Sucessão que segue as regras da lei quando: DIREITO DAS SUCESSÕES

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Sucessão que segue as regras da lei quando: DIREITO DAS SUCESSÕES"

Transcrição

1 DIREITO DAS SUCESSÕES I. SUCESSÃO EM GERAL II. SUCESSÃO LEGÍTIMA III. SUCESSÃO TESTAMENTÁRIA IV. INVENTÁRIO E PARTILHA SUCESSÃO LEGÍTIMA 1. Conceito 2. Parentesco 3. Sucessão por direito próprio e por estirpe 4. Sucessão para os descendentes 5. Sucessão para os ascendentes 6. Sucessão para o cônjuge 7. Sucessão para o companheiro 9. Sucessão para os colaterais 1. Conceito de Sucessão Legítima Sucessão que segue as regras da lei quando: pessoa falece ab intestato deixa herdeiros necessários testamento é nulo ou caduca não dispuser da totalidade dos bens 1

2 2. Parentesco Natural - consangüíneo Civil - afinidade Civil - adoção sucede por ser consorte e não parente. No parentesco por afinidade não há sucessão. Parentesco civil une as pessoas como se fossem parentes consangüíneos. O filho adotivo passa a ser parentes de todos os parentes do adotante, tendo com eles relação de sucessão e extinguindo-se as relações com seus parentes naturais, salvo em relação aos impedimentos para o matrimônio 3. Sucessão por Direito Próprio A é devolvida em porções equivalentes ao número de herdeiros e cada um recebe individualmente seu quinhão. A ordem de vocação é excludente, cada classe de herdeiro impede a aquisição pela seguinte. Dentro de cada classe o grau mais próximo exclui o mais remoto, salvo o direito de representação. 3. Sucessão por Direito Próprio Ordem de vocação hereditária pelo novo Código Civil descendentes + cônjuge (dependendo do regime de bens) / companheiro (dependendo da natureza dos bens) ascendentes + cônjuge (independentemente do regime de bens) / companheiro (dependendo da natureza dos bens) cônjuge colateral (até o 4º grau) + companheiro (dependendo da natureza dos bens) 2

3 4. Sucessão para os Descendentes 3 Art Renunciou Art Pré-morto Art Neto A Neto B ,00 Neto C Filho 3 Neto D Neto E Neto F Art Represent. 4. Sucessão para os Descendentes Art Indigno Pré-morto 3 Neto A Neto C Neto B Represent. Filho 3 Neto D Neto E Neto F Represent. 4. Sucessão para os Descendentes 3 Art ª parte Renunciou Indigno Pré-morto Art Art Filho 3 Dir. Próprio Dir. Próprio Neto A Neto B Neto C Dir. Próprio Neto D Neto E Neto F 3

4 5. Sucessão para os Ascendentes art.s e Inexistência de descendentes sucessíveis Grau mais próximo exclui o mais remoto, sem distinção de linhas Havendo igualdade de grau e diversidade de linha, a linha paterna recebe a metade, cabendo a outra metade à linha materna A é dividida com o cônjuge, em qualquer regime de bens, sem prejuízo de eventual meação 5. Sucessão para os Ascendentes 1/3 1/3 Pai Mãe 3 Pat. Casal ,00 - Herança Comunhão Universal ,00 1/3 5. Sucessão para os Ascendentes ,00 1/2 Pai ,00 - Herança Separação Obrigatória ,00 1/2 4

5 5. Sucessão para os Ascendentes , , ,00 Avó Paterna Avô Paterno Avó Materna 3 Pat. Casal ,00 - Herança 1/2 Comunhão Universal ,00 Meação ,00 1/2 6. Sucessão para o Casado Não terá direito à se: (art ) Separado judicialmente Separado de fato há mais de 2 anos, salvo se for por impossibilidade de convivência (1.573) sem culpa do sobrevivente 6. Sucessão para o Direito Real de Habitação (1.831) Direito real sobre coisa alheia recebe o direito de habitar a propriedade herdada pelos sucessores Um imóvel destinado a residência da família Não prejudica eventual direito à Qualquer regime de bens 5

6 6. Sucessão para o Concorrência com os descendentes (1.829, I) Regime da Comunhão Universal Regimes de Bens Comunhão Universal Pacto Antenupcial Comunhão Parcial - Legal Separação de Bens Legal / Obrigatória (1641 e 1523) Separação de Bens Convencional (Pacto Antenupcial) Participação Final nos Aqüestos Pacto Antenupcial Concorrência com os Descendentes 1.829,I Concorre, salvo se casado nos seguintes regimes de bens: (não concorre) Comunhão Universal Separação de Bens Legal / Obrigatória (1641 e 1523) Comunhão Parcial sem bens particulares Participação Final nos Aqüestos sem bens particulares 6

7 Concorrência com os Descendentes 1.829,I Concorre: Separação de Bens Convencional (Pacto Antenupcial) Comunhão Parcial com bens particulares Participação Final nos Aqüestos com bens particulares 6. Sucessão para o Concorrência com os descendentes Regime da Separação Convencional 6. Comunhão UNviversal Concorre com os descendentes meação 7

8 6. Comunhão Parcial Concorre com os descendentes meação 6. Comunhão Parcial Concorre com os descendentes ,00 meação , , ,00 6. Comunhão Parcial Concorrência com os descendentes Na soma do patrimônio particular com a meação do falecido Apenas na meação do falecido Apenas no patrimônio Particular do Falecido 8

9 Artigo União Estável O companheiro concorre apenas no patrimônio adquirido onerosamente durante a união estável (aqüestos) - Art aplica-se o regime da comunhão parcial na união estável, salvo contrato escrito 6. União Estável Concorre com os descendentes ,00 meação H , , , , ,00 6. Sucessão para o Concorrência com os descendentes Regime da Separação Convencional 9

10 6. Sucessão para o 1 1/4 3/4 Filho 3 Filho 4 Art Sucessão para o Art ,00 1/5 Filho 3 Filho , , , ,00 1/5 1/5 1/5 1/5 6. Sucessão para o comum ,00 Companheiro ,00 meação 10

11 6. Sucessão para o Filho 3 Filho 4 7. Sucessão para os Colaterais Irmão 1 Irmão 2 Irmão 3 11

Sucessão que segue as regras da lei quando: DIREITO DAS SUCESSÕES

Sucessão que segue as regras da lei quando: DIREITO DAS SUCESSÕES DIREITO DAS SUCESSÕES I. SUCESSÃO EM GERAL II. III. IV. SUCESSÃO LEGÍTIMA SUCESSÃO TESTAMENTÁRIA INVENTÁRIO E PARTILHA SUCESSÃO LEGÍTIMA 1. Conceito 2. Parentesco 3. Sucessão por direito próprio e por

Leia mais

Professora Alessandra Vieira

Professora Alessandra Vieira Sucessão Legítima Conceito: A sucessão legítima ou ab intestato, é a que se opera por força de lei e ocorre quando o de cujus tem herdeiros necessários que, de pleno direito, fazem jus a recolher a cota

Leia mais

HERDEIROS, LEGATÁRIOS E CÔNJUGE

HERDEIROS, LEGATÁRIOS E CÔNJUGE HERDEIROS, LEGATÁRIOS E CÔNJUGE Luiz Alberto Rossi (*) SUMÁRIO DISTINÇÃO ENTRE HERDEIROS E LEGATÁRIOS. SAISINE. CÔNJUGE: HERDEIRO NECESSÁRIO. QUINHÃO DO CÔNJUGE. TIPOS DE CONCORRÊNCIA. BENS PARTICULARES.

Leia mais

Direito Civil VI - Sucessões. Prof. Marcos Alves da Silva

Direito Civil VI - Sucessões. Prof. Marcos Alves da Silva Direito Civil VI - Sucessões Prof. Marcos Alves da Silva SUCESSÃO DO CÔNJUGE Herdeiro necessário e concorrente ( concorrente, conforme o regime de bens) Os regimes de matrimoniais de bens e suas implicações

Leia mais

OAB 139º - 1ª Fase Regular Modulo II Disciplina: Direito Civil Professor João Aguirre Data: 24/07/2009

OAB 139º - 1ª Fase Regular Modulo II Disciplina: Direito Civil Professor João Aguirre Data: 24/07/2009 TEMAS ABORDADOS EM AULA 9ª Aula: Sucessão SUCESSÃO 1. Tipos 1.1. Sucessão Legítima: surgiu pela lei (legislador deu a lei) 1.2. Sucessão Testamentária: Surgiu o testamento Em regra vale a legítima quando

Leia mais

Direito das Sucessões

Direito das Sucessões Direito das Sucessões OBJETIVO Compreender as consequências da ordem de vocação hereditária. ROTEIRO! Da ordem de vocação hereditária! Ordem de vocação hereditária no Código de 1916! Nova ordem de vocação

Leia mais

É a primeira classe a herdar. Não há limitação de grau para herdar. Regra do grau mais próximo exclui o mais remoto (art. 1833, CC) Filho 1 Filho 2

É a primeira classe a herdar. Não há limitação de grau para herdar. Regra do grau mais próximo exclui o mais remoto (art. 1833, CC) Filho 1 Filho 2 Sucessão dos Descendentes (art. 1833, CC) É a primeira classe a herdar. Não há limitação de grau para herdar. Regra do grau mais próximo exclui o mais remoto (art. 1833, CC) Filho 1 Filho 2 Neto 1 Neto

Leia mais

Inovações e desacertos no novo Direito Sucessório

Inovações e desacertos no novo Direito Sucessório Inovações e desacertos no novo Direito Sucessório Giselda Maria Fernandes Novaes Hironaka Doutora e Livre Docente em Direito pela Faculdade de Direito da USP Professora Associada ao Departamento de Direito

Leia mais

DIREITO DAS SUCESSÕES

DIREITO DAS SUCESSÕES Direito Civil Aula 3 Delegado Civil Sandro Gaspar Amaral DIREITO DAS SUCESSÕES PRINCÍPIO DE SAISINE (art. 1784, CC): transmissão da propriedade e da posse no exato momento da morte. NORMA VIGENTE (art.

Leia mais

Professora: Vera Linda Lemos Disciplina: Direito das Sucessões 7º Período

Professora: Vera Linda Lemos Disciplina: Direito das Sucessões 7º Período Professora: Vera Linda Lemos Disciplina: Direito das Sucessões 7º Período Toda a sucessão legítima observará uma ordem de vocação hereditária que, no Código Civil, está prevista no artigo 1.829. Art. 1.829.

Leia mais

Caderno Eletrônico de Exercícos Direito das Sucessões

Caderno Eletrônico de Exercícos Direito das Sucessões 1) Que é herança jacente: a) Herança que não existe herdeiros, salvo o estado b) Herança que tem que ser dividida entre os pais e cônjuge c) Herança que tem que ser dividida entre irmãos d) Herança deixada

Leia mais

DIREITO CIVIL VI Direito das Sucessões

DIREITO CIVIL VI Direito das Sucessões DIREITO CIVIL VI Direito das Sucessões O conhecimento quando compartilhado é muito melhor, pois, todos são beneficiados com novas formas de enxergar o mundo Paulo Henrique 2015 1 DIREITO CIVIL 6 Conteúdo

Leia mais

SUCESSÃO HEREDITÁRIA. fases práticas do inventário e partilha

SUCESSÃO HEREDITÁRIA. fases práticas do inventário e partilha EDUARDO MACHADO ROCHA Juiz de Direito da Vara de Família e Sucessões da Comarca de Dourados (MS). Pós-graduado - Especialização em Direito Processual Civil. Professor de Direito Civil na Unigran - Universidade

Leia mais

A SUCESSÃO DO CÔNJUGE SOBREVIVENTE EM CONCORRÊNCIA COM OS DESCENDENTES OCORRENDO A HIBRIDEZ FAMILIAR RESUMO

A SUCESSÃO DO CÔNJUGE SOBREVIVENTE EM CONCORRÊNCIA COM OS DESCENDENTES OCORRENDO A HIBRIDEZ FAMILIAR RESUMO A SUCESSÃO DO CÔNJUGE SOBREVIVENTE EM CONCORRÊNCIA COM OS DESCENDENTES OCORRENDO A HIBRIDEZ FAMILIAR Rodrigo Schenckel da Silva 1 Rachel Marques da Silva 2 RESUMO Com a entrada em vigor do Código Civil

Leia mais

Marcos Puglisi de Assumpção 4. A SUCESSÃO NO CASAMENTO, NA UNIÃO ESTÁVEL E NO CONCUBINATO

Marcos Puglisi de Assumpção 4. A SUCESSÃO NO CASAMENTO, NA UNIÃO ESTÁVEL E NO CONCUBINATO Marcos Puglisi de Assumpção 4. A SUCESSÃO NO CASAMENTO, NA UNIÃO ESTÁVEL E NO CONCUBINATO 2010 A SUCESSÃO NO CASAMENTO, NA UNIÃO ESTÁVEL E NO CONCUBINATO Para se obter um bom entendimento como se processa

Leia mais

Regime de bens e divisão da herança

Regime de bens e divisão da herança Regime de bens e divisão da herança Antes da celebração do casamento, os noivos têm a possibilidade de escolher o regime de bens a ser adotado, que determinará se haverá ou não a comunicação (compartilhamento)

Leia mais

PONTO 1: Sucessões. SUCESSÃO TESTAMENTÁRIA art. 1845 do CC. A dispensa tem que ser no ato da liberalidade ou no testamento.

PONTO 1: Sucessões. SUCESSÃO TESTAMENTÁRIA art. 1845 do CC. A dispensa tem que ser no ato da liberalidade ou no testamento. 1 DIREITO CIVIL DIREITO CIVIL PONTO 1: Sucessões SUCESSÃO LEGÍTIMA SUCESSÃO TESTAMENTÁRIA art. 1845 do CC. A dispensa tem que ser no ato da liberalidade ou no testamento. Colação não significa devolução

Leia mais

Grupo de Estudos de Empresas Familiares GVlaw/ Direito GV. Reflexos Familiares e Sucessórios na Empresa Familiar. Apresentação 10.08.

Grupo de Estudos de Empresas Familiares GVlaw/ Direito GV. Reflexos Familiares e Sucessórios na Empresa Familiar. Apresentação 10.08. Grupo de Estudos de Empresas Familiares GVlaw/ Direito GV Reflexos Familiares e Sucessórios na Empresa Familiar Apresentação 10.08.10 Luiz Kignel Karime Costalunga F 1 F 2 F 3 F 1 F 2 F 3 F 4 Fundador

Leia mais

SEÇÃO III DIREITO CIVIL E PROCESSUAL CIVIL SUBSEÇÃO I DIREITO CIVIL 1. ARTIGOS 1.1 SUCESSÃO LEGÍTIMA DO CÔNJUGE E DO COMPANHEIRO NO NOVO CÓDIGO CIVIL

SEÇÃO III DIREITO CIVIL E PROCESSUAL CIVIL SUBSEÇÃO I DIREITO CIVIL 1. ARTIGOS 1.1 SUCESSÃO LEGÍTIMA DO CÔNJUGE E DO COMPANHEIRO NO NOVO CÓDIGO CIVIL SEÇÃO III DIREITO CIVIL E PROCESSUAL CIVIL SUBSEÇÃO I DIREITO CIVIL 1. ARTIGOS 1.1 SUCESSÃO LEGÍTIMA DO CÔNJUGE E DO COMPANHEIRO NO NOVO CÓDIGO CIVIL DIMAS MESSIAS DE CARVALHO Promotor de Justiça no Estado

Leia mais

Direito Civil VI - Sucessões. Prof. Marcos Alves da Silva

Direito Civil VI - Sucessões. Prof. Marcos Alves da Silva Direito Civil VI - Sucessões Prof. Marcos Alves da Silva Direito das Sucessões Sucessão: alteração de titulares em uma dada relação jurídica Sucessão (sentido estrito): causa mortis A sucessão engloba

Leia mais

SUCESSÃO LEGÍTIMA DO CÔNJUGE E DO COMPANHEIRO NO NOVO CÓDIGO CIVIL

SUCESSÃO LEGÍTIMA DO CÔNJUGE E DO COMPANHEIRO NO NOVO CÓDIGO CIVIL DIMAS MESSIAS DE CARVALHO Promotor de Justiça no Estado de Minas Gerais. Autor do Livro Direito de Família, publicado em 2005, pela Editora Atenas. Professor de Direito de Família e Sucessões na Unifenas,

Leia mais

PROF. MS. FABIO TRUBILHANO

PROF. MS. FABIO TRUBILHANO 3 PROF. MS. FABIO TRUBILHANO ASPECTOS POLÊMICOS DA SUCESSÃO DO CÔNJUGE E DO COMPANHEIRO A primeira questão polêmica sobre a qual nos debruçaremos envolve os arts. 1.641, 1.687 e 1.829 do Código Civil brasileiro.

Leia mais

ORIENTAÇÕES DIREITO CIVIL ORIENTAÇÕES CÓDIGO CIVIL BRASILEIRO

ORIENTAÇÕES DIREITO CIVIL ORIENTAÇÕES CÓDIGO CIVIL BRASILEIRO ORIENTAÇÕES DIREITO CIVIL ORIENTAÇÕES CÓDIGO CIVIL BRASILEIRO IGUALDADE ENTRE SEXOS - Em conformidade com a Constituição Federal de 1988, ao estabelecer que "homens e mulheres são iguais em direitos e

Leia mais

4.5 Oposição das causas suspensivas. 5 Do processo de habilitação para o casamento. 5.1 Documentos exigidos. 5.2 Do processo de habilitação. 5.

4.5 Oposição das causas suspensivas. 5 Do processo de habilitação para o casamento. 5.1 Documentos exigidos. 5.2 Do processo de habilitação. 5. Disciplina: Direito Civil V Departamento: Direito Privado FACULDADE DE DIREITO DE SOROCABA FADI 2014 Docente Responsável: William Bedone Carga Horária Anual: 100 h/a Tipo: Anual 5º ano Objetivos: Finalizar

Leia mais

CONSIDERAÇÕES ACERCA DO REGIME DE BENS E DO DIREITO DE CONCORRÊNCIA DO CÔNJUGE

CONSIDERAÇÕES ACERCA DO REGIME DE BENS E DO DIREITO DE CONCORRÊNCIA DO CÔNJUGE CONSIDERAÇÕES ACERCA DO REGIME DE BENS E DO DIREITO DE CONCORRÊNCIA DO CÔNJUGE Fernanda Garcia Escane Mestranda em Direito Civil comparado pela PUC/SP. Palestrante na Ordem dos Advogados do Brasil de Santo

Leia mais

UNIVERSIDADE PRESIDENTE ANTÔNIO CARLOS - UNIPAC FACULDADE DE CIÊNCIAS JURÍDICAS E SOCIAIS

UNIVERSIDADE PRESIDENTE ANTÔNIO CARLOS - UNIPAC FACULDADE DE CIÊNCIAS JURÍDICAS E SOCIAIS UNIVERSIDADE PRESIDENTE ANTÔNIO CARLOS - UNIPAC FACULDADE DE CIÊNCIAS JURÍDICAS E SOCIAIS DIREITO CIVIL VIII DIREITO DAS SUCESSÕES QUADROS ESQUEMÁTICOS MARCOS ALVES DE ANDRADE BARBACENA JULHO DE 2007 Direito

Leia mais

Faculdade de Direito da Alta Paulista

Faculdade de Direito da Alta Paulista PLANO DE ENSINO DISCIPLINA SÉRIE PERÍODO LETIVO CARGA HORÁRIA DIREITO CIVIL V (Direitos de família e das sucessões) QUINTA 2015 136 I EMENTA Direito de Família. Casamento. Efeitos jurídicos do casamento.

Leia mais

ORDEM DA VOCAÇÃO HEREDITÁRIA

ORDEM DA VOCAÇÃO HEREDITÁRIA ORDEM DA VOCAÇÃO HEREDITÁRIA Norberto Ungaretti Desembargador Aposentado Sob a denominação Da Ordem da Vocação Hereditária abrese o Capítulo I do Título dedicado pelo novo Código Civil à sucessão legítima

Leia mais

Direito das Sucessões Parte II. Profª. MSc. Maria Bernadete Miranda

Direito das Sucessões Parte II. Profª. MSc. Maria Bernadete Miranda Direito das Sucessões Parte II Abertura da Sucessão Momento da morte do de cujus, devidamente comprovada. Com a abertura da sucessão os herdeiros, legítimos ou testamentários, adquirem, de imediato, a

Leia mais

SUMÁRIO PREFÁCIO... 1. INTRODUÇÃO... 3 1.1 CONSIDERAÇÕES GERAIS... 3 1.2 AS ATUAÇÕES DO MAGISTRADO (ESTADO-JUIZ) E DO

SUMÁRIO PREFÁCIO... 1. INTRODUÇÃO... 3 1.1 CONSIDERAÇÕES GERAIS... 3 1.2 AS ATUAÇÕES DO MAGISTRADO (ESTADO-JUIZ) E DO SUMÁRIO PREFÁCIO... 1. INTRODUÇÃO... 3 1.1 CONSIDERAÇÕES GERAIS... 3 1.2 AS ATUAÇÕES DO MAGISTRADO (ESTADO-JUIZ) E DO TABELIÃO (PRESTADOR DE SERVIÇO PÚBLICO EM CARÁTER PRIVADO)... 5 1.3 NOVA LEI HOMENAGEIA

Leia mais

I miii mil mil um um um mu um mi m

I miii mil mil um um um mu um mi m ACÓRDÃO ACÓRDÃO/DECISÃO MONOCRÁTICA REGISTRADO(A) SOB N I miii mil mil um um um mu um mi m *03071141* Vistos, relatados e discutidos estes autos de Apelação n 994.08.058146-0, da Comarca de São Paulo,

Leia mais

Regime de Bens no Casamento. Profª. MSc. Maria Bernadete Miranda

Regime de Bens no Casamento. Profª. MSc. Maria Bernadete Miranda Regime de Bens no Casamento Regime de Bens no Casamento Regime de bens é o conjunto de determinações legais ou convencionais, obrigatórios e alteráveis, que regem as relações patrimoniais entre o casal,

Leia mais

DIREITO FAMÍLIA SUCESSÃO PRINCÍPIOS ORIENTADORES

DIREITO FAMÍLIA SUCESSÃO PRINCÍPIOS ORIENTADORES DIREITO FAMÍLIA SUCESSÃO DE DIREITO FAMÍLIA PONTO 1: SUCESSÃO PONTO 2: PRINCÍPIOS ORIENTADORES; SUCESSÃO LEGÍTIMA E TESTAMENTÁRIA, EXCLUSÃO DOS HERDEIROS; PONTO 3: ESPÉCIES DE HERDEIROS, CESSÃO DE DIREITOS;

Leia mais

OAB. OAB. DIREITO CIVIL. Glauka Archangelo. - ESPÉCIES DE SUCESSÃO. Dispõe o artigo 1.786 do Código Civil que:

OAB. OAB. DIREITO CIVIL. Glauka Archangelo. - ESPÉCIES DE SUCESSÃO. Dispõe o artigo 1.786 do Código Civil que: OAB. DIREITO CIVIL.. DISPOSIÇÕES GERAIS. DIREITO SUCESSÓRIO: Em regra geral na sucessão existe uma substituição do titular de um direito. Etimologicamente sub cedere alguém tomar o lugar de outrem. A expressão

Leia mais

FACULDADE DE DIREITO DE SOROCABA FADI 2013

FACULDADE DE DIREITO DE SOROCABA FADI 2013 FACULDADE DE DIREITO DE SOROCABA FADI 2013 Disciplina: Direito Civil V Departamento II Direito Privado Docente Responsável: Clineu Ferreira Carga Horária Anual: 100 h/a Tipo: Anual 5º ano Objetivos: Terminar

Leia mais

6 Inventários e arrolamentos. Processo. Petição de herança, 83

6 Inventários e arrolamentos. Processo. Petição de herança, 83 1 Noções introdutórias, 1 1.1 Sucessão. Compreensão do vocábulo. O direito das sucessões, 1 1.2 Direito das sucessões no direito romano, 2 1.3 Ideia central do direito das sucessões, 4 1.4 Noção de herança,

Leia mais

(I) O CADASTRO PARA BLOQUEIO DE RECEBIMENTO DE LIGAÇÕES DE TELEMARKETING E O DIREITO DO CONSUMIDOR

(I) O CADASTRO PARA BLOQUEIO DE RECEBIMENTO DE LIGAÇÕES DE TELEMARKETING E O DIREITO DO CONSUMIDOR Ano III nº 12 (I) O CADASTRO PARA BLOQUEIO DE RECEBIMENTO DE LIGAÇÕES DE TELEMARKETING E O DIREITO DO CONSUMIDOR Barbara Brentani Lameirão Roncolatto Luiz Henrique Cruz Azevedo 01. Em 7 de outubro de 2008,

Leia mais

A sucessão do cônjuge e do companheiro no novo código civil

A sucessão do cônjuge e do companheiro no novo código civil A sucessão do cônjuge e do companheiro no novo código civil 1. Intróito Inacio de Carvalho Neto Professor de Direito Civil da Unifoz, da Unipar, do CIES, da Escola do Ministério Público e da Escola da

Leia mais

SUCESSÃO: ASPECTOS POLÊMICOS DA SUCESSÃO DO CÔNJUGE E DO COMPANHEIRO

SUCESSÃO: ASPECTOS POLÊMICOS DA SUCESSÃO DO CÔNJUGE E DO COMPANHEIRO SUCESSÃO: ASPECTOS POLÊMICOS DA SUCESSÃO DO CÔNJUGE E DO COMPANHEIRO GODOY, Nilza Tiemi Nagaoka RESUMO O Direito das Sucessões apresenta muitos aspectos polêmicos diante de lacunas deixadas pelo legislador.

Leia mais

EXERCÍCIOS SUCESSÃO TESTAMENTÁRIA

EXERCÍCIOS SUCESSÃO TESTAMENTÁRIA Universidade do Sul de Santa Catarina Unidade Ilha Centro Curso: Direito Disciplina: Direito das Sucessões Professor: MSc. Patrícia Fontanella Acadêmico (a): EXERCÍCIOS SUCESSÃO TESTAMENTÁRIA 01. (MP/SC

Leia mais

SUCESSÃO DO CÔNJUGE NO NOVO CÓDIGO CIVIL

SUCESSÃO DO CÔNJUGE NO NOVO CÓDIGO CIVIL SUCESSÃO DO CÔNJUGE NO NOVO CÓDIGO CIVIL Zeno Veloso 1 No palco em que se desenrolam as relações jurídicas da sucessão legítima, um personagem ganhou papel de grande destaque, podendo-se afirmar que é

Leia mais

Direitos das Sucessões

Direitos das Sucessões Há 4 títulos do capítulo das sucessões: Sucessões em geral: aplicada a qualquer hipótese; Sucessão Legítima: prevista em lei; Sucessão testamentária: disposições de vontade; Inventário e partilha: regras

Leia mais

ORDEM DE VOCAÇÃO HEREDITÁRIA NO NOVO CÓDIGO CIVIL: OS DIREITOS SUCESSÓRIOS DO CÔNJUGE ALICE DE SOUZA BIRCHAL 1 - INTRODUÇÃO: A questão primordial a

ORDEM DE VOCAÇÃO HEREDITÁRIA NO NOVO CÓDIGO CIVIL: OS DIREITOS SUCESSÓRIOS DO CÔNJUGE ALICE DE SOUZA BIRCHAL 1 - INTRODUÇÃO: A questão primordial a ORDEM DE VOCAÇÃO HEREDITÁRIA NO NOVO CÓDIGO CIVIL: OS DIREITOS SUCESSÓRIOS DO CÔNJUGE ALICE DE SOUZA BIRCHAL 1 - INTRODUÇÃO: A questão primordial a que se pretende responder através deste estudo refere-se

Leia mais

Processos de Regularização de Imóveis

Processos de Regularização de Imóveis Processos de Regularização de Imóveis Prof. Weliton Martins Rodrigues ensinar@me.com www.vivadireito.net 5 5.1. Copyright 2013. Todos os direitos reservados. 1 2 A aquisição da propriedade é forma pela

Leia mais

ESCOLA DA MAGISTRATURA DO ESTADO DO PARANÁ XXVII CURSO DE PREPARAÇÃO À MAGISTRATURA NÚCLEO CURITIBA MARIA CRISTINA FALAVINHA RAMOS REGIO

ESCOLA DA MAGISTRATURA DO ESTADO DO PARANÁ XXVII CURSO DE PREPARAÇÃO À MAGISTRATURA NÚCLEO CURITIBA MARIA CRISTINA FALAVINHA RAMOS REGIO ESCOLA DA MAGISTRATURA DO ESTADO DO PARANÁ XXVII CURSO DE PREPARAÇÃO À MAGISTRATURA NÚCLEO CURITIBA MARIA CRISTINA FALAVINHA RAMOS REGIO RESERVA DA QUARTA PARTE DA HERANÇA AO CÔNJUGE SOBREVIVENTE CURITIBA

Leia mais

DIREITO CIVIL EXERCÍCIOS SUCESSÕES DISCURSIVAS:

DIREITO CIVIL EXERCÍCIOS SUCESSÕES DISCURSIVAS: DIREITO CIVIL EXERCÍCIOS SUCESSÕES DISCURSIVAS: 1. Capacidade para suceder é a aptidão da pessoa para receber os bens deixados pelo de cujus no tempo da abertura da sucessão. Considerando tal afirmação

Leia mais

A UNIÃO ESTÁVEL NO NOVO CÓDIGO CIVIL

A UNIÃO ESTÁVEL NO NOVO CÓDIGO CIVIL 76 A UNIÃO ESTÁVEL NO NOVO CÓDIGO CIVIL CLAUDIA NASCIMENTO VIEIRA¹ O artigo 226 da Constituição Federal equiparou a união estável entre homem e mulher ao casamento, dispondo em seu parágrafo 3º que é reconhecida

Leia mais

Direito das Sucessões Parte I. Profª. MSc. Maria Bernadete Miranda

Direito das Sucessões Parte I. Profª. MSc. Maria Bernadete Miranda Direito das Sucessões Parte I Sucessão - Etimologia Sucessão Successio, de succedere. Relação de ordem, de continuidade. Uma sequência de fato e de coisas. O que vem em certa ordem ou em certo tempo. Sucessão

Leia mais

CARLOS JORGE SAMPAIO ADVOGADO PARECER

CARLOS JORGE SAMPAIO ADVOGADO PARECER CARLOS JORGE SAMPAIO ADVOGADO COSTA PARECER Direito das Sucessões. Situação jurídica do companheiro ou companheira comparada com o status jurídico dos cônjuges. Constitucionalidade da distinção entre os

Leia mais

PONTO 1: Sucessões. I descendentes concorrendo com o cônjuge;

PONTO 1: Sucessões. I descendentes concorrendo com o cônjuge; 1 DIREITO CIVIL PONTO 1: Sucessões CONCORRÊNCIA NO NCC herdeiros. Art. 1829 do CC É a primeira vez que o código enfrenta a concorrência entre I descendentes concorrendo com o cônjuge; Indignidade: art.

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.377.084 - MG (2013/0083914-0) RECORRENTE REPR. POR ADVOGADOS INTERES. : GERALDO SEBASTIÃO DA SILVA - ESPÓLIO : APARECIDA JOANA DA SILVA PAIVA - INVENTARIANTE : PAULO EDUARDO ALMEIDA

Leia mais

N e w s l e t t e r AAPS

N e w s l e t t e r AAPS Caros Associados, A AAPS interessada nos temas que possam ser de utilidade aos associados, tem participado em eventos sobre o assunto em questão. No contexto das atividades desenvolvidas pelo GEPS (Grupo

Leia mais

6Estabilidade. 7Justiça. 8Independência. 9Confidencialidade

6Estabilidade. 7Justiça. 8Independência. 9Confidencialidade Fazer um testamento público 1Harmonia O testamento evita brigas de família e disputas patrimoniais entre os herdeiros acerca dos bens deixados pelo falecido. 2Tranquilidade O testamento pode ser utilizado

Leia mais

CARTILHA UNIÃO ESTÁVEL SEXO

CARTILHA UNIÃO ESTÁVEL SEXO CARTILHA UNIÃO ESTÁVEL DE CASAIS DO MESMO SEXO Prefácio: A recente decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), reconhecendo a união de casais do mesmo sexo e ofertando a esses o mesmo grau de legalidade

Leia mais

CURSO DE RETA FINAL - MAGISTRATURA DE SÃO PAULO Prof. André Barros

CURSO DE RETA FINAL - MAGISTRATURA DE SÃO PAULO Prof. André Barros MATERIAL DE APOIO PROFESSOR CURSO DE RETA FINAL - MAGISTRATURA DE SÃO PAULO Prof. André Barros 3a AULA: DIREITO DAS SUCESSÕES: Do direito das Sucessões (artigos 1.784 a 1.828 do Código Civil). Sucessão

Leia mais

1959 Direito de Família e Sucessões Parte 1 Do Direito de Família 1. Família. Conceito. Família e sociedade. Suas diferentes formas. Constituição de 1946 a espeito. Direito de Família. 2. Esponsais. Breve

Leia mais

Sumário PARTE I DIREITO DAS FAMÍLIAS

Sumário PARTE I DIREITO DAS FAMÍLIAS PARTE I DIREITO DAS FAMÍLIAS Capítulo I INTRODUÇÃO AO DIREITO DAS FAMÍLIAS... 27 1. Conceito Dinamizado pela Perspectiva Histórico-Axiológica... 27 1.1. Qual a Natureza Jurídica da Família? Seria Pessoa

Leia mais

As Partes na Escritura de Inventário e Partilha Reinaldo Velloso dos Santos

As Partes na Escritura de Inventário e Partilha Reinaldo Velloso dos Santos As Partes na Escritura de Inventário e Partilha Reinaldo Velloso dos Santos Versão digital do artigo, publicado originalmente em 2008 na obra Separação, Divórcio e Inventário em Cartório: Aspectos Jurídicos

Leia mais

DIREITO CIVIL DIREITO DAS SUCESSÕES 7

DIREITO CIVIL DIREITO DAS SUCESSÕES 7 DIREITO CIVIL DIREITO DAS SUCESSÕES 7 7.1. Sucessão legítima testamentária: o testamento serve para que o autor da herança possa alterar ordem de vocação hereditária exposta na lei; os herdeiros necessários

Leia mais

DIRIETO CIVIL DIREITO DAS FAMÍLIAS E SUCESSÕES Professora Daniela Hatem

DIRIETO CIVIL DIREITO DAS FAMÍLIAS E SUCESSÕES Professora Daniela Hatem DIREITO DAS FAMÍLIAS DIRIETO CIVIL DIREITO DAS FAMÍLIAS E SUCESSÕES Professora Daniela Hatem 1) O que é o princípio da solidariedade familiar? R: É o princípio que determina que os membros da família tem

Leia mais

UNIVERSIDADE TUIUTI DO PARANÁ DENILSE APARECIDA FERREIRA CAMARGO

UNIVERSIDADE TUIUTI DO PARANÁ DENILSE APARECIDA FERREIRA CAMARGO UNIVERSIDADE TUIUTI DO PARANÁ DENILSE APARECIDA FERREIRA CAMARGO SUCESSÃO DO CÔNJUGE E DO COMPANHEIRO SOBREVIVENTE DE ACORDO COM O CÓDIGO CIVIL DE 2002 CURITIBA 2014 DENILSE APARECIDA FERREIRA CAMARGO

Leia mais

Clique com o mouse sobre o livro escolhido (continua na página seguinte) Destituição de Síndico

Clique com o mouse sobre o livro escolhido (continua na página seguinte) Destituição de Síndico NOVO CÓDIGO CIVIL Clique com o mouse sobre o livro escolhido (continua na página seguinte) Adoção do Nome Casamento Gratuito Adultério Casamento Religioso Autenticação Condômino Anti-Social Casamento Contratos

Leia mais

CONTRATO DE CONVIVÊNCIA E SUAS REPERCUSSÕES NO DIREITO SUCESSÓRIO

CONTRATO DE CONVIVÊNCIA E SUAS REPERCUSSÕES NO DIREITO SUCESSÓRIO CONTRATO DE CONVIVÊNCIA E SUAS REPERCUSSÕES NO DIREITO SUCESSÓRIO Edgard Borba Fróes Neto 1 Resumo A possibilidade dos companheiros livremente estipularem regras de cunho patrimonial, mediante celebração

Leia mais

133 DIREITO DAS SUCESSÕES PROFª JULIANA GONTIJO

133 DIREITO DAS SUCESSÕES PROFª JULIANA GONTIJO 133 UNIDADE X SUCESSÃO LEGÍTIMA... 135 1. Introdução... 135 1.1 Regras da Sucessão Legítima... 135 2. Ordem de Vocação Hereditária... 136 2.2 Direito de Sucessão do Nascituro... 139 3. Herdeiros Necessários...

Leia mais

União estável e a separação obrigatória de bens

União estável e a separação obrigatória de bens União estável e a separação obrigatória de bens Quando um casal desenvolve uma relação afetiva contínua e duradoura, conhecida publicamente e estabelece a vontade de constituir uma família, essa relação

Leia mais

BuscaLegis.ccj.ufsc.Br

BuscaLegis.ccj.ufsc.Br BuscaLegis.ccj.ufsc.Br Os Negócios Jurídicos Da União Estável E Terceiros De Boa-fé Maíta Ponciano Os Casais que vivem união estável DOS NEGÓCIOS JURÍDICOS DA UNIÃO ESTÁVEL E TERCEIROS DE BOA-FÉ. Desde

Leia mais

DIREITO DAS SUCESSÕES REGIME DE BENS

DIREITO DAS SUCESSÕES REGIME DE BENS DIREITO DAS SUCESSÕES REGIME DE BENS Prof.Dicler Direito das Sucessões é o conjunto de normas que disciplinam a transferência do patrimônio (ativo e passivo créditos e débitos) de alguém, depois de sua

Leia mais

Revista IOB de Direito de Família

Revista IOB de Direito de Família Revista IOB de Direito de Família. 51 Dez Jan/2009 Conselho Editorial Álvaro Villaça Azavedo Gustavo José Mendes Tepedino Priscila M. P. Correa da Fonseca Sérgio Resende de Barros Considerações Acerca

Leia mais

2ª Fase OAB/FGV Direito Civil

2ª Fase OAB/FGV Direito Civil 2ª Fase OAB/FGV Direito Civil Professor Fabio Alves fabio@ferreiraecamposadv.com DIREITO DAS SUCESSÕES PRINCÍPIO DA SAISINE ART. 1784 RESERVA DE LEGITIMA Art. 1.789. Havendo herdeiros necessários, o testador

Leia mais

DIREITO CIVIL DIREITO DE FAMÍLIA PROF. FLÁVIO MONTEIRO DE BARROS

DIREITO CIVIL DIREITO DE FAMÍLIA PROF. FLÁVIO MONTEIRO DE BARROS DIREITO CIVIL DIREITO DE FAMÍLIA PROF. FLÁVIO MONTEIRO DE BARROS MÓDULO I Conceito de família; Conteúdo e Conceito do Direito de Família; Natureza da Divisão; Divisão da matéria; Eficácia horizontal dos

Leia mais

DIREITO DAS SUCESSÕES. RECURSO ESPECIAL. PACTO ANTENUPCIAL. SEPARAÇÃO DE BENS. MORTE DO VARÃO. VIGÊNCIA DO NOVO CÓDIGO CIVIL. ATO JURÍDICO PERFEITO.

DIREITO DAS SUCESSÕES. RECURSO ESPECIAL. PACTO ANTENUPCIAL. SEPARAÇÃO DE BENS. MORTE DO VARÃO. VIGÊNCIA DO NOVO CÓDIGO CIVIL. ATO JURÍDICO PERFEITO. SUCESSÕES Direito das sucessões. Recurso especial. Inventário. De cujus que, após o falecimento de sua esposa, com quem tivera uma filha, vivia, em união estável, há mais de trinta anos, com sua companheira,

Leia mais

DIREITO DAS SUCESSÕES CONCEITO

DIREITO DAS SUCESSÕES CONCEITO DIREITO DAS SUCESSÕES CONCEITO Direito das sucessões é o conjunto de princípios e normas que regem a transferência da herança, ou do legado, ao herdeiro ou legatário, em razão da morte de alguém. O direito

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE SÂO PAULO ACÓRDÃO. AGRAVO DE INSTRUMENTO n" 568.648-4/4-00, da Comarca de

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE SÂO PAULO ACÓRDÃO. AGRAVO DE INSTRUMENTO n 568.648-4/4-00, da Comarca de TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE SÂO PAULO ACÓRDÃO TRiRi IMAI DE JUSTIÇA DE SÃO PAULO T KDÂ07DEcfsÃ0 MONOCRÁTICA REGISTRADO(A) SOB N Vistos,- relatados e discutidos estes autos de' AGRAVO DE INSTRUMENTO n" 568.648-4/4-00,

Leia mais

Material referente a sucessão do cônjuge em concorrência com o descendente. ORDEM DA VOCAÇÃO HEREDITÁRIA art. 1.829 a 1.844, CC

Material referente a sucessão do cônjuge em concorrência com o descendente. ORDEM DA VOCAÇÃO HEREDITÁRIA art. 1.829 a 1.844, CC Material referente a sucessão do cônjuge em concorrência com o descendente Prof. Ms. Tatyane Karen da Silva Goes ORDEM DA VOCAÇÃO HEREDITÁRIA art. 1.829 a 1.844, CC Falecendo a pessoa ab intestato, a herança

Leia mais

O DIREITO SUCESSÓRIO DO CÔNJUGE SEPARADO DE FATO

O DIREITO SUCESSÓRIO DO CÔNJUGE SEPARADO DE FATO O DIREITO SUCESSÓRIO DO CÔNJUGE SEPARADO DE FATO Valéria Edith Carvalho de Oliveira 1 Sumário: 1 Introdução. 2 O direito sucessório do cônjuge separado de fato. 3. O direito sucessório do cônjuge separado

Leia mais

PROJETO DE LEI N.º 4.908, DE 2012 (Do Sr. Takayama)

PROJETO DE LEI N.º 4.908, DE 2012 (Do Sr. Takayama) CÂMARA DOS DEPUTADOS PROJETO DE LEI N.º 4.908, DE 2012 (Do Sr. Takayama) Dá nova redação aos arts. 544, 1.561, 1.723, 1.789, 1.797, 1.829, 1.830, 1.831, 1.832, 1.836, 1.837, 1.838, 1.839, 1.845, 1.846

Leia mais

O DIREITO DAS SUCESSÕES NO CÓDIGO CIVIL DE 2002 1

O DIREITO DAS SUCESSÕES NO CÓDIGO CIVIL DE 2002 1 O DIREITO DAS SUCESSÕES NO CÓDIGO CIVIL DE 2002 1 Adriana Goulart Spanholi 2 RESUMO: O presente artigo tem por objetivo demonstrar e analisar as mudanças trazidas no campo do direito sucessório, especialmente

Leia mais

DA SUCESSÃO LEGÍTIMA 1. INTRODUÇÃO: CONCEITO E HIPÓTESES DE CABIMENTO DA SUCESSÃO LEGÍTIMA

DA SUCESSÃO LEGÍTIMA 1. INTRODUÇÃO: CONCEITO E HIPÓTESES DE CABIMENTO DA SUCESSÃO LEGÍTIMA 1 DA SUCESSÃO LEGÍTIMA Márcia Maria Menin 1 1. INTRODUÇÃO: CONCEITO E HIPÓTESES DE CABIMENTO DA SUCESSÃO LEGÍTIMA Caracteriza-se como legítima a sucessão deferida pela lei através da ordem de vocação hereditária,

Leia mais

Direito de Família. Profª. MSc. Maria Bernadete Miranda

Direito de Família. Profª. MSc. Maria Bernadete Miranda Direito de Família Direito de Família Direito de Família Regula as relações patrimoniais e morais decorrentes do casamento, das demais entidades familiares e da relação de parentesco. Entidade Familiar

Leia mais

Planejamento Sucessório. Bens localizados no Exterior

Planejamento Sucessório. Bens localizados no Exterior Planejamento Sucessório Bens localizados no Exterior Regras de Sucessão Parcela Legítima x Parcela Disponível 50% Legítima Obrigatoriamente dos Herdeiros Necessários 50% Disponível Pode dispor como desejar

Leia mais

A Reforma do Código Civil Repercussões na Administração Pública e no Controle Externo De 07 a 11 de abril de 2003

A Reforma do Código Civil Repercussões na Administração Pública e no Controle Externo De 07 a 11 de abril de 2003 A Reforma do Código Civil Repercussões na Administração Pública e no Controle Externo De 07 a 11 de abril de 2003 10/04 DIREITO DAS SUCESSÕES DIREITO DE HERANÇA SUCESSÃO LEGITIMA E TESTAMENTÁRIA Dr. Euclides

Leia mais

. CURSO: DIREITO Turma: DISCIPLINA: Direito Civil VII Profª Ms. Tatyane Karen VALOR: 6 H/A NOTA: ALUNO(A):

. CURSO: DIREITO Turma: DISCIPLINA: Direito Civil VII Profª Ms. Tatyane Karen VALOR: 6 H/A NOTA: ALUNO(A): . CURSO: DIREITO Turma: DISCIPLINA: Direito Civil VII Profª Ms. Tatyane Karen Data: / / VALOR: 6 H/A NOTA: ALUNO(A): Questão 1 ( VUNESP - 2011 - TJ-SP Juiz) Assinale a alternativa correta. a) Na falta

Leia mais

DIREITO DAS SUCESSÕES

DIREITO DAS SUCESSÕES 05/08/2014 DIREITO DAS SUCESSÕES BIBLIOGRAFIA: 1. Instituições de Direito Civil Direito das Sucessões; Caio Mario da Silva Pereira, Ed. Forense, Rio de Janeiro; 2. Direito Civil Direitos das Sucessões,

Leia mais

XXXVII ENCONTRO NACIONAL DO IRIB NATAL / RN 13 a 17 de setembro de 2010 TEMA VII TÓPICOS DE DIREITO HEREDITÁRIO E O REGISTRO DE IMÓVEIS

XXXVII ENCONTRO NACIONAL DO IRIB NATAL / RN 13 a 17 de setembro de 2010 TEMA VII TÓPICOS DE DIREITO HEREDITÁRIO E O REGISTRO DE IMÓVEIS XXXVII ENCONTRO NACIONAL DO IRIB NATAL / RN 13 a 17 de setembro de 2010 TEMA VII TÓPICOS DE DIREITO HEREDITÁRIO E O REGISTRO DE IMÓVEIS MARIO PAZUTTI MEZZARI Registrador de Imóveis Código Civil Artigo

Leia mais

Sobre o regime de comunhão parcial de bens e o regime de separação convencional de bens e suas repercussões na sucessão do cônjuge supérstite

Sobre o regime de comunhão parcial de bens e o regime de separação convencional de bens e suas repercussões na sucessão do cônjuge supérstite Sobre o regime de comunhão parcial de bens e o regime de separação convencional de bens e suas repercussões na sucessão do cônjuge supérstite A predominância de uma posição mais solidária entre os membros

Leia mais

Casar ou não casar? Dúvidas sobre questões sucessórias

Casar ou não casar? Dúvidas sobre questões sucessórias Casar ou não casar? Dúvidas sobre questões sucessórias Maria Berenice Dias Advogada Ex-desembargadora do Tribunal de Justiça do RS Vice-Presidente Nacional do IBDFAM www.mbdias.com.br www.mariaberenice.com.br

Leia mais

A SUCESSÃO DO CÔNJUGE E DO COMPANHEIRO NO NOVO CÓDIGO CIVIL

A SUCESSÃO DO CÔNJUGE E DO COMPANHEIRO NO NOVO CÓDIGO CIVIL REVISTA JURÍDICA da UniFil, Ano I - nº 1 105 A SUCESSÃO DO CÔNJUGE E DO COMPANHEIRO NO NOVO CÓDIGO CIVIL 1 Inacio de Carvalho Neto * RESUMO O presente artigo aborda as alterações ocorridas no âmbito do

Leia mais

DIREITO DAS SUCESSÕES. Brasília, 2011.

DIREITO DAS SUCESSÕES. Brasília, 2011. DIREITO DAS SUCESSÕES Brasília, 2011. Elaboração Carlos Augusto de Machado Faria Júnior Produção Equipe Técnica de Avaliação, Revisão Linguística e Editoração Todos os direitos reservados. W Educacional

Leia mais

AULA 07 DIREITO DAS SUCESSÕES SUCESSÃO EM GERAL: LEGÍTIMA E TESTAMENTÁRIA

AULA 07 DIREITO DAS SUCESSÕES SUCESSÃO EM GERAL: LEGÍTIMA E TESTAMENTÁRIA AULA 07 DIREITO DAS SUCESSÕES SUCESSÃO EM GERAL: LEGÍTIMA E TESTAMENTÁRIA INTRODUÇÃO Caros amigos e alunos. Iniciamos hoje mais uma etapa em nossos estudos. Marchamos para a parte final de nosso curso.

Leia mais

duas fases anteriores, dá-se a aquisição, onde o herdeiro torna-se titular das relações jurídicas que têm por objeto o patrimônio do extinto.

duas fases anteriores, dá-se a aquisição, onde o herdeiro torna-se titular das relações jurídicas que têm por objeto o patrimônio do extinto. Direito das Sucessões 1 - Conceito No aspecto subjetivo, implica a continuação de uma pessoa em relação jurídica que cessou para o anterior sujeito e continua em outro. É a capacidade para suceder; no

Leia mais

A COLAÇÃO DOS BENS DOADOS A HERDEIROS: ANÁLISE DO ACÓRDÃO Nº 70050981836 JULGADO PELO TJRS

A COLAÇÃO DOS BENS DOADOS A HERDEIROS: ANÁLISE DO ACÓRDÃO Nº 70050981836 JULGADO PELO TJRS 23 A COLAÇÃO DOS BENS DOADOS A HERDEIROS: ANÁLISE DO ACÓRDÃO Nº 70050981836 JULGADO PELO TJRS Adrieli Aline Frias 1 Daniele Garcia 2 Niagara Sabrina 3 Ynaia Medina Long 4 Orientadora: Profª. Mª. Ana Cleusa

Leia mais

Direito de Família. Consuelo Huebra

Direito de Família. Consuelo Huebra Direito de Família Consuelo Huebra Casamento A lei só admite o casamento civil, mas o casamento religioso pode produzir efeitos civis na forma dos arts.1515 e 1516, C.C. Parentesco Natural pessoas que

Leia mais

UNIVERSIDADE CATÓLICA DE GOIÁS Pró-Reitoria de Graduação ORGANIZAÇÃO BÁSICA DAS DISCIPLINAS CURRICULARES

UNIVERSIDADE CATÓLICA DE GOIÁS Pró-Reitoria de Graduação ORGANIZAÇÃO BÁSICA DAS DISCIPLINAS CURRICULARES UNIVERSIDADE CATÓLICA DE GOIÁS Pró-Reitoria de Graduação 2007/1 ORGANIZAÇÃO BÁSICA DAS DISCIPLINAS CURRICULARES Disciplina: DIREITO CIVIL VI Curso: DIREITO Código CR PER Co-Requisito Pré-Requisito 111111111111111111111111111111111111111

Leia mais

Regime de bens no casamento. 14/dez/2010

Regime de bens no casamento. 14/dez/2010 1 Registro Civil Registro de Pessoas Jurídicas Registro de Títulos e Documentos Regime de bens no casamento 14/dez/2010 Noções gerais, administração e disponibilidade de bens, pacto antenupcial, regime

Leia mais

PROJETO DE LEI N.º 1.878-A, DE 2011 (Da Sra. Janete Rocha Pietá)

PROJETO DE LEI N.º 1.878-A, DE 2011 (Da Sra. Janete Rocha Pietá) CÂMARA DOS DEPUTADOS PROJETO DE LEI N.º 1.878-A, DE 2011 (Da Sra. Janete Rocha Pietá) Altera o inciso I do art. 1.829 da Lei nº 10.406 de 10 de janeiro de 2002; tendo parecer da Comissão de Seguridade

Leia mais

CASAMENTO. 3. É permitido o casamento de pessoas menores de idade? Sim, os menores de 18 anos podem se casar, mas precisam da autorização dos pais.

CASAMENTO. 3. É permitido o casamento de pessoas menores de idade? Sim, os menores de 18 anos podem se casar, mas precisam da autorização dos pais. CARTILHA DA FAMÍLIA 9ª Vara de Família e Sucessões: Acesso fácil, rápido e eficiente ao Poder Judiciário em busca de soluções aos conflitos de Família. SUMÁRIO Apresentação...6 Casamento...7 Divórcio...10

Leia mais

QUESTÕES OBJETIVAS SUCESSÕES

QUESTÕES OBJETIVAS SUCESSÕES QUESTÕES OBJETIVAS SUCESSÕES 1. Heitor, solteiro e pai de dois filhos também solteiros (Roberto, com trinta anos de idade, e Leonardo, com vinte e oito anos de idade), vem a falecer, sem deixar testamento.

Leia mais

6Estabilidade. 7Justiça. 8Independência. 9Confidencialidade

6Estabilidade. 7Justiça. 8Independência. 9Confidencialidade Fazer um testamento público 1Harmonia O testamento evita brigas de família e disputas patrimoniais entre os herdeiros acerca dos bens deixados pelo falecido. 2Tranquilidade O testamento pode ser utilizado

Leia mais

DEFENSORIA PÚBLICA E PROCURADORIAS NOTURNO Direito Civil Professor Murilo Sechieri Data: 02/10/2012 Aula 07 RESUMO. SUMÁRIO (continuação)

DEFENSORIA PÚBLICA E PROCURADORIAS NOTURNO Direito Civil Professor Murilo Sechieri Data: 02/10/2012 Aula 07 RESUMO. SUMÁRIO (continuação) Direito Civil Professor Murilo Sechieri Data: 02/10/2012 Aula 07 RESUMO SUMÁRIO (continuação) I. DIREITO DE FAMÍLIA 5. FILIAÇÃO 5.2. Tipos de reconhecimento 5.3. Ação investigatória de paternidade 5.3.1.

Leia mais

ASPECTOS TEÓRICOS E PRÁTICOS ACERCA DO IMPOSTO SOBRE TRANSMISSÃO CAUSA MORTIS E DOAÇÃO (ITCD)

ASPECTOS TEÓRICOS E PRÁTICOS ACERCA DO IMPOSTO SOBRE TRANSMISSÃO CAUSA MORTIS E DOAÇÃO (ITCD) 1 ASPECTOS TEÓRICOS E PRÁTICOS ACERCA DO IMPOSTO SOBRE TRANSMISSÃO CAUSA MORTIS E DOAÇÃO (ITCD) Maria das Graças Esteves Batista 1 Resumo Este artigo trata dos aspectos teóricos e práticos do Imposto sobre

Leia mais