SUPLEMENTANDO SEU BEBÊ

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "SUPLEMENTANDO SEU BEBÊ"

Transcrição

1 SUPLEMENTANDO SEU BEBÊ E - B O O K P O R D R A. T H A I S A A L B A N E S I GUIA ESSENCIAL PARA BEBÊS SAUDÁVEIS

2 Sabemos hoje do impacto e da importância que uma alimentação equilibrada possui no desenvolvimento dos bebês para que atinjam todas as suas potencialidades e assim evitemos as principais doenças que os acometem(...)

3 I N T R O D U Ç Ã O (...) Porém, nas últimas décadas o ambiente sofreu profundas transformações e a exposição às mais diversas toxinas tornou-se algo altamente impactante a nós e ao nosso solo. A quantidade de radiação, poluição por metais pesados e outros agentes tóxicos, poluição eletromagnética, agrotóxicos e pesticidas, dentre outros, é tão elevada que o solo brasileiro, sempre muito rico, tornou-se um dos solos mais pobres. Um grande estudo realizado por Harvard apresentou em 1953 o Brasil liderando a terceira posição do ranking de fertilidade de nutrientes no solo em comparação a 128 países estudados. Em 2009, este estudo constatou que a nossa exposição a agentes tóxicos foi tão elevada, em decorrência das más condutas de manejo do solo, que passamos para o terceiro solo mais pobre dos 128 países. Isto é alarmante pois sabemos que apenas a alimentação não é mais o suficiente para nutrir por completo nossas crianças, e por esta razão e sabendo da importância de cada micronutriente em nosso organismo, hoje temos que dispor de suplementos para complementar uma nutrição ideal. Neste Guia especial, selecionei as substancias que os bebês têm maior tendência em ter deficiência quando nutridos apenas pelos alimentos. Existem condições especiais que requerem avaliação e prescrição individualizada por um profissional de saúde atuante e entendido sobre o assunto, mas para as demais condições, este guia irá ajudá-lo muito. Lembre-se que nenhuma dessas informações tem o objetivo de suprimir a avaliação e conduta médica. SUPLEMENTAÇÃO SUPLEMENTAÇÃO SUPLEMENTAÇÃO Steam 18

4 PROBIÓTICOS São as bactérias benéficas que temos em nosso intestino, os lactobacillus, e que são responsáveis por toda a defesa do corpo e sistema imunológico. Temos mais bactérias no intestino do que no corpo todo, tamanha a sua importância para manter um organismo saudável. Toda doença começa no intestino (Hipócrates). Bebês amamentados com leite materno recebem todos esses lactobacillus pelo leite da mãe, porém para todos os demais que não o receberam ou a partir do momento em que não houver mais a amamentação, ou para bebês com constipação intestinal ou cólicas, a suplementação com lactobacillus é fundamental. Existem diversas cepas de lactobacillus essenciais para o desenvolvimento do bebê, e quando falamos em suplementar, é importante que sejam administrados lactobacillus reuteri, lactobacillus rhamosus, lactobacillus infantis, l. lactis, lactobacillus acidophilus e bifidobacterium longum. Estes suplementos podem ser adquiridos em farmácias comuns ou em farmácias de manipulação, e importante é que quanto maior a quantidade de cepas total (em bilhões de UFC - unidades formadoras de colonias), melhor é. A administração é via oral e nunca deve coincidir com as refeições principais, mas sim no máximo em conjunto com uma fruta ou antes das mamadas. PROBIÓTICOS

5 KEFIR KEFIR DE LEITE OU DE ÁGUA Trata-se de uma excelente fonte de probióticos para introduzir ao bebê a partir do momento em que o aleitamento materno não for mais exclusivo. Dos 6 meses ao 1 ano, 1 colher de chá ao dia, e a partir de 1 ano de idade, 1 colher de sopa ao dia, puro ou misturado com algum leite vegetal ou frutas. Bebês que recebem regularmente kefir não necessitam suplementar com probióticos, pois essas culturas podem conter mais de 37 cepas diferentes de lactobacillus. Há uma tradição que não permite a venda e comercialização de kefir, portanto ele deve ser doado de alguém que os cultive em casa. Existem diversos grupos na internet de doação de kefir, mas atente-se sempre pela sua origem e cuidados de higiene, e na dúvida, não o utilize.

6 AGNÉSIO MAGNÉSIO É o mineral mais abundante e responsável por mais de 900 reações químicas em nosso organismo. O magnésio possui funções muito importantes nos dois primeiros anos de vida, pois além de todo o desenvolvimento, absorção e digestão de nutrientes, como o cálcio, eliminação de metais pesados do organismo, ele está relacionado com crises de asma em bebês e controle da temperatura corporal. Crianças que sofrem de crises asmáticas ou estão com picos de febre beneficiam-se muito com o uso, na região peitoral, de gel de magnésio transdérmico. Altamente eficaz e que controla essas manifestações em seu bebê atuando na origem e sem necessidade de medicação. Bebês saudáveis, amamentados exclusivamente com leite materno até os 6 meses, e com uma boa introdução alimentar, não necessitam, pelo menos até os 12 meses, repor este nutriente. Alimentos fontes de magnésio incluem: Água de coco natural (é a maior e melhor fonte deste mineral), brócolis, abóbora, folhas verdes escuras, sementes (abóbora e girassol). Porém, a partir desta idade, devido à grande deficiência do solo brasileiro neste mineral, é aconselhável repô-lo. A dose dos 12 meses aos 2 anos é de mg dia, na forma de cloreto de magnésio, facilmente encontrado em farmácias.

7 VITAMINA D3 VITAMINA D3 Hormônio essencial ao desenvolvimento de todos os tecidos do bebê e a sua deficiência compromete o seu crescimento ósseo e do tecido cerebral. A partir do sexto mês não há a necessidade de suplementação adicional caso haja a alimentação complementar do bebê por leite materno até os 12 meses, mas condicionando-se ao fato de que a mãe deve possuir níveis ótimos de vitamina D no sangue e também à necessidade de banho de sol 15 minutos ao dia sem protetor solar. Porém, nem sempre essas condições são possíveis, principalmente porque cada região do país tem uma incidência de luz solar e isto ainda é variável ao longo das estações. Por esta razão, recomenda-se iniciar a suplementação a partir do nascimento, e a dose recomendada até 1 ano é de 400UI ao dia. Para bebês que apresentem alguma condição autoimune, ou bebês prematuros, de baixo peso ao nascer, ou com sistema imunológico mais enfraquecido, a suplementação é essencial e estas doses podem ser dobradas ou até triplicadas. A deficiência de vitamina D é tão danosa para o corpo humano que está inclusive associada com o aumento da incidência de câncer. Dos 12 meses aos 2 anos, a dose ideal profilática é de 600UI ao dia, optando por administrar durante as refeições. A vitamina D é encontrada facilmente em farmácias e muitas já vêm em formulações específicas para bebês. Para um ajuste mais adequado das necessidades, inclusive em condições para tratamentos de doenças já instaladas, é aconselhável realizar a dosagem sanguínea da forma ativa da Vitamina D: 25-hidroxi D3. 3

8 FERRO FERRO A deficiência deste mineral é problema de saúde pública no Brasil e por esta razão a sua suplementação em algum momento, do nascimento aos 2 anos de idade, pode ser necessária ao seu bebê. Segundo dados do Governo Brasileiro, 50% da população infantil apresenta deficiência de ferro (alguns estudos mais atuais apontam para 65% dos bebês com deficiência). Bebês pequenos ao nascer ou prematuros ou com quadros de anemia, devem imperativamente iniciar esta reposição a partir de 1o mês de vida. A melhor forma de administração é o Sulfato ferroso, em gotas, e preferencialmente deve ser administrado com vitamina C para a sua melhor absorção. É por esta razão que se recomenda que a partir da introdução alimentar do bebê inclua-se algumas gotas de limão em suas papinhas, auxiliando a melhor absorção deste mineral. A partir da introdução alimentar (ou antes para bebês que não recebem leite materno), a dose recomendada de ferro é de 1mg por kg de peso por dia até os 2 anos de idade. ÔMEGA omega-3 - essencial para o desenvolvimento cerebral do bebê e irá impactar em seu processo de aprendizagem em idade escolar. É por esta razão que alimentos fontes de gorduras boas, como os azeites, óleos vegetais como de coco, de abacate, macadâmia, frutas como o abacate, proteínas como a gema de ovo, são alimentos recomendados ao seu bebê por fornecerem omega-3. A mãe deve estar tomando também um suplemento de omega-3 durante toda a amamentação, pois por meio do leite materno isto chegará ao seu bebê. A partir dos 6 meses de idade, quando a amamentação não é mais exclusiva, pode-se iniciar a complementação de omega-3. Na forma de líquido, encontrado em farmácias, lojas de suplementos ou manipulado, deve-se administrar diariamente 1 colher de chá. A partir dos 12 meses, 1 colher de sopa a dia (aproximadamente 300mg de omega-3). E a partir de 15 meses até os 2 anos, a dose deve ser de 500mg ao dia. Sempre deve ser administrado durante as refeições principais para a sua melhor absorção. OBS: Até os 9 meses de idade, apenas há necessidade de introduzir o omega-3 caso o bebê tenha baixo peso ou dificuldade na introdução alimentar ou caso não esteja mais recebendo o leite materno complementar à sua alimentação, que deveria perdurar até os 2 anos.

9 ÓLEO DE FIGADO DE BACALHAU ÓLEO DE FÍGADO DE Caso não queira dar diretamente ômega-3 ou não o encontre, você pode usar o óleo de fígado de bacalhau emulsificado na dose de 0,5ml para os bebês de 6 meses a 1 ano e 1ml entre 1 a 2 anos, seguindo os mesmos horários de administração do omega-3. OMPLEXO B COMPLEXO B Essencial para o desenvolvimento cerebral do bebê e irá impactar em seu processo de aprendizagem em idade escolar. É por esta razão que alimentos fontes de gorduras boas, como os azeites, óleos vegetais como de coco, de abacate, macadâmia, frutas como o abacate, proteínas como a gema de ovo, são alimentos recomendados ao seu bebê por fornecerem omega-3. A mãe deve estar tomando também um suplemento de omega-3 durante toda a amamentação, pois por meio do leite materno isto chegará ao seu bebê. A partir dos 6 meses de idade, quando a amamentação não é mais exclusiva, pode-se iniciar a complementação de omega-3. Na forma de líquido, encontrado em farmácias, lojas de suplementos ou manipulado, deve-se administrar diariamente 1 colher de chá. A partir dos 12 meses, 1 colher de sopa a dia (aproximadamente 300mg de omega-3). E a partir de 15 meses até os 2 anos, a dose deve ser de 500mg ao dia. Sempre deve ser administrado durante as refeições principais para a sua melhor absorção. OBS: Até os 9 meses de idade, apenas há necessidade de introduzir o omega- 3 caso o bebê tenha baixo peso ou dificuldade na introdução alimentar ou caso não esteja mais recebendo o leite materno complementar à sua alimentação, que deveria perdurar até os 2 anos.

10 A PARTIR DE 12 MESES: Algas como spirulina e clorella podem ser administradas em tabletes, 1 por dia, antes das refeições ou logo ao acordar pela manhã. Elas potencializam a absorção de nutrientes, auxiliam no funcionamento do fígado, na limpeza do organismo e na eliminação de toxinas. Isto é particularmente importante pois até os 3 anos de idade o fígado dos bebês não está com sua plena capacidade de funcionamento. GLUTAMINA: Este aminoácido é de extrema importância para o desenvolvimento muscular e crescimento dos bebês. A sua reposição não é necessária em condições normais de uma boa alimentação, porém para bebês que não foram introduzidos corretamente a uma boa nutrição ou que por alguma razão não conseguem ingerir alimentos de forma equilibrada, incluir a partir da introdução alimentar a glutamina diluída em água, na dose de 500mg até os 2 anos. Esta suplementação trará muitos benefícios ao seu desenvolvimento.

11 drathaisaalbanesi dra.thaisa

Nutrição Aplicada à Educação Física. Cálculo da Dieta e Recomendações dietéticas. Ismael F. Freitas Júnior Malena Ricci

Nutrição Aplicada à Educação Física. Cálculo da Dieta e Recomendações dietéticas. Ismael F. Freitas Júnior Malena Ricci Nutrição Aplicada à Educação Física Cálculo da Dieta e Recomendações dietéticas Ismael F. Freitas Júnior Malena Ricci ARROZ 100 gramas CÁLCULO DE DIETA CH 25,1 PT 2,0 Lip 1,2 Consumo 300 gramas 100 gr

Leia mais

TOP 10 RAZÕES PARA BEBER GEL DE ALOE VERA

TOP 10 RAZÕES PARA BEBER GEL DE ALOE VERA TOP 10 RAZÕES PARA BEBER GEL DE ALOE VERA Gel de Aloe Vera Imagine cortar uma folha de babosa e consumir o gel diretamente da planta. Um produto certificado pela Forever Living, o Aloe Vera Gel está tão

Leia mais

ALIMENTAÇÃO Cl ara S k er S ampa o

ALIMENTAÇÃO Cl ara S k er S ampa o ALIMENTAÇÃO Clara Saker Sampaio CONCEITOS Substituto de leite materno: qualquer alimento comercializado ou de alguma forma apresentado como um substituto parcial ou total do leite materno e/ou humano,

Leia mais

Ovos Além de poucas calorias, os ovos contêm mais de 12 vitaminas e minerais e ainda uma quantidade nada desprezível de proteínas, substância

Ovos Além de poucas calorias, os ovos contêm mais de 12 vitaminas e minerais e ainda uma quantidade nada desprezível de proteínas, substância Ovos Além de poucas calorias, os ovos contêm mais de 12 vitaminas e minerais e ainda uma quantidade nada desprezível de proteínas, substância essencial para a intensa produção de células que acontece no

Leia mais

Óleos Vegetais e seus benefícios

Óleos Vegetais e seus benefícios Óleos Vegetais e seus benefícios Izabela Alves Gomes Nutricionista UERJ Mestranda em Alimentos e Nutrição - UNIRIO 1 Definição São os produtos constituídos principalmente de glicerídeos de ácidos graxos

Leia mais

Catálogo Virtual CHROMIUM PICOLINATO. Televendas: (21) Site:

Catálogo Virtual CHROMIUM PICOLINATO. Televendas: (21) Site: CHROMIUM PICOLINATO Maça e Banana Ref.: KA341 COLLAGEN HIDROLYSATE COLLAGEN HIDROLYSATE Sabores: Uva Laranja com Acerola. Maça e Banana Ref.: KA341 EVOLUTION WHEY NO2 COLLAGEN Whey Protein é derivado do

Leia mais

A introdução da alimentação infantil

A introdução da alimentação infantil A introdução da alimentação infantil Turma do Giz de Cera O leite materno deve alimentar exclusivamente a criança até o 6 mês de vida, depois disso as necessidades nutricionais são outras e devemos introduzir

Leia mais

As funções das proteínas no organismo :

As funções das proteínas no organismo : PROTEINAS As funções das proteínas no organismo : As principais funções das proteínas - Construção de novos tecidos do corpo humano. - Atuam no transporte de substâncias como, por exemplo, o oxigênio.

Leia mais

OMELETE DE CLARAS. Uma opção proteica metabolizada para seu póstreino. Informações Técnicas. SINÔNIMOS: Albumina

OMELETE DE CLARAS. Uma opção proteica metabolizada para seu póstreino. Informações Técnicas. SINÔNIMOS: Albumina Informações Técnicas OMELETE DE CLARAS Uma opção proteica metabolizada para seu póstreino SINÔNIMOS: Albumina O omelete trata-se de uma opção proteica com 22g de proteína na porção. Uma excelente alternativa

Leia mais

NUTRIENTES. Profª Marília Varela Aula 2

NUTRIENTES. Profª Marília Varela Aula 2 NUTRIENTES Profª Marília Varela Aula 2 NUTRIENTES NUTRIENTES SÃO SUBSTÂNCIAS QUE ESTÃO INSERIDAS NOS ALIMENTOS E POSSUEM FUNÇÕES VARIADAS NO ORGANISMO. PODEM SER ENCONTRADOS EM DIFERENTES ALIMENTOS, POR

Leia mais

NUTRIÇÃO. Problemas nutricionais associados à pobreza: Desnutrição /Hipovitaminose / Bócio

NUTRIÇÃO. Problemas nutricionais associados à pobreza: Desnutrição /Hipovitaminose / Bócio NUTRIÇÃO NUTRIÇÃO Problemas nutricionais associados à pobreza: Desnutrição /Hipovitaminose / Bócio Problemas nutricionais associados à hábitos alimentares inadequados: Dislipdemias / Anemia / Obesidade

Leia mais

NIDINA EXPERT CONFORT

NIDINA EXPERT CONFORT NIDINA EXPERT CONFORT NIDINA EXPERT CONFORT é uma fórmula especialmente indicada para o tratamento dietético da cólica infantil e de sintomas de desconforto intestinal associados, que deve ser utilizada

Leia mais

NERVITON MEGA Ômega Vitaminas + 8 Minerais

NERVITON MEGA Ômega Vitaminas + 8 Minerais M.S. 6.6969.0023.001-6 NERVITON MEGA Ômega 3 + 13 Vitaminas + 8 Minerais NERVITON MEGA é um produto inovador no Brasil, pois possui em sua fórmula o óleo de peixe ( ÔMEGA 3 ) e diversas vitaminas e minerais

Leia mais

Soluções Naturais e Complementares na terapêutica do Sistema Digestivo

Soluções Naturais e Complementares na terapêutica do Sistema Digestivo Soluções Naturais e Complementares na terapêutica do Sistema Digestivo Somos o que comemos Alterações a nível de temperamento, níveis de energia, capacidade de raciocínio, impulso sexual e hábitos de sono

Leia mais

Todos os Direitos Reservados. Página 1

Todos os Direitos Reservados.  Página 1 http://treinoparamulheres.com.br Página 1 Conteúdo Introdução... 4 Melhores Fontes de Proteína... 5 1º Ovo de Galinha... 5 2º Peixes ( Tilápia, Atum, Salmão)... 6 3º Peito de Frango... 8 4º Leite e seus

Leia mais

SOPA PROTEICA DE ERVILHAS

SOPA PROTEICA DE ERVILHAS Informações Técnicas SOPA PROTEICA DE ERVILHAS Uma opção proteica metabolizada para seu póstreino SINÔNIMOS: Proteína de ervilha A sopa de ervilha trata-se de uma opção proteica com 22g de proteína na

Leia mais

Mantenha uma aparência jovem ingerindo alimentos que previnem as rugas

Mantenha uma aparência jovem ingerindo alimentos que previnem as rugas Mantenha uma aparência jovem ingerindo alimentos que previnem as rugas Mantenha uma aparência jovem ingerindo alimentos que previnem as rugas Eles contêm substâncias importantes para manter sua pele mais

Leia mais

Sinais da. Boa Nutrição. Alice Silveira Granado. CRN 3 : 17638 Nutricionista

Sinais da. Boa Nutrição. Alice Silveira Granado. CRN 3 : 17638 Nutricionista ç Sinais da ç Boa Nutrição Alice Silveira Granado CRN 3 : 17638 Nutricionista Crescimento Adequado Funcionamento Regular do Intestino Dentes Fortes e Saudáveis Bom Apetite Boa Imunidade Peso Adequado Pele

Leia mais

GAMA 1xDIA. Maio 2016

GAMA 1xDIA. Maio 2016 GAMA 1xDIA Maio 2016 GAMA 1xDIA MULTI Fórmula tudo-em-um. Contém nutrientes que contribuem para a redução do cansaço e da fadiga. Contém 40 nutrientes essenciais. Sem glúten. Adequado para vegetarianos.

Leia mais

A salada verde deveria fazer parte das refeições de todas as pessoas, pois as folhas,

A salada verde deveria fazer parte das refeições de todas as pessoas, pois as folhas, Alface, rúcula, agrião e acelga são aliados da dieta e ricos em nutrientes Essas folhas devem fazer parte da alimentação de todas as pessoas e fornecem vitaminas, minerais e outros componentes importantes

Leia mais

Nota Introdutória. É anónimo e garante-se confidencialidade dos dados.

Nota Introdutória. É anónimo e garante-se confidencialidade dos dados. Nota Introdutória Daniela Filipa Soares Dores, a frequentar o 4º ano de Licenciatura em Enfermagem da Faculdade de Ciências da Saúde da Universidade Fernando Pessoa, encontra-se a elaborar um Trabalho

Leia mais

O que são nutrientes?

O que são nutrientes? Os nutrientes O que são nutrientes? São substâncias utilizadas pelo metabolismo do organismo essenciais ao seu funcionamento; Os alimentos contêm nutrientes que o organismo não consegue sintetizar, assim

Leia mais

Descobre tudo sobre um...

Descobre tudo sobre um... Escola Básica 1,2,3/JI de Angra do Heroísmo Dia Mundial da Alimentação 16 de Outubro de 2010 Descobre tudo sobre um... PEQUENO-ALMOÇO PORQUÊ? Porque, após uma noite de sono, em que estivemos várias horas

Leia mais

Top 5 Sucos Para o Final de Ano

Top 5 Sucos Para o Final de Ano Top 5 Sucos Para o Final de Ano + Bônus: Receita Detox Para o Final de Ano A equipe Sucos Nutritivos preparou para você um guia de sucos para o final de ano. Como nessa época de festas e férias acabamos

Leia mais

BENEFÍCIOS DO KEFIR DE LEITE

BENEFÍCIOS DO KEFIR DE LEITE BENEFÍCIOS DO KEFIR DE LEITE Ele é rico em nutrientes e probióticos, é extremamente benéfico para a digestão e saúde do intestino, e muitas pessoas consideram ser uma versão mais poderosa do iogurte: 1.

Leia mais

Ração humana ajuda na perda de peso e melhora o trânsito intestinal Ela também ajuda a controlar os níveis de colesterol e triglicérides do sangue

Ração humana ajuda na perda de peso e melhora o trânsito intestinal Ela também ajuda a controlar os níveis de colesterol e triglicérides do sangue Ração humana ajuda na perda de peso e melhora o trânsito intestinal Ela também ajuda a controlar os níveis de colesterol e triglicérides do sangue Matéria publicada em 06 de Maio de 2015 A ração humana

Leia mais

Alimentação na Infância e Adolescência

Alimentação na Infância e Adolescência Alimentação na Infância e Adolescência Nutricionista Ana Helena Spolador Ribeiro Graduada pelo Centro Universitário São Camilo Pós-graduada em Obesidade e Emagrecimento pela Universidade Gama Filho Nutricionista

Leia mais

Semana do Combate ao Colesterol 05 a 10 de abril

Semana do Combate ao Colesterol 05 a 10 de abril Semana do Combate ao Colesterol 05 a 10 de abril Vida saldável Plasc Folder semana do colesterol alt.indd 1 18/3/2010 09:29:20 Dicas para uma vida saudável ou como manter seu Colesterol no nível ideal.

Leia mais

A Bioquímica Da Célula. Alternar entre páginas 0/1 Página Anterior Próxima página

A Bioquímica Da Célula. Alternar entre páginas 0/1 Página Anterior Próxima página A Bioquímica Da Célula Alternar entre páginas 0/1 Página Anterior Próxima página A importância da água em nossa vida A água é indispensável para o nosso planeta. Foi através dela que surgiram as primeiras

Leia mais

INFORME SOBRE O RESULTADO DA PESQUISA SOBRE CONDUTAS DE SUPLEMENTAÇÃO PROFILÁTICA PARA PREVENÇÃO DA ANEMIA EM CRIANÇAS DE 6 A 24 MESES.

INFORME SOBRE O RESULTADO DA PESQUISA SOBRE CONDUTAS DE SUPLEMENTAÇÃO PROFILÁTICA PARA PREVENÇÃO DA ANEMIA EM CRIANÇAS DE 6 A 24 MESES. INFORME SOBRE O RESULTADO DA PESQUISA SOBRE CONDUTAS DE SUPLEMENTAÇÃO PROFILÁTICA PARA PREVENÇÃO DA ANEMIA EM CRIANÇAS DE 6 A 24 MESES. Entre 28 de junho de 2016 e 20 de julho de 2016, foi realizada pesquisa

Leia mais

O papel da suplementação na Pecuária Leiteira

O papel da suplementação na Pecuária Leiteira O papel da suplementação na Pecuária Leiteira Nutrição e Suplementação... São a mesma coisa? Nutrição / Desnutrição Nutrição / Desnutrição Nutrição / Desnutrição Nutrição É o processo biológico pelo qual

Leia mais

Receitas Para Suplementa

Receitas Para Suplementa Receitas Para Suplementa Os melhores suplementos para ganhar massa não são exóticos, novos ou caros. Eles já existem há anos para quem quer ganhar massa, e são vendidos como milagrosos, únicos, cada um

Leia mais

Projeto Rede de Bufetes Escolares Saudáveis

Projeto Rede de Bufetes Escolares Saudáveis Projeto Rede de Bufetes Escolares Saudáveis Completa as palavras com as letras que faltam, sabendo que correspondem a nomes de diferentes hortícolas: O T C U - L R C E N R A E I N A F C B Ó U O P M N Ã

Leia mais

Lei8080,19set.1990-Art.3º(BRASIL,1990) A saúde tem como fatores determinantes e condicionantes,

Lei8080,19set.1990-Art.3º(BRASIL,1990) A saúde tem como fatores determinantes e condicionantes, Superintendência de Políticas de Atenção Integral a Saúde Gerência de Vigilância Epidemiológica Coordenação de Doenças Não-Transmissíveis Área de Alimentação e Nutrição HÁBITOS SAUDÁVEIS Marília A. Rezio

Leia mais

AULA: 5 - Assíncrona TEMA: Cultura- A pluralidade na expressão humana.

AULA: 5 - Assíncrona TEMA: Cultura- A pluralidade na expressão humana. : 5 - Assíncrona TEMA: Cultura- A pluralidade na expressão humana. Conteúdo: Doenças relacionadas ao sedentarismo Diabetes. Doenças relacionadas ao sedentarismo Hipertensão arterial e dislipidemias. Habilidades:

Leia mais

Receitas Para Dieta Dietas são regimes alimentares feitos com o intuito de perder, manter ou até mesmo ganhar peso. Normalmente dietas são usadas em

Receitas Para Dieta Dietas são regimes alimentares feitos com o intuito de perder, manter ou até mesmo ganhar peso. Normalmente dietas são usadas em Receitas Para Dieta Dietas são regimes alimentares feitos com o intuito de perder, manter ou até mesmo ganhar peso. Normalmente dietas são usadas em conjunto com a prática de exercícios físicos para se

Leia mais

ENERGÉTICOS - VITAMINAS. Suplementos Alimentares

ENERGÉTICOS - VITAMINAS. Suplementos Alimentares AL I DA D E G ENERGÉTICOS - VITAMINAS D A QU Suplementos Alimentares ARANT I Além de ser vital para regular a pressão arterial, mantendo o sistema nervoso saudável, a vitamina D entra em ação para absorver

Leia mais

Alimentação Preventiva e Saúde

Alimentação Preventiva e Saúde PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ALIMENTOS E NUTRIÇÃO CENTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E DA SAÚDE UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO Alimentação Preventiva e Saúde Monique de Barros Elias Campos

Leia mais

Alimentação no primeiro ano de vida

Alimentação no primeiro ano de vida Alimentação no primeiro ano de vida Dedico este e-book ao meu filho Lucas Cassiano, que trouxe uma incrível luz para os meus dias, revelando o melhor de mim. Capítulo 1: Gestação A gestação é a etapa da

Leia mais

Biomassa de Banana Verde Polpa - BBVP

Biomassa de Banana Verde Polpa - BBVP Biomassa de Banana Verde Polpa - BBVP INFORMAÇÕES NUTRICIONAIS Porção de 100g (1/2 copo) Quantidade por porção g %VD(*) Valor Energético (kcal) 91 4,55 Carboidratos 21,4 7,13 Proteínas 2,1 2,80 Gorduras

Leia mais

SUPLEMENTOS ALIMENTARES: STATUS DA REGULAMENTAÇÃO NO BRASIL E PERSPECTIVAS FUTURAS

SUPLEMENTOS ALIMENTARES: STATUS DA REGULAMENTAÇÃO NO BRASIL E PERSPECTIVAS FUTURAS SUPLEMENTOS ALIMENTARES: STATUS DA REGULAMENTAÇÃO NO BRASIL E PERSPECTIVAS FUTURAS Simpósio Latino Americano sobre Fortificação de Alimentos e Suplementos Stefani Faro de Novaes Especialista em Regulação

Leia mais

Dieta refere-se aos hábitos alimentares individuais. Cada pessoa tem uma dieta específica. Cada cultura costuma caracterizar-se por dietas

Dieta refere-se aos hábitos alimentares individuais. Cada pessoa tem uma dieta específica. Cada cultura costuma caracterizar-se por dietas Dieta Dieta refere-se aos hábitos alimentares individuais. Cada pessoa tem uma dieta específica. Cada cultura costuma caracterizar-se por dietas particulares. Contudo, popularmente, o emprego da palavra

Leia mais

AZ Vit. Ficha técnica. Suplemento Vitamínico Mineral. REGISTRO: Isento de Registro no M.S. conforme Resolução - RDC n 27/10.

AZ Vit. Ficha técnica. Suplemento Vitamínico Mineral. REGISTRO: Isento de Registro no M.S. conforme Resolução - RDC n 27/10. Ficha técnica AZ Vit Suplemento Vitamínico Mineral REGISTRO: Isento de Registro no M.S. conforme Resolução - RDC n 27/10. CÓDIGO DE BARRAS: 7898171287350 EMBALAGEM: Plástica, metálica e vidro. APRESENTAÇÃO

Leia mais

Introdução alimentar a partir dos seis meses de vida. Edinilza Fernandes Nutricionista CRN:

Introdução alimentar a partir dos seis meses de vida. Edinilza Fernandes Nutricionista CRN: Introdução alimentar a partir dos seis meses de vida. Edinilza Fernandes Nutricionista CRN: 11.583 Aleitamento materno exclusivo até os seis meses de vida (OMS) Garantia de todos os nutrientes necessários

Leia mais

Prevenção A estratégia baseia-se na combinação de diferentes métodos em função das causas determinantes da anemia por carência em ferro:

Prevenção A estratégia baseia-se na combinação de diferentes métodos em função das causas determinantes da anemia por carência em ferro: Introdução O ferro é um micronutriente de extrema importância na dieta humana. A sua carência leva à anemia, ao atraso de desenvolvimento, à diminuição de imunidade celular e da capacidade fagocítica e

Leia mais

Uma dieta alimentar variada é capaz de fornecer os nutrientes necessários ao desenvolvimento do nosso organismo

Uma dieta alimentar variada é capaz de fornecer os nutrientes necessários ao desenvolvimento do nosso organismo Nutrientes e suas funções Uma dieta alimentar variada é capaz de fornecer os nutrientes necessários ao desenvolvimento do nosso organismo NUTRIENTE Substância absorvida e utilizada pelo organismo para

Leia mais

Quando você precisar, nós estaremos lá.

Quando você precisar, nós estaremos lá. DIA DO COMBATE AO COLESTEROL COLESTEROL, NOÇÕES IMPORTANTES. O controle do colesterol faz parte de um estilo de vida saudável, que inclui atividade física regular, controle do peso, do estresse e parar

Leia mais

Terminologias e conceitos básicos em alimentação e Nutrição. Profª Patrícia Ceolin

Terminologias e conceitos básicos em alimentação e Nutrição. Profª Patrícia Ceolin Terminologias e conceitos básicos em alimentação e Nutrição. Profª Patrícia Ceolin NUTRIÇÃO??? A nutrição é a ciência que estuda a composição dos alimentos e as necessidades nutricionais do indivíduo,

Leia mais

TRABALHO DE BIOLOGIA A Química da Vida

TRABALHO DE BIOLOGIA A Química da Vida TRABALHO DE BIOLOGIA A Química da Vida Nomes: Leonardo e Samuel Turma: 103 Para iniciar o estudo das células (citologia) devemos primeiramente ter uma noção das estruturas básicas da célula ou as estruturas

Leia mais

BIOQUÍMICA DOS ALIMENTOS: AMIDO RESISTENTE E FIBRAS (aula 2) Patricia Cintra

BIOQUÍMICA DOS ALIMENTOS: AMIDO RESISTENTE E FIBRAS (aula 2) Patricia Cintra BIOQUÍMICA DOS ALIMENTOS: AMIDO RESISTENTE E FIBRAS (aula 2) Patricia Cintra Fibra alimentar - definição No Brasil, o Ministério da Saúde, pela portaria 41 de 14 de janeiro de 1998, da Agência Nacional

Leia mais

NÃO SE TRATA APENAS DE UMA INGESTÃO DE FLUIDOS

NÃO SE TRATA APENAS DE UMA INGESTÃO DE FLUIDOS REIDRATAÇÃO DE VITELOS NÃO SE TRATA APENAS DE UMA INGESTÃO DE FLUIDOS A nova solução para diarreias em vitelos Compatível com o leite Boa palatibilidade Correção da acidose, desidratação e hipoglicémia

Leia mais

ovo ovo nível de gordura no sangue pesquisas científicas

ovo ovo nível de gordura no sangue pesquisas científicas Benefícios do Ovo O ovo, alimento amplamente consumido no Brasil e no mundo e utilizado em diversas receitas saborosas, é um alimento pouco calórico e que aumenta a sensação de saciedade. Por ser fonte

Leia mais

03/01/2016. Proteína INTRODUÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA RIO GRANDE DO NORTE CADEIA PROTÉICA FUNÇÕES FUNÇÕES BIOLÓGICAS

03/01/2016. Proteína INTRODUÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA RIO GRANDE DO NORTE CADEIA PROTÉICA FUNÇÕES FUNÇÕES BIOLÓGICAS INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA RIO GRANDE DO NORTE Disciplina: Química e Bioquímica de Alimentos Componentes principais Proteína INTRODUÇÃO Proteínas Macromoléculas compostas de vários

Leia mais

Nutrição para a beleza dos cabelos através dos alimentos

Nutrição para a beleza dos cabelos através dos alimentos Beleza não põe mesa, Ou seja, aparência não é tudo. Mas é na mesa que a beleza começa. Ciência da nutrição visa Melhor aparência física e a saúde do paciente; Trata ou ameniza o envelhecimento cutâneo;

Leia mais

Eco new farmers. Módulo 1 - Introdução á agricultura biológica. Sessão 3 Qualidade alimentar

Eco new farmers. Módulo 1 - Introdução á agricultura biológica. Sessão 3 Qualidade alimentar Eco new farmers Módulo 1 - Introdução á agricultura biológica Sessão 3 Qualidade alimentar Módulo 1 Introdução à agricultura biológica Sessão 3 Qualidade dos alimentos biológicos www.econewfarmers.eu 1.

Leia mais

NUTRIÇÃO E DIETA Doença Inflamatória do Intestino

NUTRIÇÃO E DIETA Doença Inflamatória do Intestino Serviço de Gastrenterologia Hospital do Divino Espírito Santo de Ponta Delgada, EPE Diretora: Dra. Maria Antónia Duarte Vera Costa Santos 10 Outubro 2015 TUBO DIGESTIVO Digestão de alimentos Boca Esófago

Leia mais

A ATENÇÃO À SAÚDE DAS CRIANÇAS NA PRIMEIRA INFÂNCIA NA REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO

A ATENÇÃO À SAÚDE DAS CRIANÇAS NA PRIMEIRA INFÂNCIA NA REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO A ATENÇÃO À SAÚDE DAS CRIANÇAS NA PRIMEIRA INFÂNCIA NA REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO A Pesquisa da Primeira Infância, realizada pela Fundação Seade em parceria com a Fundação Maria Cecília Souto Vidigal,

Leia mais

DIA INTERNACIONAL. da mulher. dicas de nutrição. para as mulheres

DIA INTERNACIONAL. da mulher. dicas de nutrição. para as mulheres DIA INTERNACIONAL da mulher 8 de março dicas de nutrição para as mulheres Para comemorar o dia 8 de março, a Equipe da Nutrição preparou 8 dicas para melhorar sua alimentação e saúde São dicas simples

Leia mais

PROBIÓTICOS AO SEU ANIMAL DE COMPANHIA

PROBIÓTICOS AO SEU ANIMAL DE COMPANHIA Os benefícios da administração de PROBIÓTICOS AO SEU ANIMAL DE COMPANHIA Benefícios dos probióticos. Em humanos, os diversos benefícios para a saúde derivados da toma regular de probióticos - as chamadas

Leia mais

Izabela Alves Gomes Nutricionista UERJ Mestranda em Alimentos e Nutrição - UNIRIO

Izabela Alves Gomes Nutricionista UERJ Mestranda em Alimentos e Nutrição - UNIRIO Izabela Alves Gomes izabela.nut@gmail.com Nutricionista UERJ Mestranda em Alimentos e Nutrição - UNIRIO Rio de Janeiro - 2016 É considerado vegetariano todo aquele que exclui de sua alimentação todos os

Leia mais

NUTRIÇÃO DESPORTIVA - ACSM

NUTRIÇÃO DESPORTIVA - ACSM NUTRIÇÃO DESPORTIVA - ACSM RECOMENDAÇÕES DO ACSM PARA NUTRIÇÃO RECOMENDAÇÃO ACSM 6-10g/kg por dia HCO PELAS RAZÕES ABAIXO REFERIDAS, DEVEM SER PRIVILEGIADOS OS ALIMENTOS RICOS EM AMIDO E CELULOSE (POLISSACARIDEOS)

Leia mais

Você já sabe que comer certinho faz um super bem para saúde, mas nem sempre o cansaço, tempo e disposição

Você já sabe que comer certinho faz um super bem para saúde, mas nem sempre o cansaço, tempo e disposição Você já sabe que comer certinho faz um super bem para saúde, mas nem sempre o cansaço, tempo e disposição te ajudam a se manter na linha. É aí que entram os caldos funcionais, refeições super práticas

Leia mais

Dra. Natalia Almeida Prado de Oliveira Silva Endocrinologia Infantil associada à Nutrição Funcional Medicina Preventiva CRM SP Pediatria

Dra. Natalia Almeida Prado de Oliveira Silva Endocrinologia Infantil associada à Nutrição Funcional Medicina Preventiva CRM SP Pediatria Alimentação e saúde o que isto tem a ver? CONALCO dezembro 2015 Dra. Natalia Almeida Prado de Oliveira Silva Endocrinologia Infantil associada à Nutrição Funcional Medicina Preventiva CRM SP 136 322 Pediatria

Leia mais

Composição Química das Células: Água

Composição Química das Células: Água A Química da Vida Composição Química das Células: Água As substâncias que constituem os corpos dos seres vivos possuem em sua constituição cerca de 75/85% de água. Ou seja, cerca de 80% do corpo de um

Leia mais

Producote Feed O que é? Como devo fornecer o Producote Feed? Producote Feed Por que utilizar Ureia (NNP) na dieta?

Producote Feed O que é? Como devo fornecer o Producote Feed? Producote Feed Por que utilizar Ureia (NNP) na dieta? Producote Feed O que é? Producote Feed é um aditivo nutricional de liberação controlada, indicado para a suplementação proteica segura de ruminantes, com alta concentração de nitrogênio não proteico de

Leia mais

Página 2 de 7 Você já ouviu falar sobre vitamina D, certo? Nos últimos tempos, muito se diz sobre isso e que é uma das mais importantes para o nosso o

Página 2 de 7 Você já ouviu falar sobre vitamina D, certo? Nos últimos tempos, muito se diz sobre isso e que é uma das mais importantes para o nosso o Página 1 de 7 Bebês e Crianças Alimentação Amamentação Comportamento Cuidados diários Desenvolvimento Dicas de mãe Saúde Sono do bebê Diversão Astrologia / Signos Atividades Brinquedos Livros Passeios

Leia mais

PREVENÇÃO E FORÇA NUTRILITE PACOTE A COMBINAÇÃO PERFEITA PARA AS NECESSIDADES FEMININAS

PREVENÇÃO E FORÇA NUTRILITE PACOTE A COMBINAÇÃO PERFEITA PARA AS NECESSIDADES FEMININAS e os lançamentos Advanced e os lançamentos Advanced e os lançamentos Advanced e os lançamentos Advanced CARACTERÍSTICAS veio para ajudar a preencher a lacuna entre o que consumimos e o que devemos consumir

Leia mais

Dog Star Foods Natural 15kg

Dog Star Foods Natural 15kg Dog Star Foods Natural 15kg Proteína Bruta Extrato Etéreo Matéria Mineral (Mín.) 23% (Mín.) 10% (Máx.) 8% Matéria Fibrosa (Máx.) 4,5% Cálcio (Máx.) 2% Fósforo (Mín.) 1% Cereais Integrais Probióticos Carne

Leia mais

Ficha Técnica de Produtos BLEND WHEY

Ficha Técnica de Produtos BLEND WHEY Descrição: É um alimento protéico para atletas que possui em sua formulação uma junção de proteínas de rápida absorção e time release, com acréscimo de enzimas digestivas para auxiliar na digestibilidade

Leia mais

Folheto informativo: Informação para o doente. Cobaxid Infantil 1 mg Pó oral. Cobamamida

Folheto informativo: Informação para o doente. Cobaxid Infantil 1 mg Pó oral. Cobamamida Folheto informativo: Informação para o doente Cobaxid Infantil 1 mg Pó oral Cobamamida Leia com atenção todo este folheto antes de começar a tomar este medicamento pois contém informação importante para

Leia mais

PROCESSO SELETIVO 2017/1 Mestrado Ciência e Tecnologia de Alimentos Campus Rio Pomba

PROCESSO SELETIVO 2017/1 Mestrado Ciência e Tecnologia de Alimentos Campus Rio Pomba Questão 01: Dê o fundamento e as etapas envolvidas no processo de liofilização de alimentos e cite quatro diferenças entre o processo de liofilização e o processo de secagem convencional. Pag. 1 de 15

Leia mais

* Exemplos de Cardápios. Equipe: Divair Doneda, Vanuska Lima, Clevi Rapkiewicz, Júlia Prates

* Exemplos de Cardápios. Equipe: Divair Doneda, Vanuska Lima, Clevi Rapkiewicz, Júlia Prates * Exemplos de Cardápios Equipe: Divair Doneda, Vanuska Lima, Clevi Rapkiewicz, Júlia Prates Café da manhã típico de quatro brasileiros que consomem alimentos in natura ou minimamente processados Repare

Leia mais

Nutricionista Bruna Maria Vieira

Nutricionista Bruna Maria Vieira Suporte Nutricional à Pacientes Neurológicos Nutricionista Bruna Maria Vieira Alimentação Saudável É o equilíbrio entre a ingestão dos nutrientes necessários ao crescimento, desenvolvimento e manutenção

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DA AMAMENTAÇÃO. Saiba quais os benefícios da amamentação para o seu bebê!

A IMPORTÂNCIA DA AMAMENTAÇÃO. Saiba quais os benefícios da amamentação para o seu bebê! A IMPORTÂNCIA DA AMAMENTAÇÃO Saiba quais os benefícios da amamentação para o seu bebê! IMPORTÂNCIA DA AMAMENTAÇÃO Sabemos que o começo do processo de amamentação nem sempre é fácil. Ele ocorre em um momento

Leia mais

Conforme lhe falei no vídeo, para você que é vegetariana, come em casa boa parte da semana e gosta muito de doce, vale a pena lembrar sempre:

Conforme lhe falei no vídeo, para você que é vegetariana, come em casa boa parte da semana e gosta muito de doce, vale a pena lembrar sempre: Preparei este texto especialmente para você. Leia com atenção! Conforme lhe falei no vídeo, para você que é vegetariana, come em casa boa parte da semana e gosta muito de doce, vale a pena lembrar sempre:

Leia mais

Autor(es) Bem Estar Social Orientações práticas para o Trabalho na Cozinha

Autor(es) Bem Estar Social Orientações práticas para o Trabalho na Cozinha 1 de 5 10/16/aaaa 11:09 Bem Estar Social Frutas : boas fontes de energia, vitaminas e minerais Frutas: Boas fontes de Nome energia, vitaminas e minerais Produto Folder Data Preço - Bem Estar Social : Linha

Leia mais

BENEFÍCIOS NUTRICIONAIS NOS SUMOS DETOX: SIM OU NÃO?

BENEFÍCIOS NUTRICIONAIS NOS SUMOS DETOX: SIM OU NÃO? BENEFÍCIOS NUTRICIONAIS NOS SUMOS DETOX: SIM OU NÃO? Inês Carvalho Santos Tânia Gonçalves Albuquerque, Ana Valente, Helena S. Costa XVIII Congresso Anual da APNEP, Porto, 12 de abril de 2016 SUMOS DETOX

Leia mais

ÍNDICE APRESENTAÇÃO...02 Pimenta vermelha...03 Pimenta do reino...04 Canela...05 Alho...06 Cravo da índia...07 Cardomomo...08 Coentro...

ÍNDICE APRESENTAÇÃO...02 Pimenta vermelha...03 Pimenta do reino...04 Canela...05 Alho...06 Cravo da índia...07 Cardomomo...08 Coentro... ÍNDICE APRESENTAÇÃO...02 Pimenta vermelha...03 Pimenta do reino...04 Canela...05 Alho...06 Cravo da índia...07 Cardomomo...08 Coentro...09 Azeite...10 Mostarda...11 Salsa...12 Açafrão...13 Orégano...14

Leia mais

Proteínas e enzimas. Profs. Lourdes, Guilherme e Lauren

Proteínas e enzimas. Profs. Lourdes, Guilherme e Lauren Proteínas e enzimas Profs. Lourdes, Guilherme e Lauren Definição As proteínas são polipeptídios que resultam na condensação de milhares de moléculas de aminoácidos, ligadas em sequencia como elos em uma

Leia mais

SISTEMA SANGUINEO. Alegrai-vos sempre no Senhor! Repito: Alegrai-vos Fl. 4,4

SISTEMA SANGUINEO. Alegrai-vos sempre no Senhor! Repito: Alegrai-vos Fl. 4,4 SISTEMA SANGUINEO Alegrai-vos sempre no Senhor! Repito: Alegrai-vos Fl. 4,4 O QUE É O SANGUE? É um tecido conjuntivo líquido que circula pelo sistema vascular, sendo vital para a vida, de cor vermelho

Leia mais

Tempo de Ciências. SEQUÊNCIA DIDÁTICA PARA SALA DE AULA Tema 3 Capítulo 1: Alimentação e nutrientes (páginas 82 a 91 do livro)

Tempo de Ciências. SEQUÊNCIA DIDÁTICA PARA SALA DE AULA Tema 3 Capítulo 1: Alimentação e nutrientes (páginas 82 a 91 do livro) Tempo de Ciências 8 SEQUÊNCIA DIDÁTICA PARA SALA DE AULA Tema 3 Capítulo 1: Alimentação e nutrientes (páginas 82 a 91 do livro) Objetivos Alimentação e nutrientes Conhecer os tipos de nutrientes e seus

Leia mais

2. COQUETEL DE FRUTAS VERMELHAS

2. COQUETEL DE FRUTAS VERMELHAS CARTA DE Drinks 1. DRINK DE MAÇÃ E CANELA 1 colher (café) de canela em pó (3g) 1 rama de canela para decorar 1 fatia fina de maçã vermelha com casca ralada (30g) Modo de Preparo: em uma taça, coloque a

Leia mais

EMPRESA DE PESQUISA AGROPECUÁRIA DE MINAS GERAIS - EPAMIG

EMPRESA DE PESQUISA AGROPECUÁRIA DE MINAS GERAIS - EPAMIG EMPRESA DE PESQUISA AGROPECUÁRIA DE MINAS GERAIS - EPAMIG C L I P P I N G 1/9/2010 Produção Ascom Diáriod@Santana FM 31/08/10 Itaúna Epamig desenvolve bebida láctea inédita no mercado Novo produto, com

Leia mais

Nome do medicamento: LUFTAL MAX. Forma farmacêutica: cápsulas. Concentrações: 125 mg

Nome do medicamento: LUFTAL MAX. Forma farmacêutica: cápsulas. Concentrações: 125 mg Nome do medicamento: LUFTAL MAX Forma farmacêutica: cápsulas Concentrações: 125 mg APRESENTAÇÕES Cápsulas gelatinosas de 125 mg em embalagem com 10 cápsulas. USO ORAL USO ADULTO COMPOSIÇÃO Cada cápsula

Leia mais

CLARISSA ARAUJO Nutricionista e Coach

CLARISSA ARAUJO Nutricionista e Coach DESVENDE OS 10 ERROS QUE PODEM ESTAR ATRAPALHANDO SEU PROCESSO DE EMAGRECIMENTO CLARISSA ARAUJO Nutricionista e Coach Olá! Meu nome é Clarissa Araujo, sou Nutricionista e Coach, apaixonada pelo universo

Leia mais

24 Alimentos para Combater a CELULITE

24 Alimentos para Combater a CELULITE 24 Alimentos para Combater a CELULITE Agradecimento e Informações Muito obrigado por baixar nosso guia com orientações sobre a prevenção e combate a celulite. Nosso objetivo é colaborar com a divulgação

Leia mais

ISO WHEY É MAIS. definição muscular e força.

ISO WHEY É MAIS. definição muscular e força. ISO WHEY É MAIS definição muscular e força. ISO WHEY é um suplemento hiperproteico desenvolvido a partir das proteínas isoladas do soro do leite (WPI) de alto valor biológico. Fornece um excelente aporte

Leia mais

Material exclusivo para pacientes.

Material exclusivo para pacientes. Material exclusivo para pacientes. O que você deve saber sobre o risco de malformações fetais e ações mandatórias para prevenção de gravidez durante o tratamento com Roacutan (isotretinoína) 1 2 Volta

Leia mais

Afopic Comprimido 5mg

Afopic Comprimido 5mg Afopic Comprimido 5mg MODELO DE BULA COM INFORMAÇÕES AO PACIENTE Afopic ácido fólico APRESENTAÇÕES Comprimido 5mg Embalagens contendo 20 e 100 comprimidos. USO ORAL USO ADULTO COMPOSIÇÃO Cada comprimido

Leia mais

7FATORES queprovocam acalvìcie

7FATORES queprovocam acalvìcie 7FATORES queprovocam acalvìcie COVER 1500W X1950HPX. 5W X6.5HIN. PORQUEAQUILOQUEVOCÊCOMEPODEESTAR PORTRÁSDAPERDADECABELO 1 - Dietas que bloqueiam nutrientes Dietas aparentam ser sempre boas, afinal, perder

Leia mais

OdontoPrev. Sorria: você está sendo bem cuidado.

OdontoPrev. Sorria: você está sendo bem cuidado. OdontoPrev Sorria: você está sendo bem cuidado. Dicas OdontoPrev para um sorriso perfeito INTRODUÇÃO Por um sorriso mais saudável e bonito! É A OdontoPrev quer ver você saindo por aí com um sorrisão estampado

Leia mais

ORIENTAÇÕES DE ENFERMAGEM PARA ALTA HOSPITALAR

ORIENTAÇÕES DE ENFERMAGEM PARA ALTA HOSPITALAR ORIENTAÇÕES DE ENFERMAGEM PARA ALTA HOSPITALAR CUIDADOS COM A SONDA ALIMENTAR Nome do usuário Responsável pela orientação: Enfermeiro(a): Carimbo com COREN/SC HC ( ) HRO ( ) HNSS ( ) Data da orientação:

Leia mais

VITAMINAS E MINERAIS

VITAMINAS E MINERAIS VITAMINAS E MINERAIS MINERAIS São substâncias de origem inorgânica que fazem parte dos tecidos duros do organismo, como ossos e dentes. Também encontrados nos tecidos moles como músculos, células sanguíneas

Leia mais

Alimentação consciente e saudável: desafios e possibilidades. Prof. Rachel Zacarias Educadora ambiental e Especialista em alimentação crua e viva

Alimentação consciente e saudável: desafios e possibilidades. Prof. Rachel Zacarias Educadora ambiental e Especialista em alimentação crua e viva Alimentação consciente e saudável: desafios e possibilidades Prof. Rachel Zacarias Educadora ambiental e Especialista em alimentação crua e viva Como é a nossa alimentação no dia-a-dia? Como escolhemos

Leia mais

Equipe de Química QUÍMICA

Equipe de Química QUÍMICA Aluno (a): Série: 3ª Turma: TUTORIAL 12R Ensino Médio Equipe de Química Data: QUÍMICA Mistura de soluções que não reagem entre si: Misturas de soluções de mesmo soluto quando misturamos soluções de mesmo

Leia mais

VITAMINAS NOS ALIMENTOS

VITAMINAS NOS ALIMENTOS VITAMINAS NOS ALIMENTOS VITAMINAS NOS ALIMENTOS VITAMINAS FONTES ALIMENTARES FUNÇÕES ORGÂNICAS VITAMINA B1 (TIAMINA) Grãos ou cereais integrais, arroz integral, frutos do mar, vísceras ou miúdos, pescados,

Leia mais

Parte 2 do programa 5 HORAS PARA O SEU CORPO. NÃO EXISTE NADA SAUDÁVEL QUE IRÁ ACELERAR SEUS RESULTADOS ALÉM DE DISCIPLINA E SEGUIR O PROGRAMA.

Parte 2 do programa 5 HORAS PARA O SEU CORPO. NÃO EXISTE NADA SAUDÁVEL QUE IRÁ ACELERAR SEUS RESULTADOS ALÉM DE DISCIPLINA E SEGUIR O PROGRAMA. Este programa gratuito que irá ajudar você a conquistar o corpo que deseja faz parte de uma série de 3 etapas. A primeira etapa foi gravada em vídeo, mas devido a baixa qualidade, resolvemos fazer o mesmo

Leia mais

Funções e Importância da Água Regulação Térmica Manutenção dos fluidos e eletrólitos corpóreos Reações fisiológicas e metabólicas do organismo Escassa

Funções e Importância da Água Regulação Térmica Manutenção dos fluidos e eletrólitos corpóreos Reações fisiológicas e metabólicas do organismo Escassa Aspectos Higiênicos da Água Prof. Jean Berg Funções e Importância da Água Regulação Térmica Manutenção dos fluidos e eletrólitos corpóreos Reações fisiológicas e metabólicas do organismo Escassa na natureza

Leia mais

ECO QUIZ Alimentação Saudável e Sustentável

ECO QUIZ Alimentação Saudável e Sustentável EO QUIZ limentação Saudável e Sustentável Nível III Ensino secundário profissional superior 1 - Quais destas práticas são usadas em gricultura iológica? plicação de herbicida Rotação de culturas Hidroponia

Leia mais

Ano: 8 Turma: 81 e 82

Ano: 8 Turma: 81 e 82 COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE Programa de Recuperação Final 2ª Etapa 2013 Disciplina: Ciências Professor (a): Felipe Cesar Ano: 8 Turma: 81 e 82 Caro aluno, você está recebendo o conteúdo de recuperação.

Leia mais