WORKSHOP CIDADANIA E ORDENAMENTO MUNICIPAL

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "WORKSHOP CIDADANIA E ORDENAMENTO MUNICIPAL"

Transcrição

1 WORKSHOP CIDADANIA E ORDENAMENTO MUNICIPAL OBJECTIVOS No final desta acção os formandos devem ser capazes de: Identificar aspectos críticos nos Instrumentos de Planeamento para a sustentabilidade local; Estabelecer a visão, os conflitos, os eixos prioritários para analisar um IGT e traçar as respectivas recomendações. DESTINATÁRIOS Técnicos de autarquias locais e de empresas consultoras na área do ordenamento municipal e planeamento urbano, representantes de ONG, sociedade civil em geral. METODOLOGIAS A acção vai desenvolver-se com a aplicação de metodologias participativas. Os formandos serão chamados a participar no processo formativo e a apresentar os resultados do seu trabalho durante o curso. DATA E LOCAL DE REALIZAÇÃO 18 de Novembro de 2011 FLAD -, Rua Sacramento à Lapa, 21, Lisboa (o local é de difícil estacionamento)

2 9:30-9:45 Recepção de participantes PROGRAMA DEFINIÇÃO DE UM QUADRO DE SUSTENTABILIDADE LOCAL 9:45-10:00- Apresentação * 10:00-10:30 Sustentabilidade: Conceitos e políticas, aplicação ao desenvolvimento local 10:30-11:00 Construção de uma visão individual/consensual e apresentação Explicação do exercício - Exercício em grupos Apresentação dos resultados e agregação por nuvens de visões 11:00-11:10 Café IDENTIFICAÇÃO DE UM QUADRO DE FACTORES CRÍTICOS 11:10-12:00 Riscos, conflitos de uso e calamidades: Identificação de conflitos e factores críticos Tipologias de riscos, conflitos de uso e calamidades Explicação do exercício - Exercício em grupos 12:00-13:00 Discussão e agregação em nuvens de conflitos Explicação do exercício Apresentação dos resultados dos grupos Discussão de resultados 13:00-14:30 Almoço (livre) ANÁLISE E AVALIAÇÃO DOS IGT EM QUADRO COMPARATIVO COM FACTORES CRÍTICOS IDENTIFICADOS 14:30-15:30 Fichas de trabalho sobre os temas, apresentação QUADRO DE PROPOSTAS E CONTRIBUTOS PARA O IGT 15:30-16:30 Fichas de trabalho sobre os temas, elaboração de propostas, apresentação 16:30-17:00 Café 17:00-18:30 Apresentação e debate 18:30-19:00 Missão/Compromisso Pessoal

3 FORMADORES João Joanaz de Melo [1] [2] Professor na Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa, desenvolve ensino e investigação sobre ecodesign, avaliação de impactes, eficiência energética, instrumentos económicos para o ordenamento e políticas de sustentabilidade, entre outros temas. Presidente do GEOTA. Lia Vasconcelos [1], Professora da Universidade Nova de Lisboa investiga novas formas de tomada de decisão, nomeadamente a conquista da esfera pública por novos actores na governância de políticas públicas. Coordena o Projecto MarGov Governância Colaborativa de Áreas Marinhas Protegidas que ganhou (2008) o Galardão Gulbenkian/Oceanário de Lisboa: Governação Sustentável dos Oceanos. Em 2006, coordenou o processo participativo para a Cova da Moura Processo de Intervenção Participada Sócio-Territorial no programa Bairros Críticos. É co-editora de vários livros: Environmental Activism in Society (2002), TAIDIS Cidadania Ambiental, Informação e Participação no contexto da Convenção de Aahrus (2006). Cidadãos pelo Ambiente, conservação da natureza e biodiversidade em Portugal (2009), Governância e Participação na Gestão Territorial, série Politica de Cidades 5, DGOTDU Politica de Cidades Polis XXI (2009), Ambiente, Ciência e Cidadãos (2010). Tem-se envolvido intensamente em problemáticas do fórum da sociedade civil, nomeadamente através na Liga para a Protecção da Natureza onde já pertenceu aos seus corpos dirigentes. José Carlos Ferreira [1] Doutorando em Engenharia do Ambiente, UNL, Mestre em Geografia Física e Ambiente, UL, Lic. em Geografia e Planeamento Regional, Var. Geografia Física, UL, Docente nas disciplinas de - Fundamentos de Planeamento e Ordenamento do Território - Ordenamento e Ecologia da Paisagem - Gestão de Recursos e Estratégias Territoriais - Análise e Organização do Espaço - Ordenamento e Ambiente do Espaço Rural na FCT/UNL. Helder Careto [2] Licenciatura em Eng.ª Ambiente (IST/UTL), CAP, Secretário Executivo do GEOTA e consultor em energia e ambiente na Agência Cascais Energia, coordenador dos projectos O Meu Eco-Sistema, O Meu Ecoponto, BiodiverCidade e páginas do GEOTA na Internet. Representante das ONGA nas C.A. PORL e POVT. Representante do GEOTA no grupo da Água do EEB. Coordenador e co-autor de várias publicações do GEOTA. Ricardo Próspero [2] Licenciatura em Arquitectura Paisagista (U.Évora); Pós-graduação em Gestão do Território pela FCSH-UNL. Preparação de dissertação de mestrado em Planeamento e Ordenamento do Território (FCSH- UNL). Estágio profissional no GEOTA, nas áreas do Ambiente, Ordenamento do Território e Educação Ambiental. Participação em diversos projectos de arquitectura paisagista e planos de requalificação urbana e ambiental; Participação no estudo de caracterização do valor patrimonial das construções de carácter precário das praias da Saúde e da Mata, Costa da Caparica, enquanto membro da secção portuguesa dos Arquitectos Sem Fronteiras. Observações: [1] Faculdade de Ciências e Tecnologia/Universidade Nova de Lisboa [2] GEOTA Grupo Estudos de Ordenamento do Território e Ambiente

4 CONDIÇÕES DE INSCRIÇÃO (ATÉ 10 DE NOVEMBRO DE 2011): A inscrição é obrigatória e só será considerada válida com o pagamento efectuado. A inscrição inclui: acesso ao curso, documentação distribuída no mesmo, certificado de participação. PREÇOS - Técnicos em representação de entidades, sem acordos de colaboração com o GEOTA (facturação à entidade) 200 euros - Técnicos em representação de entidades patrocinadoras do GEOTA, incluindo autarquias aderentes ao Meu Eco-Sistema, até dois por entidade (facturação à entidade): 100 euros - Pessoas a título individual, sem vínculo ao GEOTA:100 euros - Associados do GEOTA (quotas em dia), associados indicados por ONG com protocolo, e movimentos cívicos com um projecto de intervenção no ordenamento municipal:75 euros Em caso de desistência a organização compromete-se a devolver 50% do valor de inscrição até ao dia 10 de Novembro de A partir do dia 11 de Novembro não haverá direito a qualquer reembolso, embora possa haver substituição de pessoas A inscrição a partir de 11 de Novembro de 2011 acresce 25 euros. CONDIÇÕES DE REALIZAÇÃO Número mínimo de 10 e máximo de 25 formandos (previamente inscritos). SECRETARIADO: Saúde Martins (GEOTA), SKYPE: geota.sec

5 FICHA DE INSCRIÇÃO (preencher em computador ou com letra legível, sff) Nome: Formação: Entidade: Cargo: Contactos pessoais: Telefone Telemóvel: SKYPE: Contactos Profissional: Telefone Telemóvel: Fax: Para facturação: Nome da entidade Morada Código Postal - - NIF: Modalidade de inscrição (A inscrição no curso só será válida após pagamento) A partir de 11 de Novembro de 2011 acresce 25 euros. Técnicos em representação de entidades, sem acordos de colaboração com o GEOTA (facturação à entidade) - Técnicos em representação de entidades patrocinadoras do GEOTA, incluindo autarquias aderentes ao Meu Ecossistema, até dois por entidade (facturação à entidade) - Pessoas a título individual, sem vínculo ao GEOTA Associados do GEOTA (com quotas em dia), associados indicados por ONG com protocolo e movimentos cívicos com um projecto de intervenção ao nível do ordenamento municipal (obrigatório anexar ou enviar, em 1 página) Preços ( ) S.F.F. indicar a opção adequada (X) Notas sobre o pagamento: a) A pedido, será fornecida referência multibanco ou NIB para o pagamento da inscrição. Cheques em nome de GEOTA Grupo de Estudos de Ordenamento do Território e Ambiente. b) Os preços incluem: acesso ao curso, documentação distribuída no mesmo, certificado de participação. O preenchimento da ficha de inscrição pressupõe a aceitação de todas as condições de inscrição. Local, Data:, de de Assinatura: Devolver com o pagamento ou respectivo comprovativo a:

ISPA Instituto Universitário

ISPA Instituto Universitário ISPA Instituto Universitário Marketing na Saúde Uma ferramenta para todos os profissionais de saúde. "Está na altura de dominar melhor o mercado" 18 e 25 de Outubro 2014, ISPA (12 horas intensivas) Destinatários

Leia mais

Criação e Desenvolvimento de Novos Negócios no Sector Agro-Alimentar

Criação e Desenvolvimento de Novos Negócios no Sector Agro-Alimentar Curso de Formação Avançada Criação e Desenvolvimento de Novos Negócios no Sector Agro-Alimentar Em colaboração com 9 de Maio a 21 de Junho de 2008 Instituto Superior de Agronomia / Universidade Técnica

Leia mais

CIDADES SUSTENTÁVEIS Diploma de Estudos Pós-Graduados

CIDADES SUSTENTÁVEIS Diploma de Estudos Pós-Graduados 1 CIDADES SUSTENTÁVEIS Diploma de Estudos Pós-Graduados http://cidadessustentaveis.dcea.fct.unl.pt 1. Área Científica Predominante do Curso: Ambiente, urbanismo e desenvolvimento sustentável 2. Porquê

Leia mais

Seminário A Qualidade nas Intervenções de Conservação, Reabilitação e Valorização das Casas Antigas

Seminário A Qualidade nas Intervenções de Conservação, Reabilitação e Valorização das Casas Antigas Seminário A Qualidade nas Intervenções de Conservação, Reabilitação e Valorização das Casas Antigas Data: Sábado, 14 de Novembro de 2009, 14h00 18h30 Local: Palácio dos Marqueses de Fronteira, em Lisboa

Leia mais

QUERES SER VOLUNTÁRIO(A) NO GEOTA?

QUERES SER VOLUNTÁRIO(A) NO GEOTA? INVENTARIAÇÃO DE POPULAÇÕES DE AVIFAUNA DA RESERVA NATURAL LOCAL DO PAUL DE TORNADA - Quais os objetivos da tarefa? Manter, incrementar e divulgar os valores naturais da Reserva Natural Local do Paul de

Leia mais

Regulamento de Funcionamento das Acções de Formação

Regulamento de Funcionamento das Acções de Formação Regulamento de Funcionamento das Acções de Formação A Ciência Viva tem como missão a difusão da Cultura Científica e Tecnológica apoiando acções dirigidas à promoção da Educação Científica e Tecnológica

Leia mais

DIREITO DO AMBIENTE E DO URBANISMO UAL

DIREITO DO AMBIENTE E DO URBANISMO UAL PÓS-GRADUAÇÃO/ESPECIALIZAÇÃO DIREITO DO AMBIENTE E DO URBANISMO ANO LECTIVO 2014/2015 Coordenação do Curso: Doutora Anja Bothe Objectivos do curso: Proporcionar e actualizar formação especializada nos

Leia mais

Curso de e-learning Outubro de 2014

Curso de e-learning Outubro de 2014 Associação Portuguesa dos Técnicos de Natação Complexo de Piscinas Municipais de Rio Maior Estradas das Marinhas 2040 Rio Maior Curso de e-learning Outubro de 2014 Conservação, qualidade da água e contributos

Leia mais

Informação sobre o Programa Doutoral está disponivel no site http://www.eplanning.org/

Informação sobre o Programa Doutoral está disponivel no site http://www.eplanning.org/ ========================================================== Informação sobre o Programa Doutoral eplanning (UNL, UL, UTL, UA) 21 Setembro 2009 ==========================================================

Leia mais

II Curso de E-learning

II Curso de E-learning Associação Portuguesa dos Técnicos de Natação Complexo de Piscinas Municipais de Rio Maior Estradas das Marinhas 2040 Rio Maior II Curso de E-learning O Técnico de Manutenção de Piscinas de Uso Colectivo

Leia mais

2º Curso COMUNICAÇÃO E LITERACIA EM SAÚDE Potenciar o empowerment do cidadão, contribuir para melhor educação para a saúde

2º Curso COMUNICAÇÃO E LITERACIA EM SAÚDE Potenciar o empowerment do cidadão, contribuir para melhor educação para a saúde Inscrições abertas* ISPA LANÇA 2º «CURSO DE COMUNICAÇÃO E LITERACIA EM SAÚDE». 2 e 9 junho 12 horas INSCRIÇÕES ABERTAS (ficha inscrição em anexo) http://www.psicologia.pt/profissional/formacao/ver_formacao.php?id=3019&grupo=1

Leia mais

EIXO PRIORITÁRIO III AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS

EIXO PRIORITÁRIO III AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS EIXO PRIORITÁRIO III PREVENÇÃO, GESTÃO E MONITORIZAÇÃO DE RISCOS NATURAIS E TECNOLÓGICOS PREVENÇÃO E GESTÃO DE RISCOS CÓDIGO DO AVISO: POVT- 35-2011-41 17 de Janeiro

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular AMBIENTE E SUSTENTABILIDADE Ano Lectivo 2014/2015

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular AMBIENTE E SUSTENTABILIDADE Ano Lectivo 2014/2015 Programa da Unidade Curricular AMBIENTE E SUSTENTABILIDADE Ano Lectivo 2014/2015 1. Unidade Orgânica Arquitectura e Artes (1º Ciclo) 2. Curso Arquitectura 3. Ciclo de Estudos 1º 4. Unidade Curricular AMBIENTE

Leia mais

CURSO JARDINS DE COBERTURA E JARDINS VERTICAIS

CURSO JARDINS DE COBERTURA E JARDINS VERTICAIS CURSO JARDINS DE COBERTURA E JARDINS VERTICAIS 28 e 29 de Março de 2012 FARO Inscreva-se até ao dia 10 de Fevereiro e usufrua de 15% de desconto CONTACTOS PARA INSCRIÇÕES: 218 806 148 cursosjarquitecturas@about.pt

Leia mais

SESSÃO "SEMANA EUROPEIA DA ENERGIA SUSTENTÁVEL 2015" RELATÓRIO FINAL

SESSÃO SEMANA EUROPEIA DA ENERGIA SUSTENTÁVEL 2015 RELATÓRIO FINAL SESSÃO "SEMANA EUROPEIA DA ENERGIA SUSTENTÁVEL 015" RELATÓRIO FINAL ENQUADRAMENTO No âmbito da Semana Europeia da Energia Sustentável (15 a 19 de Junho de 015),, a Câmara Municipal de Lisboa e a Lisboa

Leia mais

A MOBILIDADE EM CIDADES MÉDIAS ABORDAGEM NA PERSPECTIVA DA POLÍTICA DE CIDADES POLIS XXI

A MOBILIDADE EM CIDADES MÉDIAS ABORDAGEM NA PERSPECTIVA DA POLÍTICA DE CIDADES POLIS XXI Mobilidade em Cidades Médias e Áreas Rurais Castelo Branco, 23-24 Abril 2009 A MOBILIDADE EM CIDADES MÉDIAS ABORDAGEM NA PERSPECTIVA DA POLÍTICA DE CIDADES POLIS XXI A POLÍTICA DE CIDADES POLIS XXI Compromisso

Leia mais

Lean Management na Indústria Alimentar

Lean Management na Indústria Alimentar Lean Management na Indústria Alimentar de 1.) Introdução O atual desafio colocado às empresas para a sua sobrevivência, demonstra que só aquelas que são ágeis e magras são competitivas nos mercados exigentes

Leia mais

Pós graduação em Energias Renováveis e Eficiência Energética 2ª edição

Pós graduação em Energias Renováveis e Eficiência Energética 2ª edição Pós graduação em Energias Renováveis e Eficiência Energética 2ª edição Área de Formação Energia Objectivo Dar a conhecer o balanço energético nacional e as perspetivas futuras. - Adquirir conhecimentos

Leia mais

Conferência Internacional

Conferência Internacional Lisboa, 18, 19 e 20 NOV. 2010 combaterpobreza@iscsp.utl.pt ORGANIZAÇÃO APRESENTAÇÃO CONSELHO CIENTÍFICO COMISSÃO ORGANIZADORA ENQUADRAMENTO LOCAL ANTEVISÃO DO PROGRAMA CONVITE À APRESENTAÇÃO DE COMUNICAÇÕES

Leia mais

Vale Projecto - Simplificado

Vale Projecto - Simplificado IDIT Instituto de Desenvolvimento e Inovação Tecnológica Vale Projecto - Simplificado VALES Empreendedorismo e Inovação Associados Parceiros / Protocolos IDIT Enquadramento Vale Projecto - Simplificado

Leia mais

luanda 4ª EDIÇÃO MASTER COURSE - GESTÃO DA FORMAÇÃO LOCAL EPIC SANA LUANDA HOTEL DATAS 14 A 23 JULHO 2014 Mastering People Development

luanda 4ª EDIÇÃO MASTER COURSE - GESTÃO DA FORMAÇÃO LOCAL EPIC SANA LUANDA HOTEL DATAS 14 A 23 JULHO 2014 Mastering People Development luanda www.letstalkgroup.com 4ª EDIÇÃO MASTER COURSE - GESTÃO DA FORMAÇÃO LOCAL EPIC SANA LUANDA HOTEL DATAS 14 A 23 JULHO 2014 Mastering People Development 4ª EDIÇÃO MASTER COURSE Gestão da Formação 14

Leia mais

1. Objectivos. 2. Destinatários. 3. Competências

1. Objectivos. 2. Destinatários. 3. Competências DEPARTAMENTO DE POLÍTICA E TRABALHO SOCIAL REGULAMENTO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO DE LIDERANÇA E GESTÃO DE EQUIPAMENTOS SOCIAIS 1ª EDIÇÃO 2013/2014. 1 1. Objectivos Na sociedade atual as organizações de

Leia mais

CONCURSOS INTERNACIONAIS COMO OPORTUNIDADE DE NEGÓCIO Skyna Hotel 22 de Junho de 2015

CONCURSOS INTERNACIONAIS COMO OPORTUNIDADE DE NEGÓCIO Skyna Hotel 22 de Junho de 2015 LUANDA PROGRAMA AVANÇADO PARA DECISORES CONCURSOS INTERNACIONAIS COMO OPORTUNIDADE DE NEGÓCIO Skyna Hotel 22 de Junho de 2015 2.ª EDIÇÃO Inscrições e mais informações em: www.ambienteonline.pt/luanda-concursos-internacionais-2015

Leia mais

FORMAÇÃO INTEGRADA A Avaliação Psicológica e a Intervenção em Psicologia Clínica Psicanalítica

FORMAÇÃO INTEGRADA A Avaliação Psicológica e a Intervenção em Psicologia Clínica Psicanalítica FORMAÇÃO INTEGRADA A Avaliação Psicológica e a Intervenção em Psicologia Clínica Psicanalítica Objectivos gerais Formação completa e aprofundada, nos seus fundamentos conceptuais e metodológicos, da teoria

Leia mais

ÍNDICE [Resumido] 2.Implementação do Sistema de Gestão Ambiental Introdução

ÍNDICE [Resumido] 2.Implementação do Sistema de Gestão Ambiental Introdução CONTEÚDOS Este livro escrito em parceria por 9 co-autores, de entre académicos e profissionais de engenharia, fornece uma ajuda preciosa na aquisição de conhecimentos e de competências, tidas como necessárias

Leia mais

FICHA TÉCNICA DO CURSO ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE PROJECTOS NÍVEL 1 EDIÇÃO Nº 01/2013

FICHA TÉCNICA DO CURSO ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE PROJECTOS NÍVEL 1 EDIÇÃO Nº 01/2013 FICHA TÉCNICA DO CURSO ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE PROJECTOS NÍVEL 1 EDIÇÃO Nº 01/2013 1. DESIGNAÇÃO DO CURSO Especialização em Gestão de Projectos Nível 1 2. COMPETÊNCIAS A DESENVOLVER Este curso constitui

Leia mais

Acção de Formação Contabilidade de Gestão - Primavera v8

Acção de Formação Contabilidade de Gestão - Primavera v8 Acção de Formação Contabilidade de Gestão - Primavera v8 MoreData, Sistemas de Informação Campo Grande 28, 10º E 1700-093 Lisboa 213520171 info@moredata.pt Índice de Conteúdos Introdução...3 Sobre o Curso...4

Leia mais

Curso de Educação e Formação em Desenho Assistido por Computador / Construção Civil

Curso de Educação e Formação em Desenho Assistido por Computador / Construção Civil Curso de Educação e Formação em Desenho Assistido por Computador / Construção Civil Saída Profissional: Operador CAD Certificação ao nível do 9º Ano / Nível II Laboral Bem-Vindo/a à FLAG! A FLAG é uma

Leia mais

Curso de Formação para Dinamização de workshops

Curso de Formação para Dinamização de workshops Curso de Formação para Dinamização de workshops Ficha Informativa Curso de Formação para Cientistas 1. A Empresa A Science4you é uma empresa 100% Nacional que nasceu em Janeiro de 2008. É considerada uma

Leia mais

REGULAMENTO INTERNO. Capítulo I Princípios Gerais. Artigo Primeiro Objecto

REGULAMENTO INTERNO. Capítulo I Princípios Gerais. Artigo Primeiro Objecto REGULAMENTO INTERNO Capítulo I Princípios Gerais Artigo Primeiro Objecto O presente Regulamento define o regime de funcionamento interno do Centro de Formação Ciência Viva reconhecido pelo Ministério da

Leia mais

Do Diagnóstico às Propostas de Acção

Do Diagnóstico às Propostas de Acção AGENDA 21 LOCAL DE GUIMARÃES 2º Fórum de Sustentabilidade Do Diagnóstico às Propostas de Acção 29 Junho 2005 AGENDA 21 LOCAL DE GUIMARÃES O que é a AGENDA 21 LOCAL? É um Plano ÚTIL para Aumentar a QUALIDADE

Leia mais

HISTÓRICO DE REVISÕES REVISÃO DATA SÍNTESE DA REVISÃO

HISTÓRICO DE REVISÕES REVISÃO DATA SÍNTESE DA REVISÃO HISTÓRICO DE REVISÕES REVISÃO DATA SÍNTESE DA REVISÃO ELABORAÇÃO ASSINATURA APROVAÇÃO ASSINATURA ÍNDICE CAPÍTULO 1. POLÍTICA E ESTRATÉGIA/ÂMBITO... 3 1.1 POLÍTICA E ESTRATÉGIA DA ENTIDADE... 3 1.2 OBJECTIVO

Leia mais

Concurso de Concepção Cloud Habitar Portugal 2012 14

Concurso de Concepção Cloud Habitar Portugal 2012 14 Concurso de Concepção Cloud Habitar Portugal 2012 14 1/4 1. Enquadramento 2. Objectivo 3. Cloud Hp 2012 14 4. Requisitos 5. Destinatários 6. Concurso 7. Júri 8. Apresentação dos Trabalhos 9. Processo de

Leia mais

Design de Interacção - IxD

Design de Interacção - IxD Design de Interacção - IxD Formadores: Bruno Nobre e Cláudia Pernencar PORQUÊ FAZER ESTA FORMAÇÃO? Só uma parceria próxima entre o Design, a Tecnologia e o Utilizador permite obter soluções adequadas,

Leia mais

Liderança e Gestão de Equipas

Liderança e Gestão de Equipas Liderança e Gestão de Equipas de 1.) Introdução O líder, no contexto atual, assume um papel ativo e determinante para o sucesso da equipa, por isso esta formação está orientada para a partir da perceção

Leia mais

CURSO DE ECO-EFICIÊNCIA DOS MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO

CURSO DE ECO-EFICIÊNCIA DOS MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO CURSO DE ECO-EFICIÊNCIA DOS MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO 13 de Dezembro 2011 Sabóia Estoril Hotel Adquira os conhecimentos fundamentais para uma construção mais sustentável Este curso permite a obtenção de

Leia mais

PROGRAMA. w w w. l e s u t a d. c o m

PROGRAMA. w w w. l e s u t a d. c o m PROGRAMA w w w. l e s u t a d. c o m PROGRAMA 22 Setembro 09h00 Recepção dos Convidados e Participantes 09h30 Sessão de Abertura - Magnífico Reitor da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD)

Leia mais

Escola Superior de Enfermagem Dr. José Timóteo Montalvão Machado

Escola Superior de Enfermagem Dr. José Timóteo Montalvão Machado Curso de Pós-Licenciatura de Especialização em Enfermagem Portaria n.º 268/2002 de 13 março Instruções para o preenchimento da grelha de candidatura O documento é constituído por duas secções: 1ª Secção

Leia mais

Duração: 30 Horas. Formador: Carla Ferreira

Duração: 30 Horas. Formador: Carla Ferreira GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS EM EQUIPAS DE SAÚDE Duração: 30 Horas Rua José Leite Vasconcelos, Lt. B, Loja B - Bº de Stª. Apolónia 3020-106 COIMBRA Tel.:239439243 Fax:239439243 Tlm.:961051559 saniforma.webnode.pt

Leia mais

Sistemas de Suporte à Decisão

Sistemas de Suporte à Decisão Pós-graduação Sistemas de Suporte à Decisão 1ª edição 2008/2009 Departamento de Inovação, Ciência e Tecnologia Pós-graduação em Sistemas de Suporte à Decisão Mensagem da Directora do DICT O DICT está certo

Leia mais

INICIATIVA ESTRATÉGICA CONHECIMENTO E INOVAÇÃO

INICIATIVA ESTRATÉGICA CONHECIMENTO E INOVAÇÃO INICIATIVA ESTRATÉGICA CONHECIMENTO E INOVAÇÃO Janeiro 2004 INICIATIVA ESTRATÉGICA CONHECIMENTO E INOVAÇÃO 1 - OBJECTIVOS O Conhecimento é fonte de Desenvolvimento. A criação e transmissão do Conhecimento

Leia mais

MINI-MBA de Especialização em Relações Públicas, Protocolo Empresarial e Eventos

MINI-MBA de Especialização em Relações Públicas, Protocolo Empresarial e Eventos MINI-MBA de Especialização em Relações Públicas, Protocolo Empresarial e Eventos Índice Duração Total... 2 Destinatários... 2 Perfil de saída... 2 Pré-Requisitos... 2 Objetivo Geral... 2 Objetivos Específicos...

Leia mais

2.ª CONFERÊNCIA MOBILIDADE URBANA

2.ª CONFERÊNCIA MOBILIDADE URBANA 2.ª CONFERÊNCIA MOBILIDADE URBANA Gestão Inteligente e Competitividade 15 de Setembro 2011 Museu da Carris Conheça as estratégias nacionais e internacionais para uma gestão eficiente da mobilidade urbana

Leia mais

Europass Curriculum Vitae

Europass Curriculum Vitae Europass Curriculum Vitae Informação pessoal Apelido(s) / Nome(s) próprio(s) Saraiva de Almeida, Fernando Jorge Morada(s) Rua das Garridas nº 44 1500-306 Lisboa Telefone(s) 21 0841610 Telemóvel 919156682

Leia mais

INSTRUÇÕES DE PREENCHIMENTO. Por favor leia atentamente este documento antes de começar o seu processo de candidatura.

INSTRUÇÕES DE PREENCHIMENTO. Por favor leia atentamente este documento antes de começar o seu processo de candidatura. INSTRUÇÕES DE PREENCHIMENTO Por favor leia atentamente este documento antes de começar o seu processo de candidatura. Só serão aceites as candidaturas submetidas através do formulário online, disponibilizado

Leia mais

DADOS PESSOAIS NOTA CURRICULAR

DADOS PESSOAIS NOTA CURRICULAR DADOS PESSOAIS Nome : SOFIA DE SEQUEIRA GALVÃO Data de nascimento : 06.ABR.1963 Naturalidade : Lisboa Nacionalidade : Portuguesa Estado Civil : Divorciada 1 Advocacia NOTA CURRICULAR Sócia da Sérvulo Correia

Leia mais

A NOVA LEI DAS ASSOCIAÇÕES PÚBLICAS PROFISSIONAIS: DESAFIOS E OPORTUNIDADES

A NOVA LEI DAS ASSOCIAÇÕES PÚBLICAS PROFISSIONAIS: DESAFIOS E OPORTUNIDADES A NOVA LEI DAS ASSOCIAÇÕES PÚBLICAS PROFISSIONAIS: DESAFIOS E OPORTUNIDADES 24 e 25 de Setembro de 2014 PROGRAMA Entidades organizadoras Instituto de Ciências Jurídico-Políticas Coordenação científica

Leia mais

PROGRAMA DE FORMAÇÃO 2008

PROGRAMA DE FORMAÇÃO 2008 PROGRAMA DE FORMAÇÃO 2008 ÁREA ALIMENTAR GESTÃO DE SERVIÇOS DE ALIMENTAÇÃO Formador: Eng. João Bruno da Costa TRIVALOR, SGPS NUTRIÇÃO Formador: Dr. Lino Mendes - ESTeSL - Escola Superior de Tecnologia

Leia mais

EDITAL. 1. Enquadramento

EDITAL. 1. Enquadramento EDITAL Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa do Instituto Politécnico de Lisboa Curso de Pós-Graduação em Fisioterapia na Saúde da Mulher 2ª Edição 2014/2015 A Escola Superior de Tecnologia

Leia mais

FORMULÁRIO DE CANDIDATURA programa de apoio às pessoas colectivas de direito privado sem fins lucrativos do município de santa maria da feira

FORMULÁRIO DE CANDIDATURA programa de apoio às pessoas colectivas de direito privado sem fins lucrativos do município de santa maria da feira FORMULÁRIO DE CANDIDATURA programa de apoio às pessoas colectivas de direito privado sem fins lucrativos do município de santa maria da feira FORMULÁRIO DE CANDIDATURA PROGRAMA DE APOIO ÀS PESSOAS COLECTIVAS

Leia mais

CURSO COMO FAZER UM BUSINESS PLAN?

CURSO COMO FAZER UM BUSINESS PLAN? CURSO COMO FAZER UM BUSINESS PLAN? ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO 03 2. DESENVOLVIMENTO A. Proposta pedagógica B. Investimento C. Condições de participação 03 03 04 04 3. FICHA DE INSCRIÇÃO 05 02 Moneris Academy

Leia mais

Patrocinadores: Apoiantes: Media Partners:

Patrocinadores: Apoiantes: Media Partners: Patrocinadores: Apoiantes: Media Partners: ENQUADRAMENTO Num mercado em mudança a sustentabilidade pode ser uma oportunidade chave para dinamizar o sector e o LiderA um contributo na procura da sustentabilidade.

Leia mais

8. Número de vagas Número mínimo de formandos para a viabilização do curso: 12 Número máximo de formandos para a viabilização do curso: 30

8. Número de vagas Número mínimo de formandos para a viabilização do curso: 12 Número máximo de formandos para a viabilização do curso: 30 EDITAL Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa do Instituto Politécnico de Lisboa Curso de Pós-Graduação em Fisioterapia na Saúde da Mulher 3ª Edição 2016 A Escola Superior de Tecnologia da Saúde

Leia mais

Gestão Empresarial. Comércio e Serviços

Gestão Empresarial. Comércio e Serviços Curso de Gestão Empresarial para Comércio e Serviços PROMOÇÃO: COLABORAÇÃO DE: EXECUÇÃO: APRESENTAÇÃO: > A aposta na qualificação dos nossos recursos humanos constitui uma prioridade absoluta para a Confederação

Leia mais

CURSO DE PÓS GRADUAÇÃO em Administração e Gestão de Serviços de Saúde ESEnfCVPOA Mestre Fernanda Príncipe

CURSO DE PÓS GRADUAÇÃO em Administração e Gestão de Serviços de Saúde ESEnfCVPOA Mestre Fernanda Príncipe Curso Coordenação Direção CURSO DE PÓS GRADUAÇÃO em Administração e Gestão de Serviços de Saúde ESEnfCVPOA Mestre Fernanda Príncipe ESEnfCVPOA Mestre Henrique Pereira Código: 3451 Descrição Objetivos Destinatários

Leia mais

Universidade Lusófona

Universidade Lusófona Universidade Lusófona Licenciatura (1º Ciclo) em Ciências da Engenharia - Engenharia do Ambiente: Duração: 3 anos Grau: Licenciatura Director: Prof. Doutor José d'assunção Teixeira Trigo Objectivos: Formação

Leia mais

Acção de Formação Logística (Vendas) - Primavera v8

Acção de Formação Logística (Vendas) - Primavera v8 Acção de Formação Logística (Vendas) - Primavera v8 MoreData, Sistemas de Informação Campo Grande 28, 10º E 1700-093 Lisboa 213520171 info@moredata.pt Índice de Conteúdos Introdução...3 Sobre o Curso...4

Leia mais

www.highskills.pt geral@highskills.pt

www.highskills.pt geral@highskills.pt www.highskills.pt geral@highskills.pt Índice Designação do Curso... 2 Duração Total... 2 Destinatários... 2 Perfil de saída... 2 Pré-Requisitos... 2 Objetivo Geral... 2 Objetivos Específicos... 3 Estrutura

Leia mais

A inscrição no congresso inclui os dois dias de participação no mesmo sendo o seu valor (com IVA incluído) o seguinte:

A inscrição no congresso inclui os dois dias de participação no mesmo sendo o seu valor (com IVA incluído) o seguinte: ENQUADRAMENTO Integrar a à escala local, nomeadamente nos bairros é cada vez mais um desafio que vai ser abordado no congresso LiderA 2012 que se realiza nos dias 18 e 19 de Junho de 2012, no Complexo

Leia mais

TRABALHAR EM EQUIPAS VIRTUAIS WORKSHOP. Think, Create and Share

TRABALHAR EM EQUIPAS VIRTUAIS WORKSHOP. Think, Create and Share EM EQUIPAS VIRTUAIS WORKSHOP DESTINATÁRIOS Quadros intermédios e superiores em organizações dos setores privado e público; profissionais da formação; consultores de liderança; técnicos e outros profissionais

Leia mais

SEMINÁRIO ESTRATÉGICO CONCURSOS INTERNACIONAIS COMO OPORTUNIDADE DE NEGÓCIO. LISBOA, 29 de MARÇO 2012. ORGANIZAÇÃO Uma publicação:

SEMINÁRIO ESTRATÉGICO CONCURSOS INTERNACIONAIS COMO OPORTUNIDADE DE NEGÓCIO. LISBOA, 29 de MARÇO 2012. ORGANIZAÇÃO Uma publicação: SEMINÁRIO ESTRATÉGICO CONCURSOS INTERNACIONAIS COMO OPORTUNIDADE DE NEGÓCIO LISBOA, 29 de MARÇO 2012 FORMADORA ENG.ª ÂNGELA VELOSO Ângela Veloso é licenciada em Engenharia Química e tem o Mestrado em Refinação

Leia mais

Gestão de Crises na Indústria Alimentar

Gestão de Crises na Indústria Alimentar Gestão de Crises na Indústria Alimentar de 1.) Introdução Crise significa lidar com uma situação, muitas vezes, inesperada que pode representar uma ameaça não só para o negócio como para os colaboradores

Leia mais

FICHA TÉCNICA DO CURSO

FICHA TÉCNICA DO CURSO FICHA TÉCNICA DO CURSO ACÚSTICA DE EDIFÍCIOS EDIÇÃO Nº01/2015 1. DESIGNAÇÃO DO CURSO ACÚSTICA DE EDIFÍCIOS 2. COMPETÊNCIAS A DESENVOLVER - Saber dotar um edifício de boas condições de conforto acústico,

Leia mais

Plano de Formação - 2011. Form + Lab. 2 Semestre

Plano de Formação - 2011. Form + Lab. 2 Semestre Plano de Formação - 2011 Form + Lab 2 Semestre Form + Lab O que é? O Form + Lab é um serviço de formação criado para apoiar os laboratórios na valorização e formação dos seus colaboradores dando resposta

Leia mais

Módulo Europeu sobre Direitos Fundamentais

Módulo Europeu sobre Direitos Fundamentais Módulo Europeu sobre Direitos Fundamentais Coordenadores: Professores Doutores Fausto de Quadros, Luís Pereira Coutinho e Lourenço Vilhena de Freitas Duração: Início no dia 17 de Maio Dias de leccionação:

Leia mais

Europass Curriculum Vitae

Europass Curriculum Vitae Europass Curriculum Vitae Informação pessoal Apelido(s) / Nome(s) próprio(s) Morada(s) Endereço(s) de correio electrónico Praceta Brunilde Judice, Lt2, R/C Frente, 2620-267 Ramada Odivelas (Portugal) Telefone(s)

Leia mais

ÍNDICE APRESENTAÇÃO 02 HISTÓRIA 02 OBJECTIVOS 02 CURSOS 04 CONSULTORIA 06 I&D 07 DOCENTES 08 FUNDEC & IST 09 ASSOCIADOS 10 PARCERIAS 12 NÚMEROS 13

ÍNDICE APRESENTAÇÃO 02 HISTÓRIA 02 OBJECTIVOS 02 CURSOS 04 CONSULTORIA 06 I&D 07 DOCENTES 08 FUNDEC & IST 09 ASSOCIADOS 10 PARCERIAS 12 NÚMEROS 13 ÍNDICE APRESENTAÇÃO 02 HISTÓRIA 02 OBJECTIVOS 02 CURSOS 04 CONSULTORIA 06 I&D 07 DOCENTES 08 FUNDEC & IST 09 ASSOCIADOS 10 PARCERIAS 12 NÚMEROS 13 QUEM SOMOS FUNDEC APRESENTAÇÃO HISTÓRIA OBJECTIVOS A

Leia mais

Dados Pessoais. Contactos profissionais: joaomiranda@fd.ul.pt jmiranda@falm.pt

Dados Pessoais. Contactos profissionais: joaomiranda@fd.ul.pt jmiranda@falm.pt I Dados Pessoais JOÃO PEDRO OLIVEIRA DE MIRANDA Nascido a 28 de Agosto de 1972 Natural de Lisboa Contactos profissionais: joaomiranda@fd.ul.pt jmiranda@falm.pt 1 II Dados Curriculares 1. Ocupações actuais

Leia mais

FICHA TÉCNICA DO CURSO FISCALIZAÇÃO DE OBRA FERRAMENTAS E METODOLOGIAS

FICHA TÉCNICA DO CURSO FISCALIZAÇÃO DE OBRA FERRAMENTAS E METODOLOGIAS FICHA TÉCNICA DO CURSO FISCALIZAÇÃO DE OBRA FERRAMENTAS E METODOLOGIAS EDIÇÃO Nº1/2013 1. DESIGNAÇÃO DO CURSO Fiscalização de obra ferramentas e metodologias 2. COMPETÊNCIAS A DESENVOLVER A construção

Leia mais

Vertigens Cervicogénicas e Reabilitação Vestibular

Vertigens Cervicogénicas e Reabilitação Vestibular Vertigens Cervicogénicas e Reabilitação Vestibular Conteúdo Programático - Anatomia e Fisiologia vestibular - Avaliação Clínica Oculo-Vestibular (VOR) - Patologias Vestibulares - Nistagmos - Examinação

Leia mais

As Mesas Redondas compostas por oradores convidados de modo a promover o debate nos seguintes domínios:

As Mesas Redondas compostas por oradores convidados de modo a promover o debate nos seguintes domínios: Objectivo: O Congresso de Inovação na Construção Sustentável (CINCOS 12), é um evento organizado pela Plataforma para a Construção Sustentável, reconhecida pelo QREN como entidade gestora do cluster Habitat

Leia mais

FICHA TÉCNICA DO CURSO ADOBE MUSE: CRIE E PUBLIQUE O SEU SITE EDIÇÃO Nº 01/2012

FICHA TÉCNICA DO CURSO ADOBE MUSE: CRIE E PUBLIQUE O SEU SITE EDIÇÃO Nº 01/2012 FICHA TÉCNICA DO CURSO ADOBE MUSE: CRIE E PUBLIQUE O SEU SITE EDIÇÃO Nº 01/2012 1. DESIGNAÇÃO DO CURSO Adobe Muse: crie e publique o seu site 2. COMPETÊNCIAS A DESENVOLVER Acesso a novas oportunidades:

Leia mais

A literacia em Saúde e Alimentação e a Comunicação de Marketing

A literacia em Saúde e Alimentação e a Comunicação de Marketing A literacia em Saúde e Alimentação e a Comunicação de Marketing de 1.) Introdução Na sociedade atual toda a envolvente de comunicação de marketing inerente a um produto alimentar tem um papel determinante

Leia mais

MINI-MBA de Especialização em Relações Públicas e Protocolo Empresarial

MINI-MBA de Especialização em Relações Públicas e Protocolo Empresarial MINI-MBA de Especialização em Relações Públicas e Protocolo Empresarial www.highskills.pt geral@highskills.pt Índice Designação do Curso... 2 Duração Total... 2 Destinatários... 2 Perfil de saída... 2

Leia mais

SEMINÁRIO ESTRATÉGICO CONCURSOS INTERNACIONAIS COMO OPORTUNIDADE DE NEGÓCIO. LISBOA, 29 de MARÇO 2012. ORGANIZAÇÃO Uma publicação:

SEMINÁRIO ESTRATÉGICO CONCURSOS INTERNACIONAIS COMO OPORTUNIDADE DE NEGÓCIO. LISBOA, 29 de MARÇO 2012. ORGANIZAÇÃO Uma publicação: SEMINÁRIO ESTRATÉGICO CONCURSOS INTERNACIONAIS COMO OPORTUNIDADE DE NEGÓCIO LISBOA, 29 de MARÇO 2012 FORMADORA ENG.ª ÂNGELA VELOSO Ângela Veloso é licenciada em Engenharia Química e tem o Mestrado em Refinação

Leia mais

Termos de Referência

Termos de Referência MAPEAMENTO DE PARTES INTERESSADAS (PARCEIROS E DOADORES) Termos de Referência 1. Contexto O Fundo Mundial para a Natureza (WWF) tem vindo a trabalhar em Moçambique desde os meados dos anos 90 em áreas-chave

Leia mais

ORDENAMENTO CIVIL DO NAS TERRITÓRIO DINÂMICAS TERRITORIAIS: CONTRIBUTO PARA O PLANEAMENTO, GESTÃO DE EMERGÊNCIA

ORDENAMENTO CIVIL DO NAS TERRITÓRIO DINÂMICAS TERRITORIAIS: CONTRIBUTO PARA O PLANEAMENTO, GESTÃO DE EMERGÊNCIA ALTO PATROCÍNIO PROGRAMA DATA: LOCAL: DIA AUDITÓRIO 12 DE NOVEMBRO DO CENTRO (SEXTA CÍVICO EXTA-FEIRA DO EIRA) ESTREITO DE CÂMARA DE LOBOS PROTECÇÃO E CONFERÊNCIA ORDENAMENTO CIVIL DO NAS TERRITÓRIO DINÂMICAS

Leia mais

MICROSOFT EXCEL AVANÇADO

MICROSOFT EXCEL AVANÇADO CURSO MICROSOFT EXCEL AVANÇADO MACROS ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO 03 2. DESENVOLVIMENTO A. Proposta pedagógica B. Investimento C. Condições de participação 03 03 04 04 3. FICHA DE INSCRIÇÃO 05 02 Moneris Academy

Leia mais

A Construção Sustentável e o Futuro

A Construção Sustentável e o Futuro A Construção Sustentável e o Futuro Victor Ferreira ENERGIA 2020, Lisboa 08/02/2010 Visão e Missão O Cluster Habitat? Matérias primas Transformação Materiais e produtos Construção Equipamentos Outros fornecedores

Leia mais

AGENDA 21 LOCAL E AUDITORIA URBANA DE GUIMARÃES

AGENDA 21 LOCAL E AUDITORIA URBANA DE GUIMARÃES AGENDA 21 LOCAL E AUDITORIA URBANA DE GUIMARÃES PRINCIPAIS PROBLEMAS EXISTENTES E GRANDES OPÇÕES DE QUALIDADE DE VIDA PARA O FUTURO 3 de Março de 2004 Elaborado para Câmara Municipal de Guimarães e Por

Leia mais

GOVERNO FALHA PROMESSA

GOVERNO FALHA PROMESSA GOVERNO FALHA PROMESSA Plano de Implementação da Estratégia Nacional de Desenvolvimento Sustentável não responde ao compromisso assumido pelo Primeiro-Ministro na Cimeira de Joanesburgo No seguimento de

Leia mais

SISTEMA DE INCENTIVOS À QUALIFICAÇÃO E INTERNACIONALIZAÇÃO DE PME (SI QUALIFICAÇÃO DE PME) VALE INOVAÇÃO

SISTEMA DE INCENTIVOS À QUALIFICAÇÃO E INTERNACIONALIZAÇÃO DE PME (SI QUALIFICAÇÃO DE PME) VALE INOVAÇÃO AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS Nº 07 / SI / 2009 SISTEMA DE INCENTIVOS À QUALIFICAÇÃO E INTERNACIONALIZAÇÃO DE PME (SI QUALIFICAÇÃO DE PME) VALE INOVAÇÃO Nos termos do Regulamento do SI Qualificação

Leia mais

FICHA TÉCNICA DO CURSO 3DS MAX 2013 PARA ARQUITECTOS nível 2 EDIÇÃO Nº 01/2013

FICHA TÉCNICA DO CURSO 3DS MAX 2013 PARA ARQUITECTOS nível 2 EDIÇÃO Nº 01/2013 FICHA TÉCNICA DO CURSO 3DS MAX 2013 PARA ARQUITECTOS nível 2 EDIÇÃO Nº 01/2013 1. DESIGNAÇÃO DO CURSO 3DS MAX 2013 PARA ARQUITECTOS nível 2 2. COMPETÊNCIAS A DESENVOLVER Com o curso 3ds max 2013 para arquitectos

Leia mais

MAPA DE PESSOAL - 2012 (art.º 5.º da Lei n.º 12-A/2008, de 27 de Fevereiro e art.º 3.º do Decreto-Lei n.º 209/2009, de 03 de Setembro)

MAPA DE PESSOAL - 2012 (art.º 5.º da Lei n.º 12-A/2008, de 27 de Fevereiro e art.º 3.º do Decreto-Lei n.º 209/2009, de 03 de Setembro) MAPA DE PESSOAL - 202 (art.º 5.º da Lei n.º 2-A/2008, de 27 de Fevereiro e art.º.º do Decreto-Lei n.º 209/2009, de 0 de Setembro) GERAL, FINANÇAS E MODERNIZAÇÃO Decreto-Lei n.º 05/09, de 2/0. DEPARTAMENTO

Leia mais

Mestrado em Conservação e Reabilitação do Edificado uma resposta à crise vivida no sector da Construção em Portugal

Mestrado em Conservação e Reabilitação do Edificado uma resposta à crise vivida no sector da Construção em Portugal INSCRIÇÕES ABERTAS NOS SERVIÇOS ACADÉMICOS!!! Mestrado em Conservação e Reabilitação do Edificado uma resposta à crise vivida no sector da Construção em Portugal Reabilitação Urbana e do Património Edificado

Leia mais

Mini MBA para Secretáriado Executivo e

Mini MBA para Secretáriado Executivo e A communications, training and events management company SEMINÁRIO Mini MBA para Secretáriado Executivo e Assessoria de Alta Direcção Lisboa www.letstalkgroup.com Mini MBA para Secretáriado Executivo e

Leia mais

Programas Operacionais das Organizações de Produtores de Frutas e Produtos Hortícolas. Acções ambientais

Programas Operacionais das Organizações de Produtores de Frutas e Produtos Hortícolas. Acções ambientais Página: 1 de 14 das Organizações de Produtores de Frutas e Produtos Hortícolas Acções ambientais Acção 7.3 Recuperação de energia a partir de resíduos de colheitas e outras matérias orgânicas Acção 7.4

Leia mais

Coordenador Dr. Pedro Pires

Coordenador Dr. Pedro Pires Curso de Especialização de Logística -Supply Chain Coordenador Dr. Pedro Pires Índice Duração Total... 2 Destinatários... 2 Perfil de saída... 2 Pré-Requisitos... 2 Objetivo Geral... 2 Objetivos Específicos...

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO EM SISTEMA DE GESTÃO AMBIENTAL

PÓS-GRADUAÇÃO EM SISTEMA DE GESTÃO AMBIENTAL PÓS-GRADUAÇÃO EM SISTEMA DE GESTÃO AMBIENTAL ENTIDADES PARCEIRAS GRUPO SGS PORTUGAL (www.pt.sgs.com) O Grupo SGS Société Générale de Surveillance S.A é a maior organização mundial no domínio da inspecção,

Leia mais

REGULAMENTO DA FORMAÇÃO

REGULAMENTO DA FORMAÇÃO REGULAMENTO DA FORMAÇÃO ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO... 3 2. OBJECTO E ÂMBITO DE APLICAÇÃO DO REGULAMENTO DA FORMAÇÃO... 3 3. POLÍTICA E ESTRATÉGIA DA ENTIDADE... 3 4. FORMAS E MÉTODOS DE SELECÇÃO... 4 4.1. Selecção

Leia mais

Patrocinadores: Apoiantes: Media Partners:

Patrocinadores: Apoiantes: Media Partners: Patrocinadores: Ouro: Prata: Apoiantes: Media Partners: ENQUADRAMENTO Num mercado em mudança a sustentabilidade pode ser uma oportunidade chave para dinamizar o sector e o LiderA um contributo na procura

Leia mais

Convenção Europeia da Paisagem Florença 20.X.2000

Convenção Europeia da Paisagem Florença 20.X.2000 Convenção Europeia da Paisagem Florença 20.X.2000 Preâmbulo Os membros do Conselho da Europa signatários da presente Convenção, Considerando que o objectivo do Conselho da Europa é alcançar uma maior unidade

Leia mais

Calendarização de atividades

Calendarização de atividades 1-5 setembro 2015 A MatNova2015 é financiada pelo CMA - Centro de Matemática e Aplicações da Universidade Nova de Lisboa, através do projeto UID/MAT/00297/2013 da Fundação para a Ciência e Tecnologia.

Leia mais

REGULAMENTO INTERNO DOS MESTRADOS EM ENSINO - FORMAÇÃO DE PROFESSORES

REGULAMENTO INTERNO DOS MESTRADOS EM ENSINO - FORMAÇÃO DE PROFESSORES REGULAMENTO INTERNO DOS MESTRADOS EM ENSINO - FORMAÇÃO DE PROFESSORES Artigo 1º Âmbito O Regulamento interno dos mestrados em ensino formação inicial de professores aplica-se aos seguintes ciclos de estudo

Leia mais

CURSO LIDERANÇA E GESTÃO DE EQUIPAS

CURSO LIDERANÇA E GESTÃO DE EQUIPAS CURSO LIDERANÇA E GESTÃO DE EQUIPAS ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO 03 2. DESENVOLVIMENTO A. Proposta pedagógica B. Investimento C. Condições de participação 03 03 04 04 3. FICHA DE INSCRIÇÃO 05 02 Moneris Academy

Leia mais

CURSO MICROSOFT OUTLOOK

CURSO MICROSOFT OUTLOOK CURSO MICROSOFT OUTLOOK ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO 03 2. DESENVOLVIMENTO A. Proposta pedagógica B. Investimento C. Condições de participação 03 03 04 04 3. FICHA DE INSCRIÇÃO 05 02 Moneris Academy Microsoft

Leia mais

FICHA TÉCNICA DO CURSO A FOTOGRAFIA (INTRODUÇÃO) E TÉCNICA FOTOGRÁFICA EDIÇÃO Nº 01/2013

FICHA TÉCNICA DO CURSO A FOTOGRAFIA (INTRODUÇÃO) E TÉCNICA FOTOGRÁFICA EDIÇÃO Nº 01/2013 FICHA TÉCNICA DO CURSO A FOTOGRAFIA (INTRODUÇÃO) E TÉCNICA FOTOGRÁFICA EDIÇÃO Nº 01/2013 1. DESIGNAÇÃO DO CURSO A fotografia (introdução) e Técnica Fotográfica. 2. COMPETÊNCIAS A DESENVOLVER - Reflectir

Leia mais

Acção de Formação Contabilidade Geral - Primavera v8

Acção de Formação Contabilidade Geral - Primavera v8 Acção de Formação Contabilidade Geral - Primavera v8 MoreData, Sistemas de Informação Campo Grande 28, 10º E 1700-093 Lisboa 213520171 info@moredata.pt Índice de Conteúdos Introdução...3 Sobre o Curso...4

Leia mais

GUIA PARA O PREENCHIMENTO DO FORMULÁRIO PROMOÇÃO DA SAÚDE PREVENÇÃO E TRATAMENTO DA DOENÇA REDUÇÃO DE DANOS E REINSERÇÃO

GUIA PARA O PREENCHIMENTO DO FORMULÁRIO PROMOÇÃO DA SAÚDE PREVENÇÃO E TRATAMENTO DA DOENÇA REDUÇÃO DE DANOS E REINSERÇÃO Para efectuar o projecto a que se propõe elaborar deve ler o Regulamento de Programa de Apoio Financeiro ao abrigo da Portaria n.º 1418/2007, de 30 de Outubro, bem como o aviso de abertura do concurso.

Leia mais

COMISSÃO MINISTERIAL DE COORDENAÇÃO DO PROGRAMA OPERACIONAL POTENCIAL HUMANO

COMISSÃO MINISTERIAL DE COORDENAÇÃO DO PROGRAMA OPERACIONAL POTENCIAL HUMANO Despacho Considerando que os regulamentos específicos do Programa Operacional Potencial Humano (POPH) são aprovados pela respectiva Comissão Ministerial de Coordenação, nos termos do n.º 5 do artigo 30º

Leia mais