Disciplina: Desenvolvimento Web Dinâmico Prof. Leandro Pisco INTRODUÇÃO À PHP

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Disciplina: Desenvolvimento Web Dinâmico Prof. Leandro Pisco INTRODUÇÃO À PHP"

Transcrição

1 Disciplina: Desenvolvimento Web Dinâmico Prof. Leandro Pisco INTRODUÇÃO À PHP LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO Uma linguagem de programação é um método padronizado para expressar instruções para um computador. É um conjunto de regras sintáticas e semânticas usadas para definir um programa de computador. Uma linguagem permite que um programador especifique precisamente sobre quais dados um computador vai atuar, como estes dados serão armazenados ou transmitidos e quais ações devem ser tomadas sob várias circunstâncias.<br> Linguagens históricas: Assembly - BASIC - Clipper - COBOL - Fortran Linguagens acadêmicas: Pascal - Prolog - Haskell - Lisp - Logo Linguagens comerciais: C - C++ - C# - COBOL - Coldfusion - Delphi Visual - Basic Linguagens livres: Euphoria - Java - JavaScript - Lua - Perl - PHP - Python - Ruby LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO PHP PHP é uma linguagem que permite criar sites WEB dinâmicos, possibilitando uma interação com o usuário através de formulários, parâmetros da URL e links. A diferença de PHP com relação a linguagens semelhantes a Javascript é que o código PHP é executado no servidor, sendo enviado para o cliente apenas html puro. Falando estritamente, o PHP tem pouca relação com layout, eventos ou qualquer coisa relacionada à aparência de uma página da Web. De fato, a maior parte do que o PHP realiza é invisível para o usuário final. Alguém visualizando uma página de PHP não será capaz de dizer que não foi escrita em HTML, porque o resultado final do PHP é HTML. PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS DA LINGUAGEM PHP O principal propósito do PHP é elaborar soluções web de forma dinâmica, veloz, simples e eficiente. Como a linguagem PHP não é burocrática, rapidamente podemos criar páginas dinâmicas ou sistemas, interagindo com banco de dados. Algumas características: Velocidade e robustez Pode ser programado de forma estruturada e/ou orientado a objetos Portabilidade - independência de plataforma (por ser uma linguagem web) Tipagem dinâmica Sintaxe similar a C/C++ e o Perl e outras linguagens Open-source DO QUE PRECISAMOS PARA UTILIZAR O PHP? Para executar o PHP é necessário fazer instalações de alguns aplicativos no computador. No caso, precisamos instalar: Servidor Apache. O Apache é um servidor Web extremamente configurável, robusto e de alta performance desenvolvido por uma equipe de voluntários (conhecida como Apache Group). Existem versões para linux e windows. Linguagem PHP. Linguagem de programação Web, o mesmo precisa estar instalado em um servidor. Postgresql, mysql banco de dados para entrada de informações. Os bancos de dados mais comuns para utilização com o PHP são o postgresql e o mysql. Os aplicativos acima podem ser instalados em separado, um de cada vez, iniciando sempre do servidor Apache. Sendo que existem alguns pacotes de instalação

2 apache, php e banco de dados. Mas cuidado com a versão do sistema operacional que está utilizando, tanto se for instalar um a um, quanto no caso do pacote. Sugestões de pacotes de instalação - easyphp :http://www.easyphp.org - Wamp5 : - PHPTRIAD : - APACHE2TRIAD : ESTRUTURA DE UM PROGRAMA EM PHP A linguagem PHP possui uma estrutura no seu desenvolvimento. Por funcionar em conjunto com o HTML, ambas as TAGS se misturam. Tags HTML São comandos que serão enviados ao browser do cliente sem qualquer tipo de formatação pelo PHP. Nesta parte você pode colocar a inicialização de uma tag HTML(<html>,<body>,<table>, etc) e quaisquer outras informações úteis à melhor apresentação de sua página, tais como: programas javascript e outros. Código PHP Começando sempre com a tag, você pode colocar um ou vários scripts php numa única página, concatenando scripts PHP com tags HTML.Os scripts php terminam sempre com. Comandos Sql O PHP possui funções específicas para interpretar códigos sql, dentro de um programa PHP. Como surgiu a linguagem PHP? Introdução a linguagem PHP 3 A linguagem PHP foi concebida em 1994 por Rasmus Lerdorf. As primeiras versões não foram disponibilizadas, tendo sido utilizadas em sua home-page apenas para que ele pudesse ter informações sobre as visitas que estavam sendo feitas. Em meados de 1995 o interpretador foi reescrito, e ganhou o nome de PHP/FI, o FI veio de um outro pacote escrito por Rasmus que interpretava dados de formulários HTML (Form Interpreter). Ele combinou os scripts do pacote Personal Home Page Tools com o FI e adicionou suporte a msql, nascendo assim o PHP/FI, que cresceu bastante, e as pessoas passaram a contribuir com o projeto. Fonte: Apostila de PHP da UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE por por Maurício Vivas de Souza Barreto e Sites de apoio: Manual do PHP : Retirado de: Agradecimento: (Prof. Rosane Faculdades Simonsen.)

3 SINTAXE BÁSICA E VARIÁVEIS EM PHP SINTAXE BÁSICA Delimitando o código PHP Exemplo mais comum Todo código em PHP deverá ser iniciado com <? ou, e encerrando o código em PHP Outros Exemplos de Delimitadores de código PHP 1.1 echo "se você quer servir documentos XHTML ou XML, faça assim"; 1.2 <script language="php"> echo "se você quer servir documentos XHTML ou XML, faça assim"; </script> 1.3.<? echo "se você quer servir documentos XHTML ou XML, faça assim"; 1.4. <% echo "se você quer servir documentos XHTML ou XML, faça assim"; %> obs: Este último está desabilitado na configuração por ser similar ao delimitador do ASP. Usaremos com frequência o delimitador para abrir e o para fechar. Comandos de Saída Quando for necessário exibir alguma informação na tela, podemos utilizar os comandos echo ou print. Comando echo Para exibir o conteúdo (ou valor) de uma variável, usaremos o comando echo. O comando echo é utilizado para imprimir conteúdo de variáveis simples e/ou textos Exemplo: // Este é um exemplo de programa em PHP Echo AULA DE PHP ; Comando print Utilizado para imprimir strings simples, através de uma variável. Exemplo: // Este é um exemplo de programa em PHP print "EXEMPLO COM PRINT - AULA DE PHP"; Separador de Instruções ; (ponto e vírgula) Entre cada instrução em PHP é preciso utilizar o ponto-e-vírgula, assim como em C, Perl e outras linguagens mais conhecidas. Exemplo: echo "teste"; echo "teste2"; Comentários Quando se fizer necessário algum comentário no meio do programa, utiliza-se // (duas barras) antes da frase. Caso seja um bloco de comentários, inicia-se com /* e no final do comentário, fechar com */. Exemplo:

4 /* Comentando um programa PHP */ echo "teste"; echo "teste2"; Parse error: parse error Quando ocorre algum erro na digitação de alguns comandos ou sintaxes, como não colocar ponto e vírgula no final da linha de comando, não fechar ou abrir chaves devidamente em comandos condicionais ou repetição. EXECUTANDO OS CÓDIGOS EM PHP Para executar os scripts escritos em PHP, torna-se necessário gravá-los na pasta C:\APACHE\HTDOCS. Esta pasta é gerada após a instalação do Apache. Os programas escritos em PHP deverão possuir a extensão.php (exemplo: programa.php). Para executá-lo, devemos acessar o endereço: /programa.php. O endereço é um endereço padrão IP, utilizado como localhost, para conexões locais. PRIMEIRO SCRIPT O primeiro passo para todo o iniciante em programação ou em uma nova linguagem é criar seu primeiro programa. Programa Exemplo: exemplo1.php echo "<p align="center">meu primeiro programa em PHP!!! </p><br>"; Este primeiro exemplo mostrará a frase Este é meu primeiro programa em PHP!!! no centro da página. Como estamos utilizando tags HTML dentro de um script em PHP, todo o conteúdo deverá ficar entre aspas duplas ( ). VARIÁVEIS EM PHP Uma variável, como o próprio nome já diz, é aquilo que varia. Em Programação as variáveis são utilizadas para o armazenamento de valores de forma temporária, durante a execução de um script (programa). NOMES DAS VARIÁVEIS As variáveis, no PHP, começam com o símbolo $. Não podem ter como primeiro caracter números (por exemplo, $9 não é um nome válido para uma variável). Além disso o PHP é case sensitive, isto é, ele faz distinção entre letras maiúsculas e minúsculas. Desta forma, $numero é diferente de $Numero que é diferente de $NUMERO ou qualquer combinação entre minúsculas e maiúsculas. Uma característica destas variáveis é que elas são de uso LOCAL, ou seja, passam a não existir mais caso terminemos a execução do script. TIPOS DE VARIÁVEIS Existem diversos tipos de variáveis que podemos agrupar da seguinte forma: Booleanos; Inteiros; Números de ponto flutuante; Strings; Arrays; Objetos; Resource; NULL. Os tipos de variáveis geralmente

5 são atribuídos quando uma variável recebe o valor. No PHP não existe a necessidade de declarar uma variável. Tipo Booleano : Este é o tipo mais fácil. Um booleano expressa um valor de verdade. Ele pode ser TRUE ou FALSE. Sintaxe: Para especificar um literal booleano, use as palavras chave TRUE ou FALSE. Ambas são insensitivas ao caso. Exemplo: aula1_2.php $boleano = True; // assimila o valor TRUE para $variavel, retorna 1 echo "Variavel : $boleano<br><br>"; $boleano = False; // assimila o valor FALSE para $variavel, retorna NULL echo "Variavel : $boleano"; Tipo Inteiro : Um inteiro é um número do conjunto Z = {..., -2, -1, 0, 1, 2,... Exemplo: exemplo2.php $numero1 = 1234; // número decimal echo $numero1."<br>"; Tipo String : Uma string é uma série de caracteres. No PHP, um caracter é o mesmo que um byte, ou seja, há exatamente 256 caracteres diferentes possíveis. Exemplo: Aspas simples exemplo4.php $linguagem = "PHP"; $nome = "David"; echo $linguagem."<br>"; // concatenando a variável com uma tag HTML<br> // Abaixo, concatenando um texto, a uma variável e a uma tag <br> echo "Eu amo programar em ".$linguagem."<br>"; // No caso da utilização das aspas duplas, não precisa concatenar echo Eu amo programar em $linguagem<br> ; Dicas: Ao criar as variáveis de um programa, tente utilizar nomes simples e que tenha a ver com a informação que está sendo armazenada. Procure também criar um dicionário e padronizar as variáveis, sempre utilizando todas as variáveis com letras minúsculas, para não correr o risco de, por exemplo, usar uma variável $totalpago para somar valores e no momento de mostrar a soma usar a variável $Totalpago. O resultado sairá zerado. OPERADORES DE ATRIBUIÇÃO E DE STRING OPERADOR DE ATRIBUIÇÃO : O operador básico de atribuição é "=". A sua primeira inclinação deve ser a de pensar nisto como "é igual". Não. Isto quer dizer, na verdade, que o operando da esquerda recebe o valor da expressão da direita. OPERADOR DE STRING CONCATENAÇÃO : Há dois operadores de string. O primeiro é o operador de concatenação ("."), que retorna a concatenação dos seus argumentos direito e esquerdo. O segundo é o operador de atribuição de concatenação (".="), que acrescenta o argumento do lado direito no argumento do lado esquerdo.

6 EXERCÍCIO 1) Crie um programa em php com os seguintes dados: a) Atribua o seu nome a uma variável. Imprima esta variável na tela, com salto de linha. b) Atribua a sua idade a uma variável. Imprima esta variável na tela, concatenando depois da frase Minha idade:. Utilize salto de linha. Retirado de: Agradecimento: (Prof. Rosane Faculdades Simonsen.) VARIÁVEIS PRÉ DEFINIDAS E FORMULÁRIOS O PHP oferece um grande número de variáveis pré definidas para qualquer script que ele execute. A princípio, conheceremos duas destas variáveis: $_GET : É uma variável superglobal, onde ficam armazenadas informações postadas para o script através do método HTTP GET. Através do método GET de um formulário HTML, as variáveis ficam visíveis na URL. Ou seja, podemos passar informações através da URL e regatá-las através do $_GET. $_POST : É uma variável superglobal, onde ficam armazenadas informações postadas para o script através do método HTTP POST. Através do método POST de um formulário HTML, as variáveis não ficam visíveis na URL. Vamos entrar em mais detalhes com as variáveis $_GET e $_POST nos próximos tópicos. FORMULÁRIOS HTML Os formulários constituem-se de extrema importância no HTML, uma vez que são responsáveis pela interação entre um usuário e o servidor, possibilitando a troca de dados ou informações. Um formulário possuem algumas tags importantes como: <form></form> : Abre e fecha o formulário. Um form pode possuir um nome (name) e um método (method). <input> : São as caixas de texto colocadas no formulário para que o usuário digite os dados. Uma tag input possui alguns tipos, que devem ser definidos na propriedade type, mas vamos conhecer neste momento apenas dois: Text: Para receber os dados, o input deve ficar assim: <input type=text name=nome>. Antes do <input> poderá ficar uma descrição, que será livre. Nome: <input type=text name=nome> Submit: Para submeter o formulário, ou sejam fazer com que as informações sejam passadas pela url, o input deve ficar assim: <input type=submit name=clique value=clique>. O atributo type indica o tipo de <input> que estamos utilizando. MÉTODOS GET E POST

7 Quando um formulário HTML é submetido, qualquer variável vinda deste um formulário será automaticamente disponível para o script em PHP. O que irá determinar de que forma iremos postar uma variável, é o método (method) utilizado na tag <form> de um formulário HTML. Ou seja, os dados digitados no formulário poderão ser capturados e trabalhados. Abaixo, seguem métodos utilizados no formulário, para envio das informações: GET Só pode enviar até 255 caracteres de informações e estas vão como parte da URL. As variáveis e o seu conteúdo ficam visíveis para o usuário. POST Pode enviar um número ilimitado de informações. As variáveis e seu conteúdo ficam invisíveis para o usuário. Exemplo de um formulário para receber nome e telefone, utilizando o método get: salve na pasta c:apachehtdocs como exemploform.php <form method="get"> NOME <input type="text" name="nome"> TELEFONE <input type="text" name="telefone"> <input type="submit" name="opcao" value="clique"> </form> Execute o formulário acima digitando o endereço /exemploform.php. Será mostrado na url algo mais ou menos assim: /exemploform.php? nome=rosane&telefone= E a aparência do fomulário mais ou menos assim: MESCLANDO UM POUCO DE PHP COM HTML Leiam o seguinte tutorial, é importante para o uso de formulários: Agora, vamos mesclar dados PHP juntamente com o HTML. Nosso objetivo: depois que o usuário clicar no botão Clique, os dados deverão ser impressos na tela em PHP. Abaixo, tudo que está em negrito deverá ser acrescentado no programa. <html> <body> $nome = $_GET["nome"]; // Atribuindo os dados da URL para uma variável $rua = $_GET["rua"]; // Atribuindo os dados da URL para uma variável $numero = $_GET["numero"]; // Atribuindo os dados da URL para uma variável echo $nome."<br>"; // Imprimindo as variáveis na tela echo $rua."<br>"; // Imprimindo as variáveis na tela echo $numero."<br>; // Imprimindo as variáveis na tela <form method="get"> Nome: <input type="text" name="nome" size="40"><br> Rua: <input type="text" name="rua" size="40"><br> Número: <input type="text" name="numero" size="10" ><br> <input type="submit" name="submit" value="clique"> </form> </body> </html> Observe que, na sintaxe de utilização do $_GET, entre os cochetes ([ ]), colocamos o conteúdo do name da tag input. Se algo for digitado errado, nada será exibido. Agora, podemos fazer o mesmo exemplo acima, substituindo o método get por

8 post e também a variável pré-definida $_GET por $_POST. Estes dados no futuro, poderão ser gravados em um arquivo ou banco de dados. Em suma: Em um formulário HTML, usar a seguinte premissa: Se utilizar o método get, utilize a variável $_GET Se utilizar o método post, utilize a variável $_POST Para conhecer mais variáveis pré definidas e de ambiente: EXERCÍCIOS 1) Tanto o $_GET quanto o $_POST possuem o mesmo propósito, que é armazenar os dados vindos de um formulário HTML. Qual a diferença básica entre ambos??? 2) Desenvolva um formulário HTML, utilizando o método GET, com os seguintes dados: Código do Produto e Descrição do produto. Imprima estes dados na tela utilizando o PHP, concatenando os textos CÓDIGO DO PRODUTO e DESCRIÇÃO DO PRODUTO. Retirado de: Agradecimento: (Prof. Rosane Faculdades Simonsen.) COMANDO DE FLUXO IF Sempre que for necessária a tomada de decisão dentro de um programa, você terá que utilizar um comando condicional, pois é por meio dele que o PHP decidirá que lógica deverá seguir (por exemplo, se salário maior que 1000, então aumento = 10%, senão aumento = 15%). Existem dois comandos condicionais: if e switch. Ambos fazem basicamente a mesma coisa; executam um conjunto de instruções conforme parâmetros de decisão. Na utilização de uma condicional if ou switch, utilizamos sempre um operador condicional. Operadores condicionais executam testes entre o conteúdo de uma variável e outra variável ou literal. Por exemplo, Salário é maior do que 1000, Desconto é igual a 10%, preço é menor que 4. Os operadores condicionais retornam invariavelmente os operadores booleanos TRUE ou FALSE (verdadeiro ou falso). Operador Descrição Oper1 == oper2 Verdadeiro se oper1 for igual a oper2 Oper1!= oper2 Verdadeiro se oper1 for diferente de oper2 Oper1 <> oper2 Outra forma aceita para diferente Oper1 > oper2 Verdadeiro de oper1 for maior que oper2 Oper1 >= oper2 Verdadeiro se oper1 for maior ou igual que oper2 Oper1 < oper2 Verdadeiro se oper1 for menor que oper2 Oper1 <= oper2 Verdadeiro se oper1 for menor ou igual que oper2 IF, ELSE, ELSEIF

9 Comando utilizado para executar um conjunto de instruções, caso a expressão avaliada seja verdadeira. No algoritmo, seria se, senão, senão se. Sua sintaxe básica é: if( EXPRESSAO1 ) { comandos 1 elseif( EXPRESSAO2 ) { comandos 2 else { comandos 3 Vamos ver alguns exemplos utilizando a estrutura if Exemplo SALÁRIO Uma variável chamada $salario receberá como valor de Em uma condicional, caso a variável $salario seja maior ou igual a , a mensagem que aparecerá será Bom salário. Senão, aparecerá a mensagem Salário baixo. $salario = ; if ($salario >= ) { echo Bom salário : $salario<br> ; else { echo Salário baixo $salario<br> ; Exemplo controle de estoque Agora, vamos montar um formulário em HTML que irá receber a quantidade em estoque de um produto qualquer. Dependendo da quantidade que será digitada, através da condicional IF será impresso na tela uma mensagem diferente. EXEMPLO: CONTROLE DE ESTOQUE <BR><BR> <form method="get"> Quantidade em estoque: <input type="text" name="quantidade" size="20"><br> <input type="submit" name="submit" value="clique"> </form> $estoque = $_GET["quantidade"]; if($estoque>80) echo "O estoque está muito alto"; elseif($estoque>50) echo "O estoque está acima da média"; elseif($estoque>20) echo "O estoque está em níveis normais"; else echo "O estoque está abaixo do mínimo"; Quando existe apenas uma instrução a executar, o uso das chaves é opcional. Mas no caso de um conjunto de comandos, é obrigatório o seu uso; caso contrário, o PHP executará de forma errada. Exemplo somando dois valores (usando operadores matemáticos) OPERADORES ARITMÉTICOS Operador Função Exemplo

10 + Soma $a + $b, 5 + 4, $salario + $bonus Subtração $a - $b, $salario - $desconto - $impostos * Multiplicação $salario * 1.15, $a * $b, $c * $d * 15 / Divisão $a / $b, $b / 5, 15 / 3 % Módulo $a % $b (resto da divisão de $a por $b) <form method="post"> SOMANDO SALÁRIO E BENEFÍCIOS <BR><BR> Salário: <input type="text" name="salario" size="15"><br> Benefícios: <input type="text" name="beneficios" size="15"><br> <input type="submit" name="submit" value="clique"> </form> $salario = $_POST["salario"]; $beneficio = $_POST["beneficio"]; $total = $salario + $beneficio; echo VALOR TOTAL $total ; Exemplo controle de horário acadêmico (usando operador lógico) OPERADORES LÓGICOS Exemplo Nome Resultado $a and $b E Verdadeiro (TRUE) se tanto $a quanto $b são verdadeiros. $a or $b OU Verdadeiro se $a ou $b são verdadeiros. $a xor $b XOU Verdadeiro se $a ou $b são verdadeiros, mas não ambos.! $a NÃO Verdadeiro se $a não é verdadeiro. $a && $b E Verdadeiro se tanto $a quanto $b são verdadeiros. $a $b OU Verdadeiro se $a ou $b são verdadeiros. <form method="get"> CONTROLE DE HORÁRIO ACADÊMICO <BR><BR> Horário: <input type="text" name="horario" size="5">(siga o formato: 08:00)<br> <input type="submit" name="submit" value="clique"> </form> $hora =$_GET["horario"]; if($hora=="08:00" or $hora=="10:00") { echo "$hora = Horário do turno da manhã"; elseif($hora=="14:00" or $hora=="16:00") { echo "$hora = Horário do turno da tarde"; elseif($hora=="18:00" or $hora=="20:00") { echo "$hora = Horário do turno da noite"; else { echo $hora >>>>> este horário não está disponível EXERCÍCIOS 1) Faça um programa em html que teste, através da estrutura condicional If a variável $idade, que irá armazenar a variável de uma pessoa. As mensagens que deverão ser mostradas deverão ser as seguintes: Se $idade >= 18 anos então Maior de idade, não

11 precisa de responsável, Senão então Menor de idade, somente com a presença do responsável Sites de apoio: Manual do PHP : Retirado de: TRABALHANDO PHP COM HTML Iremos conhecer mais sobre HTML. Estamos trabalhando o HTML de forma bem simples, somente para criarmos os formulários para interagir com o usuario. Segue abaixo as tags mais utilizadas, juntamente com as que já vimos: <HTML> </HTML> Delimita o documento (início e fim). Esta marcação deve ser inserida imediatamente no início e no final de todo arquivo HTML. <FORM NAME= MEU_FORM METHOD="POST" ACTION="xxxxx"> </FORM> *** Marcações de campos de entrada e HTML em geral <HEAD> </HEAD> Cabeçalho. É uma área para inserção de informações que não serão visíveis na página HTML, tais como "TITLE" e comentários. <TITLE> </TITLE> Título do documento. Todo documento WWW deve ter um título. É sugerido que os títulos dos documentos sejam sugestivos, este título é referenciado em buscas pela rede. O título aparece na identificação da janela do Browser. <BODY> </BODY> É o corpo do documento. O que fica entre as tags <HTML> </HTML> é a sua página. O que fica entre <BODY> e </BODY> é o corpo de sua página, o que aparecerá na tela do browser. <HEAD> e </HEAD> são colocadas informações referentes a página, como um cabeçalho. E, entre <TITLE> </TITLE> deve ficar o título da homepage (que aparecerá na Barra de título do browser e não no corpo da página). Outros comandos: <P> </P> Parágrafo novo. Ex.: <p align= left >texto1</p> <p align= center >texto2</p> <p align= right >texto3</p> <BR> Quebra de linha. Ou linha em branco. Não necessita de tag de fechamento. <TABLE> </TABLE> Cria uma tabela. Entre eles, devem ser especificadas as tags responsáveis pela criação das linhas e células, títulos, bordas e alinhamento da tabela. Como padrão, uma tabela é criada sem borda, ou seja, não aparecem as linhas horizontais e verticais que separam as células. <TR> </TR> Abreviação de Table Row. Essas tags são usadas para criar uma linha da tabela. Se uma tabela tiver cinco linhas, deverão ser indicados cinco pares desses comandos. <TD> </TD> Abreviação de Table Data. As tags TD são usadas para especificar o conteúdo de uma célula. Esses comandos são usados em pares para cada célula da linha. Devem ser usados entre os comandos <tr>. Ao contrário das planilhas, uma

12 tabela não precisa ter todas as linhas com mesmo número de células. A largura de uma coluna é definida pela largura da maior célula que faz parte da coluna. O conteúdo de uma célula é alinhado pela opção Align. <TD><FONT COLOR=? FACE=? SIZE=? ><B>TEXTO</B>/FONT></TD> - Formata o texto dentro de cada célula de uma tabela. EXEMPLO DE UMA TELA EM HTML UTILIZANDO TAG TABLE <html> <body> <form method="get"> <table border="1" cellspacing="0"> <tr> <td>uf</td> <td> <input name="uf" type="text" size="2"> </td> <tr> <td>estado</td> <td> <input name="estado" type="text" size="20"></td> <tr> <td colspan="2" align="center"> <input type="submit" name="gravar" value="gravar"> </td> </table> </body> </html> Vamos acrescentar um script em PHP neste formulário. Se os campos UF ou ESTADO estiverem vazios, mostrar a mensagem CAMPO(S) OBRIGATÓRIO(S), em vermelho, e se forem preenchidos, mostrados os dados na tela. if ($_GET) { // A mensagem só irá aparecer após clicar no botão submit if ( empty($_get["uf"]) OR empty($_get["estado"]) ) { echo "<p align= center ><font color=red>campo(s) OBRIGATÓRIO(S)</font></p>"; else { $uf=$_get["uf"]; $estado=$_get["estado"]; echo "<p> UF : $uf </p>"; echo "<p> ESTADO : $estado </p>"; EXERCÍCIOS 1) Baseado no exemplo acima, faça uma tela em HTML com os seguintes dados: Nome, Endereço, Telefone. Caso um dos campos não for preenchido, mostrar a mensagem CAMPO(S) OBRIGATÓRIO(S), senão, imprima o resultado do formulário na tela, utilizando PHP. Organize os dados dentro de uma tabela e/outras tags HTML.

13 Sites de apoio: Manual do PHP : Retirado de: TRABALHANDO PHP COM HTML CONTINUAÇÃO Ficou claro que com o PHP não podemos montar layouts. Podemos sim, ter como forma de interação com o usuário, o HTML, para criarmos nossas telas. Hoje o exercício será o seguinte, onde utilizaremos mais recursos de layout: Montar uma tela de login de um sistema. A tela deverá conter 2 inputs: um chamado login e outro chamado senha. Deverá ter um botão de confirma. E também um layout utilizando cores e uma imagem que tenha relação com login e senha. O layout da tela teria que ficar mais ou menos assim : Sempre que imaginamos uma tela de um sistema devemos pensar na figura do usuário. Em um sistema, nunca poderemos utilizar cores berrantes ou muitas imagens que poluam a tela. O ideal é utilizarmos cores suaves e no caso de utilizar uma imagem, colocar de forma que não atrapalhe e visualização das informações. Vamos implementar o código em PHP, seguindo os seguintes critérios: 1 Ao digitar no formulário o login e a senha, e clicar no botão confirma, deveremos criticar se ambos são válidos, através de uma função. Caso o login seja válido, mostrar a mensagem Login válido, senão Login inválido Caso a senha seja válida, mostrar a mensagem Senha válida, senão, Senha inválida Caso tanto o login quanto a senha forem válidas, direcionar para outra página (no caso vejam uma tela de vocês que já esteja pronta. Logo no início da tela, deverá aparecer o dia e a hora de acesso. Para isso também faremos uma função. Primeiro vamos criar as três funções, uma para validar o login e outra para validar a senha e outra para retornar o dia e a hora. Vamos continuar a nossa biblioteca funcoes.php function validalogin($login) { // Função para validar o login if (strtolower($login) <> "rosane") { echo "<font color=red><b>login INVÁLIDO</b></font><BR>"; return false; echo "<font color=green><b>login VÁLIDO</b></font><BR>"; return true; function validasenha($senha) { // Função para validar senha if (strtolower($senha) <> "php") { echo "<font color=red><b>senha INVÁLIDA<BR>SEU ACESSO AO SISTEMA FOI BLOQUEADO<BR><a href="login.php">clique aqui para voltar</a></b></font><br>"; return false; echo "<font color=green><b>senha VÁLIDA<BR>SEU ACESSO AO SISTEMA SERÁ LIBERADO!</b></font><BR>";

14 return true; function datahora() { $data = date("d/m/y",time()); $hora = date("h:i",time()); return $data." ".$hora; No exemplo de validação do login e senha, estamos forçando a crítica manualmente. No futuros veremos esta mesma validação utilizando banco de dados. Agora vamos implementar o nosso layout e o nosso código em PHP para executar as funções. Neste layout teremos uma imagem no final da tela, como exemplificado na página 1. // executando a include onde está a nossa biblioteca de funções include "funcoes.php"; <HTML> <BODY> <? if == "Confirma") = validalogin($login); // chamando a função para validar o login if = validasenha($senha); // chamando a função para validar o login if { exit; else { // Abaixo, está direcionando para outra página após a validação echo "<meta http-equiv="refresh" content="1;url=menu.php">"; else { exit; // Para o processamento <form method="get"> <div align="center"> <table width="47%" border="0" cellspacing="0"> <tr bgcolor="#6699cc"> <td colspan="2" align="center"><strong><font color="#000000" face="trebuchet MS"><b>TELA DE LOGIN</b></font></strong></td> <tr bgcolor="#6699cc"> <td colspan="2" align="right"><strong><font color="#666666" size="2" face="trebuchet MS">DATA E HORA DE ACESSO : echo datahora();? ></font></strong></td> <tr bgcolor="#6699cc"> <td colspan="2"> </td> <tr bgcolor="#6699cc">

15 <td colspan="2" align="center"><font size="3" face="trebuchet MS">Identificação do usuário</font></td> <tr> <td align="right"><font color="#666666" size="2" face="trebuchet MS">Por favor, insira seu login e senha</font></td> <td> </td> <tr> <td width="44%" align="right"><font color="#000000" size="2" face="trebuchet MS"><b>Login</b></font></td> <td width="56%"><font color="#000000" size="2" face="trebuchet MS"><input type="text" size="20" name="login"></font></td> <tr> <td><div align="right"><font color="#000000" size="2" face="trebuchet MS"><b>Senha</b></font></div></td> <td><font color="#000000" size="2" face="trebuchet MS"><input type="password" size="20" name="senha"></font></td> </table> <br> <table width="588" border="0" cellspacing="1" cellpadding="1"> <tr> <td bgcolor="#6699cc" align="center"> <input type="submit" value="confirma" name="confirma"> </td> </table> <br> <div><img src="login.jpg"></div> </div> </form> </BODY> </HTML> Variáveis e URL : Quando o usuário clica no botão Confirma, na verdade está submetendo o formulário, e a página é reprocessada. É nesse momento que o conteúdo digitado pelo usuário nos campos textos (inputs) são passados através da url. Você poderá perceber isso olhando para o browser. No PHP podemos criticar o conteúdo do botão submit cujo nome é Confirma; para isso precisamo do $_GET para pegarmos o conteúdo digitado no campo texto. Isso é determinado pela instrução name do campo texto (input). O login e a senha digitados dos formulários são pegos também pelo $_GET. Criticando os dados : O código está criticando as variáveis $login e $senha. Se a variável $login for igual ao conteúdo "rosane" vai apresentar a mensagem "Login válido", senão, mensagem "Login inválido". O mesmo se dá com a variável $senha.

CAPITULO 5 COMANDO DE FLUXO IF

CAPITULO 5 COMANDO DE FLUXO IF CAPITULO 5 COMANDO DE FLUXO IF Sempre que for necessária a tomada de decisão dentro de um programa, você terá que utilizar um comando condicional, pois é por meio dele que o PHP decidirá que lógica deverá

Leia mais

Para testar seu primeiro código utilizando PHP, abra um editor de texto (bloco de notas no Windows) e digite o código abaixo:

Para testar seu primeiro código utilizando PHP, abra um editor de texto (bloco de notas no Windows) e digite o código abaixo: Disciplina: Tópicos Especiais em TI PHP Este material foi produzido com base nos livros e documentos citados abaixo, que possuem direitos autorais sobre o conteúdo. Favor adquiri-los para dar continuidade

Leia mais

Os objetivos indicados aplicam-se a duas linguagens de programação: C e PHP

Os objetivos indicados aplicam-se a duas linguagens de programação: C e PHP AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SANTA COMBA DÃO CURSO PROFISSIONAL DE TÉCNICO DE GESTÃO E PROGRAMAÇÃO DE SISTEMAS INFORMÁTICOS 2012-2015 PROGRAMAÇÃO E SISTEMAS DE INFORMAÇÃO MÓDULO 2 Mecanismos de Controlo de

Leia mais

mkdir /srv/www/default/html/calculadora/imagens mkdir /srv/www/default/html/calculadora/blocos

mkdir /srv/www/default/html/calculadora/imagens mkdir /srv/www/default/html/calculadora/blocos Programando em PHP www.guilhermepontes.eti.br lgapontes@gmail.com Criando uma Calculadora Primeiramente deve se criar uma estrutura para armazenar os arquivos necessários para o funcionamento da calculadora.

Leia mais

PHP() é uma linguagem de integração de servidor que permite a criação de paginas dinâmicas. Como todas

PHP() é uma linguagem de integração de servidor que permite a criação de paginas dinâmicas. Como todas O que é PHP? Acrônimo de PHP: Hipertext Language PostProcessor Inicialmente escrita para o desenvolvimento de aplicações Web Facilidade para iniciantes e recursos poderosos para programadores profissionais

Leia mais

APOSTILA PHP PARTE 1

APOSTILA PHP PARTE 1 APOSTILA PHP PARTE 1 1. Introdução O que é PHP? PHP significa: PHP Hypertext Preprocessor. Realmente, o produto foi originalmente chamado de Personal Home Page Tools ; mas como se expandiu em escopo, um

Leia mais

Características do PHP. Começando a programar

Características do PHP. Começando a programar PHP Introdução Olá pessoal. Desculpe o atraso na publicação da aula. Pude perceber pelas respostas (poucas) ao fórum que a realização da atividade do módulo I foi relativamente tranquila. Assistam ao vídeo

Leia mais

Lista de Revisão. 3. Analise a afirmativa a seguir como verdadeira ou falsa e justifique.

Lista de Revisão. 3. Analise a afirmativa a seguir como verdadeira ou falsa e justifique. Lista de Revisão 1. Nos sistemas web, geralmente os usuários apresentam dois problemas típicos, a desorientação e a sobrecarga cognitiva. Discorra sobre esses problemas. 2. Apresente as principais diferenças

Leia mais

Algoritmos em Javascript

Algoritmos em Javascript Algoritmos em Javascript Sumário Algoritmos 1 O que é um programa? 1 Entrada e Saída de Dados 3 Programando 4 O que é necessário para programar 4 em JavaScript? Variáveis 5 Tipos de Variáveis 6 Arrays

Leia mais

Curso de PHP. FATEC - Jundiaí. Conteúdo do Curso. 40% de aula teórica 60% de aula prática. O que veremos neste semestre?

Curso de PHP. FATEC - Jundiaí. Conteúdo do Curso. 40% de aula teórica 60% de aula prática. O que veremos neste semestre? Curso de PHP FATEC - Jundiaí Conteúdo do Curso 40% de aula teórica 60% de aula prática O que veremos neste semestre? Linguagem PHP Banco de Dados - PostgreSQL PHP - Introdução ao PHP - Estrutura de um

Leia mais

Programação Web Prof. Wladimir

Programação Web Prof. Wladimir Programação Web Prof. Wladimir Linguagem de Script e PHP @wre2008 1 Sumário Introdução; PHP: Introdução. Enviando dados para o servidor HTTP; PHP: Instalação; Formato básico de um programa PHP; Manipulação

Leia mais

O código JavaScript deve ser colocado entre tags de comentário para ficar escondido no caso de navegadores antigos que não reconhecem a linguagem.

O código JavaScript deve ser colocado entre tags de comentário para ficar escondido no caso de navegadores antigos que não reconhecem a linguagem. 1 - O que é JAVASCRIPT? É uma linguagem de script orientada a objetos, usada para aumentar a interatividade de páginas Web. O JavaScript foi introduzido pela Netscape em seu navegador 2.0 e posteriormente

Leia mais

PHP. Hypertext Pre-Processor

PHP. Hypertext Pre-Processor PHP Hypertext Pre-Processor O que é o PHP? Uma linguagem de scripting é uma linguagem cujo código não tem de ser compilado para ser executado! O código escrito é interpretado em tempo de execução para

Leia mais

TEORIA BÁSICA SOBRE LINGUAGEM PHP

TEORIA BÁSICA SOBRE LINGUAGEM PHP PHP - Introdução Vantagens do Uso do PHP O php é uma linguagem de programação para ambiente web ou seja com ela, você pode desenvolver aplicações que possam ser acessadas via browser (netscape,internet

Leia mais

Conteúdo. Linguagem Estática x Dinâmica O que é PHP? Configurando o Ambiente do PHP Sintaxe

Conteúdo. Linguagem Estática x Dinâmica O que é PHP? Configurando o Ambiente do PHP Sintaxe Unidade IV Introdução à Linguagem PHP Parte 1 Professor Fabiano de Paula Soldati fpsoldati@yahoo.com.br http://br.groups.yahoo.com/group/professorsoldati/ Conteúdo Linguagem Estática x Dinâmica O que é

Leia mais

Scriptlets e Formulários

Scriptlets e Formulários 2 Scriptlets e Formulários Prof. Autor: Daniel Morais dos Reis e-tec Brasil Programação Avançada Para Web Página1 Meta Permitir ao aluno aprender a criar um novo projeto Java para web no Netbeans IDE,

Leia mais

Internet e Programação Web

Internet e Programação Web COLÉGIO ESTADUAL PEDRO MACEDO Ensino Profissionalizante Internet e Programação Web 3 Técnico Prof. Cesar 2014 1 SUMÁRIO Criar sites dinâmicos em PHP --------------------------------------------------------

Leia mais

Introdução ao PHP. Prof. Késsia Marchi

Introdução ao PHP. Prof. Késsia Marchi Introdução ao PHP Prof. Késsia Marchi PHP Originalmente PHP era um assíncrono para Personal Home Page. De acordo com convenções para atribuições de nomes recursivas do GNU foi alterado para PHP Hypertext

Leia mais

Programação Web Prof. Wladimir

Programação Web Prof. Wladimir Programação Web Prof. Wladimir Linguagem PHP @wre2008 1 Sumário PHP: Tipos de dados; Manipulação de dados; Utilizando formulário. @wre2008 2 Tipos de dados As variáveis são declaradas no momento de sua

Leia mais

Linguagem de Programação. Introdução ao PHP. Prof Mauricio Lederer Ciência da Computação - UNIANDRADE 1

Linguagem de Programação. Introdução ao PHP. Prof Mauricio Lederer Ciência da Computação - UNIANDRADE 1 Linguagem de Programação Introdução ao PHP 1 O que é PHP? - significa: Hypertext Preprocessor - uma das linguagens mais utilizadas para web - transforma sites estáticos em dinâmicos - atualização de páginas

Leia mais

Programação web Prof. Wladimir

Programação web Prof. Wladimir Programação web Prof. Wladimir Linguagem PHP Cookie e Sessão @wre2008 1 Sumário Header; Cookie; Sessão; Exemplos. @wre2008 2 Header Esta função permite que um script php redirecione para outra página.

Leia mais

Introdução ao Javascript

Introdução ao Javascript Programação WEB I Introdução ao Javascript Apresentação da Disciplina,Introdução a linguagem Javascript Objetivos da Disciplina Apresentar os principais conceitos da linguagem Javascript referente à programação

Leia mais

Bool setcookie (string nome [, string valor [, int validade [, string caminho [, string dominio [, int seguro]]]]] )

Bool setcookie (string nome [, string valor [, int validade [, string caminho [, string dominio [, int seguro]]]]] ) Disciplina: Tópicos Especiais em TI PHP Este material foi produzido com base nos livros e documentos citados abaixo, que possuem direitos autorais sobre o conteúdo. Favor adquiri-los para dar continuidade

Leia mais

Guia de Consulta Rápida. PHP com XML. Juliano Niederauer. Terceira Edição. Novatec

Guia de Consulta Rápida. PHP com XML. Juliano Niederauer. Terceira Edição. Novatec Guia de Consulta Rápida PHP com XML Juliano Niederauer Terceira Edição Novatec Copyright 2002 da Novatec Editora Ltda. Todos os direitos reservados e protegidos pela Lei 9.610 de 19/02/1998. É proibida

Leia mais

Mini-curso de PHP. Aulas ministradas por: André Luis de Paula Arthur Kalsing Diego Silva

Mini-curso de PHP. Aulas ministradas por: André Luis de Paula Arthur Kalsing Diego Silva Mini-curso de PHP Aulas ministradas por: André Luis de Paula Arthur Kalsing Diego Silva Aula 1 Breve introdução de HTML, Conceitos básicos de PHP, Sintaxe, Separador de instruções e Comentários (Cap 1

Leia mais

Programação WEB. Prof. André Gustavo Duarte de Almeida andre.almeida@ifrn.edu.br docente.ifrn.edu.br/andrealmeida. Aula III Introdução PHP

Programação WEB. Prof. André Gustavo Duarte de Almeida andre.almeida@ifrn.edu.br docente.ifrn.edu.br/andrealmeida. Aula III Introdução PHP Programação WEB Prof. André Gustavo Duarte de Almeida andre.almeida@ifrn.edu.br docente.ifrn.edu.br/andrealmeida Aula III Introdução PHP Introdução PHP PHP=Hypertext Pre-Processor Linguagem de script open

Leia mais

6. Introdução à Linguagem PHP

6. Introdução à Linguagem PHP 6. Introdução à Linguagem PHP A comunicação na Web exige dois agentes: o cliente web e o servidor web. O cliente requer informação (a partir de uma página HTML acessada pelo navegador) e o servidor fornece

Leia mais

Programação WEB II. Introdução. Variáveis, Constantes, Operadores, Estruturas de Seleção e Repetição Arrays e Vetores. Thiago Miranda dos Santos Souza

Programação WEB II. Introdução. Variáveis, Constantes, Operadores, Estruturas de Seleção e Repetição Arrays e Vetores. Thiago Miranda dos Santos Souza Introdução Variáveis, Constantes, Operadores, Estruturas de Seleção e Repetição Arrays e Vetores Apresentação Thiago Miranda Email: mirandathiago@gmail.com Site: www.thiagomiranda.net Ementa da Disciplina

Leia mais

INTRODUÇÃO À LINGUAGEM PHP CESAR BEZERRA TEIXEIRA,MSC

INTRODUÇÃO À LINGUAGEM PHP CESAR BEZERRA TEIXEIRA,MSC INTRODUÇÃO À LINGUAGEM PHP CESAR BEZERRA TEIXEIRA,MSC O presente texto não tem a pretensão de ser uma referência na linguagem PHP, a intenção é apresentar uma breve introdução a esta tecnologia e despertar

Leia mais

Programando em PHP. Conceitos Básicos

Programando em PHP. Conceitos Básicos Programando em PHP www.guilhermepontes.eti.br lgapontes@gmail.com Conceitos Básicos Todo o escopo deste estudo estará voltado para a criação de sites com o uso dos diversos recursos de programação web

Leia mais

Informática I. Aula 6. http://www.ic.uff.br/~bianca/informatica1/ Aula 6-12/09/2007 1

Informática I. Aula 6. http://www.ic.uff.br/~bianca/informatica1/ Aula 6-12/09/2007 1 Informática I Aula 6 http://www.ic.uff.br/~bianca/informatica1/ Aula 6-12/09/2007 1 Ementa Noções Básicas de Computação (Hardware, Software e Internet) HTML e Páginas Web Internet e a Web Javascript e

Leia mais

Linguagens de programação

Linguagens de programação Prof. André Backes Linguagens de programação Linguagem de Máquina Computador entende apenas pulsos elétricos Presença ou não de pulso 1 ou 0 Tudo no computador deve ser descrito em termos de 1 s ou 0 s

Leia mais

Desenvolvimento Web XHTML Formulários. Prof. Bruno E. G. Gomes

Desenvolvimento Web XHTML Formulários. Prof. Bruno E. G. Gomes Desenvolvimento Web XHTML Formulários Prof. Bruno E. G. Gomes 2014 Introdução Um recurso bastante utilizado no desenvolvimento Web é o envio de dados de uma página para o servidor quando fornecemos informações,

Leia mais

> Herbet Ferreira Rodrigues > contato@herbetferreira.com

> Herbet Ferreira Rodrigues > contato@herbetferreira.com Curso HTML & CSS > Herbet Ferreira Rodrigues > contato@herbetferreira.com Sumário > Apresentação > Introdução ao HTML História Começando a Programar > Tags em HTML Headings (Cabeçalhos) Parágrafos Formatação

Leia mais

Instituto Federal do Sertão-PE. Curso de PHP. Professor: Felipe Correia

Instituto Federal do Sertão-PE. Curso de PHP. Professor: Felipe Correia Instituto Federal do Sertão-PE Curso de PHP Professor: Felipe Correia Conteúdo Parte I Parte II Introdução Funções de strings Instalação Constantes Sintaxe Operadores Variáveis if else elseif Echo/Print

Leia mais

PROGRAMAÇÃO WEB DO LADO DO CLIENTE

PROGRAMAÇÃO WEB DO LADO DO CLIENTE PROGRAMAÇÃO WEB DO LADO DO CLIENTE FORMULÁRIO Na linguagem HTML é permitido que o usuário interaja com o servidor através de formulários ligados a scripts desenvolvidos em linguagens como PHP, Servlets,

Leia mais

Formulários em HTML - O que são e para que servem

Formulários em HTML - O que são e para que servem Formulários em HTML - O que são e para que servem A tag - Os atributos action e method A primeira coisa que iremos fazer é usar a tag para podermos usarmos formulários. Antes de entrarmos

Leia mais

Apresentação de REDES DE COMUNICAÇÃO

Apresentação de REDES DE COMUNICAÇÃO Apresentação de REDES DE COMUNICAÇÃO Curso Profissional de Técnico de Gestão e Programação de Sistemas Informáticos MÓDULO VII Acesso a Bases de Dados via Web Duração: 50 tempos Conteúdos (1) Conceitos

Leia mais

AULA 4 VISÃO BÁSICA DE CLASSES EM PHP

AULA 4 VISÃO BÁSICA DE CLASSES EM PHP AULA 4 VISÃO BÁSICA DE CLASSES EM PHP Antes de mais nada, vamos conhecer alguns conceitos, que serão importantes para o entendimento mais efetivos dos assuntos que trataremos durante a leitura desta apostila.

Leia mais

Faça um Site PHP 5.2 com MySQL 5.0 Comércio Eletrônico

Faça um Site PHP 5.2 com MySQL 5.0 Comércio Eletrônico Editora Carlos A. J. Oliviero Faça um Site PHP 5.2 com MySQL 5.0 Comércio Eletrônico Orientado por Projeto 1a Edição 2 Reimpressão São Paulo 2011 Érica Ltda. Noções Livrarse Preparação muitas muita Sumário

Leia mais

O que é o Javascript?

O que é o Javascript? O que é o Javascript? JavaScript é uma linguagem para criação de Home-Pages. Funções escritas em JavaScript podem ser embutidas dentro de seu documento HTML. Com JavaScript você tem muitas possibilidades

Leia mais

SISTEMA GERENCIAMENTO DE PRODUTOS PHP E MySQL 1. APRESENTAÇÃO

SISTEMA GERENCIAMENTO DE PRODUTOS PHP E MySQL 1. APRESENTAÇÃO SISTEMA GERENCIAMENTO DE PRODUTOS PHP E MySQL 1. APRESENTAÇÃO Este é um sistema de controle de produtos, onde o usuário irá entrar com o login e a senha, e se ele for um usuário cadastrado na tabela usuários

Leia mais

Treinamento em PHP. Aula 1. Ari Stopassola Junior stopassola@acimainteractive.com

Treinamento em PHP. Aula 1. Ari Stopassola Junior stopassola@acimainteractive.com Treinamento em PHP Aula 1 Ari Stopassola Junior stopassola@acimainteractive.com Introdução PHP Hypertext Preprocessor Nome original era Personal Home Page Tools Criada por Rasmus Lerdorf e atualmente mantida

Leia mais

Faculdade União. Professor Luciano Roberto Rocha

Faculdade União. Professor Luciano Roberto Rocha Faculdade União PHPPRÁTICO Professor Luciano Roberto Rocha Arquitetura de Softwares Principais modelos de aplicações: Standalone Cliente-servidor Arquitetura baseada na Web Modelo standalone Todos os recursos

Leia mais

Altere a cor de fundo Altere a cor do texto Utilize meta tags e direcione a página para um site qualquer

Altere a cor de fundo Altere a cor do texto Utilize meta tags e direcione a página para um site qualquer Exercício A11 - Digite o código abaixo e salve-o como ex1.htm. Documento com fundo azul!! Página com fundo e texto coloridos!

Leia mais

JavaScript. JavaScript é uma linguagem de script usada em navegadores web. É uma linguagem dinâmica, estruturada e orientada em objetos.

JavaScript. JavaScript é uma linguagem de script usada em navegadores web. É uma linguagem dinâmica, estruturada e orientada em objetos. JavaScript JavaScript é uma linguagem de script usada em navegadores web. É uma linguagem dinâmica, estruturada e orientada em objetos. Pode ser usada dentro do próprio arquivo HTML ou estruturada em um

Leia mais

OPERADORES E ESTRUTURAS DE CONTROLE

OPERADORES E ESTRUTURAS DE CONTROLE OPERADORES E ESTRUTURAS DE CONTROLE 3.1 Operadores Os operadores indicam o tipo de operação matemática que será executada gerando novos valores a partir de um ou mais operadores. São muito utilizados em

Leia mais

Ferramentas para Multimídia e Internet - 1486

Ferramentas para Multimídia e Internet - 1486 1 Ferramentas para Multimídia e Internet - 1486 HTML BÁSICO: O que é uma página WEB? Uma página WEB, também conhecida pelo termo inglês webpage, é uma "página" na World Wide Web, geralmente em formato

Leia mais

LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO. Professor Celso Masotti http://ead.celsomasotti.com.br

LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO. Professor Celso Masotti http://ead.celsomasotti.com.br LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO Professor Celso Masotti http://ead.celsomasotti.com.br Ano: 2015 1 HTML & PHP em Ambiente Web PARTE I 2 Sumário I - Ambientes de Linguagens... 5 Bit & Byte... 5 Programa... 5 Compilador...

Leia mais

O que é o JavaScript?

O que é o JavaScript? JavaScript Introdução O JavaScript é utilizado por milhões de páginas na web para melhorar o design, validar forms, e muito mais O JavaScript foi inicialmente desenvolvido pela Netscape e é a linguagem

Leia mais

PHP AULA1. Prof. Msc. Hélio Esperidião

PHP AULA1. Prof. Msc. Hélio Esperidião PHP AULA1 Prof. Msc. Hélio Esperidião NAVEGADOR O navegador também conhecido como web browseré um programa que habilita seus usuários a interagirem com documentos hospedados em um servidor Web. SERVIDOR

Leia mais

Claudio Damasceno. Avançar

Claudio Damasceno. Avançar Claudio Damasceno Conteúdo Alinhamento Âncoras, Links Tabelas Formatação Próximo Capítulo HTML prof.claudiodamasceno@hotmail.com 2 Recapitulando - Estrutura básica título DA PÁGINA

Leia mais

PHP é um acrónimo para Hypertext Preprocessor.

PHP é um acrónimo para Hypertext Preprocessor. PHP 101 O que é o PHP? PHP é um acrónimo para Hypertext Preprocessor. É uma linguagem de scripting open-source que funciona do lado do servidor e é usada para gerar páginas web dinâmicas. Os scripts de

Leia mais

PROGRAMAÇÃO PARA INTERNET. Fonte: Raul Paradeda

PROGRAMAÇÃO PARA INTERNET. Fonte: Raul Paradeda PROGRAMAÇÃO PARA INTERNET Introdução à AJAX Fonte: Raul Paradeda INTRODUÇÃO Para entender o que é o AJAX é necessário ter o prévio conhecimento de: HTML / XHTML; Javascript; CSS; XML. INTRODUÇÃO Ao pesquisar

Leia mais

COMO FUNCIONA UM FORMULÁRIO

COMO FUNCIONA UM FORMULÁRIO FORMULÁRIOS Constitui-se numa das formas de a máquina cliente enviar informações para que um programa no servidor receba estes dados, processe-os e devolva uma resposta ao usuário, por meio do navegador,

Leia mais

Estruturas de Controlo... 25. While... 26. For... 26. Include... 26. Array... 27. Listas... 27. Popularização das Bases de Dados...

Estruturas de Controlo... 25. While... 26. For... 26. Include... 26. Array... 27. Listas... 27. Popularização das Bases de Dados... Manual de PHP Índice O que é PHP?... 4 Objectivo... 6 Justificativa... 7 Lógica de Programação... 8 Sequência Lógica... 9 PHP História... 10 PHP & MySql... 11 Comunicação Cliente x Servidor... 12 Delimitando

Leia mais

Programação Elementar de Computadores Jurandy Soares

Programação Elementar de Computadores Jurandy Soares Programação Elementar de Computadores Jurandy Soares Básico de Computadores Computador: dispositivos físicos + programas Dispositivos físicos: hardware Programas: as instruções que dizem aos dispositivos

Leia mais

Introdução. História. Como funciona

Introdução. História. Como funciona Introdução O HTML é uma linguagem de marcação utilizada para desenvolvimento de sites. Esta linguagem surgiu junto com o HTTP, ambos possibilitaram a internet ser popularizada. História O HTML foi criado

Leia mais

1) Ao ser executado o código abaixo, em PHP, qual será o resultado impresso em tela?

1) Ao ser executado o código abaixo, em PHP, qual será o resultado impresso em tela? Exercícios sobre Linguagem PHP: 1) Ao ser executado o código abaixo, em PHP, qual será o resultado impresso em tela? 2) Considere a linguagem de programação PHP e seus operadores. A execução da sentença:

Leia mais

2 echo "PHP e outros.";

2 echo PHP e outros.; PHP (Hypertext Preprocessor) Antes de qualquer coisa, precisamos entender o que é o PHP: O PHP(Hypertext Preprocessor) é uma linguagem interpretada gratuita, usada originalmente apenas para o desenvolvimento

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RN - IFRN APOSTILA: AUTORIA WEB PROFESSOR: ADDSON ARAÚJO DA COSTA SANTA CRUZ - RN

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RN - IFRN APOSTILA: AUTORIA WEB PROFESSOR: ADDSON ARAÚJO DA COSTA SANTA CRUZ - RN INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RN - IFRN APOSTILA: AUTORIA WEB PROFESSOR: ADDSON ARAÚJO DA COSTA SANTA CRUZ - RN Sumário 1. Introdução...1 2. Tags...1 3. HTML...1 4. Cabeça, Corpo

Leia mais

Construindo um sistema simples de cadastro de fornecedores em PHP e MySQL.

Construindo um sistema simples de cadastro de fornecedores em PHP e MySQL. Construindo um sistema simples de cadastro de fornecedores em PHP e MySQL. Procuraremos mostrar os principais procedimentos para fazer um cadastro de registros numa base de dados MySQL utilizando a linguagem

Leia mais

Programação para Internet I

Programação para Internet I Programação para Internet I Aulas 09 e 10 Fernando F. Costa nando@fimes.edu.br Formulários O formulário representa o modo mais importante de interatividade que a linguagem HTML oferece. Um formulário pode

Leia mais

Programação HTML Construção de Páginas para WEB 47

Programação HTML Construção de Páginas para WEB 47 Programação HTML Construção de Páginas para WEB 47 INICIANDO EXEMPLO3.HTML Crie um novo arquivo html chamado exemplo3.html dentro da pasta exemplos. Após os exercícios e trabalhos anteriores, nossa pasta

Leia mais

7. Recursos PHP para a Internet

7. Recursos PHP para a Internet 7. Recursos PHP para a Internet Protocolo HTTP. Na aula passada vimos um script simples de autenticação de usuários. Neste script foi usado o tag META para passar uma URL ao servidor web. A linguagem PHP

Leia mais

Introdução. HyperText Markup Language HTML. Formulário. Fluxo do Formulário. Fluxo do Formulário. Fluxo do Formulário. Fluxo do Formulário

Introdução. HyperText Markup Language HTML. Formulário. Fluxo do Formulário. Fluxo do Formulário. Fluxo do Formulário. Fluxo do Formulário Introdução HyperText Markup Language HTML Formulário Prof. Luis Nícolas de Amorim Trigo nicolas.trigo@ifsertao-pe.edu.br http://professor.ifsertao-pe.edu.br/nicolas.trigo/ O usuário interage com os serviços

Leia mais

Desenvolvimento de Aplicativos Web em PHP

Desenvolvimento de Aplicativos Web em PHP Desenvolvimento de Aplicativos Web em PHP Todos os direitos reservados para Alfamídia Prow. AVISO DE RESPONSABILIDADE As informações contidas neste material de treinamento são distribuídas NO ESTADO EM

Leia mais

PROGRAMAÇÃO WEB AULA 1. estrutura do curso e conceitos fundamentais. professor Luciano Roberto Rocha. www.lrocha.com

PROGRAMAÇÃO WEB AULA 1. estrutura do curso e conceitos fundamentais. professor Luciano Roberto Rocha. www.lrocha.com PROGRAMAÇÃO WEB AULA 1 estrutura do curso e conceitos fundamentais professor Luciano Roberto Rocha www.lrocha.com 1 Conteúdo programático Conceitos; Ambientes de Programação em Script; Tópicos na Linguagem

Leia mais

Lista e Tabelas. Fundamentos da Linguagem Web

Lista e Tabelas. Fundamentos da Linguagem Web Lista e Tabelas Fundamentos da Linguagem Web Bruno Angelo Medeiros Março de 2015 LISTAS O que são? Tipos Ordenadas Não ordenadas De definição Exemplos Exercícios LISTAS - O QUE SÃO? São uma forma de organização

Leia mais

HTML -- Criação de Home Page

HTML -- Criação de Home Page PPáággi innaa 1 LISTAS Na linguagem HTML existem elementos específicos para a criação de listas, que podem ser listas ordenadas (OL), listas sem ordenação (UL), ou listas de definição (DL). Um detalhe

Leia mais

Web Design. Prof. Felippe

Web Design. Prof. Felippe Web Design Prof. Felippe 2015 Sobre a disciplina Fornecer ao aluno subsídios para o projeto e desenvolvimento de interfaces de sistemas Web eficientes, amigáveis e intuitivas. Conceitos fundamentais sobre

Leia mais

Os componentes de um formulário são: Form, Input, Select e AreaText

Os componentes de um formulário são: Form, Input, Select e AreaText HTML Formulário O elemento FORM, da HTML, é o responsável por prover documentos interativos no ambiente WWW de forma que uma pagina web exibida a um usuário possa submeter um conjunto de dados, informados

Leia mais

Desenvolvimento de Sites com PHP e Mysql Docente André Luiz Silva de Moraes

Desenvolvimento de Sites com PHP e Mysql Docente André Luiz Silva de Moraes Roteiro 2: Introdução a Linguagem HTML Desenvolvimento de Sites com PHP e Mysql Neste roteiro é explorada a linguagem HTML. A linguagem HTML (Hypertext Markup Language) é amplamente utilizada na construção

Leia mais

Logo abaixo temos a Barra de Menus que é onde podemos acessar todos os recursos do PHP Editor.

Logo abaixo temos a Barra de Menus que é onde podemos acessar todos os recursos do PHP Editor. Nessa aula iremos estudar: A anatomia da janela do PHP Editor Iniciando o servidor Web O primeiro exemplo de PHP Anatomia da janela do PHP Editor Barra de Títulos: É a barra azul que se encontra na parte

Leia mais

JSP - ORIENTADO A OBJETOS

JSP - ORIENTADO A OBJETOS JSP Orientação a Objetos... 2 CLASSE:... 2 MÉTODOS:... 2 Método de Retorno... 2 Método de Execução... 2 Tipos de Dados... 3 Boolean... 3 Float... 3 Integer... 4 String... 4 Array... 4 Primeira:... 4 Segunda:...

Leia mais

HTML / JAVASCRIPT. A versão atual é o HTML5 (seus predecessores imediatos são HTML 4.01, XHTML 1.1, etc.).

HTML / JAVASCRIPT. A versão atual é o HTML5 (seus predecessores imediatos são HTML 4.01, XHTML 1.1, etc.). HTML / JAVASCRIPT Estamos iniciando o estudo do HTML através das TAGS (comandos) para construir formulários. Isso facilitará a continuidade dos nossos estudos da linguagem de programação JavaScript, a

Leia mais

INTRODUÇÃO AO DESENVOLVIMENTO WEB

INTRODUÇÃO AO DESENVOLVIMENTO WEB INTRODUÇÃO AO DESENVOLVIMENTO WEB PROFª. M.Sc. JULIANA H Q BENACCHIO Formulários Os formulários em HTML são usados para selecionar diferentes tipos de entradas do usuário. Um formulário é uma área que

Leia mais

Curso Superior de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas Prof. Felippe Scheidt IFPR Campus Foz do Iguaçu 2014/2

Curso Superior de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas Prof. Felippe Scheidt IFPR Campus Foz do Iguaçu 2014/2 Curso Superior de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas Prof. Felippe Scheidt IFPR Campus Foz do Iguaçu 2014/2 Objetivo. O objetivo da disciplina é conhecer os princípios da programação de

Leia mais

GUIA PHP com MYSQL Autor: Everton Mendes Messias

GUIA PHP com MYSQL Autor: Everton Mendes Messias PHP (Hypertext Preprocessor) : Linguagem de programação interpretada. Tags PHP: phpinfo(); Comentários: //, # - comentário de uma linha /* comentário de várias linhas */ GUIA PHP com MYSQL Autor: Everton

Leia mais

Internet e Programação Web 2 Técnico Prof. Cesar

Internet e Programação Web 2 Técnico Prof. Cesar COLÉGIO ESTADUAL PEDRO MACEDO Ensino Profissionalizante Internet e Programação Web 2 Técnico Prof. Cesar 2015 1 INTRODUÇÃO A apostila tem como objetivo auxiliar os alunos no entendimento de desenvolvimento

Leia mais

Apostila de PHP Índice

Apostila de PHP Índice Índice O que é PHP?...3 História...3 Vantagens...3 Comunicação Cliente x Servidor Web...4 Configuração...4 Teste de Funcionamento...5 Sintaxe Básica do PHP...5 Organizando os seus Programas...6 Comentários...6

Leia mais

Programação Web com PHP. Prof. Wylliams Barbosa Santos wylliamss@gmail.com Optativa IV Projetos de Sistemas Web

Programação Web com PHP. Prof. Wylliams Barbosa Santos wylliamss@gmail.com Optativa IV Projetos de Sistemas Web Programação Web com PHP Prof. Wylliams Barbosa Santos wylliamss@gmail.com Optativa IV Projetos de Sistemas Web Agenda O que é PHP? O que da pra fazer com PHP? Como a web funciona? Onde, quando e por que

Leia mais

Desenvolvimento de Aplicações Web. Prof. José Eduardo A. de O. Teixeira www.vqv.com.br / j.edu@vqv.com.br

Desenvolvimento de Aplicações Web. Prof. José Eduardo A. de O. Teixeira www.vqv.com.br / j.edu@vqv.com.br Desenvolvimento de Aplicações Web Programação Contextualização de aplicações Web: navegadores e servidores como interpretadores, tecnologias do lado do cliente (XHTML, CSS, Javascript) e do lado do servidor

Leia mais

Basicamente iremos precisar de uma base de dados na qual iremos armazenar os registros feitos pelos vistantes: Vamos armazenar os seguintes dados:

Basicamente iremos precisar de uma base de dados na qual iremos armazenar os registros feitos pelos vistantes: Vamos armazenar os seguintes dados: Livro de Visitas Basicamente iremos precisar de uma base de dados na qual iremos armazenar os registros feitos pelos vistantes: Vamos armazenar os seguintes dados: ID nome email mensagem data O código

Leia mais

HTML Curso Básico HTML CURSO BÁSICO Aprenda os conceitos iniciais de HTML em alguns minutos.

HTML Curso Básico HTML CURSO BÁSICO Aprenda os conceitos iniciais de HTML em alguns minutos. HTML CURSO BÁSICO Aprenda os conceitos iniciais de HTML em alguns minutos. 1 Índice 1 - INTRODUÇÃO 3 2 - TAGS 3 3 - EDITORES 3 4 - SALVANDO UMA PAGINA HTML 3 5 - INICIANDO UMA PÁGINA 3 6 - CONSTRUINDO

Leia mais

Publicação web. Será ativado um assistente de publicação que lhe guiará em todas as etapas a seguir apresentadas.

Publicação web. Será ativado um assistente de publicação que lhe guiará em todas as etapas a seguir apresentadas. Publicação web Pré requisitos: Lista de questões Formulário multimídia Este tutorial tem como objetivo, demonstrar de maneira ilustrativa, todos os passos e opções que devem ser seguidos para publicar

Leia mais

Curso De PHP. Aula 4. Formulários. Cookies. Session. Mail

Curso De PHP. Aula 4. Formulários. Cookies. Session. Mail Curso De PHP Aula 4 Formulários Cookies Session Mail Formulários Nós preenchemos diariamente diversos formulários web, seja para se logar e-mail ou criar uma conta em um site. Nesta parte do curso, vamos

Leia mais

FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA

FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA Criação de Formulários no Google Drive Sumário (Clique sobre a opção desejada para ir direto à página correspondente) Criação de Formulários no Google Drive Introdução...

Leia mais

Passos Preliminares: Acessando a máquina virtual via ssh.

Passos Preliminares: Acessando a máquina virtual via ssh. CIn/UFPE Sistemas de Informação Redes de Computadores Professor: Kelvin Lopes Dias Monitor: Edson Adriano Maravalho Avelar {kld,eama@cin.ufpe.br Instalando o APACHE, PHP (PHPADMIN), MySQL. Este tutorial

Leia mais

APOSTILA DE PHP. Assuntos a serem abordados:

APOSTILA DE PHP. Assuntos a serem abordados: APOSTILA DE PHP 1ª AULA Assuntos a serem abordados: Conceito de PHP Conceito de Server Side Conceitos de Client Side Conceitos Servidor Web Conceito básico de Banco de Dados Funcionamento Ferramentas Utilizadas

Leia mais

Criando um script simples

Criando um script simples Criando um script simples As ferramentas de script Diferente de muitas linguagens de programação, você não precisará de quaisquer softwares especiais para criar scripts de JavaScript. A primeira coisa

Leia mais

PHP 5 Terceira edição

PHP 5 Terceira edição Guia de Consulta Rápida PHP 5 Terceira edição Juliano Niederauer Novatec Sumário Introdução ao PHP... 5 O que é PHP?...5 Download e instalação...5 Iniciando em PHP... 6 Variáveis... 7 Constantes... 7 Arrays...

Leia mais

Desenvolvedor Web Docente André Luiz Silva de Moraes

Desenvolvedor Web Docente André Luiz Silva de Moraes Roteiro 2: Introdução a Linguagem HTML Neste roteiro é explorada a linguagem HTML. A linguagem HTML (Hypertext Markup Language) é amplamente utilizada na construção de páginas de internet e é responsável

Leia mais

WEBDESIGN. Professor: Paulo Marcos Trentin - paulo@paulotrentin.com.br http://www.paulotrentin.com.br Escola CDI de Videira

WEBDESIGN. Professor: Paulo Marcos Trentin - paulo@paulotrentin.com.br http://www.paulotrentin.com.br Escola CDI de Videira WEBDESIGN Professor: Paulo Marcos Trentin - paulo@paulotrentin.com.br http://www.paulotrentin.com.br Escola CDI de Videira Formulários e JavaScript Como visto anteriormente, JavaScript pode ser usada para

Leia mais

Curso de Aprendizado Industrial Desenvolvedor WEB. Disciplina: Linguagem de Programação Web Professora: Cheli Mendes Costa Aula 02 Introdução ao PHP

Curso de Aprendizado Industrial Desenvolvedor WEB. Disciplina: Linguagem de Programação Web Professora: Cheli Mendes Costa Aula 02 Introdução ao PHP Curso de Aprendizado Industrial Desenvolvedor WEB Disciplina: Linguagem de Programação Web Professora: Cheli Mendes Costa Aula 02 Introdução ao PHP Agora falaremos de PHP. História - O nome da linguagem

Leia mais

Microsoft Excel 2003

Microsoft Excel 2003 Associação Educacional Dom Bosco Faculdades de Engenharia de Resende Microsoft Excel 2003 Professores: Eduardo Arbex Mônica Mara Tathiana da Silva Resende 2010 INICIANDO O EXCEL Para abrir o programa Excel,

Leia mais

PHP Material de aula prof. Toninho (8º Ano)

PHP Material de aula prof. Toninho (8º Ano) Na aula anterior entendemos como se faz o acesso aos nossos arquivos PHP; Como construir um script em php. Nesta aula (3) vamos entender: Como roda o PHP Inserindo comentários Visualizando páginas a partir

Leia mais

Introdução à Tecnologia Web

Introdução à Tecnologia Web Introdução à Tecnologia Web HTML HyperText Markup Language XTML extensible HyperText Markup Language Elementos da Seção do Corpo Tabelas Formulários Professor Alan Cleber Borim www.alanborim.com.br Índice.

Leia mais

Programação Web Prof. Wladimir

Programação Web Prof. Wladimir Programação Web Prof. Wladimir HTML - Formulários @wre2008 1 Sumário Formulários HTML @wre2008 2 Formulários: Muitos elementos de um formulário html são definidos pela tag . Cada tipo de elemento

Leia mais

Roteiro 2: Conceitos de Tags HTML

Roteiro 2: Conceitos de Tags HTML Roteiro 2: Conceitos de Tags HTML Objetivos Detalhar conceitos sobre TAGS HTML: elementos, atributos, elemento vazio, links. Implementar páginas de internet com uso da linguagem HTML; Ferramentas Necessárias

Leia mais