Liderança 04/11/2011. Fonte: Maximiano (2009)

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Liderança 04/11/2011. Fonte: Maximiano (2009)"

Transcrição

1 Fonte: Maximiano (2009) Autoridade Formal Fundamenta-se em leis aceitas de comum acordo, que criam figuras de autoridade dotadas do poder de comando. O seguidor obedece à lei incorporada na figura de autoridade, não à pessoa que ocupa o cargo. Fundamenta-se na crença dos seguidores a respeito das qualidades do líder e de seu interesse em seguí-lo. O seguidor obedece ao líder e à missão que ele representa. A lei é instrumento para possibilitar a convivência social. O líder é instrumento para resolver problemas da comunidade. MAXIMIANO /TGA Fig Diferenças entre autoridade formal e liderança. Autoridade Formal A autoridade formal é limitada no tempo e no espaço geográfico, social ou organizacional. Os limites definem a jurisdição da autoridade. A liderança é limitada ao grupo que acredita no líder ou precisa dele. Os limites da liderança definem a área de influência do líder. A autoridade formal é temporária para a pessoa que desempenha o papel de figura de autoridade. A autoridade formal inclui o poder de forçar a obediência das regras aceitas para a convivência. A autoridade formal é atributo singular. A liderança tem a duração da utilidade do líder para o grupo de seguidores. Os líderes têm o poder representado pela massa que o segue. A liderança é produto de inúmeros fatores. Não é qualidade pessoal singular. MAXIMIANO /TGA Fig Diferenças entre autoridade formal e liderança. 1

2 Características Pessoais dos Liderados Características Pessoais dos Líderes Motivações, necessidades competências Motivações, competências estilo Conteúdo moral, calculista ou alienatório Cultura organizacional e social Características da Tarefa ou Missão Contexto Organizacional e Social da MAXIMIANO /TGA Fig Quatro componentes do contexto da liderança. Administrador de Sistemas Internos Relações Públicas Planejador Líder MAXIMIANO /TGA Fig é um dos papéis de um executivo e não o único determinante de seu desempenho. MOTIVAÇÕES E INTERESSES TRAÇOS DE PERSONALIDADE HABILIDADES MAXIMIANO /TGA Fig O líder e suas características pessoais. 2

3 TIRANIA AUTOCRACIA DEMOCRACIA DEMAGOGIA Abuso de Centralização Divisão dos Busca da autoridade; de poder de poderes de popularidade Excesso de decisão no decisão entre com os poder. chefe. chefe e grupo. liderados. MAXIMIANO /TGA Fig Quatro estilos de liderança estudados desde a antigüidade. orientada para o chefe Uso da autoridade pelo gerente orientada para os subordinados Área de liberdade dos subordinados decide e comunica a decisão. vende a decisão. apresenta idéias e promove debates. apresenta uma decisão possível, sujeita a mudança. apresenta o problema, pede sugestões e toma a decisão. define permite que limites, a equipe dentro dos trabalhe quais o sozinha grupo dentro dos decide. limites. Amplitude do comportamento MAXIMIANO /TGA Fig Modelo de liderança de Tannenbaum s Schmidt. Estilo orientado para as pessoas (democrático) Estilo pessoas. s pessoas. s relações humanas. Estilo orientado para a tarefa (autocrítico) Estilo tarefa. tarefa. produção, para a produtividade ou eficiência. consideração ou para o grupo. orientada para o planejamento e a organização. MAXIMIANO /TGA Fig Dois estilos básicos de liderança. 3

4 Democracia Orientação para pessoas 04/11/2011 Democracia Autocracia Orientação para a tarefa Autocracia MAXIMIANO /TGA Fig Democracia e autocracia não são dois estilos mutuamente exclusivos, mas comportamentos que se combinam. Estilo Tarefa De forma geral, o estilo tarefa tem efeito positivo sobre o desempenho da tarefa. Dirigir a tarefa e manter distanciamento social são comportamentos associados à eficácia do líder. Estilo Pessoas De forma geral, o estilo pessoas tem impacto positivo sobre a satisfação das pessoas. Reforçar o espírito de equipe é um comportamento específico associado à eficácia do líder. O comportamento autocrático, que restringe a autonomia do subordinado, resulta na ineficácia do líder. A permissividade ou demagogia diminui a satisfação e a produtividade. MAXIMIANO /TGA Fig Eficácia e ineficácia estão associadas aos dois modelos básicos de liderança ,9 Administração do tipo clube de campo : uma cuidadosa atenção às 9,9 Administração do tipo gerência de equipes : o trabalho é realizado por necessidades de relacionamento pessoas comprometidas; a das pessoas produz uma interdependência que resulta do atmosfera amigável e um ritmo de trabalho confortável. sentido de mesmo barco produz um ambiente de relacionamento de confiança e respeito. 5,5 Administração do tipo funcionário : o desempenho adequado da organização é alcançado por meio do equilíbrio entre a necessidade de trabalho e a manutenção do moral das pessoas em nível satisfatório. 1,1 Administração precária: a permanência como membro da organização requer um mínimo de esforço para fazer o serviço. 9,1 Administração e obediência: a eficiência das operações é produto de um sistema de trabalho no qual a interferência do elemento humano é mínima Baixa Ênfase na produção Alta MAXIMIANO /TGA Fig Grade gerencial de Blake e Mouton: combinação de dois estilos de liderança. 4

5 Comportamento orientado para o relacionamento 04/11/2011 Estilo do líder relacionamento, pouca tarefa Muita tarefa, muito relacionamento E3 E2 E4 E1 relacionamento, pouca tarefa Muita tarefa, pouco relacionamento Comportamento orientado para a tarefa Alto Moderad Baixo M4 o M3 M2 M1 Maduro Imaturo Maturidade dos Subordinados MAXIMIANO /TGA Fig Modelo de liderança situacional de Hersey e Blanchard. Carismática ou Transformadora Líder Inspirador Líder Transformador Líder Revolucionário Agente de Mudanças Transacional Líder Negociador baseada na Promessa de Recompensas Manipulativa Líder Renovador MAXIMIANO /TGA Fig Uma síntese das características da liderança carismática e da liderança transacional. 5

MOTIVAÇÃO INTRODUÇÃO À ADMINISTRAÇÃO AULA 14 OBJETIVOS:

MOTIVAÇÃO INTRODUÇÃO À ADMINISTRAÇÃO AULA 14 OBJETIVOS: INTRODUÇÃO À ADMINISTRAÇÃO AULA 14 MOTIVAÇÃO Motivação OBJETIVOS: Explicar o significado da palavra motivação e do processo da motivação. Descrever as principais teorias da motivação. Explicar como os

Leia mais

Direção. Liderança. O que é Liderança? Liderança - definições. Liderança. Três componentes do processo da liderança:

Direção. Liderança. O que é Liderança? Liderança - definições. Liderança. Três componentes do processo da liderança: O Processo Administrativo O que é? Direção Um processo social; Trata sobre a influência de alguém sobre o comportamento dos outros; Lider influência Seguidor Texo base: MAXIMIANO, ACA Introdução à administração

Leia mais

LIDERANÇA. Prof. Aline Hilsendeger Pereira de Oliveira

LIDERANÇA. Prof. Aline Hilsendeger Pereira de Oliveira Os objetivo deste estudo é conhecer os estilos de liderança. Reconhecer estes estilos nas pessoas dentro da organização de maneira que possamos orientar, treinar e desenvolver adequadamente os indivíduos.

Leia mais

Unidade II COMPETÊNCIA DE LIDERANÇA. Prof. José Benedito Regina

Unidade II COMPETÊNCIA DE LIDERANÇA. Prof. José Benedito Regina Unidade II COMPETÊNCIA DE LIDERANÇA Prof. José Benedito Regina 1.5 - Abordagens sobre liderança As teorias sobre liderança sofreram influências de suas épocas, mudaram e se desenvolveram até chegar ao

Leia mais

LÍDERES DO SECULO XXI RESUMO

LÍDERES DO SECULO XXI RESUMO 1 LÍDERES DO SECULO XXI André Oliveira Angela Brasil (Docente Esp. das Faculdades Integradas de Três Lagoas-AEMS) Flávio Lopes Halex Mercante Kleber Alcantara Thiago Souza RESUMO A liderança é um processo

Leia mais

LIDERANÇA DA NOVA ERA

LIDERANÇA DA NOVA ERA LIDERANÇA DA NOVA ERA Liderança da Nova Era Liderança é a realização de metas por meio da direção de colaboradores. A liderança ocorre quando há lideres que induzem seguidores a realizar certos objetivos

Leia mais

Liderança CONCEITO DE LIDERANÇA

Liderança CONCEITO DE LIDERANÇA Tipos de Liderança Liderança CONCEITO DE LIDERANÇA LIDERANÇA é o processo de influenciar outros de modo a conseguir que eles façam o que o líder quer que seja feito, ou ainda, a capacidade para influenciar

Leia mais

Curso de Engenharia de Produção. Organização do Trabalho na Produção

Curso de Engenharia de Produção. Organização do Trabalho na Produção Curso de Engenharia de Produção Organização do Trabalho na Produção Estrutura Organizacional Organização da Empresa: É a ordenação e agrupamento de atividades e recursos, visando ao alcance dos objetivos

Leia mais

Liderança. Profª Karina Gomes Lourenço

Liderança. Profª Karina Gomes Lourenço Liderança Profª Karina Gomes Lourenço 1.Conceito : Arte ou processo de influenciar pessoas de maneira a que se esforcem espontaneamente para o alcance dos objetivos do grupo. Processo pelo qual pessoas

Leia mais

UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU INSTITUTO A VEZ DO MESTRE LIDERANÇA

UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU INSTITUTO A VEZ DO MESTRE LIDERANÇA UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU INSTITUTO A VEZ DO MESTRE LIDERANÇA A arte de motivar pessoas Por: ARLETE GONÇALVES DE OLIVEIRA Orientador Prof. Luiz Cláudio Lopes Alves D.Se Rio de

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO GERAL LIDERANÇA

ADMINISTRAÇÃO GERAL LIDERANÇA ADMINISTRAÇÃO GERAL LIDERANÇA Publicado em 12/10/2015 LIDERANÇA A liderança é um fenômeno que ocorre exclusivamente em grupos sociais. Ela é definida como uma influência interpessoal exercida em dada situação

Leia mais

PPODE - ESTRATÉGICO. Slide 1 BALANCED SCORECARD CRESCIMENTO PRODUTIVIDADE MAIS RESULTADOS. Ms. RICARDO RESENDE DIAS

PPODE - ESTRATÉGICO. Slide 1 BALANCED SCORECARD CRESCIMENTO PRODUTIVIDADE MAIS RESULTADOS. Ms. RICARDO RESENDE DIAS Slide 1 BALANCED SCORECARD PRODUTIVIDADE CRESCIMENTO MAIS RESULTADOS Ms. RICARDO RESENDE DIAS BALANCED SCORECARD Slide 2 BSC CONCEITO FINALIDADE APLICAÇÃO PRÁTICA ESTRATÉGIA - BSC Slide 3 Ativos Tangíveis

Leia mais

Teoria Básica da Administração. Liderança e Comunicação. Professor: Roberto César

Teoria Básica da Administração. Liderança e Comunicação. Professor: Roberto César Teoria Básica da Administração Liderança e Comunicação Professor: Roberto César Liderança O líder nasce líder ou aprende a ser líder? Liderar é conhecer a motivação humana e saber conduzir as pessoas a

Leia mais

EMPREENDEDORISMO LIDERANÇA MODERNA

EMPREENDEDORISMO LIDERANÇA MODERNA SIMPÓSIO ASBRAN 60 ANOS conjugando saberes e competências do Nutricionista & EMPREENDEDORISMO LIDERANÇA MODERNA Prof. Alexandre Cristiano Rosaneli COPYRIGHT K.MIND LIDERANÇA E GESTÃO. 1 PARA ONDE VAMOS?

Leia mais

LIDERANÇA. Gestão de Recursos Humanos Desenvolvimento Gerencial - Aula 8 Prof. Rafael Roesler

LIDERANÇA. Gestão de Recursos Humanos Desenvolvimento Gerencial - Aula 8 Prof. Rafael Roesler LIDERANÇA Gestão de Recursos Humanos Desenvolvimento Gerencial - Aula 8 Prof. Rafael Roesler Sumário Introdução Conceito de liderança Primeiras teorias Abordagens contemporâneas Desafios à liderança Gênero

Leia mais

Índice. A importância da comunicação nas relações interpessoais MÓDULO 1 NOTA INTRODUTÓRIA 17 COMO UTILIZAR ESTA OBRA 19

Índice. A importância da comunicação nas relações interpessoais MÓDULO 1 NOTA INTRODUTÓRIA 17 COMO UTILIZAR ESTA OBRA 19 Índice NOTA INTRODUTÓRIA 17 COMO UTILIZAR ESTA OBRA 19 MÓDULO 1 A importância da comunicação nas relações interpessoais FINALIDADES 22 PRÉ-TESTE 23 Objetivo 1. Identificar a importância do estudo da comunicação

Leia mais

Processos Organizacionais

Processos Organizacionais Processos Organizacionais 1 Contextualização Organizar: prática humana milenar Administração: esforços de racionalização do processo de trabalho adequação de meios e fins 2 As funções administrativas:

Leia mais

Liderança, gestão de pessoas e do ambiente de trabalho

Liderança, gestão de pessoas e do ambiente de trabalho Glaucia Falcone Fonseca O que é um excelente lugar para se trabalhar? A fim de compreender o fenômeno dos excelentes locais de trabalho, devemos primeiro considerar o que as pessoas falam sobre a experiência

Leia mais

Organização da Aula. Gestão de Recursos Humanos. Aula 2. Liderança X Gerenciamento. Contextualização. Empreendedor Conflitos.

Organização da Aula. Gestão de Recursos Humanos. Aula 2. Liderança X Gerenciamento. Contextualização. Empreendedor Conflitos. Gestão de Recursos Humanos Aula 2 Profa. Me. Ana Carolina Bustamante Organização da Aula Liderança Competências gerenciais Formação de equipes Empreendedor Liderança X Gerenciamento Conceito e estilos

Leia mais

XIII Encontro de Iniciação Científica IX Mostra de Pós-graduação 06 a 11 de outubro de 2008 BIODIVERSIDADE TECNOLOGIA DESENVOLVIMENTO

XIII Encontro de Iniciação Científica IX Mostra de Pós-graduação 06 a 11 de outubro de 2008 BIODIVERSIDADE TECNOLOGIA DESENVOLVIMENTO XIII Encontro de Iniciação Científica IX Mostra de Pós-graduação 06 a 11 de outubro de 2008 BIODIVERSIDADE TECNOLOGIA DESENVOLVIMENTO MCH0366 PERCEPÇÕES DOS PROCESSOS DE LIDERANÇA PÓS-AQUISIÇÃO ALINE DE

Leia mais

MBA em Gerenciamento de Projetos. Teoria Geral do Planejamento. Professora: Maria Erileuza do Nascimento de Paula

MBA em Gerenciamento de Projetos. Teoria Geral do Planejamento. Professora: Maria Erileuza do Nascimento de Paula MBA em Gerenciamento de Projetos Teoria Geral do Planejamento Professora: Maria Erileuza do Nascimento de Paula SOBRAL - CE 2014 O que é Planejamento É um processo contínuo e dinâmico que consiste em um

Leia mais

COMUNIDADE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM

COMUNIDADE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM COMUNIDADE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM ATIVIDADES Atividade Extra - Fórum SIEPE (Compensação da carga horária do dia 08/09/2012) A atividade foi postada no módulo X Atividade Módulo X - Fórum Agenda O cursista

Leia mais

Sumário. Capítulo 1: Evolução das Teorias Administrativas

Sumário. Capítulo 1: Evolução das Teorias Administrativas Sumário Capítulo 1: Evolução das Teorias Administrativas 1.1. A Administração Científica 1.2. A Teoria Clássica 1.3. Teoria das Relações Humanas 1.4. Burocracia 1.5. Teoria Estruturalista 1.6. Teoria dos

Leia mais

Gestão de Pessoas e Avaliação por competências

Gestão de Pessoas e Avaliação por competências Gestão de Pessoas e Avaliação por competências quer a empresa que não existe! Funcionário quer o profissional que não existe! Empresa A visão evolutiva da área de Gestão de Pessoas... 1930 Surgem departamentos

Leia mais

FACULDADE DE EDUCACAO DE COSTA RICA

FACULDADE DE EDUCACAO DE COSTA RICA FACULDADE DE EDUCACAO DE COSTA RICA DISCIPLINA: MOTIVACAO E ETICA LIDERAR PESSOAS ATRAVÉS DA MOTIVAÇÃO Por que as pessoas se comportam de certos modos? Liderar - é o processo de dirigir e influenciar as

Leia mais

Noções de Liderança e Motivação

Noções de Liderança e Motivação Liderança A questão da liderança pode ser abordada de inúmeras formas: Liderança e Poder (recursos do poder) Liderança e Dominação (teorias da dominação legítima de Max Weber) Líder pela tradição Líder

Leia mais

AULA 2 LIDERANÇA E PODER

AULA 2 LIDERANÇA E PODER Liderança Processo de influenciar as atividades de um grupo organizado na direção da realização de um objetivo. (Rouch & Behling, 1984) É a habilidade de influenciar pessoas para trabalharem entusiasticamente

Leia mais

ABORDAGENS BÁSICAS SOBRE LIDERANÇA

ABORDAGENS BÁSICAS SOBRE LIDERANÇA ABORDAGENS BÁSICAS SOBRE LIDERANÇA Ref. Básica: ROBBINS, Stephen P. Comportamento Organizacional. 11. ed. SãoPaulo: Pearson PrenticeHall, 2005. ( Cap. 11 ) Prof. Germano G. Reis germanoglufkereis@yahoo.com.br

Leia mais

1 Introdução 1.1 Contextualização do Problema

1 Introdução 1.1 Contextualização do Problema 1 Introdução 1.1 Contextualização do Problema O papel do líder é muito relevante numa pequena empresa familiar. Isso se dá devido a vários fatores, dentre outros, deve-se enfatizar a dificuldade de criação

Leia mais

FEG - UNESP MBA GESTÃO DA PRODUÇÃO GESTÃO DE RH

FEG - UNESP MBA GESTÃO DA PRODUÇÃO GESTÃO DE RH FEG - UNESP MBA GESTÃO DA PRODUÇÃO GESTÃO DE RH Liderança Roberto Carvalho robertjc@uol.com.br Ambientes Turbulentos & Competitivos 10/30/2009 1 Passado Pensamentos mecanicistas! Você não é pago para questionar

Leia mais

GESTÃO DO AGRONEGÓCIO

GESTÃO DO AGRONEGÓCIO Pós-Graduação em GESTÃO DO AGRONEGÓCIO Ingresso agosto de 2016 Informações: (51) 3218-1355 ernani.neto@espm.br O Curso tem por objetivo capacitar os participantes na utilização de práticas contemporâneas

Leia mais

L I D E R A N Ç A (Autoria não conhecida)

L I D E R A N Ç A (Autoria não conhecida) L I D E R A N Ç A (Autoria não conhecida) Liderança é inata? Abordagem Genética - Antigamente acreditava-se que o indivíduo nascia com características, aptidões e valores próprios de um líder. Na moderna

Leia mais

A Importância das Competências Comportamentais para Profissionais de Gerenciamento de Projetos. Ivo M. Michalick Vasconcelos, MSc, PMP, PMI-SP

A Importância das Competências Comportamentais para Profissionais de Gerenciamento de Projetos. Ivo M. Michalick Vasconcelos, MSc, PMP, PMI-SP A Importância das Competências Comportamentais para Profissionais de Gerenciamento de Projetos Ivo M. Michalick Vasconcelos, MSc, PMP, PMI-SP Por que projetos falham? Gestão Moderna (anos 90 em diante):

Leia mais

Aula 5. Teorias sobre Liderança

Aula 5. Teorias sobre Liderança Aula 5 Teorias sobre Liderança Profa. Ms. Daniela Cartoni daniela.cartoni@veris.edu.br O que é Liderança Capacidade de influenciar um grupo em direção ao alcance dos objetivos. Desafios para o líder: desenvolvimento

Leia mais

Liderança situacional nas organizações

Liderança situacional nas organizações Liderança situacional nas organizações Shayani Estrabelli (Universidade Paranaense Campus Cascavel) shayani_17@hotmail.com Fernanda Pellegrini (Universidade Paranaense Campus Cascavel) fernandampellegrini@hotmail.com

Leia mais

1. Introdução. Gestão Orçamental. Júlia Fonseca 2010/2011. Gestão Orçamental

1. Introdução. Gestão Orçamental. Júlia Fonseca 2010/2011. Gestão Orçamental 1. Introdução Júlia Fonseca 2010/2011 CICLO DE GESTÃO Planeamento Implementação Controlo de gestão Ciclo de gestão Planeamento Feedback Implementação Controlo Planear Dirigir e Motivar Controlar PLANEAMENTO

Leia mais

CATÁLOGO REGIONAL PALESTRAS, OFICINAS E CURSOS

CATÁLOGO REGIONAL PALESTRAS, OFICINAS E CURSOS CATÁLOGO REGIONAL PALESTRAS, OFICINAS E CURSOS GET GERÊNCIA DE EDUCAÇÃO PARA O TRABALHADOR SESI/DRMG MINAS GERAIS 2015 www.fiemg.com.br SUMÁRIO 1. PALESTRAS 1.1 MAIS INFORMAÇÕES... 4 2. OFICINAS 2.1 ÉTICA

Leia mais

GLOSSÁRIO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO

GLOSSÁRIO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO GLOSSÁRIO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO AÇÕES ESTRATÉGICAS Ações que objetivam, basicamente, o aproveitamento das oportunidades, e potencialidades, bem como a minimização do impacto das ameaças e fragilidades.

Leia mais

Curso de Gestão Público Legislativa Disciplina: Gestão de Pessoas Profª. Drª. Meire Cachioni TEMA 3 Liderança e o comportamento organizacional Liderança: definições e afirmações teóricas Liderança: definições

Leia mais

Aplicação do modelo de liderança situacional de Hersey e Blanchard em gabinetes de desembargadores federais do Tribunal Regional Federal da 4ª Região

Aplicação do modelo de liderança situacional de Hersey e Blanchard em gabinetes de desembargadores federais do Tribunal Regional Federal da 4ª Região UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL ESCOLA DE ADMINISTRAÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA Maria Wilma Dias Müzell Aplicação do modelo de liderança situacional de Hersey e Blanchard em gabinetes

Leia mais

Governança Social e Gestão de Redes Organizacionais

Governança Social e Gestão de Redes Organizacionais Governança Social e Gestão de Redes Organizacionais Profa. Marcia Paterno Joppert Prof. Humberto Falcão Martins 2013 ROTEIRO Governança colaborativa Redes Gestão de/em redes Um roteiro e um exemplo de

Leia mais

de Ciências do Ambiente e Sustentabilidade na Amazônia

de Ciências do Ambiente e Sustentabilidade na Amazônia Anais do I Seminário Internacional de Ciências do Ambiente e Sustentabilidade na Amazônia A CONSTRUÇÃO DA GOVERNANÇA AMBIENTAL NOS MUNICIPIOS BRASILEIROS: UM ESTUDO DE CASO NO MUNICIPIO DE COLINAS DO TOCANTINS

Leia mais

Fayol e a Escola do Processo de Administração

Fayol e a Escola do Processo de Administração CAPÍTULO 4 Fayol e a Escola do Processo de Administração Empresa Função de Administração Função Comercial Função Financeira Função de Segurança Função de Contabilidade Função Técnica Planejamento Organização

Leia mais

11. Ciclo de Gestão do Governo Federal

11. Ciclo de Gestão do Governo Federal Marco Legal: Constituição de 1988 11. Ciclo de Gestão do Governo Federal Instrumentos: Planejamento Orçamento Finanças Controle LDO PPA LOA Elementos Normativos: Plano Plurianual - PPA, Lei de Diretrizes

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PIAUÍ UFPI CAMPUS SENADOR HELVÍDIO NUNES DE BARROS CSHNB CURSO DE BACHARELADO EM ADMINISTRAÇÃO EURIMAR NOGUEIRA

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PIAUÍ UFPI CAMPUS SENADOR HELVÍDIO NUNES DE BARROS CSHNB CURSO DE BACHARELADO EM ADMINISTRAÇÃO EURIMAR NOGUEIRA UNIVERSIDADE FEDERAL DO PIAUÍ UFPI CAMPUS SENADOR HELVÍDIO NUNES DE BARROS CSHNB CURSO DE BACHARELADO EM ADMINISTRAÇÃO EURIMAR NOGUEIRA OS ESTILOS DE LIDERANÇA EM UM GRUPO DE MICRO E PEQUENAS EMPRESAS

Leia mais

Evolução dos conceitos de Liderança. Técnicas de Liderança. a 2. Gilberto Guimarães. gilberto@gg-guimaraes.com.br. Liderança Positiva

Evolução dos conceitos de Liderança. Técnicas de Liderança. a 2. Gilberto Guimarães. gilberto@gg-guimaraes.com.br. Liderança Positiva Evolução dos conceitos de Liderança Técnicas de Liderança a 2 gilberto@gg-guimaraes.com.br Liderança O que é Liderança? liderar é influenciar pessoas para que desenvolvam motivação* para fazer o que "deve"

Leia mais

CRISTIANE ALDÁ. Perfil de Liderança: Análise do líder da empresa WR Materiais de Construção de Santa Cruz de Monte Castelo

CRISTIANE ALDÁ. Perfil de Liderança: Análise do líder da empresa WR Materiais de Construção de Santa Cruz de Monte Castelo FACULDADE INTERMUNICIPAL DO NOROESTE DO PARANÁ - FACINOR DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO LOANDA - PARANÁ CRISTIANE ALDÁ Perfil de Liderança: Análise do líder da empresa WR Materiais de Construção de Santa

Leia mais

Behaviorismo o controle comportamental nas organizações

Behaviorismo o controle comportamental nas organizações Objetivos Behaviorismo o controle comportamental nas organizações Apontar a importância da definição precisa do comportamento Apresentar os conceitos básicos da Escola Behaviorista Descrever o condicionamento

Leia mais

COMPETÊNCIAS E COMPORTAMENTO DOS LÍDERES NO CENÁRIO ATUAL

COMPETÊNCIAS E COMPORTAMENTO DOS LÍDERES NO CENÁRIO ATUAL COMPETÊNCIAS E COMPORTAMENTO DOS LÍDERES NO CENÁRIO ATUAL 1.Osnei FranciscoAlves 2. Jéssica Barros 1. Professor das Faculdades Integradas Santa Cruz. Administrador, MBA Executivo em Gestão de Pessoas e

Leia mais

CESPE - 2009 Julgue os próximos itens, a respeito do comportamento humano nas organizações, das teorias de motivação e do comprometimento e da

CESPE - 2009 Julgue os próximos itens, a respeito do comportamento humano nas organizações, das teorias de motivação e do comprometimento e da Gestão de Pessoas 1 CESPE - 2009 Julgue os próximos itens, a respeito do comportamento humano nas organizações, das teorias de motivação e do comprometimento e da satisfação com o trabalho. O administrador

Leia mais

FAQ - FACULDADE XV DE AGOSTO LIDERANÇA SITUACIONAL ATRAVÉS DA ANÁLISE DOS NÍVEIS DE MATURIDADE PSICOLÓGICA E DE TRABALHO EM UMA ONG

FAQ - FACULDADE XV DE AGOSTO LIDERANÇA SITUACIONAL ATRAVÉS DA ANÁLISE DOS NÍVEIS DE MATURIDADE PSICOLÓGICA E DE TRABALHO EM UMA ONG FAQ - FACULDADE XV DE AGOSTO LIDERANÇA SITUACIONAL ATRAVÉS DA ANÁLISE DOS NÍVEIS DE MATURIDADE PSICOLÓGICA E DE TRABALHO EM UMA ONG João Batista de Godoy SOCORRO 2008 FAQ - FACULDADE XV DE AGOSTO LIDERANÇA

Leia mais

DIMENSÕES DE PESQUISA EM ENGENHARIA DE SOFTWARE

DIMENSÕES DE PESQUISA EM ENGENHARIA DE SOFTWARE ESPECIAL Engenharia de Software DIMENSÕES DE PESQUISA EM ENGENHARIA DE SOFTWARE por Paulo Borba DECISÕES IMPORTANTES A SEREM TOMADAS NOS PROJETOS E NA CARREIRA DE UM PESQUISADOR EM ENGENHARIA DE SOFTWARE.

Leia mais

Síntese de TGA. Teoria Comportamental da Administração

Síntese de TGA. Teoria Comportamental da Administração Síntese de TGA Teoria Comportamental da Administração A Teoria Comportamental surgiu nos Estados Unidos por volta de 1950, com uma redefinição dos conceitos antigos administrativos ao criticar as teorias

Leia mais

Psicossociologia do Trabalho

Psicossociologia do Trabalho Psicossociologia do Trabalho 159 000 000 pnoriega@fmh.utl.pt 1 pnoriega@fmh.utl.pt 2 pnoriega@fmh.utl.pt 3 Liderança Introdução - Liderança, natureza e necessidade Teorias dos traços de liderança Teoria

Leia mais

Objetivo. Apresentar uma síntese das principais teorias sobre liderança e suas implicações para a gestão.

Objetivo. Apresentar uma síntese das principais teorias sobre liderança e suas implicações para a gestão. Liderança Objetivo Apresentar uma síntese das principais teorias sobre liderança e suas implicações para a gestão. 2 Introdução O que significa ser líder? Todo gestor é um líder? E o contrário? Liderança

Leia mais

12. TEORIAS CONTINGENCIAIS OU SITUACIONAIS

12. TEORIAS CONTINGENCIAIS OU SITUACIONAIS 12. TEORIAS CONTINGENCIAIS OU SITUACIONAIS Vários estudos foram feitos no sentido de se isolar fatores situacionais que afetam a eficácia da liderança, tais como: a) grau de estruturação da tarefa que

Leia mais

GESTÃO. 7.3-Liderança e estilos de liderança DEG/FHC 1

GESTÃO. 7.3-Liderança e estilos de liderança DEG/FHC 1 GESTÃO 7.3-Liderança e estilos de liderança DEG/FHC 1 Liderança Capacidade para influenciar pessoas de forma a conseguir atingir os objectivos e metas da organização. Implica o envolvimento do líder com

Leia mais

Curso Superior de Tecnologia em Gestão Pública. Introdução ao gerenciamento de projeto

Curso Superior de Tecnologia em Gestão Pública. Introdução ao gerenciamento de projeto Curso Superior de Tecnologia em Gestão Pública Introdução ao gerenciamento de projeto O que é um Projeto? Um projeto é um complexo e não rotineiro esforço único limitado por tempo, orçamento, recursos

Leia mais

The situational leadership theory in help desk environment

The situational leadership theory in help desk environment A teoria da liderança situacional Artigo em Original ambiente / Original de help Article desk A teoria da liderança situacional em ambiente de help desk The situational leadership theory in help desk environment

Leia mais

FEAUSP-RP 20 DE AGOSTO DE 2015

FEAUSP-RP 20 DE AGOSTO DE 2015 FEAUSP-RP 20 DE AGOSTO DE 2015 Profa. Dra. Ana Cristina Limongi-França Professora Titular da Universidade de São Paulo Faculdade de Economia, Administração, Contabilidade e Atuárias Departamento de Administração

Leia mais

A INFLUÊNCIA DO LÍDER NO ALCANCE DOS RESULTADOS ORGANIZACIONAIS: Análise em uma empresa de grande porte na cidade de Três Lagoas/MS.

A INFLUÊNCIA DO LÍDER NO ALCANCE DOS RESULTADOS ORGANIZACIONAIS: Análise em uma empresa de grande porte na cidade de Três Lagoas/MS. A INFLUÊNCIA DO LÍDER NO ALCANCE DOS RESULTADOS ORGANIZACIONAIS: Análise em uma empresa de grande porte na cidade de Três Lagoas/MS. Elisângela de Aguiar Alcalde Docente Ma. das Faculdades Integradas de

Leia mais

IMPORTÂNCIA DA LIDERANÇA NO DESEMPENHO DOS FUNCIONÁRIOS DENTRO DAS ORGANIZAÇÕES

IMPORTÂNCIA DA LIDERANÇA NO DESEMPENHO DOS FUNCIONÁRIOS DENTRO DAS ORGANIZAÇÕES IMPORTÂNCIA DA LIDERANÇA NO DESEMPENHO DOS FUNCIONÁRIOS DENTRO DAS ORGANIZAÇÕES ¹Antonia Maria Gimenes.² Matheus Toledo ³ Renato Nogueira Perez Ávila 4 Patrícia Angélica Paulino RESUMO O objetivo geral

Leia mais

CAPÍTULO 10. Enfoque Comportamental na Administração

CAPÍTULO 10. Enfoque Comportamental na Administração CAPÍTULO 10 Enfoque Comportamental na Administração MAXIMIANO /TGA Fig. 9.1 A produção robotizada, que ilustra o sistema técnico das organizações, contrasta com o sistema social, formado pelas pessoas

Leia mais

Liderança. Potencial PSI. Competências. Liderança: Qual é a definição? Conhecimento. -Com pares - Com subordinado - Com clientes -Com Gestor

Liderança. Potencial PSI. Competências. Liderança: Qual é a definição? Conhecimento. -Com pares - Com subordinado - Com clientes -Com Gestor Liderança Competências Conhecimento Habilidade Atitude - - Relacionamento - - -Com pares - Com subordinado - Com clientes -Com Gestor Crise Liderança: Qual é a definição? Principal fator de saída da empresa

Leia mais

ESTILOS DE GESTÃO E LIDERANÇA EM UNIDADES DE INFORMAÇÃO: uma revisão da produção acadêmico-científica

ESTILOS DE GESTÃO E LIDERANÇA EM UNIDADES DE INFORMAÇÃO: uma revisão da produção acadêmico-científica UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA - UDESC CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS E DA EDUCAÇÃO - FAED DEPARTAMENTO DE BIBLIOTECONOMIA E GESTÃO DA INFORMAÇÃO - DBI LIDIA CARMIGNAN ESTILOS DE GESTÃO E LIDERANÇA

Leia mais

Governança Corporativa de Empresas Familiares. Migrando do Conselho para os níveis operacionais

Governança Corporativa de Empresas Familiares. Migrando do Conselho para os níveis operacionais Governança Corporativa de Empresas Familiares Migrando do Conselho para os níveis operacionais O que é "empresa familiar"? A família detém o controle societário Empresas Familiares no Mundo Fonte: Consultoria

Leia mais

2 Referencial Teórico

2 Referencial Teórico 2 Referencial Teórico Este capítulo pretende fundamentar os principais tópicos que serão abordados no trabalho para melhor compreensão e definição dos temas. O primeiro a ser analisado é a questão da liderança.

Leia mais

NÃO EXISTE GESTÃO SEM COMUNICAÇÃO DANIEL COSTA

NÃO EXISTE GESTÃO SEM COMUNICAÇÃO DANIEL COSTA NÃO EXISTE GESTÃO SEM COMUNICAÇÃO DANIEL COSTA O que é engajamento? Engajamento no trabalho é uma forma de agir em que o indivíduo, motivado por uma causa, expressa sua vontade e predisposição de fazer

Leia mais

Ubirajara Brum da Silva (UTFPR / COPEL) brum@copel.com João Luiz Kovaleski (UTFPR) kovaleski@pg.cefetpr.br

Ubirajara Brum da Silva (UTFPR / COPEL) brum@copel.com João Luiz Kovaleski (UTFPR) kovaleski@pg.cefetpr.br Desenvolvimento de equipe através da Liderança Situacional e Feedback 360º Caso de uma equipe de manutenção da Copel Distribuição S.A, Superintendência de Distribuição Centro-sul. Ubirajara Brum da Silva

Leia mais

Veja a seguir, o que é Coaching, para quem é Coaching e quem pode trabalhar com Coaching formal ou informal:

Veja a seguir, o que é Coaching, para quem é Coaching e quem pode trabalhar com Coaching formal ou informal: FORMAÇÃO Laboratório prático e teórico de poder pessoal, liderança, auto desenvolvimento e desenvolvimento de equipes, foco em resultados acelerados e processos assertivos. A Instituição High Level Coaching

Leia mais

Prof. Gustavo Nascimento. Unidade I MODELOS DE LIDERANÇA

Prof. Gustavo Nascimento. Unidade I MODELOS DE LIDERANÇA Prof. Gustavo Nascimento Unidade I MODELOS DE LIDERANÇA A liderança e seus conceitos Liderança é a capacidade de influenciar um grupo para que as metas sejam alcançadas Stephen Robbins A definição de liderança

Leia mais

Identidade e trabalho do coordenador pedagógico no cotidiano escolar

Identidade e trabalho do coordenador pedagógico no cotidiano escolar 9 Considerações finais A partir da análise dos dados coletados nessa pesquisa algumas considerações finais se fazem pertinentes em relação às questões iniciais levantadas nesta pesquisa. 9.1 Identidade

Leia mais

Módulo 11 Socialização organizacional

Módulo 11 Socialização organizacional Módulo 11 Socialização organizacional O subsistema de aplicação de recursos humanos está relacionado ao desempenho eficaz das pessoas na execução de suas atividades e, por conseguinte, na contribuição

Leia mais

Características da liderança. Estilos de liderança LIDERANÇA. Líder e liderança O LÍDER EFICAZ. Conceito de liderança

Características da liderança. Estilos de liderança LIDERANÇA. Líder e liderança O LÍDER EFICAZ. Conceito de liderança Uninove Sistemas de Informação Teoria Geral da Administração 3º Semestre Prof. Fábio Magalhães Blog da disciplina: http://fabiotga.blogspot.com Semana 04 e liderança Conceito de liderança Segundo Robbins,

Leia mais

Aula 2 Estágios de Uso Estratégico dos Sistemas de Informaçã

Aula 2 Estágios de Uso Estratégico dos Sistemas de Informaçã Aula 2 Estágios de Uso Estratégico dos Sistemas de Informaçã ção Grinaldo Lopes de Oliveira (grinaldo@gmail.com) Curso Superior de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas Agenda Histórico da

Leia mais

MOTIVAÇÃO UM NOVO COMBUSTÍVEL EMPRESARIAL

MOTIVAÇÃO UM NOVO COMBUSTÍVEL EMPRESARIAL MOTIVAÇÃO UM NOVO COMBUSTÍVEL EMPRESARIAL Daniele Cristine Viana da Silva 1 Maria José Vencerlau 2 Regiane da Silva Rodrigues 3 André Rodrigues da Silva 4 Fábio Fernandes 5 RESUMO O Artigo Científico tem

Leia mais

Serviços Compartilhados - interligando processos a nível global. Equipe IEG

Serviços Compartilhados - interligando processos a nível global. Equipe IEG Serviços Compartilhados - interligando processos a nível global Equipe IEG Os Centros de Serviços Compartilhados (CSCs) sempre foram vistos como uma forma de reduzir custos rapidamente por meio, principalmente,

Leia mais

LIDERANÇA: UMA HABILIDADE NECESSÁRIA NO EMPREENDEDOR DE SUCESSO

LIDERANÇA: UMA HABILIDADE NECESSÁRIA NO EMPREENDEDOR DE SUCESSO LIDERANÇA: UMA HABILIDADE NECESSÁRIA NO EMPREENDEDOR DE SUCESSO Dr. Álvaro G. R. Lezana 1, Andreia M. Pedro 2, Gilmara F. Ventura 3, Luciane Camilotti 4 Sistemas 1 lezana@eps.ufsc.br Sistemas 2 andreia@eps.ufsc.br

Leia mais

ESTILOS DE LIDERANÇA: ENFOQUE NA TEORIA X E TEORIA Y DE DOUGLAS MCGREGOR LEADERSHIP STYLES: FOCUS ON THEORY X AND THEORY Y DOUGLAS MCGREGOR RESUMO

ESTILOS DE LIDERANÇA: ENFOQUE NA TEORIA X E TEORIA Y DE DOUGLAS MCGREGOR LEADERSHIP STYLES: FOCUS ON THEORY X AND THEORY Y DOUGLAS MCGREGOR RESUMO ESTILOS DE LIDERANÇA: ENFOQUE NA TEORIA X E TEORIA Y DE DOUGLAS MCGREGOR LEADERSHIP STYLES: FOCUS ON THEORY X AND THEORY Y DOUGLAS MCGREGOR Glaucia Fernanda Santos Juliana Janaina de Oliveira Assunção

Leia mais

Concurso - EPPGG 2013. Prof. Leonardo Ferreira Turma EPPGG-2013 Aulas 18,19,20 e 21

Concurso - EPPGG 2013. Prof. Leonardo Ferreira Turma EPPGG-2013 Aulas 18,19,20 e 21 Concurso - EPPGG 2013 Prof. Leonardo Ferreira Turma EPPGG-2013 Aulas 18,19,20 e 21 Conteúdo Programático Tema 9: 8. Gestão de Pessoas: Liderança, Gerenciamento de Conflitos, Gestão por Competência, Motivação,

Leia mais

Utilização da Liderança Situacional em Gerenciamento de Projetos

Utilização da Liderança Situacional em Gerenciamento de Projetos Utilização da Liderança Situacional em Gerenciamento de Projetos Gianfranco Muncinelli gianfranco@muncinelli.com.br Instituto Superior de Administração e Economia da Fundação Getúlio Vargas (ISAE/FGV)

Leia mais

Utilização da liderança situacional em Gerenciamento de Projetos

Utilização da liderança situacional em Gerenciamento de Projetos Utilização da liderança situacional em Gerenciamento de Projetos Resumo: Na realidade dos dias atuais, onde recursos são cada vez mais escassos, é notável a necessidade de líderes que exerçam a liderança

Leia mais

Por uma prática promotora de saúde em Orientação Vocacional (Ana Bock e Wanda Aguiar)

Por uma prática promotora de saúde em Orientação Vocacional (Ana Bock e Wanda Aguiar) Por uma prática promotora de saúde em Orientação Vocacional (Ana Bock e Wanda Aguiar) Segundo a OMS, saúde é o mais completo estado de bemestar físico, psicológico e social para um indivíduo. O que significa

Leia mais

Endobranding Por dentro do branding interno

Endobranding Por dentro do branding interno Endobranding Por dentro do branding interno Por Paulo Ricardo dos Santos Meira, Doutor em Marketing pelo Programa de Pós-graduação em Administração da Universidade Federal do Rio Grande do Sul; Analista

Leia mais

Integração novos colaboradores

Integração novos colaboradores Integração novos colaboradores Apresentação Fazer com que um novo funcionário fique seguro e perfeitamente à vontade desde o seu primeiro dia de trabalho não é apenas um detalhe de delicadeza humana que

Leia mais

Cento de Ensino e Pesquisa Aplicada à Educação. Subárea de Matemática. Plano de Ensino de Matemática 7º Ano - 2014

Cento de Ensino e Pesquisa Aplicada à Educação. Subárea de Matemática. Plano de Ensino de Matemática 7º Ano - 2014 Cento de Ensino e Pesquisa Aplicada à Educação Subárea de Matemática 1 Plano de Ensino de Matemática 7º Ano - 2014 Centro de Ensino e Pesquisa Aplicada à Educação Subárea de Matemática Profª Marisa Gomes

Leia mais

Competências socioemocionais: fator-chave no desenvolvimento para o trabalho. Sônia Gondim, Franciane Andrade de Morais e Carolina Brantes

Competências socioemocionais: fator-chave no desenvolvimento para o trabalho. Sônia Gondim, Franciane Andrade de Morais e Carolina Brantes Competências socioemocionais: fator-chave no desenvolvimento para o trabalho. Sônia Gondim, Franciane Andrade de Morais e Carolina Brantes Qual a importância da competência socioemocional? No desenvolvimento

Leia mais

Pessoa com Deficiência. A vida familiar e comunitária favorecendo o desenvolvimento

Pessoa com Deficiência. A vida familiar e comunitária favorecendo o desenvolvimento Habilitação e Reabilitação da Pessoa com Deficiência A vida familiar e comunitária favorecendo o desenvolvimento Marco Legal Constituição Brasileira Art. 203 inciso IV IV - A habilitação e reabilitação

Leia mais

O TRABALHO EM EQUIPE: a multiplicação do talento humano

O TRABALHO EM EQUIPE: a multiplicação do talento humano UNIVERSIDADE PAULISTA GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM O TRABALHO EM EQUIPE: a multiplicação do talento humano Prof. Cassimiro Nogueira Jr Hoje, as lideranças que querem obter sucesso, formam equipes de trabalho

Leia mais

O JOVEM COMERCIÁRIO: TRABALHO E ESTUDO

O JOVEM COMERCIÁRIO: TRABALHO E ESTUDO O JOVEM COMERCIÁRIO: TRABALHO E ESTUDO O comércio sempre foi considerado como porta de entrada para o mercado de trabalho sendo, assim, um dos principais setores econômicos em termos de absorção da população

Leia mais

DIOGO ROCHA ESTILOS DE LIDERANÇA: UM ESTUDO EM UMA ORGANIZAÇÃO PÚBLICA

DIOGO ROCHA ESTILOS DE LIDERANÇA: UM ESTUDO EM UMA ORGANIZAÇÃO PÚBLICA DIOGO ROCHA ESTILOS DE LIDERANÇA: UM ESTUDO EM UMA ORGANIZAÇÃO PÚBLICA Trabalho de Conclusão de Curso Apresentado à Coordenação do Serviço de Estágio Supervisionado em Administração, do Curso de Graduação

Leia mais

LIDERANÇA SITUACIONAL. O QUE É E PARA QUE SERVE?

LIDERANÇA SITUACIONAL. O QUE É E PARA QUE SERVE? FACULDADE DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS - FASA CURSO: ADMINISTRAÇÃO ÁREA: RECURSOS HUMANOS LIDERANÇA SITUACIONAL. O QUE É E PARA QUE SERVE? NICOLE KNOP HENRIQUES MODESTO MATRÍCULA Nº 2030140/4 PROFESSOR

Leia mais

Definição de objetivos através da liderança eficaz Caso de uma Equipe de Manutenção da Copel, Superitendência Ponta Grossa.

Definição de objetivos através da liderança eficaz Caso de uma Equipe de Manutenção da Copel, Superitendência Ponta Grossa. Definição de objetivos através da liderança eficaz Caso de uma Equipe de Manutenção da Copel, Superitendência Ponta Grossa. Ubirajara Brum da Silva (COPEL/CEFET-PR) brum@copel.com João Luiz Kovaleski (CEFET-PR)

Leia mais

PORTFÓLIO DE SERVIÇOS

PORTFÓLIO DE SERVIÇOS PORTFÓLIO DE SERVIÇOS PORTFÓLIO DE SERVIÇOS Ana Paula Lima Coaching, Consultoria e Palestras é uma empresa especializada em Gestão de Pessoas, que visa identificar o potencial humano e desenvolvê-lo através

Leia mais

UM CAMINHAR DA ADMINISTRAÇÃO E O DESENVOLVIMENTO DE PESSOAS: LIDERANÇA, MOTIVAÇÃO E DESENVOLVIMENTO DE EQUIPES.

UM CAMINHAR DA ADMINISTRAÇÃO E O DESENVOLVIMENTO DE PESSOAS: LIDERANÇA, MOTIVAÇÃO E DESENVOLVIMENTO DE EQUIPES. UM CAMINHAR DA ADMINISTRAÇÃO E O DESENVOLVIMENTO DE PESSOAS: LIDERANÇA, MOTIVAÇÃO E DESENVOLVIMENTO DE EQUIPES. Eder Gomes da Silva 1 Resumo: O presente artigo trazer um estudo teórico buscando adquirir

Leia mais

Declaração Universal dos Direitos Humanos

Declaração Universal dos Direitos Humanos Declaração Universal dos Direitos Humanos Considerando que o reconhecimento da dignidade inerente a todos os membros da família humana e de seus direitos iguais e inalienáveis é o fundamento da liberdade,

Leia mais

2015-2016. CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO 2º Ciclo

2015-2016. CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO 2º Ciclo 2015-2016 CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO 2º Ciclo Setembro 2015 Este documento pretende dar a conhecer a todos os intervenientes no processo educativo os critérios de avaliação, e respetivas percentagens, a que

Leia mais

LIDERANÇA: Lojas Tanger Ltda. Lins SP

LIDERANÇA: Lojas Tanger Ltda. Lins SP UNISALESIANO Centro Universitário Católico Salesiano Auxilium Curso de Administração Glaucia Fernanda Santos Juliana Janaina de Oliveira Assunção LIDERANÇA: Lojas Tanger Ltda. Lins SP LINS SP 2010 GLAUCIA

Leia mais

MODELAGENS. Modelagem Estratégica

MODELAGENS. Modelagem Estratégica Material adicional: MODELAGENS livro Modelagem de Negócio... Modelagem Estratégica A modelagem estratégica destina-se à compreensão do cenário empresarial desde o entendimento da razão de ser da organização

Leia mais

COMPETÊNCIA DE LIDERANÇA

COMPETÊNCIA DE LIDERANÇA COMPETÊNCIA DE LIDERANÇA Módulo I Apresentação da disciplina Prezado (a) aluno (a), Este texto foi preparado para você que está fazendo o curso de administração pelo Sistema de Ensino Presencial Interativo

Leia mais