Sumário Sumário... 2

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Sumário Sumário... 2"

Transcrição

1 MANUAL DO USUÁRIO

2 Sumário Sumário Imobiliária Imobiliária no sistema Visual EstFlex Configurações iniciais Fornecedor - Proprietário Imóvel Acerto de Quantidades Clientes Inquilino Contrato Término do contrato Complemento de Valores Faturamento de Contratos Primeiro faturamento Faturamento mensal Desfaz faturamento Relatório de Itens x Grupo Filtros Ordenação O que mostrar Relatório de Itens x Fornecedor x Proprietário Extrato para Proprietário Recibo para Cliente

3 1- Imobiliária Uma Imobiliária é uma empresa que atua no mercado imobiliário, na intermediação de vendas ou locação de imóveis, tais como casas, apartamentos, salas, escritórios, etc... Além de intermediar, a imobiliária tem a função de administrar os imóveis locados. Seja pela venda ou pela locação, a imobiliária ganha uma comissão, a qual é devida pelo dono do imóvel Imobiliária no sistema Visual EstFlex O módulo de imobiliária do sistema Visual Estflex tem o objetivo de adequar o ERP para funcionalidades de cobrança de aluguéis de imóveis. Para facilitar esta integração foi criado um menu específico para as funções relacionadas ao controle imobiliário. 2- Configurações iniciais Para utilizar a funcionalidade de imobiliária no sistema, é necessária a presença da tag #IMOB1#=1 em qualquer um dos campos Refer em Config -> Configurações -> Controle de botões. Estando preenchida esta tag, o menu de imobiliária ficará disponível. 3- Fornecedor - Proprietário O fornecedor proprietário é o dono do imóvel. A imobiliária terá que prestar contas e pagar os valores de locação para o proprietário. Por este motivo ele é um fornecedor. Abaixo o caminho para abrir o cadastro de Fornecedor Proprietário. Importante ressaltar que o fornecedor número 1 (um) obrigatoriamente deve ser a própria imobiliária. Proprietário=fornecedor Menu Imobiliária Cadastro de Fornecedor Proprietário Neste cadastro além dos dados básicos cadastrais como nome e endereço é importante informar o dia base para pagamento do proprietário. Este campo está na Aba Cobrança. 4- Imóvel O imóvel age como um item no sistema Visual EstFlex. Seu cadastro é muito similar ao cadastro de um item qualquer, com a diferença que para o cadastro do imóvel, a tela de cadastro é um pouco mais simplificada. Acesse o menu Menu Imobiliária Cadastro de Imóveis. Explicação dos campos do Cadastro de Imóveis: Campo Item Explicação Código do imóvel. Pode ser informado o código que desejar ou deixar em branco que o sistema irá gerar o código. Importante. Sempre limpe a tela antes de iniciar um novo cadastro utilizando a 3

4 tecla F5. Nome Endereço Nome ou descrição do imóvel para ajudar na localização. Muitas vezes parte do endereço e outra descrição que o referencie. Campos destinados a armazenar o endereço do imóvel. Caso a Cidade e/ou Bairro não esteja cadastrado utilize o botãp [Cidades/bairros] para adicioná-los. Importante: Tome cuidado para não sobrepor nomes de cidades ou bairros por outros. Para uma nova cidade limpe a tela com a tecla F5. Para um novo bairro escolha a cidade e abra uma linha ao final da lista de bairros já cadastrados. Grupo Subgrupo Subdivisão Tipo Tipo de Operação Status Estes três campos permitem a categorização do imóvel. Apenas o Grupo é obrigatório. Exemplo de Grupos: Locação, Venda Exemplo de Subgrupos: Casas, Apartamentos, Garagens, Salas Comerciais Material ou Serviço. Os imóveis devem ser cadastrados como Material Utilizar neste campo a opção Patrimônio Único Este campo merece a seguinte explicação: Controle Estoque Proprietário de Ao cadastrar um novo imóvel o status deve ser Ativo Caso o imóvel esteja Ativo e saia da carteira da imobiliária o status deve ser alterado para Desativado. Um Imóvel Ativo quando é incluído em um contrato passa para o status Locado. Quando é feito o retorno deste imóvel para a carteira o status passa para Trânsito de Entrada. Neste momento o objetivo é não disponibilizar o imóvel imediatamente pois se faz necessário uma avaliação do mesmo antes de voltar para a carteira. Se estiver tudo ok deve ser alterado o status de Trânsito de Entrada para Ativo novamente. Para que o sistema funcione corretamente a opção Controla Estoque deve ser assinalada como SIM. Observe que o processo de dar entrada em um novo imóvel passa por duas etapas: 1) Cadastro do imóvel 2) Acerto de Quantidades realizando a entrada de 1 Unidade Neste campo informar o código do Fornecedor Proprietário. Isto é indispensável para o correto funcionamento do sistema. 4

5 Valor Comissão Descritivo Foto Valor base para locação. É o valor de tabela de locação deste imóvel. A moeda deve ser R$ % de administração do imóvel. Descritivo do imóvel, isto é, quantos quartos, banheiros, metragem, etc. Para inserir a foto do imóvel basta dar 2 clicks no quadro da foto e escolher a foto pelo browser. Sugerimos que as fotos sejam armazenadas sempre no mesmo local e com o padrão de nome da foto como sendo o código do imóvel.jpg. 5- Acerto de Quantidades Este processo permite movimentar o estoque. Como o imóvel é um patrimônio único deve conter zero ou 1 (uma) unidade. Qualquer novo imóvel cadastrado precisa ser devidamente inserido neste processo. O procedimento é muito simples: Acesse o Menu Imobiliária Acerto de Quantidade Informe o código do item, isto é, do imóvel cadastrado. Tipo de Movimentação: Entrada Quantidade: 1 Clique no botão [Gravar] 6- Clientes Inquilino Também chamado de locatário o inquilino é o cliente da imobiliária. Para cadastrar um cliente acesse o menu Imobiliária Cadastro de Clientes Inquilino. O cliente será referenciado no contrato para efeito de faturamento. 7- Contrato O cadastro de contratos é parte fundamental do sistema pois contém os contratos a serem faturados. O controle de contratos é usado para outras funcionalidades do sistema além da imobiliária, portanto abaixo serão relacionados apenas os campos necessários para o funcionamento deste módulo. Para acessar o cadastro de contratos use o Menu Imobiliária Cadastro de Contratos. Campo Contrato Número Explicação Para acessar os dados de um contrato digite o seu número neste campo e pressione TAB ou clique no botão [...] ao lado do campo que aparecerá a lista de contratos cadastrados para a sua escolha. Para um novo contrato limpe a tela usando a tecla F5. Neste caso deixe e este campo em branco pois o número será gerado automaticamente pelo sistema ao gravar os dados. 5

6 Empresa Cliente Datas do Contrato O sistema da Marcol permite o uso multi-empresa. Neste campo deve ser informado o número da empresa referente ao contrato. Normalmente a instalação é para apenas uma empresa, neste caso basta digitar o número 1. Não use um número diferente de 1 sem ter adquirido o licenciamento do sistema para mais de uma empresa. Código do cliente inquilino Início: Data de início do contrato Previsão de Término: Serve para definir uma previsão de término do contrato. Esta data pode ser controlada pelos relatórios disponíveis na Aba Outros do cadastro de contratos. Término do Contrato: Quando o contrato termina e não existirá mais nenhum faturamento o mesmo deve ser encerrado. Para acesse a Aba Fechamento. Esta funcionalidade está explicada no item 5.1-érmino do Contrato. Valor Dia Base Informe o valor bruto de locação do imóvel. Opcionalmente pode deixar este campo em branco e após informar o valor total no quadro de itens do contrato utilizar o botão [Soma] Dia de vencimento do contrato. 1º. Vencimento em Dia, Mês e Ano do primeiro vencimento. O campo dia deve ser igual ao Dia Base. Tipo Para contratos com faturamento mensal, bimestral, semestral ou qualquer outra variação em função de meses use a opção Mensal. Para contratos com faturamento diário, semanal, quinzenal ou outra variação em dias use a opção Diário. O programa de faturamento atua apenas no tipo Mensal. Periodicidade Se o Tipo for Mensal é a quantidade de meses entre um faturamento e outro. Para faturamentos mensais, isto é, todos os meses digite 1 (um) neste campo. Para faturamentos semestrais digite 6 neste campo, e assim sucessivamente. Para faturamentos quinzenais use o tipo Diário e digite 15 no campo periodicidade. Portador Escolha o portador para o título que será gerado. Carteira, Cobrança Bancária, etc. Vendedor NF Automática Tabela Informe o código do corretor que locou o imóvel. Escolha NÃO. Campo não utilizado pelo sistema de imobiliária. Deixe em branco. Campo não utilizado pelo sistema de imobiliária. 6

7 Centro e Conta Multa e Mora Reduzido Antecipar Faturamento Endereço Obs Reajuste Assinaturas Histórico Outros o Selecione o Centro e a conta do Plano de Contas de acordo com o que foi definido para a geração das faturas. Deixe em branco. Campo não utilizado pelo sistema de imobiliária. Utilizar apenas para o caso de uso do sistema de contas correntes do ERP informando qual a conta corrente que receberá o valor faturado. Apenas um indicador de que este contrato precisa de faturamento antecipado. Isto ocorre por solicitação de alguns clientes que precisam da fatura com mais dias de antecedência do que o padrão normal de envio da fatura pela imobiliária. O programa de faturamento permite escolher se deseja gerar fatura apenas para os contratos indicados como antecipação. Desnecessário pois já foi cadastrado no imóvel. Pode deixar em branco. Uso a seu critério Índice de reajuste, Periodicidade de reajuste, normalmente 12 meses e Próximo Reajuste. O sistema tem um dispositivo de reajuste automático pelo índice indicado desde que o mesmo seja atualizado regularmente. Para casos mais simples com poucos imóveis pode-se utilizar um dos relatórios na aba Outros e verificar os imóveis a serem reajustados, proceder o reajuste de valor manual alterando o valor no quadro de itens e no campo valor do contrato e alterar o campo próximo reajuste. Uso específico para clientes que contratam integração com Word Importante controle de sincronismo de contratos. O faturamento mensal garante este sincronismo. O usuário pode interagir com este controle desde que saiba exatamente o seu funcionamento. O campo Último Vencimento Faturado permite ao sistema decidir se o faturamento que está sendo realizado deve ou não ser executado para o contrato. Ex.: Último Vencimento Faturado: 10/2013, Contrato Mensal. Neste caso significa que se faturarmos o Mês 11/2013 este contrato será faturado, pois =11. Os campos serão automaticamente preenchidos pelo programa de faturamento. Cobertura Atual: Este campo contém a cobertura referente ao que foi faturado. Ex.: 15/10/2013 até 14/11/2013 Significa que este é o período coberto por este faturamento. O sistema mantém estes campos atualizados. Interfira neles somente sabendo exatamente o que está fazendo. Diversos Relatórios, sendo que os de interesse deste módulo são: Relatório de Itens de Contrato 7

8 Relatório de Contratos Relatório de Ctrs x Dias Base Não utilize a opção faturamento imediato se estiver usando em imobiliária. O faturamento imediato neste caso é chamado de 1º. Faturamento e está no Menu Imobiliária Faturamento de Contratos Movimentação Fechamento Não é utilizado pela opção imobiliária Guia aonde se informa os dados para encerramento de um contrato. Veja o item a seguir chamado de Término de Contrato Quadro Itens do Contrato Informe o código do imóvel no campo Item e pressione TAB. Informe a quantidade 1 (um). Para que o lançamento seja aceito o imóvel deve ter uma quantidade disponível e estar com status Ativo. Valor Total: Informe o Valor Bruto do aluguel do imóvel Observação: Neste campo informe o desconto para pagamento em dia no formato D=99,99 aonde 99,99 é o valor do desconto. Somente o lançamento neste formato será corretamente interpretado pelo sistema. Dt Retorno Qtd Retornada Data de retorno do imóvel. Este procedimento deve ser executado quando o imóvel retorna para a imobiliária, isto é, quando o contrato é cancelado. Selecione o item desejado clicando na linha do item. Informe no campo Data no pé da coluna Dt Retorno a data do encerramento e clique no botão [Retorno Completo do Item] Caso execute o retorno completo de um item erroneamente basta clicar no mesmo botão para desfazer a operação Término do contrato Para realizar o término de um contrato inicialmente deve ser verificado se existe algum valor a ser cobrado. Caso exista deve ser lançado no Cadastro de Complemento de Valores e deve ser rodado o faturamento exclusivamente para o contrato que está sendo cancelado. Isto precisa ser feito antes do encerramento pois o sistema não fatura contratos encerrados. Para encerrar primeiramente faça o retorno do item conforme descrito acima no campo Dt Retorno. Depois acione a Aba Fechamento e informe a data do encerramento, o Motivo do encerramento e clique no botão [Encerrar] 8

9 8. Complemento de Valores Este cadastro é parte integrante do dispositivo de faturamento. Os aluguéis serão faturados com base no valor do item do contrato, porém na administração imobiliária existem outras cobranças a serem tratadas, sendo as mais tradicionais IPTU, Água, Energia Elétrica, Condomínio, Despesas de consertos e Intermediação. Dependendo da situação estes valores irão gerar Débito do Cliente Inquilino ou Crédito para o Fornecedor Proprietário ou mesmo as duas operações. Cabe ao operador do sistema registrar tais despesas para cada contrato de acordo com a sua ocorrência. Para retratar melhor estes casos utilizaremos exemplos no campo Ação: Campo Código Data Lançamento Contrato Imóvel Ação do Explicação Campo automático do sistema. Para cadastro de um novo lançamento deixe este campo em branco. Data que está sendo feito o lançamento. Apenas para efeito informativo. Número do Contrato a que se refere o lançamento. Deixar em branco caso seja um lançamento para um imóvel que não tenha contrato ativo. Código do imóvel para o qual se refere o lançamento. Escolha qual a ação do lançamento: CC-Crédito para o Cliente Inquilino Isto é o inquilino terá um abatimento no valor a pagar. Caso o valor de crédito do inquilino seja maior do que o valor mensal do aluguel sugerimos já dividir o valor em várias parcelas. Caso isto não seja feito o sistema irá utilizar do valor de crédito apenas o que for possível e irá passar para o próximo mês a diferença. Ex.: O cliente pagou uma reforma de responsabilidade do proprietário. DF-Crédito para o Fornecedor Proprietário Isto é a imobiliária terá que pagar ou repassar algum valor para o proprietário que não seja da receita de aluguel. Ex.: Um IPTU cobrado do inquilino que já foi pago pelo proprietário. A imobiliária recebe do inquilino e repassa para o proprietário. CO-Comissão Débito do Proprietário. Este item é usado automaticamente pelo sistema no faturamento de contratos para gerar informação referente a TAXA de ADMINISTRAÇÃO. DC Débito para o Cliente Inquilino Usar esta opção para cobrar algo do cliente que não seja o valor do aluguel, exemplo, IPTU, AGUA, ENERGIA ELÉTRICA, MULTA RESCISÓRIA, etc. 9

10 Data Competência Histórico Valor Desc Pg Em Dia Parcela e de DF Débito para o proprietário Use esta opção se tiver que lançar algum valor adicional de cobrança do proprietário. Ex.: Uma manutenção de responsabilidade do proprietário paga pela imobiliária. O valor deverá ser ressarcido. IN Débito de Intermediação. Este também é um débito do proprietário, mas deve ser usado sempre em novos contratos aonde o primeiro aluguel ou parte dele deve ser repassado para a imobiliária. Este valor deve ser cadastrado antes do 1º. Faturamento. A data de competência é o mesmo que Mês e Ano para processamento do faturamento. Quando o faturamento é executado ele exige o Mês e Ano para processamento ou vencimento. A data digitada aqui será comparada com o mês e ano escolhido para o faturamento. Se estiver dentro do mês e ano para faturamento o registro será processado. Ex.: 01/11/2013 significa que o valor será processado no faturamento do Mês 11/2013 Descrição do que se trata o lançamento: IPTU, AGUA, etc Valor do Lanlçamento Apenas informativo para mostrar valor gerado pelo faturamento Controle de Parcelas. Ex.: 1 de 10 Total de Parcelas 1 de 1, 10 de 12, etc. Valor da Comissão Campo disponível apenas quando do lançamento de um Débito do Inquilino. Neste caso se a imobiliária irá receber algum valor de comissão sobre o valor cobrado este deverá ser informado neste campo. Campos Controle de Faturamento Origem Número do faturamento que gerou o lançamento. O sistema de faturamento gera débitos do inquilino e créditos para o proprietário neste cadastro. Faturamento em que foi processado. Os lançamentos manuais como IPTU e outros devem ser processados uma única vez. Quando o programa processa os dados este campo recebe o número do faturamento que realizou o processamento. Faturamento que foi alterado. Situação especial em que um valor cadastrado de crédito de inquilino ou de proprietário fica com saldo para ser repassado para o próximo mês. Neste caso o sistema alterado o dado cadastrado automaticamente. Pagar processado: Número do contas a pagar gerado Receber Processado: Número do contas a receber gerado. Duplica DC como CF Botão que permite replicar o dado de um débito do inquilino como crédito para o fornecedor. Muito útil para os casos de repasse direto de valores. Ex.: Um IPTU foi pago pelo proprietário. O inquilino deve pagar o IPTU e a imobiliária repassar o 10

11 valor na integra para o proprietário. Neste caso é feito o lançamento DC do IPTU e em seguida encontra o registro lançado usando o botão > que traz o último registro e em seguida duplica-se o valor para o proprietário. Só faça isto se o valor realmente precisa ser repassado para o proprietário. Repete de Acordo com Qtd PArcelas Este botão serve para facilitar o lançamento de várias parcelas. Ex.: No início do ano é feito o lançamento dos IPTUS. Cadastra-se o primeiro Ex.: 1 de 10 e com este botão o sistema repete as outras 9 sem precisa cadastrar. Assim 10 parcelas de IPTU podem ser feitas com o trabalho de um único lançamento. Cuidado. Se você já fez o lançamento e pedir para o sistema fazer novamente o sistema irá realizar a tarefa e a exclusão terá que ser um a um 9. Faturamento de Contratos Para rodar o faturamento, há uma tela específica no menu de imobiliária onde é possível selecionar se deseja rodar o primeiro faturamento, o faturamento mensal ou também desfazer algum faturamento.( Imobiliária -> faturamento de contratos ) Primeiro faturamento Como o próprio nome diz o primeiro faturamento serve para executar o primeiro faturamento de um contrato novo. Ao clicar no botão [Primeiro Faturamento] uma tela com os seguintes dados irá aparecer: Número do Contrato: Informe o contrato a ser faturado. O sistema verifica se realmente se trata do primeiro faturamento deste contrato. Início da Cobertura do Aluguel e Fim da Cobertura do Aluguel: O sistema informa as datas de acordo com a data informada de início do contrato. O operador pode alterar esta data desde que esteja certo do que está fazendo. O próximo faturamento irá seguir a seqüência destas datas. Mês/Ano de Competência: Mês/Ano referente ao processamento do faturamento. Importante para o sincronismo do próximo faturamento. Valor a ser cobrado: Valor a ser cobrado referente ao primeiro aluguel. Vencimento: Data de vencimento do primeiro aluguel. Intermediação Cadastrada: Valor da intermediação previamente cadastrada. Isto é, se o valor do primeiro aluguel ficará com a imobiliária o valor de intermediação deve ser previamente cadastrado no Cadastro de Complemento de Valores com a Ação IN-Intermediação. Caso a intermediação seja dividida em mais de uma parcela a mesma deve ser devidamente lançada no cadastro de complemento de valores em tantas parcelas quantas forem negociadas. Valor da Comissão: Valor da comissão da imobiliária para o caso de existir além da intermediação. 11

12 9.2- Faturamento mensal Para executar o faturamento mensal, é preciso digitar o mês/ano de processamento do faturamento e clicar no botão faturamento mensal, dessa maneira o sistema irá faturar todos os contratos para aquele mês. No caso de desejar faturar contratos específicos, use os filtros da tela Desfaz faturamento Quando um faturamento é feito, é gerado um número, independente de quantos contratos foram faturados. Este número é usado para se desfazer um determinado faturamento. Ao clicar no botão Desfaz faturamento, uma tela será aberta onde deverá ser preenchido o número do faturamento e o contrato. 10. Relatório de Itens x Grupo O sistema Visual estflex conta com diversos relatórios em seus módulos, para ajudar o usuário a ter um controle melhor e uma visualização de determinadas atividades realizadas. No módulo de Imobiliária não é diferente, contamos com alguns relatórios para auxiliar na administração dos usuários. O relatório de itens x grupo irá nos fornecer uma listagem dos itens cadastrados divididos pelos grupos e subgrupos aos quais eles pertencem. No caso da imobiliária, os itens em questão serão os imóveis Filtros É possível filtrar pelo tipo do item, divisões, quantidades, tipo de operação, controla lote, entre outros. Vale lembrar que no caso de imobiliária, os itens abaixo descritos deverão ser interpretado como os imóveis. Tipo do Item Divisões Quantidades Tipo de Operação Outros Controla Lote É possível escolher se o relatório irá mostrar os itens do tipo Produto, serviço ou entçao ambos. Este é o filtro que irá selecionar o grupo, subgrupo e a subdivisão dos itens a serem impressos no relatório. Para que apareça todos os itens, basta selecionar o grupo 0 Este filtro serve para mostrar os itens que possuem de determinada quantidade até outra determinada quantidade em estoque. Para que apareça todos os itens independente de suas quantidades, basta deixar os campos com valor 0,000 e não selecionar a checkbox Qtd=0 É possivel selecionar o tipo de operação dos itens a serem impressos no relatório. É possivel selecionar a empresa a qual pertence determinado item, o fornecedor de tal item, o fornecedor principal, o status e até o NCM. Será possível selecionar para que filtre os itens que fazem controle de lote ou não, ou então todos. 12

13 10.2 Ordenação A ordenação do relatório servirá para escolher a ordem que aparecerá os itens impressos no relatório, respeitando o agrupamento por grupos e subgrupos O que mostrar Há diversas opções para o que ser mostrado no relatório. É possível selecionar se deseja linha entre os itens, se deseja mostrar o proprietário e o inquilino, entre diversas outras opções que ficam a cargo do usuário selecionar a que mais lhe agradará. Abaixo segue um exemplo do relatório impresso, para ele, foi selecionado em outros o status Todos e no que mostrar foi selecionado código, descrição, status. Atente para a divisão em grupos e subgrupos, assim como para o status dos imóveis, que variam entre Locado, Desativado e Ativo, onde Desativado corresponde aos itens que não fazem mais parte da carteira da imobiliária e Ativo corresponde aos imóveis que estão prontos para serem locados/vendidos. Imagem 3 13

14 11. Relatório de Itens x Fornecedor x Proprietário Este relatório trará uma lista com os itens pertencentes ao fornecedor selecionado, no caso da imobiliária, trará a lista com os imóveis que pertencem a determinado proprietário. A tela é simples, tendo apenas o campo do fornecedor. 12. Extrato para Proprietário O extrato para proprietário serve para gerar uma lista contendo os faturamentos de uma determinada data, mostrando o saldo e o débito, além de informar o imóvel, o inquilino e o contrato referente a um proprietário específico. Abaixo há uma explicação sobre os campos da tela. Fornecedor Contrato Faturamento Nr É possível filtrar por proprietário o extrato a ser impresso na tela. Deixando o numero 0, os extratos de todos os proprietários serão impressos. Este filtro serve para filtrar por contrato, no caso do usuário querer que seja listado apenas um contrato específico. Este é o filtro para mostrar um determinado faturamento do mês preenchido. Referente mes/ano Quanto fechamento faturamento ao ao do Este campo é obrigatório e deve ser preenchido com o mês/ano referente ao extrato desejado Esta série de filtros serve para o usuário selecionar se deseja que seja impresso apenas os faturamentos já processados, os faturamentos ainda não processados ou ambos. O sistema irá verificar os dados digitados nos filtros e irá filtrar de acordo com o que ali estiver constando, na sequência seguirá um exemplo do que vem a ser impresso no extrato, atente para as informações como Status, saldo, débitos e créditos explicados de onde vieram, assim como o períoddo referente ao que está impresso no extrato. Informações pessoais foram ocultadas na imagem. Imagem 14

15 13. Recibo para Cliente O Recibo para Cliente serve para (como o próprio nome já diz) imprimir um recibo para o cliente referente ao faturamento de uma determinada data. Os filtros da tela são quase os mesmos do Extrato para Proprietário, sendo bastante intuitivos. O recibo imprimirá informações sobre o remetente e o destinatário, além de informar o imóvel, a data de vencimento e o valor. É possível selecionar o contrato pela lista de pesquisa clicando nos [...], assim como o cliente. No caso de desejar um faturamento específico, o usuário deverá digitá-lo no respectivo campo. O recibo conta com um espaço para assinatura e preenchimento da data. Novamente, os dados pessoais foram ocultados na imagem. Imagem 2 Para definir o que deverá ser impresso na parte de observações do recibo, quanto a contas bancárias, deverá ser feito o cadastro do reduzido no cadastro de contas correntes, onde será preenchido a agencia e a conta corrente daquele reduzido. (Financeiro Contas Correntes Cadastros Contas correntes). No cadastro de contratos, há o campo para preencher qual o reduzido daquele contrato. Para cadastrar um reduzido, é necessário ter o cadastro do banco e da agência no sistema. Para cadastrar uma agencia, utilize o menu de cadastro de agencias, e para cadastro do banco, utilize o menu de cadastro de bancos. (Financeiro Contas correntes ->Cadastros Agência / Banco). Ao selecionar o reduzido no cadastro de contratos, o sistema irá verificar o que está cadastrado naquele reduzido e será impresso em observações no recibo do cliente da seguinte maneira: O presente recibo somente é válido com a assinatura do corretor responsável, ou, ainda, com apresentação do comprovante de depósito na conta nr xxxxxxxx, Agência xxxx, do banco XXX, em nome de *****. Onde: XXXX = Dados cadastrados no reduzido utilizado no contrato ***** = Nome da imobiliária, cadastrado no fornecedor 1. 15

16 No caso do reduzido utilizado for caixa interno ou similar, será impressa a seguinte mensagem: O presente recibo somente é válido com a assinatura do corretor responsável, ou, ainda, com apresentação do comprovante de depósito na conta definida no contrato de locação. 16

SISTEMA DE ADMINISTRAÇÃO DE LOCAÇÃO IMOBILIÁRIA LISTA DE ATUALIZAÇÕES NOVAS

SISTEMA DE ADMINISTRAÇÃO DE LOCAÇÃO IMOBILIÁRIA LISTA DE ATUALIZAÇÕES NOVAS SISTEMA DE ADMINISTRAÇÃO DE LOCAÇÃO IMOBILIÁRIA VERSÃO 7.0 LISTA DE ATUALIZAÇÕES NOVAS Todas as telas do sistema foram remodeladas para utilização da resolução de vídeo 1024 x 768, apresentando agora um

Leia mais

Treinamento Módulo Contas a Pagar

Treinamento Módulo Contas a Pagar Contas a Pagar Todas as telas de cadastro também são telas de consultas futuras, portanto sempre que alterar alguma informação clique em Gravar ou pressione F2. Teclas de atalho: Tecla F2 Gravar Tecla

Leia mais

Treinamento Sistema Imobilis Módulo I

Treinamento Sistema Imobilis Módulo I Imobilis Módulo I CADASTROS Todas as telas de cadastro também são telas de consultas futuras, portanto sempre que alterar alguma informação clique em Gravar ou pressione F2. Teclas de atalho: Tecla F2

Leia mais

Treinamento Sistema Condominium Módulo I

Treinamento Sistema Condominium Módulo I CONDOMINIUM Módulo I CADASTROS Todas as telas de cadastro também são telas de consultas futuras, portanto sempre que alterar alguma informação clique em Gravar ou pressione F2. Teclas de atalho: Tecla

Leia mais

LINX POSTOS AUTOSYSTEM

LINX POSTOS AUTOSYSTEM LINX POSTOS AUTOSYSTEM Manual Sumário 1 CONCEITO... 4 2 REQUISITOS... 4 3 CONFIGURAÇÕES... 4 3.1 Permissões de Acesso... 4 3.2 Plano de Contas... 5 3.2.1 Parcelado... 6 3.2.2 Parcelamento Notas a Prazo...

Leia mais

Tutorial contas a pagar

Tutorial contas a pagar Tutorial contas a pagar Conteúdo 1. Cadastro de contas contábeis... 2 2. Cadastro de conta corrente... 4 3. Cadastro de fornecedores... 5 4. Efetuar lançamento de Contas à pagar... 6 5. Pesquisar Lançamento...

Leia mais

Sumário. www.samisistemas.com.br Porto Alegre 51 3254.5454 Florianópolis 48 3094.1775 São Paulo 11 3076.499 Rio de Janeiro 21 3031.

Sumário. www.samisistemas.com.br Porto Alegre 51 3254.5454 Florianópolis 48 3094.1775 São Paulo 11 3076.499 Rio de Janeiro 21 3031. Sumário Legenda... 3 1. Caixa... 4 1.1. Caixa... 4 1.1.1. Abertura de Caixa... 4 1.1.1.1. Lançamentos de Caixa... 6 1.1.2. Fechamento de Caixa... 38 1.2. Consultas... 39 1.2.1. Fita do Caixa... 39 1.2.2.

Leia mais

NeXT ERP Manual do usuário. Resumo das principais funcionalidades. Dezembro/2009. NeXT Software

NeXT ERP Manual do usuário. Resumo das principais funcionalidades. Dezembro/2009. NeXT Software NeXT ERP Manual do usuário Resumo das principais funcionalidades Dezembro/2009 NeXT Software Página 1 de 33 Índice Iniciando NeXT ERP...3 Tela inicial...3 Interface padrão do NeXT ERP...3 Interface - Cadastro

Leia mais

PRINCIPAIS NOVIDADES VERSÃO 8.85/1.1.66

PRINCIPAIS NOVIDADES VERSÃO 8.85/1.1.66 PRINCIPAIS NOVIDADES VERSÃO 8.85/1.1.66 Sumário 1. Nota Fiscal Eletrônica São Paulo... 3 2. Motivo da baixa... 9 3. Contrato Endereço para cobrança... 12 4. Vistoria... 13 5. Contas a pagar Controle de

Leia mais

Treinamento Sistema Condominium Módulo III

Treinamento Sistema Condominium Módulo III Financeiro (Lançamentos Despesas e Saldos) Nesse módulo iremos apresentar os principais recursos da área contábil do sistema. Contábil> Lançamentos Nessa tela é possível lançar as despesas dos condomínios,

Leia mais

Treinamento Sistema Condominium Módulo II

Treinamento Sistema Condominium Módulo II CONDOMINIUM - Módulo II GERAÇÃO DE EMISSÕES RATEIO Neste módulo o aprendizado será a emissão dos boletos bancários. O sistema disponibiliza algumas maneiras para facilitar o seu dia-a-dia: Sequencia para

Leia mais

www.gerenciadoreficaz.com.br

www.gerenciadoreficaz.com.br Fone: (62) 4141-8464 E-mail: regraconsultoria@hotmail.com www.gerenciadoreficaz.com.br Guia Prático do Usuário Manual de Instalação Gerenciador Eficaz 7 2 Manual do Usuário Gerenciador Eficaz 7 Instalando

Leia mais

Apostila nº 32 Contas a Pagar e a Receber; Como localizar, Incluir, Alterar, Eliminar, Baixar, reabrir e imprimir

Apostila nº 32 Contas a Pagar e a Receber; Como localizar, Incluir, Alterar, Eliminar, Baixar, reabrir e imprimir Apostila nº 32 Contas a Pagar e a Receber; Como localizar, Incluir, Alterar, Eliminar, Baixar, reabrir e imprimir Sumário Contas á Receber...3 Como atualizar a pesquisa no contas á receber?...3 Como efetuar

Leia mais

SuperStore. Sistema para Automação de Óticas. MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Vendas e Caixa)

SuperStore. Sistema para Automação de Óticas. MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Vendas e Caixa) SuperStore Sistema para Automação de Óticas MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Vendas e Caixa) Contato: (34) 9974-7848 http://www.superstoreudi.com.br superstoreudi@superstoreudi.com.br SUMÁRIO 1 Vendas... 3 1.1

Leia mais

O Oficina Integrada é um sistema completo para o controle e gerenciamento de oficinas mecânicas. É o primeiro e único software que controla o fluxo

O Oficina Integrada é um sistema completo para o controle e gerenciamento de oficinas mecânicas. É o primeiro e único software que controla o fluxo O Oficina Integrada é um sistema completo para o controle e gerenciamento de oficinas mecânicas. É o primeiro e único software que controla o fluxo em sua oficina. O sistema foi desenvolvido para ser utilizado

Leia mais

SuperStore Sistema para Automação de Óticas

SuperStore Sistema para Automação de Óticas SuperStore Sistema para Automação de Óticas MANUAL DO USUÁRIO (Administrador) Contato: (34) 9974-7848 http://www.superstoreudi.com.br superstoreudi@superstoreudi.com.br SUMÁRIO 1 ACESSANDO O SISTEMA PELA

Leia mais

SuperStore. Sistema para Automação de Óticas. MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Estoque)

SuperStore. Sistema para Automação de Óticas. MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Estoque) SuperStore Sistema para Automação de Óticas MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Estoque) Contato: (34) 9974-7848 http://www.superstoreudi.com.br superstoreudi@superstoreudi.com.br SUMÁRIO 1 ACERTO DE ESTOQUE...

Leia mais

INDICE 1. CADASTRO DE CATEGORIAS...5 2. CADASTRO DE BANCO... 3. CONTAS A RECEBER... 3.1. LANÇAMENTO AUTOMÁTICO DE CONTAS A RECEBER...

INDICE 1. CADASTRO DE CATEGORIAS...5 2. CADASTRO DE BANCO... 3. CONTAS A RECEBER... 3.1. LANÇAMENTO AUTOMÁTICO DE CONTAS A RECEBER... 1 2 INDICE 1. CADASTRO DE CATEGORIAS...5 2. CADASTRO DE BANCO......6 3. CONTAS A RECEBER......6 3.1. LANÇAMENTO AUTOMÁTICO DE CONTAS A RECEBER...6 3.2. LANÇAMENTO MANUAL DE CONTAS A RECEBER...7 3.3. GERAÇÃO

Leia mais

Emissão Doc Extra de Locação Sami ERP++

Emissão Doc Extra de Locação Sami ERP++ Emissão Doc Extra de Locação Sami ERP++ 1. Chamada Extra Acesse o módulo FINANCEIRO/ CONTAS À RECEBER/ LOCAÇÃO/ CHAMADA EXTRA. Este programa emite os recibos de cobrança extra do sistema de locação. O

Leia mais

Ajuda do Sistema Aquarius.

Ajuda do Sistema Aquarius. Ajuda do Sistema Aquarius. Esta ajuda é diferenciada da maioria encontrada nos sistemas de computador do mercado. O objetivo desta ajuda é literalmente ajudar o usuário a entender e conduzir de forma clara

Leia mais

PRONIM ED - EDUCAÇÃO Financeiro

PRONIM ED - EDUCAÇÃO Financeiro PRONIM ED - EDUCAÇÃO Financeiro SUMÁRIO 1. FINANCEIRO... 5 1.1. ED - SECRETARIA... 5 1.2. ED - ESCOLA... 5 1.3. USUÁRIOS POR ENTIDADE NO ED SECRETARIA E ESCOLA... 6 2. FINANCEIRO - SECRETARIA... 7 2.1.

Leia mais

Pedido de Bar Sistema para controle de pedido de bar

Pedido de Bar Sistema para controle de pedido de bar Pedido de Bar Sistema para controle de pedido de bar Desenvolvido por Hamilton Dias (31) 8829.9195 Belo Horizonte hamilton-dias@ig.com.br www.h-dias.cjb.net ÍNDICE Introdução...3 Implantação...3 Instalação...3

Leia mais

Objetivos. Página - 2

Objetivos. Página - 2 Índice Índice... 1 Objetivos... 2 Configurações... 3 Cadastro de Bancos... 3 Plano de Contas... 3 Conta Corrente... 4 Instruções Bancárias... 6 Portadores Bancários... 7 Cadastro de Clientes... 8 Boletos...

Leia mais

Treinamento de. Linx Pos

Treinamento de. Linx Pos Treinamento de caixa Linx Pos Será instalados no terminal da loja, o ícone, conforme imagem abaixo: Linx POS ÍNDICE Abertura de caixa e leitura X Lançamentos Cancelamento de itens Consulta preços no ato

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.07

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.07 MANUAL DO SISTEMA Versão 6.07 Movimentações... 4 Movimentações de Caixa... 4 Entradas... 6 Recebimento em Dinheiro... 8 Recebimento em Cheque... 8 Troco... 15 Saídas... 17 Movimentações de Banco... 22

Leia mais

Manual do Sistema "Vida em Mão - Controle Financeiro Para PALM" Editorial Brazil Informatica

Manual do Sistema Vida em Mão - Controle Financeiro Para PALM Editorial Brazil Informatica Manual do Sistema "Vida em Mão - Controle Financeiro Para PALM" Editorial Brazil Informatica I Vida em Mãos - Controle Financeiro para PALM Conteúdo Part I Introdução 2 1 Fala Comigo -... Sistema de Atendimento

Leia mais

Manual do Sistema "Venda - Gerenciamento de Vendas, Estoque, Clientes e Financeiro" Editorial Brazil Informatica

Manual do Sistema Venda - Gerenciamento de Vendas, Estoque, Clientes e Financeiro Editorial Brazil Informatica Manual do Sistema "Venda - Gerenciamento de Vendas, Estoque, Clientes e Financeiro" Editorial Brazil Informatica I Venda - Gerenciamento de Vendas, Estoque, Clientes e Financeiro Conteúdo Part I Introdução

Leia mais

P á g i n a 2. 1 Cadastro de Contas 1.1 - Como abrir o cadastro de contas 1.2 Como cadastrar uma nova conta

P á g i n a 2. 1 Cadastro de Contas 1.1 - Como abrir o cadastro de contas 1.2 Como cadastrar uma nova conta P á g i n a 2 1 Cadastro de Contas 1.1 - Como abrir o cadastro de contas 1.2 Como cadastrar uma nova conta 2 Centro de custos 2.1 Como abrir a tela de centro de custos. 2.2 Como cadastrar um centro de

Leia mais

CONTROLE DE CONTRATOS

CONTROLE DE CONTRATOS CONTROLE DE CONTRATOS RMS Software S.A. - Uma Empresa TOTVS Todos os direitos reservados. A RMS Software é a maior fornecedora nacional de software de gestão corporativa para o mercado de comércio e varejo.

Leia mais

Manual do Módulo SAC

Manual do Módulo SAC 1 Manual do Módulo SAC Índice ÍNDICE 1 OBJETIVO 4 INICIO 4 SAC 7 ASSOCIADO 9 COBRANÇA 10 CUSTO MÉDICO 10 ATENDIMENTOS 11 GUIAS 12 CREDENCIADO 13 LIVRETO 14 BUSCA POR RECURSO 15 CORPO CLÍNICO 16 MENU ARQUIVO

Leia mais

Sistema de Controle de Cheques GOLD

Sistema de Controle de Cheques GOLD Sistema de Controle de Cheques GOLD Cheques GOLD é um sistema para controlar cheques de clientes, terceiros ou emitidos. Não há limitações quanto as funcionalidades do programa, porém pode ser testado

Leia mais

Esta alteração é feita de duas formas: Cadastro de pedido de compra e ajuste de estoque.

Esta alteração é feita de duas formas: Cadastro de pedido de compra e ajuste de estoque. 5. ALTERAÇÃO DO ESTOQUE ATUAL Não é possível alterar o estoque de um produto na tela Cadastro de Produto. Esta alteração é feita de duas formas: Cadastro de pedido de compra e ajuste de estoque. 5.1. Cadastro

Leia mais

Primeiros Passos para o Simulador de Ações do FinanceDesktop. Parte A INICIANDO E CONFIGURANDO (5 passos)

Primeiros Passos para o Simulador de Ações do FinanceDesktop. Parte A INICIANDO E CONFIGURANDO (5 passos) Primeiros Passos para o Simulador de Ações do FinanceDesktop. Seja bem-vindo(a) ao Simulador de Ações FinanceDesktop. Seu propósito é oferecer um ambiente completo e fácil de usar que permita o registro

Leia mais

SuperStore. Sistema para Automação de Óticas. MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Financeiro)

SuperStore. Sistema para Automação de Óticas. MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Financeiro) SuperStore Sistema para Automação de Óticas MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Financeiro) Contato: (34) 9974-7848 http://www.superstoreudi.com.br superstoreudi@superstoreudi.com.br SUMÁRIO 1 LANÇAMENTO DE CONTAS

Leia mais

Orientações Básicas Repom.

Orientações Básicas Repom. Orientações Básicas Repom. Considerações importantes: 1 A viagem deverá estar autorizada para depois solicitar o pagamento. 2 É obrigatório informar o campo NCM da mercadoria, que está em tabela>auxiliares>mercadoria.

Leia mais

CAPTAÇÃO DE PEDIDOS DO REVENDEDOR

CAPTAÇÃO DE PEDIDOS DO REVENDEDOR CAPTAÇÃO DE PEDIDOS DO REVENDEDOR 1. Captação de Pedidos - pela Central (Back office) 1 2. Como consultar Pedido 16 3. Como visualizar Detalhes de um Pedido 19 4. Como consultar Vendas/Cortes em Pedidos

Leia mais

FINANCEIRO Manual OPERACIONAL

FINANCEIRO Manual OPERACIONAL SISTEMA DE GESTÃO HDIAS HAMILTON DIAS (31) 8829.9195 8540.8872 www.hdias.com.br hamilton-dias@ig.com.br FINANCEIRO Manual OPERACIONAL Pagina 2 de 14 ÍNDICE Receitas e Despesas... 3 Como Acessar... 3 Como

Leia mais

Movimento. Financeiro. Bancário. Contas a Pagar. Lançamento de Contas a Pagar (simples) Contas a Receber. Lançamento de Contas a Receber (simples)

Movimento. Financeiro. Bancário. Contas a Pagar. Lançamento de Contas a Pagar (simples) Contas a Receber. Lançamento de Contas a Receber (simples) Movimento Financeiro Contas a Pagar Lançamento de Contas a Pagar (simples) Contas a Receber Lançamento de Contas a Receber (simples) Movimento de Caixa Fechamento Caixa Bancos Apropriações de Centros de

Leia mais

MANUAL DO PRESTADOR FATURAMENTO WEB

MANUAL DO PRESTADOR FATURAMENTO WEB MANUAL DO PRESTADOR FATURAMENTO WEB 0 Sumário Introdução... 2 Funcionalidades... 2 Requisitos Necessários... 2 Faturamento Web... 3 Faturamento Simplificado... 4 Faturamento Detalhado... 9 Faturamento

Leia mais

Treinamento Sistema Condominium Módulo V

Treinamento Sistema Condominium Módulo V Módulo V Prestação de Contas Condomínio> Prestação de Contas Em Prestação de Contas Serão impressos todos os relatórios que irão compor sua Pasta mensal. Estão disponíveis diversos modelos para balancete,

Leia mais

Manual NOV - PDV. Versão 1.0

Manual NOV - PDV. Versão 1.0 Manual NOV - PDV Versão 1.0 Sumário 01 Captura de Nota Fiscal...3 02 Remessa de Entrada...6 03 Remessa de Saída......9 04 Pedido Normal...12 05 Pedido Especial...16 06 Nota Fiscal Avulsa...18 07 Controle

Leia mais

V.1.0 SIAPAS. Sistema Integrado de Administração ao Plano de Assistência à Saúde. Contas Médicas

V.1.0 SIAPAS. Sistema Integrado de Administração ao Plano de Assistência à Saúde. Contas Médicas 2014 V.1.0 SIAPAS Sistema Integrado de Administração ao Plano de Assistência à Saúde Contas Médicas SIAPAS Sistema Integrado de Administração ao Plano de Assistência à Saúde Módulos CONTAS MÉDICAS Capa

Leia mais

Imóvel Mix Administração

Imóvel Mix Administração Imóvel Mix Administração Guia de Referência Rápida 01. Acesso ao Sistema 02. Aspectos Gerais 03. Configuração da Empresa 04. Configuração do Sistema 05. Usuários 06. Controle de Acesso 07. Cadastro de

Leia mais

Manual Unilote. Versão 2.1

Manual Unilote. Versão 2.1 Manual Unilote Versão 2.1 1 INDICE Apresentação...4 Principais Características...4 Requisitos Mínimos...4 Requisitos Mínimos de Software...4 Instalação...5 PRIMEIRO PASSOS Dados da Empresa...6 Acessando

Leia mais

PEDIDO Manual OPERACIONAL

PEDIDO Manual OPERACIONAL SISTEMA DE GESTÃO HDIAS HAMILTON DIAS (31) 8829.9195 8540.8872 www.hdias.com.br hamilton-dias@ig.com.br PEDIDO Manual OPERACIONAL Pagina 2 de 34 ÍNDICE Pedido... 4 Como Acessar... 4 Como Localizar Pedido...

Leia mais

Manual do Sistema TBZ OnLine - Entidade

Manual do Sistema TBZ OnLine - Entidade Manual do Sistema TBZ OnLine - Entidade DM003.0 Página 1 / 42 Índice 1 APRESENTAÇÃO... 4 DETALHAMENTO DOS LINKS DO TECBIZ ONLINE... 5 2 INICIAL... 5 3 ASSOCIADO... 5 3.1 SELECIONA ASSOCIADO... 5 3.2 ALTERAR

Leia mais

SSE 3.0. Guia Rápido. Módulo Secretaria. Nesta Edição

SSE 3.0. Guia Rápido. Módulo Secretaria. Nesta Edição SSE 3.0 Guia Rápido Módulo Secretaria Nesta Edição 1 Acessando o Módulo Secretaria 2 Cadastros Auxiliares 3 Criação de Modelos Definindo o Layout do Modelo Alterando o Layout do Cabeçalho 4 Parametrização

Leia mais

Principais Novidades Abril/2013 a Junho/2013

Principais Novidades Abril/2013 a Junho/2013 Principais Novidades Abril/2013 a Junho/2013 Sumário 1. Ambiente Group Shopping... 3 2. Alteração na Tela de Contratos e Controle de Edições... 7 3. Propagação de Contratos... 10 4. Configuração de Impressora

Leia mais

UNICO... 3. Clientes/Fornecedores/Técnicos/Transportadoras/Vendedores... 5. Produtos... 6. Serviços... 6. Outros... 6. Vendas... 7. Notas Fiscais...

UNICO... 3. Clientes/Fornecedores/Técnicos/Transportadoras/Vendedores... 5. Produtos... 6. Serviços... 6. Outros... 6. Vendas... 7. Notas Fiscais... Sumário UNICO...... 3 Cadastros... 4 Clientes/Fornecedores/Técnicos/Transportadoras/Vendedores... 5 Produtos...... 6 Serviços...... 6 Outros...... 6 Vendas... 7 Notas Fiscais... 7 Estoque...8 Financeiro......

Leia mais

Sistema de Solicitação de Pagamento de Fornecedores

Sistema de Solicitação de Pagamento de Fornecedores 2014 Sistema de Solicitação Coordenação de Tecnologia da Informação e Comunicação FUNDEPAG 04/11/2014 Sumário 1- SPF Solicitação.... 3 1.1 Acesso ao sistema:... 3 1.2 Ferramentas do sistema:... 5 2- Abertura

Leia mais

manual Sistema de Gestão Financeira

manual Sistema de Gestão Financeira manual Sistema de Gestão Financeira Conteúdo 1. Menu 5 2. Cadastro 6 2.1. Projetos 6 2.2. Código Contábil 7 2.2.1. Gerenciar Cód. Contábil 9 2.3. Centro de Custo 10 2.4. Cliente / Fornecedor 11 2.5. Contas

Leia mais

Dois novos relatórios estão disponíveis nesta versão do Imobiliária 21. São eles: Devedores e Imóvel por Área. Veja abaixo como emitir cada um.

Dois novos relatórios estão disponíveis nesta versão do Imobiliária 21. São eles: Devedores e Imóvel por Área. Veja abaixo como emitir cada um. Sumário Este documento de versionamento contém: 1. Inclusão dos relatórios: Devedores e Imóvel por Área. 2. Inclusão do campo Código de Município no cadastro de cidade. 3. Publicação de boletos de proprietário

Leia mais

Passo a Passo do Orçamentos de Entrada no SIGLA Digital

Passo a Passo do Orçamentos de Entrada no SIGLA Digital Passo a Passo do Orçamentos de Entrada no SIGLA Digital Página 1 de 9 Este é um dos principais módulos do SIGLA Digital. Utilizado para dar entrada de produtos no estoque, essa ferramenta segue a seguinte

Leia mais

SISTEMA DE CONTROLE FINANCEIRO. Curitiba PR www.softwar.com.br suporte@softwar.com.br

SISTEMA DE CONTROLE FINANCEIRO. Curitiba PR www.softwar.com.br suporte@softwar.com.br SISTEMA DE CONTROLE FINANCEIRO Curitiba PR www.softwar.com.br suporte@softwar.com.br Esta é a primeira tela, aonde o usuário irá colocar o código de acesso para utilizar o software. Se for a primeira vez

Leia mais

manual Sistema de Gestão de Contribuições

manual Sistema de Gestão de Contribuições manual Sistema de Gestão de Contribuições Conteúdo 1. Login 4 2. Home 5 3. Informações básicas 3.1. Menus 6 3.2. Números e status 7 3.3. Ações 8 4. Ambientes da ferramenta 4.1. Sindicato 13 4.2. Empresas

Leia mais

Manual do usuário SIACC CAIXA Programado 1

Manual do usuário SIACC CAIXA Programado 1 Manual do usuário SIACC CAIXA Programado 1 Índice ACESSO AO SISTEMA CAIXA PROGRAMADO PELA PRIMEIRA VEZ... 6 CONFIGURAÇÕES NECESSÁRIAS PARA ACESSAR O SISTEMA... 6 TELA DE ACESSO AO SISTEMA CAIXA PROGRAMADO...

Leia mais

2013 GVDASA Sistemas Cheques 1

2013 GVDASA Sistemas Cheques 1 2013 GVDASA Sistemas Cheques 1 2013 GVDASA Sistemas Cheques 2 AVISO O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio. Nenhuma

Leia mais

Escritório Virtual Administrativo

Escritório Virtual Administrativo 1 Treinamento Módulos Escritório Virtual Administrativo Sistema Office Instruções para configuração e utilização do módulo Escritório Virtual e módulo Administrativo do sistema Office 2 3 1. Escritório

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO FIMT

MANUAL DO USUÁRIO FIMT FÁCIL IMÓVEL MT MANUAL DO USUÁRIO FIMT GESTOR IMOBILIÁRIO SANDRO RAMIRO 05/06/2015 Manual completo de funcionalidade do Sistema FIMT. Versão 2.0 INTRODUÇÃO PÁGINA INICIAL 03 ANUNCIANTE 04 LANÇAMENTO 05

Leia mais

Curso de Capacitação ao Sistema CDV. - GID Desmanches -

Curso de Capacitação ao Sistema CDV. - GID Desmanches - Curso de Capacitação ao Sistema CDV - GID Desmanches - Coordenadoria de Gestão de Desmanches Divisão de Desmanches Conteúdo Módulo 1 Como utilizar o Moodle... 4 Módulo 2 - Acessando o GID CDV... 4 Aula

Leia mais

Além dos cadastros básicos Financeiro

Além dos cadastros básicos Financeiro Além dos cadastros básicos Financeiro Até agora vimos como cadastrar algumas informações básicas para a utilização do CIAF, enquanto cadastramos estas informações também treinamos o modo de utilização

Leia mais

Material de Apoio. SEB - Contas a Pagar. Versão Data Responsável Contato 1 05/12/2011 Paula Fidalgo paulaf@systemsadvisers.com

Material de Apoio. SEB - Contas a Pagar. Versão Data Responsável Contato 1 05/12/2011 Paula Fidalgo paulaf@systemsadvisers.com Material de Apoio SEB - Contas a Pagar Versão Data Responsável Contato 1 05/12/2011 Paula Fidalgo paulaf@systemsadvisers.com Conteúdo CONFIGURAÇÃO... 3 Cadastro de Fornecedores... 3 Métodos de Pagamento...

Leia mais

Vendas. Manual do Usuário. Copyright 2014 - ControleNaNet

Vendas. Manual do Usuário. Copyright 2014 - ControleNaNet Manual do Usuário Copyright 2014 - ControleNaNet Conteúdo A Ficha de Vendas...3 Os Recibos...6 Como imprimir?...7 As Listagens...9 Clientes... 10 Consulta... 11 Inclusão... 13 Alteração... 14 Exclusão...

Leia mais

Tesouraria. Apresentação do Módulo Financeiro

Tesouraria. Apresentação do Módulo Financeiro Tesouraria Apresentação do Módulo Financeiro O módulo Financeiro do LegalManager consiste em três blocos principais: Contas a Receber, Contas a Pagar e Tesouraria. O módulo de Contas a Receber está diretamente

Leia mais

Sistema para Administração de Condomínio www.condominiomais.com.br SUMÁRIO

Sistema para Administração de Condomínio www.condominiomais.com.br SUMÁRIO SUMÁRIO I. MENU... 2 II. CONSULTA / ALTERAÇÃO / ESTORNO... 4 III. MENSAGEM... 5 IV. MOVIMENTAÇÃO FINANCEIRA... 6 CONSULTA... 6 LANÇAMENTO... 7 V. BOLETO... 8 VI. RELATÓRIO... 10 VII. RESERVA... 11 VIII.

Leia mais

Manual de digitação de contas Portal AFPERGS

Manual de digitação de contas Portal AFPERGS Manual de digitação de contas Portal AFPERGS 1 Sumário Acesso à função digitação de contas... 3 O que é a Função digitação de contas (DC)... 4 Como proceder na função digitação de conta médica (DC)...

Leia mais

2015 GVDASA Sistemas Patrimônio 1

2015 GVDASA Sistemas Patrimônio 1 2015 GVDASA Sistemas Patrimônio 1 2015 GVDASA Sistemas Patrimônio 2 AVISO O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio.

Leia mais

Sistema de Protocolo. Manual do Usuário

Sistema de Protocolo. Manual do Usuário Sistema de Protocolo Manual do Usuário Atualizado em 05/06/2010 2 Apresentação Módulo Protocolo Está disponível de forma integrada com todos os órgãos para registrar e acompanhar, de modo atualizado e

Leia mais

Sumário INTRODUÇÃO... 3 INTEGRAÇÃO COM O EMPRESÁRIOERP... 3 AGILIDADE NOS PROCESSOS E APOIO AOS CONTROLES INTERNOS... 3 SAC - ATENDIMENTO...

Sumário INTRODUÇÃO... 3 INTEGRAÇÃO COM O EMPRESÁRIOERP... 3 AGILIDADE NOS PROCESSOS E APOIO AOS CONTROLES INTERNOS... 3 SAC - ATENDIMENTO... Sumário INTRODUÇÃO... 3 INTEGRAÇÃO COM O EMPRESÁRIOERP... 3 AGILIDADE NOS PROCESSOS E APOIO AOS CONTROLES INTERNOS... 3 SAC - ATENDIMENTO... 4 CADASTRO DO TIPO DO ATENDIMENTO... 5 CADASTRO DE CATEGORIAS...

Leia mais

Sumário. www.samisistemas.com.br Porto Alegre 51 3254.5454 Florianópolis 48 3094.1775 São Paulo 11 3076.499 Rio de Janeiro 21 3031.

Sumário. www.samisistemas.com.br Porto Alegre 51 3254.5454 Florianópolis 48 3094.1775 São Paulo 11 3076.499 Rio de Janeiro 21 3031. Sumário Legenda... 3 1. Cadastros e Lançamentos... 4 1.1. Recebimento de Doc s... 4 1.2. Baixa de Proprietários... 7 1.3. Lançamento em Lote (Manual)... 10 1.4. Alteração/ Exclusão de Lançamentos... 11

Leia mais

Livro Caixa. www.controlenanet.com.br. Copyright 2015 - ControleNaNet

Livro Caixa. www.controlenanet.com.br. Copyright 2015 - ControleNaNet www.controlenanet.com.br Copyright 2015 - ControleNaNet Conteúdo Tela Principal... 3 Como imprimir?... 4 As Listagens nas Telas... 7 Clientes... 8 Consulta... 9 Inclusão... 11 Alteração... 13 Exclusão...

Leia mais

Gerenciador de Imóveis

Gerenciador de Imóveis Gerenciador de Imóveis O Corretor Top é o mais completo sistema de gestão de imóveis do mercado, onde corretores terão acesso à agenda, cadastro de imóveis, carteira de clientes, atendimento, dentre muitas

Leia mais

ÍNDICE. ERP ( Controle de Frotas ) 1 - Bens Móveis - Frota. 2 - Cadastros da Frota. 3 - Abastecimento de Bens. 4 - Cadastro de Bombas

ÍNDICE. ERP ( Controle de Frotas ) 1 - Bens Móveis - Frota. 2 - Cadastros da Frota. 3 - Abastecimento de Bens. 4 - Cadastro de Bombas 1 2 ÍNDICE ERP ( Controle de Frotas ) 1 - Bens Móveis - Frota 04 2 - Cadastros da Frota 07 3 - Abastecimento de Bens 11 4 - Cadastro de Bombas 14 5 - Abastecimento de Bombas 15 6 - Abertura de Chamados

Leia mais

Gestor Empresarial - Financeiro. Release Versão 1.076

Gestor Empresarial - Financeiro. Release Versão 1.076 Gestor Empresarial - Financeiro Release Versão 1.076 Maio/2013 Produto : AeroSoft Gestor Empresarial - Financeiro Versão : v1.076 Data Liberação : 21/04/2013 A seguir são apresentadas as novas funções

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO SISTEMA SERVELOJA

MANUAL DO USUÁRIO SISTEMA SERVELOJA MANUAL DO USUÁRIO SISTEMA SERVELOJA A Serveloja soluções empresariais é uma empresa de tecnologia, especialista em consultoria, serviços financeiros e softwares. Disponibilizamos diversas soluções de cobranças

Leia mais

ETEP TÉCNICO EM CONTABILIDADE MÓDULO 3 INFORMÁTICA 3 2012 PÓS MÉDIO

ETEP TÉCNICO EM CONTABILIDADE MÓDULO 3 INFORMÁTICA 3 2012 PÓS MÉDIO 2012 TÉCNICO EM CONTABILIDADE MÓDULO 3 INFORMÁTICA 3 PÓS MÉDIO 1 AULA 1 Verificação de Erros cometidos no Domínio Escrita Fiscal Para verificar o que já foi realizado no domínio escrita fiscal (e também

Leia mais

Gerencial Software MANUAL DO USUÁRIO 1

Gerencial Software MANUAL DO USUÁRIO 1 MANUAL DO USUÁRIO 1 SUMÁRIO Tela de Login... 3 Telas de Atualização e Informação... 3 Cadastro de Clientes... 7 Cadastro de Grupos... 7 Cadastro de Subgrupos... 8 Cadastro de Fornecedores... 8 Cadastro

Leia mais

Manual de Versionamento

Manual de Versionamento Manual de Versionamento Versão 19.04/1.6.46 Sumário 1. Novidades... 3 1.1. Carência para aluguel... 3 1.2. Nova funcionalidade para lançamentos de parcelas já pagas de IPTU... 6 1.3. Configuração para

Leia mais

Portal dos Convênios SICONV. Execução Cotação Eletrônica de Preços. Entidades Privadas sem Fins Lucrativos. Manual do Usuário

Portal dos Convênios SICONV. Execução Cotação Eletrônica de Preços. Entidades Privadas sem Fins Lucrativos. Manual do Usuário MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO ORÇAMENTO E GESTÃO SECRETARIA DE LOGÍSTICA E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DEPARTAMENTO DE LOGÍSTICA E SERVIÇOS GERAIS Portal dos Convênios SICONV Execução Cotação Eletrônica de Preços

Leia mais

Suporte Técnico. A ZRCR Informática presta suporte técnico, via telefone, e-mail ou Skype diretamente aos usuários do E-GESTAOBELEZA

Suporte Técnico. A ZRCR Informática presta suporte técnico, via telefone, e-mail ou Skype diretamente aos usuários do E-GESTAOBELEZA Suporte Técnico A ZRCR Informática presta suporte técnico, via telefone, e-mail ou Skype diretamente aos usuários do E-GESTAOBELEZA Horário de Atendimento De segunda-feira à sexta-feira das 09:00 ás 19:00

Leia mais

Tutorial. O Trade e o SNGPC

Tutorial. O Trade e o SNGPC Tutorial O Trade e o SNGPC Este tutorial explica como realizar no Trade Solution as principais atividades relacionadas ao SNGPC - Sistema Nacional de Gerenciamento de Produtos Controlados 1. Introdução

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE SECRETARIA MUNICIPAL DA FAZENDA CÉLULA DE GESTÃO TRIBUTÁRIA UNIDADE DE ARRECADAÇÃO IMOBILIÁRIAS

PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE SECRETARIA MUNICIPAL DA FAZENDA CÉLULA DE GESTÃO TRIBUTÁRIA UNIDADE DE ARRECADAÇÃO IMOBILIÁRIAS PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE SECRETARIA MUNICIPAL DA FAZENDA CÉLULA DE GESTÃO TRIBUTÁRIA UNIDADE DE ARRECADAÇÃO IMOBILIÁRIAS MANUAL DO USUÁRIO Apoio SUMÁRIO 1 OBJETIVO... 3 2 ROTINAS... 3 2.1 GUIA

Leia mais

Convênio, Contrato de Repasse e Termo de

Convênio, Contrato de Repasse e Termo de MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO SECRETARIA DE LOGÍSTICA E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DEPARTAMENTO DE SUPORTE À GESTÃO DO SISTEMA DE TRANSFERÊNCIAS VOLUNTÁRIAS DA UNIÃO Portal dos Convênios

Leia mais

Para iniciar um Inventário, clique no botão Inserir ( primeiramente os campos solicitados na aba Identificação.

Para iniciar um Inventário, clique no botão Inserir ( primeiramente os campos solicitados na aba Identificação. Incluir um Inventário Para iniciar um Inventário, clique no botão Inserir ( primeiramente os campos solicitados na aba Identificação. ) e preencha Clique na aba Itens e depois no botão Carregar Produtos

Leia mais

O programa Mysql acompanha o pacote de instalação padrão e será instalado juntamente com a execução do instalador.

O programa Mysql acompanha o pacote de instalação padrão e será instalado juntamente com a execução do instalador. INTRODUÇÃO O Programa pode ser instalado em qualquer equipamento que utilize o sistema operacional Windows 95 ou superior, e seu banco de dados foi desenvolvido em MySQL, sendo necessário sua pré-instalação

Leia mais

MAIS CONTROLE SOFTWARE Controle Financeiro / Fluxo de Caixa (MCS Versão 2.01.99) Índice

MAIS CONTROLE SOFTWARE Controle Financeiro / Fluxo de Caixa (MCS Versão 2.01.99) Índice Item MAIS CONTROLE SOFTWARE Controle Financeiro / Fluxo de Caixa (MCS Versão 2.01.99) Índice Página 1.Apresentação... 4 2.Funcionamento Básico... 4 3.Instalando o MCS... 4, 5, 6 4.Utilizando o MCS Identificando

Leia mais

TUTORIAL DE COMPRAS ERP JAD

TUTORIAL DE COMPRAS ERP JAD TUTORIAL DE COMPRAS ERP JAD Emissão e Revisão: 23/04/2015 Revisado por: Juliana Caminho para acessar o módulo de compras para criação de cotações, requisições e pedidos segue abaixo. Neste módulo existem

Leia mais

Cadastro de Franquias. Cadastro de Tipo. Configuração da Exportação

Cadastro de Franquias. Cadastro de Tipo. Configuração da Exportação Franquias O módulo Franquias permite que o Franqueador envie cadastros de produtos, serviços e preços para seus Franqueados. Sendo possível também, controlar as movimentações de vendas e estoque dos mesmos.

Leia mais

Treinamento GVcollege Módulo Acadêmico - Pedagógico

Treinamento GVcollege Módulo Acadêmico - Pedagógico Treinamento GVcollege Módulo Acadêmico - Pedagógico 2015 GVDASA Sistemas Pedagógico 2 AVISO O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações

Leia mais

Manual do Sistema de Almoxarifado P á g i n a 2. Manual do Sistema de Almoxarifado Módulo Requisição. Núcleo de Tecnologia da Informação

Manual do Sistema de Almoxarifado P á g i n a 2. Manual do Sistema de Almoxarifado Módulo Requisição. Núcleo de Tecnologia da Informação Divisão de Almoxarifado DIAX/CGM/PRAD Manual do Sistema de Almoxarifado Módulo Requisição Versão On-Line Núcleo de Tecnologia da Informação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul Manual do Sistema

Leia mais

Manual. Pedido Eletrônico

Manual. Pedido Eletrônico Manual Pedido Eletrônico ÍNDICE 1. Download... 3 2. Instalação... 4 3. Sistema de Digitação SantaCruz... 8 3.1. Configuração... 8 4. Utilização do Sistema Digitação SantaCruz... 11 4.1. Atualizar cadastros...11

Leia mais

Para fazer uma prestação de contas no sistema deverá seguir os seguintes passos:

Para fazer uma prestação de contas no sistema deverá seguir os seguintes passos: Prestação de Contas Para fazer uma prestação de contas no sistema deverá seguir os seguintes passos: Acessar o Sistema NEGOCIUS. Clicar em Tesouraria do menu lateral esquerdo, em seguida clicar em Prestação

Leia mais

NEWCOLLECTOR SISTEMA DE COBRANÇA. Controle Judicial. Manual de Instruções. Versão 8.32

NEWCOLLECTOR SISTEMA DE COBRANÇA. Controle Judicial. Manual de Instruções. Versão 8.32 NEWCOLLECTOR SISTEMA DE COBRANÇA Controle Judicial Manual de Instruções Versão 8.32 1 Sumário 1 CONTROLE DE COBRANÇA JUDICIAL... 4 1.1 ARQUIVO... 4 1.1.1 Processos...4 1.1.1.1 Réus Principais do Processo...13

Leia mais

KalumaFin. Manual do Usuário

KalumaFin. Manual do Usuário KalumaFin Manual do Usuário Sumário 1. DICIONÁRIO... 4 1.1 ÍCONES... Erro! Indicador não definido. 1.2 DEFINIÇÕES... 5 2. DESCRIÇÃO DO SISTEMA... 7 3. ACESSAR O SISTEMA... 8 4. PRINCIPAL... 9 4.1 MENU

Leia mais

Treinamento GVcollege Módulo Cheque 1

Treinamento GVcollege Módulo Cheque 1 Treinamento GVcollege Módulo Cheque 1 AVISO O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio. Nenhuma parte desta publicação

Leia mais

Passo a Passo do Sistema de Cobrança do Banco do Nordeste

Passo a Passo do Sistema de Cobrança do Banco do Nordeste P á g i n a 1 Sistema de Cobrança Eletrônica para Clientes Passo a Passo do Sistema de Cobrança do Banco do Nordeste P á g i n a 2 INTRODUÇÃO I. Acessando o Sistema O Sistema de Cobrança Eletrônica para

Leia mais

Orientações sobre a Utilização do Home Saúde

Orientações sobre a Utilização do Home Saúde Orientações sobre a Utilização do Home Saúde Objetivo do Módulo Home Saúde Acesso ao Módulo Home Saúde Botões de Comando Consultando informações cadastrais do seu grupo familiar Consultando os dados da

Leia mais

MANUAL DO GERENCIADOR ESCOLAR WEB

MANUAL DO GERENCIADOR ESCOLAR WEB CNS LEARNING MANUAL DO GERENCIADOR ESCOLAR WEB Versão Online 13 Índice ÍNDICE... 1 VISÃO GERAL... 2 CONCEITO E APRESENTAÇÃO VISUAL... 2 PRINCIPAIS MÓDULOS... 3 ESTRUTURAÇÃO... 3 CURSOS... 4 TURMAS... 4

Leia mais

COMO CRIAR UMA GARANTIA DE CLIENTE

COMO CRIAR UMA GARANTIA DE CLIENTE COMO CRIAR UMA GARANTIA DE CLIENTE O ORION permite a criação de uma Garantia de um determinado produto para o seu cliente. Essa opção será usada quando um cliente compra algum produto com defeito e deseja

Leia mais