Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de São Paulo. Curso null - null. Ênfase. Disciplina LEM1418T1 - Percepção e Rítmica II

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de São Paulo. Curso null - null. Ênfase. Disciplina LEM1418T1 - Percepção e Rítmica II"

Transcrição

1 Curso null - null Ênfase Identificação Disciplina LEM1418T1 - Percepção e Rítmica II Docente(s) Mauricio Funcia de Bonis Unidade Instituto de Artes Departamento Departamento de Música Créditos 0 60 Carga Horaria Seriação ideal Pré - Requisito Co - Requisito

2 Objetivos A- Reconhecer todos os intervalos, melódicos e harmônicos, as tríades M,m,d assim como as tríades sobre os I, II, IV, V e VII6 graus em todas as tonalidades. B- Escrever ditados melódicos e rítmicos a uma e duas vozes em compassos simples e compostos com valores que incluam até a subdivisão em quatro partes do valor do tempo com ou sem tercinas. C- Praticar com desenvoltura leituras cantadas e rítmicas baseadas nos conteúdos teóricos e de percepção trabalhados no curso. D- Ser capaz de compreender, aplicar e ampliar, por meio de pesquisa e leitura da bibliografia disponível, os conceitos teóricos discutidos no curso. Conteúdo CONTEÚDO PROGRAMÁTICO: 1. Treinamento auditivo e Leitura musical: a- Melodias modais a uma e duas vozes. b- Intervalos em padrões modais. c- Reconhecimento de modulações para a dominante, subdominante e relativa menor. d- Reconhecimento de cadência autentica, semi-cadência, plagal e de engano em exercícios s/ modulação. e- Ditado rítmico em metro simples e composto introduzindo tercina de mais de um tempo em compasso simples. f- Ditados rítmicos com todos os elementos já estudados. 2. Treinamento auditivo e Leitura musical: a- Ditados modais a uma e duas vozes b- Reconhecimento de diferentes formações de escalas.(pentatônicas, cromáticas, ciganas, tons inteiros e diatônicas maiores e menores). c- Reconhecimento de acordes de I, V, VII6, II, V7, VI e III. d- Ditados de frases modulantes utilizando todos os acordes diatônicos e V7. e- Ditados de peças escritas em diferentes texturas. f- Reconhecimento de modulação para cinco diferentes tonalidades vizinhas. g- Compassos compostos e e simples introduzindo tercinas menores que o tempo. h- Ditados rítmicos incluindo todos os aspectos estudados. 3. Treinamento auditivo e Leitura musical: a- Ditados melódicos avançados b- Melodia acompanhada c- Intervalos harmônicos e melódicos. d- Reconhecimento de acordes: M; m; d.; a.; e- Ditados a quatro vozes. f- Ditados harmônicos com modulação. g- Ditados com notas não harmônicas. h- Ditados rítmicos com metro simples e composto com variedade de quiálteras. 4. Treinamento auditivo e Leitura musical: a- Ditado melódico. b- Melodia acompanhada. c- Ditado a duas vozes. d- Padrões de seqüências com intervalos melódicos. e- Revisão de todas as tríades V7. f- Fator da acorde no baixo (inversão) e no soprano e o tipo de tríade (M,m, d. e a.). g-percepção da tonalidade. h-reconhecimento de progressões de acordes.

3 i- Mudança de compasso. j- Revisão ditados rítmicos 5. Leitura musical e treinamento auditivo dirigidos para a música do século XX e estéticas não diretamente relacionadas à harmonia tonal barroca, clássica e romântica. a- Materiais melódicos e acordes formados tendo por referência intervalos de 2M, 2 m e 4J. b- Materiais melódicos e acordes formados tendo por referência intervalos de 5J. c- Materiais melódicos e acordes formados tendo por referência intervalos de 3 M e 3 m. 6. Fragmentos de obras do século XX e da música medieval e da polifonia modal dos séculos XV e XVI para aplicação dos intervalos e conceitos trabalhados no módulo 1. a- Leituras de fragmentos não tonais b- Leituras de obras da polifonia modal. 7. Leitura musical e treinamento auditivo, ambos dirigidos para a música do século XX e estéticas não diretamente relacionadas à harmonia tonal barroca, clássica e romântica: a- Leituras, ditados e treinamentos auditivos com melodias e acordes com a introdução do trítono. b- Leituras, ditados e treinamentos auditivos com melodias e acordes com a introdução da 6m. c- Leituras, ditados e treinamentos auditivos com melodias e acordes com a introdução da 6M. d- Leituras, ditados e treinamentos auditivos com melodias e acordes com a introdução da 7m e da 7M. e- Melodias com intervalos compostos 8. Fragmentos de obras do século XX para aplicação dos intervalos e conceitos trabalhados no módulo 3 e leituras de obras da polifonia modal dos séculos XIII ao XVI. 9. Fragmentos de obras do século XX e da música medieval e da polifonia modal dos séculos XV e XVI para aplicação dos intervalos e conceitos trabalhados no módulo 5. Metodologia O curso se desenvolve em três planos interligados: a- treinamento auditivo por meio de exercícios, de ditados (melódicos, rítmicos e harmônicos), reconhecimento de elementos musicais programados, e de escolha múltipla e correção de erros que combinem escrita e audição. Os exercícios serão realizados parcialmente nas aulas e principalmente nas tarefas programadas para treinamento intensivo não presencial; b- prática de leituras indicadas, melódicas cantadas e rítmicas, relativas aos assuntos teóricos desenvolvidos ao longo do curso. Bibliografia BIBLIOGRAFIA BÁSICA BENWARD, B. Workbook in Ear Training. Dubuque: Brown, EDLUND, L. Modus Vetus. Stockholm: Nordiska, s.d p.219. Modus Novus. Stockholm: Nordiska, 1963 p.110. GRAMANI, J.E. Rítmica Viva. Campinas: Unicamp, HINDEMITH, P. Treinamento Elementar para Músicos. São Paulo: Ricordi. KÜHN. C. La Formación Musical del Oído. Barcelona: Labor, LIEBERMAN, M. Ear Training and Sight Singing. Nova York: Norton, MED, B. Teoria da Música. Brasília: Musimed, SCLIAR, E. Elementos de Teoria Musical. São Paulo: Novas Metas, 1985.

4 Critérios de avaliação da aprendizagem VASCONCELOS, J. Acústica Musical e Organologia. Porto Alegre: Movimento, ZAMACOIS, J. Teoria de la Musica libro I. Barcelona: Labor, BIBLIOGRAFIA COMPLEMENTAR AROM, S. African Plyphony and Ployrhytm. Cambridge: Cambridge, CROCKER, R.L. A History of Musical Style. Nova York: Dover, DART, T. Interpretação da Música. São Paulo: Martins Fontes, DONINGTON, R. The Interpretation of Early Music. Londres: Faber, HARNONCOURT, N. O Discurso dos Sons. Rio de Janeiro: Zahar, LERDAHL, F. A Generative Theory of Tonal Music. Cambridge: Mitpress, LESTER, J. Between modes and Keys. MCGEE, T.J. Medieval and Renaissance Music. MENEZES, F. Apoteose de Schoenberg. Cotia: Ateliê, TENNEY, J. A History of Consonance and Dissonance. Nova York: Excelsior, WISNICK, J.M. O Som e o Sentido. São Paulo: Companhia das Letras, CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO DA APRENDIZAGEM Provas escritas valendo de 0 a 10 (Correspondentes á ditados e exercícios de percepção). Provas práticas de leitura e melódica e rítmica. CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO DA DISCIPLINA Questionário aplicado aos alunos com questões alusivas ao material didático utilizado, bem como a duração das aulas, número de alunos por turma, seqüência do repertório. Ementa (Tópicos que caracterizam as unidades do programa de ensino) Aprovação Conselho Curso Cons. Departamental Congregação

5

Câmpus de São Paulo Plano de Ensino Curso Ênfase Identificação Disciplina Docente(s) Unidade Departamento Créditos Carga Horaria Seriação ideal

Câmpus de São Paulo Plano de Ensino Curso Ênfase Identificação Disciplina Docente(s) Unidade Departamento Créditos Carga Horaria Seriação ideal Curso null - null Ênfase Identificação Disciplina LEM1416T1 - Percepção e Rítmica I Docente(s) Graziela Bortz Unidade Instituto de Artes Departamento Departamento de Música Créditos 0 60 Carga Horaria

Leia mais

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso 2501/12 - Artes Visuais. Ênfase

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso 2501/12 - Artes Visuais. Ênfase Curso 2501/12 - Artes Visuais Ênfase Identificação Disciplina 0003800B - Ateliê - Laboratório de Linguagens Bidimensionais Docente(s) José Marcos Romao da Silva Unidade Faculdade de Arquitetura, Artes

Leia mais

1- PROVA OBJETIVA DE TEORIA E PERCEPÇÃO MUSICAL (DE MÚLTIPLA ESCOLHA A, B, C, D E E).

1- PROVA OBJETIVA DE TEORIA E PERCEPÇÃO MUSICAL (DE MÚLTIPLA ESCOLHA A, B, C, D E E). A Prova de Habilidade Específica em Música compreenderá: a) uma Prova Objetiva de Teoria e Percepção Musical e b) uma Prova Prática, cada uma delas eliminatória e classificatória. As provas versarão sobre

Leia mais

HORÁRIO DAS OFICINAS DO SEMINÁRIO DE MÚSICA Semestre

HORÁRIO DAS OFICINAS DO SEMINÁRIO DE MÚSICA Semestre HORÁRIO DAS OFICINAS DO SEMINÁRIO DE MÚSICA Semestre 2017.2 APRECIAÇÃO MUSICAL OFICINA DE APRECIAÇÃO MUSICAL - A PARTIR DE 18 ANOS Análise de literatura musical e análise de instrumentos (seus timbres,

Leia mais

Escola de Artes SAMP. Matriz para a Prova de Passagem Formação Musical

Escola de Artes SAMP. Matriz para a Prova de Passagem Formação Musical Matriz para a Prova de Passagem Formação Musical Preparatório PROVA MELÓDICA Reprodução de intervalos Capacidade de reproduzir sons e respetivas distâncias sonoras Canto de uma melodia Conhecimento de

Leia mais

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso null - null. Ênfase. Disciplina A - Tipografia III. Docente(s) Fernanda Henriques

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso null - null. Ênfase. Disciplina A - Tipografia III. Docente(s) Fernanda Henriques Curso null - null Ênfase Identificação Disciplina 0003655A - Tipografia III Docente(s) Fernanda Henriques Unidade Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação Departamento Departamento de Design Créditos

Leia mais

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso 2501/12 - Artes Visuais. Ênfase

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso 2501/12 - Artes Visuais. Ênfase Curso 2501/12 - Artes Visuais Ênfase Identificação Disciplina 0003811B - Ateliê - Laboratório de Linguagem Pictórica Docente(s) Eliane Patrícia Grandini Serrano Unidade Faculdade de Arquitetura, Artes

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular FORMAÇÃO MUSICAL Ano Lectivo 2011/2012

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular FORMAÇÃO MUSICAL Ano Lectivo 2011/2012 Programa da Unidade Curricular FORMAÇÃO MUSICAL Ano Lectivo 2011/2012 1. Unidade Orgânica Ciências Humanas e Sociais (1º Ciclo) 2. Curso Comunicação e Multimédia 3. Ciclo de Estudos 1º 4. Unidade Curricular

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ INSTITUTO DE CIÊNCIAS DA ARTE ESCOLA DE MÚSICA CURSO TÉCNICO CURSO TÉCNICO EM INSTRUMENTO / CANTO PLANO DE DISCIPLINA

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ INSTITUTO DE CIÊNCIAS DA ARTE ESCOLA DE MÚSICA CURSO TÉCNICO CURSO TÉCNICO EM INSTRUMENTO / CANTO PLANO DE DISCIPLINA UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ INSTITUTO DE CIÊNCIAS DA ARTE ESCOLA DE MÚSICA CURSO TÉCNICO CURSO TÉCNICO EM INSTRUMENTO / CANTO PLANO DE DISCIPLINA CÓDIGO COMPONENTE CURRICULAR MODALIDADE Linguagem Musical

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ INSTITUTO DE CIÊNCIAS DA ARTE ESCOLA DE MÚSICA CURSO TÉCNICO CURSO TÉCNICO EM INSTRUMENTO / CANTO PLANO DE DISCIPLINA

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ INSTITUTO DE CIÊNCIAS DA ARTE ESCOLA DE MÚSICA CURSO TÉCNICO CURSO TÉCNICO EM INSTRUMENTO / CANTO PLANO DE DISCIPLINA UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ INSTITUTO DE CIÊNCIAS DA ARTE ESCOLA DE MÚSICA CURSO TÉCNICO CURSO TÉCNICO EM INSTRUMENTO / CANTO PLANO DE DISCIPLINA CÓDIGO COMPONENTE CURRICULAR MODALIDADE Linguagem Musical

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular FORMAÇÃO AUDITIVA II Ano Lectivo 2015/2016

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular FORMAÇÃO AUDITIVA II Ano Lectivo 2015/2016 Programa da Unidade Curricular FORMAÇÃO AUDITIVA II Ano Lectivo 2015/2016 1. Unidade Orgânica Ciências Humanas e Sociais (1º Ciclo) 2. Curso Jazz e Música Moderna 3. Ciclo de Estudos 1º 4. Unidade Curricular

Leia mais

- MATRIZES DAS DISCIPLINAS -

- MATRIZES DAS DISCIPLINAS - - MATRIZES DAS DISCIPLINAS - FORMAÇÃO MUSICAL Anexo II Matrizes das Disciplinas Admissões 2015/2016 Página 30 de 80 1. DITADOS RÍTMICOS FORMAÇÃO MUSICAL ACESSO AO 2º GRAU PROVA ESCRITA 1.1. Duas frases

Leia mais

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso null - null. Ênfase. Disciplina A - Produção Gráfica III

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso null - null. Ênfase. Disciplina A - Produção Gráfica III Curso null - null Ênfase Identificação Disciplina 0003651A - Produção Gráfica III Docente(s) Cassia Leticia Carrara Domiciano Unidade Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação Departamento Departamento

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS GONÇALO SAMPAIO ESCOLA E.B. 2, 3 PROFESSOR GONÇALO SAMPAIO

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS GONÇALO SAMPAIO ESCOLA E.B. 2, 3 PROFESSOR GONÇALO SAMPAIO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS GONÇALO SAMPAIO ESCOLA E.B. 2, 3 PROFESSOR GONÇALO SAMPAIO DEPARTAMENTO DE EXPRESSÕES EDUCAÇÃO MUSICAL PLANIFICAÇÃO ANUAL 6º ANO 2016/2017 Metas Conceitos Conteúdos Objetivos Avaliação

Leia mais

MÚSICA. Transcreva o trecho musical I, por completo e sem rasura, para o pentagrama correspondente na folha de respostas. O espaço

MÚSICA. Transcreva o trecho musical I, por completo e sem rasura, para o pentagrama correspondente na folha de respostas. O espaço INSTRUÇÕES 1 Este caderno é constituído de treze questões. 2 Caso o caderno de prova esteja incompleto ou tenha qualquer defeito, solicite ao fiscal de sala mais próximo que tome as providências cabíveis.

Leia mais

Desenvolvimento da capacidade de expressão e comunicação - Interpretação e comunicação

Desenvolvimento da capacidade de expressão e comunicação - Interpretação e comunicação DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO FÍSICA E Educação Musical 6º ANO B Ano Letivo: 06/07. Introdução / Finalidades A música enquanto disciplina tem como um dos objetivos fundamentais o desenvolvimento do pensamento

Leia mais

Informação para a Prova de Ingresso - 5º Ano

Informação para a Prova de Ingresso - 5º Ano Informação para a Prova de Ingresso - 5º Ano Tipo de Prova: Escrita Duração da prova: 60 minutos Material permitido: Lápis, borracha e esferográfica azul ou preta Identificar e escrever frases musicais

Leia mais

GRADE CURRICULAR CAVALLIERI TECLADO

GRADE CURRICULAR CAVALLIERI TECLADO MÓDULO I 1º Semestre 1.1 Apresentação do instrumento - Conhecimento das características e possibilidades de uso com seus recursos sonoros e eletrônicos e diferenças entre o teclado e o piano. 1.2 Postura,

Leia mais

CURSO: MÚSICA LICENCIATURA EMENTAS º PERÍODO

CURSO: MÚSICA LICENCIATURA EMENTAS º PERÍODO CURSO: MÚSICA LICENCIATURA EMENTAS - 2016.2 2º PERÍODO DISCIPLINA: LINGUAGEM E ESTRUTURAÇÃO MUSICAL II Teoria e Percepção Musical II. Desenvolvimento da leitura musical em quatro claves de referência:

Leia mais

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso 2202D - Comunicação Social: Jornalismo. Ênfase

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso 2202D - Comunicação Social: Jornalismo. Ênfase Curso 2202D - Comunicação Social: Jornalismo Ênfase Identificação Disciplina 0003003A - Teorias e Métodos da Pesquisa em Comunicação Docente(s) Angela Maria Grossi de Carvalho Unidade Faculdade de Arquitetura,

Leia mais

Harmonia I. Prof. Dr. Paulo de Tarso Salles CMU0230 ECA/USP 2017

Harmonia I. Prof. Dr. Paulo de Tarso Salles CMU0230 ECA/USP 2017 Harmonia I Prof. Dr. Paulo de Tarso Salles CMU0230 ECA/USP 2017 Introdução O Sistema Tonal. Modos Maior e menor. Rameau e Bach: 1722. Temperamento igual: divisão da oitava em 12 semitons equidistantes.

Leia mais

Plano de Ensino usual

Plano de Ensino usual Plano de Ensino usual Aulas de Música Instrumental Este plano de ensino será o roteiro das aulas de como ocorrerão e quais serão os conteúdos abordados em cada aula e também os acordos para que ocorra

Leia mais

Períodos Componentes Curriculares C.H. Percepção Musical - Fundamentos da Linguagem Musical História da Arte Clássica Núcleo

Períodos Componentes Curriculares C.H. Percepção Musical - Fundamentos da Linguagem Musical História da Arte Clássica Núcleo Matriz Curricular Períodos Componentes Curriculares C.H. Prática Pedagó gica C.H. Total 1o 2o 3o Percepção Musical - Fundamentos da Linguagem Musical Específico Teoria Geral da Música Violão I História

Leia mais

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso 2301GD - Bacharelado em Design. Ênfase. Disciplina A - Fotografia III

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso 2301GD - Bacharelado em Design. Ênfase. Disciplina A - Fotografia III Curso 2301GD - Bacharelado em Design Ênfase Identificação Disciplina 0003642A - Fotografia III Docente(s) Luiz Fernando Cardoso Furtado Unidade Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação Departamento

Leia mais

Caderno de Exercícios para as aulas de: LEITURA I PERCEPÇÃO I SOLFEJO I

Caderno de Exercícios para as aulas de: LEITURA I PERCEPÇÃO I SOLFEJO I Conservatório Dramático Musical Maestro Paulino Martins Alves Caderno de Exercícios para as aulas de: LEITURA I PERCEPÇÃO I SOLFEJO I Organização: Rafael Rauski 2012 MANUAL PRÁTICO DE LEITURA EM CLAVES

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO EDITAL PRGDP Nº 72/2016 CARGO: REGENTE CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DAS PROVAS DE LÍNGUA PORTUGUESA, LEGISLAÇÃO E CONHECIMENTO ESPECÍFICO

CONCURSO PÚBLICO EDITAL PRGDP Nº 72/2016 CARGO: REGENTE CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DAS PROVAS DE LÍNGUA PORTUGUESA, LEGISLAÇÃO E CONHECIMENTO ESPECÍFICO CONCURSO PÚBLICO EDITAL PRGDP Nº 72/2016 CARGO: REGENTE CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DAS PROVAS DE LÍNGUA PORTUGUESA, LEGISLAÇÃO E CONHECIMENTO ESPECÍFICO LÍNGUA PORTUGUESA Será avaliada a capacidade de: 1) Leitura

Leia mais

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de São Paulo. Curso 08LEM11 - Licenciatura em Educação Musical. Ênfase

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de São Paulo. Curso 08LEM11 - Licenciatura em Educação Musical. Ênfase Curso 08LEM11 - Licenciatura em Educação Musical Ênfase Identificação Disciplina LEM1275T1 - Educação Musical I Docente(s) Margarete Arroyo Unidade Instituto de Artes Departamento Departamento de Música

Leia mais

PLANIFICAÇÃO ANUAL 6.º Ano

PLANIFICAÇÃO ANUAL 6.º Ano PLANIFICAÇÃO ANUAL 6.º Ano Disciplina de Educação Musical METAS DE APRENDIZAGEM Domínios e Subdomínios Desenvolvimento da Capacidade de Expressão e Comunicação: Interpretação e Comunicação INDICADORES

Leia mais

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso 2202D - Comunicação Social: Jornalismo. Ênfase

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso 2202D - Comunicação Social: Jornalismo. Ênfase Curso 2202D - Comunicação Social: Jornalismo Ênfase Identificação Disciplina 0003018A - Planejamento Gráfico-Editorial em Jornalismo I Docente(s) Francisco Rolfsen Belda Unidade Faculdade de Arquitetura,

Leia mais

A ANÁLISE MUSICAL. No âmbito da música popular, ao falarmos de análise musical, estamos nos referindo:

A ANÁLISE MUSICAL. No âmbito da música popular, ao falarmos de análise musical, estamos nos referindo: A ANÁLISE MUSICAL Por Turi Collura No âmbito da música popular, ao falarmos de análise musical, estamos nos referindo: 1) À análise harmônica 2) À análise da forma musical 1 A análise harmônica busca as

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE MÚSICA Ênfase Práticas Interpretativas

MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE MÚSICA Ênfase Práticas Interpretativas Ministério da Educação Universidade Federal da Integração Latino-Americana Pró-Reitoria de Graduação MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE MÚSICA Ênfase Práticas Interpretativas COMPONENTES CURRICULARES PRÉ-REQUISITOS

Leia mais

Programa do concurso

Programa do concurso UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO - UNIRIO CENTRO DE LETRAS E ARTES - CLA DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO MUSICAL - DEM CONCURSO PARA PROFESSOR ASSISTENTE - EDITAL 121-2014 Área de conhecimento:

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO UNIRIO PROCESSO DE SELEÇÃO E ACESSO ÀS VAGAS OCIOSAS CANDIDATOS AOS CURSOS DE MÚSICA

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO UNIRIO PROCESSO DE SELEÇÃO E ACESSO ÀS VAGAS OCIOSAS CANDIDATOS AOS CURSOS DE MÚSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO UNIRIO PROCESSO DE SELEÇÃO E ACESSO ÀS VAGAS OCIOSAS - 2013 CANDIDATOS AOS CURSOS DE MÚSICA Testes de Habilidades Específicas Informativo THE - Música CANDIDATOS

Leia mais

Fundamentos de harmonia

Fundamentos de harmonia Fundamentos de harmonia Hudson Lacerda 19 de Fevereiro de 2010 Resumo Este texto foi escrito originalmente para uso na disciplina Fundamentos de Harmonia ministrada pelo autor na Escola de Música da Universidade

Leia mais

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso 2202D - Comunicação Social: Jornalismo. Ênfase. Disciplina A - Seminários Avançados

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso 2202D - Comunicação Social: Jornalismo. Ênfase. Disciplina A - Seminários Avançados Curso 2202D - Comunicação Social: Jornalismo Ênfase Identificação Disciplina 0003049A - Seminários Avançados Docente(s) Francisco Machado Filho Unidade Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação Departamento

Leia mais

01. Assinale CORRETAMENTE a alternativa que corresponde às possibilidades de tonalidades apresentadas na sequência a seguir.

01. Assinale CORRETAMENTE a alternativa que corresponde às possibilidades de tonalidades apresentadas na sequência a seguir. 01. Assinale CORRETAMENTE a alternativa que corresponde às possibilidades de tonalidades apresentadas na sequência a seguir. Mi menor, Ré b maior, Sol maior Mi Maior, Ré bemol Maior, Lá Maior Sol# Maior,

Leia mais

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso Arquitetura e Urbanismo. Ênfase. Disciplina A - Acústica Arquitetônica

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso Arquitetura e Urbanismo. Ênfase. Disciplina A - Acústica Arquitetônica Curso 2010 - Arquitetura e Urbanismo Ênfase Identificação Disciplina 0003736A - Acústica Arquitetônica Docente(s) João Roberto Gomes de Faria Unidade Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação Departamento

Leia mais

Departamento de Música da ECA-USP - Vestibular Gabarito da Prova Teórica de Música

Departamento de Música da ECA-USP - Vestibular Gabarito da Prova Teórica de Música Departamento de Música da ECA-USP - Vestibular 2013 Gabarito da Prova Teórica de Música 1 a 3. Percepção musical 1. Ditado melódico a uma voz. O ditado será repetido seis vezes, sempre precedido por dois

Leia mais

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso 2202D - Comunicação Social: Jornalismo. Ênfase. Disciplina A - Fotojornalismo I

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso 2202D - Comunicação Social: Jornalismo. Ênfase. Disciplina A - Fotojornalismo I Curso 2202D - Comunicação Social: Jornalismo Ênfase Identificação Disciplina 0003020A - Fotojornalismo I Docente(s) Tássia Caroline Zanini Unidade Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação Departamento

Leia mais

Programa Curricular do módulo de INSTRUMENTO, variante CANTO. Fornecer um sólido conhecimento técnico do instrumento.

Programa Curricular do módulo de INSTRUMENTO, variante CANTO. Fornecer um sólido conhecimento técnico do instrumento. Programa Curricular do módulo de INSTRUMENTO, variante CANTO Objectivos Gerais Fornecer um sólido conhecimento técnico do instrumento. Desenvolver a coordenação entre raciocínio musical e execução no instrumento.

Leia mais

Disciplina: Análise e Técnicas de Composição 2017

Disciplina: Análise e Técnicas de Composição 2017 Conservatório de Música Calouste Gulbenkian de Braga INFORMAÇÃO - Prova de Equivalência à Frequência Disciplina: Análise e Técnicas de Composição 2017 Código da prova 672 Secundário / 12º ano de escolaridade

Leia mais

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso Licenciatura em Matemática. Ênfase. Disciplina A - Funções Elementares

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso Licenciatura em Matemática. Ênfase. Disciplina A - Funções Elementares Curso 1504 - Licenciatura em Matemática Ênfase Identificação Disciplina 0007200A - Funções Elementares Docente(s) Ivete Maria Baraldi Unidade Faculdade de Ciências Departamento Departamento de Matemática

Leia mais

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso Arquitetura e Urbanismo. Ênfase

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso Arquitetura e Urbanismo. Ênfase Curso 2010 - Arquitetura e Urbanismo Ênfase Identificação Disciplina 0003732A - Urbanismo IV: Inserção Urbana de Equipamentos Coletivos Docente(s) Maria Helena Carvalho Rigitano Unidade Faculdade de Arquitetura,

Leia mais

Segunda Etapa SEGUNDO DIA 2ª ETAPA TEORIA MUSICAL COMISSÃO DE PROCESSOS SELETIVOS E TREINAMENTOS

Segunda Etapa SEGUNDO DIA 2ª ETAPA TEORIA MUSICAL COMISSÃO DE PROCESSOS SELETIVOS E TREINAMENTOS Segunda Etapa SEGUNDO DIA 2ª ETAPA TEORIA MUSICAL COMISSÃO DE PROCESSOS SELETIVOS E TREINAMENTOS 01. A barra dupla indica: 0-0) fim de um trecho musical. 1-1) mudança de compasso. 2-2) mudança de modo.

Leia mais

Para responder às questões 1 e 2, ouça atentamente o trecho musical 1 e considere o exemplo musical I, que corresponde a esse trecho musical.

Para responder às questões 1 e 2, ouça atentamente o trecho musical 1 e considere o exemplo musical I, que corresponde a esse trecho musical. Nas questões de 1 a 10, responda de acordo com o comando de cada uma delas. A questão 1 exige resposta a ser construída pelo próprio candidato; as questões 3, 4, 9 e 10 são de associação ou complementação.

Leia mais

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso Arquitetura e Urbanismo. Ênfase

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso Arquitetura e Urbanismo. Ênfase Curso 2010 - Arquitetura e Urbanismo Ênfase Identificação Disciplina 0003726A - Conforto Térmico II: Isolação e Ventilação Docente(s) Maria Solange Gurgel de Castro Fontes Unidade Faculdade de Arquitetura,

Leia mais

Sugestões Metodológicas: Estratégias/Atividades. Metas de Aprendizagem

Sugestões Metodológicas: Estratégias/Atividades. Metas de Aprendizagem Ano Letivo - 2012/201 Conteúdos Objetivos Curriculares Metas de Aprendizagem Sugestões Metodológicas: Estratégias/Atividades Avaliação Calendarização Dinâmica Forma Ficheiro 1 Reconhece diferentes timbres,

Leia mais

001. Prova de Conhecimento e Habilidade em Música

001. Prova de Conhecimento e Habilidade em Música vestibular 2014 001. Prova de Conhecimento e Habilidade em Música presencial Confira seus dados impressos neste caderno. Esta prova contém 30 questões objetivas e terá duração total de 2 horas. Para cada

Leia mais

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso Engenharia de Produção. Ênfase. Disciplina DP1 - Cálculo Diferencial e Integral I

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso Engenharia de Produção. Ênfase. Disciplina DP1 - Cálculo Diferencial e Integral I Curso 4402 - Engenharia de Produção Ênfase Identificação Disciplina 0002000DP1 - Cálculo Diferencial e Integral I Docente(s) Valter Locci Unidade Faculdade de Ciências Departamento Departamento de Matemática

Leia mais

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de São Paulo. Curso null - null. Ênfase. Disciplina LAC1840T1 - Expressão Vocal I. Docente(s) Suely Master

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de São Paulo. Curso null - null. Ênfase. Disciplina LAC1840T1 - Expressão Vocal I. Docente(s) Suely Master Curso null - null Ênfase Identificação Disciplina LAC1840T1 - Expressão Vocal I Docente(s) Suely Master Unidade Instituto de Artes Departamento Departamento de Artes Cênicas, Educação e Fundamentos da

Leia mais

TAM I - aula 3 UFJF - IAD. Prof. Luiz E. Castelões

TAM I - aula 3 UFJF - IAD. Prof. Luiz E. Castelões TAM I - aula 3 UFJF - IAD Prof. Luiz E. Castelões luiz.casteloes@ufjf.edu.br Plano Geral da Aula: (1) Princípios básicos de Teoria Musical; (2) Aplicação da Teoria do item (1) na análise de pequenos trechos

Leia mais

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso 1102D - Comunicação Social: Radialismo. Ênfase. Disciplina A - Psicologia da Comunicação

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso 1102D - Comunicação Social: Radialismo. Ênfase. Disciplina A - Psicologia da Comunicação Curso 1102D - Comunicação Social: Radialismo Ênfase Identificação Disciplina 0003115A - Psicologia da Comunicação Docente(s) Marcela Pastana Unidade Faculdade de Ciências Departamento Departamento de Psicologia

Leia mais

Música faz bem! BOA PROVA

Música faz bem! BOA PROVA Prova de Habilidade Específica em Música PROVA DE APTIDÃO CURSO MÚSICA LICENCIATURA 1. Todos os candidatos deverão se submeter à entrevista, ao teste escrito e oral, bem como escrever seu histórico musical.

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO PROGRAD CENTRO DE SELEÇÃO PROCESSO SELETIVO 2017 Edital N.

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO PROGRAD CENTRO DE SELEÇÃO PROCESSO SELETIVO 2017 Edital N. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO PROGRAD CENTRO DE SELEÇÃO PROCESSO SELETIVO 2017 Edital N. 69/2016 ANEXO V PROGRAMAS DAS PROVAS PARA OS CURSOS QUE EXIGEM

Leia mais

Processo Seletivo

Processo Seletivo UNIVERSIDADE ESTADUAL DE FEIRA DE SANTANA PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO Processo Seletivo 2011.2 2ª Fase Habilidades Específicas Candidato (a): Feira de Santana, de julho de 2011. UNIVERSIDADE ESTADUAL DE

Leia mais

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso 2202D - Comunicação Social: Jornalismo. Ênfase

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso 2202D - Comunicação Social: Jornalismo. Ênfase Curso 2202D - Comunicação Social: Jornalismo Ênfase Identificação Disciplina 0003006A - Produção Jornalística: Técnicas de Reportagem e Entrevista Docente(s) Juliana Cristina Gobbi Betti Unidade Faculdade

Leia mais

AGRUPAMENTO de ESCOLAS de SANTIAGO do CACÉM Ano Letivo 2016/2017 PLANIFICAÇÃO ANUAL

AGRUPAMENTO de ESCOLAS de SANTIAGO do CACÉM Ano Letivo 2016/2017 PLANIFICAÇÃO ANUAL AGRUPAMENTO de ESCOLAS de SANTIAGO do CACÉM º CICLO Ano Letivo 016/017 PLANIFICAÇÃO ANUAL Documento(s) Orientador(es): Programa de Educação Musical / Metas de Aprendizagem em EM / Manual Banda Sonora 6

Leia mais

Grelhas de conteúdos programáticos

Grelhas de conteúdos programáticos Grelhas de conteúdos programáticos > disciplina de Iniciação Musical ACADEMIA MUSICAL DOS AMIGOS DAS CRIANÇAS AMAC - GRELHAS DE CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS DA DISCIPLINA DE INICIAÇÃO MUSICAL 1 RITMO frases

Leia mais

C-FSG-MU/2015 CÓDIGO - 11

C-FSG-MU/2015 CÓDIGO - 11 1) Em relação à escala cromática, ao analisarmos a origem das notas cromáticas podese dizer que estas devem pertencer aos tons afastados da escala diatônica que lhe corresponde. não devem pertencer aos

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular INSTRUMENTO PRINCIPAL III Ano Lectivo 2014/2015

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular INSTRUMENTO PRINCIPAL III Ano Lectivo 2014/2015 Programa da Unidade Curricular INSTRUMENTO PRINCIPAL III Ano Lectivo 2014/2015 1. Unidade Orgânica Ciências Humanas e Sociais (1º Ciclo) 2. Curso Jazz e Música Moderna 3. Ciclo de Estudos 1º 4. Unidade

Leia mais

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso null - null. Ênfase. Disciplina C - Oficina de Materiais Plásticos

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso null - null. Ênfase. Disciplina C - Oficina de Materiais Plásticos Curso null - null Ênfase Identificação Disciplina 0003635C - Oficina de Materiais Plásticos Docente(s) Osmar Vicente Rodrigues Unidade Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação Departamento Departamento

Leia mais

A G R U P A M E N T O D E E S C O L A S D E O L I V E I R I N H A ( ) E S C O L A B Á S I C A D E O L I V E I R I N H A ( )

A G R U P A M E N T O D E E S C O L A S D E O L I V E I R I N H A ( ) E S C O L A B Á S I C A D E O L I V E I R I N H A ( ) P R O G R A M A Ç Ã O C U R R I C U L A R DO 6 0 A N O COMPETÊNCIAS GERAIS ORG. APRENDIZAGEM COMP. ESPECÍFICAS DE EDUCAÇÃO MUSICAL SITUAÇÕES DE APRENDIZAGEM -Mobilizar saberes culturais, científicos e

Leia mais

PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2016 PROVA DE HABILIDADE ESPECÍFICA CURSO DE MÚSICA. Assinatura: PROVA COLETIVA

PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2016 PROVA DE HABILIDADE ESPECÍFICA CURSO DE MÚSICA. Assinatura: PROVA COLETIVA PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2016 PROVA DE HABILIDADE ESPECÍFICA CURSO DE MÚSICA Nome do Candidato: Inscrição: Assinatura: PROVA COLETIVA 1- A prova está dividida em 4 questões com as seguintes pontuações:

Leia mais

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso 2202D - Comunicação Social: Jornalismo. Ênfase. Disciplina A - Introdução ao Jornalismo

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso 2202D - Comunicação Social: Jornalismo. Ênfase. Disciplina A - Introdução ao Jornalismo Curso 2202D - Comunicação Social: Jornalismo Ênfase Identificação Disciplina 0003000A - Introdução ao Jornalismo Docente(s) Antonio Francisco Magnoni Unidade Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação

Leia mais

Programa Curricular do módulo de INSTRUMENTO, variante GUITARRA. Fornecer um sólido conhecimento técnico do instrumento.

Programa Curricular do módulo de INSTRUMENTO, variante GUITARRA. Fornecer um sólido conhecimento técnico do instrumento. Programa Curricular do módulo de INSTRUMENTO, variante GUITARRA Objectivos Gerais Fornecer um sólido conhecimento técnico do instrumento. Desenvolver a coordenação entre raciocínio musical e execução no

Leia mais

Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP) Instituto de Filosofia, Artes e Cultura (IFAC) Departamento de Música (DEMUS)

Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP) Instituto de Filosofia, Artes e Cultura (IFAC) Departamento de Música (DEMUS) 1 Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP) Instituto de Filosofia, Artes e Cultura (IFAC) Departamento de Música (DEMUS) Curso de Licenciatura em Música DISCIPLINAS ELETIVAS / EMENTAS Análise Musical

Leia mais

JURITY DE SOUZA FARIAS APRENDER SOLFEJO CONSTRUINDO FRASES

JURITY DE SOUZA FARIAS APRENDER SOLFEJO CONSTRUINDO FRASES JURITY DE SOUZA FARIAS APRENDER SOLFEJO CONSTRUINDO FRASES Primeiro trabalho didático sobre iniciação musical deu-se em forma de tese, apresentada no concurso para a cadeira de Teoria e Solfejo da Escola

Leia mais

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso Licenciatura em Matemática. Ênfase. Disciplina B - Funções Elementares

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso Licenciatura em Matemática. Ênfase. Disciplina B - Funções Elementares Curso 1504 - Licenciatura em Matemática Ênfase Identificação Disciplina 0005001B - Funções Elementares Docente(s) Adriana Cristina Cherri Nicola Unidade Faculdade de Ciências Departamento Departamento

Leia mais

DIVISÃO DE REGISTROS ACADÊMICOS Registros Acadêmicos da Graduação. Ementas por Currículo 11/10/ :02. Centro de Ciências da Educação

DIVISÃO DE REGISTROS ACADÊMICOS Registros Acadêmicos da Graduação. Ementas por Currículo 11/10/ :02. Centro de Ciências da Educação 11/1/1 15: Centro de Ciências da Educação Curso: 16 Música (Noturno) Currículo: 11/1 1 ART.91.1- História da Música I Ementa: Evolução e desenvolvimento dos estilos e linguagens musicais dos períodos Antiguidade,

Leia mais

GRADE CURRICULAR CAVALLIERI CANTO POPULAR

GRADE CURRICULAR CAVALLIERI CANTO POPULAR MÓDULO I 1º Semestre 1.1 Apresentação do instrumento vocal. No primeiro módulo o aluno conhecerá seu aparelho fonador fisicamente bem como suas características. 1.2 Postura. Postura corporal correta, e

Leia mais

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso 2202D - Comunicação Social: Jornalismo. Ênfase. Disciplina A - Telejornalismo II

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso 2202D - Comunicação Social: Jornalismo. Ênfase. Disciplina A - Telejornalismo II Curso 2202D - Comunicação Social: Jornalismo Ênfase Identificação Disciplina 0003038A - Telejornalismo II Docente(s) Mayra Fernanda Ferreira Unidade Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação Departamento

Leia mais

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso 2302N - Bacharelado em Design. Ênfase. Disciplina B - Metodologia Científica

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso 2302N - Bacharelado em Design. Ênfase. Disciplina B - Metodologia Científica Curso 2302N - Bacharelado em Design Ênfase Identificação Disciplina 0003622B - Metodologia Científica Docente(s) Ana Beatriz Pereira de Andrade Unidade Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação Departamento

Leia mais

Metas de Aprendizagem: Educação Musical (2º Ciclo)

Metas de Aprendizagem: Educação Musical (2º Ciclo) Metas de Aprendizagem: Educação Musical (2º Ciclo) Domínio: Desenvolvimento da Capacidade de Expressão e Comunicação Subdomínio: Interpretação e Comunicação Meta Final 1) O aluno canta a solo e em grupo,

Leia mais

Vejamos abaixo, por exemplo, o campo harmônico de C Maior com suas dominantes secundárias: C7M Dm7 Em7 F7M

Vejamos abaixo, por exemplo, o campo harmônico de C Maior com suas dominantes secundárias: C7M Dm7 Em7 F7M Dominantes Secundárias Cada um dos acordes diatônicos do campo harmônico, pode ser preparado por um acorde de dominante. Esse acorde se chama dominante secundário. A dominante primária de uma tonalidade

Leia mais

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru Curso 1503 / 1504 - Licenciatura em Matemática 1701 - Bacharelado em Meteorologia 3002 / 3003 - Licenciatura em Pedagogia Ênfase Identificação Disciplina 0004460A - Leitura e Produção Textual Docente(s)

Leia mais

CACILDA BORGES ( )

CACILDA BORGES ( ) CACILDA BORGES (1914 2010) Fez curso de piano, composição e regência na Escola de Música da UFRJ. Responsável pela introdução da cadeira de Ritmoplastiana Escola de Dança do Teatro Municipal do RJ. Obras

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DR. VIEIRA DE CARVALHO Escola Básica e Secundária Dr. Vieira de Carvalho

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DR. VIEIRA DE CARVALHO Escola Básica e Secundária Dr. Vieira de Carvalho AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DR. VIEIRA DE CARVALHO Escola Básica e Secundária Dr. Vieira de Carvalho Departamento de Expressões e Tecnologias Planificação Anual de Educação Musical 5º ano Ano Letivo 2016/2017

Leia mais

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso Bacharelado em Ciência da Computação Física. Ênfase

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso Bacharelado em Ciência da Computação Física. Ênfase Curso 2103 - Bacharelado em Ciência da Computação 1605 - Física Ênfase Identificação Disciplina 0004600A - Cálculo I Docente(s) Adriana Cristina Cherri Nicola Unidade Faculdade de Ciências Departamento

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DR. VIEIRA DE CARVALHO Escola Básica e Secundária Dr. Vieira de Carvalho

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DR. VIEIRA DE CARVALHO Escola Básica e Secundária Dr. Vieira de Carvalho AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DR. VIEIRA DE CARVALHO Escola Básica e Secundária Dr. Vieira de Carvalho Departamento de Expressões e Tecnologias Planificação Anual de Educação Musical 5º ano Ano Letivo 2015/2016

Leia mais

CURSO: MÚSICA EMENTAS º PERÍODO

CURSO: MÚSICA EMENTAS º PERÍODO CURSO: MÚSICA EMENTAS - 2017.2 2º PERÍODO DISCIPLINA: TEORIA E PERCEPÇÃO MUSICAL II Desenvolvimento da percepção dos elementos da organização musical, através de atividades práticas; utilização de elementos

Leia mais

GRADE CURRICULAR CAVALLIERI BAIXO

GRADE CURRICULAR CAVALLIERI BAIXO MÓDULO I 1º Semestre 1.1 Apresentação do instrumento. No primeiro módulo o aluno conhecerá seu instrumento fisicamente bem como suas características - Partes do baixo e nome das cordas. 1.2 Afinação e

Leia mais

TAP - 13 / 11 / 2009 UFJF - IAD. Prof. Luiz E. Castelões

TAP - 13 / 11 / 2009 UFJF - IAD. Prof. Luiz E. Castelões TAP - 13 / 11 / 2009 UFJF - IAD Prof. Luiz E. Castelões lecasteloes@gmail.com Plano Geral da Aula: (1) Princípios básicos de Teoria Musical; (2) Aplicação da Teoria do item (1) na análise de pequenos trechos

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO COORDENAÇÃO DE CONCURSO VESTIBULAR VESTIBULAR 2014 MÚSICA INSTRUÇÕES - Ao receber este caderno de prova verifique se contém 30 questões. Caso contrário,

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS GONÇALO SAMPAIO ESCOLA E.B. 2, 3 PROFESSOR GONÇALO SAMPAIO

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS GONÇALO SAMPAIO ESCOLA E.B. 2, 3 PROFESSOR GONÇALO SAMPAIO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS GONÇALO SAMPAIO ESCOLA E.B. 2, 3 PROFESSOR GONÇALO SAMPAIO DEPARTAMENTO DE EXPRESSÕES EDUCAÇÃO MUSICAL PLANIFICAÇÃO PERIÓDICA 6º ANO 2016/2017 1º Período Conceitos Conteúdos Objetivos

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA COMISSÃO PERMANENTE DE SELEÇÃO - COPESE CONCURSO VESTIBULAR 2010 E MÓDULO III DO PISM - TRIÊNIO 2007/2009

UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA COMISSÃO PERMANENTE DE SELEÇÃO - COPESE CONCURSO VESTIBULAR 2010 E MÓDULO III DO PISM - TRIÊNIO 2007/2009 PROVA DE PERCEPÇÃO E TEORIA (HABILIDADE ESPECÍFICA IAD/UFJF 2010) Parte I: PERCEPÇÃO Instruções: Cada uma das questões de 1 a 5 é acompanhada de um exemplo musical gravado; cada exemplo musical será repetido

Leia mais

Curso de Extensão em Música 2017/1

Curso de Extensão em Música 2017/1 Universidade Federal do Rio Grande - FURG Pró-Reitoria de Extensão e Cultura - PROEXC Diretoria de Arte e Cultura - DAC Núcleo de Extensão em Música Curso de Extensão em Música 2017/1 Rio Grande, 20 de

Leia mais

Escola Básica e Secundária de Alvide

Escola Básica e Secundária de Alvide Informação da Prova de Equivalência à Frequência de Educação Musical Prova 12 2016 2.º Ciclo do Ensino Básico Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho 1. Objeto de avaliação A prova tem por referência o

Leia mais

A ANÁLISE NEO RIEMANNIANA APLICADA À OBRA DE ALBERTO NEPOMUCENO

A ANÁLISE NEO RIEMANNIANA APLICADA À OBRA DE ALBERTO NEPOMUCENO 1 A ANÁLISE NEO RIEMANNIANA APLICADA À OBRA DE ALBERTO NEPOMUCENO Rita de Cássia Taddei Universidade de São Paulo - taddei.rita@gmail.com Resumo: Agregando teoria e análise, este estudo apresenta uma aplicação

Leia mais

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso 2902/ Licenciatura em Química e Bacharelado em Química Ambiental e Tecnológica.

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso 2902/ Licenciatura em Química e Bacharelado em Química Ambiental e Tecnológica. Curso 2902/2903 - Licenciatura em Química e Bacharelado em Química Ambiental e Tecnológica. Ênfase Identificação Disciplina 7104- Física I Docente(s) Unidade Faculdade de Ciências Departamento Departamento

Leia mais

CADERNO DE PROVA (Manhã)

CADERNO DE PROVA (Manhã) Universidade do Estado de Santa Catarina Vestibular 2013.1 CADERNO DE PROVA (Manhã) Conhecimentos Musicais 30 questões NOME DO(A) CANDIDATO(A) Instruções Para fazer a prova você usará: este caderno de

Leia mais

PLANIFICAÇÃO ANUAL - CONTEÚDOS

PLANIFICAÇÃO ANUAL - CONTEÚDOS PLANIFICAÇÃO ANUAL - CONTEÚDOS UNIDADE 1 Compasso binário, ternário e quaternário Figuras rítmicas Notas na pauta e na flauta Organização da música Cânone Elementos expressivos da música Dinâmica Andamento

Leia mais

Programa Curricular do módulo de INSTRUMENTO, variante BAIXO EL./CONTRABAIXO. Fornecer um sólido conhecimento técnico do instrumento.

Programa Curricular do módulo de INSTRUMENTO, variante BAIXO EL./CONTRABAIXO. Fornecer um sólido conhecimento técnico do instrumento. Programa Curricular do módulo de INSTRUMENTO, variante BAIXO EL./CONTRABAIXO Objectivos Gerais Fornecer um sólido conhecimento técnico do instrumento. Desenvolver a coordenação entre raciocínio musical

Leia mais

Nome: (ATENÇÃO: coloque seu nome em todas as páginas deste teste) I. TESTE PERCEPTIVO

Nome: (ATENÇÃO: coloque seu nome em todas as páginas deste teste) I. TESTE PERCEPTIVO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL INSTITUTO DE ARTES DEPARTAMENTO DE MÚSICA CONCURSO VESTIBULAR 2016 PROVA ESPECÍFICA TESTE TEÓRICO-PERCEPTIVO Nome: (ATENÇÃO: coloque seu nome em todas as páginas

Leia mais

Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2015 Música Popular Canto e instrumentos musicais

Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2015 Música Popular Canto e instrumentos musicais Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2015 Música Popular Canto e instrumentos musicais I. INFORMAÇÕES COMUNS A TODAS AS PROVAS A Prova de Habilitação Específica para o Curso de Graduação em

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 019/2016-CEPE/UNESPAR. Considerando o art. 7º, incisos I, II e VII do Regimento Geral da Unespar;

RESOLUÇÃO Nº 019/2016-CEPE/UNESPAR. Considerando o art. 7º, incisos I, II e VII do Regimento Geral da Unespar; RESOLUÇÃO Nº 019/2016-CEPE/UNESPAR Convalida as alterações e prazos de vigência da matriz curricular do curso de Composição e Regência do campus Curitiba I - EMBAP. Considerando o art. 7º, incisos I, II

Leia mais

Câmpus de Bauru Plano de Ensino Curso Ênfase Identificação Disciplina Docente(s) Unidade Departamento Créditos Carga Horaria Seriação ideal

Câmpus de Bauru Plano de Ensino Curso Ênfase Identificação Disciplina Docente(s) Unidade Departamento Créditos Carga Horaria Seriação ideal Curso 2301P - Bacharelado em Design Ênfase Identificação Disciplina 0003632A - Materiais e Processos de Fabricação Docente(s) Sílvio Aparecido Verdério Júnior Unidade Faculdade de Engenharia Departamento

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO - COORDENAÇÃO DE CONCURSO VESTIBULAR PROCESSO SELETIVO SERIADO - 2008 MÚSICA INSTRUÇÕES - Ao receber este caderno de prova verifique se contém

Leia mais

trecho musical ì í î ï ð

trecho musical ì í î ï ð Nas questões de 1 a 10, responda de acordo com o comando de cada uma delas. As questões 1, 4, 6, 7 e 9 exigem respostas a serem construídas; as questões 2 e 8 são de associação. As respostas a essas questões

Leia mais

Educação Musical com Ênfase em Música popular Objetivo do curso:

Educação Musical com Ênfase em Música popular Objetivo do curso: Com carga horária de 420 horas o curso Educação Musical com Ênfase em Música popular é desenvolvido em sistema modular, com 01 encontro por bimestre (total de encontros no curso: 04) para avaliação nos

Leia mais

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso Arquitetura e Urbanismo. Ênfase. Disciplina A - Urbanismo III: Desenho Urbano

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso Arquitetura e Urbanismo. Ênfase. Disciplina A - Urbanismo III: Desenho Urbano Curso 2010 - Arquitetura e Urbanismo Ênfase Identificação Disciplina 0003722A - Urbanismo III: Desenho Urbano Docente(s) Ludmilla Sandim Tidei de Lima Pauleto Unidade Faculdade de Arquitetura, Artes e

Leia mais