Elaborado pelo Coordenador do curso de Gestão Empresarial Prof. Ms. Ricardo Resende Dias e pela professora Profª Drª Silvana de Brito Arrais Dias.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Elaborado pelo Coordenador do curso de Gestão Empresarial Prof. Ms. Ricardo Resende Dias e pela professora Profª Drª Silvana de Brito Arrais Dias."

Transcrição

1 Elaborado pelo Coordenador do curso de Gestão Empresarial Prof. Ms. Ricardo Resende Dias e pela professora Profª Drª Silvana de Brito Arrais Dias. Goiânia, 2010

2 SUMÁRIO SUMÁRIO INTRODUÇÃO Objetivo do manual Justificativa ESTRUTURA DO ARTIGO DO TCC Pré-textuais Capa Folha de rosto Resumo Elementos Textuais Título Introdução Método Fundamentação teórica Discussão Considerações finais Elementos Pós-textuais Referências Bibliográficas REDAÇÃO FORMA DE APRESENTAÇÃO Formato Margem Espacejamento Títulos e Indicativos Paginação Encadernação Citações...14 REFERENCIAL BIBLIOGRÁFICO...17

3 1. INTRODUÇÃO A elaboração do Manual de elaboração de TCC, que deverá ser apresentado na forma de Artigo se deu pelo fato de constatar-se que os alunos necessitam de uma orientação redigida para que possam realizar as atividades de elaboração do TCC de maneira mais segura e que garanta uma maior padronização dos materiais a serem apresentados. Sendo assim, o manual foi estruturado considerando as normas da ABNT, como também as experiências dos professores e deve ser seguido por todos os alunos a professores orientadores do TCC do curso de Especialização em Gestão Empresarial da Pontifícia Universidade Católica de Goiás Objetivo do manual O objetivo é de possibilitar orientações os alunos sobre como elaborar o TCC, quanto à estrutura, formatação, margens, espacejamento, título e indicativos, paginação, encadernação, citação e referencial bibliográfico Justificativa A necessidade da estruturação do Manual de elaboração de TCC pode ser evidenciada pelos próprios alunos que encontravam dificuldades na elaboração do TCC, pela falta de um padrão universalmente aceito, o que gera insegurança do aluno ao desenvolver o documento. Entende-se que com a padronização grande parte dos problemas serão solucionados e trará melhorias para todos os envolvidos.

4 2. ESTRUTURA DO ARTIGO DO TCC O TCC 1 deve conter de 15 a 30 páginas, utilizando fonte Arial 12, com espacejamento 1,5 entre linhas. Tabela 1: Estrutura do Artigo. Tipos de elementos Elementos Pré-textuais Capa Folha de rosto Resumo Textuais Título Introdução Métodos Fundamentação teórica Discussão Considerações finais Pós-textuais Referências Bibliográficas Cada um dos elementos apresentados nesta tabela possui características e objetivos próprios. Sendo assim, o aluno deve elaborar cada elemento considerando seguindo algumas determinações para que o artigo tenha uma seqüência e expresse claramente o que o autor deseja compartilhar. A seguir há orientações que devem ser seguidas e que nortearão melhor o aluno na elaboração do artigo. Todos os elementos apresentados são obrigatórios Pré-textuais Os elementos pré-textuais são aqueles que antecedem o texto do relatório e são importantes na identificação e utilização do trabalho. 1 O TCC é uma atividade que consolida a conclusão do curso de Especialização em Gestão Empresarial da Pontifícia Universidade Católica de Goiás definido para o curso em questão como um Artigo que tem sua estrutura estabelecida do item 3 desse manual.

5 Capa A capa é uma proteção do trabalho e contém informações importantes para o leitor e deve apresentar a seguinte formatação e conteúdo: PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE GOIÁS PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA COORDENAÇÃO DE PÓS-GRADUAÇÃO ESPECIALIZAÇÃO E M GESTÃO EMPRESARIAL TÍTULO ARTIGO CIENTÍFICO NOME DO ALUNO GOIÂNIA, GO 2010 Figura 1: Capa

6 Folha de rosto A Folha de rosto é destinada à identificação do artigo devendo apresentar todos os elementos necessários para que o leitor possa obter, o mais rápido e claro possível, as informações necessárias. A seguir é apresentado, na figura 2, um modelo da folha de rosto. PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE GOIÁS PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA COORDENAÇÃO DE PÓS-GRADUAÇÃO ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO EMPRESARIAL NOME DO ALUNO TÍTULO Artigo científico apresentado como requisito parcial para a conclusão do curso de Especialização em Gestão Empresarial GOIÂNIA, GO 2010 Figura 2: Folha de rosto Resumo Deve apresentar sinteticamente o conteúdo do artigo, possibilitando ao leitor uma rápida visão do mesmo para que possa avaliar seu interesse em realizar a leitura.

7 O resumo deve ser apresentado em no máximo 300 (trezentas) palavras ou 15 linhas em espaço simples, sem parágrafo. Logo após o texto do resumo devem ser apresentadas 3 palavras-chave de acordo com o apresentado na figura 3. RESUMO O relatório desenvolvido é sobre a avaliação do sistema de mapeamento de processos da empresa XPTY. São apresentados os resultados da pesquisa para reconhecimento do sistema atual e proposta de intervenção... Palavras-chave: processo, mapeamento e avaliação Figura 3: Resumo 2.2. Elementos Textuais Os elementos textuais são aqueles onde consta o conteúdo da pesquisa realizada, sendo dividido em Título, Introdução, Método, Fundamentação teórica, Discussão e Considerações finais Título O título é a denominação apresentando o foco a ser tratado no artigo. Deve expressar claramente o conteúdo ou assunto central do artigo Introdução Na introdução é apresentada a delimitação do assunto do artigo e outros elementos que possibilitem ao leitor situar o tema estudado.

8 Na introdução deve-ser realizar uma especificação do cenário do assunto pesquisado bem como, da organização que foi escolhida como fonte de pesquisa. Deve também contemplar a importância do tema escolhido. É importante contextualizar o tema e apresentar o que será tratado no artigo especificando o objetivo do estudo e as justificativas para a realização do estudo Método É a parte do artigo onde são citados os métodos e instrumentos utilizados para a realização da pesquisa que culminou na elaboração do artigo. Apresentar a amostra e a população utilizada, e sua devida justificativa. No item método é onde deve constar, também, a forma de análise dos dados coletados. Especificar a forma de coleta de dados e como os dados serão apresentados na parte Discussão: através de gráficos, tabelas, descrições ou outros Fundamentação teórica A fundamentação teórica é a parte do artigo onde se apresenta o que foi pesquisado teoricamente sobre o tema, apresentando uma redação do autor do relatório formada pelas diversas citações de variados autores e conexão de tais citações com o trabalho de pesquisa realizado. Deve ter falas do próprio aluno, mas não deve ser apresentado ainda os dados práticos relativos à organização estudada. Na fundamentação teórica há sim uma discussão teórica com base nos autores pesquisados fazendo o link 2 com o trabalho de pesquisa realizado. O objetivo do link é possibilitar a compreensão da importância do assunto teórico tratado. Para estruturar a fundamentação teórica deve-se observar a forma de apresentar as citações como apresentado no item 4.7 deste manual. 2 Link O link é aqui tratado como uma relação entre a teoria pesquisada e o trabalho a ser desenvolvido, fazendo a devida conexão e tornando o texto de melhor compreensão para o leitor.

9 Lembrem-se, a fundamentação teórica não é apenas o recorte teórico. Faz-se necessário apresentar os links ou relações importantes para a compreensão do conteúdo do artigo apresentado no item Discussão. Para elaborar a fundamentação teórica há a necessidade de pesquisar pelo menos dois autores de cada assunto tratado, objetivando uma melhor reflexão teórica relativa ao mesmo Discussão Nesta parte do artigo deve ser apresentada a discussão sobre a pesquisa desenvolvida. Para a estruturação desta parte do artigo devem ser criadas quantas seções forem necessárias de acordo com o projeto estabelecido. Os dados coletados, tabulados e analisados devem igualmente fazer parte da discussão desenvolvimento do artigo. Os dados podem ser apresentados na forma de gráficos, tabelas, descrições ou outros. Pode-se buscar alguns dados da fundamentação teórica para facilitar a análise dos dados coletados e observações sobre o estudo Considerações finais No item Considerações finais deve-se fazer as observações sobre toda a pesquisa realizada de forma resumida. Comentar sobre as conclusões a que se chegou após terminar a pesquisa. É o momento de reforçar as idéias principais as contribuições do trabalho desenvolvido.

10 2.3. Elementos Pós-textuais São os elementos que complementam o estudo e quando se trata de artigo está representado pelas Referências Bibliográficas Referências Bibliográficas É a lista da obras consultadas e utilizadas como referência bibliográfica para a elaboração do artigo. Deve ser apresentada na seguinte forma: Sobrenome do autor, nome do autor. Título da obra ou publicação. Edição. Cidade: Editora, ano de edição da obra. Quando a obra for de mais de um autor deve-se proceder da seguinte forma: Sobrenome do primeiro autor, nome do primeiro autor; sobrenome do segundo autor, nome do segundo autor. Título da obra ou publicação. Edição. Cidade: Editora, ano de edição da obra. Quando o material for retirado da internet proceder como apresentado a seguir: Especificar o site. Título do texto. Data e horário da consulta. Sobrenome do autor, nome do autor. Site pesquisado. Título do texto. Data e horário da consulta. Quando tratar de dissertação ou tese de doutorado apresentar da seguinte forma: ARRAIS DIAS, Silvana de Brito. O processo de aprendizagem no funcionamento da empresa e cadeia do frango no Estado de Goiás. Dissertação (Mestrado em Agronegócios) Universidade Federal do Rio Grande do Sul UFRGS, Porto Alegre, 2000.

11 3. REDAÇÃO A redação do artigo deve seguir o seguinte padrão: Fazer uso da linguagem técnico-científica, lembrando que o artigo é a apresentação de um trabalho acadêmico. Ao realizar a redação deve-se buscar uma lógica no desencadeamento das idéias início, meio e fim. Lembre-se de que o leitor necessita de registro lógico para compreender o que o autor do artigo deseja apresentar. A linguagem deve ter um estilo de fácil compreensão e transparente, que possa levar o leitor a um melhor entendimento.

12 4. FORMA DE APRESENTAÇÃO Os textos devem seguir os padrões estabelecidos a seguir Formato Os textos devem ser apresentados no formato A4 (21,0cm x 29,7 cm). A digitação deve ser realizada utilizando fonte arial tamanho 12 para o texto e fonte tamanho 10 ou apresentação em itálico, para citações longas (mais de 3 linhas) e notas de rodapé Margem As folhas devem ser organizadas tendo 3 cm nas margens esquerda e superior e 2 cm nas margens direita e inferior, conforme apresentado na figura a seguir. 3.0 cm 3.0 cm 2.0 cm 2.0 cm Figura 4 : Margens das folhas do Relatório de Estágio. 3 Notas de rodapé as notas de rodapé são aquelas que o autor necessita esclarecer algo, mas que não devem ser apresentadas no próprio texto e devem ser inseridas através de recurso automático do programa de informática, sendo assim, separadas do texto por um traço, como apresentado nesta nota.

13 4.3. Espacejamento Todo o texto deve ser digitado em espaço 1.5 entre linhas. As citações longas (mais de 3 linhas), as notas e as referências devem ser digitadas em espaços simples. Em relação aos títulos de seções, devem ser separados do texto que os precede ou que os sucede por uma entrelinha dupla (um espaço duplo ou dois espaços simples) Títulos e Indicativos Seções recebem um título e um indicativo numérico, apresentados nesta seqüência. Quando se tratar de seções primárias, inicia-se em folha distinta, mesmo que haja espaço na folha anterior. As seções primárias deverão ser apresentadas em negrito, com letras maiúsculas e fonte 14. Quando se tratar de seções secundárias, apresenta-se em negrito 4.5. Paginação A paginação de artigo deve iniciar a partir de Introdução, sendo que a contagem das páginas deve ser a partir da folha de rosto. Ou seja, inicia-se a contagem a partir da folha de rosto, mas a numeração é colocada apenas a partir da Introdução, que é o início da parte textual do trabalho. A numeração deve ser realizada em algarismos arábicos, sendo apresentada no canto superior direito da página, devendo estar distante 2 cm da borda superior e o último algarismo a 2 cm da borda direita da folha.

14 4.6. Encadernação A estrutura deve ser como apresentada na figura a seguir. PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE GOIÁS PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA COORDENAÇÃO DE PÓS-GRADUAÇÃO ESPECIALIZAÇÃO E M GESTÃO EMPRESARIAL TÍTULO ARTIGO CIENTÍFICO NOME DO ALUNO GOIÂNIA, GO 2010 Figura 5: Modelo de capa do artigo Citações De acordo com a NBR 10520/2002 as citações são menções, no texto, de informação extraída de outra fonte. As citações devem ser antecedidas ou precedidas da especificação da fonte: autor, ano e página. A apresentação do sobrenome do autor deve ser em letras maiúsculas e minúsculas, quando a citação estiver incluída no texto. (Ver exemplo 1, a seguir)

15 A apresentação do sobrenome do autor deve ser em letras maiúsculas, quando estiverem entre parênteses. Exemplo 1: Segundo Becker (1988, p.60) o Estado e a alta-tecnologia são os determinantes históricos da produção da fronteira o que demonstra ser um fator impactante no processo de implantação da ISO Exemplo 2: O questionário caracteriza-se por uma série de questões apresentadas ao respondente, por escrito (VERGARA, 2000, p.46). Exemplo 3: Degen (1989, p.19 e 20) afirma que para identificar oportunidades é necessário: A predisposição para identificar oportunidades é fundamental para quem deseja ser empreendedor e consiste em aproveitar todo e qualquer ensejo para observar negócios, o empreendedor de sucesso é aquele que não se cansa de observar negócios, mas é através da criatividade que ele começa a associar as observações dos mais diversos tipos e formas de empreendimentos. Ainda seguindo o que determina a NBR 10520/2002, as citações podem ser: Direta: transcrição textual dos conceitos do autor consultado A citação direta se caracteriza por apresentar a apresentação literal, ou seja, com as próprias palavras do autor. o Quando realizada em até 3 linhas, deve ser seguida a própria estrutura do texto. (Ver exemplo 1 apresentado anteriormente) o Quando realizada com mais de 3 linhas deve ser feito o recuo de 4 cm, em todas as linhas a partir da margem esquerda do texto. A transcrição é realizada sem aspas e a fonte a ser utilizada deve ser 10, como citado no item 3.1 Formato. (Ver exemplo 3 apresentado anteriormente) Indireta: transcrição livre do texto do autor consultado. A citação indireta ocorre quando se utiliza a idéia apresentada pelo autor consultado, mas modificando o texto, ou seja, utilizando a própria forma de linguagem e construção do texto. (Ver exemplo 2, apresentado anteriormente)

16 Citação de citação: transcrição direta ou indireta de um texto que não se teve acesso ao original. A citação de citação é utilizada quando não há a impossibilidade de acesso ao documento original. Deve-se, portanto, evitar o uso da mesma. Para apresentar a citação de citação utiliza-se a expressão latina apud, que significa citado por, conforme ou segundo. O uso da citação de citação deve ser de acordo com os exemplos apresentados a seguir: Exemplo 1: (SILVA, 2001 apud DIAS, 1998, p.45). Exemplo 2: Segundo Silva (apud DIAS, 1998, p.45)

17 REFERENCIAL BIBLIOGRÁFICO LAKATOS, Eva Maria; MARCONI, Marina de Andrade. Metodologia do trabalho científico: procedimentos básicos, pesquisa bibliográfica, projeto e relatório, publicações e trabalhos científicos. 6ª.ed.. São Paulo: Atlas SEVERINO, Antônio Joaquim. Metodologia do trabalho científico. 22ª. ed.revisada e ampliada de acordo com a ABNT. São Paulo: Cortez, VERGARA, Sylvia Constant. Projetos e relatórios de pesquisa em administração. São Paulo: Atlas, FERRARI,Trujillo Afonso. Metodologia da ciência. Rio de Janeiro: Kennedy, ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR6023: informação e documentação referências elaboração. Rio de Janeiro, ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR14724: informação e documentação trabalhos acadêmicos apresentação. Rio de Janeiro, ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR10520: informação e documentação apresentação de citação em documentos. Rio de Janeiro, CUNHA, Alda Maria Borges; ULHÔA, Andréa Alves; OLIVEIRA, Maria Augusta de. Política e regulamento de estágio. UCG: Goiânia, 2004.

NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DO CURSO DE INGRESSO E VITALICIAMENTO DOS NOVOS MEMBROS DO MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO CEARÁ

NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DO CURSO DE INGRESSO E VITALICIAMENTO DOS NOVOS MEMBROS DO MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO CEARÁ GESTÃO2010/2012 ESCOLASUPERIORDOMINISTÉRIOPÚBLICO(Art.1ºdaLei11.592/89) Credenciada pelo Parecer 559/2008, de 10/12/08, do CEC (Art. 10, IV da Lei Federal n.º 9.394, de 26/12/1996 - LDB) NORMAS PARA ELABORAÇÃO

Leia mais

Manual para normalização de trabalhos técnicos científicos

Manual para normalização de trabalhos técnicos científicos Padrão FEAD de normalização Manual para normalização de trabalhos técnicos científicos Objetivo Visando padronizar os trabalhos científicos elaborados por alunos de nossa instituição Elaboramos este manual

Leia mais

NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE PROJETOS 2013

NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE PROJETOS 2013 NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE PROJETOS 2013 Jaciara-MT 2013 REGRAS GERAIS DE APRESENTAÇÃO FORMATO Os trabalhos acadêmicos devem ser em conformidade com os apontamentos a seguir. Papel branco, Formato A4 (21

Leia mais

REGRAS GERAIS PARA APRESENTAÇÃO/FORMATAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS. Prof. Dr. Luiz Carlos dos Santos

REGRAS GERAIS PARA APRESENTAÇÃO/FORMATAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS. Prof. Dr. Luiz Carlos dos Santos REGRAS GERAIS PARA APRESENTAÇÃO/FORMATAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS Todo trabalho acadêmico deve ser elaborado segundo parâmetros determinados pela Associação Brasileira de Normas Técnicas - ABNT. Assim,

Leia mais

MANUAL DE ELABORAÇÃO DE RELATÓRIO FINAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO E TCC DO DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO

MANUAL DE ELABORAÇÃO DE RELATÓRIO FINAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO E TCC DO DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO UNIVERSIDADE CATÓLICA DE GOIÁS PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO MANUAL DE ELABORAÇÃO DE RELATÓRIO FINAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO E TCC DO DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO 5ª edição

Leia mais

GESTÃO HOSPITALAR. PIM VI Projeto Integrado Multidisciplinar

GESTÃO HOSPITALAR. PIM VI Projeto Integrado Multidisciplinar GESTÃO HOSPITALAR PIM VI Projeto Integrado Multidisciplinar 1 PIM PROJETO INTEGRADO MULTIDISCIPLINAR TEMA: Elaborar um estudo acerca Estrutura e Funcionamento do Sistema de Saúde Pública e Privada no Brasil.

Leia mais

NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE MONOGRAFIAS 2013

NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE MONOGRAFIAS 2013 NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE MONOGRAFIAS 2013 Jaciara-MT COMPOSIÇÃO DA MONOGRAFIA MONOGRAFIA Recebe nº página CAPA FOLHA DE ROSTO FOLHA DE APROVAÇÃO DEDICATÓRIA (OPCIONAL) AGRADECIMENTO (OPCIONAL) EPIGRAFE

Leia mais

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE MONOGRAFIA

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE MONOGRAFIA ANEXO da Norma 004/2008 CCQ Rev 1, 28/09/2009 UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA INSTITUTO DE QUÍMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM QUÍMICA Salvador 2009 2 1 Objetivo Estabelecer parâmetros para a apresentação gráfica

Leia mais

MANUAL PARA ELABORAÇÃO DE PRÉ-PROJETOS DE MONOGRAFIA DO CURSO DE DIREITO/FAJ

MANUAL PARA ELABORAÇÃO DE PRÉ-PROJETOS DE MONOGRAFIA DO CURSO DE DIREITO/FAJ Faculdade de Jussara FAJ Curso de Direito Coordenação de Trabalho de Conclusão de Curso MANUAL PARA ELABORAÇÃO DE PRÉ-PROJETOS DE MONOGRAFIA DO CURSO DE DIREITO/FAJ Jussara 2013 APRESENTAÇÃO Este manual

Leia mais

Guia para Apresentação de Trabalho Acadêmico: de acordo com NBR 14724/2011. São Carlos

Guia para Apresentação de Trabalho Acadêmico: de acordo com NBR 14724/2011. São Carlos Guia para Apresentação de Trabalho Acadêmico: de acordo com NBR 14724/2011 São Carlos Guia para Apresentação de Trabalho Acadêmico As orientações abaixo estão de acordo com NBR 14724/2011 da Associação

Leia mais

4 ESTRUTURA E APRESENTAÇÃO DE ARTIGO CIENTÍFICO

4 ESTRUTURA E APRESENTAÇÃO DE ARTIGO CIENTÍFICO 4 ESTRUTURA E APRESENTAÇÃO DE ARTIGO CIENTÍFICO Este capítulo visa a orientar a elaboração de artigos científicos para os cursos de graduação e de pós-graduação da FSG. Conforme a NBR 6022 (2003, p. 2),

Leia mais

CONSTRUINDO MINHA MONOGRAFIA

CONSTRUINDO MINHA MONOGRAFIA CONSTRUINDO MINHA MONOGRAFIA 1 Prezado(a) aluno(a), Este roteiro foi preparado para auxiliá-lo na elaboração de sua monografia (TCC). Ele o apoiará na estruturação das etapas do seu trabalho de maneira

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ABC. Título

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ABC. Título UNIVERSIDADE FEDERAL DO ABC CENTRO DE CIÊNCIAS NATURAIS E HUMANAS Programa de Pós-Graduação em Biotecnociência Título Santo André dd/mm/aaaa Normas para Dissertações Mestrado em Biotecnociência - UFABC.

Leia mais

DIRETRIZES BÁSICAS PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DO CURSO DE PEDAGOGIA TCC2

DIRETRIZES BÁSICAS PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DO CURSO DE PEDAGOGIA TCC2 UNIDADE UNIVERSITÁRIA DE CIÊNCIAS SÓCIO-ECONÔMICAS E HUMANAS COORDENAÇÃO DO CURSO DE PEDAGOGIA COORDENAÇÃO ADJUNTA DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO DIRETRIZES BÁSICAS PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO

Leia mais

TÍTULO DO PROJETO NOME DO ALUNO MATRÍCULA

TÍTULO DO PROJETO NOME DO ALUNO MATRÍCULA CURSO DE DIREITO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO TÍTULO DO PROJETO NOME DO ALUNO MATRÍCULA RIO DE JANEIRO MÊS - ANO NOME DO AUTOR DO PROJETO TÍTULO DO PROJETO Projeto de Pesquisa apresentado ao orientador

Leia mais

ESTRUTURA E APRESENTAÇÃO DO PROJETO/ARTIGO 1. O PROJETO DE PESQUISA

ESTRUTURA E APRESENTAÇÃO DO PROJETO/ARTIGO 1. O PROJETO DE PESQUISA ESTRUTURA E APRESENTAÇÃO DO PROJETO/ARTIGO 1. O PROJETO DE PESQUISA A primeira etapa para a organização do TCC nos cursos de pós-graduação lato sensu a distância consiste na elaboração do projeto de pesquisa,

Leia mais

COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO

COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO 1 Modelo de Artigo de periódico baseado na NBR 6022, 2003. Título do artigo, centralizado. COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO Maria Bernardete Martins Alves * Susana Margaret de Arruda ** Nome do (s) autor

Leia mais

MODELO DE APRESENTAÇÃO DE PROJETO DE PESQUISA

MODELO DE APRESENTAÇÃO DE PROJETO DE PESQUISA MODELO DE APRESENTAÇÃO DE PROJETO DE PESQUISA PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA E ENGENHARIA DE MATERIAIS Elaborado por Prof. Dr. Rodrigo Sampaio Fernandes Um projeto de pesquisa consiste em um documento no qual

Leia mais

NORMAS PARA REDAÇÃO E IMPRESSÃO DE DISSERTAÇÕES E TESES DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM AGRONOMIA ÁREA DE CONCENTRAÇÃO EM PRODUÇÃO VEGETAL

NORMAS PARA REDAÇÃO E IMPRESSÃO DE DISSERTAÇÕES E TESES DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM AGRONOMIA ÁREA DE CONCENTRAÇÃO EM PRODUÇÃO VEGETAL NORMAS PARA REDAÇÃO E IMPRESSÃO DE DISSERTAÇÕES E TESES DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM AGRONOMIA ÁREA DE CONCENTRAÇÃO EM PRODUÇÃO VEGETAL AQUIDAUANA MS 2009 1. PAPEL E PROCESSO DE MULTIPLICAÇÃO O papel

Leia mais

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETO DE PESQUISA

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETO DE PESQUISA NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETO DE PESQUISA (ABNT - NBR 15287- válida a partir de 30.01.2006) 1 COMPONENTES DE UM PROJETO DE PESQUISA (itens em negrito são obrigatórios) ELEMENTOS PRÉ-TEXTUAIS Capa

Leia mais

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO -TCC

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO -TCC UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL INSTITUTO DE QUÍMICA NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO -TCC 1 APRESENTAÇÃO As recomendações a seguir resumem os princípios para a elaboração

Leia mais

REGRAS PARA APRESENTAÇÃO DE RELATÓRIO DE ESTÁGIO

REGRAS PARA APRESENTAÇÃO DE RELATÓRIO DE ESTÁGIO 1 REGRAS PARA APRESENTAÇÃO DE RELATÓRIO DE ESTÁGIO Os seguintes padrões atendem às exigências da FTC Feira de Santana, em conformidade com a NBR 14724:2002/2005 da Associação Brasileira de Normas Técnicas

Leia mais

MODELO DE RELATÓRIO DE ESTÁGIO DO CURSO DE GESTÃO AMBIENTAL CURSO DE GESTÃO AMBIENTAL - RELATÓRIO DE ESTÁGIO

MODELO DE RELATÓRIO DE ESTÁGIO DO CURSO DE GESTÃO AMBIENTAL CURSO DE GESTÃO AMBIENTAL - RELATÓRIO DE ESTÁGIO MODELO DE RELATÓRIO DE ESTÁGIO DO CURSO DE GESTÃO AMBIENTAL Estrutura formal do relatório Estrutura Elemento Capa Folha de Rosto Pré-textuais Folha de Identificação Sumário 1. Introdução Textuais 2. Atividades

Leia mais

CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DE AGUDOS - FAAG BIBLIOTECA MANUAL PARA ELABORAÇÃO DE ARTIGOS PARA O PERIÓDICO. REVISTA DiCA!

CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DE AGUDOS - FAAG BIBLIOTECA MANUAL PARA ELABORAÇÃO DE ARTIGOS PARA O PERIÓDICO. REVISTA DiCA! CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DE AGUDOS - FAAG BIBLIOTECA MANUAL PARA ELABORAÇÃO DE ARTIGOS PARA O PERIÓDICO REVISTA DiCA! Biblioteca - FAAG Tel. (14) 3262-9400 Ramal: 417 Email: biblioteca@faag.com.br http://www.faag.com.br/faculdade/biblioteca.php

Leia mais

Os trabalhos acadêmicos devem ser divididos em: elementos pré-textuais, textuais e

Os trabalhos acadêmicos devem ser divididos em: elementos pré-textuais, textuais e NORMAS PARA A REDAÇÃO DE TESES E DISSERTAÇÕES DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS DA SAÚDE FACULDADE DE CIÊNCIAS DA SAÚDE UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA O projeto gráfico é de responsabilidade do autor

Leia mais

Escola de Administração Biblioteca. Normas para elaboração do TCC

Escola de Administração Biblioteca. Normas para elaboração do TCC Universidade Federal do Rio Grande do Sul Escola de Administração Biblioteca Normas para elaboração do TCC O que é um Trabalho de Conclusão de Curso? O TCC, é um trabalho acadêmico feito sob a coordenação

Leia mais

COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO

COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO Modelo de Artigo de periódico baseado na NBR 6022, 2003. Título do artigo, centralizado. COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO Maria Bernardete Martins Alves * Susana Margaret de Arruda ** Nome do (s) autor

Leia mais

2- DETALHES SOBRE A ESTRUTURA DO RELATÓRIO A seguir estão orientações sobre como formatar as diversas partes que compõem o relatório.

2- DETALHES SOBRE A ESTRUTURA DO RELATÓRIO A seguir estão orientações sobre como formatar as diversas partes que compõem o relatório. 1 - ESTRUTURA DO RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO O relatório do Estágio Supervisionado de todos os cursos do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Minas Gerais Campus Formiga - irá mostrar

Leia mais

PIM II. Projeto Integrado Multidisciplinar GESTÃO FINANCEIRA DA EMPPRESA

PIM II. Projeto Integrado Multidisciplinar GESTÃO FINANCEIRA DA EMPPRESA PIM II Projeto Integrado Multidisciplinar GESTÃO FINANCEIRA DA EMPPRESA 1 PIM PROJETO INTEGRADO MULTIDISCIPLINAR TEMA: O aluno deverá escolher uma empresa de qualquer porte ou segmento e, com base no cenário

Leia mais

ESTRUTURA DO TIID 2010

ESTRUTURA DO TIID 2010 ESTRUTURA DO TIID 2010 7. Anexos c 7. A ficha de entrevista, agora com as respostas, deve ser apresentada como anexo, após as referências bibliográficas. 6. Referências Bibliográficas 6. As referências

Leia mais

NORMAS PARA ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO

NORMAS PARA ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO NORMAS PARA ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO Rosangela Alves de Oliveira * Nome do (s) autor (s) RESUMO Este trabalho estabelece as orientações para apresentação de um artigo científico. Todas as informações

Leia mais

MODELO PRÉ-PROJETO TCC 2012

MODELO PRÉ-PROJETO TCC 2012 MODELO PRÉ-PROJETO TCC 2012 1 2 1.4 FORMATO 1.4.1 Espacejamento Papel branco, formato A4 (21 cm x 29,7 cm), impressões com tinta preta (com exceção das ilustrações) e o texto deve ser digitado no anverso.

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS UNIDADE UNIVERSITÁRIA DE PIRENÓPOLIS

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS UNIDADE UNIVERSITÁRIA DE PIRENÓPOLIS 0 UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS UNIDADE UNIVERSITÁRIA DE PIRENÓPOLIS MANUAL PARA FORMATAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS DA UNIDADE UNIVERSITÁRIA DE PIRENÓPOLIS PIRENÓPOLIS 2012 1 SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 3 1

Leia mais

Ministério da Educação Universidade Federal do Amapá Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação Programa de Pós-graduação em Ciências Farmacêuticas

Ministério da Educação Universidade Federal do Amapá Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação Programa de Pós-graduação em Ciências Farmacêuticas Ministério da Educação Universidade Federal do Amapá Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação Programa de Pós-graduação em Ciências Farmacêuticas MANUAL PARA ELABORAÇÃO DO TRABALHO DE DISSERTAÇÃO (FORMATO

Leia mais

MODELO PARA ELABORAÇÃO DE PROJETO DE PESQUISA

MODELO PARA ELABORAÇÃO DE PROJETO DE PESQUISA MODELO PARA ELABORAÇÃO DE PROJETO DE PESQUISA Araranguá MÊS /ANO 2 SUMÁRIO 1- INTRODUÇÃO...3 2- OBJETIVOS...4 3- JUSTIFICATIVA...5 4- REVISÃO TEÓRICA...6 5- METODOLOGIA...7 6- CRONOGRAMA...8 7- BIBLIOGRAFIA...9

Leia mais

INSTITUTO DE ENSINO SUPERIOR DE GOIÁS IESGO FACULDADES IESGO CURSO DE GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA

INSTITUTO DE ENSINO SUPERIOR DE GOIÁS IESGO FACULDADES IESGO CURSO DE GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA INSTITUTO DE ENSINO SUPERIOR DE GOIÁS IESGO FACULDADES IESGO CURSO DE GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA MANUAL DE NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS DE CONCLUSÃO DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA FORMOSA/GO

Leia mais

COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO (1)

COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO (1) 1 COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO (1) SOBRENOME, Nome Aluno 1 Graduando em Administração de Empresas Decision/FGV SOBRENOME, Nome Aluno 2 Graduando em Administração de Empresas Decision/FGV RESUMO Este

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA - UFSC CENTRO DE XXXX - XXX. Joana Carla Felicio

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA - UFSC CENTRO DE XXXX - XXX. Joana Carla Felicio Modelo de Trabalho acadêmico baseado na NBR 14724, 2005. UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA - UFSC CENTRO DE XXXX - XXX Joana Carla Felicio Nome do (s) autor (s). Se tiver mais de um autor, inserir

Leia mais

FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO E NEGÓCIOS DE SERGIPE - FANESE NÚCLEO DE PÓS-GRADUAÇÃO E EXTENSÃO NPGE MANUAL PARA ELABORAÇÃO DE ARTIGOS CIENTÍFICOS

FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO E NEGÓCIOS DE SERGIPE - FANESE NÚCLEO DE PÓS-GRADUAÇÃO E EXTENSÃO NPGE MANUAL PARA ELABORAÇÃO DE ARTIGOS CIENTÍFICOS FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO E NEGÓCIOS DE SERGIPE - FANESE NÚCLEO DE PÓS-GRADUAÇÃO E EXTENSÃO NPGE MANUAL PARA ELABORAÇÃO DE ARTIGOS CIENTÍFICOS ARACAJU 2012 2 PREFÁCIO A apresentação dos trabalhos acadêmicos

Leia mais

COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO

COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO 1 Modelo de Artigo de periódico baseado na NBR 6022, 2003. Título do artigo, centralizado. COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO Andersown Becher Paes de Barros * Ideraldo Bonafé ** RESUMO Este trabalho apresenta

Leia mais

ANEXO II PROCEDIMENTOS PARA ELABORAÇÃO DA MONOGRAFIA

ANEXO II PROCEDIMENTOS PARA ELABORAÇÃO DA MONOGRAFIA ANEXO II PROCEDIMENTOS PARA ELABORAÇÃO DA MONOGRAFIA A elaboração da monografia deve ter como referência a ABNT NBR 14724/ 2006, a qual destaca que um trabalho acadêmico compreende elementos pré-textuais,

Leia mais

Manuais de Normalização SIB/UnP. Citações

Manuais de Normalização SIB/UnP. Citações Manuais de Normalização SIB/UnP Citações CONCEITO São informações retiradas de outras fontes mencionadas no texto para complementar as ideias do autor da pesquisa, embasando o assunto abordado, dando respaldo

Leia mais

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO PUC-SP. FACULDADE (do aluno) CURSO. TÍTULO DO PROJETO Subtítulo do Projeto AUTOR DO PROJETO

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO PUC-SP. FACULDADE (do aluno) CURSO. TÍTULO DO PROJETO Subtítulo do Projeto AUTOR DO PROJETO PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO PUC-SP FACULDADE (do aluno) CURSO TÍTULO DO PROJETO Subtítulo do Projeto AUTOR DO PROJETO TÍTULO DO RELATÓRIO AUTOR(ES) DO RELATÓRIO SÃO PAULO 200_ NOTA PRÉVIA

Leia mais

Faculdade de Tecnologia da Zona Sul

Faculdade de Tecnologia da Zona Sul Faculdade de Tecnologia da Zona Sul NORMAS TÉCNICAS PARA TRABALHOS ACADÊMICOS DE ACORDO COM A ABNT Profª Dra. Márcia Araújo 1 RESUMO DAS NORMAS PARA TRABALHOS ACADÊMICOS Este resumo é indicado, principalmente,

Leia mais

ROTEIRO PARA CRIAÇÃO DE UM ARTIGO CIENTÍFICO

ROTEIRO PARA CRIAÇÃO DE UM ARTIGO CIENTÍFICO ROTEIRO PARA CRIAÇÃO DE UM ARTIGO CIENTÍFICO Finalidade de um Artigo Científico Comunicar os resultados de pesquisas, idéias e debates de uma maneira clara, concisa e fidedigna. Servir de medida da produtividade

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA BIOMÉDICA Regulamento do TCC

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA BIOMÉDICA Regulamento do TCC ANEXO A TERMO DE COMPROMISSO DE ORIENTAÇÃO DO TRABALHO DE Nome do Aluno: Matricula: Título do TCC CONCLUSAO DE CURSO (TCC) Solicito que seja designado como meu Orientador do Trabalho de Conclusão de Curso

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO OESTE DO PARANÁ - Unioeste PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS AMBIENTAIS - PPGCA

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO OESTE DO PARANÁ - Unioeste PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS AMBIENTAIS - PPGCA UNIVERSIDADE ESTADUAL DO OESTE DO PARANÁ - Unioeste PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS AMBIENTAIS - PPGCA Normas para elaboração de Dissertações do Programa de Pós-Graduação em Ciências Ambientais MODELO

Leia mais

3 cm UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS UNIDADE UNIVERSITÁRIA DE LUZIÂNIA

3 cm UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS UNIDADE UNIVERSITÁRIA DE LUZIÂNIA 3 cm UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS UNIDADE UNIVERSITÁRIA DE LUZIÂNIA NOME DO AUTOR (fonte tamanho 12, arial, todas em maiúscula, negrito, centralizado) ESTÁGIO SUPERVISIONADO I OU II DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO

Leia mais

(CAPA) INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE BRASÍLIA

(CAPA) INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE BRASÍLIA (CAPA) INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE BRASÍLIA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO DO INSTITUTO FEDERAL DE BRASÍLIA CAMPUS BRASÍLIA CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM EDUCAÇÃO PROFISSIONAL

Leia mais

Normas para Redação da Dissertação/Tese

Normas para Redação da Dissertação/Tese Normas para Redação da Dissertação/Tese Estrutura A estrutura de uma dissertação, tese ou monografia compreende três partes fundamentais, de acordo com a ABNT (NBR 14724): elementos prétextuais, elementos

Leia mais

CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE SÃO PAULO UNIDADE DE ENSINO DE SÃO CARLOS ESTRUTURA DE TRABALHO ACADÊMICO MANUAL PARA O ALUNO

CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE SÃO PAULO UNIDADE DE ENSINO DE SÃO CARLOS ESTRUTURA DE TRABALHO ACADÊMICO MANUAL PARA O ALUNO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE SÃO PAULO UNIDADE DE ENSINO DE SÃO CARLOS ESTRUTURA DE TRABALHO ACADÊMICO MANUAL PARA O ALUNO São Carlos 2009 2 CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE SÃO PAULO

Leia mais

Título do trabalho: subtítulo do trabalho

Título do trabalho: subtítulo do trabalho Título do trabalho: subtítulo do trabalho Resumo Este documento apresenta um modelo de formatação a ser utilizado em artigos e tem como objetivo esclarecer aos autores o formato a ser utilizado. Este documento

Leia mais

CURSO DE PEDAGOGIA MANUAL DO TCC ARUJÁ SP

CURSO DE PEDAGOGIA MANUAL DO TCC ARUJÁ SP CURSO DE PEDAGOGIA MANUAL DO TCC ARUJÁ SP 2011 ESTRUTURA 1 ELEMENTOS DE PRÉ-TEXTO 1.1 Capa 1.2 Lombada descendente 1.3 Folha de rosto 1.4 Folha de aprovação 1.5 Dedicatória 1.6 Agradecimentos 1.7 Epígrafe

Leia mais

GUIA PARA CONFECÇÃO DE PROJETO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO (TCC)

GUIA PARA CONFECÇÃO DE PROJETO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO (TCC) GUIA PARA CONFECÇÃO DE PROJETO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO (TCC) Mestrado Profissional em Metrologia e Qualidade Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial 2010 APRESENTAÇÃO

Leia mais

Manual para Elaboração do Relatório Final de Estágio

Manual para Elaboração do Relatório Final de Estágio Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso do Sul Manual para Elaboração do Relatório Final de Estágio Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso do Sul

Leia mais

REGRAS BÁSICAS PARA APRESENTAÇÃO FORMAL DE TRABALHOS

REGRAS BÁSICAS PARA APRESENTAÇÃO FORMAL DE TRABALHOS F A C UL DA DE DE P R E S I DE N T E V E N C E S L A U REGRAS BÁSICAS PARA APRESENTAÇÃO FORMAL DE TRABALHOS APRESENTAÇÃO GRÁFICA - CONFIGURAÇÃO DAS MARGENS Ir ao menu Arquivo, escolher a opção Configurar

Leia mais

GUIA PARA ELABORAÇÃO DISSERTAÇÃO DE MESTRADO (SEGUNDO ABNT-NBR 14724) PROGRAMA DE PÓS GRADUAÇÃO EM BIOTECNOLOGIA - UFSJ

GUIA PARA ELABORAÇÃO DISSERTAÇÃO DE MESTRADO (SEGUNDO ABNT-NBR 14724) PROGRAMA DE PÓS GRADUAÇÃO EM BIOTECNOLOGIA - UFSJ UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO JOÃO DEL-REI UFSJ CAMPUS CENTRO-OESTE DONA LINDU CCO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOTECNOLOGIA GUIA PARA ELABORAÇÃO DISSERTAÇÃO DE MESTRADO (SEGUNDO ABNT-NBR 14724) PROGRAMA

Leia mais

ANEXO IV RELATO DE EXPERIÊNCIA TÍTULO DO TRABALHO

ANEXO IV RELATO DE EXPERIÊNCIA TÍTULO DO TRABALHO ANEXO IV RELATO DE EXPERIÊNCIA TÍTULO DO TRABALHO Nome Sobrenome 1 Nome Sobrenome 2 RESUMO Este trabalho apresenta os elementos que constituem a estrutura do relato de experiência para o programa de apoio

Leia mais

UNIVERSIDADE PAULISTA CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA GESTÃO EM RECURSOS HUMANOS

UNIVERSIDADE PAULISTA CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA GESTÃO EM RECURSOS HUMANOS UNIVERSIDADE PAULISTA CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA GESTÃO EM RECURSOS HUMANOS PIM IV Projeto Integrado Multidisciplinar 2009 1 PIM PROJETO INTEGRADO MULTIDISCIPLINAR TEMA: Propor a aplicação dos conhecimentos

Leia mais

UNIVERSIDADE PAULISTA CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA GESTÃO EM PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS

UNIVERSIDADE PAULISTA CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA GESTÃO EM PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS UNIVERSIDADE PAULISTA CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA GESTÃO EM PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS PIM Projeto Integrado Multidisciplinar 2009 1 PIM PROJETO INTEGRADO MULTIDISCIPLINAR TEMA: Descrição e Análise de

Leia mais

- TCC A/B - ORIENTAÇÕES PARA ESTRUTURAÇÃO E FORMATAÇÃO (Versão 1.3 Agosto de 2008)

- TCC A/B - ORIENTAÇÕES PARA ESTRUTURAÇÃO E FORMATAÇÃO (Versão 1.3 Agosto de 2008) Faculdade Dom Bosco de Porto Alegre Curso de Sistemas de Informação Trabalho de Conclusão de Curso Prof. Dr. Luís Fernando Garcia - TCC A/B - ORIENTAÇÕES PARA ESTRUTURAÇÃO E FORMATAÇÃO (Versão 1.3 Agosto

Leia mais

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS APRESENTAÇÃO O trabalho deve ser digitado e impresso em papel formato A4. O texto deve ser digitado, no anverso das folhas, em espaço 1,5, letra do tipo

Leia mais

DE ARTIGO CIENTÍFICO

DE ARTIGO CIENTÍFICO CURSOS DE COMUNICAÇÃO SOCIAL, TURISMO, DIREITO E PÓS-GRADUAÇÃO Maria Paulina Gomes Maria Paulina Gomes Manual elaborado para orientar os alunos que estão realizando a disciplina Trabalho de Conclusão

Leia mais

Checklist da Estrutura de Monografia, Tese ou Dissertação na MDT UFSM 2010

Checklist da Estrutura de Monografia, Tese ou Dissertação na MDT UFSM 2010 1 Checklist da Estrutura de Monografia, Tese ou Dissertação na MDT UFSM 2010 Pré-textuais Textuais Pós-textuais Estrutura Elemento OK Capa (obrigatório) Anexo A (2.1.1) Lombada (obrigatório) Anexo H Folha

Leia mais

AJES FACULDADE DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS E ADMINISTRAÇÀO DO VALE DO JURUENA E AJES - INSTITUTO SUPERIOR DE EDUCAÇÃO DO VALE DO JURUENA

AJES FACULDADE DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS E ADMINISTRAÇÀO DO VALE DO JURUENA E AJES - INSTITUTO SUPERIOR DE EDUCAÇÃO DO VALE DO JURUENA AJES FACULDADE DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS E ADMINISTRAÇÀO DO VALE DO JURUENA E AJES - INSTITUTO SUPERIOR DE EDUCAÇÃO DO VALE DO JURUENA NORMAS DE APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS JUINA/MT JULHO/2009 SUMÁRIO Introdução...

Leia mais

MARKETING PIM II. Projeto Integrado Multidisciplinar

MARKETING PIM II. Projeto Integrado Multidisciplinar MARKETING PIM II Projeto Integrado Multidisciplinar PIM PROJETO INTEGRADO MULTIDISCIPLINAR TEMA: Estruturação de estratégias para o mix de marketing a partir do estudo do comportamento do consumidor, utilizando

Leia mais

Como fazer uma MONOGRAFIA

Como fazer uma MONOGRAFIA Como fazer uma MONOGRAFIA 1 MONOGRAFIA JURÍDICA Tipos de um mesmo gênero: paper, TCC, Monografia de Especialização, Dissertação de Mestrado e Tese Doutoral. A Monografia de especialização: expectativas,

Leia mais

BIBLIOTECA DE CIÊNCIAS JURÍDICAS. NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE DOCUMENTOS CIENTÍFICOS: TRABALHOS ACADÊMICOS Aula 1

BIBLIOTECA DE CIÊNCIAS JURÍDICAS. NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE DOCUMENTOS CIENTÍFICOS: TRABALHOS ACADÊMICOS Aula 1 BIBLIOTECA DE CIÊNCIAS JURÍDICAS NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE DOCUMENTOS CIENTÍFICOS: TRABALHOS ACADÊMICOS Aula 1 Paula Carina de Araújo paulacarina@ufpr.br 2014 Pesquisa Pesquisa Atividade básica da ciência

Leia mais

NORMAS DE FORMATAÇÃO DO TRABALHO FINAL (PIL) Apresentação Gráfica

NORMAS DE FORMATAÇÃO DO TRABALHO FINAL (PIL) Apresentação Gráfica UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA Faculdade de Educação UAB/UnB Curso de Especialização em Educação na Diversidade e Cidadania, com Ênfase em EJA Parceria MEC/SECAD NORMAS DE FORMATAÇÃO DO TRABALHO FINAL (PIL)

Leia mais

O TÍTULO DO TRABALHO DEVERÁ SER EM FONTE TIPO ARIAL 12, NEGRITO, CENTRALIZADO, ESPAÇO SIMPLES (ESPAÇAMENTO DE 1,0) SEM PONTO FINAL

O TÍTULO DO TRABALHO DEVERÁ SER EM FONTE TIPO ARIAL 12, NEGRITO, CENTRALIZADO, ESPAÇO SIMPLES (ESPAÇAMENTO DE 1,0) SEM PONTO FINAL O TÍTULO DO TRABALHO DEVERÁ SER EM FONTE TIPO ARIAL 12, NEGRITO, CENTRALIZADO, ESPAÇO SIMPLES (ESPAÇAMENTO DE 1,0) SEM PONTO FINAL Nome do autor principal (sigla da instituição a que pertence, entre parênteses)

Leia mais

INSTRUÇÕES PARA FORMATAÇÃO DE TESES E DISSERTAÇÕES DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS DA SAÚDE

INSTRUÇÕES PARA FORMATAÇÃO DE TESES E DISSERTAÇÕES DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS DA SAÚDE 1 INSTRUÇÕES PARA FORMATAÇÃO DE TESES E DISSERTAÇÕES DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS DA SAÚDE INSTRUÇÕES GERAIS: papel branco A4, fonte Arial tamanho 12, com espaçamento de 1,5 cm entre as linhas,

Leia mais

Apresentação de Trabalhos Acadêmicos ABNT

Apresentação de Trabalhos Acadêmicos ABNT Apresentação de Trabalhos Acadêmicos ABNT Editoração do Trabalho Acadêmico 1 Formato 1.1. Os trabalhos devem ser digitados em papel A-4 (210 X297 mm) apenas no anverso (frente) da folha. 2 Tipo e tamanho

Leia mais

COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO (1) HOW TO ELABORATE A SCIENTIFIC ARTICLE

COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO (1) HOW TO ELABORATE A SCIENTIFIC ARTICLE 1 COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO (1) HOW TO ELABORATE A SCIENTIFIC ARTICLE SOBRENOME, Nome Aluno 1 Graduando em Educação Artística Unifadra / Dracena SOBRENOME, Nome Aluno 2 Graduando em Educação Artística

Leia mais

GESTÃO COMERCIAL. PIM II Projeto Integrado Multidisciplinar

GESTÃO COMERCIAL. PIM II Projeto Integrado Multidisciplinar GESTÃO COMERCIAL PIM II Projeto Integrado Multidisciplinar 1 PIM PROJETO INTEGRADO MULTIDISCIPLINAR TEMA: Descrição e Análise de Práticas de Gestão Organizacional em uma Empresa. OBS: O Projeto deverá

Leia mais

UNIVERSIDADE PAULISTA CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA GESTÃO EM MARKETING

UNIVERSIDADE PAULISTA CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA GESTÃO EM MARKETING UNIVERSIDADE PAULISTA CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA GESTÃO EM MARKETING PIM IV Projeto Integrado Multidisciplinar 2009 1 PIM PROJETO INTEGRADO MULTIDISCIPLINAR TEMA: Propor a aplicação dos conhecimentos

Leia mais

MONOGRAFIA ESTRUTURA DE MONOGRAFIAS

MONOGRAFIA ESTRUTURA DE MONOGRAFIAS MONOGRAFIA Trata-se de uma construção intelectual do aluno-autor que revela sua leitura, reflexão e interpretação sobre o tema da realidade. Tem como base a escolha de uma unidade ou elemento social, sob

Leia mais

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO MATEMÁTICA MESTRADO PROFISSIONAL EM EDUCAÇÃO MATEMÁTICA APRESENTAÇÃO NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS O trabalho deve ser digitado e impresso em papel

Leia mais

GESTÃO EMPRESARIAL. PIM I Projeto Integrado Multidisciplinar

GESTÃO EMPRESARIAL. PIM I Projeto Integrado Multidisciplinar GESTÃO EMPRESARIAL PIM I Projeto Integrado Multidisciplinar 1 PIM PROJETO INTEGRADO MULTIDISCIPLINAR TEMA: Descrição e Análise de Práticas de Gestão Organizacional em uma Empresa. OBS: O Projeto deverá

Leia mais

MODELO DE PROJETO DE PESQUISA DA ADJETIVO CETEP

MODELO DE PROJETO DE PESQUISA DA ADJETIVO CETEP MODELO DE PROJETO DE PESQUISA DA ADJETIVO CETEP REPRESENTAÇÕES GRÁFICAS DOS TRABALHOS Formato: A4 Cor preta Espaçamento entre linhas: 1,5cm Fonte texto: Times New Roman, 12 ou Arial, 11 Margem superior

Leia mais

COMÉRCIO EXTERIOR PIM II. Projeto Integrado Multidisciplinar

COMÉRCIO EXTERIOR PIM II. Projeto Integrado Multidisciplinar COMÉRCIO EXTERIOR PIM II Projeto Integrado Multidisciplinar 1 PIM PROJETO INTEGRADO MULTIDISCIPLINAR TEMA: Elaborar um estudo acerca dos meios de transportes e seguros no comércio exterior, apontando suas

Leia mais

GESTÃO COMERCIAL. PIM III Projeto Integrado Multidisciplinar

GESTÃO COMERCIAL. PIM III Projeto Integrado Multidisciplinar GESTÃO COMERCIAL PIM III Projeto Integrado Multidisciplinar 1 PIM PROJETO INTEGRADO MULTIDISCIPLINAR TEMA: Descrição e Análise de Práticas de Gestão Organizacional em uma Empresa. OBS: O Projeto deverá

Leia mais

SEMINÁRIO . ORGANIZAÇÃO DO SEMINÁRIO.

SEMINÁRIO . ORGANIZAÇÃO DO SEMINÁRIO. SEMINÁRIO Seminário é um grupo de pessoas que se reúnem com o propósito de estudar um tema sob a direção de um professor ou autoridade na matéria. O nome desta técnica vem da palavra semente, indicando

Leia mais

FAJ FACULDADE DE JUSSARA COORDENAÇÃO DE PÓS-GRADUAÇÃO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO (Artigo Científico) Instruções aos autores e orientadores

FAJ FACULDADE DE JUSSARA COORDENAÇÃO DE PÓS-GRADUAÇÃO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO (Artigo Científico) Instruções aos autores e orientadores FAJ FACULDADE DE JUSSARA COORDENAÇÃO DE PÓS-GRADUAÇÃO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO (Artigo Científico) Instruções aos autores e orientadores ESTRUTURA DO ARTIGO 1. Recomenda-se a utilização do processador

Leia mais

RECURSOS HUMANOS PIM II. Projeto Integrado Multidisciplinar

RECURSOS HUMANOS PIM II. Projeto Integrado Multidisciplinar RECURSOS HUMANOS PIM II Projeto Integrado Multidisciplinar 1 PIM PROJETO INTEGRADO MULTIDISCIPLINAR TEMA: Descrever o papel da área de Recursos Humanos em termos de seu significado e importância no alcance

Leia mais

UNIVERSIDADE PAULISTA CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA GESTÃO EM MARKETING

UNIVERSIDADE PAULISTA CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA GESTÃO EM MARKETING UNIVERSIDADE PAULISTA CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA GESTÃO EM MARKETING PIM III Projeto Integrado Multidisciplinar 2009 1 PIM PROJETO INTEGRADO MULTIDISCIPLINAR TEMA: Propor um plano negócios para a o composto

Leia mais

Procedimentos para apresentação e normalização de trabalhos acadêmicos

Procedimentos para apresentação e normalização de trabalhos acadêmicos Procedimentos para apresentação e normalização de trabalhos acadêmicos Maria Bernardete Martins Alves Marili I. Lopes Procedimentos para apresentação e normalização de trabalhos acadêmicos Módulo 3 Apresentação

Leia mais

SISTEMA DE BIBLIOTECAS FMU/FIAM-FAAM/FISP NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS DE PESQUISA

SISTEMA DE BIBLIOTECAS FMU/FIAM-FAAM/FISP NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS DE PESQUISA SISTEMA DE BIBLIOTECAS FMU/FIAM-FAAM/FISP NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS DE PESQUISA São Paulo 2014 SUMÁRIO APRESENTAÇÃO 1 ELEMENTOS EXTERNOS 1.1 CAPA 1.2 LOMBADA 2 ELEMENTOS INTERNOS PRÉ-TEXTUAIS

Leia mais

UNIVERSIDADE PAULISTA CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA GESTÃO EM MARKETING

UNIVERSIDADE PAULISTA CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA GESTÃO EM MARKETING UNIVERSIDADE PAULISTA CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA GESTÃO EM MARKETING PIM II Projeto Integrado Multidisciplinar 2009 PIM PROJETO INTEGRADO MULTIDISCIPLINAR TEMA: Estruturação de estratégias para o mix

Leia mais

ORIENTAÇÕES BÁSICAS NA ELABORAÇÃO DO ARTIGO CIENTÍFICO

ORIENTAÇÕES BÁSICAS NA ELABORAÇÃO DO ARTIGO CIENTÍFICO FACULDADE DE DIREITO DE VARGINHA - FADIVA COORDENAÇÃO DO NÚCLEO DE PESQUISA E MONOGRAFIA PROFª Ms Mª AUXILIADORA PINTO COELHO FROTA MATÉRIA: METODOLOGIA DO TRABALHO CIENTÍFICO ORIENTAÇÕES BÁSICAS NA ELABORAÇÃO

Leia mais

INSTITUIÇÃO DE ENSINO SUPERIOR SANT ANA LUCIO MAURO BRAGA MACHADO MANUAL PARA A ELABORAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS

INSTITUIÇÃO DE ENSINO SUPERIOR SANT ANA LUCIO MAURO BRAGA MACHADO MANUAL PARA A ELABORAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS INSTITUIÇÃO DE ENSINO SUPERIOR SANT ANA LUCIO MAURO BRAGA MACHADO MANUAL PARA A ELABORAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS PONTA GROSSA 2011 LUCIO MAURO BRAGA MACHADO MANUAL PARA A ELABORAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS

Leia mais

DISCIPLINA: PRÁTICA PROFISSIONAL E ESTÁGIO SUPERVISIONADO I, II E III CIÊNCIAS CONTÁBEIS ACADÊMICOS

DISCIPLINA: PRÁTICA PROFISSIONAL E ESTÁGIO SUPERVISIONADO I, II E III CIÊNCIAS CONTÁBEIS ACADÊMICOS DISCIPLINA: PRÁTICA PROFISSIONAL E ESTÁGIO SUPERVISIONADO I, II E III CIÊNCIAS CONTÁBEIS APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS PROF. DR. MARCOS FRANCISCO R. SOUSA PROF. Me. CELSO LUCAS COTRIM APRESENTAÇÃO

Leia mais

NBR 14724/2011 ABNT NBR 14724/2011 NBR 14724/2011 NBR 14724/2011 NBR 14724/2011 NBR 14724/2011 19/10/2011. Objetivo

NBR 14724/2011 ABNT NBR 14724/2011 NBR 14724/2011 NBR 14724/2011 NBR 14724/2011 NBR 14724/2011 19/10/2011. Objetivo Objetivo ABNT Normas para elaboração de trabalhos científicos Esta Norma especifica os princípios gerais para a elaboração de trabalhos acadêmicos, visando sua apresentação à instituição Estrutura Parte

Leia mais

DIRETRIZES PARA A REDAÇÃO DE TESES E DISSERTAÇÕES DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOENGENHARIA

DIRETRIZES PARA A REDAÇÃO DE TESES E DISSERTAÇÕES DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOENGENHARIA 1 DIRETRIZES PARA A REDAÇÃO DE TESES E DISSERTAÇÕES DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOENGENHARIA O projeto gráfico é de responsabilidade do autor do trabalho, ou seja, o que não consta no texto destas

Leia mais

NORMAS DE REDAÇÃO PARA QUALIFICAÇÃO E APRESENTAÇÃO DE DISSERTAÇÕES E TESES

NORMAS DE REDAÇÃO PARA QUALIFICAÇÃO E APRESENTAÇÃO DE DISSERTAÇÕES E TESES 1 INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 001/ DE 30 DE MAIO DE 2011/ PRODEMA-UFS DE Estas normas de redação foram definidas como diretrizes básicas pelo Colegiado do Núcleo de Pós-Graduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente

Leia mais

Manual de Trabalho de Conclusão de Curso

Manual de Trabalho de Conclusão de Curso CENTRO DE TECNOLOGIA DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO Manual de Trabalho de Conclusão de Curso Curso de Engenharia de Produção NATAL RN 2010 Apresentação O curso de Engenharia de Produção institui

Leia mais

ANEXO B - Sugestão para elaboração de Artigo Cientifico.

ANEXO B - Sugestão para elaboração de Artigo Cientifico. CABEÇALHO: Fonte: fonte 12, letras maiúsculas, negrito, espaço 1,5. NOME DO AUTOR (A). CENTRO DE ENSINO SUPERIOR E DESENVOLVIMENTO FACULDADE DE CIÊNCIAS SOCIAS APLICADAS CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM AUDITÓRIA

Leia mais

Trabalho de Conclusão de Curso (Administração) ETEC TEOTÔNIO ALVES PEREIRA

Trabalho de Conclusão de Curso (Administração) ETEC TEOTÔNIO ALVES PEREIRA Trabalho de Conclusão de Curso (Administração) ETEC TEOTÔNIO ALVES PEREIRA Objetivo: Estas diretrizes têm por objetivo padronizar a apresentação dos Trabalhos de Conclusão de Curso (TCC) dos Cursos Técnicos

Leia mais

GESTÃO EM SISTEMAS DE INFORMAÇÃO PIM II. Projeto Integrado Multidisciplinar

GESTÃO EM SISTEMAS DE INFORMAÇÃO PIM II. Projeto Integrado Multidisciplinar GESTÃO EM SISTEMAS DE INFORMAÇÃO PIM II Projeto Integrado Multidisciplinar PIM PROJETO INTEGRADO MULTIDISCIPLINAR TEMA: Identificar e descrever metodologias, estruturas de sistemas de informação e de rede

Leia mais

COMUNICAÇÃO CIENTÍFICA

COMUNICAÇÃO CIENTÍFICA COMUNICAÇÃO CIENTÍFICA O I Encontro Nacional de Pesquisa em Ciência e Tecnologia/FACIT oportunizará a apresentação de Trabalhos Científicos sob a forma de Comunicação Oral para professores, profissionais

Leia mais

UNIVERSIDADE PAULISTA CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS

UNIVERSIDADE PAULISTA CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS UNIVERSIDADE PAULISTA CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS PIM II Projeto Integrado Multidisciplinar 2009 1 PIM PROJETO INTEGRADO MULTIDISCIPLINAR TEMA: Descrever o papel da área de

Leia mais