feam engebio 129 ANEXO F Planilha Check List Uberlândia

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "feam engebio 129 ANEXO F Planilha Check List Uberlândia"

Transcrição

1 feam engebio 126

2 feam engebio 127

3 feam engebio 128

4 feam engebio 129 ANEXO F Planilha Check List Uberlândia

5 feam engebio 130

6 feam engebio 131

7 feam engebio 132

8 feam engebio 133 REFERÊNCIAS ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA DO ESTADO DE MINAS GERAIS. Municípios mineiros Uberlândia, Disponível em: <http://www.almg.gov.br/index.asp?grupo=estado&diretorio=munmg&arquivo=munici pios&municipio=70206>. Acesso em: 14 de out BANCO MUNDIAL. Manual para a Preparação de Gás de Aterro Sanitário para Projetos de Energia na América Latina e Caribe, Disponível em: <http://www.bancomundial.org.ar/lfg/gas_access_008_po.htm>. Acesso em: 13 out COMPANHIA DE GÁS DE MINAS GERAIS GASMIG. Tarifas GASMIG, Disponível em> <http://www.gasmig.com.br/areasatuacao/tarifas.asp>. Acesso em: 17 nov EMBRAPA.- Centro Nacional de Pesquisa de Solos. Sistema Brasileiro de Classificação de Solos. Brasília: Embrapa Produção da Informação; Rio de Janeiro: Embrapa Solos, p. ENGEBIO- ENGENHARIA LTDA. Estudos de Linha de Base de Gás de Aterros no Rio Grande do Sul. BIONERSIS, França, FUNDACIÓN UNIVERSITARIA IBEROAMERICANA. Alternativas de utilización de biogás de rellenos sanitarios en colombia, Fundación Universitaria Iberoamericana, 2006;

9 feam engebio 134 HOUGHTON J. T et. al. The Science of Climate Change, World Meteorological Organization/United Nations Environment Programme. Cambridge, IPCC 1996, Cambridge University Press, Cambridge, United Kingdom and New York, NY, USA, p 257. HOUGHTON J. T. et al. Climate Change 2001: The Scientific Basis. Contribution of Working Group I to the Third Assessment Report of the Intergovernmental Panel on Climate Change. Cambridge, IPCC 2001, Cambridge University Press, Cambridge, United Kingdom and New York, NY, USA, p101. MCT - MINISTÉRIO DA CIÊNCIA E TECNOLOGIA (trad.), Protocolo de Kyoto. Brasília, Disponível em: < Acesso em: 13 ago MEI SHEN, Débora; MOREIRA, José R. Simões. Estudo da Viabilidade Técnica de um Ciclo de Liquefação de Gás Natural de Pequena Escala, Disponível em: <www.poli.usp.br/d/pme2599/2006/artigos/art_tcc_005_2006.pdf>. Acesso em: 17 nov PIERCE Jeffrey. L. Landfill Gas to Vehicle Fuel: Assessment of its Technical and Economic Feasibility, Disponível em: <http://www.scsenergy.com/papers/pierce_lfg_to_vehicle_fuel_swana2007.pdf>. Acesso em: 01 dez QED ENVIRONMENTAL SYSTEMS. Puente Hills Landfill Case. Disponível em: <www.qedenv.com/applications/landfill_leachate_and_condensate_pumping/puen te_hills_landfill_case_study/>. Acesso em 27 nov

10 feam engebio 135 WENTWORTH, David R. Production of Pipeline-Quality Gas From Landfill Gas. Disponível em: <http://seesorg.org/devid_wentworth_ pdf>, Acesso em: 26 nov ROSA, R., GIFFONI, S. N., Mapeamento dos Remanescentes da Cobertura Vegetal Natural do Município de Uberlândia no Ano de In: Simpósio Brasileiro de Sensoriamento Remoto, XIII, abril 2007, Florianópolis. Anais, Brasil, INPE, p SISTEMA DE METROLOGIA E RECURSOS HÍDRICOS DE MINAS GERAIS SIMGE. Mapas climáticos. Disponível em <http://www.simge.mg.gov.br/monitoramento/mapas_climaticos.html>. Acesso em: 11 out THEMELIS, N. J; ULLOA, P. A. Methane generation in landfills, Renewable Energy. New York, n32, p , Disponível em: <www.elsevier.com/locate/renene>. Acesso em: 20 out TSAI, W. T. Bioenergy from landfill gas (LFG) in Taiwan. Renewable and Sustainable Energy Reviews, 2007, 11: Disponível em: <http://www.sciencedirect.com/science?_ob=articleurl&_udi=b6vmy-4fjkvnw- 2&_user=10&_rdoc=1&_fmt=&_orig=search&_sort=d&_docanchor=&view=c&_acct= C &_version=1&_urlVersion=0&_userid=10&md5=61ea88ea3f3363eef444 fff4d464f34c> Acesso em: 17 nov SHIN H C, Park J W, Kim H S, Shin E S. Environmental and economic assessment of landfill gas electricity generation in Korea using LEAP model. Energy Policy, 2005, 33:

11 feam engebio 136 U.S. ENVIRONMENTAL PROTECTION AGENCY USEPA (2009), LFG Energy Project Development Handbook, Disponível em: <http://www.epa.gov/landfill/res/handbook.htm>. Acesso em 9 nov U.S. ENVIRONMENTAL PROTECTION AGENCY USEPA, Turning a Liability into an Asset: A Landfill Gas-to-Energy Project Development Handbook, Landfill Methane Outreach Program, September WANG, W.; LUO, Y.,DENG, Z. Bioenergy recovery from landfill gas: A case study in China. Frontiers of Environmental Science & Engineering in China. v.1. Nº 1. Higher Education Press, co-published with Springer-Verlag GmbH. p , Disponível em: <http://www.springerlink.com/content/2q v0186/>. Acesso em: 4 nov

12

Estudo comparativo dos limites legais de Emissões Atmosféricas no Brasil, EUA e Alemanha.

Estudo comparativo dos limites legais de Emissões Atmosféricas no Brasil, EUA e Alemanha. Estudo comparativo dos limites legais de Emissões Atmosféricas no Brasil, EUA e Alemanha. Ricardo de Lima Silva (1) ; Cristiane Ferreira Pimenta (2) ; Prof. Neimar Freitas Duarte (3). (1) Mestrando em

Leia mais

Inventário de Emissões de Gases de Efeito Estufa. Relatório de Atividades em Evento de Sustentabilidade FIESC 2012

Inventário de Emissões de Gases de Efeito Estufa. Relatório de Atividades em Evento de Sustentabilidade FIESC 2012 Inventário de Emissões de Gases de Efeito Estufa Relatório de Atividades em Evento de Sustentabilidade FIESC 2012 Julho de 2012 A natureza criou o tapete sem fim que recobre a superfície da terra. Dentro

Leia mais

Um Problema Urbano - Gerenciamento de Resíduos Sólidos e as Mudanças Ambientais Globais

Um Problema Urbano - Gerenciamento de Resíduos Sólidos e as Mudanças Ambientais Globais Um Problema Urbano - Gerenciamento de Resíduos Sólidos e as Mudanças Ambientais Globais Juliana Matos Seidel (Unicamp) Engenheira Química, Doutoranda do Programa de Ambiente e Sociedade / NEPAM juseidel@hotmail.com

Leia mais

Atlas ambiental do município de Itanhaém 2012. Bibliografia

Atlas ambiental do município de Itanhaém 2012. Bibliografia Bibliografia 89 90 Bibliografia APRA - Agencia de Protección Ambiental. Atlas ambiental de Buenos Aires. Disponível em http:// www.atlasdebuenosaires.gov.ar/aaba/. Acessado em: ago. 2010. Paulo - 2000.

Leia mais

PROJEÇÕES DA EVAPOTRANSPIRAÇÃO POTENCIAL PARA CENÁRIOS DE MUDANÇAS CLIMÁTICAS NA BACIA HIDROGRÁFICA DO RIO TAPEROÁ - PB

PROJEÇÕES DA EVAPOTRANSPIRAÇÃO POTENCIAL PARA CENÁRIOS DE MUDANÇAS CLIMÁTICAS NA BACIA HIDROGRÁFICA DO RIO TAPEROÁ - PB PROJEÇÕES DA EVAPOTRANSPIRAÇÃO POTENCIAL PARA CENÁRIOS DE MUDANÇAS CLIMÁTICAS NA BACIA HIDROGRÁFICA DO RIO TAPEROÁ - PB Madson T. SILVA 1, Edicarlos P. de SOUSA 2, Sonaly D. de OLIVEIRA 3, Vicente de Paulo

Leia mais

EMISSÕES DE GASES DE EFEITO DE ESTUFA NO CICLO DE VIDA DO BIODIESEL DE SOJA PRODUZIDO NO BRASIL

EMISSÕES DE GASES DE EFEITO DE ESTUFA NO CICLO DE VIDA DO BIODIESEL DE SOJA PRODUZIDO NO BRASIL EMISSÕES DE GASES DE EFEITO DE ESTUFA NO CICLO DE VIDA DO BIODIESEL DE SOJA PRODUZIDO NO BRASIL R.,GRISOLI 1, A. NOGUEIRA 2, É. G. CASTANHEIRA 4, F. FREIRE 4, G. A. SILVA 2, S. COELHO 1 1 CENBIO/IEE/USP

Leia mais

Integração das Medidas de Adaptação às Alterações Climáticas

Integração das Medidas de Adaptação às Alterações Climáticas ce3c - Centre for Ecology, Evolution and Environmental Changes Research Group: CCIAM Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa Integração das Medidas de Adaptação às Alterações Climáticas - Gil Penha-Lopes

Leia mais

Monitoramento Ambiental

Monitoramento Ambiental Linha de Pesquisa: Monitoramento Ambiental Grupo: Letícia Siena Carbonari Lucas Mortari Caccere Luciana de Oliveira Raquel Martins Montagnoli Monitoramento Ambiental Processo de coleta de dados, estudo

Leia mais

EFEITO DAS MUDANÇAS CLIMÁTICAS NA DISPONIBILIDADE HÍDRICA DA BACIA HIDROGRÁFICA DO RIO PARACATU

EFEITO DAS MUDANÇAS CLIMÁTICAS NA DISPONIBILIDADE HÍDRICA DA BACIA HIDROGRÁFICA DO RIO PARACATU EFEITO DAS MUDANÇAS CLIMÁTICAS NA DISPONIBILIDADE HÍDRICA DA BACIA HIDROGRÁFICA DO RIO PARACATU RÔMULA F. DA SILVA 1 ; ELOY L. DE MELLO 2 ; FLÁVIO B. JUSTINO 3 ; FERNANDO F. PRUSKI 4; FÁBIO MARCELINO DE

Leia mais

Engebio Engenharia S/S Ltda

Engebio Engenharia S/S Ltda Sistema Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos Fundação Estadual de Meio Ambiente Engebio Engenharia S/S Ltda Análise de pré-viabilidade técnica, econômica e ambiental da implantação de um sistema

Leia mais

RELAÇÃO ENTRE MUDANÇAS CLIMÁTICAS E ÁREA COLHIDA NO RIO GRANDE DO NORTE E PARAÍBA

RELAÇÃO ENTRE MUDANÇAS CLIMÁTICAS E ÁREA COLHIDA NO RIO GRANDE DO NORTE E PARAÍBA RELAÇÃO ENTRE MUDANÇAS CLIMÁTICAS E ÁREA COLHIDA NO RIO GRANDE DO NORTE E PARAÍBA 1 Carlos Antônio Costa dos Santos; 2 José Ivaldo Barbosa de Brito RESUMO O objetivo deste trabalho é estimar e verificar

Leia mais

INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA. Metodologia, resultados e ações

INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA. Metodologia, resultados e ações INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA Metodologia, resultados e ações CARTA ABERTA AO BRASIL SOBRE MUDANÇAS CLIMÁTICAS CARTA ABERTA AO BRASIL Compromissos Assumidos A. Publicar anualmente o

Leia mais

Gestão Ambiental. Marcos Eduardo Gomes Cunha. Maurício Fontana Silva RESUMO ABSTRACT

Gestão Ambiental. Marcos Eduardo Gomes Cunha. Maurício Fontana Silva RESUMO ABSTRACT Gestão Ambiental RESUMO Neste trabalho são apresentadas as atividades de concepção metodológica, levantamentos de dados, sistematização de informações e elaboração de proposta na melhoria contínua do Índice

Leia mais

BRICS Monitor. Especial RIO+20. Rio+20: a China e a Estrutura Institucional Internacional para o Desenvolvimento Sustentável.

BRICS Monitor. Especial RIO+20. Rio+20: a China e a Estrutura Institucional Internacional para o Desenvolvimento Sustentável. BRICS Monitor Especial RIO+20 Rio+20: a China e a Estrutura Institucional Internacional para o Desenvolvimento Sustentável Abril de 2012 Núcleo de Política Internacional e Agenda Multilateral BRICS Policy

Leia mais

Queda da capacidade de geração de. energia elétrica no Brasil

Queda da capacidade de geração de. energia elétrica no Brasil Queda da capacidade de geração de energia elétrica no Brasil Luan Maximiano de Oliveira da Costa 1,2 Resumo: Energias renováveis representam em média 18% da energia consumida no mundo. Devido à necessidade

Leia mais

AVALIAÇÃO COMPARATIVA DO ABATIMENTO DAS EMISSÕES DE CO 2 A PARTIR DE ATIVIDADES SUSTENTÁVEIS NO SETOR ENERGÉTICO, DE TRANSPORTES E FLORESTAL NO BRASIL

AVALIAÇÃO COMPARATIVA DO ABATIMENTO DAS EMISSÕES DE CO 2 A PARTIR DE ATIVIDADES SUSTENTÁVEIS NO SETOR ENERGÉTICO, DE TRANSPORTES E FLORESTAL NO BRASIL AVALIAÇÃO COMPARATIVA DO ABATIMENTO DAS EMISSÕES DE CO 2 A PARTIR DE ATIVIDADES SUSTENTÁVEIS NO SETOR ENERGÉTICO, DE TRANSPORTES E FLORESTAL NO BRASIL ALINE G. MONTEIRO CLAUDINE P.DERECZYNSKI JÚLIO NICHIOKA

Leia mais

18º Seminário de Iniciação Científica e 2º Seminário de Pós-graduação da Embrapa Amazônia Oriental ANAIS. 12 a 14 de agosto

18º Seminário de Iniciação Científica e 2º Seminário de Pós-graduação da Embrapa Amazônia Oriental ANAIS. 12 a 14 de agosto 18º Seminário de Iniciação Científica e 2º Seminário de Pós-graduação da Embrapa Amazônia Oriental ANAIS 12 a 14 de agosto 2014 Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária Embrapa Amazônia Oriental Ministério

Leia mais

OPINIÃO Aquecimento Global: evidências e preocupações

OPINIÃO Aquecimento Global: evidências e preocupações OPINIÃO Aquecimento Global: evidências e preocupações Maurício Serra Pode-se dizer que a relação entre o homem e a natureza é historicamente uma relação de conflitos na medida em que o homem tem contribuído

Leia mais

III-036 - METODOLOGIA DO BANCO MUNDIAL NA ESTIMATIVA DA GERAÇÃO DE GÁS METANO NUM ATERRO SANITÁRIO: ESTUDO DE CASO

III-036 - METODOLOGIA DO BANCO MUNDIAL NA ESTIMATIVA DA GERAÇÃO DE GÁS METANO NUM ATERRO SANITÁRIO: ESTUDO DE CASO III-036 - METODOLOGIA DO BANCO MUNDIAL NA ESTIMATIVA DA GERAÇÃO DE GÁS METANO NUM ATERRO SANITÁRIO: ESTUDO DE CASO Francisco Thiago Rodrigues Almeida (1) Graduando em Engenharia Ambiental pelo Instituto

Leia mais

INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA PARA O MUNICÍPIO DE SABARÁ 1

INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA PARA O MUNICÍPIO DE SABARÁ 1 INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA PARA O MUNICÍPIO DE SABARÁ 1 KRETTLI, Luísa Guimarães; PIMENTA, Mariana Antunes ; ALVARENGA, Luiza Helena Barbosa; MICHELLI, Andressa Miguez de Souza; NASCIMENTO,

Leia mais

ANÁLISE DO CONSUMO ENERGÉTICO E DA EMISSÃO CO 2 e DA VALLOUREC TUBOS DO BRASIL S.A NO PERÍODO DE 2008 À 2013

ANÁLISE DO CONSUMO ENERGÉTICO E DA EMISSÃO CO 2 e DA VALLOUREC TUBOS DO BRASIL S.A NO PERÍODO DE 2008 À 2013 ANÁLISE DO CONSUMO ENERGÉTICO E DA EMISSÃO CO 2 e DA VALLOUREC TUBOS DO BRASIL S.A NO PERÍODO DE 2008 À 2013 Autoras: Camila Quintão Moreira Fabiana Alves Thaíse de Oliveira Souza Porto Alegre 2016 INTRODUÇÃO

Leia mais

Avaliação de Sustentabilidade em Instituições de Educação Superior: Perspectivas e Experiências Globais

Avaliação de Sustentabilidade em Instituições de Educação Superior: Perspectivas e Experiências Globais Avaliação de Sustentabilidade em Instituições de Educação Superior: Perspectivas e Experiências Globais Sustainability Assessment in Higher Education Institutions: Perspectives and Global Experiences Maicom

Leia mais

INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA CORPORATIVAS UNIMED CUIABÁ

INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA CORPORATIVAS UNIMED CUIABÁ INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA CORPORATIVAS UNIMED CUIABÁ Abril de 2016 Av. Historiador Rubens de Mendonça, 4193 Bosque da Saúde Cuiabá/MT www.acaoverde.org.br (65) 3611 1606 Sumário

Leia mais

d Sustentabilidade & Megatendências Ricardo Zibas

d Sustentabilidade & Megatendências Ricardo Zibas d Sustentabilidade & Megatendências Ricardo Zibas Mudanças no ambiente global de negócios Como o mundo mudou desde a Rio 92? Globalização O comércio internacional e investimento estrangeiro triplicaram

Leia mais

Parceria em Ação Metano para Mercados Colaboração para Utilização do Biogás de Aterros Sanitários E.U.A. e Brasil

Parceria em Ação Metano para Mercados Colaboração para Utilização do Biogás de Aterros Sanitários E.U.A. e Brasil Parceria em Ação Metano para Mercados Colaboração para Utilização do Biogás de Aterros Sanitários E.U.A. e Brasil Chris Godlove U.S. Environmental Protection Agency Landfill Methane Outreach Program Introdução

Leia mais

Inovação e Empreendedorismo

Inovação e Empreendedorismo Inovação e Empreendedorismo Kami Saidi Diretor de Operações & Sustentabilidade HP Brasil 09-maio-13 HP Commitment Many assume, wrongly, that a company exists simply to make money... the real reason HP

Leia mais

Roberto Schaeffer*¹ O papel da energia nas ações de mitigação

Roberto Schaeffer*¹ O papel da energia nas ações de mitigação Roberto Schaeffer*¹ O papel da energia nas ações de mitigação *¹ Roberto Schaeffer, PhD em política energética pela Universidade da Pensilvânia, professor associado do Programa de Planejamento Energético

Leia mais

NEUTRALIZAÇÃO DOS GASES DE EFEITO ESTUFA DAS ATIVIDADES DE UM DEPARTAMENTO ADMINISTRATIVO DE ENGENHARIA

NEUTRALIZAÇÃO DOS GASES DE EFEITO ESTUFA DAS ATIVIDADES DE UM DEPARTAMENTO ADMINISTRATIVO DE ENGENHARIA 5, 6 e 7 de Agosto de 2010 ISSN 1984-9354 NEUTRALIZAÇÃO DOS GASES DE EFEITO ESTUFA DAS ATIVIDADES DE UM DEPARTAMENTO ADMINISTRATIVO DE ENGENHARIA Guilherme Jorge Coelho (UFF / PETROBRAS) guilherme.coelho@bol.com.br

Leia mais

Estudo Técnico, Econômico e Ambiental da geração de energia através do biogás de lixo - o caso do aterro sanitário de Gramacho

Estudo Técnico, Econômico e Ambiental da geração de energia através do biogás de lixo - o caso do aterro sanitário de Gramacho 37 Estudo Técnico, Econômico e Ambiental da geração de energia através do biogás de lixo - o caso do aterro sanitário de Gramacho Technical, economical and enviromental study of energy production through

Leia mais

THE UNITED NATIONS WORLD WATER ASSESSMENT PROGRAMME

THE UNITED NATIONS WORLD WATER ASSESSMENT PROGRAMME THE UNITED NATIONS WORLD WATER ASSESSMENT PROGRAMME Encarando os desafios JUNTOS PARA UM MUNDO SUSTENTÁVEL Angela R. C. Ortigara UN WWAP UNESCO Foz do Iguaçu, 18 de Março de 2016 Família UNESCO para a

Leia mais

MERCADO DE CARBONO NO AGRONEGÓCIO BRASILEIRO

MERCADO DE CARBONO NO AGRONEGÓCIO BRASILEIRO MERCADO DE CARBONO NO AGRONEGÓCIO BRASILEIRO III SISCA 21 e 22 de agosto de 2013 Felipe Jané Bottini Green Domus Desenvolvimento Sustentável felipe@greendomus.com.br +55 (11) 5093 4854 http://storymaps.esri.com//globalfootprint/

Leia mais

A Queda do Desmatamento na Amazônia Brasileira: Preços ou Políticas?

A Queda do Desmatamento na Amazônia Brasileira: Preços ou Políticas? A Queda do Desmatamento na Amazônia Brasileira: Preços ou Políticas? * Juliano Assunção, Clarissa Gandour e Rudi Rocha Primeira versão: Março, 2012 Esta versão: Março, 2015 Introdução O desmatamento e

Leia mais

1.3. Candidatos com necessidades especiais deverão manifestá-las, no ato da inscrição.

1.3. Candidatos com necessidades especiais deverão manifestá-las, no ato da inscrição. ESCOLA DE ARTES, CIÊNCIAS E HUMANIDADES Comunicado SERVIÇO DE PÓS-GRADUAÇÃO EACH /USP EDITAL ATAC 074/2015 CPG ABERTURA DE PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO NO PROGRAMA DE PÓS- GRADUAÇÃO EM SUSTENTABILIDADE

Leia mais

Society Changing Needs in Advanced Materials

Society Changing Needs in Advanced Materials Society Changing Needs in Advanced Materials Evando Mirra de Paula e Silva UFMG - Universidade Federal de Minas Gerais CGEE Rio de Janeiro, 26/07/2010 Available materials set a limit to the techniques

Leia mais

Climate Change, Energy and Food Security 13 de novembro de 2008 Rio de Janeiro

Climate Change, Energy and Food Security 13 de novembro de 2008 Rio de Janeiro Climate Change, Energy and Food Security Rio de Janeiro Mudanças Climáticas Amazônia, Problemas Ambientais e Proteção da Biomassa Israel Klabin F U N D A Ç Ã O B R A S I L E I R A P A R A O D E S E N V

Leia mais

Ordilei Aparecido Gaspar de Melo¹ Manoel Luiz dos Santos²

Ordilei Aparecido Gaspar de Melo¹ Manoel Luiz dos Santos² Ordilei Aparecido Gaspar de Melo¹ Manoel Luiz dos Santos² ¹UNIMEO/CTESOP UEM Professor da Faculdade UNIMEO/CTESOP-Assis Chateaubriand/PR Doutorando do Programa de Pós-Graduação em Geografia PGE-UEM ordmelo@hotmail.com

Leia mais

ANÁLISE DE TENDÊNCIAS NA TEMPERATURA E PRECIPITAÇÃO EM LONDRINA, ESTADO DO PARANÁ

ANÁLISE DE TENDÊNCIAS NA TEMPERATURA E PRECIPITAÇÃO EM LONDRINA, ESTADO DO PARANÁ ANÁLISE DE TENDÊNCIAS NA TEMPERATURA E PRECIPITAÇÃO EM LONDRINA, ESTADO DO PARANÁ WILIAN DA S. RICCE 1, PAULO H. CARAMORI 2, HEVERLY MORAIS 3, DANILO A. B. SILVA 4, LETÍCIA TRINDADE ATAÍDE 5 1 Eng. Agrônomo,

Leia mais

Saneamento, Energia e Mecanismo de Desenvolvimento Limpo (MDL)

Saneamento, Energia e Mecanismo de Desenvolvimento Limpo (MDL) Saneamento, Energia e Mecanismo de Desenvolvimento Limpo (MDL) João Wagner Silva Alves - CETESB SECRETARIA DO MEIO AMBIENTE Resumo: Novidades: 1. Página de internet sobre biogás 2. Relatório de Referência

Leia mais

INVENTÁRIO DE GEE BICBANCO 2014

INVENTÁRIO DE GEE BICBANCO 2014 INVENTÁRIO DE GEE BICBANCO 2014 A liberação de gases de efeito estufa (GEE) associada às atividades humanas em todo o mundo é reconhecida como a principal causa das mudanças climáticas que vem sendo observadas

Leia mais

CONSULTORIA DO BIOGÁS NA GERAÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA ATERROS SANITÁRIOS - ETE S - VINHAÇAS DE DESTILARIAS

CONSULTORIA DO BIOGÁS NA GERAÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA ATERROS SANITÁRIOS - ETE S - VINHAÇAS DE DESTILARIAS Soluções Ambientais Soluções Ambientais CONSULTORIA DO BIOGÁS NA GERAÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA ATERROS SANITÁRIOS - ETE S - VINHAÇAS DE DESTILARIAS NA GERAÇÃO DE ENERGIA LIMPA Solução Ambiental, Energética

Leia mais

The Best Business Opportunity with High Return on Investment

The Best Business Opportunity with High Return on Investment Port Itaqui Area The Best Business Opportunity with High Return on Investment Willer Pos whpos@whpos.com.br Port Itaqui Fonte: Google Earth Port Itaqui- Present Layout Iron ore stock pile area VALE MPX

Leia mais

Sumário. Resumo Executivo 1 INTRODUÇÃO 04 2. IDENTIFICAÇÃO DA INSTITUIÇÃO 06 3. OBJETIVO 06 4. MATERIAL E MÉTODOS 06. 4.1 Limites Organizacionais 06

Sumário. Resumo Executivo 1 INTRODUÇÃO 04 2. IDENTIFICAÇÃO DA INSTITUIÇÃO 06 3. OBJETIVO 06 4. MATERIAL E MÉTODOS 06. 4.1 Limites Organizacionais 06 INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA CORPORATIVAS UNIMED dezembro de 2011. Sumário Resumo Executivo 03 1 INTRODUÇÃO 04 2. IDENTIFICAÇÃO DA INSTITUIÇÃO 06 3. OBJETIVO 06 4. MATERIAL E MÉTODOS

Leia mais

FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA - UNIR NÚCLEO DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIA - NCT DEPARTAMENTO DE BIOLOGIA

FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA - UNIR NÚCLEO DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIA - NCT DEPARTAMENTO DE BIOLOGIA FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA - UNIR NÚCLEO DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIA - NCT DEPARTAMENTO DE BIOLOGIA Código: CBI31000 Créditos: 03 Período: 5 o (quinto período) Disciplina: Biologia da Conservação

Leia mais

ESTIMATIVA DA PRODUÇÃO DE BIOGÁS NOS ATERROS DE CAIEIRAS E SANTO ANDRÉ

ESTIMATIVA DA PRODUÇÃO DE BIOGÁS NOS ATERROS DE CAIEIRAS E SANTO ANDRÉ VI CONGRESSO NACIONAL DE ENGENHARIA MECÂNICA VI NATIONAL CONGRESS OF MECHANICAL ENGINEERING 8 a de agosto de Campina Grande Paraíba - Brasil August 8, Campina Grande Paraíba Brazil ESTIMATIVA DA PRODUÇÃO

Leia mais

AVALIAÇÃO DA PRODUÇÃO E QUALIDADE DO GÁS DE ATERRO

AVALIAÇÃO DA PRODUÇÃO E QUALIDADE DO GÁS DE ATERRO AVALIAÇÃO DA PRODUÇÃO E QUALIDADE DO GÁS DE ATERRO PARA ENERGIA NO ATERRO SANITÁRIO DOS BANDEIRANTES - SP EVALUATION OF THE PRODUCTION AND QUALITY OF THE LANDFILL GAS TO ENERGY AT BANDEIRANTES LANDFILL

Leia mais

Engebio Engenharia S/S Ltda

Engebio Engenharia S/S Ltda Sistema Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos Fundação Estadual de Meio Ambiente Engebio Engenharia S/S Ltda Análise de pré-viabilidade técnica, econômica e ambiental da implantação de um sistema

Leia mais

Metodologia da Calculadora Economize o Planeta

Metodologia da Calculadora Economize o Planeta A Calculadora do Economize o Planeta é uma calculadora online que permite que pessoas físicas calculem as suas emissões de gases de efeito estufa (GEE), ou seja, a sua pegada de carbono. Este documento

Leia mais

REGSA Promoção da geração renovável de eletricidade na América do Sul. www.regsa-project.eu

REGSA Promoção da geração renovável de eletricidade na América do Sul. www.regsa-project.eu REGSA Promoção da geração renovável de eletricidade na América do Sul www.regsa-project.eu Projeto é financiado pelo União Europeia. Este folheto foi produzido com o auxilio da União Europeia. O Conteúdo

Leia mais

POTENCIAL DE GERAÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA E ILUMINAÇÃO A GÁS POR MEIO DO APROVEITAMENTO DE BIOGÁS PROVENIENTE DE ATERRO SANITÁRIO

POTENCIAL DE GERAÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA E ILUMINAÇÃO A GÁS POR MEIO DO APROVEITAMENTO DE BIOGÁS PROVENIENTE DE ATERRO SANITÁRIO POTENCIAL DE GERAÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA E ILUMINAÇÃO A GÁS POR MEIO DO APROVEITAMENTO DE BIOGÁS PROVENIENTE DE ATERRO SANITÁRIO Pecora, V. Pesquisadora 1 Figueiredo, N. J. V. Pesquisadora e Mestranda

Leia mais

Eficiência Energética em tempos de COP-21. Nov 2015

Eficiência Energética em tempos de COP-21. Nov 2015 Eficiência Energética em tempos de COP-21 Nov 2015 1 Schneider Electric, o especialista global em gerenciamento de energia e automação 25 bilhões receita em 2014 ~5% das receitas aplicadas em P&D ~170,000

Leia mais

IMPORTÂNCIA DOS BIOCOMBUSTÍVEIS DE 2º GERAÇÃO NO SETOR DE TRANSPORTES BRASILEIRO E MUNDIAL

IMPORTÂNCIA DOS BIOCOMBUSTÍVEIS DE 2º GERAÇÃO NO SETOR DE TRANSPORTES BRASILEIRO E MUNDIAL FEM / PSE Faculdade de Engenharia Mecânica / Planejamento de Sistema Energético AGRENER 2010 Campinas IMPORTÂNCIA DOS BIOCOMBUSTÍVEIS DE 2º GERAÇÃO NO SETOR DE TRANSPORTES BRASILEIRO E MUNDIAL Msc. Rodrigo

Leia mais

Women for Science since Budapest 1999: a view from Brazil. Alice Abreu Director of ICSU-LAC

Women for Science since Budapest 1999: a view from Brazil. Alice Abreu Director of ICSU-LAC Women for Science since Budapest 1999: a view from Brazil Alice Abreu Director of ICSU-LAC Primer Foro Regional sobre Políticas de Ciencia, Tecnología e Innovación en América Latina y el Caribe: Primer

Leia mais

25 parceiros em rede

25 parceiros em rede CAAST-NET PLUS: EU-Africa knowledge and network support to HLPD Cooperaçãoeminvestigaçãoe inovaçãoentre África sub-sariana e Europa Maria Maia, FCT, Portugal caast-net-plus.org CAAST-Net Plusé um projeto

Leia mais

BOLETIM DE NOVAS AQUISIÇÕES v.6 n. 1 - janeiro 2012

BOLETIM DE NOVAS AQUISIÇÕES v.6 n. 1 - janeiro 2012 BIBLIOTECA NACIONAL DE METEOROLOGIA http://www.inmet.gov.br/html/biblioteca/ BOLETIM DE NOVAS AQUISIÇÕES v.6 n. 1 - janeiro 2012 LIVROS ÁUDIO-VISUAIS PERIÓDICOS LIVROS Autoria: Organización Meteorológica

Leia mais

Iniciativa Global para o. Metano

Iniciativa Global para o. Metano Iniciativa Global para o Aproveitando o Sucesso da Parceria Metano para Mercados (M2M) Chris Godlove U.S. Environmental Protection Agency Landfill Methane Outreach Program Metano Visão Geral Panorama do

Leia mais

USINAS TERMELETRICAS HIBRIDAS: GERACÃO DE ENERGIA COM BALANÇO NULO DE EMISSÕES DE GASES DO

USINAS TERMELETRICAS HIBRIDAS: GERACÃO DE ENERGIA COM BALANÇO NULO DE EMISSÕES DE GASES DO USINAS TERMELETRICAS HIBRIDAS: GERACÃO DE ENERGIA COM BALANÇO NULO DE EMISSÕES DE GASES DO EFEITO ESTUFA, USANDO COMBUSTÍVEL FÓSSIL E BIOMASSA RESIDUAL LUCIANO BASTO OLIVEIRA LUIZ PINGUELLI ROSA RESUMO

Leia mais

Metano para Mercados: Criando Condições para Projetos de Energia a partir de Biogás ao redor do Mundo

Metano para Mercados: Criando Condições para Projetos de Energia a partir de Biogás ao redor do Mundo Metano para Mercados: Criando Condições para Projetos de Energia a partir de Biogás ao redor do Mundo Chris Godlove U.S. Environmental Protection Agency Landfill Methane Outreach Program Visão Geral Visão

Leia mais

KOTRA-RJ promove o Fórum de Aliança Tecnológica Brasil Coréia do Sul com 20 empresas sul-coreanas

KOTRA-RJ promove o Fórum de Aliança Tecnológica Brasil Coréia do Sul com 20 empresas sul-coreanas KOTRA-RJ promove o Fórum de Aliança Tecnológica Brasil Coréia do Sul com 20 empresas sul-coreanas Deputy Minister Sr. Kwon, Pyung-oh Nesta sexta-feira dia 25 de outubro, a KOTRA-RJ recebeu uma delegação

Leia mais

SIMULAÇÃO DE EVENTOS EXTREMOS DE PRECIPITAÇÃO NA REGIÃO SERRANA DO RIO DE JANEIRO NO CLIMA PRESENTE E FUTURO UTILIZANDO O MODELO ETA-HADCM3

SIMULAÇÃO DE EVENTOS EXTREMOS DE PRECIPITAÇÃO NA REGIÃO SERRANA DO RIO DE JANEIRO NO CLIMA PRESENTE E FUTURO UTILIZANDO O MODELO ETA-HADCM3 SIMULAÇÃO DE EVENTOS EXTREMOS DE PRECIPITAÇÃO NA REGIÃO SERRANA DO RIO DE JANEIRO NO CLIMA PRESENTE E FUTURO UTILIZANDO O MODELO ETA-HADCM3 Kelen M. Andrade 1, Henri R. Pinheiro 1, 1 Centro de Previsão

Leia mais

Congresso EcoGerma 2011

Congresso EcoGerma 2011 Congresso EcoGerma 2011 Veículos Comeciais de Baixo Carbono para Aplicações Urbanas Soluções para Mercados Emergentes Painel 6 Mobilidade Urbana de Baixo Carbono São Paulo, 01 de Julho de 2011 Gian Gomes

Leia mais

VULNERABILIDADE SÓCIO-CLIMÁTICA: CASOS BRASILEIROS EMBLEMÁTICOS DE ÁREAS SUJEITAS A ALAGAMENTO

VULNERABILIDADE SÓCIO-CLIMÁTICA: CASOS BRASILEIROS EMBLEMÁTICOS DE ÁREAS SUJEITAS A ALAGAMENTO VULNERABILIDADE SÓCIO-CLIMÁTICA: CASOS BRASILEIROS EMBLEMÁTICOS DE ÁREAS SUJEITAS A ALAGAMENTO Aluno: Camila Romano de Paula Antunes Orientador: Maria Fernanda Rodrigues Campos Lemos Introdução A pesquisa

Leia mais

XII Simposio Iberoamericano sobre planificación de sistemas de abastecimento de água

XII Simposio Iberoamericano sobre planificación de sistemas de abastecimento de água XII Simposio Iberoamericano sobre planificación de sistemas de abastecimento de água MODELO MATEMÁTICO PARA IDENTIFICAR LOCAIS DE ESTAÇÕES DE MONITORAMENTO EM REDES DE DISTRIBUIÇÃO DE ÁGUA Roberto Suse

Leia mais

Estratégia de Adaptação Regional para Minas Gerais

Estratégia de Adaptação Regional para Minas Gerais 1 2014 Fundação Estadual do Meio Ambiente - FEAM É permitida a reprodução desde que seja citada a fonte. Governo do Estado de Minas Gerais Alberto Pinto Coelho Governador Secretaria do Estado do Meio Ambiente

Leia mais

II Simpósio Gestão Empresarial e Sustentabilidade 16, 17 e 18 de outubro de 2012, Campo Grande MS

II Simpósio Gestão Empresarial e Sustentabilidade 16, 17 e 18 de outubro de 2012, Campo Grande MS Mensurando a sustentabilidade ambiental: uma proposta de índice para o Mato Grosso do Sul Marlos da Silva Pereira; Leandro Sauer Área temática: Estratégias sustentáveis Tema: Gestão socioambiental 1. Introdução

Leia mais

"CURRICULUM VITAE" 5. CARTEIRA DE IDENTIDADE: Nº 34.150, expedida pelo Ministério da Aeronáutica

CURRICULUM VITAE 5. CARTEIRA DE IDENTIDADE: Nº 34.150, expedida pelo Ministério da Aeronáutica "CURRICULUM VITAE" 1. NOME: Ivan Müller Botelho 2. FILIAÇÃO: Ormeo Junqueira Botelho Dora Müller Botelho 3. NATURALIDADE: Leopoldina (MG) 4. DATA DE NASCIMENTO: 16 de março de 1934 5. CARTEIRA DE IDENTIDADE:

Leia mais

AVALIAÇÃO DAS PROJEÇÕES DE PRECIPITAÇÃO DOS MODELOS CLIMÁTICOS GLOBAIS DO QUARTO RELATÓRIO DO IPCC PARA O BRASIL *

AVALIAÇÃO DAS PROJEÇÕES DE PRECIPITAÇÃO DOS MODELOS CLIMÁTICOS GLOBAIS DO QUARTO RELATÓRIO DO IPCC PARA O BRASIL * AVALIAÇÃO DAS PROJEÇÕES DE PRECIPITAÇÃO DOS MODELOS CLIMÁTICOS GLOBAIS DO QUARTO RELATÓRIO DO IPCC PARA O BRASIL * BRUNO SILVA OLIVEIRA 1, EMILIA HAMADA 2, JOSÉ TADEU DE OLIVEIRA LANA 3 1 Eng. Agrícola,

Leia mais

Estado de São Paulo. Fernando Rei Diretor Presidente da CETESB IV CONGRESSO NACIONAL DE EXCELÊNCIA EM GESTÃO

Estado de São Paulo. Fernando Rei Diretor Presidente da CETESB IV CONGRESSO NACIONAL DE EXCELÊNCIA EM GESTÃO Mudanças Climáticas e Ações do Governo do Estado de São Paulo Fernando Rei Diretor Presidente da CETESB IV CONGRESSO NACIONAL DE EXCELÊNCIA EM GESTÃO SP, a Agenda Climática e a CETESB 35 milhões de hab.

Leia mais

2 - MATERIAIS E MÉTODOS

2 - MATERIAIS E MÉTODOS Reflexões sobre as mudanças climáticas e a dinâmica da malária na Amazônia Marly Satimi Shimada 1,Angela Imakawa 2 1 Aluna do curso de Especialização em Saúde Ambiental Centro de Pesquisa Leônidas e Maria

Leia mais

INSERÇÃO DAS ENERGIAS ALTERNATIVAS RENOVÁVEIS NO SETOR ELÉTRICO BRASILEIRO

INSERÇÃO DAS ENERGIAS ALTERNATIVAS RENOVÁVEIS NO SETOR ELÉTRICO BRASILEIRO INSERÇÃO DAS ENERGIAS ALTERNATIVAS RENOVÁVEIS NO SETOR ELÉTRICO BRASILEIRO Associação Brasileira dos Pequenos e Médios Produtores de Energia Elétrica - APMPE CONFERÊNCIA REGIONAL DA AMÉRICA LATINA E DO

Leia mais

O impactoda Sociedadedo Conhecimentono GED/EIM

O impactoda Sociedadedo Conhecimentono GED/EIM O impactoda Sociedadedo Conhecimentono GED/EIM Helio Ferenhof, MBA, PMP, ITIL Bacharel em Ciência da Computação; MBA em E-Business pela FGV/RJ; Certificado como PMP, Project Manager Professional pelo PMI;

Leia mais

INVENTÁRIO DE GEE BICBANCO 2013

INVENTÁRIO DE GEE BICBANCO 2013 INVENTÁRIO DE GEE BICBANCO 2013 A liberação de gases de efeito estufa (GEE) associada às atividades humanas em todo o mundo é reconhecida como a principal causa das mudanças climáticas que vem sendo observadas

Leia mais

AÇÃO AMBIENTAL 2015 - FIRJAN: Painel 1 Visão Geral sobre Mudança do Clima e Perspectivas para a COP21

AÇÃO AMBIENTAL 2015 - FIRJAN: Painel 1 Visão Geral sobre Mudança do Clima e Perspectivas para a COP21 AÇÃO AMBIENTAL 2015 - FIRJAN: Painel 1 Visão Geral sobre Mudança do Clima e Perspectivas para a COP21 Adriano Santhiago de Oliveira Diretor Departamento de Mudanças Climáticas Secretaria de Mudanças Climáticas

Leia mais

Métodos de estimativa de geração de biogás em aterro sanitário ESTIMATE METHODS OF BIOGAS GENERATION IN SANITARY LANDFILL

Métodos de estimativa de geração de biogás em aterro sanitário ESTIMATE METHODS OF BIOGAS GENERATION IN SANITARY LANDFILL Métodos de estimativa de geração de biogás em aterro sanitário ESTIMATE METHODS OF BIOGAS GENERATION IN SANITARY LANDFILL Luiz Gustavo Galhardo Mendes Pedro Magalhães Sobrinho Universidade Estadual Paulista

Leia mais

ESTUDO DA TRANSMUTAÇÃO DE ALGUNS REJEITOS RADIOATIVOS UTILIZANDO AS EQUAÇÕES DE BATEMAN

ESTUDO DA TRANSMUTAÇÃO DE ALGUNS REJEITOS RADIOATIVOS UTILIZANDO AS EQUAÇÕES DE BATEMAN 9 International Nuclear Atlantic Conference - INAC 9 Rio de Janeiro,RJ, Brazil, September7 to October, 9 ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ENERGIA NUCLEAR - ABEN ISBN: 978-85-994-3-8 ESTUDO DA TRANSMUTAÇÃO DE ALGUNS

Leia mais

Sustentabilidade Ambiental das Universidades: Avaliação de Seis Universidades Sediadas no Estado de São Paulo á partir da análise das informações em

Sustentabilidade Ambiental das Universidades: Avaliação de Seis Universidades Sediadas no Estado de São Paulo á partir da análise das informações em Sustentabilidade Ambiental das Universidades: Avaliação de Seis Universidades Sediadas no Estado de São Paulo á partir da análise das informações em seus websites BAURU 2012 Klaudio Cóffani-Nunes Sustentabilidade

Leia mais

Belo Monte e os Gases de Efeito Estufa. 16: O Efeito do Tempo na Comparação com Combustível Fóssil. Philip M. Fearnside

Belo Monte e os Gases de Efeito Estufa. 16: O Efeito do Tempo na Comparação com Combustível Fóssil. Philip M. Fearnside 1 Belo Monte e os Gases de Efeito Estufa. 16: O Efeito do Tempo na Comparação com Combustível Fóssil Philip M. Fearnside O papel do tempo é uma parte essencial no debate sobre represas hidrelétricas e

Leia mais

Oportunidades de Eficiência Energética em Belo Horizonte

Oportunidades de Eficiência Energética em Belo Horizonte Oportunidades de Eficiência Energética em Belo Horizonte Uso da Ferramenta para Avaliação Rápida de Energia na Cidade (TRACE) em Belo Horizonte Uma Cidade Sustentável no Brasil O município de Belo Horizonte,

Leia mais

Belo Monte e os gases causadores de efeito estufa 12 emissões de construção

Belo Monte e os gases causadores de efeito estufa 12 emissões de construção http://colunas.globoamazonia.com/philipfearnside/ Belo Monte e os gases causadores de efeito estufa 12 emissões de construção sex, 16/04/10 por Globo Amazônia categoria Uncategorized Barragens requerem

Leia mais

EMISSÕES DE GASES DE EFEITO DE ESTUFA NO CICLO DE VIDA DO BIODIESEL DE SOJA PRODUZIDO NO BRASIL

EMISSÕES DE GASES DE EFEITO DE ESTUFA NO CICLO DE VIDA DO BIODIESEL DE SOJA PRODUZIDO NO BRASIL EMISSÕES DE GASES DE EFEITO DE ESTUFA NO CICLO DE VIDA DO BIODIESEL DE SOJA PRODUZIDO NO BRASIL R.,GRISOLI 1, A. NOGUEIRA 2, É. G. CASTANHEIRA 4, F. FREIRE 4, G. A. SILVA 2, S. COELHO 1 1 CENBIO/IEE/USP

Leia mais

AVALIAÇÃO DE CICLO DE VIDA NA ÁREA DE AGRICULTURA. Marília Folegatti Embrapa Meio Ambiente

AVALIAÇÃO DE CICLO DE VIDA NA ÁREA DE AGRICULTURA. Marília Folegatti Embrapa Meio Ambiente AVALIAÇÃO DE CICLO DE VIDA NA ÁREA DE AGRICULTURA Marília Folegatti Embrapa Meio Ambiente Sumário Importância da agricultura brasileira. Importância dos estudos de ACV para o agronegócio brasileiro. Diferenças

Leia mais

CON10-0420 - ESTUDO TÉCNICO, ECONÔMICO E AMBIENTAL DA PRODUÇÃO DE ENERGIA ATRAVES DO BIOGÁS DE LIXO

CON10-0420 - ESTUDO TÉCNICO, ECONÔMICO E AMBIENTAL DA PRODUÇÃO DE ENERGIA ATRAVES DO BIOGÁS DE LIXO VI CONGRESSO NACIONAL DE ENGENHARIA MECÂNICA VI NATIONAL CONGRESS OF MECHANICAL ENGINEERING 18 a 21 de agosto de 2010 Campina Grande Paraíba - Brasil August 18 21, 2010 Campina Grande Paraíba Brazil CON10-0420

Leia mais

Fluxo de Energia e Emissões de Carbono dos Biocombustíveis de Cana e Milho

Fluxo de Energia e Emissões de Carbono dos Biocombustíveis de Cana e Milho Fluxo de Energia e Emissões de Carbono dos Biocombustíveis de Cana e Milho Workshop International: As Biorrefinarias de Biomassa para Biocombustíveis Sustentabilidade & Importancia Socio-Economica Sociedad

Leia mais

GESTÃO AMBIENTAL NO ESTADO DE SÃO PAULO: POLÍTICAS, PLANEJAMENTO E GERENCIAMENTO MÓDULO 1 - POLÍTICAS PÚBLICAS E GESTÃO AMBIENTAL 23/02/2006

GESTÃO AMBIENTAL NO ESTADO DE SÃO PAULO: POLÍTICAS, PLANEJAMENTO E GERENCIAMENTO MÓDULO 1 - POLÍTICAS PÚBLICAS E GESTÃO AMBIENTAL 23/02/2006 GESTÃO AMBIENTAL NO ESTADO DE SÃO PAULO: POLÍTICAS, PLANEJAMENTO E GERENCIAMENTO MÓDULO 1 - POLÍTICAS PÚBLICAS E GESTÃO AMBIENTAL 23/02/2006 Desenvolvimento sustentável e indicadores de sustentabilidade

Leia mais

INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA CORPORATIVAS UNIMED CUIABÁ

INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA CORPORATIVAS UNIMED CUIABÁ INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA CORPORATIVAS UNIMED CUIABÁ Abril de 2014 Sumário Resumo Executivo 03 1. INTRODUÇÃO 04 2. IDENTIFICAÇÃO DA INSTITUIÇÃO 06 3. OBJETIVO 06 4. MATERIAL E MÉTODOS

Leia mais

INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA CORPORATIVAS UNIMED CUIABÁ

INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA CORPORATIVAS UNIMED CUIABÁ INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA CORPORATIVAS UNIMED CUIABÁ Abril de 2015 Sumário Resumo Executivo 03 1. INTRODUÇÃO 04 2. IDENTIFICAÇÃO DA INSTITUIÇÃO 06 3. OBJETIVO 06 4. MATERIAL E MÉTODOS

Leia mais

Emerson Vanzin 1 Marcele Salles Martins 2 Adalberto Pandolfo 1 Laércio Stolfo Maculan 1 Andréia Saugo 3 Renata Gheno 4 Luciana Marcondes Pandolfo 1

Emerson Vanzin 1 Marcele Salles Martins 2 Adalberto Pandolfo 1 Laércio Stolfo Maculan 1 Andréia Saugo 3 Renata Gheno 4 Luciana Marcondes Pandolfo 1 ANÁLISE DOS IMPACTOS AMBIENTAIS DO USO DO BIOGÁS DE ATERROS SANITÁRIOS PARA A GERAÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA: APLICAÇÃO NO ATERRO METROPOLITANO SANTA TECLA Emerson Vanzin 1 Marcele Salles Martins 2 Adalberto

Leia mais

REVISTA PETRÓLEO & ENERGIA ARTIGO TÉCNICO

REVISTA PETRÓLEO & ENERGIA ARTIGO TÉCNICO 1 REVISTA PETRÓLEO & ENERGIA ARTIGO TÉCNICO Geração de Bioenergia (H 2 e CH 4 ) com resíduos industriais (glicerol e vinhaça) integrando o processo produtivo agroindustrial (biodiesel e álcool) com a valorização

Leia mais

Anexo III da Resolução n 1 da CIMGC Pequenas Centrais Hidrelétricas do Rio Engano

Anexo III da Resolução n 1 da CIMGC Pequenas Centrais Hidrelétricas do Rio Engano Contribuição das PCH do Rio Engano para o desenvolvimento sustentável A Service Energy Gestão de Energia Ltda. foi fundada em julho de 2000 e tem como foco a formatação de soluções em gestão e fornecimento

Leia mais

Brasil, a mudança do clima e o período pós-quioto

Brasil, a mudança do clima e o período pós-quioto Brasil, a mudança do clima e o período pós-quioto Eliezer Martins Diniz * RESUMO - O artigo discute a negociação de um acordo no período pós-quioto e o posicionamento do Brasil face a esse tema. Para isso,

Leia mais

ESTUDO DO OZÔNIO NA TROPOSFERA DAS CIDADES DO INTERIOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: SOROCABA E SÃO JOSÉ DOS CAMPOS

ESTUDO DO OZÔNIO NA TROPOSFERA DAS CIDADES DO INTERIOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: SOROCABA E SÃO JOSÉ DOS CAMPOS ESTUDO DO OZÔNIO NA TROPOSFERA DAS CIDADES DO INTERIOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: SOROCABA E SÃO JOSÉ DOS CAMPOS Thalita Rangueri de Barros 1, Maria Lucia Pereira Antunes 1 ¹ UNESP Campus Experimental Sorocaba

Leia mais

A bioenergia no mundo Por Manuel Moreno e Suani Coelho*

A bioenergia no mundo Por Manuel Moreno e Suani Coelho* 34 Capítulo VII A bioenergia no mundo Por Manuel Moreno e Suani Coelho* Ao longo da evolução histórica da energia no biomassa utilizada em processos eficientes se destaca mundo, a biomassa acabou perdendo

Leia mais

Estudo de tendência das temperaturas mínimas na Região Sul do Brasil

Estudo de tendência das temperaturas mínimas na Região Sul do Brasil Estudo de tendência das temperaturas mínimas na Região Sul do Brasil Virginia Piccinini Silveira 1 e Manoel Alonso Gan 2 RESUMO Neste trabalho verificou-se a tendência climatológica da temperatura mínima

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO SEMI-ÁRIDO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM MANEJO DE SOLO E ÁGUA

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO SEMI-ÁRIDO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM MANEJO DE SOLO E ÁGUA PROGRAMA ANALÍTICO DE DISCIPLINA IDENTIFICAÇÃO DA DISCIPLINA CÓDIGO NOME NATUREZA PMS0013 GEOPROCESSAMENTO APLICADO AO MANEJO DE SOLO E ÁGUA PROFESSOR(ES): Paulo Cesar Moura da Silva [ ] Obrigatória [

Leia mais

ANÁLISE DO POTENCIAL DE REDUÇÃO DAS EMISSÕES DE CO 2 NA REGIÃO METROPOLITANA DO RIO DE JANEIRO

ANÁLISE DO POTENCIAL DE REDUÇÃO DAS EMISSÕES DE CO 2 NA REGIÃO METROPOLITANA DO RIO DE JANEIRO ANÁLISE DO POTENCIAL DE REDUÇÃO DAS EMISSÕES DE CO 2 NA REGIÃO METROPOLITANA DO RIO DE JANEIRO Jorge Luiz Oliveira Fernandes - UFF e PEC/COPPE/UFRJ Jeferson Borghetti Soares - PPE/COPPE/UFRJ ABSTRACT The

Leia mais

AVALIAÇÃO DA VULNERABILIDADE ÀS MUDANÇAS CLIMÁTICAS NO SECTOR DE RECURSOS HÍDRICOS

AVALIAÇÃO DA VULNERABILIDADE ÀS MUDANÇAS CLIMÁTICAS NO SECTOR DE RECURSOS HÍDRICOS 032135.0407xx.MOZ.CON-01.Output9-5.v1 AVALIAÇÃO DA VULNERABILIDADE ÀS MUDANÇAS CLIMÁTICAS NO SECTOR DE RECURSOS HÍDRICOS 1. Introdução O relatório do "Intergovernmental Panel on Climate Change" (IPCC,

Leia mais

Mapas de irradiação solar para o Brasil Resultados do Projeto SWERA

Mapas de irradiação solar para o Brasil Resultados do Projeto SWERA Mapas de irradiação solar para o Brasil Resultados do Projeto SWERA Fernando Ramos Martins 1 Enio Bueno Pereira 1 Samuel Luna de Abreu 2 Sergio Colle 2 1 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais - INPE

Leia mais

1. Metodologias de gestão ambiental com enfoque em prevenção da. 3. Metodologia de produção mais limpa desenvolvida pela UNIDO/UNEP

1. Metodologias de gestão ambiental com enfoque em prevenção da. 3. Metodologia de produção mais limpa desenvolvida pela UNIDO/UNEP 3 - Metodologias 1. Metodologias de gestão ambiental com enfoque em prevenção da poluição e minimização de resíduos 2. Histórico de produção mais limpa no Brasil 3. Metodologia de produção mais limpa desenvolvida

Leia mais

JOHNSON, Gerry; SCHOLES, Kevan; WHITTINGTON, Richard.Exploring corporate strategy: text & cases. 8.ed. England: Prentice-Hall, 2008.881 p : il.

JOHNSON, Gerry; SCHOLES, Kevan; WHITTINGTON, Richard.Exploring corporate strategy: text & cases. 8.ed. England: Prentice-Hall, 2008.881 p : il. BSP Especializados BSP - Especializados JOHNSON, Gerry; SCHOLES, Kevan; WHITTINGTON, Richard.Exploring corporate strategy: text & cases. 8.ed. England: Prentice-Hall, 2008.881 p : il. UNIDADE: Morumbi

Leia mais

Como as alterações climáticas podem afetar as cidades, as organizações e as empresas

Como as alterações climáticas podem afetar as cidades, as organizações e as empresas Como as alterações climáticas podem afetar as cidades, as organizações e as empresas Thelma Krug Pesquisadora, INPE Membro do Conselho do IPCC Congresso Internacional de Sustentabilidade São José dos Campos,

Leia mais

WATERLAT NETWORK WORKING PAPERS

WATERLAT NETWORK WORKING PAPERS ISSN 2056-4856 (Print) ISSN 2056-4864 (Online) WATERLAT NETWORK WORKING PAPERS Research Projects Series SPIDES DESAFIO Project Working Paper Vol. 1, No x The experience of the condominial and integrated

Leia mais