POCI 2020 PROGRAMA O PERACIONAL

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "POCI 2020 PROGRAMA O PERACIONAL"

Transcrição

1 POCI 2020 PROGRAMA O PERACIONAL PARA A COMP ETITIVIDADE E INTERNACIO NALIZAÇÃO Aveiro, maio de 2014 Prestação de Serviços de Consultoria Empresarial e Formação

2 POCI PROGRAMA OPERACIONAL PARA A COMPETITIVIDADE E INTERNACIONALIZAÇÃO O Programa Operacional para a Competitividade e Internacionalização tem como finalidade contribuir para a criação de uma economia mais competitiva, baseada em atividades intensivas em conhecimento, na aposta em bens e serviços transacionáveis e internacionalizáveis e no reforço da qualificação e da orientação exportadora das empresas portuguesas, em especial das PME, promovendo, igualmente, a redução de custos associada a uma maior eficiência dos serviços públicos e à melhoria dos transportes e sua integração nas redes transeuropeias. Integrado no Portugal 2020, o ciclo de programação dos fundos estruturais para os anos , engloba um volume de fundos comunitários (FEDER, FSE e Fundo de Coesão) de 4.423M, a que acresce a contrapartida nacional (pública e privada). Telf: Fax:

3 O POCI vai ter sies eixos prioritários. Eixo I Reforço da investigação, do desenvolvimento tecnológico e da inovação Aumentar o investimento empresarial em atividades inovadoras, promovendo o aumento da produção transacionável e internacionalizável e a alteração do perfil produtivo do tecido económico. Reforçar a transferência de conhecimento científico e tecnológico para o setor empresarial, promovendo uma maior eficácia no Sistema de I&D e de Inovação Nacional e a criação de valor. Aumentar o investimento empresarial em I&D&I, reforçando a ligação das empresas às entidades do SCTN e promovendo o aumento das atividades económicas intensivas em conhecimento e a criação de valor baseada na inovação. Aumentar a produção científica de qualidade reconhecida internacionalmente, orientada para a especialização inteligente e visando estimular uma economia de base tecnológica e de alto valor acrescentado, privilegiando a excelência, a cooperação e a internacionalização. Telf: Fax: M

4 Eixo II Reforço da competitividade das PME incluindo a redução de custos públicos de contexto Reforçar a capacitação empresarial das PME para o desenvolvimento de produtos e serviços. Reforçar a capacitação empresarial para a Internacionalização, incluindo a produção competitiva de bens e serviços transacionáveis e internacionalizáveis, promovendo o aumento das exportações e a visibilidade internacional de Portugal. Promover o empreendedorismo qualificado e criativo M Telf: Fax:

5 Eixo III Promoção da sustentabilidade e da qualidade do emprego e apoio à mobilidade dos trabalhadores Intensificar a formação dos empresários para a reorganização e melhoria das capacidades de gestão, assim como dos ativos das empresas. Inserção de recursos humanos altamente qualificados no Sistema Científico e Tecnológico Nacional. 496 M Telf: Fax:

6 Eixo IV Promoção de transportes sustentáveis e eliminação dos estrangulamentos nas principais redes de infraestruturas Desenvolvimento dos sistemas, equipamentos e infraestruturas de transporte e logística com baixas emissões de carbono, por forma a aumentar a sua sustentabilidade económica e ambiental e a competitividade das atividades produtoras de bens e serviços transacionáveis e a movimentação de pessoas e bens. Desenvolvimento dos sistemas, equipamentos e infraestruturas de transportes e logística inseridas nas Redes Transeuropeias de Transportes. Promover a competitividade do sistema ferroviário pesado e ligeiro para que se assuma como uma alavanca de desenvolvimento das atividades produtoras de bens e serviços transacionáveis e internacionalizáveis e um meio privilegiado de movimentação de pessoas e bens. 754 M Telf: Fax:

7 Eixo V Reforço da capacidade institucional das autoridades públicas e das partes interessadas e da eficiência da Administração Pública Melhorar a eficácia, eficiência e a qualidade dos serviços prestados pela Administração Pública, reforçando a implementação de um ambiente favorável à atividade económica. Reforçar a disponibilidade de serviços em rede por parte da administração e serviços públicos, contribuindo para uma melhoria do desempenho das funções de interação do Estado com os cidadãos e com os agentes económicos. 126 M Telf: Fax:

8 Eixo VI Assistência Técnica Qualificar a prestação do serviço público, envolvendo a formação dos trabalhadores que prestam diretamente serviços aos cidadãos e às empresas. Qualificar os trabalhadores integrados no sistema de requalificação com vista à sua recolocação. 115 M Telf: Fax:

9 POCI PROGRAMA OPERACIONAL PARA A COMPETITIVIDADE E INTERNACIONALIZAÇÃO O Programa tem por alvo de intervenção as regiões menos desenvolvidas do Continente Norte, Centro e Alentejo (sendo de abrangência nacional no caso dos projetos a financiar através do Fundo de Coesão). O programa é complementado pelos Programas Operacionais Regionais do Continente, com os quais forma uma rede bem articulada, através da qual são colocados no terreno instrumentos de política pública com regras e objetivos comuns, direcionados para a competitividade das regiões e da economia do país. Este documento é de natureza geral e meramente informativa, não se destinando a qualquer entidade ou situação particular, e não substitui aconselhamento profissional adequado ao caso concreto. A Finaccount não se responsabilizará por qualquer dano ou prejuízo emergente de decisão tomada com base na informação aqui descrita. Telf: Fax:

10 Rua de Angola, nº21, Aveiro Telf: Fax: Web:

SISTEMAS DE INCENTIVOS PORTUGAL 2020

SISTEMAS DE INCENTIVOS PORTUGAL 2020 SISTEMAS DE INCENTIVOS PORTUGAL 2020 Qualificação PME Esta candidatura consiste num plano de apoio financeiro a projetos que visam ações de qualificação de PME em domínios imateriais com o objetivo de

Leia mais

STARTUP JUVENTUDE INFO

STARTUP JUVENTUDE INFO PORTUGAL 2020 SISTEMA DE INCENTIVOS INFO#008 20.ABR.2017 FUNDAÇÃO DA JUVENTUDE 1. AVISO N.º 13/SI/2017 SISTEMA DE INCENTIVOS INVESTIGAÇÃO E DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO VALES OPORTUNIDADES DE INVESTIGAÇÃO

Leia mais

Apresentação do Programa

Apresentação do Programa Apresentação do Programa A Região Lisboa e Vale do Tejo AML A Estratégia do Programa Operacional Afirmar Lisboa como uma região cosmopolita e competitiva no sistema das regiões europeias, contribuindo

Leia mais

Sistema de incentivos Portugal 2020 Calendário de aberturas 2016

Sistema de incentivos Portugal 2020 Calendário de aberturas 2016 www.finaccount.com Sistema de incentivos Portugal aberturas Prestação de Serviços de Consultoria Empresarial e Formação Tipologia de Intervenção/ Identificação do Aviso I&D Empresarial I&D Empresarial

Leia mais

O COMPETE 2020 ANEXO I

O COMPETE 2020 ANEXO I O COMPETE 2020 O Programa Operacional Temático Competitividade e Internacionalização, designado por COMPETE 2020, insere-se na prioridade temática Competitividade e Internacionalização do Portugal 2020

Leia mais

OPORTUNIDADES DE FINANCIAMENTO PARA AS EMPRESAS NO PORTUGAL 2020

OPORTUNIDADES DE FINANCIAMENTO PARA AS EMPRESAS NO PORTUGAL 2020 OPORTUNIDADES DE FINANCIAMENTO PARA AS EMPRESAS NO PORTUGAL 2020 Sessão de apresentação/divulgação Barreiro Vítor Escária 28.01.2015 1. Enquadramento 2. Condições de Elegibilidade e Apoios Máximos 3. Apoio

Leia mais

PORTUGAL Faça clique para editar o estilo apresentação. Não podemos prever o futuro mas podemos construí-lo!

PORTUGAL Faça clique para editar o estilo apresentação. Não podemos prever o futuro mas podemos construí-lo! apresentação PORTUGAL 2020 www.in-formacao.com.pt Não podemos prever o futuro mas podemos construí-lo! 03-02-2015 FAMALICÃO PORTO IN.03.03.00 1 INTRODUÇÃO O PORTUGAL 2020 é o Acordo de Parceria adotado

Leia mais

Ciência e Inovação Realizar Portugal

Ciência e Inovação Realizar Portugal Programa Operacional Ciência e Inovação Realizar Portugal União Europeia Fundos Estruturais Programa Operacional Ciência e Inovação 2010 No dia 24 de Dezembro de 2004 foi aprovado, por decisão (5706/2004)

Leia mais

Portugal 2020: Objetivos e Desafios António Dieb

Portugal 2020: Objetivos e Desafios António Dieb Portugal 2020: Objetivos e Desafios 2014-2020 António Dieb Porto, 11 de julho de 2016 Tópicos: 1. Enquadramento Estratégico (EU 2020) 2. Portugal 2020: Objetivos e prioridades 3. Estrutura Operacional

Leia mais

Programa Operacional Regional Alentejo 2014/2020. Identidade, Competitividade, Responsabilidade

Programa Operacional Regional Alentejo 2014/2020. Identidade, Competitividade, Responsabilidade Programa Operacional Regional Alentejo 2014/2020 Identidade, Competitividade, Responsabilidade Lezíria do Tejo Alto Alentejo Alentejo Central Alentejo Litoral Baixo Alentejo Planeamento Estratégico Regional

Leia mais

Calendário Comum de Lançamento de Concursos

Calendário Comum de Lançamento de Concursos Calendário Comum de Lançamento de Concursos Domínio Competitividade e Internacionalização do Portugal 2020 Março de 2015 a Março de 2016 Frederico Mendes & Associados Sociedade de Consultores Lda. Rua

Leia mais

Lisboa 2020 Sessão de esclarecimento Programa. Apresentação do Programa Operacional Regional de Lisboa 2020

Lisboa 2020 Sessão de esclarecimento Programa. Apresentação do Programa Operacional Regional de Lisboa 2020 Abertura Lisboa 2020 Sessão de esclarecimento Programa Carlos Pina, Presidente do LNEC Nelson de Souza, Secretário de Estado do Desenvolvimento e Coesão Apresentação do Programa Operacional Regional de

Leia mais

SESSÃO DE APRESENTAÇÃO Cursos Técnicos Superiores Profissionais TeSP

SESSÃO DE APRESENTAÇÃO Cursos Técnicos Superiores Profissionais TeSP Programa Operacional Regional Alentejo 2014/2020 SESSÃO DE APRESENTAÇÃO Cursos Técnicos Superiores Profissionais TeSP Identidade, Competitividade, Responsabilidade Lezíria do Tejo Alto Alentejo Alentejo

Leia mais

Projeto Formação QIPME 2013 Aveiro, 2013

Projeto Formação QIPME 2013 Aveiro, 2013 Projeto Formação QIPME 2013 Aveiro, 2013 Prestação de Serviços de Consultoria Empresarial e Formação Programa QIPME 2013 O Programa Formação QIPME destina-se a PME s e pretende contribuir para a melhoria

Leia mais

APOIOS À INTERNACIONALIZAÇÃO DA ECONOMIA

APOIOS À INTERNACIONALIZAÇÃO DA ECONOMIA APOIOS À INTERNACIONALIZAÇÃO DA ECONOMIA Seminário Exportar, exportar, exportar A Experiência dos Principais Clusters Regionais Piedade Valente Vogal da Comissão Diretiva do COMPETE Viana do Castelo, 11

Leia mais

PROGRAMA OPERACIONAL REGIONAL DO ALENTEJO

PROGRAMA OPERACIONAL REGIONAL DO ALENTEJO PROGRAMA OPERACIONAL REGIONAL DO ALENTEJO 2014-2020 ALENTEJO 2014 2020 www.alentejo.portugal2020.pt FICHA TÉCNICA Edição Autoridade de Gestão do Alentejo 2020 Coordenação Editorial Autoridade de Gestão

Leia mais

PLANO DE ACÇÃO REGIONAL ALENTEJO 2020

PLANO DE ACÇÃO REGIONAL ALENTEJO 2020 FORUM REGIONAL ALENTEJO 2020 DESAFIOS E OPORTUNIDADES PLANO DE ACÇÃO REGIONAL ALENTEJO 2020 COMISSÃO DE COORDENAÇÃO E DESENVOLVIMENTO REGIONAL DO ALENTEJO Joaquim Fialho joaquim.fialho@ccdr-a.gov.pt Vendas

Leia mais

Internacionalização das PME Qualificação das PME

Internacionalização das PME Qualificação das PME Sistema de Incentivos Qualificação e Internacionalização PME Qualificação das PME Investigação e Desenvolvimento Tecnológico (I&DT) Inovação Empresarial e Empreendedorismo Qualificação e Internacionalização

Leia mais

Programa Operacional Regional Alentejo 2007/2013

Programa Operacional Regional Alentejo 2007/2013 Cooperação Territorial Europeia 2007/2013 Que oportunidades para Lisboa e Vale do Tejo? Centro Cultural de Belém 31 de Março 2008 Programa Operacional Regional Alentejo 2007/2013 Cooperação territorial

Leia mais

Inovação Produtiva PME Qualificação das PME

Inovação Produtiva PME Qualificação das PME Sistema de Incentivos Inovação Empresarial e Empreendedorismo Qualificação das PME Investigação e Desenvolvimento Tecnológico (I&DT) Inovação Empresarial e Empreendedorismo Qualificação e Internacionalização

Leia mais

A MOBILIDADE INTELIGENTE e INCLUSIVA

A MOBILIDADE INTELIGENTE e INCLUSIVA A MOBILIDADE INTELIGENTE e INCLUSIVA Os Projetos de Lisboa para 2020 Teresa Almeida A MOBILIDADE INTELIGENTE e INCLUSIVA Os Projetos de Lisboa para 2020 1. O Quadro Europeu 2. O Quadro Municipal 3. As

Leia mais

O Mar nos Programas Temáticos Regionais João Fonseca Ribeiro Diretor Geral de Politica do Mar

O Mar nos Programas Temáticos Regionais João Fonseca Ribeiro Diretor Geral de Politica do Mar O Mar nos Programas Temáticos Regionais 2014-2020 João Fonseca Ribeiro Diretor Geral de Politica do Mar O Panorama Nacional e Internacional Oceano Atlântico Norte Oceano Atlântico Sul Reafirmar Portugal

Leia mais

A REINDUSTRIALIZAÇÃO NA EUROPA Desafios e oportunidades. Vila Nova de Cerveira- 19/4/2012

A REINDUSTRIALIZAÇÃO NA EUROPA Desafios e oportunidades. Vila Nova de Cerveira- 19/4/2012 A REINDUSTRIALIZAÇÃO NA EUROPA Desafios e oportunidades Vila Nova de Cerveira- 19/4/2012 Política de coesão para 2014-2020 Ancoragem /Enquadramento geral Estratégia Europa 2020 PNR = Programas Nacionais

Leia mais

Quadro de Avaliação e Responsabilização

Quadro de Avaliação e Responsabilização ANO: Ministério da Educação e Ciência Fundação para a Ciência e Tecnologia, I.P. MISSÃO: A FCT tem por missão apoiar, financiar e avaliar o Sistema Nacional de Investigação e Inovação, desenvolver a cooperação

Leia mais

Divulgação do Programa Estratégico +E + I. CIM Alto Minho Arcos de Valdevez

Divulgação do Programa Estratégico +E + I. CIM Alto Minho Arcos de Valdevez Divulgação do Programa Estratégico +E + I CIM Alto Minho Arcos de Valdevez 31.01.2013 O Programa +E+I O Empreendedorismo e a inovação são objectivos prioritários para o desenvolvimento e o aumento da competitividade

Leia mais

INOVAÇÃO PRODUTIVA CONCURSO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS AVISO N.º 07/SI/ All rights reserved

INOVAÇÃO PRODUTIVA CONCURSO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS AVISO N.º 07/SI/ All rights reserved CONCURSO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS AVISO N.º 07/SI/2017 1 Introdução Enquadramento Incentivar a inovação do tecido económico nacional através do desenvolvimento de empresas e empreendedores, inovando

Leia mais

programa operacional região de lisboa Versão de trabalho Fevereiro 2014 Parecer da CGTP-IN

programa operacional região de lisboa Versão de trabalho Fevereiro 2014 Parecer da CGTP-IN programa operacional região de lisboa 2014 2020 Versão de trabalho Fevereiro 2014 Parecer da CGTP-IN I - Caracterização da Região O PO Regional de Lisboa identifica a região de Lisboa e a sua centralidade

Leia mais

ANÚNCIO PARA PARTICIPAÇÃO NO LEVANTAMENTO E CARACTERIZAÇÃO DA REDE DE INFRAESTRUTURAS TECNOLÓGICAS

ANÚNCIO PARA PARTICIPAÇÃO NO LEVANTAMENTO E CARACTERIZAÇÃO DA REDE DE INFRAESTRUTURAS TECNOLÓGICAS ANÚNCIO PARA PARTICIPAÇÃO NO LEVANTAMENTO E CARACTERIZAÇÃO DA REDE DE INFRAESTRUTURAS TECNOLÓGICAS PROCESSO DE MAPEAMENTO DAS INFRAESTRUTURAS TECNOLÓGICAS NACIONAIS 9 de agosto de 2016 Página 1 de 6 Índice

Leia mais

SISTEMA DE MONITORIZAÇÃO DA RIS3 DO CENTRO. Carla Coimbra 14 julho 2017

SISTEMA DE MONITORIZAÇÃO DA RIS3 DO CENTRO. Carla Coimbra 14 julho 2017 SISTEMA DE MONITORIZAÇÃO DA RIS3 DO CENTRO Carla Coimbra 14 julho 2017 O que é a RIS3? Um processo que permite identificar, em cada região, as áreas prioritárias para atribuição de fundos comunitários

Leia mais

O Mar no próximo QFP

O Mar no próximo QFP O Mar no próximo QFP 2014-2020 Fórum do Mar José Manuel Fernandes Deputado ao Parlamento Europeu Estratégia Europa 2020 A guia das próximas perspectivas financeiras Estratégia Europa 2020 2020 Crescimento

Leia mais

Apoios à Inovação e Internacionalização das Empresas Franquelim Alves

Apoios à Inovação e Internacionalização das Empresas Franquelim Alves Apoios à Inovação e Internacionalização das Empresas Franquelim Alves Gestor do COMPETE Braga, 17 de Fevereiro de 2012 QREN 2007-2013 Agendas Prioritárias Competitividade Potencial Humano Valorização do

Leia mais

A estratégia para o setor agro-alimentar em territórios de baixa densidade

A estratégia para o setor agro-alimentar em territórios de baixa densidade A estratégia para o setor agro-alimentar em territórios de baixa densidade Seminário Contributo do Setor Agroalimentar para o Desenvolvimento Territorial 2 0 1 4-2 0 2 0 Guarda, 9 de Dezembro de 2014 A

Leia mais

Quadro Estratégico Comum

Quadro Estratégico Comum Quadro Estratégico Comum 2014-2020 Objetivos Prioridades Estrutura Orgânica Sociedade de Geografia de Lisboa, 8 de Julho de 2013 Piedade Valente Vogal da Comissão Diretiva do COMPETE Quadro Estratégico

Leia mais

O Papel dos Fundos Estruturais na promoção da competitividade

O Papel dos Fundos Estruturais na promoção da competitividade O Papel dos Fundos Estruturais na promoção da competitividade "A caminho da EUROPA 2020" Conferência Crescer & Competir Porto, 6 dezembro 2013 Virgílio Martins Unidade G3 Portugal Direção-Geral Política

Leia mais

RELATÓRIO ANUAL DE EXECUÇÃO. Programa Operacional MAR 2020 PORTUGAL

RELATÓRIO ANUAL DE EXECUÇÃO. Programa Operacional MAR 2020 PORTUGAL RELATÓRIO ANUAL DE EXECUÇÃO 2015 Programa Operacional MAR 2020 PORTUGAL Relatório Anual 2015 RELATÓRIO DE EXECUÇÃO DO PO MAR 2020 ANO DE 2015 CCI: 2014PT14MFOP001 PROGRAMA OPERACIONAL: PROGRAMA OPERACIONAL

Leia mais

ASSESPRO/SEITAC ITIC. Portugal Sistema de Incentivos

ASSESPRO/SEITAC ITIC. Portugal Sistema de Incentivos ASSESPRO/SEITAC ITIC Portugal 2020 Sistema de Incentivos A Globalseven é uma consultora nacional, cujos principais negócios recaem na prestação de serviços de consultoria em Gestão de Negócios, dando prioridade

Leia mais

Agenda Factores de Competitividade

Agenda Factores de Competitividade QREN Agenda Factores de Competitividade 12 Novembro 07 1 Objectivos desenvolvimento de uma economia baseada no conhecimento e na inovação; incremento da produção transaccionável e de uma maior orientação

Leia mais

SEMINÁRIO DE LANÇAMENTO PROGRAMA INTERREG V - A

SEMINÁRIO DE LANÇAMENTO PROGRAMA INTERREG V - A SEMINÁRIO DE LANÇAMENTO PROGRAMA INTERREG V - A MADEIRA-AÇORES-CANÁRIAS 2014-2020 Angra do Heroísmo, 29 janeiro 2016 QUAL O TERRITÓRIO DO ESPAÇO DE COOPERAÇÃO? - As regiões insulares ultraperiféricas de

Leia mais

Portugal 2020 Investir no futuro. R&D and Government Incentives

Portugal 2020 Investir no futuro. R&D and Government Incentives Portugal 2020 Investir no futuro R&D and Government Incentives 1 Qualificação e Internacionalização (QI) das Pequenas e Médias Empresas (PME) Síntese Tipologias de projetos Atividades económicas elegíveis

Leia mais

Portugal 2020 Investir no futuro. R&D and Government Incentives

Portugal 2020 Investir no futuro. R&D and Government Incentives Portugal 2020 Investir no futuro R&D and Government Incentives 1 Qualificação e Internacionalização (QI) das Pequenas e Médias Empresas (PME) Síntese Tipologias de projetos Atividades económicas elegíveis

Leia mais

Programa Operacional Regional do Alentejo/Estratégia Regional de Especialização Inteligente. Financiamento de projetos para Cidades Analíticas

Programa Operacional Regional do Alentejo/Estratégia Regional de Especialização Inteligente. Financiamento de projetos para Cidades Analíticas Programa Operacional Regional do Alentejo/Estratégia Regional de Especialização Inteligente Financiamento de projetos para Cidades Analíticas Rio Maior 13 de Março 2015 Estratégia Regional de Especialização

Leia mais

Apoios financeiros europeus Dr. Carlos Ribeiro Medeiros

Apoios financeiros europeus Dr. Carlos Ribeiro Medeiros Apoios financeiros europeus 2014-2020 Dr. Carlos Ribeiro Medeiros Apoios financeiros europeus 2014-2020 Quadro Financeiro UE 2007-2013 Estratégia Europa 2020 Quadro Financeiro UE 2014-2020 Programas europeus

Leia mais

A Competitividade e o Crescimento da Economia Açoriana. Oportunidades no Quadro Horizonte 2020

A Competitividade e o Crescimento da Economia Açoriana. Oportunidades no Quadro Horizonte 2020 A Competitividade e o Crescimento da Economia Açoriana Oportunidades no Quadro Horizonte 2020 O próximo quadro financeiro da União Europeia e a RIS 3 na RA dos Açores Rui Amann 9 de Outubro de 2014 Preparação

Leia mais

As PME europeias nas Cadeias de Valor Globais

As PME europeias nas Cadeias de Valor Globais As PME europeias nas Cadeias de Valor Globais COMISSÃO EUROPEIA CIP AIDA Aveiro, 24 de janeiro de 2017 jose.vale@iapmei.pt Política Pública (Programa do Governo) Desafio da Inovação no tecido empresarial

Leia mais

Implementação da ENM Abordagens Integradas para a Náutica

Implementação da ENM Abordagens Integradas para a Náutica Implementação da ENM 2013-2020 Abordagens Integradas para a Náutica Náutica 2020 Vila Praia de Âncora, 21 de novembro de 2014 João Fonseca Ribeiro Diretor-Geral de Politica do Mar O Mar-Portugal é um desígnio

Leia mais

Região do Médio Tejo. Características e Desafios

Região do Médio Tejo. Características e Desafios Região do Médio Tejo Características e Desafios 09 março 2015 A Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo Território e Municípios A Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo Atribuições e Competências das

Leia mais

PLANO DE AVISOS 2016 (*)

PLANO DE AVISOS 2016 (*) PO PO PO PO Calendário de de Dados do Identificação do Referência do Empreendedorismo Qualificado 3 3.1, 8.5 janeiro 16 abril 16 SI - 02/SI/2016 Inovação Empresarial Inovação Produtiva Científico e Tecnológico

Leia mais

Portugal 2020 Apresentação

Portugal 2020 Apresentação Portugal 2020 Apresentação Porto Rua Dr. Ernesto Soares dos Reis, N.º 208, 1º Andar, Sala Q 3720-256 Oliveira de Azeméis Lisboa Edifício Oeiras Office - 1ºD R. Marechal Teixeira Rebelo, 2 2780-271 Oeiras

Leia mais

Eixo Prioritário 2: Melhorar a competitividade das empresas

Eixo Prioritário 2: Melhorar a competitividade das empresas Eixo Prioritário 2: Melhorar a competitividade das empresas Identificação 2 Título Melhorar a competitividade das empresas A totalidade do eixo prioritário será executada unicamente com instrumentos financeiros

Leia mais

REPUBLICAÇÃO DO ANÚNCIO PARA PARTICIPAÇÃO NO LEVANTAMENTO E CARACTERIZAÇÃO DA REDE DE INFRAESTRUTURAS TECNOLÓGICAS

REPUBLICAÇÃO DO ANÚNCIO PARA PARTICIPAÇÃO NO LEVANTAMENTO E CARACTERIZAÇÃO DA REDE DE INFRAESTRUTURAS TECNOLÓGICAS REPUBLICAÇÃO DO ANÚNCIO PARA PARTICIPAÇÃO NO LEVANTAMENTO E CARACTERIZAÇÃO DA REDE DE INFRAESTRUTURAS TECNOLÓGICAS PROCESSO DE MAPEAMENTO DAS INFRAESTRUTURAS TECNOLÓGICAS NACIONAIS (13 DE OUTUBRO DE 2016)

Leia mais

O POTENCIAL HUMANO PARA de NOVEMBRO 2012

O POTENCIAL HUMANO PARA de NOVEMBRO 2012 O POTENCIAL HUMANO PARA 2013 28 de NOVEMBRO 2012 O POTENCIAL HUMANO PARA 2013 ORIENTAÇÕES ESTRATÉGICAS PARA O FUTURO - CAPITAL HUMANO PARA O CRESCIMENTO E O EMPREGO CONTRIBUTO DO POPH (ANOS 2013 E 2014)

Leia mais

Projetos Conjuntos Formação Ação no domínio da Competitividade e Internacionalização Portugal 2020

Projetos Conjuntos Formação Ação no domínio da Competitividade e Internacionalização Portugal 2020 Projetos Conjuntos Formação Ação no domínio da Competitividade e Internacionalização Portugal 2020 15 de abril de 2016 ENQUADRAMENTO Sistema de Incentivos às Empresas Inovação Empresarial e Empreendedorismo

Leia mais

A. PROJETOS DE I&DT EMPRESAS INDIVIDUAIS

A. PROJETOS DE I&DT EMPRESAS INDIVIDUAIS PROGRAMA OPERACIONAL REGIONAL DO CENTRO EIXO 1 COMPETITIVIDADE, INOVAÇÃO E CONHECIMENTO INSTRUMENTO: SISTEMA DE INCENTIVOS À INVESTIGAÇÃO E DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO (SI I&DT) PARTE II - CRITÉRIOS DE

Leia mais

PROPOSTA DE PILARES PARA O PRÓXIMO PROGRAMA DE APOIO AS POLÍTICAS (PSI) APRESENTAÇÃO AO SEMINÁRIO DE AVALIAÇÃO DOS PROGRAMAS DO FMI E PERSPECTIVAS

PROPOSTA DE PILARES PARA O PRÓXIMO PROGRAMA DE APOIO AS POLÍTICAS (PSI) APRESENTAÇÃO AO SEMINÁRIO DE AVALIAÇÃO DOS PROGRAMAS DO FMI E PERSPECTIVAS PROPOSTA DE PILARES PARA O PRÓXIMO PROGRAMA DE APOIO AS POLÍTICAS (PSI) APRESENTAÇÃO AO SEMINÁRIO DE AVALIAÇÃO DOS PROGRAMAS DO FMI E PERSPECTIVAS MAPUTO, 11 DE MARÇO DE 2013 ESTRUTURA DA APRESENTAÇÃO

Leia mais

Programa Próprio de Iniciação Tecnológica Industrial PPITI

Programa Próprio de Iniciação Tecnológica Industrial PPITI Programa Próprio de Iniciação Tecnológica Industrial PPITI Anápolis 2011 Programa Próprio de Iniciação Tecnológica Industrial - PPITI 1. Justificativa A inovação tecnológica é a introdução no mercado de

Leia mais

Portugal Reinvente o seu Modelo de Negócio com o apoio da WINNING! Financie os seus projetos com as tipologias VALE Projeto Simplificado

Portugal Reinvente o seu Modelo de Negócio com o apoio da WINNING! Financie os seus projetos com as tipologias VALE Projeto Simplificado Portugal 2020 Financie os seus projetos com as tipologias VALE Projeto Simplificado Os apoios previstos são concedidos sob a forma de Incentivo Não Reembolsável até 75%. O limite máximo de despesa elegível

Leia mais

ecomar GRUPO DE AÇÃO LOCAL

ecomar GRUPO DE AÇÃO LOCAL O DESENVOLVIMENTO LOCAL DE BASE COMUNITÁRIA (DLBC) é um instrumento do Portugal 2020 que visa promover a concertação estratégica e operacional entre parceiros que atuam num território específico (rural,

Leia mais

Medida de apoio à inovação

Medida de apoio à inovação Medida de apoio à inovação Programa de Desenvolvimento Rural 2014-2020 Maria Pedro Silva Organização: Apoio Institucional: Grupos Crescimento Valor Acrescentado Rentabilidade Económica Inovação Capacitação

Leia mais

O presente documento suporta a apreciação do ponto 3 da Agenda da Comissão de Acompanhamento, sendo composto por duas partes:

O presente documento suporta a apreciação do ponto 3 da Agenda da Comissão de Acompanhamento, sendo composto por duas partes: EIXO 1 COMPETITIVIDADE, INOVAÇÃO E CONHECIMENTO INSTRUMENTO: SISTEMA DE APOIO A INFRA-ESTRUTURAS CIENTÍFICAS E TECNOLÓGICAS O presente documento suporta a apreciação do ponto 3 da Agenda da Comissão de

Leia mais

PROGRAMA. 14h30_ Apresentação Rexel Energy Solutions. 14h45_ Balanço de potências nas Instalações com Autoconsumo Fotovoltaico

PROGRAMA. 14h30_ Apresentação Rexel Energy Solutions. 14h45_ Balanço de potências nas Instalações com Autoconsumo Fotovoltaico PROGRAMA 14h30_ Apresentação Rexel Energy Solutions 14h45_ Balanço de potências nas Instalações com Autoconsumo Fotovoltaico 15h20_ Acesso aos Programas Operacionais Financiados _Apresentação da Status

Leia mais

Programa Operacional Regional Alentejo 2014/2020. Identidade, Competitividade, Responsabilidade

Programa Operacional Regional Alentejo 2014/2020. Identidade, Competitividade, Responsabilidade Programa Operacional Regional Alentejo 2014/2020 Identidade, Competitividade, Responsabilidade Lezíria do Tejo Alto Alentejo Alentejo Central Alentejo Litoral Baixo Alentejo Planeamento Estratégico Regional

Leia mais

Plataforma Tecnológica da Floresta - Parcerias que geram futuro - Competitividade das indústrias da fileira florestal. 6 de maio de 2015 UA, Aveiro

Plataforma Tecnológica da Floresta - Parcerias que geram futuro - Competitividade das indústrias da fileira florestal. 6 de maio de 2015 UA, Aveiro Plataforma Tecnológica da Floresta - Parcerias que geram futuro - Competitividade das indústrias da fileira florestal 6 de maio de 2015 UA, Aveiro Futuro em 10 min A Visão AIFF (1) 35% - Enquadramento

Leia mais

Programa Estratégico 2020 OESTE PORTUGAL

Programa Estratégico 2020 OESTE PORTUGAL Programa Estratégico 2020 OESTE PORTUGAL Apresentação Programa Estratégico 2020 Oeste Portugal 28 Janeiro 2014 1 Estratégia Oeste Portugal 2020 REGIÃO OESTE PORTUGAL - REDE DE CAPACIDADES INSTALADA Território

Leia mais

Comissão do Desenvolvimento Regional PROJETO DE PARECER. da Comissão do Desenvolvimento Regional

Comissão do Desenvolvimento Regional PROJETO DE PARECER. da Comissão do Desenvolvimento Regional Parlamento Europeu 2014-2019 Comissão do Desenvolvimento Regional 2016/0276(COD) 20.12.2016 PROJETO DE PARECER da Comissão do Desenvolvimento Regional dirigido à Comissão dos Assuntos Económicos e Monetários

Leia mais

Desafio Portugal 2020: Educação, Qualificação Profissional e Mercado de Trabalho: Impacto na Economia Portuguesa

Desafio Portugal 2020: Educação, Qualificação Profissional e Mercado de Trabalho: Impacto na Economia Portuguesa Desafio Portugal 2020: Educação, Qualificação Profissional e Mercado de Trabalho: Impacto na Economia Portuguesa Auditório da Biblioteca Municipal Gustavo Pinto Lopes Torres Novas Fundos Europeus 2014-2020

Leia mais

Portugal 2020 Apresentação

Portugal 2020 Apresentação Portugal 2020 Apresentação Porto Largo Luís de Camões, Edifício Rainha, 9º Andar, Sala 1 3720-232 Oliveira de Azeméis - Portugal Lisboa Rua Fradesso da Silveira, n. 4, Piso 3B, 1300-609 Lisboa T. +351

Leia mais

27 de junho de Domingos Lopes

27 de junho de Domingos Lopes 27 de junho de 2016 Domingos Lopes Objetivos Temáticos OT 8. Promover a sustentabilidade e a qualidade do emprego e apoiar a mobilidade dos trabalhadores assumindo como meta nacional, até 2020, o aumento

Leia mais

CONDIÇÕES DE ADMISSIBILIDADE CONDIÇÕES EXCLUDENTES. 1 Apresentação telemática no prazo estabelecido na convocatória.

CONDIÇÕES DE ADMISSIBILIDADE CONDIÇÕES EXCLUDENTES. 1 Apresentação telemática no prazo estabelecido na convocatória. CONDIÇÕES DE ADMISSIBILIDADE CONDIÇÕES EXCLUDENTES 1 Apresentação telemática no prazo estabelecido na convocatória. 2 Apresentação do formulário completo. 3 Orçamento FEDER em conformidade com o que está

Leia mais

POSIÇÃO DA UGT SOBRE O QUESTIONÁRIO FUNDOS EUROPEUS ESTRUTURAIS E DE INVESTIMENTO

POSIÇÃO DA UGT SOBRE O QUESTIONÁRIO FUNDOS EUROPEUS ESTRUTURAIS E DE INVESTIMENTO POSIÇÃO DA UGT SOBRE O QUESTIONÁRIO FUNDOS EUROPEUS ESTRUTURAIS E DE INVESTIMENTO 2014-2020 A UGT deve, antes de mais, assinalar que o questionário apresentado se torna de difícil resposta num contexto

Leia mais

Programa Operacional Regional Alentejo 2014/2020

Programa Operacional Regional Alentejo 2014/2020 Programa Operacional Regional Alentejo 2014/2020 Évora, 9 de setembro de 2015 Identidade, Competitividade, Responsabilidade Lezíria do Tejo Alto Alentejo Alentejo Central Alentejo Litoral Baixo Alentejo

Leia mais

A IMPORTANCIA DO CONHECIMENTO NA INOVAÇÃO EMPRESARIAL

A IMPORTANCIA DO CONHECIMENTO NA INOVAÇÃO EMPRESARIAL A IMPORTANCIA DO CONHECIMENTO NA INOVAÇÃO EMPRESARIAL Porto Outubro 16 José Carlos Caldeira jcaldeira@aninov.pt 1 DESAFIOS E OPORTUNIDADES Fatores Críticos de Sucesso Financiamento AUMENTO DA VELOCIDADE

Leia mais

Sistemas de Incentivos do QREN

Sistemas de Incentivos do QREN Sistemas de Incentivos do QREN Sistemas de Incentivos do QREN 1. Sistema de Incentivos à Qualificação e Internacionalização de PME 2. Sistema de Incentivos à Inovação 3. Sistema de Incentivos à Investigação

Leia mais

CALENDÁRIO COMUM DE LANÇAMENTO DE CONCURSOS

CALENDÁRIO COMUM DE LANÇAMENTO DE CONCURSOS 1 DOMÍNIO COMPETITIVIDADE E INTERNACIONALIZAÇÃO PORTUGAL 2020 CALENDÁRIO COMUM DE LANÇAMENTO DE CONCURSOS março 2015 / março 2016 SISTEMAS DE INCENTIVOS MODERNIZAÇÃO E CAPACITAÇÃO DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA

Leia mais

Os Territórios e a Economia do Conhecimento: que Respostas face aos Novos Desafios?

Os Territórios e a Economia do Conhecimento: que Respostas face aos Novos Desafios? Os Territórios e a Economia do Conhecimento: que Respostas face aos Novos Desafios? Domingos Santos CICS-UM, 3 de Novembro de 2011 Agenda 1. Novos desafios para os territórios. 2. O que nos dizem as abordagens

Leia mais

- Parcerias que geram futuro - Competitividade das indústrias da fileira florestal

- Parcerias que geram futuro - Competitividade das indústrias da fileira florestal Valorização do Potencial Industrial do Alto Minho: Plano de Ação & Instrumentos de Financiamento 2015-2020 - Parcerias que geram futuro - Competitividade das indústrias da fileira florestal 29 de junho

Leia mais

AMP 2020: uma estratégia inteligente, sustentável e inclusiva Fórum do Empreendedorismo Social

AMP 2020: uma estratégia inteligente, sustentável e inclusiva Fórum do Empreendedorismo Social AMP 2020: uma estratégia inteligente, sustentável e inclusiva Fórum do Empreendedorismo Social Inovação e mudança social no contexto do Norte 2020 Emídio Gomes, Presidente da CCDR-N ccdr-n.pt/norte2020

Leia mais

Seminário WAVE A Estratégia de Lisboa e o Desenvolvimento

Seminário WAVE A Estratégia de Lisboa e o Desenvolvimento CONNECTING INNOVATION TO PEOPLE 5 de Junho de 2009 Seminário WAVE A Estratégia de Lisboa e o Desenvolvimento GABINETE DO COORDENADOR NACIONAL DA ESTRATÉGIA DE LISBOA E DO PLANO TECNOLÓGICO TOPICOS Estratégia

Leia mais

GRUPO DE TRABALHO DA INTERNACIONALIZAÇÃO E DESENVOLVIMENTO. Prof. Braga de Macedo

GRUPO DE TRABALHO DA INTERNACIONALIZAÇÃO E DESENVOLVIMENTO. Prof. Braga de Macedo GRUPO DE TRABALHO DA INTERNACIONALIZAÇÃO E DESENVOLVIMENTO Prof. Braga de Macedo ALGUMAS NOTAS SOBRE ARQUITECTURA INSTITUCIONAL E ORGANIZACIONAL DE ALGUNS ORGANISMOS DE APOIO ÀS EMPRESAS E À INTERNACIONALIZAÇÃO

Leia mais

Eixo II _ Competitividade da Base Económica Regional. II.1. Projectos de Investimento Empresarial Integrados e Inovadores. Tipologia de Investimento

Eixo II _ Competitividade da Base Económica Regional. II.1. Projectos de Investimento Empresarial Integrados e Inovadores. Tipologia de Investimento Eixo II _ Competitividade da Base Económica Regional II.1. Projectos de Investimento Empresarial Integrados e Inovadores Tipologia de Investimento designadamente PME s CONTROLO DO DOCUMENTO Versão Data

Leia mais

Os instrumentos institucionais para a internacionalização das empresas

Os instrumentos institucionais para a internacionalização das empresas Seminário Importância da internacionalização na BTID nacional Lisboa, 25 de Janeiro de 2013 Os instrumentos institucionais para a internacionalização das empresas O papel do QREN Tópicos Formas de internacionalização

Leia mais

CONCURSO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS AVISO Nº LISBOA SISTEMA DE APOIO A AÇÕES COLETIVAS REFERENCIAL DE MÉRITO DO PROJETO

CONCURSO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS AVISO Nº LISBOA SISTEMA DE APOIO A AÇÕES COLETIVAS REFERENCIAL DE MÉRITO DO PROJETO CONCURSO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS AVISO Nº LISBOA-52-2017-10 SISTEMA DE APOIO A AÇÕES COLETIVAS INTERNACIONALIZAÇÃO REFERENCIAL DE MÉRITO DO PROJETO PROGRAMA OPERACIONAL REGIONAL DE LISBOA 26

Leia mais

Conteúdo. A PT Inovação RIS3 Estratégias de Investigação e Inovação para a Especialização Inteligente Tendências e oportunidades nas TIC+E

Conteúdo. A PT Inovação RIS3 Estratégias de Investigação e Inovação para a Especialização Inteligente Tendências e oportunidades nas TIC+E Alcino Lavrador Conteúdo A PT Inovação RIS3 Estratégias de Investigação e Inovação para a Especialização Inteligente Tendências e oportunidades nas TIC+E Inovação faz parte do nosso DNA Inovação Exploratória:

Leia mais

Matriz Portugal 2020 Candidaturas diretas a efetuar pelas IPSS

Matriz Portugal 2020 Candidaturas diretas a efetuar pelas IPSS Revisão 1 : 31/08/2016 PO PO Concurso para apresentação de candidaturas - Melhorar o acesso aos serviços sociais (Açores) Melhorar o acesso aos serviços sociais Melhoria das infraestruturas de saúde Adaptação

Leia mais

REUNIÃO DE TRABALHO PI 10.i 30 de setembro, Coimbra

REUNIÃO DE TRABALHO PI 10.i 30 de setembro, Coimbra REUNIÃO DE TRABALHO PI 10.i 30 de setembro, Coimbra CENTRO 2020 POR EIXOS Eixo 1 Investigação, Desenvolvimento e Inovação (IDEIAS) 7,8% 169 M 2,5% 54 M Eixo 10 Assistência Técnica Eixo 2 Competitividade

Leia mais

Compromissso Documento de Orientação Estratégica. António Oliveira das Neves Funchal, 09 de Julho 2013

Compromissso Documento de Orientação Estratégica. António Oliveira das Neves Funchal, 09 de Julho 2013 Compromissso Madeira@2020 Documento de Orientação Estratégica António Oliveira das Neves Funchal, 09 de Julho 2013 Roteiro da Apresentação 1. Contexto da Programação 2. Estratégia de Desenvolvimento Regional

Leia mais

Política de Coesão da UE

Política de Coesão da UE da UE 2014 2020 Propostas da Comissão Europeia da União Europeia Estrutura da apresentação 1. Qual é o impacto da política de coesão da UE? 2. A que se devem as alterações propostas pela Comissão para

Leia mais

CTCP projetos QUALIFICAÇÃO FORMAÇÃO PME

CTCP projetos QUALIFICAÇÃO FORMAÇÃO PME CTCP projetos QUALIFICAÇÃO FORMAÇÃO PME PROGRAMA DE FORMAÇÃO E CONSULTORIA NAS PMEs DO CLUSTER DO CALÇADO O Programa Formação PME é constituído por ações de consultoria e de formação ajustadas a micro,

Leia mais

ECOEFICIÊNCIA E COMPETITIVIDADE

ECOEFICIÊNCIA E COMPETITIVIDADE apresentação do projeto ECOEFICIÊNCIA E COMPETITIVIDADE Em relação a barreiras à inovação, as respostas (das empresas ao inquérito) apontam os recursos financeiros como os mais relevantes, o que denota,,

Leia mais

DECISÃO DE EXECUÇÃO DA COMISSÃO. de

DECISÃO DE EXECUÇÃO DA COMISSÃO. de COMISSÃO EUROPEIA Bruxelas, 8.2.204 C(204) 076 final DECISÃO DE EXECUÇÃO DA COMISSÃO de 8.2.204 que aprova determinados elementos do programa operacional «Regional dos Açores 204-2020» do apoio do Fundo

Leia mais

ESTRATÉGIA DE DESENVOLVIMENTO LOCAL. GAL Eu Também Conto!

ESTRATÉGIA DE DESENVOLVIMENTO LOCAL. GAL Eu Também Conto! ESTRATÉGIA DE DESENVOLVIMENTO LOCAL GAL Eu Também Conto! ESTRATÉGIA DE DESENVOLVIMENTO LOCAL 1 ESTRATÉGIA DE DESENVOLVIMENTO LOCAL (EDL) A EDL incide em traços gerais nas seguintes problemáticas: Acesso

Leia mais

FINANCIAMENTO DE PROJETOS PT2020

FINANCIAMENTO DE PROJETOS PT2020 Abordagem da Empresa à Universidade: Consultoria Técnica e de Negócios, Inovação, Startup s, PME s FINANCIAMENTO DE PROJETOS PT2020 09 março 2017 Ricardo Correia Licks & Associados, Lda. Enquadramento

Leia mais

Inovação em Colaboração 2020

Inovação em Colaboração 2020 Jornadas Técnicas da Cerâmica Ílhavo Novembro 15 Miguel Barbosa mbarbosa@aninov.pt 1 ANI e Inovação em Colaboração Portugal Hoje Onde estamos? Colaborar 2020: Desafios I&I Colaborar 2020: Oportunidades

Leia mais

IAPMEI Agência para a Competitividade e Inovação, I.P.

IAPMEI Agência para a Competitividade e Inovação, I.P. IAPMEI Agência para a Competitividade e Inovação, I.P. XII Congresso dos Revisores Oficiais de Contas 15 de setembro de 2016, Fórum Lisboa Tema: Mercados e informação Miguel Cruz Lisboa, 14 de outubro

Leia mais

Acordo de Parceria (PT 2020): Ponto de situação e Relatório Intercalar

Acordo de Parceria (PT 2020): Ponto de situação e Relatório Intercalar Acordo de Parceria (PT 2020): Ponto de situação e Relatório Intercalar Alinhamento Estratégico e contexto Alinhamento entre Estratégia Europa 2020, PNR e Portugal 2020 Metas da Estratégia Europa 2020:

Leia mais

O contributo do Cluster Habitat Sustentável

O contributo do Cluster Habitat Sustentável O contributo do Cluster Habitat Sustentável Victor Ferreira congresso LiderA, Lisboa 25/05/2011 Plataforma para a Construção Sustentável Visão e Missão OClusterHabitat? agregador em rede de actividades

Leia mais

Instrumentos de Apoio às Empresas

Instrumentos de Apoio às Empresas Instrumentos de Apoio Portugal 2020, trata-se do Acordo de Parceria adotado entre Portugal e a Comissão Europeia, que reúne a atuação dos 5 fundos estruturais e de Investimento Europeus (FEDER, Fundo de

Leia mais

Agenda. Contexto. O Nordeste Territorial. Fórum de Governança da Atividade Econômica. Formas de Financiamento

Agenda. Contexto. O Nordeste Territorial. Fórum de Governança da Atividade Econômica. Formas de Financiamento Agenda Contexto O Nordeste Territorial Fórum de Governança da Atividade Econômica Formas de Financiamento Área de atuação do BNB Nordeste: 1.554,4 mil Km 2 Semi-árido: 974,4 mil Km 2 (62,7% do território

Leia mais

UA Desafios e Oportunidades Carlos Pascoal Neto Vice-Reitor

UA Desafios e Oportunidades Carlos Pascoal Neto Vice-Reitor Mar @ UA Desafios e Oportunidades 2014-2020 Carlos Pascoal Neto Vice-Reitor 29 de outubro de 2014 Mar Desígnio estratégico para Portugal Com a extensão da plataforma continental, Portugal passará a ter

Leia mais

OPORTUNIDADES NA PRODUÇÃO PRIMÁRIA 6 março 2015

OPORTUNIDADES NA PRODUÇÃO PRIMÁRIA 6 março 2015 OPORTUNIDADES NA PRODUÇÃO PRIMÁRIA 6 março 2015 1 QUEM SOMOS A CONSULAI (www.consulai.com) possui atualmente cerca de 600 clientes, passando por todos os sectores da produção e transformação de produtos

Leia mais

O FUTURO DO INTERIOR Desafios e Oportunidades LUÍS RAMOS

O FUTURO DO INTERIOR Desafios e Oportunidades LUÍS RAMOS O FUTURO DO INTERIOR Desafios e Oportunidades LUÍS RAMOS 1 I. O INTERIOR: GEOGRAFIA OU METÁFORA? 2 I. O INTERIOR: GEOGRAFIA OU METÁFORA? 3 I. O INTERIOR: GEOGRAFIA OU METÁFORA? Perfil Territorial - Hipsometria,

Leia mais