Podem ser constituídas contas nas seguintes condições: Continha Ordem: Conta à ordem caderneta; Continha Poupança: conta de depósito a prazo.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Podem ser constituídas contas nas seguintes condições: Continha Ordem: Conta à ordem caderneta; Continha Poupança: conta de depósito a prazo."

Transcrição

1

2 CONTINHA DA CAIXA Conta para crianças e adolescentes com idade inferior aos 18 anos, que, ao completar os 18 anos, a conta é transformada automaticamente numa Conta Poupança Jovem. Podem ser constituídas contas nas seguintes condições: Continha Ordem: Conta à ordem caderneta; Continha Poupança: conta de depósito a prazo. Montantes mínimos de abertura: Continha à Ordem: 1.000$00 (mil escudos) Continha Poupança: 5.000$00 (cinco mil escudos), com entregas subsequentes de valor igual ou superior a 1.000$00 (mil escudos). 2 Taxa de Juro: As Contas de Depósito à Ordem são remuneradas a taxa de juro definida na O.S. Preçário-Operações Passivas e os juros são creditados na conta no dia 31 de Dezembro de cada ano. As contas de depósito a prazo/continha Poupança, são remuneradas à taxa de juros definida no preçário - operações passivas Depósitos a Prazo em CVE, acrescido do spread 0.5 p.p.; Juros capitalizados anualmente. Prazo: A Continha Poupança é constituída pelo prazo de 2(dois) anos mais 1(um) dia, renovável por iguais períodos; Renovação obrigatória até que o titular atinja os 18 anos; Movimentação: O incremento na Continha Poupança pode ser efectuado em qualquer momento por ordem de transferência permanente, pedido de transferência ou ainda através da Caixanet; A movimentação na Continha à Ordem pode ser feita pelo representante do menor (pai/mãe). Movimentação antecipada: Em casos excepcionais, será permitido realizar mobilizações antecipadas totais ou parciais da Continha Poupança.

3 Condições Particulares Não é fornecido Cartão de Débito; A conta pode ser apenas consultada pelos representantes legais via Caixanet; A movimentação a débito somente é permitida nos balções da Caixa. Vencimento A Continha vence-se na data em que o menor completa o limite de idade (18 anos); A Continha D.O. é transformada automaticamente numa Conta D.O. Jovem Caderneta; A Continha Poupança é transformada automaticamente numa Conta poupança Jovem. A transformação da Continha em Conta Poupança Jovem será efectuada na data do próximo pagamento de juros, sempre que o limite de idade ocorrer no decurso desse período. Vantagens para o Cliente Remuneração de poupanças a taxa atractivas; Constituição de poupanças desde o início de vida da criança; Promove desde cedo o hábito de poupança; Proporciona o primeiro suporte financeiro aos projetos dos mais pequeninos; Para Continha Poupança constituídas a mais de 5 (cinco) anos, atribuição de um SPREAD adicional de 0.25 p.p. na transformação desta em Conta Poupança Jovem; 3

4 CONTA POUPANÇA JOVEM Conta de poupança criada especificamente para jovens com idade igual ou superior a 18 anos e inferior ou igual a 30 anos. Esta conta pode ser constituída por: Contas existentes ou novas contas, desde que o titular tenha idade compreendida na faixa etária acima mencionada; Transformação da Continha Poupança no vencimento; Modalidades: Conta DO Jovem Ordem: Conta à ordem caderneta; Conta Poupança Jovem: conta de depósito a prazo. Montantes mínimos de abertura: Conta D.O Jovem: 1.000$00 (mil escudos) Conta Poupança Jovem: 5.000$00 (cinco mil escudos), com entregas subsequentes de valor superior ou igual a 1.000$00. 4 Taxa de Juro: A conta de Poupança Jovem é remunerada à taxa de juro definida no preçário operações passivas para depósitos a prazo 1 (um) ano em CVE, acrescido spread 0.5 p.p; Nos casos em que a conta de Poupança Jovem resulta da transformação de uma Continha Poupança com mais de 5 (cinco) anos, esta é remunerada à taxa de juro definida no preçário operações passivas Depósitos a Prazo em CVE, acrescido spread 0.75 p.p.; Os juros são pagos anualmente e acumulados ao saldo da Conta Poupança Jovem (regime de capitalização). Prazo: São constituídas pelo prazo de 2 (dois) anos mais 1 (um) dia, renovável por iguais períodos. Movimentação: O incremento do depósito na Conta Jovem pode ser efectuado em qualquer momento ou por ordem de transferência permanente, pedido de transferência nacional particulares ou ainda através da Caixanet; Movimentação antecipada Os casos excepcionais serão permitidos realizar mobilizações antecipadas totais ou parciais da Conta Poupança Jovem.

5 Vantagens para o Cliente Remuneração de poupanças a taxas atractivas. Proporciona um primeiro suporte financeiro aos projetos dos jovens; Redução de 0.5 p.p na comissão de abertura de crédito para formação e/ou Habitação; Isenção de 1ª anuidade do cartão débito - Vinti4, cartão Visa Electron ou Visa Pré-pago; 5

6 CONTINHA EMIGRANTE Conta para crianças e adolescentes, filhos e netos de emigrantes, com idade inferior aos 18 anos, que, ao completar os 18 anos, a conta é transformada automaticamente numa Conta Poupança Jovem Emigrante. Podem ser constituídas contas nas seguintes condições: Continha Emigrante Ordem: Conta à ordem caderneta; Continha Emigrante Poupança: conta de depósito a prazo; Montantes mínimos de abertura: Continha Emigrante: $00 (dez mil escudos), com entregas subsequentes de valor igual ou superior a 1.000$00 (mil escudos). Taxa de Juro: As contas de depósito a prazo/continha Emigrante são remuneradas à taxa de juros definida no preçário - operações passivas, para Conta Poupança Emigrante 1 (um ano), acrescida do spread 0.5 p.p.. Os juros são pagos anualmente e acumulados ao saldo da Continha Emigrante (regime de capitalização). 6 Prazo: É constituída pelo prazo de 2 (dois) anos mais 1 (um) dia, renovável por iguais períodos. Renovação obrigatória até que o titular atinja os 18 anos. Movimentação: O incremento na Continha Emigrante pode ser efectuado em qualquer momento por ordem de transferência permanente, mediante o preenchimento do formulário de pedido de transferência, constituição e liquidação de DP, pedido de transferência nacional particulares, ou ainda através da Caixanet; A movimentação na Continha à Ordem pode ser feita pelo representante do menor (pai/mãe). Todos os montantes creditados na conta de depósito à ordem são automaticamente transferidos para a conta de depósito a prazo. Movimentação antecipada: Em casos excepcionais, será permitido realizar mobilizações antecipadas totais ou parciais da Continha Emigrante. Condições Particulares Não é fornecido Cartão de Débito;

7 A conta pode ser apenas consultada pelos representantes legais via Caixanet; A movimentação a débito somente é permitida nos balções da Caixa. Vencimento A Continha Emigrante vence-se na data em que o menor completa o limite de idade (18 anos); A Continha D.O. é transformada automaticamente numa Conta D.O. Jovem Emigrante Caderneta; A Continha Poupança é transformada automaticamente numa Conta Poupança Jovem Emigrante. A transformação da Continha em Conta Poupança Jovem Emigrante será efectuada na data do próximo pagamento de juros, sempre que o limite de idade ocorrer no decurso desse período. Vantagens para o Cliente Isenção de impostos sobre juros de depósito a prazo; Remuneração de poupanças a taxas atractivas; Constituição de poupanças desde o início de vida da criança; Proporciona um primeiro suporte financeiro aos futuros projetos; Isenção de comissão sobre ordens de transferências recebidas do estrangeiro por crédito em conta, para efeitos de abertura e/ou incrementação da Continha; Para Continhas Emigrante constituídas há mais de 5 (cinco) anos, atribuição de um spread de 0.25 p.p. na transformação desta em Conta Poupança Jovem Emigrante. 7

8 CONTA POUPANÇA JOVEM EMIGRANTE Conta de poupança criada especificamente para jovens, filhos e netos de emigrantes, com idade igual ou superior a 18 anos e inferior ou igual a 30 anos. Esta conta pode ser constituída por: Contas existentes ou novas contas, desde que o titular tenha idade compreendida na faixa etária acima mencionada (superior ou igual a 18 anos); Transformação da Continha Poupança no vencimento; Para efeito de abertura da Conta Poupança Jovem Emigrante, os titulares devem apresentar prova de Emigrante; Modalidades: Conta D.O. Jovem Emigrante: Conta à ordem caderneta; Conta Poupança Jovem Emigrante: conta de depósito a Prazo. Montantes mínimos de abertura: Conta D.O. Jovem Emigrante: 1.000$00 (mil escudos) Conta Poupança Jovem Emigrante: 5.000$00 (cinco mil escudos), com entregas subsequentes de valor igual ou superior a 1.000$00 (mil escudos). 8 Taxa de Juro: As contas de Poupança Jovem Emigrante, são remuneradas à taxa de juros definida no preçário operações passivas Conta Poupança Emigrante 1 (um) ano, acrescido spread 0.5 p.p; As Contas de Poupança Jovem Emigrante provenientes da transformação de uma Continha Poupança Emigrante com mais de 5 (cinco) anos, são remuneradas à taxa de juro definida no preçário operações passivas Conta Poupança Emigrante 1 (um) ano, acrescido spread 0.75 p.p. Os juros são pagos anualmente e acumulados ao saldo da Conta Poupança Jovem Emigrante (regime de capitalização). Prazo: São constituídas pelo prazo de 2 (dois) anos mais 1 (um) dia, renovável por iguais períodos. Condições de movimentação: O incremento do depósito na Conta poupança Jovem Emigrante pode ser efectuado em qualquer momento ou por ordem de transferência permanente, pedido de transferência nacional particulares ou ainda através da Caixanet; Todos os montantes creditado na conta de depósito à or-

9 dem de valor igual ou superior a 1.000$00 são automaticamente transferidos para a conta de depósito a prazo. Movimentação antecipada Em casos excepcionais será permitido realizar mobilizações antecipadas totais ou parciais da Conta Poupança Jovem Emigrante. Vencimento A Conta Poupança Jovem Emigrante vence-se na data em que o titular completa o limite de idade (30 anos). A conta DO Jovem Emigrante é transformada automaticamente numa conta DO Emigrante caderneta; A Conta Poupança Jovem Emigrante é transformada automaticamente numa conta Poupança Especial Emigrante com incremento. A transformação em Conta Poupança Especial emigrante com incremento será efectuada na data do próximo pagamento de juros, sempre que o limite de idade ocorrer no decurso desse período (o titular terá de apresentar prova de Emigrante). Com a renovação do depósito a Prazo e mediante incremento de 5.000$00, o cliente poderá beneficiar de isenção da 1ª anuidade do cartão Vinti4, Visa eléctron ou Visa Pré-pago. 9 Vantagens para o Cliente Isenção da comissão sobre ordens de transferências recebidas do estrangeiro por crédito em conta para efeitos da abertura e/ou incrementação da conta; Remuneração de poupança a taxas atractivas; Proporciona um primeiro suporte financeiro aos projectos dos Jovens Emigrantes; Redução de 0.5 p.p na comissão de abertura de crédito para formação e/ou Habitação; Isenção de 1ª anuidade do cartão débito - Vinti4; Isenção de IUR.

10 CONTA POUPANÇA CAIXANET Conta de poupança criada especialmente para os utilizadores do serviço de internet banking Caixanet e potenciais utilizadores. É uma conta de depósito constituída por um prazo de dois anos mais um dia, renovável por igual período. Montantes mínimos de abertura: Conta Poupança Caixanet: o mínimo de abertura é de 5.000$00 (cinco mil escudos), com entregas subsequentes de 1.000$00 ou múltiplos desse valor. Taxa de Juro: As contas Poupança Caixanet são remuneradas à taxa de juros definidas no preçário operações passivas para depósitos a prazo residentes de 1 (um) ano, acrescida do spread 0.25 p.p. Os juros são pagos anualmente e acumulados ao saldo da Conta Poupança (regime de capitalização); 10 Condições de movimentação: O incremento e a mobilização podem ser efectuados somente através do serviço Caixanet e a qualquer momento. Movimentação antecipada: São permitidas mobilizações antecipadas totais ou parciais da conta Poupança Caixanet. Nas contas em que tenha havido incrementos, o montante a mobilizar recai sobre os incrementos mais recentes para os mais antigos, até atingir o valor a mobilizar. Vantagens para o Cliente Remuneração de poupanças a uma taxa atractiva; Atribuição de spread de 0.25 p.p.

11 Subscreve já a opção que melhor se adapta a suas necessidades e começa a Poupar em Grande. 11

12

FOLHETO DE TAXAS DE JURO CLIENTES PARTICULARES

FOLHETO DE TAXAS DE JURO CLIENTES PARTICULARES FOLHETO DE TAXAS DE JURO CLIENTES PARTICULARES 135 ÍNDICE FOLHETO DE TAXA DE JURO CLIENTES PARTICULARES 17 CONTAS DE DEPÓSITO... 137 17.1 DEPÓSITO À ORDEM... 138 17.2 DEPÓSITO A PRAZO... 139 18 OPERAÇÕES

Leia mais

1.2. OPERAÇÕES DE CRÉDITO... 6 1.2.1. CRÉDITO À HABITAÇÃO E CONTRATOS CONEXOS... 6

1.2. OPERAÇÕES DE CRÉDITO... 6 1.2.1. CRÉDITO À HABITAÇÃO E CONTRATOS CONEXOS... 6 Índice 1. CLIENTES PARTICULARES... 3 1.1. CONTAS DE DEPÓSITO... 3 1.1.1. DEPÓSITO À ORDEM... 3 1.1.2. DEPÓSITO A PRAZO... 3 1.1.3. OUTRAS MODALIDADES DE DEPÓSITO... 4 1.2. OPERAÇÕES DE CRÉDITO... 6 1.2.1.

Leia mais

Tabela de Taxas de Juro. Anexo II. Instituição Financeira Bancaria com Sede em Território Nacional. Entrada em vigor: 26 de Outubro de 2015

Tabela de Taxas de Juro. Anexo II. Instituição Financeira Bancaria com Sede em Território Nacional. Entrada em vigor: 26 de Outubro de 2015 Anexo II Instituição Financeira Bancaria com Sede em Território Nacional Entrada em vigor: 26 de Outubro de 2015 Preçário pode ser consultado nas Agências e locais de atendimento ao público do Banco Keve

Leia mais

FOLHETO DE TAXAS DE JURO OUTROS CLIENTES

FOLHETO DE TAXAS DE JURO OUTROS CLIENTES FOLHETO DE TAXAS DE JURO OUTROS CLIENTES 153 ÍNDICE FOLHETO DE TAXA DE JURO OUTROS CLIENTES 19 CONTAS DE DEPÓSITO... 155 19.1 DEPÓSITO À ORDEM... 156 19.2 DEPÓSITO A PRAZO... 157 20 OPERAÇÕES DE CRÉDITO...

Leia mais

Condições para Serviços Bancários a Particulares Covilhã 13/3/2015

Condições para Serviços Bancários a Particulares Covilhã 13/3/2015 Condições para Serviços Bancários a Particulares Covilhã 13/3/2015 PRODUTOS Conta à Ordem/Conta Ordenado Cartão de débito Eletron/ Crédito/Pré-pago Acesso Multicanal Cheques Outros Serviços Condições vantajosas

Leia mais

Ficha de Informação Normalizada para Depósitos Depósitos à Ordem

Ficha de Informação Normalizada para Depósitos Depósitos à Ordem Designação Condições de Acesso Modalidade Meios de Movimentação Conta Completa Clientes Particulares, maiores de 18 anos, que sejam trabalhadores por conta de outrem e que aceitem domiciliar ou transferir,

Leia mais

Excelência Proximidade Profissionalismo. É bom saber que pode contar com quem está ao seu lado. 300 Anos de Experiência. 50 Milhões de Clientes

Excelência Proximidade Profissionalismo. É bom saber que pode contar com quem está ao seu lado. 300 Anos de Experiência. 50 Milhões de Clientes Oferta de Cooperação Barclays at Work 1 / 7 Excelência Proximidade Profissionalismo É bom saber que pode contar com quem está ao seu lado 300 Anos de Experiência 50 Milhões de Clientes 60 Países Spliu

Leia mais

Preçário BANCO PRIVADO ATLANTICO - EUROPA, SA BANCOS. Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO. Data de Entrada em vigor:

Preçário BANCO PRIVADO ATLANTICO - EUROPA, SA BANCOS. Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO. Data de Entrada em vigor: Preçário BANCO PRIVADO ATLANTICO - EUROPA, SA BANCOS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO Data de Entrada em vigor: 1-jul-15 O Preçário completo do Banco Privado Atlântico Europa, S.A., contém o Folheto

Leia mais

Excelência Proximidade Profissionalismo. É bom saber que pode contar com quem está ao seu lado. ORDEM DOS ENGENHEIROS Oferta 1 º Trimestre 2013

Excelência Proximidade Profissionalismo. É bom saber que pode contar com quem está ao seu lado. ORDEM DOS ENGENHEIROS Oferta 1 º Trimestre 2013 Oferta de Cooperação Barclays at Work Excelência Proximidade Profissionalismo É bom saber que pode contar com quem está ao seu lado 300 Anos de Experiência 50 Milhões de Clientes 60 Países ORDEM DOS ENGENHEIROS

Leia mais

Prospecto Informativo CA Solução Poupança Activa

Prospecto Informativo CA Solução Poupança Activa Produto a comercializar Perfil do Cliente alvo da solução O é um produto financeiro complexo que resulta da comercialização combinada de um depósito a prazo simples, denominado SDA, com um seguro de capitalização

Leia mais

19. CONTAS DE DEPÓSITO (OUTROS CLIENTES) (ÍNDICE)

19. CONTAS DE DEPÓSITO (OUTROS CLIENTES) (ÍNDICE) 19.1. Depósitos à ordem Contas de Depósitos à Ordem Conta Clássica Até 14.960,00 0,000% Superior a 14.960,00 0,000% Conta Gestão Tesouraria Banif Rendimento >= 2.500 Conta Condomínio 0,500% Superior a

Leia mais

Preçário BANCO PRIVADO ATLANTICO. Instituição Financeira Bancária TABELA DE TAXAS DE JURO. Data de Entrada em vigor: 2 de Outubro 2015

Preçário BANCO PRIVADO ATLANTICO. Instituição Financeira Bancária TABELA DE TAXAS DE JURO. Data de Entrada em vigor: 2 de Outubro 2015 Preçário BANCO PRIVADO ATLANTICO Instituição Financeira Bancária TABELA DE TAXAS DE JURO Data de Entrada em vigor: 2 de Outubro 2015 O Preçário pode ser consultado nos balcões e locais de atendimento ao

Leia mais

Preçário BANCO PRIVADO ATLANTICO. Instituição Financeira Bancária TABELA DE TAXAS DE JURO. Data de Entrada em vigor: 8 de Janeiro 2015

Preçário BANCO PRIVADO ATLANTICO. Instituição Financeira Bancária TABELA DE TAXAS DE JURO. Data de Entrada em vigor: 8 de Janeiro 2015 Preçário BANCO PRIVADO ATLANTICO Instituição Financeira Bancária TABELA DE TAXAS DE JURO Data de Entrada em vigor: 8 de Janeiro 2015 O Preçário pode ser consultado nos balcões e locais de atendimento ao

Leia mais

ÁREA DE FORMAÇÃO: POUPAR E INVESTIR DEPÓSITOS A PRAZO

ÁREA DE FORMAÇÃO: POUPAR E INVESTIR DEPÓSITOS A PRAZO ÁREA DE FORMAÇÃO: POUPAR E INVESTIR DEPÓSITOS A PRAZO Índice Conceito de depósito a prazo Depósitos a prazo simples Ficha de Informação Normalizada (FIN) Remuneração Prazo e mobilização antecipada Capitalização

Leia mais

Preçário. Caixa Central de Crédito Agricola Mútuo e Caixas de Crédito Agrícola Mútuo

Preçário. Caixa Central de Crédito Agricola Mútuo e Caixas de Crédito Agrícola Mútuo Preçário CAIXA CENTRAL - CAIXA CENTRAL DE CRÉDITO AGRICOLA MÚTUO, CRL E CAIXAS DE CRÉDITO AGRÍCOLA MÚTUO DO SISTEMA INTEGRADO DO CRÉDITO AGRÍCOLA MÚTUO Caixa Central de Crédito Agricola Mútuo e Caixas

Leia mais

FOLHETO DE TAXAS DE JUROS CLIENTES PARTICULARES

FOLHETO DE TAXAS DE JUROS CLIENTES PARTICULARES FOLHETO DE TAXAS DE JUROS CLIENTES PARTICULARES 1 17. CONTAS DE DEPÓSITO 17.1. DEPÓSITO À PRAZO FOLHETO DE TAXAS DE JURO CLIENTES PARTICULARES Moeda nacional - residentes (2) Taxa anual nominal Bruta 1.

Leia mais

É bom saber que pode contar com quem está ao seu lado.

É bom saber que pode contar com quem está ao seu lado. É bom saber que pode contar com quem está ao seu lado. de Cooperação Barclays at Work Índice 4. Crédito Habitação 5. Leasing 6. Seguros IV. Check List V. Contactos I. O Barclays no Mundo Grupo Financeiro

Leia mais

Contas Ordenado. Outras Condições [17.1.20151005.14]

Contas Ordenado. Outras Condições [17.1.20151005.14] 17. CONTAS DE DEPÓSITO (CLIENTES PARTICULARES) - FOLHETO DE TAXAS DE JURO Entrada em vigor: 01-Novembro-2013 17.1. Depósitos à Ordem Taxa Anual Nominal Bruta (TANB) Contas à Ordem Standard Conta Barclays

Leia mais

Ficha de Informação Normalizada para Depósitos Depósitos à ordem

Ficha de Informação Normalizada para Depósitos Depósitos à ordem Designação Condições de Acesso Modalidade Meios de Movimentação Moeda Conta Super Jovem Clientes Particulares, com idade entre os 18 e os 30 anos (inclusive). Depósito à Ordem. Esta conta pode ser movimentada

Leia mais

FOLHETO DE TAXAS DE JURO

FOLHETO DE TAXAS DE JURO FOLHETO DE TAXAS DE JURO Clientes Particulares Outros clientes 17 CONTAS DE DEPÓSITO 19 CONTAS DE DEPÓSITO 17.1. Depósitos à ordem 19.1. Depósitos à ordem 17.2. Depósitos a prazo 19.2. Depósitos a prazo

Leia mais

FOLHETO DE TAXAS DE JURO

FOLHETO DE TAXAS DE JURO FOLHETO DE TAXAS DE JURO Clientes Particulares Outros clientes 17 CONTAS DE DEPÓSITO 19 CONTAS DE DEPÓSITO 17.1. Depósitos à Ordem 19.1. Depósitos à Ordem 17.2. Depósitos a Prazo 19.2. Depósitos a Prazo

Leia mais

Ficha de Informação Normalizada para Depósitos Depósitos à Ordem

Ficha de Informação Normalizada para Depósitos Depósitos à Ordem Designação Condições de Acesso Conta Especial Emigrante Clientes Particulares, com idade superior a 18 anos, que sejam emigrantes portugueses, de acordo com legislação em vigor. A conta só pode ser co-titulada

Leia mais

Não aplicável (conta não remunerada)

Não aplicável (conta não remunerada) Designação Conta 18-23 Condições de Acesso Clientes Particulares com idades compreendidas entre os 18 e os 23 anos Modalidade Depósito à Ordem Meios de Movimentação Cartão de débito, cheque, ordem de transferência,

Leia mais

Ficha de Informação Normalizada para Depósitos Depósitos à ordem

Ficha de Informação Normalizada para Depósitos Depósitos à ordem Designação Condições de Acesso Modalidade Meios de Movimentação Conta Negócio Clientes Empresa e Empresários em Nome Individual. Depósito à Ordem remunerado, que possibilita o acesso a um limite de crédito

Leia mais

Tabela de Taxas de Juro

Tabela de Taxas de Juro Preçário Banco Angolano de Investimentos, S.A. (Instituição Financeira Bancária) ANEXO II Tabela de Taxas de Juro DATA DE ENTRADA EM VIGOR: 26 DE MARÇO DE 2015 O Preçário pode ser consultado nos balcões

Leia mais

Preçário AS "PRIVATBANK" SUCURSAL EM PORTUGAL BANCOS. Consulte o PARTE I FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o PARTE II FOLHETO DE TAXAS DE JURO

Preçário AS PRIVATBANK SUCURSAL EM PORTUGAL BANCOS. Consulte o PARTE I FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o PARTE II FOLHETO DE TAXAS DE JURO Preçário AS "PRIVATBANK" SUCURSAL EM PORTUGAL BANCOS Consulte o PARTE I FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o PARTE II FOLHETO DE TAXAS DE JURO Data de Entrada em vigor: 10 Junho 2013 O Preçário completo

Leia mais

17. CONTAS DE DEPÓSITO (PARTICULARES) (ÍNDICE)

17. CONTAS DE DEPÓSITO (PARTICULARES) (ÍNDICE) 17.1. Depósitos à ordem Contas de Depósitos à Ordem Conta Clássica Superior a 0 euros 0,000% Conta Excellence De 5.000,00 até 24.999,99 0,150% De 25.000,00 até 49.999,99 0,250% Superior a 50.000,00 0,500%

Leia mais

17. CONTAS DE DEPÓSITO (PARTICULARES) (ÍNDICE)

17. CONTAS DE DEPÓSITO (PARTICULARES) (ÍNDICE) 17.1. Depósitos à ordem Contas de Depósitos à Ordem Produtos em comercialização - Conta Standard - Maxi-Conta Superior a 0 euros Até 2.500,00 Euros De 2.500,00 Euros a 5.000,00 Euros De 5.000,00 Euros

Leia mais

Protocolo para Colaboradores

Protocolo para Colaboradores Protocolo para Colaboradores Março 2014 O PROTOCOLO E SUAS VANTAGENS O Protocolo é um acordo entre um Parceiro e o Banco, atribuindo vantagens aos seus Colaboradores em produtos e serviços financeiros

Leia mais

QUANTO QUER POUPAR E QUANDO QUER RECEBER

QUANTO QUER POUPAR E QUANDO QUER RECEBER POUPANÇA Escolha o Prazo ESCOLHA QUANTO QUER POUPAR E QUANDO QUER RECEBER Simplifica 41.000. Queria liberdade para escolher o prazo da sua poupança? Gostaria de saber quanto vai receber? Gostaria de comparar

Leia mais

O Preçário pode ser ainda consultado no Portal do Consumidor de Produtos e Serviços Financeiros www.bna.ao

O Preçário pode ser ainda consultado no Portal do Consumidor de Produtos e Serviços Financeiros www.bna.ao Instituição Financeira Bancaria com Sede em Território Nacional O Preçário pode ser consultado nas Agências e locais de atendimento ao público do Banco Keve e em www.bancokeve.ao O Preçário pode ser ainda

Leia mais

O Preçário das Operações BNI pode ser consultado nos Balcões e Locais de Atendimento ao público do Banco de Negócios Internacional ou em www.bni.

O Preçário das Operações BNI pode ser consultado nos Balcões e Locais de Atendimento ao público do Banco de Negócios Internacional ou em www.bni. Instituição Financeira Bancária Preçário das Operações ANEXO II Tabela de Taxas de Juro DATA DE ENTRADA EM VIGOR: 01 de Outubro de 2015 O Preçário das Operações BNI pode ser consultado nos Balcões e Locais

Leia mais

O Preçário pode ser ainda consultado no Portal do Consumidor de Produtos e Serviços Financeiros www.bna.ao

O Preçário pode ser ainda consultado no Portal do Consumidor de Produtos e Serviços Financeiros www.bna.ao Instituição Financeira Bancaria com Sede em Território Nacional O Preçário pode ser consultado nas Agências e locais de atendimento ao público do Banco Keve e em www.bancokeve.ao O Preçário pode ser ainda

Leia mais

Preçário CAIXA ECONÓMICA SOCIAL CAIXAS ECONÓMICAS. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Data de Entrada em vigor: 01-DEZ-2015

Preçário CAIXA ECONÓMICA SOCIAL CAIXAS ECONÓMICAS. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Data de Entrada em vigor: 01-DEZ-2015 Preçário CAIXA ECONÓMICA SOCIAL CAIXAS ECONÓMICAS Consulte o FOLHETO E COMISSÕES E ESPESAS ata de Entrada em vigor: 01-EZ-2015 Consulte o FOLHETO E TAXAS E JURO ata de Entrada em vigor: 16-OUT-2015 O Preçário

Leia mais

REAL INVESTIMENTO SEGURO Ficha de Produto

REAL INVESTIMENTO SEGURO Ficha de Produto Tipo de Cliente Descrição Segmento-alvo Particulares, Profissionais Liberais e Empresas. O Real Investimento Seguro é um produto de capitalização a 5 anos, assente num Contrato de Investimento, de entrega

Leia mais

Preçário BANCO BIC, SA

Preçário BANCO BIC, SA Preçário BANCO BIC, SA Bancos ANEXO II Consulte o Índice de TAXAS DE JURO Consulte o Índice de TABELA DE COMISSÕES E DESPESAS Informação Complementar DATA DE ENTRADA EM VIGOR: 10/11/2014 O Preçário pode

Leia mais

Preçário BANCO PRIVADO ATLANTICO INSTITUIÇÃO FINANCEIRA BANCÁRIA TABELA DE COMISSÕES E DESPESAS. Data de Entrada em vigor: 22 Dezembro 2014

Preçário BANCO PRIVADO ATLANTICO INSTITUIÇÃO FINANCEIRA BANCÁRIA TABELA DE COMISSÕES E DESPESAS. Data de Entrada em vigor: 22 Dezembro 2014 Preçário BANCO PRIVADO ATLANTICO INSTITUIÇÃO FINANCEIRA BANCÁRIA TABELA DE COMISSÕES E DESPESAS Data de Entrada em vigor: 22 Dezembro 2014 O Preçário pode ser consultado nos balcões e locais de atendimento

Leia mais

ÁREA DE FORMAÇÃO: POUPAR E INVESTIR REMUNERAÇÃO DE UM DEPÓSITO A PRAZO

ÁREA DE FORMAÇÃO: POUPAR E INVESTIR REMUNERAÇÃO DE UM DEPÓSITO A PRAZO ÁREA DE FORMAÇÃO: POUPAR E INVESTIR REMUNERAÇÃO DE UM DEPÓSITO A PRAZO Índice TANB Taxa Anual Nominal Bruta TANL - Taxa Anual Nominal Líquida Taxa de juro nominal e real Juro simples e juro composto Ficha

Leia mais

PROPOSTA DE VALOR PARA MEMBROS DA ORDEM DOS ADVOGADOS CONDIÇÕES

PROPOSTA DE VALOR PARA MEMBROS DA ORDEM DOS ADVOGADOS CONDIÇÕES PROPOSTA DE VALOR PARA MEMBROS DA ORDEM DOS ADVOGADOS CONDIÇÕES Cartão Ordem dos Advogados Um cartão de crédito PERSONALIZADO E DIFERENCIADOR com vantagens únicas para a classe profissional COMPRE AGORA

Leia mais

Preçário IBERCAJA BANCO, S.A. - SUCURSAL EM PORTUGAL SUCURSAL. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS. Data de Entrada em vigor: 11-06-2015

Preçário IBERCAJA BANCO, S.A. - SUCURSAL EM PORTUGAL SUCURSAL. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS. Data de Entrada em vigor: 11-06-2015 Preçário IBERCAJA BANCO, S.A. - SUCURSAL EM PORTUGAL SUCURSAL Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Data de Entrada em vigor: 11-06-2015 Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO Data de O Preçário completo

Leia mais

Preçário FINIBANCO ANGOLA SA

Preçário FINIBANCO ANGOLA SA Preçário FINIBANCO ANGOLA SA Instituição Financeira Bancaria com sede em território nacional, de acordo com o previsto na Lei das Instituições Financeiras Anexo I Tabela de comissões e despesas Data de

Leia mais

STANDARD BANK ANGOLA

STANDARD BANK ANGOLA PREÇÁRIO STANDARD BANK ANGOLA Banco ANEXO II Tabela de Taxas de Juro DATA DE ENTRADA EM VIGOR: 20/06/2014 O Preçário pode ser consultado nos balcões e locais de atendimento ao público do Sandard Bank e

Leia mais

São condições para colaboradores de empresas aderentes e que merecem partilhar as conquistas da sua empresa.

São condições para colaboradores de empresas aderentes e que merecem partilhar as conquistas da sua empresa. São condições para colaboradores de empresas aderentes e que merecem partilhar as conquistas da sua empresa. Com a domiciliação de um ordenado superior a 350 /mês passa a ter acesso a um vasto conjunto

Leia mais

STANDARD BANK ANGOLA

STANDARD BANK ANGOLA PREÇÁRIO STANDARD BANK ANGOLA Banco ANEXO II Tabela de Taxas de Juro DATA DE ENTRADA EM VIGOR: 10/07/2015 O Preçário pode ser consultado nos balcões e locais de atendimento ao público do Sandard Bank e

Leia mais

Alterações ao preçário em vigor a partir de 6 de janeiro de 2016

Alterações ao preçário em vigor a partir de 6 de janeiro de 2016 Alterações ao preçário em vigor a partir de 6 de janeiro de 2016 Montepio Depósito a Prazo a dias 8 a 29 dias 0,020% Montepio Depósito 1 Ano não mobilizável Juros Mensais 0,500% Juros Trimestrais 0,550%

Leia mais

É bom saber que pode contar com quem está ao seu lado.

É bom saber que pode contar com quem está ao seu lado. É bom saber que pode contar com quem está ao seu lado. de Cooperação Barclays at Work Índice 4. Leasing 5. Seguros IV. Check List V. Contactos I. O Barclays no Mundo Grupo Financeiro com mais de 300 anos

Leia mais

PROTOCOLO DE COLABORAÇÃO E PARCERIA. entre. Agrupamento Vertical de Escolas de Ferreira de Aves

PROTOCOLO DE COLABORAÇÃO E PARCERIA. entre. Agrupamento Vertical de Escolas de Ferreira de Aves PROTOCOLO DE COLABORAÇÃO E PARCERIA entre Agrupamento Vertical de Escolas de Ferreira de Aves e Caixa de Crédito Agrícola Mútuo do Vale do Dão e Alto Vouga, C.R.L. Cláusula 1ª (Intervenientes) Este Protocolo

Leia mais

1.2. Endereço Rua Áurea, 219-241: Apartado 2882: 1122-806 Lisboa

1.2. Endereço Rua Áurea, 219-241: Apartado 2882: 1122-806 Lisboa FICHA DE INFORMAÇÃO NORMALIZADA INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL (ao abrigo do artigo 6.º do Decreto-Lei n.º 133/2009, de 2 de Junho) A. ELEMENTOS DE IDENTIFICAÇÃO 1. Identificação da instituição de crédito 1.1.

Leia mais

Ficha de Informação Normalizada para Depósitos Depósitos à Ordem

Ficha de Informação Normalizada para Depósitos Depósitos à Ordem Designação Condições de Acesso Modalidade Meios de Movimentação Conta Completa Clientes Particulares, maiores de 18 anos, que sejam trabalhadores por conta de outrem e que aceitem domiciliar ou transferir,

Leia mais

Protocolo para Colaboradores Novembro 2014

Protocolo para Colaboradores Novembro 2014 Protocolo para Colaboradores Novembro 2014 O PROTOCOLO E SUAS VANTAGENS O Protocolo é um acordo entre um Parceiro e o Banco, atribuindo vantagens aos seus Colaboradores em produtos e serviços financeiros

Leia mais

Com a domiciliação de um ordenado superior a 350 /mês passa a ter a possibilidade de aceder a:

Com a domiciliação de um ordenado superior a 350 /mês passa a ter a possibilidade de aceder a: O seu contacto no Millennium bcp: Sucursal: EVORA MURALHA Nome: Luís Rosado Telefone: 266009530 Para si que tem o seu Ordenado no Millennium bcp! S.Ser.Trab.Camara Municipal Evora e o Millennium bcp prepararam

Leia mais

Preçário BANCO PRIVADO ATLANTICO INSTITUIÇÃO FINANCEIRA BANCÁRIA TABELA DE COMISSÕES E DESPESAS. Data de Entrada em vigor: 30 de Setembro 2015

Preçário BANCO PRIVADO ATLANTICO INSTITUIÇÃO FINANCEIRA BANCÁRIA TABELA DE COMISSÕES E DESPESAS. Data de Entrada em vigor: 30 de Setembro 2015 Preçário BANCO PRIVADO ATLANTICO INSTITUIÇÃO FINANCEIRA BANCÁRIA TABELA DE COMISSÕES E DESPESAS Data de Entrada em vigor: 30 de Setembro 2015 O Preçário pode ser consultado nos balcões e locais de atendimento

Leia mais

(DENOMINAÇÃO SOCIAL DA INSTITUIÇÃO)

(DENOMINAÇÃO SOCIAL DA INSTITUIÇÃO) PREÇÁRIO (DENOMINAÇÃO SOCIAL DA INSTITUIÇÃO) (Espécie de instituição financeira) ANEXO II Tabela de Taxas de Juro DATA DE ENTRADA EM VIGOR: O Preçário pode ser consultado nos balcões e locais de atendimento

Leia mais

Protocolo BBVA Soluções Financeiras

Protocolo BBVA Soluções Financeiras Protocolo BBVA Soluções Financeiras Conheça as soluções financeiras que o BBVA tem para lhe oferecer e aproveite o Protocolo BBVA com condições exclusivas para os Associados do SPLIU. Para o BBVA cada

Leia mais

Preçário AS "PRIVATBANK" SUCURSAL EM PORTUGAL BANCOS. Consulte o PARTE I FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o PARTE II FOLHETO DE TAXAS DE JURO

Preçário AS PRIVATBANK SUCURSAL EM PORTUGAL BANCOS. Consulte o PARTE I FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o PARTE II FOLHETO DE TAXAS DE JURO Preçário AS "PRIVATBANK" SUCURSAL EM PORTUGAL BANCOS Consulte o PARTE I FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o PARTE II FOLHETO DE TAXAS DE JURO Data de Entrada em vigor: 15 Abril 2014 O Preçário completo

Leia mais

STANDARD BANK ANGOLA

STANDARD BANK ANGOLA PREÇÁRIO STANDARD BANK ANGOLA Banco ANEXO II Tabela de Taxas de Juro DATA DE ENTRADA EM VIGOR: 22/04/2015 O Preçário pode ser consultado nos balcões e locais de atendimento ao público do Sandard Bank e

Leia mais

PRÉVOIR PPR NOVA VERSÃO INFORMAÇÕES PRÉ-CONTRATUAIS ANEXO À PROPOSTA PRÉVOIR PPR

PRÉVOIR PPR NOVA VERSÃO INFORMAÇÕES PRÉ-CONTRATUAIS ANEXO À PROPOSTA PRÉVOIR PPR Este documento apresenta-se como um resumo das Condições Gerais e Especiais do seguro Prévoir PPR e não dispensa a consulta integral das mesmas. SEGURADOR FINALIDADE SEGMENTO-ALVO CONDIÇÕES DE SUBSCRIÇÃO

Leia mais

CONDIÇÕES PARA OS MEMBROS E COLABORADORES TRABALHADORES POR CONTA DE OUTREM. Conta Ordenado Triplus

CONDIÇÕES PARA OS MEMBROS E COLABORADORES TRABALHADORES POR CONTA DE OUTREM. Conta Ordenado Triplus PROTOCOLO CONSELHO DISTRITAL DE LISBOA CONDIÇÕES PARA OS MEMBROS E COLABORADORES TRABALHADORES POR CONTA DE OUTREM Para aderir a este Protocolo e beneficiar das respectivas condições, abra a sua Conta

Leia mais

PREÇÁRIO. ANEXO I Tabela de Comissões e Despesas

PREÇÁRIO. ANEXO I Tabela de Comissões e Despesas PREÇÁRIO ANEXO I Tabela de e Despesas DATA DE ENTRADA EM VIGOR: 13 AGOSTO 2014 Preçário pode ser consultado nos balcões e locais de atendimento ao público do Banco Sol S.A. e em www.bancosol.ao. O Precário

Leia mais

Montante Mínimo Equivalente 1.000,00 30 dias, 60 dias, 90 dias, 180 dias, 365 dias

Montante Mínimo Equivalente 1.000,00 30 dias, 60 dias, 90 dias, 180 dias, 365 dias APLICAÇÕES À ORDEM 1. Abertura de Contas 1.1. Montante Mínimo Conta BNI Particulares Equivalente 20,00 Conta BNI Empresas Equivalente 200,00 Conta Plus Equivalente 100,00 Despesas manuteção D.O / trimestrais

Leia mais

PREÇÁRIO. (VTB África S.A.) ANEXO II. Tabela de Taxas de Juro. DATA DE ENTRADA EM VIGOR: 05 de Janeiro de 2015

PREÇÁRIO. (VTB África S.A.) ANEXO II. Tabela de Taxas de Juro. DATA DE ENTRADA EM VIGOR: 05 de Janeiro de 2015 - África, S.A. PREÇÁRIO (VTB África S.A.) Instituição financeira Bancária ANEXO II Tabela de Taxas de Juro DATA DE ENTRADA EM VIGOR: 05 de Janeiro de 2015 O Preçário pode ser consultado nos balcões e locais

Leia mais

Protocolo para Colaboradores Unicer Janeiro 2015

Protocolo para Colaboradores Unicer Janeiro 2015 Protocolo para Colaboradores Unicer Janeiro 2015 O PROTOCOLO E SUAS VANTAGENS O Protocolo é um acordo entre um Parceiro e o Banco, atribuindo vantagens aos seus Colaboradores em produtos e serviços financeiros

Leia mais

Condições actuais do Protocolo para Colaboradores

Condições actuais do Protocolo para Colaboradores Direcção de Parcerias Comerciais Protocolos Condições actuais do Protocolo para Colaboradores Novembro de 2009 Conta Ordenado BPI Isenção das principais despesas do dia-a-dia: Isenção das despesas de manutenção

Leia mais

FOLHETO DE TAXAS DE JURO

FOLHETO DE TAXAS DE JURO FOLHETO DE TAXAS DE JURO Clientes Particulares Outros clientes 17 CONTAS DE DEPÓSITO 19 CONTAS DE DEPÓSITO 17.1. Depósitos à ordem 19.1. Depósitos à ordem 17.2. Depósitos a prazo 19.2. Depósitos a prazo

Leia mais

Preçário BANCO DO BRASIL AG - SUCURSAL EM PORTUGAL BANCOS. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO

Preçário BANCO DO BRASIL AG - SUCURSAL EM PORTUGAL BANCOS. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO Preçário BANCO DO BRASIL AG - SUCURSAL EM PORTUGAL BANCOS Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO Data de O Preçário completo do Banco do Brasil AG Sucursal em Portugal,

Leia mais

PREÇÁRIO. ANEXO II Tabela de Taxas de Juro

PREÇÁRIO. ANEXO II Tabela de Taxas de Juro PREÇÁRIO ANEXO II Tabela de Taxas de Juro DATA DE ENTRADA EM VIGOR: 13 AGOSTO 2014 Preçário pode ser consultado nos balcões e locais de atendimento ao público do Banco Sol S.A. e em www.bancosol.ao. O

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÃO NORMALIZADA DP NETB@ANCO 90 DIAS

FICHA DE INFORMAÇÃO NORMALIZADA DP NETB@ANCO 90 DIAS DP NETB@ANCO 90 DIAS Designação Condições de acesso Modalidade Prazo Mobilização antecipada DP Netb@nco 90 Dias Clientes aderentes ao NetB@nco (constituição e movimentação exclusiva através do canal NetB@nco).

Leia mais

Quantidade mensal incluida no pacote. Quantidade de serviços gratuitos por mês

Quantidade mensal incluida no pacote. Quantidade de serviços gratuitos por mês Pacote de Serviços - Universitários Confira abaixo a composição do Pacote de Serviços Universitários: gratuitos Valor Total Saque de conta de depósitos à vista - Presencial ou pessoal 6 4 10 2,20 12,60

Leia mais

Ficha de Informação Normalizada para Depósitos Depósitos à ordem

Ficha de Informação Normalizada para Depósitos Depósitos à ordem Designação Condições de Acesso Modalidade Meios de Movimentação Moeda Conta Super Jovem Clientes Particulares, com idade entre os 18 e os 30 anos (inclusive). Depósito à Ordem. Esta conta pode ser movimentada

Leia mais

Preçário. Anexo I. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS. Anexo II. Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO. Anexo III

Preçário. Anexo I. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS. Anexo II. Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO. Anexo III Preçário Anexo I Consulte o FOLHETO E COMISSÕES E ESPESAS Anexo II Consulte o FOLHETO E TAXAS E JURO Anexo III Consulte a INFORMAÇÃO SUPLEMENTAR Entrada em vigor: 1 Julho 2015 O Preçário completo do Banco

Leia mais

17. CONTAS DE DEPÓSITO (PARTICULARES)

17. CONTAS DE DEPÓSITO (PARTICULARES) 17.1. Depósitos à ordem Contas à ordem 0,000% 28,00% no Os juros obtidos estão sujeitos a retenção na fonte de imposto sobre o rendimento, à taxa que estiver em vigor na data de pagamento de juros. e (2)

Leia mais

Conta BNI Particulares Equivalente $20 Conta BNI Empresas Equivalente $200 Conta Plus Equivalente $100

Conta BNI Particulares Equivalente $20 Conta BNI Empresas Equivalente $200 Conta Plus Equivalente $100 APLICAÇÕES À ORDEM 1. Abertura de Contas 1.1. Montante Mínimo Conta BNI Particulares Equivalente $20 Conta BNI Empresas Equivalente $200 Conta Plus Equivalente $100 APLICAÇÕES A PRAZO 1. Produtos Aplicação

Leia mais

Soluções Financeiras ANEXO I. Protocolo exclusivo. Soluções Ordenado BBVA. Soluções Habitação BBVA

Soluções Financeiras ANEXO I. Protocolo exclusivo. Soluções Ordenado BBVA. Soluções Habitação BBVA Protocolo exclusivo. Soluções Financeiras ANEXO I Aproveite o Protocolo BBVA para realizar os seus projectos pessoais. O Banco Bilbao Vizcaya Argentaria, coloca ao seu dispor um conjunto de Produtos e

Leia mais

Santander Totta. Santander Totta. Especializado no Negócio de PME

Santander Totta. Santander Totta. Especializado no Negócio de PME Santander Totta Santander Totta Especializado no Negócio de PME O Banco Santander Totta está integrado num dos maiores Grupos Financeiros a nível Mundial. Distingue-se pela sua capacidade de oferecer as

Leia mais

Empresa 5 3. Extracto (2ª Via) Particular 1.50. Empresa 2.50 4. Taxa de Juros Descobertos Descoberto em D.O

Empresa 5 3. Extracto (2ª Via) Particular 1.50. Empresa 2.50 4. Taxa de Juros Descobertos Descoberto em D.O Pág 1/10 APLICAÇÕES À ORDEM Taxa AOA USD 1. Abertura de Contas 1.1. Montante Mínimo Conta BNI Particulares Equivalente 20.00 Conta BNI Empresas Equivalente 200.00 Conta Plus Equivalente 100.00 Despesas

Leia mais

Preçário CAIXA ECONÓMICA MONTEPIO GERAL

Preçário CAIXA ECONÓMICA MONTEPIO GERAL Preçário CAIXA ECONÓMICA MONTEPIO GERAL Instituição de Crédito com sede em território nacional, de acordo com o previsto no Geral das Instituições de Crédito e Sociedades Financeiras Consulte o FOLHETO

Leia mais

17. CONTAS DE DEPÓSITO (CLIENTES PARTICULARES) - FOLHETO DE TAXAS DE JURO 17.1. Depósitos à Ordem

17. CONTAS DE DEPÓSITO (CLIENTES PARTICULARES) - FOLHETO DE TAXAS DE JURO 17.1. Depósitos à Ordem 17. CONTAS DE DEPÓSITO (CLIENTES PARTICULARES) - FOLHETO DE TAXAS DE JURO 17.1. Depósitos à Ordem Contas à Ordem Standard Conta Bankinter (idade igual ou superior a 18 anos) Entrada em vigor: 01-abril-2016

Leia mais

Glossário de Crédito Habitação do NOVO BANCO

Glossário de Crédito Habitação do NOVO BANCO Glossário de Crédito Habitação do NOVO BANCO Tipo de Propriedade 1ª Habitação Residência habitual do agregado familiar (habitação própria permanente). 2ª Habitação Residência não habitual do agregado familiar

Leia mais

SOLUÇÕES SANTANDER TURISMO

SOLUÇÕES SANTANDER TURISMO SOLUÇÕES SANTANDER TURISMO Atendendo a que o turismo é um sector estratégico na economia nacional e considerando que a APAVT tem tido um papel fundamental no desenvolvimento do turismo nacional, o acordo

Leia mais

Preçário CAIXA ECONÓMICA MONTEPIO GERAL

Preçário CAIXA ECONÓMICA MONTEPIO GERAL Preçário CAIXA ECONÓMICA MONTEPIO GERAL Instituição de Crédito com sede em território nacional, de acordo com o previsto no Geral das Instituições de Crédito e Sociedades Financeiras Consulte o FOLHETO

Leia mais

STANDARD BANK ANGOLA

STANDARD BANK ANGOLA PREÇÁRIO STANDARD BANK ANGOLA Banco ANEXO I Tabela de e Despesas DATA DE ENTRADA EM VIGOR: 03 de Março de 2015 O Preçário pode ser consultado nos balcões e locais de atendimento ao público do Sandard Bank

Leia mais

BENEFÍCIOS DOS ADVOGADOS

BENEFÍCIOS DOS ADVOGADOS Produtos e serviços CGD para profissionais liberais e jovens advogados: CONTAS À ORDEM Conta Extracto A informação onde preferir. Com esta conta recebe um extracto com toda a informação da sua conta, na

Leia mais

Oferta do BNU para os Funcionários Públicos de Macau

Oferta do BNU para os Funcionários Públicos de Macau Oferta do BNU para os Funcionários Públicos de Macau Pacote Deluxe : Um conjunto de oportunidades! Condições de Acesso Payroll + BOL + Cartão de Débito + Cartão de Crédito + One Auto-Pay. Overdraft Crédito

Leia mais

BANCO INTERATLÂNTICO 01-01-2014

BANCO INTERATLÂNTICO 01-01-2014 (FTJ) BANCO INTERATLÂNTICO FOLHETO TAXAS DE JURO (FTJ) 01-01-2014 GMK/BI. Em vigor a partir de 01/01/2014 https://www.facebook.com/interatlantico (FTJ _CP) FOLHETO TAXAS DE JUROS (FTJ) CLIENTES PARTICULARES

Leia mais

Reduza custos na Empresa, aumentando o rendimento disponível dos seus Colaboradores. Cartão Millennium bcp Free Refeição

Reduza custos na Empresa, aumentando o rendimento disponível dos seus Colaboradores. Cartão Millennium bcp Free Refeição Reduza custos na Empresa, aumentando o rendimento disponível dos seus Colaboradores Cartão Millennium bcp Free Refeição Jan.2015 ÍNDICE 1 Características 3 2 Poupança 4 3 Utilização 8 4 Operações Disponíveis

Leia mais

FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS ECOBANK CABO VERDE S.A.

FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS ECOBANK CABO VERDE S.A. 1 FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Em vigor 01/05/2015 2 Folheto De Comissões E Despesas Clientes Particulares 1. CONTA DE DEPÓSITO 1.1- Depósito à ordem 1.2- Outras Modalidades de deposito 1.2.1- deposito

Leia mais

Pacote de Serviços - Universitários

Pacote de Serviços - Universitários Pacote de Serviços - Universitários Confira abaixo a composição do Pacote de Serviços Universitários: Pacotes de Serviços 1, 2 e 3 Saques 4 10 12,60 Fornecimento de Folhas de 10 1,50-2 11,40 22,80 ou pessoal,

Leia mais

PROTOCOLO DE COOPERAÇÃO

PROTOCOLO DE COOPERAÇÃO PROTOCOLO DE COOPERAÇÃO ENTRE PRIMEIRO OUTORGANTE: BANCO SANTANDER TOTTA, SA com sede na Rua do Ouro 88 em Lisboa, 1100-063-Lisboa, com o capital social de 656723284 Euros, Pessoa Colectiva nº 500844321

Leia mais

Crédito Habitação BPI - Ficha de Informação Geral

Crédito Habitação BPI - Ficha de Informação Geral Crédito Habitação BPI - Ficha de Informação Geral Mutuante Banco BPI, S.A. Sede: Rua Tenente Valadim, 284 4100-476 PORTO Sociedade Aberta, Capital Social 1.293.063.324,98, matriculada na CRCP sob o número

Leia mais

Quantidade mensal incluída no pacote (A) Quantidade de serviços gratuitos por mês (B)

Quantidade mensal incluída no pacote (A) Quantidade de serviços gratuitos por mês (B) Pacote de Serviços - Universitários Confira abaixo a composição do Pacote de Serviços Universitários: Saques ³ 6 4 10 12,60 Fornecimento de Folhas de 0 10 10 1,50-2 - 2 11,40 22,80 2 2 4 2,48 4,96 1-1

Leia mais

Preçário BANIF - BANCO DE INVESTIMENTO, SA BANCOS. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO

Preçário BANIF - BANCO DE INVESTIMENTO, SA BANCOS. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO Preçário BANIF BANCO DE INVESTIMENTO, SA BANCOS Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO Data de O Preçário completo do Banif Banco de Investimento, SA contém o Folheto

Leia mais

Ficha de Informação Normalizada para Depósitos Depósitos simples, não à ordem

Ficha de Informação Normalizada para Depósitos Depósitos simples, não à ordem Designação Condições de Acesso Modalidade Prazo Mobilização Antecipada Poupança Habitação Geral Clientes Particulares com mais de 30 anos. Depósito constituído em regime especial. 12 meses Após o decurso

Leia mais

Dos documentos que se seguem quais os necessários para abrir uma conta num banco?

Dos documentos que se seguem quais os necessários para abrir uma conta num banco? Quais as principais funções de um banco? A Captar depósitos e gerir a poupança dos seus clientes. B Conceder empréstimos a empresas, particulares e ao Estado. C Disponibilizar meios e formas de pagamento

Leia mais

FOLHETO DE TAXAS DE JURO

FOLHETO DE TAXAS DE JURO FOLHETO DE TAXAS DE JURO Clientes Particulares Outros clientes 17 CONTAS DE DEPÓSITO 19 CONTAS DE DEPÓSITO 17.1. Depósitos à ordem 19.1. Depósitos à ordem 17.2. Depósitos a prazo 18 OPERAÇÕES DE CRÉDITO

Leia mais

Condições de acesso ao Programa de Passageiro Frequente TAP Victoria para Clientes do Banco Popular

Condições de acesso ao Programa de Passageiro Frequente TAP Victoria para Clientes do Banco Popular Condições de acesso ao Programa de Passageiro Frequente TAP Victoria para Clientes do Banco Popular 1. Âmbito O Banco Popular e a TAP estabeleceram um acordo de parceria (Contrato de Parceiro de Marketing

Leia mais

PROSPECTO SIMPLIFICADO (actualizado a 31 de Dezembro de 2008) Designação: Liberty PPR Data início de comercialização: 19 de Abril de 2004

PROSPECTO SIMPLIFICADO (actualizado a 31 de Dezembro de 2008) Designação: Liberty PPR Data início de comercialização: 19 de Abril de 2004 PROSPECTO SIMPLIFICADO (actualizado a 31 de Dezembro de 2008) Designação: Liberty PPR Data início de comercialização: 19 de Abril de 2004 Empresa de Seguros Entidades comercializadoras Autoridades de Supervisão

Leia mais

REAL PPR SEGURO MAIS Informações Pré-Contratuais

REAL PPR SEGURO MAIS Informações Pré-Contratuais TIPO DE CLIENTE Particulares, Profissionais Liberais e Empresas. SEGMENTO-ALVO Este produto destina-se a Clientes com perfil de risco conservador, que privilegiam a preservação do capital investido e a

Leia mais

Elementos de Análise Financeira Juros Simples Profa. Patricia Maria Bortolon

Elementos de Análise Financeira Juros Simples Profa. Patricia Maria Bortolon Elementos de Análise Financeira Juros Simples Fórmulas de Juros Simples J C i n Onde: J = valor dos juros expresso em unidades monetárias C = capital. É o valor (em $) em determinado momento i = taxa de

Leia mais

PREÇÁRIO CAIXA ECONÓMICA DE CABO VERDE ENTRADA EM VIGOR. 01 de Janeiro de 2014

PREÇÁRIO CAIXA ECONÓMICA DE CABO VERDE ENTRADA EM VIGOR. 01 de Janeiro de 2014 PREÇÁRIO CAIXA ECONÓMICA DE CABO VERDE ENTRADA EM VIGOR 01 de Janeiro de 2014 Sede: Av. Cidade de Lisboa, Cidade da Praia Número de identificação: 200131753 Matriculada sob o n.º 336 na Conservatória do

Leia mais