CONDIÇÕES GERAIS DA CÉDULA DE CRÉDITO BANCÁRIO OPERAÇÃO DE FINANCIAMENTO DE BENS

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CONDIÇÕES GERAIS DA CÉDULA DE CRÉDITO BANCÁRIO OPERAÇÃO DE FINANCIAMENTO DE BENS"

Transcrição

1 As Condições Gerais abaixo se aplicam à operação de financiamento de bens contratada pelo EMITENTE junto ao BANCO, ambos indicados e qualificados conforme as Condições Específicas desta Cédula. Estas Condições Gerais integram as Condições Específicas para todos os fins e efeitos de direito, fomando a Cédula de Crédito Bancário("Cédula"). Sempre que constar nestas Condições Gerais qualquer referência a "Campo(s)" e/ou "Item(ns)", os mesmos constarão das Condições Específicas da Cédula correspondente. 1) OBJETO. O BANCO concede ao EMITENTE, que expressamente aceita, um financiamento no Valor Total Financiado (Campo 42) para aquisição de bem(ns) (Itens IV e V) fornecido(s) pelo BENEFICIÁRIO (Item II), mediante condições dos itens VI e VII, ficando o BANCO autorizado a creditar ao BENEFICIÁRIO a importância constante do Campo 28. 2) ENCARGOS FINANCEIROS. Sobre o Valor Total Financiado (Campo 42) será acrescida, a título de remuneração, a Taxa de Juros Contratada (Campo 43) em cada uma das datas de vencimento das parcelas mensais a partir do Primeiro Vencimento (Campo 52). Caso os encargos sejam pós-fixados, o Valor Total Financiado será reajustado pelo Indexador (Campo 44) que tiver sido contratado e acrescido dos juros correspondentes, sempre calculados de forma proporcional ao tempo decorrido O EMITENTE aceita, ainda, a compra/contratação do(s) bem(ns) (Itens IV e V), comprometendo-se a pagar ao BANCO o(s) valor(es) principal(ais) (Campos 29 a 38) que integrarão, para todos os fins e efeitos de direito, o Valor Total Financiado, acrescido da Taxa de Juros Contratada. 3) PAGAMENTO. O EMITENTE pagará por esta Cédula, ao BANCO ou a sua ordem, na Praça de Pagamento, em moeda corrente nacional, o valor certo, líquido e exigível (Campo 42) acrescido da Taxa de Juros Contratada (Campo 43) e eventuais encargos de inadimplemento (quando o caso), conforme prestações estabelecidas (Campos 47 e 48) Os pagamentos serão mensais e efetuados pelo EMITENTE através de carnê emitido pelo BANCO ou de outra forma que este formalmente vier a indicar por escrito O EMITENTE não poderá efetuar depósitos de quaisquer valores referentes a presente Cédula em conta-corrente de titularidade do BANCO. Caso o EMITENTE assim o faça, o BANCO não estará obrigado a reconhecer o depósito nem a outorgar quitação do respectivo valor ao EMITENTE, procedendo à sua restituição diretamente ao EMITENTE sem qualquer direito a remuneração, independentemente da data da devolução O recebimento de determinada parcela não dará direito ao EMITENTE de exigir quitação de eventuais débitos anteriores, e a falta de recebimento do carnê não o exime do pagamento das parcelas devidas de acordo com as obrigações contraídas através da presente Cédula. 4) DESPESAS. As despesas decorrentes das obrigações da presente Cédula, bem como todos e quaisquer encargos, obrigações e/ou tributos de qualquer natureza, principais e/ou acessórios, que incidam ou venham a incidir sobre a presente Cédula ou sobre o valor da dívida que representa ou, ainda, que importem aumento dos custos do BANCO em razão de sua emissão, serão de responsabilidade exclusiva do EMITENTE, que responderá, ainda,pelos pagamentos de IPVA, multas e demais taxas e despesas incidentes sobre o(s) bem(ns), sob pena de negativação junto aos órgãos de proteção ao crédito, sem prejuízo, ainda, das medidas judiciais e extrajudiciais cabíveis. 5) AMORTIZAÇÃO OU LIQUIDAÇÃO ANTECIPADA. O EMITENTE poderá amortizar ou liquidar antecipadamente os valores devidos, com desconto proporcional dos juros remuneratórios incidentes, calculando-se o valor com base nas mesmas taxas de juros remuneratórios previstos nesta Cédula. 6) VENCIMENTO ANTECIPADO. É facultado ao BANCO considerar antecipadamente vencida a presente Cédula, independentemente de qualquer aviso ou notificação, tornando-se imediatamente exigível o saldo devedor do Valor Total Financiado e acréscimos que se encontrar em aberto: a) se o EMITENTE infringir/descumprir qualquer obrigação desta Cédula; sofrer protesto de título; requerer recuperação judicial ou extrajudicial; tiver contra si requerimento de falência ou insolvência decretada, ou qualquer outra medida judicial que possa afetar a garantia e os direitos creditórios do BANCO; b) se por qualquer ato do EMITENTE e/ou GARANTIDOR(ES) forem alteradas as condições iniciais, seja em relação à(s) garantia(s) oferecida(s), dados contábeis, societários, dentre outros informados e/ou 1 / 5

2 constatados por ocasião da concessão do financiamento decorrente desta Cédula; c) se o EMITENTE ajuizar qualquer medida judicial contra o BANCO ou qualquer empresa do seu grupo econômico; d) se o EMITENTE tiver prestado, firmado e/ou entregue qualquer declaração, informação ou documento que se comprove falso ou inexato, induzindo a erro ou à indevida concessão de crédito; e) se o EMITENTE descumprir qualquer outra obrigação junto ao próprio BANCO ou a outra instituição a ele coligada; f) se o EMITENTE não reforçar as garantias constituídas quando estas não forem suficientes para assegurar a integralidade do saldo devedor, em até 05 (cinco) dias após a solicitação; g) se o EMITENTE não permitir ao BANCO, a qualquer momento e sem necessidade de notificação, a vistoria do(s) Bem(ns) Financiado(s) alienado(s) fiduciariamente, bem como examinar os documentos a ele(s) relativo(s); h) se o EMITENTE for desapossado ou ceder, alienar, gravar ou transferir a terceiros o(s) Bem(ns) Financiado(s); i) em caso de descumprimento da Cláusula 08 abaixo; j) em quaisquer outras hipóteses previstas em lei. 7) ENCARGOS POR INADIMPLÊNCIA. O não pagamento de qualquer parcela prevista nesta Cédula no vencimento implicará mora automática do EMITENTE, que ficará sujeito, pelo tempo que esta perdurar, aos seguintes encargos: (a) comissão de permanência calculada pela maior taxa praticada pelo mercado para operações de crédito à época do pagamento; (b) juros moratórios devidos a taxa de 1% (um por cento) ao mês, incidentes sobre o valor da(s) parcela(s) devida(s); (c) multa moratória de 2% (dois por cento) calculada sobre o valor devido; (d) despesas de cobrança extrajudicial e honorários advocatícios sobre o valor devido. Em caso de cobrança judicial serão devidos estes mesmos valores, acrescidos das custas e outras despesas judiciais e/ou processuais. 8) GARANTIA. Em garantia ao cumprimento das obrigações decorrentes desta Cédula, o EMITENTE se obriga a formalizar alienação fiduciária, tendo como objeto o(s) bem(ns) descrito(s) no item IV. O EMITENTE assume o encargo de fiel depositário do(s) mesmo(s), sendo vedada a liberação do(s) bem(ns) antes de quitado o saldo devedor do Valor Total Financiado e seus acréscimos, nos termos da legislação. O EMITENTE tem pleno conhecimento de que a formalização da constituição da alienação fiduciária em garantia é de sua inteira responsabilidade e às suas expensas, conforme cálculo do CET previamente apresentado, sob pena de rescisão automática da presente Cédula, sem prejuízo da obrigação de restituir de imediato o(s) bem(ns), bem como perda dos valores pagos até o momento. O EMITENTE deverá entregar ao BANCO, em até 10 (dez) dias da data de assinatura da presente Cédula, cópia autenticada do Certificado de Registro de Veículo constando o registro da garantia constituída O(s) GARANTIDOR(ES) firma(m) a presente Cédula na condição de AVALISTA(S), na forma dos artigos 897 e seguintes do Código Civil, declarando-se solidariamente responsável(is) pelas obrigações assumidas pelo EMITENTE, incluindo o pagamento do principal, juros e demais encargos, cominações legais e/ou convencionais, multas e quaisquer outras despesas decorrentes desta Cédula O EMITENTE se obriga a manter às suas expensas o(s) Bem(ns) Financiado(s) objeto da alienação fiduciária, devidamente segurado(s) contra os riscos inerentes à sua natureza, por valor não inferior ao valor da garantia, devendo na(s) respectiva(s) apólice(s) constar o nome do BANCO como beneficiário da indenização em decorrência de sinistro, obrigando-se a renová-la(s) sempre que necessário Em caso de perda, deterioração ou diminuição do valor do(s) bem(ns) dado(s) em garantia, comprometese o EMITENTE a reforçá-la/substituí-la sempre que solicitado pelo BANCO, em até 15 (quinze) dias da data do evento que causou a diminuição do valor do(s) bem(ns) ou da data da notificação recebida do BANCO a esse respeito Na hipótese de substituição do(s) bem(ns) por qualquer motivo, o EMITENTE deverá apresentar ao BANCO, às suas expensas exclusivamente, a avaliação do(s) novo(s) bem(ns), que deverá ser realizada por estabelecimento especializado, cujo laudo em papel timbrado deverá conter, no mínimo, as seguintes informações: (i) descrição das características principais do(s) bem(ns) para sua completa identificação; (ii) 2 / 5

3 valor atual do(s) bem(ns); (iii) estado de conservação do(s) mesmo(s). O EMITENTE declara-se ciente e de acordo que a apresentação do laudo de avaliação nos termos da presente cláusula não garante a aceitação da substituição do(s) bem(ns) pelo BANCO, estando, pois, sujeita aos critérios de discricionariedade deste. Uma vez aprovada pelo BANCO, o EMITENTE ficará sujeito à cobrança da tarifa de aditamento contratual, conforme valor constante da tabela de tarifas/despesas do BANCO vigente à época Aplicam-se à presente contratação as disposições legais referentes à alienação fiduciária em garantia, sem prejuízo de outras. 9) FIEL DEPOSITÁRIO. O EMITENTE assume, neste ato, a qualidade de fiel depositário do(s) Bem(ns) Financiado(s) alienado(s) fiduciariamente, nos termos da lei, assumindo, ainda, todas as responsabilidades inerentes a tal encargo, que declara desde já conhecer e aceitar para todos os fins de direito. 10) LIBERAÇÃO DE GRAVAME. O BANCO terá 30 (trinta) dias após a quitação das obrigações desta Cédula pelo EMITENTE, para efetuar a baixa da alienação fiduciária do(s) bem(ns) junto ao sistema nacional de gravames. 11) AUTORIZAÇÕES. Neste ato o EMITENTE e seu(s) GARANTIDOR(ES) autorizam expressamente: a) o BANCO a fornecer aos seus correspondentes informações sobre a presente operação, incluindo informações sobre o valor da dívida representada por esta Cédula; b) os correspondentes do BANCO a fornecer a este informações sobre as respectivas operações comerciais que tenham relação com o objeto da presente Cédula; c) o BANCO, em caso de inadimplemento, a inscrevê-los nos cadastros de proteção ao crédito (tais como SERASA, SPC, etc.), bem como a promover o protesto do presente título, com a respectiva cobrança judicial ou extrajudicial (quando o caso); d) o BANCO a incluir, consultar e/ou divulgar suas informações cadastrais junto a instituições financeiras, bureau de crédito e em quaisquer outros sistemas e bancos de dados (públicos ou privados), e órgãos de proteção ao crédito tais como SERASA, SPC (Serviço de Proteção ao Crédito), dentre outros O SCR (Sistema de Informações de Crédito) tem por finalidade prover o Banco Central do Brasil de informações sobre operações de crédito para supervisão do risco de crédito e intercâmbio de informações entre instituições financeiras, para subsidiar decisões de crédito. O EMITENTE e o(s) GARANTIDOR(ES) podem ter acesso aos seus dados pelos meios colocados à disposição pelo Banco Central do Brasil, e, em caso de divergência poderá pedir correções, exclusões e registro de anotações complementares, inclusive de medidas judiciais, mediante solicitação escrita e fundamentada ao BANCO. A consulta ao SCR depende da prévia autorização, razão pela qual o EMITENTE e o(s) GARANTIDOR(ES) autorizam o BANCO a incluir, consultar e/ou divulgar suas informações cadastrais junto ao SCR. 12) CESSÃO. O EMITENTE não poderá ceder os direitos ou obrigações decorrentes desta Cédula, salvo mediante prévia e expressa autorização do BANCO. Uma vez autorizada a referida cessão, o EMITENTE ficará sujeito à cobrança da tarifa de aditamento contratual, conforme valor constante da tabela de tarifas/despesas do BANCO vigente à época O BANCO poderá, a qualquer tempo e ao seu exclusivo critério, ceder, transferir, negociar, caucionar ou empenhar, total ou parcialmente esta Cédula/os direitos dela oriundos, independentemente de notificação ao EMITENTE, que declara, desde já, nada ter a opor nesse sentido. 13) SEGURO. O EMITENTE poderá, a seu exclusivo critério, no momento da contratação da presente Cédula, contratar seguro do(s) bem(ns) junto à Mapfre Vera Cruz Seguradora S/A (Autorização SUSEP nº / ), ocasião em que serão indicados os valores dos respectivos prêmios os quais, por livre escolha e indicação do EMITENTE, poderão ser financiados através da presente Cédula (campo 29), devendo, neste caso, ser pagos juntamente com as parcelas mensais, devidamente acrescidos dos respectivos juros incorridos Em qualquer hipótese o seguro do(s) bem(ns) deverá estipular indenização mínima correspondente ao seu valor referenciado de mercado, sendo certo que a análise da contratação efetiva do seguro bem como do pedido de indenização (quando o caso) caberá única e exclusivamente à companhia seguradora A ocorrência de qualquer sinistro envolvendo o(s) bem(ns) não ensejará, sob hipótese alguma, causa de interrupção do pagamento das parcelas do financiamento pelo EMITENTE. Caso se verifique a perda total 3 / 5

4 (s) bem(ns) (independentemente da causa) e o EMITENTE não tenha contratado seguro do(s) mesmo(s) ou, ainda, caso a companhia seguradora negue o pagamento da indenização (quando o caso), o EMITENTE deverá pagar ao BANCO o valor equivalente ao montante do saldo devedor da presente Cédula Na hipótese de ocorrência de sinistro, o EMITENTE autoriza o BANCO, na qualidade de beneficiário, a receber da companhia seguradora o valor da indenização correspondente e a empregá-la na amortização ou liquidação do saldo devedor desta Cédula. Sempre que o valor da indenização pago pela seguradora não for suficiente para quitar integralmente o saldo devedor, o EMITENTE continuará obrigado a pagar ao BANCO o valor remanescente, até sua completa liquidação Caso o valor da indenização pago pela seguradora seja superior ao valor do saldo devedor da presente Cédula, a diferença será restituída pelo BANCO ao EMITENTE O EMITENTE desde já autoriza o BANCO a abater do valor da indenização os valores correspondentes aos débitos referentes a IPVA s, DPVAT s, multas de trânsito e outros porventura incidentes, seja direta ou indiretamente, sobre o(s) bem(ns), sem exceção O EMITENTE declara-se ciente que: a) a vigência da apólice de seguro do(s) bem(ns) dependerá exclusivamente do plano de seguro e respectiva vigência por ele contratado, que poderá ou não acompanhar o prazo de vigência da presente Cédula, conforme o caso. Eventual(is) renovação(ões) da apólice serão de responsabilidade exclusiva do EMITENTE; b) na hipótese de cancelamento da apólice de seguro do(s) bem(ns) financiada através da presente Cédula (por qualquer que seja o motivo), o EMITENTE autoriza desde já o BANCO a receber da companhia seguradora o valor correspondente à restituição dos valores de prêmio de seguro pagos e a empregá-lo na amortização ou liquidação do saldo devedor desta Cédula. Caso o valor pago pela seguradora não seja suficiente para quitar integralmente o saldo devedor, o EMITENTE continuará obrigado a pagar ao BANCO o valor remanescente, até sua completa liquidação; caso o valor seja superior ao saldo devedor da presente Cédula, a diferença será 14) DISPOSIÇÕES FINAIS Para todos os fins e efeitos da presente Cédula, o EMITENTE e o(s) GARANTIDOR (ES) autorizam, em caráter irrevogável e irretratável, que o BANCO utilize os endereços/ s (itens I e III), assim como serviços de envio de mensagens de telefonia celular (SMS) ou outros meios disponíveis, que possibilitem a realização de qualquer comunicação, notificação, prestação de informações ou solicitação de providências do EMITENTE e/ou ao(s) GARANTIDOR(ES), bem como autoriza o BANCO a transmitir informes publicitários no tempo de espera de ligações no SAC, e a oferecer produtos e serviços através de contato direto, inclusive telefônico O EMITENTE e o(s) GARANTIDORE(S) deverão observar os normativos relacionados à prevenção de atividades que possam estar relacionadas aos crimes de que trata a Lei nº 9.613/98 (lavagem ou ocultação de bens, direitos e valores), devendo manter seus dados cadastrais atualizados junto ao BANCO, sobretudo quando caracterizada sua condição de pessoa politicamente exposta O EMITENTE e o(s) GARANTIDORE(S) se obrigam a manter atualizados seus endereços junto ao BANCO, para fins de qualquer comunicação referente à presente Cédula, inclusive para efeitos de constituição em mora e inserção de informações cadastrais perante bureaus de crédito, sendo que, no caso de descumprimento da presente obrigação, serão automaticamente considerados intimados/citados nos respectivos endereços indicados no Preâmbulo, independentemente de qualquer outra formalidade O não exercício, pelo BANCO, de qualquer direito previsto nesta Cédula ou na lei, ou eventual tolerância quanto às infrações contratuais pelo EMITENTE não importará renúncia de seus direitos, novação ou alteração das cláusulas desta Cédula O EMITENTE reconhece como meios de prova do débito/crédito decorrentes desta Cédula, os extratos demonstrativos, avisos de lançamento e de cobrança expedidos pelo BANCO se não contestados no prazo de 10 (dez) dias da data da respectiva emissão, inclusive quando tais comunicações objetivarem constituir o EMITENTE em mora A presente Cédula é emitida em caráter irrevogável e irretratável, obrigando o EMITENTE, seus herdeiros e eventuais sucessores, a qualquer título. 4 / 5

5 14.7. O EMITENTE declara ter ciência e estar de pleno acordo que toda e qualquer alteração da presente cédula está sujeita a cobrança de tarifa de aditamento, conforme tabela de tarifas/despesas do BANCO vigente à época. O EMITENTE declara, ainda, ter conhecimento da referida tabela, tendo sido informado sobre: (i) a possibilidade de majoração das tarifas; (ii) a divulgação da tabela encontra-se em local e formato visíveis nas dependências do BANCO bem como no seu respectivo sítio eletrônico O EMITENTE declara que foi claramente informado pelo BANCO da opção de contratar o próprio BANCO para a realização da pesquisa cadastral necessária à avaliação dos riscos da análise da concessão do crédito objeto da presente Cédula, serviços estes que serão realizados mediante o pagamento da tarifa correspondente (Campo 37) vigente à época da contratação. O EMITENTE poderá optar, a seu exclusivo critério e às suas expensas exclusivamente, pela apresentação da documentação exigida pelo BANCO para a realização de tal análise, conforme exigências e prazos estabelecidos na Política de Crédito do BANCO. A mera apresentação dos documentos pelo EMITENTE não implica em aprovação automática do crédito, ficando o mesmo sujeito aos critérios do BANCO para a efetiva liberação do crédito Fica eleito o foro de domicilio do EMITENTE para dirimir quaisquer questões referentes a esta Cédula, podendo o BANCO optar pelo foro de domicilio do EMITENTE ou de qualquer do(s) GARANTIDOR (ES). Neste ato o EMITENTE e o(s) GARANTIDOR (ES) declaram que: (a) leram e compreenderam o inteiro teor das disposições desta Cédula; (b) têm conhecimento de que a presente Cédula é título executivo extrajudicial e representa dívida certa, líquida e exigível (Lei /04); (c) a presente operação independe da validade, legitimidade e adequação da operação comercial realizada entre EMITENTE e BENEFICIÁRIO, ao amparo da presente Cédula; (d) o BANCO responde exclusivamente pela realização do financiamento, responsabilizando-se o EMITENTE, por sua conta e risco, por todas as verificações necessárias quanto à procedência, natureza, qualidade e legitimidade do(s) bem(ns)/serviço(s) objeto do financiamento, não respondendo o BANCO por qualquer vício do produto/serviço, pela não entrega por parte do BENEFICIÁRIO ou por qualquer ato ou fato relacionado ao(s) mesmo(s); (e) o EMITENTE reconhece que a operação objeto desta Cédula não está sujeita a qualquer limitação na taxa de juros contratada, declarando, de forma livre e espontânea, que foi suficientemente informado quanto ao critério de cálculo e cobrança dos juros incidentes, manifestando sua expressa e irretratável anuência, inclusive com a forma capitalizada de cálculo, nos termos da lei. As presentes Condições Gerais encontram-se devidamente registrado sob nº , junto ao 1º Oficial de Registro de Títulos e Documentos e Civil de Pessoa Jurídica de Guarulhos-SP, na data de 15/04/2014. ******************** 5 / 5

CONTRATO DE CRÉDITO PRÉ-APROVADO

CONTRATO DE CRÉDITO PRÉ-APROVADO CONTRATO DE CRÉDITO PRÉ-APROVADO Por este instrumento e na melhor forma de direito, a COOPERATIVA, doravante designada simplesmente COOPERATIVA, neste ato devidamente representada na forma de seu Estatuto

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DA CÉDULA DE CRÉDITO BANCÁRIO PARA FINANCIAMENTO DE VEÍCULOS

CONDIÇÕES GERAIS DA CÉDULA DE CRÉDITO BANCÁRIO PARA FINANCIAMENTO DE VEÍCULOS CONDIÇÕES GERAIS DA CÉDULA DE CRÉDITO BANCÁRIO PARA FINANCIAMENTO DE VEÍCULOS As Condições Gerais abaixo se aplicam à operação de Financiamento de Veículos, contratada pelo EMITENTE junto ao BANCO TOYOTA,

Leia mais

CLAÚSULAS E CONDIÇÕES DO EMPRÉSTIMO ANTECIPAÇÃO DO IMPOSTO DE RENDA

CLAÚSULAS E CONDIÇÕES DO EMPRÉSTIMO ANTECIPAÇÃO DO IMPOSTO DE RENDA CLAÚSULAS E CONDIÇÕES DO EMPRÉSTIMO ANTECIPAÇÃO DO IMPOSTO DE RENDA Por este instrumento e na melhor forma de direito, o BANCO SANTANDER (BRASIL) S/A, com sede na Av. Pres Juscelino Kubitschek, 2041/2235A,

Leia mais

CLAÚSULAS E CONDIÇÕES DO EMPRÉSTIMO ANTECIPAÇÃO DO DÉCIMO TERCEIRO SALÁRIO

CLAÚSULAS E CONDIÇÕES DO EMPRÉSTIMO ANTECIPAÇÃO DO DÉCIMO TERCEIRO SALÁRIO CLAÚSULAS E CONDIÇÕES DO EMPRÉSTIMO ANTECIPAÇÃO DO DÉCIMO TERCEIRO SALÁRIO Por este instrumento e na melhor forma de direito, o BANCO SANTANDER (BRASIL) S/A, com sede na Rua Amador Bueno, nº 474, São Paulo/SP,

Leia mais

CLAÚSULAS E CONDIÇÕES DO EMPRÉSTIMO ANTECIPAÇÃO DO IMPOSTO DE RENDA

CLAÚSULAS E CONDIÇÕES DO EMPRÉSTIMO ANTECIPAÇÃO DO IMPOSTO DE RENDA CLAÚSULAS E CONDIÇÕES DO EMPRÉSTIMO ANTECIPAÇÃO DO IMPOSTO DE RENDA Por este instrumento e na melhor forma de direito, o BANCO SANTANDER (BRASIL) S/A, com sede na Rua Amador Bueno, nº 474, São Paulo/SP,

Leia mais

I - EMITENTE II - INTERVENIENTE(S) / AVALISTA(S) III - CARACTERÍSTICAS DO(S) PRODUTO(S) MARCA MODELO ANO/MODELO COR COMBUSTÍVEL

I - EMITENTE II - INTERVENIENTE(S) / AVALISTA(S) III - CARACTERÍSTICAS DO(S) PRODUTO(S) MARCA MODELO ANO/MODELO COR COMBUSTÍVEL Nº DA CÉDULA CÉDULA DE CRÉDITO BANCÁRIO I - EMITENTE II - INTERVENIENTE(S) / AVALISTA(S) III - CARACTERÍSTICAS DO(S) (S) MARCA MODELO ANO/MODELO COR COMBUSTÍVEL RENAVAN CHASSI PLACA NOTA FISCAL (CASO VEÍCULO

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS CONTRATO DE EMPRÉSTIMO

CONDIÇÕES GERAIS CONTRATO DE EMPRÉSTIMO CONDIÇÕES GERAIS CONTRATO DE EMPRÉSTIMO Estas são as condições gerais do Empréstimo, solicitado e contratado por você. Leia atentamente estas condições gerais, que serão aplicáveis durante todo o período

Leia mais

MODELO CLÁUSULAS E CONDIÇOES DO CRÉDITO PESSOAL FLEXÍVEL

MODELO CLÁUSULAS E CONDIÇOES DO CRÉDITO PESSOAL FLEXÍVEL CLÁUSULAS E CONDIÇOES DO CRÉDITO PESSOAL FLEXÍVEL Por este instrumento e na melhor forma de direito, o BANCO SANTANDER (BRASIL) S/A, com sede na Av. Juscelino Kubitschek, 2.235 São Paulo/SP, inscrito no

Leia mais

Cédula de Crédito Bancário Abertura de Crédito Pessoa Física

Cédula de Crédito Bancário Abertura de Crédito Pessoa Física Cédula nº: Valor: Data da emissão: Data do vencimento: 1. EMITENTE(S): 1.1 Nome: 1.2 RG: 1.3 CPF/MF - CNPJ/MF: E os coemitentes, demais titulares da conta corrente ao final nomeados, todos qualificados

Leia mais

CONTRATO DE CRÉDITO PESSOAL PRÉ-APROVADO

CONTRATO DE CRÉDITO PESSOAL PRÉ-APROVADO PARA USO DA COOPERATIVA CONTRATO DE CRÉDITO PESSOAL PRÉ-APROVADO Contrato nº Sist./Regional: Percentual de Capitalização % Conta Capital R$ Data do Crédito do Emp.: / / Valor da Prim. Parcela R$ Venc.da

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS APLICÁVEIS AO EMPRÉSTIMO CONSIGNADO DESTINADO À RENEGOCIAÇÃO DE DÍVIDAS

CONDIÇÕES GERAIS APLICÁVEIS AO EMPRÉSTIMO CONSIGNADO DESTINADO À RENEGOCIAÇÃO DE DÍVIDAS O BANCO SANTANDER (BRASIL) S.A., com sede na Avenida Presidente Juscelino Kubitschek, 2041 e 2235, Bloco A, Vila Olímpia, São Paulo/SP, CEP 04543-011, CNPJ/MF sob n.º 90.400.888/0001-42, disponibiliza

Leia mais

CONTRATO DE EMPRÉSTIMO PESSOA FÍSICA CONDIÇÕES GERAIS

CONTRATO DE EMPRÉSTIMO PESSOA FÍSICA CONDIÇÕES GERAIS CONTRATO DE EMPRÉSTIMO PESSOA FÍSICA CONDIÇÕES GERAIS CONDIÇÕES GERAIS DO CONTRATO DE EMPRÉSTIMO PESSOA FÍSICA CONTRATO DE EMPRÉSTIMO PESSOA FÍSICA Condições Gerais Abaixo estão as Condições Gerais do

Leia mais

CLAÚSULAS E CONDIÇÕES DO EMPRÉSTIMO ANTECIPAÇÃO DO DÉCIMO TERCEIRO SALÁRIO

CLAÚSULAS E CONDIÇÕES DO EMPRÉSTIMO ANTECIPAÇÃO DO DÉCIMO TERCEIRO SALÁRIO CLAÚSULAS E CONDIÇÕES DO EMPRÉSTIMO ANTECIPAÇÃO DO DÉCIMO TERCEIRO SALÁRIO Por este instrumento e na melhor forma de direito, o BANCO SANTANDER (BRASIL) S/A, com sede na Av. Pres. Juscelino Kubitschek,

Leia mais

CLÁUSULAS E CONDIÇOES DO CRÉDITO PESSOAL ELETRÔNICO

CLÁUSULAS E CONDIÇOES DO CRÉDITO PESSOAL ELETRÔNICO CLÁUSULAS E CONDIÇOES DO CRÉDITO PESSOAL ELETRÔNICO Por este instrumento e na melhor forma de direito, o BANCO SANTANDER (BRASIL) S/A, com sede na Av. Pres. Juscelino Kubitschek, 2041/2235A, São Paulo/SP,

Leia mais

CLÁUSULAS E CONDIÇOES DO CRÉDITO PESSOAL RENOVADO

CLÁUSULAS E CONDIÇOES DO CRÉDITO PESSOAL RENOVADO CLÁUSULAS E CONDIÇOES DO CRÉDITO PESSOAL RENOVADO Por este instrumento e na melhor forma de direito, o BANCO SANTANDER (BRASIL) S/A, com sede na Av. Juscelino Kubitschek, 2041 São Paulo/SP, inscrito no

Leia mais

CLÁUSULAS E CONDIÇOES DO CRÉDITO PESSOAL ELETRÔNICO

CLÁUSULAS E CONDIÇOES DO CRÉDITO PESSOAL ELETRÔNICO CLÁUSULAS E CONDIÇOES DO CRÉDITO PESSOAL ELETRÔNICO Por este instrumento e na melhor forma de direito, o BANCO SANTANDER (BRASIL) S/A, com sede na Av. Juscelino Kubitschek, 2041, São Paulo/SP, inscrito

Leia mais

Contrato de Financiamento de Bens e/ou Serviços com Garantia de Alienação Fiduciária de Bens Móveis

Contrato de Financiamento de Bens e/ou Serviços com Garantia de Alienação Fiduciária de Bens Móveis Contrato de Financiamento de Bens e/ou Serviços com Garantia de Alienação Fiduciária de Bens Móveis Pelo presente Contrato de Financiamento de Bens e/ou Serviços com Garantia de Alienação Fiduciária de

Leia mais

CCB Cédula de Crédito Bancário Consignação INSS

CCB Cédula de Crédito Bancário Consignação INSS CCB Cédula de Crédito Bancário Consignação INSS Pela presente CÉDULA DE CRÉDITO BANCARIO, doravante designada como CÉDULA, pagarei ao Banco Ibi S.A. Banco Múltiplo, com sede na Alameda Rio Negro, 585,

Leia mais

Resolvem, na melhor forma de direito, celebrar o presente Contrato de Mútuo ( Contrato ), de acordo com os seguintes termos e condições:

Resolvem, na melhor forma de direito, celebrar o presente Contrato de Mútuo ( Contrato ), de acordo com os seguintes termos e condições: CONTRATO DE MÚTUO Prelo presente instrumento particular, [O Estudante, pessoa física proponente de empréstimo com determinadas características ( Proposta )], identificado e assinado no presente contrato

Leia mais

CLÁUSULAS E CONDIÇOES DO CRÉDITO PESSOAL FLEXÍVEL

CLÁUSULAS E CONDIÇOES DO CRÉDITO PESSOAL FLEXÍVEL CLÁUSULAS E CONDIÇOES DO CRÉDITO PESSOAL FLEXÍVEL Por este instrumento e na melhor forma de direito, o BANCO SANTANDER (BRASIL) S/A, com sede na Av. Juscelino Kubitschek, 2041, São Paulo/SP, inscrito no

Leia mais

CLÁUSULAS E CONDIÇOES CRÉDITO PESSOAL PREVENTIVO E CRÉDITO PESSOAL GERENCIADO

CLÁUSULAS E CONDIÇOES CRÉDITO PESSOAL PREVENTIVO E CRÉDITO PESSOAL GERENCIADO CLÁUSULAS E CONDIÇOES CRÉDITO PESSOAL PREVENTIVO E CRÉDITO PESSOAL GERENCIADO Por este instrumento e na melhor forma de direito, o BANCO SANTANDER (BRASIL) S/A, com sede na Av. Juscelino Kubitschek, 2041,

Leia mais

CLÁUSULAS E CONDIÇOES DO CRÉDITO PESSOAL RENOVADO

CLÁUSULAS E CONDIÇOES DO CRÉDITO PESSOAL RENOVADO CLÁUSULAS E CONDIÇOES DO CRÉDITO PESSOAL RENOVADO Por este instrumento e na melhor forma de direito, o BANCO SANTANDER (BRASIL) S/A, com sede na Av. Juscelino Kubitschek, 2041 São Paulo/SP, inscrito no

Leia mais

V AL R Qualificação do Microempreendedor

V AL R Qualificação do Microempreendedor V AL R Qualificação do Microempreendedor Data: Nome Completo: CPF/CNPJ: Nº Identidade: Órgão Emissor : Sexo: Data de Nascimento: Estado Civil: Naturalidade: Nome do Pai: Nome da Mãe: Endereço: Bairro:

Leia mais

CÉDULA DE CRÉDITO BANCÁRIO CONVÊNIO DESCONTO

CÉDULA DE CRÉDITO BANCÁRIO CONVÊNIO DESCONTO CCB CONV DESC VJ 04/2011 (540) CÉDULA DE CRÉDITO BANCÁRIO CCB Nº VIA: Negociável (CREDOR) Não Negociável (EMITENTE) I - EMITENTE Nome/Razão Social CPF /CNPJ Banco Agência Conta Corrente nº II TERCEIROS

Leia mais

Condições Gerais do Aditamento para Parcelamento

Condições Gerais do Aditamento para Parcelamento Condições Gerais do Aditamento para Parcelamento (Versão 05/2014) Estas são as Condições Gerais do Aditamento para Parcelamento, solicitado por você e contratado por meio de digitação de senha ou ligação

Leia mais

CÉDULA DE CRÉDITO BANCÁRIO (Financiamento de Veículos)

CÉDULA DE CRÉDITO BANCÁRIO (Financiamento de Veículos) CÉDULA DE CRÉDITO BANCÁRIO (Financiamento de Veículos) Pagarei, por esta Cédula de Crédito Bancário ( CÉDULA ), ao BANCO TOYOTA DO BRASIL S.A., com sede social em São Paulo, na Av. Jornalista Roberto Marinho,

Leia mais

REGULAMENTO DE EMPRÉSTIMO A PARTICIPANTE DO PLANO DE BENEFICIO CEBPREV.

REGULAMENTO DE EMPRÉSTIMO A PARTICIPANTE DO PLANO DE BENEFICIO CEBPREV. REGULAMENTO DE EMPRÉSTIMO A PARTICIPANTE DO PLANO DE BENEFICIO CEBPREV. Sumário Capítulo I Da finalidade...1 Capítulo II - Dos contratantes...1 Capítulo III - Dos limites individuais...2 Capítulo IV -

Leia mais

CONTRATO DE EMISSÃO E UTILIZAÇÃO DO CARTÃO DE COMPRAS. I -DEFINIÇÕES: para os fins deste CONTRATO, serão adotadas as seguintes definições:

CONTRATO DE EMISSÃO E UTILIZAÇÃO DO CARTÃO DE COMPRAS. I -DEFINIÇÕES: para os fins deste CONTRATO, serão adotadas as seguintes definições: CONTRATO DE EMISSÃO E UTILIZAÇÃO DO CARTÃO DE COMPRAS I -DEFINIÇÕES: para os fins deste CONTRATO, serão adotadas as seguintes definições: a) PASSA TEMPO ADMINISTRADORA DE CARTÃO LTDA., com sede na Rua

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DA CÉDULA DE CRÉDITO BANCÁRIO OPERAÇÃO DE FINANCIAMENTO DE BENS OU DE EMPRÉSTIMO PESSOAL VERSÃO C2

CONDIÇÕES GERAIS DA CÉDULA DE CRÉDITO BANCÁRIO OPERAÇÃO DE FINANCIAMENTO DE BENS OU DE EMPRÉSTIMO PESSOAL VERSÃO C2 As Condições Gerais abaixo se aplicam a operação de financiamento de bens ou de empréstimo pessoal, contratada pelo Cliente junto ao Credor, sociedade integrante do Conglomerado Itaú Unibanco, ambos indicados

Leia mais

A sistemática dos financiamentos sujeitos à TJ-462 será a mesma vigente para a TJLP, inclusive no que se refere à:

A sistemática dos financiamentos sujeitos à TJ-462 será a mesma vigente para a TJLP, inclusive no que se refere à: Capítulo II CONDIÇÕES GERAIS 1. SISTEMÁTICA DE CÁLCULO DOS JUROS. Os juros, aí considerados o Custo Financeiro, a Remuneração do BNDES e a Remuneração do Agente Financeiro, serão calculados sobre o saldo

Leia mais

Atendimento das 08:00 hs. às 15:00 hs. CNPJ 01.530.136/0001-76 PROPOSTA DE EMPRÉSTIMO. Cooperado. Matrícula R.G. CPF

Atendimento das 08:00 hs. às 15:00 hs. CNPJ 01.530.136/0001-76 PROPOSTA DE EMPRÉSTIMO. Cooperado. Matrícula R.G. CPF COOPERARATIVA DE ECONOMIA E CRÉDITO MÚTUO DOS FUNCIONÁRIOS DA CPTM Rua Zuma de Sá Fernandes, 360 - Térreo - Presidente Altino - Osasco - SP - CEP 06213-040 Telefones: 3689-9166 / 3652-2600 - Ramais 2771

Leia mais

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONSTITUIÇÃO DE GARANTIA DE PENHOR DE DIREITOS. Quadro Resumo

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONSTITUIÇÃO DE GARANTIA DE PENHOR DE DIREITOS. Quadro Resumo INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONSTITUIÇÃO DE GARANTIA DE PENHOR DE DIREITOS Quadro Resumo BANCO CNPJ/MF Banco Bradesco S.A. 60.746.948/0001 12 Sede Cidade de Deus, Município e Comarca de Osasco, Estado de

Leia mais

CONTRATO DE FINANCIAMENTO PARA AQUISIÇÃO DE AÇÕES OPERAÇÃO CONTA MARGEM

CONTRATO DE FINANCIAMENTO PARA AQUISIÇÃO DE AÇÕES OPERAÇÃO CONTA MARGEM CONTRATO DE FINANCIAMENTO PARA AQUISIÇÃO DE AÇÕES OPERAÇÃO CONTA MARGEM O presente instrumento, doravante denominado de CONTRATO, define as condições e relações entre a MERCANTIL DO BRASIL MB CORRETORA

Leia mais

Contrato de Crédito Direto CAIXA - Pessoa Física

Contrato de Crédito Direto CAIXA - Pessoa Física CLÁUSULAS GERAIS CLÁUSULA PRIMEIRA - A CAIXA disponibiliza e o(s) CREDITADO(S) aceita(m) os valores de referência, sujeitos a confirmação até a data da efetivação da operação, observadas as normas operacionais

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS CONTRATO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL

CONDIÇÕES GERAIS CONTRATO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL 24170-3 (FL. 1/5) SF 12/14 Via única CONDIÇÕES GERAIS CONTRATO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL Estas são as condições gerais do Empréstimo Pessoal, solicitado e contratado por você. Leia atentamente estas condições

Leia mais

Regulamento de Utilização do Limite de Crédito Pessoal Contratado por Meios Eletrônicos - Aplicável ao Cliente Pessoa Física.

Regulamento de Utilização do Limite de Crédito Pessoal Contratado por Meios Eletrônicos - Aplicável ao Cliente Pessoa Física. O presente Eletrônicos Aplicável ao Cliente Pessoa Física ( Regulamento ), tem por objetivo disciplinar a relação jurídica entre o Banco Bradesco S.A., instituição financeira privada, inscrita no CNPJ

Leia mais

5) COMPROMISSO PARTICULAR DE VENDA E COMPRA E OUTRAS COMPROMISSÁRIO VENDEDOR:..., brasileiro, solteiro, produtor rural, inscrito no CPF sob o

5) COMPROMISSO PARTICULAR DE VENDA E COMPRA E OUTRAS COMPROMISSÁRIO VENDEDOR:..., brasileiro, solteiro, produtor rural, inscrito no CPF sob o 5) COMPROMISSO PARTICULAR DE VENDA E COMPRA E OUTRAS AVENÇAS PARTES CONTRATANTES COMPROMISSÁRIO VENDEDOR:..., brasileiro, solteiro, produtor rural, inscrito no CPF sob o n.... e no RG sob o n...., residente

Leia mais

EMPRESTIMO DESCONTO EM FOLHA 4031 - CECM DOS COLABORADORES VALE S.A.-LTDA

EMPRESTIMO DESCONTO EM FOLHA 4031 - CECM DOS COLABORADORES VALE S.A.-LTDA CONTRATO DE EMPRÉSTIMO COM DESCONTO PARA PAGAMENTO DE PRESTAÇÕES EM FOLHA DE PAGAMENTO Por este instrumento particular de Contrato de Empréstimo, de um lado CECM DOS COLABORADORES VALE S.A-LTDA SICOOB

Leia mais

Condições Gerais do Contrato de Concessão de Empréstimo mediante Consignação em Benefícios de Aposentadoria e Pensão do INSS

Condições Gerais do Contrato de Concessão de Empréstimo mediante Consignação em Benefícios de Aposentadoria e Pensão do INSS Condições Gerais do Contrato de Concessão de Empréstimo mediante Consignação em Benefícios de Aposentadoria e Pensão do INSS ESTAS CONDIÇÕES GERAIS REGEM O CONTRATO DE CONCESSÃO DE EMPRÉSTIMO MEDIANTE

Leia mais

Sumário Executivo 7 1 430

Sumário Executivo 7 1 430 43017 Sumário Executivo SUMÁRIO EXECUTIVO CARTÃO DE CRÉDITO BANDEIRA VISA INTERNACIONAL: Este documento contém as informações essenciais e resumidas relacionadas ao seu cartão extraídas das Condições Gerais

Leia mais

Portaria PGFN nº 164, de 27.02.2014 - DOU de 05.03.2014

Portaria PGFN nº 164, de 27.02.2014 - DOU de 05.03.2014 Portaria PGFN nº 164, de 27.02.2014 - DOU de 05.03.2014 Regulamenta o oferecimento e a aceitação do seguro garantia judicial para execução fiscal e seguro garantia parcelamento administrativo fiscal para

Leia mais

SÉTIMO TERMO DE ADITAMENTO AO CONTRATO DE CRÉDITO PESSOAL, COMO SEGUE:

SÉTIMO TERMO DE ADITAMENTO AO CONTRATO DE CRÉDITO PESSOAL, COMO SEGUE: CONDIÇÕES GERAIS CONTRATO DE CRÉDITO PESSOAL SÉTIMO TERMO DE ADITAMENTO AO CONTRATO DE CRÉDITO PESSOAL, COMO SEGUE: Partes - BANCO MERCANTIL DO BRASIL S.A., com sede na Rua Rio de Janeiro, nº 654, Centro,

Leia mais

Condições Gerais Para Abertura de Conta

Condições Gerais Para Abertura de Conta O Cliente, devidamente qualificado no Cadastro, doravante designado simplesmente Cliente, toma conhecimento dos termos definidos pelo Banco BTG Pactual S.A. para a abertura de conta corrente de depósitos

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS CONTRATO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL

CONDIÇÕES GERAIS CONTRATO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL 24170-3 (FL. 1/4) SF 06/11 Via única CONDIÇÕES GERAIS CONTRATO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL Estas são as condições gerais do Empréstimo Pessoal, solicitado e contratado por você. Leia atentamente estas condições

Leia mais

Condições Gerais Contrato de Abertura de Crédito em Conta Corrente de Depósito CEP Plus PF

Condições Gerais Contrato de Abertura de Crédito em Conta Corrente de Depósito CEP Plus PF Condições Gerais Contrato de Abertura de Crédito em Conta Corrente de Depósito CEP Plus PF 1. Partes 1.1. Cliente - é o cliente do Personnalité e solicitante da abertura de crédito em conta corrente de

Leia mais

REGULAMENTO DE EMPRÉSTIMO

REGULAMENTO DE EMPRÉSTIMO REGULAMENTO DE EMPRÉSTIMO Art. 1º Este documento, doravante denominado Regulamento de Empréstimo, estabelece os direitos e as obrigações da Boticário Prev, dos Participantes e Assistidos, para a concessão

Leia mais

Condições Gerais do Limite de Crédito para Empréstimo Mediante Consignação em Folha de Pagamento ou benefício do INSS

Condições Gerais do Limite de Crédito para Empréstimo Mediante Consignação em Folha de Pagamento ou benefício do INSS Condições Gerais do Limite de Crédito para Empréstimo Mediante Consignação em Folha de Pagamento ou benefício do INSS Estas são as condições gerais do Limite de Crédito para Empréstimo Mediante Consignação

Leia mais

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONSTITUIÇÃO DE GARANTIA DE ALIENAÇÃO FIDUCIÁRIA. Quadro Resumo

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONSTITUIÇÃO DE GARANTIA DE ALIENAÇÃO FIDUCIÁRIA. Quadro Resumo INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONSTITUIÇÃO DE GARANTIA DE ALIENAÇÃO FIDUCIÁRIA Quadro Resumo BANCO CNPJ/MF Banco Bradesco S.A. 60.746.948/0001 12 Sede Cidade de Deus, Município e Comarca de Osasco, Estado

Leia mais

REGULAMENTO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL GERDAU PREVIDÊNCIA

REGULAMENTO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL GERDAU PREVIDÊNCIA REGULAMENTO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL GERDAU PREVIDÊNCIA Capítulo I Da Finalidade Artigo 1 - O presente Regulamento de Empréstimo Pessoal, doravante denominado Regulamento, tem por finalidade definir normas

Leia mais

CONTRATO PARA CONCESSÃO DE EMPRÉSTIMO COM FINALIDADE ESPECÍFICA

CONTRATO PARA CONCESSÃO DE EMPRÉSTIMO COM FINALIDADE ESPECÍFICA CONTRATO PARA CONCESSÃO DE EMPRÉSTIMO COM FINALIDADE ESPECÍFICA CAIXA DE PREVIDÊNCIA DOS FUNCIONÁRIOS DO BANCO DO BRASIL, entidade fechada de previdência complementar, com sede na Praia de Botafogo, nº

Leia mais

Regulamento de Utilização do Limite de Crédito Pessoal Contratado por Meios Eletrônicos - Aplicável ao Cliente Pessoa Física.

Regulamento de Utilização do Limite de Crédito Pessoal Contratado por Meios Eletrônicos - Aplicável ao Cliente Pessoa Física. O presente Regulamento de Utilização do Limite de Crédito Pessoal Contratado por Meios Eletrônicos Aplicável ao Cliente Pessoa Física ( Regulamento ), tem por objetivo disciplinar a relação jurídica entre

Leia mais

CLÁUSULAS E CONDIÇOES DO SANTANDER PARCELADO

CLÁUSULAS E CONDIÇOES DO SANTANDER PARCELADO CLÁUSULAS E CONDIÇOES DO SANTANDER PARCELADO Por este instrumento e na melhor forma de direito, o BANCO SANTANDER (BRASIL) S/A, com sede na Av. Juscelino Kubitscheck, 2041, São Paulo/SP, inscrito no CNPJ/MF

Leia mais

Credfaz Servidor Federal

Credfaz Servidor Federal COOPERATIVA DE CRÉDITO DO SERVIDOR FEDERAL LTDA. SICOOB CREDFAZ SERVIDOR FEDERAL Credfaz Servidor Federal Edifício CREDFAZ - SCS - Quadra 05 Bloco C - Ent. 165/9 - CEP 70305-921 - Brasília - Fone: 61 3035

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS APLICÁVEIS À PROPOSTA DE CONTRATAÇÃO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL MEDIANTE CONSIGNAÇÃO EM FOLHA DE PAGAMENTOS

CONDIÇÕES GERAIS APLICÁVEIS À PROPOSTA DE CONTRATAÇÃO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL MEDIANTE CONSIGNAÇÃO EM FOLHA DE PAGAMENTOS CONDIÇÕES GERAIS APLICÁVEIS À PROPOSTA DE CONTRATAÇÃO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL MEDIANTE CONSIGNAÇÃO EM FOLHA DE PAGAMENTOS As Condições Gerais aqui estabelecidas são parte integrante e indissociável da Proposta

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS APLICÁVEIS ÀS CONTRATAÇÕES DE CRÉDITO PESSOAL RENOVADO

CONDIÇÕES GERAIS APLICÁVEIS ÀS CONTRATAÇÕES DE CRÉDITO PESSOAL RENOVADO CONDIÇÕES GERAIS APLICÁVEIS ÀS CONTRATAÇÕES DE CRÉDITO PESSOAL RENOVADO O Banco Santander S.A., CNPJ 90.400.888/0001-42, com sede na Rua Amador Bueno, 474, São Paulo, Capital, doravante referenciado como

Leia mais

Bairro Cidade Estado CEP Telefone. Bairro Cidade Estado CEP Telefone

Bairro Cidade Estado CEP Telefone. Bairro Cidade Estado CEP Telefone Ouvidoria: SANTINVEST S.A. CRÉDITO FINANCIAMENTO E INVESTIMENTOS 0800 6420506 CÉDULA DE CRÉDITO BANCÁRIO CRÉDITO PESSOAL COM AVERBAÇÃO EM FOLHA DE PAGAMENTO E/OU CONTA-CORRENTE Pagaremos por esta Cédula

Leia mais

1) PARTES CONTRATANTES

1) PARTES CONTRATANTES CNPJ 61.198.164/0001-60 1) PARTES CONTRATANTES CONTRATO DE CONTRA GARANTIA CONDIÇÕES CONTRATUAIS GERAIS PORTO SEGURO CIA DE SEGUROS GERAIS, inscrita no CNPJ sob o n.º 61.198.164/0001-60, com sede na Cidade

Leia mais

CLÁUSULAS E CONDIÇOES DO SANTANDER PARCELADO

CLÁUSULAS E CONDIÇOES DO SANTANDER PARCELADO CLÁUSULAS E CONDIÇOES DO SANTANDER PARCELADO Por este instrumento e na melhor forma de direito, o BANCO SANTANDER (BRASIL) S/A, com sede na Av. Juscelino Kubitscheck, 2041, São Paulo/SP, inscrito no CNPJ/MF

Leia mais

Anexo 1.2.7 : Modelo de instrumento de cessão de crédito sem coobrigação

Anexo 1.2.7 : Modelo de instrumento de cessão de crédito sem coobrigação Anexo 1.2.7 : Modelo de instrumento de cessão de crédito sem coobrigação INSTRUMENTO PARTICULAR DE CESSÃO DE CRÉDITOS SEM COOBRIGAÇÃO Por este instrumento, as partes a seguir designadas e qualificadas,

Leia mais

II. Contrato Principal: o documento contratual, seus aditivos e anexos, que especificam as obrigações e direitos do segurado e do tomador.

II. Contrato Principal: o documento contratual, seus aditivos e anexos, que especificam as obrigações e direitos do segurado e do tomador. SEGURO-GARANTIA - CONDIÇÕES GERAIS Este seguro garante o fiel cumprimento das obrigações assumidas pelo tomador no contrato principal, firmado com o segurado, conforme os termos da apólice. I. Seguro-Garantia:

Leia mais

Nova Lista de Verificação Seguro de Auto Versão 01 (julho/2012)

Nova Lista de Verificação Seguro de Auto Versão 01 (julho/2012) LISTA DE VERIFICAÇÃO CIRCULARES SUSEP N os 256 e 269/04 E OUTROS NORMATIVOS DESCRIÇÃO ATENÇÃO: No preenchimento da Lista de Verificação, para os itens informativos, a coluna Fls. deverá ser marcada com

Leia mais

Contrato de Empréstimo para Cliente Pré- Selecionado - Crédito Citibank

Contrato de Empréstimo para Cliente Pré- Selecionado - Crédito Citibank Contrato de Empréstimo para Cliente Pré- Selecionado - Crédito Citibank CONSIDERANDO QUE: i) A empresa para a qual o MUTUÁRIO trabalha ( EMPREGADOR ) celebrou com o MUTUANTE (BANCO CITIBANK S.A.) Convênio

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS NA MODALIDADE PRESENCIAL CURSOS LIVRES DE CURTA DURAÇÃO

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS NA MODALIDADE PRESENCIAL CURSOS LIVRES DE CURTA DURAÇÃO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS NA MODALIDADE PRESENCIAL CURSOS LIVRES DE CURTA DURAÇÃO Pelo presente instrumento particular, de um lado, GRUPO IBMEC EDUCACIONAL S.A., sociedade anônima

Leia mais

Condições Gerais do Contrato de Concessão de Empréstimo Mediante Consignação em Folha de Pagamento

Condições Gerais do Contrato de Concessão de Empréstimo Mediante Consignação em Folha de Pagamento Condições Gerais do Contrato de Concessão de Empréstimo Mediante Consignação em Folha de Pagamento ESTAS CONDIÇÕES GERAIS REGEM O CONTRATO DE CONCESSÃO DE EMPRÉSTIMO MEDIANTE CONSIGNAÇÃO EM FOLHA DE PAGAMENTO,

Leia mais

CÉDULA DE CRÉDITO BANCÁRIO CCB

CÉDULA DE CRÉDITO BANCÁRIO CCB CRÉDITO PROPOSTA PESSOAL DE CRÉDITO - PESSOAL ASSOCIADO: Nome: Conta Corrente Nº: CPF/CNPJ: Sigla: Matrícula na empresa: Carteira de Identidade: Órgão emissor: Endereço: CEP: Cidade: UF: E-mail: Tel. Comercial:

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS SEGURO GARANTIA CIRCULAR SUSEP 232/03. Processo SUSEP nº 10.003.017/01-08

CONDIÇÕES GERAIS SEGURO GARANTIA CIRCULAR SUSEP 232/03. Processo SUSEP nº 10.003.017/01-08 CONDIÇÕES GERAIS SEGURO GARANTIA CIRCULAR SUSEP 232/03 Processo SUSEP nº 10.003.017/01-08 Cláusula 1ª - OBJETO Este seguro garante o fiel cumprimento das obrigações assumidas pelo Tomador no contrato principal,

Leia mais

Valor do crédito concedido: R$ ( )

Valor do crédito concedido: R$ ( ) Cédula nº: Valor do crédito concedido: R$ ( ) Data da emissão: / / Data do vencimento: / / 1. EMITENTE(S): 1.1 Nome: 1.2 RG: 1.3 CPF/MF - 1.4 Nome Segundo Titular: 1.5 RG Segundo Titular: 1.6 CPF/MF Segundo

Leia mais

Contrato de Abertura de Crédito em Conta Corrente

Contrato de Abertura de Crédito em Conta Corrente Contrato de Abertura de Crédito em Conta Corrente Por este instrumento a Cooperativa de Crédito de Livre Admissão de Lagoa da Prata e Região Ltda. SICOOB Lagoacred Gerais, pessoa jurídica de direito privado,

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DO CONTRATO DE ARRENDAMENTO MERCANTIL FINANCEIRO (LEASING) VERSÃO C2

CONDIÇÕES GERAIS DO CONTRATO DE ARRENDAMENTO MERCANTIL FINANCEIRO (LEASING) VERSÃO C2 As Condições Gerais abaixo se aplicam à operação de arrendamento mercantil financeiro (leasing) contratada pelo Cliente junto à Arrendadora, sociedade integrante do Conglomerado Itaú Unibanco, de acordo

Leia mais

CONTRATO PARA REALIZAÇÃO DE OPERAÇÕES NOS MERCADOS ADMINISTRADOS POR BOLSA DE VALORES E/OU POR ENTIDADE DO MERCADO DE BALCÃO ORGANIZADO

CONTRATO PARA REALIZAÇÃO DE OPERAÇÕES NOS MERCADOS ADMINISTRADOS POR BOLSA DE VALORES E/OU POR ENTIDADE DO MERCADO DE BALCÃO ORGANIZADO CONTRATO PARA REALIZAÇÃO DE OPERAÇÕES NOS MERCADOS ADMINISTRADOS POR BOLSA DE VALORES E/OU POR ENTIDADE DO MERCADO DE BALCÃO ORGANIZADO NOVA FUTURA DISTRIBUIDORA DE TÍTULOS E VALORES MOBILIÁRIOS LTDA,

Leia mais

HIRATA CONSULTORES CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CURSOS LIVRES

HIRATA CONSULTORES CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CURSOS LIVRES HIRATA CONSULTORES CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CURSOS LIVRES Pelo presente instrumento particular, HIRATA CONSULTORES, sociedade empresária limitada com sede na Rua Nilo, 163, no Município de São

Leia mais

CLÁUSULAS GERAIS DO CONTRATO DE ABERTURA DE CRÉDITO PARA DESCONTO DE CHEQUES - PESSOAS JURÍDICAS

CLÁUSULAS GERAIS DO CONTRATO DE ABERTURA DE CRÉDITO PARA DESCONTO DE CHEQUES - PESSOAS JURÍDICAS CLÁUSULAS GERAIS que regem o Contrato de Abertura de Crédito para Desconto de Cheques Pessoas Jurídicas, tendo de um lado o BRB - BANCO DE BRASÍLIA S.A., com sede em Brasília, Capital Federal, inscrito

Leia mais

Sumário Executivo do Contrato dos Cartões de Crédito Private Label Híbrido

Sumário Executivo do Contrato dos Cartões de Crédito Private Label Híbrido BANCO DO BRASIL S.A. Sumário Executivo do Contrato dos Cartões de Crédito Private Label Híbrido Conceito e Características do Cartão de Crédito O cartão de crédito Private Label Híbrido, de uso doméstico

Leia mais

1 - A MUTUANTE concede ao MUTUÁRIO um empréstimo no valor, prazo e demais condições indicadas no Termo de Requerimento de Mútuo.

1 - A MUTUANTE concede ao MUTUÁRIO um empréstimo no valor, prazo e demais condições indicadas no Termo de Requerimento de Mútuo. Folha 1 DE 6 Cláusulas e Condições Gerais do Contrato de Mútuo que entre si fazem a Fundação Vale do Rio Doce de Seguridade Social - VALIA e seus participantes na forma do seu Regulamento Básico. Fundação

Leia mais

2.3.3 Vencimento das parcelas. X2 2.4 Taxa de juros remuneratórios 2.5 IOF (R$) 2.6 Tarifa de 2.4.1 Ao mês 2.4.2 Ao ano 2.4.

2.3.3 Vencimento das parcelas. X2 2.4 Taxa de juros remuneratórios 2.5 IOF (R$) 2.6 Tarifa de 2.4.1 Ao mês 2.4.2 Ao ano 2.4. Saldo Parcelado Itaú Aditamento a Cédula de Crédito Bancário/Contrato - Abertura de crédito em conta corrente e financiamento de encargos Nr. XXXXXXXX10 Cliente XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX30 E os co-emitentes,

Leia mais

REGULAMENTO A CONCESSÃO E MANUTENÇÃO DE EMPRÉSTIMO SIMPLES AOS PARTICIPANTES E ASSISTIDOS DO PLANO BENEFÍCIO PREV-RENDA.

REGULAMENTO A CONCESSÃO E MANUTENÇÃO DE EMPRÉSTIMO SIMPLES AOS PARTICIPANTES E ASSISTIDOS DO PLANO BENEFÍCIO PREV-RENDA. REGULAMENTO A CONCESSÃO E MANUTENÇÃO DE EMPRÉSTIMO SIMPLES AOS PARTICIPANTES E ASSISTIDOS DO PLANO BENEFÍCIO PREV-RENDA. Índice Capítulo I Da Carteira de Empréstimo Simples... 3 Capítulo II Dos Recursos

Leia mais

QUADRO VI - QUALIFICAÇÃO DO(S) AVALISTA(S) E DEVEDOR(ES) SOLIDÁRIO(S) (continuação) Nome: Endereço:

QUADRO VI - QUALIFICAÇÃO DO(S) AVALISTA(S) E DEVEDOR(ES) SOLIDÁRIO(S) (continuação) Nome: Endereço: CÉDULA DE CRÉDITO BANCÁRIO (CCB) ABERTURA DE CRÉDITO ROTATIVO QUADRO I - QUALIFICAÇÃO DO EMITENTE E DO CO-EMITENTE Nome do Emitente: Endereço do Emitente: CEP do Emitente: CPF/CNPJ do Emitente: Nome do

Leia mais

REGULAMENTO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL

REGULAMENTO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL 1. OBJETIVO Estabelecer as condições, critérios e normas de concessão de Empréstimo Pessoal aos participantes da PREVICEL Previdência Privada da CELEPAR, obedecendo as disposições legais vigentes sobre

Leia mais

PROJETO DE LEI COMPLEMENTAR nº 38/2015. Capítulo I Disposições Gerais

PROJETO DE LEI COMPLEMENTAR nº 38/2015. Capítulo I Disposições Gerais PROJETO DE LEI COMPLEMENTAR nº 38/2015 Institui o Programa de Recuperação Fiscal REFIS do Município de Jaboticabal, e dá outras providências. Capítulo I Disposições Gerais Art. 1º Fica instituído, nos

Leia mais

TÍTULO DE CAPITALIZAÇÃO APLUBCAP ECO 2.1 MODALIDADE DADE INCENTIVO PAGAMENTO ÚNICO CONDIÇÕES GERAIS

TÍTULO DE CAPITALIZAÇÃO APLUBCAP ECO 2.1 MODALIDADE DADE INCENTIVO PAGAMENTO ÚNICO CONDIÇÕES GERAIS TÍTULO DE CAPITALIZAÇÃO APLUBCAP ECO.1 I INFORMAÇÕES INICIAIS SOCIEDADE DE CAPITALIZAÇÃO: APLUB CAPITALIZAÇÃO S. A. CNPJ: 88.076.30/0001-94 APLUBCAP ECO.1 MODALIDADE: INCENTIVO PROCESSO SUSEP Nº: 15414.0055/011-47

Leia mais

BANCO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E SOCIAL - BNDES. CIRCULAR AEX Nº 007/2015, de 22 de junho de 2015.

BANCO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E SOCIAL - BNDES. CIRCULAR AEX Nº 007/2015, de 22 de junho de 2015. BANCO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E SOCIAL - BNDES CIRCULAR AEX Nº 007/2015, de 22 de junho de 2015. Ref.: Circular AEX nº 001/2015, de 30 de janeiro de 2015. Ass.: Alteração das Normas Operacionais

Leia mais

APÓLICE/ENDOSSO DE SEGURO GARANTIA

APÓLICE/ENDOSSO DE SEGURO GARANTIA APÓLICE/ENDOSSO DE SEGURO GARANTIA Apólice: 024612013000107750002827 Processo SUSEP : 15414.004045/2010-49 Endosso: 0000000 Número de Controle Interno: 7202Ě CONDIÇÕES PARTICULARES A Austral Seguradora

Leia mais

CLÁUSULAS E CONDIÇÕES GERAIS DO CONTRATO DE ARRENDAMENTO MERCANTIL FINANCEIRO SANTANDER LEASING S.A. ARRENDAMENTO MERCANTIL

CLÁUSULAS E CONDIÇÕES GERAIS DO CONTRATO DE ARRENDAMENTO MERCANTIL FINANCEIRO SANTANDER LEASING S.A. ARRENDAMENTO MERCANTIL LSG - 8500-B Santander Jun/2013 CLÁUSULAS E CONDIÇÕES GERAIS DO CONTRATO DE ARRENDAMENTO MERCANTIL FINANCEIRO SANTANDER LEASING S.A. ARRENDAMENTO MERCANTIL Este instrumento define as cláusulas e condições

Leia mais

REGULAMENTO DA CARTEIRA DE EMPRÉSTIMO BÁSICO

REGULAMENTO DA CARTEIRA DE EMPRÉSTIMO BÁSICO Rev. 01 Data: 21/05/2014 Página 1 de 8 CAPÍTULO I DEFINIÇÕES Art. 1º - Para fins de aplicação deste Regulamento, o masculino incluirá o feminino e o singular incluirá o plural, a menos que o contexto indique

Leia mais

CONTRATO DE EMPRÉSTIMO COM CRÉDITO PRÉ-APROVADO

CONTRATO DE EMPRÉSTIMO COM CRÉDITO PRÉ-APROVADO PÁGINA 1/7 CONTRATO DE EMPRÉSTIMO Dados do Contratante Nome: CPF: - Carteira de Identidade: Órgão: Matrícula: - Endereço: Bairro: Cidade: UF: CEP: - Estado Civil: Profissão: Empresa: Lotação: Banco: Agência:

Leia mais

O mútuo, objeto deste contrato, será concedido conforme condições que se seguem:

O mútuo, objeto deste contrato, será concedido conforme condições que se seguem: SÃO PARTES DESTE CONTRATO: CONTRATO DE EMPRÉSTIMO FUNCEF NA MODALIDADE DE CREDINÂMICO FUNCEF 13º SALÁRIO QUE ENTRE SI FAZEM AS PARTES ABAIXO IDENTIFICADAS, NAS CONDIÇÕES QUE SE SEGUEM: A FUNDAÇÃO DOS ECONOMIÁRIOS

Leia mais

CLÁUSULAS GERAIS DO CONTRATO DE ABERTURA DE CRÉDITO PARCELADO PARA CAPITAL DE GIRO PESSOAS JURÍDICAS

CLÁUSULAS GERAIS DO CONTRATO DE ABERTURA DE CRÉDITO PARCELADO PARA CAPITAL DE GIRO PESSOAS JURÍDICAS CLÁUSULAS GERAIS que regem o Contrato de Abertura de Crédito Parcelado para Capital de Giro Pessoas Jurídicas, tendo de um lado o BRB - BANCO DE BRASÍLIA S.A., com sede em Brasília, Capital Federal, inscrito

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS MÉDICOS (ADAPTADO às RESOLUÇÕES NORMATIVAS N.ºs 363, 364 e SÚMULA 26 DA ANS)

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS MÉDICOS (ADAPTADO às RESOLUÇÕES NORMATIVAS N.ºs 363, 364 e SÚMULA 26 DA ANS) CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS MÉDICOS (ADAPTADO às RESOLUÇÕES NORMATIVAS N.ºs 363, 364 e SÚMULA 26 DA ANS) I CONTRATANTE : Nome Operadora de Saúde Endereço: R...., nº... Bairro... - Cidade/ Capital

Leia mais

Regulamento de Abertura de Limite de Crédito Global Bradesco - PF

Regulamento de Abertura de Limite de Crédito Global Bradesco - PF O presente Regulamento de Abertura de Limite de Crédito Global Bradesco, aplicável ao cliente pessoa física ( Regulamento ), tem por objetivo disciplinar a relação jurídica entre o Banco Bradesco S/A,

Leia mais

INSTRUÇÃO CVM Nº 51, DE 09 DE JUNHO DE 1986.

INSTRUÇÃO CVM Nº 51, DE 09 DE JUNHO DE 1986. INSTRUÇÃO CVM Nº 51, DE 09 DE JUNHO DE 1986. Regulamenta a concessão de financiamento para compra de ações pelas Sociedades Corretoras e Distribuidoras. O Presidente da Comissão de Valores Mobiliários

Leia mais

GRAZZIOTIN FINANCIADORA S/A CRÉDITO, FINANCIAMENTO E INVESTIMENTOS CONTRATO DE FINANCIAMENTO

GRAZZIOTIN FINANCIADORA S/A CRÉDITO, FINANCIAMENTO E INVESTIMENTOS CONTRATO DE FINANCIAMENTO CONTRATO DE FINANCIAMENTO GRAZZIOTIN FINANCIADORA S/A- Crédito, Financiamento e Investimentos, instituição financeira com sede na cidade de Passo Fundo, Estado do Rio Grande do Sul, na rua Valentin Grazziotin,

Leia mais

TÍTULO DE CAPITALIZAÇÃO ZURICHCAP INCENTIVO Nº 07 PU I07 MODALIDADE INCENTIVO PAGAMENTO ÚNICO CONDIÇÕES GERAIS

TÍTULO DE CAPITALIZAÇÃO ZURICHCAP INCENTIVO Nº 07 PU I07 MODALIDADE INCENTIVO PAGAMENTO ÚNICO CONDIÇÕES GERAIS DA ZURICHCAP INCENTIVO Nº 07 PU I07 I INFORMAÇÕES INICIAIS SOCIEDADE DE CAPITALIZAÇÃO: ZURICH BRASIL CAPITALIZAÇÃO S/A. CNPJ: 17.266.009/0001-41 MODALIDADE: INCENTIVO PROCESSO SUSEP Nº: II - GLOSSÁRIO

Leia mais

(**) Renegociação de divida representada por Acordo Judicial

(**) Renegociação de divida representada por Acordo Judicial São Paulo, 15 de maio de 2015. À Comissão de es Mobiliários ( CVM ) Gerência de Acompanhamento de Fundos Estruturados - GIE Rua Sete de Setembro, 111 30º andar 20159-900 - Rio de Janeiro - RJ REF.: RELATÓRIO

Leia mais

INSTRUMENTO PARTICULAR DE FIANÇA CURSO DE MEDICINA BACHARELADO FAMINAS-ME

INSTRUMENTO PARTICULAR DE FIANÇA CURSO DE MEDICINA BACHARELADO FAMINAS-ME INSTRUMENTO PARTICULAR DE FIANÇA CURSO DE MEDICINA BACHARELADO FAMINAS-ME 1. (FIADOR), naturalidade:, estado civil:, profissão:, data de nascimento: / /, residente e domiciliado na cidade de:, estado:,cep:

Leia mais

NORMATIVO SARB 002/2008

NORMATIVO SARB 002/2008 O Conselho de Auto-Regulação Bancária, com base no art. 1 (b), do Código de Auto-Regulação Bancária, sanciona as regras abaixo dispostas, formalizando preceitos comuns a todas as signatárias da auto-regulação

Leia mais

Resumo do Contrato de seu Cartão de Crédito Business Card do HSBC.

Resumo do Contrato de seu Cartão de Crédito Business Card do HSBC. Resumo do Contrato de seu Cartão de Crédito Business Card do HSBC. Leia estas informações importantes para aproveitar todas as vantagens do seu novo cartão de crédito. Resumo do Contrato de seu Cartão

Leia mais

TÍTULO DE CAPITALIZAÇÃO

TÍTULO DE CAPITALIZAÇÃO CONDIÇÕES GERAIS TÍTULO DE CAPITALIZAÇÃO CONDIÇÕES GERAIS ÍNDICE I Informações Iniciais... 4 II Glossário... 4 III Objetivo... 5 IV Natureza do Título... 5 V Vigência... 5 VI Pagamento... 5 VII Carência...

Leia mais

Kit para comprar seu veículo Cota não quitada

Kit para comprar seu veículo Cota não quitada Kit para comprar seu veículo Cota não quitada Parabéns pela sua contemplação! Ficamos muito felizes por fazer parte das suas escolhas e conquistas. Agora que você já foi contemplado e já passou pela etapa

Leia mais

ESTADO DE SERGIPE PREFEITURA MUNICIPAL DE ARACAJU Secretaria Municipal de Governo LEI COMPLEMENTAR N.º 64/2003 DE 23 DE DEZEMBRO DE 2003

ESTADO DE SERGIPE PREFEITURA MUNICIPAL DE ARACAJU Secretaria Municipal de Governo LEI COMPLEMENTAR N.º 64/2003 DE 23 DE DEZEMBRO DE 2003 Institui a Segunda Etapa do Programa de Recuperação de Créditos Fiscais do Município REFIS II e dá outras providências. O PREFEITO MUNICIPAL DE ARACAJU. Faço saber que a Câmara Municipal de Aracaju aprovou

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ADMINISTRAÇÃO DE CARTÕES DE CRÉDITO DA DMCARD CONTRATO DE CARTÃO DE CRÉDITO

CONDIÇÕES GERAIS DO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ADMINISTRAÇÃO DE CARTÕES DE CRÉDITO DA DMCARD CONTRATO DE CARTÃO DE CRÉDITO CONTRATO DE CARTÃO DE CRÉDITO PARA APROVEITAR TODOS OS BENEFÍCIOS E FAZER O MELHOR USO POSSÍVEL DO SEU CARTÃO É MUITO IMPORTANTE QUE VOCÊ LEIA COM ATENÇÃO, AS SEGUINTES CONDIÇÕES GERAIS: 1. DEFINIÇÕES:

Leia mais