23/09/2011. Tecnologias da Educação. Tecnologias e mídias. Diferença entre tecnologia e mídia. Diferença entre tecnologia e mídia.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "23/09/2011. Tecnologias da Educação. Tecnologias e mídias. Diferença entre tecnologia e mídia. Diferença entre tecnologia e mídia."

Transcrição

1 Tecnologias da Educação Marco Antônio Tecnologias e mídias Comunicar não é de modo algum transmitir uma mensagem ou receber uma mensagem. Isso é a condição física da comunicação, mas não é comunicação. É certo que para comunicar, é preciso enviar mensagens, mas enviar mensagens não é comunicar. Comunicar é partilhar sentido (LÉVY, 1993). Tecnologias e mídias Comunicação e educação andam juntas. Quanto mais a primeira se valer da segunda, melhor será o ambiente e, portanto, melhor serão as práticas educativas. Diferença entre tecnologia e mídia tecnologia = mídias? A tecnologia é o veículo para comunicar mensagens e essas são representadas em uma mídia. Diferença entre tecnologia e mídia 4 tipos de mídia Texto Imagens (estáticas e em movimento) Sons Filmes Cada tecnologia suporta pelo menos um meio e algumas podem suportar mais do que um. 1

2 Diferença entre tecnologia e mídia Mídia impressa Exemplos: Um texto é um conjunto de caracteres em frases com significado e certa aparência. Texto tradicional é seqüencial American Standard Code for Information As caracteres são representados Interchange normalmente em formato (Código Padrão ASCII. Americano para o Intercâmbio visualizados em editores de texto de Informação) com interfaces gráficas. Mídia impressa Democratiza o acesso ao conhecimento e ainda mais usada para a educação. Livros didáticos, livros que reproduzem artigos ou capítulos, manuais, apostilas, anotações de aula e guias de estudo. Cunhado por Ted Nelson em É não-seqüencial. É um conjunto de nós ligados por conexões. Possibilita novas formas de ler e escrever. Baseadas em indexações e associações de idéias e conceitos, sob a forma de links. Podem ser palavras ou frases em destaque. Gráficos ou ícones 2

3 Transferir para um novo tópico. Mostrar uma referência. Fornecer informações adicionais. exibir uma ilustração, esquema, foto, definição ou seqüência de. executar outro programa de computado. Imagem Vídeo Som A imagem permite a união de emoção e pensamento, concretizando visualmente o ambiente e as coisas. Sua utilização possibilita que informações sejam evocadas, sugeridas ou simbolizadas. Texto Podem ser utilizadas de forma estática, a fim de representar esquemas gráficos, ilustrações ou fotografias em movimento, no formato de animações gráficas ou clipes de s. Imagem BITMAP (mapa de bits): a imagem é composta por quadradinhos chamados pixels. Cada pixel tem um valor associado; esse valor é chamado intensidade da imagem e representa alguma propriedade, como cor, tonalidade, brilho e outras. 3

4 Imagem vetorial: é um tipo de imagem gerada a partir de descrições geométricas de formas. Uma imagem vetorial normalmente é composta por curvas, elipses, polígonos, textos, entre outros elementos. Imagem vetorial: gerada por meio de um cálculo matemático. Imagem do mapa de bits: gerada por meio de uma mapa de pixels. O fluxo auditivo de informação é mais lento que o visual, mas é essencialmente dinâmico. O som sempre flui no tempo real e permite uma percepção física do ambiente, adicionando à informação sensações de movimento e de ritmo. 4

5 Contribui de maneira efetiva para o despertar da emoção, somando elementos dramáticos que levam às sensações que vão do medo ao prazer. A utilização do som deve ser cuidadosa e bem planejada, sob pena de tornar o estudo extremamente irritante e desmotivador. O som pode também ser usado como instrumento auxiliar para esclarecer as funções dos elementos que compõem a tela ou, então, como uma resposta imediata a uma ação bem sucedida do usuário, como, por exemplo, aplausos após uma resposta certa. Segundo Moran (1996), um ou um filme tem uma lógica de contigüidade. A comunicação é mais que a transmissão, é uma ação social, é produção de sentido, é conhecimento e formação do sujeito social, é inerente à vida. O é uma mídia que atrai e mantém a atenção dos alunos. Em alguns casos, é extremamente útil para a demonstração de processos que seriam difíceis de descrever. Um traz realidades distantes dos alunos para a sala de aula. simular experiências de química, que seriam perigosas em laboratório. Um pode mostrar o crescimento acelerado de uma planta, de uma árvore da semente até a maturidade em poucos segundos. 5

6 Multimídia Etimologicamente, mídia (mídias) vem do latim medium (media) ou meio e multi significa muitos. É um termo caracterizado pela utilização integrada de diferentes meios de comunicação: áudios, gráficos, imagens estáticas, animações e s. Características de produtos multimídia O acesso não-linear o usuário não fica preso a uma seqüência linear. A interatividade a situação do usuário diante do computador pode não ser a de espectador passivo, mas de participante de uma atividade. A integração com outros programas aplicativos o computador pode executar outras tarefas de outros aplicativos. Hipermídia Imediatamente após a origem dos hipertextos, surge o conceito de hipermídia, que reúne não somente textos como também imagens, sons, s e quaisquer outras informações que venham a ser representadas no formato digital. Hipermídia Une os conceitos de hipertexto e multimídia, ou seja, é um documento não-linear que contém imagens, sons, textos e s. CD-ROMs educativos e de referência podem apresentar conteúdos envoltos em um ambiente similar ao dos videogames, tanto em estética quanto em interatividade. Audioconferência Consiste na realização de uma conferência, com dois ou mais interlocutores, por meio do áudio. Por ser a telefonia uma rede que existe mundialmente, a audioconferência via telefone permite cursos a distância com baixo custo e de organização rápida. 6

7 Teleconferência Videoconferência Ocorre via satélite, de forma unidirecional. Consiste na geração de palestras, apresentações de expositores ou aulas, com a possibilidade de interação via fax, telefone ou Internet. Possibilita a conversa em duas vias, permitindo que o processo ensinoaprendizagem ocorra em tempo real (on-line) e possa ser interativo, entre pessoas que podem se ver e ouvir simultaneamente. Webconferência É a videoconferência via Internet. Concerne em uma tecnologia recente, que surgiu da possibilidade da utilização de microcomputadores como equipamentos de videoconferência. Usabilidade entendida como a capacidade do uso fácil e eficiente da multimídia por um indivíduo. Nielsen (1997) considera a usabilidade como um subcomponente da utilidade que gira em torno de um sub-componente da aceitabilidade prática. Usabilidade Usabilidade Facilidade de aprendizagem. Eficiência no uso. Facilidade de ser lembrado. Existência de poucos erros. Uso subjetivamente agradável. 7

8 Tecnologias da Educação Marco Antônio 8

ANIMAÇÕES WEB AULA 2. conhecendo a interface do Adobe Flash. professor Luciano Roberto Rocha. www.lrocha.com

ANIMAÇÕES WEB AULA 2. conhecendo a interface do Adobe Flash. professor Luciano Roberto Rocha. www.lrocha.com ANIMAÇÕES WEB AULA 2 conhecendo a interface do Adobe Flash professor Luciano Roberto Rocha www.lrocha.com O layout do programa A barra de ferramentas (tools) Contém as ferramentas necessárias para desenhar,

Leia mais

Autoria Multimídia: o uso de ferramentas multimídia no campo educacional

Autoria Multimídia: o uso de ferramentas multimídia no campo educacional Autoria Multimídia: o uso de ferramentas multimídia no campo educacional Douglas Vaz, Suelen Silva de Andrade Faculdade Cenecista de Osório (FACOS) Rua 24 de maio, 141 95520-000 Osório RS Brasil {doug.vaz,

Leia mais

Curso de Especialização em Saúde da Família

Curso de Especialização em Saúde da Família MÓDULO: FAMILIARIZAÇÃO TECNOLÓGICA COM EAD UNIDADE 02 PROCESSO DE INTERAÇÃO EM EAD Prof. Msc Rômulo Martins 2.1 Interação em EAD A partir das novas mídias e tecnologias, tais como a televisão, o telefone

Leia mais

Desenho didático para cursos online

Desenho didático para cursos online Desenho didático para cursos online Edméa Santos Professora da UERJ Professora-tutora do PROGED/ISP/UFBA E-mail: mea2@uol.com.br Site: www.docenciaonline.pro.br/moodle Que é cibercultura? Educação online:

Leia mais

Oficina de Multimédia B. ESEQ 12º i 2009/2010

Oficina de Multimédia B. ESEQ 12º i 2009/2010 Oficina de Multimédia B ESEQ 12º i 2009/2010 Conceitos gerais Multimédia Hipertexto Hipermédia Texto Tipografia Vídeo Áudio Animação Interface Interacção Multimédia: É uma tecnologia digital de comunicação,

Leia mais

Prof. Marcelo Henrique dos Santos

Prof. Marcelo Henrique dos Santos POR QUE ESTUDAR COMPUTAÇÃO GRÁFICA? Quem quiser trabalhar em áreas afins: Entretenimento Jogos e filmes Visualização Simulação de fenômenos físicos Arte computadorizada Educação e treinamento Processamento

Leia mais

PLANIFICAÇÃO DA DISCIPLINA DE APLICAÇÕES INFORMÁTICAS B

PLANIFICAÇÃO DA DISCIPLINA DE APLICAÇÕES INFORMÁTICAS B PLANIFICAÇÕES SECUNDÁRIO PLANIFICAÇÃO DA DISCIPLINA DE APLICAÇÕES INFORMÁTICAS B 12º ANO DE ESCOLARIDADE CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS Introdução à Programação Introdução Linguagens naturais e formais Algoritmos

Leia mais

NOVAS TECNOLOGIAS EM EDUCAÇÃO

NOVAS TECNOLOGIAS EM EDUCAÇÃO NOVAS TECNOLOGIAS EM EDUCAÇÃO Contextualização histórica O QUE SÃO TICs? Tecnologias da Informação e Comunicação = Informática + Sistemas digitais + Internet As TICs podem ser definidas como tecnologias

Leia mais

Introdução ao GetResponse

Introdução ao GetResponse Guia rápido sobre... Introdução ao GetResponse Neste guia... Aprenda a construir sua lista, a criar envolventes e-mails e a converter contatos em clientes em GetResponse, com acesso aos melhores recursos

Leia mais

PROPOSTA DE UM MODELO DE SISTEMA HIPERMÍDIA PARA APRESENTAÇÃO DO CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO

PROPOSTA DE UM MODELO DE SISTEMA HIPERMÍDIA PARA APRESENTAÇÃO DO CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO PROPOSTA DE UM MODELO DE SISTEMA HIPERMÍDIA PARA APRESENTAÇÃO DO CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO Fabiana Pacheco Lopes 1 1 Universidade Presidente Antônio Carlos (UNIPAC) fabipl_21@yahoo.com.br Resumo.Este

Leia mais

Ciência da Computação / Sistemas de Informação Sistemas Multimídia Prof. Marcelo Nogueira Parte - 02 Versão 2008/1.0

Ciência da Computação / Sistemas de Informação Sistemas Multimídia Prof. Marcelo Nogueira Parte - 02 Versão 2008/1.0 O que é Multimídia UNIP Tatuapé - SP Ciência da Computação / Sistemas de Informação Sistemas Multimídia Prof. Marcelo Nogueira Parte - 02 Versão 2008/1.0 Objetivos deste texto (1) Por multimídia entenderemos

Leia mais

ANDRÉ APARECIDO DA SILVA APOSTILA BÁSICA SOBRE O POWERPOINT 2007

ANDRÉ APARECIDO DA SILVA APOSTILA BÁSICA SOBRE O POWERPOINT 2007 ANDRÉ APARECIDO DA SILVA APOSTILA BÁSICA SOBRE O POWERPOINT 2007 CURITIBA 2015 2 SUMÁRIO INTRODUÇÃO AO MICROSOFT POWERPOINT 2007... 3 JANELA PRINCIPAL... 3 1 - BOTÃO OFFICE... 4 2 - FERRAMENTAS DE ACESSO

Leia mais

Alan Kay: For users, the user interface is the program

Alan Kay: For users, the user interface is the program O que é Interface Interface Ambiente onde se dá a comunicação com os usuários do sistema. A introdução de uma ferramenta de informática interativa em um ambiente de trabalho, modifica a realização da tarefa

Leia mais

A PÁGINA DISCIPLINAR DE MATEMÁTICA DO PORTAL DIA A DIA EDUCAÇÃO

A PÁGINA DISCIPLINAR DE MATEMÁTICA DO PORTAL DIA A DIA EDUCAÇÃO A PÁGINA DISCIPLINAR DE MATEMÁTICA DO PORTAL DIA A DIA EDUCAÇÃO Resumo: Dolores Follador Secretaria de Estado da Educação do Paraná e Faculdades Integradas do Brasil - Unibrasil doloresfollador@gmail.com

Leia mais

COMPUTAÇÃO GRÁFICA O QUE É?

COMPUTAÇÃO GRÁFICA O QUE É? COMPUTAÇÃO GRÁFICA O QUE É? Curso: Tecnológico em Análise e Desenvolvimento de Sistemas Disciplina: COMPUTAÇÃO GRÁFICA 4º Semestre Prof. AFONSO MADEIRA SUMÁRIO O que é COMPUTAÇÃO GRÁFICA Áreas relacionadas

Leia mais

ENSINO DE MATEMÁTICA PONTO BLOG

ENSINO DE MATEMÁTICA PONTO BLOG ENSINO DE MATEMÁTICA PONTO BLOG Moema Gomes Moraes 1 RESUMO: Este trabalho faz uma reflexão sobre os aspectos relacionados ao uso de Blogs no ensino de Matemática. Para isto, ele inicia fazendo uma reflexão

Leia mais

APLICATIVOS GRÁFICOS (AULA 4)

APLICATIVOS GRÁFICOS (AULA 4) Prof. Breno Leonardo G. de M. Araújo brenod123@gmail.com http://blog.brenoleonardo.com.br APLICATIVOS GRÁFICOS (AULA 4) 1 Classificação da imagem Em relação à sua origem pode-se classificar uma imagem,

Leia mais

WEBJORNALISMO. Aula 04: Características do Webjornalismo. Características do webjornalismo

WEBJORNALISMO. Aula 04: Características do Webjornalismo. Características do webjornalismo WEBJORNALISMO Aula 04: Características do Webjornalismo Prof. Breno Brito Características do webjornalismo O webjornalismo apresenta algumas características específicas em relação a aspectos que quase

Leia mais

Microsoft Office PowerPoint 2007

Microsoft Office PowerPoint 2007 INTRODUÇÃO AO MICROSOFT POWERPOINT 2007 O Microsoft Office PowerPoint 2007 é um programa destinado à criação de apresentação através de Slides. A apresentação é um conjunto de Sides que são exibidos em

Leia mais

Internet: Site da Simonsen e Secretaria Online

Internet: Site da Simonsen e Secretaria Online Capítulo 9 Internet: Site da Simonsen e Secretaria Online 9.1 Introdução a Internet A palavra Internet é o resultado da junção dos termos inter (internacional) e net (rede), e é o nome da grande rede mundial

Leia mais

NOVAS MÍDIAS DIGITAIS - AULA 01 - APRESENTAÇÃO

NOVAS MÍDIAS DIGITAIS - AULA 01 - APRESENTAÇÃO NOVAS MÍDIAS DIGITAIS - AULA 01 - APRESENTAÇÃO O QUE É MÍDIA DIGITAL? É conjunto de meios de comunicação baseados em tecnologia digital, permitindo a distribuição de informação na forma escrita, sonora

Leia mais

Dicas básicas para disciplinas/atividades na modalidade de educação a distância Mediação Digital Virtual

Dicas básicas para disciplinas/atividades na modalidade de educação a distância Mediação Digital Virtual Dicas básicas para disciplinas/atividades na modalidade de educação a distância Mediação Digital Virtual Escritório de Gestão de Projetos em EAD Unisinos http://www.unisinos.br/ead 2 A partir de agora,

Leia mais

Introdução à MULTIMÍDIA E REALIDADE VIRTUAL

Introdução à MULTIMÍDIA E REALIDADE VIRTUAL Introdução à MULTIMÍDIA E REALIDADE VIRTUAL Processo de Comunicação Emissor Mensagem Receptor Canal / Meio Processo de Comunicação Interpretação da Mensagem pode sofrer distorção (ruídos) Após interpretação,

Leia mais

Manual Ambiente Virtual de Aprendizagem Moodle-ESPMG 2.0

Manual Ambiente Virtual de Aprendizagem Moodle-ESPMG 2.0 Manual Ambiente Virtual de Aprendizagem Moodle-ESPMG 2.0 Adriano Lima Belo Horizonte 2011 SUMÁRIO Apresentação... 3 Acesso ao Ambiente Virtual de Aprendizagem AVA ESP-MG... 3 Programação do curso no AVA-ESPMG

Leia mais

MICROSOFT POWER POINT 2003

MICROSOFT POWER POINT 2003 MICROSOFT POWER POINT 2003 APOSTILA PAGINAS.TERRA.COM.BR/EDUCACAO/INFOCAO 1 Sumário Software de Apresentação 03 Exemplos de Software de Apresentação 04 Considerações para uma boa Apresentação 05 Apresentações

Leia mais

Manual de Utilização Moodle

Manual de Utilização Moodle Manual de Utilização Moodle Perfil Professor Apresentação Esse manual, baseado na documentação oficial do Moodle foi elaborado pela Coordenação de Tecnologia de Informação CTI do câmpus e tem como objetivo

Leia mais

Guia de Estudo Criação de Apresentações Microsoft PowerPoint

Guia de Estudo Criação de Apresentações Microsoft PowerPoint Tecnologias da Informação e Comunicação Guia de Estudo Criação de Apresentações Microsoft PowerPoint Aspectos genéricos sobre o trabalho com imagens computacionais Imagens computacionais e programas que

Leia mais

OURO MODERNO www.ouromoderno.com.br. Designer Gráfico APOSTILA DE EXEMPLO. (Esta é só uma reprodução parcial do conteúdo)

OURO MODERNO www.ouromoderno.com.br. Designer Gráfico APOSTILA DE EXEMPLO. (Esta é só uma reprodução parcial do conteúdo) Designer Gráfico APOSTILA DE EXEMPLO (Esta é só uma reprodução parcial do conteúdo) 1 Índice Aula 1... 3 Apresentação do Photoshop... 3 Barra de Menus... 3 Barra de Opções... 3 Barra de Ferramentas...4

Leia mais

Ciências da Computação Disciplina:Computação Gráfica

Ciências da Computação Disciplina:Computação Gráfica Ciências da Computação Disciplina:Computação Gráfica Professora Andréia Freitas 2012 7 semestre Aula 02 (1)AZEVEDO, Eduardo. Computação Gráfica, Rio de Janeiro: Campus, 2005 (*0) (2) MENEZES, Marco Antonio

Leia mais

Exercícios orientadores da aprendizagem e sua solução; Indicação das referências complementares para cada

Exercícios orientadores da aprendizagem e sua solução; Indicação das referências complementares para cada 9 MATERIAIS DIDÁTICOS - Com base no conhecimento adquirido nas reuniões anteriores, o professor deve preparar uma proposta dos materiais que pretende produzir para o seu curso/disciplina. - É importante

Leia mais

Contando os Pontos Números Binários

Contando os Pontos Números Binários Atividade 1 Contando os Pontos Números Binários Sumário Os dados são armazenados em computadores e transmitidos como uma série de zeros e uns. Como podemos representar palavras e números usando apenas

Leia mais

Tutorial de animação quadro a quadro

Tutorial de animação quadro a quadro Tutorial de animação quadro a quadro quadro a quadro é uma técnica que consiste em utilizar imagens ou fotografias diferentes de um mesmo objeto para simular o seu movimento. Nesse caso, trata-se de relatar

Leia mais

CONCURSO DE WEBSITES DE RAMOS ESTUDIANTIS DO IEEE. Traduzido por: Adjamilton Junior Equipe de Tradução Região 9

CONCURSO DE WEBSITES DE RAMOS ESTUDIANTIS DO IEEE. Traduzido por: Adjamilton Junior Equipe de Tradução Região 9 CONCURSO DE WEBSITES DE RAMOS ESTUDIANTIS DO IEEE Traduzido por: Adjamilton Junior Equipe de Tradução Região 9 Regras e instruções O objetivo de uma página web é transmitir informação de uma maneira útil

Leia mais

ANÁLISE DE SITES EDUCACIONAIS PELO PROFESSOR E PELO ALUNO

ANÁLISE DE SITES EDUCACIONAIS PELO PROFESSOR E PELO ALUNO Análise do professor: Parâmetros para avaliação Ao navegar por Web sites é importante observar alguns tópicos para determinar se um site é bom ou não. Navegação, design, conteúdo, velocidade de acesso,

Leia mais

Imagem digital - 1. A natureza da imagem fotográfica. A natureza da imagem fotográfica

Imagem digital - 1. A natureza da imagem fotográfica. A natureza da imagem fotográfica A natureza da imagem fotográfica PRODUÇÃO GRÁFICA 2 Imagem digital - 1 Antes do desenvolvimento das câmeras digitais, tínhamos a fotografia convencional, registrada em papel ou filme, através de um processo

Leia mais

CONSTRUÇÃO E DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARES EDUCACIONAIS PARA APLICAÇÃO NO ENSINO DE TERMOQUÍMICA E QUÍMICA ORGÂNICA.

CONSTRUÇÃO E DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARES EDUCACIONAIS PARA APLICAÇÃO NO ENSINO DE TERMOQUÍMICA E QUÍMICA ORGÂNICA. CONSTRUÇÃO E DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARES EDUCACIONAIS PARA APLICAÇÃO NO ENSINO DE TERMOQUÍMICA E QUÍMICA ORGÂNICA. Hawbertt R. Costa, Natália C. Martins, Adilson L. P. Silva 1 e Joacy B. Lima 1* * E-mail

Leia mais

COMPUTAÇÃO GRÁFICA REPRESENTAÇÃO DE IMAGENS

COMPUTAÇÃO GRÁFICA REPRESENTAÇÃO DE IMAGENS COMPUTAÇÃO GRÁFICA REPRESENTAÇÃO DE IMAGENS Curso: Tecnológico em Análise e Desenvolvimento de Sistemas Disciplina: COMPUTAÇÃO GRÁFICA 4º Semestre Prof. AFONSO MADEIRA ARQUITETURA GRÁFICA Frame-buffer

Leia mais

PowerPoint 2007 Prof. André Alencar P á g i n a 1 POWERPOINT 2007

PowerPoint 2007 Prof. André Alencar P á g i n a 1 POWERPOINT 2007 P á g i n a 1 POWERPOINT 2007 Principais dicas: 1. O PowerPoint é um software de criação de apresentações. Com ele é possível criar uma sucessão de slides para serem apresentados na forma de uma exposição,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ PRÓ REITORIA DE ADMINISTRAÇÃO E PLANEJAMENTO DEPARTAMENTO DE INFORMÁTICA TREINAMENTO EM INFORMÁTICA MÓDULO V

UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ PRÓ REITORIA DE ADMINISTRAÇÃO E PLANEJAMENTO DEPARTAMENTO DE INFORMÁTICA TREINAMENTO EM INFORMÁTICA MÓDULO V UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ PRÓ REITORIA DE ADMINISTRAÇÃO E PLANEJAMENTO DEPARTAMENTO DE INFORMÁTICA TREINAMENTO EM INFORMÁTICA MÓDULO V MACAPÁ-AP 2011 UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ PRÓ REITORIA DE ADMINISTRAÇÃO

Leia mais

CorelDRAW 11 1. UM PROGRAMA DE DESIGN

CorelDRAW 11 1. UM PROGRAMA DE DESIGN CorelDRAW 11 1. UM PROGRAMA DE DESIGN Com o Corel você vai trabalhar com um dos aplicativos mais usados no campo do design e da auto-edição, já que permite operar com dois tipos de gráficos (vetoriais

Leia mais

Table of Contents. PowerPoint XP

Table of Contents. PowerPoint XP Table of Contents Finalizando a apresentação...1 Usando anotações...1 Desfazer e repetir...1 Localizar e substituir...2 Substituir...2 Efeitos de transição...3 Esquema de animação...6 Controlando os tempos

Leia mais

Documento de Visão. Sistema de Monitoria Online do Ciências Aplicadas - MoLCA

Documento de Visão. Sistema de Monitoria Online do Ciências Aplicadas - MoLCA Documento de Visão Sistema de Online do Ciências Aplicadas - MoLCA Versão do documento: 1.0 Data de atualização: 25 de setembro de 2008 1 Sumário 1. Introdução... 3 1.1. Resumo... 3 1.2. Escopo... 3 2.

Leia mais

Sistemas Colaborativos Simulado

Sistemas Colaborativos Simulado Verdadeiro ou Falso Sistemas Colaborativos Simulado 1. Todos os tipos de organizações estão se unindo a empresas de tecnologia na implementação de uma ampla classe de usos de redes intranet. Algumas das

Leia mais

Instruções de uso passo a passo. IPTU Imobiliárias. Figura 01 Portal do Município

Instruções de uso passo a passo. IPTU Imobiliárias. Figura 01 Portal do Município Instruções de uso passo a passo IPTU Imobiliárias Este manual passo a passo, foi elaborado para instruir as imobiliárias quanto ao uso (operação) do serviço on-line, disponível no portal do município,

Leia mais

Núcleo de Tecnologias Interativas de Aprendizagem.

Núcleo de Tecnologias Interativas de Aprendizagem. Núcleo de Tecnologias Interativas de Aprendizagem. TUTORIAL MOODLE Titulo: Primeiro Acesso a Plataforma MOODLE. Autor: NUTEIA Data de Criação: 03 / 02 / 2008. Atualizado em: 16 / 03 / 2012. 1ª Etapa 01

Leia mais

DESENVOLVIMENTO DE PROGRAMA MULTIMIDIA PARA O ENSINO DEDINÂMICA DE MÚLTIPLOS CORPOS

DESENVOLVIMENTO DE PROGRAMA MULTIMIDIA PARA O ENSINO DEDINÂMICA DE MÚLTIPLOS CORPOS DESENVOLVIMENTO DE PROGRAMA MULTIMIDIA PARA O ENSINO DEDINÂMICA DE MÚLTIPLOS CORPOS Ilmar Ferreira Santos Rodrigo Fernandes de Carvalho UNICAMP - Faculdade de Engenharia Mecânica Departamento de Projeto

Leia mais

PVANET: PRINCIPAIS FERRAMENTAS E UTILIZAÇÃO DIDÁTICA

PVANET: PRINCIPAIS FERRAMENTAS E UTILIZAÇÃO DIDÁTICA 11 PVANET: PRINCIPAIS FERRAMENTAS E UTILIZAÇÃO DIDÁTICA O PVANet é o ambiente virtual de aprendizagem (AVA) de uso exclusivo da UFV. Os AVAs apresentam diferenças de layout, forma de acesso, funcionamento,

Leia mais

Módulo II - Aula 3 Comunicação

Módulo II - Aula 3 Comunicação Módulo II - Aula 3 Comunicação O surgimento da comunicação entre as pessoas por meio de computadores só foi possível após o surgimento das Redes de Computadores. Na aula anterior você aprendeu sobre a

Leia mais

Guia Prático. Sistema EAD PRO-CREA

Guia Prático. Sistema EAD PRO-CREA Guia Prático Sistema EAD PRO-CREA Educação a Distância (EAD) Conheça a seguir algumas dicas de Netiqueta para uma convivência sociável e boas maneiras na web. Sugerimos fazer um teste para saber como você

Leia mais

O uso de blogs no ensino de Matemática 2

O uso de blogs no ensino de Matemática 2 Claudinei Flavia Batista Santos Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia Brasil bs_flavia@hotmail.com Sirlândia Souza Santana sirlandiasantana@hotmail.com Resumo Este trabalho tem como principal objetivo

Leia mais

Colorindo com Números Representação de Imagens

Colorindo com Números Representação de Imagens Atividade 2 Colorindo com Números Representação de Imagens Sumário Os computadores armazenam desenhos, fotografias e outras imagens usando apenas números. A atividade seguinte demonstra como eles podem

Leia mais

Tutorial Moodle Visão do Aluno

Tutorial Moodle Visão do Aluno Tutorial Moodle Visão do Aluno A P R E S E N T A Ç Ã O A sigla MOODLE significa (Modular Object Oriented Dynamic Learning Environment), em inglês MOODLE é um verbo que descreve a ação ao realizar com gosto

Leia mais

Universidade Federal de Santa Maria UFSM Centro de Tecnologia CT. Power Point. Básico

Universidade Federal de Santa Maria UFSM Centro de Tecnologia CT. Power Point. Básico Universidade Federal de Santa Maria UFSM Centro de Tecnologia CT Power Point Básico Santa Maria, julho de 2006 O Power Point é um aplicativo do Microsoft Office direcionado à criação de apresentações.

Leia mais

COMO CRIAR MAPAS CONCEITUAIS UTILIZANDO O CMAPTOOLS

COMO CRIAR MAPAS CONCEITUAIS UTILIZANDO O CMAPTOOLS COMO CRIAR MAPAS CONCEITUAIS UTILIZANDO O CMAPTOOLS Luiz Antonio Schalata Pacheco schalata@cefetsc.edu.br Sabrina Moro Villela Pacheco sabrinap@cefetsc.edu.br EDIÇÃO PRELIMINAR Sumário 1 INTRODUÇÃO...3

Leia mais

3 Qualidade de serviço na Internet

3 Qualidade de serviço na Internet 3 Qualidade de serviço na Internet 25 3 Qualidade de serviço na Internet Além do aumento do tráfego gerado nos ambientes corporativos e na Internet, está havendo uma mudança nas características das aplicações

Leia mais

MANUAL DO ALUNO COSEMS - MG. www.cosemsmg-ead.org.br

MANUAL DO ALUNO COSEMS - MG. www.cosemsmg-ead.org.br MANUAL DO ALUNO COSEMS - MG 1 ÍNDICE 03 APRESENTAÇÃO. Dicas para estudar a distância. Funções do professor e do tutor 04 CADASTRO NO CURSO 05 ACESSO AO CURSO 07 FERRAMENTAS DE ESTUDO. Conteúdo: aulas virtuais.

Leia mais

Como Criar uma Aula? Na página inicial do Portal do Professor, acesse ESPAÇO DA AULA: Ao entrar no ESPAÇO DA AULA, clique no ícone Criar Aula :

Como Criar uma Aula? Na página inicial do Portal do Professor, acesse ESPAÇO DA AULA: Ao entrar no ESPAÇO DA AULA, clique no ícone Criar Aula : Como Criar uma Aula? Para criar uma sugestão de aula é necessário que você já tenha se cadastrado no Portal do Professor. Para se cadastrar clique em Inscreva-se, localizado na primeira página do Portal.

Leia mais

APRENDENDO LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO VIA WEB

APRENDENDO LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO VIA WEB APRENDENDO LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO VIA WEB Romero Tori Universidade de São Paulo Escola Politécnica INTERLAB Laboratório de Tecnologias Interativas-USP Instituto Sumaré de Educação Superior rometori@usp.br

Leia mais

Configurações de Campanha

Configurações de Campanha Guia rápido sobre... Configurações de Campanha Neste guia... Aprenda a criar campanhas e a ajustar as configurações para otimizar os resultados. Índice 1. Criar Nova Campanha! 4 1.1 Dar um nome à campanha!

Leia mais

Portal de conteúdos. Tecnologia a serviço da educação

Portal de conteúdos. Tecnologia a serviço da educação Portal de conteúdos Tecnologia a serviço da educação O trabalho do docente vai muito além do horário de aula. Estudantes possuem muitas atividades para pesquisar e não dispõem de fontes seguras. E se os

Leia mais

Banco de Dados Multimídia

Banco de Dados Multimídia Banco de Dados Multimídia Nomes: Ariane Bazilio Cristiano de Deus Marcos Henrique Sidinei Souza Professor Mauricio Anderson Perecim Conteúdo Banco de Dados Multimídia... 3 Conceitos... 3 Descrição... 3

Leia mais

Utilizando a ferramenta de criação de aulas

Utilizando a ferramenta de criação de aulas http://portaldoprofessor.mec.gov.br/ 04 Roteiro Utilizando a ferramenta de criação de aulas Ministério da Educação Utilizando a ferramenta de criação de aulas Para criar uma sugestão de aula é necessário

Leia mais

1 Introdução. Sistemas de Autoria

1 Introdução. Sistemas de Autoria 1 Introdução Sistemas de Autoria O momento atual impulsiona a computação a lançar um novo olhar sobre a Educação, focados para as possibilidades da construção de um mundo de inovações onde as tecnologias

Leia mais

www.portalfuturum.com.br

www.portalfuturum.com.br www.portalfuturum.com.br GEOGRAFIA Solos GUIA RÁPIDO DO AMBIENTE DE FORMAÇÃO DO PORTAL FUTURUM Prezado(a) cursista, Bem-vindo(a) ao Ambiente de Formação do Portal Futurum (AFPF)!!! A proposta deste material

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO MOODLE 2.6

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO MOODLE 2.6 NÚCLEO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO NTIC MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO MOODLE 2.6 PERFIL ALUNO Versão 1.0 2014 NÚCLEO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO NTIC MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO MOODLE

Leia mais

APLICATIVOS GRÁFICOS (AULA 3)

APLICATIVOS GRÁFICOS (AULA 3) Prof. Breno Leonardo G. de M. Araújo brenod123@gmail.com http://blog.brenoleonardo.com.br APLICATIVOS GRÁFICOS (AULA 3) Introdução A possibilidade de utilizarmos imagens, gráficos, desenhos e textos artísticos

Leia mais

PRODUTOS B2B SAMSUNG APPS SUPORTE MY SAMSUNG BUSCA. Tweetar 3. Escolhe a melhor foto para você

PRODUTOS B2B SAMSUNG APPS SUPORTE MY SAMSUNG BUSCA. Tweetar 3. Escolhe a melhor foto para você ALL SHARE ACESSIBILIDADE SOBRE A SAMSUNG C C C PRODUTOS B2B SAMSUNG APPS SUPORTE MY SAMSUNG BUSCA Página principal Celulares & Tablets Smartphones Galaxy S III Compatível com impressora GT I9300 59 Tweetar

Leia mais

Portal de conteúdos Linha Direta

Portal de conteúdos Linha Direta Portal de conteúdos Linha Direta Tecnologias Educacionais PROMOVEM SÃO Ferramentas Recursos USADAS EM SALA DE AULA PARA APRENDIZADO SÃO: Facilitadoras Incentivadoras SERVEM Necessárias Pesquisa Facilitar

Leia mais

OURO MODERNO www.ouromoderno.com.br. Designer Gráfico APOSTILA DE EXEMPLO. (Esta é só uma reprodução parcial do conteúdo)

OURO MODERNO www.ouromoderno.com.br. Designer Gráfico APOSTILA DE EXEMPLO. (Esta é só uma reprodução parcial do conteúdo) Designer Gráfico APOSTILA DE EXEMPLO (Esta é só uma reprodução parcial do conteúdo) 1 Índice AULA 1... 3 Apresentação... 3 Iniciando o CorelDRAW X3... 4 Componentes... 5 Barra de Menus... 6 Barra Padrão...

Leia mais

Características do jornalismo on-line

Características do jornalismo on-line Fragmentos do artigo de José Antonio Meira da Rocha professor de Jornalismo Gráfico no CESNORS/Universidade Federal de Santa Maria. Instantaneidade O grau de instantaneidade a capacidade de transmitir

Leia mais

LOUSA INTERATIVA. ActivPen

LOUSA INTERATIVA. ActivPen LOUSA INTERATIVA Desenvolvidos por e para professores, a Lousa Interativa é composta por um quadro eletrônico branco, conectado a um computador por meio de um cabo USB. Manuseada por meio de uma caneta

Leia mais

Flex. MANUAL DE USO DA FERRAMENTA FLEX O Flex como gerenciador de conteúdo

Flex. MANUAL DE USO DA FERRAMENTA FLEX O Flex como gerenciador de conteúdo 2011 MANUAL DE USO DA FERRAMENTA FLEX O Flex como gerenciador de conteúdo Aprenda como é simples utilizar a ferramenta Flex como seu gerenciador de conteúdo online. Flex Desenvolvido pela ExpandWEB 31/01/2011

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OESTE - UNICENTRO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM MÍDIAS NA EDUCAÇÃO

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OESTE - UNICENTRO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM MÍDIAS NA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OESTE - UNICENTRO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM MÍDIAS NA EDUCAÇÃO FERNANDA SERRER ORIENTADOR(A): PROFESSOR(A) STOP MOTION RECURSO MIDIÁTICO NO PROCESSO DE ENSINO E DE APRENDIZAGEM

Leia mais

REALIDADE AUMENTADA APLICADA NA EDUCAÇÃO: ESTUDOS DOS SEUS BENEFÍCIOS

REALIDADE AUMENTADA APLICADA NA EDUCAÇÃO: ESTUDOS DOS SEUS BENEFÍCIOS REALIDADE AUMENTADA APLICADA NA EDUCAÇÃO: ESTUDOS DOS SEUS BENEFÍCIOS Kelly Cristina de Oliveira 1, Júlio César Pereira 1. 1 Universidade Paranaense (UNIPAR) Paranavaí PR Brasil kristhinasi@gmail.com,

Leia mais

MATEMÁTICA Ellen Hertzog ** RESUMO

MATEMÁTICA Ellen Hertzog ** RESUMO MATEMÁTICA Ellen Hertzog ** O TWITTER COMO FERRAMENTA DE ENSINO E APRENDIZAGEM DE RESUMO Este artigo trata da utilização do Twitter como uma ferramenta de ensino e aprendizagem de Matemática. A experiência

Leia mais

BRIP. Índice. I Que recursos digitais tenho à minha disposição e de que forma os posso utilizar? 05

BRIP. Índice. I Que recursos digitais tenho à minha disposição e de que forma os posso utilizar? 05 BRIP Índice I Que recursos digitais tenho à minha disposição e de que forma os posso utilizar? 05 1 Aulas interativas 05 2 E-manuais 09 Temas 09 Pesquisa global de Recursos Educativos Digitais 11.1 Pesquisa

Leia mais

Fotografia Digital Obtenção da Imagem e Impressão

Fotografia Digital Obtenção da Imagem e Impressão Fotografia Digital Obtenção da Imagem e Impressão 1 Diferenças entre o CCD e o Filme: O filme como já vimos, é uma película de poliéster, coberta em um dos lados por uma gelatina de origem animal com partículas

Leia mais

INFORMES MANUAL DO APLICATIVO

INFORMES MANUAL DO APLICATIVO INFORMES MANUAL DO APLICATIVO APRESENTAÇÃO Este aplicativo é um dos recursos mais importantes que o Portal disponibiliza, pois é a partir dele que são feitas a publicação de informativos nas seções que

Leia mais

A sala virtual de aprendizagem

A sala virtual de aprendizagem A sala virtual de aprendizagem Os módulos dos cursos a distância da Faculdade Integrada da Grande Fortaleza decorrem em sala virtual de aprendizagem que utiliza o ambiente de suporte para ensino-aprendizagem

Leia mais

AULA 4 Manipulando Tabelas

AULA 4 Manipulando Tabelas 4.1 AULA 4 Manipulando Tabelas Nessa aula serão apresentadas algumas funcionalidades relativas a manipulação de tabelas de atributos no TerraView. Para isso será usado o banco de dados criado nas Aulas

Leia mais

Telecomunicações CONCEITOS DE COMUNICAÇÃO

Telecomunicações CONCEITOS DE COMUNICAÇÃO Telecomunicações CONCEITOS DE COMUNICAÇÃO 1 COMUNICAÇÃO A COMUNICAÇÃO pode ser definida como a transmissão de um sinal através de um meio, de um emissor para um receptor. O sinal contém uma mensagem composta

Leia mais

TECNOLOGIA EM SISTEMAS PARA INTERNET Disciplina:FERRAMENTAS E TÉCNICAS DE ANIMAÇÃO WEB. Professora Andréia Freitas

TECNOLOGIA EM SISTEMAS PARA INTERNET Disciplina:FERRAMENTAS E TÉCNICAS DE ANIMAÇÃO WEB. Professora Andréia Freitas TECNOLOGIA EM SISTEMAS PARA INTERNET Disciplina:FERRAMENTAS E TÉCNICAS DE ANIMAÇÃO WEB Professora Andréia Freitas 2012 3 semestre Aula 03 MEMORIA, F. Design para a Internet. 1ª Edição. Rio de Janeiro:

Leia mais

Multimídia. Conceitos Básicos (Parte II)

Multimídia. Conceitos Básicos (Parte II) Universidade do Estado de Minas Gerais Campus de Frutal Sistemas de Informação 7º Período Multimídia Conceitos Básicos (Parte II) Prof. Sérgio Carlos Portari Jr profsergio@frutalhost.com.br Carga Horária:

Leia mais

Médio Integrado Aula 01 2014 Thatiane de Oliveira Rosa

Médio Integrado Aula 01 2014 Thatiane de Oliveira Rosa Aplicativos Web e Webdesign Aula 01 2014 Thatiane de Oliveira Rosa 1 Roteiro Apresentação da disciplina e Introdução ao HTML Desenvolvimento de Web sites e Sistemas Web; Projeto de sites web; 2 Quem é

Leia mais

SEFO 1.0: Software de Estúdio de Fotos Online. Investigação Contextual. Funções do Sistema. Protótipo de baixa fidelidade

SEFO 1.0: Software de Estúdio de Fotos Online. Investigação Contextual. Funções do Sistema. Protótipo de baixa fidelidade SEFO 1.0: Software de Estúdio de Fotos Online O software será uma base administrativa para cadastro de eventos e fotos de clientes. Investigação Contextual Constatamos que uma base administrativa de um

Leia mais

Escola Secundária da Trofa Aplicações Informáticas A 11º Ano Curso Tecnológico de Informática T E S T E T I P O

Escola Secundária da Trofa Aplicações Informáticas A 11º Ano Curso Tecnológico de Informática T E S T E T I P O Grupo I (Utilização de Sistemas Multimédia) 1. Indique os atributos elementares das imagens 2. Complete as seguintes afirmações de forma a torná-las verdadeiras: a. A resolução de uma imagem digital é

Leia mais

1. Introdução ao Campus Virtual 1.1. Introdução

1. Introdução ao Campus Virtual 1.1. Introdução 1. Introdução ao Campus Virtual 1.1. Introdução Este tutorial tem a finalidade de guiar o aluno, dando orientações necessárias para o acesso, navegação e utilização das ferramentas principais. Um ambiente

Leia mais

WorkShop histórias digitais. Profissionais Silver Stories

WorkShop histórias digitais. Profissionais Silver Stories WorkShop histórias digitais. Profissionais Silver Stories Maria dos Anjos Dixe e Ana Querido Sumário O que são histórias digitais Áreas onde se aplicam O processo de criação/edição das histórias Os resultados

Leia mais

APOSTILA DE EXEMPLO. (Esta é só uma reprodução parcial do conteúdo)

APOSTILA DE EXEMPLO. (Esta é só uma reprodução parcial do conteúdo) APOSTILA DE EXEMPLO (Esta é só uma reprodução parcial do conteúdo) 1 Índice Aula 1 - Área de trabalho e personalizando o sistema... 3 A área de trabalho... 3 Partes da área de trabalho.... 4 O Menu Iniciar:...

Leia mais

Interatividade na docência e aprendizagem online

Interatividade na docência e aprendizagem online Interatividade na docência e aprendizagem online ou a pedagogia do parangolé Marco Silva EDU/UERJ Educar em nosso tempo conta com uma feliz coincidência histórica: a dinâmica comunicacional da cibercultura,

Leia mais

Educação a distância: desafios e descobertas

Educação a distância: desafios e descobertas Educação a distância: desafios e descobertas Educação a distância: Desafios e descobertas Conteudista: Equipe Multidisciplinar Campus Virtual Cruzeiro do Sul Você na EAD Educação a distância: desafios

Leia mais

Aula 5 Microsoft PowerPoint 2003: Criando uma Apresentação

Aula 5 Microsoft PowerPoint 2003: Criando uma Apresentação Universidade de São Paulo/Faculdade de Saúde Pública Curso de Saúde Pública Disciplina: HEP 147 - Informática Aula 5 Microsoft PowerPoint 2003: Criando uma Apresentação 1 Introdução ao Microsoft PowerPoint

Leia mais

TÉCNICO EM DESENVOLVIMENTO INFANTIL (TEDI)

TÉCNICO EM DESENVOLVIMENTO INFANTIL (TEDI) TÉCNICO EM DESENVOLVIMENTO INFANTIL (TEDI) Formação de Professores Mediadores 1.200 Horas (dois semestres) CBO: 3311-05 1 2 Filme aprender a aprender TECNOLOGIA E EDUCAÇÃO Busca apoiar as práticas pedagógicas

Leia mais

Interação Humano-Computador: Conceitos Básicos INF 1403 Introdução a IHC Aula 03 19/02/2014 Conteúdo da Aula Interação, Interface e Affordance Critérios de qualidade de uso Usabilidade Experiência do Usuário

Leia mais

Capitão Tormenta e Paco em Estações do Ano

Capitão Tormenta e Paco em Estações do Ano Guia do Professor Capitão Tormenta e Paco em Estações do Ano Introdução As estações do ano constituem-se em um fenômeno que o aluno constrói o conhecimento desde criança. No ensino médio ele deve ser trabalhado

Leia mais

Como fazer busca de imagem no Google?

Como fazer busca de imagem no Google? Como fazer busca de imagem no Google? Passo 1: Acesse o endereço do Google e depois clique na opção Imagens, que fica na barra superior da página Passo 2. Digite a palavra que procura. Observe que o Google

Leia mais

MELHORIA DE RECURSOS EDUCACIONAIS DAS DISCIPLINAS DE EXPERIMENTAÇÃO

MELHORIA DE RECURSOS EDUCACIONAIS DAS DISCIPLINAS DE EXPERIMENTAÇÃO MELHORIA DE RECURSOS EDUCACIONAIS DAS DISCIPLINAS DE EXPERIMENTAÇÃO 1. Identificação do proponente 1.1. Nome: Moeses Andrigo Danner 1.2. Vínculo com a instituição: Docente permanente 1.3. Coordenação /

Leia mais

II Congresso Nacional de Formação de Professores XII Congresso Estadual Paulista sobre Formação de Educadores

II Congresso Nacional de Formação de Professores XII Congresso Estadual Paulista sobre Formação de Educadores II Congresso Nacional de Formação de Professores XII Congresso Estadual Paulista sobre Formação de Educadores FORMANDO PROFESSORES DA EDUCAÇÃO BÁSICA PARA O ACESSO A INTERNET: O CURSO DE WEB DESIGN E A

Leia mais

ETI - Edição e tratamento de imagens digitais

ETI - Edição e tratamento de imagens digitais Curso Técnico em Multimídia ETI - Edição e tratamento de imagens digitais 2 Fundamentos "Conserva o modelo das sãs palavras que de mim tens ouvido, na fé e no amor que há em Cristo Jesus." 2 Timóteo 1:13

Leia mais