ANEXO I DEFINIÇÕES E INTERPRETAÇÃO. 2 ANEXO II CRONOGRAMA DA LICITAÇÃO. 3 ANEXO III TERMOS E CONDIÇÕES MÍNIMAS DO SEGURO-GARANTIA.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ANEXO I DEFINIÇÕES E INTERPRETAÇÃO. 2 ANEXO II CRONOGRAMA DA LICITAÇÃO. 3 ANEXO III TERMOS E CONDIÇÕES MÍNIMAS DO SEGURO-GARANTIA."

Transcrição

1 ANEXOS DO EDITAL ANEXO I DEFINIÇÕES E INTERPRETAÇÃO... 2 ANEXO II CRONOGRAMA DA LICITAÇÃO... 3 ANEXO III TERMOS E CONDIÇÕES MÍNIMAS DO SEGURO-GARANTIA... 5 ANEXO IV MODELO DE FIANÇA BANCÁRIA... 7 ANEXO V MODELO DE SOLICITAÇÃO DE ESCLARECIMENTOS ANEXO VI MODELO DE CARTA DE APRESENTAÇÃO DOS DOCUMENTOS DE HABILITAÇÃO ANEXO VII MODELO DE CARTA DE APRESENTAÇÃO DA PROPOSTA TÉCNICA ANEXO VII-A REQUISITOS DE PONTUAÇÃO DA PROPOSTA TÉCNICA ANEXO VIII MODELO DE CARTA DE APRESENTAÇÃO DA PROPOSTA COMERCIAL ANEXO IX MODELO DE DECLARAÇÃO DE REGULARIDADE COM O ARTIGO 7º, XXXIII, DA CONSTITUIÇÃO FEDERAL (REGULARIDADE TRABALHISTA) ANEXO X MODELO DE DECLARAÇÃO DE AUSÊNCIA DE IMPEDIMENTO PARA A PARTICIPAÇÃO NA LICITAÇÃO ANEXO XI MODELO DE DECLARAÇÃO DE CAPACIDADE FINANCEIRA ANEXO XII MODELO DE PROCURAÇÃO ANEXO XIII MINUTA DO CONTRATO

2 ANEXO I DEFINIÇÕES E INTERPRETAÇÃO [documento já disponibilizado em conjunto com o Edital de Concessão nº [ ]/2015] 2

3 ANEXO II CRONOGRAMA DA LICITAÇÃO Eventos Descrição do Evento Datas 1. Publicação do Edital. [ ] 2. Pedidos de Esclarecimentos. De [ ]/[ ]/2015 até às [ ]hs de [ ]/[ ]/ Publicação das respostas aos Pedidos de Esclarecimentos. [ ]/[ ]/ Termo final do prazo para impugnação ao Edital. [ ]/[ ]/ Data-limite para recebimento dos envelopes de: (i) Garantia de Proposta; (ii) Documentação de Habilitação; [ ]/[ ]/2015 (iii) Proposta Técnica; (iv) Proposta Comercial. 6. Publicação, no sítio eletrônico [ ], das Garantias de [ ]/[ ]/2015 Proposta não aceitas e sua motivação. A partir das [ ]hs 7. Abertura de prazo para a interposição de eventuais recursos acerca da análise das Garantias de Propostas. [ ]/[ ]/ Abertura de prazo para impugnação aos recursos acerca da análise das Garantias de Proposta. [ ]/[ ]/ Publicação do julgamento dos recursos acerca da análise das Garantias de Proposta. [ ]/[ ]/ Sessão Pública para abertura dos envelopes de [ ]/[ ]/2015 Documentação de Habilitação das Proponentes cujas Às [ ]hs Garantias de Proposta tiverem sido aceitas. 11. Publicação, no sítio eletrônico [ ], da análise a respeito da [ ]/[ ]/2015 Documentação de Habilitação. A partir das [ ]hs Abertura de prazo para a interposição de eventuais 12. recursos acerca da análise da Documentação de [ ]/[ ]/2015 Habilitação. 13. Abertura de prazo para impugnação aos recursos acerca da análise da Documentação de Habilitação. [ ]/[ ]/ Publicação do julgamento dos recursos acerca da análise da Documentação de Habilitação. [ ]/[ ]/2015 3

4 15. Sessão Pública para a abertura dos volumes de Proposta [ ]/[ ]/2015 Técnica das Proponentes que tiverem sido habilitadas. Às [ ]hs 16. Publicação, no sítio eletrônico [ ], do julgamento a [ ]/[ ]/2015 respeito das Propostas Técnicas. A partir das [ ]hs 17. Abertura de prazo para a interposição de eventuais recursos acerca do julgamento das Propostas Técnicas. [ ]/[ ]/ Abertura de prazo para impugnação aos recursos acerca do julgamento das Propostas Técnicas. [ ]/[ ]/ Publicação do julgamento dos recursos acerca do julgamento das Propostas Técnicas. [ ]/[ ]/ Sessão Pública para a abertura dos volumes de Proposta [ ]/[ ]/2015 Comercial. Às [ ]hs 21. Publicação, no sítio eletrônico [ ], do julgamento a [ ]/[ ]/2015 respeito das Propostas Comerciais. A partir das [ ]hs 22. Abertura de prazo para a interposição de eventuais recursos acerca do julgamento das Propostas Comerciais. [ ]/[ ]/ Abertura de prazo para impugnação aos recursos acerca do julgamento das Propostas Comerciais. [ ]/[ ]/ Publicação do julgamento dos recursos acerca do julgamento das Propostas Comerciais. [ ]/[ ]/ Homologação do resultado da Licitação. [ ]/[ ]/ Adjudicação do objeto da Licitação. [ ]/[ ]/ Comprovação, pelo Adjudicatário, de realização das providências para a assinatura do Contrato. [ ]/[ ]/ Assinatura do Contrato de Concessão. [ ]/[ ]/2015 4

5 ANEXO III TERMOS E CONDIÇÕES MÍNIMAS DO SEGURO-GARANTIA 1. Tomadora: [Proponente]. 2. Segurada: Secretaria Municipal de Infraestrutura e Obras 3. Objeto do Seguro: Garantir a indenização, no montante de R$ [ ] ([ ] reais), no caso de a Proponente descumprir quaisquer de suas obrigações decorrentes da Lei ou do Edital, incluindo o caso de ela ser convocada para assinar o Contrato de Concessão e não o fizer no prazo estabelecido no Edital de Concessão nº [ ]/2015 e nas condições ofertadas, ou caso a Proponente venha a desistir da presente Licitação, nos termos deste Edital. 4. Instrumento: Apólice de Seguro-Garantia emitida por seguradora devidamente constituída e autorizada a operar pela Superintendência de Seguros Privados SUSEP, observando os termos dos atos normativos da SUSEP e as condições estabelecidas no Edital. 5. Valor da Garantia: A Apólice de Seguro-Garantia deverá prever o montante de indenização de R$ [ ] ([ ] reais). 6. Prazo: A Apólice de Seguro-Garantia deverá ter prazo mínimo de validade de 180 (cento e oitenta) dias a contar do último dia do Período para Recebimento dos Envelopes, renovável nas hipóteses previstas no Edital de Concessão nº [ ]/ Disposições Adicionais: A Apólice de Seguro-Garantia deverá conter as seguintes disposições adicionais: (i) Declaração da Seguradora de que conhece e aceita todos os termos e condições do Edital de Concessão nº [ ]/2015; 5

6 (ii) Declaração da Seguradora de que efetuará o pagamento dos montantes aqui previstos no prazo máximo de 30 (trinta) dias, contados a partir da data de entrega de todos os documentos relacionados pela Seguradora como necessários à caracterização e à regulação do sinistro; (iii) Confirmado o descumprimento pela Tomadora das obrigações cobertas pela Apólice de Seguro-Garantia, a Segurada terá o direito de exigir da Seguradora a indenização devida, quando resultar infrutífera a notificação feita à Tomadora. Os termos que não tenham sido expressamente definidos neste Anexo terão os significados a eles atribuídos no Edital de Concessão nº [ ]/

7 ANEXO IV MODELO DE FIANÇA BANCÁRIA [local], [ ] de [ ] de À Secretaria Municipal de Infraestrutura e Obras Avenida Pirajá, Bairro Pirajá Município de Caxias, Estado do Maranhão Ref.: Edital de Concessão nº [ ]/2015 Carta de Fiança Bancária nº [ ] ( Carta de Fiança ) 1. Pela presente Carta de Fiança, o Banco [ ], com sede em [ ], inscrito no CNPJ/MF sob nº [ ] ( Banco Fiador ), diretamente por si e por seus eventuais sucessores, obriga-se perante o Município de Caxias como fiador solidário da Proponente [ ], com sede em [ ], inscrita no CNPJ/MF sob nº [ ] ( Afiançada ), com expressa renúncia dos direitos previstos nos artigos 827, 835, 837, 838 e 839 da Lei Federal nº , de 10 de janeiro de 2002 ( Código Civil Brasileiro ), pelo fiel cumprimento de todas as obrigações assumidas pela Afiançada no procedimento licitatório descrito no Edital de Concessão nº [ ]/2015, cujos termos, disposições e condições o Banco Fiador declara expressamente conhecer e aceitar. 2. Obriga-se o Banco Fiador a pagar ao Município de Caxias o valor total de R$ [ ] ([ ]) ( Fiança ) no caso de a Proponente descumprir quaisquer de suas obrigações decorrentes da Lei ou do Edital de Concessão nº [ ]/2015, incluindo se convocada para assinar o Contrato de Concessão não o fizer no prazo estabelecido no Edital e nas condições ofertadas, ou caso a Proponente venha a desistir da presente Licitação, nos termos deste Edital. 3. Obriga-se, ainda, o Banco Fiador, no âmbito do valor acima identificado, pelos prejuízos causados pela Afiançada, incluindo, mas não se limitando a multas aplicadas pelo 7

8 Município de Caxias relacionadas ao certame licitatório, comprometendo-se a efetuar os pagamentos oriundos destes prejuízos quando lhe forem exigidos, no prazo máximo de 48 (quarenta e oito) horas, contado a partir do recebimento, pelo Banco Fiador, da notificação escrita encaminhada pelo Município. 4. O Banco Fiador não alegará nenhuma objeção ou oposição da Afiançada ou por ela invocada para o fim de se escusar do cumprimento da obrigação assumida perante o Município de Caxias, nos termos desta Carta de Fiança. 5. Na hipótese de o Município de Caxias ingressar em juízo para demandar o cumprimento da obrigação a que se refere a presente Carta de Fiança, fica o Banco Fiador obrigado ao pagamento das despesas arbitrais, judiciais ou extrajudiciais. 6. A Fiança vigorará pelo prazo mínimo de 180 (cento e oitenta) dias a contar do último dia do Período para Recebimento dos Envelopes, renovável nas hipóteses previstas no Edital de Concessão nº [ ]/ Declara o Banco Fiador que: (i) A presente Carta de Fiança está devidamente contabilizada, observando integralmente os regulamentos do Banco Central do Brasil atualmente em vigor, além de atender aos preceitos da Legislação Bancária aplicável; (ii) Os signatários deste instrumento estão autorizados a prestar a Fiança em seu nome e em sua responsabilidade; (iii) Está autorizado pelo Banco Central do Brasil a expedir cartas de fiança, e que o valor da presente Carta de Fiança, no montante de R$ [ ] ([ ] reais), encontra-se dentro dos limites que lhe são autorizados pelo Banco Central do Brasil. 8

9 8. Os termos que não tenham sido expressamente definidos nesta Carta de Fiança terão os significados a eles atribuídos no Edital de Concessão nº [ ]/2015. [assinatura do(s) representante(s) legal(is), com firma(s) reconhecida(s)] Testemunhas: Nome: RG: Nome: RG: 9

10 ANEXO V MODELO DE SOLICITAÇÃO DE ESCLARECIMENTOS [local], [ ] de [ ] de À Secretaria Municipal de Infraestrutura e Obras Avenida Pirajá, Bairro Pirajá Município de Caxias, Estado do Maranhão Ref.: Edital de Concessão nº [ ]/2015 Solicitação de Esclarecimentos Prezados Senhores, [Cidadão ou empresa interessada na Licitação] apresenta a(s) seguinte(s) solicitação(ões) de esclarecimento(s) relativa(s) ao Edital de Concessão nº [ ]/2015. Número da questão N. Item ou Cláusula [Inserir item do Edital ou cláusula do Contrato ao qual o esclarecimento se refere]. [Inserir item do Edital ou cláusula do Contrato ao qual o esclarecimento se refere]. [Inserir item do Edital ou cláusula do Contrato ao qual o esclarecimento se refere]. [Inserir item do Edital ou cláusula do Contrato ao qual o esclarecimento se refere]. Esclarecimento Solicitado [Escrever, em forma clara e objetiva, o esclarecimento desejado em forma de pergunta]. [Escrever, em forma clara e objetiva, o esclarecimento desejado em forma de pergunta]. [Escrever, em forma clara e objetiva, o esclarecimento desejado em forma de pergunta]. [Escrever, em forma clara e objetiva, o esclarecimento desejado em forma de pergunta]. 10

11 Atenciosamente, [Assinatura do Cidadão/Interessado] Responsável para contato: [ ] Telefone: [ ] Endereço eletrônico: [ ] 11

12 ANEXO VI MODELO DE CARTA DE APRESENTAÇÃO DOS DOCUMENTOS DE HABILITAÇÃO [local], [ ] de [ ] de À Secretaria Municipal de Infraestrutura e Obras Avenida Pirajá, Bairro Pirajá Município de Caxias, Estado do Maranhão Ref.: Edital de Concessão nº [ ]/2015 Documentos de Habilitação Prezados Senhores, 1. [Proponente] ( Proponente ), por seu representante legal abaixo assinado, apresenta anexos os Documentos para sua Habilitação no certame em referência, nos termos do Edital de Concessão nº [ ]/2015, organizados consoante a ordem ali estabelecida. 2. A Proponente declara expressamente que tem pleno conhecimento dos termos do Edital em referência e que os aceita integralmente, em especial no que tange às faculdades conferidas à Comissão Especial de Licitação de conduzir diligências especiais para verificar a veracidade dos documentos apresentados e buscar quaisquer esclarecimentos necessários para elucidar as informações neles contidas. 3. A Proponente declara expressamente que atendeu a todos os requisitos e critérios para habilitação e apresentou os Documentos de Habilitação em conformidade com o Edital de Concessão nº [ ]/ A Proponente declara, ainda, que os Documentos de Habilitação ora apresentados são completos, verdadeiros e corretos em cada detalhe. 12

13 [Proponente] [assinatura do(s) representante(s) legal(is), com firma(s) reconhecida(s)] 13

14 ANEXO VII MODELO DE CARTA DE APRESENTAÇÃO DA PROPOSTA TÉCNICA [local], [ ] de [ ] de À Secretaria Municipal de Infraestrutura e Obras Avenida Pirajá, Bairro Pirajá Município de Caxias, Estado do Maranhão Ref.: Edital de Concessão nº [ ]/2015 Proposta Técnica Prezados Senhores, Em cumprimento ao disposto no item 4.1 do Edital de Concessão nº [ ]/2015, servimo-nos da presente para submeter nossa Proposta Técnica para execução do objeto da Licitação em referência, evidenciando as experiências e demais requisitos previstos no Anexo VII-A Requisitos de Pontuação da Proposta Técnica do Edital. Outrossim, aproveitamos o ensejo para declarar que: (i) Concordamos, integralmente e sem qualquer restrição, com as condições da contratação estabelecidas no Edital e na Minuta do Contrato; (ii) Manteremos válida esta Proposta Técnica pelo prazo de 180 (cento e oitenta) dias, contados do último dia do Período para Recebimento dos Envelopes; (iii) Temos pleno conhecimento do local e das condições de execução dos trabalhos e utilizaremos as equipes técnica e administrativa e os equipamentos adequados e necessários para a perfeita execução do objeto da Concessão, nos prazos programados; 14

15 (iv) Observaremos, rigorosamente, na execução dos serviços, as especificações do Contrato, de seus Anexos e das respectivas especificações técnicas, bem como as recomendações e instruções do Poder Concedente, assumindo, desde já, a integral responsabilidade pela realização de todos os trabalhos e serviços concernentes ao objeto da Concessão em conformidade com as especificações e os padrões desta Empresa e no melhor interesse do Município de Caxias. [Proponente] [assinatura do(s) representante(s) legal(is), com firma(s) reconhecida(s)] 15

16 ANEXO VII-A REQUISITOS DE PONTUAÇÃO DA PROPOSTA TÉCNICA 1. Requisitos da Proposta Técnica Este documento tem por finalidade definir os parâmetros a serem considerados pelas Proponentes na elaboração de suas Propostas Técnicas, em consonância com o item 4.1 do Edital, bem como apresentar os critérios objetivos a serem utilizados pela Comissão Especial de Licitação para a avaliação do material recebido e atribuição das Notas Técnicas para classificação das referidas propostas. Os Envelopes C das Proponentes deverão conter os documentos a seguir relacionados, em original ou em cópia autenticada por cartório competente, devendo cada face de documento reproduzida corresponder a uma autenticação, ainda que diversas reproduções sejam feitas na mesma folha, todos perfeitamente legíveis. A Proposta Técnica deverá estar detalhada e dela deverão constar, no mínimo, os seguintes elementos: (A) Conhecimento do Plano Operacional; (B) Planejamento e Implementação do Plano de Engenharia; (C) Experiência Técnica da Proponente. A. CONHECIMENTO DO PLANO OPERACIONAL A Licitante deverá descrever a metodologia de execução dos serviços, dividida em relação aos tipos de intervenções no Sistema de Iluminação Pública do Município, que demonstre o Conhecimento da Licitante quanto ao Plano Operacional, bem como as soluções apresentadas para o atendimento aos indicadores de desempenho estabelecidos, incluídos os 16

17 padrões e especificações mínimos referentes aos materiais que serão utilizados, coerente com a essência e complexidade do trabalho. A pontuação será dada as empresas licitantes, conjugando-se os critérios expostos neste Edital, sendo certo que tal pontuação representará o julgamento da Comissão Especial de Licitação no tocante às possibilidades de elaboração dos produtos objetos deste Edital nos moldes pretendidos nesta licitação. Para este item, serão analisados, pela Comissão Especial de Licitação, os seguintes critérios: (i) Compatibilidade em termos de características e soluções apresentadas, ao objeto desta licitação, tendo em vista o escopo dos produtos relacionados neste Edital e seu respectivo Caderno de Encargos; (ii) Adequação do tratamento dado às questões enfrentadas no PLANO OPERACIONAL no que toca aos temas do escopo dos produtos relacionados neste Edital e seu respectivo Caderno de Encargos; (iii) Relevância dos problemas e soluções apresentadas para o PLANO OPERACIONAL, tendo em vista o escopo dos produtos relacionados neste Edital e seu respectivo Caderno de Encargos. Realizadas a análise das licitantes sob os critérios acima, a Comissão de Licitação classificará, para efeito de pontuação, as Propostas Técnicas utilizando a seguinte tabela de avaliação: Critério de Avaliação Atende Integralmente Atende Integralmente com Ressalvas Atende Parcialmente Pontos 15 (quinze) 13 (treze) 9 (nove) 17

18 Insuficiente Não Atende 5 (cinco) 0 (zero) A - Atende Integralmente: Neste conceito serão enquadradas as proponentes que, na analise global das alternativas e soluções apresentadas, evidenciem oferecer distinta e elevada aptidão para elaboração dos serviços objeto desta licitação, sendo apresentados todos os dados exigidos e descrição completa e pormenorizada da totalidade dos serviços e atividades inerentes ao cumprimento do PLANO OPERACIONAL relacionado ao Sistema de Iluminação Pública. B - Atende Integralmente com Ressalvas: Neste conceito serão enquadradas as proponentes que, na analise global das alternativas e soluções apresentadas, evidenciem oferecer condições de atuar com desempenho sólido e com segurança, podendo ofertar ótimos produtos e serviços que são objeto desta licitação, entretanto apresentados sem atender à totalidade das exigências, seja omitindo dados ou contemplando-os de forma incompleta, com relação ao cumprimento do PLANO OPERACIONAL relacionado ao Sistema de Iluminação Pública. C - Atende Parcialmente: Neste conceito serão enquadradas as proponentes que, na analise global das alternativas e soluções apresentadas, evidenciem oferecer condições de realizar um trabalho satisfatório na confecção dos produtos e serviços que são objeto desta licitação, entretanto não sendo contemplados todos os dados e não foram apresentadas soluções de continuidade e modernização dos serviços compatíveis com a realidade previstos no PLANO OPERACIONAL relacionado ao Sistema de Iluminação Pública.. D - Insuficiente: Neste conceito serão enquadradas as proponentes que, na analise global das alternativas e soluções apresentadas, evidenciem não oferecer condições satisfatórias para o desenvolvimento dos produtos e serviços que são objeto desta licitação, cuja proposta estiver obscura e imprecisa com relação aos preceitos previstos no PLANO OPERACIONAL relacionado ao Sistema de Iluminação Pública. 18

19 E - Inaceitável: Neste conceito serão enquadradas as proponentes que, na analise global das alternativas e soluções apresentadas, evidenciem não oferecer mínimas condições para o desenvolvimento e entrega dos produtos e serviços que são objeto desta licitação, com relação aos preceitos previstos no PLANO OPERACIONAL relacionado ao Sistema de Iluminação Pública. B. PLANEJAMENTO E IMPLEMENTAÇÃO DO PLANO DE ENGENHARIA A LICITANTE deverá, de forma clara e detalhada em nível suficiente para um perfeito entendimento em suas proposições, apresentar suas políticas e estratégias, expressas através de planos de prestação dos SERVIÇOS que nortearão a atuação da SPE na implementação do PLANO DE ENGENHARIA, onde deverá: (i) Abordar a apresentação da estrutura organizacional com a definição do organograma a ser observado durante a vigência da CONCESSÃO; (ii) Estabelecer o relacionamento entre o PODER CONCEDENTE e a SPE, abordando o atendimento às demandas previstas no CONTRATO para a implementação do PLANO DE ENGENHARIA; (iii) Estabelecer o relacionamento entre a SPE e suas SUBCONTRATADAS, abordando atendimento às demandas previstas no CONTRATO para a execução do PLANO DE ENGENHARIA; (iv) Apresentar um plano de medidas de mitigação de impacto ambiental, analisando possíveis agressões ao meio ambiente e perturbações que a execução das obras causará ao meio urbano local, propondo soluções e medidas que visem minimizar estes impactos. O plano de que trata essa alínea deverá apresentar matriz de riscos ambientais envolvendo as fases de execução das obras e operação do sistema. 19

20 Neste item, a licitante ainda deverá demonstrar o planejamento elaborado para a execução das atividades nos prazos previstos neste Edital, compreendendo datas de início e fim de cada evento, caminho crítico e ligações, preferencialmente utilizando software de gerenciamento. Deverá, ainda, ser apresentado texto elucidativo do PLANO DE ENGENHARIA previsto, evidenciando a relação entre o cronograma de atividades e a metodologia executiva definida para os serviços principais e as atividades críticas. Deverão constar ainda as seguintes informações: (i) Cronograma físico de execução; (ii) Caracterização, qualificação e proposição dos métodos construtivos para as obras previstas no PLANO DE ENGENHARIA, devendo os mesmos estar adequados às condições do local de implantação, às especificações e desenhos contidos no Caderno de Encargos, devendo também apresentar as normas técnicas utilizadas; (iii) Indicação, por meio de croquis e/ou texto, da localização prevista para os canteiros de obras por região Administrativa. A pontuação será dada as empresas licitantes, conjugando-se os critérios expostos neste Edital, sendo certo que tal pontuação representará o julgamento da comissão Especial de Licitação no tocante às possibilidades de elaboração dos produtos objetos deste Edital nos moldes pretendidos nesta licitação. Para este item, serão analisados, pela Comissão Especial de Licitação, os seguintes critérios: (i) Compatibilidade em termos de características e soluções apresentadas, ao objeto desta licitação, tendo em vista o escopo dos produtos relacionados neste Edital e seu respectivo Caderno de Encargos; 20

21 (ii) Adequação do tratamento dado às questões enfrentadas no PLANO OPERACIONAL no que toca aos temas do escopo dos produtos relacionados neste Edital e seu respectivo Caderno de Encargos; (iii) Relevância dos problemas e soluções apresentadas para o PLANO OPERACIONAL, tendo em vista o escopo dos produtos relacionados neste Edital e seu respectivo Caderno de Encargos. Realizadas a análise das licitantes sob os critérios acima, a Comissão de Licitação classificará, para efeito de pontuação, as Propostas Técnicas utilizando a seguinte tabela de avaliação: Critério de Avaliação Atende Integralmente Atende Integralmente com Ressalvas Atende Parcialmente Insuficiente Não Atende Pontos 15 (quinze) 13 (treze) 9 (nove) 5 (cinco) 0 (zero) A - Atende Integralmente: Neste conceito serão enquadradas as proponentes que, na analise global das alternativas e soluções apresentadas, evidenciem oferecer distinta e elevada aptidão para elaboração dos serviços objeto desta licitação, sendo apresentados todos os dados exigidos e descrição completa e pormenorizada da totalidade dos serviços e atividades inerentes ao cumprimento do PLANO DE ENGENHARIA relacionado ao Sistema de Iluminação Pública. B - Atende Integralmente com Ressalvas: Neste conceito serão enquadradas as proponentes que, na analise global das alternativas e soluções apresentadas, evidenciem oferecer condições de atuar com desempenho sólido e com segurança, podendo ofertar ótimos produtos e serviços que são objeto desta licitação, entretanto apresentados sem atender à totalidade das exigências, seja omitindo dados ou contemplando-os de forma incompleta, 21

22 com relação ao cumprimento do PLANO D ENGENHARIA relacionado ao Sistema de Iluminação Pública. C - Atende Parcialmente: Neste conceito serão enquadradas as proponentes que, na analise global das alternativas e soluções apresentadas, evidenciem oferecer condições de realizar um trabalho satisfatório na confecção dos produtos e serviços que são objeto desta licitação, entretanto não sendo contemplados todos os dados e não foram apresentadas soluções de continuidade e modernização dos serviços compatíveis com a realidade previstos no PLANO DE ENGENHARIA relacionado ao Sistema de Iluminação Pública.. D - Insuficiente: Neste conceito serão enquadradas as proponentes que, na analise global das alternativas e soluções apresentadas, evidenciem não oferecer condições satisfatórias para o desenvolvimento dos produtos e serviços que são objeto desta licitação, cuja proposta estiver obscura e imprecisa com relação aos preceitos previstos no PLANO DE ENGENHARIA relacionado ao Sistema de Iluminação Pública. E - Inaceitável: Neste conceito serão enquadradas as proponentes que, na analise global das alternativas e soluções apresentadas, evidenciem não oferecer mínimas condições para o desenvolvimento e entrega dos produtos e serviços que são objeto desta licitação, com relação aos preceitos previstos no PLANO DE ENGENHARIA relacionado ao Sistema de Iluminação Pública. C. COMPROVAÇÃO DA EXPERIENCIA TÉCNICA DA PROPONENTE A comprovação da experiência técnica da Proponente será realizada por meio da apresentação de atestado(s) fornecido(s) por pessoas jurídicas de direito público ou privado: (a) Em nome da Proponente devidamente registrado(s) no CREA da região onde os serviços foram executados; 22

23 (b) De seus responsáveis técnicos (devidamente acompanhada das respectivas Certidões de Acervo Técnico CAT emitida pelo CREA) pertencentes a seu quadro permanente, condição esta que deverá ser comprovada mediante apresentação: (i) de registro na Carteira de Trabalho, quando empregado, (ii) cópia do contrato social ou estatuto social, quando sócio, (iii) Contrato de Trabalho, vigente na data prevista para a abertura do certame. 23

24 [X] Revisar Ryan Comprovação de Experiência Técnica da Proponente Item Exigência Critério de Avaliação Pontuação Execução de serviços especializados em gestão de sistemas de iluminação pública, assessoria técnica, planejamento, controle de materiais, com uso de recursos gerenciais informatizados envolvendo a operação e manutenção do Sistema em um único contrato que contemple o mínimo de (oito mil) pontos luminosos. Cadastro georreferenciado e etiquetado de Parque de Iluminação Pública, envolvendo o cadastramento de quantitativo de pontos. Administração, controle, manuseio e acondicionamento de materiais retirados do parque de iluminação pública que contenham elementos químicos poluentes e sujeitos a contaminação ambiental, tais como lâmpadas de descargas tendo como base a legislação ambiental vigente, acompanhado por certificado emitido por empresa devidamente licenciada. Apresentação de numero de atestados igual ou superior a 3 (três) 15,0 Apresentação de 2 (dois) atestados. 7,5 Apresentação de 1 (um) atestado. 2,5 Comprovação de quantitativo igual ou superior a (dezenove mil) pontos luminosos. Comprovação de quantitativo igual ou superior a (dez mil) e inferior a (dezenove mil) pontos luminosos. Comprovação de quantitativo inferior a (dez mil) pontos luminosos Documento apresentado pela Proponente ,0 Documento não apesentado pela Proponente. 0,0 7,5 2,5 24

25 Comprovação de Experiência Técnica da Proponente Item Exigência Critério de Avaliação Pontuação Execução de obras e serviços de ampliação, reforma ou eficientização energética de sistema de iluminação 4. pública viária, com fornecimento de materiais utilizando Tecnologia LED. Comprovação de quantitativo igual ou superior a (quatro mil) pontos luminosos. 15,0 Comprovação de quantitativo igual ou superior a (dois mil) e inferior a (quatro mil) pontos luminosos 7,5 Comprovação de quantitativo inferior a (dois mil) pontos 2,5 luminosos 5. Realização de obras e serviços de iluminação pública decorativa, ornamental ou de realce em monumentos (monumentos, obras de arte, edifícios públicos) com fornecimento de materiais, envolvendo quantidade de monumentos. Comprovação de exigência em 5 (cinco) ou mais monumentos. 10,0 Comprovação de exigência em até 4 (nove) monumentos. 7,5 Comprovação de exigência em até 3 (cinco) monumentos. 5,0 Comprovação de exigência em até 2 (dois) monumentos. 2,5 6. Fornecimento ou instalação de sistema de Telegestão capaz de realizar a gestão, o controle e o monitoramento, em tempo real, de cada ponto luminoso da rede de iluminação pública, envolvendo quantitativo de pontos luminosos. Comprovação de quantitativo igual ou superior a (mil) pontos luminosos. Comprovação de quantitativo igual ou superior a 500 (quinhentos) e inferior a (mil) pontos luminosos. Comprovação de quantitativo inferior a 500 (quinhentos) pontos luminosos. 15,0 5,0 0,0 25

26 Comprovação de Experiência Técnica da Proponente Item Exigência Critério de Avaliação Pontuação Comprovação que a empresa estabeleceu e mantém Documento apresentado pela Proponente. um Sistema de Gestão Integrada da Qualidade e 10 Gestão Ambiental abrangendo, pelo menos, os processos de Operação, Manutenção e Obras de 7. Iluminação Urbana (Pública) - Certificado de Qualidade da série ISO 9001/2008 e da série ISO Documento não apresentado pela Proponente /2004, emitido em nome da licitante por entidade devidamente credenciada junto ao INMETRO. Implantação e operação de um sistema informatizado Documento apresentado pela Proponente. que disponibilize à população uma Central de 10 Atendimento 24 (vinte e quatro) horas por dia de plataforma integrada multicanal que permita ao cidadão abrir ocorrências através da internet e de 8. dispositivos móveis (smartphones e tablets) com sistema operacional Android, IOs ou Windows Phone, Documento não apresentado pela Proponente. 0 além da disponibilização de uma plataforma de mapeamento inteligente que permita a coleta, analise, organização e estatísticas dos dados referentes aos chamados da população e intervenções de 26

27 Comprovação de Experiência Técnica da Proponente Item Exigência Critério de Avaliação Pontuação manutenção. 27

28 ANEXO VIII MODELO DE CARTA DE APRESENTAÇÃO DA PROPOSTA COMERCIAL [local], [ ] de [ ] de À Secretaria Municipal de Infraestrutura e Obras Avenida Pirajá, Bairro Pirajá Município de Caxias, Estado do Maranhão Ref.: Edital de Concessão nº [ ]/2015 Proposta Comercial Prezados Senhores, 1. Atendendo ao Edital de Concessão nº [ ]/2015, apresentamos nossa Proposta Comercial para execução do objeto da Concessão em referência. 2. Propomos, como Valor Global do Contrato, conforme definido no Edital de Concessão nº [ ]/2015, o valor de R$ (reais), referenciado à data-base de [ ] de 2015, que corresponde a um desconto de % (por cento) que será aplicado sobre os valores das contraprestações previstas na alínea (iv) do item do edital conforme tabela abaixo: MESES CONTRAPRESTAÇÃO MENSAL PROPOSTO (R$) CONTRAPRESTAÇÃO ANUAL PROPOSTO (R$)

29 VALOR TOTAL GLOBAL PROPOSTO R$ 3. Declaramos, expressamente, que: (i) Manteremos válida esta Proposta Comercial pelo prazo de 180 (cento e oitenta) dias, contados do último dia do Período para Recebimento dos Envelopes; (ii) Concordamos, integralmente e sem qualquer restrição, com as condições da contratação estabelecidas no Edital; (iii) Confirmamos que temos pleno conhecimento da área para a execução dos serviços objeto da Concessão e de todas as condições para a sua adequada execução; (iv) Assumimos, desde já, a integral responsabilidade pela realização dos de todos e quaisquer serviços objeto da Concessão em conformidade com o Edital de Concessão nº [ ]/2015, com as obrigações do Contrato e de seus respectivos Anexos e com a legislação aplicável. (v) A Proposta Comercial ora apresentada foi elaborada de maneira independente pela Proponente, e seu conteúdo não foi, no todo ou em parte, direta ou indiretamente, informado, discutido ou recebido de qualquer outra participante potencial ou de fato da Licitação, por qualquer meio ou por qualquer pessoa; 29

30 (vi) A intenção de apresentar a presente Proposta Comercial não foi informada, discutida ou recebida de qualquer outra participante potencial ou de fato da Licitação, por qualquer meio ou por qualquer pessoa; (vii) Não tentamos, por qualquer meio ou por qualquer pessoa, influir na decisão de qualquer outra participante potencial ou de fato da Licitação quanto a participar ou não do referido certame; (viii) O conteúdo da Proposta Comercial ora apresentada não será, no todo ou em parte, direta ou indiretamente, comunicado ou discutido com qualquer outro participante potencial ou de fato da Licitação antes da adjudicação do objeto da Concessão; (ix) O conteúdo da Proposta Comercial ora apresentada não foi, no todo ou em parte, direta ou indiretamente, informado, discutido ou recebido de qualquer integrante do Município de Caxias antes da abertura oficial das Propostas Comerciais; (x) Cumprimos integralmente todas as obrigações e requisitos contidos no Edital de Concessão nº [ ]/2015. [Proponente] [assinatura do(s) representante(s) legal(is), com firma(s) reconhecida(s)] 30

31 ANEXO IX MODELO DE DECLARAÇÃO DE REGULARIDADE COM O ARTIGO 7º, XXXIII, DA CONSTITUIÇÃO FEDERAL (REGULARIDADE TRABALHISTA) [local], [ ] de [ ] de À Secretaria Municipal de Infraestrutura e Obras Avenida Pirajá, Bairro Pirajá Município de Caxias, Estado do Maranhão Ref.: Edital de Concessão nº [ ]/2015 Declaração de Regularidade com o Artigo 7º, XXXIII, da Constituição Federal Prezados Senhores, [Proponente], inscrita no CNPJ/MF sob o n [ ], por seu representante legal abaixo assinado, o(a) Sr.(a) [ ], portador(a) da Carteira de Identidade n [ ] e do CPF n [ ], DECLARA que não emprega menor de 18 (dezoito) anos em trabalho noturno, perigoso ou insalubre e não emprega menor de 16 (dezesseis) anos, estando em situação regular perante o Ministério do Trabalho, no que se refere à observância do disposto no inciso XXXIII do artigo 7º da Constituição Federal. Ressalva: emprega menor, a partir de quatorze anos, na condição de aprendiz [ ]. (Observação: em caso afirmativo, assinalar a ressalva acima). [Proponente] [assinatura do(s) representante(s) legal(is), com firma(s) reconhecida(s)] 31

32 ANEXO X MODELO DE DECLARAÇÃO DE AUSÊNCIA DE IMPEDIMENTO PARA A PARTICIPAÇÃO NA LICITAÇÃO [local], [ ] de [ ] de À Secretaria Municipal de Infraestrutura e Obras Avenida Pirajá, Bairro Pirajá Município de Caxias, Estado do Maranhão Ref.: Edital de Concessão nº [ ]/2015 Declaração de Ausência de Impedimento para Participação na Licitação Prezados Senhores, Em atendimento ao Edital em referência, a [Proponente], por seu(s) representante(s) legal(is) abaixo assinado(s), DECLARA, sob as penas da legislação aplicável, que não está impedida de participar de licitações públicas, tampouco que está sujeita a quaisquer dos fatos impeditivos constantes do Edital de Concessão nº [ ]/2015. [Proponente] [assinatura do(s) representante(s) legal(is), com firma(s) reconhecida(s)] 32

33 ANEXO XI MODELO DE DECLARAÇÃO DE CAPACIDADE FINANCEIRA [local], [ ] de [ ] de À Secretaria Municipal de Infraestrutura e Obras Avenida Pirajá, Bairro Pirajá Município de Caxias, Estado do Maranhão Ref.: Edital de Concessão nº [ ]/2015 Declaração de Capacidade Financeira Prezados Senhores, Em atendimento ao Edital de Concessão nº [ ]/2015, a [Proponente], por seu(s) representante(s) legal(is) abaixo assinado(s) DECLARA, sob as penas da legislação aplicável, que dispõe ou tem capacidade de obter recursos financeiros suficientes para cumprir as obrigações de aporte de recursos próprios e de terceiros necessários à consecução do objeto da Concessão. Declara, outrossim, que (i) tem capacidade de contratar todos os seguros necessários à consecução do objeto da Concessão e (ii) dispõe ou tem capacidade de obter os recursos para a integralização em moeda corrente nacional de, no mínimo, R$ ,00 (dois milhões de reais) no capital social da Sociedade de Propósito Específico a ser constituída para a execução do objeto da Concessão. [Proponente] [assinatura do(s) representante(s) legal(is), com firma(s) reconhecida(s)] 33

34 ANEXO XII MODELO DE PROCURAÇÃO Pelo presente instrumento de mandato, [Proponente], [qualificação], doravante denominada Outorgante", nomeia e constitui seu(s) bastante(s) procurador(a) o(a) Sr. (Srª) [ ], [qualificação], para praticar os seguintes atos na República Federativa do Brasil, em Juízo e fora dele: (a) Representar a Outorgante perante quaisquer entidades, órgãos ou departamentos governamentais, sociedades abertas ou fechadas e quaisquer agências governamentais, sobretudo o Município de Caxias e os órgãos e entidades integrantes de sua Administração Pública, para estabelecer e manter entendimentos com referidos órgãos públicos, agências ou outras entidades, para receber citação e notificação de qualquer natureza, para requerer e promover consultas, para requerer certificados e outros documentos e para praticar os atos necessários durante a realização do certame licitatório descrito no Edital de Concessão nº [ ]/2015, inclusive para interpor recursos e renunciar ao direito de interpor recursos; (b) Assumir compromissos e/ou obrigações em nome da Outorgante e de qualquer forma contratar, fazer acordos, dar e receber quitação em nome da Outorgante; (c) Representar a Outorgante na defesa de seus interesses em Juízo, em qualquer instância e perante qualquer Juízo ou Tribunal, inclusive mediante a contratação de advogados, com poderes especiais para confessar, transigir, desistir, fazer acordos, dar e receber quitação; (d) A seu critério, substabelecer, no todo ou em parte, com reserva de poderes, qualquer dos poderes aqui conferidos, nas condições que julgar ou que julgarem apropriadas. Esta procuração tem prazo de validade até a assinatura do Contrato de Concessão, desde que esse evento ocorra em até 1 (um) ano. [local], [ ] de [ ] de

35 [Proponente] [assinatura do(s) representante(s) legal(is), com firma(s) reconhecida(s)] 35

36 ANEXO XIII MINUTA DO CONTRATO [documento disponibilizado de forma apartada] 36

ANEXO I MODELOS E DECLARAÇÕES

ANEXO I MODELOS E DECLARAÇÕES CONCORRÊNCIA INTERNACIONAL N 01/SES/2015 PARCERIA PÚBLICO-PRIVADA (PPP) NA MODALIDADE DE CONCESSÃO ADMINISTRATIVA PARA MODERNIZAÇÃO, OTIMIZAÇÃO, EXPANSÃO, OPERAÇÃO, MANUTENÇÃO E CONTROLE REMOTO E EM TEMPO

Leia mais

PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO CDURP COMPANHIA DE DESENVOLVIMENTO URBANO DA REGIÃO DO PORTO DO RIO DE JANEIRO

PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO CDURP COMPANHIA DE DESENVOLVIMENTO URBANO DA REGIÃO DO PORTO DO RIO DE JANEIRO ANEXO 2 MODELOS DE CARTAS E DECLARAÇÕES Modelo de Pedido de Esclarecimentos Ref.: Concorrência Pública nº [ ]/2011 Pedido de Esclarecimentos, [qualificação], por seu(s) representante(s) legal(is), apresenta

Leia mais

ANEXO VI MODELOS DAS DECLARAÇÕES E DOS COMPROMISSOS PREVISTOS NO EDITAL

ANEXO VI MODELOS DAS DECLARAÇÕES E DOS COMPROMISSOS PREVISTOS NO EDITAL ANEXO VI MODELOS DAS DECLARAÇÕES E DOS COMPROMISSOS PREVISTOS NO EDITAL ANEXO VI MODELOS DAS DECLARAÇÕES E DOS COMPROMISSOS PREVISTOS NO EDITAL p. 1 / 13 ANEXO VI MODELOS DAS DECLARAÇÕES E DOS COMPROMISSOS

Leia mais

ANEXO II MODELOS DA LICITAÇÃO MODELO N.º 3 DECLARAÇÃO DE PLENO ATENDIMENTO AOS REQUISITOS DE HABILITAÇÃO

ANEXO II MODELOS DA LICITAÇÃO MODELO N.º 3 DECLARAÇÃO DE PLENO ATENDIMENTO AOS REQUISITOS DE HABILITAÇÃO ANEXO II MODELOS DA LICITAÇÃO MODELO N.º 1 CARTA CREDENCIAMENTO MODELO N.º 2 PROPOSTA COMERCIAL MODELO N.º 3 DECLARAÇÃO DE PLENO ATENDIMENTO AOS REQUISITOS DE HABILITAÇÃO MODELO N.º 4 DECLARAÇÃO DE REGULARIDADE

Leia mais

ANEXO II MODELOS DO EDITAL

ANEXO II MODELOS DO EDITAL ANEXO II MODELOS DO EDITAL 1 SUMÁRIO MODELO N.º 1 - CARTA DE CREDENCIAMENTO... 3 MODELO N.º 2 - PROPOSTA COMERCIAL... 4 MODELO N.º 3 - DECLARAÇÃO DE PLENO ATENDIMENTO AOS REQUISITOS DE HABILITAÇÃO....

Leia mais

ANEXO VII MODELOS DE DECLARAÇÕES

ANEXO VII MODELOS DE DECLARAÇÕES ANEXO VII MODELOS DE DECLARAÇÕES SUMÁRIO I - MODELO DE SOLICITAÇÃO DE ESCLARECIMENTOS... 3 II - TERMOS E CONDIÇÕES MÍNIMOS DO SEGURO-GARANTIA PARA GARANTIA DE PROPOSTA... 4 III - MODELO DE FIANÇA-BANCÁRIA

Leia mais

ANEXO I MODELO DE CARTAS DE APRESENTAÇÃO DA GARANTIA DE PROPOSTA, DA DOCUMENTAÇÃO DE HABILITAÇÃO E PROPOSTA ECONÔMICA

ANEXO I MODELO DE CARTAS DE APRESENTAÇÃO DA GARANTIA DE PROPOSTA, DA DOCUMENTAÇÃO DE HABILITAÇÃO E PROPOSTA ECONÔMICA ANEXO I MODELO DE CARTAS DE APRESENTAÇÃO DA GARANTIA DE PROPOSTA, DA DOCUMENTAÇÃO DE HABILITAÇÃO E PROPOSTA ECONÔMICA Consulta Pública Concorrência SETOP /2012 Anexo I Modelo de Cartas de Apresentação

Leia mais

ANEXO VIII MODELOS DE DECLARAÇÕES E CARTAS. (Modelos sugeridos)

ANEXO VIII MODELOS DE DECLARAÇÕES E CARTAS. (Modelos sugeridos) ANEXO VIII MODELOS DE DECLARAÇÕES E CARTAS (Modelos sugeridos) Conteúdo dos envelopes: a) ENVELOPE DE CREDENCIAMENTO (i) Documentos do REPRESENTANTE LEGAL; (ii) Documentos da CORRETORA CREDENCIADA; (iii)

Leia mais

EDITAL DO LEILÃO Nº 2/2011 ANEXO 6 DO CONTRATO

EDITAL DO LEILÃO Nº 2/2011 ANEXO 6 DO CONTRATO CONCESSÃO PARA AMPLIAÇÃO, MANUTENÇÃO E EXPLORAÇÃO DOS AEROPORTOS INTERNACIONAIS - BRASÍLIA - EDITAL DO LEILÃO Nº 2/2011 ANEXO 6 DO CONTRATO MODELOS E CONDIÇÕES MÍNIMAS PARA GARANTIA CONTRATUAL Condições

Leia mais

(Minuta para Consulta Pública)

(Minuta para Consulta Pública) CONCORRÊNCIA INTERNACIONAL N PARCERIA PÚBLICO-PRIVADA (PPP) NA MODALIDADE DE CONCESSÃO ADMINISTRATIVA PARA MODERNIZAÇÃO, OTIMIZAÇÃO, EXPANSÃO, MANUTENÇÃO DA INFRAESTRUTURA E CONTROLE EM TEMPO REAL DA REDE

Leia mais

Modelos de Garantia Contratual

Modelos de Garantia Contratual Modelos de Garantia Contratual CONDIÇÕES MÍNIMAS PARA CONTRATOS DE SEGUROS E PRESTAÇÃO DE GARANTIAS Termos e Condições Mínimas do Seguro-Garantia 1 Tomador 1.1 Concessionária 2 Segurado 2.1 COMPANHIA ESPÍRITO

Leia mais

EMPRESA MUNICIPAL DE DESENVOLVIMENTO DE CAMPINAS S/A

EMPRESA MUNICIPAL DE DESENVOLVIMENTO DE CAMPINAS S/A 1 de 10 Anexo V Modelos de Cartas e Declarações 2 de 10 COMISSÃO ESPECIAL DE LICITAÇÃO CARTA DE APRESENTAÇÃO DA PROPOSTA COMERCIAL REF: CONCORRÊNCIA n.º 001/2014 Apresentação da Proposta Comercial Prezados

Leia mais

ANEXO I MODELO DE CARTAS E DECLARAÇÕES

ANEXO I MODELO DE CARTAS E DECLARAÇÕES ANEXO I MODELO DE CARTAS E DECLARAÇÕES ANEXO I MODELO DE CARTAS E DECLARAÇÕES MODELO 1 CARTA DE APRESENTAÇÃO DA PROPOSTA ECONÔMICA (ITEM 16.1 DO EDITAL)... 3 MODELO 2 CARTA DE APRESENTAÇÃO DOS DOCUMENTOS

Leia mais

ANEXO XII MODELOS DE CARTAS E DECLARAÇÕES

ANEXO XII MODELOS DE CARTAS E DECLARAÇÕES ANEXO XII MODELOS DE CARTAS E DECLARAÇÕES MODELO DE CARTA DE CREDENCIAMENTO... 2 MODELO DE SOLICITAÇÃO DE ESCLARECIMENTOS... 3 MODELO DE TERMO DE CONFIDENCIALIDADE ENTRE A LICITANTE E A INSTITUIÇÃO FINANCEIRA...

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO PARANÁ

GOVERNO DO ESTADO DO PARANÁ ANEXO II MODELO DE CARTAS E DECLARAÇÕES CONSULTA PÚBLICA nº 01 18/11/2013 SUMÁRIO Modelo nº 01 CARTA DE CREDENCIAMENTO... 3 Modelo nº 02 CARTA DE APRESENTAÇÃO DA GARANTIA DE PROPOSTA DA CONCORRENTE SOB

Leia mais

ANEXO [] MODELOS DE DECLARAÇÕES

ANEXO [] MODELOS DE DECLARAÇÕES ANEXO [] MODELOS DE DECLARAÇÕES AGOSTO/ 2011 SUMÁRIO MODELO DE TERMO DE CONFIDENCIALIDADE ENTRE A LICITANTE E A INSTITUIÇÃO FINANCEIRA 4 MODELO DE FIANÇA-BANCÁRIA PARA GARANTIA DE PROPOSTA 7 TERMOS E CONDIÇÕES

Leia mais

ANEXO 10 MODELO DE GARANTIA DE PROPOSTA E DE PERFORMANCE

ANEXO 10 MODELO DE GARANTIA DE PROPOSTA E DE PERFORMANCE EDITAL DE LICITAÇÃO CONCORRÊNCIA CASA CIVIL Nº 03/2013 ANEXO 10 MODELO DE GARANTIA DE PROPOSTA E DE PERFORMANCE Modelo de Garantia de Proposta - Seguro-Garantia (Termos e Condições Mínimas) 1. Tomador:

Leia mais

Anexo 4. Condições Mínimas para o Seguro-Garantia e a Fiança Bancária. Apêndice A. Condições Mínimas do Seguro-Garantia

Anexo 4. Condições Mínimas para o Seguro-Garantia e a Fiança Bancária. Apêndice A. Condições Mínimas do Seguro-Garantia Anexo 4 Condições Mínimas para o Seguro-Garantia e a Fiança Bancária 1 Tomador 1.1 Concessionária 2 Segurado 2.1 ANTT 3 Objeto do Seguro Apêndice A Condições Mínimas do Seguro-Garantia 3.1 Garantir o fiel

Leia mais

ANEXO II MODELOS DE DECLARAÇÕES E DOS COMPROMISSOS PREVISTOS NO EDITAL

ANEXO II MODELOS DE DECLARAÇÕES E DOS COMPROMISSOS PREVISTOS NO EDITAL ANEXO II MODELOS DE DECLARAÇÕES E DOS COMPROMISSOS PREVISTOS NO EDITAL 1 SUMÁRIO 1 MODELO 1 - CARTA DE ENCAMINHAMENTO DE DOCUMENTAÇÃO DE HABILITAÇÃO... 3 2 MODELO 2 - COMPROMISSO DE DISPONIBILIDADE DE

Leia mais

CONSÓRCIO INTERMUNICIPAL DE SERVIÇOS DO VALE DO RIO PARDO - CISVALE

CONSÓRCIO INTERMUNICIPAL DE SERVIÇOS DO VALE DO RIO PARDO - CISVALE HABILITAÇÃO JURÍDICA Documentos para Credenciamento - Registro comercial no caso de empresa individual; - Ato Constitutivo, Estatuto ou Contrato Social em vigor, devidamente registrado em se tratando de

Leia mais

ANEXO 8 AO EDITAL DE LEILÃO N o 002/2006 - ANEEL. Modelos de documentos

ANEXO 8 AO EDITAL DE LEILÃO N o 002/2006 - ANEEL. Modelos de documentos ANEXO 8 AO EDITAL DE LEILÃO N o 002/2006-ANEEL Fl. 1/ 9 ANEXO 8 AO EDITAL DE LEILÃO N o 002/2006 - ANEEL Modelos de documentos PROCURADORIA GERAL/ANEEL VISTO ANEXO 8 A Carta de Fiança (Garantia de Proposta

Leia mais

ANEXO II MODELOS DAS DECLARAÇÕES E DOS COMPROMISSOS PREVISTOS NO EDITAL

ANEXO II MODELOS DAS DECLARAÇÕES E DOS COMPROMISSOS PREVISTOS NO EDITAL MODELOS DAS DECLARAÇÕES E DOS COMPROMISSOS PREVISTOS NO EDITAL MODELOS DAS DECLARAÇÕES E DOS COMPROMISSOS PREVISTOS NOS EDITAL MODELO 01 CARTA DE CREDENCIAMENTO * Em caso de consórcio, este deverá credenciar

Leia mais

ANEXO I PREGÃO PRESENCIAL N 036/2009

ANEXO I PREGÃO PRESENCIAL N 036/2009 ANEXO I PREGÃO PRESENCIAL N 036/2009 Objeto: contratação de clínica e/ou profissional especializado na área médica de psiquiatria para prestação de serviços de consultas no Centro de Especialidades de

Leia mais

[TI ANEXO 8. Modelo de Declarações e Formulários

[TI ANEXO 8. Modelo de Declarações e Formulários ANEXO 8 Modelo de Declarações e Formulários Carta de Apresentação dos Documentos de Habilitação À Secretaria do Trabalho, Emprego e Renda do Estado da Bahia - SETRE Avenida 2, n 200 Salvador BA Ref.: Edital

Leia mais

ANEXO VII MODELOS DE DECLARAÇÕES

ANEXO VII MODELOS DE DECLARAÇÕES ANEXO VII MODELOS DE DECLARAÇÕES 1 ANEXO VII A DECLARAÇÃO DE INEXISTÊNCIA DE FATO IMPEDITIVO (local, data) Ref.: CONCORRÊNCIA PÚBLICA Nº /2009 Declaração de Inexistência de Fato Impeditivo Prezados Senhores,

Leia mais

ANEXO VII MODELOS DE DECLARAÇÕES

ANEXO VII MODELOS DE DECLARAÇÕES ANEXO VII MODELOS DE DECLARAÇÕES 1 ANEXO VII A DECLARAÇÃO DE INEXISTÊNCIA DE FATO IMPEDITIVO (local, data) Ref.: CONCORRÊNCIA PÚBLICA Nº xxxxxxxxxxxxxx Declaração de Inexistência de Fato Impeditivo Prezados

Leia mais

ANEXO - VIII MODELOS DE DOCUMENTOS

ANEXO - VIII MODELOS DE DOCUMENTOS ANEXO - VIII MODELOS DE DOCUMENTOS MODELO DE CARTA DE CREDENCIAMENTO; MODELO DE CARTA DE APRESENTAÇÃO DE DOCUMENTOS E HABILITAÇÃO; MODELO DE DECLARAÇÃO DE ATENDIMENTO AO INC. XXXIII, DO ART. 7º DA CF;

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 005/2008 M I N U T A

CARTA CONVITE Nº 005/2008 M I N U T A IMPORTANTE : PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM ATÉ 24 HORAS DE ANTECEDÊNCIA DO CERTAME NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP:

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO BÁSICO DO ESTADO DE SÃO PAULO SABESP. Anexo II MODELOS DA LICITAÇÃO

COMPANHIA DE SANEAMENTO BÁSICO DO ESTADO DE SÃO PAULO SABESP. Anexo II MODELOS DA LICITAÇÃO Anexo II MODELOS DA LICITAÇÃO MODELO N.º 1 CARTA CREDENCIAL MODELO N.º 2 DECLARAÇÃO DE PLENO ATENDIMENTO AOS REQUISITOS DE HABILITAÇÃO MODELO N.º 3 DECLARAÇÃO DE ELABORAÇÃO INDEPENDENTE DE PROPOSTA MODELO

Leia mais

MANUAL DE INSCRIÇÃO E APORTE DE GARANTIAS

MANUAL DE INSCRIÇÃO E APORTE DE GARANTIAS MANUAL DE INSCRIÇÃO E APORTE DE GARANTIAS Este Manual tem como objetivo descrever o procedimento adotado para inscrição on-line e aporte de Garantias de Participação no LEILÃO. Maiores especificações sobre

Leia mais

ANEXO III MODELOS DE DOCUMENTOS MODELO DE DECLARAÇÃO DE ATENDIMENTO AO INC. XXXIII, DO ART. 7º DA CF

ANEXO III MODELOS DE DOCUMENTOS MODELO DE DECLARAÇÃO DE ATENDIMENTO AO INC. XXXIII, DO ART. 7º DA CF ANEXO III MODELOS DE DOCUMENTOS MODELO DE DECLARAÇÃO DE ATENDIMENTO AO INC. XXXIII, DO ART. 7º DA CF MODELO DECLARAÇÃO DE ENQUADRAMENTO NA LEI COMPLEMENTAR Nº123/06 MODELO DE CARTA DE APRESENTAÇÃO DA PROPOSTA

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 002/2010

CARTA CONVITE Nº 002/2010 IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM ATÉ 24 HORAS DE ANTECEDENCIA DO CERTAME NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP:

Leia mais

RECIBO DE RETIRADA PROCESSO Nº 11.628/2005 EDITAL DE CONVITE N.º 05/2005

RECIBO DE RETIRADA PROCESSO Nº 11.628/2005 EDITAL DE CONVITE N.º 05/2005 SCS, Qd. 02, Bl. B, Edifício Palácio do Comércio, Sala 501 Brasília-DF Tel: (61) 224-4385 e-mail: cofecon@cofecon.org.br RECIBO DE RETIRADA PROCESSO Nº 11.628/2005 EDITAL DE CONVITE N.º 05/2005 RAZÃO SOCIAL:

Leia mais

ANEXO IX MANUAL DE INSTRUÇÕES SOBRE APRESENTAÇÃO DE GARANTIAS DE MANUTENÇÃO DA(S) PROPOSTA(S) DE PREÇO E DE EXECUÇÃO DOS COMPROMISSOS

ANEXO IX MANUAL DE INSTRUÇÕES SOBRE APRESENTAÇÃO DE GARANTIAS DE MANUTENÇÃO DA(S) PROPOSTA(S) DE PREÇO E DE EXECUÇÃO DOS COMPROMISSOS ANEXO IX MANUAL DE INSTRUÇÕES SOBRE APRESENTAÇÃO DE GARANTIAS DE MANUTENÇÃO DA(S) PROPOSTA(S) DE PREÇO E DE EXECUÇÃO DOS COMPROMISSOS 1. INTRODUÇÃO... 2 1.1. Prevalência do Edital... 2 1.2. Principais

Leia mais

TERMO DE CONVÊNIO DE ESTÁGIO ( IES x ENTIDADE CONCEDENTE)

TERMO DE CONVÊNIO DE ESTÁGIO ( IES x ENTIDADE CONCEDENTE) TERMO DE CONVÊNIO DE ESTÁGIO ( IES x ENTIDADE CONCEDENTE) PARTES ESSENCIAIS: I- QUALIFICAÇÃO DAS PARTE; II- INFORMAÇÕES RELEVANTES; III- CLÁUSULAS; IV- ASSINATURAS: das partes através de seus representantes

Leia mais

INSCRIÇÃO OU RENOVAÇÃO CADASTRAL

INSCRIÇÃO OU RENOVAÇÃO CADASTRAL INSCRIÇÃO OU RENOVAÇÃO CADASTRAL 1. DA ENTREGA DA DOCUMENTAÇÃO 1.1. Os interessados em se inscrever e/ou renovar o Registro Cadastral junto ao GRB deverão encaminhar a documentação a seguir estabelecida,

Leia mais

ANEXO 8 AO EDITAL DE LEILÃO N o 002/2006 - ANEEL. Modelos de documentos

ANEXO 8 AO EDITAL DE LEILÃO N o 002/2006 - ANEEL. Modelos de documentos ANEXO 8 AO EDITAL DE LEILÃO N o 002/2006-ANEEL Fl. 1/ 17 ANEXO 8 AO EDITAL DE LEILÃO N o 002/2006 - ANEEL Modelos de documentos ANEXO 8 AO EDITAL DE LEILÃO N o 002/2006-ANEEL Fl. 2/ 17 ANEXO 8 A Carta

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO VERA CRUZ

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO VERA CRUZ ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO VERA CRUZ SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO EDITAL DE LICITAÇÃO Nº 01/2010 MODALIDADE CONVITE PROCESSO Nº 058/2010 Contratação de serviços

Leia mais

a) Relação explícita do pessoal técnico especializado, adequado e disponível para a realização do

a) Relação explícita do pessoal técnico especializado, adequado e disponível para a realização do 2. CONDIÇÕES PARA CREDENCIAMENTO 2.1. Poderão participar deste Credenciamento, as empresas que: 2.1.1 Atendam a todas as exigências deste Edital, inclusive quanto à documentação constante deste instrumento

Leia mais

EDITAL. Pregão Presencial Nº 000002/2014

EDITAL. Pregão Presencial Nº 000002/2014 Pregão Presencial Nº 000002 Data: 11 de março de 2014 ÀS 08:30 Processo Nº: 000002/2014 PREAMBULO A PREFEITURA MUNICIPAL DE BARRA DE SÃO FRANCISCO, ESTADO DO ESPÍRITO SANTO, com sede na Rua Desembargador

Leia mais

CONSELHO FEDERAL DE NUTRICIONISTAS CONSELHO REGIONAL DE NUTRICIONISTAS - 3ª Região (SP, MS)

CONSELHO FEDERAL DE NUTRICIONISTAS CONSELHO REGIONAL DE NUTRICIONISTAS - 3ª Região (SP, MS) CARTA CONVITE Nº: 008/2013. São Paulo, 04 de junho de 2.013. Processo n.º 042-05/2013 Tipo: MENOR PREÇO Firma: A/C: E-mail: Convidamos a referida empresa a apresentar proposta para atendimento do objeto

Leia mais

II. Contrato Principal: o documento contratual, seus aditivos e anexos, que especificam as obrigações e direitos do segurado e do tomador.

II. Contrato Principal: o documento contratual, seus aditivos e anexos, que especificam as obrigações e direitos do segurado e do tomador. SEGURO-GARANTIA - CONDIÇÕES GERAIS Este seguro garante o fiel cumprimento das obrigações assumidas pelo tomador no contrato principal, firmado com o segurado, conforme os termos da apólice. I. Seguro-Garantia:

Leia mais

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE HANDEBOL

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE HANDEBOL EDITAL DE LICITAÇÃO nº 002/2012 TOMADA DE PREÇOS PARA PRESTADORES DE SERVIÇOS E PRESTAÇÕES DE CONTAS NA GESTÃO DE PROJETOS A CBHb, de acordo com a Lei 10.264 de 16 de julho de 2001 Lei Agnelo/Piva, regulamentada

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 023/2009

CARTA CONVITE Nº 023/2009 IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM ATÉ 24 HORAS DE ANTECEDENCIA DO CERTAME NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP:

Leia mais

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 003/2015 CONVÊNIO MTE/SENAES/CENTRAC Nº 782332/2013 TERMO DE REFERÊNCIA

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 003/2015 CONVÊNIO MTE/SENAES/CENTRAC Nº 782332/2013 TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 003/2015 CONVÊNIO MTE/SENAES/ Nº 782332/2013 TERMO DE REFERÊNCIA O Centro de Ação Cultural, organização civil de direito privado, sem fins lucrativos, situada à Rua Rodrigues

Leia mais

ANEXO 10-A MINUTA DE TERMO DE DAÇÃO EM PAGAMENTO DO IMÓVEL

ANEXO 10-A MINUTA DE TERMO DE DAÇÃO EM PAGAMENTO DO IMÓVEL ANEXO 10-A MINUTA DE TERMO DE DAÇÃO EM PAGAMENTO DO IMÓVEL Pelo presente instrumento, o ESTADO DO CEARÁ, representado pela SECRETARIA DE INFRAESTRUTURA DO ESTADO DO CEARÁ SEINFRA, pessoa jurídica de Direito

Leia mais

apresentação da fatura na Secretaria de Administração. Macapá-AP, 23 de julho de 2013. SALIM SANTIAGO LEITE

apresentação da fatura na Secretaria de Administração. Macapá-AP, 23 de julho de 2013. SALIM SANTIAGO LEITE COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO CONVIDADO: CARTA CONVITE REPETIÇÃO X Carta-Convite nº: 005/2013 Processo nº : 3003838/2013 TELEFONE/FAX ENDEREÇO CIDADE ESTADO AP O Ministério Público do Estado do Amapá

Leia mais

ANEXO I ESPECIFICAÇÕES DO OBJETO TOMADA DE PREÇOS Nº 05/2010

ANEXO I ESPECIFICAÇÕES DO OBJETO TOMADA DE PREÇOS Nº 05/2010 ANEXO I ESPECIFICAÇÕES DO OBJETO TOMADA DE PREÇOS Nº 05/2010 a) Prestar assistência técnica aos softwares instalados: Sistema Windows; Sistema de disponibilização de guias de cobrança através da internet;

Leia mais

ANEXO V MODELO DE DECLARAÇÕES. Modelo B - Declaração de Capacidade Técnico-Operacional (Instr., Maq., Eq., Ferramentas, etc)

ANEXO V MODELO DE DECLARAÇÕES. Modelo B - Declaração de Capacidade Técnico-Operacional (Instr., Maq., Eq., Ferramentas, etc) ANEXO V MODELO DE DECLARAÇÕES Modelo A - Declaração de Inexistência de Fato Impeditivo Modelo B - Declaração de Capacidade Técnico-Operacional (Instr., Maq., Eq., Ferramentas, etc) Modelo C - Modelo D

Leia mais

DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA PARA CADASTRO DE EMPREITEIRAS PARA EXECUTAR SERVIÇOS DE PARTICULARES EM ÁREA DE CONCESSÃO DA CELESC SERVIÇOS DE TELECOM

DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA PARA CADASTRO DE EMPREITEIRAS PARA EXECUTAR SERVIÇOS DE PARTICULARES EM ÁREA DE CONCESSÃO DA CELESC SERVIÇOS DE TELECOM DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA PARA CADASTRO DE EMPREITEIRAS PARA EXECUTAR SERVIÇOS DE PARTICULARES EM ÁREA DE CONCESSÃO DA CELESC SERVIÇOS DE TELECOM As empresas prestadoras de serviços (construção e/ou manutenção

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTANA DA BOA VISTA TERRA DE LUTA E FÉ - DOE ORGÃOS, DOE SANGUE:SALVE VIDAS

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTANA DA BOA VISTA TERRA DE LUTA E FÉ - DOE ORGÃOS, DOE SANGUE:SALVE VIDAS EDITAL DE CARTA CONVITE 027/2015 A PREFEITA MUNICIPAL DE SANTANA DA BOA VISTA, torna público, para conhecimento dos interessados, que no dia 20 DE NOVEMBRO DE 2015, às 10 horas, reunirse-á a Comissão Permanente

Leia mais

FUNDO DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE TURVO - PR. Tomada de Preço N.º 001/2014.

FUNDO DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE TURVO - PR. Tomada de Preço N.º 001/2014. FUNDO DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE TURVO - PR. Tomada de Preço N.º 001/2014. Emissão: 09/12/2014. Abertura: 29/12/2014. Horário: 10:00 H. O Fundo de Previdência dos Servidores Municipais

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 013/2007 PROCESSO N.º 1.612/2007

CARTA CONVITE Nº 013/2007 PROCESSO N.º 1.612/2007 IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP: 01405-001 - DEPTO DE COMPRAS - 8º ANDAR. Regime

Leia mais

ANEXO III DO EDITAL FAO 001/2008 CRITÉRIOS E PARÂMETROS DE PONTUAÇÃO TÉCNICA

ANEXO III DO EDITAL FAO 001/2008 CRITÉRIOS E PARÂMETROS DE PONTUAÇÃO TÉCNICA ANEXO III DO EDITAL FAO 001/2008 CRITÉRIOS E PARÂMETROS DE PONTUAÇÃO TÉCNICA 1. FATOR DESEMPENHO A nota técnica deste quesito será atribuída à licitante que possuir melhor desempenho na prestação de serviços

Leia mais

PORTARIA Nº 236, DE 29 DE DEZEMBRO DE 2014.

PORTARIA Nº 236, DE 29 DE DEZEMBRO DE 2014. PORTARIA Nº 236, DE 29 DE DEZEMBRO DE 2014. Regulamenta o credenciamento de empresas de tecnologia para geração de códigos de segurança cifrados (CSC) inseridos em códigos bidimensionais de resposta rápida

Leia mais

BANRISUL ARMAZÉNS GERAIS S.A. EDITAL DE CREDENCIAMENTO Nº 001/2014 Regida pela Lei nº 8.666/93 e suas alterações

BANRISUL ARMAZÉNS GERAIS S.A. EDITAL DE CREDENCIAMENTO Nº 001/2014 Regida pela Lei nº 8.666/93 e suas alterações BANRISUL ARMAZÉNS GERAIS S.A. EDITAL DE CREDENCIAMENTO Nº 001/2014 Regida pela Lei nº 8.666/93 e suas alterações A Banrisul Armazéns Gerais S.A., atendendo ao disposto nos arts. 13 e 25 II da lei nº 8.666/93,

Leia mais

ANEXO VI MODELOS DE DECLARAÇÕES

ANEXO VI MODELOS DE DECLARAÇÕES ANEXO VI MODELOS DE DECLARAÇÕES O ANEXO VI do EDITAL de Licitação é composto de [xx] ([xx]) documentos, que consistem em DECLARAÇÕES e MODELOS, necessários à participação do certame e que deverão ser devidamente

Leia mais

Edital de Credenciamento 003/2012

Edital de Credenciamento 003/2012 1/5 Edital de Credenciamento 003/2012 1 DO OBJETO: 1.1. O presente Termo tem por objetivo o credenciamento de Instituições Financeiras autorizadas a funcionar pelo Banco Central do Brasil, para prestação

Leia mais

Av. Presidente Vargas, 1261 CEP: 20071-004 - Centro - Rio de Janeiro Tel: +55 (21) 2532-2661

Av. Presidente Vargas, 1261 CEP: 20071-004 - Centro - Rio de Janeiro Tel: +55 (21) 2532-2661 TERMO DE REFERÊNCIA OBJETIVANDO A CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA PROJETO DOS SISTEMAS DE CFTV DA BIBLIOTECA PARQUE ESTADUAL DE MANGUINHOS BPM JUSTIFICATIVA A Biblioteca Parque Estadual de Manguinhos é um

Leia mais

OFERTA PÚBLICA DE COMPRA E VENDA DE ENERGIA ELÉTRICA

OFERTA PÚBLICA DE COMPRA E VENDA DE ENERGIA ELÉTRICA OFERTA PÚBLICA DE COMPRA E VENDA DE ENERGIA ELÉTRICA EDITAL DE LEILÃO - CGTEE Nº 002/2014 OFERTA PÚBLICA DE COMPRA E VENDA DE ENERGIA ELÉTRICA EDITAL DE LEILÃO CGTEE Nº 002/2014 1. CONSIDERAÇÕES INICIAIS

Leia mais

Modelo 4 do Grupo II

Modelo 4 do Grupo II Modelo 4 do Grupo II SEGURO GARANTIA DE PARTICIPAÇÃO - GARANTIA DE PROPOSTA (Companhia Seguradora) Apólice n.º Termo de Contrato nº - Objeto A (Companhia Seguradora), em caráter de Fiadora e principal

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE VOLTA REDONDA

PREFEITURA MUNICIPAL DE VOLTA REDONDA Anexo VII Modelos de Declaração e Procuração de Credenciamento PREFEITURA MUNICIPAL DE VOLTA REDONDA ANEXO VII.1 MODELO DE PROCURAÇÃO PARA CREDENCIAMENTO DE REPRESENTANTE LEGAL À Prefeitura Municipal de

Leia mais

PORTARIA/LEMG nº 58, DE 1º DEZEMBRO DE 2014. Diário do Executivo Minas Gerais - Pag. 42 Terça-Feira, 02/012/2014 - Caderno 1

PORTARIA/LEMG nº 58, DE 1º DEZEMBRO DE 2014. Diário do Executivo Minas Gerais - Pag. 42 Terça-Feira, 02/012/2014 - Caderno 1 PORTARIA/LEMG nº 58, DE 1º DEZEMBRO DE 2014. Diário do Executivo Minas Gerais - Pag. 42 Terça-Feira, 02/012/2014 - Caderno 1 Dispõe sobre o credenciamento de empresas especializadas na avaliação de imóveis

Leia mais

TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2006

TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2006 ! " TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2006 PROCESSO Nº 1.825/2005 Regime Jurídico: Lei nº 8.666/93, alterações e normas complementares Tipo de Licitação: MENOR PREÇO Modalidade: TOMADA DE PREÇOS O CONSELHO REGIONAL

Leia mais

ATO CONVOCATÓRIO 002 2013. OBJETO: Credenciamento de Consultores

ATO CONVOCATÓRIO 002 2013. OBJETO: Credenciamento de Consultores ATO CONVOCATÓRIO 002 2013 OBJETO: Credenciamento de Consultores O INSTITUTO QUALIDADE MINAS, pessoa jurídica de Direito privado sem fins lucrativos, qualificada como Organização da Sociedade Civil de Interesse

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE MATO RICO ESTADO DO PARANÁ CNPJ - 95.684.510/0001-31 COMISSÃO MUNICIPAL DE LICITAÇÃO

PREFEITURA MUNICIPAL DE MATO RICO ESTADO DO PARANÁ CNPJ - 95.684.510/0001-31 COMISSÃO MUNICIPAL DE LICITAÇÃO DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA PARA REGISTRO CADASTRAL (Conf. Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993) I - Para a habilitação jurídica: a) Cédula de identidade e registro comercial na repartição competente, para

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS SEGURO GARANTIA CIRCULAR SUSEP 232/03. Processo SUSEP nº 10.003.017/01-08

CONDIÇÕES GERAIS SEGURO GARANTIA CIRCULAR SUSEP 232/03. Processo SUSEP nº 10.003.017/01-08 CONDIÇÕES GERAIS SEGURO GARANTIA CIRCULAR SUSEP 232/03 Processo SUSEP nº 10.003.017/01-08 Cláusula 1ª - OBJETO Este seguro garante o fiel cumprimento das obrigações assumidas pelo Tomador no contrato principal,

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL Prefeitura Municipal de Boa Vista do Buricá SECRETARIA MUNICIPAL DE AGRICULTURA EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2014

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL Prefeitura Municipal de Boa Vista do Buricá SECRETARIA MUNICIPAL DE AGRICULTURA EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2014 ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL Prefeitura Municipal de Boa Vista do Buricá SECRETARIA MUNICIPAL DE AGRICULTURA EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2014 O Município de Boa Vista do Buricá, comunica aos interessados

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria de Planejamento e Gestão Econômica Divisão de Licitações e Compras Convite nº 081/2007 Fls.

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria de Planejamento e Gestão Econômica Divisão de Licitações e Compras Convite nº 081/2007 Fls. Convite nº 081/2007 Fls. 1 CARTA CONVITE Processo nº 11784/05 Convite nº 081/2007 Entrega Envelopes até o dia: 15 de junho de 2007, às 14h00. Abertura Envelopes dia: 15 de junho de 2007, às 14h30. A COMISSÃO

Leia mais

CONVITE N.º 004-001/2013-CV

CONVITE N.º 004-001/2013-CV 1 CONVITE N.º 004-001/2013-CV REFERÊNCIA: Contratação de organização, associação ou empresa que preste serviço de hospedagem com local para realização de evento, destinado aos contratados e convidados

Leia mais

CONVITE N.º 003-001/2013-CV

CONVITE N.º 003-001/2013-CV 1 CONVITE N.º 003-001/2013-CV REFERÊNCIA: Contratação de organização, associação ou empresa que preste serviço de fornecimento de alimentação no município de Santarém/Pará. A TERRA DE DIREITOS, entidade

Leia mais

BANRISUL ARMAZÉNS GERAIS S.A. EDITAL DE CREDENCIAMENTO Nº 001/2007 Regida pela Lei nº 8.666/93 e suas alterações

BANRISUL ARMAZÉNS GERAIS S.A. EDITAL DE CREDENCIAMENTO Nº 001/2007 Regida pela Lei nº 8.666/93 e suas alterações BANRISUL ARMAZÉNS GERAIS S.A. EDITAL DE CREDENCIAMENTO Nº 001/2007 Regida pela Lei nº 8.666/93 e suas alterações A Banrisul Armazéns Gerais S.A., atendendo ao disposto nos arts. 13 e 25 II da lei nº 8.666/93,

Leia mais

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS EDITAL Nº 008/2015

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS EDITAL Nº 008/2015 COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS EDITAL Nº 008/2015 CONVÊNIO Nº: 812779/2014 SDH/PR PROCESSO LICITATÓRIO Nº: 012/2015 TIPO: Cotação prévia de preços / Menor preço OBJETO: Contratação de Seguro contra Acidentes

Leia mais

PROCESSO 005/2010 EDITAL DE CREDENCIAMENTO 001/2010

PROCESSO 005/2010 EDITAL DE CREDENCIAMENTO 001/2010 INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES DO MUNICÍPIO DE SÃO SEBASTIÃO DO PARAÍSO, Regime Próprio de Previdência Social dos Servidores Públicos Municipais de São Sebastião do Paraíso, autarquia municipal,

Leia mais

Projeto n 14593/2014 - Escritório Nacional do CATAFORTE - Negócios Sustentáveis em Redes Solidárias COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº 06/2015

Projeto n 14593/2014 - Escritório Nacional do CATAFORTE - Negócios Sustentáveis em Redes Solidárias COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº 06/2015 Projeto n 14593/2014 - Escritório Nacional do CATAFORTE - Negócios Sustentáveis em Redes Solidárias COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº 06/2015 1. PREÂMBULO O CEADEC - Centro de Estudos e Apoio ao Desenvolvimento,

Leia mais

DOTAÇÃO ORÇAMENTÁRIA: 41.20.02 MOBILIÁRIO EM GERAL - R$ 16.000,00 (Dezesseis mil reais).

DOTAÇÃO ORÇAMENTÁRIA: 41.20.02 MOBILIÁRIO EM GERAL - R$ 16.000,00 (Dezesseis mil reais). PROCESSO N.º 003/2013 LICITAÇÃO Nº 003/2013-CONVITE TIPO: MENOR PREÇO POR LOTE À EMPRESA: ENDEREÇO: O Conselho Regional de Administração-CRA, através de sua Comissão Permanente de Licitação, nos termos

Leia mais

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº 02/2016 EDITAL PARA CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE CONSULTORIA (TÉCNICO SÊNIOR II)

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº 02/2016 EDITAL PARA CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE CONSULTORIA (TÉCNICO SÊNIOR II) COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº 02/2016 EDITAL PARA CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE CONSULTORIA (TÉCNICO SÊNIOR II) Tipo: Melhor Técnica O Instituto Brasileiro de Administração Municipal - IBAM, associação civil

Leia mais

SUPERINTENDÊNCIA DE ÁGUA E ESGOTO AV. HUGO ALESSI Nº 50 B. NDUSTRIAL - FONE: (0**34) 3242-3579/3242-5026 ARAGUARI MG

SUPERINTENDÊNCIA DE ÁGUA E ESGOTO AV. HUGO ALESSI Nº 50 B. NDUSTRIAL - FONE: (0**34) 3242-3579/3242-5026 ARAGUARI MG SUPERINTENDENCIA DE AGUA E ESGOTO DE ARAGUARI DEPARTAMENTO DE LICITAÇÕES E CONTRATOS COMISSÃO ESPECIAL DE CADASTRO/SETOR DE CADASTRO INSTRUÇÕES GERAIS 1. OBJETIVO Estabelecer normas e procedimentos para

Leia mais

EDITAL Nº 001/2.015 O INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE AMERICANA

EDITAL Nº 001/2.015 O INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE AMERICANA EDITAL Nº 001/2.015 O INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE AMERICANA- AMERIPREV, pessoa jurídica de direito público, inscrito no CNPJ sob nº 12.937.005/0001-24, sito à Rua Gonçalves

Leia mais

PROJETO BÁSICO TGD/005/2006

PROJETO BÁSICO TGD/005/2006 PROJETO BÁSICO TGD/005/2006 PROGRAMA DE EFICIÊNCIA ENERGÉTICA PEE CICLO 2005/2006. PROJETO: IMPLANTAÇÃO DE POSTE PADRÃO OBJETO: IMPLANTAÇÃO, COM FORNECIMENTO DE POSTES PADRÃO COM ACESSÓRIOS, EM 2.870 UNIDADES

Leia mais

RESOLUÇÃO 942 / 99. Assunto: Aprovação das "NORMAS PARA CADASTRAMENTO DE EMPRESAS DE CONSULTORIA", e revogação da Resolução nº 823/94, de 13.4.94.

RESOLUÇÃO 942 / 99. Assunto: Aprovação das NORMAS PARA CADASTRAMENTO DE EMPRESAS DE CONSULTORIA, e revogação da Resolução nº 823/94, de 13.4.94. RESOLUÇÃO 942 / 99 Assunto: Aprovação das "NORMAS PARA CADASTRAMENTO DE EMPRESAS DE CONSULTORIA", e revogação da Resolução nº 823/94, de 13.4.94. Referência: INFORMAÇÃO PADRONIZADA SD/CCE - 01 /99, de

Leia mais

Anexo 1.2.7 : Modelo de instrumento de cessão de crédito sem coobrigação

Anexo 1.2.7 : Modelo de instrumento de cessão de crédito sem coobrigação Anexo 1.2.7 : Modelo de instrumento de cessão de crédito sem coobrigação INSTRUMENTO PARTICULAR DE CESSÃO DE CRÉDITOS SEM COOBRIGAÇÃO Por este instrumento, as partes a seguir designadas e qualificadas,

Leia mais

ANEXO 7 MODELOS DE ATESTADOS E DECLARAÇÕES

ANEXO 7 MODELOS DE ATESTADOS E DECLARAÇÕES 77 ANEXO 7 MODELOS DE ATESTADOS E DECLARAÇÕES 1. Disposições Gerais A) As declarações devem estar em papel timbrado da licitante, contendo o nome, cargo ou função, dados de identificação (CPF e identidade),

Leia mais

CONTRATO PARA A AQUISIÇÃO DE COMPUTADORES

CONTRATO PARA A AQUISIÇÃO DE COMPUTADORES Contrato 008/2013 CONTRATO PARA A AQUISIÇÃO DE COMPUTADORES Que entre si celebram o Município de São Simão, Goiás e a Empresa EDSON SOARES DOS SANTOS FILHO - ME. I PREÂMBULO 1.1 CÂMARA MUNICIPAL DE SÃO

Leia mais

Câmara Municipal de Itatiba

Câmara Municipal de Itatiba DOCUMENTOS PARA EFETUAR CADASTRO PARA EMISSÃO DO CERTIFICADO DE REGISTRO CADASTRAL "CRC" INFORMAÇÕES PARA CADASTRO DE FORNECEDORES Razão Social: Endereço: Bairro: Cidade: CEP: CNPJ: Inscrição Estadual:

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COPASA MG CNPJ/MF 17.281.106/0001 03 Rua Mar de Espanha, 453 / Sto. Antônio Belo Horizonte (MG)

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COPASA MG CNPJ/MF 17.281.106/0001 03 Rua Mar de Espanha, 453 / Sto. Antônio Belo Horizonte (MG) COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COPASA MG CNPJ/MF 17.281.106/0001 03 Rua Mar de Espanha, 453 / Sto. Antônio Belo Horizonte (MG) NORMAS DE CREDENCIAMENTO PARA INSTITUIÇÕES BANCÁRIAS 1. DA FINALIDADE

Leia mais

Governo do Estado do Rio de Janeiro Secretaria de Estado de Fazenda Departamento Geral de Administração e Finanças TERMO DE REFERÊNCIA

Governo do Estado do Rio de Janeiro Secretaria de Estado de Fazenda Departamento Geral de Administração e Finanças TERMO DE REFERÊNCIA TERMO DE REFERÊNCIA Código de Classificação: 13.02.01.15 1 DO OBJETO: A presente licitação tem por objeto a contratação de empresa para prestação dos serviços de cobertura securitária (seguro) para assegurar

Leia mais

TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2010. SESSÃO DE ABERTURA: Local: Rua Pamplona 1200 7º andar Horário: 10:30 horas do dia 08 de março de 2.

TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2010. SESSÃO DE ABERTURA: Local: Rua Pamplona 1200 7º andar Horário: 10:30 horas do dia 08 de março de 2. IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM 03 (TRÊS) DIAS DE ANTECEDENCIA NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP: 01405-001

Leia mais

APÓLICE/ENDOSSO DE SEGURO GARANTIA

APÓLICE/ENDOSSO DE SEGURO GARANTIA APÓLICE/ENDOSSO DE SEGURO GARANTIA Apólice: 024612013000107750002827 Processo SUSEP : 15414.004045/2010-49 Endosso: 0000000 Número de Controle Interno: 7202Ě CONDIÇÕES PARTICULARES A Austral Seguradora

Leia mais

Estado do Amazonas PREFEITURA MUNICIPAL DE TONANTINS CNPJ: 04.628.608/0001-16 Endereço: Rua Leopoldo Peres, s/n Centro, Tonantins AM

Estado do Amazonas PREFEITURA MUNICIPAL DE TONANTINS CNPJ: 04.628.608/0001-16 Endereço: Rua Leopoldo Peres, s/n Centro, Tonantins AM EDITAL CONVITE Nº 002/2015 1 PREÂMBULO 1.1. A, através da COMISSÃO MUNICIPAL DE LICITAÇÃO CML, adiante denominada simplesmente CML, CONVIDA essa firma para participar do certame licitatório, na modalidade

Leia mais

ANEXO III TRANSAÇÕES SEM CARTÃO PRESENTE

ANEXO III TRANSAÇÕES SEM CARTÃO PRESENTE ANEXO III TRANSAÇÕES SEM CARTÃO PRESENTE O presente Anexo III faz parte integrante do Contrato de Credenciamento ao Sistema Elavon ( CONTRATO ) registrado no 5º Oficial de Registro de Títulos e Documentos

Leia mais

EDITAL DE CREDENCIAMENTO Nº 001/2014

EDITAL DE CREDENCIAMENTO Nº 001/2014 EDITAL DE CREDENCIAMENTO Nº 001/2014 O Presidente do Conselho Regional de Enfermagem de São Paulo, no uso de suas atribuições legais e de conformidade com a Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993 e suas

Leia mais

EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA Nº 03/2014

EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA Nº 03/2014 EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA Nº 03/2014 O Município de Vale do Sol, RS, através do Prefeito Municipal. Sr. Clécio Halmenschlager, comunica aos interessados que está procedendo ao CREDENCIAMENTO de pessoas

Leia mais

Processo nº 0448.1511/15-9 DEVOLVER ESTE PROTOCOLO ASSINADO PROTOCOLO DE ENTREGA PROCESSO DE LICITAÇÃO CONVITE Nº 066A/2015

Processo nº 0448.1511/15-9 DEVOLVER ESTE PROTOCOLO ASSINADO PROTOCOLO DE ENTREGA PROCESSO DE LICITAÇÃO CONVITE Nº 066A/2015 Processo nº 0448.1511/15-9 DEVOLVER ESTE PROTOCOLO ASSINADO PROTOCOLO DE ENTREGA PROCESSO DE LICITAÇÃO CONVITE Nº 066A/2015 DATA DA ABERTURA: 13/11/2015 HORA DA ABERTURA: 09:00 Horas NOME DA EMPRESA: ORIGINAL

Leia mais

a.1.4) Em caso de Associação Civil, a aceitação de novos associados, na forma do estatuto;

a.1.4) Em caso de Associação Civil, a aceitação de novos associados, na forma do estatuto; CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 002/2014 QUALIFICAÇÃO DE ENTIDADES PRIVADAS SEM FINS LUCRATIVOS COMO ORGANIZAÇÃO SOCIAL NA ÁREA DE SAÚDE O Município de Fontoura Xavier, Estado do Rio Grande do Sul, pessoa jurídica

Leia mais

EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2013. Florianópolis, 15de fevereiro de 2013.

EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2013. Florianópolis, 15de fevereiro de 2013. EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2013 O CONSELHO REGIONAL DE FARMÁCIA DO ESTADO DE SANTA CATARINA - CRF/SC, Autarquia Federal, instituída pela Lei 3.820/60, torna público que se acha aberto, nesta unidade,

Leia mais

EDITAL DE CREDENCIAMENTO

EDITAL DE CREDENCIAMENTO MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA DA REPÚBLICA NO ESTADO DE RORAIMA PROGRAMA DE SAÚDE E ASSISTÊNCIA SOCIAL DO MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL EDITAL DE CREDENCIAMENTO Nº 01/2008 Regido pela Lei nº 8.666/93.

Leia mais

PODER EXECUTIVO MUNICIPIO DE ROLIM DE MOURA SECRETARIA MUNICIPAL DE COMPRAS E LICITAÇÃO

PODER EXECUTIVO MUNICIPIO DE ROLIM DE MOURA SECRETARIA MUNICIPAL DE COMPRAS E LICITAÇÃO ANEXO VIII INFORMAÇÕES PARA A ELABORAÇÃO DA PROPOSTA TÉCNICA AS LICITANTES deverão elaborar a PROPOSTA TÉCNICA observando o disposto no presente documento, descrito em duas partes a saber: - PARTE A- DIRETRIZES

Leia mais

ATO CONVOCATÓRIO 001 2013. OBJETO: Credenciamento de Consultores

ATO CONVOCATÓRIO 001 2013. OBJETO: Credenciamento de Consultores ATO CONVOCATÓRIO 001 2013 OBJETO: Credenciamento de Consultores O INSTITUTO QUALIDADE MINAS, pessoa jurídica de Direito privado sem fins lucrativos, qualificada como Organização da Sociedade Civil de Interesse

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS ATA DE REGISTRO DE PREÇOS ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº: 003 -TERRACAP PROCESSO Nº: 111.004.762/2013 Pregão Presencial Nº: 29/2013 VALIDADE: 12 meses, a partir da publicação no DODF. Aos dias do mês de

Leia mais