Central de Relacionamento: Site: V.9.15

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Central de Relacionamento: 0800 702 4231 Site: www.caixaseguradora.com.br V.9.15"

Transcrição

1 0 Central de Relacionamento: Site:

2 1 CONHEÇA O PASSO-A-PASSO PARA O PEDIDO DE UTILIZAÇÃO DA SUA CARTA DE CRÉDITO Sumário 1. PRINCIPAIS ORIENTAÇÕES MODALIDADES PARA USO DA SUA CARTA DE CRÉDITO PASSOS PARA A UTILIZAÇÃO DO CRÉDITO DOCUMENTOS DO CONSORCIADO PARA ANÁLISE DE CRÉDITO DOCUMENTOS PARA AQUISIÇÃO DO IMÓVEL, CONSTRUÇÃO, REFORMA OU AMPLIAÇÃO DOCUMENTOS DO(S) VENDEDOR(ES) INFORMAÇÕES IMPORTANTES... 12

3 2 1. PRINCIPAIS ORIENTAÇÕES As orientações a seguir são fundamentais para que você possa utilizar sua Carta de Crédito com rapidez e segurança. A partir de agora, em nosso site, você tem autonomia para registrar o pedido e acompanhar o andamento do processo pelos Serviços ao Cliente por meio do menu Meus Serviços, na opção Movimentações na cota. Para liberação do seu crédito, são feitas as seguintes análises pela Administradora Caixa Consórcios: a. Análise de crédito do consorciado; b. Análise cadastral do(s) vendedor(es); c. Análise do imóvel ou do projeto de construção/reforma/ampliação. IMPORTANTE: A Administradora Caixa Consórcios não se responsabiliza por compromissos assumidos antes das análises e aprovações. 2. MODALIDADES PARA USO DA SUA CARTA DE CRÉDITO A seguir estão listadas as opções para uso da sua Carta de Crédito. Certifique-se de que o imóvel pretendido está regularizado e em bom estado de conservação, de segurança e habitabilidade. a. Aquisição de imóvel residencial ou comercial, novo ou usado; b. Aquisição de imóvel misto (residencial e comercial) com uma só matrícula no Cartório de Registro de Imóveis; c. Aquisição de imóvel rural, sendo a garantia obrigatoriamente de imóvel urbano; d. Aquisição de terreno urbano e construção de imóvel residencial ou comercial; e. Aquisição de terreno urbano; f. Construção de imóvel residencial ou comercial, em terreno urbano próprio; g. Reforma e/ou ampliação de imóvel urbano próprio, residencial ou comercial; h. Término de construção já iniciada; i. Aquisição de imóvel na planta, sendo a garantia obrigatoriamente outro imóvel urbano; j. Quitação do saldo devedor de financiamento habitacional próprio; k. Aquisição com quitação do saldo devedor de financiamento habitacional de terceiros. Observações importantes: No caso de utilização de recursos da conta vinculada do FGTS, você deve se enquadrar nas normas vigentes do Fundo. Compareça a uma agência da CAIXA ECONÔMICA FEDERAL para manifestar intenção de compra e solicite que a agência registre o pedido de utilização da Carta de Crédito para as providências da Administradora Caixa Consórcios. Ao mesmo tempo a agência conduzirá o processo de liberação do FGTS.

4 3 Na utilização da Carta de Crédito para quitação de financiamento, a Administradora efetua a quitação do saldo devedor por meio de boleto ou transferência de valores para o Agente Financeiro. Não fazemos emissão de cheque administrativo. Você deve consultar o Agente Financeiro detentor do financiamento, antes de dar início ao processo. 3. PASSOS PARA A UTILIZAÇÃO DO CRÉDITO Siga os passos abaixo para obter aprovação da liberação do crédito. 1º PASSO PEDIDO DE UTILIZAÇÃO DO CRÉDITO Abaixo constam dois links para acesso ao formulário do Pedido de Utilização da Carta de Crédito. a. Escolha um dos formulários, se Pessoa Física ou Jurídica, de acordo com a titularidade da cota, preencha eletronicamente todos os campos, assine, reconheça firma por autenticidade e digitalize o formulário. Não aceitamos formulários preenchidos à mão e sem assinatura. Formulário para CONSORCIADO PESSOA FÍSICA mentos/arquivos_pos_contemplacao/fop_374_02_- _Pedido_de_Utilizacao_da_Carta_de_Credito_Pessoa_Fisica.doc Formulário para CONSORCIADO PESSOA JURÍDICA mentos/arquivos_pos_contemplacao/fop_375_02_- _Pedido_de_Utilizacao_da_Carta_de_Credito_Pessoa_Juridica.doc b. Reúna e digitalize todos os documentos listados no item 4, para a realização de sua análise de crédito. c. Reúna e digitalize todos os documentos listados no item 5, de acordo com as opções dos subitens, para análise do imóvel ou do projeto de construção/reforma/ampliação. d. Acesse o ambiente de Serviços ao Cliente por meio do menu Meus Serviços, disponível no site e siga os passos abaixo para registrar a solicitação: Na lista de Serviços, clique na opção Movimentações na cota ; Na tela disponibilizada, clique no botão Registrar ; Nos Dados de Solicitação escolha a opção Pedido de utilização da Carta de Crédito ; Você deve preencher as opções da tela de registro e anexar todos os documentos digitalizados; Clique no botão Confirmar.

5 4 2º PASSO ANÁLISE DE CRÉDITO DO CONSORCIADO E AVALIAÇÃO DO IMÓVEL Após o recebimento do formulário e dos documentos completos, a Administradora dará início às análises: a. Na análise de crédito, avaliamos o comprometimento da sua renda com o valor pago mensalmente no consórcio e verificamos se existem restrições no seu cadastro. Para andamento do processo, é necessário que sua análise de crédito seja aprovada. b. Na análise do imóvel, verificamos se está regularizado e desimpedido para aquisição. Para que possa ser aceito, o imóvel será vistoriado por um engenheiro credenciado pela Administradora Caixa Consórcios, que emitirá um Laudo de Avaliação. Se a utilização do crédito for para construção, reforma ou ampliação, o engenheiro avaliará o projeto da obra. c. Acompanhe o andamento desta fase pelo seu ou a qualquer momento pelo histórico disponível no Serviços ao Cliente por meio do menu Meus Serviços, na opção de Movimentações na cota. 3º PASSO ANÁLISE CADASTRAL DO(S) VENDEDOR(ES) Após receber a comunicação da aprovação da análise de crédito e do imóvel, você deverá providenciar os documentos do vendedor. a. Na análise cadastral do(s) vendedor(es) e respectivo(s) cônjuge(s), se for o caso, verificamos se existem restrições. Caso existam, elas não devem comprometer o imóvel que será dado em garantia. Para esta verificação, poderá ser exigido o envio de documentos complementares, possibilitando nova análise. b. Reúna e digitalize todos os documentos listados no item 6, para a realização da análise cadastral do(s) vendedor(es) e cônjuge(s), conforme o estado civil. c. Acesse o ambiente de Serviços ao Cliente por meio do menu Meus Serviços, disponível no site e siga os passos abaixo para enviar a documentação: Na lista de Serviços, clique na opção Movimentações na cota ; Na tela disponibilizada, clique no link da solicitação em andamento; Você deve preencher o campo de complemento com a relação dos documentos que estão sendo encaminhados; Anexe todos os documentos digitalizados; Clique no botão Confirmar. 4º PASSO FORMALIZAÇÃO DO PROCESSO NO CARTÓRIO Após a aprovação da análise de crédito, do cadastro do(s) vendedor(es) e do imóvel ou projeto da obra, a Administradora providenciará a formalização do processo, possibilitando o registro em Cartório, que pode ocorrer pelas seguintes opções:

6 5 I - Escritura pública: A modalidade de quitação de financiamento será efetuada exclusivamente por meio da opção da Escritura Pública. Contudo, esta opção poderá ser utilizada em todas as modalidades de utilização do crédito. Escolha a opção no Formulário do Pedido de Utilização do Crédito, você receberá uma minuta de contrato e um extrato contendo as informações necessárias para subsidiar o Cartório de Notas na lavratura da escritura. Será enviado também um formulário do SEDEX (porte pago). a. Leve a minuta do contrato e o extrato com os dados fornecidos pela Administradora Caixa Consórcios ao Cartório de Notas e solicite a elaboração da escritura; b. Providencie as assinaturas das partes envolvidas: Comprador(es), Vendedor(es) e Administradora. A Administradora Caixa Consórcios deverá ser representada por um funcionário do ponto de venda que tem procuração para este ato. c. Em processos com utilização de FGTS, será necessária a assinatura de um gerente representando a CAIXA ECONÔMICA FEDERAL, na autorização da liberação do recurso. d. Após as assinaturas no Cartório de Notas, leve a escritura para registro no Cartório de Registro de Imóveis que possui o histórico do imóvel em negociação. Observação: O pagamento das taxas cobradas pelo Cartório de Notas é de sua responsabilidade, podendo ser reembolsado pela Administradora, caso haja sobra de crédito. Após o pagamento do bem, se houver sobra de crédito, você pode utilizar até 10% do valor da carta de crédito para ressarcimento das despesas cartorárias. II - Instrumento Particular: Oferecemos esta opção para a modalidade de aquisição de imóvel. Ao escolher esta alternativa no item 12 do Formulário do Pedido de Utilização do Crédito, você receberá um contrato denominado Instrumento Particular, elaborado e assinado pela Administradora Caixa Consórcios, que possui força de Escritura Pública. Junto com o Instrumento Particular serão encaminhadas cópias autenticadas dos seguintes documentos: procuração e documentos pessoais dos procuradores que assinaram o contrato pela Administradora Caixa Consórcios, a Ata da Assembleia de eleição da Diretoria Executiva e a publicação no Diário Oficial. Será enviado também um formulário do SEDEX (porte pago). a. Providencie as assinaturas dos envolvidos: Comprador (es), Vendedor(es) e demais campos, de acordo com a particularidade do seu processo. Quando houver utilização de FGTS, também será necessária a assinatura do gerente representando a CAIXA ECONÔMICA FEDERAL, autorizando a liberação do recurso.

7 6 b. Após as assinaturas, leve o Instrumento Particular para registro no Cartório de Registro de Imóveis que possui o histórico do imóvel em negociação. O Cartório vai exigir as cópias autenticadas dos documentos que encaminhamos. O pagamento das taxas cartorárias é de sua responsabilidade. Observações importantes sobre o uso do Instrumento Particular: Ao escolher a opção no item 12 do Formulário do Pedido de Utilização do Crédito, você autorizará a Administradora a descontar do seu crédito o valor de R$ 350,00 (trezentos e cinquenta reais) pela prestação do serviço. Em Minas Gerais, o Instrumento Particular emitido por administradoras de consórcios não é aceito pelos Cartórios de Registros de Imóveis. Desta forma, o processo deve ser feito por registro de Escritura Pública. Para os processos que envolvem a modalidade de aquisição de imóvel com recursos do FGTS, sugerimos a opção da Escritura Pública devido às cláusulas pertinentes à utilização do FGTS, minimizando assim ressalvas no momento do registro do imóvel. 5º PASSO LIBERAÇÃO DO PAGAMENTO A liberação do pagamento é condicionada ao registro da alienação fiduciária em favor da Administradora Caixa Consórcios na matrícula do imóvel. a. Após o registro, envie à Administradora, utilizando o formulário de porte pago do SEDEX, uma via original do Instrumento Particular ou da Escritura Pública e uma cópia autenticada da matrícula atualizada, constando a alienação do imóvel em favor da Administradora. Existem casos em que o registro é feito na própria escritura, sendo dispensado o envio da matrícula. b. O pagamento ao vendedor é feito em até 10 (dez) dias úteis após o recebimento dos documentos em conformidade. Observações importantes: Nas modalidades de construção, reforma ou ampliação, o pagamento é realizado de acordo com o cumprimento das etapas previstas no cronograma físico-financeiro da obra. O engenheiro credenciado pela Administradora CAIXA CONSÓRCIOS realizará as medições das etapas da obra, e o pagamento, em forma de ressarcimento do valor correspondente à etapa, será liberado após a emissão do relatório comprovando a execução do percentual previsto. Para o pagamento da última etapa, o consorciado deverá averbar a conclusão da obra no Cartório de Registro de Imóveis. Nos processos que envolvem quitação de financiamento, o pagamento é feito ao Agente Financeiro concomitantemente à assinatura da Escritura Pública. O pagamento da diferença de valor ao vendedor, se existir, somente será feito após o recebimento da Escritura Pública e uma cópia autenticada da matrícula atualizada. A liberação do valor referente ao FGTS na conta do vendedor, quando for o caso, será efetuada pela agência da CAIXA ECONÔMICA FEDERAL que conduziu todo o processo de utilização da Carta de Crédito de Consórcios juntamente com a utilização do Recurso do FGTS. A Administardora efetuará o pagamento do recurso do Crédito ao vendedor quando receber uma via original do Instrumento Particular ou da Escritura Pública e da matrícula do imóvel com alienação à Administradora.

8 7 4. DOCUMENTOS DO CONSORCIADO PARA ANÁLISE DE CRÉDITO A documentação exigida para pessoa física e jurídica é diferente. Então, faremos esta distinção, para que você providencie a documentação necessária de acordo com seu caso. 4.1 PARA PESSOA FÍSICA a. Carteira de Identidade fornecida pelos Órgãos de Segurança Pública dos Estados ou: Carteira Funcional emitida por repartições públicas ou por Órgãos de Classe dos profissionais liberais, desde que tenha fé pública reconhecida por Decreto; Carteira de Identidade Militar, expedida pelas Forças Armadas ou forças auxiliares para seus membros ou dependentes; Carteira de Identidade de Estrangeiro, emitida pelo Serviço de Registro de Estrangeiros ou MRE, com cópia da concessão de Visto Permanente no Brasil; Carteira de Trabalho; Carteira Nacional de Habilitação expedida de acordo com as especificações do CONTRAN, observada a validade. b. CPF Cadastro de Pessoa Física ou menção do número de inscrição nos documentos oficiais de identificação. c. Cópia autenticada do comprovante de estado civil, atualizado Se você é: casado(a), viúvo(a), separado(a), divorciado(a) ou mantém união estável. Será necessário enviar ainda, cópia dos seguintes documentos do cônjuge ou companheiro(a): Carteira de Identidade; CPF Cadastro de Pessoa Física. d. Comprovante de endereço Água, luz, gás, carnê do IPTU, telefone fixo ou TV a cabo, em nome do consorciado. O comprovante em nome dos pais ou cônjuge será aceito, mediante comprovação documental. O comprovante de endereço deverá ter a data de emissão de no máximo 90 dias. e. Certidão Conjunta Negativa de Débitos relativos a Tributos Federais e à Dívida Ativa da União. f. Comprovante de renda Apresentar uma das opções de comprovante listadas a seguir, conforme enquadramento no tipo de atividade, inclusive do cônjuge, em caso de composição de renda.

9 8 DOCUMENTOS PARA COMPROVAÇÃO DA RENDA Se você for Assalariado(a): 3 (três) últimos contracheques Registro em Carteira de Trabalho atualizado, com pelo menos 3 (três) meses de vínculo Declaração de vínculo ou contrato de trabalho emitida por instituição pública, constando a renda mensal Declaração de Imposto de Renda ano-base anterior/exercício atual, com recibo protocolado nareceita Federal, entregue dentro do prazo estipulado. Não será aceita declaração entregue fora do prazo ou retificadora Extrato bancário da conta salário dos 3 (três) últimos meses Extrato de conta vinculada do FGTS, com recolhimento dos 3 (três) últimos meses Se você for Aposentado(a) ou Pensionista: 3 (três) Últimos contracheques Declaração de Imposto de Renda ano-base anterior/exercício atual, com recibo protocolado nareceita Federal, entregue dentro do prazo estipulado. Não será aceita declaração entregue fora do prazo ou retificadora Declaração do órgão previdenciário de vinculação, com o valor do benefício dos 3 (três) últimos meses Se você for Produtor(a) Rural: DECORE - Declaração Comprobatória de Percepção de Rendimentos, elaborada por contador, emitida eletronicamente, de acordo com a Resolução vigente do Conselho Federal de Contabilidade dos 12 últimos meses, devendo ser apresentado DARF pago (recolhido), quando o valor ultrapassar o limite de isenção para o Imposto de Renda Declaração de Imposto de Renda ano-base anterior/exercício atual, com recibo protocolado nareceita Federal, entregue dentro do prazo estipulado. Não será aceita declaração entregue fora do prazo ou retificadora Se você for Autônomo(a): Contrato de prestação de serviços, com firma reconhecida em Cartório, com os respectivos Recibos de Pagamento a Autônomos - RPA e comprovante de recolhimento do ISS 3 (três) últimos Recibos de Pagamento a Autônomos - RPA e comprovante de recolhimento do ISS DECORE - Declaração Comprobatória de Percepção de Rendimentos, elaborada por contador, emitida eletronicamente, de acordo com a Resolução vigente do Conselho Federal de Contabilidade dos 12 últimos meses, devendo ser apresentado DARF pago (recolhido), quando o valor ultrapassar o limite de isenção para o Imposto de Renda Declaração de Imposto de Renda ano-base anterior/exercício atual, com recibo protocolado nareceita Federal, entregue dentro do prazo estipulado. Não será aceita declaração entregue fora do prazo ou retificadora Se você é Sócio(a) ou Acionista de empresa: 3 (três) últimos contracheques de remuneração mensal, no caso de pró-labore DECORE - Declaração Comprobatória de Percepção de Rendimentos, elaborada por contador, emitida eletronicamente, de acordo com a Resolução vigente do Conselho Federal de Contabilidade dos 12 últimos meses, devendo ser apresentado DARF pago (recolhido), quando o valor ultrapassar o limite de isenção para o Imposto de Renda Declaração de Imposto de Renda ano-base anterior/exercício atual, com recibo protocolado nareceita Federal, entregue dentro do prazo estipulado. Não serão aceita declaração entregue fora do prazo ou retificadora Se você for Locador (a) de imóvel: Contrato de locação de imóvel, com fimas reconhecidas e vigência mínima decorrida de 3 (três)meses Declaração da Administradora/Imobiliária, em papel timbrado, assinado com firma reconhecida, constando o valor do aluguel do imóvel locado nos 3 (três) últimos meses Declaração de Imposto de Renda ano-base anterior/exercício atual, com recibo protocolado nareceita Federal, entregue dentro do prazo estipulado. Não será aceita declaração entregue fora do prazo ou retificadora Se sua renda for composta com a do seu cônjuge ou companheiro (a): Comprovante de renda de acordo com a atividade profissional do cônjuge/companheiro(a), conforme descrito nos itens acima

10 9 4.2 PARA PESSOA JURÍDICA a. Carteira de identidade dos Sócios Titulares e/ou Acionistas Majoritários; b. CPF dos Sócios Titulares e/ou Acionistas Majoritários; c. CNPJ atualizado; d. Comprovante de endereço da empresa: (conta de água, luz, gás, ou telefone fixo); e. Certidão Conjunta Negativa de Débitos relativos a Tributos Federais e à Dívida Ativa da União; f. Contrato ou Estatuto Social e alterações; g. Certidão Simplificada da Junta Comercial; h. Certidão de Regularidade de situação do FGTS - CRF; i. Comprovante de Renda, apresentar uma das opções: 3 (três) últimos balanços e 1 (um) balancete recente; Declaração do contador, com CRC, demonstrando o faturamento líquido da empresa nos últimos 12 (doze) meses, com firma reconhecida em Cartório; No caso de pequenas e microempresas, que são tributadas pelo Sistema Simples e não elaboram balanço contábil, será necessária a declaração de contador, com CRC, relacionando o faturamento dos últimos 12 (doze) meses, com assinatura do(s) sócios(s) e do contador, com firmas reconhecidas em Cartório e a cópia da última Declaração Anual do Simples Nacional. 5. DOCUMENTOS PARA AQUISIÇÃO DO IMÓVEL, CONSTRUÇÃO, REFORMA OU AMPLIAÇÃO 5.1 Para aquisição de imóvel com ou sem quitação de financiamento a. Certidão Atualizada de Inteiro Teor da Matrícula, autenticada, contendo a cadeia sucessória de todos os proprietários anteriores do imóvel; b. Certidão de Ônus e Ações Reais Pessoais e Reipersecutórias; c. Cópia do IPTU Imposto Predial do ano vigente; d. Certidão Negativa de Débitos do imóvel expedida pela Prefeitura. e. Certidão de Autorização de Transferência - CAT, com prazo de validade de 90 dias e o comprovante de pagamento da taxa de Laudêmio, somente quando se tratar de imóvel foreiro (ex. terrenos de Marinha). 5.2 Para Aquisição de Imóvel na planta ou imóvel rural Nestas modalidades, é necessário apresentar outro imóvel urbano como garantia, sendo próprio ou de terceiros. O imóvel dado em garantia será avaliado por engenheiro credenciado pela Administradora Caixa Consórcios. Os documentos necessários são: Da Construtora a. Apólice do Seguro de Garantia do Construtor; b. Matrícula do Terreno com averbação da incorporação; c. Contrato de compra e venda do consorciado com a Construtora; d. Memorial de Incorporação com registro em Cartório.

11 Do Imóvel dado em garantia a. Certidão de Inteiro Teor da Matrícula, atualizada, autenticada pelo Cartório; contendo a cadeia sucessória de todos os proprietários anteriores do imóvel; b. Certidões de Ônus e Ações Reais pessoais e Reipersecutórias. Importante: Se o imóvel dado em garantia for de terceiros ou se for outro imóvel de propriedade do consorciado, é necessário o envio da documentação para análise cadastral do proprietário e de seu cônjuge, se for casado. Os documentos são os mesmos solicitados aos vendedores no item 5, subitens 5.1 ou 5.2, conforme o caso. 5.3 Para Construção, Reforma ou Ampliação Para a utilização da Carta de Crédito nestas modalidades, é necessária a contratação de um engenheiro para elaborar o projeto de execução e o cronograma físico-financeiro da obra. A Administradora Caixa Consórcios encaminhará para você os modelos de formulários a serem preenchidos, possibilitando a conclusão do 1º PASSO do processo. Importante: Para Construção ou aquisição de Terreno com construção: o cronograma físicofinanceiro deverá conter no mínimo 4 e no máximo 18 parcelas, sendo que a primeira não poderá ser superior a 20% e a última não poderá ser inferior a 10% do valor da obra. Para Reforma/ampliação: o cronograma físico-financeiro deverá conter no mínimo 1 parcela e no máximo 6 parcelas. Nestas modalidades, o valor da Carta de Crédito é liberado em etapas, após comprovação da execução do percentual previsto no cronograma físico-financeiro da obra. Nas datas previstas no cronograma para conclusão de cada etapa, o engenheiro credenciado da Administradora Caixa Consórcios vai até a obra para realizar as medições. O percentual da obra, previsto para aquela data, deverá estar concluído, possibilitando a liberação do crédito correspondente. O custo com as visitas do engenheiro é de sua responsabilidade. Você poderá optar pelo pagamento do boleto, emitido pelo engenheiro, ou autorizar que a Administradora utilize parte do seu crédito para efetuar o pagamento. Importante: Se existir uma parte da obra já construída, somente é permitido incluí-la no cronograma físico-financeiro, se seu início tiver ocorrido após a data da contemplação da cota. Se a obra estiver iniciada, sem que a etapa já construída esteja prevista no cronograma físico-financeiro, não haverá liberação de crédito para esta parte da obra. Os documentos necessários são: Do terreno: a. Certidão Atualizada de Inteiro Teor da Matrícula contendo a cadeia sucessória de todos os proprietários anteriores do imóvel;

12 11 b. Certidões de Ônus e Ações Reais pessoais e Reipersecutórias Da obra: a. Uma via da Anotação de Responsabilidade Técnica ART da execução da obra; b. Alvará da Obra emitido pela Prefeitura; c. Orçamento Discriminativo, Orçamento-Resumo, cronograma físico-financeiro e Especificações Técnicas Unidade Isolada, com modelo fornecido pela CAIXA CONSÓRCIOS Do responsável técnico da obra: a. Carteira de Identidade profissional. 6. DOCUMENTOS DO(S) VENDEDOR(ES) Abaixo, consta a lista de documentos a serem providenciados para possibilitar a análise cadastral do(s) vendedor(es). As certidões possuem prazo de validade: providencie todas de uma única vez, para evitar demora no processo. Não serão aceitas certidões vencidas. 6.1 PARA PESSOA FÍSICA - Inclusive do cônjuge ou companheira(o), se for o casado: a. Carteira de Identidade; b. CPF Cadastro de Pessoa Física; c. Comprovação de estado civil; d. Certidão de Quitação de Tributos e Contribuições Federais (certidão fiscal negativa de débitos), disponível no site da Receita Federal endereço e. Certidões de Feitos Ajuizados certidões negativas de distribuição de processos cíveis emitidas pelo Fórum da Comarca de domicílio do vendedor; f. Certidão Negativa da Justiça Federal obtida no site g. Certidão de Objeto e Pé Processual, emitida pelo Cartório de Distribuição do Foro (onde a ação foi registrada), somente se houver ação ajuizada. 6.2 PARA PESSOA JURÍDICA a. CNPJ - Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica; b. CRF - Certificado de Regularidade do FGTS obtida no endereço c. Certidão de Quitação de Tributos e Contribuições Federais, obtida no endereço d. Contrato Social e alterações, se houver, devidamente registrados; e. Estatuto Social e Ata de Eleição da última Diretoria, publicada no Diário Oficial, no caso de Sociedade Anônima; f. Certidão Simplificada da Junta Comercial; g. Certidão negativa de distribuição de processos cíveis da comarca;

13 12 h. Certidão Negativa da Justiça Federal obtida no site i. Certidões trabalhistas emitidas pelos respectivos fóruns da comarca de domicílio do vendedor (Certidão de Feitos Ajuizados); j. Certidão de Objeto e Pé Processual, emitida pelo Cartório de Distribuição do Foro (onde a ação foi registrada), somente se houver ação ajuizada. Observações importantes: Nos casos em que o imóvel da negociação tiver sido objeto de compra e venda num período menor que um ano, os vendedores antecessores também serão analisados. Para isso, você deve providenciar também as certidões, listadas nos itens 6.1 ou 6.2. A aprovação do processo depende do resultado da análise cadastral do(s) atual(is) vendedor(es) e do(s) vendedor(es) antecessor(es). 7. INFORMAÇÕES IMPORTANTES 7.1 Pagamento do ITBI Para as operações de compra e venda, verifique junto à Prefeitura local do imóvel a alíquota, como deve ser preenchida e paga a guia do ITBI (Imposto de Transmissão de Bens Imóveis). O pagamento deste imposto, que é de responsabilidade do consorciado, será exigido pelo Cartório de Registro de Imóveis. 7.2 Regras na aceitação de procuração a. A procuração deverá ser por Instrumento Público (elaborada em Cartório de Notas no Brasil) e com finalidade específica; b. Não poderá ser em causa própria e somente será aceita para representar o vendedor ou comprador; c. Não será aceita procuração realizada do comprador para o vendedor ou vice-versa; d. Deverá ser encaminhada uma certidão emitida pelo Cartório, nos últimos 30 dias, comprovando a validade da procuração; e. O procurador deve encaminhar cópia autenticada do CPF e carteira de identidade. 7.3 Solicitação de documentos complementares Visando resguardar a segurança da operação, a Administradora Caixa Consórcios poderá solicitar documentos adicionais ou atualizados, quando julgar pertinente.

CONHEÇA O PASSO A PASSO PARA UTILIZAÇÃO DA SUA CARTA DE CRÉDITO

CONHEÇA O PASSO A PASSO PARA UTILIZAÇÃO DA SUA CARTA DE CRÉDITO CONHEÇA O PASSO A PASSO PARA UTILIZAÇÃO DA SUA CARTA DE CRÉDITO 1. PRINCIPAIS ORIENTAÇÕES 2 2. MODALIDADE PARA USO DA SUA CARTA DE CRÉDITO 2 3. ETAPAS PARA UTILIZAÇÃO DO CRÉDITO 2 4. DOCUMENTOS PARA PESQUISA

Leia mais

Prezado (a) Consorciado (a), Parabéns pela contemplação!

Prezado (a) Consorciado (a), Parabéns pela contemplação! Prezado (a) Consorciado (a), Parabéns pela contemplação! Para realizar sua contemplação providenciar a documentação solicitada abaixo e levar até uma loja do Magazine Luiza ou representação autorizada

Leia mais

Bradesco Administradora de Consórcios Ltda.

Bradesco Administradora de Consórcios Ltda. Prezado(a) Consorciado(a), Para melhor atendê-lo, elaboramos este Guia Prático de Contratação de Imóvel destacando as modalidades de aquisição, fases do processo, documentos necessários, emissão e registro

Leia mais

DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA PARA UTILIZAÇÃO DO FGTS (Check list) Modalidade: AQUISIÇÃO À VISTA (DAMP 1)

DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA PARA UTILIZAÇÃO DO FGTS (Check list) Modalidade: AQUISIÇÃO À VISTA (DAMP 1) (I) DO COMPRADOR ( ) Ficha Cadastral do Proponente (Original, preenchida, datada e assinada) ( ) Documento de Identidade de todos os compradores e seus respectivos cônjuges, se for o caso ( ) CPF de todos

Leia mais

RELAÇÃO DE DOCUMENTOS PARA AQUISIÇÃO DE IMÓVEL RESIDENCIAL

RELAÇÃO DE DOCUMENTOS PARA AQUISIÇÃO DE IMÓVEL RESIDENCIAL RELAÇÃO DE DOCUMENTOS PARA AQUISIÇÃO DE IMÓVEL RESIDENCIAL Nota: Os documentos abaixo relacionados deverão ser apresentados na forma original ou por cópia autenticada em cartório. DOCUMENTOS DO COMPRADOR

Leia mais

Parabéns! Agora que a sua cota já está contemplada e você já recebeu sua CARTA DE CRÉDITO, você poderá concretizar o seu projeto.

Parabéns! Agora que a sua cota já está contemplada e você já recebeu sua CARTA DE CRÉDITO, você poderá concretizar o seu projeto. Orientações para aquisição de Bens Imóveis Parabéns! Agora que a sua cota já está contemplada e você já recebeu sua CARTA DE CRÉDITO, você poderá concretizar o seu projeto. Lembrando que a análise do seu

Leia mais

CHECKLIST DETALHADO PARA AQUISIÇÃO DE IMÓVEL PESSOA JURÍDICA 1. DOCUMENTOS DE ANÁLISE DE CRÉDITO

CHECKLIST DETALHADO PARA AQUISIÇÃO DE IMÓVEL PESSOA JURÍDICA 1. DOCUMENTOS DE ANÁLISE DE CRÉDITO Após a aprovação do crédito e a avaliação do imóvel, retorne à sua Agência com a relação completa dos documentos descritos nos itens abaixo, para a efetivação de seu financiamento. 1. DOCUMENTOS DE ANÁLISE

Leia mais

Documentação necessária

Documentação necessária Documentação necessária OBS.: Devem ser apresentadas pelo candidato na fase de comprovação de informações: cópias dos documentos e originais para conferência. DOCUMENTOS DE IDENTIFICAÇÃO DO CANDIDATO E

Leia mais

Relação de Documentos para a Concessão do Financiamento

Relação de Documentos para a Concessão do Financiamento 1 Prezado(a) Cliente, Estamos felizes em receber sua Proposta de Financiamento Imobiliário. Sabemos que é um importante momento de sua vida e nos sentimos orgulhosos de fazer parte dele. Para que tudo

Leia mais

Atenção Inscrito - Leia com atenção.

Atenção Inscrito - Leia com atenção. Atenção Inscrito - Leia com atenção. A não entrega da documentação comprobatória correta pode comprometer na sua desclassificação. Será necessário somente aquela documentação que comprove os dados informados

Leia mais

Informações! Residênciais e Comerciais;

Informações! Residênciais e Comerciais; Informações! Segue abaixo algumas informações importantes, para realizar sua contemplação providenciar a documentação solicitada e levar até uma loja do Magazine Luiza ou representação autorizada para

Leia mais

Guia do. Contemplado. Pessoa física

Guia do. Contemplado. Pessoa física Guia do Contemplado Pessoa física 1 Prezado Consorciado, Você foi contemplado! Agora, o próximo passo para a conquista do seu veículo novo é a aprovação do seu crédito. Para ajudá-lo com essa etapa, preparamos

Leia mais

DOCUMENTOS PARA COMPROVAÇÃO DE INFORMAÇÕES PROCESSO SELETIVO PROUNI. 1 - Documentos de Escolaridade do Candidato (exclusivo para o candidato):

DOCUMENTOS PARA COMPROVAÇÃO DE INFORMAÇÕES PROCESSO SELETIVO PROUNI. 1 - Documentos de Escolaridade do Candidato (exclusivo para o candidato): Atenção Candidato! DOCUMENTOS PARA COMPROVAÇÃO DE INFORMAÇÕES PROCESSO SELETIVO PROUNI Na Fase de Comprovação você deverá apresentar cópia, acompanhada dos documentos originais abaixo solicitados. Para

Leia mais

ATENÇÃO: 1º e 2 CHAMADA E LISTA DE ESPERA PROUNI 1º/2016. Conforme edital do PROUNI, as inscrições ocorrerão da seguinte forma:

ATENÇÃO: 1º e 2 CHAMADA E LISTA DE ESPERA PROUNI 1º/2016. Conforme edital do PROUNI, as inscrições ocorrerão da seguinte forma: ATENÇÃO: 1º e 2 CHAMADA E LISTA DE ESPERA PROUNI 1º/2016. Conforme edital do PROUNI, as inscrições ocorrerão da seguinte forma: As inscrições para as bolsas da 1º e 2º chamada e lista de espera do Prouni

Leia mais

CHECKLIST DETALHADO PARA AQUISIÇÃO DE LOTE URBANO 1. DOCUMENTOS INICIAIS

CHECKLIST DETALHADO PARA AQUISIÇÃO DE LOTE URBANO 1. DOCUMENTOS INICIAIS Após a aprovação do crédito e a avaliação do imóvel, retorne à sua Agência com a relação completa dos documentos descritos nos itens abaixo, para a efetivação de seu financiamento. 1. DOCUMENTOS INICIAIS

Leia mais

Roteiro Operacional Última atualização 20/11/2014

Roteiro Operacional Última atualização 20/11/2014 Roteiro Operacional Última atualização 20/11/2014 1. Público alvo Pessoas Físicas que possua imóvel com documentação regular, bem como: ASSALARIADO e FUNCIONÁRIO PÚBLICO; APOSENTADOS E PENSIONISTAS; SÓCIO

Leia mais

OBS.: Devem ser apresentadas pelo candidato na fase de comprovação de informações: cópias dos documentos e originais para conferência.

OBS.: Devem ser apresentadas pelo candidato na fase de comprovação de informações: cópias dos documentos e originais para conferência. ATENÇÃO: Apresentar a documentação na Central de Atendimento - UNICURITIBA, na rua Chile, 1.678, Bairro Rebouças em Curitiba, das 8 às 21 horas. Documentação necessária OBS.: Devem ser apresentadas pelo

Leia mais

CONHEÇA O PASSO A PASSO PARA UTILIZAÇÃO DA SUA CARTA DE CRÉDITO

CONHEÇA O PASSO A PASSO PARA UTILIZAÇÃO DA SUA CARTA DE CRÉDITO CONHEÇA O PASSO A PASSO PARA UTILIZAÇÃO DA SUA CARTA DE CRÉDITO 1. PRINCIPAIS ORIENTAÇÕES 2 2. MODALIDADE PARA USO DA SUA CARTA DE CRÉDITO 2 3. ETAPAS PARA UTILIZAÇÃO DO CRÉDITO 2 4. DOCUMENTOS PARA PESQUISA

Leia mais

FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAI CIMATEC

FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAI CIMATEC IDENTIFICAÇÃO DO ESTUDANTE E DOS MEMBROS DO SEU GRUPO FAMILIAR - Carteira de Identidade fornecida pelos órgãos de segurança pública das Unidades da Federação; - Carteira Nacional de Habilitação, novo modelo,

Leia mais

DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA PARA COMPROVAÇÃO DE INFORMAÇÕES

DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA PARA COMPROVAÇÃO DE INFORMAÇÕES DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA PARA COMPROVAÇÃO DE INFORMAÇÕES Documentação que deve ser apresentada pelo candidato e membros do grupo familiar, quando for o caso, na fase de comprovação de informações. É vedado

Leia mais

Relação de Documentos OBRIGATÓRIOS a ser encaminhada pela UTE para o Agente Financeiro UTE CÓDIGO DA PROPOSTA - -

Relação de Documentos OBRIGATÓRIOS a ser encaminhada pela UTE para o Agente Financeiro UTE CÓDIGO DA PROPOSTA - - UTE INFORMAÇÕES PARA CONTATO: NOME: TELEFONES: ( ) EMAIL: AGENTE FINANCEIRO DE ENCAMINHAMENTO DA PROPOSTA: ( ) BANCO DO BRASIL ( ) BANCO DO NORDESTE ( ) CAIXA ECONÔMICA FEDERAL LINHA DE FINANCIAMENTO:

Leia mais

CAMPANHA NACIONAL DE ESCOLAS DA COMUNIDADE

CAMPANHA NACIONAL DE ESCOLAS DA COMUNIDADE No ato de entrega dos documentos o candidato deve apresentar os originais e as cópias para conferência. 1.Documentos Diversos a) Cópia de documento de identificação (ou certidão de nascimento, quando menor

Leia mais

ProUni FADERGS. Documentos para Comprovação de Informações

ProUni FADERGS. Documentos para Comprovação de Informações ProUni FADERGS Documentos para Comprovação de Informações Os candidatos Pré-Selecionados deverão apresentar a FADERGS, para comprovação de informações, cópia simples acompanhada da via original dos seguintes

Leia mais

DOCUMENTOS DO VENDEDOR PESSOA FÍSICA. Cópia da Carteira de Identidade com o nome correto, conforme comprovante de estado civil atualizado;

DOCUMENTOS DO VENDEDOR PESSOA FÍSICA. Cópia da Carteira de Identidade com o nome correto, conforme comprovante de estado civil atualizado; DOCUMENTOS DO VENDEDOR PESSOA FÍSICA Cópia da Carteira de Identidade com o nome correto, conforme comprovante de estado civil atualizado; Nota: caso o proponente for casado(a), enviar também os documentos/certidões

Leia mais

CONSÓRCIO DE IMÓVEIS

CONSÓRCIO DE IMÓVEIS INSTRUÇÕES PARA PROPOSTA DE UTILIZAÇÃO DO CRÉDITO a) Preencha na sua totalidade a proposta de utilização do crédito e a encaminhe juntamente com os documentos solicitados do comprador, vendedor e imóvel

Leia mais

Guia Crédito Imobiliário Itaú

Guia Crédito Imobiliário Itaú Guia Crédito Imobiliário Itaú Preencha todos os formulários necessários para o financiamento de forma legível e na sua totalidade, utilizando como base as orientações abaixo. Todos os detalhes dos documentos

Leia mais

Consórcio Contemplação de Imóveis Para quem quer planejar e realizar seus objetivos.

Consórcio Contemplação de Imóveis Para quem quer planejar e realizar seus objetivos. Consórcio Contemplação de Imóveis Para quem quer planejar e realizar seus objetivos. Bradesco Consórcios ROTEIRO PARA AVALIAÇÃO DE IMÓVEL Central de Atendimento às Agências (11) 3357-1799 Central de Atendimento

Leia mais

Documentação. O coordenador do ProUni deverá solicitar, salvo em caso de dúvida, somente um dos seguintes comprovantes de identificação:

Documentação. O coordenador do ProUni deverá solicitar, salvo em caso de dúvida, somente um dos seguintes comprovantes de identificação: Documentação Documentação que deve ser apresentada pelo candidato e membros do grupo familiar, quando for o caso, na Fase de Comprovação de Informações documento de identificação próprio e dos demais membros

Leia mais

ANEXO I DOCUMENTOS A SEREM APRESENTADOS NA CPSA 1. IDENTIFICAÇÃO DO ESTUDANTE E DOS MEMBROS DO SEU GRUPO FAMILIAR

ANEXO I DOCUMENTOS A SEREM APRESENTADOS NA CPSA 1. IDENTIFICAÇÃO DO ESTUDANTE E DOS MEMBROS DO SEU GRUPO FAMILIAR ANEXO I DOCUMENTOS A SEREM APRESENTADOS NA CPSA 1. IDENTIFICAÇÃO DO ESTUDANTE E DOS MEMBROS DO SEU GRUPO FAMILIAR - Carteira de Identidade fornecida pelos órgãos de segurança pública das Unidades da Federação;

Leia mais

Anexo III - Requisição de Documentos

Anexo III - Requisição de Documentos Anexo III - Requisição de Documentos I - Identificação Documentos de identificação do candidato/aluno e dos membros de seu grupo familiar: 1. Documento de Identidade fornecida pelos órgãos de segurança

Leia mais

Parabéns! Agora que a sua cota já está contemplada e você já recebeu sua CARTA DE CRÉDITO, você poderá concretizar o seu projeto.

Parabéns! Agora que a sua cota já está contemplada e você já recebeu sua CARTA DE CRÉDITO, você poderá concretizar o seu projeto. Orientações para aquisição de Bens Móveis Parabéns! Agora que a sua cota já está contemplada e você já recebeu sua CARTA DE CRÉDITO, você poderá concretizar o seu projeto. Lembrando que a análise do seu

Leia mais

O Responsável Financeiro deverá entregar cópias autenticadas/ simples ou originais de todo o grupo familiar os documentos abaixo:

O Responsável Financeiro deverá entregar cópias autenticadas/ simples ou originais de todo o grupo familiar os documentos abaixo: LISTA DE DOCUMENTOS RELAÇÃO DE DOCUMENTOS QUE DEVERÃO SER APRESENTADOS PELO REQUERENTE JUNTAMENTE COM A FICHA PREENCHIDA E ASSINADA. O Responsável Financeiro deverá entregar cópias autenticadas/ simples

Leia mais

DOCUMENTOS PRÉ-SELECIONADOS PARA AS BOLSAS REMANESCENTES DO PROUNI 2009/2

DOCUMENTOS PRÉ-SELECIONADOS PARA AS BOLSAS REMANESCENTES DO PROUNI 2009/2 PROTOCOLO DOCUMENTOS PRÉ-SELECIONADOS PARA AS BOLSAS REMANESCENTES DO PROUNI 2009/2 Os documentos seguintes foram devidamente entregues pelo candidato pré-selecionado do PROUNI para o Curso de, à Faculdade

Leia mais

RELAÇÃO DE DOCUMENTOS QUE DEVERÃO SER APRESENTADOS PELO REQUERENTE JUNTAMENTE COM A FICHA PREENCHIDA E ASSINADA.

RELAÇÃO DE DOCUMENTOS QUE DEVERÃO SER APRESENTADOS PELO REQUERENTE JUNTAMENTE COM A FICHA PREENCHIDA E ASSINADA. LISTA DE DOCUMENTOS RELAÇÃO DE DOCUMENTOS QUE DEVERÃO SER APRESENTADOS PELO REQUERENTE JUNTAMENTE COM A FICHA PREENCHIDA E ASSINADA. O Responsável Financeiro deverá entregar cópias autenticadas/ simples

Leia mais

( ) Coobrigado*, assinalar grau de parentesco: ( ) Pai, ( ) Mãe, ( ) Cônjuge

( ) Coobrigado*, assinalar grau de parentesco: ( ) Pai, ( ) Mãe, ( ) Cônjuge CONSÓRCIO AUTOMÓVEL FICHA CADASTRAL - PESSOA FÍSICA GRUPO (s) COTA (s) Gentileza informar os dados de todas as cotas que serão utilizadas nesta operação. INFORME QUAL A SUA PARTICIPAÇÃO (Apenas uma opção

Leia mais

ANEXO I DOCUMENTOS DE IDENTIFICAÇÃO DO ESTUDANTE E DOS MEMBROS DE SEU GRUPO FAMILIAR

ANEXO I DOCUMENTOS DE IDENTIFICAÇÃO DO ESTUDANTE E DOS MEMBROS DE SEU GRUPO FAMILIAR ANEXO I DOCUMENTOS DE IDENTIFICAÇÃO DO ESTUDANTE E DOS MEMBROS DE SEU GRUPO FAMILIAR A CPSA deverá solicitar, salvo em caso de dúvida, somente um dos seguintes comprovantes de identificação: 1. Carteira

Leia mais

LISTA DE DOCUMENTOS PROUNI 2014 PORTARIA NORMATIVA Nº2, 06/01/14

LISTA DE DOCUMENTOS PROUNI 2014 PORTARIA NORMATIVA Nº2, 06/01/14 LISTA DE DOCUMENTOS PROUNI 2014 PORTARIA NORMATIVA Nº2, 06/01/14 DOCUMENTOS DE IDENTIFICAÇÃO DO ESTUDANTE E DOS MEMBROS DE SEU GRUPO FAMILIAR O coordenador do ProUni deverá solicitar, salvo em caso de

Leia mais

Relação de Documentos OBRIGATÓRIOS a ser encaminhado pela UTE ao Agente Financeiro UTE CÓDIGO DA PROPOSTA - -

Relação de Documentos OBRIGATÓRIOS a ser encaminhado pela UTE ao Agente Financeiro UTE CÓDIGO DA PROPOSTA - - UTE INFORMAÇÕES PARA CONTATO: NOME: TELEFONE: ( ) EMAIL: AGENTE FINANCEIRO DE ENCAMINHAMENTO DA PROPOSTA: ( ) BANCO DO BRASIL ( ) BANCO DO NORDESTE ( ) CAIXA ECONÔMICA FEDERAL LINHA DE FINANCIAMENTO: (

Leia mais

Relação de documentos exigidos para processo de Bolsa de Estudo FAPCOM 2015

Relação de documentos exigidos para processo de Bolsa de Estudo FAPCOM 2015 Relação de documentos exigidos para processo de Bolsa de Estudo FAPCOM 2015 IMPORTANTE: esta é uma ótima oportunidade para obter uma Bolsa de Estudo na FAPCOM e, para tanto, solicitamos sua atenção para

Leia mais

DOCUMENTOS DE IDENTIFICAÇÃO DO ESTUDANTE E DOS MEMBROS DE SEU GRUPO FAMILIAR

DOCUMENTOS DE IDENTIFICAÇÃO DO ESTUDANTE E DOS MEMBROS DE SEU GRUPO FAMILIAR DOCUMENTAÇÃO APRESENTADA PELO ESTUDANTE Após concluir sua inscrição no SisFIES, o estudante deverá procurar a Comissão Permanente de Supervisão e Acompanhamento (CPSA) em sua instituição de ensino e validar

Leia mais

RO Roteiro Operacional. Prefeitura de Campinas - SP Área responsável: Gerência de Produtos Consignados

RO Roteiro Operacional. Prefeitura de Campinas - SP Área responsável: Gerência de Produtos Consignados RO Roteiro Operacional Pref. Campinas - SP RO.05.145 Versão: 01 Excluso para Uso Interno Prefeitura de Campinas - SP Área responsável: Gerência de Produtos Consignados 1. PÚBLICO ALVO E REGRAS BÁSICAS

Leia mais

Cartilha Entrega de Chaves

Cartilha Entrega de Chaves Cartilha Entrega de Chaves Plano Associativo Você que optou pelo Plano de Financiamento Associativo irá percorrer o seguinte caminho até receber suas chaves: Aquisição do Imóvel com o Banco Pagamento de

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO GABINETE DO MINISTRO PORTARIA NORMATIVA Nº 22, DE 29 DE DEZEMBRO DE 2014

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO GABINETE DO MINISTRO PORTARIA NORMATIVA Nº 22, DE 29 DE DEZEMBRO DE 2014 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO GABINETE DO MINISTRO PORTARIA NORMATIVA Nº 22, DE 29 DE DEZEMBRO DE 2014 Altera dispositivos das Portarias Normativas nº 10, de 30 de abril de 2010, e nº 23, de 10 de novembro de

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO 30/12/2014 11:50:21 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO PORTARIA NORMATIVA Nº 22, DE 29 DE DEZEMBRO DE 2014 Altera dispositivos das Portarias Normativas nº 10, de 30 de abril de 2010, e nº 23, de 10 de novembro de

Leia mais

LISTA DE DOCUMENTOS RELAÇÃO DE DOCUMENTOS QUE DEVERÃO SER APRESENTADOS PELO REQUERENTE JUNTAMENTE COM A FICHA PREENCHIDA E ASSINADA.

LISTA DE DOCUMENTOS RELAÇÃO DE DOCUMENTOS QUE DEVERÃO SER APRESENTADOS PELO REQUERENTE JUNTAMENTE COM A FICHA PREENCHIDA E ASSINADA. LISTA DE DOCUMENTOS RELAÇÃO DE DOCUMENTOS QUE DEVERÃO SER APRESENTADOS PELO REQUERENTE JUNTAMENTE COM A FICHA PREENCHIDA E ASSINADA. O Responsável Financeiro deverá entregar cópias autenticadas/ simples

Leia mais

LISTA DE DOCUMENTOS - PROUNI -

LISTA DE DOCUMENTOS - PROUNI - LISTA DE DOCUMENTOS - PROUNI - Os candidatos pré-selecionados devem entrar em contato com o SAE (Serviço de Assistência ao Estudante) para agendar a entrevista. Telefone: 35-3299-3044 Segue abaixo a relação

Leia mais

Passo a passo Aditamento a contrato de financiamento/empréstimo pessoal cessão de direitos e obrigações.

Passo a passo Aditamento a contrato de financiamento/empréstimo pessoal cessão de direitos e obrigações. Passo a passo Aditamento a contrato de financiamento/empréstimo pessoal cessão de direitos e obrigações. Para dar início ao processo de transferência do contrato primeiramente é necessário preencher a

Leia mais

DOS DOCUMENTOS NECESSÁRIOS AO PROCESSO DE SELEÇÃO E MATRÍCULA

DOS DOCUMENTOS NECESSÁRIOS AO PROCESSO DE SELEÇÃO E MATRÍCULA DOS DOCUMENTOS NECESSÁRIOS AO PROCESSO DE SELEÇÃO E MATRÍCULA A Ficha Socioeconômica deve ser preenchida, sem rasuras, assinada pelo (a) candidato(a) ou pelo(a) pai, mãe e/ou responsável legal e, apresentada

Leia mais

INSTRUÇÕES BÁSICAS. Locatário Pessoa Física:

INSTRUÇÕES BÁSICAS. Locatário Pessoa Física: INSTRUÇÕES BÁSICAS O que é necessário para alugar um imóvel na Bandeirantes Imóveis? Para alugar quaisquer dos imóveis disponíveis na carteira de locação da Bandeirantes Imóveis siga os seguintes passos:

Leia mais

Palavras que você precisa conhecer

Palavras que você precisa conhecer Guia do Comprador NOVOLAR, um nome cada vez mais forte no mercado de construção civil. A NOVOLAR vem consolidando uma reputação de alta qualidade, graças aos seus diferenciais nas execuções das obras e

Leia mais

RELAÇÃO DE DOCUMENTOS PARA COMPROVAÇÃO DE DADOS DO CANDIDATO, DO FIADOR E DOS MEMBROS DO GRUPO FAMILIAR.

RELAÇÃO DE DOCUMENTOS PARA COMPROVAÇÃO DE DADOS DO CANDIDATO, DO FIADOR E DOS MEMBROS DO GRUPO FAMILIAR. RELAÇÃO DE DOCUMENTOS PARA COMPROVAÇÃO DE DADOS DO CANDIDATO, DO FIADOR E DOS MEMBROS DO GRUPO FAMILIAR. Documentos de Identificação: - Carteira de Identidade ou Carteira Nacional de Habilitação, no prazo

Leia mais

Documentos CICAP - ampliação e reformas residenciais e conclusão de unidades comerciais.

Documentos CICAP - ampliação e reformas residenciais e conclusão de unidades comerciais. Documentos CICAP - ampliação e reformas residenciais e conclusão de unidades comerciais. Adicionar os documentos abaixo aos demais documentos do comprador. Certidão de Tributos Estaduais, da UF onde está

Leia mais

GUARDA DE DOCUMENTOS

GUARDA DE DOCUMENTOS GUARDA DE DOCUMENTOS Tabela de Temporalidade de Documentos de Pessoa Física 1. VIDA FINANCEIRA 1.1 PAGAMENTO DE TRIBUTOS 1.1.1 Imposto de 5 anos, contados Renda de Pessoa a partir do Física (IRPF) e exercício

Leia mais

Edital de Credenciamento 003/2012

Edital de Credenciamento 003/2012 1/5 Edital de Credenciamento 003/2012 1 DO OBJETO: 1.1. O presente Termo tem por objetivo o credenciamento de Instituições Financeiras autorizadas a funcionar pelo Banco Central do Brasil, para prestação

Leia mais

Documentação Live TIM Dedicado

Documentação Live TIM Dedicado Documentação Live TIM Dedicado . PROPOSTA APROVADA SISTEMA ANÁLISE LISTA 1. Documentos básicos necessários por tipo de empresa: Sociedades Limitadas Validação Documentação Última Alteração Contratual arquivada

Leia mais

1º EDITAL UNIFICADO PARA EDUCAÇÃO BÁSICA CONCESSÃO DA BOLSA SOCIAL DE ESTUDO PARA O ANO LETIVO DE 2016

1º EDITAL UNIFICADO PARA EDUCAÇÃO BÁSICA CONCESSÃO DA BOLSA SOCIAL DE ESTUDO PARA O ANO LETIVO DE 2016 CHECKLIST Conferência de Documentos Bolsa Social de Estudo (Concessão) Nº DO PROCESSO: DATA: ALUNO: MATRÍCULA: SÉRIE: Quantidade de Membros: ANO: DOCUMENTOS RG e CPF De todos os membros maiores de 18 anos.

Leia mais

Administrar uso do FGTS no consórcio de imóvel

Administrar uso do FGTS no consórcio de imóvel Administrar uso do FGTS no consórcio de imóvel Quais são as possibilidades de uso do FGTS no consórcio? Oferta de lance em consórcio de imóvel residencial O consorciado poderá utilizar até 100% do saldo

Leia mais

Perguntas mais frequentes

Perguntas mais frequentes Perguntas mais frequentes 01. Quando começo a pagar o condomínio? Caso adquira o imóvel durante a construção, o pagamento do condomínio começa após a primeira reunião de instalação do condomínio, que é

Leia mais

PROCEDIMENTO PARA CÁLCULO DE RENDA FAMILIAR BRUTA MENSAL PER CAPITA E DOCUMENTAÇÃO EXIGIDA. Conceitos

PROCEDIMENTO PARA CÁLCULO DE RENDA FAMILIAR BRUTA MENSAL PER CAPITA E DOCUMENTAÇÃO EXIGIDA. Conceitos PROCEDIMENTO PARA CÁLCULO DE RENDA FAMILIAR BRUTA MENSAL PER CAPITA E DOCUMENTAÇÃO EXIGIDA Conceitos De acordo com a Portaria Normativa do Ministério da Educação de n 18, de 11 de outubro de 2012, que

Leia mais

INSCRIÇÃO PARA FIES 2015/1

INSCRIÇÃO PARA FIES 2015/1 INSCRIÇÃO PARA FIES 2015/1 ADMINISTRAÇÃO ENFERMAGEM ENGENHARIA CIVIL A inscrição para adquirir o FIES 2015/1 para os cursos de Administração, Enfermagem e Engenharia Civil será feita exclusivamente pelo

Leia mais

Vagas reservadas - Lei nº 12.711/2012

Vagas reservadas - Lei nº 12.711/2012 Vagas reservadas - Lei nº 12.711/2012 Candidatos autodeclarados pretos, pardos ou indígenas, com renda familiar bruta per capita igual ou inferior a 1,5 salário mínimo e que tenham cursado integralmente

Leia mais

Guia para Comprovação de Investimentos

Guia para Comprovação de Investimentos Guia para Comprovação de Investimentos 1 2 4 5 Introdução Acompanhamento na Fase de Análise ETAPA 1 Comprovação Financeira ETAPA 2 Comprovação Física ETAPA Comprovação Jurídica ETAPA 4 Liberação Penalidades

Leia mais

PROCEDIMENTOS PARA ENCERRAR UMA EMPRESA

PROCEDIMENTOS PARA ENCERRAR UMA EMPRESA PROCEDIMENTOS PARA ENCERRAR UMA EMPRESA Equipe Portal de Contabilidade Para encerrar as atividades de uma empresa, é preciso realizar vários procedimentos legais, contábeis e tributários, além de, é claro,

Leia mais

Orientações para transferência de cota Não Contemplada Bem Móvel e Imóvel

Orientações para transferência de cota Não Contemplada Bem Móvel e Imóvel Orientações para transferência de cota Não Contemplada Bem Móvel e Imóvel Nesse documento você encontra todas as orientações para efetuar a transferência de sua cota de maneira ágil e fácil. Esse processo

Leia mais

O Feirão DA SUA CASA.

O Feirão DA SUA CASA. O Feirão DA SUA CASA. Tudo o que você queria saber sobre o financiamento da CAIXA para comprar, construir ou reformar sua casa. E tudo sobre o Programa Minha Casa Minha Vida para quem ganha até R$ 4.900,00.

Leia mais

Carteira de Identidade e Cadastro de Pessoa Física. devem enviar os seguintes comprovantes de identificação: a cada situação individual

Carteira de Identidade e Cadastro de Pessoa Física. devem enviar os seguintes comprovantes de identificação: a cada situação individual Relação de Documentos xigidos pelo ProUni e Quaisquer Benefícios Filantrópicos da IS DOCUMNTOS D IDNTIFICAÇÃO DO CANDIDATO DOS MMBROS D SU GRUPO FAMILIAR O candidato selecionado e cada membro de seu grupo

Leia mais

FIES Fundo de Financiamento ao Estudante ORIENTAÇÕES E PASSO A PASSO Para solicitar o financiamento, o estudante deverá se inscrever pelo sistema informatizado do FIES no endereço eletrônico: http://sisfiesportal.mec.gov.br

Leia mais

Bolsa Artigo 170. Lista de documentos e declarações. Apresentar obrigatoriamente 2 (dois) comprovantes distintos, dentre os relacionados abaixo:

Bolsa Artigo 170. Lista de documentos e declarações. Apresentar obrigatoriamente 2 (dois) comprovantes distintos, dentre os relacionados abaixo: Bolsa Artigo 170 Lista de documentos e declarações 1- Comprovante de residência atualizado: Apresentar obrigatoriamente 2 (dois) comprovantes distintos, dentre os relacionados abaixo: 1. Água; 2. Luz;

Leia mais

BB Crédito Imobiliário

BB Crédito Imobiliário Dados da Agência acolhedora / condutora da Operação BB Crédito Imobiliário Prefixo-dv Nome da agência Proposta nº Dados para envio de informações da proposta DDD/Telefone Celular Email Dados pessoais do

Leia mais

CHECKLIST DETALHADO PARA AQUISIÇÃO DE IMÓVEL 1. DOCUMENTOS DE ANÁLISE DE CRÉDITO

CHECKLIST DETALHADO PARA AQUISIÇÃO DE IMÓVEL 1. DOCUMENTOS DE ANÁLISE DE CRÉDITO Após a aprovação do crédito e a avaliação do imóvel, retorne à sua Agência com a relação completa dos documentos descritos nos itens abaixo, para a efetivação de seu financiamento. 1. DOCUMENTOS DE ANÁLISE

Leia mais

FICHA CADASTRAL. Empreendimento: Box: Imobiliária: Gerente: Corretor: CÓDIGO: FCO 001.05 ELABORAÇÃO: CLARISSE XAVIER APROVAÇÃO: JULIANO MELNICK

FICHA CADASTRAL. Empreendimento: Box: Imobiliária: Gerente: Corretor: CÓDIGO: FCO 001.05 ELABORAÇÃO: CLARISSE XAVIER APROVAÇÃO: JULIANO MELNICK FICHA CADASTRAL Empreendimento: Torre: Imobiliária: Gerente: Corretor: Unidade: Box: PÁGINA: 01 de 06 PROPONENTE - 1º Comprador (Se pessoa jurídica, dados do representante da empresa) Data de Pagamento:

Leia mais

EDITAL Nº 06/2012 DISPÕE SOBRE O PROCESSO SELETIVO PARA BOLSAS DE ESTUDO NA ESCOLA SUPERIOR DE GESTÃO COMERCIAL E MARKETING ESIC.

EDITAL Nº 06/2012 DISPÕE SOBRE O PROCESSO SELETIVO PARA BOLSAS DE ESTUDO NA ESCOLA SUPERIOR DE GESTÃO COMERCIAL E MARKETING ESIC. EDITAL Nº 06/2012 DISPÕE SOBRE O PROCESSO SELETIVO PARA BOLSAS DE ESTUDO NA ESCOLA SUPERIOR DE GESTÃO COMERCIAL E MARKETING ESIC. A Escola Superior de Gestão Comercial e Marketing ESIC, mantido pela Associação

Leia mais

CHECKLIST DETALHADO PARA AQUISIÇÃO DE LOTE URBANO 1. DOCUMENTOS DISPENSADOS/FLEXIBILIZADOS

CHECKLIST DETALHADO PARA AQUISIÇÃO DE LOTE URBANO 1. DOCUMENTOS DISPENSADOS/FLEXIBILIZADOS Após a aprovação do crédito e a avaliação do imóvel, retorne à sua Agência com a relação completa dos documentos descritos nos itens abaixo, para a efetivação de seu financiamento. 1. DOCUMENTOS DISPENSADOS/FLEXIBILIZADOS

Leia mais

Prezado(a) candidato(a),

Prezado(a) candidato(a), Prezado(a) candidato(a), Por favor, fique atento às informações a seguir, as quais garantirão o bom andamento do seu processo de comprovação de informações para o PROUNI na ULBRA. Dedique alguns minutos

Leia mais

DOCUMENTAÇÃO CANDIDATOS AO PROUNI

DOCUMENTAÇÃO CANDIDATOS AO PROUNI DOCUMENTAÇÃO CANDIDATOS AO PROUNI * Organizar os documentos em blocos de cada membro do grupo familiar. A decisão quanto ao(s) documento(s) a ser(em) apresentado(s) cabe ao coordenador do Prouni, o qual

Leia mais

RO Roteiro Operacional Marinha do Brasil Área responsável: Gerência de Produtos Consignados

RO Roteiro Operacional Marinha do Brasil Área responsável: Gerência de Produtos Consignados MARINHA DO BRASIL RO. 03.03 Versão: 38 Exclusivo para Uso Interno RO Roteiro Operacional Marinha do Brasil Área responsável: Gerência de Produtos Consignados 1. PÚBLICO ALVO E REGRAS BÁSICAS Categorias

Leia mais

DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA BOLSA PROUNI

DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA BOLSA PROUNI DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA BOLSA PROUNI A Ficha Socioeconômica deve ser preenchida, sem rasuras, assinada pelo (a) candidato (a) ou pelo (a) pai, mãe e/ou responsável legal e, apresentada ao Núcleo de Apoio

Leia mais

ACORDO DE COOPERAÇÃO 03/2009 ENTRE O COMAER/ CFIAe & CAIXA (CEF) INSTRUÇÕES AOS BENEFICIÁRIOS DA CFIAe GENERALIDADES A Caixa de Financiamento Imobiliário da Aeronáutica (CFIAe) vem acompanhando as taxas

Leia mais

BB Crédito Imobiliário

BB Crédito Imobiliário Dados da Agência acolhedora / condutora da Operação BB Crédito Imobiliário Prefixo-dv Nome da agência Proposta nº Dados da Operação Produto Finalidade Tipo de imóvel pretendido Aquisição de imóvel Moradia

Leia mais

CHECKLIST DETALHADO PARA AQUISIÇÃO DE IMÓVEL

CHECKLIST DETALHADO PARA AQUISIÇÃO DE IMÓVEL Após a aprovação do crédito e a avaliação do imóvel, retorne à sua Agência com a relação completa dos documentos descritos nos itens abaixo, para a efetivação de seu financiamento. 1. DOCUMENTOS DISPENSADOS/FLEXIBILIZADOS

Leia mais

Relação de documentos para o consorciado contemplado em consórcio de imóveis (Pessoa Física com utilização do FGTS)

Relação de documentos para o consorciado contemplado em consórcio de imóveis (Pessoa Física com utilização do FGTS) Relação de documentos para o consorciado contemplado em consórcio de imóveis (Pessoa Física com utilização do FGTS) Para dar continuidade ao seu processo de aquisição de imóvel pelo Consórcio Itaú, é importante

Leia mais

Cartilha. Ourocap Fiador

Cartilha. Ourocap Fiador Faz diferença ter Ourocap Fiador na hora de alugar um imóvel. Cartilha Ourocap Fiador O Ourocap Fiador* é o título de capitalização que funciona como uma garantia de aluguel, facilitando sua vida na hora

Leia mais

SOLICITAÇÃO DE BOLSA DE ESTUDO

SOLICITAÇÃO DE BOLSA DE ESTUDO FICHA PARA SOLICITAÇÃO DE BOLSA DE ESTUDO 2016 Informações Pessoais do Candidato Nome do Candidato: Data de Nasc: Naturalidade: CPF: RG: Período: Grupo/Ano: Frequenta outro curso? Descreva Qual: Valor

Leia mais

EMPRESA MUNICIPAL DE OBRAS E URBANIZAÇÃO

EMPRESA MUNICIPAL DE OBRAS E URBANIZAÇÃO 1 FUNDAMENTAÇÃO Este Manual contem regras para Cadastramento com fins de Licitação, nos termos da Lei 8.666/93 e alterações posteriores. e está disponível no site www.aracaju.se.gov.br/emurb. REGRAS PARA

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS (UFMG) COMISSÃO PERMANENTE DO VESTIBULAR (Copeve)

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS (UFMG) COMISSÃO PERMANENTE DO VESTIBULAR (Copeve) UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS (UFMG) COMISSÃO PERMANENTE DO VESTIBULAR (Copeve) EDITAL DO PROGRAMA DE ISENÇÃO DA TAXA DE INSCRIÇÃO AO VESTIBULAR (PITV) 2009 UFMG A Universidade Federal de Minas

Leia mais

ProUni Vagas Remanescentes CURSO PERÍODO VAGAS

ProUni Vagas Remanescentes CURSO PERÍODO VAGAS ProUni Vagas Remanescentes CURSO PERÍODO VAGAS Publicidade e Propaganda Noturno 1 Publicidade e Propaganda Matutino 1 Fotografia Noturno 2 O aluno que manifestar interesse deverá atender aos Pré-Requisitos

Leia mais

DOCUMENTAÇÃO QUE DEVE SER ENTREGUE NA FASE DE COMPROVAÇÃO: ProUni

DOCUMENTAÇÃO QUE DEVE SER ENTREGUE NA FASE DE COMPROVAÇÃO: ProUni DOCUMENTAÇÃO QUE DEVE SER ENTREGUE NA FASE DE COMPROVAÇÃO: ProUni Comparecer no Setor de Apoio ao Aluno (SAA) da unidade em que foi préselecionado na data e horário agendado, com todas as cópias e originais

Leia mais

DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA PARA FORMALIZAR PROCESSOS

DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA PARA FORMALIZAR PROCESSOS DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA PARA FORMALIZAR PROCESSOS 01) ALTERAÇÃO DE DADOS NO CADASTRO IMOBILIÁRIO FISCAL ; - Registro do imóvel (emissão com menos de 1 ano); - CPF e identidade do titular ou dos sócios

Leia mais

Serviços Relacionados à Pessoa Jurídica

Serviços Relacionados à Pessoa Jurídica Serviços Relacionados à Pessoa Jurídica Atenção: Documentos apresentados em fotocópia devem ser autenticados em Cartório ou acompanhados dos originais para receberem autenticação do CREA. Documentos obrigatórios

Leia mais

ORIENTAÇÕES PARA INSCRIÇÃO NO PROGRAMA BOLSA PERMANÊNCIA

ORIENTAÇÕES PARA INSCRIÇÃO NO PROGRAMA BOLSA PERMANÊNCIA ORIENTAÇÕES PARA INSCRIÇÃO NO PROGRAMA BOLSA PERMANÊNCIA Após realizar o pré-cadastro no Sistema PBP, (permanencia.gov.mec.br) o estudante deve fazer o seguinte: 1. Imprimir, assinar o Termo de Compromisso,

Leia mais

Regulamento. Setor de Processos

Regulamento. Setor de Processos Regulamento Setor de Processos Sumá rio 1. OBJETIVO... 2 2. SOLICITAÇÃO... 2 2.1 DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA... 2 3. CRITÉRIOS PARA CONCESSÃO DO UNIMAIS... 4 4. LIMITE DE VAGAS... 4 5. COMUNICAÇÃO DO RESULTADO...

Leia mais

ORIENTAÇÕES PARA TRANSFERÊNCIA DE COTA CONSÓRCIO IMOBILIÁRIO

ORIENTAÇÕES PARA TRANSFERÊNCIA DE COTA CONSÓRCIO IMOBILIÁRIO TRANSFERÊNCIA DE COTA 0 ORIENTAÇÕES PARA TRANSFERÊNCIA DE COTA CONSÓRCIO IMOBILIÁRIO TRANSFERÊNCIA DE COTA 1 Sumário 1. PRINCIPAIS ORIENTAÇÕES... 2 2. PASSO A PASSO PARA SOLICITAR A TRANSFERÊNCIA DA COTA...

Leia mais

Questionário socioeconômico para isenção do vestibular 2009/1

Questionário socioeconômico para isenção do vestibular 2009/1 Questionário socioeconômico para isenção do vestibular 2009/1 I-Identificação Nome completo: Data de nascimento: / / Curso pretendido: Sexo: ( )Feminino ( )Masculino Estado Civil: ( ) solteiro(a) ( ) casado(a)

Leia mais

[CONFIDENCIAL] Manual para Formalização Consignado INSS. Outubro/14

[CONFIDENCIAL] Manual para Formalização Consignado INSS. Outubro/14 1 [CONFIDENCIAL] Manual para Formalização Consignado INSS Outubro/14 Sumário 1. Ficha Cadastral... 3 2. CCB Cédula de Crédito Bancário... 3 3. Identificação Civil (RG)... 4 4. Identificação Financeira

Leia mais

CÓDIGO SITE: CORRETOR:

CÓDIGO SITE: CORRETOR: 1 PROPOSTA DE LOCAÇÃO CÓDIGO SITE: CORRETOR: Dados do Interessado: Nome: RG: CPF: Endereço: Fone: Endereço do Imóvel a ser Locado: Autorizo(amos) a empresa TECAD TÉCNICA EM ADMINISTRAÇÃO LTDA, a propor

Leia mais

AVISO DE CHAMADA PÚBLICA DE APOIO INSTITUCIONAL Nº 01/2015 DO OBJETO

AVISO DE CHAMADA PÚBLICA DE APOIO INSTITUCIONAL Nº 01/2015 DO OBJETO AVISO DE CHAMADA PÚBLICA DE APOIO INSTITUCIONAL Nº 01/2015 DO OBJETO Esta Chamada Pública de Apoio Institucional visa à seleção de projetos a serem apoiados pelo CAU/BR na modalidade de Apoio à Assistência

Leia mais

DÚVIDAS FREQUENTES CONSÓRCIO DE IMÓVEIS GAZIN

DÚVIDAS FREQUENTES CONSÓRCIO DE IMÓVEIS GAZIN DÚVIDAS CONSÓRCIO DE IMÓVEIS 1. Posso adquirir mais de uma carta de crédito no consorcio de Imóveis? Sim, o consórcio lhe dá a possibilidade de adquirir mais de uma carta de crédito, mediante análise prévia,

Leia mais

COOPERATIVA DE ECONOMIA E CRÉDITO MUTUO

COOPERATIVA DE ECONOMIA E CRÉDITO MUTUO COOPERATIVA DE ECONOMIA E CRÉDITO MUTUO UO DOS FUNCIONARIOS DO SISTEMA FIERGS- CRESUL Travessa Francisco de Leonardo Truda, 40 sala 143 14 andar Porto Alegre-RS CEP 90010-050 Fone (0**51) 3224-3280 Fax:

Leia mais

Roteiro Operacional Última atualização 06/02/2015

Roteiro Operacional Última atualização 06/02/2015 Roteiro Operacional Última atualização 06/02/2015 1. Público alvo 1.1 Atendidos - Aposentados e pensionistas do INSS -Códigos Benefícios- 1.2 Não atendidos -Códigos Benefícios- RESUMO DE CÓDIGOS NÃO CONSIGNÁVEIS

Leia mais

ATENÇÃO: CONSORCIADO(A)(S) / COMPRADOR(A)(ES) - Pessoa Física

ATENÇÃO: CONSORCIADO(A)(S) / COMPRADOR(A)(ES) - Pessoa Física ATENÇÃO: As certidões solicitadas possuem prazo de validade, verifique detalhes na página 7. RELAÇÃO DE DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA O ENCAMINHAMENTO DA ESCRITURA PÚBLICA DE VENDA E COMPRA, CONFISSÃO DE

Leia mais