energia para novos horizontes

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "energia para novos horizontes"

Transcrição

1

2 Índice Contents RGE Ligada em você RGE Connected with You Mensagem do Conselho de Administração Message from the Board of Directors Mensagem da Diretoria Executiva Message from the Executive Directors Valores e Políticas Values and Policies Reconhecimentos PUBLIC Recognition Horizontes para o desenvolvimento HORIZONS FOR DEVELOPMENT Mercado de Distribuição e Venda de Energia Elétrica ELECTRICITY SALES AND DISTRIBUTION MARKET Desempenho Econômico-Financeiro ECONOMIC AND FINANCIAL PERFORMANCE Indicadores Operacionais operating INDICATORS Investimentos investments Programa Luz para Todos light FOR ALL PROGRAM Universalização da Energia Elétrica universal ACCESS TO ELECTRICITY Governança Corporativa CORPORATE GOVERNANCE Horizontes para o bem-estar HORIZONS FOR WELL BEING Público Interno internal PUBLIC Consumidores CONSUMERS Comunidade the COMMUNITY Fornecedores suppliers Horizontes para o meio ambiente HORIZONS FOR THE ENVIRONMENT Gestão e Tecnologia Ambiental ENVIRONMENTAL TECHNOLOGY AND MANAGEMENT Sistema Elétrico RGE RGE ELECTRICAL SYSTEM Localização Geográfica e Composição Acionária GEOGRAPHICAL LOCATION and shareholder composition

3 energia para novos horizontes A energia elétrica amplia as perspectivas de desenvolvimento econômico, ambiental e social, proporcionando uma vida melhor para todos os gaúchos. Energy for new horizons Electricity enhances the prospects for economic, environmental and social development, making a better life possible for all the residents of the state of Rio Grande do Sul. Every day RGE becomes more integrated with Rio Grande do Sul. With an accessible and friendly attitude, the Company is constantly seeking opportunities for the growth of the regions and their people. Our basic aims are to propel the development and strengthening of local economies and to provide quality of life, comfort and social inclusion, with a policy of extreme respect for the environment. Here in Rio Grande do Sul, RGE guarantees these benefits through its energy, providing new horizons for everyone. A RGE está, a cada dia, mais integrada ao Rio Grande. Com uma postura próxima e amigável, a Empresa busca constantemente oportunidades para o crescimento das regiões e das pessoas. Impulsionar o desenvolvimento e o fortalecimento das economias locais, assim como proporcionar qualidade de vida, conforto e inclusão social, numa política de extremo respeito pelo meio ambiente, são os propósitos da RGE. Aqui no Rio Grande do Sul, a Empresa está garantindo esses benefícios, através da sua energia, para que os gaúchos tenham sempre novos horizontes à vista

4 RGE em Números RGE Figures Unidade Unit Variação % Variation % Rio Grande Energia Ligada em você Área de Concessão Concession Area Superfície Area Municípios Municipalities Km 2 Un População (Censo) Population Un A Rio Grande Energia (RGE) é uma empresa gaúcha, fruto da aliança estratégica entre as empresas CPFL Energia e PSEG Global. Sua constituição foi resultado da privatização do setor elétrico gaúcho ocorrida no ano de À Empresa coube a responsabilidade pela prestação de serviços na área de distribuição de energia elétrica para a Região Norte- Nordeste do Estado do Rio Grande do Sul, perfazendo um total de 254 municípios atendidos. Reconhecida como uma importante empresa do setor elétrico no Brasil, principalmente pela sua missão de distribuir energia elétrica na área concedida, a RGE busca a permanente satisfação de clientes, acionistas, parceiros, colaboradores e poder concedente. Rio grande energia CONNECTED WITH YOU Rio Grande Energia RGE results from a strategic alliance between CPFL Energia and PSEG Global. Its creation stems from the privatization of the electricity market in Rio Grande do Sul in The Company is responsible for providing services in the electricity distribution area for the North-Northeast region of Rio Grande do Sul state, making a total of 254 municipalities served. Recognized as an important company in the electricity sector in Brazil, primarily for its mission to distribute electricity in the concession area, RGE seeks the constant satisfaction of customers, shareholders, partners, employees and conceding power. Mercado Clientes Customers Custo de Energia Comprada Cost of Power Purchased Energia Vendida Power Sold Subestações Substations Potência Instalada em Distribuição Installed Distribution Capacity Potência Instalada em Transmissão Installed Transmission Capacity Linhas de Transmissão Trasmission Lines Rede de Distribuição Distribution Network Transformadores de Distribuição Distribution Transformers Postes Poles Veículos Vehicles Colaboradores Próprios Own Employees Receita Bruta Gross Revenue Margem de Contribuição Contribution Margin EBITDA EBITDA Investimentos Investments Market Infra-estrutura Infrastructure Desempenho Econômico-Financeiro Economic-Financial Performance Margem Operacional Líquida Net Operating Margin (EBITDA/ Net Revenue) Impostos, Taxas e Contribuições Taxes and Contributions Un ,10% R$ MM ,00% GWh ,01% Un MVA MVA km km Un Un Un Un R$ MM R$ MM R$ MM % R$ MM R$ MM ,70 20, ,05% 0,96% - 1,01% 1,02% 1,04% 1,02% 1,03% 2,70% 15,70% 6,00% 2,10% -8,00% 41,80% 27,70% 06 07

5 mensagem do Conselho de Administração Em seus oito anos de existência, a RGE vem norteando suas ações na busca da satisfação de seus clientes, colaboradores, acionistas, parceiros, poder concedente e comunidades onde atua. As realizações de 2005 refletem uma gestão focada em resultados operacionais, financeiros, de atendimento ao cliente mas também, voltada à valorização das pessoas. Uma parte significativa dos investimentos da Empresa em 2005 foi destinada a programas que, em parceria com o poder público, propiciaram o acesso à energia elétrica a milhares de pessoas, contribuindo para sua inclusão social. A RGE também manteve sua tradição de apoio a eventos culturais em vários municípios de sua área de concessão. Do ponto de vista econômico-financeiro, os indicadores também foram positivos, representando um crescimento significativo da Empresa em comparação aos exercícios anteriores. O resultado de todo o engajamento e realizações da Empresa pôde ser percebido pela obtenção do Prêmio Índice ANEEL de Satisfação do Cliente (IASC), que simboliza o reconhecimento dos consumidores ao trabalho desenvolvido pela RGE. Essas conquistas não seriam possíveis se não houvesse o envolvimento efetivo de toda a Empresa. Por tudo isso, queremos agradecer aos nossos colaboradores, acionistas e diretoria pelo comprometimento e dedicação, e aos fornecedores, clientes e poder concedente pelo apoio permanente. Ao reafirmarmos nosso compromisso de proporcionar a melhoria da qualidade de vida, o bem-estar e o desenvolvimento no Estado do Rio Grande do Sul, estamos cumprindo com nossa parte na construção de uma sociedade economicamente viável, ambientalmente sustentável e socialmente justa. MESSAGE FROM THE BOARD OF DIRECTORS During its eight years of existence RGE has directed its activities towards the search for the satisfaction of its customers, employees, shareholders, partners and conceding power and of the communities it serves. The achievements of 2005 reflect management that is focused on results operational, financial and in customer service but that is also committed to valuing people. A significant proportion of the Company s investments in 2005 was spent on programs in partnership with public authorities to extend the supply of electricity to thousands of people, contributing towards their social inclusion. RGE also continued its tradition of supporting cultural events in several towns in its concession area. From a financial and economic point of view indicators were also positive, demonstrating significant growth by the Company, compared with previous years. The result of all the Company s commitment and achievements can be felt with the ANEEL Customer Satisfaction Index (IASC) Prize, which symbolizes the recognition of consumers for RGE s work. These achievements would not have been possible if it were not for the effective involvement of the entire Company. Because of all this, we want to thank our employees, shareholders and management for their commitment and dedication, and our suppliers, customers and conceding power for their constant support. By reaffirming our commitment to providing improvements in quality of life, well being and development in the state of Rio Grande do Sul, we are fulfilling our role in the construction of an economically viable, environmentally sustainable and socially just society. Luiz Maurício Leuzinger Chairman of the Board of Directors Luiz Maurício Leuzinger Presidente do Conselho de Administração Luiz Maurício Leuzinger Presidente do Conselho de Administração 08 09

6 mensagem da Diretoria Executiva O contexto econômico, político e social tem trazido novos desafios às empresas. As mudanças estruturais impactam cada vez mais os negócios. A cada dia que passa, surgem novos valores, novos processos e inovações tecnológicas. A RGE, sendo uma empresa prestadora de um serviço essencial para o progresso das regiões e para o conforto e qualidade de vida das pessoas, vê-se em constante renovação, de modo a acompanhar os novos cenários e constituir-se também como um agente de desenvolvimento. Em 2005, a conjuntura econômica estadual foi afetada pelas perdas na safra e pela defasagem cambial, perfazendo um cenário desfavorável ao setor produtivo. Mesmo assim, a RGE manteve inalterado seu programa de investimentos. Realizamos investimentos recordes na ampliação e modernização do sistema elétrico, garantindo não só a confiabilidade e qualidade dos serviços prestados aos nossos clientes, como também as condições necessárias para o pleno atendimento à expansão do mercado. Priorizamos a segurança dos colaboradores, clientes e parceiros, o que torna a RGE uma referência no setor elétrico nacional. Valorizamos em todos os momentos os nossos colaboradores, que aliam a excelente qualificação técnica ao comprometimento com a Empresa. Cientes do nosso compromisso com a comunidade, desenvolvemos ações de preservação ambiental e práticas de responsabilidade social, contribuindo para o crescimento sustentável das regiões onde atuamos. No aspecto econômico-financeiro, alcançamos em 2005 resultados que refletem a consolidação da RGE ao longo dos seus oito anos de operação. Diante dos resultados e das conquistas obtidas, cabe-nos agradecer aos colaboradores, clientes, acionistas, parceiros e poder concedente por nos apoiarem nessa trajetória. Com o envolvimento de todos, estamos prontos para enfrentar os desafios de um mercado sempre crescente. MESSAGE FROM THE EXECUTIVE DIRECTORS The economic, political and social scenario has brought new challenges for companies. Structural changes impact business ever more. Every day new values, new processes and technological innovations appear. As a provider of a service that is essential to the progress of the regions and to the comfort and quality of life of people, RGE sees itself as in constant renewal, in order to keep up with new situations and to take part as an agent of development itself. In 2005 the economy of Rio Grande do Sul was affected by losses at harvest and the exchange rate imbalance, amounting to an unfavorable climate for the productive sector. Despite this fact, RGE continued with its investment program unaltered. We made record investments in expanding and modernizing the electrical system, guaranteeing not just reliability, but also the necessary conditions to fully supply market expansion. We make the safety of employees, customers and partners a priority, which has made RGE an example of excellence within the domestic electricity market. At all times we value our employees, who combine excellent technical qualifications with commitment to the Company. Mindful of our commitment to the community, we carry out environmental preservation projects and social responsibility activities, contributing to sustainable growth in the regions we supply. On the economic and financial front, in 2005 we achieved results that reflect the consolidation of RGE over its eight years of operations. In the light of these results and achievements, it is our duty to thank our employees, customers, shareholders, partners and conceding power for supporting us through this progress. With the involvement of all, we are ready to face the challenges of an ever-expanding market. Sidney Simonaggio Chief Executive Officer Sidney Simonaggio Diretor-Presidente 10 11

7 valores e Políticas Missão Distribuir energia elétrica na área concedida, buscando a permanente satisfação de clientes, acionistas, parceiros, colaboradores e poder concedente. Visão Ser reconhecida pelos clientes pela excelência dos serviços de distribuição de energia elétrica e por nossos acionistas, colaboradores, parceiros e poder concedente como líder em excelência empresarial no setor elétrico do Brasil. Valores - Segurança em primeiro lugar - Transparência no comportamento - Ética empresarial - Participação e valorização dos colaboradores - Responsabilidade social e cidadania - Inovação operacional VALUES AND POLICIES Mission To distribute electrical energy within the concession area, seeking the constant satisfaction of customers, shareholders, partners, employees and the conceding power. Vision To be recognized by customers for the excellence of our energy distribution services and by shareholders, employees, partners and conceding power as the leader in business excellence in the Brazilian electricity market. Values - Safety first - Transparency throughout activities - Corporate ethics - Employees who participate and are valued - Social responsibility and citizenship - Operational innovation Política da Qualidade Melhorar continuamente nossos serviços de distribuição de energia, buscando a permanente satisfação de clientes, acionistas, parceiros, colaboradores e poder concedente. Política de Segurança e Saúde A RGE promove um ambiente de trabalho seguro e saudável para seus colaboradores e parceiros e garante a segurança na prestação dos seus serviços aos clientes e à comunidade, identificando, prevenindo e controlando riscos de acidentes que possam resultar em lesões, enfermidades, perdas e danos patrimoniais, atuando de acordo com a legislação de segurança e saúde do trabalho e assumindo o compromisso de aperfeiçoar continuamente a gestão dos seus processos. Política de Meio Ambiente A RGE respeita o meio ambiente, identificando, controlando, prevenindo e compensando os impactos ambientais decorrentes da prestação do serviço de distribuição de energia elétrica, buscando a melhoria contínua dos processos e cumprindo a legislação e normas aplicáveis. Política de Segurança da Informação Para a RGE, a informação é um ativo que integra o seu patrimônio, cabendo aos seus colaboradores garantir-lhe assertividade, integridade, disponibilidade e confidencialidade e, assim, propiciar a correta condução dos seus negócios. Política de Gestão de Riscos Corporativos Para a RGE, o gerenciamento de riscos é uma responsabilidade de todos os colaboradores, que devem assegurar controles internos adequados para o monitoramento dos riscos dos processos e comunicar, sistemática e formalmente, fatos que possam afetar negativamente os resultados da Empresa. Quality Policy To continually improve energy distribution services, seeking the constant satisfaction of customers, shareholders, partners, employees and conceding power. Health and Safety Policy RGE promotes a healthy and safe working environment for employees and partners and guarantees safety in the services provided to customers and the community, identifying, preventing and controlling the risk of accidents that could result in injuries, health conditions and loss or damage to property, working within health and safety at work legislation and accepting the responsibility to continually improve process management. Environment Policy RGE respects the environment, identifying, controlling, preventing and compensating for environmental impact resulting from the rendering of electrical energy distribution services, seeking the continual improvement of processes and meeting applicable legislation and standards. Information Security Policy For RGE, information is a commodity that is part of the company s overall assets and it is the responsibility of employees to guarantee its affirmative character, integrity, availability and confidentiality, thereby making it possible for the business to run correctly. Corporate Risk Management Policy For RGE, risk management is the responsibility of all employees, who must ensure that there are adequate internal controls for process risk monitoring and must communicate systematically and formally any fact that could have a negative effect on the company s results

8 Reconhecimentos A RGE, a cada ano que passa, recebe reconhecimento público pelo trabalho realizado nos mais diferentes segmentos da sociedade. É a valorização pela transformação de energia elétrica em bem-estar e qualidade de vida da população gaúcha. Os prêmios representam a execução eficaz e eficiente da gestão do negócio, a dedicação das equipes, o bom relacionamento com as partes interessadas, a preocupação constante com a preservação ambiental e a posição da Empresa em ser um agente protagonista de desenvolvimento econômico, social e ambiental. Prêmio Índice ANEEL de Satisfação do Cliente (IASC) O Prêmio IASC, concedido pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) é um reconhecimento público às distribuidoras de energia elétrica que obtiveram as melhores avaliações, em pesquisas feitas com consumidores residenciais. Em 2005, a RGE conquistou o prêmio de Melhor Empresa na Região Sul do Brasil entre as distribuidoras com mais de 400 mil consumidores, segundo a avaliação do cliente. Prêmio Ecologia da Revista Expressão Os projetos Logística Reversa e Manejo Florestal da RGE receberam, em 2005, o Prêmio Ecologia da Revista Expressão. O objetivo desse prêmio é divulgar as ações ambientais das empresas e sensibilizar outras empresas para que invistam em práticas de preservação ambiental. Prêmio de Responsabilidade Social RS Em 2005, a RGE foi uma das empresas certificadas pelo Prêmio de Responsabilidade Social RS, que tem o objetivo de destacar e certificar aquelas empresas que desenvolvem práticas de responsabilidade social em favor do desenvolvimento do Rio Grande do Sul. Prêmio Top 10 Ibest O Prêmio Top 10 Ibest foi concedido à RGE em 2005 por seu site ter sido escolhido entre os 10 melhores na área de minas e energia. Prêmio Nacional de Melhor Gestão Comercial A RGE foi a grande vencedora do prêmio concedido pela Revista Eletricidade Moderna na categoria de Melhor Empresa Nacional em Desempenho Comercial. O prêmio tem o objetivo de avaliar a eficiência dos processos das empresas na comercialização de energia e nas suas relações com os clientes. PUBLIC RECOGNITION Every year RGE receives public recognition for work in the most varied segments of society. This is a company being valued for transforming electrical energy into well being and quality of life for the population of Rio Grande do Sul state. The prizes received represent the effective and efficient execution of the company s management, the dedication of its teams, the good relationship with stakeholders, the constant concern with environmental preservation and the position of the Company as a protagonist in social, economic and environmental development. ANEEL Customer Satisfaction Index (IASC) Prize: The IASC Prize, awarded by the National Agency of Electricity (ANEEL) is public recognition for those electricity distributors that had the best assessment results, according to surveys of domestic consumers. In 2005, RGE won the prize for best distributor in the South of Brazil in the category for distributors with more than 400 thousand consumers. Expressão Magazine Ecology Prize: In 2005 RGE s projects Reverse Logistics and Forest Management won the Ecology Expression Award. The objective of this prize is to publicize the environmental activities of business and to raise the awareness of other companies so they invest in environmental protection practices. RS Social Responsibility Award: In 2005 RGE was one of the companies certified by the RS Social Responsibility Award, the objective of which is to highlight and certify those companies that carry out social responsibility activities for the benefit of the development of the state of Rio Grande do Sul. Ibest Top 10 Prize: The Ibest Top 10 prize was awarded to RGE in 2005 in recognition of its website being chosen as one of the 10 best in the area of mining and energy. Award For Best Sales Management For a Brazilian Company: RGE was the overall winner of this prize, given by the magazine Eletricidade Moderna, in the Best Sales Performance For A Brazilian Company category. This prize is intended to assess the efficiency of the company s processes for electricity sales and customer relations

9 horizontes para o desenvolvimento A RGE investe permanentemente no sistema elétrico para impulsionar o crescimento das regiões. Os projetos de construção e ampliação de infra-estrutura, assim como todos os programas que a Empresa apóia e dos quais participa têm foco no desenvolvimento da sociedade. HORIZONS FOR DEVELOPMENT RGE constantly invests in the electrical system to drive regional growth. The construction and expansion projects indeed, all the programs that the Company supports and participates in are focused on the development of society Mercado de Distribuição e Venda de Energia Elétrica Electricity Sales and Distribution Market Desempenho Econômico-Financeiro Economic and Financial Performance Indicadores Operacionais Operating Indicators Investimentos Investments Programa Luz Para Todos Light For All Program Universalização da Energia Elétrica Universal Access to Electricity Governança Corporativa Corporate Governance Prosperidade em Flores da Cunha O Município de Flores da Cunha, nas atividades econômicas, destaca-se na agricultura e na produção industrial. As pequenas fábricas, que produzem para grandes empresas do mundo inteiro, revelam o potencial de uma indústria local crescente. Prosperity in Flores da Cunha Agriculture and industrial production are the economic highlights in the town of Flores da Cunha. The small factories that produce for large companies all over the world reveal the potential of the growing local industry.

10 R E L AT Ó R I O A N UA L Horizontes para o desenvolvimento justificativa nos resultados econômicos de 2004, como o aumento real da renda e do emprego, que, de modo defasado, impactaram o consumo de 2005, especialmente no primeiro semestre. Dentre as 823 mil unidades consumidoras atendidas nessa classe, 590 mil pertencem à modalidade convencional e 233 mil são classificadas como baixa renda, isto é, consumidores que têm direito à tarifa social e cuja ligação é financiada por programas especiais do governo. As indústrias localizadas na área de concessão e atendidas pela RGE em 2005 consumiram GWh, o que representou uma queda de 1,8% em relação ao ano de A RGE distribuiu energia a unidades industriais, que representaram, no ano 2005, 42% de toda a energia distribuída pela Concessionária. Por outro lado, em 2005, 10 unidades consumidoras fizeram a opção de se tornar clientes livres, representando 1,2% do mercado da RGE. Mercado de Distribuição e Venda de Energia Elétrica A distribuição e as vendas de energia elétrica apresentaram um crescimento compatível com o cenário econômico do Estado. O crescimento na distribuição de energia elétrica, representada pela totalidade dos clientes cativos e livres, foi de 2,1% no ano, perfazendo um total de GWh de energia distribuída. Quanto ao mercado de venda de energia elétrica, representado pelos consumidores cativos, o crescimento anual foi de 1,01%, totalizando GWh. Em 2005, 22 mil novos clientes passaram a ser atendidos pela RGE, totalizando consumidores no final do período, o que representou um crescimento de 2,1%. A classe residencial cresceu 2,0% sobre o consumo do ano de 2004, sendo este o melhor desempenho dessa classe desde o racionamento em Esse resultado positivo também encontra HORIZONS FOR DEVELOPMENT Electricity Sales And Distribution Market The sale and distribution of electricity demonstrated growth in line with the economic climate in the state of Rio Grande do Sul. Growth in electricity distribution, made up of all customers, captive and free, was 2.1% for the year, making a total of 6,876 GWh of energy distributed. The electricity sales market, made up of captive consumers, grew 1.01% over the year, making a total of GWh. In 2005, 22 thousand new customers were served by RGE, making 1,094,645 consumers at the end of the period, an increase of 2.1%. The residential class grew 2.0% compared to consumption in 2004, considered the best performance for this class since the rationing in This positive result was further justified by the economic results of 2004, such as the actual increases in income and employment that gradually affected consumption in 2005, especially during the first six months of the year. Among the 823,000 consumer units the Company serves in this class, Observando-se o consumo por ramo de atividade, a classe industrial apresentou expansão em dois dos principais segmentos: borracha e plástico, com 4,6% de crescimento anual, e alimentos e bebidas, com 4,8%. Na área de concessão da RGE, o setor de alimentos é o principal segmento industrial em termos de consumo de energia, representando 21% desse mercado. Os outros segmentos representativos são: borracha e plástico, com 12%; fabricação de produtos metálicos (exclusive máquinas e equipamentos), com 11%; e veículos, com 10%. 590,000 belong to the Conventional category and 233,000 classify as Low Income. In other words, these last consumers are entitled to a reduced fee and their energy connection is financed through special government programs. The industries located in the concession area and served by RGE in 2005 consumed 2,762 GWh, representing a reduction of 1.8% compared to RGE distributed energy to 30,090 industrial units, which represented 42% of all energy distributed by the concessionaire in On the other hand, in consumer units chose to become free customers, accounting for 1.2% of RGE s market. In terms of consumption by activity segment, the industrial class grew in two of the main segments: rubber and plastic, with 4.6% of the annual growth, and food and drink, with 4.8%. In the RGE concession area, the food sector is the main industrial segment in terms of energy consumption, representing 21% of this market. The other representative segments include: rubber and plastic, with 12%; steel product manufacturing (excluding machinery and equipment), with 11%; and vehicles, with 10% H O R I Z O N T E S PA R A O D E S E N V O LV I M E N TO

11 O desempenho negativo da classe industrial decorre, por um lado, da conjuntura macroeconômica desfavorável para o setor produtivo do Estado e, por outro, da severa estiagem que afetou sobremaneira a agricultura e, por conseqüência, o segmento industrial correlato a essa atividade. Esse resultado também foi, afetado em parte pela migração das unidades industriais para o mercado livre. Cabe destacar que essa retração foi extremamente pontual, uma vez que tal classe apresentou, desde o início das atividades da RGE, um crescimento médio de 6,8% O desempenho do consumo da classe comercial em 2005 foi 3,9% superior ao verificado em 2004, representando um consumo de energia de 832 GWh distribuídos para 95 mil unidades comerciais, refletindo, como já exposto, os efeitos conjunturais da atividade econômica. Igualmente, tal classe teve um crescimento médio de 4,4%, desconsiderado o ano de 2001 devido ao racionamento. A classe rural registrou um incremento de 4,4% no consumo de energia elétrica no ano, o equivalente a 875 GWh para 134 mil consumidores. On the one hand, the negative performance of the industrial class is the result of an unfavorable macroeconomic scenario for the State s productive sector. On the other hand, it resulted from the severe crop loss and its excessively negative effect on agriculture, and as a consequence, on the industrial segment associated with this activity. This result was also partially affected by the migration of industrial units to the free market. It should be pointed out that this retraction was extremely punctual because this class has exhibited an average growth of 6.8% since the start of RGE s operations. The performance of the commercial class in 2005 was 3.9% greater than in 2004, representing energy consumption of 832 GWh, distributed to 95 thousand commercial units, reflecting, as already explained, a number of economic effects in conjunction. This class also had average growth (ignoring 2001 when there was rationing) of 4.4%. The rural class recorded a 4.4% increase in energy consumption during the year, equivalent to 875 GWh distributed to 134,000 consumers. Tarifas, Comercialização e Regulatórios A Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) determinou um índice de reajuste anual de 21,93% sobre as contas emitidas pela RGE a partir do dia 19 de abril de Desse valor, à chamada Parcela A, referente aos encargos do setor elétrico e ao custo de aquisição de energia elétrica para revenda, custos esses que não são gerenciados pelas distribuidoras, atribuem-se 17,87%. Já à chamada Parcela B, relativa aos custos operacionais para manutenção e operação do sistema elétrico da RGE, cabem outros 8,41%, valor inferior ao IGP-M do período, que foi de 11,12%. Do valor restante do reajuste, 4,33% decorrem das parcelas financeiras resultantes de custos e encargos incorridos no período tarifário anterior ao reajuste de 2005, a chamada CVA (Conta de Variação de itens da Parcela A), e 3,03% decorrem da recuperação de parte dos passivos produzidos pelo não-repasse imediato das alterações das Leis do PIS e do CO- FINS às tarifas, problema esse que foi solucionado pela ANEEL em 2005, com a explicitação desses impostos fora da estrutura tarifária a partir de julho de Tariffs, Sales and Regulations The Brazilian Electricity Regulatory Agency (ANEEL) established an average Annual readjustment rate of 21.93% for the bills issued by RGE after April 19, Of this average rate, 17.87% originates from the so-called Parcel A, which includes energy charges and the cost of energy purchases for resale not managed by distributors. The so-called Parcel B, which includes operating costs for the maintenance and operation of the RGE energy system, account for another 8.41%, a value lower than the IGP-M for the period, which was 11.12%. Of the remaining readjustment rate, 4.33% originates from financial parcels resulting from costs and charges incurred during the period before the 2005 fee readjustment, the so-called Variation of Parcel A Non-Manageable Costs (CVA), and 3.03% results from the recovery of a portion of the liabilities due to the delayed passing on of Social Integration Program (PIS) and Social Security Financing Tax (COFINS) law amendments to the fees. This problem was resolved by ANEEL in 2005, with the definition of these taxes outside the fee structure beginning in July H O R I Z O N T E S PA R A O D E S E N V O LV I M E N TO

12 R E L AT Ó R I O A N UA L De acordo com a legislação atual do setor elétrico, a RGE cumpriu, em janeiro de 2005, a terceira etapa da descontratação dos contratos iniciais, processo que começou em janeiro de Houve o penúltimo degrau de descontratação de 25% dos chamados contratos iniciais com a Companhia Estadual de Energia Elétrica (CEEE) e a Tractebel Energia e o terceiro degrau de descontratação de 10% do contrato com a Companhia de Geração Térmica de Energia Elétrica (CGTEE). Isso representou GWh de energia elétrica, que foram substituídos pelos contratos de longo prazo com a Tractebel Energia e a CPFL Brasil. Esses contratos garantem o suprimento de energia ao mercado da RGE até 2012, não sendo necessária a aquisição através de leilões. Em 2005, a RGE, cumprindo a regulamentação do setor elétrico, efetuou a venda de sua subsidiária integral Sul Geradora Participações S/A e de quatro usinas de pequeno porte (PCHs), passando, assim, a estar completamente desverticalizada. Based on current regulations, RGE completed the third stage of termination of the initial contracts in January 2005, a process that began in January The second-to-last step was also completed, related to the termination of 25% of the contracts with Companhia Estadual de Energia Elétrica (CEEE) and Tractebel Energia as well as the third step of the termination of 10% of the contracts with Companhia de Geração Térmica de Energia Elétrica (CGTEE). This represented 1,069 GWh of energy, which was substituted by long-term contracts with Tractebel Energia and CPFL Brasil. These contracts guarantee the supply of energy to RGE s market until 2012, with no need for auction acquisitions. In compliance with electricity market regulations, in 2005 RGE sold its wholly owned subsidiary, Sul Geradora Participações S/A, together with four small scale power stations (PCHs), so becoming completely deverticalized. Desempenho Econômico-Financeiro A política financeira da RGE, associada a uma gestão eficaz dos recursos, contribuiu para um desempenho econômico-financeiro bastante positivo no ano de A Empresa gerou uma receita bruta equivalente a R$ mil, superando o resultado de 2004 em 15,7%. O resultado operacional gerencial antes da dedução dos impostos, depreciação, amortização e juros (EBITDA Gerencial) cresceu 2,1% em relação ao período anterior, perfazendo um montante de R$ mil. No mesmo período, a Empresa auferiu o lucro líquido de R$ mil, significativamente superior ao de 2004, que foi de R$ mil. Esse resultado consolida a reversão do cenário de prejuízos verificados em anos anteriores. A distribuição de dividendos, no valor de R$ mil, ocorreu dentro do planejado. A regularidade de tal pagamento confirma a saúde financeira da Empresa. Economic and Financial Performance Efficient resource management, together with RGE s fiscal policy contributed to very positive economic and financial performance in The company generated gross revenue equivalent to R$ 2,208,404 thousand, beating the 2004 figure by 15.7%. Consolidated EBITDA grew 2.1% compared with the previous year, totaling R$ 313,843 thousand. During the same period the Company recorded net profits of R$ 113,660 thousand, significantly higher than in 2004, when it was R$ 30,752 thousand. This result consolidates the reversal of the loss scenario observed in previous years. The distribution of R$ 50,000 thousand in dividends took place as planned. The regularity of payment confirms the company s financial health H O R I Z O N T E S PA R A O D E S E N V O LV I M E N TO

13 R E L AT Ó R I O A N UA L Em relação à estrutura de capital, a Empresa encerrou o ano de 2005 com endividamento financeiro total de R$ mil, praticamente estável em relação ao saldo consolidado de Dos R$ mil de liberações de novos empréstimos de longo prazo, destacou-se a emissão de debêntures no valor de R$ mil, que permitiu o alongamento do perfil da dívida. Essa emissão recebeu o grau de investimento (investment grade) por parte de duas das maiores empresas internacionais de rating, Standard & Poor s, bra, e Moody s, Aa2.br. Cabe destacar que a Empresa diminuiu expressivamente sua exposição a dívidas em moeda estrangeira, as quais perfazem menos de 3% de sua dívida total. A dívida financeira consolidada em dezembro de 2004 estava 50,5% registrada no curto prazo; já em dezembro de 2005, The company closed 2005 with a net financial debt of R$ 663,589 thousand, practically stable with relation to the consolidated balance in New loans provided R$ 275,858 thousand and it is worthy of note that R$ 230,000 thousand of this was from the issue of debentures, extending the debt profile. This issue received a bra rating from Standard & Poor s and an Aa2.br rating from Moody s - two of the largest rating companies worldwide. It should also be pointed out that the Company has significantly reduced its exposure to debt payable in foreign currency, which now accounts for less than 3% of total debt. Consolidated debt in December 2004 was 50.5% short-term, in contrast with December 2005, by which time short-term debt was just 34%. As stated in our Financial Statements, in Subsequent Events, a further R$ 240,000 thousand are being renegotiated, in line with the planning to reduce short-term debt. esta porcentagem ficou em 34%. Conforme citado em nossas Demonstrações Financeiras, em Eventos Subseqüentes, outros R$ mil estão sendo renegociados, dando continuidade ao planejamento para a redução da dívida de curto prazo. O patrimônio líquido atingiu o montante de R$ mil contra R$ mil em 2004, o que, aliado ao endividamento citado anteriormente, fez com que o índice de capital de terceiros sobre capital próprio se mantivesse em nível extremamente satisfatório e adequado aos parâmetros regulatórios. Importante ainda foi o reconhecimento por parte da Abradee, considerando a RGE a 4ª Melhor Distribuidora em Gestão Financeira do Brasil. Esses resultados positivos possibilitaram que a RGE contribuísse para o desenvolvimento local e para o incentivo à geração de riquezas e de novos postos de trabalho diretos e indiretos e confirmaram o seu reconhecimento como empresa sólida e com credibilidade junto ao mercado financeiro. Net equity reached a total of R$ 1,142,161 thousand, against R$ 1,107,130 thousand in 2004, which, in combination with the borrowing reported above, results in a ratio of third-party capital to own capital that is at an extremely satisfactory level and well within regulatory parameters. Also significant was recognition gained from Abradee, putting RGE in fourth place in their Best Financial Management for a Brazilian Distributor category. These positive results have made it possible for RGE to contribute to local development and to encourage wealth creation and the generation of new jobs, both directly and indirectly, and are confirmation of its recognition as a solid business with credibility on financial markets. O trabalho de Seu José Trabalho aqui na fábrica faz sete anos. A energia elétrica é tudo aqui na firma. Se falta energia não tem como fazer. Energia é produção. A energia facilita a nossa vida, é por causa dela que a gente faz menos esforço. As máquinas fazem um monte de trabalho por nós e a gente fica mais seguro. José Rech, funcionário da Felisberti Cia. Ltda, de Flores da Cunha Less work, more production I ve worked here in the factory for seven years. Electricity is everything here at the company. If there s no electricity we can t work. Energy is production. It makes our lives easier, and because of it we work with less effort. The machines do a lot of work for us and we re safer for it. José Rech, employee of Felisberti Cia. Ltda, from Flores da Cunha H O R I Z O N T E S PA R A O D E S E N V O LV I M E N TO

14 R E L AT Ó R I O A N UA L Indicadores Operacionais Operating Indicators O RGE 24 Horas Serviço de Atendimento ao Cliente, adequouse à Resolução ANEEL 057/2004, que estabelece padrões para o atendimento das concessionárias de energia elétrica. Houve uma redução significativa do tempo de atendimento e de espera em fila no RGE 24 Horas, refletindo a melhoria no serviço prestado ao cliente. Em 2005, a RGE manteve a tendência de melhora no índice de Qualidade do Faturamento (QF). A Empresa encerrou o ano com 2,54 contas anuladas a cada 10 mil contas emitidas, sendo este um dos valores mais baixos praticados pelas distribuidoras de energia elétrica do país e significativamente inferior à média nacional, que é de 20,04 contas anuladas. (Dados Prêmio Abradee 2005). A Duração Equivalente de Interrupção por Cliente (DEC) atingiu 26,08 horas em 2005, e a Freqüência Equivalente de Interrupção por Cliente (FEC) atingiu 16,47 vezes. O Tempo Médio de Atendimento (TMA) de interrupções fechou o ano com 173 minutos. O desempenho da rede foi fortemente influenciado por condições climáticas adversas ocorridas em setembro de 2005 em várias regiões da área de concessão, as quais, pelo seu caráter anormal, fizeram com que houvesse um acréscimo de cerca de 2,5 horas à duração média dos desligamentos (DEC). RGE 24 Hours Company Customer Service, adjusted to ANEEL Resolution 057/2004, which establishes standards for energy concessionaire customer service. There was a significant reduction in both service times and queuing times for the RGE 24 Hours service, reflecting improved customer service. In 2005, RGE maintained the trend of improvement in the Billing Quality (BQ) rate. The Company closed the year with 2.54 bills voided for every 10 thousand produced, which is one of the lowest figures achieved by any of the country s electricity distributors and significantly below the Brazilian average, which is voided bills. (Data from Abradee Prize 2005). The Average Interruption Duration per Customer (AIDC) totaled hours in 2005 and the Average Interruption Frequency per Customer (AIFC) totaled times. The Average Response Time (ART) for interruptions was 173 minutes at the close of the year. The network performance was heavily influenced by adverse weather conditions in August and September 2005 in different regions of the concession area, which, due to their abnormal nature, increased the average interruption duration (AIDC) by nearly 2.5 hours. Inadimplência e Recuperação de Créditos A partir de julho de 2005, a RGE reverteu a tendência de crescimento da inadimplência, a qual, ao final do ano, acumulou-se em R$ mil, sendo R$ mil no Poder Público e R$ mil na classe particular. Do valor em aberto para a Classe Particular, R$ mil estão com vencimento entre 1 e 30 dias, perfazendo 43% da inadimplência particular, e R$ mil referem-se a recuperação de consumo por irregularidades na medição. Para o setor público, principalmente prefeituras, entre as quais o débito vencido atinge o montante de R$ mil, foram postuladas ações judiciais de cobrança visando recuperar o débito referente ao não-pagamento da iluminação pública. Paralelamente a essas ações judiciais, os esforços de negociações de dívidas fizeram com que 37 parcelamentos de débitos municipais fossem assinados, totalizando uma recuperação de R$ mil. Doubtful Accounts and Credit Recovery Beginning in July 2005, RGE reversed the trend of doubtful account growth, calculated managerially, which totaled R$ 119,738 thousand at the end of the year, with R$ 55,665 thousand in Government and R$ 64,073 thousand in the private class. Of the total overdue amount for the private class, 27,619 thousand are overdue by between one and 30 days, accounting for 43% of the private doubtful accounts, while R$ 11,642 thousand refer to consumption recovery due to irregularities in measurement. For the public sector, primarily the city governments, which have overdue payments totaling R$ 44,153 thousand, the Company took legal actions to recover the growing debt associated with the non-payment of public lighting. Together with these legal actions, debt negotiation efforts led to the signing of 37 installment payment plans for the municipal debts, totaling a recovery of R$ 12,477 thousand. In 2005, RGE increased the number of inspections performed due to irregularities in measurement by 62%, totaling 68,752 inspections. The Company located 10,300 consumer units with commercial loss. During this period, RGE collected R$ 8,926 thousand associated with non-measured consumption due to irregularities and there was an increase of R$ 9,993 thousand in billed consumption after regularizing the measurement. Em 2005, a RGE aumentou em 62% o número de inspeções realizadas por irregularidades na medição, totalizando inspeções. Foram localizadas unidades consumidoras com perda comercial. Nesse período, arrecadaram-se R$ mil referentes a consumo não medido em função das irregularidades e também ocorreu o incremento de R$ mil no consumo faturado após a regularização da medição H O R I Z O N T E S PA R A O D E S E N V O LV I M E N TO

15 R E L AT Ó R I O A N UA L Investimentos A realização de investimentos e obras é uma ação permanente na RGE desde o início de suas atividades. Os investimentos estão focados na modernização e ampliação do sistema elétrico. Em 2005, foram realizadas obras de adequação, manutenção e construção de subestações, linhas de transmissão, redes de distribuição e obras do Plano de Universalização de Energia Elétrica, entre outras. A RGE investiu em ações de melhoria o equivalente a R$ mil, superando em 41,78% o valor aplicado no período anterior. A ampliação desse investimento resultou em benefícios diretos à comunidade e em desenvolvimento econômico local. A Empresa encerrou o ano com postes, transformadores de distribuição, 81 transformadores de força, 359 alimentadores e 63 subestações, sendo 58 de distribuição, quatro de transmissão e uma móvel. A capacidade instalada em subestações, sem considerar a subestação móvel, evoluiu de MVA (Mega Volt Ampere) em 2004 para MVA em A extensão da rede de distribuição da RGE aumentou km, passando de km em 2004 para km em 2005, e a das linhas de transmissão teve um acréscimo de 22 km aos km existentes em Investments Since the start of its operations, RGE has invested and constructed constantly. In 2005 work was performed to standardize, maintain and construct substations, transmission lines, distribution networks and Universal Access to Electricity Program construction projects, among others. In 2005 RGE invested the equivalent of R$ 138,976 thousand in improvement projects, surpassing the figure invested in the previous year by 41.78%. This increased investment resulted in direct benefits for the community and in local economic development. The Company closed the year with 1,078,155 poles, 56,307 distribution transformers, 81 power transformers, 359 chargers and 65 substations, 58 of which are distribution substations, four of which are transmission substations and one of which is a mobile substation. The installed capacity in substations, without considering the mobile substation, grew from 1,417 MVA (Mega volt Ampere) in 2004 to 1,467 MVA in The Dentro do programa de obras e manutenção, houve um significativo aumento na realização de manutenção preventiva em 2005 (41%) em comparação com o ano anterior (14%). Além de garantir uma maior confiabilidade ao sistema elétrico, a manutenção preventiva proporciona uma redução de custos à Empresa quando comparada à emergencial manutenção. Destacam-se as principais obras: Complexo de Obras Não-me-Toque: Em 2005, foi concluído o conjunto de obras do Complexo Não-me-Toque com a implantação, pela Eletrosul, da nova subestação de conexão com a rede básica Tapera 2 230/69 kv, com 166 MVA de potência. A RGE construiu também uma linha de transmissão de circuito duplo de 69 kv, com derivação Tapera 2 Tapera 1 x Soledade, com 1 km de extensão. Esse conjunto de obras propiciou um novo ponto de suprimento de energia para a RGE a partir do sistema de 230 kv da rede básica e atende às subestações de Não-me-Toque, Ibirubá, Tapera 1 e Soledade. As obras beneficiaram clientes. Complexo de Obras Lagoa Vermelha: O conjunto de obras beneficiou clientes e propiciou uma nova conexão da RGE com a rede básica. Em 2005 foram concluídas, pela Empresa de Transmissão do Alto Uruguai (ETAU), as obras da subestação Lagoa Vermelha 2 230/138 kv, com 150 MVA. A RGE concluiu as seguintes obras da subestação Tapejara 2 138/13,8 kv, de 25 MVA; linha de transmissão Lagoa Vermelha 2 x Tapejara 2, de 138 kv, com 56 km de extensão e linha de transmissão de 138 kv em circuito duplo Lagoa Vermelha 2 x Lagoa Vermelha 1 Derivação Vacaria, com 6 km de extensão. extension of the RGE distribution network increased 1,512 km (940 miles), from 63,526 km (39,473 miles) in 2004 to 65,038 km (47,413 miles) in 2005, and the transmission line extension increased a total of 22 km (14 miles) compared to the 1,616 km (1,004 miles) existing in Within the works and maintenance program there was a significant increase in preventative maintenance in 2005 (41%) compared with the previous year (14%). In addition to guaranteeing greater electrical system reliability, preventative maintenance also involves reduced cost to the Company, when compared with emergency repairs. We highlight the following construction projects: Não-me-Toque Construction Complex: In 2005, the Company completed the set of Não-me-Toque Complex construction projects with Eletrosul s installation of the new connection substation with the Tapera 2 basic network 230/69 kv, with a capacity of 166 MVA. RGE also constructed a 69 kv double circuit transmission line with Tapera 2 Tapera 1 x Soledade derivation and with a 1-kilometer (.62 mile) extension. This set of construction projects provided RGE with a new supply point through the 230 kv basic network system and supplies the Não-me-Toque, Ibirubá, Tapera 1 and Soledade substations. The construction projects benefited 36,104 customers. Lagoa Vermelha Construction Complex: The set of construction projects benefited 21,840 customers and provided a new RGE connection with the basic network. In 2005, the Alto Uruguai Transmission Company (ETAU) completed the construction projects for Lagoa Vermelha 2 230/138 kv, with 150 MVA. RGE completed the construction projects for the Tapejara 2 substation 138/13.8 kv, with 25 MVA; the Lagoa Vermelha 2 x Tapejara 2 transmission line 138 kv, with a 56 km (35 mile) extension, and the Lagoa Vermelha 2 x Lagoa Vermelha kv transmission line in double circuit Vacaria Derivation with a 6 km (4 mile) extension H O R I Z O N T E S PA R A O D E S E N V O LV I M E N TO

16 R E L AT Ó R I O A N UA L Subestação Erechim 2: A nova subestação Erechim 2 138/13,8 kv 25 MVA e a linha de transmissão de 138 kv Erechim 1 x Erechim 2, com 17,1 km de extensão, trouxeram mais qualidade e continuidade ao fornecimento de energia para a região do Alto Uruguai. As obras beneficiaram clientes. Subestação Caxias 5: Com a ampliação realizada pela Eletrosul, a subestação Caxias 5 recebeu 50 MVA de potência na rede primária de 13,8 kv. A subestação recebeu também um novo transformador de força de 230/69 kv, 165 MVA. A RGE construiu a linha de transmissão de 69 kv de circuito duplo Derivação Caxias 5 Caxias 2 x Caxias 1, com 0,7 km de extensão. A Empresa também recapacitou a linha de transmissão de 69 kv desde a subestação Caxias 5 até a subestação Caxias 2, em um trecho de 4 km de extensão. Sistema de Medição para Faturamento: Atendendo à Resolução ANEEL 344, a RGE implementou sistema de medição em todos os pontos de fronteira com a rede básica na sua área de concessão. Foram instalados equipamentos em 18 subestações das transmissoras CEEE e Eletrosul, bem como um sistema de supervisão junto à Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE). Pesquisa & Desenvolvimento: Foi concluído o Ciclo 2003/2004 do Programa Anual de Pesquisa e Desenvolvimento Tecnológico (P&D), que incluía 10 projetos e um investimento, em 2005, de R$ mil, e foram aprovados mais 10 projetos para o Ciclo 2004/2005, com investimento de R$ 933 mil no mesmo ano. O P&D tem o objetivo de fomentar a pesquisa em atividades relacionadas ao setor elétrico e aprimorar as tecnologias e os processos utilizados atualmente. Erechim 2 Substation: The new Erechim 2 substation 138/13,8 kv 25 MVA and the 138 kv Erechim 1 x Erechim 2 transmission lines, with a 17.1 km (10.6 mile) extension, increased the quality and continuity of the energy supply for the Alto Uruguai region. The construction projects benefited 45,665 customers. Caxias 5 Substation: With the expansion performed by Eletrosul, the Caxias 5 substation received 50 MVA of power capacity in the primary 13.8 kv network. The substation also received a new 230/69 kv power transformer of 165 MVA. RGE constructed a 69 kv double circuit transmission line, Caxias 5 Derivation Caxias 2 x Caxias 1, with a 0.7 km (.43 mile) extension. The Company also recapacitated a 69 kv transmission line between the Caxias 5 and Caxias 2 substations, along a 4 km (2.49 mile) stretch. Measurement System for Billing: In compliance with ANEEL Resolution 344, RGE implemented a measurement system along all points of the border with the basic network in its concession area. It installed equipment in 18 substations of the CEEE and Eletrosul transmitters, as well as a supervision system at the Electric Energy Trade Chamber (CCEE). Research and Development: In 2005, the Company Em 2005, a RGE investiu cerca de R$ mil na renovação da frota, com a aquisição de 19 veículos novos que foram disponibilizados às Bases de Distribuição e de Leitura e Entrega. Essa renovação significou uma economia de R$ 350 mil ao ano nos gastos com veículos. concluded the 2003/2004 Cycle of the Annual Technological Research and Development (R&D) Program, which included 10 projects and one investment of R$ 1,283,000. Ten more projects were also approved for the 2004/2005 Cycle, with an investment of R$ 933,000 during the same year. R&D is designed to encourage research in activities related to the energy sector and improve currently used technologies and processes. In 2005, RGE invested around R$ 1,000 thousand modernizing its fleet, with the acquisition of 19 new vehicles which were allocated to Distribution and Reading and Delivery bases. This resulted in a reduction of R$ 350 thousand a year on vehicle costs. A further R$ 5,300 thousand was invested in information technology (IT) in 2005, with the objective of implementing new systems for strategic management and to update the management system technology for RGE s sales and technical departments. Foram investidos R$ mil em tecnologia da informação (TI) em 2005, com o objetivo de implantar novos sistemas de gestão estratégica e fazer a atualização tecnológica nos sistemas de gestão comercial e técnica da RGE H O R I Z O N T E S PA R A O D E S E N V O LV I M E N TO

17 R E L AT Ó R I O A N UA L Universalização da Energia Elétrica Universal Access to Electricity A ANEEL instituiu o programa de Universalização da Energia Elétrica com a finalidade de garantir o acesso à eletrificação à população, utilizando uma sistemática de áreas na qual o atendimento de novas ligações, para unidades consumidoras com carga instalada de até 50 kw atendidas em tensão secundária deverá ser realizado sem ônus de qualquer espécie para o solicitante. A RGE, em 2005, realizou ligações em 217 municípios, fazendo com que o índice de eletrificação dos municípios atendidos pela RGE crescesse de 97,48 %, ao final de 2004, para 99,42 % em ANEEL established the Universal Access To Electricity program, aimed at guaranteeing the population access to electricity, employing a system of areas in which new low voltage connections with installed load of up to 50 kw must be provided with no cost whatsoever to the customer. In 2005, RGE made 5,863 connections in 217 municipalities, raising the electrification index of those municipalities served by RGE from 97.48%, at the end of 2004 to 99.42% in Corporate Governance Programa Luz para Todos A RGE assumiu o compromisso de ser um agente propulsor do programa Luz para Todos, pois entende que sua participação é essencial para o desenvolvimento econômico e social dos municípios atendidos, bem como para a garantia do bem-estar do público beneficiado. Nesse sentido, em 2005, a RGE realizou ligações, beneficiando pessoas em 189 municípios. Desde o início do programa, em 2004, a Empresa já efetuou mais de ligações. As obras contemplam a extensão da rede de distribuição, a implantação de postes, a instalação de transformadores e a entrega aos clientes de um kit com até três pontos de luz e duas tomadas. O programa Luz para Todos, coordenado pelo Ministério de Minas e Energia, é desenvolvido em parceria com os governos estaduais e com as concessionárias de energia e permite que a instalação da energia elétrica nos domicílios seja totalmente gratuita para as famílias de baixa renda e para os consumidores residenciais, com ligação monofásica e consumo mensal inferior a 80kWh/mês, na área rural. Light For All Program Rio Grande Energia accepted the challenge of being a driving force in the Light for All program, because it understands that its participation is essential for the social and economic development of the areas reached, and also to guarantee the well-being of the population being benefited. In 2005, RGE made 3,363 connections, reaching 16,815 people in 189 municipalities. The Company has already made 4,767 connections since the beginning of the program in The program construction projects include the extension of the distribution network, installation of poles, installation of transformers and the delivery of a kit to customers with up to three points of light and two electrical sockets. The Light for All Program, coordinated by the Brazilian Ministry of Mines and Energy, is developed in partnership with the state governments and energy concessionaires and allows for the free installation of energy in the homes of low-income families and for residential consumers with single-phase connection and monthly consumption of less than 80 kwh/ month in rural areas. Governança Corporativa A RGE dispõe de um conjunto de práticas de governança corporativa cuja finalidade é manter boas relações entre os acionistas e os demais agentes do mercado, através de um processo de decisão transparente, democrático e participativo, com uma atuação importante do Conselho de Administração e do Conselho Fiscal. A cada ano a Empresa busca aperfeiçoar sua gestão, priorizando medidas que favoreçam o aumento de sua credibilidade no mercado e, ainda, que potencializem o desempenho operacional e os resultados financeiros. Em 2005, em conformidade com a lei Sarbanes-Oxley e com o princípio das boas práticas de governança corporativa, foram implementadas as seguintes ações: Novo Código de Conduta O Código de Conduta da RGE teve o seu conteúdo discutido entre os colaboradores através de fóruns e debates, além de consultas a vários modelos utilizados no setor elétrico e em outras empresas. Esse instrumento procura tornar claras as regras éticas de conduta para garantir integridade e lisura no relacionamento da Empresa com os demais agentes. The corporate governance practices employed at RGE are designed to maintain good relations between shareholders and other market actors, by means of a transparent, democratic and participative decisionmaking process, with significant involvement by the Board of Directors and Audit Committee. Every year the Company strives to improve its management, giving priority to measures that boost its credibility with the market and potentialize operational performance and financial returns. The following actions were taken in 2005, in conformity with the Sarbanes-Oxley law and with the principal of good corporate governance practices: New Code of Conduct The content of the RGE Code of Conduct was discussed among the employees at forums and debates, in addition to the consultation of several models employed in the electricity sector and other companies. This document aims to make clear the rules on ethics and conduct, to guarantee integrity and fair dealing in the Company s relations H O R I Z O N T E S PA R A O D E S E N V O LV I M E N TO

18 R E L AT Ó R I O A N UA L Hot-Line Canal interno de comunicação on-line com os colaboradores. Através de um formulário, disponível na intranet, os colaboradores podem encaminhar, anonimamente, críticas, sugestões e denúncias que serão analisadas pela Empresa. Gerenciamento de Riscos Corporativos A atividade de gerenciamento de riscos está sob a responsabilidade do Departamento de Auditoria e Gestão de Riscos. Esta área ligada diretamente ao Conselho de Administração, através do Sistema de Gerenciamento de Riscos identifica, monitora e controla os riscos corporativos, visando à confiabilidade das informações dos controles e à melhoria contínua de processos. Hot-Line An on-line internal channel of communication with the workers. Employees can use a form available on the internet to anonymously pass on criticisms and suggestions and report infractions, to be analyzed by the Company. Corporate Risk Management Risk management activities are the responsibility of the Department of Auditing and Risk Management, which is directly linked to the Board of Directors, that, using the Risk Management System, identify, monitor and control corporate risk, with responsibility for reliability of information, controls and continual improvement of processes. Gerenciamento Estratégico Através do BSC - Balanced Scorecard, a Empresa gerencia estrategicamente o desempenho financeiro, os padrões de atendimento ao cliente, o alinhamento às determinações regulatórias, a orientação das atividades operacionais, o aprendizado e o desenvolvimento das pessoas, dos processos e rotinas empresariais. Projeto de Business Intelligence Com o propósito de integrar todas as ferramentas da RGE que atendem aos processos de planejamento econômico-financeiro decenal, orçamento anual, relatórios de gestão e Balanced Scorecard (BSC), está sendo implementado o projeto Business Intelligence. Esse projeto tem a finalidade de minimizar riscos associados à qualidade da informação e permite atender às demandas e sugestões apontadas nos processos de auditoria de sistemas de informação. Strategic management The company uses the Balanced Scorecard system to strategically manage financial performance, customer service standards, compliance with regulatory requirements, guidelines for operational activities, training and development of personnel, processes and company routines. Business Intelligence Project The Business Intelligence project is being implemented with the aim of integrating all of the tools used at RGE for 10-year economic and financial planning, annual budget, and management reports. The purpose of this project is to minimize the risks associated with information quality and allow the demands and suggestions brought up during information systems auditing to be attended to. O progresso de Seu Valdemar A empresa tem 40 anos de fundação. Eu comecei com serralheria. Depois foi indústria de tanques e agora a gente faz porta de caminhões para a Randon. A energia elétrica é o principal. São 600 toneladas por mês de produção. Sem energia ficava tudo parado. Nós começamos com duas maquininhas, uma de solda e uma prensa. Nesses anos, o trabalho foi aumentando e hoje eu tenho 16 funcionários. No fim do ano passado chegou uma subestação aqui do lado da minha fábrica e melhorou para o meu negócio. É tudo benefício da energia. Valdemar Felisberti, dono da Felisberti Cia. Ltda., de Flores da Cunha Mr. Felisberti s progress My company was founded 40 years ago. I started with a metalwork shop. After that, we manufactured metal sinks and now we make truck doors for Randon. Energy is the main thing. We produce 600 tons per month. Without energy we wouldn t have gone anywhere. We started with two little machines, a welder and a power press. Along the years the workload increased and now I have 16 employees. At the end of last year a new substation was installed just here, by my factory, and my business got better. It s all down to the energy. Valdemar Felisberti, owner of Felisberti Cia. LTDA., from Flores da Cunha H O R I Z O N T E S PA R A O D E S E N V O LV I M E N TO

19 horizontes para o bem-estar Além de energia, a RGE distribui qualidade de vida e conforto aos mais de 3,4 milhões de gaúchos que atende. De forma comprometida, promove saúde, educação e cultura junto aos seus colaboradores, clientes e comunidade. Horizons for well being In addition to energy, RGE distributes quality of life and comfort to the more than 3.4 million residents of Rio Grande do Sul. We are committed to promoting health, education and culture for employees, customers and communities Público Interno Internal Public Consumidores Consumers Comunidade The Community Fornecedores Suppliers Uma história de muita energia no Norte-Nordeste do Estado A região Norte-Nordeste do Rio Grande do Sul é uma das áreas com os melhores índices de qualidade de vida do Brasil. Essa realidade foi construída junto com a chegada dos imigrantes europeus, que depositaram energia, força de vontade e muito trabalho para consolidar uma história de sucesso. A story full of energy at the state s North-Northeast North-Northeastern region of Rio Grande do Sul is one of the areas with highest life quality standards in Brazil. This reality was shaped with the arrival of European immigrants, who brought their energy, willpower and hard work to consolidate a successful story.

20 R E L AT Ó R I O A N UA L Horizontes para o bem-estar Público Interno O respeito à diversidade, à transparência e à pluralidade de idéias é marca registrada na gestão de pessoas. A RGE se orgulha de ser uma empresa socialmente responsável e, para isso, procura ir além do simples cumprimento das determinações legais, valorizando seus colaboradores. Desta forma, a Empresa investe no constante aperfeiçoamento pessoal e profissional de sua equipe, assim como na qualidade de vida, saúde, segurança e melhoria do ambiente de trabalho. HORIZONS FOR WELL BEING Internal Public In personnel management our trademark is a respect for diversity and the plurality of ideas. Rio Grande Energia is proud to be a socially responsible business and this is why it always seeks to go further than simply complying with legal requirements, truly valuing its workers. The Company invests in constant personal and professional improvement of the workforce and also in quality of life, health and safety and improvements to the working environment. Endomarketing Durante o ano de 2005, foram desenvolvidas diversas ações de comunicação interna para estreitar o relacionamento da Empresa com todos os seus colaboradores. Somando-se aos já existentes, foram implantados novos canais de diálogo com o público interno: RH Responde É um canal de comunicação direto com o Departamento de Recursos Humanos para esclarecimento de dúvidas, comentários e sugestões. Os colaboradores têm acesso ao RH Responde pela intranet, por ou formulário impresso via malote ou correio e podem optar por identificar-se ou não. Encontros RGE Evento realizado mensalmente na sede da Empresa, o Encontros RGE é um momento de integração com o Presidente que motiva os colaboradores a falarem sobre seu ambiente de trabalho, expectativas e sugestões de melhoria. Participam desses encontros mensais 15 colaboradores, escolhidos através de sorteio. Em oito eventos realizados em 2005, 37 sugestões de melhoria foram sugeridas e implementadas. Internal Marketing During 2005 a variety of internal communication activities were carried out in order to make the Company s relationship with all its workers even closer. In addition to those that already existed, new channels were created for dialogue with the internal public: HR Responds This is a channel for direct communication with the Human Resource Department for clearing up doubts and for comments and suggestions. Employees can access HR Responds via intranet, or printed form via internal or normal mail, opting to identify themselves or not. RGE Meetings A monthly event held at the Company s headquarters, RGE Meetings is a time to mix with the Chief Executive Officer that motivates employees to speak about their working environment, expectations and suggestions for improvement. Each time 15 employees are chosen by lottery to attend. During the eight events held in 2005, 37 suggestions for improvement were suggested and implemented. Educação e saúde para os filhos de Dona Fabiana Desde outubro de 2005 a gente tem energia elétrica. Ah, se melhorou! Tem televisão e água gelada pras crianças. Meus três filhos já estudam e agora eles também podem estudar de noite e eu posso fazer os temas com eles. O banho quente é uma maravilha. Antes eu tinha que pegar água e botar num balde aqui dentro de casa pra dar banho nos três. Eles podiam ficar doentes. Agora eles têm banho quente. Fabiana da Silva de Souza, beneficiada pelo programa Luz para Todos, moradora de Tunas Baixas - Caxias do Sul Education and health for the kids We ve had electricity since October Ah, and it did get better?! There s TV and cool water for the kids now. My three kids already go to school and now they can study at night too and I can help them with their homework. Bathing in hot water is wonderful. Before I had to go and get a bucket full of water to bring inside the house and wash the three of them in here. They could get sick. Now they wash in hot water. Fabiana da Silva de Souza, resident of Tunas Baixas, Caxias do Sul, benefited from the Light for All program H O R I Z O N T E S PA R A O B E M - E S TA R

LIGHT em números. Light in numbers

LIGHT em números. Light in numbers LIGHT em números Light in numbers 2015 LIGHT em números Light in numbers 2015 4 Mapa da Área de Concessão Concession Area Map NÚMEROS DA ÁREA DE CONCESSÃO DA LIGHT LIGHT CONCESSION AREA FIGURES 1 3 2

Leia mais

Operational Management of the Distribution Business aligned with the Regulatory Framework. José Maria de Macedo

Operational Management of the Distribution Business aligned with the Regulatory Framework. José Maria de Macedo Operational Management of the Distribution Business aligned with the Regulatory Framework José Maria de Macedo Chief Distribution and Sales Officer May 2008 1/XX Cemig Distribuição in numbers Indicator

Leia mais

GERDAU. 1 o Trim. 2001

GERDAU. 1 o Trim. 2001 GERDAU Informações Relevantes 2 o Trimestre de Senhores Acionistas: O ano de iniciou-se movido pelo bom desempenho econômico brasileiro do ano anterior: forte crescimento industrial, inflação sob controle,

Leia mais

ESTRUTURA DE CAPITAL: UMA ANÁLISE EM EMPRESAS SEGURADORAS

ESTRUTURA DE CAPITAL: UMA ANÁLISE EM EMPRESAS SEGURADORAS ESTRUTURA DE CAPITAL: UMA ANÁLISE EM EMPRESAS SEGURADORAS THE CAPITAL STRUCTURE: AN ANALYSE ON INSURANCE COMPANIES FREDERIKE MONIKA BUDINER METTE MARCO ANTÔNIO DOS SANTOS MARTINS PAULA FERNANDA BUTZEN

Leia mais

Expo Money São Paulo. Setembro, 2013

Expo Money São Paulo. Setembro, 2013 Expo Money São Paulo Setembro, 2013 1 Perfil da AES Tietê 12 usinas hidrelétricas em São Paulo Contrato de concessão de 30 anos válido até 2029 Capacidade instalada de 2.658 MW, com garantia física 1

Leia mais

BUSINESS TO WORLD COMPANHIA GLOBAL DO VAREJO

BUSINESS TO WORLD COMPANHIA GLOBAL DO VAREJO BUSINESS TO WORLD COMPANHIA GLOBAL DO VAREJO 4Q08 Results Conference Call Friday: March 13, 2008 Time: 12:00 p.m (Brazil) 11:00 a.m (US EDT) Phone: +1 (888) 700.0802 (USA) +1 (786) 924.6977 (other countries)

Leia mais

Developing customer relationship through marketing campaigns Desenvolvendo o relacionamento com o cliente através de campanhas de marketing Marco

Developing customer relationship through marketing campaigns Desenvolvendo o relacionamento com o cliente através de campanhas de marketing Marco Developing customer relationship through marketing campaigns Desenvolvendo o relacionamento com o cliente através de campanhas de marketing Marco Antonio Donatelli Desenvolvendo relacionamento com clientes

Leia mais

Gerenciando a Cadeia de Suprimentos (Managing the Supply Chain) A Experiência Cargill ( Cargill s Experience)

Gerenciando a Cadeia de Suprimentos (Managing the Supply Chain) A Experiência Cargill ( Cargill s Experience) Gerenciando a Cadeia de Suprimentos (Managing the Supply Chain) A Experiência Cargill ( Cargill s Experience) 1 Jose de Ribamar, Ger Qualidade e Food Safety Cargill Amidos e Adoçantes América do Sul jose_ribamar@cargill.com

Leia mais

WWW.ADINOEL.COM Adinoél Sebastião /// Inglês Tradução Livre 14/2014

WWW.ADINOEL.COM Adinoél Sebastião /// Inglês Tradução Livre 14/2014 TEXTO Brazil Leads Decline Among World's Biggest Companies THE losses OF São Paulo's stock market AND THE decline OF Brazil's real made Brazilian companies THE biggest losers among THE world's major companies,

Leia mais

FDLI s Brazil Conference

FDLI s Brazil Conference Programa Alimentos Seguros: uma experiência brasileira Food Safety Program: a Brazilian experience FDLI s Brazil Conference Zeide Lúcia Gusmão, MSc. National Coordinator PAS SENAI Nacional Department São

Leia mais

REAL ESTATE MARKET IN BRAZIL

REAL ESTATE MARKET IN BRAZIL REAL ESTATE MARKET IN BRAZIL JOÃO CRESTANA President of Secovi SP and CBIC National Commission of Construction Industry SIZE OF BRAZIL Population distribution by gender, according to age group BRAZIL 2010

Leia mais

Senhores Acionistas: FATURAMENTO CRESCE 47% E SUPERA A MARCA DOS R$ 4 BILHÕES

Senhores Acionistas: FATURAMENTO CRESCE 47% E SUPERA A MARCA DOS R$ 4 BILHÕES Senhores Acionistas: Após sofrer o impacto causado pela desvalorização da moeda brasileira no início de 1999, a economia do País, de um modo geral, mostrou resultados bastante positivos no encerramento

Leia mais

OFFICE. Office Background

OFFICE. Office Background OFFICE Office Background Since it was founded in 2001, steady growth has been registered by the office in the Brazilian market of corporate law, a field in which our services are exemplary. The consolidation

Leia mais

Salud Brasil SECRETARIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE

Salud Brasil SECRETARIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE Salud Brasil SECRETARIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE IV EXPOEPI International Perspectives on Air Quality: Risk Management Principles for Oficina de Trabalho: Os Desafios e Perspectivas da Vigilância Ambiental

Leia mais

POTENCIAL DE INTERCÂMBIO DE ENERGIA ELÉTRICA ENTRE OS SISTEMAS ELÉTRICOS DO BRASIL E DA ARGENTINA

POTENCIAL DE INTERCÂMBIO DE ENERGIA ELÉTRICA ENTRE OS SISTEMAS ELÉTRICOS DO BRASIL E DA ARGENTINA Revista Brasileira de Energia, Vol. 17, N o. 1, 1 o Sem. 2011, pp. 73-81 73 POTENCIAL DE INTERCÂMBIO DE ENERGIA ELÉTRICA ENTRE OS SISTEMAS ELÉTRICOS DO BRASIL E DA ARGENTINA André Luiz Zanette 1 RESUMO

Leia mais

egovernment The Endless Frontier

egovernment The Endless Frontier CENTRO DE GESTÃO DA REDE INFORMÁTICA DO GOVERNO (Management Center for the Electronic Government Network) egovernment The Endless Frontier Alexandre Caldas 29 th June 2010 Summary VISION AND LEADERSHIP

Leia mais

Gerenciamento de projetos SMART GRID

Gerenciamento de projetos SMART GRID Gerenciamento de projetos SMART GRID OBJETIVO Em razão da (o): Grandiosidade e complexidade dos projetos SMART GRID Contexto econômico local e global vs. QUALIDADE dos serviços públicos. p Exigências de

Leia mais

Compartilhando Energia Humana. Sharing Human Energy

Compartilhando Energia Humana. Sharing Human Energy Compartilhando Energia Humana Sharing Human Energy A Chevron Brasil tem como estratégia e valor um plano de investimento social voltado para o incentivo à qualificação profissional e ao empreendedorismo

Leia mais

Participatory Map of Rio de Janeiro

Participatory Map of Rio de Janeiro Leandro Gomes Souza Geographer Luiz Roberto Arueira da Silva Director of City Information Pereira Passos Institute - City of Rio de Janeiro About us Pereira Passos Institute (IPP) is Rio de Janeiro municipal

Leia mais

106 BANCO DE PORTUGAL Boletim Estatístico

106 BANCO DE PORTUGAL Boletim Estatístico 106 BANCO DE PORTUGAL Boletim Estatístico B.7.1.1 Taxas de juro sobre novas operações de empréstimos (1) concedidos por instituições financeiras monetárias a residentes na área do euro (a) Interest rates

Leia mais

2. HUMAN RESOURCES 2. RECURSOS HUMANOS 1 RECRUTAMENTO E SELECÇÃO 1 RECRUITMENT AND SELECTION 2 QUALIFICAÇÃO DOS TRABALHADORES

2. HUMAN RESOURCES 2. RECURSOS HUMANOS 1 RECRUTAMENTO E SELECÇÃO 1 RECRUITMENT AND SELECTION 2 QUALIFICAÇÃO DOS TRABALHADORES RECURSOS HUMANOS HUMAN RESOURCES . RECURSOS HUMANOS RECRUTAMENTO E SELECÇÃO. HUMAN RESOURCES RECRUITMENT AND SELECTION O recrutamento e a situação contratual, no ano em análise, e face ao anterior, caracterizaram-se

Leia mais

Multicriteria Impact Assessment of the certified reference material for ethanol in water

Multicriteria Impact Assessment of the certified reference material for ethanol in water Multicriteria Impact Assessment of the certified reference material for ethanol in water André Rauen Leonardo Ribeiro Rodnei Fagundes Dias Taiana Fortunato Araujo Taynah Lopes de Souza Inmetro / Brasil

Leia mais

Análise de Sistemas Elétricos de Potência 1

Análise de Sistemas Elétricos de Potência 1 UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA Análise de Sistemas Elétricos de Potência 1 A ula 0 2 : Vi s ã o Geral do S i s tema E l é trico de P otência P r o f. F l á v i o V a n d e r s o n G o m e s E - m

Leia mais

UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA. A Reputação e a Responsabilidade Social na BP Portugal: A importância da Comunicação. Por. Ana Margarida Nisa Vintém

UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA. A Reputação e a Responsabilidade Social na BP Portugal: A importância da Comunicação. Por. Ana Margarida Nisa Vintém UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA A Reputação e a Responsabilidade Social na BP Portugal: A importância da Comunicação Relatório de estágio apresentado à Universidade Católica Portuguesa para obtenção do

Leia mais

Parte 1 Part 1. Mercado das Comunicações. na Economia Nacional (2006-2010)

Parte 1 Part 1. Mercado das Comunicações. na Economia Nacional (2006-2010) Parte 1 Part 1 Mercado das Comunicações na Economia Nacional (2006-2010) Communications Market in National Economy (2006/2010) Parte 1 Mercado das Comunicações na Economia Nacional (2006-2010) / Part 1

Leia mais

Dimensão do Setor* O tabaco brasileiro. Sector's Dimension* 186.000. 376.000 Brazilian tobacco 739.000. R$ 4,4 bilhões* 30.000

Dimensão do Setor* O tabaco brasileiro. Sector's Dimension* 186.000. 376.000 Brazilian tobacco 739.000. R$ 4,4 bilhões* 30.000 O tabaco brasileiro A importância sócio-econômica do tabaco para a região Sul do Brasil é indiscutível. Os números do setor demonstram claramente porque o Brasil se destaca no cenário mundial, ocupando

Leia mais

Types of Investments: Equity (9 companies) Convertible Notes (10 companies)

Types of Investments: Equity (9 companies) Convertible Notes (10 companies) IMPACT INVESTING WE STARTED... A Venture Capital Fund Focused on Impact Investing Suport: Financial TA Criterias to select a company: Social Impact Profitabilty Scalability Investment Thesis (Ed, HC,

Leia mais

The Brazil United States Consumer Product Safety Conference Brazil United States Joint Press Statement June 10, 2011 Rio de Janeiro, Brazil Common Interests Ensuring a high level of consumer product safety

Leia mais

Asseguração de Relatórios de Sustentabilidade Denise Saboya 23 de setembro de 2009

Asseguração de Relatórios de Sustentabilidade Denise Saboya 23 de setembro de 2009 Asseguração de Relatórios de Sustentabilidade Denise Saboya 23 de setembro de 2009 Relembrando conceitos de sustentabilidade Desenvolvimento Econômico Responsabilidade Social Maximização do retorno do

Leia mais

Governança em TI e os objetivos estratégicos da organização

Governança em TI e os objetivos estratégicos da organização Governança em TI e os objetivos estratégicos da organização A otimização dos investimentos em TI, a importância do uso do modelo CobiT, adotado mundialmente em IT Governance Um painel sobre as certificações

Leia mais

SÃO PAULO 916.321.967-00 CLÓVIS AUGUSTO MANFIO 063.986.528-35

SÃO PAULO 916.321.967-00 CLÓVIS AUGUSTO MANFIO 063.986.528-35 Corporate Legal Name ALARM-TEK ELETRONICA LTDA Trade Name ALARMTEK Address Calçada das Anêmonas, nº. 42 District Centro Comercial - Alphaville Zip Code 6453-5 Telephones 11 4191-7256 Corporate Tax Registration

Leia mais

COSEC. Valorização do Real e Mercado Futuro de Câmbio

COSEC. Valorização do Real e Mercado Futuro de Câmbio COSEC 8 de Agosto de 2011 Valorização do Real e Mercado Futuro de Câmbio Roberto Giannetti da Fonseca Diretor Titular Departamento de Relações Internacionais e Comércio Exterior Mitos e Mistérios do Mercado

Leia mais

CARTA DE RECOMENDAÇÃO E PRINCÍPIOS DO FORUM EMPRESARIAL RIO+20 PARA A UNCSD-2012

CARTA DE RECOMENDAÇÃO E PRINCÍPIOS DO FORUM EMPRESARIAL RIO+20 PARA A UNCSD-2012 CARTA DE RECOMENDAÇÃO E PRINCÍPIOS DO FORUM EMPRESARIAL RIO+20 PARA A UNCSD-2012 (CHARTER OF RECOMMENDATION AND PRINCIPLES OF FORUM EMPRESARIAL RIO+20 TO UNCSD-2012) Nós, membros participantes do FÓRUM

Leia mais

WWW.ADINOEL.COM Adinoél Sebastião /// Inglês Tradução Livre 67/2013

WWW.ADINOEL.COM Adinoél Sebastião /// Inglês Tradução Livre 67/2013 PASSO A PASSO DO DYNO Ao final desse passo a passo você terá o texto quase todo traduzido. Passo 1 Marque no texto as palavras abaixo. (decore essas palavras, pois elas aparecem com muita frequência nos

Leia mais

Energia em Foco Estratégias e Dasafios para o Futuro

Energia em Foco Estratégias e Dasafios para o Futuro Energia em Foco Estratégias e Dasafios para o Futuro Novos Modelos de Negócios para o Setor de Energia Elétrica Richard Kauffman Chairman of Energy and Finance for New York Office of New York Governor

Leia mais

Investimentos da AES Brasil crescem 32% e atingem R$ 641 milhões nos primeiros nove meses do ano

Investimentos da AES Brasil crescem 32% e atingem R$ 641 milhões nos primeiros nove meses do ano Investimentos da AES Brasil crescem 32% e atingem R$ 641 milhões nos primeiros nove meses do ano Valor faz parte de plano de investimentos crescentes focado em manutenção, modernização e expansão das operações

Leia mais

Otimização geral de processos (OEE) Fabian Prehn Campinas Setembro 2014

Otimização geral de processos (OEE) Fabian Prehn Campinas Setembro 2014 Otimização geral de processos (OEE) Fabian Prehn Campinas Setembro 2014 Agenda Agenda Futuro da produção farmacêutica Future of pharmaceutical production Compressão como principal ponto no processo de

Leia mais

As Novas Formas de Financiamento da Economia

As Novas Formas de Financiamento da Economia As Novas Formas de Financiamento da Economia Francisco Fonseca Vice-Presidente ANJE 2º CONGRESSO DAS EMPRESAS E DAS ACTIVIDADES ECONÓMICAS - LISBOA O que são? Formas alternativas de financiamento incluem

Leia mais

IT Governance e ISO/IEC 20000. Susana Velez

IT Governance e ISO/IEC 20000. Susana Velez IT Governance e ISO/IEC 20000 Susana Velez Desafios de TI Manter TI disponível Entregar valor aos clientes Gerir os custos de TI Gerir a complexidade Alinhar TI com o negócio Garantir conformidade com

Leia mais

Braskem Máxio. Maio / May 2015

Braskem Máxio. Maio / May 2015 Maio / May 2015 Braskem Máxio Braskem Máxio Braskem Maxio é um selo que identifica resinas de PE, PP ou EVA dentro do portfólio da Braskem com menor impacto ambiental em suas aplicações. Esta exclusiva

Leia mais

Workshop 2 Changes in Automotive Industry: New Markets Different Technologies?

Workshop 2 Changes in Automotive Industry: New Markets Different Technologies? Organization: Cooperation: Workshop 2 Changes in Automotive Industry: New Markets Different Technologies? Volkswagen do Brasil Cologne, August 25 th, 2008 Volkswagen do Brasil Present in Brazil since 1953

Leia mais

MATERIAL E MÉTODOS Valor Presente Líquido (VPL):

MATERIAL E MÉTODOS Valor Presente Líquido (VPL): VI Simpósio de Pesquisa dos Cafés do Brasil ASPECTOS ECONÔMICO-FINANCEIROS DA PRODUÇÃO DE CAFÉ CONVENCIONAL E CAFÉ ESPECIAL Gilson Rogério Marcomini 1 ; José Messias de Miranda 2 1 Mestrando em Sistemas

Leia mais

WWW.ADINOEL.COM. Adinoél Sebastião /// Inglês Tradução Livre 61/2013. TEXTO In Ten Years of Bolsa Família, Federal Expenses with Assistance Triple

WWW.ADINOEL.COM. Adinoél Sebastião /// Inglês Tradução Livre 61/2013. TEXTO In Ten Years of Bolsa Família, Federal Expenses with Assistance Triple TEXTO In Ten Years of Bolsa Família, Federal Expenses with Assistance Triple In the ten years of the Bolsa Familia program, completed on Sunday, the biggest change in the federal government's budget was

Leia mais

Local & Regional Development. Expanding the positive impacts of mining projects

Local & Regional Development. Expanding the positive impacts of mining projects Local & Regional Development Expanding the positive impacts of mining projects Defining local and regional development Factors: Economic Social Specific to communities Need for ongoing consultations Link

Leia mais

Administração de Capital de Giro e Planejamento a Curto Prazo. Chapter Outline

Administração de Capital de Giro e Planejamento a Curto Prazo. Chapter Outline 26-0 Universidade Federal de Itajubá Instituto de Engenharia de Produção e Gestão Curso de Finanças Corporativas Prof. Edson Pamplona (www.iem.efei.br/edson) CAPÍTULO 27 Administração de Capital de Giro

Leia mais

SAP anuncia resultados do Segundo Trimestre de 2009

SAP anuncia resultados do Segundo Trimestre de 2009 SAP anuncia resultados do Segundo Trimestre de 2009 A SAP continua a demonstrar um forte crescimento das suas margens, aumentando a previsão, para o ano de 2009, referente à sua margem operacional Non-GAAP

Leia mais

Governação Novo Código e Exigências da Função Auditoria

Governação Novo Código e Exigências da Função Auditoria Novo Código e Exigências da Função Auditoria Fórum de Auditoria Interna - IPAI 19 de Junho de 2014 Direito societário e auditoria interna fontes legais 1. CSC artigo 420,º, n.º 1, i) - fiscalizar a eficácia

Leia mais

ANAEEL SOFTWARE PARA DIAGNÓSTICO DE EFICIÊNCIA ENERGÉTICA EM AGROINDÚSTRIAS 1 RESUMO

ANAEEL SOFTWARE PARA DIAGNÓSTICO DE EFICIÊNCIA ENERGÉTICA EM AGROINDÚSTRIAS 1 RESUMO ANAEEL SOFTWARE PARA DIAGNÓSTICO DE EFICIÊNCIA ENERGÉTICA EM AGROINDÚSTRIAS 1 RESUMO FÉLIX ABRAO NETO 2 ODIVALDO JOSÉ SERAPHIM 3 JAIR ANTONIO CRUZ SIQUEIRA 4 FERNANDO DE LIMA CANEPPELE 5 JAIR DE JESUS

Leia mais

POLÍTICA PÚBLICA DE APOIO A ECONOMIA SOLIDÁRIA NO BRASIL: CONCEPÇÕES E DIRETRIZES DOS PROGRAMAS E AÇÕES DO GOVERNO NOS ANOS RECENTES

POLÍTICA PÚBLICA DE APOIO A ECONOMIA SOLIDÁRIA NO BRASIL: CONCEPÇÕES E DIRETRIZES DOS PROGRAMAS E AÇÕES DO GOVERNO NOS ANOS RECENTES POLÍTICA PÚBLICA DE APOIO A ECONOMIA SOLIDÁRIA NO BRASIL: CONCEPÇÕES E DIRETRIZES DOS PROGRAMAS E AÇÕES DO GOVERNO NOS ANOS RECENTES Autor (a): Sabrina Carla A. da Silva Departamento de Economia - UFRN

Leia mais

PROGRAM FOR 3 DAYS in Faial and S. Jorge Islands, Azores

PROGRAM FOR 3 DAYS in Faial and S. Jorge Islands, Azores PROGRAM FOR 3 DAYS in Faial and S. Jorge Islands, Azores THIS PROGRAM AIMS TO TOAST OUR CUSTOMERS WITH THE OPPORTUNITY TO DISCOVER AND EXPLORE THE FAIAL AND S. JORGE ISLANDS. WE HAVE A WIDE RANGE OF CULTURAL

Leia mais

CRONOGRAMA DE APRESENTAÇÃO DOS TRABALHOS CR3+2015 11.11.15

CRONOGRAMA DE APRESENTAÇÃO DOS TRABALHOS CR3+2015 11.11.15 Horários 13h30 às 15h30 11.11.15 13h30 às 15h30 SESSÃO 1: APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS Sala 1 Painel Estratégias e Horários Sala 2 - Painel Políticas Públicas e Práticas Sustentáveis P1 Consumo e Produção

Leia mais

Utilização de grupos geradores diesel em horário de ponta

Utilização de grupos geradores diesel em horário de ponta Utilização de grupos geradores diesel em horário de ponta James Masseroni 1 Cristina Maria de Oliveira 2 Resumo: Como tentativa de reduzir o pico de carga que ocorre no final da tarde e início da noite,

Leia mais

Drug registration in Brazil and inspectional framework

Drug registration in Brazil and inspectional framework Drug registration in Brazil and inspectional framework Registro de medicamentos no Brasil e cenário de inspeções internacionais September 2012 José Alexandre Buaiz Neto Drug types recognized by ANVISA

Leia mais

Future Trends: Global Perspective. Christian Kjaer Chief Executive Officer European Wind Energy Association

Future Trends: Global Perspective. Christian Kjaer Chief Executive Officer European Wind Energy Association Future Trends: Global Perspective Christian Kjaer Chief Executive Officer European Wind Energy Association Brazil Wind Power 2010 Rio de Janeiro 1 September 2010 Members include the following leading players:

Leia mais

A tangibilidade de um serviço de manutenção de elevadores

A tangibilidade de um serviço de manutenção de elevadores A tangibilidade de um serviço de manutenção de elevadores Tese de Mestrado em Gestão Integrada de Qualidade, Ambiente e Segurança Carlos Fernando Lopes Gomes INSTITUTO SUPERIOR DE EDUCAÇÃO E CIÊNCIAS Fevereiro

Leia mais

ELEnA European Local ENergy Assistance

ELEnA European Local ENergy Assistance ECO.AP Programa de Eficiência Energética na Administração Pública ELEnA European Local ENergy Assistance Lisboa, 6/03/2015 Desafios 1 Conhecimento: a) Edifícios/equipamentos; b) Capacidade técnica; c)

Leia mais

Resultados 3T11. Teleconferência de Resultados 18 de Novembro de 2011

Resultados 3T11. Teleconferência de Resultados 18 de Novembro de 2011 Resultados 3T11 Teleconferência de Resultados 18 de Novembro de 2011 Agenda Perfil Coelce e Conquistas 1 Mercado de Energia 2 Resultados Operacionais 3 Resultados Econômico-Financeiros 4 Perguntas e Respostas

Leia mais

THE BRAZILIAN PUBLIC MINISTRY AND THE DEFENSE OF THE AMAZONIAN ENVIRONMENT

THE BRAZILIAN PUBLIC MINISTRY AND THE DEFENSE OF THE AMAZONIAN ENVIRONMENT THE BRAZILIAN PUBLIC MINISTRY AND THE DEFENSE OF THE AMAZONIAN ENVIRONMENT Raimundo Moraes III Congresso da IUCN Bangkok, November 17-25 2004 ENVIRONMENTAL PROTECTION IN BRAZIL The Constitution states

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO METROPOLITANO DE SÃO PAULO CURSO ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS A LOGISTICA REVERSA APLICADA NO ÓLEO LUBRIFICANTE E SEUS RESÍDUOS

CENTRO UNIVERSITÁRIO METROPOLITANO DE SÃO PAULO CURSO ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS A LOGISTICA REVERSA APLICADA NO ÓLEO LUBRIFICANTE E SEUS RESÍDUOS CENTRO UNIVERSITÁRIO METROPOLITANO DE SÃO PAULO CURSO ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS A LOGISTICA REVERSA APLICADA NO ÓLEO LUBRIFICANTE E SEUS RESÍDUOS ALINE THAIS MARQUEZIM ELOÁ PLETITSCH FIGUEIREDO JULIÊ GALIPI

Leia mais

Um conceito exclusivo de Decoração de Interiores An exclusive concept of Interior Design

Um conceito exclusivo de Decoração de Interiores An exclusive concept of Interior Design Um conceito exclusivo de Decoração de Interiores An exclusive concept of Interior Design 01 - Lista de Casamentos - Desenhos: Concepts, boarders e 3D 02 Ideais Casa&Cpa TheVintageHouseCompany Enquadramento

Leia mais

ACFES MAIORES DE 23 ANOS INGLÊS. Prova-modelo. Instruções. Verifique se o exemplar da prova está completo, isto é, se termina com a palavra FIM.

ACFES MAIORES DE 23 ANOS INGLÊS. Prova-modelo. Instruções. Verifique se o exemplar da prova está completo, isto é, se termina com a palavra FIM. ACFES MAIORES DE 23 ANOS INGLÊS Prova-modelo Instruções Verifique se o exemplar da prova está completo, isto é, se termina com a palavra FIM. A prova é avaliada em 20 valores (200 pontos). A prova é composta

Leia mais

1. THE ANGOLAN ECONOMY

1. THE ANGOLAN ECONOMY BPC IN BRIEF ÍNDICE 1. THE ANGOLAN ECONOMY 2. EVOLUTION OF THE BANK SECTOR 3. SHAREHOLDERS 4. BPC MARKET RANKING 5. FINANCIAL INDICATORES 6. PROJECTS FINANCE 7. GERMAN CORRESPONDENTS 1. THE ANGOLAN ECONOMY

Leia mais

Conference Call 2Q13 and 1H13 Results

Conference Call 2Q13 and 1H13 Results Conference Call 2Q13 and 1H13 Results 2 Performance in the Negócios Internacionais Negócios domestic Nacionais and USA,Europa e international markets Exportações Márcio Utsch Net Revenue 3 Net revenue

Leia mais

Sustainability issues in the Brazilian automotive industry: electric cars and end-of-life vehicles

Sustainability issues in the Brazilian automotive industry: electric cars and end-of-life vehicles Sustainability issues in the Brazilian automotive industry: electric cars and end-of-life vehicles Adcley Souza (adcley.souza@hotmail.com) Sustainability issues in the Brazilian automotive industry: electric

Leia mais

and work, with work having a multiplication factor double). Relacionamento Comercial Internacional International Commercial Relationship

and work, with work having a multiplication factor double). Relacionamento Comercial Internacional International Commercial Relationship Sucesso é a união de três elementos: confiança, reciprocidade e trabalho, tendo o trabalho um fator duplo de multiplicação (success is basically the union of three elements: trust, reciprocity and work,

Leia mais

ANO I Abertura Opening Os primeiros movimentos do jogo Há um ano, três advogados vindos de renomados escritórios de advocacia, onde exerciam funções de destaque, se reuniram em torno de uma idéia:

Leia mais

Gestão de Benefícios 1

Gestão de Benefícios 1 Gestão de Benefícios 1 Payment process of Bolsa Família Benefit granting The Municipalities register poor families Following quality analysis, registries are activated for benefit granting Based on its

Leia mais

Catálogo casa de banho l WC accessories. gestos que apetecem l tempting gestures

Catálogo casa de banho l WC accessories. gestos que apetecem l tempting gestures Catálogo casa de banho l WC accessories gestos que apetecem l tempting gestures VALENÇA BRAGA A NOSSA MISSÃO......VALORIZAR E ENGRADECER A TUPAI PORTO AVEIRO ÁGUEDA - COIMBRA GPS - N 40.58567º W 8.46558º

Leia mais

Consultoria em Direito do Trabalho

Consultoria em Direito do Trabalho Consultoria em Direito do Trabalho A Consultoria em Direito do Trabalho desenvolvida pelo Escritório Vernalha Guimarães & Pereira Advogados compreende dois serviços distintos: consultoria preventiva (o

Leia mais

BEM VINDOS! Visão Geral As tecnologias de armazenamento de energia se encontram em estágio avançado de desenvolvimento e comercialização em diferentes lugares do mundo como América do Norte, Europa e Ásia.

Leia mais

UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA FACULDADE DE TECNOLOGIA DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA CIVIL E AMBIENTAL

UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA FACULDADE DE TECNOLOGIA DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA CIVIL E AMBIENTAL UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA FACULDADE DE TECNOLOGIA DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA CIVIL E AMBIENTAL UTILIZAÇÃO DA ENGENHARIA TERRITORIAL PARA A INDUÇÃO DO DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL DAS ÁREAS CIRCUNDANTES AOS

Leia mais

O grande desafio é aumentar os níveis de atividade física na população em ambientes comunitários ", mas, como fazê-lo?

O grande desafio é aumentar os níveis de atividade física na população em ambientes comunitários , mas, como fazê-lo? O grande desafio é aumentar os níveis de atividade física na população em ambientes comunitários ", mas, como fazê-lo? The challenger is Increase levels of physical activity in the population in community

Leia mais

GIS technology for distribution networks Tecnologia GIS para redes de distribuição Ricardo Pinheiro

GIS technology for distribution networks Tecnologia GIS para redes de distribuição Ricardo Pinheiro GIS technology for distribution networks Tecnologia GIS para redes de distribuição Ricardo Pinheiro Gerenciamento de dados de rede de distribuição de energia com tecnologia GIS Ricardo Tiago Pinheiro Executivo

Leia mais

Braskem Maxio. Resinas da linha Braskem Maxio Braskem Maxio Grades. Redução de Consumo Energético Lower Energy Consumption.

Braskem Maxio. Resinas da linha Braskem Maxio Braskem Maxio Grades. Redução de Consumo Energético Lower Energy Consumption. Maio / May 2015 Resinas da linha Grades Redução de Consumo Energético Lower Energy Consumption RP 141 RP 347 RP 340S RP 340R RP 149 H 105 Produtividade Higher Productivity H 202HC CP 191XP VA8010SUV Redução

Leia mais

Energy balance: A strategy to reduce losses Balanço energético: uma estratégia para redução de perdas Marcos Aurélio Madureira da Silva & Denis Maia

Energy balance: A strategy to reduce losses Balanço energético: uma estratégia para redução de perdas Marcos Aurélio Madureira da Silva & Denis Maia Energy balance: A strategy to reduce losses Balanço energético: uma estratégia para redução de perdas Marcos Aurélio Madureira da Silva & Denis Maia Balanço energético: uma estratégia para redução de perdas

Leia mais

HOW DO YOU BECOME A LAWYER IN BRAZIL?

HOW DO YOU BECOME A LAWYER IN BRAZIL? HOW DO YOU BECOME A LAWYER IN BRAZIL? Doing Business in Brazil: Pathways to Success, Innovation and Access under the Legal Framework Keynote Speaker: Mr. José Ricardo de Bastos Martins Partner of Peixoto

Leia mais

Clubes de futebol com boa governança possuem melhor desempenho? Evidências do mercado brasileiro

Clubes de futebol com boa governança possuem melhor desempenho? Evidências do mercado brasileiro Marcio Marcelo de Oliveira Clubes de futebol com boa governança possuem melhor desempenho? Evidências do mercado brasileiro Dissertação de Mestrado Dissertação apresentada ao Programa de Pós- Graduação

Leia mais

Evolução do lucro líquido (em milhões de reais) - jan fev mar abr mai jun jul ago set

Evolução do lucro líquido (em milhões de reais) - jan fev mar abr mai jun jul ago set DISCUSSÃO E ANÁLISE PELA ADMINISTRAÇÃO DO RESULTADO NÃO CONSOLIDADO DAS OPERACÕES: PERÍODO DE JANEIRO A SETEMBRO DE 2001 COMPARATIVO AO PERÍODO DE JANEIRO A SETEMBRO DE 2000 (em milhões de reais, exceto

Leia mais

Governancia da Água. Contributo de Portugal e da PPA para o Plano Estratégico de Implementação da Parceria Europeia para a Inovação no Domínio da Água

Governancia da Água. Contributo de Portugal e da PPA para o Plano Estratégico de Implementação da Parceria Europeia para a Inovação no Domínio da Água A Água e o Programa Horizonte 2020 (8ºPQ) Contributo de Portugal e da PPA para o Plano Estratégico de Implementação da Parceria Europeia para a Inovação no Domínio da Água Governancia da Água Francisco

Leia mais

EARNINGS RELEASE 2008 e 4T08 Cemig D

EARNINGS RELEASE 2008 e 4T08 Cemig D EARNINGS RELEASE 2008 e 4T08 Cemig D (Em milhões de reais, exceto se indicado de outra forma) --------- Lucro do Período A Cemig Distribuição apresentou, no exercício de 2008, um lucro líquido de R$709

Leia mais

Following up the Brazilian Smart Grid Roadmap Current D&D Smart Grid Projects in Brazil. Nelson Kagan University of Sao Paulo - Brazil

Following up the Brazilian Smart Grid Roadmap Current D&D Smart Grid Projects in Brazil. Nelson Kagan University of Sao Paulo - Brazil 1 Following up the Brazilian Smart Grid Roadmap Current D&D Smart Grid Projects in Brazil Nelson Kagan University of Sao Paulo - Brazil The Brazilian RoadMap The SG Roadmap was finished in 2012. It consisted

Leia mais

INFORMATION SECURITY IN ORGANIZATIONS

INFORMATION SECURITY IN ORGANIZATIONS INFORMATION SECURITY IN ORGANIZATIONS Ana Helena da Silva, MCI12017 Cristiana Coelho, MCI12013 2 SUMMARY 1. Introduction 2. The importance of IT in Organizations 3. Principles of Security 4. Information

Leia mais

ISO 9001:2015 e ISO 14001:2015 versão DIS Principais alterações

ISO 9001:2015 e ISO 14001:2015 versão DIS Principais alterações ISO 9001:2015 e ISO 14001:2015 versão DIS Principais alterações Raquel Silva 02 Outubro 2014 ISO 9001:2015 e ISO 14001:2015 ISO 9001:2015 e ISO 14001:2015 PUBLICAÇÃO DIS: - Draft International Standard

Leia mais

ISACA Capítulo São Paulo

ISACA Capítulo São Paulo Tendências e Certificações Profissionais da ISACA ISACA Capítulo São Paulo Fabio Penna Curto, CGEIT, CISM, Diretor Cristiano Borges, Diretor ISACA SP Carmen Ozores, Vice presidente ISACA SP Contato: info@isaca.org.br

Leia mais

Brazil: Wind Energy Opportunities

Brazil: Wind Energy Opportunities Brazil: Wind Energy Opportunities Anne McIvor, Cleantech Investor BWEC 2012 2-3 April - São Paulo Brazilian Wind Energy The Brazilian Wind States BAHIA BAHIA: Projects Focus on semi-arido (semi-desert)

Leia mais

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE EDUCAÇÃO JOÃO FÁBIO PORTO. Diálogo e interatividade em videoaulas de matemática

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE EDUCAÇÃO JOÃO FÁBIO PORTO. Diálogo e interatividade em videoaulas de matemática UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE EDUCAÇÃO JOÃO FÁBIO PORTO Diálogo e interatividade em videoaulas de matemática São Paulo 2010 JOÃO FÁBIO PORTO Diálogo e interatividade em videoaulas de matemática

Leia mais

Em resumo, tarifa de energia elétrica dos consumidores cativos é, de forma um pouco mais detalhada, constituída por:

Em resumo, tarifa de energia elétrica dos consumidores cativos é, de forma um pouco mais detalhada, constituída por: A Tarifa de Energia O que é a tarifa de energia? Simplificadamente, a tarifa de energia é o preço cobrado por unidade de energia (R$/kWh). Em essência, é de se esperar que o preço da energia elétrica seja

Leia mais

DIAGNÓSTICO AMBIENTAL COMO FERRAMENTA PARA INTRODUÇÃO DE NOVAS PRÁTICAS NA COLETA DE RESÍDUOS SÓLIDOS RESIDENCIAIS

DIAGNÓSTICO AMBIENTAL COMO FERRAMENTA PARA INTRODUÇÃO DE NOVAS PRÁTICAS NA COLETA DE RESÍDUOS SÓLIDOS RESIDENCIAIS DIAGNÓSTICO AMBIENTAL COMO FERRAMENTA PARA INTRODUÇÃO DE NOVAS PRÁTICAS NA COLETA DE RESÍDUOS SÓLIDOS RESIDENCIAIS Lígia Maria Ribeiro Lima Universidade Estadual da Paraíba ligiauepb@gmail.com Isabel Thais

Leia mais

The Challenges of Global Food Supply Chains Os Desafios da Cadeia Global de Alimentos. David Acheson, MD Leavitt Partners LLC

The Challenges of Global Food Supply Chains Os Desafios da Cadeia Global de Alimentos. David Acheson, MD Leavitt Partners LLC The Challenges of Global Food Supply Chains Os Desafios da Cadeia Global de Alimentos David Acheson, MD Leavitt Partners LLC Outline Esboço Factors Driving Changes Fatores que impulsionam as mudanças Challenges

Leia mais

WWW.ADINOEL.COM Adinoél Sebastião /// Inglês Tradução Livre 74/2013

WWW.ADINOEL.COM Adinoél Sebastião /// Inglês Tradução Livre 74/2013 PASSO A PASSO DO DYNO Ao final desse passo a passo você terá o texto quase todo traduzido. Passo 1 Marque no texto as palavras abaixo. (decore essas palavras, pois elas aparecem com muita frequência nos

Leia mais

05. Demonstrações Financeiras Financial Statements

05. Demonstrações Financeiras Financial Statements 05. Demonstrações Financeiras Financial Statements Demonstrações Financeiras Financial Statements 060 Balanços em 31 de Dezembro de 2007 e 2006 Balance at 31 December 2007 and 2006 Activo Assets 2007 2006

Leia mais

Grupo Energisa Apresentação Institucional 2º trimestre de 2014

Grupo Energisa Apresentação Institucional 2º trimestre de 2014 Grupo Energisa Apresentação Institucional 2º trimestre de 2014 Apresentação Grupo Energisa Aspectos Técnicos e Comerciais Aspectos financeiros Crescimento 2 Grupo Energisa 3 Aquisição do Grupo Rede Em

Leia mais

Presentation Apresentação

Presentation Apresentação Presentation Apresentação In 2015, SOLLOS celebrates eleven years under the creative direction of designer Jader Almeida, one of the most recognized Brazilian designers, and ratifies its position as an

Leia mais

Implicações do uso do crédito pessoal para com gestão do orçamento familiar da população de baixa renda

Implicações do uso do crédito pessoal para com gestão do orçamento familiar da população de baixa renda Luiza Sicupira Malburg Implicações do uso do crédito pessoal para com gestão do orçamento familiar da população de baixa renda Dissertação apresentada ao Programa de Pósgraduação em Administração de Empresas

Leia mais

Edifíco CEM - Estrada D. Maria II, Macau www.cem-macau.com. Companhia de Electricidade de Macau - CEM, S.A.

Edifíco CEM - Estrada D. Maria II, Macau www.cem-macau.com. Companhia de Electricidade de Macau - CEM, S.A. Edifíco CEM - Estrada D. Maria II, Macau www.cem-macau.com Companhia de Electricidade de Macau - CEM, S.A. PRINCIPAIS ELEMENTOS ESTATÍSTICOS Key Statistics 1 A ligação ao futuro para si e para Macau Switching

Leia mais

Marina Costa Cruz Peixoto. Responsabilidade Social e Impacto no Comportamento do Consumidor: Um caso da indústria de refrigerantes

Marina Costa Cruz Peixoto. Responsabilidade Social e Impacto no Comportamento do Consumidor: Um caso da indústria de refrigerantes Marina Costa Cruz Peixoto Responsabilidade Social e Impacto no Comportamento do Consumidor: Um caso da indústria de refrigerantes DISSERTAÇÃO DE MESTRADO DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO Programa de Pós-Graduação

Leia mais

Altos Níveis de Estoque nas Indústrias de Conexões de PVC

Altos Níveis de Estoque nas Indústrias de Conexões de PVC Altos Níveis de Estoque nas Indústrias de Conexões de PVC Junior Saviniec Ferreira; Letícia Stroparo Tozetti Faculdade Educacional de Araucária RESUMO O problema de estoque elevado é cada vez menos frequente

Leia mais

Transformação dos negócios de distribuição e os desafios do setor

Transformação dos negócios de distribuição e os desafios do setor Transformação dos negócios de distribuição e os desafios do setor Geraldo Guimarães Jr Diretor para Indústria de Utilities SAP para Utilities Liderança Global no Setor Maior Provedor de Soluções e Aplicações

Leia mais

05. Demonstrações Financeiras Financial Statements

05. Demonstrações Financeiras Financial Statements 05. Demonstrações Financeiras Financial Statements Demonstrações Financeiras Financial Statements 068 Balanços em 31 de Dezembro de 2008 e 2007 Balance at 31 December 2008 and 2007 Activo Assets 2008 2007

Leia mais