Índice Periódico de Variação de Custos Condominiais NOVEMBRO 2016

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Índice Periódico de Variação de Custos Condominiais NOVEMBRO 2016"

Transcrição

1 Índice Periódico de Variação de Custos Condominiais NOVEMBRO 2016 Elaborado pelo Departamento de Pesquisa - AABIC

2 CONSIDERAÇÕES NOVEMBRO DE 2016 IPEVECON Seguindo a tendência esperada para o final do ano, o IPEVECON indicou a tendência de aumento das despesas condominiais nesta época em razão do aumento significativo da folha de pagamento e recolhimento de encargos. Desta forma, com elevação de 9,07% em novembro, o IPEVECON levou a variação acumulada dos últimos doze meses para 7,78%, mantendo-se próximo ao IGPM, índice de referência de preços no mesmo período, que registrou aumento de 7,13%. Como de costume, registramos que o IPEVECON é calculado pela variação efetiva de despesas mensais dos condomínios da amostra, e não considera provisões anuais. Desta forma, demonstra o impacto das despesas com o 13º Salário e o aumento salarial dos empregados de condomínios conforme negociação coletiva da categoria também a partir deste mês (aumento de 9,15%). Neste cenário, os aumentos de 15,07% e 8,92% nos itens Despesas com Pessoal e Encargos Sociais, respectivamente, levaram o IPEVECON a apresentar a significativa elevação comentada. O consumo de Água continua demonstrando viés de alta, e com aumento de 2,65%, afeta também o resultado final do índice, respondendo por 7% do total das despesas mensais em média. Participação Percentual de Despesas Em dezembro, diante do pagamento da 2ª parcela do 13o salário, que é acrescida do cálculo de horas extras e outros acréscimos, bem como do recolhimento do INSS sobre o 13º salário e gratificações natalinas usualmente pagas no mês de dezembro, a tendência de alta do IPEVECON deve se manter. Omar Anauate Diretor de Condomínio 2

3 QUADRO RESUMO DOS VALORES DE CONDOMÍNIO - IPEVECON PERÍODO: NOVEMBRO de 2015 a NOVEMBRO 2016 Valores expressos em reais MÊS/DORM 01 Dorm 02 Dorms 03 Dorms 04 Dorms MÉDIA VAR % PONDERADA MENSAL NOV DEZ ,62% JAN ,13% FEV ,78% MAR ,22% ABR ,19% MAI ,39% JUN ,24% JUL ,21% AGO ,32% SET ,12% OUT ,28% NOV ,07% Variação % 01 Dorms 02 Dorms 03 Dorms 04 Dorms Geral Nov/16-Nov/15 14,72% 9,31% 6,82% 6,59% 7,78% Variação acumulada do IGP-M no período:... 7,13% Variação acumulada do IPEVECON no período:... 7,78% Variação do IGP-M no mês:... -0,03% Variação do IPEVECON no mês:... 9,07% Ponderação p/ Dormitório 01 Dorm 02 Dorms 03 Dorms 04 Dorms Total Base ,46% 39,65% 32,56% 14,33% 100,00% *Dados EMBRAESP - Empresa Brasileira de Estudos de Patrimônio 3

4 QUADRO COMPARATIVO DE DESPESAS Pessoal Encargos Benefícios Água Energia E. Manutenção Mat. Cons. Adm Gerais Eventuais Total Var. NOVEMBRO/ DEZEMBRO/ ,14% JANEIRO/ ,37% FEVEREIRO/ ,60% MARÇO/ ,63% ABRIL/ ,06% MAIO/ ,60% JUNHO/ ,36% JULHO/ ,11% AGOSTO/ ,42% SETEMBRO/ ,38% OUTUBRO/ ,29% NOVEMBRO/ ,20% SOMA -(Últimos 12 Meses) Particip.% (acumul.12meses) 40,18% 18,72% 5,82% 7,06% 4,27% 6,96% 1,04% 8,35% 2,04% 5,55% 100,00% Particip.% (mês) 41,66% 18,10% 5,94% 7,35% 3,47% 6,57% 0,92% 8,23% 1,97% 5,79% 100,00% Var. Nov/16 - Out/16 15,07% 8,92% 6,63% 2,65% -0,96% -0,31% 9,31% 4,58% 0,08% 10,31% 9,20% Var. Acum. no Período 9,05% 9,36% 22,49% 25,35% -12,93% 9,10% 6,09% 19,24% 13,73% 20,72% 11,39% 4

5 QUADRO COMPARATIVO DE DESPESAS - POR DORMITÓRIO 1 DORMITÓRIO Mês Pessoal Encargos Benefícios Água Energia E. Manutenção Mat. Cons. Adm Gerais Eventuais Total GERAL OUT NOV VAR 15,83% 12,98% 8,41% 1,20% -5,17% 4,21% 5,61% 3,96% 5,87% 2,53% 10,00% 2 DORMITÓRIOS Mês Pessoal Encargos Benefícios Água Energia E. Manutenção Mat. Cons. Adm Gerais Eventuais Total PADRÃO A OUT NOV VAR 13,43% 10,73% 5,94% -0,43% 1,25% -2,17% 30,20% 5,97% -6,14% 21,59% 9,11% PADRÃO B OUT NOV VAR 11,49% 13,76% 3,42% 2,04% 0,49% 0,06% 22,35% 5,85% 4,81% 15,58% 9,02% GERAL OUT NOV VAR 12,39% 12,32% 4,61% 0,89% 0,85% -0,96% 26,14% 5,91% -1,00% 18,18% 9,06% 3 DORMITÓRIOS Mês Pessoal Encargos Benefícios Água Energia E. Manutenção Mat. Cons. Adm Gerais Eventuais Total PADRÃO A OUT NOV VAR 17,12% 6,38% 8,36% 6,33% -1,60% -1,34% -0,70% 5,40% 1,90% 6,55% 9,64% PADRÃO B OUT NOV VAR 18,90% 4,90% 7,14% 4,33% -6,30% -4,05% -3,81% 2,78% 9,68% 10,16% 9,50% GERAL OUT NOV VAR 17,94% 5,71% 7,82% 5,41% -3,82% -2,61% -2,16% 4,15% 5,93% 8,23% 9,58% 4 DORMITÓRIOS Mês Pessoal Encargos Benefícios Água Energia E. Manutenção Mat. Cons. Adm Gerais Eventuais Total PADRÃO A OUT NOV VAR 12,67% 7,78% 4,85% 2,85% 2,51% 3,37% 8,01% 3,78% -23,26% 5,02% 7,85% PADRÃO B OUT NOV VAR 15,06% 7,55% 6,93% -0,84% 4,34% 4,73% 1,30% 1,68% -6,99% 4,39% 8,53% GERAL OUT NOV VAR 13,77% 7,67% 5,96% 0,98% 3,28% 4,05% 4,67% 2,76% -14,76% 4,67% 8,18% VARIAÇÃO TOTAL Mês Pessoal Encargos Benefícios Água Energia E. Manutenção Mat. Cons. Adm Gerais Eventuais Total OUT NOV VAR 15,07% 8,92% 6,63% 2,65% -0,96% -0,31% 9,31% 4,58% 0,08% 10,31% 9,20% 5

6 IPEVECON - Índice Periódico de Variação dos Custos Condominiais NOVEMBRO/ Dormitório Mês NOV-15 DEZ-15 JAN-16 FEV-16 MAR-16 ABR-16 MAI-16 JUN-16 JUL-16 AGO-16 SET-16 OUT-16 NOV-16 Número de Apartamentos Até 16 De 17 a 24 De 25 a 48 De 49 a 96 Mais de 96 Média Variação Insuficiente Insuficiente Único Único Único Único Total ,31% ,46% ,40% ,92% ,38% ,14% ,74% ,66% ,87% ,36% ,53% ,99% 6

7 IPEVECON - Índice Periódico de Variação dos Custos Condominiais NOVEMBRO/ Dormitórios Número de Apartamentos Até 16 De 17 a 24 De 25 a 48 De 49 a 96 Mais de 96 Média Variação Mês Insuficiente Único A B Único Único A B A B Total NOV DEZ ,21% 9,99% 10,11% JAN ,42% -8,76% -8,58% FEV ,21% -1,40% -1,82% MAR ,29% 0,27% 0,28% ABR ,23% 0,30% 0,27% MAI ,66% 0,57% 0,62% JUN ,09% 0,16% 0,12% JUL ,65% 0,18% -0,25% AGO ,13% -0,22% -0,04% SET ,28% 0,27% 0,28% OUT ,08% 0,53% 0,30% NOV ,95% 8,84% 8,90% 7

8 IPEVECON - Índice Periódico de Variação dos Custos Condominiais NOVEMBRO/ Dormitórios Número de Apartamentos Até 16 De 17 a 24 De 25 a 48 De 49 a 96 Mais de 96 Média Variação Mês A B A B A B Único Único A B A B Total NOV DEZ ,19% 9,40% 9,28% JAN ,86% -7,48% -7,70% FEV ,08% -1,96% -4,91% MAR ,23% -0,01% 0,13% ABR ,21% -0,11% 0,07% MAI ,40% 0,82% 0,58% JUN ,61% -0,42% 0,16% JUL ,65% -0,11% 0,32% AGO ,43% -0,09% 0,21% SET ,24% 0,33% 0,01% OUT ,19% 0,14% 0,17% NOV ,51% 9,65% 9,57% 8

9 IPEVECON - Índice Periódico de Variação dos Custos Condominiais NOVEMBRO/ Dormitórios Número de Apartamentos Até 16 De 17 a 24 De 25 a 48 De 49 a 96 Mais de 96 Média Variação Mês A B A B Único Insuficiente Insuficiente A B A B Total NOV DEZ ,78% 52,44% 25,43% JAN ,49% -8,38% -8,44% FEV ,81% -4,55% -4,15% MAR ,13% 0,22% 0,17% ABR ,57% -0,16% 0,23% MAI ,11% 0,14% 0,00% JUN ,64% 0,03% 0,36% JUL ,81% -0,15% 0,37% AGO ,82% 0,45% 0,65% SET ,01% 0,23% 0,10% OUT ,54% 0,19% 0,38% NOV ,20% 8,70% 8,43% 9

10 GRÁFICO DE DESPESAS POR TOTAL DE APARTAMENTOS até 16 apartamentos 6,63% 8,80% 0,70% 7,55% 8,34% de 17 a 24 apartamentos 6,81% 9,48% 1,03% 8,08% 6,85% de 25 a 48 apartamentos 0,81% 6,15% 7,40% 9,62% 8,58% 67,97% 67,75% 67,44% de 49 a 96 apartamentos 1,29% 6,05% 7,98% 11,62% 9,17% mais de 96 apartamentos 7,27% 11,78% 0,76% 8,94% 6,75% água e energia elétrica manutenção material de consumo administrativo gerais e eventuais 63,89% 64,49% pessoal / encargos / benefícios 10

11 IPEVECON - CÁLCULO DO ÍNDICE Quadro Resumo por Dormitórios 01 Dormitório 02 Dormitórios 03 Dormitórios 04 Dormitórios Variação Final (ponderada) Padrão ÚNICO A B MÉDIA A B MÉDIA A B MÉDIA IPEVECON OUT/ NOV/ VAR. 9,99% 8,95% 8,84% 8,90% 9,51% 9,65% 9,57% 8,20% 8,70% 8,43% 9,07% Ponderação p/ Dormitório Base Dorm 02 Dorms 03 Dorms 04 Dorms Total 512 A classificação por padrões é baseada na complexidade e grau 10,76% 38,78% 34,66% 15,80% 100% de sofisticação da estrutura do edifício, abrangendo quadro de * Dados EMBRAESP - Empresa Brasileira de Estudos de Patrimônio funcionários, servicos de lazer e equipamentos de segurança. Ponderação p/ Dormitório Base Mês AGO/07 SET/07 OUT/07 NOV/07 DEZ/07 JAN/08 01 Dorm 02 Dorms 03 Dorms 04 Dorms Total ,46% 39,65% 32,56% 14,33% 100% Padrão A: Condomínios com estrutura mais sofisticada. * Dados EMBRAESP - Empresa Brasileira de Estudos de Patrimônio Estrutura Administrativa Padrão B: Condomínios com estrutura mais modesta. 11

PRÓ-TRANSPORTE - MOBILIDADE URBANA - PAC COPA 2014 - CT 318.931-88/10

PRÓ-TRANSPORTE - MOBILIDADE URBANA - PAC COPA 2014 - CT 318.931-88/10 AMPLIAÇÃO DA CENTRAL DE Simpl Acum Simpl Acum jul/10 a jun/11 jul/11 12 13 (%) (%) (%) (%) 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 1/11 AMPLIAÇÃO DA CENTRAL DE ago/11 Simpl Acum Simpl Acum Simpl Acum 14 set/11 15

Leia mais

Índice Periódico de Variação de Custos Condominiais Junho 2015

Índice Periódico de Variação de Custos Condominiais Junho 2015 Índice Periódico de Variação de Custos Condominiais Junho 2015 Elaborado pelo Departamento de Pesquisa - AABIC CONSIDERAÇÕES JUNHO DE 2015 No mês de junho, o IPEVECON registrou variação positiva de 0,72%,

Leia mais

PRÓ-TRANSPORTE - MOBILIDADE URBANA - PAC COPA 2014 - CT 318.931-88/10

PRÓ-TRANSPORTE - MOBILIDADE URBANA - PAC COPA 2014 - CT 318.931-88/10 AMPLIAÇÃO DA CENTRAL DE Simpl Acum Simpl Acum jul/10 a jun/11 jul/11 12 13 (%) (%) (%) (%) 1.72.380,00 0,00 0,00 0,00 361.00,00 22,96 22,96 1/11 AMPLIAÇÃO DA CENTRAL DE ago/11 Simpl Acum Simpl Acum Simpl

Leia mais

TABELA PRÁTICA PARA CÁLCULO DOS JUROS DE MORA ICMS ANEXA AO COMUNICADO DA-87/12

TABELA PRÁTICA PARA CÁLCULO DOS JUROS DE MORA ICMS ANEXA AO COMUNICADO DA-87/12 JANEIRO 2,8451 2,7133 2,4903 2,3303 2,1669 1,9859 1,7813 1,6288 1,4527 1,3148 1,1940 1,0684 FEVEREIRO 2,8351 2,6895 2,4758 2,3201 2,1544 1,9676 1,7705 1,6166 1,4412 1,3048 1,1840 1,0584 MARÇO 2,8251 2,6562

Leia mais

DEMONSTRATIVO DE CÁLCULO DE APOSENTADORIA - FORMAÇÃO DE CAPITAL E ESGOTAMENTO DAS CONTRIBUIÇÕES

DEMONSTRATIVO DE CÁLCULO DE APOSENTADORIA - FORMAÇÃO DE CAPITAL E ESGOTAMENTO DAS CONTRIBUIÇÕES Página 1 de 28 Atualização: da poupança jun/81 1 133.540,00 15,78 10,00% 13.354,00 10,00% 13.354,00 26.708,00-0,000% - 26.708,00 26.708,00 26.708,00 jul/81 2 133.540,00 15,78 10,00% 13.354,00 10,00% 13.354,00

Leia mais

DATA DIA DIAS DO FRAÇÃO DATA DATA HORA DA INÍCIO DO ANO JULIANA SIDERAL T.U. SEMANA DO ANO TRÓPICO 2450000+ 2460000+

DATA DIA DIAS DO FRAÇÃO DATA DATA HORA DA INÍCIO DO ANO JULIANA SIDERAL T.U. SEMANA DO ANO TRÓPICO 2450000+ 2460000+ CALENDÁRIO, 2015 7 A JAN. 0 QUARTA -1-0.0018 7022.5 3750.3 1 QUINTA 0 +0.0009 7023.5 3751.3 2 SEXTA 1 +0.0037 7024.5 3752.3 3 SÁBADO 2 +0.0064 7025.5 3753.3 4 DOMINGO 3 +0.0091 7026.5 3754.3 5 SEGUNDA

Leia mais

Indicadores P&D ( Agosto )

Indicadores P&D ( Agosto ) PESQUISA E DESENVOLVIMENTO Indicadores P&D 2016 ( Agosto ) Variação do Custo dos produtos base dez 2015 (%) PESQUISA E DESENVOLVIMENTO Variação do custo ao decorrer do ano 35 30 25 20 15 10 5 0-5 -10-15

Leia mais

ÍNDICE 1 INDICADORES DA CONSTRUÇÃO CIVIL... 2

ÍNDICE 1 INDICADORES DA CONSTRUÇÃO CIVIL... 2 EDIÇÃO MERCADO Nº 5 MAIO 216 1 ÍNDICE 1 INDICADORES DA CONSTRUÇÃO CIVIL... 2 1.1 PARÁ MAIO 216... 2 1.1.1 VARIAÇÃO ANUAL ACUMULADA ONERADO E DESONERADO... 3 1.1.2 VARIAÇÃO ACUMULADA DO - 12 MESES... 3

Leia mais

EMPREGO E SALÁRIO DE SERVIÇOS DE SALVADOR (BA) - AGOSTO

EMPREGO E SALÁRIO DE SERVIÇOS DE SALVADOR (BA) - AGOSTO EMPREGO E SALÁRIO DE SERVIÇOS DE SALVADOR (BA) - AGOSTO 2010 - Elaboração: Francisco Estevam Martins de Oliveira, Estatístico AD HOC Revisão Técnica: José Varela Donato SUMÁRIO 1. RESULTADOS SINTÉTICOS

Leia mais

RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DA EXECUÇÃO FINANCEIRA

RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DA EXECUÇÃO FINANCEIRA CONTRATO 07/2013 EXERCÍCIO 2013 jan/13 fev/13 mar/13 abr/13 mai/13 jun/13 jul/13 ago/13 set/13 out/13 nov/13 dez/13 Número da Nota Fiscal emitida - - - - - - 92 99 110 121/133-157 - - Depósitos realizados

Leia mais

EVOLUÇÃO SALARIAL (Não considerando a incorporação da Gratificação Nova Escola como reajuste)

EVOLUÇÃO SALARIAL (Não considerando a incorporação da Gratificação Nova Escola como reajuste) EVOLUÇÃO SALARIAL (Não considerando a incorporação da Gratificação Nova Escola como reajuste) Categoria: Profissionais da Educação da Rede Estadual de Ensino do Rio de Janeiro (Magistério) Deflatores:

Leia mais

Data Moeda Valor Vista Descrição Taxa US$ 07-Jul-00 Real 0,5816 Sem frete - PIS/COFINS (3,65%) NPR 1,81 14-Jul-00 Real 0,5938 Sem frete - PIS/COFINS

Data Moeda Valor Vista Descrição Taxa US$ 07-Jul-00 Real 0,5816 Sem frete - PIS/COFINS (3,65%) NPR 1,81 14-Jul-00 Real 0,5938 Sem frete - PIS/COFINS Data Moeda Valor Vista Descrição Taxa US$ 07-Jul-00 Real 0,5816 Sem frete - PIS/COFINS (3,65%) NPR 1,81 14-Jul-00 Real 0,5938 Sem frete - PIS/COFINS (3,65%) NPR 1,8 21-Jul-00 Real 0,6493 Sem frete - PIS/COFINS

Leia mais

EVOLUÇÃO SALARIAL. Categoria: Federação dos Trabalhadores da Saúde do Estado de São Paulo INPC-IBGE. março de 2014

EVOLUÇÃO SALARIAL. Categoria: Federação dos Trabalhadores da Saúde do Estado de São Paulo INPC-IBGE. março de 2014 EVOLUÇÃO SALARIAL Categoria: Material de suporte para categorias em data base Deflatores: ICV-DIEESE INPC-IBGE março de 2014 Este trabalho contém o estudo sobre o comportamento dos salários desde 01-março-2013

Leia mais

Safra 2016/2017. Safra 2015/2016

Safra 2016/2017. Safra 2015/2016 Valores de ATR e Preço da Tonelada de Cana-de-açúcar - Consecana do Estado do Paraná Safra 2016/2017 Mar/16 0,6048 0,6048 0,6048 66,04 73,77 Abr 0,6232 0,6232 0,5927 64,72 72,29 Mai 0,5585 0,5878 0,5868

Leia mais

Índices de Obras Públicas IPOP

Índices de Obras Públicas IPOP Índices de Obras Públicas IPOP Índices de Obras Públicas Estáveis ou em Queda? Denise Cyrillo (*) O mês de março foi bastante conturbado, politicamente, com o avanço do processo de impedimento da presidente

Leia mais

Valores de ATR e Preço da Tonelada de Cana-de-açúcar - Consecana do Estado de São Paulo

Valores de ATR e Preço da Tonelada de Cana-de-açúcar - Consecana do Estado de São Paulo Valores de ATR e Preço da Tonelada de Cana-de-açúcar - Consecana do Estado de São Paulo Safra 2015/2016 Mensal Acumulado Cana Campo (1) Cana Esteira (2) R$/Kg ATR R$/Kg ATR R$/Ton. R$/Ton. Abr/15 0,4909

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DOS SERVIDORES DA CAMARA MUNICIPAL DE SALVADOR RECEITAS X DESPESAS 2015

ASSOCIAÇÃO DOS SERVIDORES DA CAMARA MUNICIPAL DE SALVADOR RECEITAS X DESPESAS 2015 RECEITAS X DESPESAS 2015 RECEITAS JAN FEV MAR ABR MAI JUN JUL AGO SET OUT NOV DEZ Repasse de Inativos PMS 5.071,83 9.761,76 5.472,38 5.539,98 5.667,28 5.788,79 5.739,96 24.411,51 67.453,49 Repasse dos

Leia mais

Série 34 E 35 Relatório de Acompanhamento do CRI 31-jan-14

Série 34 E 35 Relatório de Acompanhamento do CRI 31-jan-14 31-jan-14 a - Juros 6.691.919,50 a - Juros 1.672.979,81 b - Amortização 3.757.333,97 b - Amortização 939.333,65 a - Saldo atual dos CRI Seniors (984.936.461,48) b - Saldo atual dos CRI Junior (246.234.105,79)

Leia mais

Nome do Condomínio. Demonstrativo Financeiro

Nome do Condomínio. Demonstrativo Financeiro Mês: Janeiro 1.5 - Mês: Fevereiro 1.5 - Mês: Março 1.5 - Mês: Abril 1.5 - Mês: Maio 1.5 - Mês: Junho 1.5 - Mês: Julho 1.5 - Mês: Agosto 1.5 - Mês: Setembro 1.5 - Mês: Outubro 1.5 - Mês: Novembro 1.5 -

Leia mais

EVOLUÇÃO SALARIAL. Categoria: Federação dos Trabalhadores da Saúde do Estado de São Paulo. Material de suporte para categorias em data-base INPC-IBGE

EVOLUÇÃO SALARIAL. Categoria: Federação dos Trabalhadores da Saúde do Estado de São Paulo. Material de suporte para categorias em data-base INPC-IBGE EVOLUÇÃO SALARIAL Categoria: Material de suporte para categorias em data-base Deflatores: IPCA-IBGE INPC-IBGE março de 2015 Este trabalho contém o estudo sobre o comportamento dos salários desde 01-março-2014

Leia mais

ÍNDICE 1 INDICADORES DA CONSTRUÇÃO CIVIL... 2

ÍNDICE 1 INDICADORES DA CONSTRUÇÃO CIVIL... 2 EDIÇÃO MERCADO Nº 13 JANEIRO 2017 1 ÍNDICE 1 INDICADORES DA CONSTRUÇÃO CIVIL... 2 1.1 PARÁ JANEIRO 2017... 2 1.1.1 VARIAÇÃO ANUAL ACUMULADA ONERADO E DESONERADO... 3 1.1.2 VARIAÇÃO ACUMULADA DO - 12 MESES...

Leia mais

ADVOCACIA GERAL DA UNIAO Procuradoria Geral da Uniao Departamento de Calculos e Pericias - DECAP ( NECAP NO ESTADO DO

ADVOCACIA GERAL DA UNIAO Procuradoria Geral da Uniao Departamento de Calculos e Pericias - DECAP ( NECAP NO ESTADO DO FICHA FINANCEIRA REFERENTE A 2002 JAN FEV MAR ABR MAI JUN 00182 ADIANT.GRATIF.NATALINA - APOS. R 1 82118 GRAT.DES.TEC.ADM.L10404/GDATA R 1 142,12 142,12 142,12 142,12 142,12 142,12 63,00 63,00 63,00 70,00

Leia mais

INTELIGÊNCIA IMOBILIÁRIA

INTELIGÊNCIA IMOBILIÁRIA RELATÓRIO DE INTELIGÊNCIA IMOBILIÁRIA Rio de Janeiro Janeiro - 2017 Ano 1 Edição 10 Somos referência e uma das maiores empresas em gestão condominial e negócios imobiliários do Brasil, levando solidez

Leia mais

Preço do m 2 anunciado sobe menos do que a inflação em três capitais em agosto, mas ainda mostra força em SP e no RJ

Preço do m 2 anunciado sobe menos do que a inflação em três capitais em agosto, mas ainda mostra força em SP e no RJ Preço do m 2 anunciado sobe menos do que a inflação em três capitais em agosto, mas ainda mostra força em SP e no RJ A variação do Índice FipeZap Composto em agosto/2012 foi de, o mesmo valor registrado

Leia mais

Publicação mensal do Instituto de Pesquisas Econômicas e Sociais

Publicação mensal do Instituto de Pesquisas Econômicas e Sociais IPES Índice de Preços ao Consumidor Publicação mensal do Instituto de Pesquisas Econômicas e Sociais IPC-IPES Índice de Preços ao Consumidor de Caxias do Sul Abril de 2013 Abril de 2013 UNIVERSIDADE DE

Leia mais

Há três meses, inflação cresce

Há três meses, inflação cresce 1 São Paulo, 05 de junho de 2007. NOTA À IMPRENSA Há três meses, inflação cresce Em maio, o custo de vida no município de São Paulo apresentou variação de 0,63%, superior ao de abril (0,41%) em 0,22 pontos

Leia mais

Índices de Obras Públicas IPOP

Índices de Obras Públicas IPOP Índices de Obras Públicas IPOP Inflação do Custo de Obras de Terraplenagem em Ascensão! Denise Cyrillo (*) Em julho, encerrou-se o processo de homologação de dissídios da mão de obra do setor de Construção

Leia mais

Em julho, preço do m 2 anunciado sobe em SP e no RJ, mas cai em BH e no DF

Em julho, preço do m 2 anunciado sobe em SP e no RJ, mas cai em BH e no DF Em julho, preço do m 2 anunciado sobe em SP e no RJ, mas cai em BH e no DF A variação do Índice FipeZap Composto em julho/2012 foi de, o mesmo valor registrado no mês anterior. Apesar de, na média, os

Leia mais

Índices de Preços. Em 12

Índices de Preços. Em 12 Indicadores econômicos Índices de Preços IPC/FIPE IPCA Período Em 12 Em 12 Mensal No ano Mensal No ano meses meses Jan. 0,46 0,46 6,27 0,48 0,48 5,84 Fev. 0,27 0,73 5,52 0,55 1,03 5,90 Mar. 0,40 1,14 6,28

Leia mais

UNIVERSIDADE DE CAXIAS DO SUL CENTRO DE CIÊNCIAS, ECONÔMICAS, CONTÁBEIS E COMÉRCIO INTERNACIONAL INSTITUTO DE PESQUISAS ECONÔMICAS E SOCIAIS

UNIVERSIDADE DE CAXIAS DO SUL CENTRO DE CIÊNCIAS, ECONÔMICAS, CONTÁBEIS E COMÉRCIO INTERNACIONAL INSTITUTO DE PESQUISAS ECONÔMICAS E SOCIAIS UNIVERSIDADE DE CAXIAS DO SUL CENTRO DE CIÊNCIAS, ECONÔMICAS, CONTÁBEIS E COMÉRCIO INTERNACIONAL INSTITUTO DE PESQUISAS ECONÔMICAS E SOCIAIS IPC-IPES Índice de Preços ao Consumidor de Caxias do Sul FEVEREIRO

Leia mais

Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas, Administrativas e Contábeis de Minas Gerais

Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas, Administrativas e Contábeis de Minas Gerais PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: ALUGUÉIS Março de 2016 APRESENTAÇÃO DA PESQUISA Esta pesquisa é realizada pela Fundação IPEAD/UFMG com o apoio da Prefeitura Municipal de Belo Horizonte.

Leia mais

Pesquisa Mensal de Atividade em Serviços. Junho de 2015

Pesquisa Mensal de Atividade em Serviços. Junho de 2015 Pesquisa Mensal de Atividade em Serviços Junho de 2015 Definições A Pesquisa de Emprego em Serviços é desenvolvida pela CNS/FESESP com base em dados do sistema RAIS- CAGED do Ministério do Trabalho e Emprego

Leia mais

Índices de Preços. Em 12

Índices de Preços. Em 12 Indicadores econômicos Índices de Preços IPC/FIPE IPCA Período Em 12 Em 12 Mensal No ano Mensal No ano meses meses Jan. 0,52 0,52 4,27 0,54 0,54 4,56 Fev. 0,19 0,71 4,12 0,49 1,03 4,61 Mar. 0,31 1,02 4,33

Leia mais

Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas, Administrativas e Contábeis de Minas Gerais

Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas, Administrativas e Contábeis de Minas Gerais PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: ALUGUÉIS Abril de 2016 APRESENTAÇÃO DA PESQUISA Realizada pela Fundação IPEAD/UFMG, esta pesquisa tem o objetivo de fornecer informações sobre o mercado

Leia mais

INDICADORES ECONÔMICOS

INDICADORES ECONÔMICOS INDICADORES ECONÔMICOS Índice de Preços IGP-M IGP-DI Mensal No ano Em 12 meses Mensal No ano Em 12 meses Jan. 0,39 0,39 11,87 0,33 0,33 11,61 Fev. 0,30 0,69 11,43 0,40 0,74 10,86 Mar. 0,85 1,55 11,12 0,99

Leia mais

Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas, Administrativas e Contábeis de Minas Gerais

Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas, Administrativas e Contábeis de Minas Gerais PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: ALUGUÉIS Dezembro de 2015 APRESENTAÇÃO DA PESQUISA Esta pesquisa é realizada pela Fundação IPEAD/UFMG com o apoio da Prefeitura Municipal de Belo Horizonte

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE COORDENADORIA DE RECURSOS HUMANOS. Observatório de Recursos Humanos em Saúde SETEMBRO / 2015

SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE COORDENADORIA DE RECURSOS HUMANOS. Observatório de Recursos Humanos em Saúde SETEMBRO / 2015 1 SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE COORDENADORIA DE RECURSOS HUMANOS Indicadores de Recursos Humanos- SES/SP Observatório de Recursos Humanos em Saúde SETEMBRO / 2015 Equipe Técnica: Adriana R. L. Carro -

Leia mais

Série 108 Relatório de Acompanhamento do CRI 31-jan-15

Série 108 Relatório de Acompanhamento do CRI 31-jan-15 31-jan-15 a - Saldo atual dos CRI Seniors (37.502.102,11) c - Saldo devedor total da carteira, encargos e valores a processar 37.502.133,30 f - Excedente / (Falta) 1.034,16 28-fev-15 a - Saldo atual dos

Leia mais

INTELIGÊNCIA IMOBILIÁRIA

INTELIGÊNCIA IMOBILIÁRIA RELATÓRIO DE INTELIGÊNCIA IMOBILIÁRIA Rio de Janeiro Julho - 2016 Ano 1 Edição 5 Somos referência e uma das maiores empresas em gestão condominial e negócios imobiliários do Brasil, levando solidez e eficiência

Leia mais

Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas, Administrativas e Contábeis de Minas Gerais

Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas, Administrativas e Contábeis de Minas Gerais PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: ALUGUÉIS Janeiro de 2016 APRESENTAÇÃO DA PESQUISA Esta pesquisa é realizada pela Fundação IPEAD/UFMG com o apoio da Prefeitura Municipal de Belo Horizonte

Leia mais

PESQUISA DE EMPREGO E DESEMPREGO NO DISTRITO FEDERAL JANEIRO DE 2007

PESQUISA DE EMPREGO E DESEMPREGO NO DISTRITO FEDERAL JANEIRO DE 2007 PESQUISA DE EMPREGO E DESEMPREGO NO DISTRITO FEDERAL JANEIRO DE 2007 Taxa de desemprego registra variação negativa, devido a saída de pessoas do mercado de trabalho. As informações captadas pela Pesquisa

Leia mais

Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas, Administrativas e Contábeis de Minas Gerais

Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas, Administrativas e Contábeis de Minas Gerais PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: CONSTRUÇÃO E COMERCIALIZAÇÃO Março de 2016 APRESENTAÇÃO DA PESQUISA Realizada pela Fundação IPEAD/UFMG, esta pesquisa tem o objetivo de fornecer informações

Leia mais

ÍNDICES DE PREÇOS DO SETOR DE SERVIÇOS DA REGIÃO METROPOLITANA DE FORTALEZA (CE) - SETEMBRO

ÍNDICES DE PREÇOS DO SETOR DE SERVIÇOS DA REGIÃO METROPOLITANA DE FORTALEZA (CE) - SETEMBRO Elaboração: Francisco Estevam Martins de Oliveira, Estatístico ÍNDICES DE PREÇOS DO SETOR DE SERVIÇOS DA REGIÃO METROPOLITANA DE FORTALEZA (CE) - SETEMBRO 2016 - SUMÁRIO 1. RESULTADOS SINTÉTICOS DA PESQUISA...

Leia mais

DEZEMBRO/2007 Ano VIII - No. 96

DEZEMBRO/2007 Ano VIII - No. 96 DEZEMBRO/2007 Ano VIII - No. 96 Índice de Velocidade de Vendas IVV Mercado Imobiliário de Maceió DEZEMBRO/2007 COMENTÁRIOS O mês de Dezembro/07 fechou o ano com a venda de 276 unidades, recorde absoluto

Leia mais

INTELIGÊNCIA IMOBILIÁRIA

INTELIGÊNCIA IMOBILIÁRIA RELATÓRIO DE INTELIGÊNCIA IMOBILIÁRIA Rio de Janeiro Março - 2016 Ano 1 Edição 1 Somos referência e uma das maiores empresas em gestão condominial e negócios imobiliários do Brasil, levando solidez e eficiência

Leia mais

Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas, Administrativas e Contábeis de Minas Gerais

Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas, Administrativas e Contábeis de Minas Gerais PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: CONSTRUÇÃO E COMERCIALIZAÇÃO Fevereiro de 2016 APRESENTAÇÃO DA PESQUISA Esta pesquisa é realizada pela Fundação IPEAD/UFMG com o apoio da Prefeitura Municipal

Leia mais

Boletim de Conjuntura Econômica Fevereiro Tema: Emprego

Boletim de Conjuntura Econômica Fevereiro Tema: Emprego Boletim de Conjuntura Econômica Fevereiro Tema: Emprego Setor de Serviços lidera a geração de empregos com 48% dos empregos Gerados em Janeiro O setor de Serviços lidera a geração de empregos em 211, começou

Leia mais

INTELIGÊNCIA IMOBILIÁRIA

INTELIGÊNCIA IMOBILIÁRIA RELATÓRIO DE INTELIGÊNCIA IMOBILIÁRIA Rio de Janeiro Junho - 2016 Ano 1 Edição 4 Somos referência e uma das maiores empresas em gestão condominial e negócios imobiliários do Brasil, levando solidez e eficiência

Leia mais

PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: ALUGUÉIS

PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: ALUGUÉIS PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: ALUGUÉIS Outubro de 2015 APRESENTAÇÃO DA PESQUISA Esta pesquisa é realizada pela Fundação IPEAD/UFMG com o apoio da Prefeitura Municipal de Belo Horizonte

Leia mais

Tabela de Correção de Indicadores Econômicos 1990. ORTN /OTN / BTN acumulada com TR - 1993 a 1995

Tabela de Correção de Indicadores Econômicos 1990. ORTN /OTN / BTN acumulada com TR - 1993 a 1995 Tabela de Correção de Indicadores Econômicos 1990 ORTN /OTN / BTN acumulada com TR - 1990 a 1992 1990 1991 1992 janeiro 10,9518 janeiro 105,5337 janeiro 552,5059 fevereiro 17,0968 fevereiro 126,8621 fevereiro

Leia mais

PESQUISA MENSAL DE VALORES DE LOCAÇÃO RESIDENCIAL CIDADE DE SÃO PAULO

PESQUISA MENSAL DE VALORES DE LOCAÇÃO RESIDENCIAL CIDADE DE SÃO PAULO PESQUISA MENSAL DE VALORES DE LOCAÇÃO RESIDENCIAL CIDADE DE SÃO PAULO JULHO 2017 JULHO DE 2017 Evolução do Valor Médio de Locação Mês: 0,7% Ano: 0,8% 12 meses: 1,3% No mês julho, os valores médios de locações

Leia mais

Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas Administrativas e Contábeis de Minas Gerais

Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas Administrativas e Contábeis de Minas Gerais PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: TRANSAÇÕES IMOBILIÁRIAS Setembro de APRESENTAÇÃO DA PESQUISA Esta pesquisa é realizada pela Fundação IPEAD/UFMG com o apoio da Prefeitura Municipal de

Leia mais

Indicadores Setoriais da Indústria Farmacêutica. Subsídio à Campanha Salarial 2013

Indicadores Setoriais da Indústria Farmacêutica. Subsídio à Campanha Salarial 2013 Indicadores Setoriais da Indústria Farmacêutica Subsídio à Campanha Salarial 2013 Conjuntura setorial brasileira Evolução dos dados da indústria de farmoquímicos e farmacêuticos - Brasil Ano Número de

Leia mais

PESQUISA MENSAL DE VALORES DE LOCAÇÃO RESIDENCIAL CIDADE DE SÃO PAULO DEZEMBRO DE 2015

PESQUISA MENSAL DE VALORES DE LOCAÇÃO RESIDENCIAL CIDADE DE SÃO PAULO DEZEMBRO DE 2015 PESQUISA MENSAL DE VALORES DE LOCAÇÃO RESIDENCIAL CIDADE DE SÃO PAULO DEZEMBRO DE 2015 No mês de dezembro, os valores médios de locações residenciais caíram 0,2%, em relação ao mês anterior. No acumulado

Leia mais

PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: ALUGUÉIS

PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: ALUGUÉIS PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: ALUGUÉIS Agosto de 2015 APRESENTAÇÃO DA PESQUISA Esta pesquisa é realizada pela Fundação IPEAD/UFMG com o apoio da Prefeitura Municipal de Belo Horizonte

Leia mais

RECALL SMITHS LISTA DOS PRODUTOS ENVOLVIDOS, IMPORTADOS AO BRASIL PELA CIRÚRGICA FERNANDES, COM INFORMAÇÕES SOBRE PRODUTOS VENDIDOS E EM ESTOQUE

RECALL SMITHS LISTA DOS PRODUTOS ENVOLVIDOS, IMPORTADOS AO BRASIL PELA CIRÚRGICA FERNANDES, COM INFORMAÇÕES SOBRE PRODUTOS VENDIDOS E EM ESTOQUE DOCUMENTO 2 LISTA DOS PRODUTOS ENVOLVIDOS, IMPORTADOS AO BRASIL PELA CIRÚRGICA FERNANDES, COM INFORMAÇÕES SOBRE PRODUTOS VENDIDOS E EM ESTOQUE 100.105.025 644425 10 10 fev/05 fev/10 9660 10/10/2005 13/10/2005

Leia mais

Nível de Emprego Regional - CIESP

Nível de Emprego Regional - CIESP Diretorias Regionais do Centro das Indústrias do Estado de São Paulo CIESP Indústria de Transformação Setembro de 2005 Nota metodológica: Pesquisa mensal, realizada pelo CIESP/Sede entre suas Diretorias

Leia mais

Queda no salário médio de admissão do brasileiro já é maior de que na crise de 2009

Queda no salário médio de admissão do brasileiro já é maior de que na crise de 2009 Queda no salário médio de admissão do brasileiro já é maior de que na crise de 2009 Novos profissionais estão sendo contratados por um salário 10,7% menor se comparado àqueles que deixaram seus empregos

Leia mais

PESQUISA MENSAL DE VALORES DE LOCAÇÃO RESIDENCIAL CIDADE DE SÃO PAULO JUNHO DE 2016

PESQUISA MENSAL DE VALORES DE LOCAÇÃO RESIDENCIAL CIDADE DE SÃO PAULO JUNHO DE 2016 Junho 2016 PESQUISA MENSAL DE VALORES DE LOCAÇÃO RESIDENCIAL CIDADE DE SÃO PAULO JUNHO DE 2016 Evolução do Valor Médio de Locação Mês: 0,30% Ano: 0,30% 12 meses: -1,89% No mês de junho, os valores médios

Leia mais

Vênus Em Aquário 25 Dez 1939. Vênus Em Peixes 18 Jan 1940. Vênus Em Áries 12 Fev 1940. Vênus Em Touro 8 Mar 1940. Vênus Em Gêmeos 4 Abr 1940

Vênus Em Aquário 25 Dez 1939. Vênus Em Peixes 18 Jan 1940. Vênus Em Áries 12 Fev 1940. Vênus Em Touro 8 Mar 1940. Vênus Em Gêmeos 4 Abr 1940 Vênus Em Aquário 25 Dez 1939 Vênus Em Peixes 18 Jan 1940 Vênus Em Áries 12 Fev 1940 Vênus Em Touro 8 Mar 1940 Vênus Em Gêmeos 4 Abr 1940 Vênus Em Câncer 6 Maio 1940 Vênus Em Gêmeos 5 Jul 1940 Vênus Em

Leia mais

INDICADORES SETORIAIS E MACROECONÔMICOS

INDICADORES SETORIAIS E MACROECONÔMICOS INDICADORES SETORIAIS E MACROECONÔMICOS MAIO 2015 INCTF INCTL IGPM IPCA INPC ICV OUTROS ÍNDICE VARIAÇÃO MÊS (%) VARIAÇÃO ANO (%) VARIAÇÃO 12 MESES (%) Índice Nacional do Custos do Transporte de Carga Fracionada

Leia mais

EMPREGO E RENDA 2003 UM ANO DE DESEMPREGO E DE QUEDA ACENTUADA DO RENDIMENTO NOS GRANDES CENTROS URBANOS

EMPREGO E RENDA 2003 UM ANO DE DESEMPREGO E DE QUEDA ACENTUADA DO RENDIMENTO NOS GRANDES CENTROS URBANOS EMPREGO E RENDA 2003 UM ANO DE DESEMPREGO E DE QUEDA ACENTUADA DO RENDIMENTO NOS GRANDES CENTROS URBANOS Em dezembro, a pesquisa de emprego do IBGE registrou uma taxa de desocupação de 10,9%. Como é normal

Leia mais

Pesquisa Mensal de Atividade em Serviços. Junho de 2014

Pesquisa Mensal de Atividade em Serviços. Junho de 2014 Pesquisa Mensal de Atividade em Serviços Junho de 2014 Definições A Pesquisa de Emprego em Serviços é desenvolvida pela CNS/FESESP com base em dados do sistema RAIS- CAGED do Ministério do Trabalho e Emprego

Leia mais

PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: ALUGUÉIS

PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: ALUGUÉIS PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: ALUGUÉIS Novembro de 2014 APRESENTAÇÃO DA PESQUISA Esta pesquisa é realizada pela Fundação IPEAD/UFMG com o apoio da Prefeitura Municipal de Belo Horizonte

Leia mais

PESQUISA MENSAL DE VALORES DE LOCAÇÃO RESIDENCIAL CIDADE DE SÃO PAULO OUTUBRO DE 2016

PESQUISA MENSAL DE VALORES DE LOCAÇÃO RESIDENCIAL CIDADE DE SÃO PAULO OUTUBRO DE 2016 Outubro 2016 PESQUISA MENSAL DE VALORES DE LOCAÇÃO RESIDENCIAL CIDADE DE SÃO PAULO OUTUBRO DE 2016 Evolução do Valor Médio de Locação Mês: 0,8% Ano: - 0,5% 12 meses: - 0,8% No mês de outubro, os valores

Leia mais

Índices de Obras Públicas IPOP

Índices de Obras Públicas IPOP Índices de Obras Públicas IPOP Tendência Crescente do Custo de Obras de Terraplenagem Continua! Denise Cyrillo (*) Vários acontecimentos continuam tumultuando a economia brasileira, como a piora do estado

Leia mais

ANO XXVI ª SEMANA DE AGOSTO DE 2015 BOLETIM INFORMARE Nº 32/2015

ANO XXVI ª SEMANA DE AGOSTO DE 2015 BOLETIM INFORMARE Nº 32/2015 ANO XXVI - 2015-1ª SEMANA DE AGOSTO DE 2015 BOLETIM INFORMARE Nº 32/2015 IMPOSTO DE RENDA PESSOA JURÍDICA TAXAS DE CÂMBIO PARA ATUALIZAÇÃO DOS CRÉDITOS E OBRIGAÇÕES EM MOEDA ESTRANGEIRA ATUALIZAÇÃO EM

Leia mais

PESQUISA MENSAL DE VALORES DE LOCAÇÃO RESIDENCIAL CIDADE DE SÃO PAULO SETEMBRO DE 2016

PESQUISA MENSAL DE VALORES DE LOCAÇÃO RESIDENCIAL CIDADE DE SÃO PAULO SETEMBRO DE 2016 Setembro 2016 PESQUISA MENSAL DE VALORES DE LOCAÇÃO RESIDENCIAL CIDADE DE SÃO PAULO SETEMBRO DE 2016 Evolução do Valor Médio de Locação Mês: - 0,4% Ano: - 1,3% 12 meses: - 1,1% No mês de setembro, os valores

Leia mais

Of. N 128/2017 APUFPR-SSIND Curitiba, 2 de junho de 2017

Of. N 128/2017 APUFPR-SSIND Curitiba, 2 de junho de 2017 Of. N 128/2017 APUFPR-SSIND Curitiba, 2 de junho de 2017 Assunto: Esclarecimentos sobre Reajuste 2017 Plano de Saúde Corporativo Unimed Curitiba para a APUFPR-SSind Prezado(a) associado(a), Em nome da

Leia mais

Caderno de Exercícios - Departamento Pessoal - Aluno

Caderno de Exercícios - Departamento Pessoal - Aluno 1. O empregado na função de pizzaiolo foi contratado a tempo parcial com jornada de trabalho de 24 horas semanais. Os empregados na mesma função, com jornada normal de 220 horas, ganhavam o piso salarial

Leia mais

Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas Administrativas e Contábeis de Minas Gerais

Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas Administrativas e Contábeis de Minas Gerais PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: CONSTRUÇÃO E COMERCIALIZAÇÃO Outubro de 2014 APRESENTAÇÃO DA PESQUISA Esta pesquisa é realizada pela Fundação IPEAD/UFMG com o apoio da Prefeitura Municipal

Leia mais

Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas Administrativas e Contábeis de Minas Gerais

Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas Administrativas e Contábeis de Minas Gerais PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: CONSTRUÇÃO E COMERCIALIZAÇÃO Julho de 2014 APRESENTAÇÃO DA PESQUISA Esta pesquisa é realizada pela Fundação IPEAD/UFMG com o apoio da Prefeitura Municipal

Leia mais

PESQUISA MENSAL DO COMERCIO VAREJISTA DA REGIÃO METROPOLITANA DE FORTALEZA (CE) - MARÇO 2016 -

PESQUISA MENSAL DO COMERCIO VAREJISTA DA REGIÃO METROPOLITANA DE FORTALEZA (CE) - MARÇO 2016 - PESQUISA MENSAL DO COMERCIO VAREJISTA DA REGIÃO METROPOLITANA DE FORTALEZA (CE) - MARÇO 2016 - Elaboração: Francisco Estevam Martins de Oliveira, Estatístico Coordenação de Campo: Roberto Guerra SUMÁRIO

Leia mais

Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas Administrativas e Contábeis de Minas Gerais

Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas Administrativas e Contábeis de Minas Gerais PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: CONSTRUÇÃO E COMERCIALIZAÇÃO Abril de 2014 APRESENTAÇÃO DA PESQUISA Esta pesquisa é realizada pela Fundação IPEAD/UFMG com o apoio da Prefeitura Municipal

Leia mais

PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: ALUGUÉIS

PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: ALUGUÉIS PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: ALUGUÉIS Janeiro de 2015 APRESENTAÇÃO DA PESQUISA Esta pesquisa é realizada pela Fundação IPEAD/UFMG com o apoio da Prefeitura Municipal de Belo Horizonte

Leia mais

Produto Interno Bruto Estado de São Paulo Fevereiro de 2016

Produto Interno Bruto Estado de São Paulo Fevereiro de 2016 Produto Interno Bruto Estado de São Paulo Fevereiro de 2016 Diretoria Adjunta de Análise e Disseminação de Informações Gerência de Indicadores Econômicos Em fevereiro de 2016, no acumulado de 12 meses,

Leia mais

Preço anunciado do m 2 tem queda real no primeiro semestre de 2014

Preço anunciado do m 2 tem queda real no primeiro semestre de 2014 Preço anunciado do m 2 tem queda real no primeiro semestre de 2014 Variação no preço dos imóveis é menor do que a inflação nos seis primeiros meses do ano O aumento anual do preço médio do m 2 anunciado

Leia mais

IAPC VALE DO PARANHANA

IAPC VALE DO PARANHANA IAPC VALE DO PARANHANA SÍNTESE DOS INDICADORES DA PESQUISA Indicador Variação de Fevereiro de 2013 em relação a Janeiro 2013 (%) Variação da produção de Fevereiro de 2013 em relação a Fevereiro de 2012

Leia mais

Grupos Disponíveis Para Venda - 25/05/2015 10:58:48

Grupos Disponíveis Para Venda - 25/05/2015 10:58:48 25/05/2015 10:59:09 Página 1 Grupo: 000894 Prazo: 084 Prazo Restante: 062 Assembleia Atual: 023 11/06/2015 Vencimento: 08/06/2015 Participantes: 600 Cotas Vagas: 000 Característica: 1 SORTEIO - 1 SORTEIO

Leia mais

Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas Administrativas e Contábeis de Minas Gerais

Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas Administrativas e Contábeis de Minas Gerais PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: CONSTRUÇÃO E COMERCIALIZAÇÃO Setembro de 2015 APRESENTAÇÃO DA PESQUISA Esta pesquisa é realizada pela Fundação IPEAD/UFMG com o apoio da Prefeitura Municipal

Leia mais

Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas, Administrativas e Contábeis de Minas Gerais

Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas, Administrativas e Contábeis de Minas Gerais PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: CONSTRUÇÃO E COMERCIALIZAÇÃO Janeiro de 2016 APRESENTAÇÃO DA PESQUISA Esta pesquisa é realizada pela Fundação IPEAD/UFMG com o apoio da Prefeitura Municipal

Leia mais

Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas, Administrativas e Contábeis de Minas Gerais

Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas, Administrativas e Contábeis de Minas Gerais PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: CONSTRUÇÃO E COMERCIALIZAÇÃO Dezembro de 2015 APRESENTAÇÃO DA PESQUISA Esta pesquisa é realizada pela Fundação IPEAD/UFMG com o apoio da Prefeitura Municipal

Leia mais

CNC - Divisão Econômica Rio de janeiro

CNC - Divisão Econômica Rio de janeiro CNC - Divisão Econômica Rio de janeiro PEIC Síntese dos Resultados Síntese dos Resultados Total de Endividados Dívidas ou Contas em Atrasos Não Terão Condições de Pagar mar/10 63,0% 27,3% 8,7% fev/11 65,3%

Leia mais

janeiro/2016 Em janeiro, vendas de imóveis aumentaram em relação ao mesmo período de 2015 CIDADE DE SÃO PAULO Números do mês: Acumulado 12 meses

janeiro/2016 Em janeiro, vendas de imóveis aumentaram em relação ao mesmo período de 2015 CIDADE DE SÃO PAULO Números do mês: Acumulado 12 meses janeiro/2016 CIDADE DE SÃO PAULO Números do mês: Vendas = 950 unidades Lançamentos = 956 unidades Oferta Final = 27.014 unidades VSO Mensal = 3,4% VSO 12 Meses = 42,0% Em janeiro, vendas de imóveis aumentaram

Leia mais

Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas Administrativas e Contábeis de Minas Gerais

Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas Administrativas e Contábeis de Minas Gerais PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: CONSTRUÇÃO E COMERCIALIZAÇÃO Outubro de 2015 APRESENTAÇÃO DA PESQUISA Esta pesquisa é realizada pela Fundação IPEAD/UFMG com o apoio da Prefeitura Municipal

Leia mais

ICV DIEESE: taxa é menor, mas serviços continuam a pressionar a inflação

ICV DIEESE: taxa é menor, mas serviços continuam a pressionar a inflação NOTA À IMPRENSA SÃO PAULO, 07 DE MARÇO DE 2005. ICV DIEESE: taxa é menor, mas serviços continuam a pressionar a inflação O custo de vida no município de São Paulo apresentou, em fevereiro, variação de

Leia mais

BALANÇO DO MERCADO IMOBILIÁRIO 1º TRIMESTRE/2013. Versão CPE - ACCB/CCMA/JJA/MAB/RSO 1/37

BALANÇO DO MERCADO IMOBILIÁRIO 1º TRIMESTRE/2013. Versão CPE - ACCB/CCMA/JJA/MAB/RSO 1/37 BALANÇO DO MERCADO IMOBILIÁRIO 1º TRIMESTRE/2013 Versão 1005133-20100617 CPE - ACCB/CCMA/JJA/MAB/RSO 1/37 1/39 1/74 1/6 INFORMAÇÃO E CONHECIMENTO ECONOMIA PIB CRESCIMENTO NO ANO 8,0% 7,5% 7,0% 6,0% 5,0%

Leia mais

IPES Índice de Preços ao Consumidor

IPES Índice de Preços ao Consumidor IPES Índice de Preços ao Consumidor Publicação mensal do Instituto de Pesquisas Econômicas e Sociais IPC-IPES Índice de Preços ao Consumidor de Caxias do Sul Março de 2016 Março de 2016 UNIVERSIDADE DE

Leia mais

Panorama da Economia Brasileira

Panorama da Economia Brasileira Panorama da Economia Brasileira Nelson Barbosa Secretário de Política Econômica Brasília, 23 de novembro de 2009 1 PRODUÇÃO INDUSTRIAL Índice com ajuste sazonal (jan/2007 = 100) 115 110 110,9 105 101,89

Leia mais

CNC - Divisão Econômica Rio de janeiro

CNC - Divisão Econômica Rio de janeiro CNC - Divisão Econômica Rio de janeiro PEIC Síntese dos Resultados Síntese dos Resultados Total de Endividados Dívidas ou Contas em Atrasos Não Terão Condições de Pagar Mai/11 64,2% 24,4% 8,6% Abr/12 56,8%

Leia mais

Comércio em Números. Brasil. meses.

Comércio em Números. Brasil. meses. Belo Horizonte MG Dezembro de 2015 O é um acompanhamento sistemático das estatísticas econômicas. Trata-se de um estudo que busca acompanhar o comportamento das variáveis de desempenho do consumo e das

Leia mais

Índices de Obras Públicas IPOP

Índices de Obras Públicas IPOP Índices de Obras Públicas IPOP Índices de Obras Públicas Registram Aceleração Generalizada! Denise Cyrillo (*) Neste início de ano, não se pode afirmar que as perspectivas da economia brasileira melhoraram.

Leia mais

Sondagem Industrial do RN: Indústrias Extrativas e de Transformação

Sondagem Industrial do RN: Indústrias Extrativas e de Transformação Atividade industrial potiguar volta a crescer em maio RESUMO E COMENTÁRIOS A Sondagem das indústrias Extrativas e de do Rio Grande do Norte, elaborada pela FIERN, mostra que, em maio, o nível de produção

Leia mais

Publicação mensal do Instituto de Pesquisas Econômicas e Sociais

Publicação mensal do Instituto de Pesquisas Econômicas e Sociais IPES Índice de Preços ao Consumidor Publicação mensal do Instituto de Pesquisas Econômicas e Sociais IPC-IPES Índice de Preços ao Consumidor de Caxias do Sul NOVEMBRO de 2011 Novembro de 2011 UNIVERSIDADE

Leia mais

IGP-M. Junho/ de junho de Secretaria de Política Econômica

IGP-M. Junho/ de junho de Secretaria de Política Econômica IGP-M Junho/2016 29 de junho de 2016 jun 99 dez 99 jun 00 dez 00 jun 01 dez 01 jun 02 dez 02 jun 03 dez 03 jun 04 dez 04 jun 05 dez 05 jun 06 dez 06 jun 07 dez 07 jun 08 dez 08 jun 09 dez 09 jun 10 dez

Leia mais

2 PLs NA CÂMARA: FATOR PREVIDENCIÁRIO, MÉDIA DE SALÁRIO NA REGRA DE CÁLCULO DA APOSENTADORIA E REAJUSTE DE BENEFÍCIO NO INSS

2 PLs NA CÂMARA: FATOR PREVIDENCIÁRIO, MÉDIA DE SALÁRIO NA REGRA DE CÁLCULO DA APOSENTADORIA E REAJUSTE DE BENEFÍCIO NO INSS 2 PLs NA CÂMARA: FATOR PREVIDENCIÁRIO, MÉDIA DE SALÁRIO NA REGRA DE CÁLCULO DA APOSENTADORIA E REAJUSTE DE BENEFÍCIO NO INSS CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO DE FINANÇAS E TRIBUTAÇÃO AUDIÊNCIA PÚBLICA Lógica

Leia mais

IGP-M. Fevereiro/ de fevereiro de Secretaria de Política Econômica

IGP-M. Fevereiro/ de fevereiro de Secretaria de Política Econômica IGP-M Fevereiro/2016 26 de fevereiro de 2016 fev 99 ago 99 fev 00 ago 00 fev 01 ago 01 fev 02 ago 02 fev 03 ago 03 fev 04 ago 04 fev 05 ago 05 fev 06 ago 06 fev 07 ago 07 fev 08 ago 08 fev 09 ago 09 fev

Leia mais

PESQUISA DE EMPREGO E DESEMPREGO NO DISTRITO FEDERAL ABRIL DE Ocupação cresce ligeiramente e taxa de desemprego permanece praticamente estável

PESQUISA DE EMPREGO E DESEMPREGO NO DISTRITO FEDERAL ABRIL DE Ocupação cresce ligeiramente e taxa de desemprego permanece praticamente estável PESQUISA DE EMPREGO E DESEMPREGO NO DISTRITO FEDERAL ABRIL DE 2011 Ocupação cresce ligeiramente e taxa de desemprego permanece praticamente estável De acordo com as informações captadas pela Pesquisa de

Leia mais

ano XVI, n 6, junho de 2012

ano XVI, n 6, junho de 2012 ,, junho de 2012 EM FOCO O índice de preços das exportações apresentou alta de 0,3% em maio na comparação com abril, causada pela evolução positiva em produtos básicos e manufaturados (0,4%). Contudo,

Leia mais

ESTADO DO TOCANTINS CAMARA MUNICIPAL DE SAO VALERIO CAMARA MUNICIPAL DE SAO VALERIO RELATÓRIO DE GESTÃO FISCAL DEMONSTRATIVO DA DESPESA DE PESSOAL

ESTADO DO TOCANTINS CAMARA MUNICIPAL DE SAO VALERIO CAMARA MUNICIPAL DE SAO VALERIO RELATÓRIO DE GESTÃO FISCAL DEMONSTRATIVO DA DESPESA DE PESSOAL LRF, Artigo 55, inciso I, alínea "a" - Anexo I JANEIRO/2013 FEV/2012 a JAN/2013 DESPESA BRUTA COM PESSOAL (I) 22.609,19 Pessoal Ativo 22.609,19 TOTAL DA DESPESA COM PESSOAL PARA FINS DE APURACAO DO LIMITE

Leia mais