Circulação do Ar remove o calor Interno... Ciclo Frigorífico

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Circulação do Ar remove o calor Interno... Ciclo Frigorífico"

Transcrição

1 Circulação do Ar remove o calor Interno... Ciclo Frigorífico

2 Tipos de Expansão : Ciclo Frigorífico * Expansão Direta: O Refrigerante Troca Calor Diretamente com o Ar a ser condicionado.

3 Expansão Direta Aplicação Típica Ap. Janela e Split

4 Tipos de Expansão : Ciclo Frigorífico * Expansão Indireta: O Refrigerante Troca Calor com um Fluído intermediário (Água) que é transportado a outro trocador (ambiente) que por sua vez Troca Calor com o Ar a ser condicionado.

5 Expansão Indireta Fancolete Torre de Resfriamento Fancoil Bombas Chiller Aplicação Típica - Chiller + Fancoil

6 Climatização (Ar Condicionado) Agenda 08:30 10:30 - Mercado de Ar Condicionado; - Carga Térmica; - Ciclo Frigorífico Compressão de Vapor. 10:30 12:30 - Elétricos; - Ciclo Absoção; - Ciclo GHP. 12:30 13:30 - Almoço. 13:30 15:30 - Indicadores de Eficiência (consumo de energia, COP); - Indicadores de Custo (manutenção, preço equipamento); - Estudo de Viabilidade. 15:30 17:30 - Levantamento de Dados; - Energia Elétrica (classes tarifárias); - Casos Práticos.

7 Vamos entender os Diversos tipos de Sistemas e disponíveis

8 Tipos de Sistemas: * Individual - RAC: Baixa Capacidade (7.500 a 60k BTU/h) Expansão Direta Unidades Incorporadas e Bi-partidas (Split) Condensação a Ar * Central - CAC: Alta Capacidade (4 a TR) Expansão Indireta Unidades Incorporadas Condensação a Ar e Água

9 * Individual - RAC: * Expansão Direta: O Refrigerante Troca Calor Diretamente com o Ar a ser condicionado.

10 Tipos de Sistemas - WRAC WRAC Sile nc e Pg 18

11 Vantagens: Baixo Custo; Fácil Instalação; Pouco Espaço; Solução Individualizada; Pequeno Ponto de Força; Drenagem Externa. Desvantagens: Consumo Energia; Ruído (Int. / Ext.); Polui Fachadas; Design Simples; Baixas Capacidades.

12 Tipos de Sistemas - Split

13 Vantagens: Produto extremamente diferenciado; Design moderno e elegante; Baixo nível de ruído no ambiente interno; Várias opções de montagem; Pequeno furo na parede p/ interligar as unidades; Baixo Custo. Desvantagens: Consumo Energia; Ruído Externo; Área p/ Condensadora; Linha Frigorífica; Baixas Capacidades; Limite Desnível e Distância.

14

15

16

17 Tipos de Sistemas - Splitão Evaporador Condensador Radial Condensador Axial

18 Tipos de Sistemas Roof Top Evaporador Condensador

19 Aplicação de Roof Top

20 Tipos de Sistemas Self-contained Vantagens: Insuflamento por Grelhas; Baixo nível de ruído Int.; Baixo Custo; Melhor Distribuição de Ar (Dutados); Altas Capacidades (Expansão Direta); Desvantagens: Consumo Energia; Ruído Externo; Área p/ Instalação; Rede de Dutos; Design.

21 Tipos de Sistemas Multi Split O VRF é um sistema de Expansão Direta onde o FLUXO de Gás Refrigerante é Variável. Consiste de um condensador dotado de compressor Rotativos com velocidade variável via um controlador de capacidade denominado inversor de frequência (Inverter). Cada condensadora pode manejar uma quantidade máxima de evaporadoras (Dependendo do modelo e fabricante). Isto permite ao sistema manter um equilibrio constante entre a demanda do sistema e a capacidade fornecida a cada unidade evaporadora.

22 Tipos de Sistemas Multi Split Evaporador Condensador

23 Tipos de Sistemas Multi Split Vantagens: Consumo de Energia; Baixo nível de ruído; Sistema modular; Atinge grandes capacidades; Diversos modelos de Evaporadoras; Ideal para reformas; Automação embarcada; Refrigerante Ecológico; Simultaneidade. Desvantagens: Alto Custo; Equipamento Importado.

24 * Central - CAC: * Expansão Indireta: O Refrigerante Troca Calor com um Fluído intermediário (Água) que é transportado a outro trocador (ambiente) que por sua vez Troca Calor com o Ar a ser condicionado.

25 Tipos de Sistemas - CAC Fancolete Chiller Fancoil

26 Tipos de Sistemas - CAC Vantagens: Consumo de Energia; Baixo nível de ruído interno; Atinge grandes capacidades; Diversos modelos de Climatizador; Refrigerante Ecológico; Simultaneidade; Poder de retirada de Calor Latente; Aplicação Especial (Sala Limpa). Desvantagens: Nível de ruído externo ; Espaço p/ Casa de Máquinas; Sistemas bombeamento Hidráulico; Automação.

27 Fancolete Capacidade 0,5 a 4 TRs; Instalação no ambiente; Aplicação Conforto Composição Básica: Gabinete Ventilador Trocador de Calor Filtro Hi Wall Cassete Under Ceiling Built in

28 Fancolete - Aplicação

29 Fancoil Capacidade 3 a 60 TRs; Instalação em Casa de Máquinas; Distribuição de Ar por Dutos; Aplicação Conforto e Sala Limpa; Composição Básica: Gabinete Ventilador Trocador de Calor Filtro

30 Aplicação Fancoil

31 Chiller Condensação a Ar Compressor Scroll (R-22 / 407c); Capacidade 5 a 300 TRs; Trocador Shell in Tube (exp. Seca) / Placas; Módulo Hidrônico Incorporado; Recuperador de Calor (geração de água quente simultânea); Bomba de Calor (Ciclo reverso).

32 Chiller Condensação a Ar Compressor Parafuso (R-134a); Capacidade 80 a 360 TRs; Trocador Shell in Tube (inundado) / Placas; Recuperador de Calor (geração de água quente simultânea).

33 Chiller Condensação a Ar Compressor Recíproco (alternativo) (R11 /12); Capacidade 80 a 360 TRs; antigos (Ineficientes).

34 Aplicação de Chiller a Ar

35 Chiller Condensação a Água Compressor Scroll (R-22 / 407c); Capacidade 20 a 300 TRs; Trocador Shell in Tube (exp. Seca); Recuperador de Calor (geração de água quente simultânea).

36 Chiller Condensação a Água Compressor Parafuso (R-134a); Capacidade 80 a 380 TRs; Trocador Shell in Tube (inundado) / Placa; Recuperador de Calor (geração de água quente simultânea).

37 Chiller Condensação a Água Compressor Recíproco (alternativo) (R11 /12); Capacidade 80 a 360 TRs; antigos (Ineficientes).

38 Centrífugas Ciclo Refrigeração

39 Chiller Condensação a Água Compressor Centrífugo (R-134a); Capacidade 150 a 1800 TRs; Trocador Shell in Tube (Inundado); Tubos ranhurados; VFD (Variador de Frequência).

40 Aplicação de Chiller a Água Torre de Resfriamento Filtros Serpentinas de água gelada Circuito de água gelada Terminais de Ar Círcuito de água de Condensação Ventiladores Bombas Chillers

41 Shopping Internacional de Guarulhos

42 Centrífugas (Sub-solo)

4 SISTEMAS E EQUIPAMENTOS DE CLIMATIZAÇÃO

4 SISTEMAS E EQUIPAMENTOS DE CLIMATIZAÇÃO 35 4 SISTEMAS E EQUIPAMENTOS DE CLIMATIZAÇÃO Em uma instalação de ar condicionado quando o circuito de refrigeração estiver desligado, teremos uma instalação de ventilação simples, onde são controlados

Leia mais

Condicionamento de Ar

Condicionamento de Ar Condicionamento de Ar Instituto Federal de Brasília Sumário Introdução Tipos de Condicionadores de ar Vantagens e desvantagens Introdução Refrigeração por Compressão de Vapor Introdução Refrigeração por

Leia mais

AR CONDICIONADO E CO-GERAÇÃO DE ENERGIA

AR CONDICIONADO E CO-GERAÇÃO DE ENERGIA 1 SEMINÁRIO DE ENGENHARIA DE ENERGIA PUC-MINAS - 20 de Abril de 2007 AR CONDICIONADO E CO-GERAÇÃO DE ENERGIA Marco Tulio Starling de Vasconcellos marcotulio@tuma.com.br - Tel: (31) 2111-0053 www.tuma.com.br

Leia mais

AVISO DE PREÇOS UNITÁRIOS REGISTRADOS

AVISO DE PREÇOS UNITÁRIOS REGISTRADOS AVISO DE PREÇOS UNITÁRIOS REGISTRADOS Divulgamos os preços registrados pelo Banco do Brasil, em conformidade com o art. 15 da Lei nº 8.666/93 - CONCORRÊNCIA n.º 2013/08563 (7422); OBJETO: Registro de preços

Leia mais

23/06/2010. Eficiência Energética: Regulamentação, Classificação e Conformidade Técnica. Roberto Lamberts

23/06/2010. Eficiência Energética: Regulamentação, Classificação e Conformidade Técnica. Roberto Lamberts Eficiência Energética: Regulamentação, Classificação e Conformidade Técnica Roberto Lamberts Oficina 09 junho de 2010 1 ETIQUETAGEM DE EDIFICAÇÕES Publicação: junho de 2009. EDIFÍCIOS ETIQUETADOS CETRAGUA

Leia mais

Sistema típico de ar condicionado do tipo água gelada

Sistema típico de ar condicionado do tipo água gelada Sistema típico de ar condicionado do tipo água gelada Válvula de controle Ambiente 2 Sumidouro de calor Bomba d água Ambiente 1 Sistema de ar condicionado do tipo água gelada Classificação: Sistema multi-zona

Leia mais

Sistemas de Climatização

Sistemas de Climatização Sistemas de Climatização PROFESSOR: FÁBIO FERRAZ 1 SISTEMAS DE CLIMATIZAÇÃO Climatizar ambientes - processo de tratamento de ar em recintos fechados, de modo a controlar simultaneamente a sua temperatura,

Leia mais

Evaporadores. Ciclo de refrigeração

Evaporadores. Ciclo de refrigeração Evaporadores Ciclo de refrigeração Evaporadores Função Extrair calor do meio a ser resfriado (ar, água ou outra substância). Processo Mudança de estado do gás refrigerante, da fase líquida para a fase

Leia mais

Condensação. Ciclo de refrigeração

Condensação. Ciclo de refrigeração Condensação Ciclo de refrigeração Condensação Três fases: Fase 1 Dessuperaquecimento Redução da temperatura até a temp. de condensação Fase 2 Condensação Mudança de fase Fase 3 - Subresfriamento Redução

Leia mais

Edital Nº. 04/2009-DIGPE 10 de maio de 2009

Edital Nº. 04/2009-DIGPE 10 de maio de 2009 Caderno de Provas REFRIGERAÇÃO E CLIMATIZAÇÃO Edital Nº. 04/2009-DIGPE 10 de maio de 2009 INSTRUÇÕES GERAIS PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA Use apenas caneta esferográfica azul ou preta. Escreva o seu nome

Leia mais

Linha Multi Split Inverter R-410A SET FREE HIGH EFFICIENCY HI-COP ECO FLEX FRONT FLOW MINI ÁGUA. www.hitachiapb.com.br

Linha Multi Split Inverter R-410A SET FREE HIGH EFFICIENCY HI-COP ECO FLEX FRONT FLOW MINI ÁGUA. www.hitachiapb.com.br Linha Multi Split Inverter SET FREE HIGH EFFICIENCY HI-COP ECO FLEX FRONT FLOW MINI ÁGUA www.hitachiapb.com.br 2 VRF Set Free Linha Multi Split Inverter Linha completa VRF multi split inverter com fluido

Leia mais

Customers. The core of our innovation. Alimentação & Transporte Secagem Dosagem Controle de Temperatura Refrigeração. Granulação

Customers. The core of our innovation. Alimentação & Transporte Secagem Dosagem Controle de Temperatura Refrigeração. Granulação PT Customers. The core of our innovation Alimentação & Transporte Secagem Dosagem Controle de Temperatura Refrigeração Granulação Tecnologias Piovan para Refrigeração: Chillers com compressores scroll

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE ALAGOAS

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE ALAGOAS 1 EQUIPAMENTOS 0 1.1 Unidade resfriadora de água gelada (CHILLER) - capacidade nominal 182TR, acionamento 380V/3/60Hz.Condensação a água -TRANE/CARRIER OU pç 2 R$ 325.084,00 R$ 650.168,00 R$ 650.168,00

Leia mais

Edital Nº. 04/2009-DIGPE 10 de maio de 2009 INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA

Edital Nº. 04/2009-DIGPE 10 de maio de 2009 INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA Caderno de Provas REFRIGERAÇÃO E CLIMATIZAÇÃO Edital Nº. 04/2009-DIGPE 10 de maio de 2009 INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA Use apenas caneta esferográfica azul ou preta. Escreva o seu nome completo

Leia mais

O primeiro CHILLER nacional para área médico hospitalar

O primeiro CHILLER nacional para área médico hospitalar O primeiro CHILLER nacional para área médico hospitalar A América Latina escolheu a REFRISAT Seu processo pede a REFRISAT faz. Desde sua fundação em 1976, a REFRISAT é reconhecida principalmente por sua

Leia mais

CURSOS DE QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL CALENDÁRIO 2013

CURSOS DE QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL CALENDÁRIO 2013 S DE QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL CALENDÁRIO 2013 1 - Curso de Simulação de Edificações com o EnergyPlus (Edição 1) 8 e 9 de março 15 e 16 de março 5 e 6 de abril 19 e 20 de abril 2 - Curso de Psicrometria

Leia mais

Chiller Industrial Quando confiabilidade faz a diferença

Chiller Industrial Quando confiabilidade faz a diferença Chiller Industrial Quando confiabilidade faz a diferença Produzidos com os melhores componentes disponíveis no mundo e projetados com foco em economia de energia e facilidade de operação e manutenção,

Leia mais

Eficiência na transferência de calor de processos industriais

Eficiência na transferência de calor de processos industriais 58 Capítulo V Eficiência na transferência de calor de processos industriais Por Oswaldo de Siqueira Bueno* Nas edições anteriores, foram abordadas as perspectivas de economia de energia com a eficiência

Leia mais

ISSN 1981-4232. Aquecimento Ventilação Ar Condicionado Automação Refrigeração ea. engenharia arquitetura R$ 6,00 PÁTIO MALZONI BUSCA O LEED GOLD

ISSN 1981-4232. Aquecimento Ventilação Ar Condicionado Automação Refrigeração ea. engenharia arquitetura R$ 6,00 PÁTIO MALZONI BUSCA O LEED GOLD + ISSN 1981-4232 Aquecimento Ventilação Ar Condicionado Automação Refrigeração ea engenharia arquitetura R$ 6,00 C lim atização & Refrigeração Ano XI Nº 140 abril de 2012 PÁTIO MALZONI BUSCA O LEED GOLD

Leia mais

CPAS Climatizador Self Contained de Precisão

CPAS Climatizador Self Contained de Precisão CPAS Climatizador Self Contained de Precisão O Climatizador Self Contained de Precisão é uma unidade evaporadora que incorpora compressor, evaporador, ventilador e instrumentação de proteção e controle.

Leia mais

Dando continuidade à serie de matérias sobre as especificações

Dando continuidade à serie de matérias sobre as especificações Técnica Especificações Técnicas de edifícios comerciais: Ar condicionado Dando continuidade à serie de matérias sobre as especificações técnicas, falaremos sobre o tema Ar condicionado. Outros temas desta

Leia mais

Afinal de contas, as decisões mais importantes de Minas Gerais merecem ser tomadas no melhor clima.

Afinal de contas, as decisões mais importantes de Minas Gerais merecem ser tomadas no melhor clima. A TUMA Desde 1971 no segmento de engenharia térmica e ar condicionado, a TUMA desenvolve projetos com alto nível técnico, visando atender as particularidades de cada cliente e atingir um elevado nível

Leia mais

Características Unidades Exteriores (Condições Eurovent)

Características Unidades Exteriores (Condições Eurovent) LG SINGLE A (1 ) UNIDADE EXTERIOR As unidades exteriores referenciadas UUxxWH marca LG, são unidades bomba de calor (Modo Reversível) de expansão directa a operar com o fluído frigorigénio R410A. A unidade

Leia mais

PARA PROJETOS, INSTALAÇÕES, MANUTENÇÕES E AUTOMAÇÕES.

PARA PROJETOS, INSTALAÇÕES, MANUTENÇÕES E AUTOMAÇÕES. PARA PROJETOS, INSTALAÇÕES, MANUTENÇÕES E AUTOMAÇÕES. CHAME: (92) 3651-2088 (92) 3651-1865 (92) 3346-1865 (92) 3343-8834 (92) 3343-8852 TECNOAR ASSESSORIA TÉCNICA E COM. DA AMAZÔNIA LTDA Rua Visconde de

Leia mais

ISO 9001 : 2008. De 22/10/2012 a 26/10/2012. Local: Hotel a definir Rio de Janeiro. Carga Horária: 40 horas. Horário: das 8h30min às 17h30min

ISO 9001 : 2008. De 22/10/2012 a 26/10/2012. Local: Hotel a definir Rio de Janeiro. Carga Horária: 40 horas. Horário: das 8h30min às 17h30min ISO 9001 : 2008 Modernização (Retrofit) de Sistemas de Ar Condicionado De 22/10/2012 a 26/10/2012 Local: Hotel a definir Rio de Janeiro Carga Horária: 40 horas Horário: das 8h30min às 17h30min Objetivo:

Leia mais

Sistemas de Ar Condicionado

Sistemas de Ar Condicionado Sistemas de Ar Condicionado Eng. Dr. Fúlvio Vittorino IPT - Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Estado de São Paulo Objetivo Processos e equipamentos mecânicos para: Resfriar ou Aquecer; Desumidificar

Leia mais

Realizar Serviços, Projetos, Venda, Manutenção e Instalação de Sistemas de Climatização e Tratamento de Ar, em todas as áreas de atuação.

Realizar Serviços, Projetos, Venda, Manutenção e Instalação de Sistemas de Climatização e Tratamento de Ar, em todas as áreas de atuação. QUEM SOMOS A ARC SERVICE Comércio e Serviços Ltda, é uma empresa constituída por um corpo técnico altamente qualificado para Projetar, Instalar e Realizar Manutenções em Sistemas de Refrigeração Industrial

Leia mais

Homologado pelos fabricantes de equipamentos

Homologado pelos fabricantes de equipamentos Homologado pelos fabricantes de equipamentos Confiabilidade e durabilidade são indispensáveis. A suspensão de uma sessão de radioterapia ou a perda de hélio em uma ressonância magnética precisam ser evitadas

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Universidade Federal de Goiás Pró-Reitoria de Administração e Finanças

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Universidade Federal de Goiás Pró-Reitoria de Administração e Finanças MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Universidade Federal de Goiás Pró-Reitoria de Administração e Finanças Pregão Eletrônico Nº 00174/2013(SRP) VIGÊNCIA 26/12/2013 A 25/12/2014 RESULTADO POR FORNECEDOR 05.821.117/0001-50

Leia mais

RELATÓRIO DE INSTRUÇÃO DE RECURSO

RELATÓRIO DE INSTRUÇÃO DE RECURSO RELATÓRIO DE INSTRUÇÃO DE RECURSO À: GERENTE REGIONAL DE MANUTENÇÃO ASSUNTO: RECURSO CONTRA DECISÃO DA COMISSÃO DE LICITAÇÃO RECORRENTE: EQS ENGENHARIA LTDA REF.: PREGÃO ELETRÔNICO Nº 271/ADSU/SBPA/2012

Leia mais

0(025,$/'(6&5,7,92. (63(&,),&$d (67e&1,&$63$5$,167$/$d 2'2/27(

0(025,$/'(6&5,7,92. (63(&,),&$d (67e&1,&$63$5$,167$/$d 2'2/27( 35(* 235(6(1&,$/683$71ž 0(025,$/'(6&5,7,92 (63(&,),&$d (67e&1,&$63$5$,167$/$d 2'2/27( As presentes especificações estabelecem os requisitos mínimos a serem obedecidos no fornecimento e instalação dos materiais

Leia mais

Ar Condicionado. Linha Mini Split. Linha Completa para o Conforto Térmico. piso teto

Ar Condicionado. Linha Mini Split. Linha Completa para o Conforto Térmico. piso teto Ar Condicionado Linha Mini Split VOCÊ CRIA O AMBIENTE, NÓS CRIAMOS O CLIMA. CASSETE piso teto Linha Completa para o Conforto Térmico Cassete Apresentação Os aparelhos Cassete são discretos tanto por seu

Leia mais

MDV4+ R. Máximo conforto em sistema VRF com refrigeração e aquecimento simultâneos para grandes aplicações. VRF com recuperação de calor.

MDV4+ R. Máximo conforto em sistema VRF com refrigeração e aquecimento simultâneos para grandes aplicações. VRF com recuperação de calor. MDV4+ R VRF com recuperação de calor Máximo conforto em sistema VRF com refrigeração e aquecimento simultâneos para grandes aplicações. Um produto VENTILADOR DC A velocidade do motor se ajusta rapidamente

Leia mais

Linha Multi Split Inverter R-410A SET FREE HIGH EFFICIENCY HI-COP ECO FLEX FRONT FLOW MINI ÁGUA. www.hitachiapb.com.br

Linha Multi Split Inverter R-410A SET FREE HIGH EFFICIENCY HI-COP ECO FLEX FRONT FLOW MINI ÁGUA. www.hitachiapb.com.br Linha Multi Split Inverter SET FREE HIGH EFFICIENCY HI-COP ECO FLEX FRONT FLOW MINI ÁGUA www.hitachiapb.com.br 2 VRF Set Free Linha Multi Split Inverter Linha completa VRF multi split inverter com fluido

Leia mais

FÓRUM DE BARREIRAS PRÉDIO NOVO

FÓRUM DE BARREIRAS PRÉDIO NOVO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DA BAHIA FÓRUM DE BARREIRAS PRÉDIO NOVO MEMORIAL DESCRITIVO DO PROJETO DAS INSTALAÇÕES DE AR CONDICIONADO EMPRESA RESPONSÁVEL: Senemig Engenharia LTDA RESPONSÁVEIS TÉCNICOS:

Leia mais

NOVO DESIGN DO VENTILADOR

NOVO DESIGN DO VENTILADOR TECNOLOGIA VRF COM O MELHOR CUSTO-BENEFÍCIO DO MERCADO. A Midea dispõe de uma ampla gama de produtos para o projeto de climatização de empreendimentos residenciais, comerciais e industriais. Além disso,

Leia mais

Eder Ricardo Voltani edervoltani@usp.br Eder Ricardo Voltani edervoltani@usp.br

Eder Ricardo Voltani edervoltani@usp.br Eder Ricardo Voltani edervoltani@usp.br AUT 190 AR CONDICIONADO PARA ARQUITETURA Eder Ricardo Voltani edervoltani@usp.br Eder Ricardo Voltani edervoltani@usp.br Sumário 1. INTRODUÇÃO 2. CARGA TÉRMICA 3. CICLO DE REFRIGERAÇÃO 4. EFICIÊNCIA ENERGÉTICA

Leia mais

AR CONDICIONADO SOLAR

AR CONDICIONADO SOLAR ISO 9001 : 2008 Engenharia do Ar Condicionado De 08/04/2013 a 12/04/2013 Capítulo Especial sobre AR CONDICIONADO SOLAR Local: Hotel Windsor Guanabara Av. Presidente Vargas, 392 Centro Rio de Janeiro RJ

Leia mais

A composição padrão do ar atmosférico seco ao nível do mar é definida

A composição padrão do ar atmosférico seco ao nível do mar é definida Tecnologia do Calor Prof. Nisio C. Brum I- INTRODUÇÃO Atualmente por Condicionamento de Ar entende-se o processo de climatização artificial do ar interno a ambientes de uso público, coletivo ou destinado

Leia mais

Medição da Eficiência

Medição da Eficiência Medição da Eficiência Indicadores kw/tr É a unidade mais utilizada na avaliação de Chillers a 100% ou em cargas parciais COP (Coeficiente de Performance) É utilizado na comparação de chillers quando estes

Leia mais

COORDENADORIA DE INFRAESTRUTURA CIVIL

COORDENADORIA DE INFRAESTRUTURA CIVIL COORDENADORIA DE INFRAESTRUTURA CIVIL AQUISIÇÃO DOS EQUIPAMENTOS PARA O SISTEMA DE AR CONDICIONADO E EXAUSTÃO MECÂNICA, DA ESTAÇÃO DE PASSAGEIROS DO TERMINAL MARÍTIMO DE PASSAGEIROS DO PORTO DE FORTALEZA

Leia mais

PRÉDIO SRNO - INFRAERO

PRÉDIO SRNO - INFRAERO I - SISTEMA DE EXPANSÃO DIRETA - VRF I.1 - SISTEMA 01 - TÉRREO I.1.1 EQUIPAMENTOS VRF - conforme especificação Módulo externo (condensador) 48 HP - 380 V - 3F unid. 1,00 Evaporadora Cassete 4 Vias - 9.000

Leia mais

Concurso Público Federal Edital 06/2015

Concurso Público Federal Edital 06/2015 PROVA Concurso Público Federal Edital 06/2015 Área: Refrigeração e Climatização QUESTÕES OBJETIVAS Conhecimentos Específicos 01 a 30 Nome do candidato: Nº de Inscrição: INSTRUÇÕES 1º) Verifique se este

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DA CULTURA DO ESTADO DE SÃO PAULO

SECRETARIA DE ESTADO DA CULTURA DO ESTADO DE SÃO PAULO FL.: 1/8 SECRETARIA DE ESTADO DA CULTURA DO ESTADO DE SÃO PAULO SISTEMA DO AR CONDICIONADO CENTRO DE CULTURA, MEMÓRIA E ESTUDOS DA DIVERSIDADE SEXUAL DO ESTADO DE SÃO PAULO. LOJAS 515 e 518 - METRÔ REPÚBLICA

Leia mais

AEFICIÊNCIA. Chillers Turbotosi MS220 - Condensação a Ar Dados Técnicos R134A SEM ÓLEO EVAPORADOR INUNDADO OPERAÇÃO RESFRIAMENTO COMPRESSOR CENTRÍFUGO

AEFICIÊNCIA. Chillers Turbotosi MS220 - Condensação a Ar Dados Técnicos R134A SEM ÓLEO EVAPORADOR INUNDADO OPERAÇÃO RESFRIAMENTO COMPRESSOR CENTRÍFUGO MS220 - Condensação SEM ÓLEO AEFICIÊNCIA EVAPORADOR INUNDADO OPERAÇÃO RESFRIAMENTO COMPRESSOR CENTRÍFUGO REFRIGERANTE R134A CONDENSADOR AXIAL Seleção Rápida - Turbotosi com Condensação MODELO CAPACIDADE

Leia mais

TERMODINÂMICA APLICADA/MÁQUINAS TÉRMICAS/MECÂNICA DOS FLUIDOS/REFRIGERAÇÃO/CLIMATIZAÇÃO/TRANSFERÊNCIA DE CALOR

TERMODINÂMICA APLICADA/MÁQUINAS TÉRMICAS/MECÂNICA DOS FLUIDOS/REFRIGERAÇÃO/CLIMATIZAÇÃO/TRANSFERÊNCIA DE CALOR INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PIAUÍ (IFPI) Aplicação: 26/02/2012 Duração da prova: 04 (quatro) horas TERMODINÂMICA APLICADA/MÁQUINAS TÉRMICAS/MECÂNICA DOS FLUIDOS/REFRIGERAÇÃO/CLIMATIZAÇÃO/TRANSFERÊNCIA

Leia mais

PALÁCIO DA ABOLIÇÃO PROJETO DE AR CONDICIONADO ASSUNTO: MEMORIAL DESCRITIVO DAS INSTALAÇÕES E ESPEFIFICAÇÕES TÉCNICAS

PALÁCIO DA ABOLIÇÃO PROJETO DE AR CONDICIONADO ASSUNTO: MEMORIAL DESCRITIVO DAS INSTALAÇÕES E ESPEFIFICAÇÕES TÉCNICAS PALÁCIO DA ABOLIÇÃO PROJETO DE AR CONDICIONADO ASSUNTO: MEMORIAL DESCRITIVO DAS INSTALAÇÕES E ESPEFIFICAÇÕES TÉCNICAS AUTOR : COMARU PROJETOS E CONSULTORIA DATA : JULHO DE 2008 ÍNDICE: 1.0 Relação de desenhos

Leia mais

Inversores de Freqüência na Refrigeração Industrial

Inversores de Freqüência na Refrigeração Industrial ersores de Freqüência na Refrigeração Industrial Os inversores de freqüência possuem um vasto campo de aplicações dentro da área de refrigeração industrial. São utilizados nas bombas de pressurização,

Leia mais

XX Seminário Nacional de Distribuição de Energia Elétrica SENDI 2012-22 a 26 de outubro Rio de Janeiro - RJ - Brasil

XX Seminário Nacional de Distribuição de Energia Elétrica SENDI 2012-22 a 26 de outubro Rio de Janeiro - RJ - Brasil XX Seminário Nacional de Distribuição de Energia Elétrica SENDI 2012-22 a 26 de outubro Rio de Janeiro - RJ - Brasil Gabriela Ferreira da Silva Companhia Paulista de Força e Luz gabrielaf@cpfl.com.br Eficiência

Leia mais

MULTIZONE. Linha Multi Split Inverter

MULTIZONE. Linha Multi Split Inverter MULTIZONE Linha Multi Split Inverter MULTIZONE Linha Multi Split Inverter Visão Geral Os sistemas de ar condicionado residenciais da Hitachi são o resultado de investimentos em pesquisa e desenvolvimento

Leia mais

Equipamentos primários. L. Roriz

Equipamentos primários. L. Roriz Equipamentos primários L. Roriz Unidades de Arrefecimento Unidades de Arrefecimento de Ar Unidades Produtoras de Água Refrigerada Sistemas de compressão de vapor Sistemas de expansão directa Sistemas utilizando

Leia mais

Arrefecimento solar em edifícios

Arrefecimento solar em edifícios Arrefecimento solar em edifícios Introdução A constante procura de conforto térmico associada à concepção dos edifícios mais recentes conduziram a um substancial aumento da utilização de aparelhos de ar

Leia mais

CHILLER A ABSORÇÃO E CO-GERAÇÃO SEJAM BEM VINDOS! 23 de agosto de 2006

CHILLER A ABSORÇÃO E CO-GERAÇÃO SEJAM BEM VINDOS! 23 de agosto de 2006 CHILLER A ABSORÇÃO E CO-GERAÇÃO SEJAM BEM VINDOS! 23 de agosto de 2006 Eng./Arq. Marco Tulio Starling de Vasconcellos marcotulio@tuma.com.br - Tel: (31) 2111-0099 www.tuma.com.br TÓPICOS DA APRESENTAÇÃO

Leia mais

LANÇAMENTO VALORIZE SEU MOMENTO DE LAZER. AQUECIMENTO DE ÁGUA. O novo grau de conforto. LINHA BOMBA DE CALOR PARA PISCINA

LANÇAMENTO VALORIZE SEU MOMENTO DE LAZER. AQUECIMENTO DE ÁGUA. O novo grau de conforto. LINHA BOMBA DE CALOR PARA PISCINA LANÇAMENTO VALORIZE SEU MOMENTO DE LAZER. AQUECIMENTO DE ÁGUA LINHA BOMBA DE CALOR PARA PISCINA O novo grau de conforto. EFICIÊNCIA COMPROVADA, SATISFAÇÃO GARANTIDA. EFICIÊNCIA Ventilador com alta efi

Leia mais

Unidades, Grandezas e Propriedades

Unidades, Grandezas e Propriedades 1 Refrigeração I Bases e Fundamentos Unidades, Grandezas e Propriedades Capítulo I Figura I.4 Equivalência entre as Escalas de Temperaturas Onde a cor é fundamental 2 Figura I.9 Diagrama Temperatura Entalpia

Leia mais

U.O. ADMINISTRAÇÃO GERAL PROJETOS E OBRAS

U.O. ADMINISTRAÇÃO GERAL PROJETOS E OBRAS INSTALAÇÃO DE SISTEMA DE AR CONDICIONADO NO E.R. GUARULHOS 1. OBJETO O presente memorial refere-se ao fornecimento e instalação de conjuntos de ar condicionado, a serem instalados no E.R. Guarulhos, localizado

Leia mais

SPLIT, BI-SPLIT e ACQUA

SPLIT, BI-SPLIT e ACQUA Linha Utopia HFC R-410A SPLIT, BI-SPLIT e ACQUA Linha residencial e comercial de pequeno porte com gás amigável ao meio ambiente condensação a ar e a água www.hitachiapb.com.br 2 Utopia HFC R-410A Linha

Leia mais

Saiba mais sobre Condicionadores de AR.

Saiba mais sobre Condicionadores de AR. Saiba mais sobre Condicionadores de AR. O ar-condicionado está na vida das pessoas: em casa, no carro e no trabalho. Apesar de ser um alívio contra o calor, este equipamento pode ser um meio de disseminação

Leia mais

AEFICIÊNCIA. Chillers Turbotosi MS500 - Condensação a Água Dados Técnicos R134A SEM ÓLEO EVAPORADOR INUNDADO OPERAÇÃO RESFRIAMENTO COMPRESSOR

AEFICIÊNCIA. Chillers Turbotosi MS500 - Condensação a Água Dados Técnicos R134A SEM ÓLEO EVAPORADOR INUNDADO OPERAÇÃO RESFRIAMENTO COMPRESSOR MS500 - Condensação SEM ÓLEO AEFICIÊNCIA INUNDADO OPERAÇÃO RESFRIAMENTO COMPRESSOR CENTRÍFUGO R134A CASCO-TUBOS Seleção Rápida - Turbotosi com Condensação MODELO CHILLERS TURBOTOSI - CONDENSAÇÃO A ÁGUA

Leia mais

PROCESSO N 020601.010253/15-70 CARIMBO CNPJ Nº

PROCESSO N 020601.010253/15-70 CARIMBO CNPJ Nº Ao Governo do Estado de Roraima Secretaria de Estado da Saúde SESAU Gerencia Especial de Cotação GEC MODELO DA PROPOSTA DE PREÇOS PROCESSO N 020601.010253/15-70 CARIMBO ANEXO I 01 Condicionadores de Ar

Leia mais

a excelência do clima sistemas VRF

a excelência do clima sistemas VRF a excelência do clima VRF UNIDADES INTERIORES 5 MODELOS / 37 VERSÕES UNIDADES EXTERIORES 3 MODELOS / 36 VERSÕES Mural Cassette 4 vias Mini - VRF VRF VRF Plus Parede / Tecto Módulos Básicos Módulos Básicos

Leia mais

MDV4+W VRF COM CONDENSAÇÃO A ÁGUA. Alta eficiência, com máxima economia e flexibilidade. Um produto

MDV4+W VRF COM CONDENSAÇÃO A ÁGUA. Alta eficiência, com máxima economia e flexibilidade. Um produto MDV4+W VRF COM CONDENSAÇÃO A ÁGUA Alta eficiência, com máxima economia e flexibilidade Um produto COMPRESSOR DC INVERTER Os compressores inverter do MDV4+ água possuem eficiência até 25% superior comparado

Leia mais

Vetor Consultoria e Projetos de Engenharia Ltda. www.vetorprojetos.com.br

Vetor Consultoria e Projetos de Engenharia Ltda. www.vetorprojetos.com.br www.vetorprojetos.com.br São Paulo Rua Luís Coelho, 340 / cj. 21 Cerqueira César CEP: 01309-000 São Paulo SP. Telefone / Fax: (0xx) (11) 3258-2070 (0xx) (11) 3237-4834 E-mail: vetor.sp@vetorprojetos.com.br

Leia mais

climatização refrigeração índice mercado Indústrias TOSI: Orgulho de ser brasileira 12 4 Climatização + Refrigeração Maio 2012

climatização refrigeração índice mercado Indústrias TOSI: Orgulho de ser brasileira 12 4 Climatização + Refrigeração Maio 2012 índice climatização refrigeração mercado 08 Indústrias TOSI: Orgulho de ser brasileira 12 4 Climatização + Refrigeração Maio 2012 Orgulho de ser brasileira Crédito NT Editorial Com produção fortemente

Leia mais

YORK Modelo YVWA Velocidade Variável, Unidade com compressores parafusos resfriados a água 200 a 300 Tons

YORK Modelo YVWA Velocidade Variável, Unidade com compressores parafusos resfriados a água 200 a 300 Tons Unidade com Infinitas Configurações para ajudar na sua melhor escolha YORK Modelo YVWA Velocidade Variável, Unidade com compressores parafusos resfriados a água 200 a 300 Tons YVWA YORK Unidades Compressores

Leia mais

CONDICIONADORES DE AR

CONDICIONADORES DE AR CONDICIONADORES DE AR CONDICIONADORES DE AR 04 Institucional 08 Luxo 09 Inverter 10 Classe A 11 Bi-Split 12 Compact / Inox / Silent 16 Piso Teto 18 Cassete 19 Cortina de ar 21 Janela 24 Freesh Breeze 25

Leia mais

Ar Condicionado Central VRF Ar de Confiança

Ar Condicionado Central VRF Ar de Confiança Impression TM Ar Condicionado Central VRF Ar de Confiança Impression Ar condicionado Central VRF Perfil do Produto A linha de produtos Impression é um novo conceito de condicionador de ar inteligente VRF

Leia mais

SPLIT HI WALL NOVO. Conforto, economia para o bolso e design clean Sua vida merece mais

SPLIT HI WALL NOVO. Conforto, economia para o bolso e design clean Sua vida merece mais SPLIT HI WALL INVERTER R-410A NOVO Conforto, economia para o bolso e design clean Sua vida merece mais SPLIT HI WALL INVERTER R-410A NOVO Conforto e economia em sua casa O Split Hi Wall Inverter da Hitachi

Leia mais

1ª RETIFICAÇÃO PREGAO POR REGISTRO DE PRECOS nº. 116 2008 CPL 05 SESP AQUISICAO DE MATERIAL PERMANENTE CONDICIONADOR DE AR

1ª RETIFICAÇÃO PREGAO POR REGISTRO DE PRECOS nº. 116 2008 CPL 05 SESP AQUISICAO DE MATERIAL PERMANENTE CONDICIONADOR DE AR 1ª RETIFICAÇÃO PREGAO POR REGISTRO DE PRECOS nº. 116 2008 CPL 05 SESP AQUISICAO DE MATERIAL PERMANENTE CONDICIONADOR DE AR A COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO CPL 05 comunica aos interessados que o Pregão

Leia mais

TECNOLOGIA EM CONSTRUÇÃO DE EDIFÍCIOS. CONFORTO AMBIENTAL Aula 9

TECNOLOGIA EM CONSTRUÇÃO DE EDIFÍCIOS. CONFORTO AMBIENTAL Aula 9 TECNOLOGIA EM CONSTRUÇÃO DE EDIFÍCIOS CONFORTO AMBIENTAL Aula 9 São estratégias de projeto que devem ser adotadas quando não se consegue tirar partido dos recursos naturais. Geralmente são indispensáveis

Leia mais

Climatização eficiente com termoacumulação para produção abaixo de 10 TR. Por Carlos de Holanda, Fábio Cezar Beneduce, Rubens Herbster e Thiago Neves*

Climatização eficiente com termoacumulação para produção abaixo de 10 TR. Por Carlos de Holanda, Fábio Cezar Beneduce, Rubens Herbster e Thiago Neves* 46 Capítulo XII Climatização eficiente com termoacumulação para produção abaixo de 10 TR Por Carlos de Holanda, Fábio Cezar Beneduce, Rubens Herbster e Thiago Neves* Atualmente, o custo da energia elétrica

Leia mais

CATÁLOGO DE PRODUTOS

CATÁLOGO DE PRODUTOS CATÁLOGO DE PRODUTOS NORDAP A Nordap iniciou suas atividades no ano de 2004, atuando no mercado peças e acessórios para ar condicionado e refrigeração, comercial, industrial, a empresa é reconhecida no

Leia mais

Autor do Proj. / Resp. Técnico CREA /UF ENG DARCIO BENJAMIN REIS 425 D/PE. Coordenador Adjunto do Contrato CREA/UF. Sítio

Autor do Proj. / Resp. Técnico CREA /UF ENG DARCIO BENJAMIN REIS 425 D/PE. Coordenador Adjunto do Contrato CREA/UF. Sítio 02 REVISÃO CONF. COMENTÁRIOS 28/02/2011 DÁRCIO REIS CLÁUDIO JOSÉ L. V. LAGHI 01 REVISÃO GERAL 12/01/2011 DÁRCIO REIS CLÁUDIO JOSÉ L. V. LAGHI 00 EMISSÃO INICIAL 30/08/2010 DÁRCIO REIS CLÁUDIO JOSÉ L. V.

Leia mais

MEMORIAL AR CONDICIONADO COMPLEXO PAULO CAVALCANTE

MEMORIAL AR CONDICIONADO COMPLEXO PAULO CAVALCANTE MEMORIAL AR CONDICIONADO COMPLEXO PAULO CAVALCANTE Página 1 de 15 ÍNDICE 1.0 INTRODUÇÃO 2.0 NORMAS TÉCNICAS 3.0 PARAMETROS DE PROJETO 4.0 DADOS CARGA TÉRMICA 5.0 ESPECIFICAÇÕES DOS EQUIPAMENTOS VRF 5.1

Leia mais

AR CONDICIONADO. Linha Mini Split

AR CONDICIONADO. Linha Mini Split AR CONDICIONADO Linha Mini Split AR CONDICIONADO Linha Mini Split CARACTERÍSTICAS E BENEFÍCIOS Compressores: alta eficiência e durabilidade. Tubos das Unidades Evaporadoras: possuem ranhuras internas que

Leia mais

Coldex Tosi Ar Condicionado

Coldex Tosi Ar Condicionado Coldex Tosi Ar Condicionado Self Contained Data Aire Series DA Modelo - 6 a 30 TR Fluído Refrigerante R-410a e R-407c DA A D 20 3 2 C Serpentina Auxiliar Tensão Entrada Numero de Fases Capacidade de Refrigeração

Leia mais

1º SIACS SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE ARQUITETURA & CONSTRUÇÃO SUSTENTÁVEL AR CONDICIONADO E GESTÃO ENERGÉTICA

1º SIACS SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE ARQUITETURA & CONSTRUÇÃO SUSTENTÁVEL AR CONDICIONADO E GESTÃO ENERGÉTICA 1º SIACS SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE ARQUITETURA & CONSTRUÇÃO SUSTENTÁVEL AR CONDICIONADO E GESTÃO ENERGÉTICA PALESTRANTE Eng. Tulio Marcus Carneiro de Vasconcellos Formado em Engenharia Mecânica pela UFMG

Leia mais

Condicionador de Ar Portátil

Condicionador de Ar Portátil Condicionador de Ar Portátil Manual do Usuário GP8-12L GP8-22L GP10-12L GP10-22L 1 Untitled-5 1 2 Untitled-5 2 Índice Resumo...4 Príncipio de funcionamento...5 Especificação técnica...7 Estrutura...8 Esquema

Leia mais

A psicrometria é a parte da termodinâmica que tem por objetivo o estudo das propriedade do ar úmido.

A psicrometria é a parte da termodinâmica que tem por objetivo o estudo das propriedade do ar úmido. 16 3 PSICROMETRIA A psicrometria é a parte da termodinâmica que tem por objetivo o estudo das propriedade do ar úmido. 3.1 CARTA PSICROMÉTRICA É um ábaco que permite representar graficamente as evoluções

Leia mais

Principais equipamentos utilizados nos sectores dos edifícios e da industria (a ter em consideração na análise energética) L. F.

Principais equipamentos utilizados nos sectores dos edifícios e da industria (a ter em consideração na análise energética) L. F. Principais equipamentos utilizados nos sectores dos edifícios e da industria (a ter em consideração na análise energética) L. F. Roriz 1. Tipo de instalações A análise energética pode ter que cobrir os

Leia mais

FUNÇÕES DO CLIMATIZADOR

FUNÇÕES DO CLIMATIZADOR Representação: FUNÇÕES DO CLIMATIZADOR O sistema de Climatização utiliza o princípio de termodinâmica, isto é, retira o calor do ar através da evaporação, garantindo que a massa de ar quente do ambiente

Leia mais

As ações da Abrava no Cenário de Eficiência Energética

As ações da Abrava no Cenário de Eficiência Energética As ações da Abrava no Cenário de Eficiência Energética ABRAVA Associação Brasileira de Refrigeração, Ar-Condicionado, Ventilação e Aquecimento www.abrava.com.br Representatividade Movimentação em 2000

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA - TR 2 DA DESCRIÇÃO BÁSICA DOS SERVIÇOS, EQUIPAMENTOS E COMPONENTES

TERMO DE REFERÊNCIA - TR 2 DA DESCRIÇÃO BÁSICA DOS SERVIÇOS, EQUIPAMENTOS E COMPONENTES CENTRO DE TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO 1 DO OBJETO TERMO DE REFERÊNCIA - TR Pregão Eletrônico nº 015/08 Anexo II 1.1 Prestação de serviços para instalação/remanejamento

Leia mais

Coldex Tosi Ar Condicionado

Coldex Tosi Ar Condicionado Coldex Tosi Ar Condicionado Condicionadores de Ar Self Contained 5 a 40 TR tipo ROOF-TOP ESPECIFICAÇÕES A linha SELF CONTAINED TOSI foi projetada visando obter a melhor relação custo-beneficio do mercado,

Leia mais

AR CONDICIONADO. Componentes

AR CONDICIONADO. Componentes AR CONDICIONADO AR CONDICIONADO Basicamente, a exemplo do que ocorre com um refrigerador (geladeira), a finalidade do ar condicionado é extrair o calor de uma fonte quente, transferindo-o para uma fonte

Leia mais

Água Quente. Supraeco W Supraeco W OS. Bombas de calor Ar - Água para produção de A.Q.S. julho 2014. Conforto para a vida

Água Quente. Supraeco W Supraeco W OS. Bombas de calor Ar - Água para produção de A.Q.S. julho 2014. Conforto para a vida Supraeco W Supraeco W OS Bombas de calor Ar - Água para produção de A.Q.S. Água Quente julho 0 Conforto para a vida Bombas de calor SUPRAECO energia água quente ar-água confortopoupança eficiênciacop calor

Leia mais

Sistema de Fluxo de Água Variável Oferecendo resfriamento de conforto superior. 60 Hz e 50 Hz

Sistema de Fluxo de Água Variável Oferecendo resfriamento de conforto superior. 60 Hz e 50 Hz Sistema de Fluxo de Variável Oferecendo resfriamento de conforto superior 60 Hz e 50 Hz Solução inovadora de conforto A Trane, líder global no fornecimento de sistemas, soluções e serviços HVAC, oferece

Leia mais

ESTADO DO ACRE Secretaria de Estado da Gestão Administrativa Secretaria Adjunta de Compras e Licitações Comissão Permanente de Licitação CPL 06

ESTADO DO ACRE Secretaria de Estado da Gestão Administrativa Secretaria Adjunta de Compras e Licitações Comissão Permanente de Licitação CPL 06 1 2 9.000btu/h só frio especificações técnicas mínimas: capacidade de refrigeração 9.000 btu/h; operação eletrônica; ciclo frio; tensão 220v/60hz; cor branca; vazão de ar mínima de 450 m³/h; corrente total

Leia mais

EFICIÊNCIA ENERGÉTICA

EFICIÊNCIA ENERGÉTICA XVII Encontro Nacional dos Conselhos de Consumidores de Energia Elétrica Vitória, 26 e 27 de Novembro de 2015 EFICIÊNCIA ENERGÉTICA Julian Villelia Padilla Conteúdo: Conceitos básicos. Aplicações típicas

Leia mais

EFICIÊNCIA ENERGÉTICA EM SISTEMAS DE CLIMATIZAÇÃO E CONDICIONAMENTO AMBIENTAL DE EMPREENDIMENTOS COMERCIAIS DE GRANDE PORTE

EFICIÊNCIA ENERGÉTICA EM SISTEMAS DE CLIMATIZAÇÃO E CONDICIONAMENTO AMBIENTAL DE EMPREENDIMENTOS COMERCIAIS DE GRANDE PORTE EFICIÊNCIA ENERGÉTICA EM SISTEMAS DE CLIMATIZAÇÃO E CONDICIONAMENTO AMBIENTAL DE EMPREENDIMENTOS COMERCIAIS DE GRANDE PORTE Marcio Visini Carlos AES Eletropaulo marcio.carlos@aes.com João C. de Abreu Guimarães

Leia mais

ANEXO II PLANILHAS PROGRAMA DE MANUTENÇÃO PREVENTIVA E FOLHAS DE REGISTRO PROGRAMA DE MANUTENÇÃO PREVENTIVA

ANEXO II PLANILHAS PROGRAMA DE MANUTENÇÃO PREVENTIVA E FOLHAS DE REGISTRO PROGRAMA DE MANUTENÇÃO PREVENTIVA ANEXO II PLANILHAS PROGRAMA DE MANUTENÇÃO PREVENTIVA E FOLHAS DE REGISTRO PROGRAMA DE MANUTENÇÃO PREVENTIVA FINATEC - EDIFÍCIO SEDE ENDEREÇO: LOCALIZAÇÃO DO EQUIPAMENTO: UNIDADE MOD.: Nº DE SÉRIE: CÓDIGO

Leia mais

AR CONDICIONADO. Soluções integrais para arrefecimento e aquecimento

AR CONDICIONADO. Soluções integrais para arrefecimento e aquecimento AR CONDICIONADO AR CONDICIONADO. Soluções integrais para arrefecimento e aquecimento Índice A temperatura perfeita, com frio ou calor 03 Benefícios 04 Serviços de Apoio ao Cliente 04 Princípio de Funcionamento

Leia mais

Sustentabilidade e Facilites. Prepared for: O ar condicionado de alto. desempenho em edifícios. comerciais CAPÍTULO. Metodologia

Sustentabilidade e Facilites. Prepared for: O ar condicionado de alto. desempenho em edifícios. comerciais CAPÍTULO. Metodologia II Seminário de Sustentabilidade e Facilites 2010 Prepared for: O ar condicionado de alto desempenho em edifícios comerciais CAPÍTULO 1 Metodologia Capítulo 1 Eficiência Correspondência ou adequação de

Leia mais

DATA CÓDIGO DO DOCUMENTO FOLHA REV. JULHO/2010 MEA ADM/TPS/SEP 653.MD-001 1/20 0

DATA CÓDIGO DO DOCUMENTO FOLHA REV. JULHO/2010 MEA ADM/TPS/SEP 653.MD-001 1/20 0 JULHO/2010 MEA ADM/TPS/SEP 653.MD-001 1/20 0 MEMORIAL DESCRITIVO TÍTULO AEROPORTO DE MACAÉ - PROJETO EXECUTIVO SISTEMA DE AR CONDICIONADO PARA O TERMINAL DE PASSAGEIROS, PRÉDIO ADMINISTRATIVO E OPERACIONAL

Leia mais

COMPANHIA DE GÁS DE SÃO PAULO. Cogeração & Climatização: Viabilidade Técnica e Econômica Alexandre Breda Gerente de Cogeração & Climatização

COMPANHIA DE GÁS DE SÃO PAULO. Cogeração & Climatização: Viabilidade Técnica e Econômica Alexandre Breda Gerente de Cogeração & Climatização COMPANHIA DE GÁS DE SÃO PAULO Cogeração & Climatização: Viabilidade Técnica e Econômica Alexandre Breda Gerente de Cogeração & Climatização 09 de Setembro de 2010. 2 2 3 3 4 4 5 5 Papel da Comgás no Mercado

Leia mais

Funcionamento de uma Torre de Resfriamento de Água

Funcionamento de uma Torre de Resfriamento de Água Funcionamento de uma Torre de Resfriamento de Água Giorgia Francine Cortinovis (EPUSP) Tah Wun Song (EPUSP) 1) Introdução Em muitos processos, há necessidade de remover carga térmica de um dado sistema

Leia mais

Cogeração. Rochaverá Corporate Towers. 10Julho2012

Cogeração. Rochaverá Corporate Towers. 10Julho2012 Cogeração Rochaverá Corporate Towers 10Julho2012 AGENDA A Ecogen: Modelo de Negócio; Principais Aplicações; Clientes; Por quê Ecogen?. Soluções energéticas para Edifícios e Shoppings; Case de Sucesso:

Leia mais

8.1 PRINCÍPIOS DA TERMOACUMULAÇÃO

8.1 PRINCÍPIOS DA TERMOACUMULAÇÃO 89 8 TERMOACUMULAÇÃO O conhecimento e a utilização de sistemas de termoacumulação de água gelada são relativamente antigos no setor de condicionamento de ar, no entanto a sua importância e utilização ampla,

Leia mais

CHILLER SAMURAI LINHA DE RESFRIADORES DE LÍQUIDO E TROCADORES DE CALOR. www.hitachiapb.com.br

CHILLER SAMURAI LINHA DE RESFRIADORES DE LÍQUIDO E TROCADORES DE CALOR. www.hitachiapb.com.br CHILLER SAMURAI LINHA DE RESFRIADORES DE LÍQUIDO E TROCADORES DE CALOR www.hitachiapb.com.br 2 Linha Chiller Samurai Resfriadores de Líquido e Trocadores de Calor Compacta, moderna e eficiente, a linha

Leia mais