Indicadores Econômicos Copyright Boa Vista Serviços 1

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Indicadores Econômicos 04.09.2015. 2014 Copyright Boa Vista Serviços 1"

Transcrição

1 Indicadores Econômicos Copyright Boa Vista Serviços 1

2 Sumário 1. Falências Requeridas e Decretadas 2. Recuperações judiciais 3. Títulos protestados 4. Cheques devolvidos 5. Registro de inadimplentes 6. Recuperação de crédito 7. Risco de Crédito 8. Movimento do comércio 9. Demanda por crédito 10. Novos Consumidores 11. Inadimplência PJ 2014 Copyright Boa Vista Serviços 2

3 1. Falências Requeridas e Decretadas Variação acumulada em 12 meses 4 3 Variação acumulada no ano 35,3% 36,2% ,2% ,6% ,1% -7,6% Falências Requeridas Falências Decretadas Falências Requeridas Falências Decretadas O indicador de falências é construído com base na apuração dos dados mensais de falências (requeridas e decretadas) registradas na base de dados da Boa Vista, oriundas dos fóruns, varas de falências e dos Diários Oficiais e da Justiça dos estados Copyright Boa Vista Serviços 3

4 2. Recuperações Judiciais Requeridas e Deferidas Variação acumulada em 12 meses 75,0% 55,0% Variação acumulada no ano 39,6% 39,9% 33,6% 35,0% 15,0% -5,0% 4,9% 6,5% -25,0% -45,0% -9,5% Pedidos de Recuperação Judicial Recuperação Judicial Deferida Pedidos de Recuperação Judicial Recuperação Judicial Deferida O indicador de recuperações judiciais é construído com base na apuração dos dados mensais de recuperações judiciais (requeridas e deferidas) registradas na base de dados da Boa Vista, oriundas dos fóruns, varas de falências e dos Diários Oficiais e da Justiça dos estados Copyright Boa Vista Serviços 4

5 3. Títulos Protestados Variação acumulada em 12 meses Variação acumulada no ano 26,6% 35,2% 21,5% 1 3,1% 10,1% 8,3% 7,3% ,7% ,3% PJ PF TOTAL PJ PF TOTAL O indicador de títulos protestados mostra a evolução da quantidade de anotações negativas referentes a protestos de títulos, informados por cartórios de protestos no referido mês Copyright Boa Vista Serviços 5

6 4. Cheques Devolvidos (2ª devolução por insuficiência de fundos) Cheques Devolvidos/ Movimentados 2,50% Cheques Devolvidos/ Movimentados - Acumulada no ano 2,30% 2,24% 2,16% 2,10% 1,90% 1,70% 2,02% 2,03% 2,05% 1,50% O indicador de cheques devolvidos é a proporção de cheques devolvidos (2ª devolução por insuficiência de fundos) e o total de cheques movimentados, que é o total de cheques compensados mais os devolvidos Copyright Boa Vista Serviços 6

7 5. Indicador Registro de Inadimplentes Pessoa Física Variação acumulada em 12 meses 23,0% Variação acumulada no ano 2,7% 18,0% 13,0% 0,6% 8,0% 3,0% 1,1% -2,0% -1,7% O indicador de registro de inadimplentes é elaborado a partir da quantidade de novos registros negativos informados pelas empresas em virtude do não pagamento de compromissos financeiros firmados. As séries encadeadas têm como ano base a média de 2011 = 100 e passam por ajuste sazonal para avaliação da variação mensal Copyright Boa Vista Serviços 7

8 6. Indicador Recuperação de Crédito Pessoa Física Variação acumulada em 12 meses 2 Variação acumulada no ano 4,2% 16,0% 12,0% 8,0% 4,0% -4,0% -2,6% -1,1% -8,0% -1,9% O indicador de recuperação de crédito é elaborado a partir da quantidade de registros que foram excluídos da base da Boa Vista em virtude do pagamento dos débitos correspondentes. As séries encadeadas têm como ano base a média de 2011 = 100 e passam por ajuste sazonal para avaliação da variação mensal Copyright Boa Vista Serviços 8

9 7. Indicador de Risco de Crédito do Consumidor (mensal) Inadimplência acima de 90 dias PF vs. Indicador Boa Vista de Risco de Crédito do Consumidor (IRC) 106,0 104,0 102,0 100,0 98,0 96,0 94,0 92,0 9,0 8,0 7,0 6,0 5,0 4,0 3,0 2,0 1,0 0,0 Inadimplência PF Recursos Livres Acima de 90 dias* IRC (esq.) Indicador de Risco de Crédito (IRC) avalia o risco mediano dos indivíduos que buscaram crédito no mercado nos últimos 12 meses Copyright Boa Vista Serviços 9

10 8. Indicador de Movimento do Comércio Variação acumulada em 12 meses 8,0% 7,0% Variação acumulada no ano 5,6% 6,0% 5,0% 4,0% 3,0% 1,6% 2,0% 1,0% -1,0% 0,1% -1,2% O indicador é obtido a partir da quantidade de consultas efetuadas à base de dados da Boa Vista pelos estabelecimentos comerciais e instituições financeiras no momento da venda. Os dados são classificados conforme a atividade econômica do usuário da base de dados e, posteriormente, corrigidos pelos devidos tratamentos estatísticos. As séries encadeadas têm como ano base a média de 2011 = 100 e passam por ajuste sazonal para avaliação da variação mensal Copyright Boa Vista Serviços 10

11 9. Indicador de Demanda por Crédito do Consumidor Variação acumulada em 12 meses 15,0% 12,0% 9,0% Variação acumulada no ano 6,0% 3,0% -3,0% -3,9% -6,0% -9,0% -12,0% -15,0% -9,9% Geral Financeiro Não financeiro O indicador é obtido a partir do número de consultas efetuadas à uma amostra representativa de CPFs pelas empresas. Os dados são classificados como oriundos de empresas do setor financeiro e não financeiro, e são corrigidos pelos devidos tratamentos estatísticos. As séries encadeadas têm como ano base a média de 2010 = 100 e passam por ajuste sazonal para avaliação da variação mensal Copyright Boa Vista Serviços 11

12 10. Novos consumidores de crédito Inadimplência observada até 6 meses a frente da data da consulta no cliente que a efetuou 9,0% 8,0% 7,0% 6,0% 5,0% 4,0% 3,0% 2,0% 1,0% fev/12 ago/12 fev/13 ago/13 fev/14 ago/14 fev/15 Novo consumidor Antigo consumidor O indicador de novos consumidores considera como sendo novos aqueles consumidores que tiveram seu CPF consultado pela primeira vez até 6 meses antes do mês corrente. Para o cálculo da inadimplência, observa-se se houve débito até 6 meses à frente da data da consulta Copyright Boa Vista Serviços 12

13 11. Inadimplência PJ Variação acumulada em 4 trimestres 2 15,0% 14,8% 17,9% 16,2% 12,3% 1 5,0% 6,4% 7,5% 3,8% 1,0% 2,3% 4,4% 5,8% 8,3% -5,0% -3,3% -2,1% -3,4% -2,0% -1,1% -1-10,3% -15,0% O indicador de inadimplência PJ é um somatório dos principais mecanismos de apontamento de inadimplência empresarial, isto é, cheques devolvidos, títulos protestados e registros realizados na base da Boa Vista SCPC 2014 Copyright Boa Vista Serviços 13

14 Rua Boa Vista, nº 51 Centro São Paulo CEP SP, Brasil Rua Teixeira da Silva, nº 217 Paraíso São Paulo CEP SP, Brasil Copyright Boa Vista Serviços 14

Indicadores Econômicos Copyright Boa Vista SCPC 1

Indicadores Econômicos Copyright Boa Vista SCPC 1 Indicadores Econômicos 13.11.2015 2015 Copyright Boa Vista SCPC 1 Sumário 1. Falências Requeridas e Decretadas 2. Recuperações judiciais 3. Títulos protestados 4. Cheques devolvidos 5. Registro de inadimplentes

Leia mais

Indicadores Econômicos Copyright Boa Vista SCPC 1

Indicadores Econômicos Copyright Boa Vista SCPC 1 Indicadores Econômicos 29.06.2016 2015 Copyright Boa Vista SCPC 1 Sumário 1. Falências Requeridas e Decretadas 2. Recuperações judiciais 3. Títulos protestados 4. Cheques devolvidos 5. Registro de inadimplentes

Leia mais

Manual do sistema. Serasa Empresas Credito e Risco. Manual de operações. Belo Horizonte

Manual do sistema. Serasa Empresas Credito e Risco. Manual de operações. Belo Horizonte Manual do sistema Serasa Empresas Credito e Risco Manual de operações Belo Horizonte Agosto - 2007 Sumário Introdução ------------------------------------------3 Consulta --------------------------------------------4

Leia mais

Descrição - Consulta PF

Descrição - Consulta PF - PF CONFIRME (PF) SPC LOCALIZA PF Renda Presumida SPC SPC IMOBILIÁRIO Limite de Crédito Sugerido SPC Top Física SPC Top Física + Confirmação dos dados cadastrais do documento consultado, alerta de documentos,

Leia mais

Pontuação: 125 probabilidade média de inadimplência na faixa de 101 a 150: 22,50%

Pontuação: 125 probabilidade média de inadimplência na faixa de 101 a 150: 22,50% Confidencial Para: J&R 28/03/2014 11:05 Versão 2.12.1 RELATO RELATÓRIO DE COMPORTAMENTO EM NEGÓCIOS DISPLAY COMERCIO E DISTRIBUIO EIRELI EPP CNPJ: 19.728.709/0001-36 VALORES EM REAIS 28/03/2014 11:05:22

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO SCPC WEBNET 2.0 Site: www.cdlpelotas.com.br E-mail: scpc@cdlpelotas.com.br

MANUAL DO USUÁRIO SCPC WEBNET 2.0 Site: www.cdlpelotas.com.br E-mail: scpc@cdlpelotas.com.br MANUAL DO USUÁRIO SCPC WEBNET 2.0 Site: www.cdlpelotas.com.br E-mail: scpc@cdlpelotas.com.br ÍNDICE 1 WEBNET 2.0... 4 2 ACESSO WEBNET 2.0... 4 2.1 ALTERAÇÃO DE SENHA DO USUÁRIO... 5 3.1 REGISTRO NORMAL

Leia mais

Questões de informações de Crédito na América Latina BRASIL

Questões de informações de Crédito na América Latina BRASIL Questões de informações de Crédito na América Latina BRASIL Papel das Centrais de Informações Comerciais Os objetivos das centrais de informação de crédito são: Apoio à gestão de risco de crédito para

Leia mais

RELATÓRIO ANUAL DE TAXAS DE JUROS / 2012 EMPRÉSTIMO PESSOAL E CHEQUE ESPECIAL

RELATÓRIO ANUAL DE TAXAS DE JUROS / 2012 EMPRÉSTIMO PESSOAL E CHEQUE ESPECIAL ANÁLISE COMPARATIVA RELATÓRIO ANUAL DE TAXAS DE JUROS / 2012 EMPRÉSTIMO PESSOAL E CHEQUE ESPECIAL O levantamento anual envolveu sete instituições financeiras: Banco do Brasil, Bradesco, Caixa Econômica

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO COMARCA DA REGIÃO METROPOLITANA DE CURITIBA FORO CENTRAL 1 a VARA DE FALÊNCIAS E RECUPERAÇÕES JUDICIAIS

PODER JUDICIÁRIO COMARCA DA REGIÃO METROPOLITANA DE CURITIBA FORO CENTRAL 1 a VARA DE FALÊNCIAS E RECUPERAÇÕES JUDICIAIS FORO CENTRAL 1 a VARA DE FALÊNCIAS E RECUPERAÇÕES Pedido de Recuperação Judicial nº 0000379-30.2012.8.16.0185 proposto por PIERGO INDÚSTRIA E COMÉRCIO DE AÇO LTDA. Retifique-se o valor da causa. 1. Acolho

Leia mais

TABELA DE PREÇOS - CONSUMO MÍNIMO DE R$ 1.800,00 - ANEXO 1

TABELA DE PREÇOS - CONSUMO MÍNIMO DE R$ 1.800,00 - ANEXO 1 CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PME Premium 4 TABELA DE PREÇOS - CONSUMO MÍNIMO DE R$ 1.800,00 - ANEXO 1 Este anexo é parte integrante do contrato assinado entre a CONTRATADA e a CONTRATANTE, referente

Leia mais

SCPC Pessoa Jurídica

SCPC Pessoa Jurídica SCPC Pessoa Jurídica Site: www.acigra.com.br E-mail: scpc@acigra.com.br SCPC Pessoa Jurídica 1 Definição O SCPC Pessoa Jurídica é o serviço que proporciona muito mais segurança na hora de realizar negócios

Leia mais

Ilmo. Sr. Delegado de Julgamento da Receita Federal do Brasil

Ilmo. Sr. Delegado de Julgamento da Receita Federal do Brasil Ilmo. Sr. Delegado de Julgamento da Receita Federal do Brasil COMERCIAL MOSTAERT LTDA, empresa comercial inscrita no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica do Ministério da Fazenda sob o Nº. 11.563.145/0001-17,

Leia mais

Tabela de Preços CDL-Mesquita. Janeiro de 2012

Tabela de Preços CDL-Mesquita. Janeiro de 2012 Tabela de Preços CDL-Mesquita Janeiro de 2012 Produto Definição Valor Unitário CONSULTAS PF Só Cheque Mix( + Cheque) Mix + (Protesto) Top Física Top Física + (ação) heque Analítico heque Sintético Achei

Leia mais

Descrições dos Serviços

Descrições dos Serviços SPC Mix SPC Mix Mais no ato da consulta + Contumácia da Alínea 21 + Contra Ordem. (10 Informações para 1Consulta) de documento + Protesto Nacional. (12 Informações para 1Consulta) SPC Mix Mais + Participação

Leia mais

A RECUPERAÇÃO JUDICIAL DA PARMALAT.

A RECUPERAÇÃO JUDICIAL DA PARMALAT. 1 A RECUPERAÇÃO JUDICIAL DA PARMALAT. Vinicius Leal Batista de Andrade 1 RESUMO A empresa seus aspectos e características, notas breves sobre o que venha ser uma empresa, sua função. Recuperação judicial,

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS PÓS GRADUAÇÃO ESPECIALIZAÇÃO LATO SENSU

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS PÓS GRADUAÇÃO ESPECIALIZAÇÃO LATO SENSU 1 CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS PÓS GRADUAÇÃO ESPECIALIZAÇÃO LATO SENSU A) CONTRATANTE: Aluno (a) identificado (a) no REQUERIMENTO DE MATRÍCULA fornecido pelas Contratadas, cujo documento

Leia mais

Bancos acessados on-line:: Unibanco, Banespa, Banco Real e Banrisul (Banco do Estado do Rio Grande do Sul S/A).

Bancos acessados on-line:: Unibanco, Banespa, Banco Real e Banrisul (Banco do Estado do Rio Grande do Sul S/A). CONSULTAS VALORES 0800 INTERNET CARTA LOCAL 1,50 CARTA INTERMUNICIPAL 1,80 517- SCPC VEIC. CONF. PROP. PL 8,00 7,50 518- SCPC VEIC. CONF. PROP. CH 7,00 6,50 548- SCPC COMPLETO 8,00 7,50 Informação que

Leia mais

O FINANCIAMENTO DOS PEQUENOS NEGÓCIOS NO BRASIL

O FINANCIAMENTO DOS PEQUENOS NEGÓCIOS NO BRASIL O FINANCIAMENTO DOS PEQUENOS NEGÓCIOS NO BRASIL Abril/2014 2014 Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas Sebrae Todos os direitos reservados A reprodução não autorizada desta publicação,

Leia mais

INADIMPLÊNCIA: E AGORA?

INADIMPLÊNCIA: E AGORA? INADIMPLÊNCIA: INADIMLÊNCIA E AGORA? Inadimplência: E agora? Quantas vezes você já se fez essa pergunta? Já conseguiu resolver este problema? Nesta cartilha iremos orientar, com base na legislação e no

Leia mais

Tabela de Preços CDL-Mesquita. Janeiro de 2014

Tabela de Preços CDL-Mesquita. Janeiro de 2014 Tabela de Preços CDL-Mesquita Janeiro de 2014 Produto Definição Valor Unitário CONSULTAS PF Só Cheque Sexo, Data de Nascimento, Idade, Signo, Filiação, Endereço (caso tenha cadastrado no banco de dados),

Leia mais

Os principais motivos que levam o banco sacado a devolver o cheque são:

Os principais motivos que levam o banco sacado a devolver o cheque são: AUTORIZAÇÃO DE COMPRA TERCEIROS E MENORES Pelo presente termo, eu, portador do CPF., abaixo assinado autorizo às pessoas abaixo identificadas a adquirirem bens e produtos em meu nome, reconhecendo como

Leia mais

PROGRAMA APLICAÇÃO DE RECURSOS FUNDO GARANTIDOR DE CRÉDITOS. Página 1 de 9

PROGRAMA APLICAÇÃO DE RECURSOS FUNDO GARANTIDOR DE CRÉDITOS. Página 1 de 9 PROGRAMA APLICAÇÃO DE RECURSOS FUNDO GARANTIDOR DE CRÉDITOS Responsável Versão Última Atualização 15/07/2015 Página 1 de 9 PROGRAMA PARA APLICAÇÃO DE RECURSOS Exclusivo para Instituições Financeiras Associadas

Leia mais

Tabela de Preços Descritivo e Insumos

Tabela de Preços Descritivo e Insumos PRODUTO SóCheque Achei Recheque Tabela de Preços Descritivo e Insumos Confirmação dos dados cadastrais + Alerta de Documentos + CCF Confirmação de dados cadastrais + Alerta de Documentos da Serasa + Confirmação

Leia mais

Portal de Informações FEBRABAN. Módulo I Crédito

Portal de Informações FEBRABAN. Módulo I Crédito Portal de Informações FEBRABAN Módulo I Crédito Módulo de dados I: Crédito Sumário Este módulo de dados abrange as operações de crédito com recursos livres e direcionados (taxas de juros administradas)

Leia mais

Valor. Cód. PRODUTO. 13 SPC Mix. 240 SPC Mix Mais. 241 SPC Mix Mais + Participação em empresas. 242 SPC Mix Mais + Ação

Valor. Cód. PRODUTO. 13 SPC Mix. 240 SPC Mix Mais. 241 SPC Mix Mais + Participação em empresas. 242 SPC Mix Mais + Ação Cód. PRODUTO 13 SPC Mix 240 SPC Mix Mais 241 SPC Mix Mais + empresas 242 SPC Mix Mais + Ação 243 SPC Mix Mais + Ação + Participação em empresas 244 SPC Mix Mais + Score 3 245 SPC Mix Mais + Score 12 246

Leia mais

PROJETO DE LEI N.º, DE 2011

PROJETO DE LEI N.º, DE 2011 PROJETO DE LEI N.º, DE 2011 (Do Sr. Fábio Faria) Dispõe sobre a recuperação judicial do devedor pessoa física. O Congresso Nacional decreta: devedor pessoa física. Art. 1.º. Esta Lei estabelece a recuperação

Leia mais

Caderno Algébrico Liquidação

Caderno Algébrico Liquidação Caderno Algébrico Liquidação Versão 1.0 ÍNDICE Liquidação 3 1. O Esquema Geral 3 2. Etapas de Liquidação 4 2.1. Apuração dos Valores a Liquidar 4 2.2. Determinação do Rateio da Inadimplência 6 Liquidação

Leia mais

COMPOSIÇÃO DE PRODUTOS PESSOA JURÍDICA INFORMAÇÕES EMPRESARIAIS

COMPOSIÇÃO DE PRODUTOS PESSOA JURÍDICA INFORMAÇÕES EMPRESARIAIS COMPOSIÇÃO DE PRODUTOS PESSOA JURÍDICA INFORMAÇÕES EMPRESARIAIS SCPC/SP - Boa Vista Serviços SCPC RELATÓRIO ANALÍTICO e Estadual (Estadual - somente informações do estado de São Paulo). - Desabonos dos

Leia mais

ORDEM DE SERVIÇO PRFN 3ª REGIÃO Nº 004 de 16 de dezembro de 2009.

ORDEM DE SERVIÇO PRFN 3ª REGIÃO Nº 004 de 16 de dezembro de 2009. ORDEM DE SERVIÇO PRFN 3ª REGIÃO Nº 004 de 16 de dezembro de 2009. Dispõe sobre o procedimento a ser adotado para a formalização e controle dos processos de parcelamentos de arrematação ocorrida nas hastas

Leia mais

RESOLUÇÃO CFN N 523/2013

RESOLUÇÃO CFN N 523/2013 Página 1 de 7 RESOLUÇÃO CFN N 523/2013 Institui, no âmbito do Sistema CFN/CRN, o Programa Nacional de Recuperação de Créditos (PNRC), autoriza a redução de encargos sobre dívidas em conciliação judicial

Leia mais

RELATÓRIO. Outubro 2015. Ano 03-10

RELATÓRIO. Outubro 2015. Ano 03-10 RELATÓRIO Outubro 2015 Ano 03-10 APOIO: - CENTRO DE INFORMAÇÕES SOCIOECONÔMICAS FACISA Faculdade de Ciências Sociais Aplicadas ÍNDICE DE CONFIANÇA EMPRESARIAL (ICE) ÍNDICE DE PREÇOS AO CONSUMIDOR DE SINOP

Leia mais

Empreendimento: Lacqua Residencial.

Empreendimento: Lacqua Residencial. LACQUA RESIDENCIAL QUADRO RESUMO CONTRATO DE COMPROMISSO DE COMPRA E VENDA PARA ENTREGA FUTURA DE APARTAMENTO, VAGA DE GARAGEM E CESSÃO DE FRAÇÃO IDEAL DE TERRENO. Empreendimento: Lacqua Residencial. Localização:

Leia mais

Normas Contábeis Orientações da SUSEP ao Mercado de Seguros, Previdência Complementar Aberta, Capitalização e Resseguro

Normas Contábeis Orientações da SUSEP ao Mercado de Seguros, Previdência Complementar Aberta, Capitalização e Resseguro Normas Contábeis Orientações da SUSEP ao Previdência Complementar Aberta, Capitalização e Resseguro julho/2013 Sumário 1. INTRODUÇÃO... 2 1.1. Área Responsável... 2 1.2. Base Legal... 2 1.3. Abrangência...

Leia mais

PESQUISA CONJUNTURAL DO COMÉRCIO

PESQUISA CONJUNTURAL DO COMÉRCIO PESQUISA CONJUNTURAL DO COMÉRCIO FORTALEZA Dezembro 2009 Apresentação 3 Delineamento da Amostra 5 Quadros Estatísticos 7 Tabela 2 - Faturamento - Variação Frente a Igual Período do Ano Anterior 9 Tabela

Leia mais

Objetivo Renegociar o pagamento para um prazo que não ultrapasse 30 dias do vencimento.

Objetivo Renegociar o pagamento para um prazo que não ultrapasse 30 dias do vencimento. Tempo é mesmo dinheiro 25.11.2008 Telefonar ou mandar carta? acionar uma firma de cobrança? E entrar na Justiça? O que uma pequena ou média empresa deve fazer para receber o quanto antes um pagamento atrasado

Leia mais

Empreendimento: Condomínio Residencial Vila Branca. Localização: Rua Jaú, nº. 125, bairro Parque Universitário, Americana, Estado de São Paulo.

Empreendimento: Condomínio Residencial Vila Branca. Localização: Rua Jaú, nº. 125, bairro Parque Universitário, Americana, Estado de São Paulo. CONDOMÍNIO RESIDENCIAL VILA BRANCA QUADRO RESUMO CONTRATO DE COMPROMISSO DE COMPRA E VENDA PARA ENTREGA FUTURA DE APARTAMENTO, VAGA DE GARAGEM E CESSÃO DE FRAÇÃO IDEAL DE TERRENO. Empreendimento: Condomínio

Leia mais

DE IMPORTANTES ASPECTOS SOBRE A RECUPERAÇÃO JUDICIAL

DE IMPORTANTES ASPECTOS SOBRE A RECUPERAÇÃO JUDICIAL DE IMPORTANTES ASPECTOS SOBRE A RECUPERAÇÃO JUDICIAL José da Silva Pacheco SUMÁRIO: 1. Introdução. 2. Da suspensão das ações e execuções contra o devedor. 3. Dos credores que devem habilitar-se no processo

Leia mais

TABELA DE TARIFAS PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS

TABELA DE TARIFAS PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS TABELA DE TARIFAS PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS Pessoa Física PF RELAÇÃO DOS SERVIÇOS PRESTADOS Confecção de cadastro para início de relacionamento Fornecimento de 2ª via de cartão com função de débito com

Leia mais

Estatísticas trimestrais sobre processos de falência, insolvência e recuperação de empresas e sobre processos especiais de revitalização (2007-2013)

Estatísticas trimestrais sobre processos de falência, insolvência e recuperação de empresas e sobre processos especiais de revitalização (2007-2013) Abril de 2014 Boletim n.º 15 DESTAQUE ESTATÍSTICO TRIMESTRAL 4º Trimestre de 2013 Estatísticas trimestrais sobre processos de falência, insolvência e recuperação de empresas e sobre processos especiais

Leia mais

EDITAL DE CREDENCIAMENTO Nº 001/2014

EDITAL DE CREDENCIAMENTO Nº 001/2014 EDITAL DE CREDENCIAMENTO Nº 001/2014 O Presidente do Conselho Regional de Enfermagem de São Paulo, no uso de suas atribuições legais e de conformidade com a Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993 e suas

Leia mais

RELAÇÃO DE DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA INSTRUIR O PROCESSO DE APOSENTADORIA, A SEREM APRESENTADOS PELO SERVIDOR.

RELAÇÃO DE DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA INSTRUIR O PROCESSO DE APOSENTADORIA, A SEREM APRESENTADOS PELO SERVIDOR. RELAÇÃO DE DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA INSTRUIR O PROCESSO DE APOSENTADORIA, A SEREM APRESENTADOS PELO SERVIDOR. 1. Requerimento (original) do interessado; 2. Cópia da certidão de nascimento e/ou casamento,

Leia mais

II - Evolução do crédito, da taxa de juros e do spread bancário 1

II - Evolução do crédito, da taxa de juros e do spread bancário 1 II - Evolução do crédito, da taxa de juros e do spread bancário 1 Desde março do ano passado, a partir da reversão das expectativas inflacionárias e do início da retomada do crescimento econômico, os juros

Leia mais

INFORMAÇÕES SOBRE O USO DE CHEQUES

INFORMAÇÕES SOBRE O USO DE CHEQUES INFORMAÇÕES SOBRE O USO DE CHEQUES O cheque é uma ordem de pagamento à vista. Pode ser recebido diretamente na agência em que o emitente mantém conta ou depositado em outra agência, para ser compensado

Leia mais

FINANÇAS A B C D A R$ 24.000,00. B R$ 12.000,00. C R$ 2.000,00. D R$ 0,00.

FINANÇAS A B C D A R$ 24.000,00. B R$ 12.000,00. C R$ 2.000,00. D R$ 0,00. ESPE/Un SERE 2013 Nas questões a seguir, marque, para cada uma, a única opção correta, de acordo com o respectivo comando. Para as devidas marcações, use a Folha de Respostas, único documento válido para

Leia mais

O Financiamento dos Pequenos Negócios no Brasil em 2014

O Financiamento dos Pequenos Negócios no Brasil em 2014 O Financiamento dos Pequenos Negócios no Brasil em 2014 Novembro 2014 1 Introdução Objetivos: - Avaliar as principais características do universo dos Pequenos Negócios no Brasil, quanto à questão do seu

Leia mais

UNIDADE 1. SISTEMAS DE AMORTIZAÇÃO DE EMPRÉSTIMOS E FINANCIAMENTOS

UNIDADE 1. SISTEMAS DE AMORTIZAÇÃO DE EMPRÉSTIMOS E FINANCIAMENTOS UNIDADE. SISTEMAS DE AMORTIZAÇÃO DE EMPRÉSTIMOS E FINANCIAMENTOS Empréstimo - Recurso financeiro que não necessita ser justificado quanto a sua finalidade; por exemplo: cheque especial e CDC(Crédito Direto

Leia mais

SUBSEÇÃO III DA HABILITAÇÃO E DA TRANSFERÊNCIA DE CRÉDITOS ACUMULADOS

SUBSEÇÃO III DA HABILITAÇÃO E DA TRANSFERÊNCIA DE CRÉDITOS ACUMULADOS SUBSEÇÃO III DA HABILITAÇÃO E DA TRANSFERÊNCIA DE CRÉDITOS ACUMULADOS Art. 41. Será passível de transferência, desde que previamente habilitado, o crédito acumulado em conta-gráfica oriundo de ICMS cobrado

Leia mais

Confirmação de Telefone: Informa o endereço de instalação do telefone, caso o telefone tenha sido informado na consulta, pelo associado.

Confirmação de Telefone: Informa o endereço de instalação do telefone, caso o telefone tenha sido informado na consulta, pelo associado. INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES Alerta de documentos roubados, furtados ou extraviados: Informação fornecida pelo próprio consumidor através do SOS Cheques & Documentos, pelo telefone: 0800 011 15 22 ou através

Leia mais

II - RESPONSÁVEIS. Durante o 32º exercício social do Fundo PIS-PASEP, desempenhou o cargo de Presidente do BNDES: 2.1. PELA APLICAÇÃO DE RECURSOS

II - RESPONSÁVEIS. Durante o 32º exercício social do Fundo PIS-PASEP, desempenhou o cargo de Presidente do BNDES: 2.1. PELA APLICAÇÃO DE RECURSOS I - APRESENTAÇÃO O BNDES é responsável pela aplicação da maior parte dos recursos do Fundo, na proporção de aproximadamente 90% do total, cabendo à Caixa Econômica Federal e ao Banco do Brasil a aplicação

Leia mais

José Luiz Silveira Miranda Diretor Este texto não substitui o publicado no DOU e no Sisbacen.

José Luiz Silveira Miranda Diretor Este texto não substitui o publicado no DOU e no Sisbacen. 1 CIRCULAR Nº 868 Aos Estabelecimentos Bancários, Caixas Econômicas e Cooperativas de Crédito participantes do Serviço de Compensação de Cheques e Outros Papéis. Comunicamos que a Diretoria do Banco Central

Leia mais

Estatísticas trimestrais sobre processos de falência, insolvência e recuperação de empresas e sobre processos especiais de revitalização (2007-2014)

Estatísticas trimestrais sobre processos de falência, insolvência e recuperação de empresas e sobre processos especiais de revitalização (2007-2014) 995 1.037 2.229 1.143 1.151 2.209 1.823 1.774 2.238 2.059 2.063 2.311 3.071 3.116 2.595 3.707 5.492 5.314 5.429 5.337 4.397 5.052 5.265 4.065 Julho de 2014 Boletim n.º 17 DESTAQUE ESTATÍSTICO TRIMESTRAL

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS CONTRATANTE Nome: TESTE Nacionalidade: Brasileira RG: Órgão Expedidor: CPF: Residente e Domiciliado: Estado: FIADOR(A): Nome: Nacionalidade: RG: Cep: Telefone

Leia mais

8) Qual o papel da administradora?

8) Qual o papel da administradora? 1) Como funciona o consórcio? R= Consórcio é um sistema que reúne em grupo pessoas físicas e/ou jurídicas com interesse comum para compra de bens ou serviços, por meio de autofinanciamento, onde o valor

Leia mais

SicoobNet Empresarial. Manual do Usuário. Versão 1.0

SicoobNet Empresarial. Manual do Usuário. Versão 1.0 SicoobNet Empresarial Manual do Versão 1.0 Manual do Data: 04/0/2008 Histórico Data Versão Descrição Autor 04/0/2008 1.0 Criação do Manual Ileana Karla GECOQ Gerência de Controle e Qualidade Página: 2/122

Leia mais

RESULTADOS DE OUTUBRO DE 2013

RESULTADOS DE OUTUBRO DE 2013 1 RESULTADOS DE OUTUBRO DE 2013 Pesquisa realizada pelo Uni-FACEF em parceria com a Fe-Comércio mede o ICC (Índice de confiança do consumidor) e PEIC (Pesquisa de endividamento e inadimplência do consumidor)

Leia mais

PROGRAMA DE FORTALECIMENTO DOS ESPORTES. Novembro - 2013

PROGRAMA DE FORTALECIMENTO DOS ESPORTES. Novembro - 2013 PROGRAMA DE FORTALECIMENTO DOS ESPORTES OLÍMPICOS -PROFORTE OR Novembro - 2013 O PROFORTE É um programa de fortalecimento do esporte no Brasil composto por dois mecanismos: - Revitalização da Timemania

Leia mais

O CONSELHO FEDERAL DE CONTABILIDADE, no exercício de suas atribuições legais e regimentais,

O CONSELHO FEDERAL DE CONTABILIDADE, no exercício de suas atribuições legais e regimentais, RESOLUÇÃO CFC N.º 1.406/12 Dispõe sobre o Regime de Parcelamento de Débitos de Anuidades e Multas (Redam III) para o Sistema CFC/CRCs. O CONSELHO FEDERAL DE CONTABILIDADE, no exercício de suas atribuições

Leia mais

I CASOS PRÁTICOS DACON Segue abaixo orientações quanto ao preenchimento prático de informações a serem prestadas em Dacon através de exemplos

I CASOS PRÁTICOS DACON Segue abaixo orientações quanto ao preenchimento prático de informações a serem prestadas em Dacon através de exemplos I CASOS PRÁTICOS DACON Segue abaixo orientações quanto ao preenchimento prático de informações a serem prestadas em Dacon através de exemplos fictícios. 1 Sistema Cumulativo Pessoa Jurídica tributada pelo

Leia mais

NOSSA FAMÍLIA Escola de Educação Infantil Ltda.

NOSSA FAMÍLIA Escola de Educação Infantil Ltda. CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS Pelo presente instrumento particular de CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS, de uma lado, a NOSSA FAMÍLIA ESCOLA DE EDUCAÇÃO INFANTIL LTDA, com sede na Avenida

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL SECRETARIA DO DESENVOLVIMENTO E DOS ASSUNTOS INTERNACIONAIS

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL SECRETARIA DO DESENVOLVIMENTO E DOS ASSUNTOS INTERNACIONAIS ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL SECRETARIA DO DESENVOLVIMENTO E DOS ASSUNTOS INTERNACIONAIS Resolução Normativa nº 05/03 FUNDOPEM/RS E INTEGRAR/RS (Com alterações introduzidas pela Resolução Normativa nº 04/2004

Leia mais

SPC Mix. SPC Mix Mais

SPC Mix. SPC Mix Mais PRODUTO SPC Mix SPC Mix Mais SPC Mix Mais + Participação em empresas SPC Mix Mais + Ação SPC Mix Mais + Ação + Participação em empresas SPC Mix Mais + Score 3 SPC Mix Mais + Score 12 SPC Maxi Descritivo

Leia mais

INFORMAÇÃO CONFIDENCIAL

INFORMAÇÃO CONFIDENCIAL Manual Associado o acesso está autorizado exclusivamente o acesso está para autorizado Colaboradores exclusivamente do SPC para Brasil Colaboradores e Entidades. do SPC Brasil e Entidades. BOAS VINDAS

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DO SÓCIO-CONTRIBUINTE

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DO SÓCIO-CONTRIBUINTE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DO SÓCIO-CONTRIBUINTE CONTRATADA: ASSOCIAÇÃO COMERCIAL E EMPRESARIAL DE POMPÉIA, entidade sem fins lucrativos, inscrita no C.N.P.J. 44.483.568/0001-86, I.E. Isenta, Estatuto

Leia mais

OPERAÇÕES DE CRÉDITO NO BRASIL 30 de julho de 2015

OPERAÇÕES DE CRÉDITO NO BRASIL 30 de julho de 2015 OPERAÇÕES DE CRÉDITO NO BRASIL 30 de julho de 2015 (dados junho de 2015) A SPE não é a fonte primária das informações disponibilizadas nesta apresentação. A SPE apenas consolida e organiza as informações

Leia mais

PROJETO DE LEI N 017/2014, de 11 de Abril de 2014.

PROJETO DE LEI N 017/2014, de 11 de Abril de 2014. 1 PROJETO DE LEI N 017/2014, de 11 de Abril de 2014. Institui o programa de recuperação de créditos municipais, e dá outras providências. O Prefeito Municipal de Piratuba, Estado de Santa Catarina, no

Leia mais

ESTADO DE SERGIPE PREFEITURA MUNICIPAL DE ARACAJU Secretaria Municipal de Governo LEI COMPLEMENTAR N.º 64/2003 DE 23 DE DEZEMBRO DE 2003

ESTADO DE SERGIPE PREFEITURA MUNICIPAL DE ARACAJU Secretaria Municipal de Governo LEI COMPLEMENTAR N.º 64/2003 DE 23 DE DEZEMBRO DE 2003 Institui a Segunda Etapa do Programa de Recuperação de Créditos Fiscais do Município REFIS II e dá outras providências. O PREFEITO MUNICIPAL DE ARACAJU. Faço saber que a Câmara Municipal de Aracaju aprovou

Leia mais

ANÁLISE DO VOLUME DE VENDAS DO COMÉRCIO VAREJISTA FEV/2015

ANÁLISE DO VOLUME DE VENDAS DO COMÉRCIO VAREJISTA FEV/2015 ANÁLISE DO VOLUME DE VENDAS DO COMÉRCIO VAREJISTA FEV/015 O COMÉRCIO VAREJISTA NO BRASIL APRESENTA RETRAÇÃO NAS VENDAS EM FEVEREIRO A Pesquisa Mensal de Comércio (PMC) realizada pelo Instituto Brasileiro

Leia mais

PAINEL 9,6% dez/07. out/07. ago/07 1.340 1.320 1.300 1.280 1.260 1.240 1.220 1.200. nov/06. fev/07. ago/06

PAINEL 9,6% dez/07. out/07. ago/07 1.340 1.320 1.300 1.280 1.260 1.240 1.220 1.200. nov/06. fev/07. ago/06 Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior ASSESSORIA ECONÔMICA PAINEL PRINCIPAIS INDICADORES DA ECONOMIA BRASILEIRA Número 35 15 a 30 de setembro de 2009 EMPREGO De acordo com a Pesquisa

Leia mais

MERCADO DE MEIOS ELETRÔNICOS DE PAGAMENTO POPULAÇÃO E COMÉRCIO - ANO V. Indicador de atividade da micro e pequena indústria de São Paulo.

MERCADO DE MEIOS ELETRÔNICOS DE PAGAMENTO POPULAÇÃO E COMÉRCIO - ANO V. Indicador de atividade da micro e pequena indústria de São Paulo. 1 MERCADO DE MEIOS ELETRÔNICOS DE PAGAMENTO POPULAÇÃO E COMÉRCIO - ANO V Indicador de atividade da micro e pequena indústria de São Paulo Maio/ 2014 Metodologia 2 Metodologia 3 Técnica Pesquisa quantitativa,

Leia mais

CAIXA DE AUXÍLIO FINANCEIRO DOS EMPREGADOS DA CELG CACELG REGIMENTO INTERNO CAPÍTULO 1 DA ADMISSÃO E DESLIGAMENTO DOS SÓCIOS

CAIXA DE AUXÍLIO FINANCEIRO DOS EMPREGADOS DA CELG CACELG REGIMENTO INTERNO CAPÍTULO 1 DA ADMISSÃO E DESLIGAMENTO DOS SÓCIOS CAIXA DE AUXÍLIO FINANCEIRO DOS EMPREGADOS DA CELG CACELG REGIMENTO INTERNO CAPÍTULO 1 DA ADMISSÃO E DESLIGAMENTO DOS SÓCIOS Art. 1 - Todo empregado ativo inclusive diretores e assessores que ocupem cargo

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO PARANÁ DECRETO N. 4.489

GOVERNO DO ESTADO DO PARANÁ DECRETO N. 4.489 Publicado no Diário Oficial Nº 8708 de 08/05/2012 O GOVERNADOR DO ESTADO DO PARANÁ, no uso das atribuições que lhe confere o art. 87, inciso V, da Constituição Estadual, e considerando o disposto na Lei

Leia mais

Associação Nacional das Empresas Financeiras das Montadoras. Boletim Anual 2.013

Associação Nacional das Empresas Financeiras das Montadoras. Boletim Anual 2.013 Associação Nacional das Empresas Financeiras das Montadoras Boletim Anual 2.013 N O T A Ressaltamos que os dados divulgados pelo BACEN, são sempre informados como preliminares nos últimos três meses e,

Leia mais

MODELOS REFERIDOS NO ROTEIRO

MODELOS REFERIDOS NO ROTEIRO MODELOS REFERIDOS NO ROTEIRO 1 MODELO 01 (matrícula imprópria para o registro de loteamento por ferir o princípio da especialidade subjetiva e objetiva) Obs. Deverá o imóvel estar perfeitamente descrito

Leia mais

Acresce Imposto Preçário Atual Novo Preçário DEPÓSITOS À ORDEM Encargos de manutenção (1) Contas com SMDO Trimestral entre 50,01 e 500,00

Acresce Imposto Preçário Atual Novo Preçário DEPÓSITOS À ORDEM Encargos de manutenção (1) Contas com SMDO Trimestral entre 50,01 e 500,00 Lisboa, 15 de janeiro de 2013 Estimado(a) Cliente, Informamos que o Preçário será atualizado nos termos a seguir indicados, com entrada em vigor a partir do dia 23 de abril de 2013, com exceção das comissões

Leia mais

Dados de Crédito agosto

Dados de Crédito agosto 29/09/09 Dados de Crédito agosto O Banco Central divulgou relatório de política monetária e crédito referente ao mês de agosto. O crédito com recursos livres teve aumento real de 6, nos últimos 12 meses.

Leia mais

PALESTRA INDÚSTRIA DO DANO MORAL. Principais aspectos legais e esclarecimentos sobre Direito do Consumidor.

PALESTRA INDÚSTRIA DO DANO MORAL. Principais aspectos legais e esclarecimentos sobre Direito do Consumidor. PALESTRA CONFLITO NAS RELAÇÕES DE CONSUMO E A INDÚSTRIA DO DANO MORAL Principais aspectos legais e esclarecimentos sobre Direito do Consumidor. Prof. Manoel Ignácio 1 CONFLITO CRÉDITO É UM DIREITO DO CONSUMIDOR?

Leia mais

Recuperação de Depósitos Recursais. Recuperação de créditos inativos não tributários

Recuperação de Depósitos Recursais. Recuperação de créditos inativos não tributários Recuperação de Depósitos Recursais Recuperação de créditos inativos não tributários O serviço identificação e apuração de depósitos, saldos e resíduos existentes em favor da EMPRESA, em procedimentos judiciais

Leia mais

Em junho de 2012, foi apresentado o plano de recuperação judicial.

Em junho de 2012, foi apresentado o plano de recuperação judicial. REFRIGERAÇÃO CAPITAL LTDA. EM RECUPERAÇÃO JUDICIAL PROPOSTA DE ALTERAÇÃO DO PLANO DE RECUPERAÇÃO JUDICIAL PROCESSO Nº 001/1.12.0063163-4 CNJ: 0080710-28.2012.8.21.0001 VARA DE DIREITO EMPRESARIAL, RECUPERAÇÃO

Leia mais

Pesquisa Secovi-SP aponta recuo no mercado de imóveis novos

Pesquisa Secovi-SP aponta recuo no mercado de imóveis novos FEVEREIRO DE 2014 Pesquisa Secovi-SP aponta recuo no mercado de imóveis novos Imóveis de 2 e 3 dormitórios foram destaques positivos em fevereiro, mês de variação negativa O mercado de imóveis novos residenciais

Leia mais

Mantida a redação. Mantida a redação

Mantida a redação. Mantida a redação Art. 11. A Contribuição Básica, de caráter mensal, bimestral, semestral ou anual é obrigatória, sendo definida a opção por uma dessas formas e o valor da contribuição, na data de ingresso do Participante

Leia mais

FRANCISCO ASSIS LAZZARETTI - ME,

FRANCISCO ASSIS LAZZARETTI - ME, EXCELENTÍSSIMO SENHOR DOUTOR JUIZ DE DIREITO DA 1ª VARA DA FAZENDA PÚBLICA, FALÊNCIAS E CONCORDATAS DO FORO CENTRAL DA COMARCA DA REGIÃO METROPOLITANA DE CURITIBA/PR Autos nº 1559/2008 FRANCISCO ASSIS

Leia mais

ANEXO IX DADOS ESTATÍSTICOS DA CÂMARA DOS SOLICITADORES

ANEXO IX DADOS ESTATÍSTICOS DA CÂMARA DOS SOLICITADORES ANEXO IX DADOS ESTATÍSTICOS DA CÂMARA DOS SOLICITADORES DADOS ESTATÍSTICOS - CÂMARA DOS SOLICITADORES (Maio 2011) ANÁLISE DE PROCESSOS EXECUTIVOS EM 2010 EVOLUÇÃO 2008 A 2010 No ano de 2010 os número de

Leia mais

O levantamento anual envolveu sete instituições financeiras: Banco do Brasil, Bradesco, Caixa Econômica Federal, HSBC, Itaú, Safra e Santander.

O levantamento anual envolveu sete instituições financeiras: Banco do Brasil, Bradesco, Caixa Econômica Federal, HSBC, Itaú, Safra e Santander. ANÁLISE COMPARATIVA RELATÓRIO ANUAL DE TAXAS DE JUROS / 2013 EMPRÉSTIMO PESSOAL E CHEQUE ESPECIAL O levantamento anual envolveu sete instituições financeiras: Banco do Brasil, Bradesco, Caixa Econômica

Leia mais

PRESTAÇÃO DE INFORMAÇÕES PARA A NEGOCIAÇÃO DE CONSOLIDAÇÃO DOS DÉBITOS NO PARCELAMENTO E PAGAMENTO À VISTA COM UTILIZAÇÃO DE PF/BCN DE CSLL

PRESTAÇÃO DE INFORMAÇÕES PARA A NEGOCIAÇÃO DE CONSOLIDAÇÃO DOS DÉBITOS NO PARCELAMENTO E PAGAMENTO À VISTA COM UTILIZAÇÃO DE PF/BCN DE CSLL PRESTAÇÃO DE INFORMAÇÕES PARA A NEGOCIAÇÃO DE CONSOLIDAÇÃO DOS DÉBITOS NO PARCELAMENTO E PAGAMENTO À VISTA COM UTILIZAÇÃO DE PF/BCN DE CSLL LEIS 12.996/2014 E 13.043/2014 MODALIDADES PGFN-DEMAIS DÉBITOS

Leia mais

CONTRATO PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇO PARA PINTURA DO PREDIO DA CAMARA I PREÂMBULO

CONTRATO PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇO PARA PINTURA DO PREDIO DA CAMARA I PREÂMBULO CONTRATO PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇO PARA PINTURA DO PREDIO DA CAMARA Que entre si celebram o Município de São Simão, Goiás e a Empresa WILIAN TEIXEIRA DOS SANTOS 89665660144. I PREÂMBULO 1.1 CÂMARA MUNICIPAL

Leia mais

OAB XIV EXAME PROVA BRANCA. Comentário às questões de Direito Empresarial

OAB XIV EXAME PROVA BRANCA. Comentário às questões de Direito Empresarial OAB XIV EXAME PROVA BRANCA Comentário às questões de Direito Empresarial A prova, no geral, foi bem elaborada e não admite recursos. Critica-se apenas a questão 49, pela inclusão da duplicata cartularizada,

Leia mais

Nome do perfil: Empresa: Descrição: Empresa DDA U CNPJ: 046.494.291/3915-53. Perfil Master. Perfil para os masteres da empresa

Nome do perfil: Empresa: Descrição: Empresa DDA U CNPJ: 046.494.291/3915-53. Perfil Master. Perfil para os masteres da empresa Empresa: Empresa DDA U CNPJ: 046.494.291/3915-53 Nome do perfil: Perfil Master Descrição: Perfil para os masteres da empresa Permissões de acesso e autorizações por conta: Agência e Conta Carteira 3861

Leia mais

Relação de Documentos Exigidos Para Inscrição Pessoa Jurídica

Relação de Documentos Exigidos Para Inscrição Pessoa Jurídica Relação de Documentos Exigidos Para Inscrição Pessoa Jurídica AS CÓPIAS DOS DOCUMENTOS APRESENTADOS DEVERÃO ESTAR AUTENTICADAS OU ACOMPANHADAS DOS ORIGINAIS. 1. Preencher o requerimento, que deverá ser

Leia mais

Ministério da Integração Nacional Conselho Deliberativo CONDEL/SUDECO Banco do Brasil S.A. ADMINISTRADORES

Ministério da Integração Nacional Conselho Deliberativo CONDEL/SUDECO Banco do Brasil S.A. ADMINISTRADORES Ministério da Integração Nacional Conselho Deliberativo CONDEL/SUDECO Banco do Brasil S.A. ADMINISTRADORES Fundo Constitucional de Financiamento do Centro-Oeste Informações Gerenciais Julho de 2015 ÍNDICE

Leia mais

DECISÃO Processo nº: 0040759-80.2012.8.26.0100 Classe - Assunto Recuperação Judicial - Administração judicial Requerente: Rodoviário Ramos Ltda e outros Requerido: Rodoviário Ramos Ltda e outros CONCLUSÃO

Leia mais

Empréstimo. Pagamento em até 30 meses; Sem taxa de abertura de crédito; Parcelas debitadas em conta; Limites analisados pela renda.

Empréstimo. Pagamento em até 30 meses; Sem taxa de abertura de crédito; Parcelas debitadas em conta; Limites analisados pela renda. Produtos Conta Corrente Com isenção de tarifas de manutenção, dez folhas cheques, quatro extratos mensais, emissão de extratos on-line, tarifas reduzidas, só na Credlíder. Conta Poupança A Poupança Credlider

Leia mais

Estatuto das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Lei nº 9.841/99)

Estatuto das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Lei nº 9.841/99) Estatuto das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Lei nº 9.841/99) A aprovação da Lei nº 9.841/99, de 05 de outubro de 1999, mais conhecida por "Estatuto da Microempresa e da Empresa de Pequeno Porte",

Leia mais

TABELA DE SERVIÇOS ACED REAJUSTADA TODO MÊS DE MAIO PREÇO DAS CONSULTAS SCPC TRANS PRODUTO 2015 840 SCPC RELATORIO IMOBILIARIO NACIONAL R$ 14,00

TABELA DE SERVIÇOS ACED REAJUSTADA TODO MÊS DE MAIO PREÇO DAS CONSULTAS SCPC TRANS PRODUTO 2015 840 SCPC RELATORIO IMOBILIARIO NACIONAL R$ 14,00 TABELA DE SERVIÇOS ACED REAJUSTADA TODO MÊS DE MAIO PREÇO DAS CONSULTAS SCPC TRANS PRODUTO 2015 840 SCPC RELATORIO IMOBILIARIO NACIONAL R$ 14,00 820 SCPC FONE R$ 0,45 730 SCPC FONE + R$ 0,85 548 SCPC COMPLETO

Leia mais

Débito Recorrente PARA ACADEMIAS

Débito Recorrente PARA ACADEMIAS Débito Recorrente PARA ACADEMIAS Débito Recorrente PARA ACADEMIAS O maior diferencial das Academias no Mundo. Copyright 2014 - Vindi Todos os direitos reservados. Autor Rodrigo Dantas Projeto Gráfico Leandro

Leia mais

Endereço da Agencia Bancária Informa o endereço e até 02 telefones da agência bancária do cheque consultado.

Endereço da Agencia Bancária Informa o endereço e até 02 telefones da agência bancária do cheque consultado. Devoluções Informadas p/ CCF Trata-se de cheques devolvidos pelas alíneas 12 e/ou 13. Essas informações são fornecidas à base de dados do UseCheque pelo CCF (Cadastro de Emitentes de cheques sem fundos),

Leia mais

Consultas Descrição das consultas Preços

Consultas Descrição das consultas Preços Consultas Descrição das consultas Preços SPC Mix Mais SPC Mix Mais + Participação em empresas SPC Mix Mais + Ação SPC Mix Mais + Ação + Participação em empresas SPC Mix Mais + Score 3 meses SPC Mix Mais

Leia mais

FACULDADE CIDADE VERDE CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM CONTABILIDADE E CONTROLADORIA TURMA 2009

FACULDADE CIDADE VERDE CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM CONTABILIDADE E CONTROLADORIA TURMA 2009 FACULDADE CIDADE VERDE CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM CONTABILIDADE E CONTROLADORIA TURMA 2009 RELATÓRIO DE PLANEJAMENTO TRIBUTÁRIO: UM ESTUDO DE CASO EM EMPRESA QUE ATUA NO RAMO DE SITUADA NO MUNICÍPIO DE

Leia mais

DIREITO EMPRESARIAL Módulo I Matutino Prof. ELISABETE VIDO Data: 24.06.2009 Aula: 6 e 7

DIREITO EMPRESARIAL Módulo I Matutino Prof. ELISABETE VIDO Data: 24.06.2009 Aula: 6 e 7 TEMAS TRATADOS EM AULA DIREITO EMPRESARIAL 1) Títulos de crédito (continuação): a) Cheque (Lei 7.357/85). A lei diz que cheque é ordem de pagamento à vista. A Súmula 370 do STJ menciona a expressão cheque

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CARTÃO ALIMENTAÇÃO PASS

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CARTÃO ALIMENTAÇÃO PASS CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CARTÃO ALIMENTAÇÃO PASS Pelo presente instrumento particular, na qualidade de CONTRATANTE, a empresa qualificada no preâmbulo deste Contrato ou conforme indicada na Proposta

Leia mais