leia mais

Tabela 4 - Participação das atividades econômicas no valor adicionado bruto a preços básicos, por Unidades da Federação - 2012

Tabela 4 - Participação das atividades econômicas no valor adicionado bruto a preços básicos, por Unidades da Federação - 2012 Contas Regionais do Brasil 2012 (continua) Brasil Agropecuária 5,3 Indústria 26,0 Indústria extrativa 4,3 Indústria de transformação 13,0 Construção civil 5,7 Produção e distribuição de eletricidade e

Leia mais

TOTAL DE CANDIDATOS POR IES/CURSO

TOTAL DE CANDIDATOS POR IES/CURSO TOTAL DE CANDIDATOS POR IES/CURSO UF da IES Nome da IES Nome do Curso Qtd. Inscritos SP FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO ABC Ciência e Tecnologia ** 16.253 BA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA

Leia mais

FLUXO ATIVIDADES DOS SERVIÇOS DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009

FLUXO ATIVIDADES DOS SERVIÇOS DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 FLUXO ATIVIDADES DOS DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 Entradas e Saídas de Mercadorias Base 2009 FLUXO, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009

Leia mais

Conheça o Sistema Fiep

Conheça o Sistema Fiep sistemafiep.com.br Conheça o Sistema Fiep sistema fiep. nosso i é de indústria. SISTEMA S Já ouviu falar? AGRICULTURA INDÚSTRIA COMÉRCIO O SISTEMA S EMPREENDEDORISMO COOPERATIVISMO TRANSPORTE AGRICULTURA

Leia mais

Tecnologia em Produção de Grãos

Tecnologia em Produção de Grãos Tecnologia em Produção de Grãos Nível/Grau: Superior/Tecnólogo Vagas: 30 Turno: Matutino Duração: 3 anos mais estágio (7 semestres) Perfil do Egresso O profissional estará capacitado para: Produzir grãos

Leia mais

FLUXO ATIVIDADES FINANCEIRAS, DE SEGUROS E SERVIÇOS RELACIONADOS POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009

FLUXO ATIVIDADES FINANCEIRAS, DE SEGUROS E SERVIÇOS RELACIONADOS POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 FLUXO ATIVIDADES FINANCEIRAS, DE SEGUROS E RELACIONADOS POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 Entradas e Saídas de Mercadorias Base 2009 FLUXO, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA

Leia mais

Inovação Tecnológica e Transferência de Tecnologia SENAI-BA / CIMATEC

Inovação Tecnológica e Transferência de Tecnologia SENAI-BA / CIMATEC Núcleo de Inovação Tecnológica - NIT Inovação Tecnológica e Transferência de Tecnologia SENAI-BA / CIMATEC Profª. Maria do Carmo Oliveira Ribeiro, MSc. Coord. Núcleo de Inovação Tecnológica NIT SENAI-BA

Leia mais

QUANTITATIVO DE INSCRITOS

QUANTITATIVO DE INSCRITOS ADMINISTRADOR(A) JÚNIOR NACIONAL 38532 ADVOGADO(A) JÚNIOR NACIONAL 17543 ANALISTA AMBIENTAL JÚNIOR - BIOLOGIA NACIONAL 6370 ANALISTA DE COMERCIALIZACAO E LOGÍSTICA JÚNIOR - COMÉRCIO E SUPRIMENTO NACIONAL

Leia mais

RESULTADO PRELIMINAR - ETAPA 3 CERTIFICAÇÃO DA CAPACIDADE TÉCNICA (AULA PRÁTICA) INTRUTORIA

RESULTADO PRELIMINAR - ETAPA 3 CERTIFICAÇÃO DA CAPACIDADE TÉCNICA (AULA PRÁTICA) INTRUTORIA SEBRAE/MA Edital de Credenciamento 01/2012 Comunicado de Credenciamento 001/2014 Credenciamento para Prestação de Serviços de Instrutoria e RESULTADO PRELIMINAR - ETAPA 3 CERTIFICAÇÃO DA CAPACIDADE TÉCNICA

Leia mais

ATENÇÃO: Há uma listagem para Pessoa Jurídica, outra para Profissionais Indicados e outra para Profissionais Autônomos.

ATENÇÃO: Há uma listagem para Pessoa Jurídica, outra para Profissionais Indicados e outra para Profissionais Autônomos. SEBRAE NA Edital de Credenciamento 02/2010 ERRATA 01 Comunicado 06 Credenciamento para Prestação de Serviços de e ETAPA 2 HABILITAÇÃO PESSOA JURÍDICA Publicado em 17/12/2012 ATENÇÃO: Há uma listagem para

Leia mais

DPS1035 Gestão Ambiental e Sustentabilidade. CGEP Eng a. Morgana Pizzolato, Dr a.

DPS1035 Gestão Ambiental e Sustentabilidade. CGEP Eng a. Morgana Pizzolato, Dr a. DPS1035 Gestão Ambiental e Sustentabilidade CGEP Eng a. Morgana Pizzolato, Dr a. Contextualização A preocupação por parte das organizações com seus impactos ambientais tornou-se uma componente constante

Leia mais

RANKING NACIONAL DO TRABALHO INFANTIL (5 a 17 ANOS) QUADRO COMPARATIVO DOS DADOS DA PNAD (2008 e 2009)

RANKING NACIONAL DO TRABALHO INFANTIL (5 a 17 ANOS) QUADRO COMPARATIVO DOS DADOS DA PNAD (2008 e 2009) NACIONAL DO TRABALHO INFANTIL (5 a 17 ANOS) QUADRO COMPARATIVO DOS DADOS DA PNAD (2008 e 2009) População Ocupada 5 a 17 anos 2008 Taxa de Ocupação 2008 Posição no Ranking 2008 População Ocupada 5 a 17

Leia mais

FLUXO TRANSPORTE AQUAVIÁRIO POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009

FLUXO TRANSPORTE AQUAVIÁRIO POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009 FLUXO POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009 Entradas e Saídas de Mercadorias Base 2009 FLUXO, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009 Estados Norte 0 0,00 0 0 0 0,00 Rondônia

Leia mais

DIVULGAÇÃO DO RESULTADO DA ETAPA 3 CERTIFICAÇÃO DA CAPACIDADE TÉCNICA: RESULTADO PRELIMINAR DA AVALIAÇÃO DE CONHECIMETOS TÉCNICOS

DIVULGAÇÃO DO RESULTADO DA ETAPA 3 CERTIFICAÇÃO DA CAPACIDADE TÉCNICA: RESULTADO PRELIMINAR DA AVALIAÇÃO DE CONHECIMETOS TÉCNICOS SEBRAE/MA Edital de Credenciamento 01/2012 Comunicado de Credenciamento 001/2014 Credenciamento para Prestação de Serviços de Instrutoria e Consultoria DIVULGAÇÃO DO RESULTADO DA ETAPA 3 CERTIFICAÇÃO DA

Leia mais

CATÁLOGO DE REQUISITOS

CATÁLOGO DE REQUISITOS CATÁLOGO DE REQUISITOS Biologia (Base Nacional Comum) Biologia (LP) Ciências Biológicas (LP) Ciências com Habilitação em Biologia (LP) Ciências da Natureza (LP) Ciências da Natureza com Habilitação em

Leia mais

FLUXO DE ATIVIDADES DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE INFORMAÇÃO POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009

FLUXO DE ATIVIDADES DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE INFORMAÇÃO POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 FLUXO DE ATIVIDADES DE PRESTAÇÃO DE DE INFORMAÇÃO POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 Entradas e Saídas de Mercadorias Base 2009 FLUXO DE, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA -

Leia mais

CONSTRUÇÃO DOS REFERENCIAIS NACIONAIS DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO BACHARELADOS E LICENCIATURAS ENGENHARIAS Convergência de Denominação (De Para)

CONSTRUÇÃO DOS REFERENCIAIS NACIONAIS DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO BACHARELADOS E LICENCIATURAS ENGENHARIAS Convergência de Denominação (De Para) CONSTRUÇÃO DOS REFERENCIAIS NACIONAIS DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO BACHARELADOS E LICENCIATURAS ENGENHARIAS Convergência de Denominação (De Para) DE (Engenharia Agronômica) (Visão Sistêmica em Agronegócios)

Leia mais

Relatório Gerencial TECNOVA

Relatório Gerencial TECNOVA Relatório Gerencial TECNOVA Departamento de Produtos Financeiros Descentralizados - DPDE Área de Apoio à Ciência, Inovação, Infraestrutura e Tecnologia - ACIT Fevereiro de 2015 Marcelo Nicolas Camargo

Leia mais

ESTRATÉGIA SEBRAE PARA O DESENVOLVIMENTO DOS EMPRESÁRIOS

ESTRATÉGIA SEBRAE PARA O DESENVOLVIMENTO DOS EMPRESÁRIOS ESTRATÉGIA SEBRAE PARA O DESENVOLVIMENTO DOS EMPRESÁRIOS Fonte: Sebrae Mais prático Mais flexível Mais personalizado www.sebraemais.com.br Programa SEBRAETEC = Consultorias Tecnológicas O que

Leia mais

CALIBRAÇÃO DE TRABALHO E AMBIENTE PUCRS AMPLIAÇÃO DO LABORATÓRIO DE ENSAIOS DA PUCRS FIBRAS ÓPTICAS - NANOMETROLOGIA EM COMPRIMENTO DE ONDA

CALIBRAÇÃO DE TRABALHO E AMBIENTE PUCRS AMPLIAÇÃO DO LABORATÓRIO DE ENSAIOS DA PUCRS FIBRAS ÓPTICAS - NANOMETROLOGIA EM COMPRIMENTO DE ONDA &79HUGH$PDUHOR81,9(56,'$'((035(6$ 5HVXOWDGRV (GLWDO9HUGH$PDUHOR7,%),1(3&13T A FI NEP divulga o resultado do 1º período de apresentação de propostas do Edital 01/ 2002, tom ando com o base a avaliação de

Leia mais

INFORME CONJUNTURAL. Comportamento do Emprego - Ano de 2014 - Brasil. Subseção Dieese Força Sindical. Elaboração: 23/01/15

INFORME CONJUNTURAL. Comportamento do Emprego - Ano de 2014 - Brasil. Subseção Dieese Força Sindical. Elaboração: 23/01/15 INFORME CONJUNTURAL Comportamento do Emprego - Ano de 2014 - Brasil Subseção Dieese Força Sindical Elaboração: 23/01/15 Segundo dados divulgados pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged),

Leia mais

PETROBRAS 01/2009 Quantitativo de Inscritos (Cargo / Polo) CARGO POLO INSCRITOS ADVOGADO JÚNIOR BRASÍLIA 1296 ADVOGADO JÚNIOR ESTADO DA BAHIA 1770

PETROBRAS 01/2009 Quantitativo de Inscritos (Cargo / Polo) CARGO POLO INSCRITOS ADVOGADO JÚNIOR BRASÍLIA 1296 ADVOGADO JÚNIOR ESTADO DA BAHIA 1770 ADVOGADO JÚNIOR BRASÍLIA 1296 ADVOGADO JÚNIOR ESTADO DA BAHIA 1770 ADVOGADO JÚNIOR ESTADO DE PERNAMBUCO 460 ADVOGADO JÚNIOR ESTADO DE SÃO PAULO 2569 ADVOGADO JÚNIOR ESTADO DE SERGIPE 676 ADVOGADO JÚNIOR

Leia mais

A relação dos projetos aprovados, indeferidos e não pré-qualificados éa seguinte:

A relação dos projetos aprovados, indeferidos e não pré-qualificados éa seguinte: CT-INFRA - Fundo de Infra-Estrutura RESULTADO DO EDITAL 03/2001 CT-INFRA O Comitê Gestor do CT-INFRA, em reunião realizada em 03 de junho de 2002, tomando como base a avaliação de mérito do Comitê Assessor,

Leia mais

SENAI abre mais de 18 mil vagas em cursos técnicos

SENAI abre mais de 18 mil vagas em cursos técnicos http://portaldaindustria.com.br/agenciacni/ 04 FEV 2013 SENAI abre mais de 18 mil vagas em cursos técnicos None Inscrições estão abertas em nove estados com prazos variados até o fim de março. Maior parte

Leia mais

SEBRAE/PE - Edital 01/2013. Credenciamento de Empresas para Prestação de Serviços de Instrutoria e Consultoria

SEBRAE/PE - Edital 01/2013. Credenciamento de Empresas para Prestação de Serviços de Instrutoria e Consultoria SEBRAE/PE - Edital 01/2013 Credenciamento de Empresas para Prestação de Serviços de e PRELIMINAR DA ETAPA 2 - HABILITAÇÃO - PESSOA JURÍDICA ATENÇÃO: Há uma listagem para Pessoa Jurídica e outra para Profissionais

Leia mais

TEMA: Sustentabilidade e seus impactos no setor vitivinícola brasileiro.

TEMA: Sustentabilidade e seus impactos no setor vitivinícola brasileiro. PROGRAMA QUALITY WINE TEMA: Sustentabilidade e seus impactos no setor vitivinícola brasileiro. Fundaparque 03 e 04 de Maio de 2011. 03 de maio, terça-feira Uma visão geral de sustentabilidade no mundo

Leia mais

Grandes Regiões e Unidades da Federação: Esperança de vida ao nascer segundo projeção populacional: 1980, 1991-2030 - Ambos os sexos

Grandes Regiões e Unidades da Federação: Esperança de vida ao nascer segundo projeção populacional: 1980, 1991-2030 - Ambos os sexos e Unidades da Federação: Esperança de vida ao nascer segundo projeção populacional: 1980, 1991-2030 - Ambos os sexos Unidades da Federação 1980 1991 1992 1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002

Leia mais

DE INOVAÇÃO E TECNOLOGIA 52, 102, CEP

DE INOVAÇÃO E TECNOLOGIA 52, 102, CEP DADOS JURÍDICOS O Instituto SAVIESA DE INOVAÇÃO E TECNOLOGIA é uma associação, pessoa jurídica de direito privado, sem fins lucrativos, com sede no município de Vitória, Estado do Espírito Santo, à Rua

Leia mais

Chamada Pública MCTI/FINEP - AT - PRÓ-INOVA. Núcleos de Apoio à Gestão da Inovação - 11/2010

Chamada Pública MCTI/FINEP - AT - PRÓ-INOVA. Núcleos de Apoio à Gestão da Inovação - 11/2010 NAGI Núcleos de Apoio à Gestão da Inovação Chamada Pública MCTI/FINEP - AT - PRÓ-INOVA Núcleos de Apoio à Gestão da Inovação - 11/2010 Objetivo Estruturação e operação de Núcleos de Apoio à Gestão da Inovação

Leia mais

Setores indutriais com maior demanda por formação segundo UF (todas as ocupações) - Média anual 2014/15

Setores indutriais com maior demanda por formação segundo UF (todas as ocupações) - Média anual 2014/15 Setores indutriais com maior demanda por formação segundo UF (todas as ocupações) - Média anual 2014/15 Estado Rondônia Acre Amazonas Roraima Pará Amapá Tocantins Maranhão Piauí Ceará Rio Grande do Norte

Leia mais

PLANILHA DE CONTROLE - OFERTA DE CURSOS POR INSTITUIÇÕES FEDERAIS DE ENSINO

PLANILHA DE CONTROLE - OFERTA DE CURSOS POR INSTITUIÇÕES FEDERAIS DE ENSINO PLANILHA DE CONTROLE - OFERTA DE CURSOS POR INSTITUIÇÕES FEDERAIS DE ENSINO ID Proponente UF CURSO 1 CEFET-AL ALAGOAS Hotelaria 2 CEFET-CE CEARÁ Hospedagem 3 CEFET-CE CEARÁ Matemática 4 CEFET-ES ESPÍRITO

Leia mais

Publicado em 07/05/2014

Publicado em 07/05/2014 SEBRAE/MA Edital de Credenciamento 01/2012 Comunicado de Credenciamento 001/2014 Credenciamento para Prestação de Serviços de e DIVULGAÇÃO DO RESULTADO DA ETAPA 2 HABILITAÇÃO: RESULTADO PRELIMINAR DA ANÁLISE

Leia mais

FLUXO ATIVIDADES IMOBILIÁRIAS POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009

FLUXO ATIVIDADES IMOBILIÁRIAS POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 FLUXO POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 Entradas e Saídas de Mercadorias Base 2009 FLUXO, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009 Estados Norte 7.938 0,37 0 0,00-7.938 0,37

Leia mais

Publicado em 14/05/2014

Publicado em 14/05/2014 SEBRAE/MA Edital de Credenciamento 01/2012 Comunicado de Credenciamento 001/2014 Credenciamento para Prestação de Serviços de Instrutoria e Consultoria DIVULGAÇÃO DO RESULTADO DA ETAPA 2 HABILITAÇÃO: RESULTADO

Leia mais

SEBRAE NA Edital de Credenciamento 01/2015 Credenciamento para Prestação de Serviços de Instrutoria e Consultoria. Comunicado 01

SEBRAE NA Edital de Credenciamento 01/2015 Credenciamento para Prestação de Serviços de Instrutoria e Consultoria. Comunicado 01 SEBRAE NA Edital de Credenciamento 01/2015 Credenciamento para Prestação de Serviços de Instrutoria e Consultoria Comunicado 01 CONVOCAÇÃO FINAL PARA 3ª ETAPA CERTIFICAÇÃO DA CAPACIDADE TÉCNICA AVALIAÇÃO

Leia mais

2- A relação abaixo é referente somente ao resultado dos profissionais indicados aprovados no Processo de Credenciamento.

2- A relação abaixo é referente somente ao resultado dos profissionais indicados aprovados no Processo de Credenciamento. SEBRAE NA Edital de Credenciamento 02/2010 Errata 01 Comunicado 04 RESULTADO DO PROCESSO DE CREDENCIAMENTO Publicado em 01/11/2012 INFORMAÇÕES IMPORTANTES: 1- Observe a continuidade das informações quando

Leia mais

Certificação de Meios de Hospedagens

Certificação de Meios de Hospedagens Certificação de Meios de Hospedagens NBR 15401:2006 - Meios de Hospedagem Sistema de Gestão da Sustentabilidade Sistema A Norma NBR 15401:2006 Meios de Hospedagem Sistema de Gestão da Sustentabilidade

Leia mais

RESULTADO FINAL DA ETAPA DE CERTIFICAÇÃO DA CAPACIDADE TÉCNICA FASE II - Prova prática

RESULTADO FINAL DA ETAPA DE CERTIFICAÇÃO DA CAPACIDADE TÉCNICA FASE II - Prova prática CREDENCIAMENTO DE PESSOAS JURÍDICAS para integrar o CADASTRO DE PRESTADORES DE SERVIÇOS DE INSTRUTORIA E CONSULTORIA DO SEBRAE/AC EDITAL SGC nº 01/2015 O SEBRAE- Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas,

Leia mais

Demonstrativo das Receitas Diretamente Arrecadadas por Órgão/Unidade Orçamentária

Demonstrativo das Receitas Diretamente Arrecadadas por Órgão/Unidade Orçamentária Demonstrativo das Receitas Diretamente Arrecadadas por Órgão/Unidade Orçamentária 01. 000 Câmara dos Deputados 1.462.885 1.388.134 74.751 01. 901 Fundo Rotativo da Câmara dos Deputados 1.462.885 1.388.134

Leia mais

Informações sobre salários e escolaridade dos professores e comparativo com não-professores

Informações sobre salários e escolaridade dos professores e comparativo com não-professores Informações sobre salários e escolaridade dos professores e comparativo com não-professores Total de profissionais, independentemente da escolaridade 2003 2007 2008 Professores da Ed Básica (públicas não

Leia mais

Projeto 8: Conhecimento para Inovação. Universidade de Brasília LACIS/CDS/FAU

Projeto 8: Conhecimento para Inovação. Universidade de Brasília LACIS/CDS/FAU Projeto 8: Conhecimento para Inovação Universidade de Brasília LACIS/CDS/FAU Equipe Técnica Laboratório do Ambiente Construído, Inclusão e Sustentabilidade LACIS/FAU/CDS/UnB: Coord. Geral: Raquel Naves

Leia mais

Graduação em Química Universidade de São Paulo. Claudimir Lucio do Lago Julho de 2007

Graduação em Química Universidade de São Paulo. Claudimir Lucio do Lago Julho de 2007 Programa de Pós-GraduaP Graduação em Química Universidade de São Paulo Claudimir Lucio do Lago Julho de 2007 História Os cursos de mestrado e doutorado do IQ-USP foram iniciados em fevereiro de 1970 nas

Leia mais

Belo Horizonte, 03 de Outubro de 2012. Aos Senhores Participantes

Belo Horizonte, 03 de Outubro de 2012. Aos Senhores Participantes Belo Horizonte, 03 de Outubro de 2012. Página 1 de 5 Aos Senhores Participantes REF.: REGULAMENTO DE CREDENCIAMENTO IEL N.º 001/2012 Cadastro de empresas jurídicas, visando a prestação de serviços de CONSULTORIA,

Leia mais

Serviços Financeiros e Contábeis

Serviços Financeiros e Contábeis Empresa Profissional Indicado Area Subarea Cidade Odair José Mombach Dilermando da Silva Serviços Financeiros e Contabilidade para Micro e Pequenas Empresas Coxim Odair José Mombach Dilermando da Silva

Leia mais

Tabela 1 - Conta de produção por operações e saldos, segundo as Grandes Regiões e as Unidades da Federação - 2004-2008

Tabela 1 - Conta de produção por operações e saldos, segundo as Grandes Regiões e as Unidades da Federação - 2004-2008 (continua) Produção 5 308 622 4 624 012 4 122 416 3 786 683 3 432 735 1 766 477 1 944 430 2 087 995 2 336 154 2 728 512 Consumo intermediário produtos 451 754 373 487 335 063 304 986 275 240 1 941 498

Leia mais

Projeto 8: Conhecimento para Inovação. Universidade de Brasília LACIS/CDS/FAU

Projeto 8: Conhecimento para Inovação. Universidade de Brasília LACIS/CDS/FAU Projeto 8: Conhecimento para Inovação Universidade de Brasília LACIS/CDS/FAU CADEIA DE SUPRIMENTOS CADEIA PRINCIPAL OU DE PROCESSOS CADEIA AUXILIAR Indústria Cimento Complexidade da CPIC Indústria Cerâmica

Leia mais

Portal da Transparência CRC SP. Contratos Vigentes - 31-12-2014

Portal da Transparência CRC SP. Contratos Vigentes - 31-12-2014 Empresa Prestação de Serviço Processo Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo - SABESP 43.776.517/0001-80 Portal da Transparência CRC SP Contratos Vigentes - 31-12-2014 Depto. Gestor Data

Leia mais

Agua Viva Consultoria Aquicola e Ambiental Ltda ARMANDO MONTEIRO DA FONSECA JUNIOR Sustentabilidade Biodiversidade Consultoria classificado

Agua Viva Consultoria Aquicola e Ambiental Ltda ARMANDO MONTEIRO DA FONSECA JUNIOR Sustentabilidade Biodiversidade Consultoria classificado SEBRAE/ES - Comunicado 03 do Edital 02/2010 Credenciamento de Pessoas Jurídicas para Prestação de Serviços de Instrutoria e Consultoria Resultado Final da Avaliação de Habilidades - Etapa Certificação

Leia mais

INFORME CONJUNTURAL. Comportamento do Emprego Fevereiro de 2015 - Brasil. Subseção Dieese Força Sindical. Elaboração: 19/03/2015

INFORME CONJUNTURAL. Comportamento do Emprego Fevereiro de 2015 - Brasil. Subseção Dieese Força Sindical. Elaboração: 19/03/2015 INFORME CONJUNTURAL Comportamento do Emprego Fevereiro de 2015 - Brasil Subseção Dieese Força Sindical Elaboração: 19/03/2015 Segundo dados divulgados pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados

Leia mais

Marcus Gregório Serrano

Marcus Gregório Serrano Marcus Gregório Serrano Presidente marcus.gregorio@pmies.org.br presidencia@pmies.org.br Consultor e professor. Graduado em Sistemas de Informação, é especialista em Gerenciamento de Projetos e certificado

Leia mais

ID Proponente UF CURSO TIPO

ID Proponente UF CURSO TIPO PLANILHA DE CONTROLE - OFERTA DE CURSOS POR INSTITUIÇÕES FEDERAIS DE ENSINO ID Proponente UF CURSO TIPO 1 CEFET-AL ALAGOAS Hotelaria Tecnólogo 2 CEFET-CE CEARÁ Hospedagem Tecnólogo 3 CEFET-CE CEARÁ Matemática

Leia mais

Site: www.geomata.com.br Tel.: (21) 9999-1183 E-mail: administrativo@geomata.com.br

Site: www.geomata.com.br Tel.: (21) 9999-1183 E-mail: administrativo@geomata.com.br Empresa: GEOMATA - Soluções Ambientais Setor de atuação: Meio ambiente, Engenharia Florestal Status: ( ) Pré-incubada ( ) Incubada ( x ) Graduada ( ) Associada ( ) PRIME Inventário florestal, manejo florestal,

Leia mais

FLUXO FABRICAÇÃO DE VEÍCULOS AUTOMOTORES, REBOQUES E CARROCERIAS POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009

FLUXO FABRICAÇÃO DE VEÍCULOS AUTOMOTORES, REBOQUES E CARROCERIAS POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 FLUXO FABRICAÇÃO DE VEÍCULOS AUTOMOTORES, REBOQUES E CARROCERIAS POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 Entradas e Saídas de Mercadorias Base 2009 FLUXO, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO

Leia mais

Cursos de Graduação a Distância

Cursos de Graduação a Distância de Graduação a Distância 427 428 7 - de Graduação a Distância 7.1 -,,, por Vestibular e Outros Processos Seletivos (*), e nos de Graduação a Distância, segundo as Instituições Brasil 2004 (continua) Instituições

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE ADMINISTRACAO DE SAO PAULO - CRA / SP SG - v. 1.0.119.03

CONSELHO REGIONAL DE ADMINISTRACAO DE SAO PAULO - CRA / SP SG - v. 1.0.119.03 14/09/2015 17:08:55 Número Ordem : OS/0001/2015 Serviço : SERVIÇOS DE LAVANDERIA Página : 1 Favorecido : LAVANDERIA NOVE DE JULHO LAVANDERIA NOVE DE JULHO 21/01/2015 3.449,52 LAVÍSSIMA LAVANDERIA E TINTURARIA

Leia mais

Portfólio. www.vortice.com.br

Portfólio. www.vortice.com.br Portfólio 2012 www.vortice.com.br A EMPRESA Fundada em 1996, a VÓRTICE Engenharia de Projetos SS Ltda. tem como objetivo elaborar projetos de engenharia no segmento industrial. A VÓRTICE busca constantemente

Leia mais

Date 5 may 2015. SISTEMA S - Brasil. Dionisio Parise. SENAI Departamento Regional do Parana

Date 5 may 2015. SISTEMA S - Brasil. Dionisio Parise. SENAI Departamento Regional do Parana Date 5 may 2015 SISTEMA S - Brasil Dionisio Parise SENAI Departamento Regional do Parana AGRICULTURA INDÚSTRIA COMÉRCIO SISTEMA S EMPREENDEDORISMO COOPERATIVISMO TRANSPORTE CNA Confederação da Agricultura

Leia mais

Alimento é coisa séria! Uma cartilha para manipuladores de alimentos

Alimento é coisa séria! Uma cartilha para manipuladores de alimentos Alimento é coisa séria! Uma cartilha para manipuladores de alimentos Corel 2005 Alimento é coisa séria! Uma cartilha para manipuladores de alimentos Esse livro foi composto na tipologia True type Comic

Leia mais

Existem inúmeros benefícios quando você escolhe smar

Existem inúmeros benefícios quando você escolhe smar Soluções smar Acesso Remoto a Outras Usinas Estação de Engenharia Supervisão, Controle e Comunicação Existem inúmeros benefícios quando você escolhe smar Maior e único fabricante de equipamentos de Automação

Leia mais

ANEXO 9 TABELA DE PREÇOS POR SOLUÇÃO SEBRAETEC

ANEXO 9 TABELA DE PREÇOS POR SOLUÇÃO SEBRAETEC ANEXO 9 TABELA DE PREÇOS POR SOLUÇÃO SEBRAETEC TABELA DE PREÇOS DE SERVIÇOS TECNOLÓGICOS SEBRAETEC MODALIDADE ORIENTAÇÃO (valores R$) ÁREA TIPO DE SERVIÇO MEI / Produtor SUBÁREA/SOLUÇÃO Rural ME EPP Análise

Leia mais

Quadro 13 - Despesas com Tecnologia da Informação

Quadro 13 - Despesas com Tecnologia da Informação 0570 Gestão do Processo Eleitoral 3.436.813 0570 20GP Julgamento de Causas e Gestão Administrativa na Justiça Eleitoral 3.436.813 0570 20GP 0027 Julgamento de Causas e Gestão Administrativa na Justiça

Leia mais

INFORMAÇÕES IMPORTANTES:

INFORMAÇÕES IMPORTANTES: SEBRAE/PR - Edital 02/2015 Credenciamento de Pessoas Jurídicas para Prestação de Serviços de Consultoria e Capacitação Empresarial COMUNICADO 02 RESULTADO DO PROCESSO DE CREDENCIAMENTO Publicado em 18/12/2015

Leia mais

CORPO DOCENTE DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM MANUTENÇÃO INDUSTRIAL ANO 2015

CORPO DOCENTE DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM MANUTENÇÃO INDUSTRIAL ANO 2015 CORPO DOCENTE DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM MANUTENÇÃO INDUSTRIAL ANO 2015 Anderson José Costa Sena (Mestre) Regime de Trabalho: Tempo Integral Qualificação Profissional: Engenharia Elétrica Doutorando

Leia mais

Rede Brasileira de Produção mais Limpa

Rede Brasileira de Produção mais Limpa Rede Brasileira de Produção mais Limpa Conselho Empresarial Brasileiro para o Desenvolvimento Sustentável SENAI Sistema FIERGS Rede Brasileira de Produção mais Limpa PARCEIROS Conselho Empresarial Brasileiro

Leia mais

Um relato dos desafios encontrados e dos benefícios conseguidos com a implantação das práticas propostas pelo nível F do modelo de referência de

Um relato dos desafios encontrados e dos benefícios conseguidos com a implantação das práticas propostas pelo nível F do modelo de referência de Um relato dos desafios encontrados e dos benefícios conseguidos com a implantação das práticas propostas pelo nível F do modelo de referência de processo MPS.BR OUTUBRO 2009 FELÍCIO NASSIF / GUSTAVO NASCIMENTO

Leia mais

RELAÇÃO DE "EMPRESAS CREDENCIADAS" POR SUBÁREA

RELAÇÃO DE EMPRESAS CREDENCIADAS POR SUBÁREA RELAÇÃO DE "EMPRESAS CREDENCIADAS" POR SUBÁREA 1. Administração Geral Subárea 1.1 Rotinas Administrativas Subárea 1.2 Técnicas administrativas I Subárea 1.3 Técnicas administrativas II Subárea 1.4 Técnicas

Leia mais

Institutos SENAI de Tecnologia e Inovação

Institutos SENAI de Tecnologia e Inovação Institutos SENAI de Tecnologia e Inovação AS INDÚSTRIAS NECESSITAM IN O VAR PARA SEREM MAIS COMPETITIVAS + Educação Tecnologia + Inovação = Competitividade INSTITUTOS SENAI DE TECNOLOGIA (60) MA Construção

Leia mais

FLUXO ATIVIDADES ADMINISTRATIVAS E SERVIÇOS COMPLEMENTARES POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009

FLUXO ATIVIDADES ADMINISTRATIVAS E SERVIÇOS COMPLEMENTARES POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 FLUXO ATIVIDADES ADMINISTRATIVAS E COMPLEMENTARES POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 Entradas e Saídas de Mercadorias Base 2009 FLUXO, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009

Leia mais

SEBRAE SE Edital 01/ 2015 Credenciamento de Pessoas Jurídicas para Prestação de Serviços de Instrutoria e Consultoria

SEBRAE SE Edital 01/ 2015 Credenciamento de Pessoas Jurídicas para Prestação de Serviços de Instrutoria e Consultoria SEBRAE SE Edital 01/ 2015 Credenciamento de Pessoas Jurídicas para Prestação de Serviços de e RESULTADO ETAPA 2: HABILITAÇÃO - PESSOAS JURÍDICAS E PROFISSIONAIS INDICADOS 28/10/2015 LEIA ATENTAMENTE AS

Leia mais

INSTITUTO SENAI DE INOVAÇÃO EM TECNOLOGIAS MINERAIS

INSTITUTO SENAI DE INOVAÇÃO EM TECNOLOGIAS MINERAIS INSTITUTO SENAI DE INOVAÇÃO EM TECNOLOGIAS MINERAIS Slide 1 O que fazer para melhorar a competitividade da indústria? Mobilização Empresarial pela Inovação MEI Melhorar a infraestrutura Disseminar a cultura

Leia mais

Participação dos pequenos negócios na economia

Participação dos pequenos negócios na economia Sebraetec Participação dos pequenos negócios na economia Países Participação Empresas (%) Participação Emprego Participação Val. Adic. PIB Itália 99,4 68,50 55,60 Espanha 99 63,20 50,60 Portugal 99,3 65,20

Leia mais

PETROBRAS 01/2010 - PROVA 16/05/2010 - QUANTITATIVO DE INSCRITOS

PETROBRAS 01/2010 - PROVA 16/05/2010 - QUANTITATIVO DE INSCRITOS ADMINISTRADOR(A) JÚNIOR ESTADO DA BAHIA 973 ADMINISTRADOR(A) JÚNIOR ESTADO DE SÃO PAULO 643 ADMINISTRADOR(A) JÚNIOR ESTADO DO AMAZONAS 256 ADMINISTRADOR(A) JÚNIOR ESTADO DO ESPÍRITO SANTO 565 ADMINISTRADOR(A)

Leia mais

CORPO DOCENTE DO CURSO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL RELAÇÕES PÚBLICAS

CORPO DOCENTE DO CURSO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL RELAÇÕES PÚBLICAS CORPO DOCENTE DO CURSO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL RELAÇÕES PÚBLICAS Alcyr de Morisson Faria Neto (Especialista) Regime de Trabalho: Área de conhecimento: Engenharia Qualificação profissional: Arquitetura e

Leia mais

Gestão da Qualidade PBQP-H

Gestão da Qualidade PBQP-H Gestão da Qualidade PBQP-H 2 www.nbs.com.br Soluções eficazes em Gestão de Negócios. Nossa Visão Ser referência em consultoria de desenvolvimento e implementação de estratégias, governança, melhoria de

Leia mais

SEBRAE RJ Edital de Credenciamento 01/2015. Comunicado 02 RESULTADO ETAPA HABILITAÇÃO PESSOAS JURÍDICAS E PROFISSIONAIS INDICADOS

SEBRAE RJ Edital de Credenciamento 01/2015. Comunicado 02 RESULTADO ETAPA HABILITAÇÃO PESSOAS JURÍDICAS E PROFISSIONAIS INDICADOS SEBRAE RJ Edital de Credenciamento 01/2015 Comunicado 02 RESULTADO ETAPA HABILITAÇÃO PESSOAS JURÍDICAS E PROFISSIONAIS INDICADOS Publicado em 27/05/2015 LEIA ATENTAMENTE AS INFORMAÇÕES ABAIXO: A aprovação

Leia mais

Prorrogada a data limite de submissão de trabalhos até o dia 21 de outubro. Ficha de inscrição em anexo.

Prorrogada a data limite de submissão de trabalhos até o dia 21 de outubro. Ficha de inscrição em anexo. I - SIMPÓSIO DO DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA AMBIENTAL DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA Tema: Energia e Meio Ambiente Data: 10 a 12 de novembro de 2008 Prorrogada a data limite de submissão de trabalhos

Leia mais

Integração de Ferramentas de Apoio a Processos Outubro 2010 GUSTAVO VAZ NASCIMENTO

Integração de Ferramentas de Apoio a Processos Outubro 2010 GUSTAVO VAZ NASCIMENTO Integração de Ferramentas de Apoio a Processos Outubro 2010 GUSTAVO VAZ NASCIMENTO AGENDA AGENDA 1. Sobre a Shift 2. Integração de ferramentas de apoio 1. SCMBug Integração entre SCM Tools e ferramentas

Leia mais

COMPONENTES CURRICULARES POR TITULAÇÃO PROCESSO SELETIVO 7591/2013

COMPONENTES CURRICULARES POR TITULAÇÃO PROCESSO SELETIVO 7591/2013 COMPONENTES CURRICULARES POR TITULAÇÃO PROCESSO SELETIVO 7591/2013 1. Gestão Empresarial (EII) / Ciências Administrativas (qualquer modalidade) Geral Ciências Administrativas Ciências Contábeis Ciências

Leia mais

ETEC PROFESSOR MASSUYUKI KAWANO Tupã. Em que Componente posso me Inscrever - COMPONENTE CURRICULAR (CURSO E/OU HABILITAÇÃO):

ETEC PROFESSOR MASSUYUKI KAWANO Tupã. Em que Componente posso me Inscrever - COMPONENTE CURRICULAR (CURSO E/OU HABILITAÇÃO): ETEC PROFESSOR MASSUYUKI KAWANO Tupã Em que Componente posso me Inscrever - COMPONENTE CURRICULAR (CURSO E/OU HABILITAÇÃO): 1. Física (Base Nacional Comum Ensino Médio) Ciências com Habilitação em Física

Leia mais

Nós fazemos Gestão e sua Empresa faz Sucesso! Portfólio. Francisco & Francisco Sistemas de Gestão Ltda. 1. Quem Somos?

Nós fazemos Gestão e sua Empresa faz Sucesso! Portfólio. Francisco & Francisco Sistemas de Gestão Ltda. 1. Quem Somos? Portfólio 1. Quem Somos? Somos uma Equipe de Auditores, Consultores e Assessores Empresariais com diversas competências para melhorar o desempenho de qualquer negócio por meio de SISTEMAS DE GESTÃO DA

Leia mais

ABNT NBR 16001:2004 Os Desafios e Oportunidades da Inovação

ABNT NBR 16001:2004 Os Desafios e Oportunidades da Inovação ABNT NBR 16001:2004 Os Desafios e Oportunidades da Inovação A Dinâmica da Terra é uma empresa onde o maior patrimônio é representado pelo seu capital intelectual. Campo de atuação: Elaboração de estudos,

Leia mais