Banco do Nordeste: Soluções Inovadoras para Pequenas e Médias Empresas

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Banco do Nordeste: Soluções Inovadoras para Pequenas e Médias Empresas"

Transcrição

1 Banco do Nordeste: Soluções Inovadoras para Pequenas e Médias Empresas

2 Ativos Banco: R$ 50,6 bilhões R$ 71,1 bilhões Ativos Banco: R$ 46,3 bilhões Ativos FNE: R$ 67,4 bilhões Patrimônio Líquido BNB: R$ 3,04 bi Patrimônio Líquido BNB: R$3,3 bilhões Patrimônio Líquido Liquido FNE: R$ 67,4 71,1 bilhões Lucro Líquido* : R$ 298,0 milhões Lucro Líquido: R$ 732,1 milhões Posição: 30/06/2017 * 1º Semestre 2017

3 Saldo de Operações Ativas (R$ Milhões) Micro e Pequenas Empresas 6.823, , , , , Junho 2017

4 Saldo de Operações Ativas (R$ Milhões) Médias Empresas 1.972, , , , , Junho 2017

5 Carteira Ativa PME por setor econômico

6 O Banco da Micro, Pequena e Média Empresa FNE Informal Microcrédito MEI MPE Média Grande

7 Política para Pequenas e Médias Empresas Soluções financeiras inovadoras para MPE Ampliação e fortalecimento de parcerias Estímulo à capacitação Apoio à inovação e a competitividade

8 Banco do Nordeste: Condições Inovadoras Pequenas e Médias Empresas - Atendimento Especializado; - As taxas de juros mais atrativas do mercado; - Os melhores prazos e carências para o seu negócio; - Produtos e serviços exclusivos e inovadores; - Realização de estudos e pesquisas voltados para PME; - Parceria com o SEBRAE visando estimular a capacitação dos empreendedores; - Soluções financeiras diferenciadas que proporcionam expansão e modernização dos empreendimentos.

9 Cartão FNE - Crédito Rotativo; - Isenção de Anuidade. - Redução do fluxo de documentos; - Segurança em relação a venda; - Validade de 05 anos renovável anualmente; - Processo de crédito desburocratizado e automatizado; - Aquisição de Mercadorias, Matéria Prima e Insumos em até 36 meses; - Aquisição de Máquinas, Veículos, Equipamentos, Móveis e Utensílios em até 72 meses.

10 MPE DIGITAL - Abertura conta-corrente - Cadastro - Proposta de Crédito - Renegociação de Dívidas - Capital de Giro - Ferramenta MPE na mão - Giro Digital - Agência MPE Digital

11 Simuladores e proposta pela Internet

12

13 Banco Digital Agência Virtual MPE - Horário estendido - Evita ir à agência - Evita as filas - Mais satisfação - Acesso via internet banking e mobile, chat, vídeo chat ou chat bot.

14 FNE Água

15 FNE Sol

16 Vídeo Empreendedor PME

17 O Banco da inovação Primeiro Banco Público a criar um Hub de Inovação.

18 Por que inovar no mundo corporativo?

19

20

21 Na busca pela inovação, não fique só. Se cerque daqueles que pensam diferente de você. Afinal grandes invenções vêm sempre de múltiplas mentes brilhantes

22 Hub: Palavra inglesa que significa local de conexões. Um Hub DE INOVAÇÃO consiste de um centro ou polo onde ideias são concebidas, transformadas, transmitidas e implementadas visando a transformação de uma realidade.

23 As organizações mais inovadoras do mundo trabalham como hubs de inovação. E promovem o intercâmbio de ideias tanto dentro como fora de suas fronteiras.

24 No Brasil também têm surgido diversas iniciativas neste sentido

25 Mas nenhum deles era localizado no Nordeste do Brasil.

26 Por todas essas razões, o Banco do Nordeste criou o

27 Lançado em 08 de Julho de 2016 No XXII Fórum Banco do Nordeste de Desenvolvimento

28 Criação de uma cultura de inovação Criar espaço para explorar Tolerância ao erro. Espírito de participação. Reconhecer esforços. Construir uma linguagem comum do que é inovação.

29 Público-alvo Startups, Empreend edores Executivos e Líderes Formadores de Opinião Gestão intermediária Técnicos

30 Espaço para organizações parceiras

31 - 27 seminários e cursos; - 32 palestrantes; inscritos; - Mais de 60 startups envolvidas; - Transmissão ao vivo na Internet

32 Uso e reuso de água Smartsquares Energias renováveis Inclusão Financeira

33 Espaço aberto de discussões e criação de novas formas de financiar o empreendedorismo, considerando os exemplos externos de sucesso.

34 FNE Inovação FNE Semente Definição Adequação Crédito para incentivar a formação de empresas inovadoras

35 FIPS e Criatecs

36 Editais de Grants

37 Semana Hubine em Israel

38 MKT digital

39 Startup Hubine Aceleração de empresas

40 Programa e Aliança ÁGUA+ ACESSO

41

42 Exemplo de Startup Apoiada:

43

44 49 MILHÕES EMPREENDEDORES no Brasil *GEM 2016

45 PESQUISA 92% 68% Usam a INTERNET MICRO E PEQUENOS NEGÓCIOS Para pesquisa de PREÇOS e FORNECEDORES 55% 20h Para compra de INSUMOS edorismo/noticias/redacao/2015/01/13 /92-dos-micro-e-pequenosempresarios-acessam-a-internet-nopais-diz-sebrae.htm SEMANAIS na internet com o negócio

46 MAIS DE FORTALEZA 70-80% 2MILHÕES ATENDIMENTOS EM 2016 ATENDIMENTOS CRIAÇÃO DE NOVOS NEGÓGIOS milhoes-de-empreendedores-em- 2016,57e35311d6bb8510VgnVCM c00210aRCRD

47 FORNECEDORES PARCEIROS COMERCIAIS

48 Dores do EMPREENDEDOR? Prospectar clientes/aumentar vendas Adquirir insumos, produtos ou serviços com o melhor custo/benefício

49 REDE DE NEGÓCIOS B2B2C Comércios Fornecedores Máquinas e Equipamentos Indústrias Fornecedores A solução de Imóveis ambas... Mão-de-Obra Prestadores de Serviços

50 BENCHMARKING

51 Fornecedor de Matéria-Prima Distribuidores Atacadistas Indústria de Transformação Máquinas e equipamentos Comércios Possibilitamos CATEGORIZAÇÃO Algoritmo com por COTAÇÃO TEIAS Setores DE EM MASSA CONEXÕES ONLINE Prestadores de Serviços Profissionais Autônomos Mão de Obra Permanente Imóveis Comerciais Mídias/Informações Instituições

52

53

54

55

56

57

58

59 Central de Compras Conjuntas Classificados de Máq e Equip PRÓXIMAS FEATURES Fórum p/ interações E/E Vendas de Ponta de Estoque Logística Coletiva Comércios

60 CONQUISTAS

61 AGRADECIMENTOS

62 Equipe COMERCITY PAULO RIBEIRO CEO Founder Administrador DAVI COSTA CTO Co-Founder Arquiteto de Software DANILO LEITE COO Co-Founder Analista de Sistemas

63 PAULO RIBEIRO (85) in/paulo-ribeiro-comercity

64 Obrigado!

As MPE s como eixo central de cadeias produtivas

As MPE s como eixo central de cadeias produtivas As MPE s como eixo central de cadeias produtivas Guilherme Lacerda Diretor de Infraestrutura Social, Meio Ambiente, Agropecuária e Inclusão Social Madrid Outubro 2012 MPEs Importância, Desafios e Contribuições

Leia mais

XIII SEMINARIO INTERNACIONAL DO COMITÉ DE INTEGRACIÓN LATINO EUROPA-AMÉRICA

XIII SEMINARIO INTERNACIONAL DO COMITÉ DE INTEGRACIÓN LATINO EUROPA-AMÉRICA XIII SEMINARIO INTERNACIONAL DO COMITÉ DE INTEGRACIÓN LATINO EUROPA-AMÉRICA AMÉRICA PAINEL: Políticas de Facilitação de Créditos para o Desenvolvimento das Pequenas e Médias Empresas (PMES). HENRIQUE Jorge

Leia mais

Comitê Científico do Enangrad

Comitê Científico do Enangrad Comitê Científico do Enangrad Administração Pública Empreendedorismo e Governança Corporativa Ensino, Pesquisa e Formação Docente em Administração Finanças Gestão da Sustentabilidade Gestão de Informações

Leia mais

Profa. Cleide de Freitas. Unidade II PLANO DE NEGÓCIOS

Profa. Cleide de Freitas. Unidade II PLANO DE NEGÓCIOS Profa. Cleide de Freitas Unidade II PLANO DE NEGÓCIOS O que vimos na aula anterior Ideias e Oportunidades Oportunidades x Experiência de mercado O que é um plano de negócios? Identificação e análise de

Leia mais

Financiamento de Projetos para a Inovação

Financiamento de Projetos para a Inovação GESTÃO Financiamento de Projetos para a Inovação Objetivos da Aula Conhecer sobre o financiamento de projetos de pesquisa aplicada; Conhecer a dinâmica do processo de elaboração de projetos de pesquisa

Leia mais

Apoio a Região Serrana do RJ. 02 e 03 de fevereiro de 2011

Apoio a Região Serrana do RJ. 02 e 03 de fevereiro de 2011 Apoio a Região Serrana do RJ 02 e 03 de fevereiro de 2011 Missão Banco do DESENVOLVIMENTO Competitividade e sustentabilidade Redução das desigualdades sociais e regionais Áreas de atuação Inovação Infra-estrutura

Leia mais

Gabinete de Empreendedorismo do Município de Albufeira

Gabinete de Empreendedorismo do Município de Albufeira Gabinete de Empreendedorismo do Município de Albufeira O Apoio às Empresas: Criação do CAE Centro de Acolhimento Empresarial Paulo Dias AGE Município de Albufeira AGE Gabinete de Empreendedorismo Nasceu

Leia mais

Política de Responsabilidade Socioambiental da PREVI

Política de Responsabilidade Socioambiental da PREVI 1.1. A PREVI, para o cumprimento adequado de sua missão administrar planos de benefícios, com gerenciamento eficaz dos recursos aportados, buscando melhores soluções para assegurar os benefícios previdenciários,

Leia mais

FIESP Sustentabilidade Financiamentos para PME

FIESP Sustentabilidade Financiamentos para PME FIESP Sustentabilidade Financiamentos para PME Junho/2013 Diretoria de Sustentabilidade Linda Murasawa Brasil SANTANDER NO MUNDO 102 milhões DE CLIENTES 14.392 AGÊNCIAS 186.763 FUNCIONÁRIOS Dezembro de

Leia mais

PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E INOVAÇÃO DO IFRN INCUBADORA TECNOLÓGICA NATAL CENTRAL

PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E INOVAÇÃO DO IFRN INCUBADORA TECNOLÓGICA NATAL CENTRAL PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E INOVAÇÃO DO IFRN INCUBADORA TECNOLÓGICA NATAL CENTRAL EDITAL Nº 01/2016 - SELEÇÃO DE IDEIAS EMPREENDEDORAS PARA PRÉ-INCUBAÇÃO EM HOTEL DE PROJETOS A direção-geral do Campus Natal

Leia mais

Banco do Nordeste. Ações de Apoio aos Produtores Rurais afetados pela Estiagem

Banco do Nordeste. Ações de Apoio aos Produtores Rurais afetados pela Estiagem Banco do Nordeste Ações de Apoio aos Produtores Rurais afetados pela Estiagem BRASILIA DF 07 Maio 2013 Quem somos Criado em 1952, Banco Múltiplo com 60 anos de atuação para o desenvolvimento da região

Leia mais

Papel dos Bancos de Desenvolvimento e das Agências de Fomento no apoio aos APLs

Papel dos Bancos de Desenvolvimento e das Agências de Fomento no apoio aos APLs Papel dos Bancos de Desenvolvimento e das Agências de Fomento no apoio aos APLs Brasília, abril de 2014 Sumário da Apresentação Política Nacional de Desenvolvimento Regional PNDR; Programa Rotas de Integração

Leia mais

O papel da iniciativa privada no desenvolvimento da gestão pública brasileira

O papel da iniciativa privada no desenvolvimento da gestão pública brasileira O papel da iniciativa privada no desenvolvimento da gestão pública brasileira CONTEXTO BRASIL 1970 90 milhões de habitantes 2010 190 milhões de habitantes... Temos feito muito, mas não o suficiente...

Leia mais

INSTRUMENTOS DE FINANCIAMENTO DA PNDR

INSTRUMENTOS DE FINANCIAMENTO DA PNDR INSTRUMENTOS DE FINANCIAMENTO DA PNDR FUNDOS CONSTITUCIONAIS DE FINANCIAMENTO Origem: Constituição Federal de 1988 destinou 3% de toda a arrecadação com o IR e IPI. CRIAÇÃO E OBJETIVO Criados pela Lei

Leia mais

Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social

Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social Área de Insumos Básicos Seminário sobre Petróleo e Gás APIMEC RIO Agosto/2012 BNDES Fundado em 20 de Junho de 1952 Empresa pública de propriedade integral

Leia mais

Apoio do BNDES às Micro, Pequenas e Médias Empresas

Apoio do BNDES às Micro, Pequenas e Médias Empresas Apoio do BNDES às Micro, Pequenas e Médias Empresas Campinas - SP 17.mar.2015 Como apoiamos? Operações Diretas Contratadas diretamente com o BNDES Como apoiamos? Operações Indiretas N o de operações 2014*

Leia mais

Cemig 60 anos e o Novo Planejamento Estratégico

Cemig 60 anos e o Novo Planejamento Estratégico Cemig 60 anos e o Novo Planejamento Estratégico Belo Horizonte, 28 de Maio de 2012. Frederico Pacheco de Medeiros Principais atribuições da DGE Definir, orientar e promover a aplicação de políticas corporativas

Leia mais

O que pode ser financiado?

O que pode ser financiado? BNDES Automático Projetos de Investimento BNDES Automático Obras civis, montagem e instalações Móveis e Utensílios Estudos e projetos de engenharia associados ao investimento Pesquisa, Desenvolvimento

Leia mais

Banco inovador, parceiro do cliente em soluções financeiras, para. empresas comprometidas com a geração de oportunidades e o

Banco inovador, parceiro do cliente em soluções financeiras, para. empresas comprometidas com a geração de oportunidades e o ABIMAQ Maio de 2014 BDMG Missão: Banco inovador, parceiro do cliente em soluções financeiras, para empresas comprometidas com a geração de oportunidades e o desenvolvimento sustentável de Minas Gerais.

Leia mais

Programas e Instrumentos de Promoção da Inovação

Programas e Instrumentos de Promoção da Inovação Programas e Instrumentos de Promoção da Inovação Fernanda Magalhães Coordenadora de Propriedade Intelectual Coordenadora-Geral de Inovação Tecnológica Subs?tuta Secretaria de Desenvolvimento Tecnológico

Leia mais

INSTRUMENTOS DE FINANCIAMENTO DA PNDR

INSTRUMENTOS DE FINANCIAMENTO DA PNDR INSTRUMENTOS DE FINANCIAMENTO DA PNDR FUNDOS CONSTITUCIONAIS DE FINANCIAMENTO Origem: Constituição Federal de 1988 destinou 3% de toda a arrecadação com o IR e IPI. CRIAÇÃO E OBJETIVO Criados pela Lei

Leia mais

CONCURSO DE IDEIAS 2014-2015 JOVENS CRIATIVOS, EMPREENDEDORES PARA O SÉCULO XXI

CONCURSO DE IDEIAS 2014-2015 JOVENS CRIATIVOS, EMPREENDEDORES PARA O SÉCULO XXI 0 REGULAMENTO DO CONCURSO DE IDEIAS 2014-2015 1. OBJETIVOS Através de um concurso de ideias, a iniciativa INOVA! visa: Estimular o espírito empreendedor, criativo e inovador das crianças e dos jovens;

Leia mais

INSTITUTO INTERAMERICANO DE COOPERAÇÃO PARA A AGRICULTURA TERMO DE REFERÊNCIA (TR)

INSTITUTO INTERAMERICANO DE COOPERAÇÃO PARA A AGRICULTURA TERMO DE REFERÊNCIA (TR) INSTITUTO INTERAMERICANO DE COOPERAÇÃO PARA A AGRICULTURA TERMO DE REFERÊNCIA (TR) 1 IDENTIFICAÇÃO DA CONSULTORIA Código: CDH -EC- 009 A presente Consultoria visa contratar serviços profissionais especializados

Leia mais

Inclusão Financeira de Empreendedores Individuais, Micro e Pequenas Empresas: a visão dos sistemas organizados

Inclusão Financeira de Empreendedores Individuais, Micro e Pequenas Empresas: a visão dos sistemas organizados Inclusão Financeira de Empreendedores Individuais, Micro e Pequenas Empresas: a visão dos sistemas organizados Sistema Financeiro: Propulsor do microcrédito; Adequação e atualização do sistema normativo

Leia mais

o GUIA COMPLETO da Nota Fiscal de Consumidor Eletrônica

o GUIA COMPLETO da Nota Fiscal de Consumidor Eletrônica o GUIA COMPLETO da Nota Fiscal de Consumidor Eletrônica sumário >> Introdução... 3 >> Nota fiscal eletrônica: o começo de tudo... 6 >> Nota fiscal de consumidor eletrônica (NFC-e)... 10 >> Quais as vantagens

Leia mais

Desenvolvimento tecnológico e economia criativa.

Desenvolvimento tecnológico e economia criativa. Desenvolvimento tecnológico e economia criativa. A vocação do Rio para a inovação e processos que envolvem criação, produção e distribuição de produtos e serviços 29 / 05 / 2014 Ruth Espínola Soriano de

Leia mais

Linhas de Financiamento do BNDES voltadas à inovação São Paulo Cidade da Inovação FIESP SP 21 de outubro de 2013

Linhas de Financiamento do BNDES voltadas à inovação São Paulo Cidade da Inovação FIESP SP 21 de outubro de 2013 Linhas de Financiamento do BNDES voltadas à inovação São Paulo Cidade da Inovação FIESP SP 21 de outubro de 2013 Classificação de Porte utilizada Porte da Empresa Receita Operacional Bruta Anual M P M

Leia mais

O BNDES e as Possibilidades de Apoio à Biotecnologia no Brasil

O BNDES e as Possibilidades de Apoio à Biotecnologia no Brasil O BNDES e as Possibilidades de Apoio à Biotecnologia no Brasil I SIMPÓSIO SIO INTERNACIONAL DE PROPRIEDADE INTELECTUAL E INOVAÇÃO EM BIOTECNOLOGIA -ABRIL/2008 Política Nacional de Biotecnologia Instituída

Leia mais

bancodopovo.sp.gov.br

bancodopovo.sp.gov.br Dinheiro fácil e barato para quem quer produzir O que é o Banco do Povo Paulista? O Banco do Povo Paulista é o programa de microcrédito produtivo desenvolvido pelo Governo do Estado de São Paulo e executado

Leia mais

MICROCREDITO. 1.2.1 Beneficiários:

MICROCREDITO. 1.2.1 Beneficiários: MICROCREDITO 1 OBJETIVO Conceder crédito ágil, desburocratizado, acessível e adequado aos empreendedores dos setores formal e informal, excluídos da política do sistema financeiro tradicional, auxiliando-os

Leia mais

PLANO MUNICIPAL DE ATRAÇÃO DE INVESTIMENTO

PLANO MUNICIPAL DE ATRAÇÃO DE INVESTIMENTO PLANO MUNICIPAL DE 1. CONSELHO ESTRATÉGICO ECONÓMICO DE PENAFIEL Criação de um conselho consultivo capaz de agregar agentes económicos do concelho, parceiros estratégicos e personalidades de reconhecido

Leia mais

Palestrante Motivacional, Dinâmico e Inusitado

Palestrante Motivacional, Dinâmico e Inusitado APRESENTAÇÃO COMERCIAL Palestrante Motivacional, Dinâmico e Inusitado Garanta o sucesso do seu evento com o palestrante que já faz sucesso no mercado! Quem é Palestrante Motivacional há mais de 07 anos,

Leia mais

A importância do crédito para as pequenas e médias empresas. Condicionantes da oferta de crédito

A importância do crédito para as pequenas e médias empresas. Condicionantes da oferta de crédito A importância do crédito para as pequenas e médias empresas Condicionantes da oferta de crédito Distribuição de empresas por porte MICRO PEQUENA MÉDIA GRANDE 0,4% 0,7% 6,2% Micro e Pequenas empresas 98,9%

Leia mais

CULTURA. Reunião do dia 14/08/2014

CULTURA. Reunião do dia 14/08/2014 Reunião do dia 14/08/2014 Coordenador: João Heitor Silva Macedo Visão: Que Santa Maria seja um Polo Cultural, por meio da realização de ações culturais, nos diversos espaços do seu território, e do reconhecimento

Leia mais

Os 7 Melhores Modelos de COACHING em GRUPO

Os 7 Melhores Modelos de COACHING em GRUPO Os 7 Melhores Modelos de COACHING em GRUPO Olá, aqui é o Wilton Neto tudo bem?! E... Coaching em Grupo é muito divertido! Parabéns e obrigado por baixar do Manual com os 7 Melhores Modelos de Coaching

Leia mais

Haroldo Rodrigues Diretor de Compras 03 de Julho de 2013

Haroldo Rodrigues Diretor de Compras 03 de Julho de 2013 Haroldo Rodrigues Diretor de Compras 03 de Julho de 2013 ÍNDICE 1 1.1 1.2 1.3 1.4 VAREJISTA DE MODA LOJA DE DEPARTAMENTOS FULL LINE 1987 a1999 2001 a 2005 2010 a 2012 2 2.1 2.2 2.3 2.4 2.5 2.6 MODELO ESPECIALIZADO

Leia mais

XIII Seminário Internacional de Países Latinos Europa-América. Políticas de Facilitação de Créditos para o Desenvolvimento das PME

XIII Seminário Internacional de Países Latinos Europa-América. Políticas de Facilitação de Créditos para o Desenvolvimento das PME XIII Seminário Internacional de Países Latinos Europa-América Políticas de Facilitação de Créditos para o Desenvolvimento das PME Fortaleza, 30 de outubro de 2006 1 Sumário 1 - Mercado MPE 2 - Acesso ao

Leia mais

SISTEMA DE FOMENTO E INCENTIVO À CULTURA Visão Geral, Evolução e Perspectivas no Brasil

SISTEMA DE FOMENTO E INCENTIVO À CULTURA Visão Geral, Evolução e Perspectivas no Brasil SISTEMA DE FOMENTO E INCENTIVO À CULTURA Visão Geral, Evolução e Perspectivas no Brasil Buenos Aires Argentina 13 de Agosto de 2004 Leis de Incentivo no Brasil 1. Leis Nacionais 1. Lei Rouanet (8313/91)

Leia mais

Infraestrutura logística: condições de financiamento e incentivos à participação do mercado de capitais

Infraestrutura logística: condições de financiamento e incentivos à participação do mercado de capitais Infraestrutura logística: condições de financiamento e incentivos à participação do mercado de capitais Cleverson Aroeira Chefe de Departamento de Transportes e Logística (DELOG) Área de Infraestrutura

Leia mais

Projeto Movimento ODM Brasil 2015 Título do Projeto

Projeto Movimento ODM Brasil 2015 Título do Projeto Título do Projeto Desenvolvimento de capacidades, de justiça econômica sustentável e promoção de boas práticas para alcance dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio no Brasil. Concepção Estabelecimento

Leia mais

Cartão BNDES. Volta Redonda RJ. 06 de abril de 2011

Cartão BNDES. Volta Redonda RJ. 06 de abril de 2011 Cartão BNDES Volta Redonda RJ 06 de abril de 2011 Cartão BNDES Baseado no conceito de cartão de crédito, visa financiar de forma ágil e simplificada os investimentos das MPMEs. Como Funciona? Ambiente

Leia mais

Apoio do BNDES à Provedores Regionais de Internet. Marabá / PA 15 de abril de 2014

Apoio do BNDES à Provedores Regionais de Internet. Marabá / PA 15 de abril de 2014 Apoio do BNDES à Provedores Regionais de Internet Marabá / PA 15 de abril de 2014 Como apoiamos? Operações Diretas Contratadas diretamente com o BNDES Empresário Como apoiamos? Operações Indiretas Instituições

Leia mais

CAPTAÇÃO DE RECURSOS PARA. Márlon Alberto Bentlin Santa Cruz do Sul RS 04 de agosto de 2014

CAPTAÇÃO DE RECURSOS PARA. Márlon Alberto Bentlin Santa Cruz do Sul RS 04 de agosto de 2014 CAPTAÇÃO DE RECURSOS PARA INVESTIMENTOS EMPRESARIAIS Márlon Alberto Bentlin Santa Cruz do Sul RS 04 de agosto de 2014 Márlon Alberto Be INVESTIMENTO NA ATIVIDADE EMPRESARIAL? Márlon Alberto Be INVESTIMENTO

Leia mais

Sicredi União PR e ACEJ: Uma parceria que coopera com o seu crescimento.

Sicredi União PR e ACEJ: Uma parceria que coopera com o seu crescimento. Sicredi União PR e ACEJ: Uma parceria que coopera com o seu crescimento. Parceria Sicredi e ACEJ O objetivo desta parceria é proporcionar redução de custo financeiro para os empresários de Jaguapitã através

Leia mais

ABINEE TEC 2011 3º ENITEE Encontro Nacional de Inovação Tecnológica da Indústria Elétrica e Eletrônica Fomento à Inovação Subvenção, Apoio

ABINEE TEC 2011 3º ENITEE Encontro Nacional de Inovação Tecnológica da Indústria Elétrica e Eletrônica Fomento à Inovação Subvenção, Apoio ABINEE TEC 2011 3º ENITEE Encontro Nacional de Inovação Tecnológica da Indústria Elétrica e Eletrônica Fomento à Inovação Subvenção, Apoio Tecnológico Financiadora de Estudos e Projetos Agência Brasileira

Leia mais

Apoio do BNDES às Empresas de Comércio e Serviços. São Paulo - SP 24.jun.2015

Apoio do BNDES às Empresas de Comércio e Serviços. São Paulo - SP 24.jun.2015 Apoio do BNDES às Empresas de Comércio e Serviços São Paulo - SP 24.jun.2015 Quem somos Fundado em 20 de Junho de 1952 Empresa pública de propriedade integral da União Principal fonte de crédito de longo

Leia mais

QUADRO SINTESE POR FUNCOES 23 COMÉRCIO E SERVIÇOS 5.545.799 25 ENERGIA 80.000.000 26 TRANSPORTE 28.446.280 TOTAL - GERAL 113.992.

QUADRO SINTESE POR FUNCOES 23 COMÉRCIO E SERVIÇOS 5.545.799 25 ENERGIA 80.000.000 26 TRANSPORTE 28.446.280 TOTAL - GERAL 113.992. PROGRAMA DE TRABALHO (SUPLEMENTACAO) RECURSOS DE TODAS AS FONTES R$ 1,00 23 COMÉRCIO E SERVIÇOS 5.545.799 26 TRANSPORTE 28.446.280 TOTAL - GERAL 113.992.079 122 ADMINISTRAÇÃO GERAL 17.570.500 694 SERVIÇOS

Leia mais

DESENVOLVIMENTO DAS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS, GERAÇÃO DE EMPREGO E INCLUSÃO SOCIAL. XII Seminario del CILEA Bolívia 23 a 25/06/2006

DESENVOLVIMENTO DAS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS, GERAÇÃO DE EMPREGO E INCLUSÃO SOCIAL. XII Seminario del CILEA Bolívia 23 a 25/06/2006 DESENVOLVIMENTO DAS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS, GERAÇÃO DE EMPREGO E INCLUSÃO SOCIAL. XII Seminario del CILEA Bolívia 23 a 25/06/2006 Conteúdo 1. O Sistema SEBRAE; 2. Brasil Caracterização da MPE; 3. MPE

Leia mais

FUNDO DE AVAL FDA E ME COMPETITIVA

FUNDO DE AVAL FDA E ME COMPETITIVA FUNDO DE AVAL FDA E ME COMPETITIVA OBJETIVOS FDA Prover recursos para garantir riscos de crédito e viabilizar o acesso de micro e pequenas empresas a linhas de financiamento. ME COMPETITIVA Apoiar financeiramente

Leia mais

B2W Companhia Digital Divulgação de Resultados 2T13

B2W Companhia Digital Divulgação de Resultados 2T13 Estar Mais Próximo do Cliente B2W Companhia Digital Divulgação de Resultados 2T13 RESULTADOS CONSOLIDADOS 2T13 Receita Bruta R$ 1.369,8 MILHÕES +24% Receita Líquida R$ 1.210,5 MILHÕES +22% Lucro Bruto

Leia mais

Apresentação Institucional Departamento de Bens de Capital - BNDES ABIMAQ 2014

Apresentação Institucional Departamento de Bens de Capital - BNDES ABIMAQ 2014 Apresentação Institucional Departamento de Bens de Capital - BNDES ABIMAQ 2014 Prioridades BNDES Infraestrutura logística e energética Infraestrutura urbana de saneamento e mobilidade. Modernização da

Leia mais

REGULAMENTO. I Prêmio do Empreendedorismo Universitário

REGULAMENTO. I Prêmio do Empreendedorismo Universitário REGULAMENTO I Prêmio do Empreendedorismo Universitário 1. INTRODUÇÃO 1.1. O presente regulamento visa orientar os interessados em participar da 1.ª edição do Prêmio do Empreendedorismo Universitário, iniciativa

Leia mais

Linhas de Financiamento para a Construção Civil

Linhas de Financiamento para a Construção Civil Linhas de Financiamento para a Construção Civil Câmara Brasileira da Indústria de Construção 16 de dezembro de 2009 Quem somos Fundado em 20 de junho de 1952; Empresa pública de propriedade integral da

Leia mais

Pequenas e Médias Empresas no Paraguai. Pequenos Negócios Conceito e Principais instituições de Apoio aos Pequenos Negócios

Pequenas e Médias Empresas no Paraguai. Pequenos Negócios Conceito e Principais instituições de Apoio aos Pequenos Negócios Pequenas e Médias Empresas no Paraguai Pequenos Negócios Conceito e Principais instituições de Apoio aos Pequenos Negócios No Paraguai, as micro, pequenas e médias empresas (MPMEs) podem ser classificadas

Leia mais

APRESENTAÇÃO 21.07.2011

APRESENTAÇÃO 21.07.2011 APRESENTAÇÃO 21.07.2011 QUEM SOMOS Instituição Financeira do Estado de São Paulo, regulada pelo Banco Central, com inicio de atividades em Março/2009 Instrumento institucional de apoio à execução de políticas

Leia mais

PROJETO DE PARCERIA EXPOSITOR

PROJETO DE PARCERIA EXPOSITOR PROJETO DE PARCERIA EXPOSITOR Realização: Amda Associação Maranhense de Distribuidores e Atacadista Amasp Associação Maranhense de Supermercados Fiema Federação das Indústrias do Estado do MA 1 1. APRESENTAÇÃO

Leia mais

O FINANCIAMENTO DOS PEQUENOS NEGÓCIOS NO BRASIL

O FINANCIAMENTO DOS PEQUENOS NEGÓCIOS NO BRASIL O FINANCIAMENTO DOS PEQUENOS NEGÓCIOS NO BRASIL Abril/2014 2014 Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas Sebrae Todos os direitos reservados A reprodução não autorizada desta publicação,

Leia mais

Investimento Social no Entorno do Cenpes. Edson Cunha - Geólogo (UERJ) Msc. em Sensoriamento Remoto (INPE)

Investimento Social no Entorno do Cenpes. Edson Cunha - Geólogo (UERJ) Msc. em Sensoriamento Remoto (INPE) Investimento Social no Entorno do Cenpes Edson Cunha - Geólogo (UERJ) Msc. em Sensoriamento Remoto (INPE) MBA em Desenvolvimento Sustentável (Universidade Petrobras) Abril / 2010 PETR ROBRAS RESPONSABILIDADE

Leia mais

Propostas 2013 2016. Dr. Marcos Norjosa

Propostas 2013 2016. Dr. Marcos Norjosa Propostas 2013 2016 As propostas do candidato a Prefeito Dr. Marcos têm como meta principal o bem estar do povo de Pacoti, assim como seu desenvolvimento social e financeiro. Este plano de governo é resultado

Leia mais

Durante o curso da apresentação registrou-se os seguintes pontos:

Durante o curso da apresentação registrou-se os seguintes pontos: Ata de Reunião da CSTIC - 04/06/2012 Local : Sebrae/CE Hora: 14:00hs Entidades presentes: Alexandre Menezes (Titan), Francisco Soares (ADECE), Edilson Azim (Sebrae), Marcus Veloso (Fiec), Ângela Moraes

Leia mais

MEDIDAS DE ESTÍMULO A ATIVIDADE ECONÔMICA NO ESTADO DE SÃO PAULO

MEDIDAS DE ESTÍMULO A ATIVIDADE ECONÔMICA NO ESTADO DE SÃO PAULO MEDIDAS DE ESTÍMULO A ATIVIDADE ECONÔMICA NO ESTADO DE Fevereiro/2009 SUMÁRIO 1. Medidas já Adotadas 2. Novas Medidas 2 Medidas já adotadas Prorrogação para 31/12/09 do prazo de 60 dias fora o mês para

Leia mais

BDMG. Linhas de financiamento para INOVAÇÃO

BDMG. Linhas de financiamento para INOVAÇÃO BDMG Linhas de financiamento para INOVAÇÃO Setembro/2015 Portfólio BDMG em Inovação Participação em fundos de investimento BDMG TEC Estruturação de parques tecnológicos Financiamentos a projetos inovadores

Leia mais

Como funcionam as micro e pequenas empresas

Como funcionam as micro e pequenas empresas Como funcionam as micro e pequenas empresas Introdução Elas são 99,2% das empresas brasileiras. Empregam cerca de 60% das pessoas economicamente ativas do País, mas respondem por apenas 20% do Produto

Leia mais

12 portos marítimos (+8 terminais privados de uso misto) 409.473 km de rodovias. 18 aeroportos (9 internacionais)

12 portos marítimos (+8 terminais privados de uso misto) 409.473 km de rodovias. 18 aeroportos (9 internacionais) Fórum Nacional Eólico Carta dos Ventos Financiamento de Projetos José Maria Vilar Superintendente do Banco do Nordeste do Brasil (BNB) Natal, 19.06.2009 Nordeste do Brasil: Infraestrutura 12 portos marítimos

Leia mais

XVII Fórum BNB de Desenvolvimento XVI Encontro Regional de Economia

XVII Fórum BNB de Desenvolvimento XVI Encontro Regional de Economia XVII Fórum BNB de Desenvolvimento XVI Encontro Regional de Economia Financiamento aos pequenos negócios como Estratégia de Desenvolvimento Formas de Operação Operações Diretas Contratadas diretamente com

Leia mais

PROCESSO DE SELEÇÃO DE PROJETOS PARA PRÉ-ACELERAÇÃO EDITAL 2016/01 HOTMILK

PROCESSO DE SELEÇÃO DE PROJETOS PARA PRÉ-ACELERAÇÃO EDITAL 2016/01 HOTMILK PROCESSO DE SELEÇÃO DE PROJETOS PARA PRÉ-ACELERAÇÃO EDITAL 2016/01 HOTMILK 1) - APRESENTAÇÃO A Aceleradora HotMilk torna pública a abertura das inscrições para seleção de projetos de empreendimentos de

Leia mais

NASCER BEM 2/59. Foto: Stock.Schng

NASCER BEM 2/59. Foto: Stock.Schng 2/59 Foto: Stock.Schng NASCER BEM OBJETIVOS: Fase 1: Fornecer informações e orientações para empreendedores que pretendem iniciar um negócio, sobretudo na elaboração do Plano de Negócio. 3/59 Foto: Stock.Schng

Leia mais

Banco do Brasil. Encontro da ABRASP Associação Brasileira de Produtores de Soluções Parenterais. Salvador (BA) Novembro/2009

Banco do Brasil. Encontro da ABRASP Associação Brasileira de Produtores de Soluções Parenterais. Salvador (BA) Novembro/2009 Banco do Brasil Encontro da ABRASP Associação Brasileira de Produtores de Soluções Parenterais 1 Salvador (BA) Novembro/2009 1 Índice Contextualização 3 Fundo de Garantia de Operações - FGO 7 Fundo de

Leia mais

Prêmios Santander Universidades Edição 2010. Maio de 2010.

Prêmios Santander Universidades Edição 2010. Maio de 2010. Prêmios Santander Universidades Maio de 2010. O Santander acredita que o investimento no ensino superior é a forma mais direta e eficaz de apostar no desenvolvimento dos países em que está presente E,

Leia mais

Lato Sensu da FGV Management Rio compreende uma análise curricular. Desta forma, solicitamos o

Lato Sensu da FGV Management Rio compreende uma análise curricular. Desta forma, solicitamos o Prezado (a) Sr.(a.), Agradecemos seu interesse em nossos programas de ensino e lhe cumprimentamos pela iniciativa de buscar o seu aperfeiçoamento profissional. Você está recebendo o programa do curso de

Leia mais

Microcrédito Produtivo Orientado Grandes números no mundo

Microcrédito Produtivo Orientado Grandes números no mundo Microcrédito Produtivo Orientado Grandes números no mundo Leste Europeu e Ásia Central Carteira Bruta (US$) 3,6 bilhões Ticket Médio (US$) 1.570,4 Quant. de Tomadores 2,3 milhões Leste Asiático e Pacífico

Leia mais

Painel: Redes de inovação e inovação colaborativa no cenário brasileiro

Painel: Redes de inovação e inovação colaborativa no cenário brasileiro Painel: Redes de inovação e inovação colaborativa no cenário brasileiro São Paulo 23_11_2011 INOVAÇÃO TECNOLÓGICA NA ESTRATÉGIA COMPETITIVA missão A missão da Anpei é: Estimular a Inovação Tecnológica

Leia mais

Recursos subsidiados disponíveis hoje. empresas. para investimentos, giro e inovação nas. Palestrante: Antônio Carlos Rocha

Recursos subsidiados disponíveis hoje. empresas. para investimentos, giro e inovação nas. Palestrante: Antônio Carlos Rocha Competitividade para Gerar Negócios Recursos subsidiados disponíveis hoje para investimentos, giro e inovação nas empresas Palestrante: Antônio Carlos Rocha Coordenação: Nicolás Honorato SINAIS DA RECUPERAÇÃO

Leia mais

CARTA DA PLENÁRIA ESTADUAL DE ECONOMIA POPULAR SOLIDÁRIA DE PERNAMBUCO AO MOVIMENTO DE ECONOMIA SOLIDÁRIA, AOS MOVIMENTOS SOCIAIS E À SOCIEDADE

CARTA DA PLENÁRIA ESTADUAL DE ECONOMIA POPULAR SOLIDÁRIA DE PERNAMBUCO AO MOVIMENTO DE ECONOMIA SOLIDÁRIA, AOS MOVIMENTOS SOCIAIS E À SOCIEDADE FORUM DE ECONOMIA POPULAR SOLIDÁRIA DE PERNAMBUCO CARTA DA PLENÁRIA ESTADUAL DE ECONOMIA POPULAR SOLIDÁRIA DE PERNAMBUCO AO MOVIMENTO DE ECONOMIA SOLIDÁRIA, AOS MOVIMENTOS SOCIAIS E À SOCIEDADE Recife,

Leia mais

COMÉRCIO ELETRÔNICO UM BREVE HISTÓRICO

COMÉRCIO ELETRÔNICO UM BREVE HISTÓRICO UM BREVE HISTÓRICO COMÉRCIO ELETRÔNICO O comércio sempre existiu desde que surgiram as sociedades. Ele é dito como o processo de comprar, vender e trocar produtos e serviços. Inicialmente praticado pelos

Leia mais

I I Simpósio de Iniciação Científica - SICFIC' 2015

I I Simpósio de Iniciação Científica - SICFIC' 2015 A Importância do Plano de Negócios para a Abertura de uma Loja de Roupas Femininas GOMES DE OLIVEIRA, ROSIANE S. (IC) 1 ; PONCHIO, JOÃO ADOLFO de R. (O) 2 1. Acadêmica de Administração de Empresas Faculdade

Leia mais

FINACIAMENTO DO DESENVOLVIMENTO REGIONAL Secretaria de Fundos Regionais e Incentivos Fiscais

FINACIAMENTO DO DESENVOLVIMENTO REGIONAL Secretaria de Fundos Regionais e Incentivos Fiscais FINACIAMENTO DO DESENVOLVIMENTO REGIONAL Secretaria de Fundos Regionais e Incentivos Fiscais Maio/2013 INSTRUMENTOS DE FINANCIAMENTO DA PNDR ORIGEM FUNDOS CONSTITUCIONAIS DE FINANCIAMENTO Constituição

Leia mais

EMPRESAS BRADESCO SEGUROS, PREVIDÊNCIA E CAPITALIZAÇÃO

EMPRESAS BRADESCO SEGUROS, PREVIDÊNCIA E CAPITALIZAÇÃO L2 0 0 6 R E L AT Ó R I O A N U A EMPRESAS BRADESCO SEGUROS, PREVIDÊNCIA E CAPITALIZAÇÃO Prêmio de Seguros Participação no Mercado (em %) Mercado 74,2% Fonte: Susep e ANS Base: Nov/2006 Bradesco 25,8%

Leia mais

Atuação do Banco do Nordeste

Atuação do Banco do Nordeste São Luis MA Novembro de 2012 Atuação do Banco do Nordeste O Banco do Nordeste tem como área básica de atuação os nove Estados da região Nordeste, o norte e os Vales do Mucuri e do Jequitinhonha do Estado

Leia mais

SeminárioADI-2012. Inclusão financeira inovação para as MPE s

SeminárioADI-2012. Inclusão financeira inovação para as MPE s SeminárioADI-2012 Inclusão financeira inovação para as MPE s Guilherme Lacerda Diretor de Infraestrutura Social, Meio Ambiente, Agropecuária e Inclusão Social Barcelona Outubro 2012 1. Diagnóstico Não

Leia mais

INSTRUMENTOS DE DESENVOLVIMENTO DAS MPEs OFERTADOS PELO SEBRAE. Palestra para o Conselho Regional de Administração

INSTRUMENTOS DE DESENVOLVIMENTO DAS MPEs OFERTADOS PELO SEBRAE. Palestra para o Conselho Regional de Administração INSTRUMENTOS DE DESENVOLVIMENTO DAS MPEs OFERTADOS PELO SEBRAE Palestra para o Conselho Regional de Administração 1 O QUE É O SEBRAE? 2 O Sebrae O Serviço de Apoio às Micros e Pequenas Empresas da Bahia

Leia mais

Soluções em Tecnologia da Informação

Soluções em Tecnologia da Informação Soluções em Tecnologia da Informação Curitiba Paraná Salvador Bahia A DTS Sistemas é uma empresa familiar de Tecnologia da Informação, fundada em 1995, especializada no desenvolvimento de soluções empresariais.

Leia mais

Passos para comprar imóveis com segurança. Carlos Maciel Imóveis

Passos para comprar imóveis com segurança. Carlos Maciel Imóveis Passos para comprar imóveis com segurança Carlos Maciel Imóveis Introdução A aquisição de um imóvel é sempre um momento de muita alegria, mas também de muita atenção. Afinal, muito mais do que uma simples

Leia mais

Apresentação A Investe Rio é uma instituição financeira não bancária, sociedade de economia mista com personalidade jurídica de direito privado, vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Energia,

Leia mais

The Industry-based view

The Industry-based view V Simpósio Internacional de Administração e Marketing VII Congresso de Administração da ESPM MULTINACIONAIS EMERGENTES SOB MÚLTIPLAS LENTES: The Industry-based view Prof. Gilmar Masiero gilmarmasiero@gmail.com

Leia mais

PROGRAMA DE FINANCIAMENTO PARA O TURISMO

PROGRAMA DE FINANCIAMENTO PARA O TURISMO PROGRAMA DE FINANCIAMENTO PARA O TURISMO LINHAS DE CRÉDITO PARA MICRO, PEQUENA E MÉDIA EMPRESAS Novembro 2008 FUNGETUR Fundo Geral de Turismo Fomentar e prover recursos para o financiamento de atividades

Leia mais

EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE NEGÓCIOS

EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE NEGÓCIOS EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE NEGÓCIOS Disciplina: Matemática Financeira 10 h/a Ementa: O valor do dinheiro no tempo. Conceitos de juros, taxas de juros, principal,

Leia mais

Uma viagem pelas instalações elétricas. Conceitos & aplicações

Uma viagem pelas instalações elétricas. Conceitos & aplicações Uma viagem pelas instalações elétricas. Conceitos & aplicações Eficiência Energética: Visão Celesc Marco Aurélio Gianesini 4 Geração Transmissão 750kV 500kV 230kV Subestação de Transmissão Linha de Distribuição

Leia mais

Comércio eletrônico 05/05/15. Objetivos de estudo. Qual o papel do e- commerce nos negócios e quais as aplicações mais importantes?

Comércio eletrônico 05/05/15. Objetivos de estudo. Qual o papel do e- commerce nos negócios e quais as aplicações mais importantes? Escola Superior de Gestão e Tecnologia Comércio eletrônico Mercados digitais, mercadorias digitais Prof. Marcelo Mar3ns da Silva Objetivos de estudo Qual o papel do e- commerce nos negócios e quais as

Leia mais

REDE PAULISTA DE ARRANJOS PRODUTIVOS LOCAIS. O Programa Estadual de APLs. 4ª. Conferência Nacional de APLs

REDE PAULISTA DE ARRANJOS PRODUTIVOS LOCAIS. O Programa Estadual de APLs. 4ª. Conferência Nacional de APLs REDE PAULISTA DE ARRANJOS PRODUTIVOS LOCAIS O Programa Estadual de APLs 4ª. Conferência Nacional de APLs Brasília, 28 de outubro de 2009 A Secretaria de Desenvolvimento Missão Promover o crescimento econômico

Leia mais

Ministério da Educação Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Acre Pró-Reitoria de Extensão - PROEX

Ministério da Educação Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Acre Pró-Reitoria de Extensão - PROEX ANEXO 1 FORMULÁRIO DE INSTITUCIONALIZAÇÃO DE PROJETO DE EXTENSÃO 1. IDENTIFICAÇÃO DA PROPOSTA DO PROJETO 1.1 Área temática (ver Anexo 1.1) 1.2 Linha de extensão (informar em qual (is) linha(s) se enquadra

Leia mais

Ação do BNB no Crédito para Energias Renováveis. Natal, 03 de Outubro de 2015

Ação do BNB no Crédito para Energias Renováveis. Natal, 03 de Outubro de 2015 Ação do BNB no Crédito para Energias Renováveis Natal, 03 de Outubro de 2015 Área Básica de Atuação Missão Atuar na promoção do desenvolvimento regional sustentável como banco público competitivo e rentável.

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DO MEI PARA O ATENDIMENTO EMPRESARIAL DO SEBRAE

A IMPORTÂNCIA DO MEI PARA O ATENDIMENTO EMPRESARIAL DO SEBRAE A IMPORTÂNCIA DO MEI PARA O ATENDIMENTO EMPRESARIAL DO SEBRAE Celso Valente Silveira Unidade de Atendimento Individual SEBRAE Nacional Cenário de Empreendedorismo no Brasil A proporção dos brasileiros

Leia mais

RESPONSABILIDADE SOCIAL CORPORATIVA (RSC)

RESPONSABILIDADE SOCIAL CORPORATIVA (RSC) RESPONSABILIDADE SOCIAL CORPORATIVA (RSC) Caroline Pinto Guedes Ferreira ANTECEDENTES Revolução industrial Processo rápido r e intenso de urbanização Uso intenso e indiscriminado dos recursos naturais

Leia mais

BNDES Prosoft. Programa BNDES para o Desenvolvimento da Indústria Nacional de Software e Serviços de Tecnologia da Informação

BNDES Prosoft. Programa BNDES para o Desenvolvimento da Indústria Nacional de Software e Serviços de Tecnologia da Informação BNDES Prosoft Programa BNDES para o Desenvolvimento da Indústria Nacional de Software e Serviços de Tecnologia da Informação Objetivo - Contribuir para o desenvolvimento da indústria nacional de software

Leia mais

Findeter financiamento para a reconstrução e a mitigação de mudanças climáticas

Findeter financiamento para a reconstrução e a mitigação de mudanças climáticas Findeter financiamento para a reconstrução e a mitigação de mudanças climáticas Linhas de Financiamento para Reconstrução e Mitigação de Mudanças Climáticas Fortalecimento de estratégias e produtos financeiros

Leia mais

O QUE É MICROCRÉDITO?

O QUE É MICROCRÉDITO? O QUE É MICROCRÉDITO? Empréstimos de pequeno valor, concedido a pessoas de baixa renda ou em ramo de negócio com baixo volume de recurso, que usualmente não tem acesso ao crédito convencional. CRESCER

Leia mais

III Painel Microempreendedorismo, população de baixa renda e inclusão financeira: caminhos e oportunidades

III Painel Microempreendedorismo, população de baixa renda e inclusão financeira: caminhos e oportunidades III Painel Microempreendedorismo, população de baixa renda e inclusão financeira: caminhos e oportunidades Rodrigo Santos Nogueira Diretor Setorial de Responsabilidade Social e Sustentabilidade FEBRABAN

Leia mais

Apoio do BNDES a Provedores Regionais de Internet. Curitiba / PR 17 de março de 2014

Apoio do BNDES a Provedores Regionais de Internet. Curitiba / PR 17 de março de 2014 Apoio do BNDES a Provedores Regionais de Internet Curitiba / PR 17 de março de 2014 Agenda Informações Institucionais Apoio às Micro, Pequenas e Médias Empresas Projetos de Investimento Aquisição de Máquinas

Leia mais

CURRÍCULO ELIANA PESSOA

CURRÍCULO ELIANA PESSOA CURRÍCULO ELIANA PESSOA FORMAÇÃO ACADÊMICA 2008 Universidade Católica de Brasília Mestrado em Educação Dissertação: Educação Empreendedora: Concepções e Práticas Pedagógicas em Instituições de Ensino Superior

Leia mais