Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download ""

Transcrição

1 24. Principais relações estabelecidas pelas preposições (Aula 2: Preposição) VALOR DAS VÁRIAS RELAÇÕES ESTABELECIDAS PELAS PREPOSIÇÕES A 1.CAUSA OU MOTIVO: acordar aos gritos das crianças 2.CONFORMIDADE: escrever ao modo clássico 3.DESTINO ( em correlação com a preposição de): DE Santos à Bahia. 4.MEIO Voltarei a andara cavalo. 5.PREÇO: Vendemos o filhote de nosso cachorro a R$ 300,00. 6.DIREÇÃO: levantar as mãos aos céus. 7.Distância: cair a poucos metros da namorada. 8.EXPOSIÇÃO: ficar ao sol por um longo tempo. 9.LUGAR: Ir a Santa Catarina. 10.MODO: falar aos gritos. 11.SUCESSÃO: dia a dia. 12.TEMPO: Nasci a três de maio. 13.PROXIMIDADE: estar à janela. APÓS 1.LUGAR: Permaneça na fila após a décimo lugar. 2.TEMPO: Logo após o almoço descansamos. COM 1.CAUSA: ficar pobre com a inflação. 2.COMPANHIA: ir ao cinema com cos amigos. 3.CONCESSÃO: ainda tem planos para o futuro com mais de 80 anos. 4.INSTRUMENTO: abrir a porta com a chave. 1

2 5.MATÉRIA: vinho se faz com uva. 6.MODO: andar com elegância. 7.REFERÊNCIA: com sua irmã aconteceu diferente; comigo sempre é assim. CONTRA 1.OPOSIÇÃO: jogar contra a seleção brasileira. 2.DIREÇÃO: olhar contra o sol. 3.PROXIMIDADE OU CONTIGUIDADE: apertou o filho contra o peito. DE 1.CAUSA: chorar de saudade. 2.ASSUNTO: falar de religião. 3.MATÉRIA : material feito de plástico. 4.CONTEÚDO : maço de cigarro. 5.ORIGEM: você descende de família humilde. 6.POSSE: este é o carro de João. Observação: Em Português, a relação de posse é uma função adjetiva específica da preposição [de]. 7.AUTORIA: esta música é de Chopin. 8.TEMPO: ela dorme de dia. 9.LUGAR: veio de São Paulo. 10.DEFINIÇÃO: pessoa de coragem. 11.DIMENSÃO: sala de vinte metros quadrados. 12.FIM OU FINALIDADE: carro de passeio. 13.INSTRUMENTO: apanhar de chicote. 14.MEIO: viver de ilusões. 15.MEDIDA OU EXTENSÃO: régua de 30 cm. 16.MODO: olhar alguém de frente. 17.PREÇO: caderno de 10 reais. 2

3 18.QUALIDADE: vender artigo de primeira. 19.SEMELHANÇA OU COMPARAÇÃO: atitudes de imbecil. DESDE 1.DESDE: dormiu desde o acampamento até aqui. 2.TEMPO: desde ontem ele não aparece. EM 1.PREÇO: avaliou a propriedade em milhares de dólares. 2.MEIO: pagou a dívida em cheque. 3.LIMITAÇÃO: aquele aluno em Química nunca foi bom. 4.FORMA OU SEMELHANÇA: as crianças juntaram as mãos em concha. 5.TRANSFORMAÇÃO OU ALTERAÇÃO: transformou dólares em reais. 6.ESTADO OU QUALIDADE: foto em branco e preto 7.FIM: pedir em casamento. 8.LUGAR: ficou muito tempo em Sorocaba. 9.MODO: escrever em francês. 10.SUCESSÃO: de grão em grão 11.TEMPO: o fogo destruiu o edifício em minutos. 12.ESPECIALIDADE: João formou-se em Medicina. ENTRE 1.LUGAR: ele ficou entre os aprovados. 2.MEIO SOCIAL: entre as elites, este é o comportamento. 3.RECIPROCIDADE: entre mim e ele sempre houve discórdia. PARA 1.CONSEQUÊNCIA: você deve ser muito esperto para não cair em armadilhas. 2.FIM OU FINALIDADE: chegou cedo para a conferência. 3.LUGAR: Em 2011, ele foi para Portugal. 3

4 OBSERVAÇÃO: o uso do para associado ao verbo ir dá ideia de estada permanente, ao contrário da preposição a, que exprime breve regresso; de fato vamos para o céu e não ao céu, porque não há regresso. 4.PROPORÇÃO: as baleias estão para os peixes assim como nós estamos para as galinhas 5.REFERÊNCIA: para mim, ela está mentindo. 6.TEMPO: para o ano irei à praia. 7.DESTINO OU DIREÇÃO: olhe para frente! PERANTE 1.LUGAR: ele negou o crime perante o júri. POR 1.MODO OU CONFORMIDADE: vamos escolher por sorteio. 2.CAUSA: encontrar alguém por coincidência. 3.CONFORMIDADE: copiar por original. 4.FAVOR: lutar por seus ideais. 5.MEDIDA: vendia banana por quilo. 6.MEIO: ir por terra. 7.MODO: saber por alto o que ocorreu. 8.PREÇO: comprar um livro por vinte reais. 9.QUANTIDADE: chocar por três vezes. 10.SUBSTITUIÇÃO: comprar gato por lebre. 11.TEMPO: viver por muitos anos. SEM 1.AUSÊNCIA OU DESACOMPANHAMENTO: estava sem dinheiro. SOB 1.TEMPO: houve muito progresso no Brasil sob D. Pedro II. 2.LUGAR: ficar sob o viaduto. 3.MODO: saiu da reunião sob pretexto não convincente. 4

5 SOBRE 1.ASSUNTO: Não gosto de falar sobre política. 2.DIREÇÃO: ir sobre o adversário. 3.LUGAR: cair sobre o inimigo. Bibliografia: SACCONI, Luiz Antônio Nossa Gramática: Teoria e Prática. Fonte: https://faciletrando.wordpress.com/2014/12/17/relacoes-estabelecidas-pelaspreposicoes/ 5

LINGUAGENS, CÓDIGOS E SUAS TECNOLOGIAS

LINGUAGENS, CÓDIGOS E SUAS TECNOLOGIAS LINGUAGENS, CÓDIGOS E SUAS TECNOLOGIAS GRAMÁTICA - Prof. CARLA CAMPOS De sonhos e conquistas Aluno (a): MORFOLOGIA CLASSE GRAMATICAL SUBSTANTIVO: é o que dá nome a todos os seres: vivos, inanimados, racionais,

Leia mais

Preposição e Conjunção. Língua Portuguesa 2ª Série Profª Marianna Aguiar

Preposição e Conjunção. Língua Portuguesa 2ª Série Profª Marianna Aguiar Preposição e Conjunção Língua Portuguesa 2ª Série Profª Marianna Aguiar Preposição Conectam os termos dos sintagmas Locuções prepositivas são duas ou mais palavras que funcionam como preposição. Em uma

Leia mais

Exercícios de gramática do uso da língua portuguesa do Brasil

Exercícios de gramática do uso da língua portuguesa do Brasil Sugestão: estes exercícios devem ser feitos depois de estudar a Unidade 4 por completo do livrotexto Muito Prazer Unidade 4 I Verbos regulares no futuro do presente simples indicativo Estar Ser Ir Eu estarei

Leia mais

Como Criar Seu Primeiro Negócio 100% Digital

Como Criar Seu Primeiro Negócio 100% Digital 1 2 Por Tiago Bastos Como Criar Seu Primeiro Negócio 100% Digital Por Tiago Bastos Declaração De Ganhos Com O Uso De Nossos Produtos A empresa Seu Primeiro Negócio Digital" não pode fazer garantias sobre

Leia mais

TER 3º Bimestre- 7º ano - Português. Verbo Intransitivo e Verbo Transitivo

TER 3º Bimestre- 7º ano - Português. Verbo Intransitivo e Verbo Transitivo TER 3º Bimestre- 7º ano - Português Verbo Intransitivo e Verbo Transitivo Leia as frases a seguir: A- Durante a aula, a garotinha chorou. B- Durante a aula, a garotinha quebrou. Na frase 1, o verbo tem

Leia mais

Na escola estão Pedro e Thiago conversando. THIAGO: Não, tive que dormi mais cedo por que eu tenho prova de matemática hoje.

Na escola estão Pedro e Thiago conversando. THIAGO: Não, tive que dormi mais cedo por que eu tenho prova de matemática hoje. MENININHA Na escola estão Pedro e Thiago conversando. PEDRO: Cara você viu o jogo ontem? THIAGO: Não, tive que dormi mais cedo por que eu tenho prova de matemática hoje. PEDRO: Bah tu perdeu um baita jogo.

Leia mais

CEDERJ MÉTODOS DETERMINÍSTICOS 1 - EP4. Prezado Aluno,

CEDERJ MÉTODOS DETERMINÍSTICOS 1 - EP4. Prezado Aluno, CEDERJ MÉTODOS DETERMINÍSTICOS 1 - EP4 Prezado Aluno, Neste EP daremos sequência ao nosso estudo da linguagem da lógica matemática. Aqui veremos o conectivo que causa mais dificuldades para os alunos e

Leia mais

9º Plano de aula. 1-Citação as semana: Não aponte um defeito,aponte uma solução. 2-Meditação da semana:

9º Plano de aula. 1-Citação as semana: Não aponte um defeito,aponte uma solução. 2-Meditação da semana: 9º Plano de aula 1-Citação as semana: Não aponte um defeito,aponte uma solução. 2-Meditação da semana: Enraizando e criando raiz (CD-Visualização Criativa faixa 2) 3-História da semana: Persistência X

Leia mais

A 'BC' e, com uma régua, obteve estas medidas:

A 'BC' e, com uma régua, obteve estas medidas: 1 Um estudante tinha de calcular a área do triângulo ABC, mas um pedaço da folha do caderno rasgou-se. Ele, então, traçou o segmento A 'C' paralelo a AC, a altura C' H do triângulo A 'BC' e, com uma régua,

Leia mais

Pindura pra mim. A maior ninhada registrada até hoje, ocorreu em 1944. Foxhound teve 24 filhotes.

Pindura pra mim. A maior ninhada registrada até hoje, ocorreu em 1944. Foxhound teve 24 filhotes. Pindura pra mim A Cliente vem trazer o cachorro pra banho, me diz que trocou de carro com o marido e que a carteira dela ficou no outro carro. Pergunta se poderia passar aqui outro dia para pagar e até

Leia mais

Matthew Dicks. Memórias de Um Amigo Imaginário

Matthew Dicks. Memórias de Um Amigo Imaginário Matthew Dicks Memórias de Um Amigo Imaginário Tradução Victor Antunes Para a Clara Capítulo 1 Isto é o que eu sei: Chamo-me Budo. Existo há cinco anos. Cinco anos é muito tempo para alguém como eu. Foi

Leia mais

Teatro A História da Carochinha

Teatro A História da Carochinha Teatro A História da - O meu nome é, gosto muito de limpar. Arrumo a casa toda, sempre a cantar. Tenho uma vida pacata mas gostava de casar. Vestir um vestido branco e um marido arranjar. Mas preciso de

Leia mais

ROTEIRO DE ESTUDO III ETAPA MATEMÁTICA 3.º ANO/EF 2015

ROTEIRO DE ESTUDO III ETAPA MATEMÁTICA 3.º ANO/EF 2015 SOCIEDADE MINEIRA DE CULTURA MANTENEDORA DA PUC Minas E DO COLÉGIO SANTA MARIA Caro(a) aluno(a), ROTEIRO DE ESTUDO III ETAPA MATEMÁTICA 3.º ANO/EF 2015 É tempo de conferir os conteúdos estudados na III

Leia mais

200 Opportunities to Discover PORTUGUESE. www.second-language-now.com

200 Opportunities to Discover PORTUGUESE. www.second-language-now.com BASIC QUESTIONS 200 Opportunities to Discover PORTUGUESE Basic Questions - Portuguese TABLE OF CONTENTS 1. SABE?...3 2. COMO?...4 3. QUANTO TEMPO?...5 4. QUANTOS?...6 5. QUANTO?...7 6. COM QUE FREQUÊNCIA?...8

Leia mais

Curso FIC Espanhol Básico I, II, III e IV

Curso FIC Espanhol Básico I, II, III e IV Curso FIC Espanhol Básico I, II, III e IV Descrição do Curso O Curso tem como objetivo o desenvolvimento de habilidades básicas de compreensão, conversação, leitura e escrita da língua espanhola, com o

Leia mais

PROFESSOR: EQUIPE DE PORTUGUÊS

PROFESSOR: EQUIPE DE PORTUGUÊS PROFESSOR: EQUIPE DE PORTUGUÊS BANCO DE QUESTÕES - PORTUGUÊS - 8º ANO - ENSINO FUNDAMENTAL ============================================================================================== BRINCADEIRA Começou

Leia mais

017. Segunda-Feira, 05 de Julho de 1997.

017. Segunda-Feira, 05 de Julho de 1997. 017. Segunda-Feira, 05 de Julho de 1997. Acordei hoje como sempre, antes do despertador tocar, já era rotina. Ao levantar pude sentir o peso de meu corpo, parecia uma pedra. Fui andando devagar até o banheiro.

Leia mais

Resolução. = a = 700 cm = 7m; = b = 400 cm = 4 m; perímetro = 2 (7 + 4) = 22; 14 x 22 = 308; área = 7 x 4 = 28; 20 x 28 = 560; 308 + 560 = 868

Resolução. = a = 700 cm = 7m; = b = 400 cm = 4 m; perímetro = 2 (7 + 4) = 22; 14 x 22 = 308; área = 7 x 4 = 28; 20 x 28 = 560; 308 + 560 = 868 1 A figura abaixo é uma representação plana de certo apartamento, feita na escala 1: 00, ou seja, 1 cm na representação plana corresponde a 00 cm na realidade. Vão ser colocados rodapé e carpete no salão.

Leia mais

Agora não posso atender. Estou no. Vou comprar o último livro do José Luís Peixoto. Posso usar a tua gravata azul? A Ana Maria vai ser nossa

Agora não posso atender. Estou no. Vou comprar o último livro do José Luís Peixoto. Posso usar a tua gravata azul? A Ana Maria vai ser nossa MODELO 1 Compreensão da Leitura e Expressão Escrita Parte 1 Questões 1 20 O Luís enviou cinco mensagens através do telemóvel. Leia as frases 1 a 5. A cada frase corresponde uma mensagem enviada pelo Luís.

Leia mais

24/06/2010. Presidência da República Secretaria de Imprensa Discurso do Presidente da República

24/06/2010. Presidência da República Secretaria de Imprensa Discurso do Presidente da República Palavras do Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, na Escola Municipal de Rio Largo, durante encontro para tratar das providências sobre as enchentes Rio Largo - AL, 24 de junho de 2010 Bem,

Leia mais

EAA Editora ARARA AZUL Ltda Revista Virtual de Cultura Surda ENTREVISTA. Carilissa Dall Alba

EAA Editora ARARA AZUL Ltda Revista Virtual de Cultura Surda ENTREVISTA. Carilissa Dall Alba EAA Editora ARARA AZUL Ltda Revista Virtual de Cultura Surda IDENTIFICAÇÃO Nome: Cidade: Estado: País: Formação: Profissão: Local de Trabalho: Local de Estudo: Contatos: Santa Maria RS Brasil Mestrado

Leia mais

FORTALECENDO SABERES LÍNGUA PORTUGUESA DINÂMICA LOCAL INTERATIVA CONTEÚDO E HABILIDADES DESAFIO DO DIA. Aula 38.1 Conteúdos: Regência verbal

FORTALECENDO SABERES LÍNGUA PORTUGUESA DINÂMICA LOCAL INTERATIVA CONTEÚDO E HABILIDADES DESAFIO DO DIA. Aula 38.1 Conteúdos: Regência verbal 2 CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA Aula 38.1 Conteúdos: Regência verbal 3 CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA Habilidades: Distinguir a relação que se estabelece

Leia mais

Dificuldades da Língua Portuguesa

Dificuldades da Língua Portuguesa Dificuldades da Língua Portuguesa 1. A / há Emprega-se a na indicação de tempo futuro; emprega-se há na indicação de tempo passado. Ex.: Ela voltará daqui a um ano. Ex.: Eu não a vejo há muito tempo. 2.

Leia mais

Suas pernas para pedalar, escalar, levantar da cama, ir aonde

Suas pernas para pedalar, escalar, levantar da cama, ir aonde Use-se Post (0043) No que se referem os adultos, todo mundo sabe mais ou menos onde está se metendo, ninguém é totalmente inocente. Se nos usam, algum consentimento a gente deu, mesmo sem termos assinado

Leia mais

Agenda - 10 a 16 de dezembro

Agenda - 10 a 16 de dezembro ACONTECE Agenda - 10 a 16 de dezembro Entrega do brinde de Natal da Serjus a seus associados Data: de 10 a 19 de dezembro Horário: das 13 às 19 horas Local: Sala dos brigadistas (119 A) Reunião da Comissão

Leia mais

QUESTÕES DISCURSIVAS. Questão 1. Questão 2. Resposta. Resposta

QUESTÕES DISCURSIVAS. Questão 1. Questão 2. Resposta. Resposta QUESTÕES DISCURSIVAS Questão Um estudante tinha de calcular a área do triângulo ABC, mas um pedaço da folha do caderno rasgou-se. Ele, então, traçou o segmento A C paralelo a AC, a altura C H do triângulo

Leia mais

1. Porque eu te amo nunca será suficiente 2. Porque a cada dia você me conquista mais e de um jeito novo 3. Porque a ciência não tem como explicar

1. Porque eu te amo nunca será suficiente 2. Porque a cada dia você me conquista mais e de um jeito novo 3. Porque a ciência não tem como explicar 1. Porque eu te amo nunca será suficiente 2. Porque a cada dia você me conquista mais e de um jeito novo 3. Porque a ciência não tem como explicar nosso amor 4. Porque a gente discute nossos problemas

Leia mais

1. COMPLETE OS QUADROS COM OS VERBOS IRREGULARES NO PRETÉRITO PERFEITO DO INDICATIVO E DEPOIS COMPLETE AS FRASES:

1. COMPLETE OS QUADROS COM OS VERBOS IRREGULARES NO PRETÉRITO PERFEITO DO INDICATIVO E DEPOIS COMPLETE AS FRASES: Atividades gerais: Verbos irregulares no - ver na página 33 as conjugações dos verbos e completar os quadros com os verbos - fazer o exercício 1 Entrega via e-mail: quarta-feira 8 de julho Verbos irregulares

Leia mais

MADONNA PESQUISA DE PERFIL DE PÚBLICO

MADONNA PESQUISA DE PERFIL DE PÚBLICO MADONNA PESQUISA DE PERFIL DE PÚBLICO DESTAQUES GERAIS da pesquisa 1. apresentação 31,5% DOS respondentes DOS respondentes com renda média entre 5 e 10 salários mínimos 30 anos idade média do entrevistado

Leia mais

INSTRUÇÕES: Crédito imagem: metasinergia desenvolvimento de pessoas

INSTRUÇÕES: Crédito imagem: metasinergia desenvolvimento de pessoas Crédito imagem: metasinergia desenvolvimento de pessoas INSTRUÇÕES: As 12 seções da roda da vida representam um panorama global de sua vida ; Você deve apontar o seu nível se satisfação em cada seção,

Leia mais

COLÉGIO DE EDUCAÇÃO INFANTIL E FUNDAMENTAL FERNANDO DE ALMEIDA. Lista de trabalhos Terceiro Ano- 1 bimestre/ 2016

COLÉGIO DE EDUCAÇÃO INFANTIL E FUNDAMENTAL FERNANDO DE ALMEIDA. Lista de trabalhos Terceiro Ano- 1 bimestre/ 2016 Lista de trabalhos Terceiro Ano- 1 bimestre/ 2016 Trabalho de português 1) faca uma pesquisa e com desenhos monte um livrinho com um tema que você escolher: Exemplo: capa, paginas, figuras, falas...etc.

Leia mais

Vou votar em Marina Silva porque uso creme anti-rugas

Vou votar em Marina Silva porque uso creme anti-rugas Vou votar em Marina Silva porque uso creme anti-rugas Vou votar em Marina Silva porque uso creme anti-rugas, protetor solar e hidratante. Falácias Há um certo número de armadilhas a serem evitadas quando

Leia mais

REGULAMENTO. III Concurso de Redação do Jogue Limpo DO OBJETIVO. Geral

REGULAMENTO. III Concurso de Redação do Jogue Limpo DO OBJETIVO. Geral REGULAMENTO III Concurso de Redação do Jogue Limpo DO OBJETIVO Geral Estimular a reflexão sobre o exercício da cidadania em crianças e jovens, alunos de escolas públicas dos lugares discriminados no item

Leia mais

Não abra a carteira ou a bolsa na frente de estranhos. Separe pequenas quantias de dinheiro para pagar passagem, café, cigarros etc.

Não abra a carteira ou a bolsa na frente de estranhos. Separe pequenas quantias de dinheiro para pagar passagem, café, cigarros etc. Dicas de Segurança I Cuidados no dia-a-dia Nas Ruas Previna-se contra a ação dos marginais não ostentando objetos de valor como relógios, pulseiras, colares e outras jóias de valor. Evite passar em ruas

Leia mais

O DIA EM QUE O KLETO ACHOU DINHEIRO

O DIA EM QUE O KLETO ACHOU DINHEIRO 1 2 O DIA EM QUE O KLETO ACHOU DINHEIRO Rubens Balestro O achado O Kleto era um menino que morava no interior, numa casa de material que ficava na beira de uma estrada. Ele não era rico, mas não era pobre

Leia mais

Português Língua Estrangeira Teste (50 horas)

Português Língua Estrangeira Teste (50 horas) Português Língua Estrangeira Teste (50 horas) Nome: Data: A Importa-se de responder a umas perguntas? Está bem. Obrigado. 1 Como é que se chama? 2 O que é que faz? 3 Vive aqui agora? 4 Há quanto tempo

Leia mais

3. FALAR SOBRE A VOCAÇÃO

3. FALAR SOBRE A VOCAÇÃO 1 CATEQUESE VOCACIONAL 1. ACOLHIMENTO 2. ORAÇÃO INICIAL: A catequese deve iniciar sempre com uma oração conjunta: Todos de pé rezamos pedindo ao Senhor que continue a chamar jovens para a vida sacerdotal

Leia mais

Prefácio. 2. As lições são programadas para pessoas que cumpram os seguintes requisitos:

Prefácio. 2. As lições são programadas para pessoas que cumpram os seguintes requisitos: Prefácio 1. Este curso foi preparado pelo Seminário por Extensão às Nações (SEAN). Para que se obtenha o máximo benefício de um seminário por extensão, é recomendável estudar sob a direção de um orientador,

Leia mais

José Roberto TORERO Marcus Aurelius PIMENTA

José Roberto TORERO Marcus Aurelius PIMENTA José Roberto TORERO Marcus Aurelius PIMENTA Copyright 2012 by Padaria de Textos Copyright das ilustrações 2012 by Eduardo Oliveira Todos os direitos desta edição reservados à EDITORA OBJETIVA LTDA. Rua

Leia mais

Por Quanto Posso Vender Meu Produto?

Por Quanto Posso Vender Meu Produto? Por Quanto Posso Vender Meu Produto? POR QUANTO POSSO VENDER MEU PRODUTO? Vejo muita gente, principalmente no Facebook, perguntando POR QUANTO vender seus produtos, sejam eles, bolos, doces, bombons, salgados

Leia mais

SÃO PAULO, 6 DE MAIO DE 2014;

SÃO PAULO, 6 DE MAIO DE 2014; SÃO PAULO, 6 DE MAIO DE 2014; Famílias 'expulsas' por aluguel alto no bairro da Copa engrossam invasões A maior parte dos 2,5 mil barracos erguidos desde sábado na ocupação 'Copa do Povo', em Itaquera,

Leia mais

6º Ano do Ensino Fundamental

6º Ano do Ensino Fundamental MINISTÉRIO DA DEFESA Manaus AM 8 de outubro de 2009. EXÉRCITO BRASILEIRO CONCURSO DE ADMISSÃO 2009/200 DECEx - D E P A COLÉGIO MILITAR DE MANAUS MATEMÁTICA 6º Ano do Ensino Fundamental INSTRUÇÕES (CANDIDATO

Leia mais

TRE / RJ - AGENTE DE SEGURANÇA JUDICIÁRIA NOVEMBRO DE 1995 2º GRAU

TRE / RJ - AGENTE DE SEGURANÇA JUDICIÁRIA NOVEMBRO DE 1995 2º GRAU TRE / RJ - AGENTE DE SEGURANÇA JUDICIÁRIA NOVEMBRO DE 1995 2º GRAU Texto HISTÓRIA DO RIO DE JANEIRO (Fragmento) Stanislaw Ponte Preta A coisa começou no século XVI, pouco depois que Pedro Álvares Cabral,

Leia mais

O MAR E SUAS MARAVILHAS. ADRIANA ROSE RIBEIRO WAETGE, ESCOLA DE EDUCAÇÃO INFANTIL CASA DA GENTE CAMPINAS SP. ADRIANARW@YAHOO.COM.

O MAR E SUAS MARAVILHAS. ADRIANA ROSE RIBEIRO WAETGE, ESCOLA DE EDUCAÇÃO INFANTIL CASA DA GENTE CAMPINAS SP. ADRIANARW@YAHOO.COM. O MAR E SUAS MARAVILHAS. ADRIANA ROSE RIBEIRO WAETGE, ESCOLA DE EDUCAÇÃO INFANTIL CASA DA GENTE CAMPINAS SP. ADRIANARW@YAHOO.COM.BR ADRIANA ROSE RIBEIRO WAETGE (ESCOLA DE EDUCAÇÃO INFANTIL CASA DA GENTE).

Leia mais

c) O verbo ficará no singular ou no plural se o sujeito coletivo for especificado com substantivo no plural.

c) O verbo ficará no singular ou no plural se o sujeito coletivo for especificado com substantivo no plural. Concordância Verbal a) O verbo vai para a 3ª pessoa do plural caso o sujeito seja composto e anteposto ao verbo. Se o sujeito composto é posposto ao verbo, este irá para o plural ou concordará com o substantivo

Leia mais

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar MELHORES MOMENTOS Expressão de Louvor Acordar bem cedo e ver o dia a nascer e o mato, molhado, anunciando o cuidado. Sob o brilho intenso como espelho a reluzir. Desvendando o mais profundo abismo, minha

Leia mais

Vivendo em grupo. Que sugestão você daria a dona Rosa para que as galinhas não se bicassem?...

Vivendo em grupo. Que sugestão você daria a dona Rosa para que as galinhas não se bicassem?... A UU L AL A Vivendo em grupo Todos os dias, pela manhã e à tarde, dona Rosa chamava suas galinhas para lhes dar comida. Elas vinham correndo e, assim que chegavam, dona Rosa começava a jogar o milho ou

Leia mais

LIVRO FESTA NA FLORESTA AUTOR IZAU CHRISTOFER

LIVRO FESTA NA FLORESTA AUTOR IZAU CHRISTOFER LIVRO FESTA NA FLORESTA AUTOR IZAU CHRISTOFER Num dia chuvoso com fortes trovões, uma família de esquilos, assustada porque havia muito tempo que não chovia daquele jeito na floresta, resolveu não sair

Leia mais

A ser preenchido para todos os moradores do domicílio com 50 anos e mais de idade, pelos próprios ou pelo informante do domicílio ou pelo cuidador.

A ser preenchido para todos os moradores do domicílio com 50 anos e mais de idade, pelos próprios ou pelo informante do domicílio ou pelo cuidador. Módulo I Saúde dos indivíduos com 50 anos e mais A ser preenchido para todos os moradores do domicílio com 50 anos e mais de idade, pelos próprios ou pelo informante do domicílio ou pelo cuidador. Primeiramente,

Leia mais

01/09/2009. Entrevista do Presidente da República

01/09/2009. Entrevista do Presidente da República Entrevista coletiva concedida pelo Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, após cerimônia de encerramento do 27º Encontro Econômico Brasil-Alemanha (EEBA) Vitória-ES, 1º de setembro de 2009

Leia mais

REGULAMENTO HACKATHON KIMBERLY-CLARK EDIÇÃO HUGGIES

REGULAMENTO HACKATHON KIMBERLY-CLARK EDIÇÃO HUGGIES REGULAMENTO HACKATHON KIMBERLY-CLARK EDIÇÃO HUGGIES Este regulamento contém as regras aplicáveis ao Hackathon Kimberly-Clark Edição Huggies ( Evento ), promovida pela KIMBERLY-CLARK BRASIL INDÚSTRIA E

Leia mais

2º Bimestre Aula 94 Revisão e avaliação de Linguagens

2º Bimestre Aula 94 Revisão e avaliação de Linguagens 2 MATEMÁTICA E HABILIDADES REVISÃO 1 REVISÃO 2 2º Bimestre Aula 94 Revisão e avaliação de Linguagens 3 MATEMÁTICA E HABILIDADES INTERATIVIDADE PRONOME PESSOAL DO CASO RETO E DE TRATAMENTO Pronome Pessoal

Leia mais

Você sabia? Que a água que chega à torneira da sua casa é distribuída pela Manaus Ambiental? A empresa é a responsável pela água e esgoto de Manaus.

Você sabia? Que a água que chega à torneira da sua casa é distribuída pela Manaus Ambiental? A empresa é a responsável pela água e esgoto de Manaus. Cartilha Você sabia? Que a água que chega à torneira da sua casa é distribuída pela Manaus Ambiental? A empresa é a responsável pela água e esgoto de Manaus. Você sabe como é feito o tratamento da água

Leia mais

AS AVENTURAS DE MIGUEL - Bernardo S. Schmitt-

AS AVENTURAS DE MIGUEL - Bernardo S. Schmitt- AS AVENTURAS DE MIGUEL - Bernardo S. Schmitt- Era uma vez um menino chamado Miguel. Num dia sua mãe falou: - Olha, filho, hoje você vai para escola de ônibus. E o Miguel falou: - Mas eu não sou pequeno?

Leia mais

Registo de Opinião Sobre o 1.º Ano de Projecto. Crianças

Registo de Opinião Sobre o 1.º Ano de Projecto. Crianças Registo de Opinião Sobre o 1.º Ano de Projecto Crianças Gostei de muito de estar aqui na escola, de brincar com todos, gostei muito, muito do acampamento e das visitas de estudo e para o ano vou ficar

Leia mais

Era um peixe tão feio que nem parecia um peixe. Uma pedra

Era um peixe tão feio que nem parecia um peixe. Uma pedra Era um peixe tão feio que nem parecia um peixe. Uma pedra feita de carne fria musgosa e invasiva, salpicada de verde e branco. A princípio não o vi, mas depois encostei a cara ao vidro e tentei ficar mais

Leia mais

Segmentos da Entrevista do Protocolo 5: Alunos do Pré-Escolar

Segmentos da Entrevista do Protocolo 5: Alunos do Pré-Escolar Segmentos da Entrevista do Protocolo 5: Alunos do Pré-Escolar CATEGORIAS OBJECTIVOS ESPECÍFICOS S. C. Sim, porque vou para a beira de um amigo, o Y. P5/E1/UR1 Vou jogar à bola, vou aprender coisas. E,

Leia mais

O Estranho Homem. S. Esteves

O Estranho Homem. S. Esteves O Estranho Homem S. Esteves [ 2 ] O conteúdo desta obra literária inclusive as imagens, está protegido pela legislação autoral vigente no Brasil, e pelas regras internacionais estabelecidas na Convenção

Leia mais

Muito prazer Curso de português do Brasil para estrangeiros

Muito prazer Curso de português do Brasil para estrangeiros Modo: indicativo O modo indicativo expressa um fato de maneira definida, real, no presente, passado ou futuro, na frase afirmativa, negativa ou interrogativa. Presente Presente Passado (=Pretérito) Pretérito

Leia mais

SUGESTÃO DE LITURGIA PARA O DOMINGO DE RAMOS E O DIA DO/A PASTOR/A 2014.

SUGESTÃO DE LITURGIA PARA O DOMINGO DE RAMOS E O DIA DO/A PASTOR/A 2014. SUGESTÃO DE LITURGIA PARA O DOMINGO DE RAMOS E O DIA DO/A PASTOR/A 2014. Adoração Acolhida Leitura Bíblica: Zacarias 9.9; 16-17. Sugestões de Cânticos: - HE 105 - Louvemos ao Senhor [Ademar de Campos]-

Leia mais

BUSCA DE FIDELIZACÃO DOS CLIENTES ATRAVES DA QUALIDADE NO ATENDIMENTO

BUSCA DE FIDELIZACÃO DOS CLIENTES ATRAVES DA QUALIDADE NO ATENDIMENTO BUSCA DE FIDELIZACÃO DOS CLIENTES ATRAVES DA QUALIDADE NO ATENDIMENTO Taynná BECKER 1 Priscila GUIDINI 2 RESUMO: O artigo apresenta a importância da fidelização de clientes para as empresas, e como a qualidade

Leia mais

Suely Soares de Almeida Suely Cencini

Suely Soares de Almeida Suely Cencini 49 Entrevista Suely Soares de Almeida Suely Cencini Texto: Guilherme Salgado Rocha Fotos: Rita Amaral E la é incisiva: Detesto a velhice. A minha e a dos outros. Desde sua adolescência/juventude, quando

Leia mais

COMO USAR O FACEBOOK PARA AUMENTAR SUAS VENDAS DE COSMÉTICOS

COMO USAR O FACEBOOK PARA AUMENTAR SUAS VENDAS DE COSMÉTICOS COMO USAR O FACEBOOK PARA AUMENTAR SUAS VENDAS DE COSMÉTICOS TENHA UMA PÁGINA NO FACEBOOK E NÃO UM PERFIL Para que você use o Facebook no seu negócio para divulgar e vender seus produtos, o ideal é que

Leia mais

MATA ATLÂNTICA: CONHECER PARA PRESERVAR Pereira, Patrícia

MATA ATLÂNTICA: CONHECER PARA PRESERVAR Pereira, Patrícia MATA ATLÂNTICA: CONHECER PARA PRESERVAR Pereira, Patrícia Resumo O projeto se iniciou a partir da necessidade de ser apresentado esse conteúdo já previsto no material do PIC (Projeto Intensivo no Ciclo)

Leia mais

Crase. Regra Geral. Maria vai a + a festa. Maria vai à festa

Crase. Regra Geral. Maria vai a + a festa. Maria vai à festa Crase Regra Geral prep artigo Maria vai a + a festa Maria vai à festa 1. Em locuções adverbiais de que participam palavras femininas: às vezes à toa à vontade às cegas à tarde / à noite / à beça / às moscas

Leia mais

MALDITO. de Kelly Furlanetto Soares. Peça escritadurante a Oficina Regular do Núcleo de Dramaturgia SESI PR.Teatro Guaíra, no ano de 2012.

MALDITO. de Kelly Furlanetto Soares. Peça escritadurante a Oficina Regular do Núcleo de Dramaturgia SESI PR.Teatro Guaíra, no ano de 2012. MALDITO de Kelly Furlanetto Soares Peça escritadurante a Oficina Regular do Núcleo de Dramaturgia SESI PR.Teatro Guaíra, no ano de 2012. 1 Em uma praça ao lado de uma universidade está sentado um pai a

Leia mais

Como você descreveria uma pessoa piedosa, um santo, um homem de Deus?

Como você descreveria uma pessoa piedosa, um santo, um homem de Deus? Como você descreveria uma pessoa piedosa, um santo, um homem de Deus? C.S. Lewis Peso de Glória Se você perguntasse a vinte homens íntegros dos nossos dias qual acreditam ser a maior das virtudes, dezenove

Leia mais

Escola de Português Verão de 2015 Ano 13 Nível 2 Exercícios Semana 1 Parte 2 Revisão Verbos irregulares no pretérito perfeito do indicativo:

Escola de Português Verão de 2015 Ano 13 Nível 2 Exercícios Semana 1 Parte 2 Revisão Verbos irregulares no pretérito perfeito do indicativo: Escola de Português Verão de 2015 Ano 13 Nível 2 Exercícios Semana 1 Parte 2 Revisão Verbos irregulares no pretérito perfeito do indicativo: 1) Complete as frases abaixo com o pretérito perfeito dos seguintes

Leia mais

JORNADA MUNDIAL DA JUVENTUDE

JORNADA MUNDIAL DA JUVENTUDE A Novena de Natal deste ano está unida à Campanha da Fraternidade de 2013. O tema Fraternidade e Juventude e o lema Eis-me aqui, envia-me, nos leva para o caminho da JORNADA MUNDIAL DA JUVENTUDE Faça a

Leia mais

Aula 13 Teoria do Consumidor 12/04/2010 Bibliografia VASCONCELLOS (2006) Capítulo 5 e MANKIW (2007) Capítulo 7.

Aula 13 Teoria do Consumidor 12/04/2010 Bibliografia VASCONCELLOS (2006) Capítulo 5 e MANKIW (2007) Capítulo 7. Aula 13 Teoria do Consumidor 12/04/2010 Bibliografia VASCONCELLOS (2006) Capítulo 5 e MANKIW (2007) Capítulo 7. Utilidades da teoria do consumidor: a) Servir de guia para elaboração e interpretação de

Leia mais

NÃO ME CEGUE. Por Marcus Di Bello

NÃO ME CEGUE. Por Marcus Di Bello NÃO ME CEGUE Por Marcus Di Bello Que este amor não me cegue nem me siga. E de mim mesma nunca se aperceba. Que me exclua do estar sendo perseguida E do tormento De só por ele me saber estar sendo. Que

Leia mais

Ensino Português no Estrangeiro Nível A1 Prova A (13A1AE) 60 minutos

Ensino Português no Estrangeiro Nível A1 Prova A (13A1AE) 60 minutos Ensino Português no Estrangeiro Nível A1 Prova A (13A1AE) 60 minutos Prova de certificação de nível de proficiência linguística no âmbito do Quadro de Referência para o Ensino Português no Estrangeiro,

Leia mais

Escrito por Ademir Dom, 03 de Janeiro de 2010 21:28 - Última atualização Dom, 03 de Janeiro de 2010 21:31

Escrito por Ademir Dom, 03 de Janeiro de 2010 21:28 - Última atualização Dom, 03 de Janeiro de 2010 21:31 DIETA DA USP Aqui segue o cardápio da dieta da USP. O regime da USP permite você perder gordura e emagrecer devido ao aceleramento do metabolismo e fazendo com que o organismo comece a queimar gordura

Leia mais

Deus nos dá amigos. Um lugar especial. 5anos. Edição do aluno. Estudos bíblicos Pré-escolar. Ano CIV Nº 389

Deus nos dá amigos. Um lugar especial. 5anos. Edição do aluno. Estudos bíblicos Pré-escolar. Ano CIV Nº 389 Deus nos dá amigos Estudos bíblicos Pré-escolar 5anos e6 Ano CIV Nº 389 5107 Um lugar especial Edição do aluno Estamos de volta para mais um trimestre de alegria, aprendizado e muitas descobertas. Você

Leia mais

Minhas férias na Chapada dos Veadeiros por Laura Capanema em 20 de setembro de 2012

Minhas férias na Chapada dos Veadeiros por Laura Capanema em 20 de setembro de 2012 Minhas férias na Chapada dos Veadeiros por Laura Capanema em 20 de setembro de 2012 Acabo de voltar de férias. E por mais que uma repórter da VT viaje o tempo todo para destinos de férias, férias são férias

Leia mais

Fonte:intervox.nce.ufrj.br/~diniz/d/direito/ ouapostila_portugues_varlinguistica_2.pdf

Fonte:intervox.nce.ufrj.br/~diniz/d/direito/ ouapostila_portugues_varlinguistica_2.pdf Sobre Variação Linguística Você já conversou com uma pessoa simples, que vive na roça? Teve oportunidade de observar como essa pessoa fala? Leia o texto a seguir: Texto I Seu dotô me conhece? Patativa

Leia mais

CURSO PROFISSIONAL 2015-2017 DE FOTOGRAFIA A RECRIAR O ENSINO DA FOTOGRAFIA DESDE 1968. ipf.lisboa@ipf.pt ipf.porto@ipf.pt www.ipf.pt.

CURSO PROFISSIONAL 2015-2017 DE FOTOGRAFIA A RECRIAR O ENSINO DA FOTOGRAFIA DESDE 1968. ipf.lisboa@ipf.pt ipf.porto@ipf.pt www.ipf.pt. CURSO PROFISSIONAL DE FOTOGRAFIA 2015-2017 Carlos Guiomar A RECRIAR O ENSINO DA FOTOGRAFIA DESDE 1968 ipf.lisboa@ipf.pt ipf.porto@ipf.pt www.ipf.pt CURSO PROFISSIONAL DE FOTOGRAFIA 2015-2017 O Curso Profissional

Leia mais

Exemplo COMO FAZER UM TRABALHO ESCOLAR O QUE DEVE CONSTAR EM UM TRABALHO ESCOLAR? Um Trabalho Escolar que se preze, de nível fundamental, deve conter:

Exemplo COMO FAZER UM TRABALHO ESCOLAR O QUE DEVE CONSTAR EM UM TRABALHO ESCOLAR? Um Trabalho Escolar que se preze, de nível fundamental, deve conter: COMO FAZER UM TRABALHO ESCOLAR O QUE DEVE CONSTAR EM UM TRABALHO ESCOLAR? Um Trabalho Escolar que se preze, de nível fundamental, deve conter: 1. Capa 2. Folha de Rosto 3. Sumário 4. Introdução 5. Texto

Leia mais

por ano para trocar o sangue. Page leu todos os livros do Aleister Crowley. Em 1977, eles já tinham se tornado a banda definitiva de iniciação.

por ano para trocar o sangue. Page leu todos os livros do Aleister Crowley. Em 1977, eles já tinham se tornado a banda definitiva de iniciação. O Led Zeppelin sempre foi complicado. Esse era o problema inicial deles. Os shows deles sempre tinham violência masculina. Isso foi um desvio nos anos 1970, que foi uma época muito estranha. Era uma anarquia

Leia mais

Amanda Pereira de Farias Fernandes Lima. A Boneca da Imaginação. Biblioteca Popular de Afogados BPA Recife - PE

Amanda Pereira de Farias Fernandes Lima. A Boneca da Imaginação. Biblioteca Popular de Afogados BPA Recife - PE Amanda Pereira de Farias Fernandes Lima A Boneca da Imaginação Biblioteca Popular de Afogados BPA Recife - PE Amanda Pereira de Farias Fernandes Lima Capa e pesquisa de imagens Amanda P. F. Lima A Boneca

Leia mais

PORTUGUÊS OBJETIVO EMPREGO DA CRASE PROFESSOR: MARCIO COELHO. À = ao / Às = aos. 1. Sou contrário métodos adotados. 11. Dirigi-me Senhor Paulo.

PORTUGUÊS OBJETIVO EMPREGO DA CRASE PROFESSOR: MARCIO COELHO. À = ao / Às = aos. 1. Sou contrário métodos adotados. 11. Dirigi-me Senhor Paulo. 1º CASO À = ao / Às = aos Avaliação teórica 01 Na 1ª frase, coloque ao (s), a (s), o (s) Na 2ª frase, coloque a, as, com ou sem acento. 1. Sou contrário métodos adotados. 11. Dirigi-me Senhor Paulo. Sou

Leia mais

Tutorial do aluno Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) Rede e-tec Brasil

Tutorial do aluno Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) Rede e-tec Brasil Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará Tutorial do aluno Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) Rede e-tec Brasil 2015 I F P A 1 0 5 a n o s SUMÁRIO APRESENTAÇÃO... 2 1 CALENDÁRIO

Leia mais

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO II ETAPA LETIVA MATEMÁTICA 4.º ANO/EF 2015

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO II ETAPA LETIVA MATEMÁTICA 4.º ANO/EF 2015 SOCIEDADE MINEIRA DE CULTURA MANTENEDORA DA PUC Minas E DO COLÉGIO SANTA MARIA ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO II ETAPA LETIVA MATEMÁTICA 4.º ANO/EF 2015 Caro(a) aluno(a), É tempo de conferir os conteúdos estudados

Leia mais

Salmo 23:! Viva uma vida com tranquilidade

Salmo 23:! Viva uma vida com tranquilidade Anésio Rodrigues Salmo 23 Salmo 23:! Viva uma vida com tranquilidade Salmo 23 O SENHOR é o meu pastor; e nada me faltará. Salmo 23 Deitar-me faz em verdes pastos, guia-me mansamente a águas tranquilas.

Leia mais

Imagine com Munhoz e Mariano. Feito por uma fã muito apaixonada, que estava afim de compartilhar com as outras fãs!

Imagine com Munhoz e Mariano. Feito por uma fã muito apaixonada, que estava afim de compartilhar com as outras fãs! Era só um sonho. Imagine com Munhoz e Mariano. Feito por uma fã muito apaixonada, que estava afim de compartilhar com as outras fãs! Já estava com muita saudades! No dia em que poderia ir em um show, aconteceu

Leia mais

AS CASAS DA CÂMARA DE

AS CASAS DA CÂMARA DE AS CASAS DA CÂMARA DE ANTIGOS PAÇOS DO CONCELHO PRAÇA D. JORGE DE LENCASTRE PAINEL MOSTRANDO A RESIDÊNCIA DE LUÍS ALVES SERRANO (em 2º plano). Edição A. A. Camacho RESIDÊNCIA DE LUÍS ALVES

Leia mais

Aula 7. Relações básicas: volume, densidade e velocidade

Aula 7. Relações básicas: volume, densidade e velocidade Universidade Presbiteriana Mackenzie Escola de Engenharia Depto. de Engenharia Civil 2 0 semestre de 2015 Aula 7 Relações básicas: volume, densidade e velocidade 7.1. Relações básicas: modelo linear de

Leia mais

Os Registros na Pesquisa. Christiane Zubler

Os Registros na Pesquisa. Christiane Zubler Os Registros na Pesquisa Christiane Zubler RELEMBRANDO... A importância de se trabalhar com projetos de pesquisa na educação Básica: O Experiências exitosas; O Como organizar e avaliar feiras de ciências;

Leia mais

Respostas dos alunos sobre o curso

Respostas dos alunos sobre o curso Respostas dos alunos sobre o curso Aplicação INDICADOR: ENSINO QUESTÃO: EM TERMOS DE PRÁTICA PEDAGÓGICA, QUE ATIVIDADES VOCÊ CITARIA COMO UM DIFERENCIAL DO CURSO? (42) SERVIÇO SOCIAL A disciplina Estágio

Leia mais

03 - Contrato Mais de meio século de harmonia total naquele casamento. Então, morre ele e, não

03 - Contrato Mais de meio século de harmonia total naquele casamento. Então, morre ele e, não SOS QUÍMICA - O SITE DO PROFESSOR SAUL SANTANA. SERVIÇOS - HUMOR. - PIADAS CURTAS II - 01 - Uma senhora voltando da Suíça vira para um padre que está ao seu lado no avião: - Senhor padre, comprei este

Leia mais

Odilei França. Este material é parte integrante do acervo do IESDE BRASIL S.A., mais informações www.iesde.com.br

Odilei França. Este material é parte integrante do acervo do IESDE BRASIL S.A., mais informações www.iesde.com.br Odilei França Graduado em Letras pela Fafipar. Graduado em Teologia pela Faculdade Batista. Professor de Língua Portuguesa para concursos públicos há 22 anos. Sintaxe do período composto: parte II Período

Leia mais

Receita: Pipoca Pad Thai Estilo Tailandesa

Receita: Pipoca Pad Thai Estilo Tailandesa Receita: Pipoca Pad Thai Estilo Tailandesa A receita de hoje é especial, pois foi a receita mais pedida até hoje no 2N4S! Nós postamos a foto da Pipoca Pad Thai no Instagram e muita gente ficou curiosa

Leia mais

www.sysdevsolutions.com Driver Next Versão 1.0 de 07-03-2011 Português

www.sysdevsolutions.com Driver Next Versão 1.0 de 07-03-2011 Português Driver Next Versão 1.0 de 07-03-2011 Português Índice Configuração dos documentos no Backofficce... 3 O Driver ERP Next... 6 Configurações principais... 6 Configurações do vendedor... 7 Configurações do

Leia mais

1. Como sabes vais usar frequentemente o Método Científico. 1.1. Indica as fases do método científico.

1. Como sabes vais usar frequentemente o Método Científico. 1.1. Indica as fases do método científico. Nome: 1. Como sabes vais usar frequentemente o Método Científico. 1.1. Indica as fases do método científico. 1.2. Considera as frases que se seguem e completa os espaços ( ) com algumas das fases do método

Leia mais

O QUE SABEMOS: O QUE QUEREMOS SABER: ONDE PODEMOS SABER: O QUE É O CINEMA? O QUE É PRECISO PARA FAZER FILMES? O QUE CONTAM OS FILMES?

O QUE SABEMOS: O QUE QUEREMOS SABER: ONDE PODEMOS SABER: O QUE É O CINEMA? O QUE É PRECISO PARA FAZER FILMES? O QUE CONTAM OS FILMES? SALA 4B Após a exploração de uma história em que a ilustração mostrava uma cidade toda cinzenta, as crianças levantaram hipóteses sobre a sua possível causa: - Parece o tempo antigo (Tiago F.) - Parece

Leia mais

Rua Pirapetinga, 567 - Serra - 30220-150 Belo Horizonte - MG -Tel. (31) 3282-2366 www.universoproducao.com.br conheca todos os amigos do pipoca! A Universo Produção realiza há mais de 15 anos uma série

Leia mais

RIMAS PERFEITAS, IMPERFEITAS E MAIS-QUE-PERFEITAS JOGOS E ACTIVIDADES

RIMAS PERFEITAS, IMPERFEITAS E MAIS-QUE-PERFEITAS JOGOS E ACTIVIDADES RIMAS PERFEITAS, IMPERFEITAS E MAIS-QUE-PERFEITAS JOGOS E ACTIVIDADES Recorda! Verbos são palavras que refer acções ou processos praticados ou desenvolvidos por alguém. Os verbos distribu-se por vários

Leia mais

tudo tem seu tempo Poesias e pensamentos de Ernesto Wenth Filho e Juliano Simão

tudo tem seu tempo Poesias e pensamentos de Ernesto Wenth Filho e Juliano Simão tudo tem seu tempo Poesias e pensamentos de Ernesto Wenth Filho e Juliano Simão Ribeirão Preto, SP 2013 IELD Locação, Edição e Vendas de Livros Ltda. Rua Amadeu Amaral, 340 cj 42 Vila Seixas Ribeirão Preto-SP

Leia mais

Carlos de Assumpção. Textos selecionados MÃE

Carlos de Assumpção. Textos selecionados MÃE Textos selecionados Carlos de Assumpção MÃE Os anos já pintaram de luar os teus cabelos, No entanto, tudo parece estar acontecendo agora, Neste instante. Após tantos anos, Neste momento, Vejo tudo diante

Leia mais