Recebimento, Armazenagem, Movimentação e Expediçao de Produtos à Granel

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Recebimento, Armazenagem, Movimentação e Expediçao de Produtos à Granel"

Transcrição

1 Recebimento, Armazenagem, Movimentação e Expediçao de Produtos à Granel Produto : Logix, WMS, 12 Chamado : PCREQ-1926 Data da criação : 03/07/2015 Data da revisão : 24/07/15 País(es) : Todos Banco(s) de Dados : Informix, Oracle e SQL Server Implementada a melhoria para que produtos controlados a granel possam ser recebidos, armazenados, movimentados e expedidos pelo WMS. A principal característica que diferencia um produto a granel de um produto de carga geral é que este último é gerenciado pelas informações das etiquetas associadas ao estoque e o primeiro é gerenciado apenas pelo peso. Para reaproveitar toda a estrutura de estoque já utilizada para os produtos de carga geral, os produtos a granel também utilizarão identificações de estoque, porém neste caso não serão informadas nos processos, estas informações estarão visíveis apenas ao realizar uma consulta de saldo. Alterações no WMS Atualização Registros Padrões O programa foi altearado para incluir a opção 10 (Silo) no campo Tipos de estrutura. Os produtos à granel somente poderão ser armazenados em endereços configurados com o tipo de estrutura 10. Alterado também no campo Funcionalidades para incluir a opção 16 (Granel). Os produtos à granel somente poderão ser armazenados em endereços configurados com funcionalidade 16. LOG Parâmetros do Desenvolvido o parâmetro Tipo de carga padrão movimentada para indicar o tipo de carga padrão movimentada pela empresa. Ao iniciar a inclusão de um CESV (WMS6448) ou de uma solicitação de carga (WMS6325) será sugerido o tipo padrão indicado. Esse parâmetro irá agilizar o processo de inclusão nas rotinas informadas, sempre sugerindo o tipo de carga padrão utilizado na empresa. Importante Caso este parâmetro não esteja informado será sugerido o tipo 1 (Carga geral ). Desenvolvido o parâmetro Percentual de tolerância para divergência quantidade expedida a granel para definir um percentual de tolerância permitido para divergência no peso das cargas a granel expedidas pelo armazém. Este percentual será considerado no momento da confirmação do embarque (WMS6278), onde será verificado se o peso embarcado está dentro da tolerância indicada, em relação ao peso planejado para o embarque. Esse parâmetro irá garantir que a quantidade embarcada no veículo esteja dentro de uma tolerância aceitável, se comparada a quantidade que foi planejada inicialmente para o embrque. Desenvolvido o parâmetro Percentual de tolerância para encerramento de solicitação de granel para definir percentual de tolerância a ser considerado para o encerramento automático das solicitações de carga originais, quando o produto é controlado à granel. Será verificado na liberação do veículo na portaria se a solicitação de origem possui quantidade atendida dentro do WMS - Recebimento, Armazenagem, Movimentação e Expediçao de Produtos à Granel 1

2 Título do documento percentual informado, em relação à quantidade solicitada. Se estiver dentro da tolerância calculada (mesmo que não tenha atingido 100% do atendimento), a solicitação original será encerrada automaticamente. Caso esteja fora da tolerância indicada e não houver mais necessidade de atendimento será necessário encerrar a solicitação original de forma manual após liberar o veículo, utilizando para isso a rotina WMS6803 (Atendimento de Solicitação de Carga Granel). Procedimento para Implementação Para utilização desta funcionalidade é necessário estar no mínimo com Update 04/2015 (12.1.6) aplicado, com os metadados atualizados, conversores de tabelas e parâmetros devidamente aplicados. Procedimento para Configuração CONFIGURAÇÃO DE PARÂMETROS Os parâmetros deverão ser processados no Administração Parâmetros (LOG00086), informar o diretório do conversor e efetuar seu processamento. Itens/Pastas Informações Nome Tipo Cont. Por. 1 wms_tipo_carga - Tipo de carga padrão movimentada Numérico 1-Carga Geral, 2-Granel Local: Logix WMS > Logix WMS > Gerais Itens/Pastas Informações Nome Tipo Cont. Por. pct_tolerancia_diverg_granel - Percentual de tolerância para divergência quantidade expedida a granel Numérico Local: Logix WMS > Logix WMS > Expedição Itens/Pastas Informações Nome pct_toler_encerr_solic_granel - Percentual de tolerância para encerramento de solicitação de granel 2 WMS - Recebimento, Armazenagem, Movimentação e Expediçao de Produtos à Granel

3 Tipo Numérico Cont. Por. 0 Local: Logix WMS > Logix WMS > Expedição Novo tipo de estrutura de endereço: Para criar o novo tipo de estrutura para produtos a granel, execute a rotina WMS6770 (Atualização Registros Padrões) e assinale o campo Tipos de estrutura. Os produtos controlados à granel somente poderão ser armazenados em endereços configurados com o tipo de estrutura 10 (SILO). Nova funcionalidade de endereço: Para criar esta nova funcionalidade execute a rotina WMS6770 (Atualização Registros Padrões) assinalando o campo Funcionalidades. Os produtos controlados à granel somente poderão ser armazenados em endereços configurados com funcionalidade 16 (GRANEL). CONFIGURAÇÃO DE MENUS Nível 3 12 Tipo 2 01 (Cadastros gerais) 01 (Itens) wms6494 WMS6494 Produtos granel semelhantes 04 (Recebimento) 05 Nível 3 - wms6453 Tipo 2 WMS - Recebimento, Armazenagem, Movimentação e Expediçao de Produtos à Granel 3

4 WMS6453 Título do documento Planejamento do recebimento granel 04 (Recebimento) 11 Nível 3 - wms6454 Tipo 2 WMS6454 Confirmação do recebimento granel 04 (Recebimento) 12 Nível 3 - wms6458 Tipo 2 WMS6458 Cancelamento do recebimento granel 05 (Movimentação armazém) 14 Nível 3 - wms6455 Tipo 2 WMS6455 Ajustes de estoque granel 05 (Movimentação armazém) 4 WMS - Recebimento, Armazenagem, Movimentação e Expediçao de Produtos à Granel

5 15 Nível 3 - wms6456 Tipo 2 WMS6456 Troca tipo de estoque/restrição granel 05 (Movimentação armazém) 16 Nível 3 - wms6457 Tipo 2 WMS6457 Transferência endereço granel 05 (Movimentação armazém) 17 Nível 3 - wms6381 Tipo 2 WMS6381 Transferência de saldo granel entre depositantes 03 (Controle portaria) 01 (Controle de entrada e saída de veículos) Nível 3 13 wms6491 Tipo 2 WMS - Recebimento, Armazenagem, Movimentação e Expediçao de Produtos à Granel 5

6 WMS6491 Registro pesos granel Título do documento 03 (Controle portaria) 02 (Relatórios) Nível 3 02 wms6633 Tipo 2 WMS6633 Impressão do ticket de pesagem 03 (Controle portaria) 01 (Controle de entrada e saída de veículos) Nível 3 08 wms6497 Tipo 2 WMS6497 Liberação veículo portaria 03 (Controle portaria) 01 (Controle de entrada e saída de veículos) Nível 3 09 wms6496 Tipo 2 WMS6496 Autorização para saída do armazém 03 (Controle portaria) 6 WMS - Recebimento, Armazenagem, Movimentação e Expediçao de Produtos à Granel

7 01 (Controle de entrada e saída de veículos) Nível 3 02 wms6726 Tipo 2 WMS6726 Impressão etiquetas 06 (Expedição) 03 (Embarque) Nível 3 02 wms6217 Tipo 2 WMS6217 Planejamento de embarque granel 06 (Expedição) 03 (Embarque) Nível 3 05 wms6278 Tipo 2 WMS6278 Confirmação de embarque granel 06 (Expedição) 03 (Embarque) Nível 3 06 wms6367 Tipo 2 WMS - Recebimento, Armazenagem, Movimentação e Expediçao de Produtos à Granel 7

8 WMS6367 Título do documento Relaciona solicitação conta/ordem granel 06 (Expedição) 96 (Consultas) Nível 3 05 wms6803 Tipo 2 WMS6803 Atendimento de solicitação de carga granel 06 (Expedição) 04 (Emissão de notas fiscais) Nível 3 02 wms9745 Tipo 2 WMS9745 Geração de notas fiscais Procedimento para Utilização Contrato 1. Acesse a rotina WMS60013 (Contrato), acesse a opção Expedição-Embarque/Fiscal, selecione no campo Emissão documentos granel a opção que define a forma como deve ocorrer a emissão dos documentos fiscais (retorno simbólico, conta/ordem, retorno ao depositante, regime especial) dos processos de produtos controlados a granel. Há duas opções disponíveis: Por veículo: Os documentos sempre serão gerados para cada veículo/composição que tenha passado pelo processo de carregamento. Nesta opção o saldo de estoque expedido será baixado no sistema no momento da liberação do veículo, da mesma forma que já ocorre para produtos de carga geral; Ao efetuar a saída do último veículo: Os documentos serão gerados apenas quando for efetuada a liberação do último veículo associado à solicitação de carga original. Nesta opção o saldo de estoque expedido continuará sendo 8 WMS - Recebimento, Armazenagem, Movimentação e Expediçao de Produtos à Granel

9 apresentado no sistema (estará associado ao veículo onde foi embarcado), sendo baixado somente quando os documentos fiscais forem gerados. Observações Para a segunda opção, a emissão dos documentos somente será permitida se a quantidade total atendida da solicitação original estiver dentro da tolerância indicada no parâmetro pct_toler_encerr_solic_granel. Caso não esteja dentro da tolerância os documentos fiscais serão gerados somente no encerramento manual da solicitação original, na rotina WMS6803 (Atendimento de Solicitação de Carga Granel). Para garantir a integridade das informações, somente será permitida a troca da forma de emissão dos documentos fiscais caso não exista processo de expedição em andamento, de produtos controlados à granel. 2. No WMS60013 (Contrato), acesse a opção Outros, assinale o campo Permitir dimensionais diferentes no endereço, caso não deva ser permitido armazenar em um endereço saldos de estoque de dimensionais diferentes de um produto. Por exemplo, se um produto possui saldo do lote A e também do lote B, somente será permitido armazenar em um único endereço estes dois saldos caso o campo em questão esteja desmarcado. 3. No WMS60013 (Contrato), na opção Outros, assinale o campo Permitir produtos diferentes no endereço, caso não deva ser permitido armazenar em um endereço saldos de estoque de produtos diferentes (ver seção Cadastro de Produtos Semelhantes ). Cadastro de Item 1. Acesse o programa MAN9922/MAN10021 (Item) e informe o tipo de carga dos produtos: Carga geral (valor C ): Quando o produto não deve ser controlado à granel; Granel sólido (valor S ): Quando o produto deve ser controlado à granel e é sólido; Granel líquido (valor L ): Quando o produto deve ser controlado à granel e é líquido. Observações Na rotina MAN9922 (Item) esta informação encontra-se na aba WMS, opção Complemento. Na rotina MAN10021 está na opção WMS. Apesar de existir a possibilidade de indicar tipos diferentes (sólido ou líquido), não existirão diferenças no funcionamento dos processos, o sistema sempre considerará tudo como granel. Caso não tenha sido parametrizada esta informação para o produto ele será considerado como Carga geral. 2. Um item que tenha sido assinalado como tipo de carga granel somente poderá ter um SKU cadastrado e ativo. Para este tipo de produto, o único SKU existente terá obrigatoriamente quantidade de itens e peso bruto igual a 1, e as informações de comprimento, largura, altura e volume igual a zero. Cadastro de Produtos Semelhantes 1. Acesse o programa WMS6494 (Produtos Granel Semelhantes) e cadastre o relacionamento entre produtos que sistemicamente possuem códigos diferentes, mas que fisicamente são considerados o mesmo produto. WMS - Recebimento, Armazenagem, Movimentação e Expediçao de Produtos à Granel 9

10 Título do documento Exemplo Pode-se ter o produto Soja do depositante A, que está cadastrado no WMS sob o código 123 ; e também o produto Soja do depositante B, que está cadastrado no WMS sob o código 456. É possível então criar um item semelhante chamado Soja e abaixo dele relacionar os códigos 123 e Com a criação deste agrupamento será possível, por exemplo, armazenar em um único endereço saldo de produtos diferentes, mesmo se no contrato do depositante estiver indicando que não é permitido armazenar produtos diferentes no endereço (conforme explicado anteriormente na seção Contrato ), pois o sistema passará a interpretar que os produtos agrupados são fisicamente os mesmos. Recebimento Registro da CESV (WMS6448) Somente um depositante por CESV. Registro de um veículo ou composição de veículos, trem, caminhões, etc. (WM64483) Relaciona NF X CESV (WMS6138). Quando for recebimento granel 100% dos itens devem ser controle granel. Planejamento do Recebimento (WMS6453). Planejamento individual por veículo, direto no endereço de armazenagem. Liberação do veículo na portaria (WMS6497). Liberação individual por veículo. Pesagem do veículo (WMS6491). Registro do peso por veículo que compõem o recebimento, vários pesagens por veículo. Será efetuado no mesmo programa o registro do peso de entrada e após o descarregamento. Confirmação do recebimento (WMS6454). Será confirmado o peso e endereço onde foi efetuado o descarregamento do veículo, efetuando a movimentação de entrada de estoque. Autorização para a saída do veículo (WMS6496) Liberação do veículo na portaria (WMS6497), encerrando o CESV. 1. Acesse a rotina WMS6448 (Registro CESV/Documental) e inclua um novo CESV (Controle de Entrada e Saída de Veículos). 2. Selecione no campo Tipo CESV/Docum a opção Recebimento. 3. Selecione no campo Tipo carga a opção Granel. 4. Informe o código do depositante para o qual será realizado o processo. Para granel é permitido um único depositante associado ao CESV. 5. Caso o CESV tenha somente um veículo associado, informe os dados na tela principal, assim como os dados do motorista e ajudantes. 10 WMS - Recebimento, Armazenagem, Movimentação e Expediçao de Produtos à Granel

11 6. Confirme para efetivar a inclusão do CESV. 7. Se o CESV tiver mais de um veículo/composição associado, acesse a opção Composição veículos e realize o cadastro dos veículos existentes. Para cada veículo principal deverá ser informado um motorista. A indicação de composições do veículo é opcional. Observações Ao registrar os dados do veículo na tela principal da rotina WMS6448 estas informações irão informar automaticamente este cadastro de composições de veículo. Se existir um único veículo/composição associado ao CESV, ao atualizar as informações deste veículo na tela de composições os dados da tela principal do WMS6448 serão atualizados automaticamente. Contudo se houver mais de um veículo/composição associado ao CESV os dados do veículo, motorista e ajudantes na tela principal ficarão em branco e não será possível alterá-los. 8. Acessar a opção Dados notas fiscais e registre a nota fiscal de recebimento a ser utilizada no processo, ainda não tenha sido incluída. 9. Acesse a opção CESV/Docum. X Notas Fiscais e relacione a nota fiscal de recebimento referente ao processo. Depois de concluir acione o botão Fim para fechar a tela. Observações Se o CESV for do tipo de carga Granel, a nota fiscal selecionada somente pode conter produtos controlados à granel. Se o CESV for do tipo de carga Geral, a nota fiscal selecionada somente pode conter produtos de carga geral. 10. Acesse a opção Plano de recebimento e posicionar no CESV. 11. Acione a opção Planejar. 12. No lado esquerdo, no grupo Veículos posicione no veículo que será efetuado o planejamento e acione o botão Relacionar. 13. Na parte inferior, no grupo Endereços destino inclua uma linha indicando o endereço no qual o produto deve ser armazenado. Caso necessário inclua mais linhas indicando outros endereços para o descarregamento. 14. Acione o botão Confirme na parte superior para confirmar o planejamento do recebimento e retornar à tela anterior ou selecione outro veículo existente e repita os procedimentos indicados nos passos 12 e Depois de retornar para a tela principal do planejamento, acione a opção Liberar entrada para permitir que o processo do recebimento seja iniciado. Para a liberação é necessário selecionar os veículos que serão liberados e confirme. 16. Depois de finalizar o planejamento e a liberação do veículo acione o botão Sair para retornar para a rotina WMS6448. Na tela do WMS6448 acione novamente Sair para finalizar o registro do CESV. 17. Acesse a rotina WMS6497 (Liberação do Veículo na Portaria) e consulte o CESV incluído. 18. Acione a opção Liberar Entrada, no grid selecione o veículo e em seguida Confirmar. 19. Acesse a rotina WMS6491 (Registro Pesos Granel) e consulte o CESV em questão. WMS - Recebimento, Armazenagem, Movimentação e Expediçao de Produtos à Granel 11

12 Título do documento A utilização da rotina de pesagem é opcional no processo, caso não esteja sendo utilizada vá para o passo Acione a opção Modificar, informe no grid Pesagem o tipo da pesagem Recebimento e obtendo o peso da balança com dois cliques na imagem que está no lado direito do campo Peso balança. Para que seja obtido o peso da balança é necessário que ela esteja devidamente configurada no Logix e com o peso estabilizado no momento da leitura. 21. Caso não esteja habilitada a integração com balança é possível registrar o peso manualmente através do campo Peso digitado. 22. Depois de registrar os dados da pesagem, confirme para efetivar. 23. Acesse a opção Ticket Pesagem para emitir um relatório com os dados do veículo e da pesagem realizada. Este relatório poderá servir como um documento auxiliar no processo, tanto para o motorista do veículo como para o operador responsável pelo descarregamento. 24. Realize o processo físico de descarregamento do veículo e em seguida, caso a rotina de pesagem esteja sendo utilizada, retorne à rotina WMS6491 e registrar uma nova pesagem do veículo. Se o descarregamento do veículo ocorrer em vários endereços é necessário realizar uma nova pesagem depois de descarregar em cada um dos endereços, para que seja possível identificar o peso que cada endereço recebeu. Utilize o campo da tela de pesagem para registrar informações que possam identificar de que endereço se refere a pesagem efetuada. 25. Acesse a rotina WMS6454 (Confirmação Recebimento Granel) e acione a opção Processar. 26. Informe o número do CESV. Serão carregadas no grid as informações dos veículos associados. Posicione em cada veículo/item do primeiro grid para informar os dados de recebimento 27. Se o endereço onde foi realizado o descarregamento é o mesmo planejado inicialmente informe no campo Quantidade o peso descarregado, sendo possível obter essa informação a partir da pesagem registrada anteriormente, utilizando para isso o botão direito do mouse, onde estará disponível a opção Obter pesagem veículo com outras duas opções disponíveis Selecionar pesagem e Considerar última. Selecione a opção Selecionar pesagem, caso tenha realizado o descarregamento em mais de um endereço ou a opção Considerar última caso tenha sido um endereço único. 28. Se o endereço utilizado para o descarregamento é diferente do que havia sido planejado realize o ajuste no grid Endereços destino, indicando o endereço utilizado. 29. Caso o produto recebido seja diferente do que havia sido declarado na nota fiscal é possível informar o produto correto no grid Veículos x Itens. Para isso deverá ser incluída uma nova linha no grid. Também é possível alterar o tipo de estoque, restrição ou dimensionais do produto recebido, alterando estas informações neste mesmo grid. 30. Depois de informar todos os dados e revisar as informações acione o botão Confirmar para efetivar o recebimento. Neste momento será realizada uma movimentação de entrada no estoque. 12 WMS - Recebimento, Armazenagem, Movimentação e Expediçao de Produtos à Granel

13 31. Neste momento os veículos com recebimento confirmado já poderão ser liberados para a saída, utilizando para isso a opção Liberar Veículo na rotina WMS6496 (Liberação para Saída de Veículo) e posteriormente a opção Liberar Saída na rotina WMS Caso seja necessário estornar a confirmação de recebimento de um veículo deve-se utilizar a rotina WMS6458 (Cancelamento Recebimento Granel), informando o número do CESV e selecionando o veículo para o estorno. Neste processamento o saldo de estoque de estoque gerado anteriormente será eliminado. 33. Se não houverem mais veículos previstos para o recebimento deve-se utilizar a opção Encerrar da rotina WMS6454, na qual será verificado se existe divergência de quantidades (falta ou excesso), efetuando neste caso a emissão do TFEA (Termo de Falta, Excesso ou Avaria) pela própria rotina. Ao concluir o processamento, o recebimento associado ao CESV será considerado como encerrado, não sendo mais possível adicionar novos veículos ao processo. Porém, caso isso seja necessário, é possível estornar o encerramento utilizando para isso a opção Reabrir. 34. O CESV de recebimento somente ficará com a situação Concluída depois de ter sido realizada a confirmação de recebimento de todos os veículos e todos eles também já tenham sido liberados na portaria (na rotina WMS6497). WMS - Recebimento, Armazenagem, Movimentação e Expediçao de Produtos à Granel 13

14 Expedição Título do documento Solicitação de carga via WMS6325 ou EDI Registro da CESV via WMS6448 e registro da composição de Veículos WMS64883 Planejamento embarque WMS6217 Libera entrada dos veículos WMS6497 Efetua a pesagem dos veículos WMS6491 manual de carregamento Efetua a pesagem dos veículos WMS6491 Não Confirmação do embarque WMS6278 Tem divergên cia de peso? Sim Dentro do % de tolerânci a? Sim Atualiza quantidade atendida na solicitação de carga original Não Deposita nte de outra UF? Sim Seleção da solicitação de carga referente a nota de venda WMS6367 Libera saída veículo na portaria WMS6497 Não Gera NF por veículo? Sim Emissão das notas fiscais Autoriza saída do veículo WMS6496 Não Sim É o último veículo? Não 1. Acesse a rotina WMS6325 (Solicitação de Carga) e inicie a inclusão de nova solicitação. Se a solicitação já foi registrada no sistema via EDI pule este procedimento, vá para o passo Na aba Dados complementares assinale o campo Granel, indicando que esta solicitação se refere a produtos controlados à granel. Se a solicitação for assinalada como Granel, ela somente poderá conter produtos controlados à granel. Se a solicitação não for assinalada como Granel, ela somente poderá conter produtos de carga geral. 3. Acesse a rotina WMS6448 (Registro CESV/Documental) e inicie a inclusão de novo CESV. 4. Selecione no campo Tipo CESV/Docum a opção Expedição. 14 WMS - Recebimento, Armazenagem, Movimentação e Expediçao de Produtos à Granel

15 5. Selecionar no campo Tipo carga a opção Granel. 6. Informe o código do depositante para o qual será realizado o processo. Para granel é permitido um único depositante associado ao CESV. 7. Caso o CESV tenha somente um veículo associado, informe os dados na própria tela principal, assim como os dados do motorista e ajudantes. 8. Acione o botão Confirmar para efetivar a inclusão do CESV. 9. Se o CESV tiver mais de um veículo/composição associado, acione a opção Composição Veículos e realizar o cadastro dos veículos existentes. Para cada veículo principal deverá ser informado um motorista. A indicação de composições do veículo é opcional. Ao registrar os dados do veículo na tela principal da rotina WMS6448 estas informações irão alimentar automaticamente este cadastro de composições de veículo. Se existir um único veículo/composição associado ao CESV, ao atualizar as informações deste veículo na tela de composições os dados da tela principal do WMS6448 serão atualizados automaticamente. Contudo se houver mais de um veículo/composição associado ao CESV os dados do veículo, motorista e ajudantes na tela principal ficarão em branco e não será possível alterá-los. 10. Acesse a opção Plano de embarque e depois acione o botão Confirmar para efetivar a inclusão (o sistema irá preencher automaticamente o número do CESV para associação com o planejamento de embarque). 11. Acione o botão Pesquisar no rodapé da tela, para realizar a busca das solicitações de carga que devem ser associadas ao planejamento de embarque. 12. Acesse a opção Pesquisar na tela que será apresentada, informe os filtros e Confirmar. 13. Acesse a opção Informar para selecionar as solicitações que devem ser relacionadas ao plano e confirme e depois a acione o botão Sair. 14. As solicitações de carga selecionadas serão relacionadas ao plano de embarque na tela principal. Acione o botão Confirmar do rodapé para efetivar a criação do relacionamento. Em seguida o programa irá exibir automaticamente a tela para planejamento do embarque nos veículos. 15. No lado esquerdo, no grupo Veículos posicione no veículo para efetuar o planejamento e clicar no botão Planejar. 16. Será apresentada uma tela na qual poderá ser indicado o endereço de onde o produto deve ser retirado e também a quantidade prevista para a separação. Utilize o zoom para consultar os endereços que possuem saldo para o produto. 17. Na parte inferior, no grupo Endereços Origem podem ser adicionadas novas linhas indicando outros endereços do qual o produto deve ser separado. 18. Acione o botão Confirmar para efetivar o planejamento do embarque. Para efetuar novo planejamento repita os procedimentos indicados nos passos 15 a 17, se não houver necessidade de novo planejamento acione o botão Sair para retornar para a tela anterior. WMS - Recebimento, Armazenagem, Movimentação e Expediçao de Produtos à Granel 15

16 Título do documento 19. Depois de retornar para a tela principal do planejamento, acione a opção Liberar Entrada para permitir que o processo de embarque seja iniciado. Para a liberação é necessário selecionar os veículos para realizar a liberação. E confirme. 20. Depois de finalizar o planejamento e a liberação do veículo acione o botão Sair para retornar para a rotina WMS6448. Na tela do WMS6448, finalize o registro do CESV. 21. Acesse a rotina WMS6497 (Liberação do Veículo na Portaria) e consulte o CESV incluído. 22. Acione a opção Liberar Entrada, assinale no grid o veículo. Em seguida confirmar. 23. Acesse a rotina WMS6491 (Registro Pesos Granel) e consulte o CESV em questão. A utilização da rotina de pesagem é opcional no processo, caso não esteja sendo utilizada siga para o passo Acione a opção Modificar, informado no grid Pesagem o tipo da pesagem Expedição e obtendo o peso da balança acionando de dois cliques na imagem que está no lado direito do campo Peso balança. Para que seja obtido o peso da balança é necessário que ela esteja devidamente configurada no Logix e com o peso estabilizado no momento da leitura. 25. Caso não esteja habilitada a integração com balança é possível registraro peso manualmente no campo Peso digitado; 26. Depois registrar os dados da pesagem acione o botão Confirmar para efetivar. 27. Acesse a opção Ticket Pesagem para emitir um relatório com os dados do veículo e da pesagem realizada. Este relatório poderá servir como um documento auxiliar no processo, tanto para o motorista do veículo como para o operador responsável pelo carregamento. 28. A seguir deve ser realizado o processo físico de carregamento do veículo e depois disso, caso a rotina de pesagem esteja sendo utilizada, deve-se voltar à rotina WMS6491 e registrar uma nova pesagem do veículo. Se o carregamento do veículo ocorrer em vários endereços é necessário realizar uma nova pesagem após carregar em cada um dos endereços, para que seja possível identificar o peso retirado de cada endereço. Utilize o campo da tela de pesagem para registrar informações que possam identificar de que endereço se refere à pesagem efetuada. 29. Depois disso acesse a rotina WMS6278 (Confirmação de Embarque Granel) e clique na opção Pesquisar, posicionando no CESV. 30. No grid Veículos x Itens posicione no veículo/item que deseja realizar a confirmação de embarque e acione o botão Embarque; 31. Se o endereço onde foi realizado o carregamento é o mesmo planejado inicialmente informe no campo Quantidade separada o peso carregado, sendo possível obter essa informação a partir da pesagem registrada anteriormente, utilizando para isso o botão direito do mouse, onde estará disponível a opção Obter pesagem veículo com outras duas opções disponíveis Selecionar pesagem e Considerar última. Selecione a opção Selecionar pesagem caso 16 WMS - Recebimento, Armazenagem, Movimentação e Expediçao de Produtos à Granel

17 tenha realizado o carregamento em mais de um endereço, ou a opção Considerar última caso tenha sido um endereço único. 32. Se o endereço utilizado para o carregamento é diferente do que havia sido planejado deixe o endereço planejado com quantidade separada igual a 0 (zero) e inclua uma nova linha no grid Endereços Origem, indicando o endereço utilizado e a quantidade separada deste endereço. 33. Se a quantidade separada informada for maior que o saldo será gerada uma quantidade de divergência, significando que o produto não possui saldo suficiente no endereço. Neste caso dê dois cliques na imagem do campo Transf. para realizar a transferência de saldo entre depositantes, realizando compensações de saldo de estoque entre produtos semelhantes (conforme cadastro efetuado na rotina WMS6494). 34. Depois de informar todos os dados e revisar as informações, Confirmar para efetivar o embarque. Neste momento serão realizadas movimentações de transferência de estoque dos endereços de origem para o veículo. 35. Caso seja necessário estornar a confirmação de embarque posicione no veículo/item e acione a opção Desembarque. Neste processamento o saldo de estoque associado ao veículo retornará ao endereço de origem. 36. Acesse a rotina WMS9745 (Geração de Notas Fiscais) e em Informar. Caso a emissão dos documentos para o depositante seja efetuada somente no último veículo (conforme parâmetro Emissão documentos granel do contrato), o documento somente estará disponível para o processamento se a quantidade total atendida da solicitação original estiver dentro da tolerância calculada. Caso o depositante seja de uma unidade de federação diferente do operador logístico, primeiro deverá ser realizado o relacionamento de uma solicitação de carga referente à nota fiscal de venda do depositante com os veículos/itens do processo. Para isso executar os procedimentos abaixo: Inclua a solicitação de carga referente à nota fiscal de venda na rotina WMS6325, assinale o campo Utilizar solicit. para emissão NF conta/ordem?. Relacionar esta solicitação de carga com os veículos/itens através da rotina WMS6367 (Relaciona Solicitação Conta/Ordem Granel). 37. Informe os filtros para o processamento (o campo Depositante é obrigatório), no grid serão carregados os documentos disponíveis para o processamento. 38. Selecione o documento e Confirmar. Caso o depositante seja de uma unidade de federação diferente do operador logístico será possível selecionar o tipo de documento a ser emitido, utilizando para isso o campo Gerar notas: Retorno simbólico e Conta/ordem; Somente retorno simbólico (neste caso será necessário gerar posteriormente o documento de Conta/Ordem para que o veículo possa ser liberado); Conta/ordem com retorno simbólico processado. WMS - Recebimento, Armazenagem, Movimentação e Expediçao de Produtos à Granel 17

18 Título do documento 39. Em seguida acione o botão Processar para efetuar a emissão dos documentos. 40. Depois de finalizar a emissão dos documentos entre na rotina WMS6496 (Liberação para Saída de Veículo) e acione o botão Liberar Veículo. 41. Acesse a rotina WMS6497, consulte o CESV e acione o botão Liberar Saída. 42. Há casos em que mesmo depois de liberar todos os veículos associados à uma solicitação de carga original a quantidade solicitada não terá sido totalmente atendida, devido às diferenças que podem ocorrer entre o planejamento e o embarque efetivo, em que o atendimento realizado não alcançou a tolerância permitida. Para estas situações será necessário efetuar o encerramento manual da solicitação, utilizando para isso a rotina WMS6803 (Atendimento de Solicitação de Carga Granel). 43. Acesse essa rotina, consulte a solicitação de carga original e acione a opção Encerrar para encerrar toda a solicitação ou acione o botão direito sobre a linha do item e selecione a opção Encerrar atendimento do item, sendo que neste caso será encerrado somente o item selecionado. 44. Para efetivar o processo será necessário informar uma justificativa pelo encerramento manual da solicitação. 45. É possível estornar o processo de encerramento utilizando para isso, acione a opção Reabrir, na qual será reaberto o saldo de todos os itens que tenham quantidade atendida menor que a quantidade solicitada. Também é possível reabrir o saldo de apenas um item, utilizando a opção Reabrir saldo que está disponível pelo botão direito sobre o grid. Movimentações Internas Ajustes de saldo de estoque 1. Acesse a rotina WMS6455 (Ajuste Estoque Granel), opção Processar para realizar ajustes de saldo de estoque dos produtos. 2. Informe o depositante, produto para realizar o ajuste e o endereço onde está o saldo a ser ajustado. Em seguida acione o botão Consulta saldo para carregar as informações. 3. Informe no campo Novo saldo qual é o saldo que deve ser considerado para o produto, tipo de estoque, restrição, endereço e dimensionais indicados. Caso exista um saldo reservado não será permitido que o novo saldo seja menor do que esta quantidade. 4. Se houver necessidade de gerar um novo saldo para um tipo de estoque, restrição ou dimensionais diferentes adicione uma nova linha no grid e informe os dados (para informar os dimensionais será necessário acionar dois cliques no botão que está ao lado do campo). 5. Depois de informar todos os dados, confirme para efetuar as movimentações de estoque que irão ajustar os saldos conforme as informações indicadas. Troca tipo de estoque/restrição 18 WMS - Recebimento, Armazenagem, Movimentação e Expediçao de Produtos à Granel

19 6. Para alterar o tipo de estoque ou restrição de um saldo de estoque acesse a rotina WMS6456 (Troca Tipo Estoque/Restrição Granel) e acione a opção Processar. 7. Informe o depositante, produto para realizar a atualização e o endereço onde está o saldo a ser atualizado. Em seguida acione o botão Consulta saldo para carregar as informações. 8. No grupo Destino informe os campos Tipo estoque e Restrição para assumir para os registros a serem processados. 9. Informe no campo Qtd.movimentação do grid qual é o saldo que deve ser atualizado para o novo tipo de estoque/restrição informados. Caso exista um saldo reservado não será permitido que seja informada uma quantidade a movimentar maior do que esta quantidade. 10. Depois de informar todos os dados, acione o botão Confirmar para efetuar a atualização do tipo de estoque/restrição nos saldos onde foi indicada uma quantidade para movimentação. Transferência endereço granel 11. Para transferir um saldo de estoque de um endereço para outro acesse a rotina WMS6457 (Transferência Endereço Grnael) e acione a opção Processar. 12. Informe o depositante, produto para realizar a transferência e o endereço onde está o saldo a ser transferido. Em seguida acione o botão Consulta saldo para carregar as informações. 13. No grupo Destino informe o endereço de destino para o saldo a ser movimentado. 14. Informe no campo Qtd.movimentação do grid qual é o saldo que deve ser transferido para o endereço de destino. Caso exista um saldo reservado não será permitido que seja informada uma quantidade a movimentar maior do que esta quantidade. 15. Depois de informar todos os dados acione o botão Confirmar para efetuar a transferência entre os endereços, considerando as linhas onde foi indicada uma quantidade para movimentação. Informações Técnicas Tabelas Utilizadas (novas) wms_item_granel_semelhante wms_cesv_composicao wms_cesv_motorista_ajudante wms_cesv_composicao_pesagem wms_expedicao_granel wms_expedicao_granel_veiculo wms_expedicao_granel_endereco wms_expedicao_granel_reserva wms_plano_recebto_granel wms_plano_recebto_granel_det WMS - Recebimento, Armazenagem, Movimentação e Expediçao de Produtos à Granel 19

20 Rotinas Envolvidas s Operacionais Título do documento WMS6217 Planejamento de Embarque Granel WMS6278 Confirmação de Embarque Granel WMS6367 Relaciona Solicitação Conta/Ordem Granel WMS6381 Transferência de Saldo Granel Entre Depositantes WMS6453 Planejamento do Recebimento Granel WMS6454 Confirmação do Recebimento Granel WMS6455 Ajuste de Estoque Granel WMS6456 Troca Tipo de Estoque/Restrição Granel WMS6457 Transferência Endereço Granel WMS6458 Cancelamento do Recebimento Granel WMS6491 Registro Pesos Granel WMS Produtos Granel Semelhantes WMS6496 Autorização para Saída do Armazém WMS6497 Liberação Veículo Portaria WMS6633 Impressão do Ticket de Pesagem WMS6726 Impressão Etiquetas WMS6803 Atendimento de Solicitação de Carga Granel WMS9745 Geração de Notas Fiscais Windows/Linux 20 WMS - Recebimento, Armazenagem, Movimentação e Expediçao de Produtos à Granel

Como utilizar o Cross-Docking Logix WMS

Como utilizar o Cross-Docking Logix WMS Como utilizar o Cross-Docking Logix WMS fevereiro/2011 Como utilizar o cross-docking WMS Logix Objetivo: Permitir o recebimento, a armazenagem e a expedição de produtos controlados sob o conceito de cross-docking.

Leia mais

Manual do Sistema de Almoxarifado P á g i n a 2. Manual do Sistema de Almoxarifado Módulo Requisição. Núcleo de Tecnologia da Informação

Manual do Sistema de Almoxarifado P á g i n a 2. Manual do Sistema de Almoxarifado Módulo Requisição. Núcleo de Tecnologia da Informação Divisão de Almoxarifado DIAX/CGM/PRAD Manual do Sistema de Almoxarifado Módulo Requisição Versão On-Line Núcleo de Tecnologia da Informação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul Manual do Sistema

Leia mais

G-Bar. Módulo Básico Versão 4.0

G-Bar. Módulo Básico Versão 4.0 G-Bar Software para Gerenciamento de Centrais de Corte e Dobra de Aço Módulo Básico Versão 4.0 Pedidos de Vendas Manual do Usuário 1 As informações contidas neste documento, incluindo links, telas e funcionamento

Leia mais

Implementação do Transbordo de Carga entre Veículos

Implementação do Transbordo de Carga entre Veículos Produto : Data da criação Implementação do Transbordo de País(es) : Brasil SARA Operacional, Coletor de Dados, Portaria, Consulta 11.8 Projeto/IRM : : 24/06/2014 Data da revisão : 18/08/14 Banco(s) de

Leia mais

TOTVS Série 1 Varejo (Simples) - Módulo e-commerce

TOTVS Série 1 Varejo (Simples) - Módulo e-commerce Novo Módulo disponível no TOTVS S1 Varejo: permissão de utilização através de licença específica. Mesmo não adquirindo a licença de uso do módulo ele continuará presente na tela do usuário. 1 Na opção

Leia mais

Para iniciar um Inventário, clique no botão Inserir ( primeiramente os campos solicitados na aba Identificação.

Para iniciar um Inventário, clique no botão Inserir ( primeiramente os campos solicitados na aba Identificação. Incluir um Inventário Para iniciar um Inventário, clique no botão Inserir ( primeiramente os campos solicitados na aba Identificação. ) e preencha Clique na aba Itens e depois no botão Carregar Produtos

Leia mais

1. Release 10.2/11-06 - 2015... 7 1.1 Instalação/ Logix Update 10.2/11-06 - 2015... 7 1.2 Inovação 10.2/11-06 - 2015... 9 1.2.

1. Release 10.2/11-06 - 2015... 7 1.1 Instalação/ Logix Update 10.2/11-06 - 2015... 7 1.2 Inovação 10.2/11-06 - 2015... 9 1.2. TOTVS 1. Release 10.2/11-06 - 2015.................................................................................... 7 1.1 Instalação/ Update 10.2/11-06 - 2015...................................................................

Leia mais

para outro) 23 ÍNDICE ERP 1- Cadastro de Produtos (Implantação no Almoxarifado) 04

para outro) 23 ÍNDICE ERP 1- Cadastro de Produtos (Implantação no Almoxarifado) 04 1 2 ÍNDICE ERP 1- Cadastro de Produtos (Implantação no Almoxarifado) 04 2- Notas de Compra (Incluindo Quantidades no Almoxarifado) 07 2.1 - Notas complementares 12 2.2 - Desmembramento de bens 13 3- Requisições

Leia mais

OPERAÇÃO LOGÍSTICA CL CLIENTES DIVERSOS

OPERAÇÃO LOGÍSTICA CL CLIENTES DIVERSOS 1. OBJETIVO Estabelecer procedimento padrão para todos os colaboradores da Irapuru que estão envolvidos na operação logística dos de recebimento, armazenagem e expedição. 2. REGRAS/CONSIDERAÇÕES GERAIS

Leia mais

Não há novos parâmetros criados que habilitam os recursos da customização. Apenas a utilização de parâmetros já existentes no sistema:

Não há novos parâmetros criados que habilitam os recursos da customização. Apenas a utilização de parâmetros já existentes no sistema: Desenvolvimento BM 1138 Versão 5 Release 13 Autor Sirlene Araújo Processo: Vendas Nome do Processo: Alteração da Customização BM-1007 Motivação Permitir a identificação de produtos de tiragem (Cotas) pré-definida

Leia mais

: 06/01/2015 Data da revisão : 06/02/15 Banco(s) de Dados

: 06/01/2015 Data da revisão : 06/02/15 Banco(s) de Dados Produto : Data da criação SPED Fiscal Registro 1900 País(es) : Brasil Datasul, Módulo Layout Fiscal, MLF, EMS206B, TOTVS12 Chamado : TQRBOD/TQRBTU : 06/01/2015 Data da revisão : 06/02/15 Banco(s) de Dados

Leia mais

TUTORIAL/MANUAL CONFIGURAR E GERAR NOTAS FISCAIS. Document Version: 1.0 Release Date: 19/02/2013

TUTORIAL/MANUAL CONFIGURAR E GERAR NOTAS FISCAIS. Document Version: 1.0 Release Date: 19/02/2013 1 P a g e TUTORIAL/MANUAL CONFIGURAR E GERAR NOTAS FISCAIS Document Version: 1.0 Release Date: 19/02/2013 Author(s) Via Express Informática LTDA. Carlos Belgine Analista de Suporte 2 P a g e OBJETIVO O

Leia mais

Manual NOV - PDV. Versão 1.0

Manual NOV - PDV. Versão 1.0 Manual NOV - PDV Versão 1.0 Sumário 01 Captura de Nota Fiscal...3 02 Remessa de Entrada...6 03 Remessa de Saída......9 04 Pedido Normal...12 05 Pedido Especial...16 06 Nota Fiscal Avulsa...18 07 Controle

Leia mais

Agendamento para Importação de Notas Fiscais

Agendamento para Importação de Notas Fiscais LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA VERSÃO 2 (Orientamos aos clientes que utilizam banco de dados SQL, para efetuarem a atualização preferencialmente após o encerramento das atividades do dia, acessando

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.04

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.04 MANUAL DO SISTEMA Versão 6.04 Inventário Manual...2 Relatório de contagem...2 Contagem...3 Digitação...3 Inventário Programado...6 Gerando o lote...7 Inserindo produtos manualmente no lote...8 Consultando

Leia mais

Boletim Técnico. Produto : EMS 2/TOTVS Faturamento (MFT) Chamado : THYQXQ Data da criação. : 24/10/2013 Data da revisão : 25/10/13

Boletim Técnico. Produto : EMS 2/TOTVS Faturamento (MFT) Chamado : THYQXQ Data da criação. : 24/10/2013 Data da revisão : 25/10/13 MDF-e Manifesto Eletrônico de Documentos Fiscais Produto : EMS 2/TOTVS Faturamento (MFT) Chamado : THYQXQ Data da criação : 24/10/2013 Data da revisão : 25/10/13 País : Brasil Bancos de Dados : Todos O

Leia mais

OPERAÇÃO LOGÍSTICA GRV SCB NAKATA

OPERAÇÃO LOGÍSTICA GRV SCB NAKATA 1. OBJETIVO Estabelecer procedimento padrão para todos os colaboradores da Irapuru que estão envolvidos na operação logística de recebimento, armazenagem e expedição do fornecedor DANA SCB e DANA NAKATA

Leia mais

Sage Finanças Títulos a Receber e a Pagar

Sage Finanças Títulos a Receber e a Pagar Sage Finanças Títulos a Receber e a Pagar OBJETIVO As funcionalidades de inclusão títulos, baixa de parcelas, cancelamento, autorização de pagamentos e renegociação de títulos, foram reestruturadas para

Leia mais

Remessa Armazenagem. 1 Detalhe do Armazém. 2 Detalhes Vendas

Remessa Armazenagem. 1 Detalhe do Armazém. 2 Detalhes Vendas Remessa Armazenagem Desenvolvimento do processo de Remessa Armazenagem. Este processo consiste em enviar uma carga determinada para um depósito de terceiro e permitir controlar o estoque da mercadoria

Leia mais

LINX POSTOS AUTOSYSTEM

LINX POSTOS AUTOSYSTEM LINX POSTOS AUTOSYSTEM Manual Caixa Menu Estoque Sumário 1 CONCEITO... 4 2 REQUISITOS... 4 3 CONFIGURAÇÕES... 4 3.1 Permissões de Acesso... 4 3.2 Natureza de Operação.... 5 3.2.1 Devolução de Aferição...

Leia mais

Sistema de Devolução Web

Sistema de Devolução Web Manual Sistema de Devolução Web Usuário Cliente ÍNDICE Sumário 1. Prazos...3 2. Solicitação de Devolução... 4 3. Autorização de Devolução... 4 4. Coleta de Mercadoria... 4 5. Acompanhamento da Devolução...

Leia mais

Agendador de Rotinas

Agendador de Rotinas Agendador de Rotinas Agendamento para Importação de Notas Fiscais É possível parametrizar o agendamento para importação de notas fiscais de entrada, saída e conhecimento de transporte, para todas as empresas

Leia mais

2015 GVDASA Sistemas Suprimentos 1

2015 GVDASA Sistemas Suprimentos 1 2015 GVDASA Sistemas Suprimentos 1 2015 GVDASA Sistemas Suprimentos 2 AVISO O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio.

Leia mais

TUTORIAL DE COMPRAS ERP JAD

TUTORIAL DE COMPRAS ERP JAD TUTORIAL DE COMPRAS ERP JAD Emissão e Revisão: 23/04/2015 Revisado por: Juliana Caminho para acessar o módulo de compras para criação de cotações, requisições e pedidos segue abaixo. Neste módulo existem

Leia mais

Boletim Técnico. O objetivo desse documento é apresentar de forma macro, todas as alterações efetuadas no módulo do Patrimônio

Boletim Técnico. O objetivo desse documento é apresentar de forma macro, todas as alterações efetuadas no módulo do Patrimônio SPED CIAP Produto : LOGIX 05.10/10.01/10.02 Chamado : AABV09 Data da criação : 09/08/2011 Data da revisão : 24/08/11 País(es) : Brasil : O objetivo desse documento é apresentar de forma macro, todas as

Leia mais

Novidades da Versão 3.0.0.30

Novidades da Versão 3.0.0.30 Novidades da Versão 3.0.0.30 Alteração Equipamento Unidade Instalação Inserida informação Telemetria na Tela de Alteração de Equipamento Unidade de Instalação (326). A informação Roaming Internacional

Leia mais

Processos de Compras. Tecinco Informática Ltda. Av. Brasil, 5256 3º Andar

Processos de Compras. Tecinco Informática Ltda. Av. Brasil, 5256 3º Andar Processos de Compras Tecinco Informática Ltda. Av. Brasil, 5256 3º Andar 1 Centro Cascavel PR www.tecinco.com.br Sumário Controle de Compras... 4 Parametrização... 4 Funcionamento... 4 Processo de Controle...

Leia mais

Apresentação... 1. 1.Cadastrar Produto... 2. 2.Realizar Pedido de Venda... 8. 3.Montar Carga... 10. 4.Separar Pedido... 21

Apresentação... 1. 1.Cadastrar Produto... 2. 2.Realizar Pedido de Venda... 8. 3.Montar Carga... 10. 4.Separar Pedido... 21 Sumário Apresentação... 1 1.Cadastrar Produto... 2 2.Realizar Pedido de Venda... 8 3.Montar Carga... 10 4.Separar Pedido... 21 5.Alterar quantidade de produtos frios... 23... 30 Apresentação Este tutorial

Leia mais

LINX POSTOS AUTOSYSTEM

LINX POSTOS AUTOSYSTEM LINX POSTOS AUTOSYSTEM Manual Sumário 1 CONCEITO... 4 2 REQUISITOS... 4 3 CONFIGURAÇÕES... 4 3.1 Permissões de Acesso... 4 3.2 Plano de Contas... 5 3.2.1 Parcelado... 6 3.2.2 Parcelamento Notas a Prazo...

Leia mais

Novidades da Versão 3.0.0.29 do Sistema OnixNet / TrucksNet

Novidades da Versão 3.0.0.29 do Sistema OnixNet / TrucksNet Comercial Novidades da Versão 3.0.0.29 do Sistema OnixNet / TrucksNet Consulta Pedido/Nota Fiscal A consulta passou a diferenciar o número da nota fiscal por filial, ou seja, caso exista uma nota fiscal

Leia mais

Está apto a utilizar o sistema, o usuário que tenha conhecimentos básicos de informática e navegação na internet.

Está apto a utilizar o sistema, o usuário que tenha conhecimentos básicos de informática e navegação na internet. Conteúdo 1. Descrição geral 2 2. Resumo das funcionalidades 3 3. Efetuar cadastro no sistema 4 4. Acessar o sistema 6 5. Funcionalidades do menu 7 5.1 Dados cadastrais 7 5.2 Grupos de usuários 7 5.3 Funcionários

Leia mais

NOVA ROTINA DE INVENTÁRIO FÍSICO

NOVA ROTINA DE INVENTÁRIO FÍSICO NOVA ROTINA DE INVENTÁRIO FÍSICO O Siagri Agribusiness já tinha uma rotina para realizar Contagem e Inventário Físico (Balanço de Estoque Físico). Porém, a rotina não atendia com eficiência as empresas

Leia mais

Parametrização Básica WMS

Parametrização Básica WMS Parametrização Básica WMS Sumário Definindo Parâmetros Gerais... 4 Parâmetros... 5 Conferência... 6 Integração... 7 Pick / Pack... 8 Tarefa... 10 Etiqueta... 11 Produção... 12 Integração do Produto...

Leia mais

Inventário Rotativo. Página 1

Inventário Rotativo. Página 1 Inventário Rotativo Página 1 Página 2 Antes de iniciar qualquer inventário certifique-se de que não há nenhum dos produtos a serem inventariados pendente de entrada, lançamento para requisições entre outros.

Leia mais

MATERIAL PARA CAPACITAÇÃO INTERNA DO FIPLAN

MATERIAL PARA CAPACITAÇÃO INTERNA DO FIPLAN Guia de Capacitação Concessão de Cotas Financeiras Versão 1.0 outubro 2012 MATERIAL PARA CAPACITAÇÃO INTERNA DO FIPLAN MÓDULO: PROGRAMAÇÃO FINANCEIRA INSTRUTOR: CARLOS ALBERTO PEREIRA LIMA COLABORADORES

Leia mais

NVSABRE - SISTEMA DE INFORMÁTICA LTDA

NVSABRE - SISTEMA DE INFORMÁTICA LTDA Goiânia, 23 de Dezembro de 2011 Bom dia! Aos clientes Sabre, Novos procedimentos após atualização do sistema para versão 2.1.289.12 Será disponibilizada versão 2.1.289.12, nossos colaboradores devem seguir

Leia mais

Coordenação Geral de Tecnologia da Informação - CGTI. SIGED - Sistema de Gestão Eletrônica de Documentos MANUAL DO USUÁRIO Módulo de Arquivos

Coordenação Geral de Tecnologia da Informação - CGTI. SIGED - Sistema de Gestão Eletrônica de Documentos MANUAL DO USUÁRIO Módulo de Arquivos SIGED - Sistema de Gestão Eletrônica de Documentos MANUAL DO USUÁRIO Módulo de Arquivos O objetivo deste Manual é permitir a reunião de informações dispostas de forma sistematizada, criteriosa e segmentada

Leia mais

Parametrização Itens para Movimentação

Parametrização Itens para Movimentação Parametrização Itens para Movimentação Sumário Manutenção Itens... 4 Filtro... 5 Movimentações de Entrada... 8 Movimentações de Saída... 10 Configurações de Inventário de Item... 11 Código de Barras e

Leia mais

MANUAL DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA Venda, Troca, Transferência e Uso e consumo.

MANUAL DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA Venda, Troca, Transferência e Uso e consumo. MANUAL DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA Venda, Troca, Transferência e Uso e consumo. MANUAL DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA. TRANSFERÊNCIAS LOJAS BH e SP Toda transferência entre lojas e escritório deve ser preenchida

Leia mais

E&L Nota Fiscal de Serviços Eletrônica. Manual do Ambiente do Prestador de Serviços do Município

E&L Nota Fiscal de Serviços Eletrônica. Manual do Ambiente do Prestador de Serviços do Município E&L Nota Fiscal de Serviços Eletrônica Manual do Ambiente do Prestador de Serviços do Município Após receber a confirmação de aceite do Credenciamento via e-mail já é possível efetuar o login no sistema

Leia mais

AGENDAMENTO PARA IMPORTAÇÃO DE NOTAS FISCAIS 1. PARÂMETROS DO ESTABELECIMENTO... 2 2. CONFIGURAÇÃO DO AGENDADOR... 3

AGENDAMENTO PARA IMPORTAÇÃO DE NOTAS FISCAIS 1. PARÂMETROS DO ESTABELECIMENTO... 2 2. CONFIGURAÇÃO DO AGENDADOR... 3 AGENDAMENTO PARA IMPORTAÇÃO DE NOTAS FISCAIS SUMÁRIO 1. PARÂMETROS DO ESTABELECIMENTO... 2 2. CONFIGURAÇÃO DO AGENDADOR... 3 3. CONFIGURAÇÕES PARA IMPORTAÇÃO DE NOTAS PARA USUÁRIOS NET... 7 4. PROCEDIMENTOS

Leia mais

Este manual tem como principal finalidade, ajudar os usuários nos cadastros e movimentações do WMS.

Este manual tem como principal finalidade, ajudar os usuários nos cadastros e movimentações do WMS. Página 1 de 40 Descrição Este manual tem como principal finalidade, ajudar os usuários nos cadastros e movimentações do WMS. Relação dos Tópicos a serem vistos neste manual - Faturamento - Cadastro o Contrato

Leia mais

Orientações Básicas Repom.

Orientações Básicas Repom. Orientações Básicas Repom. Considerações importantes: 1 A viagem deverá estar autorizada para depois solicitar o pagamento. 2 É obrigatório informar o campo NCM da mercadoria, que está em tabela>auxiliares>mercadoria.

Leia mais

Passo a Passo do Orçamentos de Entrada no SIGLA Digital

Passo a Passo do Orçamentos de Entrada no SIGLA Digital Passo a Passo do Orçamentos de Entrada no SIGLA Digital Página 1 de 9 Este é um dos principais módulos do SIGLA Digital. Utilizado para dar entrada de produtos no estoque, essa ferramenta segue a seguinte

Leia mais

SuperStore. Sistema para Automação de Óticas. MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Vendas e Caixa)

SuperStore. Sistema para Automação de Óticas. MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Vendas e Caixa) SuperStore Sistema para Automação de Óticas MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Vendas e Caixa) Contato: (34) 9974-7848 http://www.superstoreudi.com.br superstoreudi@superstoreudi.com.br SUMÁRIO 1 Vendas... 3 1.1

Leia mais

Gestão de Ativos. Manual do Usuário. Treinamento Fase 1 (TRN 01)

Gestão de Ativos. Manual do Usuário. Treinamento Fase 1 (TRN 01) Gestão de Ativos Manual do Usuário Treinamento Fase 1 (TRN 01) Índice 1. Introdução... 3 2. Movimentações de Ativos... 4 2.1. Monitoração... 4 2.1.1. Monitor de Movimentação de Ativos...4 2.2. Transações...15

Leia mais

Manual do Sistema de Almoxarifado P á g i n a 2. Manual do Sistema de Almoxarifado Geral. Núcleo de Tecnologia da Informação

Manual do Sistema de Almoxarifado P á g i n a 2. Manual do Sistema de Almoxarifado Geral. Núcleo de Tecnologia da Informação Divisão de Almoxarifado DIAX/CGM/PRAD Manual do Sistema de Almoxarifado Geral Versão On-Line Núcleo de Tecnologia da Informação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul Manual do Sistema de Almoxarifado

Leia mais

Validação de Documentos Referenciados e Importação de Nota de Entrada por XML de CTe

Validação de Documentos Referenciados e Importação de Nota de Entrada por XML de CTe Validação de Documentos Referenciados e Importação de Nota de Entrada por XML de CTe Foi ajustado o programa de importação de XML de CTe para importar corretamente os documentos referenciados de CTe. 1

Leia mais

LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA

LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA (Orientamos aos clientes que utilizam banco de dados SQL, para efetuarem a atualização preferencialmente após o encerramento das atividades do dia, acessando o sistema

Leia mais

MENUS TELA INICIAL. Movimento de Ferramentaria. Alternar entre casas do grupo. Cadastro de Ferramentas. Não Implementado. Cadastro de Funcionários

MENUS TELA INICIAL. Movimento de Ferramentaria. Alternar entre casas do grupo. Cadastro de Ferramentas. Não Implementado. Cadastro de Funcionários FERRAMENTARIA TELA INICIAL Ao autenticar no sistema com usuário e senha cadastrados é apresentada a seguinte tela ao lado esquerdo, sendo essa tela a página inicial do sistema de Ferramentaria. MENUS TELA

Leia mais

Processo de Controle das Reposições da loja

Processo de Controle das Reposições da loja Processo de Controle das Reposições da loja Getway 2015 Processo de Reposição de Mercadorias Manual Processo de Reposição de Mercadorias. O processo de reposição de mercadorias para o Profit foi definido

Leia mais

Inventário WMS. SCM Concept www.scmconcept.com.br (47) 3029-1626

Inventário WMS. SCM Concept www.scmconcept.com.br (47) 3029-1626 Inventário WMS Sumário Inventário WMS... 5 Seleção... 5 Parâmetro... 6 Impressão... 8 Relatório... 8 Manutenção Inventário... 10 Filtro... 11 Busca e Pesquisa... 13 Coordenadas... 16 Identificador de Endereços...

Leia mais

Emissão de Nota Fiscal de Serviço Eletrônica

Emissão de Nota Fiscal de Serviço Eletrônica Emissão de Nota Fiscal de Serviço Eletrônica Introdução A emissão de Nota Fiscal de Serviço Eletrônica traz ao cliente TTransp a possibilidade de documentar eletronicamente as operações de serviço prestadas

Leia mais

Guia do Usuário PRONAVTECH GUIA DO USUÁRIO ARMAZENADOR

Guia do Usuário PRONAVTECH GUIA DO USUÁRIO ARMAZENADOR GUIA DO USUÁRIO ARMAZENADOR 1 Índice INTRODUÇÃO... 3 ACESSANDO O PRONAVTECH... 4 Primeiro Acesso... 5 Demais Acessos... 6 Esqueci Minha Senha... 7 Esqueci o usuário principal... 7 ÁREA DE TRABALHO DO PRONAVTECH...

Leia mais

SSE 3.0. Guia Rápido. Módulo Secretaria. Nesta Edição

SSE 3.0. Guia Rápido. Módulo Secretaria. Nesta Edição SSE 3.0 Guia Rápido Módulo Secretaria Nesta Edição 1 Acessando o Módulo Secretaria 2 Cadastros Auxiliares 3 Criação de Modelos Definindo o Layout do Modelo Alterando o Layout do Cabeçalho 4 Parametrização

Leia mais

Passo a Passo do Cadastro Produtos no SIGLA Digital

Passo a Passo do Cadastro Produtos no SIGLA Digital Página 1 de 15 Passo a Passo do Cadastro Produtos no SIGLA Digital O cadastro de produtos permite organizar as informações relativas a produtos e serviços, como grupo, marca, peso, unidades e outros, que

Leia mais

2015 GVDASA Sistemas Patrimônio 1

2015 GVDASA Sistemas Patrimônio 1 2015 GVDASA Sistemas Patrimônio 1 2015 GVDASA Sistemas Patrimônio 2 AVISO O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio.

Leia mais

Manual do sistema SMARsa Web

Manual do sistema SMARsa Web Manual do sistema SMARsa Web Módulo Gestão de atividades RS/OS Requisição de serviço/ordem de serviço 1 Sumário INTRODUÇÃO...3 OBJETIVO...3 Bem-vindo ao sistema SMARsa WEB: Módulo gestão de atividades...4

Leia mais

Índice. Atualizado em: 01/04/2015 Página: 1

Índice. Atualizado em: 01/04/2015 Página: 1 MANUAL DO USUÁRIO Índice 1. Introdução... 3 2. Acesso ao Sistema... 4 2.1. Instalação... 4 2.1.1. Servidor - Computador Principal... 4 2.1.2. Estação - Computador na Rede... 6 2.1.3. Estação - Mapeamento

Leia mais

Curso de Capacitação ao Sistema CDV. - GID Desmanches -

Curso de Capacitação ao Sistema CDV. - GID Desmanches - Curso de Capacitação ao Sistema CDV - GID Desmanches - Coordenadoria de Gestão de Desmanches Divisão de Desmanches Conteúdo Módulo 1 Como utilizar o Moodle... 4 Módulo 2 - Acessando o GID CDV... 4 Aula

Leia mais

Solicitação de Reposição? FS71.1

Solicitação de Reposição? FS71.1 Como Trabalhar com Solicitação de Reposição? FS71.1 Sistema: Futura Server Caminho: Estoque>Reposição>Reposição Referência: FS71.1 Versão: 2015.9.18 Como Funciona: Esta tela é utilizada para solicitar

Leia mais

Aplicativo da Manifestação do Destinatário. Manual

Aplicativo da Manifestação do Destinatário. Manual Aplicativo da Manifestação do Destinatário Manual Novembro de 2012 1 Sumário 1 Aplicativo de Manifestação do Destinatário...4 2 Iniciando o aplicativo...4 3 Menus...5 3.1 Manifestação Destinatário...5

Leia mais

Tela de Cadastro de Usuários Automação Comercial

Tela de Cadastro de Usuários Automação Comercial Tela de Cadastro de Usuários Automação Comercial Senha para Cancelamento de Itens no Check-Out: É a senha obrigatória quando o Check-Out comandar um cancelamento de item (Botão F9). Pedido Automático Balcão

Leia mais

Sistema Protocolo, Tramitação e Arquivamento de Processos Manual do Usuário

Sistema Protocolo, Tramitação e Arquivamento de Processos Manual do Usuário SERVIÇO PÚBLICO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ ARQUIVO CENTRAL Sistema Protocolo, Tramitação e Arquivamento de Processos Manual do Usuário Belém Pará Fevereiro 2000 Sumário Introdução... 3 Acesso ao Sistema...

Leia mais

LOGÍSTICA E FATURAMENTO

LOGÍSTICA E FATURAMENTO LOGÍSTICA E FATURAMENTO 1. Geração lote de separação 1 2. Impressão Picking list 3 2.1. Por pedidos 3 2.2 Por lote 5 2.3 Controle do Picking List por Lote 7 3. Registro de operação por Caixa 10 3.1 Separação

Leia mais

Manual do Visualizador NF e KEY BEST

Manual do Visualizador NF e KEY BEST Manual do Visualizador NF e KEY BEST Versão 1.0 Maio/2011 INDICE SOBRE O VISUALIZADOR...................................................... 02 RISCOS POSSÍVEIS PARA O EMITENTE DA NOTA FISCAL ELETRÔNICA.................

Leia mais

1. Reordenação da aba Fiscal 1. 2. Consulta simplificada de itens vendidos por NCM, CFOP e Alíquotas 2. 3. Parametrização de NCM 4

1. Reordenação da aba Fiscal 1. 2. Consulta simplificada de itens vendidos por NCM, CFOP e Alíquotas 2. 3. Parametrização de NCM 4 CADASTROS FISCAIS 1. Reordenação da aba Fiscal 1 2. Consulta simplificada de itens vendidos por NCM, CFOP e Alíquotas 2 3. Parametrização de NCM 4 4. Faturamento de pedidos entregues no endereço do revendedor

Leia mais

Processo: Vendas. Acesso. Motivação. Parâmetros. Nome do Processo: EDI Transportadoras

Processo: Vendas. Acesso. Motivação. Parâmetros. Nome do Processo: EDI Transportadoras Desenvolvimento: BM-1160 EDI Transportadoras Versão 2009 Release 69 Data 20/02/2015 Autor Jaciara Atualização no processo Foi solicitado pelo cliente que, durante a geração do arquivo, houvesse a opção

Leia mais

Treinamento de. Linx Pos

Treinamento de. Linx Pos Treinamento de caixa Linx Pos Será instalados no terminal da loja, o ícone, conforme imagem abaixo: Linx POS ÍNDICE Abertura de caixa e leitura X Lançamentos Cancelamento de itens Consulta preços no ato

Leia mais

MANUAL PAPELETA MOTORISTA Criado em: 15/02/2013 Atualizado em: 12/11/2014

MANUAL PAPELETA MOTORISTA Criado em: 15/02/2013 Atualizado em: 12/11/2014 O objetivo deste manual é explicar passo a passo o controle da papeleta do motorista realizado no SAT. De acordo com a LEI Nº 12.619, DE 30 DE ABRIL DE 2012, que pode ser acessada em: http://www.planalto.gov.br

Leia mais

Análise de Sugestão de Compra

Análise de Sugestão de Compra Análise de Sugestão de Compra Introdução O TCar possui a função para análise de sugestão de compra que permite a geração de pedidos de compra com maior eficiência e praticidade, através dos dados detalhadas

Leia mais

LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA VERSÃO 2

LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA VERSÃO 2 LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA VERSÃO 2 (Orientamos aos clientes que utilizam banco de dados SQL, para efetuarem a atualização preferencialmente após o encerramento das atividades do dia, acessando

Leia mais

1223o TUTORIAL PEDIDO DE VENDA. Realização: DEPARTAMENTO DE IMPLANTAÇÃO EQUIPE DE DOCUMENTAÇÃO

1223o TUTORIAL PEDIDO DE VENDA. Realização: DEPARTAMENTO DE IMPLANTAÇÃO EQUIPE DE DOCUMENTAÇÃO 1223o TUTORIAL PEDIDO DE VENDA Realização: DEPARTAMENTO DE IMPLANTAÇÃO EQUIPE DE DOCUMENTAÇÃO TUTORIAL PEDIDO DE VENDA Casa Magalhães Comércio e Representações Ltda O objetivo deste tutorial é apresentar

Leia mais

SAJPG5. Primeiro Grau. Novidades das Versões 1.3.0-0 a 1.4.1-1

SAJPG5. Primeiro Grau. Novidades das Versões 1.3.0-0 a 1.4.1-1 SAJPG5 Primeiro Grau Novidades das Versões 1.3.0-0 a 1.4.1-1 Novidades da versão 1.3.0-0 a 1.4.1-1 Este documento contém um resumo das alterações e novidades liberadas nas versões 1.3.0-0 a 1.4.1-1 do

Leia mais

Principais Novidades Abril/2013 a Junho/2013

Principais Novidades Abril/2013 a Junho/2013 Principais Novidades Abril/2013 a Junho/2013 Sumário 1. Ambiente Group Shopping... 3 2. Alteração na Tela de Contratos e Controle de Edições... 7 3. Propagação de Contratos... 10 4. Configuração de Impressora

Leia mais

NOVO PROCESSO DE CENTRO DE CUSTO DO WINTHOR

NOVO PROCESSO DE CENTRO DE CUSTO DO WINTHOR NOVO PROCESSO DE CENTRO DE CUSTO DO WINTHOR Todos os direitos reservados. PC Sistemas 1.0 - Data: 28/08/2012 Página 1 de 47 Sumário Apresentação... 4 1. PROCEDIMENTOS INICIAIS... 5 1.1. Realizar Atualizações...

Leia mais

O que é um inventário?

O que é um inventário? Com a chegada do fim de ano e os encerramentos fiscais e contábeis, as empresas fazem o processo de inventário do seu estoque. O que é um inventário? Inventário basicamente é uma lista de bens e materiais

Leia mais

Manual para Transportadoras

Manual para Transportadoras Índice 1 Objetivo... 3 2 O Projeto e-suprir... 3 3 Introdução... 3 4 Informações Básicas... 4 4.1 Painel de Controle Compras... 4 5 Acessando o Pedido... 5 6 Digitando o Espelho de Nota Fiscal... 7 6.1

Leia mais

Manual do Usuário. Módulo Agentes Patrimoniais. Versão 1.0.0

Manual do Usuário. Módulo Agentes Patrimoniais. Versão 1.0.0 Manual do Usuário SISINVENT Sistema de Inventário Periódico na Web Módulo Agentes Patrimoniais Versão 1.0.0 APRESENTAÇÃO Seguindo a tendência de evolução da Moderna Administração Pública, o Poder Judiciário

Leia mais

MEGASALE PAF-ECF AOB SOFTWARE INFORMATICA LTDA

MEGASALE PAF-ECF AOB SOFTWARE INFORMATICA LTDA MEGASALE PAF-ECF 2 MEGASALE PAF-ECF Tabela de Conteúdo Introdução 4 Login Megasale PAF-ECF 5 Frente de Loja (E.C.F) 5 1 Buscando... uma Pré-Venda 9 2 Buscando... um DAV 12 Incluindo Pré-Venda 14 Incluindo

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.08

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.08 MANUAL DO SISTEMA Versão 6.08 Tipos de Ferramentas...2 Localização...3 Responsável...4 Cadastro de Ferramentas...5 Estoque de Ferramentas...7 Distribuição...9 Termos...12 Distribuição...12 Devolução...13

Leia mais

ESTOQUE E PRODUTO Manual BÁSICO

ESTOQUE E PRODUTO Manual BÁSICO SISTEMA DE GESTÃO HDIAS HAMILTON DIAS (31) 8829.9195 8540.8872 www.hdias.com.br hamilton-dias@ig.com.br ESTOQUE E PRODUTO Manual BÁSICO Pagina 2 de 13 ÍNDICE Local... 3... 3... 3 Unidade... 4... 4... 4

Leia mais

PEDIDO DE COMPRAS AUTOPEÇAS

PEDIDO DE COMPRAS AUTOPEÇAS Apresentação As rotinas de Pedido de Compra do WinThor são utilizadas pelas empresas com objetivo de realizar: o pedido de compra baseado, ou não, em uma sugestão de compra, a cotação de compra entre fornecedores,

Leia mais

Passo a Passo para Iniciar o Carregamento pelo código de Barras com Rota Mista

Passo a Passo para Iniciar o Carregamento pelo código de Barras com Rota Mista Passo a Passo para Iniciar o Carregamento pelo código de Barras com Rota Mista Neste processo iremos utilizar os sistemas SysDif e Tecnocargas Passo 1: No SYSDIF inicie o carregamento, pela ordem de carregamento

Leia mais

ATUALIZAÇÃO DA VERSAO 05.07.01. Abaixo constam as alterações referentes a versão 05.07.01 do dia 28/09/2012:

ATUALIZAÇÃO DA VERSAO 05.07.01. Abaixo constam as alterações referentes a versão 05.07.01 do dia 28/09/2012: ATUALIZAÇÃO DA VERSAO 05.07.01 Abaixo constam as alterações referentes a versão 05.07.01 do dia 28/09/2012: ATENÇÃO: Versões intermediarias não são de atualização obrigatório para todos os clientes, apenas

Leia mais

Configurações Básicas

Configurações Básicas Compras Avançadas Este módulo auxilia na verificação da demanda dos produtos e com isso permite ajustar os estoques fazendo transferência entre as filiais e também definir a quantidade de estoque dos produtos

Leia mais

1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO

1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO 1 ÍNDICE 1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO... 3 1.1 REQUISITOS BASICOS DE SOFTWARE... 3 1.2 REQUISITOS BASICOS DE HARDWARE... 3 2 EXECUTANDO O INSTALADOR... 3 2.1 PASSO 01... 3 2.2 PASSO

Leia mais

Tutorial Administrativo (Backoffice)

Tutorial Administrativo (Backoffice) Manual - Software ENTRANDO NO SISTEMA BACKOFFICE Para entrar no sitema Backoffice, digite no seu navegador de internet o seguinte endereço: http://pesquisa.webbyapp.com/ Entre com o login e senha. Caso

Leia mais

Síntese de fluxo de máquinas e implementos

Síntese de fluxo de máquinas e implementos Síntese de fluxo de máquinas e implementos Tecinco Informática Ltda. Av. Brasil, 5256 3º Andar Centro Cascavel PR www.tecinco.com.br Sumário Objetivo... 3 Parâmetros para utilização do processo... 3 Cadastro

Leia mais

MANIFESTO DE DOCUMENTOS FISCAIS ELETRÔNICOS MDF - E

MANIFESTO DE DOCUMENTOS FISCAIS ELETRÔNICOS MDF - E MANIFESTO DE DOCUMENTOS FISCAIS ELETRÔNICOS MDF - E RMS Software S.A. - Uma Empresa TOTVS Todos os direitos reservados. A RMS Software é a maior fornecedora nacional de software de gestão corporativa para

Leia mais

Manual de Utilização

Manual de Utilização Manual de Utilização Índice 1 Introdução...2 2 Acesso ao Sistema...3 3 Funcionamento Básico do Sistema...3 4 Tela Principal...4 4.1 Menu Atendimento...4 4.2 Menu Cadastros...5 4.2.1 Cadastro de Médicos...5

Leia mais

Menu Notas Fiscais Entradas. Sugestão de Compras: 1º passo: selecionar os critérios de pesquisa e filtros:

Menu Notas Fiscais Entradas. Sugestão de Compras: 1º passo: selecionar os critérios de pesquisa e filtros: Menu Notas Fiscais Entradas (não é um manual) Sugestão de Compras: 1º passo: selecionar os critérios de pesquisa e filtros: Loja desejada. Fornecedor desejado (com marcas homologadas). Filtro para ignorar

Leia mais

Passo a Passo Créditos Adicionais Digite o endereço no seu navegador de internet: www.spmd.maceio.al.gov.br/sisplagem/asp

Passo a Passo Créditos Adicionais Digite o endereço no seu navegador de internet: www.spmd.maceio.al.gov.br/sisplagem/asp 1 2 Passo a Passo Créditos Adicionais Digite o endereço no seu navegador de internet: www.spmd.maceio.al.gov.br/sisplagem/asp Para acessar ao sistema DIGITE CPF E SENHA. Clique em ENVIAR para entrar. Depois

Leia mais

Versão Liberada. www.gerpos.com.br. Gerpos Sistemas Ltda. info@gerpos.com.br. Av. Jones dos Santos Neves, nº 160/174

Versão Liberada. www.gerpos.com.br. Gerpos Sistemas Ltda. info@gerpos.com.br. Av. Jones dos Santos Neves, nº 160/174 Versão Liberada A Gerpos comunica a seus clientes que nova versão do aplicativo Gerpos Retaguarda, contendo as rotinas para emissão da Nota Fiscal Eletrônica, já está disponível. A atualização da versão

Leia mais

TUTORIAL UTILIZAÇÃO DE FUNCIONALIDADES AUDITOR FISCAL

TUTORIAL UTILIZAÇÃO DE FUNCIONALIDADES AUDITOR FISCAL TUTORIAL UTILIZAÇÃO DE FUNCIONALIDADES AUDITOR FISCAL VERSÃO DO SISTEMA 3.0/2015 VERSÃO DO DOCUMENTO 1.0 Índice 1. OBJETIVO GERAL... 2 2. ACESSO AO SISTEMA AUDITOR FISCAL... 3 3. SISTEMA AUDITOR FISCAL

Leia mais

WebEDI - Tumelero Manual de Utilização

WebEDI - Tumelero Manual de Utilização WebEDI - Tumelero Manual de Utilização Pedidos de Compra Notas Fiscais Relação de Produtos 1. INTRODUÇÃO Esse documento descreve o novo processo de comunicação e troca de arquivos entre a TUMELERO e seus

Leia mais

Manual do e-dimed 4.0

Manual do e-dimed 4.0 Manual do e-dimed 4.0 Instalação e Configuração - Módulo Cliente Após a instalação do e-dimed ser efetuada, clique no atalho criado no desktop do computador. Será exibida a janela abaixo: A instalação

Leia mais