Psicanálise Integrativa

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Psicanálise Integrativa"

Transcrição

1 Psicanálise Integrativa ENRIQUE DANIEL TOSI BENTANCUR Psicanalista 1

2 2

3 3

4 Quando você atinge a iluminação não se torna uma nova pessoa. Na verdade, você não ganha nada, apenas perde algo: se desprende de suas correntes, de suas amarras, deixa para trás seu sofrimento. OSHO. 4

5 Índice Comentários Preliminares...7 Prefácio...9 Introdução...17 Psicanálise e Freud...26 Psicanálise e Física Quântica...34 Melanie Klein...44 Psicanálise Lacaniana...53 Psicanálise Junguiana...62 Introdução à Psiquiatria...70 Neuroses e Psicoses...79 Escolas Psicanalíticas...88 O Uso da Intuição...99 Psicologia de Grupos e a Análise do Ego Teoria Psicanalítica de Winnicott Teoria do Aconselhamento

6 Aconselhamento de Pacientes Terminais Psicanálise e Religião Introdução à Psicologia Análise Didática e Clínica A Interpretação do Sonhos

7 Comentários Preliminares Passaram-se quinze anos desde o surgimento do meu primeiro livro, " A Arte Mágica" (2001), uma obra que foi o resultado dos aprendizados que tive essencialmente na minha infância com meus pais. Minha família era praticante de ocultismo, dito, foi apresentado para mim com uma certa naturalidade. De fato, minha adolescência e o inicio da face adulta foram marcados por intermináveis horas de estudos sobre hermetismo, magia egípcia, cabala, wicca, necromancia, astrologia, entre outros sistemas de cunho mágico, por outro lado, as ciências humanísticas sempre foram do meu agrado, o que me fez procurar clássicos como "A Divina Comedia", "Goethe" e "A Iliada",do mesmo modo, achava sumamente interessante os textos de Nietsche, Lovecraft, E.A.Poe, Carl 7

8 Jung e Sigmund Freud. Com o passar dos anos (após a edição do meu primeiro livro), dediquei-me ao estudo de civilizações antigas, das plantas medicinais e em especial nas teorias de Jung e Freud. Chegada uma certa época da minha vida iniciei os estudos formais em Psicanálise Clínica, muitas questões que abordei no meu primeiro livro (embora seja uma obra de cunho plenamente mágica), possuíam um elo em comum, como por exemplo o inconsciente coletivo, a teoria da sincronicidade e a interpretação dos sonhos. De fato este livro representa uma segunda etapa da minha vida, não somente desde uma visão profissional, e sim, de autoconhecimento. Enrique Daniel Tosi Bentancur. Psicanalista Lajeado, 19 de Dezembro de

9 Prefácio O surgimento e a trajetória da Psicanálise está diretamente relacionada ao médico neurologista Sigmund Freud ( ). Seus postulados e teorias revolucionaram o século XX formulando uma nova ciência, a Psicanálise; apresentando outra visão sobre as neuroses, o desenvolvimento psicossexual, o inconsciente, a subjetividade, o aparelho psíquico, o inconsciente, entre tantos outros conceitos que modificaram e marcaram a forma de ver e entender a psique humana. De fato, várias áreas do saber humano se beneficiaram com os conceitos freudianos, em especial a psiquiatria, a psicologia e a sociologia. A Psicanálise, embora tenha apresentado conceitos aceitos por parte da psicologia, esta é uma ciência independente da psicologia. A formação do psicanalista e o psicólogo são completamente diferentes, a psicologia é estudada a nível universitário e possui o reconhecimento acadêmico, por outra lado, a psicanálise não é ensinada em universidades a não ser durante a própria graduação em psicologia. Freud, postulou uma 9

10 psicanálise para todos, sem vínculos acadêmicos ou ligações diretas à medicina, ao mesmo tempo defendia a criação de centros psicanalíticos ou escolas de psicanálises. A formação psicanalítica ortodoxa baseia-se em um ternário ou tríplice psicanalítico, por um lado o aspirante a psicanalista deverá estudar a teoria, o legado de Freud e de outros grandes nomes que influenciaram e contribuíram com a psicanálise, como por exemplo, Lacan ( ) o qual fez um retorno a Freud, apresentando novos conceitos, tanto próprios quanto esclarecedores e atuais do freudismo, por outro lado é mister ressaltar as contribuições de Melanie Klein ( ) e Winnicott ( ) na psicanálise infantil; de fato o surgimento da Psicanálise é atribuída a Sigmund Freud, mas, como toda ciência os colaboradores da mesmo são tão importantes quanto seu fundador, entre os colaboradores da Psicanálise e ao mesmo tempo da Psicologia destaca-se Carl Jung ( ), o qual era amigo de Freud. Dita amizade entretanto não foi duradoura em virtude de discrepâncias relacionadas aos conceitos defendidos por cada pesquisador, como por exemplo a origem das neuroses as quais conforme Freud teriam uma origem sexual, o mencionado conceito não era aceito por Jung, do mesmo modo Jung considerava a existência de um inconsciente coletivo e do fator da espiritualidade o qual não era compartilhado por Freud. O segundo pilar da formação do psicanalista é a 10

11 análise didática, ou seja sua própria análise, colocando o aspirante a analista no papel de analisado. Neste ponto é mister citar os conceitos de Lacan, o qual postulou que a própria análise forma o analista. E por último, para finalizar o tripé psicanalítico, a prática supervisionada. Cabe ressaltar que existem outras diferenças notórias e vitais entre a Psicanálise e a Psicologia que abarcam desde suas origens, métodos terapêuticos e pesquisa; a Psicologia é muito mais antiga que a Psicanálise, remontando-se historicamente à Grécia antiga e aquele considerado como primeiro psicólogo, Aristóteles (384 AC-322 AC). A Psicologia fez sua entrada como ciência propriamente dita na época moderna através trabalhos e pesquisas do alemão Wilhelm Wundt ( ), Wundt, baseava-se no Positivismo e observava o ser humano desde um ponto de vista cientifico, do mesmo modo que o pesquisador analisa uma planta ou um animal em um laboratório. Freud, era medico especializado em neurologia e não psicólogo, para ele os tratamentos da época se demonstravam ineficazes. Tanto a Psicologia quanto a Psiquiatria ou a Neurologia não haviam sido influenciadas pelos conceitos legados por Freud, em especial, o inconsciente; dito conceito revolucionaria os princípios abordados por todas as ciências sobre a psique humana, entretanto o inconsciente embora seja atribuído a Freud, este teve duas grandes influencias, uma delas foi o 11

12 período que estudou com o psiquiatra Jean-Martin Charcoth ( ) em Paris, o qual acreditava na existência de uma segunda mente, do mesmo modo as experiências clínicas realizadas com o Dr. Josef Breuer ( ) foram de vital importância para Freud. Destaca-se entre as experiências realizas com Breuer o uso da hipnose como tratamento na histeria, em especial o famoso caso Anna O. Para Freud este fenômeno se daria em virtude da existência de uma continuidade do inconsciente, entretanto por algum motivo eram de difícil acesso ao consciente, em base destas observações Freud postula o determinismo psíquico, dito determina a existência de processos oriundos da mente inalcançáveis pelo consciente, este processos são as bases para os postulados do aparelho psíquico. De fato, o aparelho psíquico apresentado por Freud sofreu durante suas teorizações várias modificações; entretanto, sua última teoria baseia-se na estruturação da mente, separando-a em Id, Ego e Superego. O Id indicariam os impulsos e desejos constantes, ditos impulsos são constituintes psíquicos os quais levam o sujeito a estados de tensão; ainda, a energia que alimenta e move os impulsos, conforme Freud, seria agressiva ou libidinal, já a parcela de energia usada em um determinado objeto é denominada de catexia. Por outro lado o Ego controlaria os impulsos constantes do Id e o Superego, censurando o Id através daquilo que o sujeito aprendeu como correto e moral. Cabe ressaltar que embora o Id o Ego e o 12

13 Superego possuam funções diferentes, estes interagem entre si e formam ao mesmo tempo a estrutura do aparelho psíquico na teoria freudiana. O ponto central das ideias psicanalíticas é o conceito do inconsciente, sendo este o objeto vital dos estudos da Psicanálise, aquilo que escapa da objetividade. Diferente da Psicologia, na qual o psicólogo situa-se desde um ponto de vista externo na terapêutica, já Freud, através própria auto-analise apoia-se tanto na formação de conceitos tanto na terapêutica. A abordagem freudiana é de fato inovadora perante ciência, colocando o analista e analisado na mesma pesquisa, na mesma freqüência, através daquilo que Freud denominou de transferência e contratransferência. Freud, postulou ainda que os sonhos são o caminho principal para alcançar o inconsciente; por outro lado, Jung não descartou a via dos sonhos, mas colabora na teoria psicanalítica colocando tanto o analisado quanto o analista numa jornada de autoconhecimento, de conhecer-se a si mesmo. Freud, aprendeu junto com suas pacientes histéricas através da escuta, do diálogo, foi por meio do discurso do paciente que Freud criou essencialmente a teoria e prática psicanalítica, entretanto, a ideia do diálogo não é nova, tal, remonta historicamente a Sócrates (469 AC-399 AC), o qual poderia ser considera o primeiro psicanalista. Sócrates, afirmava que o 13

14 conhecimento estaria latente em todos os seres humanos, porém, estes não eram conscientes do mesmo, do mesmo modo, considerava que o diálogo entre duas pessoas faria com que o analisado alcança-se o conhecimento, tornando-se consciente e desenvolvendo suas próprias ideias e conclusões. Observa-se aqui a principal ferramenta terapêutica da Psicanálise, a cura através da palavra. O pai da Psicanálise procurou buscar métodos para garantir que seus postulados sejam acreditados pela ciência, sendo como mencionado de formação acadêmica em medicina, procurou estabelecer normas, princípios e leis como modo de formalizar seus achados na psique humana; ainda, procurou criar um modelo da psique através do conceito do inconsciente dinâmico. Conforme Freud, não é possível abordar de modo direto o inconsciente, porém, pode-se apreciar através das suas formações, como por exemplo, os sonhos, chistes, atos falhos, entre outros, a partir deste sentido surge a expressão Psicopatologia da vida Cotidiana. O método utilizado pela Psicanálise ortodoxa baseia-se basicamente na interpretação das resistências que o paciente apresentar e da transferência e da interpretação da associação livre, na qual o paciente fala tudo aquilo que vier na sua mentem sejam estes sonhos, fantasias, desejos, entre outros. A observação do cotidiano e a infância do paciente também são 14

15 fundamentais para a devida interpretação do conteúdo. De fato o analista convidará o paciente a falar, para que possa ser atingindo o princípio essencial a cura pela palavra. O analista não poderá apresentar nenhum tipo de julgamento, procurando outorgar ao paciente uma área segura onde possa expressas seus medos e traumas; através da associação livre o paciente será consciente dos conteúdos inconscientes e como observado por Freud, quando o paciente associa e atinge o trauma, este sentese aliviado, diminuindo a pressão do Id sobre o Ego, vencendo os mecanismos de defesa. Cabe ressaltar a importância dos estudos da Psicopatologias, para poder diagnosticar de forma precisa, entretanto, os sintomas podem várias no processo de análise, do mesmo modo que uns podem desaparecer outros podem surgir; observa-se na clínica que a queixa principal que leva o sujeito a procurar um analista nem sempre é o trauma propriamente dito, e sim sintomas de um trauma inconsciente. Para que surja um tipo de psicopatologia o sujeito deverá apresentar algum tipo de conflito psíquico, Freud atribuía dito a algum tipo de sedução sexual durante a infância, seja esta real ou imaginaria; entretanto, na atualidade sabe-se dos fatores hereditários genéticos que podem influenciar na psique humana e neste ponto devese observar o trabalho em equipe entre os profissionais de saúde tanto por parte do clinico geral, o psiquiatra, 15

INTRODUÇÃO À PSICOPATOLOGIA PSICANALÍTICA. Profa. Dra. Laura Carmilo granado

INTRODUÇÃO À PSICOPATOLOGIA PSICANALÍTICA. Profa. Dra. Laura Carmilo granado INTRODUÇÃO À PSICOPATOLOGIA PSICANALÍTICA Profa. Dra. Laura Carmilo granado Pathos Passividade, paixão e padecimento - padecimentos ou paixões próprios à alma (PEREIRA, 2000) Pathos na Grécia antiga Platão

Leia mais

Conceitos Básicos e História

Conceitos Básicos e História Psicologia na Educação Aula 1 Conceitos Básicos e História Profa. Adriana Straube Nesta aula discutiremos sobre o conceito de psicologia. As origens da psicologia como ciência nascendo na Alemanha. História

Leia mais

A PSICOLOGIA COMO PROFISSÃO

A PSICOLOGIA COMO PROFISSÃO Pontifícia Universidade Católica de Goiás Psicologia Jurídica A PSICOLOGIA COMO PROFISSÃO Profa. Ms. Joanna Heim PSICOLOGIA Contribuições Histórica Filosóficas Fisiológicas FILOSÓFICA(psyché = alma e logos=razão)

Leia mais

ABORDAGEM JUNGUIANA PSICOLOGIA CURSO DE

ABORDAGEM JUNGUIANA PSICOLOGIA CURSO DE CURSO DE PSICOLOGIA ABORDAGEM Torne se uma Analista Junguiano, empreendendo na jornada mais importante da sua vida, a sua jornada pessoal, a busca da compreensão de si mesmo, uma vivencia profunda, um

Leia mais

Escola Secundária de Carregal do Sal

Escola Secundária de Carregal do Sal Escola Secundária de Carregal do Sal Área de Projecto 2006\2007 Sigmund Freud 1 2 Sigmund Freud 1856-----------------Nasceu em Freiberg 1881-----------------Licenciatura em Medicina 1885-----------------Estuda

Leia mais

PSICOLOGIA ORGANIZACIONAL. Profa. Fátima Soares

PSICOLOGIA ORGANIZACIONAL. Profa. Fátima Soares PSICOLOGIA ORGANIZACIONAL Profa. Fátima Soares Definições: A psicologia é a ciência que estuda o comportamento e os processos mentais do ser humano e todos os animais. Psicologia como ciência A psicologia

Leia mais

Curso de Atualização em Psicopatologia 2ª aula Decio Tenenbaum

Curso de Atualização em Psicopatologia 2ª aula Decio Tenenbaum Curso de Atualização em Psicopatologia 2ª aula Decio Tenenbaum Centro de Medicina Psicossomática e Psicologia Médica do Hospital Geral da Santa Casa da Misericórdia do Rio de Janeiro 2ª aula Diferenciação

Leia mais

7. Referências Bibliográficas

7. Referências Bibliográficas 102 7. Referências Bibliográficas ANSERMET, François. Clínica da Origem: a criança entre a medicina e a psicanálise. [Opção Lacaniana n 02] Rio de Janeiro: Contra capa livraria, 2003. ARAÚJO, Marlenbe

Leia mais

ANALISTAS E ANALISANDOS PRECISAM SE ACEITAR: REFLEXÕES SOBRE AS ENTREVISTAS PRELIMINARES

ANALISTAS E ANALISANDOS PRECISAM SE ACEITAR: REFLEXÕES SOBRE AS ENTREVISTAS PRELIMINARES ANALISTAS E ANALISANDOS PRECISAM SE ACEITAR: REFLEXÕES SOBRE AS ENTREVISTAS PRELIMINARES 2014 Matheus Henrique de Souza Silva Psicólogo pela Faculdade Pitágoras de Ipatinga-MG. Especializando em Clínica

Leia mais

SOCIEDADES E ASSOCIAÇÕES DE PSICOTERAPIA PROTOCOLADAS ASSOCIAÇÃO PORTUGUESA DE PSICANÁLISE E PSICOTERAPIA PSICANALÍTICA

SOCIEDADES E ASSOCIAÇÕES DE PSICOTERAPIA PROTOCOLADAS ASSOCIAÇÃO PORTUGUESA DE PSICANÁLISE E PSICOTERAPIA PSICANALÍTICA SOCIEDADES E ASSOCIAÇÕES DE PSICOTERAPIA PROTOCOLADAS ASSOCIAÇÃO PORTUGUESA DE PSICANÁLISE E PSICOTERAPIA PSICANALÍTICA Apresentação da psicoterapia e do(s) modelo(s) teórico(s) subjacente(s) A Associação

Leia mais

Psicologia e Senso Comum. "... a Psicologia tem um longo passado, porém uma curta história." EBBINGHAUS

Psicologia e Senso Comum. ... a Psicologia tem um longo passado, porém uma curta história. EBBINGHAUS Psicologia e Senso Comum "... a Psicologia tem um longo passado, porém uma curta história." EBBINGHAUS Psicologia e Senso Comum O que é Psicologia? Como usamos o termo Psicologia? A Psicologia é recente

Leia mais

UM PSICANALISTA NO HOSPITAL GERAL

UM PSICANALISTA NO HOSPITAL GERAL UM PSICANALISTA NO HOSPITAL GERAL Áreas de atuação: Psiquiatria de Ligação não vou abordar (platéia de psicólogos) Psicologia Hospitalar Futuro é a união Psicologia Médica UM PSICANALISTA NO HOSPITAL GERAL

Leia mais

5 Referências bibliográficas

5 Referências bibliográficas 82 5 Referências bibliográficas BAKER, L. R. Attitudes in Action. Separata de: LECLERC, A.; QUEIROZ, G.; WRIGLEY, M. B. Proceedings of the Third International Colloquium in Philosophy of Mind. Manuscrito

Leia mais

INTRODUÇÃO A PSICOLOGIA

INTRODUÇÃO A PSICOLOGIA INTRODUÇÃO A PSICOLOGIA Objetivos Definir Psicologia Descrever a trajetória historica da psicologia para a compreensão de sua utilização no contexto atual Definir Psicologia Organizacional A relacão da

Leia mais

UMA LEITURA DA OBRA DE SIGMUND FREUD. PALAVRAS-CHAVE Sigmund Freud. Psicanálise. Obras Completas de Freud.

UMA LEITURA DA OBRA DE SIGMUND FREUD. PALAVRAS-CHAVE Sigmund Freud. Psicanálise. Obras Completas de Freud. 12. CONEX Apresentação Oral Resumo Expandido 1 ÁREA TEMÁTICA: ( ) COMUNICAÇÃO ( X) CULTURA ( ) DIREITOS HUMANOS E JUSTIÇA ( ) EDUCAÇÃO ( ) MEIO AMBIENTE ( ) SAÚDE ( ) TRABALHO ( ) TECNOLOGIA UMA LEITURA

Leia mais

Carga horária total: 04 Prática: 04 Teórico Prática: Semestre Letivo 1º/2012 Ementa

Carga horária total: 04 Prática: 04 Teórico Prática: Semestre Letivo 1º/2012 Ementa Unidade Universitária Centro de Ciências Biológicas e da Saúde - 040 Curso Psicologia Disciplina Psicopatologia Psicodinâmica Professor(es) e DRTs Fernando Genaro Junior 114071-3 Sandra Fernandes de Amorim

Leia mais

Psicologia Aplicada à Nutrição

Psicologia Aplicada à Nutrição Psicologia Aplicada à Nutrição Objetivos Abordar alguns conceitos da psicologia existentes no contexto social e da saúde. De psicólogo e louco todo mundo tem um pouco Psicologia e o conhecimento do Senso

Leia mais

A psicanálise surgiu na década de 1890, com Sigmund Freud

A psicanálise surgiu na década de 1890, com Sigmund Freud PSICANÁLISE A psicanálise surgiu na década de 1890, com Sigmund Freud médico neurologista interessado em achar um tratamento efetivo para pacientes com sintomas neuróticos, principalmente histéricos.

Leia mais

ANALÍTICA JUNGUIANA PSICOLOGIA CURSO DE

ANALÍTICA JUNGUIANA PSICOLOGIA CURSO DE CURSO DE PSICOLOGIA ANALÍTICA Torne se uma Terapeuta na Abordagem Junguiana, empreendendo na jornada mais importante da sua vida, a sua jornada pessoal, a busca da compreensão de si mesmo, uma vivencia

Leia mais

PSICANÁLISE: UM SOBREVÔO SOBRE A HISTÓRIA DE SIGMUND FREUD E DE SUAS IDÉIAS

PSICANÁLISE: UM SOBREVÔO SOBRE A HISTÓRIA DE SIGMUND FREUD E DE SUAS IDÉIAS 1 PSICANÁLISE: UM SOBREVÔO SOBRE A HISTÓRIA DE SIGMUND FREUD E DE SUAS IDÉIAS Sandra Mara Volpi 1856: Nasce Sigmund Freud, onde hoje localiza-se a Tchecoslováquia, em uma família de origem judaica em que

Leia mais

CONSCIÊNCIA E EXPRESSÃO CORPORAL

CONSCIÊNCIA E EXPRESSÃO CORPORAL FAAC Faculdade Afonso Cláudio Pólo Tijuca Rio de Janeiro Pós-graduação em Educação Psicomotora CONSCIÊNCIA E EXPRESSÃO CORPORAL Rosane Tesch rosanetesch@gmail.com Diferente do que ocorre com as crianças,

Leia mais

PROGRAMA DE DISCIPLINA

PROGRAMA DE DISCIPLINA PROGRAMA DE DISCIPLINA Disciplina: Psicologia da Educação I Código da Disciplina: EDU 305 Curso: Pedagogia Semestre de oferta da disciplina: 2º Faculdade responsável: Pedagogia Programa em vigência a partir

Leia mais

Conceitos Fundamentais Freudianos

Conceitos Fundamentais Freudianos Conteúdo Programático 1º Semestre Conceitos Fundamentais Freudianos Inconsciente, Pré-consciente e Consciência Os Mecanismos de Defesa Da Terapia Catártica ao Tratamento Psicanalítico Narcisismo e as Identificações

Leia mais

Curso de Extensão: LEITURAS DIRIGIDAS DA OBRA DE JACQUES LACAN/2014

Curso de Extensão: LEITURAS DIRIGIDAS DA OBRA DE JACQUES LACAN/2014 Curso de Extensão: LEITURAS DIRIGIDAS DA OBRA DE JACQUES LACAN/2014 Prof. Dr. Mario Eduardo Costa Pereira PROGRAMA - Io. SEMESTRE Março/2014 14/03/2014 CONFERÊNCIA INAUGURAL : Contextualização do seminário

Leia mais

O que fazer para se tornar UM PSICANALISTA?

O que fazer para se tornar UM PSICANALISTA? O que fazer para se tornar UM PSICANALISTA? Introdução...03 Como é o trabalho de um psicanalista...06 Como é o mercado de psicanálise no Brasil?...09 Quem pode ser um psicanalista?...12 O que é preciso

Leia mais

PROPOSTA DE PROJETO DE GRUPO DE ESTUDOS PARA INÍCIO EM 01 DE ABRIL DO ANO VIGENTE

PROPOSTA DE PROJETO DE GRUPO DE ESTUDOS PARA INÍCIO EM 01 DE ABRIL DO ANO VIGENTE IDENTIFICAÇÃO DO DISCENTE NOME: Breno Cunha Leite CURSO: Filosofia ANO: 2010 LINHA DE ESTUDO: Psicanálise e Filosofia Nº MATR: 2g08020035 GRUPO DE ESTUDO: Psicanálise e Filosofia LÍDER DO GRUPO DE ESTUDO:

Leia mais

O DESENVOLVIMENTO HUMANO SOB A PERSPECTIVA DE BION E WINNICOTT

O DESENVOLVIMENTO HUMANO SOB A PERSPECTIVA DE BION E WINNICOTT O DESENVOLVIMENTO HUMANO SOB A PERSPECTIVA DE BION E WINNICOTT Carla Maria Lima Braga Inicio a minha fala agradecendo o convite e me sentindo honrada de poder estar aqui nesta mesa com o Prof. Rezende

Leia mais

1. ESPECIALIZAÇÃO EM PSICOLOGIA CORPORAL

1. ESPECIALIZAÇÃO EM PSICOLOGIA CORPORAL 1. ESPECIALIZAÇÃO EM PSICOLOGIA CORPORAL (INSTITUTO RAIZ, Araraquara, SP). O curso de Especialização em Psicologia Corporal, de caráter SEMI-PRESENCIAL, tem como eixo central a psicanálise desenvolvida

Leia mais

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE Unidade Universitária Centro de Ciências Biológicas e da Saúde - 040 Curso: Psicologia Disciplina: Psicanálise II Professor(es) e DRTs Carmen Silvia de Souza Nogueira DRT: 112426-1 Fernando Genaro Junior

Leia mais

Sociedade Psicanalítica de Angra dos Reis Rio de Janeiro

Sociedade Psicanalítica de Angra dos Reis Rio de Janeiro Uma Abordagem Psicanalítica da CID-10 da Organização Mundial de Saúde, de F00 a F99. CID - Classificação Internacional de Doenças TRANSTORNOS MENTAIS E COMPORTAMENTAIS I. Objetivos do curso: Conhecer a

Leia mais

ANALÍTICA JUNGUIANA PSICOLOGIA CURSO DE

ANALÍTICA JUNGUIANA PSICOLOGIA CURSO DE CURSO DE PSICOLOGIA ANALÍTICA Torne se uma Terapeuta na Abordagem Junguiana, empreendendo na jornada mais importante da sua vida, a sua jornada pessoal, a busca da compreensão de si mesmo, uma vivencia

Leia mais

FREUD E LACAN NA CLÍNICA DE 2009

FREUD E LACAN NA CLÍNICA DE 2009 FREUD E LACAN NA CLÍNICA DE 2009 APRESENTAÇÃO O Corpo de Formação em Psicanálise do Instituto da Psicanálise Lacaniana- IPLA trabalhará neste ano de 2009 a atualidade clínica dos quatro conceitos fundamentais

Leia mais

Questão 01. Questão 02. Questão 03. Questão 04 CARGO DE PSICÓLOGO

Questão 01. Questão 02. Questão 03. Questão 04 CARGO DE PSICÓLOGO Questão 01 No ano de 1900 o psicanalista Sigmund Freud inicia o século XX com a publicação de uma de suas obras mais influentes, e que em breve, se tornaria um dos clássicos da ciência moderna e da psicologia:

Leia mais

INVESTIGAÇÃO EM PSICANÁLISE NA UNIVERSIDADE

INVESTIGAÇÃO EM PSICANÁLISE NA UNIVERSIDADE INVESTIGAÇÃO EM PSICANÁLISE NA UNIVERSIDADE Gilberto Safra 1 Instituto de Psicologia USP E ste evento surge no momento em que o Departamento de Psicologia Clínica do Instituto de Psicologia da Universidade

Leia mais

O Psicótico: aspectos da personalidade David Rosenfeld Sob a ótica da Teoria das Relações Objetais da Escola Inglesa de Psicanálise. Expandiu o entend

O Psicótico: aspectos da personalidade David Rosenfeld Sob a ótica da Teoria das Relações Objetais da Escola Inglesa de Psicanálise. Expandiu o entend A CLÍNICA DA PSICOSE Profª Ms Sandra Diamante Dezembro - 2013 1 O Psicótico: aspectos da personalidade David Rosenfeld Sob a ótica da Teoria das Relações Objetais da Escola Inglesa de Psicanálise. Expandiu

Leia mais

Questão Resposta Questão Resposta 1 21 2 22 3 23 4 24 5 25 6 26 7 27 8 28 9 29 10 30 11 31 12 32 13 33 14 34 15 35 16 36 17 37 18 38 19 39 20 40

Questão Resposta Questão Resposta 1 21 2 22 3 23 4 24 5 25 6 26 7 27 8 28 9 29 10 30 11 31 12 32 13 33 14 34 15 35 16 36 17 37 18 38 19 39 20 40 SIMULADO SOBRE TEORIAS DA PERSONALIDADE Aluno(a) A prova contém 40 questões de múltipla escolha. Utilize a folha de respostas abaixo para assinalar suas respostas. Ao final da prova, devolva apenas esta

Leia mais

A OPERAÇÃO DO DISCURSO ANALÍTICO

A OPERAÇÃO DO DISCURSO ANALÍTICO A OPERAÇÃO DO DISCURSO ANALÍTICO Este trabalho é um recorte do projeto de iniciação científica (PIBIC) Estruturas Clínicas e Discurso: a neurose, no qual trabalhamos o texto do Seminário XVII: O Avesso

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS INSTITUTO DE PSICOLOGIA CURSO DE PSICOLOGIA NORMAS COMPLEMENTARES Nº 01/2017/PSI

UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS INSTITUTO DE PSICOLOGIA CURSO DE PSICOLOGIA NORMAS COMPLEMENTARES Nº 01/2017/PSI UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS INSTITUTO DE PSICOLOGIA CURSO DE PSICOLOGIA NORMAS COMPLEMENTARES Nº 01/2017/PSI A Direção do Instituto de Psicologia e a Coordenação do Curso de Psicologia, baseadas no

Leia mais

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE Decanato Acadêmico

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE Decanato Acadêmico Unidade Universitária: Centro de Comunicação e Letras Curso: Jornalismo Disciplina: Psicologia Professor(es): Nora Rosa Rabinovich Carga horária: 25,5h Ementa: (x) Teórica ( ) Prática Núcleo Temático:

Leia mais

A Obsessão Espiritual (Autor: Osvaldo Shimoda)

A Obsessão Espiritual (Autor: Osvaldo Shimoda) A Obsessão Espiritual (Autor: Osvaldo Shimoda) A Obsessão Espiritual como doença da Alma, já é reconhecida pela Medicina Em artigos anteriores, escrevi que a Obsessão espiritual, na qualidade de doença

Leia mais

A psican lise e a hist ria: possibilidades te ricas

A psican lise e a hist ria: possibilidades te ricas A psicanálise e a história: possibilidades teóricas Alguns historiadores refletiram sobre a interface teórica entre a psicanálise e a história e as possibilidades de discussão existentes entre elas. Elaboro

Leia mais

CEP CENTRO DE ESTUDOS PSICANALÍTICOS

CEP CENTRO DE ESTUDOS PSICANALÍTICOS CEP CENTRO DE ESTUDOS PSICANALÍTICOS As pulsões e suas repetições. Luiz Augusto Mardegan Ciclo V - 4ª feira manhã São Paulo, maio de 2015. Neste trabalho do ciclo V apresentamos as análises de Freud sobre

Leia mais

QUADRO DE VAGAS 2017/2 ESTÁGIO CURRICULAR PSICOLOGIA

QUADRO DE VAGAS 2017/2 ESTÁGIO CURRICULAR PSICOLOGIA ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL SECRETARIA DA SAÚDE HOSPITAL PSIQUIÁTRICO SÃO PEDRO DIREÇÃO DE ENSINO E PESQUISA QUADRO DE VAGAS 2017/2 ESTÁGIO CURRICULAR PSICOLOGIA LOCAL VAGAS MODALIDADE DE ESTÁGIO Data

Leia mais

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA DO DESENVOLVIMENTO E CURSO: MESTRADO PROGRAMA DE DISCIPLINA

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA DO DESENVOLVIMENTO E CURSO: MESTRADO PROGRAMA DE DISCIPLINA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA DO DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM CURSO: MESTRADO PROGRAMA DE DISCIPLINA DISCIPLINA: PDA00021 - Desenvolvimento Psicossexual e Constituição da Personalidade na Abordagem

Leia mais

PSICANÁLISE COM CRIANÇAS: TRANSFERÊNCIA E ENTRADA EM ANÁLISE. psicanálise com crianças, sustentam um tempo lógico, o tempo do inconsciente de fazer

PSICANÁLISE COM CRIANÇAS: TRANSFERÊNCIA E ENTRADA EM ANÁLISE. psicanálise com crianças, sustentam um tempo lógico, o tempo do inconsciente de fazer PSICANÁLISE COM CRIANÇAS: TRANSFERÊNCIA E ENTRADA EM ANÁLISE Pauleska Asevedo Nobrega Assim como na Psicanálise com adultos, as entrevistas preliminares na psicanálise com crianças, sustentam um tempo

Leia mais

- Influenciado diretamente pela Psicanálise

- Influenciado diretamente pela Psicanálise Surrealismo - Influenciado diretamente pela Psicanálise A psicanálise é uma disciplina científica instituída por Sigmund Freud. Aquilo que chamamos de teoria psicanalítica é, portanto, um corpo de hipóteses

Leia mais

MONITORIA PRESENCIAL NA MODALIDADE REMUNERADA

MONITORIA PRESENCIAL NA MODALIDADE REMUNERADA ANEXO IV - EDITAL Nº. 15/2011 PERÍODO: 2012/01 INSTITUTO DE DE CIÊNCIAS HUMANAS, LETRAS E E ARTES -- ICHLA MONITORIA PRESENCIAL NA MODALIDADE REMUNERADA PSICOLOGIA VAGAS DIA CARGA Introdução à Psicologia

Leia mais

CONFIGURAÇÕES DO MOVIMENTO PSICANALÍTICO: DA TRANSMISSÃO E SUAS REPERCUSSÕES NA FORMAÇÃO DO ANALISTA

CONFIGURAÇÕES DO MOVIMENTO PSICANALÍTICO: DA TRANSMISSÃO E SUAS REPERCUSSÕES NA FORMAÇÃO DO ANALISTA CONFIGURAÇÕES DO MOVIMENTO PSICANALÍTICO: DA TRANSMISSÃO E SUAS REPERCUSSÕES NA FORMAÇÃO DO ANALISTA Ana Carolina Viana Silva Parece representar o marco da expansão do discurso analítico. Kupermann (1996)

Leia mais

Imaginário, Simbólico e Real. Débora Trevizo Dolores Braga Ercilene Vita Janaína Oliveira Sulemi Fabiano

Imaginário, Simbólico e Real. Débora Trevizo Dolores Braga Ercilene Vita Janaína Oliveira Sulemi Fabiano Imaginário, Simbólico e Real Débora Trevizo Dolores Braga Ercilene Vita Janaína Oliveira Sulemi Fabiano Roteiro: 1) Breve relato sobre a primeira concepção de inconsciente em Freud - o corte epistemológico.

Leia mais

CEP -CENTRO DE ESTUDOS PSICANALÍTICOS. Curso de Formação em Pasicanálise. Ciclo IV 3ª Noite

CEP -CENTRO DE ESTUDOS PSICANALÍTICOS. Curso de Formação em Pasicanálise. Ciclo IV 3ª Noite CEP -CENTRO DE ESTUDOS PSICANALÍTICOS Curso de Formação em Pasicanálise Ciclo IV 3ª Noite O atravessamento da Psicanálise em meu cotidiano Nathália Miyuki Yamasaki 2014 Chego para análise e me ponho a

Leia mais

DADOS SOBRE A CLÍNICA PSICOLÓGICA NO BRASIL

DADOS SOBRE A CLÍNICA PSICOLÓGICA NO BRASIL Anais do V Congresso da ANPTECRE Religião, Direitos Humanos e Laicidade ISSN:2175-9685 Licenciado sob uma Licença Creative Commons DADOS SOBRE A CLÍNICA PSICOLÓGICA NO BRASIL Priscilla Andrade da Silva

Leia mais

PROFESSORA Drª REGINA CELIA ADAMUZ Psicóloga, Pedagoga, Mestre em Educação e Doutora em Educação

PROFESSORA Drª REGINA CELIA ADAMUZ Psicóloga, Pedagoga, Mestre em Educação e Doutora em Educação PROFESSORA Drª REGINA CELIA ADAMUZ Psicóloga, Pedagoga, Mestre em Educação e Doutora em Educação PSICOLOGIA DA EDUCAÇÃO: DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM 1 PSICO = mente LOGOS= estudo, trabalho PSICOLOGIA

Leia mais

Freud e a Estrutura da Mente Humana

Freud e a Estrutura da Mente Humana Freud e a Estrutura da Mente Humana Obje'vos: Discu'r as teorias e contribuições de Freud para o desenvolvimento da Psicanálise Discu'r a influência do trabalho e das ideias de Freud na cultura popular

Leia mais

II SEMINÁRIO DE PRÁTICA DE PESQUISA EM PSICOLOGIA Universidade Estadual de Maringá 28 a 30 de Novembro de 2012

II SEMINÁRIO DE PRÁTICA DE PESQUISA EM PSICOLOGIA Universidade Estadual de Maringá 28 a 30 de Novembro de 2012 AS CONCEPÇÕES DE PSICÓLOGOS SOBRE ANGÚSTIA/ANSIEDADE DE SEPARAÇÃO E SUAS IMPLICAÇÕES NA PRÁTICA CLÍNICA Mayara Lúcia Embercics Calazans (Departamento de Psicologia,, Fundação Araucária, PIBIC); Paulo José

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE FEIRA DE SANTANA CÓDIGO DISCIPLINA REQUISITOS CHF 907 PSICOLOGIA APLICADA À SAÚDE --

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE FEIRA DE SANTANA CÓDIGO DISCIPLINA REQUISITOS CHF 907 PSICOLOGIA APLICADA À SAÚDE -- UNIVERSIDADE ESTADUAL DE FEIRA DE SANTANA U.E.F.S DEPARTAMENTO DE SAÚDE PROGRAMA DE DISCIPLINA CÓDIGO DISCIPLINA REQUISITOS CHF 907 PSICOLOGIA APLICADA À SAÚDE -- CARGA HORÁRIA CRÉDITOS PROFESSOR(A) T

Leia mais

Nome da disciplina: Formação de grupos sociais diálogos entre sociologia e psicanálise Créditos (T-P-I): (2-0-2) Carga horária: 24 horas

Nome da disciplina: Formação de grupos sociais diálogos entre sociologia e psicanálise Créditos (T-P-I): (2-0-2) Carga horária: 24 horas Caracterização da disciplina Código da disciplina: BC- 0011 Nome da disciplina: Formação de grupos sociais diálogos entre sociologia e psicanálise Créditos (T-P-I): (2-0-2) Carga horária: 24 horas Aula

Leia mais

FORMULAÇÕES FREUDIANAS SOBRE A EXPERIÊNCIA DO INCONSCIENTE PARA O PSICANALISTA EM FORMAÇÃO

FORMULAÇÕES FREUDIANAS SOBRE A EXPERIÊNCIA DO INCONSCIENTE PARA O PSICANALISTA EM FORMAÇÃO FORMULAÇÕES FREUDIANAS SOBRE A EXPERIÊNCIA DO INCONSCIENTE PARA O PSICANALISTA EM FORMAÇÃO Marcus Kleredis Monteiro Vieira O presente trabalho resulta da pesquisa realizada no Programa de Mestrado em Psicologia

Leia mais

Referências bibliográficas

Referências bibliográficas Referências bibliográficas BARROS, R. Os Afetos na Psicanálise. In: Cadernos do Tempo Psicanalítico. Rio de Janeiro:SPID, 1999, volume 4, pp. 133-142. BEAUD, M. Arte da Tese.(1985) Rio de Janeiro: Bertrand

Leia mais

Ao término desta unidade, você será capaz de: A Psicologia Enquanto Ciência A Psicologia e a subjetividade humana. Um pouco da história...

Ao término desta unidade, você será capaz de: A Psicologia Enquanto Ciência A Psicologia e a subjetividade humana. Um pouco da história... Aula 01 PSICOLOGIA Objetivos de aprendizagem Ao término desta unidade, você será capaz de: Compreender o que é a Psicologia Refletir sobre as contribuições da Psicologia para o desenvolvimento humano.

Leia mais

INTRODUÇÃO - GENERALIDADES SOBRE AS ADICÇÕES

INTRODUÇÃO - GENERALIDADES SOBRE AS ADICÇÕES SUMÁRIO PREFÁCIO - 11 INTRODUÇÃO - GENERALIDADES SOBRE AS ADICÇÕES DEFINIÇÃO E HISTÓRICO...14 OBSERVAÇÕES SOBRE O CONTEXTO SOCIAL E PSÍQUICO...19 A AMPLIDÃO DO FENÔMENO ADICTIVO...24 A ADICÇÃO VISTA PELOS

Leia mais

Coordenação de Psicologia

Coordenação de Psicologia Coordenação de Psicologia ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO CURSO DE PSICOLOGIA INESP/FUNEDI/UEMG 2º SEMESTRE 2011 ESTÁGIOS OFERECIDOS PARA OS ALUNOS DE 5º ao 7º PERÍODOS (Núcleo Básico) 1. ANÁLISE INSTITUCIONAL

Leia mais

Sofrimento e dor no autismo: quem sente?

Sofrimento e dor no autismo: quem sente? Sofrimento e dor no autismo: quem sente? BORGES, Bianca Stoppa Universidade Veiga de Almeida-RJ biasborges@globo.com Resumo Este trabalho pretende discutir a relação do autista com seu corpo, frente à

Leia mais

Psicanálise. Boa Tarde! Psicanálise 26/09/2015. Pontifícia Universidade Católica de Goiás Psicologia Jurídica Prof.ª Ms.

Psicanálise. Boa Tarde! Psicanálise 26/09/2015. Pontifícia Universidade Católica de Goiás Psicologia Jurídica Prof.ª Ms. Boa Tarde! 1 Psicanálise Pontifícia Universidade Católica de Goiás Psicologia Jurídica Prof.ª Ms. Otília Loth Psicanálise Fundada por Sigmund Freud, é uma teoria que estabelece uma complexa estrutura mental

Leia mais

Entrevista com Joyce McDougall*

Entrevista com Joyce McDougall* Rev. Latinoam. Psicopat. Fund., IV, 4, 148-152 Entrevista com Joyce McDougall* 148 Dra. McDougall, inicialmente quero lhe agradecer pela entrevista em pleno período de suas férias. Gostaria que a senhora

Leia mais

Latusa digital N 10 ano 1 outubro de 2004

Latusa digital N 10 ano 1 outubro de 2004 Latusa digital N 10 ano 1 outubro de 2004 Política do medo versus política lacaniana Mirta Zbrun* Há três sentidos possíveis para entender a política lacaniana 1. Em primeiro lugar, o sentido da política

Leia mais

Apontamentos Psicanalíticos. Textos Teórico-Clínicos e de Psicanálise Aplicada

Apontamentos Psicanalíticos. Textos Teórico-Clínicos e de Psicanálise Aplicada Apontamentos Psicanalíticos Textos Teórico-Clínicos e de Psicanálise Aplicada Apontamentos Psicanalíticos Textos Teórico-Clínicos e de Psicanálise Aplicada Vera Marieta Fischer z Zagodoni Editora Copyright

Leia mais

O Saber em Psicanálise

O Saber em Psicanálise O Saber em Psicanálise Franciny Tenório Cavalcante Maiorano de Lima; Camila de Albuquerque Alves da Silva; Pedro Cerqueira de Almeida; Karla Julliana da Silva Sousa * ;Charles Elias Lang ** Nesse texto

Leia mais

O estudo teórico na formação do psicanalista Uma lógica que não é a da. identificação 1

O estudo teórico na formação do psicanalista Uma lógica que não é a da. identificação 1 O estudo teórico na formação do psicanalista Uma lógica que não é a da Arlete Mourão 2 identificação 1 Na formação do analista, o lugar e a função do estudo da psicanálise são conseqüências lógicas da

Leia mais

Unidade 2: História da Filosofia. Filosofia Serviço Social Igor Assaf Mendes

Unidade 2: História da Filosofia. Filosofia Serviço Social Igor Assaf Mendes Unidade 2: História da Filosofia Filosofia Serviço Social Igor Assaf Mendes Períodos Históricos da Filosofia Filosofia Grega ou Antiga (Séc. VI a.c. ao VI d.c.) Filosofia Patrística (Séc. I ao VII) Filosofia

Leia mais

PSICANÁLISE SIGMUND FREUD Nasceu na Freiberg, Morávia, em Ingressou na Universidade de Viena em 1873, tornando-se médico em Primeiramente,

PSICANÁLISE SIGMUND FREUD Nasceu na Freiberg, Morávia, em Ingressou na Universidade de Viena em 1873, tornando-se médico em Primeiramente, Psicanálise PSICANÁLISE SIGMUND FREUD Nasceu na Freiberg, Morávia, em 1856. Ingressou na Universidade de Viena em 1873, tornando-se médico em 1881. Primeiramente, dedica-se à psiquiatria, concluindo que

Leia mais

IX JORNADA CELPCYRO Sobre Saúde Mental JUNHO DE 2012.

IX JORNADA CELPCYRO Sobre Saúde Mental JUNHO DE 2012. IX JORNADA CELPCYRO Sobre Saúde Mental JUNHO DE 2012. *PSICOTERAPIA PSICANALÍTICA: VISÃO CONTEMPORÂNEA DA TÉCNICA: LUIZ CARLOS MABILDE ** PSIQUIATRA E PROFESSOR/SUPERVISOR CONVIDADO DOS CURSOS DE ESPECIALIZAÇÃO

Leia mais

PsicoDom, v.1, n.1, dez

PsicoDom, v.1, n.1, dez PsicoDom, v.1, n.1, dez. 2007 13 Resenha do livro Categorias Conceituais da Subjetividade Jorge Sesarino 1 Fabio Thá, conhecido nome da psicanálise em Curitiba, foi um dos pioneiros no estudo da obra de

Leia mais

REICH E A ECONOMIA SEXUAL

REICH E A ECONOMIA SEXUAL 1 REICH E A ECONOMIA SEXUAL José Henrique Volpi Freud havia postulado que o sintoma neurótico é resultado da repressão de um trauma sexual ocorrido na infância. Mas não conseguia explicar o porque tal

Leia mais

Matriz Curricular - Curso de Psicologia

Matriz Curricular - Curso de Psicologia Matriz Curricular - Curso de Psicologia 1 o SEMESTRE 001 Fundamentos Epistemológicos da Psicologia 002 Introdução à Filosofia 40 40 00 003 Processos Psicológicos Básicos 004 Genética e Evolução 60 60 00

Leia mais

INCLUSÃO EM TRANSICIONALIDADE

INCLUSÃO EM TRANSICIONALIDADE INCLUSÃO EM TRANSICIONALIDADE Profa Dra IVONISE FERNANDES DA MOTTA * Profa Dra SANDRA CONFORTO TSCHIRNER ** RESUMO Um tema bastante abordado na contemporaneidade é a inclusão de pessoas com algum tipo

Leia mais

Prefácio. Itinerário para uma leitura de Freud

Prefácio. Itinerário para uma leitura de Freud Itinerário para uma leitura de Freud Prefácio Esta pequena obra pretende reunir as teses da psicanálise sob a forma mais concisa e na redação mais categórica, de uma maneira por assim dizer dogmática.

Leia mais

SIGMUND FREUD. SPR promove curso de introdução ao pensamento psicanalítico

SIGMUND FREUD. SPR promove curso de introdução ao pensamento psicanalítico O Espaço Sigmund Freud tem o objetivo de introduzir o conhecimento sobre as bases teóricas do pensamento psicanalítico, aos estudantes e profissionais de diversas áreas de interesse. Estão abertas as inscrições

Leia mais

PSICOLOGIA E DIREITOS HUMANOS: Formação, Atuação e Compromisso Social

PSICOLOGIA E DIREITOS HUMANOS: Formação, Atuação e Compromisso Social REFLEXÕES SOBRE O ENSINO DA PSICANÁLISE NA UNIVERSIDADE ESTADUAL DE LONDRINA: PERCEPÇÃO DE DOCENTES E DISCENTES Silvia Nogueira Cordeiro* (Laboratório de Estudos e Pesquisas em Psicanálise, departamento

Leia mais

CONCEPÇÕES ÉTICAS Mito, Tragédia e Filosofia

CONCEPÇÕES ÉTICAS Mito, Tragédia e Filosofia CONCEPÇÕES ÉTICAS Mito, Tragédia e Filosofia O que caracteriza a consciência mítica é a aceitação do destino: Os costumes dos ancestrais têm raízes no sobrenatural; As ações humanas são determinadas pelos

Leia mais

da negativa, afirmando que uma, situação não seria analítica se o

da negativa, afirmando que uma, situação não seria analítica se o Ivonise Fernandes da Motta Catafesta o ser perguntado sobre o que caracterizaria a relação psicoterapeutacliente do ponto de vista psicanalítico, Winnicott respondeu através A da negativa, afirmando que

Leia mais

CURSO CONSTELAÇÃO SISTÊMICA E FAMILIAR: MODELO MULTIDIMENSIONAL

CURSO CONSTELAÇÃO SISTÊMICA E FAMILIAR: MODELO MULTIDIMENSIONAL CURSO CONSTELAÇÃO SISTÊMICA E FAMILIAR: MODELO MULTIDIMENSIONAL PÚBLICO-ALVO Psicólogos, médicos, profissionais da área de saúde, terapeutas, educadores em geral, consultores de empresas, advogados, juízes,

Leia mais

Unidade 09. Prof.ª Fernanda Mendizabal Instituto de Educação Superior de Brasília

Unidade 09. Prof.ª Fernanda Mendizabal Instituto de Educação Superior de Brasília Unidade 09 Prof.ª Fernanda Mendizabal Instituto de Educação Superior de Brasília Apresentar as transformações científicas, sociais e culturais que contribuíram para o desenvolvimento de uma abordagem funcional

Leia mais

Projeto de estágio. Coordenação do projeto: Prof. Dr. Antonio Augusto Pinto Junior

Projeto de estágio. Coordenação do projeto: Prof. Dr. Antonio Augusto Pinto Junior UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE ICHS- INSTITUTO DE CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS DE VOLTA REDONDA VPS - DEPARTAMENTO DE PSICOLOGIA SPA SERVIÇO DE PSICOLOGIA AOLICADA Projeto de estágio Coordenação do projeto:

Leia mais

FREUD E ERIK ERIKSON. Psicologia do Desenvolvimento

FREUD E ERIK ERIKSON. Psicologia do Desenvolvimento FREUD E ERIK ERIKSON Psicologia do Desenvolvimento Sigmund Freud (1856 1939), médico austríaco Fundador da psicanálise. O aparelho psíquico ID o mais antigo, contém tudo que é herdado (sobretudo os instintos);

Leia mais

"O verdadeiro é o todo." Georg Hegel

O verdadeiro é o todo. Georg Hegel "O verdadeiro é o todo." Georg Hegel Hegel: o evangelista do absoluto By zéck Biografia Georg Wilhelm F. Hegel (1770-1831) 1831) Nasceu em Stuttgart. Foi colega de Schelling. Influências Spinoza, Kant

Leia mais

A ESSÊNCIA DA TEORIA PSICANALÍTICA É UM DISCURSO SEM FALA, MAS SERÁ ELA SEM ESCRITA?

A ESSÊNCIA DA TEORIA PSICANALÍTICA É UM DISCURSO SEM FALA, MAS SERÁ ELA SEM ESCRITA? A ESSÊNCIA DA TEORIA PSICANALÍTICA É UM DISCURSO SEM FALA, MAS SERÁ ELA SEM ESCRITA? Maurício Eugênio Maliska Estamos em Paris, novembro de 1968, Lacan está para começar seu décimo sexto seminário. Momento

Leia mais

RECOMENDAÇÕES DE FREUD ACERCA DA TÉCNICA 1

RECOMENDAÇÕES DE FREUD ACERCA DA TÉCNICA 1 RECOMENDAÇÕES DE FREUD ACERCA DA TÉCNICA 1 RAFAELA THAÍS BORTOLACI Na iminência da transição entre teoria e prática, torna-se fundamental pensar em cada recomendação de Freud acerca da técnica. Ele nunca

Leia mais

DISCUSSÃO AO TRABALHO DA INSTITUIÇÃO CARTÉIS CONSTITUINTES DA ANALISE FREUDIANA: A psicanálise: à prova da passagem do tempo

DISCUSSÃO AO TRABALHO DA INSTITUIÇÃO CARTÉIS CONSTITUINTES DA ANALISE FREUDIANA: A psicanálise: à prova da passagem do tempo DISCUSSÃO AO TRABALHO DA INSTITUIÇÃO CARTÉIS CONSTITUINTES DA ANALISE FREUDIANA: A psicanálise: à prova da passagem do tempo DISCUTIDO PELA ESCOLA FREUDIANA DA ARGENTINA NOEMI SIROTA O trabalho permite

Leia mais

A disciplina apresenta as principais teorias do desenvolvimento biopsicossocial infantil, com ênfase na abordagem psicanalítica.

A disciplina apresenta as principais teorias do desenvolvimento biopsicossocial infantil, com ênfase na abordagem psicanalítica. Unidade Universitária Centro de Ciências Biológicas e da Saúde - 040 Curso Psicologia Disciplina Psicologia do Desenvolvimento Infantil Professor(es) e DRTs Priscila Palermo Felipini 113088-8 Santuza Fernandes

Leia mais

DESENVOLVIMENTO SOCIAL E DA PERSONALIDADE

DESENVOLVIMENTO SOCIAL E DA PERSONALIDADE Rede7 Mestrado em Ensino do Inglês e Francês no Ensino Básico ÁREAS DE DESENVOLVIMENTO: DESENVOLVIMENTO SOCIAL E DA PERSONALIDADE Teorias Psicodinâmicas A Psicanálise de Sigmund Freud A perspectiva de

Leia mais

O AMBIENTE NA OBRA DE WINNICOTT: TEORIA E PRÁTICA CLÍNICA

O AMBIENTE NA OBRA DE WINNICOTT: TEORIA E PRÁTICA CLÍNICA O AMBIENTE NA OBRA DE WINNICOTT: TEORIA E PRÁTICA CLÍNICA Conceição A. Serralha de Araújo Resumo Este texto, com base na obra de Winnicott, discute a importância para a clínica psicanalítica de se buscar

Leia mais

Obras de J.-D. Nasio publicadas por esta editora:

Obras de J.-D. Nasio publicadas por esta editora: A dor física Obras de J.-D. Nasio publicadas por esta editora: A alucinação E outros estudos lacanianos Cinco lições sobre a teoria de Jacques Lacan Como trabalha um psicanalista? A criança do espelho

Leia mais

Apresentação; 7. Id Ego Superego: as três instâncias virtuais; 17. Angústia Conflitos Defesas: três temas nodais; 19

Apresentação; 7. Id Ego Superego: as três instâncias virtuais; 17. Angústia Conflitos Defesas: três temas nodais; 19 SUMÁRIO Apresentação; 7 UM Conceito de personalidade; 13 DOIS Id Ego Superego: as três instâncias virtuais; 17 TRÊS Angústia Conflitos Defesas: três temas nodais; 19 QUATRO Quadro sinótico das defesas;

Leia mais

Fundamentos. Psicologia. Psicologias Psicodinâmicas. Prof. Jefferson Baptista Macedo Todas as aulas estão disponíveis em http://reeduc.com.

Fundamentos. Psicologia. Psicologias Psicodinâmicas. Prof. Jefferson Baptista Macedo Todas as aulas estão disponíveis em http://reeduc.com. Fundamentos de Psicologia Psicologias Psicodinâmicas Prof. Jefferson Baptista Macedo Todas as aulas estão disponíveis em http://reeduc.com.br Origens A Psicanálise é um campo clínico e de investigação

Leia mais

INVESTIGANDO PSICANALITICAMENTE AS PSICOSES

INVESTIGANDO PSICANALITICAMENTE AS PSICOSES Questões a serem respondidas: Epistemológica uma ou várias teorias psicanalíticas sobre o fenômeno psicótico? Técnica uma ou várias técnicas psicanalíticas para o tratamento das doenças mentais? Clínica

Leia mais

ISSO NÃO ME FALA MAIS NADA! 1 (Sobre a posição do analista na direção da cura)

ISSO NÃO ME FALA MAIS NADA! 1 (Sobre a posição do analista na direção da cura) ISSO NÃO ME FALA MAIS NADA! 1 (Sobre a posição do analista na direção da cura) Arlete Mourão Essa frase do título corresponde à expressão utilizada por um ex-analisando na época do final de sua análise.

Leia mais

A NOÇAO DE TOTALIDADE NA TEORIA JUNGUIANA: BREVES CONSIDERAÇÕES

A NOÇAO DE TOTALIDADE NA TEORIA JUNGUIANA: BREVES CONSIDERAÇÕES A NOÇAO DE TOTALIDADE NA TEORIA JUNGUIANA: BREVES CONSIDERAÇÕES Sheila Carla de Souza 1 (Mackenzie) Quem olha para fora sonha, quem olha para dentro desperta (C. G. Jung) RESUMO Este artigo tem o objetivo

Leia mais

Sociedade Psicanalítica de Angra dos Reis Rio de Janeiro

Sociedade Psicanalítica de Angra dos Reis Rio de Janeiro CURSO DE PSICANÁLISE E EDUCAÇÃO I. Objetivos do Curso Estudar a estrutura da realidade psíquica do ser humano, suas leis, seus limites e sua importância na educação das crianças e adolescentes. Mostrar

Leia mais

Formação de grupos sociais diálogos entre Sociologia e Psicanálise

Formação de grupos sociais diálogos entre Sociologia e Psicanálise Formação de grupos sociais diálogos entre Sociologia e Psicanálise Tópicos Especiais em Planejamento e Gestão do Território Prof. Arilson Favareto Aula 1 21/Setembro/2015 Introdução à temática, antecedentes

Leia mais

EXAME NACIONAL DO ENSINO SECUNDÁRIO

EXAME NACIONAL DO ENSINO SECUNDÁRIO EXAME NACIONAL DO ENSINO SECUNDÁRIO 12.º Ano de Escolaridade (Decreto-Lei n.º 286/89, de 29 de Agosto) PROVA 140/C/5 Págs. Duração da prova: 120 minutos 2007 1.ª FASE PROVA ESCRITA DE PSICOLOGIA 1. CRITÉRIOS

Leia mais