SISTEMA HIDRAULICO PARA ELEVADORES CONFORTO TOTAL ACESSIBILIDADE TOTAL

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "SISTEMA HIDRAULICO PARA ELEVADORES CONFORTO TOTAL ACESSIBILIDADE TOTAL"

Transcrição

1 SISTEMA HIDRAULICO PARA ELEVADORES CONFORTO TOTAL ACESSIBILIDADE TOTAL Obrigado por escolher equipamentos FLUHYDRO SYSTEMS. Os sistemas óleo hidráulicos são hoje, as melhores, mais seguras e econômicas alternativas para movimentação vertical de pessoas, cargas e para acessibilidade. A Fluhydro desenvolveu um exclusivo sistema de movimentação vertical 100% nacional, com tecnologia própria, que contempla todas as normas vigentes, composto por um sistema de moto bomba silenciosa submersa no óleo, com um reservatório blindado, de tamanhos, com ou sem trocador de calor, capaz de atender as varias condições de trafego e projeto, totalmente financiado pelo Cartão Bndes. Bloco Hidráulico Lógico em 3 tamanhos, possui controle proporcional através de cartela eletrônica interativa e um revolucionário cilindro hidráulico de flambagem zero, com até 7,7 metros de curso, camisa e haste com aeradores independentes, coletor de vazamento, válvula anti-queda com ação por velocidade e parafuso de manutenção para isolamento hidráulico, com patenteado sistema de vedação, à prova de rasgos, dobras ou cortes, com sapatas deslizantes em material sintético, desenhadas para deslizamento com pressão próximo a zero. A tudo isso, somado a 20 anos de experiência no mercado de plataformas veiculares, a Fluhydro é a única empresa que possui válvulas de ação direta de vazamento zero com acionamento manual, em um único produto, que reduz o numero de itens na lógica hidráulica, diminuindo em muito a manutenção e seus custos. O sistema Fluhydro de Movimentação Vertical, utiliza Cartela Eletrônica, que comanda todas as funções lógicas do bloco, como velocidade máxima na subida e descida totalmente independentes, aceleração e frenagem, facilitando em muito SET-UP do elevador, permitindo velocidades de até 40 MPM na Cabine, Aceleração e Frenagem rápidas e seguras em até 2 segundos, Cargas de até kg. Possui ainda, válvula de emergência e queda elétrica em uma única válvula, conforme norma, que podem ser operadas manualmente ou eletricamente, para resgate em caso de emergência. Devido à utilização de sistema elétrico de controle, é possível fazer auto-resgate em casos de falta de energia ou panes, onde um simples toque de um botão dentro do elevador leva o passageiro ao nível anterior, com velocidade de segurança e com todo conforto, pois, todo sistema pode ser monitorado por bateria de 24 VDC. (Essa opção só é possível através de um sistema elétrico feito para esse fim) Consulte a Fluhydro quando precisar de movimento vertical com segurança e extremo conforto. Se preferir, venha visitar nosso Showroom. Consulte nosso Site ou nosso depto Comercial para ter todas as opções possíveis.

2 ROTEIRO DE CALCULO DO KIT HIDRAULICO Nos próximos passos iremos obter o melhor Kit Hidráulico para elevadores ou plataformas. Os passos consistem em identificar os componentes do kit hidráulico, a seguir: CILINDRO / BLOCO LOGICO / MOTO-BOMBA/ RESERVATORIO Para a correta identificação dos componentes acima, é importante o levantamento das seguintes informações: 1> TRAFEGO OU FREQUENCIA DE UTILIZAÇÃO (Acionamentos/hora) 2> VELOCIDADE DA CABINE (metros/minuto=mpm) 3> PESO TOTAL = ARCADA + DECORAÇÃO + PASSAGEIROS/CARGA 4> SISTEMA DE MOVIMENTAÇÂO (1:1 2:1 4:1) 5> PERCURSO TOTAL (metros) 6> FOLGA DE PERCURSO (metros) 1- Trafego ou frequência de utilização. Neste item identificamos a necessidade de resfriar o óleo, o volume necessário do reservatório, de acordo com o fluxo. FATOR = 1,0 ATÉ 6 ACIONAMENTOS POR HORA. FATOR = 1,5 ATÉ 12 ACIONAMENTOS POR HORA. FATOR = 2,2 ACIMA DE 12 ACIONAMENTOS POR HORA. Aplica-se o fator ao calculo de reservatório, onde iremos tratar mais adiante. 2- Velocidade da cabine: (como referencia) Acessibilidade: 5 a 9 MPM Cargas: 8 a 16 MPM Passageiros: 12 a 40 MPM. Legenda MPM= metros por minuto 3- Peso cabine, arcada e carga (número de passageiros) Para efeito de projeto, considera-se que peso de 1(um) passageiro médio de 75 KGS. Na acessibilidade, consideramos no mínimo 2(dois) passageiros, num peso médio de até 200 Kg. O peso próprio = cabina + arcada, depende fundamentalmente do tamanho e do acabamento solicitado, é preciso calcular o peso desses materiais ao compor o elevador.

3 4- Sistema de movimentação: 4.1 Sistemas 1:1 (sistema ataque direto) Nesse tipo de montagem, o cilindro atua direto na cabine, onde o peso e velocidades da cabine são transportados direto para o cilindro Sistemas 2:1 (sistema multiplicado com polia e cabos) Nesse tipo de montagem, o curso do cilindro é metade do percurso da cabine, porém, o peso é dobrado. A velocidade de cilindro é metade da velocidade da cabine Sistemas 4:1 (sistema multiplicado com polia e cabos) Nesse tipo de montagem, o curso do cilindro é quarta parte do percurso da cabine, porém, o peso é quadruplicado. A velocidade de cilindro é quarta parte da velocidade da cabine. 5/6- Percurso total, Numero de paradas e Folga de percurso: O percurso total e o tipo de montagem (item 4 acima), definem o curso do cilindro, onde sempre devemos prever uma folga para erros de alvenaria e ajustes na obra. O numero de paradas é definido pelo projeto do cliente, e não altera o percurso total da cabine. I. Definição do e Bloco lógico. Baseado na CARGA necessária, na VELOCIDADE da cabine e no SISTEMA de movimentação escolhido, as tabelas 1 e 2 abaixo indicam o modelo do CILINDRO e a BOMBA necessárias para o projeto. (valores da tabelas em LPM) BLOCO TAMANHO 1 até 30 LPM; BLOCO TAMANHO 2 até 66 LPM. BLOCO TAMANHO 3 até 105 LPM Carga Tabela N 1 Sistema 2:1 Peso próprio Carga Total Carga Recomendado Tabela Vazões LPM VELOCIDADE DA CABINE MPM Passageiros = CEF Passageiros = CEF Passageiros = CEF Passageiros = CEF Passageiros = CEF Peso= CEF Peso= CEF Peso= CEF

4 Tabela N 2 Sistema 1:1 Carga Peso próprio Carga Total II. Definição da Moto Bomba. Recomendado Tabela de Vazões LPM Velocidade da Cabine MPM Passageiros = CEF Passageiros = CEF Passageiros = CEF Passageiros = CEF Passageiros = CEF Peso = CEF Peso = CEF Peso = CEF Peso= CEF Peso= CEF O Moto Bomba será definido pelo tamanho do bloco e pela vazão indicada pelas escolhas nas tabelas anteriores. Os valores das tabelas 1 e 2 são expressas em LPM. Falta definir o tipo de motor elétrico, monofásico ou trifásico e a respectiva tensão e potencia, como abaixo: POTENCIA (CV) = 0, 155 x VAZÃO DA TABELA No calculo acima já esta incluso o fator de serviço de 12% do motor elétrico e o rendimento da bomba hidráulica de 93%. Tabela No. 3 Modelo do cilindro Litros/metros de preenchimento (armazenagem) Litros/metros volume de bombeamento Força Máxima Comprimento Maximo fabricável (mm) CEF ,8 2, CEF ,0 3, CEF 91 8,2 6, CEF ,7 10,

5 III. Definição do reservatório e acessórios. O reservatório é função direta do TRAFEGO, do tamanho do cilindro e seu percurso. Os cilindros Fluhydro possuem flambagem zero e armazena dentro deles a maior parte do óleo do sistema, o que diminui o reservatório e o espaço necessário para sua instalação. Na próxima tabela, mostraremos a capacidade de cada cilindro: A Tabela N 4 a Seguir indica os volumes de óleo necessário pelas escolhas feitas. Chegou o momento de utilizar o fator de trafego, para definir o tamanho do reservatório ideal. Portanto: VOLUME RESEVATORIO = VOLUME VARIAVEL x FATOR TRAFEGO A próxima tabela leva em conta o percurso do cilindro e o sistema de movimentação Nota: quando o sistema 1:1 è adotado, è necessário calcular o volume de armazenagem e bombeamento, utilizando a tabela n 3, com percurso do cilindro. VOLUMEARMAZENAGEM = VOLUME/METRO (TAB 3) x PERCURSO CILINDRO Tabela N 4 Sistema: 2:1 2 Paradas 3 Paradas 4 Paradas Escolha escolhido Percurso cabine=3500 mm Percurso cabine = 7000 mm Percurso cabine = mm do fixo cilindro = 1850 mm Percurso cilindro = 3600 mm Percurso cilindro = 5100 mm Reservatório Litros Totais fixo Litros Totais fixo Litros Totais 30 CEF-50 5,2* 3,7 8,9 10* * ou 70 CEF-70 9,3* 7,2 16,5 18* * CEF-91 15,2* 11, * * ou 120 CEF ,5* 19, * * * armazenado no cilindro não retorna ao reservatório. OBSERVAÇÕES: A tabela Nº 4 apresenta os valores de volume de óleo.a escolha do reservatório é feito pela Fluhydro, baseado nas informações dados de cada projeto. A tabela acima é orientativa.

6 Podemos dimensionar o reservatório como abaixo: VOLUME DE BOMBEAMENTO RESERVATORIO = DO CILINDRO ESCOLHIDO x CURSO DO CILINDRO x FATOR DE TRAFEGO VOLUME PREENCHIDO= VOLUME FIXO/METRO x CURSO DO CILINDRO RESUMO DOS ITENS OBTIDOS CILINDRO= DIAMETRO PERCURSO BLOCO TAMANHO= MOTOR= CV TENSÃO= RESERVATORIO= VOLUME DE AMZENAGEM DO CILINDRO= A escolha do óleo e de sua viscosidade resultam numa melhor performance para o todo conjunto hidráulico. Recomendamos a utilização de óleos hidráulicos minerais de boa procedência e de boa marca, com índice de viscosidade de fator=100. Regiões Frias > Óleo ISO VG 32cst Regiões Moderadas > Óleo ISSO VG 46cst Regiões Quentes > ISSO VG 68cst A manutenção das características básicas do óleo é fundamental para a vida útil do equipamento. Siga as instruções das etiquetas coladas nos reservatórios.

7 Para melhor orientar no levantamento dos dados necessários para correto dimensionamento de sistemas hidráulicos, disponibilizamos o formulário abaixo, que servirá de referencia para as consultas; FORMULARIO DE DADOS: Rev-20/10/10-Ago/13 Sistema de movimentação eletrônica Patenteado Fluhydro Systems é marca registrada e Patenteada

SHORT TRAVEL STANDARD SH ST ALVENARIA

SHORT TRAVEL STANDARD SH ST ALVENARIA 2 SHORT TRAVEL STANDARD SH ST ALVENARIA Com um conceito que busca facilidades, desenvolvemos uma plataforma cabinada, compacta e moderna, perfeita para o tipo de aplicação em estrutura de alvenaria. Com

Leia mais

EMTV MANUAL DE OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO DESDE 1956

EMTV MANUAL DE OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO DESDE 1956 EMTV Elevador de manutenção telescópico vertical MANUAL DE OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO ZELOSO DESDE 1956 PREFÁCIO APLICAÇÃO: Este manual contém informações para a operação e manutenção, bem como uma lista ilustrada

Leia mais

WRM Sistemas Hidráulicos

WRM Sistemas Hidráulicos WRM Sistemas Hidráulicos Bombas de engrenagens C A T Á L O G O Válvulas de pressão Válvulas de vazão Válvulas Direcionais Válvulas de retenção Válvula de assento Válvulas proporcionais Sistemas lógicos

Leia mais

plataforma elevatória até 4m modelos ac08 ac11 acionamento hidráulico

plataforma elevatória até 4m modelos ac08 ac11 acionamento hidráulico plataforma elevatória até 4m modelos ac08 ac11 acionamento hidráulico JUL/2011 Acionamento Hidráulico Atende às normas NBR 9050 e NBR15655-1 Movimentação por botão de pressionamento constante ou joystick

Leia mais

Manual de Referência Técnica ELEVAC 200

Manual de Referência Técnica ELEVAC 200 Manual de Referência Técnica ELEVAC 200 t e c n o l o g i a em e l e v a d o r e s t e c n o l o g i a em e l e v a d o r e s APRESENTAÇÃO O Elevador Pneumático Elevac-200, com patente registrada, fabricado

Leia mais

E L E V A D O R A C E S S I B I L I D A D E

E L E V A D O R A C E S S I B I L I D A D E E L E V A D O R A C E S S I B I L I D A D E REV DEZ/2011 Imagens meramente ilustrativas. Com mais de 15 anos de mercado, a Daiken apresenta a experiência e a tecnologia de uma empresa que é referência

Leia mais

Eletrônicos PAE. Componente Curricular: Práticas de Acionamentos. 5.ª Prática Inversor de Frequência Vetorial da WEG CFW-08

Eletrônicos PAE. Componente Curricular: Práticas de Acionamentos. 5.ª Prática Inversor de Frequência Vetorial da WEG CFW-08 1 Componente Curricular: Práticas de Acionamentos Eletrônicos PAE 5.ª Prática Inversor de Frequência Vetorial da WEG CFW-08 OBJETIVO: 1) Efetuar a programação por meio de comandos de parametrização para

Leia mais

MISTURADOR SUBMERSO RÁPIDO MSR

MISTURADOR SUBMERSO RÁPIDO MSR Indústria e Comércio de Bombas D Água Beto Ltda Manual de Instruções MISTURADOR SUBMERSO RÁPIDO MSR Parabéns! Nossos produtos são desenvolvidos com a mais alta tecnologia Bombas Beto. Este manual traz

Leia mais

KIT HIDRÁULICO CARREGA TUDO

KIT HIDRÁULICO CARREGA TUDO KIT HIDRÁULICO CARREGA TUDO MANUAL DE INSTALAÇÃO, OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO. APRESENTAÇÃO PARABÉNS! Você acaba de adquirir um produto Lycos. Desenvolvido e fabricado para atender todos os requisitos de ergonomia

Leia mais

plataforma elevatória ac 02 acionamento por fuso

plataforma elevatória ac 02 acionamento por fuso plataforma elevatória ac 02 acionamento por fuso OUT / 2011 plataforma elevatória ac 02 Indicação Indicada para permitir acesso a desníveis de até 2m. Acesso a mezaninos, entradas de edifícios residenciais

Leia mais

FLEXSUL REPRESENTAÇÕES Fone: 41 3287 6778 / Fax: 41 3287 1910

FLEXSUL REPRESENTAÇÕES Fone: 41 3287 6778 / Fax: 41 3287 1910 PD 60 SISTEMA DE TROCA UNITÁRIO Prensadora de terminais com sistema de Troca Unitário Prensa todos os tipos de mangueiras, de 3/16'' ate 2'' de diâmetro interno para 1, 2 e 4 espirais Concluída a operação

Leia mais

Manual Ref. Técnica Plataforma Elevac 250

Manual Ref. Técnica Plataforma Elevac 250 Apresentação 1 A Plataforma Elevac traz comodidade e praticidade para todas as pessoas com dificuldades permanentes ou temporárias de locomoção. Ideal para clínicas, escolas, hospitais, hotéis e quaisquer

Leia mais

MANUAL DE REFERÊNCIA TÉCNICA - ELEVAC 200 APRESENTAÇÃO PRINCÍPIO DE FUNCIONAMENTO

MANUAL DE REFERÊNCIA TÉCNICA - ELEVAC 200 APRESENTAÇÃO PRINCÍPIO DE FUNCIONAMENTO 1 MANUAL DE REFERÊNCIA TÉCNICA - ELEVAC 200 APRESENTAÇÃO O Elevador Pneumático Elevac-200, com patente registrada, fabricado pela Elevac Tecnologia em Elevadores, indústria brasileira, é um sistema de

Leia mais

DTGHV_20130524. Características e especificações técnicas sujeitas a alterações sem prévio aviso./ Fotos meramente ilustrativas. pág.

DTGHV_20130524. Características e especificações técnicas sujeitas a alterações sem prévio aviso./ Fotos meramente ilustrativas. pág. DT_20130524 GUILHOTINA HIDRÁULICA DE ÂNGULO VARIÁVEL MARCA NEWTON LINHA Características e especificações técnicas sujeitas a alterações sem prévio aviso./ Fotos meramente ilustrativas. pág. 1/5 DT_20130524

Leia mais

Manual de Referência Técnica ELEVAC 250

Manual de Referência Técnica ELEVAC 250 Manual de Referência Técnica ELEVAC 250 t e c n o l o g i a em e l e v a d o r e s ESENTAÇÃO APRESENTAÇÃO A Plataforma Elevac 250 traz comodidade e praticidade para todas as pessoas com dificuldades permanentes

Leia mais

CÁLCULO DAS POTÊNCIAS DE BOMBAS E ELEVADORES

CÁLCULO DAS POTÊNCIAS DE BOMBAS E ELEVADORES UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ CENTRO DE TECNOLOGIA DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA ELÉTRICA CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA Disciplina: Materiais, Equip. e Instalações Prediais 2010.1 CÁLCULO DAS POTÊNCIAS DE

Leia mais

Gas-Lift - Vantagens

Gas-Lift - Vantagens Gas-Lift - Vantagens Método relativamente simples para operar O equipamento necessário é relativamente barato e é flexível Podem ser produzidos baixos ou altos volumes É efetivo sob condições adversas

Leia mais

NIVELADOR DE DOCA DESLIZANTE

NIVELADOR DE DOCA DESLIZANTE PREFÁCIO NIVELADOR DE DOCA DESLIZANTE APLICAÇÃO: Este manual contém informações para a operação e manutenção, bem como uma lista ilustrada de peças do NIVELADOR DOCA de fabricação exclusiva da ZELOSO.

Leia mais

ATENÇÃO INFORMAÇÕES SOBRE A GARANTIA

ATENÇÃO INFORMAÇÕES SOBRE A GARANTIA ATENÇÃO INFORMAÇÕES SOBRE A GARANTIA Motor vertical 2 tempos LER O MANUAL DO PROPRIETÁRIO. TRABALHE SEMPRE COM ROTAÇÃO CONSTANTE, NO MÁXIMO 3.600 RPM EVITE ACELERAR E DESACELERAR O EQUIPAMENTO. NÃO TRABALHE

Leia mais

MOTOBOMBAS E CONJUNTOS PARA COMBATE A INCÊNDIO

MOTOBOMBAS E CONJUNTOS PARA COMBATE A INCÊNDIO MOTOBOMBAS E CONJUNTOS PARA COMBATE A INCÊNDIO Motobombas para combate a incêndio ÍNDICE FSGIN Pg. 3 FIN Pg. 13 Pg. 33 A Famac tem a solução certa em Bombas para sistemas de combate a incêndio. CONJUNTOS

Leia mais

Transportador Pantográfico Elétrico TPE 1000

Transportador Pantográfico Elétrico TPE 1000 Transportador Pantográfico Elétrico TPE 1000 1 Manual de operação Conteúdo : 1 Parâmetros técnicos 2 Aplicações 3 Instruções de uso e operação 4 Manutenção 5 Carregador de bateria 6 Esquema elétrico 2

Leia mais

TRANSFORME SEU BANHO EM UM MOMENTO INESQUECÍVEL.

TRANSFORME SEU BANHO EM UM MOMENTO INESQUECÍVEL. NOVA LINHA TRANSFORME SEU BANHO EM UM MOMENTO INESQUECÍVEL. AQUECEDOR DE ÁGUA A GÁS DE PASSAGEM LINHA AQUECEDOR DE ÁGUA PARA BANHO O novo grau de conforto. VOCÊ PEDIU E A RHEEM ATENDEU Linha Completa de

Leia mais

das válvulas de vazão de líquidos e gases

das válvulas de vazão de líquidos e gases Válvulas de Vazão de Líquidos e Gases Wagner Britto Vaz de Oliveira 00/16144 Pedro Kouri Paim 00/16063 9 de Junho de 2005 1 Introdução No contexto de automação industrial, válvulas de comando são elementos

Leia mais

BrikStar CM. Prensa hidráulica de briquetagem D GB. Sempre uma idéia a frente

BrikStar CM. Prensa hidráulica de briquetagem D GB. Sempre uma idéia a frente BrikStar CM Prensa hidráulica de briquetagem Sempre uma idéia a frente D GB BrikStar Prensa hidráulica de briquetagem BrikStar CM BrikStar CM de 4 até 11 kw As prensas de briquetagem da série BrikStar

Leia mais

> Guindastes leves, seguros e eficientes para o manuseio de cargas de até 2000kg.

> Guindastes leves, seguros e eficientes para o manuseio de cargas de até 2000kg. > A MKS Marksell FEITA NO BRASIL, PARA O MUNDO. A MKS Marksell é uma empresa 100% Brasileira, pioneira e líder no segmento de equipamentos para movimentação de carga e pessoas desde 1983. Instalada em

Leia mais

ANEXO II ESPECIFICAÇÕES DOS EQUIPAMENTOS E ROTINAS DE MANUTENÇÃO ED. SEDE ELEVADORES ATLAS SCHINDLER

ANEXO II ESPECIFICAÇÕES DOS EQUIPAMENTOS E ROTINAS DE MANUTENÇÃO ED. SEDE ELEVADORES ATLAS SCHINDLER ANEXO II ESPECIFICAÇÕES DOS EQUIPAMENTOS E ROTINAS DE MANUTENÇÃO 1. Identificação: ED. SEDE ELEVADORES ATLAS SCHINDLER 1.1. Elevador nº 1 Uso privativo dos juízes 1.2. Elevador nº 2 Uso de Serviço (Cargas)

Leia mais

Create PDF with GO2PDF for free, if you wish to remove this line, click here to buy Virtual PDF Printer

Create PDF with GO2PDF for free, if you wish to remove this line, click here to buy Virtual PDF Printer MANUAL DE MANUTENÇÃO PREVENTIVA E CORRETIVA Finalidade deste Manual Este manual proporciona as informações necessárias para uma correta manutenção dos filtros Metalsinter, contendo também importantes informações

Leia mais

PV-2200 MANUAL DE INSTRUÇÃO

PV-2200 MANUAL DE INSTRUÇÃO Pág.:1 MÁQUINA: MODELO: NÚMERO DE SÉRIE: ANO DE FABRICAÇÃO: O presente manual contém instruções para instalação e operação. Todas as instruções nele contidas devem ser rigorosamente seguidas do que dependem

Leia mais

Estamos apresentando nossa proposta em resposta a sua carta convite enviada em 13/05/08.

Estamos apresentando nossa proposta em resposta a sua carta convite enviada em 13/05/08. Rio de Janeiro, 11 de junho de 2008 A Aquastore A/c. Eng.Jano Grossmann End. Bairro. Cid. Rio de Janeiro Est. RJ Tel. (0xx21) 2523-7582 CEL. 9418-6179 e-mail. janog@aquastore.com.br Ref.: Proposta comercial

Leia mais

Conheça nossas fábricas:

Conheça nossas fábricas: Guindastes Conheça nossas fábricas: UNIDADE 2 Fábrica complementar da Grimaldi, onde encontra-se os mais novos e tecnológicos processos de produção que garantem a excelência dos produtos Grimaldi. Santo

Leia mais

Linha. Booster. Soluções em Bombeamento

Linha. Booster. Soluções em Bombeamento Linha Booster Booster ESTAÇÃO PRESSURIZADORA TIPO BOOSTER MOVÉL As Estações Pressurizadoras IMBIL do tipo Booster Móvel são utilizadas nos segmentos de Saneamento, Empresas Estaduais, Municipais, SAAEs,

Leia mais

Manual de Referência Técnica Elevac 200

Manual de Referência Técnica Elevac 200 Apresentação O Elevador Pneumático Elevac, fabricado pela Elevac Tecnologia em Elevadores, indústria brasileira, com patente registrada, é um sistema de transporte vertical pneumático, sem cabos, pistões

Leia mais

ESTADO DO MARANHÃO SECRETARIA DE SEGURANÇA PÚBLICA CORPO DE BOMBEIROS MILITAR COMANDO GERAL

ESTADO DO MARANHÃO SECRETARIA DE SEGURANÇA PÚBLICA CORPO DE BOMBEIROS MILITAR COMANDO GERAL 1 OBJETIVO: Padronizar os diversos tipos de sistemas de bomba de incêndio das edificações, seus requisitos técnicos, componentes, esquemas elétricos-hidráulicos e memória de cálculo, de acordo com os parâmetros

Leia mais

ESTADO DE GOIÁS SECRETARIA DA SEGURANÇA PÚBLICA CORPO DE BOMBEIROS MILITAR

ESTADO DE GOIÁS SECRETARIA DA SEGURANÇA PÚBLICA CORPO DE BOMBEIROS MILITAR ESTADO DE GOIÁS SECRETARIA DA SEGURANÇA PÚBLICA CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DIRETORIA DE DEFESA CIVIL Gerência de Segurança Contra Incêndio e Pânico NORMA TÉCNICA n. 24, de 05/03/07 Sistema de Resfriamento

Leia mais

ÍNDICE MANUTENÇÃO PREVENTIVA COMO PEDIR PEÇAS DE REPOSIÇÃO

ÍNDICE MANUTENÇÃO PREVENTIVA COMO PEDIR PEÇAS DE REPOSIÇÃO Este manual ajudará você a familiarizar-se com a sua Empilhadeira Manual BYG. Facilitará também, possíveis manutenções periódicas. Recomendamos uma atenção especial para utilização do equipamento, antes

Leia mais

Pulverizadores costais manuais. Prof.: Brandão

Pulverizadores costais manuais. Prof.: Brandão Pulverizadores costais manuais Prof.: Brandão PULVERIZADORES COSTAIS Operação Manutenção Regulagem da pulverização PJH O QUE É UM PULVERIZADOR COSTAL MANUAL? - Os pulverizadores Costais Manuais são equipamentos

Leia mais

PS200 PS600 PS1200 ETAPUMP Altura manométrica 0-50 0-180 0-240

PS200 PS600 PS1200 ETAPUMP Altura manométrica 0-50 0-180 0-240 SISTEMAS DE BOMBAS SOLARES Existe uma relação natural entre a disponibilidade de energia solar e as necessidades de água. A necessidade de água cresce em dias de radiação elevada de sol, por outro lado

Leia mais

MANUAL TÉCNICO ELEVADOR DE EIXO EH-10T

MANUAL TÉCNICO ELEVADOR DE EIXO EH-10T MANUAL TÉCNICO ELEVADOR DE EIXO EH-10T Rua Dr. Nilson Teobaldo Schaeffer, 6061B Marechal Floreano CEP 95013-400 Caxias do Sul-RS Fone 54 3028-7575 Fax 54 3028-7505 comercial@lycosequipamentos.com.br www.lycosequipamentos.com.br

Leia mais

SISTEMA DE BOMBEAMENTO SOLAR

SISTEMA DE BOMBEAMENTO SOLAR SISTEMA DE BOMBEAMENTO SOLAR Motobomba acionada pela energia gerada por painéis solares. Permite também conexão com baterias, gerador ou rede elétrica. www.franklin-electric.com.br solar.franklin-electric.com

Leia mais

Automação Hidráulica

Automação Hidráulica Automação Hidráulica Definição de Sistema hidráulico Conjunto de elementos físicos associados que, utilizando um fluido como meio de transferência de energia, permite a transmissão e o controle de força

Leia mais

ESPECIFICAÇÕES DOS OBJETOS LICITAÇÃO Nº PP03060001/2013. Item Especificação Unid Vr. Unit Vr. Total

ESPECIFICAÇÕES DOS OBJETOS LICITAÇÃO Nº PP03060001/2013. Item Especificação Unid Vr. Unit Vr. Total ANEXO III 1 ESPECIFICAÇÕES DOS OBJETOS LICITAÇÃO Nº PP03060001/2013 Item Especificação Unid Vr. Unit Vr. Total 1 CAMINHÃO TOCO COM CAPACIDADE DE CARGA ÚTIL VARIANDO DE 10.000 A 12.000KG. DEVERÁ COMPOR

Leia mais

Décima segunda aula de teoria de ME5330. Maio de 2011

Décima segunda aula de teoria de ME5330. Maio de 2011 Décima segunda aula de teoria de ME5330 Maio de 011 Vamos iniciar o estudo do inversor de frequência. Conceito dispositivo eletrônico que transforma energia elétrica CA fixa ( tensão e frequência ) em

Leia mais

Sistemas para Estacionamento e Vagas de Garagem DUPLIKAR. Projetamos e desenvolvemos inúmeras soluções para estacionamentos.

Sistemas para Estacionamento e Vagas de Garagem DUPLIKAR. Projetamos e desenvolvemos inúmeras soluções para estacionamentos. A Empresa A Duplikar é representante autorizado da marca Engecass, queremos apresentar uma solução caso tenha necessidades de aumentar suas vagas de garagem. A Engecass é uma indústria Brasileira, fabricante

Leia mais

Manual de instruções. Rampa de alinhamento

Manual de instruções. Rampa de alinhamento Manual de instruções Rampa de alinhamento Apresentação Primeiramente queremos lhe dar os parabéns pela escolha de um equipamento com nossa marca. Somos uma empresa instalada no ramo de máquinas para auto

Leia mais

Série STREAMLINE SL-V Plus Tecnologia Waterjet de alto desempenho

Série STREAMLINE SL-V Plus Tecnologia Waterjet de alto desempenho Série STREAMLINE SL-V Plus Tecnologia Waterjet de alto desempenho A KMT Waterjet é uma empresa líder na fabricação de sistemas de corte a jato de água (waterjet) e desenvolve soluções com tecnologia de

Leia mais

SHF 6260NC MODELO SHF 6260NC/SHF 6260A. Máquinas importadas de Taiwan e comercializadas por: 10-600mm CAPACIDADE DE CORTE

SHF 6260NC MODELO SHF 6260NC/SHF 6260A. Máquinas importadas de Taiwan e comercializadas por: 10-600mm CAPACIDADE DE CORTE SHF 6260NC SHF 6260NC/SHF 6260A MAXIMO MINIMO 10-600mm L10xA10~L620xA600mm L480xA440mm L260x360mm 6560x41x1,3mm Os modelos SHF-6260NC e SHF-6260A foram projetados para cortes leves, como vigas H, cantoneiras,

Leia mais

Para garantir sua segurança, por favor, leia as instruções cuidadosamente e aprenda as peculiaridades da empilhadeira antes do uso.

Para garantir sua segurança, por favor, leia as instruções cuidadosamente e aprenda as peculiaridades da empilhadeira antes do uso. Manual do usuário 1. Aplicação: Seja bem vindo ao grupo dos proprietários de empilhadeiras TANDER. NEMP é um equipamento usado para levantar e carregar cargas por curtas distâncias. É composto de estrutura

Leia mais

elevador access acionamento hidráulico

elevador access acionamento hidráulico elevador access acionamento hidráulico SET/2013 elevador access Indicado para permitir acesso a desníveis de até 7m Acesso a pavimentos (entre andares) em edificações residenciais e comerciais como bancos,

Leia mais

PLATAFORMA ELEVATÓRIA MODELO ACCESS BASIC ACIONAMENTO POR FUSO

PLATAFORMA ELEVATÓRIA MODELO ACCESS BASIC ACIONAMENTO POR FUSO PLATAFORMA ELEVATÓRIA MODELO ACCESS BASIC ACIONAMENTO POR FUSO PLATAFORMA ELEVATÓRIA MODELO ACCESS BASIC Indicação Indicada para permitir acesso a desníveis de até 2m. Acesso a mezaninos, entradas de edifícios

Leia mais

HTS ELEVADORES IND. E COM. LTDA.

HTS ELEVADORES IND. E COM. LTDA. HTS ELEVADORES IND. E COM. LTDA. ELEVADORES DE OBRA ELEVADOR DE OBRA ELEVADOR DE OBRA Controle automático digital Eficiência de consumo: quando o a velocidade ou carga está abaixo da condição de regime

Leia mais

Sistema de Resfriamento para Líquidos e Gases Inflamáveis e Combustíveis

Sistema de Resfriamento para Líquidos e Gases Inflamáveis e Combustíveis SECRETARIA DE ESTADO DOS NEGÓCIOS DA SEGURANÇA PÚBLICA SUMÁRIO 1 Objetivo 2 Aplicação POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE SÃO PAULO Corpo de Bombeiros INSTRUÇÃO TÉCNICA Nº 24/2004 Sistema de Resfriamento para

Leia mais

HYDAC KineSys Sistemas de acionamento

HYDAC KineSys Sistemas de acionamento HYDAC KineSys Sistemas de acionamento Veículos de manuseio de materiais Usinas termelétricas Máquinas injetoras de plástico Seu parceiro profissional para soluções de acionamento Todas as condições para

Leia mais

VEMAQ 10-1 - CARACTERÍSTICAS CONSTRUTIVAS 1.1 - APRESENTAÇÃO

VEMAQ 10-1 - CARACTERÍSTICAS CONSTRUTIVAS 1.1 - APRESENTAÇÃO Equipamento: COLETOR COMPACTADOR DE LIXO 10 m³ Modelo : CCL-10 Aplicação: Coleta de resíduos domésticos e/ou industriais,selecionados ou não Fabricante: VEMAQ - Indústria Mecânica de Máquinas Ltda 1 -

Leia mais

CONJUNTOS DE FACAS DE AR WINDJET

CONJUNTOS DE FACAS DE AR WINDJET CONJUNTOS DE FACAS WINDJET CONJUNTO DE FACAS WINDJET SOPRADORES CONJUNTOS DE FACAS WINDJET SUMÁRIO Página Visão geral dos pacotes de facas de ar Windjet 4 Soprador Regenerativo 4 Facas de ar Windjet 4

Leia mais

São Paulo, 30 de Julho de 2012 DTE/DEAT/CIR/3.8475/12

São Paulo, 30 de Julho de 2012 DTE/DEAT/CIR/3.8475/12 Prezados senhores, De acordo com o disposto nos artigos 32 e 33 da Portaria SECEX nº 10, de 24 de maio de 2010, alterada pela Portaria SECEX nº 17, de 15 de setembro de 2010 do Ministério do Desenvolvimento,

Leia mais

Plano de curso Tecnologia em Plataforma Aérea

Plano de curso Tecnologia em Plataforma Aérea PLANO DE CURSO MSOBRFDPTA08 PAG1 Plano de curso Tecnologia em Plataforma Aérea Justificativa do Curso A plataforma aérea de trabalho se tornou um dos equipamentos mais comuns em obras e sites de trabalho

Leia mais

Compressor Parafuso. Série V. alto desempenho. www.mayekawa.com.br

Compressor Parafuso. Série V. alto desempenho. www.mayekawa.com.br Parafuso Confiabilidade e alto desempenho www.mayekawa.com.br COMPRESSOR PARAFUSO Parafuso Os es Parafuso MYCOM possuem características excepcionais. Estas proporcionam máxima efi ciência, fácil operação

Leia mais

Anexo III - ESPECIFICAÇÕES DOS OBJETOS. ITEM ESPECIFICAÇÃO UNIDADE VALOR 01 Tanque c/ equipamento combinado c/capacidade para 6m³ litros

Anexo III - ESPECIFICAÇÕES DOS OBJETOS. ITEM ESPECIFICAÇÃO UNIDADE VALOR 01 Tanque c/ equipamento combinado c/capacidade para 6m³ litros Anexo III - ESPECIFICAÇÕES DOS OBJETOS ITEM ESPECIFICAÇÃO UNIDADE VALOR 01 Tanque c/ equipamento combinado c/capacidade para 6m³ litros 01 (Instalado sobre reboque agrícola). 1 1 TANQUE RESERVATÓRIO: Tanque

Leia mais

Válvulas de Segurança 3/2 vias DM² C

Válvulas de Segurança 3/2 vias DM² C Válvulas de Segurança 3/2 vias DM² C Isolamento da Energia Pneumática Categoria 4 Líder na Tecnologia de Válvulas de Segurança Desde 1950 2005 Tecnologia e experiência 1995 2000 1980 1976 1967 1962 1954

Leia mais

sapatas de 500mm sapatas de 600mm sapatas de 700mm sapatas de 800mm

sapatas de 500mm sapatas de 600mm sapatas de 700mm sapatas de 800mm sapatas de 500mm sapatas de 600mm sapatas de 700mm sapatas de 800mm Válvula de controle combinados a Válvula de Alívio Lança/Braço/ Freio hidrostático, Redução planetária. 12.9rpm. Grande diâmetro Acionado

Leia mais

Valtra Vol. Linha Média 10/1/09 11:27 AM Page 1. www.valtra.com.br BM 100. Foto meramente ilustrativa. Valtra é uma marca mundial da AGCO.

Valtra Vol. Linha Média 10/1/09 11:27 AM Page 1. www.valtra.com.br BM 100. Foto meramente ilustrativa. Valtra é uma marca mundial da AGCO. Valtra Vol. Linha Média 10/1/09 11:27 AM Page 1 www.valtra.com.br BM 100 Valtra é uma marca mundial da AGCO. Foto meramente ilustrativa. Valtra Vol. Linha Média 10/1/09 11:27 AM Page 2 Características

Leia mais

Manual de Referência Técnica

Manual de Referência Técnica Manual de Referência Técnica Apresentação O Elevador Pneumático ELEVAC, fabricado pela MHM,indústria brasileira, com patente registrada, é um sistema de transporte vertical pneumático, sem cabos, pistões

Leia mais

Vantagens do Veículo Híbrido:

Vantagens do Veículo Híbrido: Vantagens do Veículo Híbrido: VANTAGENS PARA O OPERADOR É um veículo que não tem câmbio, sua aceleração e frenagem é elétrica, o motor a combustão, além de pequeno, opera numa condição ideal (rotação fixa).

Leia mais

ÍNDICE. 11. Instalação do CONTROLADOR ELETRO ELETRÔNICO E SENSORES...31. 13. Capa TÉRMICA...33

ÍNDICE. 11. Instalação do CONTROLADOR ELETRO ELETRÔNICO E SENSORES...31. 13. Capa TÉRMICA...33 ÍNDICE 1. PRODUTO SORIA...04 2. ALGUMAS VANTAGENS...05 3. PRODUTO SORIA...06 4. ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS...07 5. KIT DE INSTALAÇÃO...08 6. ACESSÓRIOS...09 7. DIMENSIONAMENTO DOS COLETORES...10 8. Dimensionamento

Leia mais

Programa de Treinamentos 2015

Programa de Treinamentos 2015 Programa de Treinamentos 2015 Introdução A Bosch Rexroth tem compromisso com a qualidade de seus treinamentos. Baseado nesse compromisso, a área de Didática da Bosch Rexroth desenvolveu uma série de cursos

Leia mais

Série Elevadores Comerciais

Série Elevadores Comerciais Série Elevadores Comerciais Equipamentos de alto desempenho para edifícios comerciais. Número de Paradas: Até 32 Paradas Grupo de Elevadores: Multiplex - Até 8 Elevadores Velocidades: Até 360 m / min.

Leia mais

VÁLVULA DE CONTROLE DE MOMENTO VCM-16 (NR12)

VÁLVULA DE CONTROLE DE MOMENTO VCM-16 (NR12) VÁLVULA DE CONTROLE DE MOMENTO VCM-16 (NR12) MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO Obrigado por utilizar os produtos Fluhydro-Systems. A válvula VCM-16 que você esta utilizando, foi fabricada, montada e testada

Leia mais

FUNCIONAMENTO FILTROS PRENSA - MS-CE

FUNCIONAMENTO FILTROS PRENSA - MS-CE MANUAL DE INSTALAÇÃO E FUNCIONAMENTO FILTROS PRENSA - MS-CE 1 - INTRODUÇÃO 1.1 - FINALIDADE DESTE MANUAL Este manual proporciona informações teóricas e de instalação, operação e manutenção dos filtros

Leia mais

2. APLICAÇÃO Ignição por centelhamento elétrico para queimadores a gás.

2. APLICAÇÃO Ignição por centelhamento elétrico para queimadores a gás. PRODUTO: ACS-TE-1-C4 FOLHA TÉCNICA 1/7 1. CERTIFICAÇÕES DA SELCON 2. APLICAÇÃO Ignição por centelhamento elétrico para queimadores a gás. IMPORTANTE: Este transformador de ignição está sendo substituído

Leia mais

Sistemas Pneumáticos

Sistemas Pneumáticos UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS CENTRO DE ENGENHARIAS ENGENHARIA DE PRODUÇÃO AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL Sistemas Pneumáticos Gilson PORCIÚNCULA wp.ufpel.edu.br/porciuncula Estrutura de um circuito Pneumático

Leia mais

Radiador de ar Indústria AC-LN / ACA-LN / ACAF-LN 8-14

Radiador de ar Indústria AC-LN / ACA-LN / ACAF-LN 8-14 Radiador de ar Indústria AC-LN / ACA-LN / ACAF-LN 8-14 Símbolo Gerais Os radiadores de ar da série AC-LN 8-14 podem ser aplicados em todas as áreas nas quais é preciso resfriar óleo ou mistura de água-glicol

Leia mais

TE25 Transpalete Elétrico Manual de Uso e Operação Página 1

TE25 Transpalete Elétrico Manual de Uso e Operação Página 1 Página 1 ÍNDICE 1. ALERTAS... 03 2. PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS... 04 3. DISPOSITIVOS DE SEGURANÇA... 04 4. TIMÃO DE COMANDO... 05 5. PAINEL INFORMATIVO... 06 6. ADESIVOS E PLAQUETAS... 07 7. IÇAMENTO...

Leia mais

Roberto Oliveira Diretor Comercial. Aquecedores de Piscina a Gás por Imersão. Brasil : Fins Terapêuticos Demais Países: Sem restrição

Roberto Oliveira Diretor Comercial. Aquecedores de Piscina a Gás por Imersão. Brasil : Fins Terapêuticos Demais Países: Sem restrição Roberto Oliveira Diretor Comercial Aquecedores de Piscina a Gás por Imersão 2015 Brasil : Fins Terapêuticos Demais Países: Sem restrição Sobre a RK Metalúrgica - Experiência com a área de alta tensão desde

Leia mais

Carregadeira LW300K. Potência Motor: 124 HP - Capacidade da caçamba: 1,9 m³ - Peso operacional: 10.600 Kg

Carregadeira LW300K. Potência Motor: 124 HP - Capacidade da caçamba: 1,9 m³ - Peso operacional: 10.600 Kg Carregadeira LW300K Potência Motor: 124 HP - Capacidade da caçamba: 1,9 m³ - Peso operacional: 10.600 Kg Qualidade, confiabilidade e força, aliada ao baixo consumo de combustível. A Pá-carregadeira LW300K

Leia mais

bombas dosadoras a motor Por acionamento hidráulico

bombas dosadoras a motor Por acionamento hidráulico Dosadoras a Motor bombas dosadoras a motor Por acionamento hidráulico Serie 600 Serie 500 Há opção de duplo diafragma cabeçotes duplex e válvulas EZE- Serie 700 CLEAN TM consulte-nos! Detalhamento de sistema

Leia mais

Sistemas de Bombeamento Através de Energia Solar

Sistemas de Bombeamento Através de Energia Solar Sistemas de Bombeamento Através de Energia Solar Introdução Uma das vantajosas aplicações para energia solar é o bombeamento d água. Em sistemas que requerem bombeamento constante ou durante o período

Leia mais

GUINCHO HIDRÁULICO G-1000

GUINCHO HIDRÁULICO G-1000 GUINCHO HIDRÁULICO G-1000 MANUAL DE OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO ZELOSO DESDE 1956 PREFÁCIO GUINCHO HIDRÁULICO APLICAÇÃO: Este manual contém informações para a operação e manutenção, bem como uma lista ilustrada

Leia mais

UM A M ARC A DO GRUPO ESPIRODUTOS

UM A M ARC A DO GRUPO ESPIRODUTOS VENTILADORES AXIAL UM A M ARC A DO GRUPO ESPIRODUTOS DESCRIÇÃO E NOMENCLATURA DE VENTILADORES AXIAL Diâmetro Fabricação Aspiração Rotor Empresa Ex: EAFN 500 Diâmetro da seleção Tipo de Fabricação G = Gabinete

Leia mais

Sem mais para o momento e agradecendo a atenção dispensada. Atenciosamente. AFONSO C. GAPPO Engº CREA Nº38219-D RJ

Sem mais para o momento e agradecendo a atenção dispensada. Atenciosamente. AFONSO C. GAPPO Engº CREA Nº38219-D RJ CARTA Nº 11.0529/10 Rio de Janeiro, 19 de novembro de 2010. À RENTA ENGENHARIA Av. das Américas, nº 1155/17º andar Barra da Tijuca. Rio de Janeiro/RJ. At.: Sra. Tanit Marinho ASS.: Transporte Vertical

Leia mais

PROGRAMA DE CAPACITAÇÃO EM AQUECIMENTO SOLAR ABRAVA/DASOL 2011

PROGRAMA DE CAPACITAÇÃO EM AQUECIMENTO SOLAR ABRAVA/DASOL 2011 PROGRAMA DE CAPACITAÇÃO EM AQUECIMENTO SOLAR ABRAVA/DASOL 2011 MÓDULO 2 Projetista SAS Pequeno Porte Passo a Passo de Instalação ABRAVA -São Paulo,Maio de 2011 Luciano Torres Pereira Leonardo Chamone Cardoso

Leia mais

Concurso Público para Cargos Técnico-Administrativos em Educação UNIFEI 13/06/2010

Concurso Público para Cargos Técnico-Administrativos em Educação UNIFEI 13/06/2010 Questão 21 Conhecimentos Específicos - Técnico em Mecânica A respeito das bombas centrífugas é correto afirmar: A. A vazão é praticamente constante, independentemente da pressão de recalque. B. Quanto

Leia mais

CENTRO DE TREINAMENTO DANCOR MÓDULO I - BOMBAS

CENTRO DE TREINAMENTO DANCOR MÓDULO I - BOMBAS CENTRO DE TREINAMENTO DANCOR MÓDULO I - BOMBAS DANCOR S.A INDÚSTRIA MECÂNICA Professor: José Luiz Fev/2012 CENTRO DE TREINAMENTO DANCOR 1- BOMBAS D ÁGUA (MÁQUINAS DE FLUXO): 1.1 DEFINIÇÃO Máquinas de fluxo

Leia mais

Linha completa de aquecimento para banho e piscina Coletores solares Heliotek A força da nova geração

Linha completa de aquecimento para banho e piscina Coletores solares Heliotek A força da nova geração Linha completa de aquecimento para banho e piscina Coletores solares Heliotek A força da nova geração Ao contrário dos coletores comuns, que perdem a eficiência com o passar dos anos, os novos coletores

Leia mais

Conheça nossa empresa

Conheça nossa empresa Conheça nossa empresa Empresa Damaeq Integridade, Vontade de Superar-se, Satisfação do Cliente. Varredora Coletora Rebocável. A varredora Mecânica Coletora de Lixo Damaeq, é ideal para varrição de ruas,

Leia mais

AUC1. Circuitos Eletrohidráulicos e Eletropneumáticos. Parte III 14/02/2015 1

AUC1. Circuitos Eletrohidráulicos e Eletropneumáticos. Parte III 14/02/2015 1 AUC1 Circuitos Eletrohidráulicos e Eletropneumáticos Parte III 14/02/2015 1 Atuadores 14/02/2015 2 Atuador Pneumático Os atuadores pneumáticos, assim como os atuadores hidráulicos, são componentes que

Leia mais

BOOSTER BOOSTER? Benefícios e vantagens PORQUE COMPRAR UM

BOOSTER BOOSTER? Benefícios e vantagens PORQUE COMPRAR UM Linha BOOSTER Agilidade, confiabilidade e eficiência BOOSTER Os compressores Schulz modelo SB, possuem como função principal elevar a pressão da rede de baixa pressão para até 40 bar (580 psi). Benefícios

Leia mais

Bombas Submersas. 1. Aplicação. 2. Dados de operação das bombas submersas. 3. Construção / projeto. Denominação UPD, BPD e BPH (exemplo)

Bombas Submersas. 1. Aplicação. 2. Dados de operação das bombas submersas. 3. Construção / projeto. Denominação UPD, BPD e BPH (exemplo) Manual Técnico A3405.0P Bombas Submersas 1. Aplicação É recomendada para o abastecimento de água limpa ou levemente contaminada, abastecimento de água em geral, irrigação e sistemas de aspersão pressurizados

Leia mais

Dimensionamento. Dimensionamento. Área Coletora e Kit Instalação. Aquecimento Auxiliar. Tubulação. Bomba Hidráulica

Dimensionamento. Dimensionamento. Área Coletora e Kit Instalação. Aquecimento Auxiliar. Tubulação. Bomba Hidráulica Dimensionamento Dimensionamento Área Coletora e Kit Instalação Aquecimento Auxiliar Tubulação Objetivos: 1 - Dimensionar área coletora e kit instalação 2 - Dimensionar aquecimento auxiliar 3 - Dimensionar

Leia mais

AULA PRÁTICA 9 CARNEIRO HIDRÁULICO

AULA PRÁTICA 9 CARNEIRO HIDRÁULICO 1!" AULA PRÁTICA 9 CARNEIRO HIDRÁULICO I - INTRODUÇÃO O carneiro hidráulico, também chamado bomba de aríete hidráulico, balão de ar, burrinho, etc., foi inventado em 1796 pelo cientista francês Jacques

Leia mais

Curso de Engenharia de Produção. Sistemas Mecânicos e Eletromecânicos

Curso de Engenharia de Produção. Sistemas Mecânicos e Eletromecânicos Curso de Engenharia de Produção Sistemas Mecânicos e Eletromecânicos Introdução: Um rebite compõe-se de um corpo em forma de eixo cilíndrico e de uma cabeça. A cabeça pode ter vários formatos. Os rebites

Leia mais

ÍNDICE MANUTENÇÃO PREVENTIVA COMO PEDIR PEÇAS DE REPOSIÇÃO

ÍNDICE MANUTENÇÃO PREVENTIVA COMO PEDIR PEÇAS DE REPOSIÇÃO Este manual ajudará você a familiarizar-se com sua Empilhadeira BYG. Facilitará também, possíveis manutenções periódicas. Recomendamos uma atenção especial para utilização do equipamento, antes mesmo do

Leia mais

Programa de Treinamentos 2014

Programa de Treinamentos 2014 Programa de Treinamentos 2014 Introdução A Bosch Rexroth tem compromisso com a qualidade de seus treinamentos. Baseado nesse compromisso, a Divisão Service - Didática da Bosch Rexroth desenvolveu uma série

Leia mais

Desfrute do melhor que a natureza tem para lhe oferecer e aproveite o conforto que a energia do sol pode lhe proporcionar.

Desfrute do melhor que a natureza tem para lhe oferecer e aproveite o conforto que a energia do sol pode lhe proporcionar. 1 A Kisol tem a missão de divulgar e incentivar a sustentabilidade, através do uso de energias renováveis, fornecendo soluções que superem as expectativas dos seus clientes. A realização de um mundo melhor,

Leia mais

Normas da ABNT precisam ser seguidas

Normas da ABNT precisam ser seguidas Normas da ABNT precisam ser seguidas Além das leis ambientais e toda a burocracia que o negócio da revenda exige, o revendedor precisa realizar os procedimentos de acordo com as normas da Associação Brasileira

Leia mais

catálogo de PRodutos

catálogo de PRodutos catálogo de PRodutos Linhas de trabalho Equipamentos como os fabricados pela eixomaq reduzem o esforço físico, tornando a jornada de trabalho muito mais prática e produtiva, além de, na maioria das vezes,

Leia mais

BOMBEAMENTO DE ÁGUA COM ENERGIA SOLAR FOTOVOLTAICA

BOMBEAMENTO DE ÁGUA COM ENERGIA SOLAR FOTOVOLTAICA BOMBEAMENTO DE ÁGUA COM ENERGIA SOLAR FOTOVOLTAICA Eng. Carlos Alberto Alvarenga Solenerg Engenharia e Comércio Ltda. Rua dos Inconfidentes, 1075/ 502 Funcionários - CEP: 30.140-120 - Belo Horizonte -

Leia mais

FIPAI Fundação para o Incremento da Pesquisa e do Aperfeiçoamento Industrial Tomada de Preço nº. 003/2013 Processo Finep nº 01.09.0563.

FIPAI Fundação para o Incremento da Pesquisa e do Aperfeiçoamento Industrial Tomada de Preço nº. 003/2013 Processo Finep nº 01.09.0563. ESPECIFICAÇÕES DOS EQUIPAMENTOS LOTE 01 Especificar Sistema de Geração de Ar Comprimido, incluindo compressor, secador por adsorção e filtros coalescentes Diagrama Pneumático. Confirmar detalhes com equipe

Leia mais

> Se você está procurando equipamentos premiados e feito sob medida para distribuição de GLP e Gases do Ar, você está no lugar certo!

> Se você está procurando equipamentos premiados e feito sob medida para distribuição de GLP e Gases do Ar, você está no lugar certo! > A MKS Marksell FEITA NO BRASIL, PARA O MUNDO. A MKS Marksell é uma empresa 100% Brasileira, pioneira e líder no segmento de equipamentos para movimentação de carga e pessoas desde 1983. Instalada em

Leia mais

ANEXO IX INJETORA DE MATERIAIS PLÁSTICOS 1. Para fins de aplicação deste Anexo considera-se injetora a máquina utilizada para a fabricação

ANEXO IX INJETORA DE MATERIAIS PLÁSTICOS 1. Para fins de aplicação deste Anexo considera-se injetora a máquina utilizada para a fabricação ANEXO IX INJETORA DE MATERIAIS PLÁSTICOS 1. Para fins de aplicação deste Anexo considera-se injetora a máquina utilizada para a fabricação descontínua de produtos moldados, por meio de injeção de material

Leia mais

Simulado ENEM. a) 75 C b) 65 C c) 55 C d) 45 C e) 35 C

Simulado ENEM. a) 75 C b) 65 C c) 55 C d) 45 C e) 35 C 1. Um trocador de calor consiste em uma serpentina, pela qual circulam 18 litros de água por minuto. A água entra na serpentina à temperatura ambiente (20 C) e sai mais quente. Com isso, resfria-se o líquido

Leia mais