INTRODUÇÃO Orientador: Turma 64:

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "INTRODUÇÃO Orientador: Turma 64:"

Transcrição

1 INTRODUÇÃO Orientador: Prof. Dr. Fernando Auil Turma 64: André Cavalcante dos Santos Bruno Croci de Oliveira Caio César Lemes Bastos Dan Shinkai Daniel Bissoli Moriera Daniel Pinheiro Barreto

2 TEMA Conhecimento científico e desenvolvimento.

3 HIPÓTESE Os softwares livres são suficientes para suprir as necessidades das pessoas portadoras de deficiência visual.

4 ESCLARECIMENTOS Acessibilidade: Significa não apenas permitir que pessoas com deficiências ou mobilidade reduzida participem de atividades que incluem o uso de produtos, serviços e informação, mas a inclusão e extensão do uso destes por todas as parcelas presentes em uma determinada população. Leitores de Tela: Software usado para obter resposta do computador por meio sonoro fazendo a interação com o usuário, Usado principalmente por deficientes visuais.

5 METODOLOGIA Pesquisa em instituições de apoio ao deficiente visual e artigos científicos. Aprendizagem de alguns leitores de tela e a elaboração de tutoriais dos mesmos. Publicação do Artigo: NVDA - NonVisual Desktop Access

6 WEBANYWHERE Serviço web que possibilita que o portador de deficiência visual navegue na internet. Multiplataforma(Windows, Linux, Mac OS). Não necessita de instalação.

7 WEBANYWHERE Vídeo Site do WebAnywhere

8 WEBANYWHERE Prós: Facilidade de acesso e portabilidade; Contras: Pouca compatibilidade com recursos de internet como formulários e sites em Flash.

9 DOSVOX Especificações Sistema composto de 70 programas Leitor de tela Necessário instalação Versão atual: 4.1 Problemas? Programa ultrapassado Difícil manuseio

10 DOSVOX Projeto desenvolvido em 1993 Núcleo de Computação Eletrônica da UFRJ José Antônio dos Santos Borges Primeiro software em português

11 DOSVOX

12 NVDA Totalmente Open-source com uma base grande de contribuintes; Compatibilidade com Windows; Portabilidade; Está se equiparando aos software comerciais.

13 ARTIGO NVDA - NonVisual Desktop Access Publicadado no site do guia do hardware:» Repercutiu e foi citado em alguns sites:» %E2%80%93-nonvisual-desktop-access/»

14 INSTITUIÇÃO Instituto Padre Chico Setor de Informática Utilizam leitor de tela Virtual Vision Software comercial da empresa Micropower.

15 CONCLUSÃO Algumas considerações deve ser tomadas. Instituições e organizações conseguem obter softwares comerciais gratuitamente através de convênios. Uma pesquisa com usuários tornou-se inviável devido a falta de tempo. Porém...

16 PESQUISA Fonte: Avaliação das tecnologias de softwares existentes para a Inclusão Digital de deficientesvisuais através da utilização de Requisitos de qualidade. Clóvis Silveira1, Regina O. Heidrich1, Patrícia B. S. Bassani1

17 REFERÊNCIA BORGES, José Antônio. Manual do Dosvox. Núcleo de Computação Eletrônica da UFRJ Universidade Federal do Rio de Janeiro. <http://www.nce.ufrj.br>. BORGES, José Antônio. Dosvox um novo acesso dos cegos à cultura e ao trabalho. Revista Benjamin Constant, n 3 maio de (IBCENTRO/MEC). Software leitor de telas Jaws. Disponível em: Acessado em 28/09/2009.

18 REFERÊNCIA Micro Power Technologies. Disponível em: <http://www.micropower.com.br/v3/pt/acessibilidade/vv5/index.as p> Acessado em: 25/10/2009. Leitor de tela WebAnywhere. Disponível em: <webanywhere.cs.washington.edu> Acessado em: 22/10/2009. Silveira, Clóvis; Heidrich, Regina O.; Bassani, Patrícia B. S.. Avaliação das tecnologias de softwares existentes para a Inclusão Digital de deficientes visuais através da utilização de Requisitos de qualidade. Disponível em: <http://www.cinted.ufrgs.br/ciclo9/artigos/10bclovis.pdf > Citado em: 3/12/2009.

19 REFERÊNCIA Software leitor de telas NVDA. Disponível em: <http://www.nvdaproject.org/> Acessado em: 28/09/2009. Software leitor de telas DosVox. Disponível em: <http://intervox.nce.ufrj.br/dosvox/ > Acessado em: 28/09/2009. LDB (Lei de Diretrizes e Bases) 96 Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de Brasília, Disponível em Acesso em: 28/09/2009.

20 REFERÊNCIA Software livre no governo do Brasil. Disponível em: <www.softwarelivre.gov.br> Acessado em: 27/09/2009. AFB American Foundation for the Blind. Disponível em: <www.afb.org> Acessado em: 27/09/2009. Sociedade brasileira de visão subnormal. Disponível em: <www.cbo.com.br/subnorma> Acessado em: 27/09/2009. Lei Ordinária - LEI N.º 7.853, de 24 de outubro de Brasília, Disponível em Acessado em 29/09/2009.

Técnicas Assistivas para Pessoas com Deficiência Visual

Técnicas Assistivas para Pessoas com Deficiência Visual Técnicas Assistivas para Pessoas com Deficiência Visual Aula 15 Os direitos desta obra foram cedidos à Universidade Nove de Julho Este material é parte integrante da disciplina oferecida pela UNINOVE.

Leia mais

ANÁLISE COMPARATIVA DOS SOFTWARES LEITORES DE TELA UTILIZANDO O AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM MOODLE

ANÁLISE COMPARATIVA DOS SOFTWARES LEITORES DE TELA UTILIZANDO O AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM MOODLE 1 ANÁLISE COMPARATIVA DOS SOFTWARES LEITORES DE TELA UTILIZANDO O AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM MOODLE Porto Alegre RS - maio de 2012. Clóvis da Silveira PUCRS csclovis@gmail.com Adriana Beiler PUCRS

Leia mais

Inclusão digital de deficientes visuais através de Projeto Comunitário, Santana do Livramento (2013)

Inclusão digital de deficientes visuais através de Projeto Comunitário, Santana do Livramento (2013) Inclusão digital de deficientes visuais através de Projeto Comunitário, Santana do Livramento (2013) Eduardo Bueno Simões Pires 1, Aline da Cunha Simões Pires 2 1 Instituto de Informática Universidade

Leia mais

Avaliação das tecnologias de softwares existentes para a Inclusão Digital de deficientes visuais através da utilização de Requisitos de qualidade.

Avaliação das tecnologias de softwares existentes para a Inclusão Digital de deficientes visuais através da utilização de Requisitos de qualidade. CINTED-UFRGS Novas Tecnologias na Educação Avaliação das tecnologias de softwares existentes para a Inclusão Digital de deficientes visuais através da utilização de Requisitos de qualidade. Clóvis da Silveira

Leia mais

Um relato da experiência docente a alunos com deficiência visual no curso de técnico em informática

Um relato da experiência docente a alunos com deficiência visual no curso de técnico em informática Um relato da experiência docente a alunos com deficiência visual no curso de técnico em informática Jiani Cordeiro Cardoso 1, Marcelo Pedroso da Roza 2, Úrsula Adriane Lisboa Fernandes Ribeiro 1, João

Leia mais

LINVOX DOSVOX em Linux

LINVOX DOSVOX em Linux LINVOX DOSVOX em Linux Senabraille - Goiânia José Antonio Borges Projeto DOSVOX NCE/UFRJ - nov/2004 Uso de computadores por DVs Leitura e escrita foram tornadas, entre videntes e cegos, razoavelmente compatíveis

Leia mais

NVDA NonVisual Desktop Access

NVDA NonVisual Desktop Access NVDA NonVisual Desktop Access André C. dos Santos; Bruno C. de Oliveira; Caio C. L. Bastos; Dan Shinkai; Daniel B. Moreira; Daniel P. Barreto Escola de Artes, Ciências e Humanidades USP São Paulo Keywords:

Leia mais

I Simpósio Internacional de Tecnologia Assistiva do CNRTA Softwares de Acessibilidade

I Simpósio Internacional de Tecnologia Assistiva do CNRTA Softwares de Acessibilidade I Simpósio Internacional de Tecnologia Assistiva do CNRTA Softwares de Acessibilidade Andréa Poletto Sonza Junho de 2014 Tecnologia Assistiva Recursos: Estão incluídos brinquedos e roupas adaptadas, computadores,

Leia mais

OS RECURSOS COMPUTACIONAIS AUXILIANDO OS DEFICIENTES VISUAIS

OS RECURSOS COMPUTACIONAIS AUXILIANDO OS DEFICIENTES VISUAIS OS RECURSOS COMPUTACIONAIS AUXILIANDO OS DEFICIENTES VISUAIS 2011 Fabíola Magda Andrade Ventavoli Bacharel em Ciências da Computação, Licenciada em Matemática e Computação. Pós-graduada em Psicopedagogia

Leia mais

Tecnologias de Informação voltadas para pessoas com deficiência visual

Tecnologias de Informação voltadas para pessoas com deficiência visual Tecnologias de Informação voltadas para pessoas com deficiência visual (Technologies of Information destined to peoples with visual deficiency) Daniela Ragazzi dos Santos 1 ; Sérgio Ricardo Borges 2 1

Leia mais

A Pessoa com Deficiência Visual

A Pessoa com Deficiência Visual A Pessoa com Deficiência Visual Definição oftalmológica de deficiência visual Cegueira parcial (legal ou profissional): capaz de contar dedos a curta distância, identificar vultos, luminosidade e origem

Leia mais

Síntese de voz panorama tecnológico ANTONIO BORGES

Síntese de voz panorama tecnológico ANTONIO BORGES Síntese de voz panorama tecnológico ANTONIO BORGES Quase todos nós vamos precisar de óculos um dia (a menos que a tecnologia médica promova a substituição deste artefato por alguma outra coisa tecnológica,

Leia mais

Deficiências. Deficiência Física Deficiência Auditiva Deficiência Visual Deficiência Mental Deficiência Múltipla. Tem dificuldade para:

Deficiências. Deficiência Física Deficiência Auditiva Deficiência Visual Deficiência Mental Deficiência Múltipla. Tem dificuldade para: Deficiências Deficiência Física Deficiência Auditiva Deficiência Visual Deficiência Mental Deficiência Múltipla Tem dificuldade para: ver a tela usar o mouse usar o teclado ler um texto ouvir um som navegar

Leia mais

TECNOLOGIA ASSISTIVA E ACESSIBILIDADE À WEB. Projeto de Acessibilidade Virtual - RENAPI Maio/2010

TECNOLOGIA ASSISTIVA E ACESSIBILIDADE À WEB. Projeto de Acessibilidade Virtual - RENAPI Maio/2010 TECNOLOGIA ASSISTIVA E ACESSIBILIDADE À WEB Projeto de Acessibilidade Virtual - RENAPI Maio/2010 Tecnologia Assistiva Expressão utilizada para identificar todo o arsenal de recursos e serviços que contribuem

Leia mais

Análise das características dos sistemas de Informação para deficientes visuais no Brasil baseado na norma NBR ISO/IEC 9126

Análise das características dos sistemas de Informação para deficientes visuais no Brasil baseado na norma NBR ISO/IEC 9126 Análise das características dos sistemas de Informação para deficientes visuais no Brasil baseado na norma NBR ISO/IEC 9126 Ciro Luís Theodoro Faculdade de Tecnologia de São Paulo São Paulo Brasil cirotheodoro@hotmail.com

Leia mais

Usabilidade e Acessibilidade na Web: Uma análise destes conceitos do ponto de vista de um deficiente visual

Usabilidade e Acessibilidade na Web: Uma análise destes conceitos do ponto de vista de um deficiente visual Usabilidade e Acessibilidade na Web: Uma análise destes conceitos do ponto de vista de um deficiente visual Gláucio Brandão de MATOS 1 ; Alisson RIBEIRO 2 ; Gabriel da SILVA 2 1 Ex-aluno do Curso Superior

Leia mais

Título do trabalho: Entre ledores humanos e leitores digitais

Título do trabalho: Entre ledores humanos e leitores digitais Temática(s):Acessibilidade em Cultura e Educação Tipo de Trabalho: Relatos de Experiências Título do trabalho: Entre ledores humanos e leitores digitais Autores e Filiações: Arnais, Magali Ap. Oliveira

Leia mais

Análise do formato semanal do AVEA Moodle utilizando o padrão WCAG 2.0 para alunos cegos

Análise do formato semanal do AVEA Moodle utilizando o padrão WCAG 2.0 para alunos cegos 10 Edição-2015 Análise do formato semanal do AVEA Moodle utilizando o padrão WCAG 2.0 para alunos cegos Eduardo Dalcin¹, Ana Cláudia Pavão Siluk² ¹Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Farroupilha

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº, DE, DE, DE 2013.

PROJETO DE LEI Nº, DE, DE, DE 2013. A Sua Excelência o Senhor Vereador JUARES CARLOS HOY Presidente da Câmara Municipal de Canoas PROJETO DE LEI Nº, DE, DE, DE 2013. Senhor Presidente, O Vereador Pedro Bueno, Vice-líder da Bancada do Partido

Leia mais

FACULDADES METROPOLITANAS UNIDAS - FMU. Alexandre Tomaz do Santos Lima. Felipe Aranda Costa. Giovani Silva. Jefferson Gonçalves Botelho

FACULDADES METROPOLITANAS UNIDAS - FMU. Alexandre Tomaz do Santos Lima. Felipe Aranda Costa. Giovani Silva. Jefferson Gonçalves Botelho FACULDADES METROPOLITANAS UNIDAS - FMU Alexandre Tomaz do Santos Lima Felipe Aranda Costa Giovani Silva Jefferson Gonçalves Botelho Desenvolvimento de Software Livre para Deficientes Visuais SÃO PAULO

Leia mais

Recursos e Estratégias para o Ensino de Pessoas com Cegueira e Baixa Visão. Professora Valdirene Stiegler Simão valdirene.simao@gmail.

Recursos e Estratégias para o Ensino de Pessoas com Cegueira e Baixa Visão. Professora Valdirene Stiegler Simão valdirene.simao@gmail. Recursos e Estratégias para o Ensino de Pessoas com Cegueira e Baixa Visão Professora Valdirene Stiegler Simão valdirene.simao@gmail.com Deficiência Visual O que é deficiência visual? O que é baixa visão?

Leia mais

1o. Seminário Gestão de Informação Jurídica em Espaços Digitais. Acessibilidade. Prof. José Antonio Borges NCE/UFRJ Fev / 2007

1o. Seminário Gestão de Informação Jurídica em Espaços Digitais. Acessibilidade. Prof. José Antonio Borges NCE/UFRJ Fev / 2007 1o. Seminário Gestão de Informação Jurídica em Espaços Digitais Acessibilidade Prof. José Antonio Borges NCE/UFRJ Fev / 2007 Entendendo o problema: Porque desenvolver sistemas que permitam o acesso a pessoas

Leia mais

Desenvolvimento de um Objetos e Aprendizagem para Portadores de visão subnormal a partir do uso de conceitos e técnicas de acessibilidade

Desenvolvimento de um Objetos e Aprendizagem para Portadores de visão subnormal a partir do uso de conceitos e técnicas de acessibilidade Desenvolvimento de um Objetos e Aprendizagem para Portadores de visão subnormal a partir do uso de conceitos e técnicas de acessibilidade Cristina Silveira Otto, Patrícia Mariotto Mozzaquatro Universidade

Leia mais

e-mag Checklist de Acessibilidade Manual para Deficientes Visuais

e-mag Checklist de Acessibilidade Manual para Deficientes Visuais Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação Departamento de Governo Eletrônico Ministério da Educação Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica

Leia mais

Desenvolvimento de um CMS 1 para a criação e publicação de web sites acessíveis por deficientes visuais.

Desenvolvimento de um CMS 1 para a criação e publicação de web sites acessíveis por deficientes visuais. Desenvolvimento de um CMS 1 para a criação e publicação de web sites acessíveis por deficientes visuais. Tales Henrique José MOREIRA 1 ; Gabriel da SILVA 2 ; 1 Estudante de Tecnologia em Sistemas para

Leia mais

MANUAL DO NVDA Novembro de 2013

MANUAL DO NVDA Novembro de 2013 MANUAL DO NVDA Novembro de 2013 PROJETO DE ACESSIBILIDADE VIRTUAL Núcleo IFRS Manual do NVDA Sumário O que são leitores de Tela?... 3 O NVDA - Non Visual Desktop Access... 3 Procedimentos para Download

Leia mais

Procedimentos para a análise de acessibilidade de sites

Procedimentos para a análise de acessibilidade de sites Procedimentos para a análise de acessibilidade de sites Agebson Rocha Façanha, Renato Busatto Figueiredo, Phyllipe do Carmo Félix Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE) Campus

Leia mais

Título do trabalho: Acessibilidade do espaço físico da Biblioteca Dante Moreira Leite

Título do trabalho: Acessibilidade do espaço físico da Biblioteca Dante Moreira Leite Temática(s): Acessibilidade do espaço físico Tipo de Trabalho: Relato de Experiência Título do trabalho: Acessibilidade do espaço físico da Biblioteca Dante Moreira Leite Autora e Filiação: Sampaio, M.

Leia mais

PROJETO DE ACESSIBILIDADE VIRTUAL DO IFRS Manual Rápido do NVDA. Sumário

PROJETO DE ACESSIBILIDADE VIRTUAL DO IFRS Manual Rápido do NVDA. Sumário PROJETO DE ACESSIBILIDADE VIRTUAL DO IFRS Manual Rápido do NVDA Sumário O que são leitores de Tela?... 1 O NVDA - Non Visual Desktop Access... 1 Procedimentos para Download e Instalação do NVDA... 2 Iniciando

Leia mais

Egressa do Curso de Gestão da Tecnologia da Informação da FAI Faculdades de Itapiranga. E-mail: mag_rech@hotmail.com. 2

Egressa do Curso de Gestão da Tecnologia da Informação da FAI Faculdades de Itapiranga. E-mail: mag_rech@hotmail.com. 2 FERRAMENTAS PARA DEFICIENTES VISUAIS NO ESTUDO A DISTÂNCIA UTILIZANDO O AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM MOODLE Magali Rech Schenckel 1 Silviane Lawall Soares 2 Resumo: A demanda por uma inclusão social

Leia mais

Overview de softwares leitores de tela utilizados no processo de aprendizagem de deficientes visuais a serem usados no âmbito do IFRN

Overview de softwares leitores de tela utilizados no processo de aprendizagem de deficientes visuais a serem usados no âmbito do IFRN Overview de softwares leitores de tela utilizados no processo de aprendizagem de deficientes visuais a serem usados no âmbito do IFRN Manoel Honório Romão 1, Íria Caline Saraiva Cosme 1 1 Instituto Federal

Leia mais

Inclusão digital de Deficientes Visuais: O uso da Tecnologia Assistiva em Redes Sociais online e Celulares

Inclusão digital de Deficientes Visuais: O uso da Tecnologia Assistiva em Redes Sociais online e Celulares Inclusão digital de Deficientes Visuais: O uso da Tecnologia Assistiva em Redes Sociais online e Celulares Robson A. Campêlo 1, José Almir F. M. Júnior 12, Márcia M. Tabosa 1, Ana H. Carneiro 1 1 Faculdade

Leia mais

A INCLUSÃO DIGITAL COMO FATOR SIGNIFICATIVO PARA A INCLUSÃO SOCIAL. Autores: Carlo Schneider, Roberto Sussumu Wataya, Adriano Coelho

A INCLUSÃO DIGITAL COMO FATOR SIGNIFICATIVO PARA A INCLUSÃO SOCIAL. Autores: Carlo Schneider, Roberto Sussumu Wataya, Adriano Coelho A INCLUSÃO DIGITAL COMO FATOR SIGNIFICATIVO PARA A INCLUSÃO SOCIAL Autores: Carlo Schneider, Roberto Sussumu Wataya, Adriano Coelho OBJETIVO Analisar os conceitos de inclusão digital e inclusão social

Leia mais

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia. IF baiano Turno: matutino Nome: Almiro,Erica,Flavia,Valdinéia Professora: Laís 2015

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia. IF baiano Turno: matutino Nome: Almiro,Erica,Flavia,Valdinéia Professora: Laís 2015 Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia. IF baiano Turno: matutino Nome: Almiro,Erica,Flavia,Valdinéia Professora: Laís 2015 DISTRIBUIÇÃOS PARA DEFICIENTES DISTRIBUIÇÕES linuxacessivel.org

Leia mais

APRESENTAÇÃO E UTILIZAÇÃO DO SOFTWARE DOSVOX PARA PROFESSORES DO SERVIÇO DE ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO - SAEDE/DV DEFICIENTES VISUAIS

APRESENTAÇÃO E UTILIZAÇÃO DO SOFTWARE DOSVOX PARA PROFESSORES DO SERVIÇO DE ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO - SAEDE/DV DEFICIENTES VISUAIS SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO CIÊNCIA E TECNOLOGIA GERÊNCIA REGIONAL DE EDUCACÃO E INOVAÇÃO 21ª GECCT NÚCLEO DE TECNOLOGIA EDUCACIONAL CRICIÚMA - SC APRESENTAÇÃO E UTILIZAÇÃO DO SOFTWARE DOSVOX PARA

Leia mais

Informática, Internet e multimídia

Informática, Internet e multimídia Informática, Internet e multimídia 1 Unidades de Armazenamento Dispositivos de armazenamento secundário Disquete Disco compacto Disco rígido Disco de vídeo digital 2 Memória Secundária A MEMÓRIA SECUNDÁRIA

Leia mais

SEMANA NACIONAL DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA 2014 FORMULÁRIO PARA SUBMISSÃO DE PROJETOS

SEMANA NACIONAL DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA 2014 FORMULÁRIO PARA SUBMISSÃO DE PROJETOS SEMANA NACIONAL DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA 2014 FORMULÁRIO PARA SUBMISSÃO DE PROJETOS Formulário para submissão de projeto Dados do Projeto e do (a) Orientador (a) do Projeto Título do Projeto: Um aplicativo

Leia mais

Análise de softwares leitores de telas no Ambiente Virtual de Aprendizagem Moodle: Um estudo através de requisitos de qualidade de software

Análise de softwares leitores de telas no Ambiente Virtual de Aprendizagem Moodle: Um estudo através de requisitos de qualidade de software Análise de softwares leitores de telas no Ambiente Virtual de Aprendizagem Moodle: Um estudo através de requisitos de qualidade de software Clóvis Silveira 1, Marcelo Henrique Euzebio Batista 2 1 Pontifícia

Leia mais

Educação Inclusiva: práticas pedagógicas estruturadas pela acessibilidade digital

Educação Inclusiva: práticas pedagógicas estruturadas pela acessibilidade digital Educação Inclusiva: práticas pedagógicas estruturadas pela acessibilidade digital 1 Paulo Cesar Turci Maria da Piedade Resende da Costa Universidade Federal de São Carlos - UFSCar Conselho Nacional de

Leia mais

Tecnologia, Acessibilidade e Inclusão

Tecnologia, Acessibilidade e Inclusão Tecnologia, Acessibilidade e Inclusão Professor Agebson Rocha Façanha Apoio PALESTRA 13 de novembro de 2012 Nem todas as pessoas têm possibilidade de acessar os recursos de hardware e software que o mundo

Leia mais

Londrina, 29 a 31 de outubro de 2007 ISBN 978-85-99643-11-2

Londrina, 29 a 31 de outubro de 2007 ISBN 978-85-99643-11-2 EDUCAÇÃO INCLUSIVA: OS SOFTWARE S EDUCATIVOS UTILIZADOS POR DEFICIÊNTES VISUAIS Odejair Carlos de Quadros - Faculdades Maringá-PR Cristiane de Q. Mansanera - Universidade Federal do Tocantins-UFT Adriano

Leia mais

Em que consiste o DOSVOX O programa é composto por:

Em que consiste o DOSVOX O programa é composto por: Projeto DOSVOX O que é o DOSVOX O DOSVOX é um sistema para microcomputadores que se comunica com o usuário através de síntese de voz, viabilizando, deste modo, o uso de computadores por deficientes visuais,

Leia mais

AprenDER: Ferramenta de Apoio à Construção de Diagrama Entidade Relacionamento para Deficientes Visuais

AprenDER: Ferramenta de Apoio à Construção de Diagrama Entidade Relacionamento para Deficientes Visuais AprenDER: Ferramenta de Apoio à Construção de Diagrama Entidade Relacionamento para Deficientes Visuais Rafael L. Magalhães, Michelle M. F. Neto Coordenação de Informática Instituto Federal Fluminense

Leia mais

A UTILIZAÇÃO DE SOFTWARES EDUCACIONAIS NO APRENDIZADO DE PESSOAS DE NECESSIDADES ESPECIAIS NAS INSTITUIÇOES DE NÍVEL SUPERIOR NORTE-RIOGRANDENSES

A UTILIZAÇÃO DE SOFTWARES EDUCACIONAIS NO APRENDIZADO DE PESSOAS DE NECESSIDADES ESPECIAIS NAS INSTITUIÇOES DE NÍVEL SUPERIOR NORTE-RIOGRANDENSES A UTILIZAÇÃO DE SOFTWARES EDUCACIONAIS NO APRENDIZADO DE PESSOAS DE NECESSIDADES ESPECIAIS NAS INSTITUIÇOES DE NÍVEL SUPERIOR NORTE-RIOGRANDENSES Santos, A. E.; Nobre, C. A.; Cabral, F. H.; Oliveira, J.

Leia mais

A ESCURIDÃO E A FALTA DE INFORMAÇÃO: as dificuldades de acessibilidade, uso e recuperação da informação na internet para usuários cegos 1.

A ESCURIDÃO E A FALTA DE INFORMAÇÃO: as dificuldades de acessibilidade, uso e recuperação da informação na internet para usuários cegos 1. UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS CURSO DE BIBLIOTECONOMIA DIRETÓRIO ACADÊMICO DE BIBLIOTECONOMIA XIV Encontro Regional de Estudantes de Biblioteconomia, Documentação, Ciência

Leia mais

Manual de Usuário. Gestion Libre de Parc Informatique (Gestão Livre de Parque de Informática) Versão 1.1 NRC

Manual de Usuário. Gestion Libre de Parc Informatique (Gestão Livre de Parque de Informática) Versão 1.1 NRC Manual de Usuário Gestion Libre de Parc Informatique (Gestão Livre de Parque de Informática) Versão 1.1 NRC Manual do Usuário GLPI 1. Introdução 3 2. Acessando o GLPI 4 3. Entendendo o processo de atendimento

Leia mais

Rodovia Washington Luiz, Km 235 - Caixa Postal 676 13565-905 - São Carlos-SP Tel/Fax: (16) 3351-8357, Tel: (16) 3351-8487 e-mail: edufscee@ufscar.

Rodovia Washington Luiz, Km 235 - Caixa Postal 676 13565-905 - São Carlos-SP Tel/Fax: (16) 3351-8357, Tel: (16) 3351-8487 e-mail: edufscee@ufscar. SOFTWARES DE ACESSIBILIDADE DOSVOX E VIRTUAL VISION E A EQUIPARAÇÃO DE OPORTUNIDADES Maria da Piedade Resende da Costa¹ Paulo Cesar Turci² Universidade Federal de São Carlos Programa de Pós-Graduação em

Leia mais

Roteiro sobre Projeto Final do curso Metodologia para Desenvolvimento de Objetos de Aprendizagem

Roteiro sobre Projeto Final do curso Metodologia para Desenvolvimento de Objetos de Aprendizagem Roteiro sobre Projeto Final do curso Metodologia para Desenvolvimento de Objetos de Aprendizagem Este roteiro tem como objetivo apresentar o projeto final do curso. Você deverá elaborar um projeto para

Leia mais

ACESSIBILIDADE NA WEB CONTRIBUINDO COM O FAZER PEDAGÓGICO NA EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA

ACESSIBILIDADE NA WEB CONTRIBUINDO COM O FAZER PEDAGÓGICO NA EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA ACESSIBILIDADE NA WEB CONTRIBUINDO COM O FAZER PEDAGÓGICO NA EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA Florianópolis 05/2009 Solange Cristina da Silva Centro de Educação a Distância/UDESC psolange@virtual.udesc.br Métodos

Leia mais

e-mag Modelo Brasileiro de Acessibilidade em Governo Eletrônico

e-mag Modelo Brasileiro de Acessibilidade em Governo Eletrônico e-mag Modelo Brasileiro de Acessibilidade em Governo Eletrônico Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação Departamento de Governo Eletrônico Ae-MAG

Leia mais

Uma ferramenta de ensino de circuitos lógicos para deficientes visuais

Uma ferramenta de ensino de circuitos lógicos para deficientes visuais Uma ferramenta de ensino de circuitos lógicos para deficientes visuais Igor Steinmacher 1, Igor Scaliante Wiese 1 1 UTFPR - Universidade Tecnológica Federal do Paraná BR 369 - km 0,5 - Caixa Postal 271

Leia mais

O USO DA INFORMÁTICA NO PROCESSO DE ENSINO EM LÍNGUA PORTUGUESA COM O USO DO SOFTWARE VIRTUAL VISION

O USO DA INFORMÁTICA NO PROCESSO DE ENSINO EM LÍNGUA PORTUGUESA COM O USO DO SOFTWARE VIRTUAL VISION O USO DA INFORMÁTICA NO PROCESSO DE ENSINO EM LÍNGUA PORTUGUESA COM O USO DO SOFTWARE VIRTUAL VISION Toni Amorim de OLIVEIRA 1 Marcelo Barcelos RODRIGUES 2 0. Introdução Desde a sua invenção o computador

Leia mais

SaUni Sistema de Acompanhamento Acadêmico. do Curso UniRede de Formação em EAD. Área Temática: A capacitação dos docentes

SaUni Sistema de Acompanhamento Acadêmico. do Curso UniRede de Formação em EAD. Área Temática: A capacitação dos docentes SaUni Sistema de Acompanhamento Acadêmico do Curso UniRede de Formação em EAD Área Temática: A capacitação dos docentes no uso das novas tecnologias da informação e da comunicação Polak, Ymiracy Nascimento

Leia mais

PARECER TÉCNICO. Referência: parecer requisitos de acessibilidade em aparelhos de telefonia móvel 1. A ONCB: CONCEITO, ATUAÇÃO E OBJETIVOS.

PARECER TÉCNICO. Referência: parecer requisitos de acessibilidade em aparelhos de telefonia móvel 1. A ONCB: CONCEITO, ATUAÇÃO E OBJETIVOS. Inscrição do CNPJ / MF: 10.400.386/0001-82 Escritório Brasília SCS Quadra 1 Bloco B Sala 307 Brasília - DF Cep: 70308-900 E Telefone: (61) 3041-8288 E-mail: brasilia@oncb.org.br PARECER TÉCNICO Referência:

Leia mais

gtext2vox - Software Livre de Auxílio à Educação de Invisuais

gtext2vox - Software Livre de Auxílio à Educação de Invisuais gtext2vox - Software Livre de Auxílio à Educação de Invisuais José Humberto da Silva Soares 28/04/2012 lindrix@gmail.com Temáticas Introdução; Educação Regular e Especial; GText2Vox; GText2Vox Arquitetura;

Leia mais

Unidade 13: Acessibilidade de OA

Unidade 13: Acessibilidade de OA Autoria: Braga, Juliana Cristina; França, Roberta Kelly A. de; Ponchio, Rita A... Estamos na fase final do processo INTERA, é importante que as etapas onde se trabalham as qualidades técnicas e pedagógicas

Leia mais

Modernização de software desktop legado para suporte à acessibilidade para usuários com deficiência visual: um estudo de caso

Modernização de software desktop legado para suporte à acessibilidade para usuários com deficiência visual: um estudo de caso Modernização de software desktop legado para suporte à acessibilidade para usuários com deficiência visual: um estudo de caso Livia Cristina Gabos Martins, Bruno Elias Penteado, Márcia Mayumi Haga, Geysler

Leia mais

PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO DE FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA (FIC)

PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO DE FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA (FIC) SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SERTÃO PERNAMBUCANO PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO E CULTURA PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO DE FORMAÇÃO INICIAL

Leia mais

Softwares de Acessibilidade (DOSVOX) Guia de Consulta

Softwares de Acessibilidade (DOSVOX) Guia de Consulta Universidade de Santo Amaro Softwares de Acessibilidade (DOSVOX) Guia de Consulta São Paulo, 2012. Índice 1. Instalação... 2. DOSVOX... 1 2.1. Testar teclado... 2 2.2. Editar Texto... 3 2.3. Ler Texto...

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA. Núcleo de Tecnologia da Informação e Comunicação Coordenadoria de Educação a Distância MCONF

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA. Núcleo de Tecnologia da Informação e Comunicação Coordenadoria de Educação a Distância MCONF UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA Núcleo de Tecnologia da Informação e Comunicação Coordenadoria de Educação a Distância MCONF RESULTADOS DO EXPERIMENTO 5 Endereço da Sala: http://mconf.rnp.br/webconf/unipampa.

Leia mais

Unidade 4: Contextualização de Objetos de Aprendizagem

Unidade 4: Contextualização de Objetos de Aprendizagem Coordenação: Juliana Cristina Braga Autoria: Rita Ponchio Você aprendeu na unidade anterior a importância da adoção de uma metodologia para a construção de OA., e também uma descrição geral da metodologia

Leia mais

A CONTRIBUIÇÃO DA INFORMÁTICA PARA ACESSIBILIDADE DE PESSOAS COM DEFICIÊNCIA NO INSTITUTO FEDERAL DO AMAZONAS ATRAVÉS DO PROJETO CURUPIRA

A CONTRIBUIÇÃO DA INFORMÁTICA PARA ACESSIBILIDADE DE PESSOAS COM DEFICIÊNCIA NO INSTITUTO FEDERAL DO AMAZONAS ATRAVÉS DO PROJETO CURUPIRA A CONTRIBUIÇÃO DA INFORMÁTICA PARA ACESSIBILIDADE DE PESSOAS COM DEFICIÊNCIA NO INSTITUTO FEDERAL DO AMAZONAS ATRAVÉS DO PROJETO CURUPIRA Tássia Patricia Silva do Nascimento; Dalmir Pacheco de Souza Instituto

Leia mais

6º Semestre de SISTEMAS DE INFORMAÇÃO. - 6 Inscritos -

6º Semestre de SISTEMAS DE INFORMAÇÃO. - 6 Inscritos - 6º Semestre de SISTEMAS DE INFORMAÇÃO - 6 Inscritos - Tema: [Área 9]: Comunidade - Tema: 4. Iniciativas para a redução das desigualdades sociais Título: Aplicação de IHC para Inclusão Social e Digital

Leia mais

Acessibilidade Web na Universidade O que é? Por quê? Como Fazer? Amanda Meincke Melo amanda.melo@unipampa.edu.br http://ammelobr.blogspot.

Acessibilidade Web na Universidade O que é? Por quê? Como Fazer? Amanda Meincke Melo amanda.melo@unipampa.edu.br http://ammelobr.blogspot. Acessibilidade Web na Universidade O que é? Por quê? Como Fazer? Amanda Meincke Melo amanda.melo@unipampa.edu.br http://ammelobr.blogspot.com/ 2 Agenda Conceitos Acessibilidade Web Cenários Estudos de

Leia mais

Deficiência Visual. Eficiência Tátil Inteligência - Adaptações. V Compartilhando Eficiências. Seção de Educação Especial SEE - DE

Deficiência Visual. Eficiência Tátil Inteligência - Adaptações. V Compartilhando Eficiências. Seção de Educação Especial SEE - DE Deficiência Visual Eficiência Tátil Inteligência - Adaptações V Compartilhando Eficiências Seção de Educação Especial SEE - DE a voar como os pássaros, Temos aprendido a nadar como os peixes, Mas ainda

Leia mais

4 O Projeto: Estudo de caso LED / IBC

4 O Projeto: Estudo de caso LED / IBC 45 4 O Projeto: Estudo de caso LED / IBC A tecnologia ligada à acessibilidade ajuda a minimizar as dificuldades encontradas entre pessoas com deficiências ao acesso a diversos formatos de informação. Do

Leia mais

ENGENHARIA DE USABILIDADE Unidade V Acessibilidade à Web. Luiz Leão luizleao@gmail.com http://www.luizleao.com

ENGENHARIA DE USABILIDADE Unidade V Acessibilidade à Web. Luiz Leão luizleao@gmail.com http://www.luizleao.com Luiz Leão luizleao@gmail.com http://www.luizleao.com Conteúdo Programático Conceitos e Importância Projeto e desenvolvimento de Web acessível Acessibilidade É o processo e as técnicas usadas para criar

Leia mais

Five Com lança portal do Senai-ES com acesso para deficiente visual

Five Com lança portal do Senai-ES com acesso para deficiente visual Vitória (ES), 27 de junho de 2007 Five Com lança portal do Senai-ES com acesso para deficiente visual O lançamento será realizado nesta sexta-feira (29), às 20 horas, na Bienal do Livro, que acontece no

Leia mais

AÇÕES DE GESTÃO DO CONHECIMENTO NA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA: COMPARTILHAMENTO DE EXPERIÊNCIAS EUGÊNIA BELÉM CALAZANS COELHO

AÇÕES DE GESTÃO DO CONHECIMENTO NA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA: COMPARTILHAMENTO DE EXPERIÊNCIAS EUGÊNIA BELÉM CALAZANS COELHO AÇÕES DE GESTÃO DO CONHECIMENTO NA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA: COMPARTILHAMENTO DE EXPERIÊNCIAS EUGÊNIA BELÉM CALAZANS COELHO A DEMOCRATIZAÇÃO DO ACESSO À INFORMAÇÃO EM SAÚDE: ACESSIBILIDADE DA BVS MS ÀS PESSOAS

Leia mais

TECNOLOGIAS WEB AULA 8 PROF. RAFAEL DIAS RIBEIRO @RIBEIRORD

TECNOLOGIAS WEB AULA 8 PROF. RAFAEL DIAS RIBEIRO @RIBEIRORD TECNOLOGIAS WEB AULA 8 PROF. RAFAEL DIAS RIBEIRO @RIBEIRORD Objetivos: Apresentar os principais problemas de acessibilidade na Internet. Apresentar as principais deficiências e as tecnologias de apoio.

Leia mais

ALUNOS COM CEGUEIRA: CARACTERÍSITICAS, AULAS E RECURSOS.

ALUNOS COM CEGUEIRA: CARACTERÍSITICAS, AULAS E RECURSOS. ALUNOS COM CEGUEIRA: CARACTERÍSITICAS, AULAS E RECURSOS. Camila Simões Pires ABRIL/2013 SUMÁRIO 1. Deficiência visual Características(Definição); 2. Recursos e Tecnologias assistivas; 3. Adaptações curriculares;

Leia mais

Dosvox Implementado nos Laboratórios do ProInfo com o Linux Educacional: Uma Proposta de Abordagem Pedagógica 1

Dosvox Implementado nos Laboratórios do ProInfo com o Linux Educacional: Uma Proposta de Abordagem Pedagógica 1 Dosvox Implementado nos Laboratórios do ProInfo com o Linux Educacional: Uma Proposta de Abordagem Pedagógica 1 Henderson Tavares de SOUZA 2 Luiz César MARTINI 3 Faculdade de Engenharia Elétrica e de Computação

Leia mais

Buscando Acessibilidade em Ambientes de EAD. Andréa Poletto Sonza e Daniela Menegotto CEFET Bento Gonçalves RS Junho 2008

Buscando Acessibilidade em Ambientes de EAD. Andréa Poletto Sonza e Daniela Menegotto CEFET Bento Gonçalves RS Junho 2008 Buscando Acessibilidade em Ambientes de EAD Andréa Poletto Sonza e Daniela Menegotto CEFET Bento Gonçalves RS Junho 2008 Tecnologia Assistiva CONCEITO: conjunto de artefatos disponibilizados às PNEs, que

Leia mais

ESTUDO DE FERRAMENTAS DE ACESSIBILIDADE PARA PORTADORES DE DEFICIÊNCIA VISUAL NO GNU/LINUX MAXIWELL SALVADOR GARCIA, ANDERSON LUIZ MENEZES 1

ESTUDO DE FERRAMENTAS DE ACESSIBILIDADE PARA PORTADORES DE DEFICIÊNCIA VISUAL NO GNU/LINUX MAXIWELL SALVADOR GARCIA, ANDERSON LUIZ MENEZES 1 ESTUDO DE FERRAMENTAS DE ACESSIBILIDADE PARA PORTADORES DE DEFICIÊNCIA VISUAL NO GNU/LINUX MAXIWELL SALVADOR GARCIA, ANDERSON LUIZ MENEZES 1 RESUMO. Uma das grandes dificuldades de quem possui necessidades

Leia mais

Thiago Corrêa da Silva Eduardo Stuhler Neves

Thiago Corrêa da Silva Eduardo Stuhler Neves Avaliação de Acessibilidade e adequação da interface do Repositório de Objetos de Aprendizagem para a Área de informática da UDESC com foco da Deficiência Visual Thiago Corrêa da Silva Eduardo Stuhler

Leia mais

Prefeitura de Guarulhos desenvolve o Guarux, sistema livre com foco educacional, profissional e em aplicativos acessíveis

Prefeitura de Guarulhos desenvolve o Guarux, sistema livre com foco educacional, profissional e em aplicativos acessíveis Prefeitura de Guarulhos desenvolve o Guarux, sistema livre com foco educacional, profissional e em aplicativos acessíveis Perfil Guarulhos é um dos 39 municípios da Grande São Paulo, região economicamente

Leia mais

PROPLAN Diretoria de Informações. Tutorial SisRAA Biblioteca

PROPLAN Diretoria de Informações. Tutorial SisRAA Biblioteca PROPLAN Tutorial SisRAA Biblioteca Ana Carla Macedo da Silva Jaciane do Carmo Ribeiro Diego da Costa Couto Mauro Costa da Silva Filho Dezembro 2014 SUMÁRIO 1. Menu: Acessibilidade... 3 1.1 Opção de menu:

Leia mais

MATRACA FERRAMENTA COMPUTACIONAL PARA AUXÍLIO A DEFICIENTES VISUAIS NO USO DO COMPUTADOR

MATRACA FERRAMENTA COMPUTACIONAL PARA AUXÍLIO A DEFICIENTES VISUAIS NO USO DO COMPUTADOR MATRACA FERRAMENTA COMPUTACIONAL PARA AUXÍLIO A DEFICIENTES VISUAIS NO USO DO COMPUTADOR Elloá B. Guedes da Costa Grupo PET Computação Acadêmica Ighor O. do Rêgo Barros Grupo PET Computação Acadêmico Joseana

Leia mais

AMBIENTES DIGITAIS VIRTUAIS: ACESSIBILIDADE AOS DEFICIENTES VISUAIS

AMBIENTES DIGITAIS VIRTUAIS: ACESSIBILIDADE AOS DEFICIENTES VISUAIS AMBIENTES DIGITAIS VIRTUAIS: ACESSIBILIDADE AOS DEFICIENTES VISUAIS Andréa Poletto Sonza 1 Lucila Maria Costi Santarosa 2 Resumo: O objetivo deste trabalho é fornecer noções básicas sobre os principais

Leia mais

UMA AÇÃO INCLUSIVA FRENTE ÀS TECNOLOGIAS ASSISTIVAS UTILIZADAS POR PESSOAS CEGAS

UMA AÇÃO INCLUSIVA FRENTE ÀS TECNOLOGIAS ASSISTIVAS UTILIZADAS POR PESSOAS CEGAS UMA AÇÃO INCLUSIVA FRENTE ÀS TECNOLOGIAS ASSISTIVAS UTILIZADAS POR PESSOAS CEGAS Carlene da Penha Santos - Graduanda/ UFPB Luzia Domiciano da Silva - Graduanda/ UFPB OBJETIVO Aproximar os alunos ditos

Leia mais

O uso do DOSVOX no Laboratório de Informática Educativa do IBC

O uso do DOSVOX no Laboratório de Informática Educativa do IBC O uso do DOSVOX no Laboratório de Informática Educativa do IBC Bianca Della Líbera Vanessa França da Silva Instituto Benjamin Constant Eixo Temático: Tecnologia assistiva Palavras chave: deficiência visual,

Leia mais

UM FRAMEWORK PARA DESENVOLVIMENTO DE

UM FRAMEWORK PARA DESENVOLVIMENTO DE UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO CENTRO DE INFORMÁTICA UM FRAMEWORK PARA DESENVOLVIMENTO DE APLICATIVOS EM WINDOWS MOBILE. PROPOSTA DE TRABALHO DE GRADUAÇÃO Aluno:

Leia mais

Tecnologias Assistivas

Tecnologias Assistivas Tecnologias Assistivas Novembro/2011 Elisa Tuler de Albergaria Departamento de Ciência da Computação INCLUSÃO NAS ESCOLAS: Oficinas do fazer e do pensar COM a diferença - 2011 Acessibilidade Acessibilidade

Leia mais

DESENVOLVIMENTO DE UM SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE CONTEÚDO ACESSÍVEL PARA DEFICIENTES VISUAIS ¹

DESENVOLVIMENTO DE UM SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE CONTEÚDO ACESSÍVEL PARA DEFICIENTES VISUAIS ¹ DESENVOLVIMENTO DE UM SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE CONTEÚDO ACESSÍVEL PARA DEFICIENTES VISUAIS ¹ Ernaque Viana Malta 1 ; Ronivaldo Roriz dos Santos 1 ; Woquiton Lima Fernandes 2 1 Estudante da 3ª série

Leia mais

Política Nacional de Educação Especial, na perspectiva da Educação Inclusiva (2008)

Política Nacional de Educação Especial, na perspectiva da Educação Inclusiva (2008) Política Nacional de Educação Especial, na perspectiva da Educação Inclusiva (2008) Público-alvo da Educação Especial Alunos com: surdez deficiência física, intelectual cegueira, baixa visão, surdocegueira

Leia mais

As potencialidades da Educação a Distância na escolarização e profissionalização da pessoa com deficiência no País

As potencialidades da Educação a Distância na escolarização e profissionalização da pessoa com deficiência no País Audiência Pública As potencialidades da Educação a Distância na escolarização e profissionalização da pessoa com deficiência no País Carlos Bielschowsky Secretário de Educação a Distância Dados globais

Leia mais

Uma Ferramenta de Autoria de Materiais Instrucionais com Símbolos Matemáticos Acessíveis a Deficientes Visuais

Uma Ferramenta de Autoria de Materiais Instrucionais com Símbolos Matemáticos Acessíveis a Deficientes Visuais Uma Ferramenta de Autoria de Materiais Instrucionais com Símbolos Matemáticos Acessíveis a Deficientes Visuais Jose Nilton B. Meira 1, Carlos C. Ferracini 1, Andre Luiz M. Gimenes 1, Fernando Henrique

Leia mais

IIH Introdução à Informática e Hardware

IIH Introdução à Informática e Hardware Prof. MSc. André Luis Gobbi Primo andre.gobbi@ifsp.edu.br INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SÃO PAULO - CAMPUS VOTUPORANGA Técnico em Manutenção e Suporte em Informática IIH Introdução

Leia mais

A importância da acessibilidade como mediadora da informação na internet para os deficientes visuais 1. Roberta Lucas SCATOLIM 2

A importância da acessibilidade como mediadora da informação na internet para os deficientes visuais 1. Roberta Lucas SCATOLIM 2 A importância da acessibilidade como mediadora da informação na internet para os deficientes visuais 1 Roberta Lucas SCATOLIM 2 RESUMO A Interação Humano - Computador permite a avaliação e solução de problemas

Leia mais

Certificado Digital e-cpf

Certificado Digital e-cpf Certificado Digital e-cpf Parabéns! Ao ter em mãos esse manual, significa que você adquiriu um certificado digital AC Link. Manual do Usuário 1 Índice Apresentação... 03 O que é um Certificado Digital?...

Leia mais

UMA EXTENSÃO AO AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM MOODLE PARA A ADAPTAÇÃO DE CONTEÚDOS A PORTADORES DE NECESSIDADES EDUCACIONAIS ESPECIAIS

UMA EXTENSÃO AO AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM MOODLE PARA A ADAPTAÇÃO DE CONTEÚDOS A PORTADORES DE NECESSIDADES EDUCACIONAIS ESPECIAIS UMA EXTENSÃO AO AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM MOODLE PARA A ADAPTAÇÃO DE CONTEÚDOS A PORTADORES DE NECESSIDADES EDUCACIONAIS ESPECIAIS Sérgio M. Baú Júnior* e Marco A. Barbosa* *Departamento de Informática

Leia mais

Oficina: ASES 2.0 Beta 6.0

Oficina: ASES 2.0 Beta 6.0 Oficina: ASES 2.0 Beta 6.0 André Luiz Andrade Rezende ¹ ¹Rede de Pesquisa e Inovação em Tecnologias Digitais (RENAPI) Doutorando em Educação e Contemporaneidade (UNEB) Estes slides são concedidos sob uma

Leia mais

Atualização sobre os produtos e serviços da BVS

Atualização sobre os produtos e serviços da BVS Atualização sobre os produtos e serviços da BVS http://brasil.bvs.br/reuniao-redebvs-2014/ #BVSBrasil2014 Renato Murasaki murasaki@paho.org Metodologias e Tecnologias de Informação Administração de Fontes

Leia mais

Humano-Computador (IHC)

Humano-Computador (IHC) 1 INF1403 Introdução a Interação Humano-Computador (IHC) Turma 3WA Professora: Clarisse Sieckenius de Souza Acessibilidade: Uma questão de lei e direitos humanos 15/Mar/2010 Stephen Hawking um dos maiores

Leia mais

Este tutorial está publicado originalmente em http://www.baboo.com.br/conteudo/modelos/?a=40917&z=327

Este tutorial está publicado originalmente em http://www.baboo.com.br/conteudo/modelos/?a=40917&z=327 Todos os meses mais de 5,1 milhões de internautas visitam o Fórum do BABOO. Lá todas as suas dúvidas e problemas de informática são solucionados gratuitamente pela nossa comunidade. Participe você também:

Leia mais

Configurações do Windows para Leitores de Tela

Configurações do Windows para Leitores de Tela MÓDULO DE ACESSIBILIDADE VIRTUAL - CEFET BG SIEP (SISTEMA DE INFORMAÇÃO DA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA) Configurações do Windows para Leitores de Tela Desenvolvido por Celio Marcos Dal Pizzol e

Leia mais