DISCIPLINA SÉRIE BIMESTRE PROVA MODELO 6ª 3 P2 REVISÃO

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "DISCIPLINA SÉRIE BIMESTRE PROVA MODELO 6ª 3 P2 REVISÃO"

Transcrição

1 DISCIPLINA SÉRIE BIMESTRE PROVA MODELO História CONTEÚDO: CAP 3 - Islã CAP 4 Francos e Carolíngios 6ª 3 P2 REVISÃO 1. Na Arábia pré-islâmica, uma cidade em especial se transformou num ponto de encontro, recebendo pessoas e mercadorias de diversas regiões, e nela se realizavam grandes negócios comerciais. Esta cidade se chamava: MECA 2. Leia as afirmações e marque com um (X) a que estiver correta, reescreva a que estiver errada corrigindo-a: a) No século VII, através da religião islâmica, Maomé unificou diversas tribos árabes, criando um Estado. ( X ) certo ( ) errado b. Antes de Maomé, os árabes eram politeístas, estavam divididos em várias tribos e faziam a guerra santa para converter os infiéis ao islamismo. ( ) certo ( X ) errado A IDEIA DE GUERRA SANTA FAZ PARTE DA RELIGIÃO ISLAMICA, OU SEJA, SÓ SURGIU A PARTIR DA DIFUSÕ DA RELIGIÃO POR MAOMÉ. c. A religião islâmica é monoteísta, preza a igualdade de todos os seres humanos, mas não acredita na imortalidade da alma. ( ) certo ( X ) errado OS ÁRABES ACREDITAM SIM NA IMORTALIDADE DA ALMA. PARA ELES, APÓS A MORTE, OS QUE FOREM BONS GANHARÃO O PARAÍSO. 3. Cite as principais obrigações de um muçulmano que constituem os 5 pilares da religião islâmica. 1. DAR ESMOLA AOS POBRES 2. JEJUAR DURANTE O RAMADÃ 3. AFIRMAR QUE EXISTE APENAS UM DEUS E APENAS UM PROFETA, MAOMÉ. 4. REZAR CINCO VEZES AO LONGO DO DIA VOLTADO PARA MECA. 5. IR PELO MENOS UMA VEZ NA VIDA A MECA 4. Assinale (V) para as afirmações verdadeiras e (F) para as afirmações falsas sobre o surgimento do islã: ( V ) A religião islâmica foi criada pelo profeta Maomé no Oriente Médio, por volta do século VII. ( V ) O islamismo é uma religião monoteísta, ou seja, que acredita em um só Deus. Nesta religião, seus fiéis conhecem Deus pelo nome de Alá. ( V ) A cidade de Meca era o maior centro comercial da região arábica pré-islâmica e nela estava presente o templo da Caaba. ( F ) Quando Maomé começa a pregar uma nova religião, toda a população arábica adere a esta, sem nenhum tipo de repreensão e perseguição ao profeta.

2 5. Assim como o cristianismo possui a Bíblia como livro sagrado, os islâmicos também possuem o seu livro santo, utilizado para transmitir os ensinamentos desta religião. Conhecemos este livro como: a) Alá b) Corão c) Bíblia d) Livro Sagrado e) Torá 6. Assinale (V) para verdadeiro e (F) para falso nas afirmativas a seguir: ( V ) A cidade de Meca, além de ser considerada a cidade mais importante do islã, foi durante muito tempo o principal centro comercial árabe. ( F ) Sunitas, na tradição islâmica, são os defensores da ideia de que os governantes devem ser escolhidos segundo seu parentesco com o profeta Maomé. ( V ) Jihad representa todo o esforço do fiel para se fazer expandir a mensagem de Alá, muitas vezes utilizando para isso a força. ( V ) Dentre os pilares do islã, um dos mais importantes é a necessidade de orar cinco vezes ao dia voltado para Meca. 4. Responda as questões a seguir com as palavras encontradas no caça-palavras: D Q D C O R A O Q Q O X Z B A G D A F R W D Q L X G K G H W P B J R K F C G R U I R Y H P A D A K N V R F U L M O T E N Z R Q M E C A E H A D H J E D W F H U D Z Y Q E K E W P A I M I J W C G X Z X D Q S S N K H T I D V R P C P P A C B P R H V L E O Z Q W I U H A A L A G U Z L R J O P H Nome do livro sagrado do islã: CORÃO Cidade mais importante do islã: MECA Nome da cidade que recebeu o profeta Maomé em 622: HÉGIRA Episódio que marca o início do calendário muçulmano: MEDINA 5. Maomé, o profeta da religião islâmica, nasceu por volta do ano de 570. O local onde nasceu também hoje é um dos principais locais de adoração desta religião. Porém, em 622 o profeta precisou exilar-se em outra cidade. Estamos falando de: a) Medina b) Meca c) Roma

3 d) Jerusalém e) Bizâncio 6. Assinale (V) verdadeiro ou (F) falso nas afirmativas a seguir: ( V ) Omíada e Abássida são os nomes das duas principais dinastias que se formaram durante a expansão do islamismo. ( F ) Dinastia, na tradição árabe, designa o grupo de muçulmanos que faz a escolha dos chefes religiosos. ( F ) Os xiitas defendem a ideia de que qualquer pessoa pode governar, desde que zele pela religião. 7. Leia as afirmações abaixo sobre o Alcorão e marque V para as verdadeiras e F para as falsas: ( F ) O Alcorão foi escrito por Alá e contém as bases da religião islâmica. ( V ) Pode se dizer que o Alcorão é um documento histórico, pois traz informações sobre a formação do islamismo. ( F ) Há nas páginas do Alcorão um claro incentivo aos ataques de homens-bomba. ( V ) Islamismo é uma religião monoteísta. 8. Um dos grandes motivos para a rápida expansão do islamismo foi o surgimento da ideia de Jihad. Qual frase abaixo melhor representa esse conceito? a) Expansão da religião por meio do comércio com outros povos. b) Expansão da religião por meio da miscigenação com outros povos. c) Expansão da religião por meio da pregação da palavra, por exemplo, pessoal e por força (guerra santa) d) Expansão da religião por meio da fé. e) Expansão da religião através da construção de mesquitas. 9. Observe a imagem a seguir e depois assinale com um X a alternativa correta: ( F ) Apesar de sua importância como líder, Carlos Magno não pretendia estender seus domínios e manteve somente seus territórios próximos a Constantinopla, no Oriente.

4 ( V ) Carlos Magno foi o mais importante rei carolíngio, destacando-se pela administração eficiente e pelo apoio a educação e à cultura em seus territórios. ( F ) Um dos principais entraves do governo de Carlos Magno foi que não existia nenhum tipo de fidelidade ao rei, o que ocasionava uma série de revoltas dentro dos reinos. 10. Carlos Martel é considerado o defensor da Cristandade contra os muçulmanos por que: a) venceu os mouros na Batalha de Poitiers; b) perdeu a Batalha de Poitiers para os mouros; c) derrotou os visigodos na Batalha de Poitiers; d) perdeu a Batalha de Poitiers para os visigodos. e) venceu os mouros na Batalha de Pelusa. 11. Analise as afirmativas a seguir e escolha a alternativa verdadeira sobre elas: I) No governo de Carlos Magno, marqueses eram aqueles que governavam as marcas, regiões fronteiriças, e os condes governavam os condados, regiões do interior. II) O juramente de fidelidade ao rei foi um dos fatores da eficácia administrativa do Império Carolíngio. III) Carlos Magno foi coroado imperador pelo papa Leão III, o que deu origem ao chamado Sacro Império Romano, no ano de 800. a) Apenas a I é verdadeira b) Apenas a II é verdadeira c) Apenas a III é verdadeira d) Apenas I e II são verdadeiras e) I, II e III são verdadeiras 12. Dentre os vários Reinos Bárbaros que se formaram na Europa, após a queda do Império Romano Ocidental, um teve grande destaque, em virtude de personagens como Clóvis e Carlos Magno. De que grupo germânico estamos falando: a) Saxões. b) Godos. c) Ostrogodos. d) Francos. e) Vândalos. 13. Embora a penetração bárbara houvesse modificado profundamente o mapa político da Europa; por muitos séculos, o sonho de uma nova unidade política permaneceu vivo. A primeira expressão concreta desse sonho coletivo foi o Império Carolíngio, constituído no ano 800. Sobre o Império Carolíngio, marque V para as afirmações verdadeiras e F para as falsas: ( F ) O Tratado de Verdun (843) consolidou a concepção de Império Cristão, impedindo a penetração de novos invasores no território europeu. ( V ) Pepino, o Breve, em 751, foi coroado com o aval do Papado, inaugurando a dinastia carolíngia. Em contrapartida e como retribuição, entregou ao Papa os territórios italianos conquistados aos lombardos. ( V ) Carlos Magno criou seus vastos territórios, um sistema administrativo que, embora personalista e rudimentar, adequava-se ao contexto do período. ( V ) Com a coroação de Carlos Magno, teoricamente renascia o Império Romano; na prática, foi uma ficção que pouco sobreviveu ao seu imperador. 14. Observe a imagem e responda a questão a seguir:

5 Apesar de ter alcançado um vasto território, após a morte de Carlos Magno e de seu filho Pio, o Império Carolíngio foi dividido entre seus herdeiros. Qual o nome do tratado que firmou essa divisão? a) Tratado de Versalhes b) Tratado de Tordesilhas c) Tratado de Carlos Magno d) Tratado de Verdun e) Cisma do Oriente

PROVA BIMESTRAL História

PROVA BIMESTRAL História 6 o ano 4 o bimestre PROVA BIMESTRAL História Escola: Nome: Turma: n o : Observe a imagem e responda às questões 1 e 2. REPRODUÇÃO 1. Cite dois elementos presentes na imagem que representam a Igreja católica.

Leia mais

Aula 5.1 Conteúdo: As grandes Religiões de matriz ocidental Judaísmo Cristianismo Islamismo ENSINO RELIGIOSO CONTEÚDO E HABILIDADES

Aula 5.1 Conteúdo: As grandes Religiões de matriz ocidental Judaísmo Cristianismo Islamismo ENSINO RELIGIOSO CONTEÚDO E HABILIDADES CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA Aula 5.1 Conteúdo: As grandes Religiões de matriz ocidental Judaísmo Cristianismo Islamismo 2 CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO

Leia mais

Islamismo. Sobre a cultura árabe.

Islamismo. Sobre a cultura árabe. Islamismo O livro sagrado da religião islâmica é chamado Alcorão que é composto por 114 capítulos que traduzem a mensagem de Deus enviada a Maomé, porém, nem sempre foi assim, antes da revelação maometana,

Leia mais

História Geral. 3ª Edição - 2007

História Geral. 3ª Edição - 2007 História Geral 3ª Edição - 2007 Arábia Pré Islâmica Os Muçulmanos (Religião Islâmica) Caaba Página de um Alcorão do século XIX. O texto sagrado do islamismo, composto de 114 suratas ou capítulos contém

Leia mais

Os Árabes e o Islamismo

Os Árabes e o Islamismo Os Árabes e o Islamismo A civilização árabe ou islâmica surgiu no Oriente Médio, numa península desértica situada entre a Ásia e a África. É área de aproximadamente um milhão de quilômetros quadrados,

Leia mais

O Mundo Islâmico ARÁBIA PRÉ-ISLÂMICA:

O Mundo Islâmico ARÁBIA PRÉ-ISLÂMICA: O MUNDO ISLÂMICO A Civilização Árabe foi uma das mais brilhantes do período medieval e se estendeu da Índia até a Península Ibérica, passando pela Mesopotâmia, Palestina (Terra Santa), Egito, Norte da

Leia mais

IDADE MÉDIA ORIENTAL BIZANTINOS E ÁRABES

IDADE MÉDIA ORIENTAL BIZANTINOS E ÁRABES IDADE MÉDIA ORIENTAL BIZANTINOS E ÁRABES 1 O IMPÉRIO BIZANTINO: Império Romano do Oriente ou Império Grego. Constantinopla capital. Antiga Bizâncio, hoje Istambul (TUR). Local privilegiado estrategicamente

Leia mais

Easinfluências do Oriente.

Easinfluências do Oriente. IMPÉRIO BIZANTINO (séc IV a XV) Easinfluências do Oriente. PROFESSOR NICHOLAS GABRIEL MINOTTI LOPES FERREIRA INTRODUÇÃO O império romano caiu, dividiu-se em dois: Ocidental e Oriental. Oi Sua sede Bizâncio

Leia mais

Cite e analise UMA SEMELHANÇA e UMA DIFERENÇA entre a religião muçulmana e a religião cristã durante a Idade Média.

Cite e analise UMA SEMELHANÇA e UMA DIFERENÇA entre a religião muçulmana e a religião cristã durante a Idade Média. Questão 1: Leia o trecho abaixo a responda ao que se pede. COMISSÃO PERMANENTE DE SELEÇÃO COPESE Quando Maomé fixou residência em Yatrib, teve início uma fase decisiva na vida do profeta, em seu empenho

Leia mais

Cultura Religiosa. Prof. Ismar Dias de Matos

Cultura Religiosa. Prof. Ismar Dias de Matos Cultura Religiosa Prof. Ismar Dias de Matos I s l a m i s m o A partir de 20/01/2007, os islâmicos entraram no ano 1428. O que não é Islamismo O Islamismo não deve ser associado aos extremismos e fanatismos

Leia mais

ISLAMISMO. Islã: submissão Muçulmano; o que se submete e rende a Alá

ISLAMISMO. Islã: submissão Muçulmano; o que se submete e rende a Alá ISLAMISMO Islã: submissão Muçulmano; o que se submete e rende a Alá MAOMÉ OU MOHAMMED Maomé (em áraabe:muḥammad ou Moḥammed; Meca. 570 - Medina, 8 de Junho de 632) foi um líder religioso e político árabe.

Leia mais

O MUNDO ISLÂMICO Prof. Nilson Urias

O MUNDO ISLÂMICO Prof. Nilson Urias O MUNDO ISLÂMICO Prof. Nilson Urias É a religião com maior número de seguidores e é a religião que mais cresce no mundo. Noite do Destino : Maomé recebe a revelação do anjo Gabriel. Só há um Deus, que

Leia mais

- Trecho da Carta de Pero Vaz de Caminha sobre o Descobrimento do Brasil. - Fotografias da posse do presidente do Brasil

- Trecho da Carta de Pero Vaz de Caminha sobre o Descobrimento do Brasil. - Fotografias da posse do presidente do Brasil MATERIAL DE REVISÃO PARA RECUPERAÇÃO FINAL 6 ANO 1) Classifique as fontes listadas abaixo em primarias e secundárias: - Vídeo do atentado terrorista ao World Trade Center em 2001 - Trecho da Carta de Pero

Leia mais

Observe as imagens, que pertencem ao manuscrito de um cronista inca, "Guaman Poma de Ayala" (1526-1614). (1,5)

Observe as imagens, que pertencem ao manuscrito de um cronista inca, Guaman Poma de Ayala (1526-1614). (1,5) Observe as imagens, que pertencem ao manuscrito de um cronista inca, "Guaman Poma de Ayala" (1526-1614). (1,5) Leia as afirmações seguintes, a respeito dos incas e marque a afirmativa INCORRETA. a) Tinham

Leia mais

Prof. Alexandre Goicochea História

Prof. Alexandre Goicochea História FRANCO Merovíngia Carolíngio ISLÂMICO Maomé Xiitas (alcorão) e Sunitas (suna e alcorão) BIZÂNTINO Justiniano Igreja Santa Sofia Iconoclastia Monoticismo (Jesus Cristo só espírito) Corpus Juris Civilis

Leia mais

Unidade II Civilização Greco Romana e seu legado. Aula 8.1 Conteúdo: A influência do Islamismo na formação dos Árabes.

Unidade II Civilização Greco Romana e seu legado. Aula 8.1 Conteúdo: A influência do Islamismo na formação dos Árabes. Unidade II Civilização Greco Romana e seu legado. Aula 8.1 Conteúdo: A influência do Islamismo na formação dos Árabes. Habilidade: Conhecer a construção da identidade árabe através da consolidação histórica

Leia mais

LISTA DE EXERCÍCIOS - ÁRABES E BIZANTINOS

LISTA DE EXERCÍCIOS - ÁRABES E BIZANTINOS 1. (Uftm 2012) Observe a fotografia de 31 de outubro de 2010 que registrou peregrinos no círculo da Caaba na Grande Mesquita, em Meca, Arábia Saudita. 3. (Espm 2012) Observe a imagem, leia o texto e responda:

Leia mais

ARTE PALEOCRISTÃ PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS. Arte Paleocristã Arte Bizantina Arte Islâmica - ESPIRITUALIDADE

ARTE PALEOCRISTÃ PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS. Arte Paleocristã Arte Bizantina Arte Islâmica - ESPIRITUALIDADE Arte Paleocristã Arte Bizantina Arte Islâmica ARTE PALEOCRISTÃ ARTE PALEOCRISTÃ Também chamada de Arte das Catacumbas, desenvolveu-se dentro do Império Romano, quando surgiram os primeiros núcleos cristãos.

Leia mais

JOGO DE PERCURSO: O FIM DO IMPÉRIO ROMANO AS MIGRAÇÕES BÁRBARAS E O CRISTIANISMO

JOGO DE PERCURSO: O FIM DO IMPÉRIO ROMANO AS MIGRAÇÕES BÁRBARAS E O CRISTIANISMO SITUAÇÃO DE APRENDIZAGEM 1 JOGO DE PERCURSO: O FIM DO IMPÉRIO ROMANO AS MIGRAÇÕES BÁRBARAS E O CRISTIANISMO Trabalhando o conceito Páginas 3-4 1. O termo bárbaro era utilizado para designar quem não falava

Leia mais

ALTA IDADE MÉDIA 1. FORMAÇÃO DOS REINOS CRISTÃOS-BÁRBAROS

ALTA IDADE MÉDIA 1. FORMAÇÃO DOS REINOS CRISTÃOS-BÁRBAROS ALTA IDADE MÉDIA É costume dividir o período medieval em duas grandes fases: a Alta Idade Média, que se estende do século V ao século XI e a Baixa Idade Média, do século XII ao século XV. A primeira fase

Leia mais

Feudalismo Europa Ocidental

Feudalismo Europa Ocidental IDADE MÉDIA Feudalismo Europa Ocidental No que diz respeito a Europa Ocidental, podemos afirmar que a Idade Média assistiu à formação do feudalismo, que nasceu em meio a desagregação do Império Romano

Leia mais

Sumário. Observações iniciais... 15. Abreviaturas dos livros da Bíblia... 17. Prefácio... 19. Introdução... 23

Sumário. Observações iniciais... 15. Abreviaturas dos livros da Bíblia... 17. Prefácio... 19. Introdução... 23 Sumário Observações iniciais... 15 Abreviaturas dos livros da Bíblia... 17 Prefácio... 19 Introdução... 23 1 A Aliança: de israelita a judeu... 29 Um prólogo sobre a Terra... 29 O relato alcorânico da

Leia mais

Império Romano (27 a.c. até 476)

Império Romano (27 a.c. até 476) O Mundo Romano - II Império Romano (27 a.c. até 476) *Com a vitória sobre Marco Antônio, Otávio instaura a fase imperial de Roma, a conquista e unificação do mundo Mediterrâneo. PAX AUGUSTUS ou PAX ROMANA

Leia mais

PIBID - História e(m) imagens HISTÓRIA UFPR

PIBID - História e(m) imagens HISTÓRIA UFPR Oficina i de Quadrinhos e Cinema PIBID - História e(m) imagens HISTÓRIA UFPR Uso de Histórias em Quadrinhos (HQs) em Sala de Aula Diferentes gêneros e formatos para se escrever e publicar uma HQ; As temáticas

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO HISTÓRIA FUNDAMENTAL CEEJA MAX DADÁ GALLIZZI PRAIA GRANDE - SP

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO HISTÓRIA FUNDAMENTAL CEEJA MAX DADÁ GALLIZZI PRAIA GRANDE - SP GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO HISTÓRIA FUNDAMENTAL 6 CEEJA MAX DADÁ GALLIZZI PRAIA GRANDE - SP UNIDADE DE ESTUDO 06 OBJETIVOS - Localizar, na História, a Idade Média;

Leia mais

01. A religião muçulmana, que contribuiu para unificar os povos de origem árabe e lhes forneceu amparo espiritual ao longo de sua expansão,

01. A religião muçulmana, que contribuiu para unificar os povos de origem árabe e lhes forneceu amparo espiritual ao longo de sua expansão, Pré Universitário Uni-Anhanguera Lista de Exercícios Aluno(a): Nº. Professor: Barros Antônio Guimarães Dutra Série: 1ª. Disciplina: História (p1,1ª,chamada, 4º. Bimestre) prova dia 23 de outubro de 2015.

Leia mais

HISTÓRIA REVISÃO 1. Unidade II Civilização Greco Romana e seu legado. Aula 9 Revisão e avaliação da unidade II

HISTÓRIA REVISÃO 1. Unidade II Civilização Greco Romana e seu legado. Aula 9 Revisão e avaliação da unidade II HISTÓRIA REVISÃO 1 REVISÃO 2 REVISÃO 3 Unidade II Civilização Greco Romana e seu legado. Aula 9 Revisão e avaliação da unidade II HISTÓRIA REVISÃO 1 REVISÃO 2 REVISÃO 3 Expansionismo Romano - Etapas 1ª.

Leia mais

Educação Moral e Religiosa Católica. O Islamismo. Colégio do Amor de Deus

Educação Moral e Religiosa Católica. O Islamismo. Colégio do Amor de Deus Educação Moral e Religiosa Católica O Colégio do Amor de Deus Educação moral e Religiosa Católica 00 estrutura Colégio do Amor de Deus 00 estrutura 00 estrutura 01 definição 02 génese 03 estudo história

Leia mais

Crise no Império Romano. Capítulo 6

Crise no Império Romano. Capítulo 6 Crise no Império Romano Capítulo 6 A falta de escravos leva ao aparecimento do sistema do colonato. Corte nas verbas do exército, gera revolta e briga entre os generais. Os generais passam a não obedecer

Leia mais

LISTA DE EXERCÍCIOS 5

LISTA DE EXERCÍCIOS 5 LISTA DE EXERCÍCIOS 5 Disciplina: História Professor: Glédio Série: 1ª Ensino Médio Aulas 22 a 26 Árabes e Bizantinos / Bárbaros e Francos Papelaria 01/06/2015 Área Restrita 01/06/2015 121. (MACKENZIE/SP)

Leia mais

MECA a cidade Santa é um centro religioso, onde os árabes fazem a peregrinação ( visita a um lugar sagrado) para orar ao Deus Alá

MECA a cidade Santa é um centro religioso, onde os árabes fazem a peregrinação ( visita a um lugar sagrado) para orar ao Deus Alá No centro de Meca está a Caaba, ou Cubo, onde estavam os 370 ídolos de pedras e mais a PEDRA NEGRA, que segundo a tradição, Alá ( Deus) teria dado a Ismael, filho de Abraão. CAABA CAABA MECA a cidade Santa

Leia mais

História Geral. 3ª Edição - 2007

História Geral. 3ª Edição - 2007 História Geral 3ª Edição - 2007 Os Hebreus Localizado a leste da Mesopotâmia, constituía de um vasto planalto desértico rodeado de montanhas, entre a Mesopotâmia e a Índia. O Império Persa constituiu um

Leia mais

Aulas 6 e 7. A Antiguidade Oriental

Aulas 6 e 7. A Antiguidade Oriental Aulas 6 e 7 A Antiguidade Oriental Hebreus (Monoteísmo e judaísmo) III- I- Local: Economia: região da agricultura, Palestina pastoreio ( Canaã (rio ou Jordão) terra prometida ). e comércio Atualmente:

Leia mais

Forma de organização econômica e tutorial rural na qual o trabalhador arrenda uma porção de terreno sob condição de reservar parte de sua produção como pagamento ao proprietário. O colono é denominado

Leia mais

1. A multiplicidade de poderes

1. A multiplicidade de poderes 1. A multiplicidade de poderes Europa dividida - senhorios (terras de um senhor) - poder sobre a terra e os homens - propriedade (lati)fundiária - por vezes, descontinuada - aldeias, bosques, igrejas -

Leia mais

PROVA BIMESTRAL História

PROVA BIMESTRAL História 6 o ano 3 o bimestre PROVA BIMESTRAL História Escola: Nome: Turma: n o : 1. A fundação de Roma é contada de duas formas: a lendária e a histórica. Na explicação lendária, Rômulo matou Remo e tornou- -se

Leia mais

IGREJA DE CRISTO INTERNACIONAL DE BRASÍLIA ESCOLA BÍBLICA. Aula 28 Cristianismo e Islamismo

IGREJA DE CRISTO INTERNACIONAL DE BRASÍLIA ESCOLA BÍBLICA. Aula 28 Cristianismo e Islamismo IGREJA DE CRISTO INTERNACIONAL DE BRASÍLIA ESCOLA BÍBLICA Aula 28 Cristianismo e Islamismo Introdução O Islamismo é uma religião monoteísta (tem apenas um Deus), e é baseada nos ensinamentos de Maomé (570-632

Leia mais

A crise no mundo árabe e suas perspectivas. Cultura e Religião

A crise no mundo árabe e suas perspectivas. Cultura e Religião A crise no mundo árabe e suas perspectivas Cultura e Religião Cultura árabe e religião muçulmana (islamismo) Árabes grupo definido culturalmente: língua árabe, islã, tradições e costumes; Religião Muçulmana

Leia mais

Sociedade medieval 3. Questões do ENEM 11. Sistema feudal 12. Questões do ENEM 18. Império Bizantino 19. Questões do ENEM 22.

Sociedade medieval 3. Questões do ENEM 11. Sistema feudal 12. Questões do ENEM 18. Império Bizantino 19. Questões do ENEM 22. 1 Unidade II Capítulo V Sociedade medieval 3 Questões do ENEM 11 Capítulo VI Sistema feudal 12 Questões do ENEM 18 Capítulo VII Império Bizantino 19 Questões do ENEM 22 Capítulo VIII Islamismo 23 Questões

Leia mais

Introdução. A Religião Islamismo

Introdução. A Religião Islamismo Introdução A Religião Islamismo A palavra religião vem do latim: religio. A religião é um vínculo, onde o mundo profano e o mundo sagrado são as partes vinculadas. Esse vínculo, na religião judaica, aparece

Leia mais

FAZENDO NEGÓCIOS COM OS EMIRADOS ÁRABES UNIDOS (UAE) Valéria Domingues

FAZENDO NEGÓCIOS COM OS EMIRADOS ÁRABES UNIDOS (UAE) Valéria Domingues FAZENDO NEGÓCIOS COM OS EMIRADOS ÁRABES UNIDOS (UAE) Valéria Domingues INTRODUÇÃO Esta apresentação tem o objetivo de mostrar um pouco das particularidades quanto aos costumes, hábitos locais e etiqueta

Leia mais

Professor Sebastião Abiceu Colégio Marista São José Montes Claros MG 6º ano

Professor Sebastião Abiceu Colégio Marista São José Montes Claros MG 6º ano Professor Sebastião Abiceu Colégio Marista São José Montes Claros MG 6º ano A Bíblia, na parte denominada Antigo Testamento (Torá), é o principal documento da história dos hebreus. Foi escrita ao longo

Leia mais

Arte Bizantina Morte e vida de um novo império

Arte Bizantina Morte e vida de um novo império Arte Bizantina Morte e vida de um novo império Quando o imperador Diocleciano dividiu o império em dois, separando o Oriente do Ocidente, teve início o colapso final da parte oeste. No século V, o império

Leia mais

05) O mapa abaixo descreve a configuração dos Impérios Bizantino, Islâmico e Carolíngio, no princípio do século IX.

05) O mapa abaixo descreve a configuração dos Impérios Bizantino, Islâmico e Carolíngio, no princípio do século IX. 01) Os árabes, entre os Séculos VII e XI, ampliaram suas conquistas e forjaram importante civilização. Sob a ação catalisadora do Islã, foi mantida a unidade política, enquanto que o comércio destacou-se

Leia mais

O povo da Bíblia HEBREUS

O povo da Bíblia HEBREUS O povo da Bíblia HEBREUS A FORMAÇÃO HEBRAICA Os hebreus eram pastores nômades que se organizavam em tribos lideradas por chefes de família denominado patriarca. Principais patriarcas: Abraão, Jacó e Isaac.

Leia mais

OS BÁRBAROS A IDADE MÉDIA

OS BÁRBAROS A IDADE MÉDIA OS BÁRBAROS A IDADE MÉDIA Antecedentes: Crise do Império Romano: Crise do escravismo; Declínio da produção e crises econômicas; Altos custos do Estado; Instabilidade política e militar; Ampliação do latifúndio;

Leia mais

BAIXA (séc.x a XV) invasões bárbaras descentralização política ruralização da sociedade formação do feudalismo consolidação da Igreja IDADE MÉDIA

BAIXA (séc.x a XV) invasões bárbaras descentralização política ruralização da sociedade formação do feudalismo consolidação da Igreja IDADE MÉDIA ALTA (séc.v a X) BAIXA (séc.x a XV) invasões bárbaras descentralização política ruralização da sociedade formação do feudalismo consolidação da Igreja Cruzadas renascimento comercial ressurgimento urbano

Leia mais

A Unicidade. Em nome de Deus, o Clemente, o Misericordioso

A Unicidade. Em nome de Deus, o Clemente, o Misericordioso ISLÃ A Unicidade Em nome de Deus, o Clemente, o Misericordioso 1. Dize: Ele é Deus, o Único! 2. Deus! O Absoluto! 3. Jamais gerou ou foi gerado! 4. E ninguém é comparável a Ele! Pilares do Islã Testemunho

Leia mais

Valores eternos. MATÉRIA PROFESSOR(A) ---- ---- 1. Procure e marque, no diagrama de letras, as palavras em destaque no texto.

Valores eternos. MATÉRIA PROFESSOR(A) ---- ---- 1. Procure e marque, no diagrama de letras, as palavras em destaque no texto. Valores eternos. TD Recuperação ALUNO(A) MATÉRIA História PROFESSOR(A) Magela ANO SEMESTRE DATA 7º 1º Julho/2013 TOTAL DE ESCORES ESCORES OBTIDOS ---- ---- 1. Procure e marque, no diagrama de letras, as

Leia mais

Aula 13-5A - A Civilização Árabe - Semitas acreditam descender de Ismael, filho de Abraão.

Aula 13-5A - A Civilização Árabe - Semitas acreditam descender de Ismael, filho de Abraão. Aula 13-5A - A Civilização Árabe - Semitas acreditam descender de Ismael, filho de Abraão. Arábia: localizada no Oriente Médio. A parte norte formada por desertos e também existem diversos oásis que abrigavam

Leia mais

Sugestões de avaliação. História 7 o ano Unidade 2

Sugestões de avaliação. História 7 o ano Unidade 2 Sugestões de avaliação História 7 o ano Unidade 2 Nome: Data: Unidade 2 1. Observe a imagem e responda às questões. awad awad/afp Milhares de muçulmanos se reúnem na grande Mesquita, na cidade sagrada

Leia mais

Colégio SOTER - Caderno de Atividades - 6º Ano - História - 2º Bimestre

Colégio SOTER - Caderno de Atividades - 6º Ano - História - 2º Bimestre Capítulo 5 1) O que se entende por Crescente Fértil? E quais regiões correspondiam? 2) Qual a importância dos rios para a história da humanidade? 3) Leia as afirmações abaixo: I Civilização é o estágio

Leia mais

IGREJA NA BAIXA IDADE MÉDIA

IGREJA NA BAIXA IDADE MÉDIA BAIXA IDADE MÉDIA BAIXA IDADE MÉDIA -Características: *Grandes transformações no sistema feudal; *aumento da produção agrícola; *aparecimento da burguesia; *crise de poder da nobreza feudal. IGREJA NA

Leia mais

CAPÍTULO 03 Poder Paralelo.

CAPÍTULO 03 Poder Paralelo. 01/03/2016 8º Ano B CAPÍTULO 03 Poder Paralelo. Profº Delsomar de Sousa Barbosa Páginas: 32 a 36 Item 01. Estrutura Temática Organizações Terroristas e Radicalismo Islâmico. Al Qaeda ORGANIZACÕES RELIGIOSAS

Leia mais

Islamismo: A história de um povo UCP - UNIVERSIDADE CATÓLICA DE PETRÓPOLIS CCSA CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS CURSO DE ECONOMIA

Islamismo: A história de um povo UCP - UNIVERSIDADE CATÓLICA DE PETRÓPOLIS CCSA CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS CURSO DE ECONOMIA UCP - UNIVERSIDADE CATÓLICA DE PETRÓPOLIS CCSA CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS CURSO DE ECONOMIA ISLAMISMO A história de um povo PETRÓPOLIS 2011 2 UCP - UNIVERSIDADE CATÓLICA DE PETRÓPOLIS CCSA CENTRO

Leia mais

O FIM DO FEUDALISMO E A CENTRALIZAÇAO POLÍTICA

O FIM DO FEUDALISMO E A CENTRALIZAÇAO POLÍTICA O FIM DO FEUDALISMO E A CENTRALIZAÇAO POLÍTICA O sistema feudal entra em crise com o advento das cidades e a expansão do comércio, somados a outros fatores. 1) Necessidade de moedas, crescimento das cidades

Leia mais

ANTIGUIDADE ORIENTAL MÓDULO 01 PG 657 OLI

ANTIGUIDADE ORIENTAL MÓDULO 01 PG 657 OLI ANTIGUIDADE ORIENTAL MÓDULO 01 PG 657 OLI LOCALIZAÇÃO NORDESTE DA ÁFRICA RIO NILO HERÓDOTO O EGITO É UMA DÁDIVA DO NILO EVOLUÇÃO POLÍTICA FASES ANTIGO IMPÉRIO MÉDIO IMPÉRIO NOVO IMPÉRIO PERÍODO

Leia mais

Pérsia, fenícia e palestina

Pérsia, fenícia e palestina Pérsia, fenícia e palestina Região desértica Atuais estados de Israel e Palestina Vários povos (semitas) estabelecidos no curso do Rio Jordão Palestina Hebreus (Palestina) Um dos povos semitas (cananeus,

Leia mais

História/15 6º ano Turma: 2º trimestre Nome: Data: / / RECUPERAÇÃO FINAL 2015 HISTÓRIA 6º ano

História/15 6º ano Turma: 2º trimestre Nome: Data: / / RECUPERAÇÃO FINAL 2015 HISTÓRIA 6º ano História/15 6º ano Turma: 2º trimestre Nome: Data: / / 6ºhis302r RECUPERAÇÃO FINAL 2015 HISTÓRIA 6º ano Aluno(a), Seguem os conteúdos trabalhados no 2º trimestre. Como base neles você deverá iniciar seus

Leia mais

Nascimento e expansão do islã HISTÓRIA 7º EF

Nascimento e expansão do islã HISTÓRIA 7º EF Nascimento e expansão do islã HISTÓRIA 7º EF Nascimento e expansão do islã Imagem: Léon Belly (1827-1877) / Pelerins allant à la Mecque, 1861, Pintura Orientalista / Domínio Público. Imagem: Carl Haag

Leia mais

As Três Grandes Religiões Cristianismo, Islamismo e Judaísmo

As Três Grandes Religiões Cristianismo, Islamismo e Judaísmo TRABALHO SOBRE As Três Grandes Religiões Cristianismo, Islamismo e Judaísmo Matéria: Cultura Religiosa Professor: Drº Aluno: Sérgio Moreira dos Santos, RA: 304395781. º do Curso de Direito, período noturno.

Leia mais

Radicalismo Islâmico. Radicalismo Islamico

Radicalismo Islâmico. Radicalismo Islamico Radicalismo Islâmico Radicalismo Islamico Assim, no mundo árabe, Deus continua socializado de uma maneira que não vemos na Europa desde, talvez, antes do iluminismo. Deus está onipresente na comunidade

Leia mais

OS ÁRABES E O ISLÃ. O Mundo Muçulmano

OS ÁRABES E O ISLÃ. O Mundo Muçulmano OS ÁRABES E O ISLÃ O Mundo Muçulmano A ARÁBIA PRÉ-ISLÂMICA Península arábica. Deserto predominante. Até o séc. VI: divididos em aproximadamente 300 tribos. Beduínos nômades, dedicados a saques, habitavam

Leia mais

Testes Extras - Alta Idade Média

Testes Extras - Alta Idade Média HISTÓRIA TURMA SEMI PROF. ARNALDO 21/03/2015 Testes Extras - Alta Idade Média 1. (UEM) Desde fins do império romano, as cidades vinham sendo abandonadas. Sendo assim, entre os séculos V e X, na alta Idade

Leia mais

O MUNDO MEDIEVAL. Prof a. Maria Fernanda Scelza

O MUNDO MEDIEVAL. Prof a. Maria Fernanda Scelza O MUNDO MEDIEVAL Prof a. Maria Fernanda Scelza Antecedentes Crises políticas no Império Romano desgaste; Colapso do sistema escravista; Problemas econômicos: aumento de impostos, inflação, descontentamento;

Leia mais

A formação da Europa medieval

A formação da Europa medieval A formação da Europa medieval Causas da crise do Império Romano: Crises e retomadas dos séculos III e IV; Anarquia militar; As complexas relações com os germânicos; Guerra civil (generais sem consenso);

Leia mais

A Antiguidade Oriental Hebreus

A Antiguidade Oriental Hebreus A Antiguidade Oriental Hebreus (Monoteísmo e judaísmo) Mar Mediterrâneo Delta do Nilo Egito NASA Photo EBibleTeacher.com Península nsula do Sinai Mt. Sinai Mar Vermelho Canaã Tradicional Rota do Êxodo

Leia mais

Aula 7.1 Conteúdo: Textos Sagrados: orais e escritos O que são os textos sagrados? O texto sagrado nas tradições religiosas ENSINO RELIGIOSO

Aula 7.1 Conteúdo: Textos Sagrados: orais e escritos O que são os textos sagrados? O texto sagrado nas tradições religiosas ENSINO RELIGIOSO CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA Aula 7.1 Conteúdo: Textos Sagrados: orais e escritos O que são os textos sagrados? O texto sagrado nas tradições religiosas 2 CONTEÚDO E HABILIDADES

Leia mais

Islamismo (Islã ou Islão)

Islamismo (Islã ou Islão) 1 Islamismo (Islã ou Islão) Introdução O islamismo era pouco conhecido no Brasil antes de 11 de setembro de 2001. O ataque de terroristas muçulmanos ao prédio World Trade Center em Nova Iorque e os acontecimentos

Leia mais

O ISLÃ E A FORMAÇÃO DA EUROPA DE 570 A 1215

O ISLÃ E A FORMAÇÃO DA EUROPA DE 570 A 1215 ORTA, D. A. A. O Islã e a formação da Europa de 570 a 1215 223 O ISLÃ E A FORMAÇÃO DA EUROPA DE 570 A 1215 God s crucible: Islam and the making of Europe, 570-1215 Daniel Augusto Arpelau Orta * LEWIS,

Leia mais

Recuperação - 2ª Etapa Ensino Médio

Recuperação - 2ª Etapa Ensino Médio 1 HISTÓRIA 1º ANO ENSINO MÉDIO PROFESSOR(A): MATHEUS NANI NOME: Nº Queridos e queridas do #Primeiro15, Em nossa avaliação de recuperação de conteúdo da 2ª Etapa, você deverá estudar os seguintes temas:

Leia mais

Religiões Principio do bem Principio do mal Zoroastrismo Ahura Mazda ou Angra Mainyu ou Arimã

Religiões Principio do bem Principio do mal Zoroastrismo Ahura Mazda ou Angra Mainyu ou Arimã 1 Zoroastrismo As idéias religiosas dos persas foram consolidadas no zoroastrismo. Zoroastrismo é uma religião fundado por Zoroastro (ou Zaratustra para os gregos) que viveu entre 1750 a 1500 ac ou 1400

Leia mais

ORIENTE MÉDIO CAPÍTULO 10 GRUPO 07

ORIENTE MÉDIO CAPÍTULO 10 GRUPO 07 ORIENTE MÉDIO CAPÍTULO 10 GRUPO 07 LOCALIZAÇÃO Compreende a região que se estende do Mar Vermelho e Canal de Suez, no Egito, até o Afeganistão, a leste. Também fazem parte do Oriente Médio a Ilha de Chipre,

Leia mais

Aula 6 A EXPANSÃO DO ISLÃ. Lenalda Andrade Santos Bruno Gonçalves Alvaro

Aula 6 A EXPANSÃO DO ISLÃ. Lenalda Andrade Santos Bruno Gonçalves Alvaro Aula 6 A EXPANSÃO DO ISLÃ META Propiciar o estudo sobre questões relativas ao surgimento e à expansão do Islã, em acordo com o que o próprio termo designa: o conjunto territorial e cultural fundamentado

Leia mais

Seitas e Heresias 2014

Seitas e Heresias 2014 ISLAMISMO A religião islâmica ou mulçumana é hoje a segunda maior em número de fiéis, estando à sua frente apenas o cristianismo somandose Catolicismo Romano, Ortodoxos, Protestantes, Evangélicos, etc.

Leia mais

ÁREA DE CIÊNCIAS HUMANAS / HISTÓRIA GERAL A IDADE MÉDIA

ÁREA DE CIÊNCIAS HUMANAS / HISTÓRIA GERAL A IDADE MÉDIA A IDADE MÉDIA Uma Introdução A penetração e a fixação dos povos germânicos no território do Império Romano deram lugar à formação de diversos reinos, a partir do início do século V. A autoridade imperial

Leia mais

A Síria da Antiguidade ao Império Otomano

A Síria da Antiguidade ao Império Otomano A Síria da Antiguidade ao Império Otomano O CONFLITO DA SÍRIA NUMA PERSPETIVA HISTÓRICO-GEOPOLÍTICA Instituto Cultural D. António Ferreira Gomes José Pedro Teixeira Fernandes 1/07/2015 PARTE I Da Antiguidade

Leia mais

Conteúdos/conceitos Metas curriculares Atividades Calendarização

Conteúdos/conceitos Metas curriculares Atividades Calendarização (200) Programa de História e Geografia de Portugal - 2º ciclo Conteúdos/conceitos - Metas curriculares - Atividades a dinamizar na escola com os alunos Conteúdos/conceitos Metas curriculares Atividades

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DA QUINTA DO CONDE Escola Básica Integrada/JI da Quinta do Conde. Departamento de Ciências Humanas e Sociais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DA QUINTA DO CONDE Escola Básica Integrada/JI da Quinta do Conde. Departamento de Ciências Humanas e Sociais HISTÓRIA E GEOGRAFIA DE PORTUGAL Distribuição dos tempos letivos disponíveis para o 5 º ano de escolaridade 1º Período 2º Período 3º Período *Início:15-21 de setembro 2015 *Fim:17 dezembro 2015 *Início:4

Leia mais

HISTÓRIA 7 O ANO FUNDAMENTAL. PROF. ARTÊMISON MONTANHO PROF. a ISABEL SARAIVA

HISTÓRIA 7 O ANO FUNDAMENTAL. PROF. ARTÊMISON MONTANHO PROF. a ISABEL SARAIVA 7 O ANO FUNDAMENTAL PROF. ARTÊMISON MONTANHO PROF. a ISABEL SARAIVA Unidade I Identidades, Diversidades e Direitos Humanos Aula 1.1 Conteúdos Apresentação do Componente A formação da Europa feudal Os germanos:

Leia mais

GRUPOS NO JUDAISMO NA ÉPOCA DE JESUS

GRUPOS NO JUDAISMO NA ÉPOCA DE JESUS Jörg Garbers GRUPOS NO JUDAISMO NA ÉPOCA DE JESUS ORIGEM CARACTERÍSTICAS CONCEITOS RELIGIOSOS 1 FARISEUS 1.1 O NOME O nome fariseu provavelmente significa, os que se separam, os separados. O nome já expressa

Leia mais

AGRUPAMENTO de ESCOLAS de SANTIAGO do CACÉM Ano Letivo 2015/2016 PLANIFICAÇÃO ANUAL

AGRUPAMENTO de ESCOLAS de SANTIAGO do CACÉM Ano Letivo 2015/2016 PLANIFICAÇÃO ANUAL AGRUPAMENTO de ESCOLAS de SANTIAGO do CACÉM Ano Letivo 2015/2016 PLANIFICAÇÃO ANUAL 2º CICLO HISTÓRIA E GEOGRAFIA DE PORTUGAL 5.º ANO Documento(s) Orientador(es): Programa de História e Geografia de Portugal

Leia mais

Unidade 1 O Período Medieval

Unidade 1 O Período Medieval Sugestões de atividades Unidade 1 O Período Medieval 7 HISTÓRIA Religião bizantina Assinale somente as afirmativas incorretas. 1. ( ) Embora a religião oficial bizantina fosse o cristianismo, em razão

Leia mais

UM RESUMO DO QUE É O ISLÂM

UM RESUMO DO QUE É O ISLÂM Reino Da Arábia Saudita Ministério Do Ensino Superior Universidade Islâmica de Medina Departamento De Investigação Secção de tradução www.iu.edu.sa UM RESUMO DO QUE É O ISLÂM ١ Em nome de Deus o Clemente

Leia mais

Reinos da África Ocidental

Reinos da África Ocidental Reinos da África Ocidental A África é um continente imenso e com muita diversidade. As rotas comerciais adentraram a região oeste em busca de ouro. Com isso, as aldeias que serviam de ponto de intermediação

Leia mais

Maomé e o Alcorão Expansão territorial Fontes doutrinais Suna Ijma Ijtihad Pilares do Islã Profissão de fé

Maomé e o Alcorão Expansão territorial Fontes doutrinais Suna Ijma Ijtihad Pilares do Islã Profissão de fé Fundamentos do Islã Maomé e o Alcorão. A base doutrinal criada por Maomé e o Alcorão constituem o fundamento sobre o qual assenta toda a estrutura da religião islâmica. O Alcorão ou Corão (al-quran), é

Leia mais

843 Tratado de Verdum divisão do Império entre os netos de Carlos Magno.

843 Tratado de Verdum divisão do Império entre os netos de Carlos Magno. História 8A - Aula 22 As Monarquias Feudais 843 Tratado de Verdum divisão do Império entre os netos de Carlos Magno. -Séculos IX e X sociedade francesa se feudalizou. -Poder real enfraqueceu. -Condes,

Leia mais

I D A D E M É D I A. Formação do mundo feudal (agrário). Formação dos reinos bárbaros.

I D A D E M É D I A. Formação do mundo feudal (agrário). Formação dos reinos bárbaros. H I S T Ó R I A C A P Í T U L O 1 I D A D E M É D I A A L T A I D A D E M É D I A N E S T E C A P Í T U L O D E F I N I Ç Ã O 1 C R I S E D O I M P É R I O R O M A N O 1 F E U D A L I S M O 2 T E O C E

Leia mais

Primeira Guerra Mundial E Revolução Russa.

Primeira Guerra Mundial E Revolução Russa. Aula 17 Primeira Guerra Mundial E Revolução Russa. Esta aula abordará a Primeira Guerra Mundial, suas causas e conseqüências, entre as conseqüências; destaque para a Revolução Russa e a criação do primeiro

Leia mais

UNIFICAÇÃO Ã DA D ITÁLIA

UNIFICAÇÃO Ã DA D ITÁLIA UNIFICAÇÃO DA ITÁLIA SUIÇA PENÍNSULA ITÁLICA ÁUSTRIA ESLOVENIA UNIFICAÇÃO DA ITÁLIA Localizada no centro-sul da Europa. Ao norte, faz fronteira com França, Suíça, Áustria e Eslovênia ao longo dos Alpes.

Leia mais

MÓDULO DE RECUPERAÇÃO

MÓDULO DE RECUPERAÇÃO DISCIPLINA História 6º ANO ENSINO FUNDAMENTAL II MÓDULO DE RECUPERAÇÃO ALUNO(A) Nº TURMA TURNO Manhã 1º SEMESTRE DATA / / 1) A função da História é investigar os fatos ocorridos, levando em consideração

Leia mais

Apostila 03 - Atividade 35 pp. 69-74 Aspectos Naturais: relevo, hidrografia, clima e vegetação

Apostila 03 - Atividade 35 pp. 69-74 Aspectos Naturais: relevo, hidrografia, clima e vegetação Apostila 03 - Atividade 35 pp. 69-74 Aspectos Naturais: relevo, hidrografia, clima e vegetação 01. F, V, V, F, V. 02. Oceano Glacial Ártico; Círculo Polar Ártico; Montes Urais; Trópico de Câncer; Oceano

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS AGUALVA MIRA SINTRA

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS AGUALVA MIRA SINTRA AGRUPAMENTO DE ESCOLAS AGUALVA MIRA SINTRA código 171608 Escola Básica D. Domingos Jardo MANUAL ADOPTADO: HISTÓRIA E GEOGRAFIA DE PORTUGAL - HGP AUTORES: ANA OLIVEIRA/ FRANCISCO CANTANHEDE/ MARÍLIA GAGO

Leia mais

Roma Antiga. O mais vasto império da antiguidade; Lendária fundação pelos gêmeos Rômulo e Remo, em 753 a.c.; Roma - centro político do Império;

Roma Antiga. O mais vasto império da antiguidade; Lendária fundação pelos gêmeos Rômulo e Remo, em 753 a.c.; Roma - centro político do Império; ROMA Roma Antiga O mais vasto império da antiguidade; Lendária fundação pelos gêmeos Rômulo e Remo, em 753 a.c.; Roma - centro político do Império; Sua queda, em 476, marca o início da Idade Média. O mito

Leia mais

Você acredita que a opinião de Heródoto é acertada, em relação ao Rio Nilo? Explique. R.:

Você acredita que a opinião de Heródoto é acertada, em relação ao Rio Nilo? Explique. R.: PROFESSOR: EQUIPE DE HISTÓRIA BANCO DE QUESTÕES - HISTÓRIA - 6º ANO - ENSINO FUNDAMENTAL ============================================================================================== 01- Os fundamentos

Leia mais

Texto integrante dos Anais do XX Encontro Regional de História: História e Liberdade. ANPUH/SP UNESP-Franca. 06 a 10 de setembro de 2010. Cd-Rom.

Texto integrante dos Anais do XX Encontro Regional de História: História e Liberdade. ANPUH/SP UNESP-Franca. 06 a 10 de setembro de 2010. Cd-Rom. JUSTIFICATIVA A escolha do tema do presente trabalho se deu com o intuito de mostrar as grandes dificuldades e os preconceitos que a mulher sofre no islã, o que faz com que os problemas que as mulheres

Leia mais

Colégio Pedro II Departamento de Desenho e Artes Visuais

Colégio Pedro II Departamento de Desenho e Artes Visuais Colégio Pedro II Departamento de Desenho e Campus São Cristóvão II Coordenador pedagógico de Disciplina: Shannon Botelho 7º ano. TURMA: NOME: nº ARTE PÁLEO-CRISTÃ OU DAS CATACUMBAS Surgiu com os primeiros

Leia mais

Jörg Garbers Ms. de Teologia

Jörg Garbers Ms. de Teologia Introdução e visão geral da História de Israel O ESTADO DE JUDÁ Jörg Garbers Ms. de Teologia Textos 1Rs 12 2Cr 10 Data ~ 931 a.c. As narrativas bíblicas situam aqui o cisma entre as 12 tribos (10 Israel

Leia mais

O INÍCIO DE UMA INSTITUIÇÃO POLÍTICA ISLÂMICA. Rafael Silva Graduando em História pela UFOP locknail@yahoo.com.br

O INÍCIO DE UMA INSTITUIÇÃO POLÍTICA ISLÂMICA. Rafael Silva Graduando em História pela UFOP locknail@yahoo.com.br Comunicacoes ~ Modernidade, Instituicoes e Historiografia Religiosa no Brasil ~ O INÍCIO DE UMA INSTITUIÇÃO POLÍTICA ISLÂMICA Rafael Silva Graduando em História pela UFOP locknail@yahoo.com.br No tratamento

Leia mais

São Paulo ganha dos companheiros. São atribuías a S.Paulo 14 cartas. Umas são dele mesmo: Romanos, 1 e 2 aos Corintios, a Filemom, aos Gálatas, aos

São Paulo ganha dos companheiros. São atribuías a S.Paulo 14 cartas. Umas são dele mesmo: Romanos, 1 e 2 aos Corintios, a Filemom, aos Gálatas, aos No Antigo Testamento são citadas algumas cartas, como no 2ºMacabeus, capi.1º. Mas é no Novo Testamento que muitas cartas foram conservadas como parte integrante da revelação de Deus. No Novo Testamento

Leia mais