Concurso de Auxiliar de Serviços Gerais - Prefeitura de Alvorada do Sul A ( ) 18 B ( ) 28 C ( ) 38 D ( ) 40 A ( ) B ( ) C ( ) D ( )

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Concurso de Auxiliar de Serviços Gerais - Prefeitura de Alvorada do Sul - 2014 A ( ) 18 B ( ) 28 C ( ) 38 D ( ) 40 A ( ) B ( ) C ( ) D ( )"

Transcrição

1 PORTUGUÊS MATEMÁTICA 01 QUESTÃO Qual das seguintes palavras é masculina? A ( ) Flor B ( ) Mar C ( ) Amora D ( ) Folha 02 QUESTÃO Entre as palavras abaixo, qual está escrita de maneira incorreta? A ( ) Dizer B ( ) Peça C ( ) Xale D ( ) Sinema 05 QUESTÃO Carlos tinha 15 carrinhos. Sua avó lhe presenteou com mais 10 carrinhos e seu pai lhe presenteou com mais 13 carrinhos. Quantos carrinhos Carlos tem agora? A ( ) 18 B ( ) 28 C ( ) 38 D ( ) QUESTÃO Qual das seguintes figuras possui mais lados? Assinale a alternativa correta: A ( ) 03 QUESTÃO Com que letra começa o nome da figura abaixo? Assinale a alternativa correta: B ( ) C ( ) A ( ) A B ( ) E C ( ) T D ( ) Q D ( ) 04 QUESTÃO Assinale a alternativa em que estão somente as vogais: A ( ) B, R, T, Y,R B ( ) S, W, P, F, L C ( ) A, E, I, O, U D ( ) Q, V, X, Z, D 07 QUESTÃO Tenho maçãs e ganhei mais 6 maçãs. Então agora tenho: A- ( ) maçãs 1

2 B- ( ) C- ( ) maçãs D- ( ) maçãs 08 QUESTÃO maçãs Qual dos seguintes números é setenta e sete? Marque a alternativa correta: A- ( ) 77 B- ( ) 67 C- ( ) 57 D- ( ) 97 CONHECIMENTOS GERAIS 09 QUESTÃO Qual o nome do estado brasileiro que está passando por uma crise na segurança pública e nos presídios, e que é governado por Roseana Sarney? Assinale a alternativa correta: A- ( ) Ceará. B- ( ) Maranhão. C- ( ) Rio de Janeiro. D- ( ) Santa Catarina. 10 QUESTÃO Assinale abaixo qual das seguintes cidades paranaenses terá jogos da Copa do Mundo de Futebol em 2014? A - ( ) Londrina. B - ( ) Curitiba. C - ( ) Cascavel. D - ( ) Foz do Iguaçu. 11 QUESTÃO Qual a data do aniversário do município de Alvorada do Sul? A ( ) 11 de novembro. B ( ) 12 de dezembro. C ( ) 14 de dezembro. D ( ) 17 de janeiro. 12 QUESTÃO Qual o nome do atual prefeito de Alvorada do Sul? A ( ) Juliano Fabrício dos Santos. B ( ) Marco Antonio Voltarelli. C ( ) João Carlos Peres. D ( ) Nenhuma das alternativas acima está correta. CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS 13 QUESTÃO O auxiliar de serviços gerais quando vai coletar o lixo de um departamento deve separá-lo, tratando-se de materiais na separação do lixo como podemos classificálos? A ( ) Aproveitáveis e não aproveitáveis. B ( ) Recicláveis e Não Recicláveis. C ( ) Orgânicos e inorgânicos. D ( ) Todas as alternativas estão corretas. 14 QUESTÃO O que o auxiliar de serviços gerais deve utilizar na realização de suas atividades para prevenir riscos de acidentes no trabalho? A ( ) Equipamentos de proteção coletiva (EPC). 2

3 B ( ) Não há necessidade da utilização de equipamentos. C ( ) Equipamentos de proteção individual (EPI). D ( ) Nenhuma das alternativas anteriores. 15 QUESTÃO Tratando-se de higienização do ambiente, qual é o procedimento correto do auxiliar de serviços gerais? A ( ) Manter sempre o lixo fechado. B ( ) Limpar as instalações como paredes, chão e teto, bem como os utensílios utilizados com água e sabão. C ( ) Desinfetar as partes externas dos equipamentos com álcool 70% e nas partes internas aplicar uma solução de 10 ml de água sanitária para 1 litro de água e deixar agir por 15 minutos. D ( ) Todas as alternativas estão corretas. 16 QUESTÃO A manipulação de produtos de limpeza, tóxicos ou perigosos exige cuidados. Qual é o procedimento incorreto do auxiliar de serviços gerais para manipular esses produtos? A ( ) Tirar o rótulo do fornecedor dos produtos. B ( ) Armazenar os produtos separadamente dos produtos alimentares. C ( ) Utilizar equipamentos de segurança se necessário. D ( ) Colocar a ficha técnica dos produtos em local de fácil acesso a todos os funcionários. 17 QUESTÃO Quanto à prevenção de acidentes de trabalho como podem ser evitados. Assinale a alternativa correta: A ( ) Usar equipamentos de segurança adequados ao serviço prestado. B ( ) Trabalhar muito lentamente. C ( ) Subir escadas ou degraus rapidamente. D ( ) Carregar materiais pesados com a coluna encurvada. 18 QUESTÃO Quanto ao armazenamento dos produtos e limpeza é necessário ler e prestar atenção nos rótulos das embalagens: A - ( ) Às vezes. B - ( ) Somente quando julgar necessário. C - ( ) Não é necessário. D -( ) Sempre que for utilizar qualquer produto. 19 QUESTÃO Assinale a alternativa correta em relação à ordem dos procedimentos para a limpeza de um departamento: 1- Iniciar a varredura úmida pelos cantos, do fundo para a porta da frente, com movimentos firmes e contínuos, a fim de remover as partículas maiores do piso (papéis, migalhas, cabelos e outros). 2- Recolher as partículas maiores antes de iniciar a varredura. 3- Colocar água e produto de limpeza no balde, mergulhar o pano no balde, torcer o pano e colocar no rodo e passar no piso, trocando a água e lavando o pano sempre que necessário. 4- Colocar luvas de borracha. 5- Guardar os equipamentos e materiais de limpeza no local de armazenamento. 6- Tirar o pó dos móveis com um pano úmido. A - ( ) 2, 1, 6, 4, 3 e 5. B - ( ) 1, 2, 6, 4, 3 e 5. C - ( ) 2, 1, 3, 4, 6 e 5. D -( ) 2, 1, 6, 5, 3 e 4. 3

4 20 QUESTÃO Como devem se apresentar as áreas livres dos estabelecimentos para estar livres de insalubridade? Assinale a alternativa incorreta: A - ( ) As áreas externas devem estar livre de focos de insalubridade, ausência de lixo, objetos em desuso, animais, insetos e roedores. B -( ) As áreas circundantes devem oferecer condições que não permitam proliferação de insetos e roedores. C -( ) As áreas externas devem ser iluminadas e decoradas. D - ( ) Os pátios devem ser mantidos com piso lavável, grama aparada ou cascalho. 3 - Colocar luvas de borracha. 4 - Lavar internamente o sanitário com uma escova com sabão e água sanitária. 5 - Secar o Sanitário com um pano seco e limpo. 6 - Guardar os equipamentos e materiais utilizados para a limpeza no local de armazenamento. 7 - Enxaguar o sanitário com água limpa. 8-Verificar se há algum mau funcionamento no sanitário, comunicar o supervisor da higiene para acionar a manutenção. 9 - Lavar externamente o vaso sanitário com esponja, sabão e água sanitária. A - ( ) 1, 3, 4, 9, 7, 5, 2, 8 e 6. B - ( ) 1, 3, 9, 4, 7, 5, 2, 8 e 6. C - ( ) 3, 1, 4, 9, 7, 5, 2, 8 e 6. D -( ) 3, 1, 9, 4, 7, 5, 2, 8 e QUESTÃO Como deve ser acondicionado o lixo nos departamentos municipais? Assinale a alternativa correta: A -( ) Utilizar sempre sacos de lixo resistentes para acondicionar os resíduos sólidos e os recipientes devem ser esvaziados regularmente. B - ( ) O lixo deve ser acondicionado em cesto de lixo sem tampa. C - ( ) Os sacos de lixo da cozinha devem ser retirados a cada troca de turno e o lixo deve ser acondicionado no mínimo a 10(dez) metros de distância. D - ( ) As alternativas A e C estão corretas. 22 QUESTÃO Qual o procedimento que o Auxiliar de Serviços Gerais deve ter durante a limpeza de sanitários? Assinale a alternativa correta abaixo de acordo com a seqüência lógica dos procedimentos para a limpeza: 1 - Colocar sabão e água sanitária no balde. 2 - Aplicar o desinfetante no sanitário. 23 QUESTÃO Como devemos manipular e armazenar produtos de limpeza químicos e/ou tóxicos? Assinale a alternativa correta: A ( ) Os produtos químicos devem ser armazenados em local específico, distantes de produtos alimentícios. B ( ) Seu manuseio deve ser feito com luvas de borracha a fim de evitar irritações na pele e acidentes. C ( ) Os produtos químicos devem ser identificados com rótulo de identificação do fornecedor. D ( ) Todas as alternativas estão corretas. 24 QUESTÃO Os utensílios de higienização devem ser constituídos de material de boa qualidade. Qual o procedimento correto para a sua utilização: A- ( ) Não há necessidade dos equipamentos da área de manipulação de alimentos seja de uso exclusivo. 4

5 B - ( ) Os equipamentos devem estar em adequadas condições de higienização para que não se tornem foco de contaminação. C - ( ) Os equipamentos de higienização podem ser utilizados compartilhadamente em todos os espaços do estabelecimento. D - ( ) Não há necessidade de identificar os panos para limpeza de superfície e secagem de utensílios. 25 QUESTÃO São Equipamentos de Proteção Individual (EPI) são necessários para proteção do trabalhador de acordo com a atividade realizada, diminuindo os riscos para o desempenho de suas atividades. Os tipos de EPIs utilizados podem variar dependendo do tipo de atividade ou de riscos que poderão ameaçar a segurança e a saúde do trabalhador e da parte do corpo que se pretende proteger. Podemos considerar como EPIs quais dos equipamentos abaixo: D-( ) Todos os equipamentos são considerados Equipamentos de Proteção Individual. 26 QUESTÃO Para trabalhar com utensílios que podem machucar ou ferir as mãos, qual o tipo de luvas que o Auxiliar de Serviços Gerais necessita utilizar: A - ( ) B ( ) A - ( ) e C - ( ) D - ( ) B ( ) e 27 QUESTÃO O funcionário deve no seu ambiente de trabalho? Assinale a alternativa correta: C - ( ) e A ( ) Manter o local de trabalho sempre limpo e arrumado. B ( ) Limpar as mãos no avental e pano de prato. C ( ) Colocar as mãos dentro de sacos de lixo. 5

6 D ( ) Deixar nas pausas de trabalhos utensílios sujos. 28 QUESTÃO Sobre a Ética Profissional podemos afirmar: A ( ) Conjunto de normas morais pelas quais o indivíduo deve orientar seu comportamento na profissão que exerce. B ( ) A Ética é de fundamental importância para todo ser humano e em todas as profissões. C ( ) A Ética é fundamental para que possamos viver em harmonia profissional e na sociedade. D ( ) Todas as alternativas estão corretas. 29 QUESTÃO A reciclagem do lixo tem cada dia mais se tornado assunto de discussão e preservação do meio ambiente no Brasil e no mundo? Dentre os produtos abaixo assinale a alternativa que contém somente produtos recicláveis: A ( ) Papel, pilha, plástico e vidro. B ( ) Papel, isopor, plástico e vidro. C ( ) Papel, papelão, plástico e vidro. D ( ) Papel, restos de alimentos, plástico e vidro. 2- Servem para a secagem de utensílios e superfícies e devem ser lavados e secos antes de ser guardados. 3- São utilizados para armazenar produtos de higienização e água para a limpeza de pisos e ambientes. 4- São constituídos de borracha ou outro material de resistência e eficiência elevada de secagem. Possui cabo de madeira, podendo ser revestidos de plásticos, PVC ou alumínio. - ( ) - ( ) - ( ) 30 QUESTÃO Analise os utensílios de higienização abaixo e enumere a segunda coluna de acordo com a primeira: 1- Devem ser utilizados na higienização de pisos, forros e paredes com revestimentos laváveis, com cabo de cobertura plástica, PVC ou alumínio e as cerdas devem ser de náilon ou outro material não orgânico. - ( ) A - ( ) 1, 4, 2 e 3. B - ( ) 2, 4, 3 e 2. C - ( ) 2, 4, 1 e 3. D - ( ) 1, 4, 3 e 2. 6

7 31 QUESTÃO Como o Auxiliar de Serviços Gerais deve executar a limpeza de janelas e vidros de um Departamento Municipal. Assinale a alternativa correta: I - Deverá limpar os vidros com água, sabão ou detergente neutro, enxaguar quantas vezes for necessário, secar com um pano limpo, aplicar solução de limpa vidros ou álcool 70%, e enxugar com um pano seco. II - Deverá limpar as janelas com água e sabão, no sentido do mais baixo para o mais alto, após enxaguar com água limpa. III - Deverá utilizar os seguintes materiais: Pano de limpeza limpo, sabão ou detergente neutro, álcool 70% ou solução limpa vidros e equipamentos de segurança adequados para a execução do serviço. IV- Não é necessário utilizar equipamentos de segurança, sendo que o auxiliar de serviços gerais deve limpar os vidros e janelas das unidades de saúde como achar melhor. A - ( ) As alternativas II e III estão corretas. B- ( ) As alternativas I, II e III estão corretas. C - ( ) As alternativas I e III estão corretas. D - ( ) Todas as alternativas estão corretas. 32 QUESTÃO Com relação aos procedimentos de limpeza e higienização adequados, assinale a alternativa correta abaixo: I- As prateleiras devem ser higienizadas utilizando esponjas ou panos e solução com detergente e depois enxaguadas com água limpa; II- Ao higienizar um fogão devemos retirar as bocas ainda quentes com um pano e colocá-las em água fria para facilitar a limpeza das bocas; III- Para facilitar a higienização de prateleiras devemos retirar as caixas e embalagens para que não fiquem molhadas; IV- Devemos passar álcool nas partes cromadas dos espaços, como: trincos e outros. A - ( ) As alternativas II e III estão corretas. B -( ) As alternativas I. II e III estão corretas. C -( ) As alternativas I, III e IV estão corretas. D - ( ) Todas as alternativas estão corretas. 33 QUESTÃO Quanto ao manuseio das esponjas utilizadas para lavagem de louças e utensílios de cozinha (pratos, talheres, panelas etc.) assinale a alternativa correta em relação ao seu manuseio: A - ( ) A esponja deverá a cada lavagem de louças e utensílios de cozinha (pratos, talheres, panelas etc.) ser colocada em suporte para secar. B - ( ) A esponja deverá a cada lavagem de louças e utensílios de cozinha (pratos, talheres, panelas etc.) ser somente lavada com sabão ou detergente. C - ( ) A esponja deverá a cada lavagem de louças e utensílios de cozinha (pratos, talheres, panelas etc.) ser lavada com sabão ou detergente neutro para retirar os resíduos de alimentos e colocada em suporte limpo e seco. D - ( ) Nenhuma das alternativas está correta. 34 QUESTÃO Tratando-se de Placas de Sinalização de obras, elas devem ser de que cor? 7

8 A - ( ) Verde. B - ( ) Vermelha. C - ( ) Laranja. D - ( ) Amarela. A ( ) Centímetro. B ( ) Régua. C ( ) Metro. D ( ) Trena. 35 QUESTÃO A faz covas e acerta a forma de canteiros. 39 QUESTÃO Para que serve uma Placa de Sinalização abaixo? A ( ) Cavadeira. B ( ) Pá reta. C ( ) Trena. D ( ) Foice. 36 QUESTÃO Quais os equipamentos necessários para capinar a beira de rodovias municipais e na limpeza de terrenos com pequenos arbustos? A ( ) Enxada, cortadeira e cavadeira. B ( ) Enxada, enxadão e pá. C ( ) Foice, carrinho e cortadeira. D ( ) Alfanje, ancinho, roçadeira e enxada. 37 QUESTÃO Quando o trabalho do auxiliar de serviços gerais exige uma grande exposição ao sol, para a sua proteção o que é necessário utilizar: A ( ) Camisa de manga curta e óculos. B ( ) Bermuda e camiseta. C ( ) Camisa de manga longa, chapéu ou boné, calçado fechado e calça. D ( ) Nenhuma das alternativas. A ( ) Apenas para não atrapalhar o andamento do serviço. B ( ) Para isolar uma área e evitar acidentes. C ( ) Para o funcionário não ser incomodado. D ( ) Todas as alternativas estão corretas. 40 QUESTÃO Qual é o Equipamento utilizado para capinar, revolver a terra, incorporar adubos, acertar bordas e superfícies do canteiro? A ( ) Enxada. B ( ) Foice. C ( ) Tesoura. D ( ) Cavadeira. 38 QUESTÃO Qual Instrumento de medição usado para aferir a área do jardim, medir e determinar canteiros, caminhos e distâncias? 8

Divisão de Enfermagem CME Página 1 de 6 Título do Procedimento: Limpeza concorrente e terminal da CME

Divisão de Enfermagem CME Página 1 de 6 Título do Procedimento: Limpeza concorrente e terminal da CME Divisão de Enfermagem CME Página 1 de 6 Freqüência em que é realizado: Diário/semanal/quinzenal/mensal Profissional que realiza: Auxiliar ou Técnico de Enfermagem e servidor da empresa terceirizada de

Leia mais

INFORMAÇOES TÉCNICA DOS SERVIÇOS

INFORMAÇOES TÉCNICA DOS SERVIÇOS INFORMAÇOES TÉCNICA DOS SERVIÇOS 3 - LIMPEZA E MANUTENÇÃO Informamos abaixo a forma correta de como proceder à limpeza profunda. Os equipamentos utilizados estão dimensionados de acordo com o tamanho do

Leia mais

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS 01. No depósito de uma cantina, que tipo de produtos não deve ser armazenado junto com alimentos? A) Cereais. B) Condimentos. C) Produtos de limpeza. D) Frutas e verduras. 02.

Leia mais

LIMPEZA MANUAL MOLHADA

LIMPEZA MANUAL MOLHADA GLOSSÁRIO LIMPEZA MANUAL ÚMIDA - Realizada com a utilização de rodos, mops ou esfregões, panos ou esponjas umedecidas em solução detergente, com enxágue posterior com pano umedecido em água limpa. No caso

Leia mais

Mantenha as portas e as janelas abertas, inclusive nos dias frios, para evitar o aumento de germes no ar, o que facilita a transmissão de doenças.

Mantenha as portas e as janelas abertas, inclusive nos dias frios, para evitar o aumento de germes no ar, o que facilita a transmissão de doenças. Soninho Mantenha as portas e as janelas abertas, inclusive nos dias frios, para evitar o aumento de germes no ar, o que facilita a transmissão de doenças. Garanta que entre os colchonetes haja meio metro

Leia mais

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS 01. São atitudes corretas de atendimento ao público, EXCETO: A) Ser cortês. B) Tratar bem o cliente. C) Favorecer um ambiente agradável. D) Não dar a mínima importância ao problema

Leia mais

Limpando a Caixa D'água

Limpando a Caixa D'água Limpando a Caixa D'água É muito importante que se faça a limpeza no mínimo 2 (duas) vezes ao ano. Caixas mal fechadas/tampadas permitem a entrada de pequenos animais e insetos que propiciam sua contaminação.

Leia mais

Data de Vigência: Página 1 de 8. 1- Objetivo: Prevenir doenças e livrar o ambiente de pragas, insetos e roedores.

Data de Vigência: Página 1 de 8. 1- Objetivo: Prevenir doenças e livrar o ambiente de pragas, insetos e roedores. Data de Vigência: Página 1 de 8 1- Objetivo: Prevenir doenças e livrar o ambiente de pragas, insetos e roedores. 2- Aplicação: 3- Procedimentos: Este procedimento aplica-se a cozinha e refeitório. 3.1-

Leia mais

ORIENTAÇÃO PARA O SERVIÇO DE LIMPEZA HOSPITALAR

ORIENTAÇÃO PARA O SERVIÇO DE LIMPEZA HOSPITALAR ORIENTAÇÃO PARA O SERVIÇO DE LIMPEZA HOSPITALAR I- Introdução: A higiene e a ordem são elementos que concorrem decisivamente para a sensação de bem-estar, segurança e conforto dos profissionais, pacientes

Leia mais

CHECK LIST MICROPROCESSO HIGIENIZAÇÃO E LIMPEZA DAS UNIDADES DA APS SEMSA/MANAUS

CHECK LIST MICROPROCESSO HIGIENIZAÇÃO E LIMPEZA DAS UNIDADES DA APS SEMSA/MANAUS CHECK LIST MICROPROCESSO HIGIENIZAÇÃO E LIMPEZA DAS UNIDADES DA APS SEMSA/MANAUS DISA: DATA: UNIDADE: RECURSOS HUMANOS ÍTEM AVALIAÇÃO FORMA DE VERIFICAÇÃO EM CONFORMI DADE NÃO CONFORMI DADE OBSERVAÇÃO

Leia mais

HIGIENIZAÇÃO DO AMBIENTE, PROCESSAMENTO E PREPARO DE SUPERFÍCIE DOS EQUIPAMENTOS E CONSULTÓRIO ODONTOLÓGICO

HIGIENIZAÇÃO DO AMBIENTE, PROCESSAMENTO E PREPARO DE SUPERFÍCIE DOS EQUIPAMENTOS E CONSULTÓRIO ODONTOLÓGICO HIGIENIZAÇÃO DO AMBIENTE, PROCESSAMENTO E PREPARO DE SUPERFÍCIE DOS EQUIPAMENTOS E CONSULTÓRIO ODONTOLÓGICO ANA LUÍZA 21289 LUCAS - 23122 ARTTENALPY 21500 MARCELINA - 25723 CLECIANE - 25456 NAYARA - 21402

Leia mais

BOAS PRÁTICAS NO PREPARO DE ALIMENTOS

BOAS PRÁTICAS NO PREPARO DE ALIMENTOS BOAS PRÁTICAS NO PREPARO DE ALIMENTOS SÉRIE: SEGURANÇA ALIMENTAR e NUTRICIONAL Autora: Faustina Maria de Oliveira - Economista Doméstica DETEC Revisão: Dóris Florêncio Ferreira Alvarenga Pedagoga Departamento

Leia mais

ROTEIRO DE INSPEÇÃO CRECHES, BERÇÁRIOS E SIMILARES.

ROTEIRO DE INSPEÇÃO CRECHES, BERÇÁRIOS E SIMILARES. SUPERINTEDÊNCIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE GERENCIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE AMBIENTAL E SAÚDE DO TRABALHADOR COORDERNAÇÃO DE FISCALIZAÇÃO DE AMBIENTES E SAÚDE DO TRABALHADOR Av. Anhanguera, nº 5.195 Setor Coimbra

Leia mais

O papel da CCIH no Processamento de Roupas de Serviços de Saúde

O papel da CCIH no Processamento de Roupas de Serviços de Saúde O papel da CCIH no Processamento de Roupas de Serviços de Saúde A Portaria MS nº 2616/98 define a Infecção Hospitalar (IH) como sendo aquela adquirida após a admissão do paciente e que se manifesta durante

Leia mais

PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRONIZADO P O P

PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRONIZADO P O P PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRONIZADO P O P P O P DEFINIÇÃO É uma descrição detalhada de todas as operações necessárias para a realização de uma atividade. É um roteiro padronizado para realizar uma atividade.

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE RIO DO OESTE

PREFEITURA MUNICIPAL DE RIO DO OESTE PREFEITURA MUNICIPAL DE RIO DO OESTE PROCESSO SELETIVO Nº001/2010 AUXILIARES DE SERVIÇOS GERAIS NOME DO CANDIDAT0: ASSINATURA: RIO DO OESTE 27 DE JANEIRO DE 2010 Instruções: Antes de começar a realizar

Leia mais

Higienização do Ambiente Hospitalar

Higienização do Ambiente Hospitalar Higienização do Ambiente Hospitalar Enfª Mirella Carneiro Schiavon Agosto/2015 O serviço de limpeza tem por finalidade preparar o ambiente de saúde para suas atividades, mantê-lo em ordem e conservar equipamentos

Leia mais

PREVENÇÃO DE ACIDENTES DOMÉSTICOS

PREVENÇÃO DE ACIDENTES DOMÉSTICOS PREVENÇÃO DE ACIDENTES DOMÉSTICOS Ao falar de prevenção de acidentes domésticos fazemos um diferencial quanto aos acidentes no lar. Aqui vamos falar de acidentes que ocorrem ao realizar trabalhos domésticos

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE DO PARANÁ - SESA SUPERINTENDÊNCIA DE VIGILÂNCIA. Nota Técnica nº 08/13 DVVSA/CEVS/SESA 29 de agosto 2013.

SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE DO PARANÁ - SESA SUPERINTENDÊNCIA DE VIGILÂNCIA. Nota Técnica nº 08/13 DVVSA/CEVS/SESA 29 de agosto 2013. SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE DO PARANÁ - SESA SUPERINTENDÊNCIA DE VIGILÂNCIA Nota Técnica nº 08/13 DVVSA/CEVS/SESA 29 de agosto 2013. BOAS PRÁTICAS PARA COMÉRCIO AMBULANTE DE ALIMENTOS A Secretaria do

Leia mais

BOAS PRÁTICAS EM SERVIÇOS DE ALIMENTAÇÃO: Segurança ao Cliente, Sucesso ao seu Negócio!

BOAS PRÁTICAS EM SERVIÇOS DE ALIMENTAÇÃO: Segurança ao Cliente, Sucesso ao seu Negócio! BOAS PRÁTICAS EM SERVIÇOS DE ALIMENTAÇÃO: Segurança ao Cliente, Sucesso ao seu Negócio! Dra. Marlise Potrick Stefani, MSc Nutricionista Especialista e Mestre em Qualidade, Especialista em Alimentação Coletiva

Leia mais

LOTE 1 - MATERIAL DE LIMPEZA ITEM QUANT. UN. ESPECIFICAÇÃO MARCA

LOTE 1 - MATERIAL DE LIMPEZA ITEM QUANT. UN. ESPECIFICAÇÃO MARCA LOTE 1 - MATERIAL DE LIMPEZA 1 300 UN 2 200 L 3 100 UN 4 20 UN 5 2 UN 6 200 UN 7 200 UN 8 300 UN 9 250 UN 10 500 UN Água sanitária 1Lt, desinfetante e alvejante. Álcool Etílico Hidratado, 1Lt, mínimo de

Leia mais

Procedimentos Operacionais NOME FUNÇÃO ASSINATURA DATA ELABORADO POR

Procedimentos Operacionais NOME FUNÇÃO ASSINATURA DATA ELABORADO POR Versão: 1 Pg: 1/9 NOME FUNÇÃO ASSINATURA DATA ELABORADO POR Mônica Regina Viera Coordenadora 05/09/2009 DE ACORDO Ivo Fernandes Sobreiro Gerente da Qualidade 08/09/2009 APROVADO POR Dr. Renato de Lacerda

Leia mais

Relação de Materiais de Consumo Estimativo Mensal

Relação de Materiais de Consumo Estimativo Mensal AEROPORTO DE JACAREPAGUÁ ROBERTO MARINHO SBJR Relação de Materiais de Consumo Estimativo Mensal Anexo I Junho/12 Relação de Materiais de Consumo Estimativo Mensal Item Unid. Material Iniciar Reposição

Leia mais

RELATÓRIO DE MATERIAIS/SERVIÇOS

RELATÓRIO DE MATERIAIS/SERVIÇOS UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO SEMI ÁRIDO SISTEMA INTEGRADO DE PATRIMÔNIO, ADMINISTRAÇÃO E CONTRATOS EMITIDO EM 04/03/2015 10:04 RELATÓRIO DE MATERIAIS/SERVIÇOS Grupo de Material: 3022 Somente Materiais

Leia mais

ORIENTAÇÕES BÀSICAS DE HIGIENE PESSOAL DO PROFISSIONAL DE SAÚDE

ORIENTAÇÕES BÀSICAS DE HIGIENE PESSOAL DO PROFISSIONAL DE SAÚDE ÁREA 1 - HIGIENE E ANTISSEPSIA PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO Número: POP 001 ORIENTAÇÕES BÀSICAS DE HIGIENE PESSOAL DO PROFISSIONAL DE SAÚDE EXECUTANTE: Todos os profissionais da equipe de saúde. ÁREA:

Leia mais

ORIENTAÇÕES GERAIS. Aplique revestimento liso e impermeável em piso, paredes e teto;

ORIENTAÇÕES GERAIS. Aplique revestimento liso e impermeável em piso, paredes e teto; PREFEITURA MUNICIPAL DE MACEIÓ SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE DE MACEIÓ DIRETORIA DE VIGILÂNCIA À SAÚDE COORDENAÇÃO GERAL DE VIGILÄNCIA SANITÁRIA INSPETORIA DO EXERCÍCIO PROFISSIONAL ORIENTAÇÕES GERAIS

Leia mais

Ações de higienização geral

Ações de higienização geral Ações de higienização geral Limpeza e consciência ampla de higiene são as regras mais importantes na limpeza e desinfecção de granjas suinícolas e conseqüentemente o requisito essencial para uma desinfecção

Leia mais

PLANO DE HIGIENE ÍNDICE 1 HIGIENE PESSOAL 2 RECEPCÇÃO DE MERCADORIAS 3 ZONAS DE ARMAZENAGEM 4 ZONAS DE PREPARAÇÃO 5 ZONAS DE CONFECÇÃO

PLANO DE HIGIENE ÍNDICE 1 HIGIENE PESSOAL 2 RECEPCÇÃO DE MERCADORIAS 3 ZONAS DE ARMAZENAGEM 4 ZONAS DE PREPARAÇÃO 5 ZONAS DE CONFECÇÃO ÍNDICE 1 HIGIENE PESSOAL 2 RECEPCÇÃO DE MERCADORIAS 3 ZONAS DE ARMAZENAGEM 4 ZONAS DE PREPARAÇÃO 5 ZONAS DE CONFECÇÃO 6 REFEITÓRIO / CAFÉ 7 COPA 8 VESTUÁRIOS e / ou CASAS DE BANHO Elaborado: Aprovado:

Leia mais

INSTRUÇÕES PARA A COLETA SELETIVA DO LIXO E DICAS DE CONSUMO CONSCIENTE

INSTRUÇÕES PARA A COLETA SELETIVA DO LIXO E DICAS DE CONSUMO CONSCIENTE 12:43 Page 1 INSTRUÇÕES PARA A COLETA SELETIVA DO LIXO E DICAS DE CONSUMO CONSCIENTE Jardins é Page 2 LIXO UM PROBLEMA DE TODOS Reduzir a quantidade de lixo é um compromisso de todos. Uma pessoa é capaz

Leia mais

PROCESSO SELETIVO EDITAL 01/2014

PROCESSO SELETIVO EDITAL 01/2014 PROCESSO SELETIVO EDITAL 01/2014 CARGO E UNIDADES: Auxiliar de Serviços Gerais (Macaíba) Atenção: NÃO ABRA este caderno antes do início da prova. Tempo total para resolução desta prova: 2 (duas) horas.

Leia mais

MANUAL DE HIGIENIZAÇÃO E LIMPEZA

MANUAL DE HIGIENIZAÇÃO E LIMPEZA MANUAL DE HIGIENIZAÇÃO E LIMPEZA Classificação das Áreas: Critica Semicrítica Não critica Tipos de Limpeza: Limpeza concorrente Limpeza terminal Métodos e Equipamentos de Limpeza de superfície: Limpeza

Leia mais

ANEXO I TERMO DE REFRÊNCIA

ANEXO I TERMO DE REFRÊNCIA ANEXO I TERMO DE REFRÊNCIA 1- INTRODUÇÃO E BASE LEGAL A elaboração deste Termo de Referência rege-se pelas disposições do Decreto nº 5.450, de 31/05/2005, subsidiariamente pela Lei nº 8.666/93, de 21/06/93

Leia mais

Dicas de conservação e limpeza

Dicas de conservação e limpeza Dicas de conservação e limpeza No uso diário de seus armários, alguns cuidados devem ser tomados a fim de prolongar a vida útil do produto. Água Tome cuidado particular em torno da pia, do forno e dos

Leia mais

Boas práticas na manipulação do pescado

Boas práticas na manipulação do pescado Boas práticas na manipulação do pescado O Brasil tem uma grande variedade de pescados e todas as condições para a produção deste alimento saudável e saboroso. Para que o pescado continue essa fonte rica

Leia mais

Anexo II - TERMO DE REFERÊNCIA CONSERVAÇÃO E LIMPEZA

Anexo II - TERMO DE REFERÊNCIA CONSERVAÇÃO E LIMPEZA Anexo II - TERMO DE REFERÊNCIA CONSERVAÇÃO E LIMPEZA 1. OBJETO 1.1. Prestação de Serviços de Conservação e limpeza, higiene e desinfecção e Jardinagem com fornecimento de materiais e equipamentos, para

Leia mais

Preparo de Alimentos Seguros

Preparo de Alimentos Seguros Preparo de Alimentos Seguros O que você precisa saber para preparar um alimento próprio para consumo? Alimento Seguro são aqueles que não oferecem riscos à saúde de quem o está consumindo, ou seja, o alimento

Leia mais

Assinale a alternativa correta: a) V,V,F.F b) V,F,V,F c) V,F,F,F d) V,V,F,V e) V,V,V,F

Assinale a alternativa correta: a) V,V,F.F b) V,F,V,F c) V,F,F,F d) V,V,F,V e) V,V,V,F AUXILIAR OPERACIONAL 1. A desinfecção é o processo de destruição de agentes infecciosos. Assinale a alternativa correta: a) pode ser feita através de meios físicos e químicos b) deve ser realizada com

Leia mais

Manual de Procedimento Operacional Padrão do Serviço de Limpeza

Manual de Procedimento Operacional Padrão do Serviço de Limpeza Univale Universidade Vale do Rio Doce DEC Departamento de Campo/Biossegurança Curso de Enfermagem Manual de Procedimento Operacional Padrão do Serviço de Limpeza Elaborado por: Enf Arilza Patrício Enf

Leia mais

:: Sabão Líquido :: Em um balde ou recipiente bem grande, despejar a soda e 1 litro de água, mexendo por ceca de 5 minutos;

:: Sabão Líquido :: Em um balde ou recipiente bem grande, despejar a soda e 1 litro de água, mexendo por ceca de 5 minutos; :: Sabão Líquido :: Para fazer 30 litros Ingredientes: 1,5 litros de azeite (morno) ½ quilo de soda cáustica 1,5 litros de álcool líquido 1 litro de água (1ª etapa) 27 litros de água (2ª etapa) 2 colheres

Leia mais

PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOAL EM CARÁTER TEMPORÁRIO PARA ATUAR NO MAGISTÉRIO PÚBLICO MUNICIPAL EDITAL Nº 02/2013

PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOAL EM CARÁTER TEMPORÁRIO PARA ATUAR NO MAGISTÉRIO PÚBLICO MUNICIPAL EDITAL Nº 02/2013 PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOAL EM CARÁTER TEMPORÁRIO PARA ATUAR NO MAGISTÉRIO PÚBLICO MUNICIPAL EDITAL Nº 02/2013 NOME DO CANDIDATO: Nº DE INSCRIÇÃO: CARGO: MERENDEIRA PROCESSO SELETIVO

Leia mais

Observância da RDC 216-15.09.2004

Observância da RDC 216-15.09.2004 Observância da RDC 216-15.09.2004 4.3.1 A edificação, as instalações, os equipamentos, os móveis e os utensílios devem ser livres de vetores e pragas urbanas. Deve existir um conjunto de ações eficazes

Leia mais

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS 01. Assinale a alternativa que NÃO apresenta a rotina de trabalho de um (a) Merendeiro(a): A) Executar, sob orientação de Nutricionista, as tarefas relativas à confecção da merenda

Leia mais

International Paper do Brasil Ltda

International Paper do Brasil Ltda International Paper do Brasil Ltda Autor do Doc.: Editores: Marco Antonio Codo / Wanderley Casarim Marco Antonio Codo / Wanderley Casarim Título: Tipo do Documento: SubTipo: Serviços de Limpeza e Disposição

Leia mais

CARTILHA DE MANIPULAÇÃO DE ALIMENTOS

CARTILHA DE MANIPULAÇÃO DE ALIMENTOS CARTILHA DE MANIPULAÇÃO DE ALIMENTOS Departamento de Vigilância Sanitária Setor de Fiscalização de Alimentos Introdução De acordo com a publicação da Organização Mundial da Saúde (OMS), mais de 60% dos

Leia mais

ROTEIRO DE INSPEÇÃO EM HOTEIS E MOTEIS

ROTEIRO DE INSPEÇÃO EM HOTEIS E MOTEIS SUPERINTEDÊNCIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE GERENCIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE AMBIENTAL E SAÚDE DO TRABALHADOR COORDERNAÇÃO DE FISCALIZAÇÃO DE AMBIENTES E SAÚDE DO TRABALHADOR Av. Anhanguera, nº 5.195 Setor Coimbra

Leia mais

REQUISITOS GERAIS HÍGIO SANITÁRIOS E TECNICO-FUNCIONAIS PARA A OFERTA E COMERCIALIZAÇÃO DE PRODUTOS ALIMENTARES NA FEIRA INTERNACIONAL DE LISBOA (FIL)

REQUISITOS GERAIS HÍGIO SANITÁRIOS E TECNICO-FUNCIONAIS PARA A OFERTA E COMERCIALIZAÇÃO DE PRODUTOS ALIMENTARES NA FEIRA INTERNACIONAL DE LISBOA (FIL) MANUAL REQUISITOS GERAIS HÍGIO SANITÁRIOS E TECNICO-FUNCIONAIS PARA A OFERTA E COMERCIALIZAÇÃO DE PRODUTOS ALIMENTARES NA FEIRA INTERNACIONAL DE LISBOA (FIL) O objectivo deste manual é fornecer informação

Leia mais

Cartilha do. Manipulador de Alimentos

Cartilha do. Manipulador de Alimentos Cartilha do Manipulador de Alimentos apresenta Cartilha do Manipulador de Alimentos Belezas naturais e lugares maravilhosos, assim é o turismo no Brasil, que se desenvolve a cada dia e ocupa um importante

Leia mais

Uma arte que deve andar lado a lado com a saúde. Secretaria de Saúde de Vila Velha Vigilância Sanitária

Uma arte que deve andar lado a lado com a saúde. Secretaria de Saúde de Vila Velha Vigilância Sanitária Uma arte que deve andar lado a lado com a saúde. Secretaria de Saúde de Vila Velha Vigilância Sanitária objetivo Este manual estabelece os critérios de higiene e de boas práticas operacionais para o controle

Leia mais

Rotina de Higiene e Limpeza

Rotina de Higiene e Limpeza Rotina de Higiene e Limpeza Diáriamente Calçadas Varrer as calçadas, retirando o lixo das jardineiras e junto ao meio fio (retirando as fezes dos animais). Jardineiras e vasos Rregar as plantas a tardinha

Leia mais

NORMAS DE HIGIENE E SEGURANÇA - TASQUINHAS DAS FESTAS DO BARREIRO 2015 -

NORMAS DE HIGIENE E SEGURANÇA - TASQUINHAS DAS FESTAS DO BARREIRO 2015 - NORMAS DE HIGIENE E SEGURANÇA - TASQUINHAS DAS FESTAS DO BARREIRO 2015 - O presente documento destaca as principais medidas de segurança e higiene no trabalho que deverão ser implementadas e cumpridas

Leia mais

MATERIAL DE LIMPEZA ITEM ESPECIFICAÇÃO UNID QTDE

MATERIAL DE LIMPEZA ITEM ESPECIFICAÇÃO UNID QTDE RERRATIFICAÇÃO AO EDITAL DE LICITAÇÃO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 01/2015 Processo no. 01/2015 SISTEMA REGISTRO DE PREÇOS OBJETO: Tem por objeto o presente Edital de PREGÃO ELETRÔNICO, SISTEMA REGISTRO DE PREÇOS,

Leia mais

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS 01. Sobre o conceito de ética e a sua mais correta interpretação, pode-se afirmar que: a) A ética é a parte da ciência que estuda o comportamento dos políticos e as suas atitudes.

Leia mais

Cozinha Industrial. Juarez Sabino da Silva Junior Técnico de Segurança do Trabalho

Cozinha Industrial. Juarez Sabino da Silva Junior Técnico de Segurança do Trabalho Cozinha Industrial Juarez Sabino da Silva Junior Técnico de Segurança do Trabalho Serviços de alimentação Este tipo de trabalho aparenta não ter riscos, mas não é bem assim, veja alguns exemplos: Cortes

Leia mais

Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção

Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção Por que eu devo utilizar equipamentos de segurança e onde encontrá-los? Os Equipamentos de Proteção Individual (EPI) foram feitos para evitar

Leia mais

AUXILIAR DE SERVIÇOS GERAIS

AUXILIAR DE SERVIÇOS GERAIS AUXILIAR DE SERVIÇOS GERAIS PROVA DE CONHECIMENTOS GERAIS 1. Veja a figura abaixo e aponte a opção verdadeira. a) A figura diz que nas Olimpíadas as pessoas vão ver muito dinheiro. b) A figura deixa claro

Leia mais

ROTEIRO PARA ESTABELECIMENTOS DE ENDOSCOPIA GÁSTRICA

ROTEIRO PARA ESTABELECIMENTOS DE ENDOSCOPIA GÁSTRICA PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE COORDENADORIA GERAL DE VIGILÂNCIA DA SAÚDE EQUIPE DE VIGILANCIA DE SERVIÇOS E PRODUTOS DE INTERESSE À SAÚDE Módulo I - Informações Gerais

Leia mais

SEGURANÇA NA TERCEIRA IDADE OS FATORES QUE MAIS CAUSAM AS QUEDAS PODEM SER:

SEGURANÇA NA TERCEIRA IDADE OS FATORES QUE MAIS CAUSAM AS QUEDAS PODEM SER: SEGURANÇA NA TERCEIRA IDADE As quedas tornam-se mais frequentes com o avançar da idade. Segundo a Sociedade Brasileira de Geriatria e Gerontologia, a maioria dos casos acontecem dentro de casa e são a

Leia mais

Reciclagem de Materiais COLETA SELETIVA

Reciclagem de Materiais COLETA SELETIVA Reciclagem de Materiais COLETA SELETIVA COLETA SELETIVA Conheça algumas medidas importantes para não poluir o meio ambiente na hora de jogar fora o seu lixo Já é inquestionável hoje a importância da reciclagem

Leia mais

ESTABELECIMENTOS DE RESTAURAÇÃO E BEBIDAS [recomendações]

ESTABELECIMENTOS DE RESTAURAÇÃO E BEBIDAS [recomendações] ESTABELECIMENTOS DE RESTAURAÇÃO E BEBIDAS [recomendações] Portugal em Acção ESTABELECIMENTOS DE RESTAURAÇÃO E BEBIDAS As estruturas, as instalações e o equipamento dos estabelecimentos de restauração ou

Leia mais

Pisos de Madeira. Pisos de Cerâmica. Equipamentos. Equipamentos. Segurança. Vassoura Esfregão (se necessário) Pá de lixo Cesto de lixo

Pisos de Madeira. Pisos de Cerâmica. Equipamentos. Equipamentos. Segurança. Vassoura Esfregão (se necessário) Pá de lixo Cesto de lixo Pisos de Madeira 1. Varra bordas, cantos e atrás das portas. 2. Varra o restante do piso, começando de um lado da sala até o outro. Para pisos amplos, use um esfregão, sacudindo-o quando terminar. 3. Junte

Leia mais

Especificação dos materiais e produtos de limpeza

Especificação dos materiais e produtos de limpeza Item Especificação dos materiais e produtos de limpeza Apres. Qtd/ mensal 03 06 07 ÁGUA SANITÁRIA, uso doméstico, a base de hipoclorito de sódio. Embalagem plástica de litro, com dados de identificação

Leia mais

Case de Treinamento de Empregada em Domicílio

Case de Treinamento de Empregada em Domicílio 1 Case de Treinamento de Empregada em Domicílio Treinamento de mensalista 2 Cenário: O empregador tem uma mensalista de muita confiança e amorosa, a empregada toma conta do bebê de 9 meses até início da

Leia mais

MANUAL DE HIGIENIZAÇÃO

MANUAL DE HIGIENIZAÇÃO MANUAL DE HIGIENIZAÇÃO Como fazer a ordenha correta Para fazer a ordenha mecânica, você deve seguir os mesmos passos da ordenha manual. Siga as etapas abaixo indicadas: 1 Providencie um ambiente para a

Leia mais

FORMULÁRIO DE AUTO-INSPEÇÃO PARA SERVIÇOS DE ALIMENTAÇÃO

FORMULÁRIO DE AUTO-INSPEÇÃO PARA SERVIÇOS DE ALIMENTAÇÃO FORMULÁRIO DE AUTO-INSPEÇÃO PARA SERVIÇOS DE ALIMENTAÇÃO Neste formulário estão as exigências mínimas para a instalação e funcionamento de uma Cozinha Industrial. Devem ser observados demais critérios

Leia mais

[SELO ALIMENTO SEGURO]

[SELO ALIMENTO SEGURO] 1 Lista de Verificação Selo Alimento Seguro Lista de Verificação com a finalidade de examinar todos os aspectos relacionados com as instalações, equipamentos, ferramentas, instrumentos utilizados pelas

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 001/2015

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 001/2015 INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 001/2015 Regulamentação do descarte de resíduos comuns, recicláveis, pilhas e baterias e lâmpadas no Centro de Ciências da Saúde da UFRJ - CCS-UFRJ. 1 Objetivo e aplicação Com o

Leia mais

Consumo Consciente. Faz bem para você, para a sociedade e para o planeta

Consumo Consciente. Faz bem para você, para a sociedade e para o planeta Consumo Consciente Faz bem para você, para a sociedade e para o planeta Uma mudança do bem Para nós da Rossi, o consumo consciente é algo vital para a sustentabilidade da sociedade e para o futuro do nosso

Leia mais

LISTA DE VERIFICAÇÃO DAS BOAS PRÁTICAS DE FABRICAÇÃO EM COZINHAS MILITARES E SERVIÇO DE APROVISIONAMENTO

LISTA DE VERIFICAÇÃO DAS BOAS PRÁTICAS DE FABRICAÇÃO EM COZINHAS MILITARES E SERVIÇO DE APROVISIONAMENTO ANEXO II LISTA DE VERIFICAÇÃO DAS BOAS PRÁTICAS DE FABRICAÇÃO EM COZINHAS MILITARES E SERVIÇO DE APROVISIONAMENTO A - IDENTIFICAÇÃO DA OM 1-NOME 2- TELEFONE: 3- ENDEREÇO : 4- E- MAIL: 5- BAIRRO : 6- CIDADE

Leia mais

HIGIENIZAÇÃO, LIMPEZA E PARAMENTAÇÃO

HIGIENIZAÇÃO, LIMPEZA E PARAMENTAÇÃO Bem Vindos! HIGIENIZAÇÃO, LIMPEZA E PARAMENTAÇÃO Quem sou? Farmacêutica Bioquímica e Homeopata. Especialista em Análises Clínicas, Micologia, Microbiologia e Homeopatia. 14 anos no varejo farmacêutico

Leia mais

Formulário de Pedidos

Formulário de Pedidos CUIDADOS COM A CASA [ 01/05 ] 8363 ÁGUA SANITÁRIA PROEZA 1000ML 8503 AMACIANTE DE ROUPAS PROEZA 2LT EMOÇÃO 85011 AMACIANTE DE ROUPAS PROEZA 2LT BEM ESTAR 8504 AMACIANTE DE ROUPAS PROEZA 2LT NENÉM 85021

Leia mais

Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento PNUD. Edital Internacional nº 27681/2015

Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento PNUD. Edital Internacional nº 27681/2015 Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento PNUD Edital Internacional nº 27681/2015 Brasília/DF, 26 de fevereiro de 2015. Prezados, ASSUNTO: ERRATA II Favor considerar as seguintes informações para

Leia mais

18.4. Áreas de vivência

18.4. Áreas de vivência 18.4. Áreas de vivência 18.4.1. Os canteiros de obras devem dispor de: a) instalações sanitárias; (118.015-0 / I4) b) vestiário; (118.016-9 / I4) c) alojamento; (118.017-7 / I4) d) local de refeições;

Leia mais

LISTA DE VERIFICAÇÃO - Itens 1. IDENTIFICAÇÃO

LISTA DE VERIFICAÇÃO - Itens 1. IDENTIFICAÇÃO REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL MINISTÉRIO DA SAÚDE AGÊNCIA NACIONAL DE VIGILÂNCIA SANITÁRIA ANEXO XIII LISTA DE VERIFICAÇÃO DE AUTO-INSPEÇÃO 1.1. Nome da embarcação: 1.2. IMO: 1.3. Nome e assinatura do

Leia mais

Manutenção dos peixes refrigerados

Manutenção dos peixes refrigerados No barco 4 C (39 F) Estas são algumas sugestões sobre o que você pode fazer no barco para manter os peixes frescos e seguros para o consumo, antes de chegarem à unidade de processamento de pescado. Estas

Leia mais

POP S- Procedimentos Operacionais Padronizados

POP S- Procedimentos Operacionais Padronizados POP S- Procedimentos Operacionais Padronizados ESTADO DE GOIÁS SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO, CULTURA E ESPORTE SUPERINTENDÊNCIA DE GESTÃO, PLANEJAMENTO E FINANÇAS GERÊNCIA DE MERENDA ESCOLAR NÚCLEO

Leia mais

Profa. Ana Luiza Veltri

Profa. Ana Luiza Veltri Profa. Ana Luiza Veltri EJA Educação de Jovens e Adultos Água de beber Como está distribuída a água no mundo? A Terra, assim como o corpo humano, é constituída por dois terços de água; Apenas 1% da quantidade

Leia mais

FISPQ FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTO QUÍMICO NBR 14725 NOME DO PRODUTO: SOLUÇÃO 2 - ORTOTOLIDINA

FISPQ FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTO QUÍMICO NBR 14725 NOME DO PRODUTO: SOLUÇÃO 2 - ORTOTOLIDINA NOME DO PRODUTO: SOLUÇÃO 2 - ORTOTOLIDINA DATA DA ÚLTIMA REVISÃO: 09/08/2013 1/7 FISPQ NRº. 022 1- IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA. - Nome do Produto: Ortotolidina - Solução - Nome Comercial: Solução

Leia mais

Papel Reciclado Artesanal Branco com Cascas de Cebola

Papel Reciclado Artesanal Branco com Cascas de Cebola Papel Reciclado Artesanal Branco com Cascas de Cebola 1 Técnica utilizada: reciclagem de papel com cascas de cebola Materiais 2 Papel para reciclar (sulfite, formulário contínuo ou outros papéis que não

Leia mais

Soluções. ecologicamente. práticas. para o. dia a dia

Soluções. ecologicamente. práticas. para o. dia a dia Soluções ecologicamente práticas para o dia a dia Apresentação A Bertazzoni Industrial dedica-se à fabricação e inovação de vassouras, rodos, escovas, desentupidores, acessórios e outros itens indispensáveis

Leia mais

A Importância da reciclagem

A Importância da reciclagem Texto 1 A Importância da reciclagem Vanessa Minuzzi Bidinoto Reciclar é economizar energia, poupar recursos naturais e trazer de volta ao ciclo produtivo o que jogamos fora. Para compreendermos a reciclagem

Leia mais

Caixa Múltipla de Esgoto CAIXA DE GORDURA, CAIXA DE INSPEÇÃO E COMPLEMENTOS

Caixa Múltipla de Esgoto CAIXA DE GORDURA, CAIXA DE INSPEÇÃO E COMPLEMENTOS Caixa Múltipla de Esgoto CAIXA DE GORDURA, CAIXA DE INSPEÇÃO E COMPLEMENTOS Localização no Website Tigre: Obra Predial Esgoto CAIXA MÚLTIPLA ESGOTO Função: A linha Caixa Múltipla Esgoto completa a solução

Leia mais

Campanha de Limpeza e Conservação do Ambiente da Nossa Terra. A Câmara Municipal das Lajes do Pico convida todos os munícipes a aderir à

Campanha de Limpeza e Conservação do Ambiente da Nossa Terra. A Câmara Municipal das Lajes do Pico convida todos os munícipes a aderir à Campanha de Limpeza e Conservação do Ambiente da Nossa Terra A Câmara Municipal das Lajes do Pico convida todos os munícipes a aderir à Campanha de Limpeza e Conservação do Ambiente da Nossa Terra, e a

Leia mais

MANUAL DE BOAS PRATICAS DE FABRICAÇÃO DA COZINHA PEDAGOGICA DO CENTRO DE GASTRONOMIA

MANUAL DE BOAS PRATICAS DE FABRICAÇÃO DA COZINHA PEDAGOGICA DO CENTRO DE GASTRONOMIA MANUAL DE BOAS PRATICAS DE FABRICAÇÃO DA COZINHA PEDAGOGICA DO CENTRO DE GASTRONOMIA JOINVILLE Junho 2009 1. INTRODUÇÃO Este manual descreve as operações realizadas nas cozinha pedagogica do centro de

Leia mais

Prefeitura Municipal de Saltinho Estado de Santa Catarina AUXILIAR DE SERVIÇOS GERAIS INSTRUÇÕES AO CANDIDATO

Prefeitura Municipal de Saltinho Estado de Santa Catarina AUXILIAR DE SERVIÇOS GERAIS INSTRUÇÕES AO CANDIDATO Prefeitura Municipal de Saltinho Estado de Santa Catarina 1 CADERNO DE PROVA PROCESSO SELETIVO 002/2014 AUXILIAR DE SERVIÇOS GERAIS INSTRUÇÕES AO CANDIDATO 01 Este caderno contém 20 (vinte) questões. Se

Leia mais

Transporte Interno. Transporte Interno. Manejo de Resíduos Sólidos e de Serviços de Saúde Transporte e Armazenamento interno 17/10/2014

Transporte Interno. Transporte Interno. Manejo de Resíduos Sólidos e de Serviços de Saúde Transporte e Armazenamento interno 17/10/2014 USP Transporte Interno Consiste no traslado dos resíduos dos Manejo de Resíduos Sólidos e de Serviços de Saúde Transporte e Armazenamento interno Profa. Dra. Vera Letticie de Azevedo Ruiz 2014 1 pontos

Leia mais

Por favor, separe os seus resídous/lixo!

Por favor, separe os seus resídous/lixo! Por favor, separe os seus resídous/lixo! Preste atenção às seguintes regras de separação dos resíduos de Salzburgo e apoe-nos na redução e reciclagem de resíduos/lixo! A sua contribuição para a protecção

Leia mais

GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS E GESTÃO AMBIENTAL NO CANTEIRO DE OBRAS

GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS E GESTÃO AMBIENTAL NO CANTEIRO DE OBRAS GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS E GESTÃO AMBIENTAL NO CANTEIRO DE OBRAS Conheça os personagens: Qualimestre: Ele está atento a tudo, sempre disposto a ensinar. Cuida do Canteiro de obras como fosse sua casa.

Leia mais

É o termo geralmente utilizado para designar o reaproveitamento de materiais beneficiados como matéria-prima para um novo produto.

É o termo geralmente utilizado para designar o reaproveitamento de materiais beneficiados como matéria-prima para um novo produto. É o termo geralmente utilizado para designar o reaproveitamento de materiais beneficiados como matéria-prima para um novo produto. REDUZIR REUTILIZAR RECUPERAR RECICLAR A redução deve ser adaptada por

Leia mais

TAPETES DE ENTRADA TAPETES personalizados TAPETES industriais

TAPETES DE ENTRADA TAPETES personalizados TAPETES industriais TAPETES DE ENTRADA TAPETES personalizados TAPETES industriais Sobre a Kleen-Tex do Brasil A Kleen-Tex é uma empresa americana, fundada em 1967 em LaGrange, Georgia, EUA. Em 1970 a Kleen-Tex inventou o

Leia mais

HIGIENIZAÇÃO HOSPITALAR 2013

HIGIENIZAÇÃO HOSPITALAR 2013 HIGIENIZAÇÃO HOSPITALAR 2013 O Hospital realiza uma combinação complexa de atividades especializadas, onde o serviço de Higienização e Limpeza ocupam um lugar de grande importância. Ao se entrar em um

Leia mais

MANUAL DO LABORATÓRIO DE NUTRIÇÃO

MANUAL DO LABORATÓRIO DE NUTRIÇÃO MANUAL DO LABORATÓRIO DE NUTRIÇÃO Manual desenvolvido pela equipe de monitoras, sob a supervisão da disciplina de Tecnologia de Alimentos (Curso de Nutrição) para normatização das atividades desenvolvidas

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA CONSERVAÇÃO E LIMPEZA

TERMO DE REFERÊNCIA CONSERVAÇÃO E LIMPEZA TERMO DE REFERÊNCIA CONSERVAÇÃO E LIMPEZA 1. OBJETO 1.1. Prestação de Serviços de Conservação e limpeza, higienização, desinfecção e limpeza de reservatórios de água e controle de pragas em geral, com

Leia mais

MANUAL DE LIMPEZA E CONSERVAÇÃO

MANUAL DE LIMPEZA E CONSERVAÇÃO MANUAL DE LIMPEZA E CONSERVAÇÃO 1. O que é limpeza É o ato de remover todo tipo de sujidade, visível ou não, de uma superfície, sem alterar as características originais do local a ser limpo. 1.1 Limpeza

Leia mais

CHECK LIST MICROPROCESSO ESTERILIZAÇÃO DAS UNIDADES DA APS SEMSA/MANAUS

CHECK LIST MICROPROCESSO ESTERILIZAÇÃO DAS UNIDADES DA APS SEMSA/MANAUS CHECK LIST MICROPROCESSO ESTERILIZAÇÃO DAS UNIDADES DA APS SEMSA/MANAUS DISA: DATA: UNIDADE: RECURSOS HUMANOS ÍTEM AVALIAÇÃO FORMA DE VERIFICAÇÃO EM CONFORMI DADE NÃO CONFORMI DADE OBSERVAÇÃO 1) A unidade

Leia mais

PREVENÇÃO, PREPARAÇÃO E RESPOSTA À EMERGÊNCIAS E DESASTRES QUÍMICOS

PREVENÇÃO, PREPARAÇÃO E RESPOSTA À EMERGÊNCIAS E DESASTRES QUÍMICOS Curso de Auto-aprendizagem PREVENÇÃO, PREPARAÇÃO E RESPOSTA À EMERGÊNCIAS E DESASTRES QUÍMICOS Descontaminação de equipamentos Químico Agnaldo R. de Vasconcellos CETESB DEFINIÇÃO CONTAMINAÇÃO: contato

Leia mais

AR-CONDICIONADO 8 H / DIA = 35,3% / MÊS

AR-CONDICIONADO 8 H / DIA = 35,3% / MÊS O Brasil vive uma crise hídrica e energética que está afetando a distribuição de ambos os recursos no país todo, em maior ou menor intensidade. O Estado de São Paulo, em especial a capital, vem sofrendo

Leia mais

Comissão de Controle de Infecção Hospitalar 16/04/2002 atualizada em 30/05/2003 Rotina D5. Manual de Limpeza

Comissão de Controle de Infecção Hospitalar 16/04/2002 atualizada em 30/05/2003 Rotina D5. Manual de Limpeza Comissão de Controle de Infecção Hospitalar 16/04/2002 atualizada em 30/05/2003 Rotina D5 Manual de Limpeza 1. INTRODUÇÃO 2. NOÇÔES BÀSICAS DE HIGIENE E DEFINIÇÕES DE NECESSIDADES 3. DEFINIÇÕES E CONCEITOS

Leia mais

Departamento de Gestão e Economia Controlo da Qualidade. XáàtÄtzxÅ t dâ Çàt. Implementação do Sistema HACCP

Departamento de Gestão e Economia Controlo da Qualidade. XáàtÄtzxÅ t dâ Çàt. Implementação do Sistema HACCP Departamento de Gestão e Economia Controlo da Qualidade XáàtÄtzxÅ t dâ Çàt Implementação do Sistema HACCP O HACCP HACCP - (Hazard Analysis, Critical Control Points) em português Análise dos Perigos e Pontos

Leia mais

FISPQ FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUIMICOS

FISPQ FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUIMICOS DATA DE APROVAÇÃO: 22/11/2011 Página 1 de 5 1 IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do produto LW Impercit Nome da empresa Lwart Química Ltda. Endereço Rodovia Marechal Rondon, Km 303,5, Lençóis Paulista-SP

Leia mais

*RESOLUÇÃO SMSDC Nº 1.424 DE 16 DE FEVEREIRO DE 2009

*RESOLUÇÃO SMSDC Nº 1.424 DE 16 DE FEVEREIRO DE 2009 *RESOLUÇÃO SMSDC Nº 1.424 DE 16 DE FEVEREIRO DE 2009 O SECRETÁRIO MUNICIPAL DE SAÚDE E DEFESA CIVIL, no uso das atribuições que lhe são conferidas pela legislação em vigor, e CONSIDERANDO o Decreto Municipal

Leia mais