SUPORTE TÉCNICO EBS. Horário de atendimento: Das 08h00min às 19h, de Segunda a Sexta-feira.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "SUPORTE TÉCNICO EBS. Horário de atendimento: Das 08h00min às 19h, de Segunda a Sexta-feira."

Transcrição

1 SUPORTE TÉCNICO EBS Horário de atendimento: Das 08h00min às 19h, de Segunda a Sexta-feira. Formas de atendimento: Envie-nos suas dúvidas e/ou sugestões para Suporte On-Line (Chat): Atendimento em tempo real através da Internet. Para acessar esta forma de atendimento clique no ícone na tela principal do seu site do Cordilheira Gestão Web. Espaço do Cliente: abra um chamado offline para nosso suporte técnico através do link: Telefones: Curitiba / PR: Cordilheira, Gestão Web, HD e FOX: (41) São Paulo: Cordilheira, Gestão Web, HD e FOX: (11) Clientes VIP: (11) Recife / PE: Cordilheira, Gestão Web, HD e FOX: (81) Porto Alegre / RS: Cordilheira, Gestão Web, HD e FOX: (51)

2 Índice 1 Cálculo do Reajuste Salarial Estorno do Cálculo do Reajuste Cálculo das Diferenças Salariais - Parâmetros Memória De Cálculo do Complemento Salarial Alteração do Processamentos Relatórios Geração da SEFIP do Complemento Salarial...20

3 1. REAJUSTE SALARIAL Aumento de salário que visa corrigir, ao menos parcialmente, a desvalorização da moeda (portanto não se constituindo em aumento real do valor de compra do salário). A legislação trabalhista atual não assegura reajuste salarial automático, como chegou a vigorar em outras ocasiões. Isto quer dizer que o trabalhador não tem por lei assegurado que todo ano o seu salário será reajustado. Os reajustes salariais devem acontecer através de negociação entre o Sindicato que representa a categoria profissional dos trabalhadores e as empresas ou os Sindicatos patronais. Essas negociações em regra acontecem uma vez por ano, por ocasião da data base, ou seja, na data em que os salários da categoria costumam sofrer reajustes. O processo de negociação inicia por assembleia dos trabalhadores que aprovam o pleito de reajuste e outras condições relativas ao trabalho. Esse pleito é encaminhado a empresa ou Sindicato patronal, iniciando-se a negociação. Ocorrendo o entendimento quanto ao reajuste a ser aplicado e as demais cláusulas de regramento das relações de trabalho, será firmado o acordo coletivo de trabalho se de um lado for o sindicato profissional e de outro uma empresa. Se o entendimento ocorrer entre o sindicato profissional e o sindicato patronal o do documento é denominado convenção coletiva de trabalho. Até que se chegue a esse entendimento é direito constitucional do trabalhador a realização de movimento grevista, como forma de buscar os seus interesses. Se o processo de negociação não for concluído de forma satisfatória ou houver recusa da empresa ou sindicato patronal na negociação o Sindicato profissional poderá ir a juízo instaurar o dissídio coletivo diretamente do Tribunal Regional do Trabalho que decidirá o conflito inclusive o percentual de reajuste. Os reajustes salariais em sua grande maioria são decorrentes de entendimento entre os Sindicatos representativos das categorias profissionais e econômicas. As empresas e os sindicatos podem instituir Comissões de Conciliação Prévia, de composição paritária, com representantes dos empregados e dos empregadores, com a atribuição de tentar conciliar os conflitos individuais do trabalho.

4 As Comissões referidas poderão ser constituídas por empresa, grupos de empresas, por sindicato ou ter caráter intersindical (no âmbito de mais de um sindicato). Conciliará exclusivamente conflitos que envolvam trabalhadores pertencentes à categoria profissional e à base territorial das entidades sindicais que as tiverem instituído. A Comissão instituída no âmbito da empresa será composta de, no mínimo, dois e, no máximo, dez membros e conciliará exclusivamente conflitos que envolvam trabalhadores pertencentes à categoria profissional e à base territorial das entidades sindicais que as tiverem instituído.

5 1 Cálculo do Reajuste Salarial Em Módulos / Administração de Salários / Reajuste Salarial / Cálculo, processe o cálculo de reajuste salarial em percentual por Sindicato. O resultado do cálculo será registrado no cadastro do funcionário no botão Salário. ATENÇÃO: As empresas que utilizam Cargos e Salários deverão calcular o reajuste através da rotina Módulos/Cargos e Salários/Reajuste Salarial. Sindicato: Informe o sindicato que deseja realizar o reajuste. Aplicar reajuste sobre salário de: Informe o mês/ano do salário que servirá de base para o reajuste, ou seja, o mês/ano em que ocorreu o último reajuste sindical. Data do efetivo reajuste: Será automaticamente preenchido com o dia primeiro do mês/ano de processamento (baseado na Data do Sistema informada na Barra de Atalhos). Observações: Não será permitido informar data de reajuste com mês/ano diferente do mês/ano de processamento. O sistema verificará se a folha já está processada para algum funcionário do sindicato selecionado e, se estiver, exibirá o aviso:

6 Depois do cálculo do reajuste, a folha deverá ser recalculada em Módulos/Pagamento Mensal/Cálculo da Folha, marcando a opção para Regravar cálculo já existente. Salário legalmente válido a partir de: Será automaticamente preenchido com o primeiro dia do mês/ano correspondente à data base do reajuste atual. Exemplo: Reajuste em 01/10/2013 referente à data base 08. O salário será legalmente válido a partir de 01/08/2013, apesar de ser efetivado em 01/10/2013. Essa data será gravada no cadastro do funcionário no botão salário, e será utilizada na emissão da Ficha de Registro de Empregado (Módulos/Registro Informatizado de Empregados/Relatórios) e na etiqueta de Reajuste Salarial (Relatórios/Etiquetas). Percentual: Informe o percentual de aumento, utilizando até 6 (seis) casas decimais. Arredondamento p/ mensalistas: Informe o valor de arredondamento (opcional). Esse arredondamento refere-se ao novo valor do salário. Exemplo: Arredondamento = 1,00< BR > Se no cálculo do reajuste o valor do salário ficar em R$ 585,40, será arredondado para R$ 586,00. Arredondamento p/ horistas: Informe o valor de arredondamento (opcional). Mesmo critério do arredondamento para os mensalistas.

7 Os campos Estabelecimento, Funcionário, Função, Centro de Custo, Nível 1 (Departamento), Nível 2 (Setor), Nível 3 (Seção) e Salário Base são filtros para o cálculo. Motivo: Informe uma descrição para o referido reajuste (opcional), cuja descrição será registrada no cadastro de salário de cada funcionário. No quadro Opção de Reajuste para Admitidos até a Data Base Sindical: Aplicar percentual integral sobre salário até MM/AAAA: Marcando somente esta opção, o campo Mês/Ano será automaticamente preenchido com o mês anterior ao mês de processamento. Dessa forma calculará o reajuste sobre o salário atualizado de todos funcionários. Não marcando esta opção, o percentual de reajuste será aplicado sobre o salário do mês/ano informado no campo "Aplicar reajuste sobre salário de". Veja um exemplo: Data Base: 05/2012 Data do efetivo reajuste: 01/05/2012 Aplicar reajuste sobre salário de: 05/2011 Se não marcada a opção, aplicará o percentual sobre o salário até 05/2011. Se teve funcionário que recebeu reajuste por antecipação ou promoção após 05/2011, o sistema fará a comparação e se o reajuste atual for maior que o último salário, reajustará a diferença, e se for menor, não gera reajuste. Se marcada a opção, informando mês/ano igual a 04/2012, aplicará o reajuste sobre o salário atualizado para todos os funcionários admitidos até a data base sindical. Conforme o exemplo acima, seria para os admitidos até 30/04/2011. Somente p/ salários não compensáveis na data base: Marcando também esta opção, será efetuado o reajuste sobre o salário até o mês/ano informado, somente para os funcionários cujo salário esteja com a opção "Não compensar no reajuste da data base" marcada em seu cadastro (Cadastros/ Cadastro de Funcionários/ Salários). Para os demais funcionários, será reajustado como se a opção "Aplicar percentual integral sobre o salário até" não estivesse marcada, ou seja, aplicará o percentual de reajuste sobre o salário do mês/ano informado no campo "Aplicar reajuste sobre salário de".

8 Quadro Opção de Reajuste para Admitidos após a Data Base Sindical: selecione umas das opções: Definir percentual mensal: marcando esta opção será criada uma tabela de índices mensais de reajuste. O cálculo será proporcional aos meses trabalhados após a data base. Percentual integral: Será considerado para cálculo o total do percentual de reajuste, independente da data de admissão no ano base. Não reajustar: Para admitidos após a data base não será calculado reajuste salarial. Aplicar percentual sobre salário até MM/AAAA: Marcando somente essa opção, o campo Mês/Ano será automaticamente preenchido com o mês anterior ao mês de processamento. O sistema calculará o reajuste sobre o salário atualizado dos funcionários admitidos após a data base, ou seja, dos funcionários com menos de um ano na empresa. Não marcando essa opção, será considerado o salário de admissão. Veja o exemplo: Data Base: 05/2012 Data do efetivo reajuste: 01/05/2012 Para funcionários admitidos entre 01/05/2011 a 30/04/2012 Se não marcada a opção, aplicará o percentual sobre o salário de admissão. Se houver reajuste posterior, o sistema fará a comparação e se o reajuste atual for maior que o último salário, reajustará a diferença, e se for menor, não gera reajuste.

9 Se marcada a opção, informando mês/ano igual a 04/2012, aplicará o reajuste sobre o salário atualizado dos funcionários admitidos após a data base sindical. Conforme o exemplo, seria para os admitidos entre 01/05/2011 e 30/04/2012. Somente p/ salários não compensáveis na data base: Marcando também esta opção, será efetuado o reajuste sobre o salário até o mês/ano informado, somente para os funcionários cujo salário esteja com a opção "Não compensar no reajuste da data base" marcada em seu cadastro (Cadastros/ Cadastro de Funcionários/ Salários). Para os demais funcionários, será reajustado como se a opção "Aplicar percentual integral sobre o salário até" não estivesse marcada, ou seja, aplicará o percentual de reajuste sobre o salário do mês da admissão. Se houver reajuste posterior, o sistema fará a comparação e se o reajuste atual for maior que o último salário, reajustará a diferença, e se for menor, não gera reajuste. Quadro Índices Mensais de Reajuste: Os percentuais são calculados automaticamente pelo sistema, dependendo da opção selecionada no quadro anterior. O primeiro mês/ano será de acordo com a Data Base Sindical. Exemplo: Data do efetivo reajuste: 01/05/2012 Data base sindical: 05/2012 Composição mensal dos índices: de 05/2011 a 04/2012 O reajuste em 01/05/12 referente à data base 05/2011, compõe o índice para empregados admitidos entre 05/2011 e 04/2012, ou seja, menos de um ano em relação à data base Estorno do Cálculo do Reajuste Efetua o estorno de reajuste salarial pela data do cálculo. Sindicato: Selecione o sindicado utilizado no cálculo do reajuste que terá seu cálculo estornado <F12>. Data do Reajuste: Será automaticamente preenchido com o dia primeiro do mês/ano de processamento (baseado na Data do Sistema informada na Barra de Atalhos). Os campos Estabelecimento, Funcionário, Função, Centro de Custo, Nível 1 (Departamento), Nível 2 (Setor) e Nível 3 (Seção) são filtros para o processamento.

10

11 2 Cálculo das Diferenças Salariais - Parâmetros Em Módulos / Administração de Salários / Complemento Salarial / Parâmetros devem ser selecionados os grupos e os eventos que terão o cálculo do complemento. Sindicato: Selecionar o sindicato que teve o reajuste em atraso. Ano Base: Selecionar o ano base a que se refere o acordo/convenção/dissídio que saiu em atraso. Este ano base deve estar previamente cadastrado em Cadastros\ Genéricos\ Sindicatos. Mês/ Ano para pagamento: Informar mês/ano em que ocorrerá o pagamento do complemento salarial. Período de complemento: Informar o período em que foi pago o salário sem seu devido reajuste. Por exemplo: A data base 05/13 e a convenção saiu apenas em 07/13. Então, deve-se informar em mês/ano para pagamento o mês de 07/13 e no período de complemento 05/13 a 06/13. Quadro Grupos para cálculo do complemento: Marcar os grupos de eventos que deseja calcular complemento.

12 Quadro Eventos para cálculo do complemento: Marcar os eventos que deseja calcular complemento. Nos campos em branco, o sistema permite a inclusão de até 5 (cinco) eventos, que não estejam compreendidos nos grupos ou eventos disponíveis. Ao gravar será exibido na grid, podendo ser consultado e/ou alterado, desde que não tenha efetuado o cálculo do complemento. Através do botão Duplicar Parâmetros poderá ser utilizado para replicar os parâmetros efetuados em uma empresa para as demais que possuam o(s) mesmo(s) sindicato(s). Para isso, selecione a empresa origem, ou seja, aquela que está com as configurações que deseja copiar e o mês/ano para pagamento.

13 Após selecione o Sindicato e clique em Pesquisar Empresas para selecionar as empresas que receberão as parametrizações. Para calcular o complemento clique no botão Calcular Complemento. O cálculo poderá ser efetuado para uma empresa ou para várias empresas ao mesmo tempo, desde que tenham parâmetros definidos. Na tela, selecionar o mês/ano para pagamento do complemento. Pode ser selecionada apenas uma empresa para cálculo. No botão Selecionar Várias, podem ser selecionadas várias empresas que possuem parâmetros definidos para cálculo. as empresas. Após selecionar as empresas desejadas, voltará para a tela de cálculo, listando

14 Selecione as empresas que deseja efetuar o cálculo e clicar em Processar. O cálculo do complemento será efetuado para todas as empresas selecionadas, considerando todos os meses do período de pagamento definido nos parâmetros. Serão considerados somente os funcionários ativos no mês de pagamento. Nesta tela, tem a coluna Status, que representa em azul, que a empresa ainda não possui cálculo de complemento. Em verde, indica que já foi efetuado o cálculo para a empresa. O botão Estornar da tela, exclui o cálculo do complemento para as empresas selecionadas. Se já foi processada a folha de pagamento do mês, deve-se reprocessá-la marcando a opção de regravar dados. O Cálculo também pode ser realizado pela rotina Módulos / Administração de Salários / Complemento Salarial / Cálculo Memória De Cálculo do Complemento Salarial Após efetuado o cálculo do complemento, os valores podem ser visualizados através da memória de cálculo em Módulos / Administração de Salários / Complemento Salarial / Memória de Cálculo.

15 A memória apresentará todos os eventos que sofreram reajuste, mostrando o valor original, o valor calculado e a diferença. Apresentará também o valor das bases de cálculo. O complemento será pago/descontado de forma agrupada nos eventos 940, 941 e 942, que serão lançados no mês de pagamento. O INSS será recalculado também no complemento salarial, sendo lançado na folha no evento 990. O INSS será recalculado mês a mês, com base no processamento original, aplicando-se novamente a tabela e deduzindo valores já descontados, limitado ao teto. O IRRF de pagamento mensal não será recalculado com base no processamento original e sim, junto com a folha do mês de pagamento do complemento, por se tratar de regime de caixa. Somente no cálculo de complemento de 13º salário é que o IRRF será calculado com base no processamento original, por se tratar de rendimento com tributação exclusiva Alteração do Processamentos Caso seja necessário ajustar algum valor, pode ser utilizada a rotina de Alteração de Processamento em Módulos / Administração de Salários / Complemento Salarial /Alteração de Processamentos A rotina funciona de forma semelhante a alteração de processamento da folha de pagamento, em Utilitários. Deve-se selecionar o funcionário, o mês/ano de processamento original que foi complementado e o tipo de processamento, lembrando que pode haver complemento de folha mensal, processamento 2 e 13º salário, processamento 4.

16 Não será possível incluir mês não calculado no complemento, apenas alterar meses já processados. Na primeira tela serão apresentadas as base de cálculo. O INSS tem duas bases, uma do funcionário, que considera o processamento original mais o complemento e outra, que é a base da empresa, para recolhimento de FPAS, RAT e Terceiros. A base da empresa considera somente o complemento salarial, assim como acontece com a base de FGTS. A base de IRRF será demonstrada somente para processamento tipo 4-13º salário e levará em consideração o processamento original mais o complemento. A rotina de alteração de processamentos terá um controle de status de alteração, para mostrar caso sejam efetuadas alterações pelo usuário. O Botão Eventos,listará todos os eventos que sofreram cálculo de complemento. Será demonstrado o valor atualizado. Ao alterar o valor de um evento, será automaticamente recalculado o valor do complemento, ou seja, a diferença do valor alterado para o valor original. Após a alteração, deve-se clicar em Recalcular Impostos, para que o INSS e IRRF (no caso de 13º salário) também sejam recalculados conforme a alteração efetuada. ATENÇÃO: Se a folha de pagamento do mês do complemento já estiver processada, será necessário reprocessá-la marcando a opção de regravar cálculo. Após efetuadas alterações de processamento, pode ser emitida novamente a memória de cálculo, que trará os valores alterados. O Botão Impostos mostrará o valor dos impostos calculados sobre o complemento. É possível alterar estes valores, apesar de não ser recomendado, pois os valores podem ficar inconsistentes.

17 3 Relatórios Em Módulos / Administração de Salários / Relatórios poderá emitir a Relação de salários por Faixa Salarial. No quadro Classificação dos Salários, marcar uma das opções: Os campos Estabelecimento, Funcionário, Função, Centro de Custo, Nível 1 (Departamento). Nível 2 (Setor) e Nível 3 (Seção) são filtros para a emissão do relatório. No quadro Faixas Salariais, Informe o valor das faixas. O sistema quebrará o relatório de acordo com os valores das faixas RELAÇÃO DE REAJUSTE SALARIAL Ou a relação de Reajustes Salariais por funcionário que apresenta o percentual de variação entre os aumentos.

18 Classificação: Selecionar a ordem de emissão do relatório. Mês/Ano: Informe período de meses no formato MM/AAAA. Os campos Estabelecimento, Funcionário, Função, Centro de Custo, Nível 1 (Departamento). Nível 2 (Setor) e Nível 3 (Seção) são filtros para a emissão do relatório. Marque a opção Listar Funcionários sem Reajuste, se desejar. Ou a relação de Projeção Salarial sobre um determinado mês anterior a data de processamento que permite identificar quais os funcionários que ainda não receberam o aumento salarial devido. O relatório apresenta três colunas referente ao calculo da projeção salarial:

19 O relatório de Estimativa de Custos emite uma relação de funcionários com o valor do salário atual + adicionais (calculados sobre o salário base), 13º salário, férias e encargos, visando ter uma relação de custos geral de cada funcionário. valores. Marque a ppção Considerar 13º Salário e Férias para que sejam somados estes

20 4 Geração da SEFIP do Complemento Salarial Nesta rotina o sistema gera o arquivo SEFIP.RE da empresa, o qual deve ser validado no programa da Caixa Econômica Federal (SEFIP.EXE). Esta rotina é igual a rotina de geração da SEFIP do pagamento mensal, com a diferença que deve ser marcada a opção Complemento Salarial no quadro Processamento Complemento Salarial: Gera o arquivo somente com as informações de FGTS e INSS sobre complemento de salário e rescisão complementar por acordo/convenção/dissídio.

CÁLCULO DE ADIANTAMENTO SALARIAL

CÁLCULO DE ADIANTAMENTO SALARIAL CÁLCULO DE ADIANTAMENTO SALARIAL O cálculo de adiantamento salarial no Cordilheira Recursos Humanos é bem flexível e consegue atender muitas situações diferenciadas. Para que o cálculo seja efetuado de

Leia mais

BOLETIM INFORMATIVO TÉCNICO LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO - CORDILHEIRA VERSÃO 2

BOLETIM INFORMATIVO TÉCNICO LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO - CORDILHEIRA VERSÃO 2 BOLETIM INFORMATIVO TÉCNICO LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO - CORDILHEIRA VERSÃO 2 Cordilheira Recursos Humanos CRH 2.85A As rotinas de Retiradas de Pró-labore e Autônomos tiveram diversas alterações, com o objetivo

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTO DA ROTINA DA RESCISÃO COMPLEMENTAR

MANUAL DE PROCEDIMENTO DA ROTINA DA RESCISÃO COMPLEMENTAR MANUAL DE PROCEDIMENTO DA ROTINA DA RESCISÃO COMPLEMENTAR INTRODUÇÃO Trata-se de um recurso exclusivo para atender a necessidade de cálculos complementares de verbas rescisórias decorrentes de reajustes

Leia mais

Manual da Rescisão Complementar

Manual da Rescisão Complementar Manual da Rescisão Complementar Atualizado em Abril/2009 Pág 1/16 Sumário Rescisão Complementar... 2 Reajuste salarial para funcionários demitidos... 3 Novos Campos cadastro de Sindicato... 4 Recálculo

Leia mais

Manual Prático 13º Salário

Manual Prático 13º Salário Manual Prático 13º Salário 1/36 Índice 1. ROTINAS 13 SALÁRIO DOS SISTEMAS EBS... 4 1.1. Definições... 4 2. CONFIGURAÇÕES DE EVENTOS... 6 3. 1 PARCELA... 9 4. 2 PARCELA... 11 5. INFORMAÇÃO DE VALORES EXTRAS...

Leia mais

BOLETIM INFORMATIVO TÉCNICO Cordilheira Recursos Humanos Versão 2 PLANO DE ASSISTÊNCIA A SAÚDE

BOLETIM INFORMATIVO TÉCNICO Cordilheira Recursos Humanos Versão 2 PLANO DE ASSISTÊNCIA A SAÚDE BOLETIM INFORMATIVO TÉCNICO Cordilheira Recursos Humanos Versão 2 PLANO DE ASSISTÊNCIA A SAÚDE Criada a rotina de Plano de Assistência a Saúde. Esta rotina irá possibilitar gerar a DIRF com valores descontados

Leia mais

Rescisão Complementar

Rescisão Complementar Rescisão Complementar Para gerar rescisão complementar no LedWin, precisamos primeiramente ter calculado a rescisão normal: - Rescisão Complementar Foi implantada no sistema a rotina de Rescisão Complementar,

Leia mais

ROTEIRO BÁSICO PARA GERAR FOLHA DE PAGAMENTO

ROTEIRO BÁSICO PARA GERAR FOLHA DE PAGAMENTO ROTEIRO BÁSICO PARA GERAR FOLHA DE PAGAMENTO Nas páginas seguintes, você terá uma visão geral dos recursos disponíveis e das funções que o Persona pode automatizar. Sem entrar em detalhes, você saberá

Leia mais

BOLETIM INFOMATIVO PARA REVENDAS LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇAO - CORDILHEIRA VERSÃO 2

BOLETIM INFOMATIVO PARA REVENDAS LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇAO - CORDILHEIRA VERSÃO 2 BOLETIM INFOMATIVO PARA REVENDAS LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇAO - CORDILHEIRA VERSÃO 2 CORDILHEIRA RECURSOS HUMANOS CRH 2.82a Protocolo 87504 1) O reajuste salarial será calculado corretamente mesmo quando o

Leia mais

AUDITORIA FINANCEIRA. No Gerenciador de Sistemas, em Empresas\ Cadastro de Empresas, é necessário parametrizar os dados para a Auditoria Financeira.

AUDITORIA FINANCEIRA. No Gerenciador de Sistemas, em Empresas\ Cadastro de Empresas, é necessário parametrizar os dados para a Auditoria Financeira. AUDITORIA FINANCEIRA Processo de uso da Auditoria Financeira CADASTRO DE EMPRESA PARÂMETROS No Gerenciador de Sistemas, em Empresas\ Cadastro de Empresas, é necessário parametrizar os dados para a Auditoria

Leia mais

BOLETIM INFORMATIVO TÉCNICO LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO - CORDILHEIRA VERSÃO 2

BOLETIM INFORMATIVO TÉCNICO LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO - CORDILHEIRA VERSÃO 2 BOLETIM INFORMATIVO TÉCNICO LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO - CORDILHEIRA VERSÃO 2 CORDILHEIRA RECURSOS HUMANOS 2.93A 1- Adequada a rotina Módulos\ Férias\ Férias Normais para calcular as férias em dobro quando

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA. Wfolha 13 Salário

MANUAL DO SISTEMA. Wfolha 13 Salário MANUAL DO SISTEMA Wfolha 13 Salário SulProg Sistemas 1 INTRODUÇÃO Este manual foi desenvolvido a fim de facilitar e esclarecer dúvidas sobre os procedimentos referente ao 13 salário. SulProg Sistemas 2

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO Página: 1/5 CONTEÚDO PROGRAMÁTICO Módulo Rubi Avançado : 20:00 A quem se destina: Todos que tiverem a necessidade de administrar de forma avançada o módulo Rubi para facilitar o controle de Valores Folha

Leia mais

Apostila de 13 Salário. Capacitação e Treinamento 1

Apostila de 13 Salário. Capacitação e Treinamento 1 Apostila de 13 Salário Capacitação e Treinamento 1 Conteúdo 1. DÉCIMO TERCEIRO SALÁRIO... 3 1.1. Contagem de Avos... 3 1.2. Primeira Parcela Pagamento até 30/11... 3 1.3. Empregados não disponíveis durantes

Leia mais

EXACTUS SOFTWARE LTDA

EXACTUS SOFTWARE LTDA Instruções para Geração do 13º Salário EXACTUS SOFTWARE LTDA SISTEMA - WINNER Edição 2009 Página 1 de 24 Londrina Paraná Edição 10/2009 COPYRIGHT Todos os direitos são reservados à Exactus Software Ltda.

Leia mais

Infor-Pag. Importa lançamentos de outros Sistemas (Ponto Eletrônico, Convênios,...).

Infor-Pag. Importa lançamentos de outros Sistemas (Ponto Eletrônico, Convênios,...). Cálculos Infor-Pag CLT, Estagiários, Autônomos e Pró-Labore. Geral ou por Centro de Custos. Recálculo. Com o mesmo código de evento pode-se ter 3 tipos de movimento; Normal, diferença ou estorno. Permite

Leia mais

Instruções Folha de Pagamento Rotina 19 13º Salário

Instruções Folha de Pagamento Rotina 19 13º Salário Instruções Folha de Pagamento Rotina 19 13º Salário Instruções Iniciais Antes de iniciar a geração do 13º salário é necessário verificar com atenção as dicas iniciais. Efetue a parametrização da Tabela

Leia mais

Agendamento para Importação de Notas Fiscais

Agendamento para Importação de Notas Fiscais LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA VERSÃO 2 (Orientamos aos clientes que utilizam banco de dados SQL, para efetuarem a atualização preferencialmente após o encerramento das atividades do dia, acessando

Leia mais

Gestão de Pessoas - 4w

Gestão de Pessoas - 4w P á g i n a 1 Gestão de Pessoas - 4w Modulo Administração de Pessoal (Rubi) Processo: Férias P á g i n a 2 Sumário 1 Conceito... 3 1.1 Parametrizações no Sistema... 3 1.1.1 - Sindicato... 3 1.1.2 - Situações...

Leia mais

Índice 1.Auditoria Financeira...2 2.Parametrizações do Sistema...3 2.1.Cadastro da Empresa...3 2.1.1.Forma de controle das notas na Auditoria

Índice 1.Auditoria Financeira...2 2.Parametrizações do Sistema...3 2.1.Cadastro da Empresa...3 2.1.1.Forma de controle das notas na Auditoria Índice 1.Auditoria Financeira...2 2.Parametrizações do Sistema...3 2.1.Cadastro da Empresa...3 2.1.1.Forma de controle das notas na Auditoria Financeira...4 2.1.2.Formas de Registro do Pagamento e Recebimento

Leia mais

http://espacodocliente.ebs.com.br

http://espacodocliente.ebs.com.br SUPORTE TÉCNICO EBS Horário de atendimento: Das 08h00min às 18h00min, de Segunda a Sexta-feira. Formas de atendimento: E-mail: Envie-nos suas dúvidas e/ou sugestões para suporte@ebs.com.br. Suporte On-line

Leia mais

LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA

LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA (Orientamos aos clientes que utilizam banco de dados SQL, para efetuarem a atualização preferencialmente após o encerramento das atividades do dia, acessando o sistema

Leia mais

Este Procedimento Operacional Padrão define as etapas necessárias de como fazer o Cadastro Diferença Salarial no Sistema TOTVS RM.

Este Procedimento Operacional Padrão define as etapas necessárias de como fazer o Cadastro Diferença Salarial no Sistema TOTVS RM. Este Procedimento Operacional Padrão define as etapas necessárias de como fazer o Cadastro Diferença Salarial no Sistema TOTVS RM. Índice I. Acesso ao Cadastro:... 2 II. Cálculo da diferença utilizando

Leia mais

Treinamento Sistema Folha Union Módulo I

Treinamento Sistema Folha Union Módulo I FOLHA DE PAGAMENTO MÓDULO I - TABELAS O sistema de folha foi desenvolvido especialmente para simplificar a rotina do departamento de pessoal, dinamizando informações e otimizando rotinas. Esta apostila

Leia mais

F.A.Q. Perguntas e Respostas sobre teoria e prática do 13 Salário. SUMÁRIO

F.A.Q. Perguntas e Respostas sobre teoria e prática do 13 Salário. SUMÁRIO F.A.Q. Perguntas e Respostas sobre teoria e prática do 13 Salário. SUMÁRIO 1. O que é o 13 Salário?... 2 2. Quem faz jus ao direito do 13 Salário?... 2 3. Como o 13 pode ser divido em prestações?... 2

Leia mais

Treinamento Sistema Folha Union Módulo III

Treinamento Sistema Folha Union Módulo III FOLHA DE PAGAMENTO MÓDULO III - MOVIMENTOS Folha Union> Vale transporte> Cadastro de tarifas Valor - Insira o valor atual e a data de vigência. Cadastre ou altere os tipos de transportes utilizados de

Leia mais

Índice 1. Configurações iniciais... 3 1.1. Aviso Prévio... 3 1.2. Tributação do aviso prévio indenizado... 5 1.3. Formas de cálculo... 5 1.4.

Índice 1. Configurações iniciais... 3 1.1. Aviso Prévio... 3 1.2. Tributação do aviso prévio indenizado... 5 1.3. Formas de cálculo... 5 1.4. Índice 1. Configurações iniciais... 3 1.1. Aviso Prévio... 3 1.2. Tributação do aviso prévio indenizado... 5 1.3. Formas de cálculo... 5 1.4. Configuração de Eventos... 6 1.5. Estabilidade... 8 1.6. Cadastro

Leia mais

LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA

LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA (Orientamos aos clientes que utilizam banco de dados SQL, para efetuarem a atualização preferencialmente após o encerramento das atividades do dia, acessando o sistema

Leia mais

Fox Gerenciador de Sistemas

Fox Gerenciador de Sistemas Fox Gerenciador de Sistemas Índice 1. FOX GERENCIADOR DE SISTEMAS... 4 2. ACESSO AO SISTEMA... 5 3. TELA PRINCIPAL... 6 4. MENU SISTEMAS... 7 5. MENU SERVIÇOS... 8 5.1. Ativação Fox... 8 5.2. Atualização

Leia mais

Perguntas Frequentes

Perguntas Frequentes E&L Recursos Humanos e Folha de Pagamento Perguntas Frequentes 1. Quando o Governo libera novas tabelas de INSS, IRRF e Salário família, o sistema atualiza automático? Não. É necessário efetuar a atualização

Leia mais

LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA

LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA (Orientamos aos clientes que utilizam banco de dados SQL, para efetuarem a atualização preferencialmente após o encerramento das atividades do dia, acessando o sistema

Leia mais

Sistema para Administração de Condomínio www.condominiomais.com.br SUMÁRIO

Sistema para Administração de Condomínio www.condominiomais.com.br SUMÁRIO SUMÁRIO I. MENU... 2 II. CONSULTA / ALTERAÇÃO / ESTORNO... 4 III. MENSAGEM... 5 IV. MOVIMENTAÇÃO FINANCEIRA... 6 CONSULTA... 6 LANÇAMENTO... 7 V. BOLETO... 8 VI. RELATÓRIO... 10 VII. RESERVA... 11 VIII.

Leia mais

Folha por Obra/Salário Construção Civil - Empreitada Total ou Obra Própria

Folha por Obra/Salário Construção Civil - Empreitada Total ou Obra Própria Folha por Obra/Salário Construção Civil - Empreitada Total ou Obra Própria 1. Empresas usuárias... 2 1.1. Cadastro de empresas... 2 2.1. Cadastro de funcionários... 3 3. Departamentos... 4 3.1. Cadastro

Leia mais

SUPORTE TÉCNICO EBS. E-mail: Envie-nos suas dúvidas e/ou sugestões para suporte@ebs.com.br.

SUPORTE TÉCNICO EBS. E-mail: Envie-nos suas dúvidas e/ou sugestões para suporte@ebs.com.br. SUPORTE TÉCNICO EBS Horário de atendimento: Das 08h30min às 18h, de Segunda a Sexta-feira. Formas de atendimento: E-mail: Envie-nos suas dúvidas e/ou sugestões para suporte@ebs.com.br. Suporte On-Line

Leia mais

Módulo de Rescisão. Passaremos a explicar abaixo os campos da tela do cálculo da rescisão:

Módulo de Rescisão. Passaremos a explicar abaixo os campos da tela do cálculo da rescisão: Módulo de Rescisão Para calcular a rescisão, é necessário informar para quem se deseja calcular (Código, Divisão, Tomador), depois informar tipo de dispensa, data de aviso prévio, data de pagamento, dias

Leia mais

Manual de Procedimentos Sistemas Integrados Wsolução Módulo WFolha Geração do Arquivo da RAIS/2012

Manual de Procedimentos Sistemas Integrados Wsolução Módulo WFolha Geração do Arquivo da RAIS/2012 Indice Introdução...2 Conferindo os cadastros...2 Parâmetros Empresa...2 Cadastro de eventos...3 Centros de Custo (Obras)...3 Sindicatos...3 Funcionários...5 Gerando o arquivo para Rais...5 Outras informações

Leia mais

Treinamento Sistema Folha Union Módulo V

Treinamento Sistema Folha Union Módulo V FOLHA DE PAGAMENTO Controle FGTS / Guias Recolhimento / Remessa para banco / Encerramento anual Folha Union> Movimento> Controle de FGTS> Importar depósitos As telas de Controle de FGTS são utilizadas

Leia mais

Gestão de Pessoas - Windows

Gestão de Pessoas - Windows P á g i n a 1 Gestão de Pessoas - Windows Módulo Administração de Pessoal (Rubi) Processo: 13º Salário Senior Sistemas S.A Rua São Paulo, 825 - Bairro Victor Konder - CEP 89012.001 - Blumenau/SC Fone:

Leia mais

Clique no botão para iniciar o treinamento TAREFAS CONTRAT OS RELACIO NAMENT CONFIGURAÇÕES. A ideia é usar os próprios ícones do CGW.

Clique no botão para iniciar o treinamento TAREFAS CONTRAT OS RELACIO NAMENT CONFIGURAÇÕES. A ideia é usar os próprios ícones do CGW. Script CGW Módulo Tarefas Parte I Menu: Clique no botão para iniciar o treinamento ÁREA DE TRABALHO GERAL TAREFAS CONTRAT OS PORTAL DE RELACIO NAMENT FATURAM ENTO FINANCEI RO RELACIO NAMENT O CONFIGU RAÇÕES

Leia mais

SUPORTE TÉCNICO EBS. E-mail: Envie-nos suas dúvidas e/ou sugestões para suporte@ebs.com.br.

SUPORTE TÉCNICO EBS. E-mail: Envie-nos suas dúvidas e/ou sugestões para suporte@ebs.com.br. C C P SUPORTE TÉCNICO EBS Horário de atendimento: Das 08h30min às 18h, de Segunda a Sexta-feira. Formas de atendimento: E-mail: Envie-nos suas dúvidas e/ou sugestões para suporte@ebs.com.br. Suporte On-Line

Leia mais

Sistema Folhamatic Apostila de Treinamento Presencial

Sistema Folhamatic Apostila de Treinamento Presencial Sistema Folhamatic Apostila de Treinamento Presencial Autor: Equipe Treinamento Índice Central Folhamatic...4 Atualizador Automático... 4 Auto Backup... 4 Talkmatic Suporte Online... 4 Backup / Retorno

Leia mais

Escritório Virtual Administrativo

Escritório Virtual Administrativo 1 Treinamento Módulos Escritório Virtual Administrativo Sistema Office Instruções para configuração e utilização do módulo Escritório Virtual e módulo Administrativo do sistema Office 2 3 1. Escritório

Leia mais

Treinamento Sistema Folha Union Módulo I

Treinamento Sistema Folha Union Módulo I FOLHA DE PAGAMENTO MÓDULO I - TABELAS O sistema de folha foi desenvolvido especialmente para simplificar a rotina do departamento de pessoal, dinamizando informações e otimizando rotinas. Esta apostila

Leia mais

Cordilheira Escrita Fiscal 2.109A

Cordilheira Escrita Fiscal 2.109A LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA VERSÃO 2 (Orientamos aos clientes que utilizam banco de dados SQL, para efetuarem a atualização preferencialmente após o encerramento das atividades do dia, acessando

Leia mais

Tabela de funcionalidades. Sage Folha de Pagamento. Tabela de Funcionalidades. Sage Sage Gestão Contábil A evolução A do do escritório

Tabela de funcionalidades. Sage Folha de Pagamento. Tabela de Funcionalidades. Sage Sage Gestão Contábil A evolução A do do escritório Sage Sage Gestão Contábil A evolução A do do escritório Tabela de funcionalidades A disponibilidade da funcionalidade dependerá da modalidade do pacote 1 Com esta funcionalidade, é possível executar os

Leia mais

manual Sistema de Gestão de Contribuições

manual Sistema de Gestão de Contribuições manual Sistema de Gestão de Contribuições Conteúdo 1. Login 4 2. Home 5 3. Informações básicas 3.1. Menus 6 3.2. Números e status 7 3.3. Ações 8 4. Ambientes da ferramenta 4.1. Sindicato 13 4.2. Empresas

Leia mais

Índice 1. APRESENTAÇÃO... 1 2. CADASTRO DA EMPRESA... 8 3. CONTROLE DE PERMISSÕES... 14 4. CONFIGURAÇÕES DA EMPRESA... 19 5. CND...

Índice 1. APRESENTAÇÃO... 1 2. CADASTRO DA EMPRESA... 8 3. CONTROLE DE PERMISSÕES... 14 4. CONFIGURAÇÕES DA EMPRESA... 19 5. CND... Sage CND Índice 1. APRESENTAÇÃO... 1 1.1. Primeiro Acesso... 2 1.2. Conhecendo a Plataforma Sage... 4 1.2.1. Seleção de Empresa de Trabalho... 4 1.2.2. Sair do sistema/minhas Configurações... 5 1.2.3.

Leia mais

Instruções Folha de Pagamento Rotina 21 Instruções RAIS

Instruções Folha de Pagamento Rotina 21 Instruções RAIS Instruções Folha de Pagamento Rotina 21 Instruções RAIS Informações Iniciais (Portaria Nº 7, de 3 Janeiro de 2012) o O prazo para a entrega da declaração da RAIS inicia-se no dia 17 de janeiro de 2012

Leia mais

Auditoria Financeira

Auditoria Financeira Auditoria Financeira Processo de Uso da Auditoria Financeira CADASTRO DE EMPRESA PARÂMETROS No Gerenciador de Sistemas, em Empresas\ Cadastro de Empresas, é necessário parametrizar os dados para a Auditoria

Leia mais

Manual de Utilização Portal de Serviços do Inmetro nos Estados - PSIE

Manual de Utilização Portal de Serviços do Inmetro nos Estados - PSIE Manual de Utilização Portal de Serviços do Inmetro nos Estados - PSIE Sumário PRESTAÇÃO DE CONTAS DE ETIQUETAS DE REPARO...3 Figura 1.0...3 Figura 2.0...4 Figura 3.0...5 Figura 4.0...5 1. Proprietário

Leia mais

GUIA PRÁTICO NOVO FOLHA DE PAGAMENTO

GUIA PRÁTICO NOVO FOLHA DE PAGAMENTO GUIA PRÁTICO NOVO FOLHA DE PAGAMENTO Este manual visa facilitar a integração entre o sistema Folha de Pagamento antigo e a nova versão do sistema Folha de Pagamento. O sistema foi reformulado e agora compartilha

Leia mais

Material de Apoio. SEB - Contas a Pagar. Versão Data Responsável Contato 1 05/12/2011 Paula Fidalgo paulaf@systemsadvisers.com

Material de Apoio. SEB - Contas a Pagar. Versão Data Responsável Contato 1 05/12/2011 Paula Fidalgo paulaf@systemsadvisers.com Material de Apoio SEB - Contas a Pagar Versão Data Responsável Contato 1 05/12/2011 Paula Fidalgo paulaf@systemsadvisers.com Conteúdo CONFIGURAÇÃO... 3 Cadastro de Fornecedores... 3 Métodos de Pagamento...

Leia mais

CONTABILIDADE COM MÚLTIPLOS PLANOS DE CONTAS

CONTABILIDADE COM MÚLTIPLOS PLANOS DE CONTAS CONTABILIDADE COM MÚLTIPLOS PLANOS DE CONTAS As mudanças ocorridas com a publicação da lei 11.638/07 e alterações da lei 11.941/09 exigiram das empresas uma adequação em sua estrutura de balanços e demonstrações

Leia mais

SuperStore. Sistema para Automação de Óticas. MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Estoque)

SuperStore. Sistema para Automação de Óticas. MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Estoque) SuperStore Sistema para Automação de Óticas MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Estoque) Contato: (34) 9974-7848 http://www.superstoreudi.com.br superstoreudi@superstoreudi.com.br SUMÁRIO 1 ACERTO DE ESTOQUE...

Leia mais

Treinamento Sistema Folha Union Módulo II

Treinamento Sistema Folha Union Módulo II Folha Union> Cadastros> Empresas Treinamento Sistema Folha Union Módulo II FOLHA DE PAGAMENTO MÓDULO II - CADASTROS Cadastre as empresas (Condomínios) ou importe os dados utilizando o código do cadastro

Leia mais

TOTVS Série 1 Varejo (Simples) - Módulo e-commerce

TOTVS Série 1 Varejo (Simples) - Módulo e-commerce Novo Módulo disponível no TOTVS S1 Varejo: permissão de utilização através de licença específica. Mesmo não adquirindo a licença de uso do módulo ele continuará presente na tela do usuário. 1 Na opção

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS PARA O CADASTRO NACIONAL DE ADOÇÃO ÍNDICE:

MANUAL DE PROCEDIMENTOS PARA O CADASTRO NACIONAL DE ADOÇÃO ÍNDICE: MANUAL DE PROCEDIMENTOS PARA O CADASTRO NACIONAL DE ADOÇÃO ÍNDICE: CADASTRO NACIONAL DE ADOÇÃO:...1 1. DO CADASTRO DE PRETENDENTES:... 2 1.1. RECIBO DE INCLUSÃO:... 4 2. REGISTRO ADICIONAL DE PRETENDENTES:...

Leia mais

Para facilitar o entendimento do processo de geração da RAIS 2010 nos Sistemas Cordilheira, a equipe de Suporte Técnico da EBS Sistemas

Para facilitar o entendimento do processo de geração da RAIS 2010 nos Sistemas Cordilheira, a equipe de Suporte Técnico da EBS Sistemas Para facilitar o entendimento do processo de geração da RAIS 2010 nos Sistemas Cordilheira, a equipe de Suporte Técnico da EBS Sistemas disponibilizou este pequeno manual que contém dicas importantes sobre

Leia mais

PRACTICO LIVE! FINANCEIRO CONCILIAÇÃO BANCÁRIA

PRACTICO LIVE! FINANCEIRO CONCILIAÇÃO BANCÁRIA PRACTICO LIVE! FINANCEIRO CONCILIAÇÃO BANCÁRIA O que é? É um comparativo entre as movimentações existentes em uma conta bancária e as existentes no controle financeiro. Todos sabem, por exemplo, que existe

Leia mais

Procedimentos - 13º Salário Logix

Procedimentos - 13º Salário Logix Procedimentos - 13º Salário Logix 1 ÍNDICE 1. Parâmetros... 3 1.1. RHU3330 - Empresas - Cálculo/Movimento Folha...3 1.2. RHU0050 Manutenção Eventos...5 1.3. RHU0030 - Categoria Salarial...6 1.4. RHU0150

Leia mais

Sistema de Folha de Pag amento SISfol

Sistema de Folha de Pag amento SISfol Sistema de Folha de Pag amento SISfol APOSTILA SISFOL CONTEÚDO DA APOSTILA CADASTRO GRUPOS E USUARIOS CADASTRO DE EMPRESA CADASTRO DE FUNCIONÁRIOS CADASTRO DE EVENTOS PROGRAMAÇÃO DE EVENTOS CADASTRO DE

Leia mais

Manual para DIRF. Manual de Procedimentos - WFOLHA

Manual para DIRF. Manual de Procedimentos - WFOLHA Para gerar o arquivo da DIRF, existem algumas informações importantes a serem revisadas antes de qualquer processo. Desta forma dividimos o manual em sequencias as quais estão explicadas a diante: Prazo:

Leia mais

Resumo das funcionalidades

Resumo das funcionalidades Resumo das funcionalidades Menu MENU Dados Cadastrais Atualizar Cadastro Troca Senha Grupo Usuários Incluir Atualizar Funcionários Incluir Atualizar Atualizar Uso Diário Importar Instruções Processar Status

Leia mais

Conteúdo Complementar Cálculo de Rescisão

Conteúdo Complementar Cálculo de Rescisão Conteúdo Complementar Cálculo de Rescisão Gestão de Pessoal Contéudo Complementar Cálculo de Rescisão 1. Cálculo de Rescisão Para efetuar o cálculo de um recibo de rescisão é necessário seguir as orientações

Leia mais

INSTRUÇÕES PARA GERAÇÃO DO 13ª SALÁRIO

INSTRUÇÕES PARA GERAÇÃO DO 13ª SALÁRIO INSTRUÇÕES PARA GERAÇÃO DO 13ª SALÁRIO Versão Obrigatória 2.10a Suporte Follha - Winner Página 1 27/10/08 COPYRIGHT As informações contidas neste documento, sobre produtos e/ou serviços são de propriedade

Leia mais

1. Cadastro de Empresas

1. Cadastro de Empresas Empregado Doméstico 1. Cadastro de Empresas... 2 1.1. Tela Básico... 2 1.2. Tela Folhamatic... 3 2. Cadastro de Funcionários... 3 2.1. Tela Dados... 4 2.2. Tela Ident. Adm.... 5 2.3. Tela Documentos...

Leia mais

Menu Relatórios. Folha Pagto ( Prov / Desctos.) Emissão da Folha de Pagamento. Folha Pagto (Meio Magnético)

Menu Relatórios. Folha Pagto ( Prov / Desctos.) Emissão da Folha de Pagamento. Folha Pagto (Meio Magnético) Folha Pagto ( Prov / Desctos.) Emissão da Folha de Pagamento Esta opção é responsável pela emissão da Folha de Pagamento dos funcionários com movimentação. A impressão poderá ser configurada com separações

Leia mais

O que é um inventário?

O que é um inventário? Com a chegada do fim de ano e os encerramentos fiscais e contábeis, as empresas fazem o processo de inventário do seu estoque. O que é um inventário? Inventário basicamente é uma lista de bens e materiais

Leia mais

Nesta versão, foram disponibilizadas as alterações cadastrais relacionadas ao esocial.

Nesta versão, foram disponibilizadas as alterações cadastrais relacionadas ao esocial. LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA (Orientamos aos clientes que utilizam banco de dados SQL, para efetuarem a atualização preferencialmente após o encerramento das atividades do dia, acessando o sistema

Leia mais

SISTEMA DE ADMINISTRAÇÃO DE LOCAÇÃO IMOBILIÁRIA LISTA DE ATUALIZAÇÕES NOVAS

SISTEMA DE ADMINISTRAÇÃO DE LOCAÇÃO IMOBILIÁRIA LISTA DE ATUALIZAÇÕES NOVAS SISTEMA DE ADMINISTRAÇÃO DE LOCAÇÃO IMOBILIÁRIA VERSÃO 7.0 LISTA DE ATUALIZAÇÕES NOVAS Todas as telas do sistema foram remodeladas para utilização da resolução de vídeo 1024 x 768, apresentando agora um

Leia mais

Importação de Notas pelo Código de Barras DANFE... 12

Importação de Notas pelo Código de Barras DANFE... 12 IMPORTAÇÃO DE NF-E (ENTRADA) SUMÁRIO Importação de Notas pelo Arquivo XML... 2 Parametrização dos Produtos... 4 Parametrização de Código de Situação Tributária (CST)... 5 CST de ICMS... 5 CST de IPI...

Leia mais

LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA VERSÃO 2

LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA VERSÃO 2 LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA VERSÃO 2 (Orientamos aos clientes que utilizam banco de dados SQL, para efetuarem a atualização preferencialmente após o encerramento das atividades do dia, acessando

Leia mais

APOSTILA PROVISÃO E CONTABILIZAÇÃO

APOSTILA PROVISÃO E CONTABILIZAÇÃO APOSTILA PROVISÃO E CONTABILIZAÇÃO ANO 2004 1 ÍNDICE 1 - Provisão de 13º Salário e Férias Preparando a Provisão 1.1 Cadastro de Provisão de férias 1.2 Cadastro de provisão de 13º Salário 1.3 Relatório

Leia mais

Módulo Medicina e Segurança do Trabalho Exames Periódicos

Módulo Medicina e Segurança do Trabalho Exames Periódicos Módulo Medicina e Segurança do Trabalho Exames Periódicos Logix 10 Sumário Sumário... 2 Texto Introdutório... 3 Fluxo dos Subprocessos que compõem o Módulo... 3 Fluxo SubProcessos Exames Periódicos...

Leia mais

Está apto a utilizar o sistema, o usuário que tenha conhecimentos básicos de informática e navegação na internet.

Está apto a utilizar o sistema, o usuário que tenha conhecimentos básicos de informática e navegação na internet. 1. Descrição Geral Este manual descreve as operações disponíveis no módulo VTWEB Client, cuja finalidade é gerenciar cadastros de funcionários, realização de pedidos e controle financeiro dos pedidos.

Leia mais

Gestão de Benefícios Inovação Recursos Humanos - Maio/2014

Gestão de Benefícios Inovação Recursos Humanos - Maio/2014 Inovação Recursos Humanos - Maio/2014 Conteúdo 1 Introdução... 4 2 Manutenção de Tabelas... 4 3 Cadastro de Períodos... 5 4 Cadastro de Turnos de Trabalho... 5 5 Cadastro de Localidades... 6 6 Vale Refeição...

Leia mais

MANUAL DO PROESC EDUCACIONAL

MANUAL DO PROESC EDUCACIONAL Manual do Proesc Educacional 2012 1 SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO... 3 1.1 APRESENTAÇÃO --------------------------------------------------------------------------------------- 3 1.2 ACESSANDO O SISTEMA -------------------------------------------------------------------------------

Leia mais

Características do Sistema

Características do Sistema SISTEMA FOLHA DE PAGAMENTO ADVANCED Características do Sistema Sistema multiusuário pleno. Sistema multiempresa sem limitações. Recursos e facilidades operacionais com eficiência, segurança e exatidão.

Leia mais

MANUAL DE CADASTRO DOS CLIENTES DA EMPRESA CONTÁBIL

MANUAL DE CADASTRO DOS CLIENTES DA EMPRESA CONTÁBIL MANUAL DE CADASTRO DOS CLIENTES DA EMPRESA CONTÁBIL IMPORTANTE Prezado Cliente, Atendimento On-Line (Via Internet). Estivemos trabalhando no desenvolvimento de uma ferramenta de atendimento que permitisse

Leia mais

Configuração para Contabilização Automática. Neste bip. Você Sabia? Edição 57 Maio de 2015

Configuração para Contabilização Automática. Neste bip. Você Sabia? Edição 57 Maio de 2015 Neste bip Configuração para Contabilização Automática... 1 Vale Transporte... 2 Como Programar Reajuste Salarial... 3 Contabilização da Folha... 4 Configuração para Contabilização Automática O cadastro

Leia mais

Gestão de Pessoas - 4w

Gestão de Pessoas - 4w Gestão de Pessoas - 4w Modulo Administração de Pessoal (Rubi) Processo: 13º Salário Senior Sistemas S.A Rua São Paulo, 825 - Bairro Victor Konder - CEP 89012.001 - Blumenau/SC Fone: (047) 3221-3300 www.senior.com.br

Leia mais

Manual de Integração Contábil Folha Phoenix

Manual de Integração Contábil Folha Phoenix Manual de Integração Contábil Folha Phoenix Para iniciar a parametrização da Folha Phoenix com a finalidade da integração para o Contábil Phoenix ou Contábil de Terceiros, será necessário primeiro definir

Leia mais

Configurações Básicas

Configurações Básicas Compras Avançadas Este módulo auxilia na verificação da demanda dos produtos e com isso permite ajustar os estoques fazendo transferência entre as filiais e também definir a quantidade de estoque dos produtos

Leia mais

Perguntas e Respostas sobre o HomologNet Versão 1.0 ÍNDICE

Perguntas e Respostas sobre o HomologNet Versão 1.0 ÍNDICE Perguntas e Respostas sobre o HomologNet Versão 1.0 ÍNDICE 01. GENERALIDADES 01.01 Qual o significado das siglas, acrônimos e abreviaturas aqui utilizados? 01.02 Que funcionalidades o HomologNet oferece?

Leia mais

SUPORTE TÉCNICO EBS. Formas de atendimento: E-mail: Envie-nos suas dúvidas e/ou sugestões para suporte@ebs.com.br.

SUPORTE TÉCNICO EBS. Formas de atendimento: E-mail: Envie-nos suas dúvidas e/ou sugestões para suporte@ebs.com.br. SUPORTE TÉCNICO EBS Horário de atendimento: Das 08h30min às 18h, de Segunda a Sexta-feira. Formas de atendimento: E-mail: Envie-nos suas dúvidas e/ou sugestões para suporte@ebs.com.br. Suporte On-Line

Leia mais

Sistema de Solicitação de Pagamento de Fornecedores

Sistema de Solicitação de Pagamento de Fornecedores 2014 Sistema de Solicitação Coordenação de Tecnologia da Informação e Comunicação FUNDEPAG 04/11/2014 Sumário 1- SPF Solicitação.... 3 1.1 Acesso ao sistema:... 3 1.2 Ferramentas do sistema:... 5 2- Abertura

Leia mais

Manual do sistema SMARsa WEB

Manual do sistema SMARsa WEB Manual do sistema SMARsa WEB Módulo Solicitação/Ouvidoria SMARsa WEB Solicitação/Ouvidoria Versão 2.7 1 Sumário INTRODUÇÃO...4 OBJETIVOS...4 Bem-vindo ao sistema SMARsa WEB: Módulo solicitação/ouvidoria...5

Leia mais

MANUAL DO PRESTADOR FATURAMENTO WEB

MANUAL DO PRESTADOR FATURAMENTO WEB MANUAL DO PRESTADOR FATURAMENTO WEB 0 Sumário Introdução... 2 Funcionalidades... 2 Requisitos Necessários... 2 Faturamento Web... 3 Faturamento Simplificado... 4 Faturamento Detalhado... 9 Faturamento

Leia mais

Manual Módulo Livro Caixa Livro Caixa Atualizada com a versão 1.3.0

Manual Módulo Livro Caixa Livro Caixa Atualizada com a versão 1.3.0 Manual Módulo Livro Caixa Livro Caixa Atualizada com a versão 1.3.0 Noções Gerais: Pg. 02 Instruções para instalação Pg. 02 Ferramentas úteis Pg. 04 Menu Arquivos Empresas Usuárias Pg. 05 Ativar Empresa

Leia mais

BOLETIM INFORMATIVO TÉCNICO SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA

BOLETIM INFORMATIVO TÉCNICO SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA BOLETIM INFORMATIVO TÉCNICO SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA Efetuadas diversas alterações no Cordilheira Escrita Fiscal com o objetivo de tratar a apuração do ICMS-ST, emissão de GNRE e geração da GIA-ST, bem

Leia mais

AGENDAMENTO PARA IMPORTAÇÃO DE NOTAS FISCAIS 1. PARÂMETROS DO ESTABELECIMENTO... 2 2. CONFIGURAÇÃO DO AGENDADOR... 3

AGENDAMENTO PARA IMPORTAÇÃO DE NOTAS FISCAIS 1. PARÂMETROS DO ESTABELECIMENTO... 2 2. CONFIGURAÇÃO DO AGENDADOR... 3 AGENDAMENTO PARA IMPORTAÇÃO DE NOTAS FISCAIS SUMÁRIO 1. PARÂMETROS DO ESTABELECIMENTO... 2 2. CONFIGURAÇÃO DO AGENDADOR... 3 3. CONFIGURAÇÕES PARA IMPORTAÇÃO DE NOTAS PARA USUÁRIOS NET... 7 4. PROCEDIMENTOS

Leia mais

O GEM é um software 100% Web, ou seja, você poderá acessar de qualquer local através da Internet.

O GEM é um software 100% Web, ou seja, você poderá acessar de qualquer local através da Internet. Olá! Você está recebendo as informações iniciais para utilizar o GEM (Software para Gestão Educacional) para gerenciar suas unidades escolares. O GEM é um software 100% Web, ou seja, você poderá acessar

Leia mais

LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA

LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA (Orientamos aos clientes que utilizam banco de dados SQL, para efetuarem a atualização preferencialmente após o encerramento das atividades do dia, acessando o sistema

Leia mais

Este Procedimento Operacional Padrão define as etapas necessárias de como fazer o Cadastro de 13º Salário no Sistema TOTVS RM.

Este Procedimento Operacional Padrão define as etapas necessárias de como fazer o Cadastro de 13º Salário no Sistema TOTVS RM. Este Procedimento Operacional Padrão define as etapas necessárias de como fazer o Cadastro de 13º Salário no Sistema TOTVS RM. Índice I. Acesso ao Cadastro... 2 II. Códigos Fixos no 13º Salário... 5 III.

Leia mais

Manual de Utilização do Portal SQS Supplier Quality System

Manual de Utilização do Portal SQS Supplier Quality System Hydro Energia Brasil Ltda. Manual de Utilização do Portal SQS Supplier Quality System 1. Acesso ao Sistema... 2 2. Alteração de senha... 3 3. Atualização dos dados do fornecedor... 5 4. Preencher Solicitação

Leia mais

ABERTURA E ENCERRAMENTO DE EXERCÍCIO

ABERTURA E ENCERRAMENTO DE EXERCÍCIO Atualização: Novembro de 2012 Página: 1 SIA 7.5 - Sistema Integrado de Arrecadação ABERTURA E ENCERRAMENTO DE EXERCÍCIO FIORILLI SOC CIVIL LTDA.-SOFTWARE SIA 7.5 - Sistema Integrado de Arrecadação Atualização:

Leia mais

Premiação por Produtividade

Premiação por Produtividade Versão 2.0 Manual destinado à implantadores, técnicos do suporte e usuários finais Sumário Configurações... 3 Definição das Metas... 5 Mês Referência... 5 Cotas por Funcionário... 8 Resultados... 9 Acompanhamento

Leia mais

E&L Nota Fiscal de Serviços Eletrônica. Manual do Ambiente do Prestador de Serviços do Município

E&L Nota Fiscal de Serviços Eletrônica. Manual do Ambiente do Prestador de Serviços do Município E&L Nota Fiscal de Serviços Eletrônica Manual do Ambiente do Prestador de Serviços do Município Após receber a confirmação de aceite do Credenciamento via e-mail já é possível efetuar o login no sistema

Leia mais

1998-2011 Domínio Sistemas Ltda. Todos os direitos reservados.

1998-2011 Domínio Sistemas Ltda. Todos os direitos reservados. Saiba que este documento não poderá ser reproduzido, seja por meio eletrônico ou mecânico, sem a permissão expressa por escrito da Domínio Sistemas Ltda. Nesse caso, somente a Domínio Sistemas poderá ter

Leia mais

C C P SUPORTE TÉCNICO EBS

C C P SUPORTE TÉCNICO EBS C C P SUPORTE TÉCNICO EBS Horário de atendimento: Das 08h30min às 18h, de Segunda a Sexta-feira. Formas de atendimento: E-mail: Envie-nos suas dúvidas e/ou sugestões para suporte@ebs.com.br. Suporte On-Line

Leia mais